Manual de Curso. Básico de Reservas e Emissões. Curso promovido em parceria

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manual de Curso. Básico de Reservas e Emissões. Curso promovido em parceria"

Transcrição

1 Manual de Curso Básico de Reservas e Emissões Curso promovido em parceria

2 ÍNDICE Introdução Ambientes de trabalho Assinar e Desassinar Alterarção de Password Pseudo City Code (PCC) Scrolling Utilização das janelas Codificar e Descodificar Information Services Timetable Availability Venda de Lugares Availability em Point and Click.. 13 Booking File Campos obrigatórios Booking File Fecho da reserva Booking File Campos opcionais Other Special Information OSI Special Service Requests - SSR APIS Seat assignement Vendor Remark Mileage Membership Review Booking File Note Pad Busca de Booking File Imprimir Booking File Queues Divide Status Codes Alterar e Cancelar Segmentos Fare Display Fare Shopping Fare Quote Cancelar o Filed Fare Restore do Filed Fare Modificadores de emissão Ordem de emissão Alterações à máscara Construção Manual de Tarifas VOID de bilhetes Relatório de bilhetes.. 50 Sep

3 Ver bilhetes sem BF ativo HELP. 51 Site Galileo Portugal 52 ASK. 53 VIEWTRIP. 54 Easyjet Bibliografia Sep

4 Introdução Galileo A Galileo é uma das maiores empresas mundiais na distribuição de serviços de turismo, tendo como core business a ligação às agências através de um sistema de distribuição global (GDS), disponibilizando ainda produtos de topo e soluções webbased inovadoras. A empresa, que pertence ao universo, tem como objectivo apoiar fornecedores turísticos, agências de viagem e empresas, expandindo a oferta turística através destas organizações. Refira-se que em Portugal a Galileo é a empresa líder no que toca ao fornecimento de soluções tecnológicas inovadoras na área do turismo, tendo implantado a maior rede de dados privada ao serviço do sector turístico português. A é um dos líderes mundiais no sector da distribuição de serviços de turismo. A multinacional detém as marcas Galileo e Worldspan e providencia informações a agentes de viagens para mais de 145 países. Além disso, fornece serviços para o sector de viagens e turismo por intermédio da subsidiária Shepherd Systems, bem como soluções e software para as principais companhias aéreas a nível mundial. A resulta da convergência dos serviços tradicionais e on-line que servem as companhias aéreas, agentes de viagem, web sites e demais empresas no fornecimento de informações por intermédio de uma plataforma global. O sistema de distribuição global da (Global Distribution System) é um dos maiores fornecedores de serviços a nível mundial na indústria de viagens. A é uma companhia privada detida pelo The Blackstone Group e pela One Equity Partners of New York and Technology Crossover Ventures of Palo Alto, na Califórnia (Estados Unidos da América). APAVT Associação Portuguesa de Agentes de Viagem e Turismo APAVT É a única associação desta classe em Portugal e a mais antiga e representativa do Turismo Nacional, reunindo: Associados Efectivos: Agências de Viagens nacionais; Associados Aliados: outras empresas relacionadas com o sector turístico tais como Agências de Viagens estrangeiras, companhias de aviação, hotéis, restaurantes, rent-a-car, organismos oficiais de turismo, parques de campismo e transportes rodoviários, entre outros. A APAVT foi fundada em 30 de Maio de 1950 por um conjunto de Agentes de Viagens que consideraram que, sob a forma de Associação, poderiam em conjunto defender melhor os direitos e interesses do seu sector de actividade. Ao longo dos últimos cinquenta anos a Associação tem tido um papel fundamental no desenvolvimento do turismo nacional, promovendo o debate de ideias entre os seus associados, apresentando propostas a todos os níveis, antecipando as mudanças do mercado e preparando o sector para os desafios que lhe são colocados. Atendendo ao posicionamento das agências de viagens, que constituem o principal elo de ligação entre a oferta turística e os consumidores, a acção da APAVT ultrapassa muitas vezes o âmbito desta classe, contribuindo decisivamente para a actividade turística no seu todo. IATA O Transporte Aéreo Internacional é uma das indústrias mundiais mais dinâmicas e cujo mercado está em permanente mutação. Necessita por isso de ter ao seu dispor uma associação universal responsável, com visão operando pelos mais altos padrões profissionais. Esta associação é a IATA. IATA International Air Transport Association, foi fundada em Havana Cuba, em Abril de Aquando da sua fundação, tinha 57 membros de 31 países diferentes, na sua maioria na Europa e América do Norte. Hoje agrupa aproximadamente 280 companhias aéreas, incluindo, as maiores, representando mais de 95% do tráfego aéreo internacional. Sep

5 IATA A IATA é uma associação voluntária, não exclusiva, apolítica e democrática. Se para as Companhias de aviação, a IATA representa o meio de se encontrarem as soluções conjuntas para os diversos problemas da indústria, para os governos, é o seu agente nas negociações para o estabelecimento de tarifas uniformes (onde não exista a liberalização) e a garantia de que é oferecido ao público um transporte aéreo em condições económicas e de segurança. Para o público, é a certeza de um constante esforço no sentido de melhorar a indústria. Objectivos da IATA Tudo o que possa directa ou indirectamente relacionar-se com o transporte internacional é objecto de estudo e apreciação da IATA, através dos seus órgãos especializados: - segurança, regularidade e economia dos voos; - a medicina preventiva em favor dos Passageiros e Tripulações; - a segurança e orientação no condicionamento do transporte de mercadorias: - a cobrança e transferência de divisas; - a colaboração com outros órgãos especializados; E para comodidade do passageiro, permite-lhe, obter num qualquer ponto de venda (Agências de Viagens IATA): - reservar vários voos, para qualquer destino; - pagar uma única tarifa, por mais complexa que seja a rota; - emitir um único bilhete utilizável para todo o percurso Billing and Settlement Plan - BSP O Billing Settlement Plan (BSP) é um sistema padronizado para companhias aéreas e agências de viagens, facilitando a gestão das vendas, dos relatórios e do bilhete de transporte aéreo do passageiro. As regras são estabelecidas através da jurisdição geral do Passenger Agency Conference (PAConf), delegado ao comité do BSP (BSP Committee BSPC) e coordenado pelo Agency Administrator/Plan Management. Os agentes de viagens ficam habilitados: - a emitir Neutral Standard Traffic Documents (STD) em benefício de todas as companhias aéreas BSP, e em conformidade com os seus acordos de venda (Sales Agency Agreements); - reportar as suas vendas feitas em benefício de companhias aéreas BSP, a um sistema central (EDP Centre), que produz uma conta para cada agente; - os agentes pagam as suas contas através do BSP Clearing Account por cada data de remessa. O BSP paga às companhias aéreas. Neste momento existem 69 BSP s em 147 países. BSP SULFORMA A Sulforma - Consultoria e Gestão Empresarial, Lda, é uma empresa jovem, vocacionada para a promoção e execução de projectos de formação profissional co-financiados e privados. Constituída em 20 de Junho de 2002, com sede social no Parque Industrial e Tecnológico de Évora, Rua Circular Poente, n.º 37 Fracção I, Évora, e acreditada enquanto entidade formadora pela Direcção-Geral do Emprego e das Relações de Trabalho (DGERT), com o processo n.º 3997, a Sulforma tem vindo a crescer e a solidificar a sua actividade, melhorando em termos de estrutura física com a abertura de filiais no Porto, Lisboa e Beja, e dispondo de espaços formativos por todo o País, Açores e Madeira. Diversificou-se assim o raio geográfico de acção para dar resposta a um maior número de necessidades e abranger pontos nevrálgicos do nosso território nacional. Sep

6 Ambientes de trabalho Galileo Desktop A versão actual do software Galileo é o Galileo Desktop. Esta versão inclui dois ambientes de trabalho distintos: Focalpoint versão críptica Viewpoint versão user friendly Para alternar entre os dois ambientes: de Focalpoint para Viewpoint : de Viewpoint para Focalpoint: Sep

7 Assinar e Desassinar Sign on No início do dia de trabalho, para poder aceder ao sistema Galileo, é necessário inserir a sua assinatura e respectiva password. Em Viewpoint No menu superior clicar em TOOLS e escolher a opção SIGN ON A criação de uma nova password obedece às seguintes regras: Deve ser composta pelo mínimo de 7 e o máximo de 10 alfanuméricos Não pode conter o nome do utilizador ou da agência Palavras como Galileo, Apollo, United States não podem ser utilizadas Não é permitida a utilização de 3 caracteres iguais consecutivos, como por exemplo: AAA ou 222 As últimas cinco (5) passwords utilizadas não poderão ser repetidas A password do utilizador só pode ser alterada uma vez por dia A password é válida por um período máximo de 90 dias, pelo que deverá ser alterada, sendo obrigatório alterar pelo menos 3 caracteres Quando, ao assinar, o sistema o informar de que a Password expirou, seleccionar no menu TOOLS a opção Change Password. Uma assinatura, que não seja utilizada por um período de 90 dias, é automaticamente apagada, pelo que será necessário criar uma nova se pretender voltar a utilizar o sistema. Ao terminar o seu dia de trabalho ou quando interromper por um longo período (por exemplo durante o almoço), deverá desassinar o seu terminal. No menu Tools, seleccionar a opção Sign Off, ou utilizar a entrada SOF em Focalpoint. Sep

8 Alteração de password Alteração de password A password tem de ser renovada de 90 em 90 dias. O sistema avisa automaticamente quando chega a altura da renovação. Para renovar a password vai a: Viewpoint No menu superior clicar em TOOLS e escolher a opção Change Password Como saber a PCC ( Pseudo City Code ) da Agência Pseudo City Todas as Agências de Viagens estão identificadas por uma Pseudo City Code que pode ser composta por 3 ou 4 dígitos alfanuméricos. Poderá saber qual a PCC da sua Agência, através da seguinte entrada: QCA Na resposta do sistema a esta entrada a PCC encontra-se na primeira linha ao lado da data: Sep

9 Scrolling Função de Scrolling Sempre que, no canto inferior esquerdo de qualquer display, exista um fecha parênteses seguido de um start of message (SOM) a seguir apresentado )>, significa que existe mais informação para além da visível naquela janela, à qual poderá aceder fazendo: MD - Move Down Passa de imediato à página de informação seguinte MD4 - Move Down 4 linhas Ação anterior, mas só para um determinado nº de linhas (4) MB - Move Bottom MT - Move Top MU - Move Up Ir para a última página que contém informação Volta ao início do display página inicial Passa de imediato à página de informação anterior MU5 Move Up 5 linhas Ação anterior, mas só para um determinado nº de linhas (5) Utilização das janelas Utilização das janelas Tecla Ctrl + W Tecla Ctrl + S Tecla Ctrl + Z Tecla Ctrl + B Tecla Ctrl + X Tecla Ctrl + R Clear Window limpa a janela ativa Clear Screen limpa todas as janelas Zoom aumenta ou diminui a janela ativa Print imprime a janela ativa Print imprime todas as janelas Reset do sistema Sep

10 Codificar e Descodificar Codificar e Descodificar (Encode / Decode) O sistema Galileo permite, sempre que necessário, descodificar ou codificar o nome das Companhias de Aviação, Cidades, Tipo de Avião, Países e Regiões. Os mais importantes são: Codificar (Encode) Companhias de Aviação.AE AIR FRANCE Airline Encode - Codifica 1 Companhia Descodificar (Decode) Companhias de Aviação.AD AF.AD * 047 Airline Decode - Descodifica 1 Companhia Airline number Decode - Descodifica pelo código IATA Codificar/Descodificar (Encode/Decode) Cidades e Aeroportos.CE PARIS City Encode - Codifica a Cidade Legenda: M = city with multiple airports.cd IST City Decode - Descodifica a Cidade Legenda: A = airport location.cr LHR City Record - Informações do Aeroporto (Não utilizar o código de cidade, quando existirem diferentes códigos de Aeroporto) Para as outras opções, seguir a mesma lógica tendo em conta que: E = Equipment L = Land (país) Sep

11 Information Services Informações diversas É possível encontrar no sistema, outras informações úteis, nomeadamente sobre diferenças horárias (Local Time), Tempos mínimos de ligação (Minimum Connecting Time), informações sobre Vistos e Vacinas (Timatic), etc. Para tal aceder à barra do Custom Viewpoint: Timetable Frequência de voos Frequência de voos A consulta do Timetable pode ser particularmente útil, para verificar se existe voo directo entre duas cidades, ou qual a frequência de voos, quando os voos não são diários. O sistema apenas mostra os voos directos entre duas cidades, não mostra voos de ligação. A informação que aparece é com base na data indicada e 28 dias para a frente. TT20SEPLISFRA TT20SEPOPOFRA/TP TT Preferência aos voos da TP Mostra o último display de Timetable Sep

12 Availability Disponibilidade de Voos Venda de lugares Disponibilidade de Lugares/Voos O sistema Galileo, na sua facilidade de Disponibilidade de Lugares, tem um alcance de ontem, hoje e dias. Não indicando preferência de horário, com a entrada abaixo indicada, o sistema faz a busca entre as 00h00 e as 23h59 do dia indicado. O quadro em baixo mostra um exemplo de uma disponibilidade de lugares neutral: A12AUGLISPAR Uma Disponibilidade de Lugares apresenta: 1ª linha: dia da semana, data pedida, cidade de origem e destino, a busca foi feita entre as 00h00 até às 23h59 do dia indicado e a informação de que se trata de um display Neutral Colunas: 1 Numeração das diferentes linhas do display 2 Se existir o símbolo entre o número da linha e a cidade de partida, significa que há mudança de aeroporto 3 Cidade de origem e destino 4 - Horas locais de partida e chegada Se entre a hora de partida e de chegada existir um: # o voo chega no dia seguinte à partida * o voo chega 2 dias depois da partida - o voo chega no dia anterior à partida 5 Número de voo com respectivo código da companhia aérea, se for precedido de significa que se trata de um voo code share (operado por outra companhia) 6 Diferentes classes e respectiva situação: A Available 0-9 Número de lugares disponíveis para venda R Request 0 Aceita lista de espera L Lista de espera C Lista de espera fechada X Cancelado X Voo cancelado (ou classe) Se a seguir existir um # significa que existem mais classes, para ver e nesse caso fará: Sep

13 Availability Disponibilidade de Voos Venda de lugares Pode ainda efectuar as seguintes entradas de Disponibilidade de Lugares: A13APROPOLHR*TP A27OCTLISMPM.D A20JANLISSYD.FRA Disponibilidade com Link à TAP Disponibilidade com Link à TAP e preferência pela classe W Só voos Directos Disponibilidade via Frankfurt Entradas de Follow Up: Depois de ter feito uma das entradas acima, poderá alterar o seu pedido fazendo: A Recupera o display feito - neutral AM*TP Mostra mais voos num display com Link A*BA Altera para Link à BA AR12AUG Regresso para 12 de Agosto A# 1 dia depois AR#3 Regresso para 3 dias depois A#5 5 dias depois AN15SEPFRA Assume o destino anterior A- 1 dia antes A.FRA.SIN Via Frankfurt e Singapura A-5 5 dias antes Mais classes para a linha 2 Venda de lugares a Partir de um Availability Depois de verificar a disponibilidade de lugares pode efectuar a venda: N1Y1 N1C1Y2 N1C1* N1Y1LL Venda de 1 lugar em classe Y da linha 1 do Availability Disponibilidade via Frankfurt Só voos Directos Colocar voo em lista de espera (waitlist) Sep

14 Availability Disponibilidade de Voos Venda de lugares Utilizando o ambiente interactivo Point and Click, poderá facilmente aceder a uma disponibilidade de lugares/voos, para a ida e volta em simultâneo e com a possibilidade de venda de lugares imediata. :A12NOVLISPAR*TP+17NOV*TP A entrada críptica precedida dos : (dois pontos), vai abrir uma janela adicional interactiva. As transações aqui realizadas podem ser recuperadas em Focalpoint, fazendo *R. Sep

15 Booking File Campos do Booking File Numa Companhia de Aviação todos os dados inseridos no sistema para formarem uma reserva de um ou mais passageiros tem o nome de PNR (Passenger Name Record), e obriga à existência de pelo menos um segmento aéreo. No Sistema Galileo, os mesmos dados inseridos chamam-se Booking File (BF) BOOKING FILE CAMPOS OBRIGATÓRIOS CAMPOS OPCIONAIS Nome N. Special Service Requests - SSR SI. Segmento de voo Other Special Information - OSI SI. Contacto/telefone P. Review Booking File RB. Informação sobre o bilhete T. Vendor Remarks V. Quem fez a reserva R. Notepad NP. Mileage Membership M. End of Transaction E Booking File Campos Obrigatórios Booking File Campos Obrigatórios Os campos obrigatórios do Booking File são indispensáveis para a criação da reserva. Sem estes não é possível obter um código de reserva. Nome A inserção dos respectivos nomes será feita, como a seguir se indica, tendo em atenção que, este campo terá que ter o mínimo de 2 caracteres e o máximo de 55 por passageiro: N.SILVA/ANTONIOMR N.2SILVA/JOAOMR/INESMRS N.SILVA/AMR+N.SANTOS/JOAOMR N.2SILVA/RUIMR/JOAOMSTR*P-C06 16MAR07 N.SILVA/JOAOMSTR*P-U06 16MAR07 1 único passageiro 2 passageiros com o mesmo apelido 2 passageiros com apelidos diferentes 1 adulto e 1 criança os dados são obrigatórios 1 criança desacompanhada N.I/SILVA/SARAMISS*02JAN11 1 bebé inserido sempre em separado O bebé fica sempre associado ao primeiro passageiro inserido na reserva. Alterações/Cancelamentos ao nome A alteração ao nome deve apenas ser feita, antes de obter um código de reserva. Qualquer alteração feita após ter gravado a reserva, é assumida como Change Name e poderá resultar no cancelamento da mesma, ou numa penalização posterior (ADM) da companhia. Para cancelar um passageiro deverá primeiramente fazer um Divide à reserva. Ver mais à frente no manual. As alterações aos dados da criança e bebé (em Name Remarks ) podem ser efectuadas em qualquer altura (antes ou depois do fecho da reserva), visto ser um campo que não segue para a companhia aérea. Sep

16 Outras entradas possíveis: Booking File Campos Obrigatórios Alterar o nome do passageiro 2 para SA/RUIMR Cancelar o nome do passageiro 1 Cancelar os nomes dos passageiro 1 ao 2 Cancelar os nomes dos passageiro 1 e 3 Cancelar Name Remarks do passageiro 1 Cancelar Name Remarks dos passageiros 1 ao 2 16JUL02 Inserir ou alterar os dados da criança (Name Remark) que é o psgr 2 Telefone/Contacto A reserva pode ter varios contactos, desde que o 1º seja obrigatóriamente o da Agência. Somente o 1º segue para as companhias áreas. O código inicial designa a cidade e o tipo de contacto: P.LIST* T=Travel Agency P.OPOM* M=Pax Mobile phone P.FNCB* B=Business phone P.FAOH* H=pax Home phone P.LIST* /AGENCIA GALILEO/MARIA P.OPOM* º contacto obrigatório - agência Contacto do pax (Mobile) Alterações/Cancelamentos ao telefone Pode alterar ou cancelar um telefone, sem qualquer restrição. Cancela o telefone (item 3) Altera o telefone (item 2) Informação sobre o bilhete O sistema só aceita uma das seguintes possibilidades: T.T* T.TAU*20OCT Bilhete já emitido ou a emitir brevemente Billhete a emitir a 20OCT colocar em Queue para controlo Alterações/Cancelamentos à informação sobre o bilhete Cancela a informação sobre o bilhete Substitui pela indicação de bilhete a emitir a 22OCT coloca em Queue Estes dois campos obrigatórios poderão ser inseridos muito facilmente através de teclas programadas na sua agência, ou simplesmente com a seguinte entrada: CM/+*MARIA Quem pediu a reserva Este campo deverá ser inserido, com a entrada a seguir indicada, para que, na história do BF, fique sempre registado quem pediu a reserva ou qualquer outra transacção: R.IA R.D CRISTINA/IA Reserva efectuada com as iniciais IA Pedido por D. Cristina e as iniciais IA do agente Sep

17 Após a inserção de todos os campos obrigatórios, pode verificar a sua reserva fazendo: A reserva só ficará efectivamente finalizada após: END TRANSATION *R Booking File Fecho da Reserva End Transaction Este pode ser feito de duas formas E (End) ou ER (End e Redisplay), sendo esta última aconselhada, pois vai permitir visualizar e verificar o Booking File já finalizado. E (End Transaction) O BF deixa de estar activo, ficando registado no sistema. Obtém o respectivo código de reserva, designado por Record Locator ER (End Transaction and Retrieval) O BF é registado no sistema, voltando a estar activo. Obtém-se o respectivo código de reserva, designado por Record Locator Após finalizar o seu Booking File pode ainda sair do mesmo fazendo I (Ignore) ou se desejar continuar a visualiza-lo e não pretender que seja tida em consideração a(s) última acção tomada (s) poderá fazer IR (Ignore e Retrieval). O comando I (Ignore) deve ser sempre utilizado com muita precaução, pois anula as últimas acções feitas após o último registo no sistema (E ou ER) Booking File Campos Opcionais-OSI Service Information OSI Este tipo de entrada é usada sempre que seja necessário enviar à companhia ou companhias aéreas reservadas uma mensagem de carácter informativo. É geralmente usado para dar informação de contactos dos passageiros, para fazer cross reference de reservas (TCP), etc. Para determinar a sua aplicação, torna-se necessário saber que este tipo de mensagem é enviada para o sistema da companhia aérea e regista-se no PNR correspondente sem gerar nenhum alerta. Por exemplo: Fez uma reserva para 2 clientes de uma empresa. Entretanto chega um pedido para mais um passageiro que irá viajar com os 2 anteriormente reservados. Este passageiro ficará numa reserva separada, mas podemos introduzir uma informação, para que a companhia saiba que viajam juntos. Se recebeu da companhia aérea um Vendor Remark solicitando a informação do telefone do passageiro, porque a viagem tem início no fim de semana e a companhia prevê haver alterações ao voo, deverá enviar a informação através deste campo. Sep

18 Booking File Campos Opcionais-OSI Com o BF activo, aceder ao Viewpoint, clicando em Seleccionar em CUSTOMER, na barra de menus seleccionar:, e no ecrã deve Preencher o quadro, clicar em ADD e finalizar com OK. Em Focalpoint: SI.TP*TCP 3 LOC Z5REFB A informação aparece no campo *SI Cancela o campo do SI Booking File Campos Opcionais-SSR Special Service Requirement SSR Este tipo de entradas destinam-se a formalizar, no BF determinados pedidos de serviços especiais, como por exemplo as refeições, cadeira de rodas, etc. Com o BF activo, aceder ao Viewpoint, clicando em Aceder ao botão CUSTOMER, e do menu escolher a opção Seleccionar o passageiro e o voo para o qual pretende o serviço. Os serviços especiais estão divididos em 3 grandes grupos: Seleccionar o tipo de serviço, através da do lado direito. Depois de seleccionar a opção do cliente, clicar em ADD e finalizar com OK. Sep

19 Booking File Campos Opcionais-SSR Alguns serviços especiais, obrigam a texto adicional. Nesse caso, quando seleccionado o serviço, o sistema abre automaticamente a linha de TEXT, colocando lá o cursor, para adicionarmos a informação necessária. Esta informação vai aparecer no campo *SI. Em Focalpoint: Cancela o SSR Booking File Campos Opcionais-APIS APIS Advance Passenger Information Support No âmbito do programa Secure Flight, a TSA (Transport Security Administration) obriga as companhias a colectar e transmitir os SFPD (Secure Flight Passenger Data), que são previamente comparados com listas de observação do governo para vôos domésticos e internacionais. Por isso, é exigido a todas as companhias aéreas nacionais e internacionais que voam de ou para um destino nos EUA ou que atravessam o espaço aéreo dos EUA, transmitam os SFPD independentemente do canal de distribuição por meio do qual a reserva é efectuada, até 72 horas antes da saída do vôo, ou imediatamente dentro das 72 horas anteriores ao embarque. Além disso, o programa é válido para todas as companhias aéreas sediadas nos EUA, independentemente dos locais em todo o mundo para onde elas voam. Os dados a enviar ao TSA para cada passageiro, são: Nome completo, Data de nascimento, Género, e Número de "redress", se houver (é um número exclusivo que o Departamento de Segurança Interna (DHS) dos EUA atribui actualmente às pessoas que usam o Programa de Consulta de Compensação de Passageiros (TRIP)) A partir de 1 de Novembro de 2010, as reservas emitidas sem SFPD completos estarão sujeitas a sanções por parte das companhias aéreas. Para ajudar a garantir a observância por parte das companhias aéreas e reduzir os inconvenientes para os passageiros, a recomenda enfaticamente que as agências incluam as informações de SFPD exigidas em cada PNR da, independentemente da transportadora. Isso ajudará a reduzir o risco potencial de possíveis atrasos no aeroporto para seus clientes. As Informações de Documentos de Solicitação de Serviço Especial (Special Service Request Document Information, SSR DOCS) é o método padrão de mercado usado nos PNRs da para ajudar as companhias aéreas a cumprir as exigências do Programa Secure Flight. Algumas companhias aéreas estão a estudar formas de garantir o cumprimento, incluíndo datas antecipadas de implementação, cancelamento de reservas de passagens, emissão de notas de débito para agências e/ou inibição de passagens caso os SFPD não constem no PNR. Incentivamos a pesquisar que medidas específicas estão a ser tomadas pelas principais companhias aéreas parceiras. Sep

20 Booking File Campos Opcionais-APIS Desta forma, recomendamos a inserção dos dados dos APIS (Advance Passenger Information Support) como até à data, utilizando o Gestor de SSR APIS disponível na barra do Galileo Desktop ou através da entrada manual como abaixo se demonstra. A última versão do Gestor de APIS está disponível para download no nosso site: (devem encerrar o Galileo Desktop durante a actualização). Exemplo: Caso tente emitir, sem ter a informação inserida, o sistema rejeita. Aceda ao botão do APIS na barra de ferramentas: Introduza a informação obrigatória: Sep

21 O sistema mostra 2 opções selecionadas: Booking File Campos Opcionais-APIS Informação obrigatória para alguns países. Informação obrigatória nas emissões para os Estados Unidos (até 72 horas antes do voo). Outras informações opcionais que se podem inserir. Botões que são acesso a páginas de ajuda do ASK. Para inserir a informação no Booking File: O sistema mostra automaticamente a informação inserida em *SI: Sep

22 Booking File Campos Opcionais-APIS Entrada manual: Para introdução do APIS, coloque o nome completo, dando espaços nos apelidos, como abaixo se demonstra: SI.P1/SSRDOCSTPHK1/P/PT/J /PT/31DEC67/M/31DEC14/SILVA/JOAO/PAULO SI.P1/DOCS* Informação obrigatória, onde P1 é o número do passageiro Informação obrigatória com o código da companhia envolvida. 2 SSRDOCSTPHK1 Se mais do que uma, usar o código YY. 3 P Tipo de documento (passaporte) 4 PT País de emissão do documento 5 J Número do documento 6 PT País de Nascimento 7 31DEC67 Data de Nascimento 8 M Género / Masculino ou Feminino 9 31DEC14 Data de Validade do Documento 10 SILVA/JOAO/PAULO Nome completo do passageiro em caso de vários sobrenomes, deixar espaço entre eles (ex. COSTA DA SILVA/JOAO/PAULO Nota: É exigido um SSR (APIS) separado por passageiro. TSA Introduzir os dados para o TSA (SFPD) com as informações obrigatórias: SI.P1/SSRDOCSTPHK1/////31DEC67/M/31DEC14/SILVA/JOAO/APULO SI.P1/DOCS* Informação obrigatória, onde P1 é o número do passageiro 2 SSRDOCSTPHK1 Informação obrigatória com o código da companhia envolvida. Se mais do que uma, usar o código YY. 3 ///// Cinco barras 4 31DEC67 Data de Nascimento 5 M Género / Masculino ou Feminino 6 31DEC14 Data de Validade do Documento Nome completo do passageiro em caso de vários sobrenomes, deixar 7 SILVA/JOAO/PAULO espaço entre eles (ex. COSTA DA SILVA/JOAO/PAULO Nota: É exigido um SSR (APIS) separado por passageiro. A informação está também disponível em H/APIS. Sep

23 SEAT ASSIGNMENT Booking File Campos Opcionais-Seat Com o BF activo, aceder ao Viewpoint, clicando em. Seleccionar o voo: Com a tecla do lado direito do rato, clicar em cima do voo abrindo um menu. Seleccionar a opção SEAT MAP. Clicar em cima do lugar pretendido e SAVE. Em Focalpoint: A informação aparece no campo *SD Cancela o lugar Sep

24 Vendor Remarks Booking File Campos Opcionais-Vendor Remarks Este é o campo do BF onde é possível comunicar com uma Companhia Aérea. É usado sempre que necessitamos de esclarecer uma dúvida acerca da reserva ou, quando necessitamos que alguém na companhia aérea tome uma acção específica. Usa-se para pedidos de autorização como por exemplo um Change Name. É também neste campo do BF que a Companhia envia mensagens e pedidos de acção acerca da reserva. Com o BF activo, aceder ao CUSTOM VIEWPOINT na barra inferior, clicando em: Preencher o quadro como indicado na imagem em baixo, e ADD VENDOR REMARKS (Fechar a janela no BOTÃO CLOSE WINDOWS) Em Focalpoint: V.ATP*PLS DAPO KL - THKS ISABEL A informação aparece no campo *VR Quando a agência envia, fica identificado como VO (Vendor Out) Quando a agência recebe, fica identificado como VI (Vendor In) Cancela o campo do VR Sep

25 Mileage Membership Booking File Campos Opcionais - Mileage Membership Para inserir o número de um cartão Mileage Membership, terá de ter o cuidado de verificar se o nome constante do cartão corresponde exactamente ao que inseriu no campo do nome do BF. Com o BF activo para inserir o número de passageiro frequente, aceder ao botão CUSTOMER escolhendo em seguida as opções: Preencher a informação de acordo, clicar em ADD e OK. Em Focalpoint: M.P1/TP A informação aparece no campo *MM Para consultar os acordos com outras companhias para acumulação de milhas: M*TP Sep

26 Review Booking File Booking File Campos Opcionais - Review Booking File Este campo opcional do BF, pode ser útil sempre que queira que o sistema apresente a reserva num determinado dia, colocando-a por defeito no Queue 12, a fim de poder fazer qualquer verificação a nível de situação dos segmentos de voo, ou para poder tratar de qualquer outro assunto relacionado com a viagem. Com o BF activo, aceder ao botão CUSTOMER escolhendo em seguida as opções: Preencher o quadro, finalizando com Add e OK. Neste mesmo quadro temos igualmente a opção Notepad. Em Focalpoint: Esta informação aparece no corpo da reserva. RB.17AUG*LIGAR PAX PARA RESERVAR HOTEL Cancela o campo do RB Sep

27 Booking File Campos Opcionais - NotePad Notepad É um campo opcional para registo de linhas de texto informativo. Este texto é apenas visível na agência, não segue para a companhia aérea. Para inserir um Notepad, ver exemplo acima. Em Focalpoint: NP.PAX INFORMADO SOBRE CONDICOES DE PAGAMENTO A informação aparece no corpo da reserva. Cancela o campo do NP Busca de um Booking File Busca de Booking File Se pretender voltar a visualizar um BF já feito e finalizado, terá de fazer, conforme a situação, uma das seguintes entradas: *3WG46D *-SILVA *-SILVA/ANTONIOMR *20SEP-MENDES *BA504-SOUSA *BA504/1JUN-SOUSA *TP700/12JUNLIS-SANTOS/JOAOMR Busca por código Galileo Busca por apelido do passageiro Busca por nome completo do passageiro Busca por data de viagem e apelido Busca por voo e apelido Busca por voo, data e apelido Busca por voo, data, ponto de partida, apelido e nome Busca de um BF em Caso de Similar Name List : Quando a busca é feita com a entrada de: *-SILVA (Busca por Apelido do Passageiro), e existirem vários passageiros com este nome ou com nome similar, obterá uma lista de nomes precedidos de números. A localização do BF, correspondente ao passageiro em causa, será feita pela data da viagem e número de passageiros constantes da reserva. Para obter o BF, terá de fazer: *3 Selecção do nome nº 3 da lista Se pretender voltar à lista anteriormente obtida, fará: *0 (zero) Pedido de mais nomes similares *L Redisplay da lista Sep

28 Busca de Booking File *-TESTE A letra X, que se encontra à frente do nome, significa que, aquele BF já está cancelado ou foi totalmente voado. Imprimir um Booking File Imprimir Booking File Neste manual temos visto que o BF é composto por diversos campos, alguns deles ocultos, tendo à frente a entrada pré formatada para os visualizar. Mas, se pretender visualizar todo o BF, terá de fazer: *ALL Mostra o BF completo - depois de ter feito o retrieval do mesmo Se desejar imprimir determinados campos do BF ou a sua totalidade, fará: P-*R P-*ALL P-*H Imprime reserva activa, mantendo campos ocultos Imprime reserva activa, e todos os campos ocultos Imprime História da Reserva Sep

29 QUEUES Booking File QUEUES Sempre que existam alterações no Booking File, feitas pelas companhias aéreas, quer sejam sobre a situação dos segmentos ou qualquer outra, o BF vai para um determinado Queue, afim de poder ser actualizado. Os Queues existentes vão do 0 (zero) ao 99, sendo os primeiros 25 pré-definidos pelo sistema e os restantes atribuídos aos agentes de viagem, para seu próprio uso. QPB* Lista de todos os queues NOTA: Como poderá ter mensagens e Booking Files para actualização, deverá, no início e durante o dia de trabalho, ver o que tem em Queue Ver o que tem em Queue Para saber o que tem em Queue, quer sejam mensagens ou Booking Files, terá de fazer: QCA Contagem de todos os queles activos na Agência Obterá o seguinte écrã: Actuação dos Queues de Mensagens Existem dois tipos de mensagens, as de supervisor SPV e as normais, MSG. Para actuar as mensagens de SPV, é necessário que a sua assinatura seja de supervisor, para actuar nas outras, pode ser com qualquer tipo de assinatura. A seguir poderá ver como actuar ambos os tipos de mensagens: Mensagens de SPV: QESI QRS QX+QESI QES Mensagens Gerais: QM QEMI QRM QX+QEMI QEM Recolocar a mensagem em queue Retirar a mensagem de queue Sair de queue e recolocar mensagem em queue Colocar a mensagem em queue da Agência Entrar em queue Recolocar a mensagem em queue Retirar a mensagem de queue Colocar mensagem em queue da Agência Sair de queue e recolocar mensagem em queue Sep

30 Actuação dos Queues de Booking File Booking File QUEUES Ao contrário do que acontece com as mensagens, qualquer tipo de assinatura serve para actuar nos Queues de Booking File. Para aceder aos queues de Booking File fará: Q Aceder ao queue 0 ou 1 Q/12 Aceder ao queue 12 Depois de aceder a um Queue, terá de proceder à sua actualização, quer esta seja nos segmentos aéreos ou qualquer pedido de serviços. A seguir terá de finalizar a transacção com um Received From e End Transaction (retira o booking File da queue). Se existirem mais Booking Files nesse queue, estes serão apresentados automaticamente pelo sistema para actualização. Ao finalizar a actualização terá que fazer uma das seguintes entradas: E I QR QP QXI O BF sai da queue O BF volta para o fim do queue Retira o BF de queue, terá de ter atenção e verificar se está actualizado Volta ao BF anterior Sair do sistema de queue e ignorar o último BF, permanecendo este em queue para uma próxima actuação Colocação de um Booking File em Queue Por vezes poderá ser necessário colocar um Booking File em Queue da sua Agência ou de uma Agência do seu grupo ou ainda com quem tenha acordos comerciais, para isso terá de fazer uma das seguintes entradas, conforme fôr o caso: QEB QEB/28 QEB/DV3 QEB/P4H/40 Colocar BF em queue 1 (GEN) da minha Agência Colocar BF no queue 28 da minha Agência Colocar BF em queue 1 (GEN) da Agência com a PCC DV3 Colocar BF no queue 40 da Agência com a PCC P4H Resumo da Actuação de Queues QCA PARA LER PARA IGNORAR (FIM DA FILA) PARA REMOVER PARA SAIR MANTENDO O QUE LÁ ESTÁ ENVIAR PARA OUTRA PSEUDO CITY BOOKING FILE Q/16 I QR QXI QEB/XXX MENSAGENS QM QEMI QRM QX+QEMI QEM/XXX SUPERVISOR QS QESI QRS QX+QESI QES/XXX Sep

31 Divide de um Booking File Booking File Dividir Esta acção só se aplica se um ou mais passageiros alterarem o percurso e/ou data do voo, ou cancelarem a viagem. Temos que ter sempre em conta que, os passageiros que pedem a alteração ou cancelamento devem ser os que vão ser retirados/separados do Booking File já existente. O procedimento é: 1 Recupere a reserva a dividir 2 Divida o/s nome/s do B.F. que pretende alterar: DP2 Dividir passageiro DP1.3 Dividir passageiros 1 e 3 DP1-3.5 Dividir passageiros 1 ao 3 e o 5 3 R.IA Insira um Received From 4 F Faça o FILE da Divisão 5 R.IA Insira outro Received From no BF originalmente feito, que aparece com os restantes passageiros, logo após a entrada do FILE 6 ER Faça End Transaction No final da reserva encontra a seguinte informação: NOTE-- NOTE--S*SPLIT PTY/19JAN/36AG/LIS/RK9VZI 36 19JAN 2237Z Antes de efectuar alterações ou mesmo o cancelamento da reserva dividida, deveremos verificar se esta já recebeu um novo Vendor Locator, indicativo que no sistema da Companhia a acção de divide também se efectuou. Encontra um campo adicional *DV, que lhe permite aceder à outra reserva. A acção de divide pode ser feita em Viewpoint onde, tendo a reserva original aberta, vamos seleccionar, a partir do menu Current Booking File do Custom Viewpoint, a opção Divide Booking File. Sep

32 STATUS CODES Booking File Status Codes ACTION CODES Códigos usados para informar o Vendor da acção a tomar (antes do ER) STATUS CODE Códigos que mostram situação do segmento (depois do ER) NN Pedido LL Lista de espera SS Vendido HS Vendido PN Pedido HL Lista de espera HK confirmado HK confirmado AK passivo (não gera mensagem de reserva) ADVISE CODES E X P L I C A Ç Ã O ACÇÃO Segmento confirmado: sucede ao código PN KL Segmento confirmado: sucede a uma lista de espera NO Não foi tomada acção: a razão poderá ser dada através de incoming vendor Aviso de um novo horário: sucede a HK TL Aviso de um novo horário: sucede a uma lista de espera TN Aviso de um novo horário num segmento pedido: sucede a HN ou Impossível confirmar: voo fechado para venda Impossível confirmar: voo não opera US Impossível aceitar a venda: segmento em lista de Impossível confirmar: voo em lista de espera Voo cancelado pela companhia depois de HK Muito importante: O código AK, é utilizado sempre que há necessidade de elaborar a cópia de uma reserva activa, para efeitos de emissão. Por este motivo qualquer segmento inserido em AK, deve ser retirado com o código XK O código XK, é utilizado para retirar do Booking File Galileo: segmentos que contenham um Advice Code que indique a inexistência de reserva activa na companhia aérea (HX). Segmentos em AK pela sua característica de cópia de uma reserva verdadeira. Sep

33 Booking File Alterar Segmentos Alteração da Situação dos Voos já Reservados Depois de ter efectuado a reserva e se algum dos segmentos reservados ficou na situação de PN e/ou LL, terá de fazer, conforme fôr o caso, uma das @ALL Alterar a situação do segmento 1 para HK. Estava em PN ou KL e a companhia de aviação enviou o KK Alterar a situação dos segmentos 1 e 3 para HL. Estavam em PN e a companhia de Aviação enviou o LL Actualiza todos os campos do Booking File que apresentem Advice Codes (segmentos, pedidos de refeições, outros serviços) Cancelar Segmentos Booking File Cancelar Segmentos Para cancelar segmentos aéreos, terá de fazer, conforme fôr o caso, uma das seguintes entradas: X1 Cancela o segmento 1 X1.3 Cancela os segmentos 1 e 3 X1-3 Cancela do segmento 1 ao 3 XI Cancela todo o itinerário Sep

34 Fare Display Fare Display O Fare Display é o primeiro meio de consulta de tarifas. Permite a consulta das tarifas publicadas, de um ponto de origem a um ponto de destino. As tarifas estão divididas em: Públicas Private Fares: Airline (via ATPCO) Agency (carregadas pelas agências) Estas aparecem com um entre o número da linha e o código da companhia :FD20APRLISPAR/TP Clicando nos campos em Azul poderá obter a seguinte informação: TP Descodifica a companhia aérea Informação de penalidade (paragrafo 16 da nota da tarifa) O Informação sobre classe (s) de reserva + Advance Purchase (parágrafo 5 da nota da tarifa) V/ Min/Max Stay (parágrafo 6 e 7 da nota da tarifa) R Rota ou Milhagem EH Global Indicator Clicando no Fare Basis em Amarelo obtem toda a regulamentação da tarifa: Clicando no numero da linha em Amarelo obtem o First Availibility para a data, par de cidades e classe da tarifa pretendida: Sep

35 Entrada base: :FSLIS20APRPAR25APRLIS Fare Shopping :FS Melhor tarifa com disponibilidade, de Lisboa dia 20 APR para Paris e regresso dia 25 APR para Lisboa. :FSLIS20APRPAR25APRLIS+P1.2.3*C10 Melhor tarifa com disponibilidade, de Lisboa dia 20 APR para Paris e regresso dia 25 APR para Lisboa, para 2 adultos e uma criança de 10 anos. Clicando nos campos em Azul, obtemos as informações seguintes: AF Descodifica a companhia aérea 2125 Informação de terminais e tempo de viagem LIS CDG Descodifica cidades/aeroportos de partida/chegada 320 Tipo de avião DETAILS Detalhe do Fare Construction RULES Regulamentação (notas) da(s) tarifas(s) por componente. Clicando nos campos em Amarelo, obtemos as informações seguintes: Obtêm mais opções de voos para a mesma tarifa. Reserva imediata de voos da opção seleccionada: Poderá terminar a reserva como habitualmente em Focalpoint. Sep

36 Fare Quote Fare Quote O sistema Galileo, distingue três tipos de passageiros (PTC), adulto, criança e bebé, quando é feito o pedido de tarifa. FQ Esta entrada permite obter a tarifa, de acordo com a classe reservada e algumas informações adicionais importantes: Valor da tarifa, taxas e total. A tarifa é garantida no acto de emissão. Às 23h59 do dia em que fez o Fare Quote, a tarifa expira. No dia seguinte poderá obter a mesma, caso as condições da tarifa o permitam. Informação sobre outras taxas aplicáveis, a consultar. Data limite para emissão, de acordo com a tarifa. Assume automaticamente a chapa da companhia emissora. Sep

37 Fare Quote Adicionalmente, aparece também informação relativa à Bagagem Permitida. FQBB Esta entrada permite obter a melhor tarifa com disponibilidade para os voos reservados. Fare Quote FQBB Caso concorde com a tarifa oferecida pelo sistema, terá de confirmar a mesma com a entrada FQBBK, que o sistema coloca no final do ecrã. Para tal basta utilizar o Tab. Sep

38 Fare Quote FQBB Para ver, em detalhe, a tarifa dada pelo sistema, deverá fazer *FF1, obtendo o seguinte: Na última linha, podemos ver a informação que foi inserida, relativa à emissão. O sistema assume automaticamente a chapa da companhia emissora: Filed Fare Fare Quote Filed Fare Após gravar, a informação da tarifa aparece no campo *FF: A entrada utilizada para obter o Fare Quote, fica gravada. A tarifa fica garantida no próprio dia do Fare Quote. Em qualquer altura pode consultar este campo usando o Tab. Sep

39 Fare Quote FQBB No *FF1 Pode ver a informação sobre a data limite para aquisição da tarifa apresentada. Modifiers de Fare Quote Fare Quote Modifiers Se pretender obter determinadas tarifas relacionadas com passageiros e/ou segmentos, deverá acrescentar modifiers : FQP1-2.4 Obtenção de tarifa para os pax 1 ao 2 e 4 FQP1*U06 FQ*C10/ACC FQP1*YTH18 Obtenção de tarifa para o pax 1 que é criança desacompanhada com 6 anos Obtenção de tarifa para uma criança de 10 anos, que viaja acompanhada de um adulto cuja reserva está noutro BF Obtenção de tarifa para o passageiro1 que é um jovem com 18 anos FQBBS2-4 Obtenção da tarifa Best Buy para os segmentos 2 ao 4 Nota: O sistema assume automaticamente a chapa emissora, com base nos critérios de selecção previstos pela IATA. Logo, só se insere a informação da companhia, caso se pretenda ultrapassar o sistema, sendo que o Galileo não se responsabiliza pela incorrecta aplicação da mesma. Entradas de Follow up Fare Quote Follow up F*Q Visualização detalhada da construção tarifária não registada no BF *FF1P1 Visualização detalhada da construção tarifária do Filed Fare 1, Passageiro 1 FQ* FQBB* Voltar a visualizar um Fare Quote anteriormente feito Voltar a visualizar um Fare Quote Best Buy anteriormente feito Sep

40 Fare Quote Cancelar Filed Fare Cancelar o Filed Fare - FX FX1 Cancela Filed Fare 1 FXALL Cancela todos os Filed Fares FX1P1 Cancela o Filed Fare 1, passageiro 1 Restore do Filed Fare Fare Quote Restore Filed Fare Não é possível voltar a emitir um Filed Fare já emitido. Para tal é necessário fazer o restaurar o Filed Fare. A acção de restore pode ser necessária em variadíssimas situações, como por exemplo: engano na chapa da companhia, ou na escolha de algum outro modifier alterar a forma de pagamento a tarifa obtida não é a que pretende vender Para fazer o Restore deve ter a reserva activa e fazer: *FF FF1 Filed Fare 1 P1 Passageiro Acção a tomar ( Change ) Restore *FF Voltando ao Filed fare podemos ver que já não tem o número do bilhete e o código de garantia mudou para R. Terá de fechar a transacção, inserindo um Received From e ER. Pode proceder à emissão novamente. Sep

41 Ticket Modifiers Existem dados que são obrigatórios na emissão: Emissão de Bilhetes Ticket Modifiers Forma de pagamento Forma de Pagamento: modifier F FS FCK F *D1210 P1FS/P2FCK (cash) dinheiro (check) cheque cartão de crédito seguido da data de validade 2 passageiros com diferentes formas de pagamento Existem dados que são opcionais na emissão: Endorsement Box : modifier EB Endorsement Box EBNON REFUNDABLE EBNON REFUNDABLE*EBVALID ONLY FOR TAP Texto livre O * determina a existência de 2 linhas de texto livre. O máximo de linhas são 3 não podendo exceder os 58 caracteres no total Inclusive Tour : modifier IT IT IT imprime IT na fare box do bilhete e suprime a construção tarifária Tour Code : modifier TC Tour Code TCIT código de IT, máximo 14 caracteres Emissão de documentos Documento a gerar: modifier D Este modificador permite seleccionar que documentos pretendemos emitir: DTD DID DAD DTDAD imprime apenas o bilhete (Demand Ticket Device only) imprime apenas o itinerário (Demand Itinerary Device only) imprime apenas o MIR (Demand Account Device only) imprime bilhete e MIR (Demand Ticket Device and Account device) Os modifiers podem ser inseridos a seguir à entrada de TKP e devem ser separados por uma barra. Sep

42 Emissão de bilhetes Emissão de Bilhetes Ordem de emissão - TKP Para emitir um bilhete é necessária uma reserva activa e um Filed Fare registado ou uma máscara construída. ENTRADA BÁSICA DE EMISSÃO TKP Entradas para emissão Ao ser dada ordem de emissão, por defeito, o sistema emite: - 1 bilhete por passageiro - 1 itinerário com preço para todos os passageiros - 1 ficheiro MIR (informação para o Backoffice) TKPFS ordem de emissão para todos os passageiros, todos os Segmentos, independentemente do número de Filed Fares existentes, pagamento em cash TKPFS/DTDAD TKP1P2-4/FS ordem de emissão para todos os passageiros, todos os Segmentos, pagamento em cash, não imprime itinerário emite bilhetes, do File Fare 1, para os passageiros 2 ao 4, pagamento em cash TKP1P1/FS/P2FCK emite bilhetes, do File Fare 1, para os passageiros 1 e 2, mas com formas de pagamento diferentes (cash e check) A entrada de emissão, corresponde ao End Transaction, o Booking File deixa de estar presente e activo, ficando unicamente visível o respectivo código. Utilizando o Tab, pode entrar na reserva novamente. Sep

43 Aparecem novos campos no Booking File: Emissão de Bilhetes Campos no BF *SI É gerado automaticamente um SSR de TKNE para a companhia Ticket Number Notification. Grande parte das companhias participantes no sistema aderiu à funcionalidade de Ticket Number Notification (Notificação de Bilhetes) evitando assim, a sua inserção manual. *HTI É um registo relativo às emissões informação que passa para o MIR (Machine Interface Record). *HTE Sep

44 Emissão de Bilhetes Campos no BF É o ficheiro do bilhete electrónico. Aqui poderá consultar o Status dos coupons do bilhete. Também encontra aqui a informação do código de autorização dos bilhetes pagos com Cartão de Crédito. No caso de haver apenas um bilhete emitido, aparece automaticamente a imagem do bilhete. No caso de existir mais do que um bilhete aparece uma listagem. Usar o Tab para entrar no bilhete pretendido. Introdução da taxa de serviço - XP Emissão de Bilhetes Alterações à mascara Introdução da taxa XP Algumas companhias permitem a introdução de uma taxa de serviço no bilhete do passageiro. Essa taxa é identificada pelo código XP e é adicionada como mais uma taxa no bilhete. Com o BF activo, aceder ao Viewpoint, clicando em Selecionar o campo da Tarifa e com a tecla do lado direito do rato: Sep

45 Emissão de Bilhetes Alterações à mascara Introdução da taxa XP Clique em e vá percorrendo os diferentes ecrãs até chegar às taxas. Aqui deverá inserir o código da taxa XP e o valor e clicar em ADD. A taxa será adicionada á lista do lado direito. Prosseguir até ao final, clicando em. Ao voltar a Focalpoint, poderá confirmar que a XP foi adicionada corretamente, fazendo: *FF1 Gravar esta alteração na reserva. Sep

46 Construção Manual de Tarifas Emissão de Bilhetes Construção Manual Existem situações, para as quais não é possível utilizar as tarifas disponíveis no Fare Display. Nesses casos é necessário fazer a construção manual da tarifa. Um exemplo: tarifa negociada para um grupo. Para se poder fazer a construção manual de uma tarifa, é necessário ter um BF devidamente finalizado. Com o BF activo, aceder ao Viewpoint, clicando em Selecionar o menu FARES: Os passageiros selecionados serão incluídos na máscara que vai criar. Caso pretenda criar uma máscara apenas para um determinado passageiro, deverá selecionar apenas esse. Sep

47 Deverá percorrer os ecrãs inserindo a informação conforme instruções da Companhia. Emissão de Bilhetes Construção Manual A informação a inserir é referente aos segmentos de voo, logo deverá selecionar todos, se a informação é relativa a todos. Seleciona apenas um segmento e insere a informação relativa a esse. Sep

48 Emissão de Bilhetes Construção Manual Inserir a informação relativa à tarifa e taxas. A inserção das taxas é gerida através dos botões ADD, MODIFY, DELETE. O sistema assume o total automaticamente. Inserir a informação restante. Pode ainda inserir o código da companhia emissora. Sep

49 Emissão de Bilhetes Construção Manual Caso pretenda criar a mesma máscara para outro passageiro na reserva, clique no botão. Ao clicar em, o sistema vai verificar se todos os campos obrigatórios foram preenchidos e caso falte algum, mostra uma mensagem. Voltando a Focalpoint podemos ver a informação nova inserida no *FF. Não se esqueça de gravar na reserva. O sistema Galileo verifica se todos os campos obrigatórios estão preenchidos, no entanto, se estes tiverem dados errados, estes são aceites como válidos pelo sistema, pelo que é da inteira responsabilidade do Agente a correcta inserção dos respectivos dados. No campo do Filed Fare aparece a letra B de Build. Sep

50 VOID de bilhete Emissão de Bilhetes VOID Só é possível fazer o VOID de um bilhete no próprio dia da emissão. Em Focalpoint: TRV/ No *HTI, também aparece a informação actualizada. O status do bilhete é actualizado para VOID. Sep

51 Relatório de bilhetes Emissão de Bilhetes Relatório de bilhetes Em Focalpoint: HMPR HMPR/06MAR Lista dos bilhetes emitidos no dia Lista dos bilhetes emitidos numa determinada data GALILEO SULFORMA TRAINING TINS REPORT 07 MAR 12 CURRENCY CODE EUR IATA NUMBER A/L TKT/STOCK NBR PASSENGER NAME FARE TAX COMM FOP *FEES 047E TESTE/MR VOID 07MAR 047E TESTE/VIRGINIAMR CASH 047E TESTE/MR CASH SUBTOTAL - CASH SUBTOTAL - CHECK SUBTOTAL - NONREF SUBTOTAL - MISC SUBTOTAL - INV TOTAL CASH SALES TOTAL CREDIT SALES 0.00 TOTAL FEES 0.00 GRAND TOTAL TOTAL COMMISSION 1.76 Poderá também aceder ao Viewpoint, na barra e menu aqui indicado: Ver Bilhetes Electrónicos sem BF ativo Emissão de Bilhetes Ver bilhetes sem BF ativo É possível recuperar um ficheiro electrónico, mesmo que a reserva já não esteja activa. *TE/ *TE Recupera o ficheiro a partir do nº do bilhete Mostra uma máscara para preencher Poderá também obter esta informação, acedendo ao Viewpoint, na barra e menu aqui indicado: Sep

52 Help sistema de ajuda HELP Existe no sistema uma facilidade que o ajudará sempre que não saiba qual a entrada a fazer para obter determinada informação ou, tenha feito erradamente uma entrada e pretenda saber qual a correcta para aquele assunto: H/A H/AVAIL Índice de todos os assuntos começados por A Assunto específico (Availability) H/ Help sobre a última entrada, para a qual obteve uma resposta de erro Sep

53 Site da Portugal Como ajuda, poderá também, aceder ao site do Galileo, pois este disponibiliza informações úteis (contactos, manuais, downloads de actualizações, etc.) acerca do Galileo Portugal. Para tal deve fazer o registo em. Encontra um atalho para o site, na barra de ferramentas do seu Galileo Desktop. Após registar-se, pode fazer aqui o seu Login. Terá acesso a Downloads e manuais para aceder. Os contactos do Galileo Portugal. Através deste botão, os técnicos podem aceder a um PC na sua Agência. Encontra sempre disponível a barra de ferramentas mais atual. Sep

54 ASK ASK Acessível a partir do site Galileo, na opção Apoio ao Cliente, trata-se de um banco de dados onde poderá encontrar rapidamente resposta a uma dúvida relativa ao funcionamento do sistema e/ou procedimento em vigor. É necessário que cada utilizador se registe previamente, bastando para tal o preenchimento dos campos Identificação do Usuário e Senha seguidos da selecção da opção Criar uma conta Nova. Notas : A identificação do Usuário e a Senha são case sensitive. Assim, deve ter em atenção se digitou os dados em letra maiúscula ou minúscula. O endereço que o sistema pede, ao seleccionar a opção Criar uma Conta Nova, não pode ser o geral da Agencia pois, cada usuário tem de estar atribuído um endereço pessoal. O sistema não aceita s repetidos para vários usuários. Encontra um atalho para o site, na barra de ferramentas do seu Galileo Desktop. Na opção a pedido do Helpdesk, poderá dar acesso ao seu PC. Após fazer Login: Na opção, poderá através de palavras chave, encontrar respostas às suas dúvidas. Sep

55 Itinerário Esta plataforma permite-lhe aceder ao itinerário do passageiro, bem como ao bilhete electrónico. Também permite ao próprio passageiro ter acesso a estas informações. Disponível em 23 idiomas, os agentes e clientes têm acesso a inúmeros conteúdos de conselhos de viagem e informações (conversor de moeda, mapas, meteorologia, informações sobre passaportes e vistos, conselhos de saúde, entre outros). Com a reserva activa no Focalpoint: #VT O Viewtrip abre automaticamente na reserva do cliente. Encontra também um atalho para o site, na barra de ferramentas do seu Galileo Desktop. Para aceder à informação, é apenas necessário o código da reserva e o sobrenome do passageiro. Nesta barra encontra toda a informação que necessita, e inclusivamente, pode a partir daqui enviar um . É possível ainda, consultar informação relativa à Bagagem permitida. Sep

56 Se o passageiro se registar no Viewtrip Mobile, pode também aceder ao seu itinerário, no seu iphone, ipad e Androide. Aqui terá acesso a várias informações adicionais: Itinerário Reservas EasyJet Reservas EasyJet Trata-se de uma aplicação que permite fazer reservas com a EasyJet, de forma rápida e fácil. Para isso, consulte o Availability desejado e faça a venda: Pedir uma disponibilidade com link à U2: A30MARLISGVA*U2 O sistema disponibiliza informação sobre as tarifas de imediato. Para tal basta fazer TAB e colocar o cursor na linha do voo que pretende consultar. Pode consultar ainda a nota, colocando o cursor em ZFN1 ou vender diretamente. Caso necessite pode ainda voltar ao ecrã original das disponibilidades. Sep

57 Reservas EasyJet N1Y1 O sistema gera um segmento em AK. Apresenta também o valor aproximado a cobrar. A tarifa só fica garantida após o fecho da reserva (ER). Se pretender visualizar os detalhes da tarifa, faça: ZFQ Outras entradas úteis: ZFQ:P2*CNN mostra os preços para todos os passageiros na reserva, considerando o Pax 2 como uma criança Para consultar informação de outros fees a cobrar: ZFEE1 Para consultar informação dos extras a cobrar: ZFCE1 Sep

58 Reservas EasyJet Para completar a reserva com os dados do passageiro (obrigatórios nas companhias Low Cost, a criou um script que lhe permite facilmente inserir os dados. Para tal deve selecionar o botão na sua barra de ferramentas: Surge o primeiro ecrã para preencher: Dar um ENTER no final da última informação inserida. O sistema leva alguns segundos a processar a informação. Introduzir a informação relativa à bagagem. Dar ENTER, para processar a informação. O sistema leva alguns segundos a processar a informação. Sep

59 Reservas EasyJet Na janela de Focalpoint a informação vai aparecer inserida, a reserva está completa e já obteve um código Galileo. Aparece o código EasyJet em *VL. O introduzido anteriormente aparece em *EM Após completar a reserva, pode sempre consultar a tarifa com a entrada: Z*FF São inseridos campos DI, resultantes dos ecrãs preenchidos. Os campos DI. contêm detalhes das seguintes informações: Linha 1 - Record Locator EasyJet Linha 2 - número do segmento, tipo de passageiro, número de passageiros, tarifa, taxa, total Linha 3 - número do segmento, número do voo, data do voo, horas de partida e de chegada Linha 4 - número do segmento, classe (Y) Linha 5 - cobrança em cartão de crédito Linha 6 - número do cartão de crédito e custo total Linha 7 - total Linha 8 - aparece em todas as reservas, mas só se aplica se tiver havido reserva e cobrança de bagagem de porão Sep

60 Reservas EasyJet Para visualizar a informação que está no sistema da EasyJet: Z*R1 Pode fazer esta entrada após a realização de uma reserva original, ou após uma alteração. De imediato vai receber no seu as confirmações da EasyJet. Para mais informações sobre as reservas EasyJet, aceda ao site da, Apoio a Clientes, onde poderá fazer o download do manual completo. Sep

Manual Travelport Rooms and More

Manual Travelport Rooms and More Manual Travelport Rooms and More ÍNDICE Introdução......... 2 Criação da conta Paypal.......... 3 Registo no site............... 4 Fazer o LOGIN.... 5 Fazer o LOGOUT...... 5 Pesquisa de hoteis..... 6 Opções

Leia mais

ÍNDICE. Manual Reservas EasyJet - May 2013 1

ÍNDICE. Manual Reservas EasyJet - May 2013 1 Manual de Reservas ÍNDICE Reservar a partir de uma disponibilidade........ Campos obrigatórios........ 4 Campos opcionais............. 4 Fare Quote........ 5 Additional Services.......... 6 Sports Equipment........

Leia mais

ZSRest/ZSPos. Manual de Stocks. BackOffice

ZSRest/ZSPos. Manual de Stocks. BackOffice BackOffice 1 1. Índice 2. Introdução... 3 3. Iniciar o ZSRest/ZSPos FrontOffice... 4 4. Produto... 5 Activar gestão de stocks... 5 5. Armazém... 7 a) Adicionar Armazém... 8 b) Modificar Armazém... 8 c)

Leia mais

ZS Rest. Manual de Iniciação. FrontOffice (ponto de venda)

ZS Rest. Manual de Iniciação. FrontOffice (ponto de venda) Manual de Iniciação FrontOffice (ponto de venda) 1 1. Índice 2. Introdução... 3 3. Iniciar o ZSRest FrontOffice... 4 4. Início de Operador... 5 b) Fazer login de Empregado:... 5 c) Botões de Acção:...

Leia mais

TRAVELPORT RESERVAS DE HOTÉIS CMNET

TRAVELPORT RESERVAS DE HOTÉIS CMNET TRAVELPORT RESERVAS DE HOTÉIS CMNET 9/9/2008 CMNET RESERVA DE HOTÉIS O que é o Roommaster? O Roommaster permite que sejam feitas reservas em mais de 44.700 hotéis em todo o mundo. É a maneira mais fácil

Leia mais

ZS Rest. Manual Avançado. Gestão de Stocks Local. v2011

ZS Rest. Manual Avançado. Gestão de Stocks Local. v2011 Manual Avançado Gestão de Stocks Local v2011 1 1. Índice 2. Introdução... 3 3. Iniciar o ZSRest FrontOffice... 4 4. Produto... 5 b) Activar gestão de stocks... 5 i. Opção: Faz gestão de stocks... 5 ii.

Leia mais

Acordo de licenciamento do EMPRESÁRIO

Acordo de licenciamento do EMPRESÁRIO Acordo de licenciamento do EMPRESÁRIO Ao abrir a caixa do CD que contém o programa EMPRESÁRIO, o utilizador aceita os termos do contracto de licenciamento deste acordo. Licença Garantias A T&T outorga-lhe

Leia mais

Sobre o Reserva Fácil

Sobre o Reserva Fácil Sobre o Reserva Fácil O Reserva Fácil é o portal criado para simplificar o dia a dia do agente de viagens e do cliente corporativo no trabalho de busca, reserva e emissão de passagens Com rapidez e segurança,

Leia mais

CGA Directa. Manual do Utilizador. Acesso, Adesão e Lista de Subscritores

CGA Directa. Manual do Utilizador. Acesso, Adesão e Lista de Subscritores CGA Directa Manual do Utilizador Acesso, Adesão e Lista de Subscritores Versão 1.00 de 10 de Março de 2008 Índice Pág. Introdução 3 Capítulo 1 Capítulo 2 Capítulo 3 Acesso Acesso 4 Adesão Adesão 5 2.1

Leia mais

Versão 1.0. [08.02.2012] 2012, Portugal - Efacec Sistemas de Gestão S.A. Todos os direitos reservados. 1

Versão 1.0. [08.02.2012] 2012, Portugal - Efacec Sistemas de Gestão S.A. Todos os direitos reservados. 1 Copyright 2012 Efacec Todos os direitos reservados. Não é permitida qualquer cópia, reprodução, transmissão ou utilização deste documento sem a prévia autorização escrita da Efacec Sistemas de Gestão S.A.

Leia mais

SIM - SUPPLIERS INVOICING MANAGER - MANUAL DE UTILIZADOR

SIM - SUPPLIERS INVOICING MANAGER - MANUAL DE UTILIZADOR Leaseplan Portugal Bertrand Gossieaux SIM - SUPPLIERS INVOICING MANAGER - MANUAL DE UTILIZADOR Page2 INDICE 1. LOGIN, ESTRUTURA E SAÍDA DO SIM... 3 a) Login... 3 b) Estrutura principal... 4 c) Saída da

Leia mais

Guia de Acesso à Formação Online Formando 2011

Guia de Acesso à Formação Online Formando 2011 Plano [1] Guia de Acesso à Formação Online 2011 [2] ÍNDICE ÍNDICE...2 1. Introdução...3 2. Metodologia Formativa...4 3. Actividades...4 4. Apoio e Acompanhamento do Curso...5 5. Avaliação...6 6. Apresentação

Leia mais

TRAVELPORT ENHANCED ITINERARY MANUAL DO USUÁRIO

TRAVELPORT ENHANCED ITINERARY MANUAL DO USUÁRIO TRAVELPORT ENHANCED ITINERARY MANUAL DO USUÁRIO Travelport 1 TABLE OF CONTENTS TRAVELPORT ENHANCED ITINERARY MANUAL DO USUÁRIO... 1 DESCRIÇÃO... 3 CARACTERÍSTICAS... 3 REQUISITOS MÍNIMOS DO SISTEMA...

Leia mais

O Programa experts plus é válido para o período de viagens de 01.08.2008 a 31.12.2008.

O Programa experts plus é válido para o período de viagens de 01.08.2008 a 31.12.2008. Condições de Participação no Programa experts plus Última actualização: 01 de Agosto de 2008 Com o Programa experts plus, a Deutsche Lufthansa AG (doravante designada por Lufthansa ou LH ) e a Swiss International

Leia mais

Frontur Consolidação Portal / Manual versão 2.0

Frontur Consolidação Portal / Manual versão 2.0 Frontur Consolidação Portal / Manual versão 2.0 Manual Avançado Portal Agências Sumário 1 Portal Frontur Consolidação... 3 2 Reconhecendo o Portal... 03/04/2014 3 3 Navegando e utilizando o Portal... 5

Leia mais

Reservas de Hotel Galileo Desktop + PointClick

Reservas de Hotel Galileo Desktop + PointClick Reservas de Hotel Galileo Desktop + PointClick RESERVAS DE HOTEL Treinamento: treinamento.br@travelport.com Helpdesk: 3351 7201 (São Paulo) (11) 3549-5400 ramal 5434 ou 5429 0800 883 0028 (Outras localidades)

Leia mais

Manual do Utilizador Aluno

Manual do Utilizador Aluno Manual do Utilizador Aluno Escola Virtual Morada: Rua da Restauração, 365 4099-023 Porto PORTUGAL Serviço de Apoio ao Cliente: Telefone: (+351) 707 50 52 02 Fax: (+351) 22 608 83 65 Serviço Comercial:

Leia mais

TMS - TRAVEL MANAGEMENT SYSTEM. Sistema de pesquisa, reservas e gerenciamento de viagens nacionais e internacionais.

TMS - TRAVEL MANAGEMENT SYSTEM. Sistema de pesquisa, reservas e gerenciamento de viagens nacionais e internacionais. TMS - TRAVEL MANAGEMENT SYSTEM Sistema de pesquisa, reservas e gerenciamento de viagens nacionais e internacionais. G u i a do u s u á r i o TMS TRISTAR MANAGEMENT SYSTEM Guia do Usuário TRISTAR VIAGENS

Leia mais

WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET

WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET MANUAL DO UTILIZADOR WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET 1. 2. PÁGINA INICIAL... 3 CARACTERÍSTICAS... 3 2.1. 2.2. APRESENTAÇÃO E ESPECIFICAÇÕES... 3 TUTORIAIS... 4 3. DOWNLOADS... 5 3.1. 3.2. ENCOMENDAS (NOVOS

Leia mais

ProReserve Serviços de Internet Ltda.

ProReserve Serviços de Internet Ltda. [Digite texto] ProReserve Serviços de Internet Ltda. Av. Evandro Lins e Silva, 840-1911, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro - 21 2178-2180 São Paulo / Rio de Janeiro / Campinas / Curitiba / Brasília / Fortaleza

Leia mais

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Estudantes da ESTG]

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Estudantes da ESTG] [Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Estudantes da ESTG] Unidade De Administração de Sistemas Serviços Informáticos Instituto Politécnico de Leiria 10-07-2009 Controlo do Documento Autor

Leia mais

Guia de criação de conta do agente de viagem. Este documento fornece orientações sobre o preenchimento do formulário de registro do ASK Travelport.

Guia de criação de conta do agente de viagem. Este documento fornece orientações sobre o preenchimento do formulário de registro do ASK Travelport. Guia de criação de conta do agente de viagem Este documento fornece orientações sobre o preenchimento do formulário de registro do ASK Travelport. Índice Descrição da máscara... 2 Assistência de conta...

Leia mais

Portal Web de Apoio às Filiadas

Portal Web de Apoio às Filiadas Portal Web de Apoio às Filiadas Manual de Utilizador Externo Titularidade: FCMP Data: 2014-02-03 Versão: 1 1 1. Introdução 3 2. Descrição das Funcionalidades 4 2.1. Entrada no sistema e credenciação de

Leia mais

SERVIÇ OS DO PEDIDO ONLINE DA PROPRIEDADE INTELECTUAL

SERVIÇ OS DO PEDIDO ONLINE DA PROPRIEDADE INTELECTUAL SERVIÇ OS DO PEDIDO ONLINE DA PROPRIEDADE INTELECTUAL Manual de Utilização Direcção dos Serviços de Economia do Governo da RAEM Novembro de 2014 SERVIÇ OS DO PEDIDO ONLINE DA PROPRIEDADE INTELECTUAL Manual

Leia mais

ZS Rest. Manual de Iniciação. BackOffice

ZS Rest. Manual de Iniciação. BackOffice Manual de Iniciação BackOffice 1 1. Índice 2. Introdução... 2 3. Iniciar o ZSRest... 3 a) BackOffice:... 4 b) Acesso BackOffice:... 4 4. Zonas... 6 c) Criar Zona:... 7 d) Modificar Zona:... 8 e) Remover

Leia mais

Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária)

Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária) Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária) /curriculum Julho de 2008 Versão 1.1 1 Introdução O objectivo deste guia é auxiliar o utilizador da Plataforma

Leia mais

ZSRest. Manual de Configuração ZSPDA. V2011-Certificado

ZSRest. Manual de Configuração ZSPDA. V2011-Certificado Manual de Configuração ZSPDA V2011-Certificado 1 1. Índice 2. Introdução... 2 3. Pré-requisitos... 3 a) Base de dados... 3 b) Firewall... 3 c) Licença... 3 d) Rede sem fios... 3 e) PDA... 4 4. ZSPDA Interface...

Leia mais

Tarifamento e Reemissão TAM com taxa DU 2011.1

Tarifamento e Reemissão TAM com taxa DU 2011.1 Tarifamento e Reemissão TAM com taxa DU 2011.1 Para download de apostilas e inscrição em cursos visite o nosso Portal de Treinamento www.travelportbrasil.com.br/treinamento Treinamento: Helpdesk: treinamento.br@travelport.com

Leia mais

Trabalhando na Página Gráfica

Trabalhando na Página Gráfica Trabalhando na Página Gráfica A página gráfica é a principal área do Amadeus Selling Platform, pois é nela que a maioria dos comandos existentes no Sistema Central Amadeus podem ser acessados e enviados

Leia mais

Para além destas, existem uma série de funcionalidades únicas do Panorama:

Para além destas, existem uma série de funcionalidades únicas do Panorama: Requisitos Windows 200 SP4/XP SP2 ou superior com IE 7 o MSXML 3.0 ou superior o Microsoft Scripting Host 5.5 ou superior o MDAC 2.8 SP1 Microsoft.NET Framework 2.0 (Service Pack 1 ou superior) Galileo

Leia mais

POS significa Point of Sale Posto de Venda um local onde ocorre uma transação financeira, por exemplo,

POS significa Point of Sale Posto de Venda um local onde ocorre uma transação financeira, por exemplo, Módulo POS Loja O que é um POS? Para que serve? POS significa Point of Sale Posto de Venda um local onde ocorre uma transação financeira, por exemplo, uma Loja que efetue venda ao público. Por outras palavras,

Leia mais

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Funcionários da ESTG]

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Funcionários da ESTG] [Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Funcionários da ESTG] Unidade De Administração de Sistemas Serviços Informáticos Instituto Politécnico de Leiria 09-06-2010 Controlo do Documento Autor

Leia mais

Plataforma de Benefícios Públicos Acesso externo

Plataforma de Benefícios Públicos Acesso externo Índice 1. Acesso à Plataforma... 2 2. Consulta dos Programas de Beneficios Públicos em Curso... 3 3. Entrar na Plataforma... 4 4. Consultar/Entregar Documentos... 5 5. Consultar... 7 6. Entregar Comprovativos

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA PLATAFORMA MOODLE

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA PLATAFORMA MOODLE MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA PLATAFORMA MOODLE A EQUIPA DO PTE 2009/2010 Índice 1. Entrar na plataforma Moodle 3 2. Editar o Perfil 3 3. Configurar disciplina 4 3.1. Alterar definições 4 3.2. Inscrever alunos

Leia mais

1ª Edição Outubro de 2007

1ª Edição Outubro de 2007 1 Ficha Técnica Título: Manual de utilização da ELGG - Aluno Autoria: Célia Tavares Direcção Pedagógica e Técnica: Paula Peres Copyright: Projecto de Apoio On-line 1ª Edição Outubro de 2007 O Manual de

Leia mais

Guia de utilização. Acesso Universal

Guia de utilização. Acesso Universal Guia de utilização Março de 2009 Índice Preâmbulo... 3 Acesso à Plataforma... 4 Área de Trabalho... 5 Apresentar Propostas... 12 Classificar Documentos... 20 Submeter a Proposta... 21 Solicitação de Esclarecimentos/Comunicações...

Leia mais

GIGrecibos. Sistema de Emissão de Recibos de Donativos. Para Igrejas. Produzido e distribuído por: VIBISinfor Rua Nova, 10 7490-250 MORA

GIGrecibos. Sistema de Emissão de Recibos de Donativos. Para Igrejas. Produzido e distribuído por: VIBISinfor Rua Nova, 10 7490-250 MORA wgig GIGrecibos Sistema de Emissão de Recibos de Donativos Para Igrejas Produzido e distribuído por: VIBISinfor Rua Nova, 10 7490-250 MORA tel: 266403273 www.vibis.com 1 Conteúdo wgig... 1 Avisos legais...

Leia mais

Índice. 1. Introdução

Índice. 1. Introdução Gest POS 1 Gest POS 2 Índice 1. Introdução... 2 2. Requisitos mínimos... 4 3. Instalação... 5 4. Menus e Submenus... 5 4.1. Fechos... 6 4.1.1. Operador... 6 4.1.2. Diário... 8 4.1.3. Registo... 11 4.1.4.

Leia mais

ÍNDICE. Acesso para agências...3. Organização por pastas...4. Download das facturas a partir do site...5. Pesquisa de facturas...8

ÍNDICE. Acesso para agências...3. Organização por pastas...4. Download das facturas a partir do site...5. Pesquisa de facturas...8 2 ÍNDICE Acesso para agências...3 Organização por pastas...4 Download das facturas a partir do site...5 Pesquisa de facturas...8 Configurar notificações por email...11 3 Bem-vindo ao manual de uso do novo

Leia mais

TREINAMENTO SISTEMA RESERVE. Hospedagem

TREINAMENTO SISTEMA RESERVE. Hospedagem TREINAMENTO SISTEMA RESERVE Hospedagem ACESSO AO SISTEMA RESERVE Acesso: Intranet: Área do Empregado >> Viagens >> Site da BK2: www.lcc-bk2.com; Digitar o Login de usuário do Reserve; 2 Digitar a senha

Leia mais

SClínico - SAPE - Autor: Eloy Boo ULSAM - USF LETHES Ponte de Lima

SClínico - SAPE - Autor: Eloy Boo ULSAM - USF LETHES Ponte de Lima - Autor: Eloy Boo ULSAM - USF LETHES Ponte de Lima SClínico SAPE Agradecimentos: À enfermeira Cármen Cunha, pela sua grande paciência, disponibilidade e ajuda. Índice geral 1. Introdução... 3 2. Iniciar

Leia mais

MANUAL DO UTILIZADOR

MANUAL DO UTILIZADOR MANUAL DO UTILIZADOR 1 ÍNDICE ÍNDICE...2 INTRODUÇÃO...3 PANORAMA...5 SITUAÇÃO, ALERTAS E BOTÕES...6 Situação...6 Alertas...7 Botões...7 O MAPA PRINCIPAL...8 MOSTRAR TUDO...9 MÓDULO DE ADMINISTRAÇÃO...10

Leia mais

Índice. Informações sobre conteúdo do site...04

Índice. Informações sobre conteúdo do site...04 Índice Informações sobre conteúdo do site...04 Como usar o site...05 Conhecendo o site... 06 Conectando ao site...10 Resumo de suas reservas...11 Iniciando a pesquisa...12 Como fazer reserva de hotel Definindo

Leia mais

Apresentar Propostas vortalgov

Apresentar Propostas vortalgov Guia de utilização Apresentar Propostas Janeiro 2008 Índice Preâmbulo... 3 Acesso à Plataforma... 3 Área de Trabalho... 4 PPA / C. Públicos... 4 Funcionalidades da pasta PPA / C. Públicos - Activos...

Leia mais

Índice. 1. Introdução 3. 2. Instalação e desinstalação do GENIUS VOIP MOUSE 4. 2.2 IMs suportados pelo GENIUS VOIP MOUSE 5

Índice. 1. Introdução 3. 2. Instalação e desinstalação do GENIUS VOIP MOUSE 4. 2.2 IMs suportados pelo GENIUS VOIP MOUSE 5 Índice 1. Introdução 3 2. Instalação e desinstalação do GENIUS VOIP MOUSE 4 2.1 Requisitos do sistema 4 2.2 IMs suportados pelo GENIUS VOIP MOUSE 5 2.3 Website de cada IM para download 5 2.4 Instalação

Leia mais

icq http://www.uarte.mct.pt sobre o programa... ... pag.. 8 e 9 obter o programa... instalar o programa... Registar o icq... menus...

icq http://www.uarte.mct.pt sobre o programa... ... pag.. 8 e 9 obter o programa... instalar o programa... Registar o icq... menus... icq 1 http://www.uarte.mct. sobre o programa...... pag.. 2 obter o programa...... pag.. 3 e 4 instalar o programa...... pag.. 5 Registar o icq...... pag.. 6 e 7 menus...... pag.. 8 entrar num canal e conversar......

Leia mais

Sistema GPB Gestão de Pombais

Sistema GPB Gestão de Pombais Sistema GPB Gestão de Pombais Manual Rápido (Versão 07.01) Janeiro de 2007 SITE : WWW.SISTEMAGP.COM EMAIL: GERAL@SISTEMAGP.COM Um produto POMOR Software de Gestão, Lda. Objectivo deste Manual Rápido Com

Leia mais

Guia rápido do utilizador

Guia rápido do utilizador Guia rápido do utilizador Índice Relatório de roubo 3 Criar um novo relatório de roubo 4 Fornecer detalhes do relatório de roubo Secção 1. Especificar o computador 5 Fornecer detalhes do relatório de roubo

Leia mais

Administração da disciplina

Administração da disciplina Administração da disciplina Agrupamento Vertical de Escolas de Tarouca Documento disponível em: http://avetar.no-ip.org 1.Acesso e utilização da plataforma:. Seleccione a opção Entrar, que se encontra

Leia mais

SISTEMA DE INFORMAÇÃO DAS PARTICIPAÇÕES DO ESTADO

SISTEMA DE INFORMAÇÃO DAS PARTICIPAÇÕES DO ESTADO SISTEMA DE INFORMAÇÃO DAS PARTICIPAÇÕES DO ESTADO SIPART (versão Setembro/2004) Manual de Utilização ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...3 2. ACEDER À APLICAÇÃO...4 3. CRIAR NOVO UTILIZADOR...5 4. CARACTERIZAÇÃO GERAL

Leia mais

GUIA PRÁTICO OPERACIONAL

GUIA PRÁTICO OPERACIONAL 2011 GUIA PRÁTICO OPERACIONAL Conteúdo APRESENTAÇÃO HOME Parte 1... 8 Parte 2... 9 Parte 3... 10 PESQUISAS Principais recursos de aéreo, hotel e carro AÉREO... 13 Apresentação... 13 Pesquisa Voos... 14

Leia mais

Manual. Passo a Passo AR&B

Manual. Passo a Passo AR&B Manual Passo a Passo AR&B Prezado(a) Colaborador(a), O novo sistema de gestão de viagens tem como o principal objetivo garantir que a política de viagens seja aplicada, garantindo que os preços das passagens

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 255, DE 13 DE NOVEMBRO DE 2012.

RESOLUÇÃO Nº 255, DE 13 DE NOVEMBRO DE 2012. RESOLUÇÃO Nº 255, DE 13 DE NOVEMBRO DE 2012. Estabelece regras sobre a disponibilização de Informações Antecipadas sobre Passageiros (API) e do Registro de Identificação de Passageiros (PNR). A DIRETORIA

Leia mais

Vendendo Azul (AD) pelo Sistema Amadeus. V. 2.0 23 Janeiro 2009

Vendendo Azul (AD) pelo Sistema Amadeus. V. 2.0 23 Janeiro 2009 Vendendo Azul (AD) pelo Sistema Amadeus V. 2.0 23 Janeiro 2009 Indice 1. Introdução...3 2. Tipo de Acesso Azul no Sistema Amadeus...4 3. Criando um PNR com vôos da Azul para passageiro Adulto...4 3.1 Venda...5

Leia mais

Os elementos básicos do Word

Os elementos básicos do Word Os elementos básicos do Word 1 Barra de Menus: Permite aceder aos diferentes menus. Barra de ferramentas-padrão As ferramentas de acesso a Ficheiros: Ficheiro novo, Abertura de um documento existente e

Leia mais

Rua Latino Coelho, 37-B 1050-132 Lisboa Portugal T. +351 213 232 960 F. +351 213 232 999

Rua Latino Coelho, 37-B 1050-132 Lisboa Portugal T. +351 213 232 960 F. +351 213 232 999 Guia do Utilizador 1. Abertura de Conta... 3 1.1 Manual... 3 1.2 Online... 3 1.2.1 Introdução... 3 1.2.2 Titulares... 4 1.2.3 Confirmar dados... 6 1.2.4 Finalizar... 7 2 Iniciar sessão... 9 3 A Minha Conta...

Leia mais

Confirmação da reserva. Reserva Confirmada. Estado da sua reserva. Números de localizador para a reserva são: Voo: EKMXR15.

Confirmação da reserva. Reserva Confirmada. Estado da sua reserva. Números de localizador para a reserva são: Voo: EKMXR15. Facebook share Cristiano Fonseca De: no-reply@edreams.com Enviado: quinta-feira, 25 de Outubro de 2012 20:52 Para: Assunto: Confirmaçâo reserva Easyjet: EKMXR15 Confirmação da reserva Estado da sua reserva

Leia mais

Amadeus Hotel Store. Manual do Usuário 1 de Julho de 2009. Um novo conceito em conteúdo de hotéis em parceria com o Transhotel

Amadeus Hotel Store. Manual do Usuário 1 de Julho de 2009. Um novo conceito em conteúdo de hotéis em parceria com o Transhotel Amadeus Hotel Store Manual do Usuário 1 de Julho de 2009 Um novo conceito em conteúdo de hotéis em parceria com o Transhotel Índice A Amadeus Hotel Store já está aberta para os negócios!... 3 Requisitos

Leia mais

UNIDADE 2: Sistema Operativo em Ambiente Gráfico

UNIDADE 2: Sistema Operativo em Ambiente Gráfico Ambiente Gráfico Configurações Acessórios O Sistema Operativo (SO) é o conjunto de programas fundamentais que permitem que o computador funcione e que comunique com o exterior. Actualmente o Windows é

Leia mais

USEWIN Módulo de Empréstimos MANUAL DO UTILIZADOR

USEWIN Módulo de Empréstimos MANUAL DO UTILIZADOR MANUAL DO UTILIZADOR Versão 1.5 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...5 2. REQUISITOS DO SISTEMA...6 3. CONTROLOS GERAIS DO WINDOWS...7 3.1 ESTRUTURA HIERÁRQUICA... 7 3.2 CONTROLO DE DATA... 8 4. INÍCIO DA UTILIZAÇÃO...11

Leia mais

Guia de Acesso/Apresentação de Pedidos de Apoio Sistema de Informação RURAL

Guia de Acesso/Apresentação de Pedidos de Apoio Sistema de Informação RURAL Guia de Acesso/Apresentação de Pedidos de Apoio Sistema de Informação RURAL Índice 1. Introdução...3 2. Home Page...3 3. Pedido de Senha...4 3.1 Proponente...5 3.2 Técnico Qualificado...5 3.3 Proponente/Técnico

Leia mais

Sistema Integrado de Automação Módulo TECHMANAGER Versão 1.0.0.77 (serial)

Sistema Integrado de Automação Módulo TECHMANAGER Versão 1.0.0.77 (serial) SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA Sistema Integrado de Automação Módulo TECHMANAGER Versão 1.0.0.77 (serial) Manual de Usuário TECHNEXT (2012) 1 de 28 SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA Página Sumário 1. Sobre o Techmanager...

Leia mais

COMO EFETUAR UMA RESERVA GOL NO SISTEMA GALILEO

COMO EFETUAR UMA RESERVA GOL NO SISTEMA GALILEO COMO EFETUAR UMA RESERVA GOL NO SISTEMA GALILEO INTRODUÇÃO É com grande satisfação que informamos que a GOL linhas Aéreas Inteligentes, a partir de 05/12/2006, disponibilizará o seu conteúdo de vôos para

Leia mais

Software de Facturação e Gestão Comercial On-Line

Software de Facturação e Gestão Comercial On-Line Software de Facturação e Gestão Comercial On-Line Manual básico do Utilizador Software de Facturação e Gestão Comercial On-line Level 7 Basic, Light & Premium Este Software é fornecido com um número de

Leia mais

INTRODUÇÃO... 2. Acessando o CUSTOM DESKTOP... 3. Efetuando uma reserva... 5. Inserindo o cartão de milhas... 7. Reservando Assentos...

INTRODUÇÃO... 2. Acessando o CUSTOM DESKTOP... 3. Efetuando uma reserva... 5. Inserindo o cartão de milhas... 7. Reservando Assentos... Sumário INTRODUÇÃO... 2 Acessando o CUSTOM DESKTOP... 3 Efetuando uma reserva... 5 Inserindo o cartão de milhas... 7 Reservando Assentos... 7 Emitindo o bilhete... 8 Cancelando o bilhete... 9 Cancelando

Leia mais

ZS Rest. Manual Avançado. Menus. v2011 - Certificado

ZS Rest. Manual Avançado. Menus. v2011 - Certificado Manual Avançado Menus v2011 - Certificado 1 1. Índice 2. Introdução... 2 3. Iniciar o ZSRest... 3 4. Menus... 4 b) Novo Produto:... 5 i. Separador Geral.... 5 ii. Separador Preços e Impostos... 7 iii.

Leia mais

Manual de Utilização COPAMAIL. Zimbra Versão 8.0.2

Manual de Utilização COPAMAIL. Zimbra Versão 8.0.2 Manual de Utilização COPAMAIL Zimbra Versão 8.0.2 Sumário ACESSANDO O EMAIL... 1 ESCREVENDO MENSAGENS E ANEXANDO ARQUIVOS... 1 ADICIONANDO CONTATOS... 4 ADICIONANDO GRUPOS DE CONTATOS... 6 ADICIONANDO

Leia mais

Instituto Politécnico de Tomar. Manual da Área de Secretariados

Instituto Politécnico de Tomar. Manual da Área de Secretariados Instituto Politécnico de Tomar Manual da Área de Secretariados Última actualização: 13 de Outubro de 2004 Índice Como aceder a Área de Secretariados...2 O que posso efectuar na Área de Secretariado (Acções)...4

Leia mais

Manual SRCT - v.ps.2 UTILIZADORES. Apoio à gestão das Declarações de Vendas dos Produtos de Saúde. Contacto: taxa.04@infarmed.

Manual SRCT - v.ps.2 UTILIZADORES. Apoio à gestão das Declarações de Vendas dos Produtos de Saúde. Contacto: taxa.04@infarmed. Manual SRCT - v.ps.2 UTILIZADORES Apoio à gestão das Declarações de Vendas dos Produtos de Saúde Contacto: taxa.04@infarmed.pt 2008/Setembro NOTAS EXPLICATIVAS 1. As Declaração de Vendas a que se referem

Leia mais

FrontPage Express. Manuel Cabral Reis UTAD Departamento de Engenharias Curso de Ciências da Comunicação Disciplina de Introdução à Informática

FrontPage Express. Manuel Cabral Reis UTAD Departamento de Engenharias Curso de Ciências da Comunicação Disciplina de Introdução à Informática FrontPage Express Manuel Cabral Reis UTAD Departamento de Engenharias Curso de Ciências da Comunicação Disciplina de Introdução à Informática O que é o FrontePage Express Para aceder ao programa que vai

Leia mais

License Management. Manual de instruções do License Management

License Management. Manual de instruções do License Management License Management Manual de instruções do License Management Apenas para a utilização interna CLMTOC.fm Índice Índice 0 1 Informações elementares.............................................. 1-1 1.1

Leia mais

Internet e Email no Akropole. Internet e Email no Akropole

Internet e Email no Akropole. Internet e Email no Akropole Internet e Email no Akropole Internet e Email no Akropole O Akropole tira proveito da ligação à internet, podendo efectuar várias operações de maior valia, com ou sem intervenção directa do utilizador.

Leia mais

Seu manual do usuário NOKIA 6630 http://pt.yourpdfguides.com/dref/381534

Seu manual do usuário NOKIA 6630 http://pt.yourpdfguides.com/dref/381534 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a no manual do usuário (informação,

Leia mais

Manual de utilização do Centro de Administração Comerciante

Manual de utilização do Centro de Administração Comerciante REDUNICRE Manual de utilização do Centro de Administração Comerciante Versão: 0.3 Data: 16/05/2011 Este documento é propriedade da Unicre e deverá apenas ser utilizado como suporte de utilização das soluções

Leia mais

geral@centroatlantico.pt www.centroatlantico.pt Impressão e acabamento: Inova 1ª edição: Novembro de 2004

geral@centroatlantico.pt www.centroatlantico.pt Impressão e acabamento: Inova 1ª edição: Novembro de 2004 FICHEIROS COM EXEMPLOS Envie um e-mail* para software@centroatlantico.pt para conhecer os endereços de Internet de onde poderá fazer o download dos ficheiros com os exemplos deste livro. Reservados todos

Leia mais

Amadeus Pro Tempo 2.3 - Apresentação

Amadeus Pro Tempo 2.3 - Apresentação Amadeus Pro Tempo 2.3 - Apresentação 16 de novembro de 2000 Treinamento e Documentação Amadeus Brasil Amadeus Pro Tempo - versão 2.3 Introdução Este documento tem como objetivo relacionar as alterações

Leia mais

Mobile Banking BAI Guia Rápido do Utilizador

Mobile Banking BAI Guia Rápido do Utilizador Mobile Banking BAI Guia Rápido do Utilizador O Banco de todos os momentos. Mobile Banking BAI Guia Rápido do Utilizador Índice 1. Introdução ao Mobile Banking BAI... 5 2. Regras de Segurança... 8 3. Guia

Leia mais

Guia de uso Reserva Fácil. Guia de uso Reserva Fácil

Guia de uso Reserva Fácil. Guia de uso Reserva Fácil Guia de uso Reserva Fácil Guia de uso Reserva Fácil Sobre o Reserva Fácil O Reserva Fácil simplifica o dia a dia do agente de viagens e do cliente corporativo no trabalho de busca, reserva e emissão de

Leia mais

Estrutura de um endereço de Internet

Estrutura de um endereço de Internet Barras do Internet Explorer Estrutura de um endereço de Internet Na Internet, cada servidor tem uma identificação única, correspondente ao endereço definido no IP (Internet Protocol). Esse endereço é composto

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO MANUAL DE UTILIZAÇÃO Termos Básicos Pesquisa Registo Fazendo Propostas A Minha Conta Pedindo Cotações Ajuda: Geral Bem-vindo! No texto que se segue iremos transmitir noções básicas sobre os termos e modos

Leia mais

O que é a iniciativa de marcação de consultas pela Internet eagenda? Simplificar e melhorar o acesso a cuidados de saúde. O que é o eagenda?

O que é a iniciativa de marcação de consultas pela Internet eagenda? Simplificar e melhorar o acesso a cuidados de saúde. O que é o eagenda? O que é a iniciativa de marcação de consultas pela Internet Simplificar e melhorar o acesso a cuidados de saúde Pedir Receitas A de pela Internet, no âmbito do Programa Simplex, surge no seguimento do

Leia mais

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Índice ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO PELA PRIMEIRA VEZ... 6 CONFIGURAÇÕES NECESSÁRIAS PARA ACESSAR O SISTEMA... 6 TELA DE ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO...

Leia mais

Software da Impressora

Software da Impressora Software da Impressora Acerca do Software da Impressora O software Epson inclui o controlador de impressão e o EPSON Status Monitor 3. O controlador de impressão é um software que permite controlar a impressora

Leia mais

Consulte a área Bancos Aderentes para saber em detalhe todas as informações relativas aos bancos aderentes.

Consulte a área Bancos Aderentes para saber em detalhe todas as informações relativas aos bancos aderentes. SERVIÇO MB Way O que é o MB Way? O MB Way é a primeira solução interbancária que permite fazer compras e transferências imediatas através de smartphone ou tablet. Basta aderir ao serviço num MULTIBANCO,

Leia mais

Introdução à aplicação Web

Introdução à aplicação Web Introdução à aplicação Web A aplicação Web SanDisk +Cloud é uma interface com base na Web para aceder ao seu conteúdo e gerir a sua conta. Com a aplicação Web poderá reproduzir música, ver filmes, ver

Leia mais

RIQASNet. Instruções de utilização. Introdução. Registo para o RIQASNet

RIQASNet. Instruções de utilização. Introdução. Registo para o RIQASNet RIQASNet Instruções de utilização Introdução O RIQASNet é um sistema de entrada de dados utilizando a internet que permite aos utilizadores enviarem os resultados e alterações de método para o RIQAS, e

Leia mais

Guia do usuário SGV versão 3.0.7 Modulo I Introdução ao Sistema

Guia do usuário SGV versão 3.0.7 Modulo I Introdução ao Sistema Guia do usuário SGV versão 3.0.7 Modulo I Introdução ao Sistema Versão 3.0.7 BBTUR VIAGENS E TURISMO 27/08/2014 1 Sumário Modulo I Introdução ao Sistema...3 Requisitos mínimos para utilização do Sistema...3

Leia mais

ZSRest. Manual Profissional. Comandos Rádio X64. V2011-Certificado

ZSRest. Manual Profissional. Comandos Rádio X64. V2011-Certificado Manual Profissional Comandos Rádio X64 V2011-Certificado 1 1. Índice 2. INTRODUÇÃO... 2 3. Configuração inicial... 3 4. Configurações X64... 5 a) Definições Gerais... 5 b) Documentos e Periféricos... 8

Leia mais

Conheça os seus direitos em caso de: Recusa de embarque Cancelamento de voo Atrasos prolongados Colocação em classe inferior Viagens organizadas

Conheça os seus direitos em caso de: Recusa de embarque Cancelamento de voo Atrasos prolongados Colocação em classe inferior Viagens organizadas OS DIREITOS DOS PASSAGEIROS DE TRANSPORTE AÉREO AS NOVAS REGRAS Dia 17 de Fevereiro entra em vigor o Regulamento (CE) n.º 261/2004, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 11 de Fevereiro de 2004, que

Leia mais

Consulte a contra-capa para uma instalação rápida.

Consulte a contra-capa para uma instalação rápida. Manual do Utilizador Consulte a contra-capa para uma instalação rápida. Protegemos mais pessoas das crescentes ameaças on-line do que qualquer outra empresa no mundo. Preocupa-se com o nosso Ambiente,

Leia mais

www.tacas-software.com Guia de Instalação e Manual do Utilizador TACAS-SOFTWARE - Guia de Instalação e Manual do Utilizador

www.tacas-software.com Guia de Instalação e Manual do Utilizador TACAS-SOFTWARE - Guia de Instalação e Manual do Utilizador www.tacas-software.com Guia de Instalação e Manual do Página 1 de 37 Software de Gestão Comercial Portátil NOTA IMPORTANTE: O SEU SOFTWARE DE GESTÃO É FORNECIDO COM UM NUMERO DE IDENTIFICAÇÃO QUE SE ENCONTRA

Leia mais

Controle Patrimonial WEB

Controle Patrimonial WEB Cccc Controle Patrimonial WEB Manual Unidade de Guarda Conteúdo 1. Acessar o Controle Patrimonial - Web... 4 1.1. Login... 4 1.2. Esquecer sua senha?... 5 2. Alterar a senha... 6 3. Cadastrar novo usuário...

Leia mais

1. Lançamento em Contas Bancárias Liquidação de Clientes

1. Lançamento em Contas Bancárias Liquidação de Clientes Título: MÓDULO DE GESTÃO DE BANCOS & CONTROLO LETRAS Pag.: 1 Módulo Gestão Contas Bancárias O módulo Gestão de Contas Bancárias, tem como principal objectivo, permitir ao utilizador saber num exacto momento,

Leia mais

Criar um PNR com os campos mandatórios Ignorar e finalizar uma transação Alterar os campos da reserva Alterar e cancelar um itinerário

Criar um PNR com os campos mandatórios Ignorar e finalizar uma transação Alterar os campos da reserva Alterar e cancelar um itinerário Lição: Total de horas: PNR 2 horas Descrição da aula: Este curso tem a finalidade de trabalhar os quatro campos mandatórios para a criação de um PNR (Passenger Name Record). Os procedimentos de como acessar

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Se ainda tiver dúvidas entre em contato com a equipe de atendimento: Por telefone: 0800 642 3090 Por e-mail atendimento@oisolucoespraempresas.com.br Introdução... 3 1. O que é o programa Oi Backup Empresarial?...

Leia mais

Ano de Referência 2010 RELATÓRIO ÚNICO E ANEXOS. Perguntas Frequentes Relatório Único e Anexos Versão 1.0 1

Ano de Referência 2010 RELATÓRIO ÚNICO E ANEXOS. Perguntas Frequentes Relatório Único e Anexos Versão 1.0 1 RELATÓRIO ÚNICO E ANEXOS Versão 1.0 1 PERGUNTAS FREQUENTES Relatório Único ENTREGA - QUESTÕES LEGAIS (15 ) Qual é o conteúdo do Relatório Único? O Relatório Único é constituído pelo relatório propriamente

Leia mais

Q2: Quem devo contactar no caso de ter algum problema com o (s) meu (s) Bilhete (s) ou qualquer dúvida relativa à minha candidatura ao Bilhete?

Q2: Quem devo contactar no caso de ter algum problema com o (s) meu (s) Bilhete (s) ou qualquer dúvida relativa à minha candidatura ao Bilhete? Q1: Onde será realizada a Final da UEFA Champions League? R1: A Final da UEFA Champions League terá lugar em Munique, na "Fussball Arena München, a 19 de Maio de 2012 às 20:45 (hora local). Q2: Quem devo

Leia mais

Entrega de Folhas de Férias

Entrega de Folhas de Férias Entrega de Folhas de Férias Guia do Utilizador Versão 4.0 Agosto/ 2014 Índice 1. Introdução 2. Criar/ Validar Folhas de Férias 3. Acesso à funcionalidade 4. Inserir/ Consultar Folhas de Férias 5. Comprovativo

Leia mais

Manual de Configuração

Manual de Configuração Manual de Configuração Índice Criar conta de Administrador... 3 Criar Negócio... 5 Back office... 7 Criar Locais... 11 Criar Menu... 13 Itens complexos... 18 One Click... 19 Painel de Pedidos... 20 QR

Leia mais