O Manual do ssc. Peter H. Grasch

Save this PDF as:
Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O Manual do ssc. Peter H. Grasch"

Transcrição

1 Peter H. Grasch

2 2

3 Conteúdo 1 Introdução 6 2 Usar o ssc Gerir os utilizadores Adicionar um utilizador Associar-se a uma instituição Capacidades Editar o utilizador Remover o utilizador Gerir as instituições Recolher amostras Configurar o material de treino O treino Introdução Informação do dispositivo Calibração do volume Gravar dados Guardar ou transmitir dados Amostras gravadas Modo desligado Configurar o ssc Perguntas e Respostas 18 4 Créditos e Licença 19 A Instalação 20

4 Lista de Tabelas 2.1 Ficheiros dos dados de treino

5 Resumo O ssc é uma ferramenta de aquisição de amostras.

6 Capítulo 1 Introdução O ssc é uma ferramenta para a aquisição de amostras em grande escala. Ao usar o ssc, diversas equipas poderão recolher dados de treino de potenciais utilizadores finais ou locutores profissionais, recolhendo-as no servidor central sscd. Como o Simon / Simond, o ssc é um cliente para o SSCd. O ssc irá recolher as amostras através de procedimentos de treino e enviá-las-á para o servidor sscd. O sistema também recolhe meta-dados úteis para as amostras, como os nomes (ou alcunhas) das pessoas gravadas, o seu nível verbal, possíveis deficiências, etc. Também é gravada alguma informação acerca do equipamento de gravação. Estas e outras informações são então gravadas pelo servidor numa base de dados. Por favor, consulte o manual do sscd para mais informações. Para mais informações sobre a arquitectura do pacote Simon, veja por favor o manual do Simon. 6

7 Capítulo 2 Usar o ssc O ssc oferece uma interface gráfica simples para recolher as amostras de treino e gerir os locutores. Para usar o ssc, ligue-se ao sscd com o botão Ligar. Assim que estiver ligado, a interface de utilizador permitir-lhe-á gerir os utilizadores e instituições, assim como gravar novas amostras. Para seguir sem se ligar ao sscd, poderá usar o modo desligado. Para recolher amostras para um dado utilizador, basta indicar o ID do utilizador no campo de texto ID do Utilizador e carregue em Seleccionar. A informação do utilizador será recolhida da base de dados ( sscd ) e é apresentado o nome do utilizador. 2.1 Gerir os utilizadores Antes de poder gravar as amostras para um novo locutor, terá de adicionar um novo utilizador ao sistema. 7

8 Para adicionar, editar e remover utilizadores, seleccione a opção Gerir os utilizadores da barra de ferramentas. Aqui poderá ver uma lista com todos os locutores existentes na base de dados. Por razões de performance, a lista poderá não estar completa. Para descobrir os utilizadores em instalações grandes, poderá aplicar filtros sobre os resultados, preenchendo a máscara acima e carregando em Aplicar os Filtros. Por omissão, não existe qualquer filtro. Os campos vazios são ignorados na filtragem. Para filtrar por uma dada instituição, indique o ID da instituição no campo Instituição. Se não souber o ID da instituição, poderá usar o menu Procurar. Para adicionar, editar ou remover utilizadores, basta carregar nos botões Adicionar, Editar e Remover, respectivamente Adicionar um utilizador Para adicionar um utilizador, carregue em Adicionar e preencha o formulário apresentado. 8

9 Associar-se a uma instituição Muitas das vezes, as instituições atribuem ID s únicos a cada paciente para os referenciar no seu sistema por computador. O ssc pode ser configurado para usar os ID s dessas instituições em vez dos identificadores internos do sscd. Para ligar um utilizador do ssc ao ID da instituição, adicione uma ligação nova entre a instituição e o utilizador, carregando no botão Adicionar por baixo das Instituições:. Basta indicar o ID da instituição de onde é originário o ID (poderá querer usar o botão Procurar para procurar pelos ID s das instituições) e o ID que identifica o utilizador nessa instituição. Por exemplo: O locutor José Pires é de momento um paciente na instituição #1. Aí, ele é o paciente #520f. Poderá então adicionar uma associação a uma instituição que associa o locutor José Pires (ID interno do sscd igual a 7 ) com a instituição 1 e o ID da instituição 520f. Se o ssc estiver configurado para usar os ID s específicos da instituição 1, poder-se-á referir ao José Pires como usando o ID 520f em vez de Capacidades Se o locutor não for capaz de responder às perguntas da entrevista ou repetir as palavras faladas pelo facilitador, então poderá deixar que o ssc saiba sobre isso, desligando a opção Entrevista 9

10 possível e / ou Repetição possível. Os modos de treino desligados (Repetição e Entrevista) nunca mais ficarão disponíveis para este locutor Editar o utilizador Para editar um utilizador, basta seleccioná-lo na lista da janela para gerir utilizadores e carregar em Editar. A interface para editar o utilizador é idêntica à interface para adicionar um novo Remover o utilizador Para remover um utilizador, basta seleccionar Remover depois de seleccionar o utilizador na lista da janela de gestão de utilizadores. ATENÇÃO Ao remover um utilizador, todas as amostras associadas a este locutor serão apagadas. 2.2 Gerir as instituições O ssc pode organizar os locutores por instituições. Estas poderão ser instituições virtuais como grupos, mas foi desenhada originalmente para manter um registo dos pacientes de um hospital e de reabilitações. Um utilizador poderá estar em zero, uma ou várias instituições. Para adicionar, editar e remover instituições, seleccione a opção Gerir as instituições da barra de ferramentas. Ao remover as instituições, as associações aos utilizadores perder-se-ão, mas os utilizadores não serão removidos. 10

11 2.3 Recolher amostras Para recolher amostras de um utilizador, existem três tipos de treino: Repetir Durante uma repetição, o facilitador lê uma palavra que o utilizador tentará repetir. Treino O utilizador lê o texto do ecrã. Para praticar, o facilitador poderá lê-lo para que o utilizador o repita. Entrevista Durante a entrevista, o facilitador faz um conjunto de perguntas ao utilizador e irá guardar as respostas Configurar o material de treino Antes de poder usar o ssc, provavelmente poderá querer ajustar as mensagens de treino para as gravações. Existem três, um para cada tipo de treino, ficheiros de texto simples que contêm uma linha por cada mensagem. A codificação está em UTF-8. A localização dos mesmos depende do seu sistema operativo: Microsoft Windows GNU/Linux %pasta de instalação%\texts\ kde4-config --install data /ssc/texts/ Tabela 2.1: Ficheiros dos dados de treino A localização para o GNU/Linux usa um comando incorporado para resolver a pasta de instalação por si. Poderá também executar o kde4-config --install data numa consola para descobrir a localização exacta. No Microsoft Windows, terá de preencher a pasta de instalação você mesmo. Normalmente será algo do tipo C:\Programas\simon 0.3\. A pasta texts irá conter três sub-pastas que contêm as mensagens: repetição training entrevista O treino Para lançar uma sessão de treino, basta carregar no botão apropriado para o seu tipo de treino na janela principal do ssc. 11

12 Para o fazer, terá de se ligar ao servidor ou usar o modo desligado Introdução Ao iniciar o treino, terá a opção para usar o modo de treino experiente ou avançado. No modo de treino experiente, as amostras irão começar a ser gravadas assim que a mensagem associada for apresentada. Poderá então passar à página seguinte se carregar em Seguinte no assistente. Quando fizer isso, a gravação actual será guardada, gravada e a amostra seguinte começa a gravar. 12

13 Ao usar o modo de treino experiente, um locutor razoavelmente profissional poderá terminar o processo de treino muito mais rapidamente. Contudo, dado que não tem uma pausa entre as mensagens individuais, poderá ser mais complicado para o locutor. Obviamente, o treino experiente não é uma opção quando deixar o locutor repetir o que o facilitador diz, dado que o último será sempre ser ouvido nas gravações criadas Informação do dispositivo Nesta página do assistente, poderá indicar informações acerca dos dispositivos de hardware usados (placa de som e microfone). Por favor, indique o modelo e o tipo da placa de som nos campos Modelo e Tipo. Indique a informação acerca do microfone nos dois campos abaixo. As listas são preenchidas com as marcas e modelos actuais das amostras já gravadas. Antes de introduzir um novo dispositivo, certifique-se que o mesmo dispositivo, embora com um nome ligeiramente diferente, não existe já para evitar duplicados Calibração do volume Antes de começar a gravação, o ssc irá tentar certificar-se que os volumes dos microfones estão devidamente configurados. 13

14 Para calibrar, basta ler o texto apresentado. A calibração irá vigiar o volume actual e indicar-lhe para subir ou descer o volume, mas você terá de o fazer manualmente no seu sistema. Assim que tiver alterado o volume de alguma forma (com a calibração em curso), carregue no botão Volume alterado a seguir ao dispositivo afectado. Isto irá repor o estado do volume. Durante a calibração, tente falar normalmente. Não grite mas também não fale demasiado baixo. Tenha em conta que deverá usar de um modo geral a mesma definição de volume para todo o seu treino e também para o reconhecimento. Poderá falar um pouco mais alto (de forma inconsciente) quando estiver chateado ou noutra hora do dia, pelo que tente elevar a sua voz um pouco para antecipar isto. É muito melhor ter amostras um pouco mais baixas que começar a distorcer. Na configuração do ssc, tanto o texto apresentado como os níveis considerados correctos poderão ser alterados. Se deixar o texto em branco, o texto predefinido será apresentado. Nas opções, também poderá desactivar a calibração por completo. Pode ver mais detalhes na secção de configuração Gravar dados Para cada linha no seu ficheiro de mensagens, irá obter uma página que lhe pede para gravar uma amostra. 14

15 Guardar ou transmitir dados Depois de ter gravado as mensagens (poderá interromper as mensagens em qualquer altura), poderá enviar as amostras recolhidas para o servidor ou guardá-las localmente para as enviar mais tarde. Para enviar as amostras guardadas, por favor consulte a secção seguinte. 15

16 2.4 Amostras gravadas Se não tiver uma ligação ao servidor ou simplesmente não quiser enviar as amostras desde já, irá obter a opção para guardar as amostras a nível local em vez de as enviar. Isto não é pretendido como armazenamento permanente mas sim como local intermédio antes de poder enviar as amostras para o servidor. Para aceder (e enviar) as amostras gravadas, seleccione a opção Enviar os dados gravados da barra de ferramentas. A lista contém todas as sessões de treino gravadas localmente. Cada sessão é identificada pelo utilizador e pela data/hora em que foi gravada (em segundo lugar). Quando gravar no modo desligado, o sistema não sabe quais os ID s de utilizadores que existem de facto. Como tal, terá de saber o ID do utilizador correcto ou tentar adivinhá-lo. Antes de enviar a amostras, poderá alterar o ID do utilizador previamente definido ao carregar em Editar o utilizador. Se carregar em Enviar, a sessão de treino será reposta e terá a possibilidade de ouvir / voltar a gravar todas as amostras de treino antes de as enviar para o servidor. Depois de enviadas, as amostras serão removidas do computador local. 2.5 Modo desligado O ssc é uma solução cliente / servidor. Na maioria do tempo de trabalho com o ssc, irá querer ligar-se ao servidor para aceder à base de dados remota que contém os utilizadores, instituições, etc. Quando gravar as amostras, também as irá transferir para o servidor directamente, na maior parte dos casos. Algumas vezes, todavia, poderá não ter uma ligação à Internet (fiável) disponível e mesmo assim precisa de gravar amostras com o ssc. Para esse fim, o ssc contém um modo desligado que lhe permite recolher os dados de fala sem uma ligação ao servidor sscd. 16

17 No modo desligado, não poderá adicionar, editar ou ver utilizadores ou instituições. Só poderá recolher amostras novas para as enviar mais tarde para o servidor, através da funcionalidade de amostras gravadas. A gravação funciona da mesma forma no modo desligado como aconteceria ao estar ligado ao servidor, mas algumas funcionalidades poderão estar indisponíveis (como a tradução do nome ou a validação do ID de utilizador indicado). 2.6 Configurar o ssc Na configuração do ssc, poderá configurar o servidor onde se ligar e definir alguns parâmetros básicos. A configuração de áudio das gravações também poderá ser alterada aqui. Quando configurar o ssc para uma dada instituição, poderá querer associá-la directamente a esta instituição. O utilizador poderá então usar os ID s específicos da instituição dos utilizadores (em vez dos identificadores internos do ssc ) para referenciar os utilizadores. Para configurar a instituição associada, use a opção Usar os ID s específicos da instituição em vez dos ID s do scc. Para mais informações, veja a secção sobre as associações a instituições. A configuração do som é partilhada com a totalidade do pacote de aplicações do Simon. Leia mais sobre o assunto no manual do Simon. 17

18 Capítulo 3 Perguntas e Respostas Num esforço para manter esta secção sempre actualizada, a mesma está disponível na nossa Wiki online. 18

19 Capítulo 4 Créditos e Licença ssc Programa com copyright de Peter Grasch Documentação com copyright (c) de Peter Grasch Tradução de José Nuno Pires A documentação está licenciada ao abrigo da GNU Free Documentation License. Este programa está licenciado ao abrigo da GNU General Public License. 19

20 Apêndice A Instalação Por favor, consulte as instruções de instalação na nossa Wiki. 20

O Manual do Simond. Peter H. Grasch

O Manual do Simond. Peter H. Grasch Peter H. Grasch 2 Conteúdo 1 Introdução 6 2 Usar o Simond 7 2.1 Configuração do Utilizador................................ 7 2.2 Configuração de Rede................................... 9 2.3 Configuração

Leia mais

O Manual do sscd. Peter H. Grasch

O Manual do sscd. Peter H. Grasch Peter H. Grasch 2 Conteúdo 1 Introdução 6 2 Usar o sscd 7 2.1 Pasta de base......................................... 7 2.2 Configuração........................................ 7 2.3 Base de Dados........................................

Leia mais

O Manual do Konquest. Nicholas Robbins Tradução: José Pires

O Manual do Konquest. Nicholas Robbins Tradução: José Pires Nicholas Robbins Tradução: José Pires 2 Conteúdo 1 Introdução 5 2 Como Jogar 6 3 Regras do Jogo, Estratégias e Sugestões 9 3.1 Regras............................................ 9 3.2 Estratégias e Dicas.....................................

Leia mais

Boot Camp Manual de Instalação e Configuração

Boot Camp Manual de Instalação e Configuração Boot Camp Manual de Instalação e Configuração Conteúdo 3 Introdução 3 Do que necessita 4 Descrição geral da instalação 4 Passo 1: Procurar actualizações 4 Passo 2: Preparar o computador Mac para o Windows

Leia mais

GESTÃO DE INFORMAÇÃO PESSOAL OUTLOOK (1)

GESTÃO DE INFORMAÇÃO PESSOAL OUTLOOK (1) GESTÃO DE INFORMAÇÃO PESSOAL OUTLOOK (1) MICROSOFT OUTLOOK 2003 - OBJECTIVOS OBJECTIVOS: Enumerar as principais funcionalidades do Outlook; Demonstrar a utilização das ferramentas do correio electrónico;

Leia mais

Boot Camp Manual de Instalação e Configuração

Boot Camp Manual de Instalação e Configuração Boot Camp Manual de Instalação e Configuração Índice 3 Introdução 4 Descrição geral da instalação 4 Passo 1: Verificar se existem actualizações 4 Passo 2: Preparar o computador Mac para o Windows 4 Passo

Leia mais

O Manual do Desktop Sharing. Brad Hards Tradução: Pedro Morais

O Manual do Desktop Sharing. Brad Hards Tradução: Pedro Morais Brad Hards Tradução: Pedro Morais 2 Conteúdo 1 Introdução 5 2 O protocolo do Remote Frame Buffer 6 3 Utilizar o Desktop Sharing 7 3.1 Gerir convites do Desktop Sharing............................ 9 3.2

Leia mais

Manual de Utilizador. Caderno. Recursos da Unidade Curricular. Gabinete de Ensino à Distância do IPP. http://eweb.ipportalegre.pt. ged@ipportalegre.

Manual de Utilizador. Caderno. Recursos da Unidade Curricular. Gabinete de Ensino à Distância do IPP. http://eweb.ipportalegre.pt. ged@ipportalegre. Manual de Utilizador Caderno Recursos da Unidade Curricular Gabinete de Ensino à Distância do IPP http://eweb.ipportalegre.pt ged@ipportalegre.pt Índice RECURSOS... 1 ADICIONAR E CONFIGURAR RECURSOS...

Leia mais

O Manual do Remote Desktop Connection. Brad Hards Urs Wolfer Tradução: José Pires

O Manual do Remote Desktop Connection. Brad Hards Urs Wolfer Tradução: José Pires O Manual do Remote Desktop Connection Brad Hards Urs Wolfer Tradução: José Pires 2 Conteúdo 1 Introdução 5 2 O protocolo do Remote Frame Buffer 6 3 Usar o Remote Desktop Connection 7 3.1 Ligar o Remote

Leia mais

IBM SmartCloud para Social Business. Manual do Utilizador do IBM SmartCloud Engage e IBM SmartCloud Connections

IBM SmartCloud para Social Business. Manual do Utilizador do IBM SmartCloud Engage e IBM SmartCloud Connections IBM SmartCloud para Social Business Manual do Utilizador do IBM SmartCloud Engage e IBM SmartCloud Connections IBM SmartCloud para Social Business Manual do Utilizador do IBM SmartCloud Engage e IBM SmartCloud

Leia mais

Guia de iniciação Bomgar B400

Guia de iniciação Bomgar B400 Guia de iniciação Bomgar B400 Documento: 043010.15 Publicado: maio de 2010 Guia de iniciação Bomgar B400 Documento: 043010.15 Publicado: maio 2010 Obrigado por utilizar a Bomgar. Na Bomgar, o atendimento

Leia mais

O Manual do KNetAttach. Orville Bennett Tradução: José Pires

O Manual do KNetAttach. Orville Bennett Tradução: José Pires Orville Bennett Tradução: José Pires 2 Conteúdo 1 Introdução 5 2 Usar o KNetAttach 6 2.1 Adicionar pastas de rede.................................. 6 3 Viagem pelo KNetAttach 9 4 Créditos e Licença 12

Leia mais

Conteúdo. 1 Introdução 5. 2 Pré-configuração 6. 3 Configurar a Interface do Utilizador 7. 4 Configurar as opções internas 9

Conteúdo. 1 Introdução 5. 2 Pré-configuração 6. 3 Configurar a Interface do Utilizador 7. 4 Configurar as opções internas 9 Esta documentação foi convertida a partir da Base de Utilizadores do KDE para o K3b a 2011-01-20. Actualização para o 2.1 pela Equipa de Documentação do KDE Tradução: José Pires 2 Conteúdo 1 Introdução

Leia mais

Manual do Desktop Sharing. Brad Hards Tradução: Marcus Gama

Manual do Desktop Sharing. Brad Hards Tradução: Marcus Gama Brad Hards Tradução: Marcus Gama 2 Conteúdo 1 Introdução 5 2 O protocolo do Buffer de Quadro Remoto (Buffer de Quadro Remoto) 6 3 Usando o Desktop Sharing 7 3.1 Gerenciando convites do Desktop Sharing........................

Leia mais

Gestor de ligações Manual do Utilizador

Gestor de ligações Manual do Utilizador Gestor de ligações Manual do Utilizador 1.0ª Edição PT 2010 Nokia. Todos os direitos reservados. Nokia, Nokia Connecting People e o logótipo Nokia Original Accessories são marcas comerciais ou marcas registadas

Leia mais

Cópia de Segurança e Recuperação Manual do utilizador

Cópia de Segurança e Recuperação Manual do utilizador Cópia de Segurança e Recuperação Manual do utilizador Copyright 2009 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Windows é uma marca comercial registada nos EUA da Microsoft Corporation. As informações aqui

Leia mais

Início Rápido. Nero BackItUp. Ahead Software AG

Início Rápido. Nero BackItUp. Ahead Software AG Início Rápido Nero BackItUp Ahead Software AG Informações sobre copyright e marcas comerciais O manual do utilizador Nero BackItUp e a totalidade do respectivo conteúdo estão protegidos por copyright e

Leia mais

Fale.com. Manual do Usuário

Fale.com. Manual do Usuário Fale.com Manual do Usuário Serviço Fale.com Índice 1. Introdução 3 2. Instalando o Fale.com 3 a. Configurando o áudio para atendimento pela Internet 9 3. Configurando o Fale.com 14 4. Utilizando o Fale.com

Leia mais

Utilizar o Office 365 no Windows Phone

Utilizar o Office 365 no Windows Phone Utilizar o Office 365 no Windows Phone Guia de Introdução Verificar e-mail Configure o seu Windows Phone para enviar e receber correio da sua conta do Office 365. Consultar o seu calendário, esteja onde

Leia mais

Manual do KGeography. Anne-Marie Mahfouf Kushal Das Tradução: Luiz Fernando Ranghetti

Manual do KGeography. Anne-Marie Mahfouf Kushal Das Tradução: Luiz Fernando Ranghetti Anne-Marie Mahfouf Kushal Das Tradução: Luiz Fernando Ranghetti 2 Conteúdo 1 Introdução 5 2 Início rápido do KGeography 6 3 Usando o KGeography 12 3.1 Mais recursos do KGeography..............................

Leia mais

Relatório SHST - 2003

Relatório SHST - 2003 Relatório da Actividade dos Serviços de Segurança, Higiene e Saúde no Trabalho Relatório SHST - 2003 Programa de Recolha da Informação Manual de Operação Versão 1.0 DEEP Departamento de Estudos, Estatística

Leia mais

Office Telefone com fios

Office Telefone com fios Office Telefone com fios NOS_Office_com_fios.indd 1 16/05/14 16:30 NOS_Office_com_fios.indd 2 16/05/14 16:30 1. Configurar o Office com fios 1.1. Aceder à página de configuração 1.2. Alterar a password

Leia mais

Manual do Gestor da Informação do Sistema

Manual do Gestor da Informação do Sistema Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto Licenciatura Informática e Computação Laboratório de Informática Avançada Automatização de Horários Manual do Gestor da Informação do Sistema João Braga

Leia mais

SISTEMA DE CLIMATIZAÇÃO

SISTEMA DE CLIMATIZAÇÃO AUTOMAÇÃO SEGURANÇA SOM SISTEMA DE CLIMATIZAÇÃO MANUAL DO UTILIZADOR www.only-pt.pt INTRODUÇÃO... 4 EQUIPAMENTOS... 4 CONTROLOS E INDICAÇÕES... 5 CONFIGURAÇÃO ATRAVÉS DO OTC-CLIMA... 6 1. Ajuste de data

Leia mais

Tabelas vista de estrutura

Tabelas vista de estrutura Tabelas vista de estrutura A vista de estrutura permite definir a configuração dos dados Vamos adicionar os restantes campos à tabela carros, de acordo com o modelo de dados feito no papel 47 Tabelas vista

Leia mais

Resolução de avarias de MPEG

Resolução de avarias de MPEG Resolução de avarias de MPEG Esta secção é para utilizadores de cardiologia que visualizam MPEGs. Consulte os seguintes tópicos para o ajudarem a resolver problemas detectados ao visualizar MPEGs. Componentes

Leia mais

Manual do InCD Reader

Manual do InCD Reader Manual do InCD Reader Nero AG Informações sobre direitos de autor e marcas comerciais Este manual e todo o respectivo conteúdo estão protegidos por direitos de autor e são propriedade da Nero AG. Todos

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES NA27 REGI PRO MANUAL DE INSTRUÇÕES Pode agora fazer medições contínuas de ruído, com registo simultâneo de áudio, com um Sonómetro NA27 da RION e um PC DEZEMBRO DE 2011 NA27REGIPRO-001 2011-Adj163-Instrucoes-V01-006-VCR.docx

Leia mais

Instalação do Aparelho Virtual Bomgar. Base 3.2

Instalação do Aparelho Virtual Bomgar. Base 3.2 Instalação do Aparelho Virtual Bomgar Base 3.2 Obrigado por utilizar a Bomgar. Na Bomgar, o atendimento ao cliente é prioridade máxima. Ajude-nos a oferecer um excelente serviço. Se tiver algum comentário

Leia mais

Cópia de Segurança e Recuperação Manual do utilizador

Cópia de Segurança e Recuperação Manual do utilizador Cópia de Segurança e Recuperação Manual do utilizador Copyright 2008 Hewlett-Packard Development Company, L.P. O Windows e o Windows Vista são marcas comerciais ou marcas registadas da Microsoft Corporation,

Leia mais

Akropole Catequista. Todos os Ficheiros no Akropole Catequista trabalham com uma simples barra de edição, com 4 botões:

Akropole Catequista. Todos os Ficheiros no Akropole Catequista trabalham com uma simples barra de edição, com 4 botões: Akropole Catequista O Akropole Catequista em três tempos... Este texto é um pequeno manual de introdução ao Akropole Catequista. Umas das características deste programa é o facto deste não necessitar de

Leia mais

Introdução... 3. 1ª Parte - Acesso à Aplicação Avaliação Online... 4 I Aceder à Aplicação... 4 1. Inscrição... 4 2. Acesso à Aplicação...

Introdução... 3. 1ª Parte - Acesso à Aplicação Avaliação Online... 4 I Aceder à Aplicação... 4 1. Inscrição... 4 2. Acesso à Aplicação... Índice Introdução... 3 1ª Parte - Acesso à Aplicação Avaliação Online... 4 I Aceder à Aplicação... 4 1. Inscrição... 4 2. Acesso à Aplicação... 4 II Entrada na Aplicação... 5 1. Informações... 6 1. Avaliação

Leia mais

Manual do KDE su. Geert Jansen Tradução: José Pires

Manual do KDE su. Geert Jansen Tradução: José Pires Geert Jansen Tradução: José Pires 2 Conteúdo 1 Introdução 5 2 Usar o KDE su 6 3 Detalhes Internos 8 3.1 Autenticação X....................................... 8 3.2 Interface para o su.....................................

Leia mais

Manual de Utilização do PDV Klavix

Manual de Utilização do PDV Klavix Manual de Utilização do PDV Klavix Página 1/20 Instalando a partir do CD Se você recebeu um CD de instalação, rode o programa Instalador que se encontra no raiz do seu CD. Ele vai criar a pasta c:\loureiro

Leia mais

Alteração do POC (Decreto de Lei nº. 35/2005) no sispoc

Alteração do POC (Decreto de Lei nº. 35/2005) no sispoc DOSPrinter Manual do Utilizador Alteração do POC (Decreto de Lei nº. 35/2005) no sispoc Data última versão: 20.03.2006 Versão : 1.1 Data criação: 01.03.2006 Faro R. Dr. José Filipe Alvares, 31 8005-220

Leia mais

EW1085R2 Recetor Bluetooth MICRO USB Classe 2

EW1085R2 Recetor Bluetooth MICRO USB Classe 2 EW1085R2 Recetor Bluetooth MICRO USB Classe 2 EW1085R2 Recetor Bluetooth MICRO USB Classe 2 2 PORTUGUÊS Índice 1.0 Introdução... 2 1.1 Funções e funcionalidades... 2 1.2 Conteúdo da embalagem... 3 2.0

Leia mais

UNIDADE 1 TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO

UNIDADE 1 TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO Ensino Regular Diurno Disciplina: T.I.C. Professores: Paula Dias Curso: AC/EC1 Ano: 9.º Turma(s): 2 Diagnosticar o estádio de desenvolvimento das competências em TIC dos alunos. Conhecer os conceitos básicos

Leia mais

Telefone com fios Manual de configuração Office

Telefone com fios Manual de configuração Office Telefone com fios Manual de configuração Office Índice Configurar o Office com fios 5 Aceder à página de configuração 5 Alterar a password e outros dados do administrador 5 Editar a extensão telefónica

Leia mais

8. Perguntas e Respostas

8. Perguntas e Respostas Arquimedes Manual do Utilizador 185 8. Perguntas e Respostas 8.1. Aparência Para conservar a disposição na qual estão expostas as B.D. no ecrã e para que em posteriores sessões de trabalho tenham a mesma

Leia mais

KF2.4 MANUAL DE UTILIZADOR

KF2.4 MANUAL DE UTILIZADOR MANUAL DE UTILIZADOR Conteúdo Marcas comerciais IKIMOBILE é uma marca registada da Univercosmos, Lda., uma empresa do Grupo FF, com uma participação na Technology Solutions IT INT. Android e Google Search

Leia mais

1. Criar uma nova apresentação

1. Criar uma nova apresentação MANUAL DO Baixa da Banheira, 2006 1. Criar uma nova apresentação Para iniciar uma sessão de trabalho no PowerPoint é necessário criar uma nova apresentação para depois trabalhar a mesma. Ao iniciar uma

Leia mais

Acronis Servidor de Licença. Manual do Utilizador

Acronis Servidor de Licença. Manual do Utilizador Acronis Servidor de Licença Manual do Utilizador ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 1.1 Descrição geral... 3 1.2 Política de licenças... 3 2. SISTEMAS OPERATIVOS SUPORTADOS... 4 3. INSTALAR O SERVIDOR DE LICENÇA

Leia mais

Índice. Como aceder ao serviço de Certificação PME? Como efectuar uma operação de renovação da certificação?

Índice. Como aceder ao serviço de Certificação PME? Como efectuar uma operação de renovação da certificação? Índice Como aceder ao serviço de Certificação PME? Como efectuar uma operação de renovação da certificação? Como efectuar uma operação de confirmação de estimativas? Como aceder ao Serviço de Certificação

Leia mais

Modem e rede local. Manual do utilizador

Modem e rede local. Manual do utilizador Modem e rede local Manual do utilizador Copyright 2006 Hewlett-Packard Development Company, L.P. As informações aqui contidas estão sujeitas a alterações sem aviso prévio. As únicas garantias que cobrem

Leia mais

O Manual do Tenente Skat. Martin Heni Eugene Trounev Revisão: Mike McBride Tradução: José Pires

O Manual do Tenente Skat. Martin Heni Eugene Trounev Revisão: Mike McBride Tradução: José Pires Martin Heni Eugene Trounev Revisão: Mike McBride Tradução: José Pires 2 Conteúdo 1 Introdução 5 2 Como Jogar 6 3 Regras do Jogo, Estratégias e Sugestões 7 3.1 Ecrã do Jogo.........................................

Leia mais

Como produzir e publicar uma apresentação online dinâmica (Prezi)

Como produzir e publicar uma apresentação online dinâmica (Prezi) Como produzir e publicar uma apresentação online dinâmica (Prezi) Este módulo irá ensinar-lhe como produzir e publicar uma apresentação online dinâmica usando o programa Prezi. A produção de uma apresentação

Leia mais

Base de dados I. Uma base de dados é um simples repositório de informação relacionado com um determinado assunto ou finalidade

Base de dados I. Uma base de dados é um simples repositório de informação relacionado com um determinado assunto ou finalidade Base de dados I O que é? Uma base de dados é um simples repositório de informação relacionado com um determinado assunto ou finalidade Para que serve? Serve para gerir vastos conjuntos de informação de

Leia mais

Acessos Convergentes. Manual de Configuração e Utilização

Acessos Convergentes. Manual de Configuração e Utilização Índice 1 Introdução... 4 1.1 Âmbito do Documento... 4 1.2 Acesso... 5 1.3 Autenticação... 5 2 Cliente... 6 2.1 Reencaminhamentos ou redireccionamentos... 6 2.1.1 Novo Plano de Redireccionamento... Error!

Leia mais

Manual do Utilizador. Manual do Utilizador Modelo10 no sisgep. Data última versão: 16.02.2007 Versão : 1.2. Data criação: 26.02.

Manual do Utilizador. Manual do Utilizador Modelo10 no sisgep. Data última versão: 16.02.2007 Versão : 1.2. Data criação: 26.02. Manual do Utilizador Modelo10 no sisgep Manual do Utilizador Modelo10 no sisgep Data última versão: 16.02.2007 Versão : 1.2 Data criação: 26.02.2004 Faro R. Dr. José Filipe Alvares, 31 8005-220 FARO Telf.

Leia mais

Guia de Utilização Gestão de Mensagens Fornecedor Janeiro 2010 PLATAFORMA ELECTRÓNICA VORTAL

Guia de Utilização Gestão de Mensagens Fornecedor Janeiro 2010 PLATAFORMA ELECTRÓNICA VORTAL Guia de Utilização Gestão de Mensagens Fornecedor Janeiro 2010 PLATAFORMA ELECTRÓNICA VORTAL Índice Novo Serviço de Gestão de Mensagens... 3 Criar Mensagens... 4 Layout Criar Mensagens... 4 Processo Criar

Leia mais

OmniTouch 8400 Instant Communications Suite Integração do IBM Lotus Notes

OmniTouch 8400 Instant Communications Suite Integração do IBM Lotus Notes OmniTouch 8400 Instant Communications Suite Guia de referência rápida R6.0 O Alcatel-Lucent OmniTouch 8400 Instant Communications Suite proporciona um elevado nível de serviços quando associado ao IBM

Leia mais

Guia Passo a Passo de Actualização do Windows 8.1

Guia Passo a Passo de Actualização do Windows 8.1 Guia Passo a Passo de Actualização do Windows 8.1 Instalação e Actualização do Windows 8.1 Actualizar o BIOS, aplicações, controladores e executar o Windows Update Seleccionar o tipo de instalação Instalar

Leia mais

1. Verificar se a Microsoft.NET Framework 2.0 está instalada. Se não estiver, efectuar o download a partir do link e instalar:

1. Verificar se a Microsoft.NET Framework 2.0 está instalada. Se não estiver, efectuar o download a partir do link e instalar: SigmaDoc INSTALAÇÃO/ACTUALIZAÇÃO Para efectuar a actualização, proceder do seguinte modo: 1. Verificar se a Microsoft.NET Framework 2.0 está instalada. Se não estiver, efectuar o download a partir do link

Leia mais

Catálogo Nacional de Compras Públicas. Manual de Fornecedores

Catálogo Nacional de Compras Públicas. Manual de Fornecedores 10 de Julho de 2009 Índice 1. Introdução... 3 1.1. Objectivo... 3 2. Fornecedor... 4 2.1. AQs/CPAs... 4 2.2. Contratos... 4 2.3. Grupos AQ/CPA... 5 3. Carregamento e Actualização do Catálogo... 7 3.1.

Leia mais

Objectivos Gerais da Aplicação 5 Requisitos Mínimos e Recomendados 5 Processo de Instalação 6

Objectivos Gerais da Aplicação 5 Requisitos Mínimos e Recomendados 5 Processo de Instalação 6 MANUAL DO UTILIZADOR A informação contida neste manual, pode ser alterada sem qualquer aviso prévio. A Estratega Software, apesar dos esforços constantes de actualização deste manual e do produto de software,

Leia mais

1. O DHCP Dynamic Host Configuration Protocol

1. O DHCP Dynamic Host Configuration Protocol CURSO DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO TIPO 5 2º ANO TÉCNICO DE INFORMÁTICA/INSTALAÇÃO E GESTÃO DE REDES 2008/2009 INSTALAÇÃO REDES CLIENTE SERVIDOR WINDOWS SERVER 2003 Após a instalação Instalação de serviços de

Leia mais

» Quer saber mais sobre a ação de registar e/ou enviar um documento através do GesDoc?

» Quer saber mais sobre a ação de registar e/ou enviar um documento através do GesDoc? » PERGUNTAS MAIS FREQUENTES FAQ s - https://gesdoc.uevora.pt» Quer saber mais sobre a ação de registar e/ou enviar um documento através do GesDoc?» Aqui encontra algumas respostas às perguntas mais frequentes

Leia mais

O QUE É A CENTRAL DE JOGOS?

O QUE É A CENTRAL DE JOGOS? O QUE É A CENTRAL? A Central de Jogos consiste de duas partes: Um site na Internet e um programa de computador (Central) que deve ser instalado em sua máquina. No site www.centraldejogos.com.br, você pode

Leia mais

Guia de Usuário do Servidor do Avigilon Control Center. Versão 5.6

Guia de Usuário do Servidor do Avigilon Control Center. Versão 5.6 Guia de Usuário do Servidor do Avigilon Control Center Versão 5.6 2006-2015 Avigilon Corporation. Todos os direitos reservados. A menos que seja expressamente concedida por escrito, nenhuma licença será

Leia mais

O Manual do Dragon Player. Mike Diehl Ian Monroe Tradução: José Pires

O Manual do Dragon Player. Mike Diehl Ian Monroe Tradução: José Pires Mike Diehl Ian Monroe Tradução: José Pires 2 Conteúdo 1 Introdução 5 2 Seleccionar um Conteúdo 6 3 Características 7 4 Créditos e Licença 8 Resumo O Dragon Player é um leitor de vídeo simples para o KDE.

Leia mais

Conectar diferentes pesquisas na internet por um menu

Conectar diferentes pesquisas na internet por um menu Conectar diferentes pesquisas na internet por um menu Pré requisitos: Elaboração de questionário Formulário multimídia Publicação na internet Uso de senhas na Web Visualização condicionada ao perfil A

Leia mais

Atenção ainda não conecte a interface em seu computador, o software megadmx deve ser instalado antes, leia o capítulo 2.

Atenção ainda não conecte a interface em seu computador, o software megadmx deve ser instalado antes, leia o capítulo 2. Atenção ainda não conecte a interface em seu computador, o software megadmx deve ser instalado antes, leia o capítulo 2. Interface megadmx SA Firmware versão 1, 2 e 3 / software megadmx 2.000 (Windows/MAC

Leia mais

1 Contextualização 3 2 Administração do Joomla 5 3 Painel de controlo 6 3.1 Menu sítio 6 3.2 Menu utilizadores 7 3.3 Outras funcionalidades 8 4

1 Contextualização 3 2 Administração do Joomla 5 3 Painel de controlo 6 3.1 Menu sítio 6 3.2 Menu utilizadores 7 3.3 Outras funcionalidades 8 4 1 Contextualização 3 2 Administração do Joomla 5 3 Painel de controlo 6 3.1 Menu sítio 6 3.2 Menu utilizadores 7 3.3 Outras funcionalidades 8 4 Sistema de armazenamento e criação de conteúdos 9 4.1 Criar

Leia mais

BR DOT COM SISPON: MANUAL DO USUÁRIO

BR DOT COM SISPON: MANUAL DO USUÁRIO BR DOT COM SISPON: MANUAL DO USUÁRIO BAURU 2015 2 BR DOT COM SISPON: MANUAL DO USUÁRIO Manual do usuário apresentado para auxiliar no uso do sistema SisPon. BAURU 2015 3 SUMÁRIO 1 Instalação... 5 1.1 Sispon...

Leia mais

MANUAL DA SECRETARIA

MANUAL DA SECRETARIA MANUAL DA SECRETARIA Conteúdo Tela de acesso... 2 Liberação de acesso ao sistema... 3 Funcionários... 3 Secretaria... 5 Tutores... 7 Autores... 8 Configuração dos cursos da Instituição de Ensino... 9 Novo

Leia mais

CONCEITOS BÁSICOS DE UM SISTEMA OPERATIVO

CONCEITOS BÁSICOS DE UM SISTEMA OPERATIVO 4 CONCEITOS BÁSICOS DE UM SISTEMA OPERATIVO CONCEITOS BÁSICOS MS-DOS MICROSOFT DISK OPERATION SYSTEM INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO DE UM SISTEMA OPERATIVO LIGAÇÕES À INTERNET O que é um sistema operativo?

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL ANO LETIVO DE 2013/2014 Curso de Educação e Formação Tipo 3 Nível 2

PLANIFICAÇÃO ANUAL ANO LETIVO DE 2013/2014 Curso de Educação e Formação Tipo 3 Nível 2 PLANIFICAÇÃO ANUAL ANO LETIVO DE 2013/2014 Curso de Educação e Formação Tipo 3 Nível 2 Itinerário de Formação: 34101.Práticas Técnico-Comerciais Saída Profissional: Empregado/a Comercial Componente de

Leia mais

Manual do KCM Tablet. Jörg Ehrichs Tradução: Marcus Gama Tradução: André Marcelo Alvarenga

Manual do KCM Tablet. Jörg Ehrichs Tradução: Marcus Gama Tradução: André Marcelo Alvarenga Jörg Ehrichs Tradução: Marcus Gama Tradução: André Marcelo Alvarenga 2 Conteúdo 1 Configurações da mesa digitalizadora Wacom 5 1.1 Gerenciamento de perfis.................................. 5 1.2 Configuração

Leia mais

Guia do Utilizador Configurador Online de Instalação

Guia do Utilizador Configurador Online de Instalação Guia do Utilizador Configurador Online de Instalação Perspetiva geral... 2 Indique os detalhes do seu projeto... 2 Selecione os serviços adicionais... 3 Guarde o projeto... 4 Confirme a encomenda... 5

Leia mais

Gestor de Janelas Gnome

Gestor de Janelas Gnome 6 3 5 Gestor de Janelas Gnome Nesta secção será explicado o funcionamento de um dos ambientes gráficos disponíveis no seu Linux Caixa Mágica, o Gnome. Na figura 5.1 apresentamos o GDM, o sistema gráfico

Leia mais

PAINEL DE ADMINISTRADOR

PAINEL DE ADMINISTRADOR PAINEL DE ADMINISTRADOR IMPORTANTE: O Painel de administrador APENAS deverá ser utilizado pelo responsável do sistema. são: Nesta aplicação, poderá configurar todo o sistema de facturação. As opções do

Leia mais

COMO LIGAR E CONFIGURAR

COMO LIGAR E CONFIGURAR 1 2 GUIA DE INSTALAÇÃO RÁPIDA COMO LIGAR E CONFIGURAR carregar a bateria O utilizador deverá, em primeiro lugar, carregar a bateria do sistema. A primeira carga deverá ter um tempo ininterrupto de 6 horas.

Leia mais

Início Rápido: Registar para o Centro de Negócios da Microsoft

Início Rápido: Registar para o Centro de Negócios da Microsoft Guia do Cliente O Centro de Negócios da Microsoft permite que as pessoas em sua organização exibam com segurança contratos de compras, exibam pedidos de licenciamento por volume, efetuem o download do

Leia mais

Motorola Phone Tools. Início Rápido

Motorola Phone Tools. Início Rápido Motorola Phone Tools Início Rápido Conteúdo Requisitos mínimos...2 Antes da instalação Motorola Phone Tools...3 Instalar Motorola Phone Tools...4 Instalação e configuração do dispositivo móvel...6 Registro

Leia mais

Segurança e recuperação Manual do utilizador

Segurança e recuperação Manual do utilizador Segurança e recuperação Manual do utilizador Copyright 2007-2009 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Microsoft é uma marca comercial registada da Microsoft Corporation nos E.U.A. As informações contidas

Leia mais

Sistemas Operacionais. Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com

Sistemas Operacionais. Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com Sistemas Operacionais Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com Estruturas de Sistemas Operacionais Um sistema operacional fornece o ambiente no qual os programas são executados. Internamente,

Leia mais

Apontamento Técnico No. 10, Julho de 2014 Como fazer inquéritos com FrontlineSMS versão 2.2.1

Apontamento Técnico No. 10, Julho de 2014 Como fazer inquéritos com FrontlineSMS versão 2.2.1 Apontamento Técnico No. 10, Julho de 2014 Como fazer inquéritos com FrontlineSMS versão 2.2.1 Sumário Enquadramento... 2 1. Introdução... 2 Como criar um inquérito?... 3 Digite a Pergunta... 3 Lista de

Leia mais

Manual do KSudoku. Mick Kappenburg Eugene Trounev Ian Wadham Tradução: José Pires

Manual do KSudoku. Mick Kappenburg Eugene Trounev Ian Wadham Tradução: José Pires Mick Kappenburg Eugene Trounev Ian Wadham Tradução: José Pires 2 Conteúdo 1 Introdução 5 2 Como Jogar 6 3 Regras do Jogo, Estratégias e Sugestões 8 3.1 Regras Gerais do Jogo...................................

Leia mais

Como enviar e receber correio eletrónico utilizando o Gmail

Como enviar e receber correio eletrónico utilizando o Gmail Como enviar e receber correio eletrónico utilizando o Gmail Este módulo pressupõe que que já tenha criado uma conta de correio eletrónico no Gmail (caso já não se recorde como deve fazer, consulte o nosso

Leia mais

2007 Nokia. Todos os direitos reservados. Nokia, Nokia Connecting People, Nseries e N77 são marcas comerciais ou marcas registadas da Nokia

2007 Nokia. Todos os direitos reservados. Nokia, Nokia Connecting People, Nseries e N77 são marcas comerciais ou marcas registadas da Nokia Nokia Lifeblog 2.5 2007 Nokia. Todos os direitos reservados. Nokia, Nokia Connecting People, Nseries e N77 são marcas comerciais ou marcas registadas da Nokia Corporation. Os nomes de outros produtos e

Leia mais

Ajuda do software OBELISK top2 V3.0

Ajuda do software OBELISK top2 V3.0 Ajuda do software OBELISK top2 V3.0 Índice Índice 1 Introdução 2 2 Ajuda da ajuda 3 3 Iniciar o programa 3 4 Interface do utilizador 4 5 Configurações do programa 6 6 Programar comutações 8 7 Programar

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. EcclesiaSoft 2012. v.01

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. EcclesiaSoft 2012. v.01 MANUAL DE UTILIZAÇÃO EcclesiaSoft 2012 v.01 1 CONTEÚDO 1. Apresentação:... 4 2. Instalação... 5 3. Configurações iniciais... 5 4. Secretaria... 6 4.1. Criação de uma nova ficha... 8 4.2. Listagem de Pessoas...

Leia mais

OneTouch ZOOM Pro Diabetes Management Software. Guia de Instalação. Procedimento de instalação

OneTouch ZOOM Pro Diabetes Management Software. Guia de Instalação. Procedimento de instalação OneTouch ZOOM Pro Diabetes Management Software com SnapShot Guia de Instalação Procedimento de instalação 1. Insira o CD de instalação do OneTouch Zoom Pro na unidade de CD-ROM. NOTA: Se instalar o programa

Leia mais

Facturação Guia do Utilizador

Facturação Guia do Utilizador Facturação Guia do Utilizador Facturação Como se utiliza 2 1 Como se utiliza Todas as opções do sistema estão acessíveis através do menu: ou do menu: O Menu caracteriza-se pelas seguintes funcionalidades:

Leia mais

QL-500 QL-560 QL-570 QL-650TD QL-1050

QL-500 QL-560 QL-570 QL-650TD QL-1050 QL-500 QL-560 QL-570 QL-650TD QL-1050 Manual de instalação do software Português LB9155001 Funcionalidades P-touch Editor Controlador da impressora P-touch Address Book (apenas Windows ) Introdução Torna

Leia mais

2ºCiclo (5º e 6º Anos de escolaridade) 3ºCiclo (7º e 8º Anos de escolaridade)

2ºCiclo (5º e 6º Anos de escolaridade) 3ºCiclo (7º e 8º Anos de escolaridade) Escola Básica e Secundária de Velas Linhas de Exploração do Quadro de da Disciplina de Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) Oferta de Escola 2ºCiclo (5º e 6º Anos de escolaridade) 3ºCiclo (7º

Leia mais

Generated by Foxit PDF Creator Foxit Software http://www.foxitsoftware.com For evaluation only. Capitulo 1

Generated by Foxit PDF Creator Foxit Software http://www.foxitsoftware.com For evaluation only. Capitulo 1 Capitulo 1 Montagem de duas pequenas redes com a mesma estrutura. Uma é comandada por um servidor Windows e outra por um servidor linux, os computadores clientes têm o Windows xp Professional instalados.

Leia mais

XPontos. Manual de Instruções

XPontos. Manual de Instruções XPontos Manual de Instruções 2 XPontos LIGAR O EQUIPAMENTO Na parte inferior do equipamento, ligar o cabo de alimentação de acordo com a ilustração. COLOCAR O ROLO PARA IMPRESSÃO Pressionar o botão OPEN

Leia mais

Actualização, Cópias de Segurança e Recuperação de Software

Actualização, Cópias de Segurança e Recuperação de Software Actualização, Cópias de Segurança e Recuperação de Software Manual do utilizador Copyright 2007 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Windows é uma marca comercial registada da Microsoft Corporation

Leia mais

Instruções para o participante no Curso de e-learning. Esquizofrenia Questões Aprofundadas

Instruções para o participante no Curso de e-learning. Esquizofrenia Questões Aprofundadas Instruções para o participante no Curso de e-learning CONTEÚDO Pág. 1 Introdução 3 2 - Aceder ao site 2.1 Entrar em www.saude-mental.net 3 2.2 Aceder ao e-learning Saúde Mental 4 2.3 Introdução do seu

Leia mais

Requerimentos e Especificações de Software

Requerimentos e Especificações de Software 1 Requerimentos e Especificações de Software ConfiKeeper Version 2.0, 16-11-2014 by SyncMasters: Carlos Paiva, 2009108909, cpaiva@student.dei.uc.pt Inês Parente, 2012152484, iparente@student.dei.uc.pt

Leia mais

Introdução aos Sistemas Informáticos

Introdução aos Sistemas Informáticos I 1. Veja o conteúdo do disco rígido abrindo O meu computador, mude de vistas e comente. 2. Se lhe for possível, mude a hora e a data do sistema através do Painel de Controlo para a meia noite do dia 1

Leia mais

Programação 2008/2009 MEEC Guia de instalação do PC de programação

Programação 2008/2009 MEEC Guia de instalação do PC de programação Programação 2008/2009 MEEC Guia de instalação do PC de programação Requisitos: PC 1Gbyte de memória Windows, Linux ou Mac OS X. Aplicação Virtualbox. (www.virtualbox.org) O uso de máquinas virtuais permite

Leia mais

ESTRATÉGIAS /ACTIVIDADES. Fazer uma abordagem teórica e simples

ESTRATÉGIAS /ACTIVIDADES. Fazer uma abordagem teórica e simples Conhecer os conceitos básicos relacionados com as Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC). Conhecer a terminologia relacionada com as TIC Caracterizar informação Identificar e caracterizar as áreas

Leia mais

Copyright 2004-2005 GrupoPIE Portugal, S.A.

Copyright 2004-2005 GrupoPIE Portugal, S.A. Unidade Modelo WinREST A Restauração do Séc. XXI Dossier Unidade Modelo Copyright 2004-2005 GrupoPIE Portugal, S.A. UNIDADE MODELO WinREST Dossier do projecto da Unidade modelo Versão: 1 Nº de Actualizações:

Leia mais

13/10/11 TIPOS DE UTILITÁRIOS UTILITÁRIOS 0798 INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO TIPOS DE UTILITÁRIOS TIPOS DE UTILITÁRIOS

13/10/11 TIPOS DE UTILITÁRIOS UTILITÁRIOS 0798 INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO TIPOS DE UTILITÁRIOS TIPOS DE UTILITÁRIOS 2 OBJETIVOS E COMPETÊNCIAS OBJETIVOS Instalar e configurar utilitários sobre o sistema operativo (SO). UTILITÁRIOS 0798 COMPETÊNCIAS No final do curso os/as formandos/as deverão ser capazes de utilizar

Leia mais

Redes Ponto a Ponto. Os drivers das placas de rede devem estar instalados.

Redes Ponto a Ponto. Os drivers das placas de rede devem estar instalados. Redes Ponto a Ponto É fácil configurar uma rede ponto-a-ponto em qualquer versão do Windows. Antes entretanto é preciso tomar algumas providências em relação ao hardware: Todos os computadores devem estar

Leia mais

Coloque o CD-ROM Sweex no leitor de CD-ROM e clique em Drivers and Software (Controladores e software).

Coloque o CD-ROM Sweex no leitor de CD-ROM e clique em Drivers and Software (Controladores e software). Adaptador Cardbus de rede local LW056V2 sem fios da Sweex de 54 Mbps Introdução Não exponha o Adaptador Cardbus de rede local sem fios da Sweex de 54 Mbps a temperaturas extremas. Não exponha o dispositivo

Leia mais

Introdução. Conteúdo da embalagem. Especificações. Requisitos de sistema. Versão Portuguesa SWEEX.COM. IP001 Sweex USB Internet Phone with Display

Introdução. Conteúdo da embalagem. Especificações. Requisitos de sistema. Versão Portuguesa SWEEX.COM. IP001 Sweex USB Internet Phone with Display Introdução IP001 Sweex USB Internet Phone with Display Gostaríamos de agradecer o facto de ter adquirido o Sweex USB Internet Phone with Display. Com este telefone, fácil de ligar, pode fazer telefonemas

Leia mais

iseries Como começar com a resolução de problemas

iseries Como começar com a resolução de problemas iseries Como começar com a resolução de problemas iseries Como começar com a resolução de problemas Copyright International Business Machines Corporation 1998, 2001. Todos os direitos reservados. Índice

Leia mais