INFORMAÇÕES ESSENCIAIS COMPATÍVEIS COM O RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INFORMAÇÕES ESSENCIAIS COMPATÍVEIS COM O RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO"

Transcrição

1 INFORMAÇÕES ESSENCIAIS COMPATÍVEIS COM O RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO i) DENOMINAÇÃO DO MEDICAMENTO Sevoflurano Baxter 100%, líquido para inalação por vaporização. ii) COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Sevoflurano 100%. O medicamento é composto unicamente pela substância activa. iii) FORMA FARMACÊUTICA Líquido para inalação por vaporização. Líquido transparente, incolor. iv) INDICAÇÕES TERAPÊUTICAS Indução e manutenção da anestesia geral em adultos e crianças. v) POSOLOGIA E MODO DE ADMINISTRAÇÃO Sevoflurano deve ser administrado através de um vaporizador especificamente calibrado para utilização com Sevoflurano, para que a concentração administrada seja controlada de forma precisa. Os valores de concentração alveolar mínima (CAM) para o Sevoflurano diminuem conforme aumenta a idade do doente e com a adição de óxido nitroso. A dosagem deve ser individualizada e titulada conforme o efeito pretendido, conforme a idade e estado clínico do doente. Efeito da idade na CAM do Sevoflurano Idade do doente(anos) Sevoflurano (%) em oxigénio Sevoflurano(%) em N 2 O 60%/O 2 40% 0-1 meses # 3,3 Não disponível 1 - <6 meses 3,0 Não disponível 6 meses - <1 ano 2,8 Não disponível 1 ano - <3 anos 2,6 2,0 3-<5 2,5 Não disponível ,4 Não disponível 25 2,5 1,4 35 2,2 1,2 40 2,05 1,1 50 1,8 0, ,6 0, ,4 0,70 # Neonatos de idade gestacional completa. A CAM em neonatos nascidos antes de termo ainda não foi determinada. Indução da Anestesia Pode ser administrado um barbitúrico de acção curta ou outro agente intravenoso de indução, seguido da inalação de Sevoflurano. A indução com Sevoflurano só pode ser obtida pela inalação de Sevoflurano a 0,5-1,0% em oxigénio (O2) com ou sem óxido nitroso (N2O), com aumentos por incrementos de 0,5-10% de Sevoflurano, até ao máximo de 8% em adultos e crianças, até que seja alcançada a profundidade de anestesia necessária. Informações Essenciais Compatíveis com o Resumo das Características do Medicamento_ vs.promocional002 1

2 Em adultos, as concentrações inspiradas até 5% de Sevoflurano produzem geralmente anestesia cirúrgica em menos de dois minutos. Em crianças, as concentrações inspiradas até 7% de Sevoflurano produzem geralmente anestesia cirúrgica em menos de dois minutos. Manutenção da Anestesia Os níveis cirúrgicos da anestesia podem ser mantidos por inalação de Sevoflurano a 0,5-3% em O 2 com ou sem N 2 O. vi) CONTRA-INDICAÇÕES Hipersensibilidade conhecida ao Sevoflurano ou a outros anestésicos halogenados. História clínica de disfunção hepática moderada a grave não explicada com icterícia, febre e eosinofilia depois da anestesia com Sevoflurano. Susceptibilidade conhecida ou suspeita de hipertermia maligna. vii) EFEITOS INDESEJÁVEIS Como para outros anestésicos por inalação, o Sevoflurano pode provocar depressão cardíaca e respiratória, dependendo da dose. A maioria dos efeitos indesejáveis é leve a moderada em gravidade e de natureza transitória. Foram assinalados náusea e vómitos no período pós-operatório sintomas comuns após cirurgias realizadas sob anestesia geral que podem ser devidos ao anestésico por inalação, outros medicamentos administrados durante ou depois da cirurgia, ou à reacção do doente à operação. Doenças do sangue e do sistema linfático Pouco frequentes ( 1/ <1/100): Leucocitose, leucopenia. Doenças do metabolismo e da nutrição Pouco frequentes ( 1/ <1/100): Hiperglicemia. Perturbações do foro psiquiátrico Muito frequentes ( 1/10): Agitação (23% doentes pediátricos). Frequentes ( 1/100 - <1/10): Agitação. Pouco frequentes ( 1/ <1/100): Confusão. Doenças do sistema nervoso Frequentes ( 1/100 - <1/10): Sonolência, dor de cabeça, tonturas, tremores. Raros ( 1/ <1/1000): Movimentos distónicos. Muito raros ( 1/10.000): Convulsões epileptiformes. Cardiopatias Muito frequentes ( 1/10): Bradicardia (doentes idosos). Frequentes ( 1/100 - <1/10): Bradicardia, taquicardia. Pouco frequentes ( 1/ <1/100): Arritmias cardíacas (incluindo arritmias ventriculares), fibrilação auricular, extra-sístoles (ventriculares, supraventriculares, bigeminado-ligado), bloqueio AV completo. Muito raros ( 1/10.000): Edema pulmonar. Vasculopatias Muito frequentes ( 1/10): Hipotensão. Frequentes ( 1/100 - <1/10): Hipertensão. Doenças respiratórias, torácicas e do mediastino Muito frequentes ( 1/10): Tosse (doentes pediátricos). Frequentes ( 1/100 - <1/10): Tosse, depressão respiratória, espasmos da laringe. Pouco frequentes ( 1/ <1/100): Apneia, asma, hipóxia. Informações Essenciais Compatíveis com o Resumo das Características do Medicamento_ vs.promocional002 2

3 Doenças gastrointestinais Muito frequentes ( 1/10): Náusea (24%), vómitos (17%). Frequentes ( 1/100 - <1/10): Salivação aumentada. Afecções hepatobiliares Raros ( 1/ <1/1000): Disfunção hepática, hepatite. Doenças renais e urinárias Pouco frequentes (<1/100-1/1000): Retenção de urina, glicosúria. Muito raros ( 1/10.000): Insuficiência renal aguda. Perturbações gerais e alterações no local de administração Frequentes ( 1/100 - <1/10): Febre, calafrios. Raros ( 1/ <1/1000): Hipertermia maligna. Exames complementares de diagnóstico Frequentes ( 1/100 - <1/10): Níveis aumentados de SGOT. Pouco frequentes ( 1/ <1/100): Níveis aumentados de LDH, fosfatase alcalina e SGPT, creatinina sérica aumentada. Complicações de intervenções relacionadas com lesões e intoxicações Frequentes ( 1/100 - <1/10): Hipotermia. Experiência após a introdução no mercado: Foram assinalados raros casos de reacções alérgicas, tais como rash, urticária, prurido, broncoespasmo, reacções anafilácticas ou anafilactóides Os relatórios após a introdução no mercado indicam que a utilização de Sevoflurano tem sido associada a doenças súbitas. A maioria dos casos ocorreu em crianças e adultos jovens, na maior parte dos casos, sem factores de riscos predisponentes. Vários casos não incluíam medicações concomitantes e pelo menos um caso foi confirmado por electroencefalografia (EEG). Embora muitos casos fossem de doenças súbitas únicas que se resolveram espontaneamente ou após tratamento, foram também assinalados casos de doenças súbitas múltiplas. As doenças súbitas ocorreram durante ou pouco depois da indução por Sevoflurano, durante o despertar e durante a recuperação pós-operatória, até um dia após a anestesia. viii) ADVERTÊNCIAS E PRECAUÇÕES ESPECIAIS DE UTILIZAÇÃO Sevoflurano deve ser administrado unicamente por indivíduos com formação adequada na administração de anestesia geral. Os dispositivos para a manutenção das vias aéreas, ventilação artificial, enriquecimento de oxigénio e ressuscitação circulatória devem estar imediatamente disponíveis. Todos os doentes anestesiados com Sevoflurano devem ser constantemente monitorizados, incluindo electrocardiograma (ECG), pressão sanguínea (PS), saturação de oxigénio e volume final de expiração de dióxido de carbono (CO 2 ). Sevoflurano deve ser administrado através de um vaporizador especificamente calibrado para utilização com Sevoflurano, para que a concentração administrada seja controlada de forma precisa. A hipotensão e a depressão respiratória aumentam à medida que a anestesia é aprofundada. Durante a manutenção da anestesia, o aumento da concentração de Sevoflurano resulta em diminuições da pressão sanguínea dependentes da dose. Uma redução excessiva da pressão sanguínea pode ser corrigida reduzindo-se a concentração de Sevoflurano. A recuperação da anestesia geral deve ser cuidadosamente avaliada antes de permitir que os doentes deixem a sala de recuperação. Deve-se ter um cuidado especial ao seleccionar a dosagem para doentes hipovolémicos, hipotensos ou debilitados. Dado que existe pouca experiência relativamente a doentes com disfunção renal (creatinina sérica 1,5 mg/dl ou 135 micromol/l), o Sevoflurano deve ser administrado com precaução a este grupo de doentes; a função renal deve ser monitorizada no pós-operatório. Informações Essenciais Compatíveis com o Resumo das Características do Medicamento_ vs.promocional002 3

4 Deve-se ter prudência na anestesia obstétrica devido ao efeito relaxante do Sevoflurano no útero e aumento das hemorragias uterinas. A utilização repetida deve ser abordada com precaução. A manutenção da estabilidade hemodinâmica é importante para evitar a isquémia do miocárdio em doentes com doenças das coronárias. Em doentes com risco de elevações da pressão intracraniana (PIC), o Sevoflurano deve ser administrado com precaução, juntamente com procedimentos de redução da PIC, como a hiperventilação. Hipertermia maligna: Em indivíduos susceptíveis, o Sevoflurano pode provocar um estado hipermetabólico nos músculos esqueléticos, levando a uma elevada exigência de oxigénio e ao síndroma conhecido como hipertermia maligna. Foram assinalados casos raros de hipertermia maligna com a utilização de Sevoflurano. O tratamento inclui a descontinuação dos agentes causais (por exemplo, Sevoflurano), a administração de dantroleno sódico e a aplicação de terapêutica de apoio. A insuficiência renal pode aparecer mais tarde e a produção de urina deve ser monitorizada e mantida, se possível. Os movimentos distónicos, que desaparecem sem tratamento, são observados em crianças que receberam Sevoflurano para indução de anestesia. A sua relação com o Sevoflurano é incerta. O aparecimento é geralmente rápido após a anestesia com Sevoflurano; portanto, os doentes podem vir a necessitar um alívio precoce das dores no pós-operatório. O rápido aparecimento em crianças pode evocar brevemente um estado de agitação e dificultar a cooperação (em cerca de 25% das crianças anestesiadas). A utilização de Sevoflurano foi associada a doenças súbitas. A maioria destas ocorreu em crianças e adultos jovens, dos quais a maior parte dos casos, não tinham história clínica de doenças súbiras. Deve-se estabelecer uma avaliação clínica quando se utiliza Sevoflurano em dontes que possam apresentar o risco de doenças súbitas. Nas crianças, a limitação da profundidade da anestesia é portanto essencial. A ampla utilização da monitorização da função cerebral (electroencefalografia (EEG)) pode permitir a optimização da dosagem de Sevoflurano e ajudar a evitar a supressão de episódios e sinais epileptiformes importantes em doentes frágeis, nomeadamente nos muito jovens ou muito idosos. Foram assinalados casos raros de disfunção hepática pós-operatória leve, moderada ou grave ou de hepatite (com ou sem icterícia). Recomenda-se precaução quando o Sevoflurano é utilizado em doentes com problemas hepáticos subjacentes ou naqueles que estão a receber tratamentos com medicações reconhecidamente provocadoras de disfunção hepática. Em doentes que sofreram lesão hepática, icterícia, febre inexplicada ou eosinofilia após a administração de outros anestésicos de inalação, recomenda-se evitar a administração de Sevoflurano, se for possível a anestesia com medicamentos intravenosos ou de anestesia regional. Substituição da cal absorvente de CO 2 seca A reacção exotérmica entre o Sevoflurano e a cal absorvente de CO 2 é reforçada quando a cal absorvente de CO 2 está seca, por exemplo após um período mais extenso com corrente de gás seco sobre o recipiente com cal absorvente de CO 2. Foram assinalados casos raros de calor extremo, fumo e/ou fogo espontâneo no vaporizador de anestesia durante a utilização de Sevoflurano juntamente com cal absorvente seca. Um atraso imprevisto no aumento da concentração inspirada de Sevoflurano ou uma diminuição imprevista da concentração inspirada de Sevoflurano, relativamente ao ajuste do vaporizador, podem constituir um sinal de sobreaquecimento do recipiente de cal absorvente de CO 2. Se o médico responsável suspeitar que a cal absorvente de CO 2 esteja seca, esta deve ser substituída antes da administração de Sevoflurano. O indicador colorido presente na maioria das cais absorventes de CO 2 não muda necessariamente de cor quando seco. Portanto, a Informações Essenciais Compatíveis com o Resumo das Características do Medicamento_ vs.promocional002 4

5 ausência de indicação de mudança de cor não deve ser considerada como um sinal seguro de humidade suficiente. A cal absorvente de CO 2 deve ser substituída regularmente, independentemente do indicador colorido. ix) INTERACÇÕES MEDICAMENTOSAS E OUTRAS FORMAS DE INTERACÇÃO A inalação concomitante de N 2 O (óxido nitroso) aumenta o efeito do Sevoflurano. Em particular, o Sevoflurano aumenta o efeito de relaxantes musculares não despolarizantes. A dosagem destes agentes deve ser ajustada quando administrados com Sevoflurano. É de esperar que as benzodiazepinas e os opiáceos reduzam a CAM do Sevoflurano na mesma proporção do que outros anestésicos inalados. O Sevoflurano pode aumentar os efeitos ionotrópicos, cronotrópicos e dromotrópicos negativos dos bloqueadores beta através do bloqueio dos mecanismos de compensação cardiovascular. O Sevoflurano é similar ao isoflurano na sensibilização do miocárdio ao efeito arritmogénico da adrenalina administrada por via exógena. A dose limite de adrenalina que produz arritmias ventriculares múltiplas foi determinada como de 5 microgramas por Kg. Os medicamentos e compostos que aumentam a actividade da isoenzima CYP2E1 do citocromo P450, como a isoniazida e o álcool, podem aumentar o metabolismo do Sevoflurano e levar a aumentos significativos nas concentrações plasmáticas de flúor. Existe um risco de episódios agudos de hipertensão com a utilização concomitante de Sevoflurano e medicamentos simpaticomiméticos indirectos (anfetaminas, efedrina). Foi observada disfunção de condução atrioventricular quando foram administrados simultaneamente verapamil e Sevoflurano. MSRM restrita - Alínea a) do Artigo 118º do D.L. 176/2006 Para mais informações deverá contactar o titular da autorização de introdução no mercado. Informações Essenciais Compatíveis com o Resumo das Características do Medicamento_ vs.promocional002 5

predisposição a diabetes, pois Ablok Plus pode mascarar os sinais e sintomas da hipoglicemia ou causar um aumento na concentração da glicose

predisposição a diabetes, pois Ablok Plus pode mascarar os sinais e sintomas da hipoglicemia ou causar um aumento na concentração da glicose ABLOK PLUS Ablok Plus Atenolol Clortalidona Indicações - ABLOK PLUS No tratamento da hipertensão arterial. A combinação de baixas doses eficazes de um betabloqueador e umdiurético nos comprimidos de 50

Leia mais

ALENIA Fumarato de Formoterol/Budesonida 6/100mcg e 6/200mcg Cápsulas FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES - ALENIA

ALENIA Fumarato de Formoterol/Budesonida 6/100mcg e 6/200mcg Cápsulas FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES - ALENIA ALENIA Fumarato de Formoterol/Budesonida 6/100mcg e 6/200mcg Cápsulas FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES - ALENIA Embalagem contendo 60 cápsulas de ALENIA (fumarato de formoterol/budesonida) 6/100 mcg

Leia mais

APROVADO EM 17-05-2004 INFARMED

APROVADO EM 17-05-2004 INFARMED RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. DENOMINAÇÃO DO MEDICAMENTO Septanest 1/200,000, 40 mg/ml + 5 µg/ml, solução injectável. 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA 1 ml contém cloridrato de articaína

Leia mais

As ampolas de Nolotil também não deverão ser utilizadas em:

As ampolas de Nolotil também não deverão ser utilizadas em: Folheto informativo: Informação para o utilizador Nolotil 2000 mg/5 ml solução injetável Metamizol magnésico Leia com atenção todo este folheto antes de começar a utilizar este medicamento pois contém

Leia mais

BULA PACIENTE AMINOLEX HALEX ISTAR

BULA PACIENTE AMINOLEX HALEX ISTAR BULA PACIENTE AMINOLEX HALEX ISTAR SOLUÇÃO INJETÁVEL 24 mg/ml Aminolex IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Aminolex FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÕES Solução injetável 24mg/ml. Ampola de vidro de 10 ml Solução

Leia mais

ALTERAÇÕES A INCLUIR NAS SECÇÕES RELEVANTES DO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DOS MEDICAMENTOS QUE CONTENHAM NIMESULIDA (FORMULAÇÕES SISTÉMICAS)

ALTERAÇÕES A INCLUIR NAS SECÇÕES RELEVANTES DO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DOS MEDICAMENTOS QUE CONTENHAM NIMESULIDA (FORMULAÇÕES SISTÉMICAS) ANEXO III 58 ALTERAÇÕES A INCLUIR NAS SECÇÕES RELEVANTES DO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DOS MEDICAMENTOS QUE CONTENHAM NIMESULIDA (FORMULAÇÕES SISTÉMICAS) Adições aparecem em itálico e sublinhado; rasuras

Leia mais

Comissão Examinadora do Título Superior em Anestesiologia

Comissão Examinadora do Título Superior em Anestesiologia Rua Professor Alfredo Gomes, 36 - Botafogo - Rio de Janeiro/RJ - CEP 22251-080 Tel: (21) 2537-8100 Fax: (21) 2537-8188 Portal: http://www.sba.com.br E-Mail: sba2000@openlink.com.br Departamento de Anestesiologia

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO. Cada comprimido contém 0,1 mg de levotiroxina sódica

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO. Cada comprimido contém 0,1 mg de levotiroxina sódica RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO Letter 0,1 mg comprimido 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada comprimido contém 0,1 mg de levotiroxina sódica Excipientes: 0,75

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO Bromexina Bluepharma 0,8 mg/ml, xarope 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada ml de xarope contém 0,8 mg de cloridrto de bromexina.

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO. Cada comprimido revestido contém 20 mg de Trimetazidina dicloridrato.

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO. Cada comprimido revestido contém 20 mg de Trimetazidina dicloridrato. RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO Trimetazidina Jaba 20 mg Comprimidos Revestidos 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada comprimido revestido contém 20 mg de Trimetazidina

Leia mais

DDAVP Hemo Laboratórios Ferring acetato de desmopressina. IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO DDAVP Hemo acetato de desmopressina

DDAVP Hemo Laboratórios Ferring acetato de desmopressina. IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO DDAVP Hemo acetato de desmopressina DDAVP Hemo Laboratórios Ferring acetato de desmopressina IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO DDAVP Hemo acetato de desmopressina APRESENTAÇÕES Solução Injetável de 15 mcg/ml de acetato de desmopressina disponível

Leia mais

MODELO DE BULA PARA O PACIENTE

MODELO DE BULA PARA O PACIENTE MODELO DE BULA PARA O PACIENTE I) IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO: SEVORANE sevoflurano APRESENTAÇÕES Inalante: 1 ml/ml: embalagem contendo 1 frasco de 100 ml ou 250 ml VIA INALATÓRIA USO ADULTO E PEDIÁTRICO

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Abcd. Atrovent brometo de ipratrópio 0,250 mg/ml

IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Abcd. Atrovent brometo de ipratrópio 0,250 mg/ml IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Abcd Atrovent brometo de ipratrópio 0,250 mg/ml FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO Solução a 0,025% para inalação, frasco com 20 ml USO INALATÓRIO USO ADULTO E PEDIÁTRICO Composição

Leia mais

Modelo de Bula AstraZeneca do Brasil Ltda.

Modelo de Bula AstraZeneca do Brasil Ltda. Modelo de Bula AstraZeneca do Brasil Ltda. XYLOPROCT lidocaína - 21-acetato de hidrocortisona subacetato de alumínio - óxido de zinco FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO Pomada. Embalagem com bisnaga contendo

Leia mais

Anexo III. Alterações a secções relevantes do resumo das características do medicamento e folhetos informativos

Anexo III. Alterações a secções relevantes do resumo das características do medicamento e folhetos informativos Anexo III Alterações a secções relevantes do resumo das características do medicamento e folhetos informativos Nota: Este Resumo das Características do Medicamento e o folheto informativo resultam do procedimento

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO. Bicalutamida Stada 50 mg Comprimidos revestidos por película

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO. Bicalutamida Stada 50 mg Comprimidos revestidos por película RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO Bicalutamida Stada 50 mg Comprimidos revestidos por película 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA 1 comprimido contém 50 mg de bicalutamida

Leia mais

cloridrato de donepezila Comprimido revestido - 5 mg Comprimido revestido - 10 mg

cloridrato de donepezila Comprimido revestido - 5 mg Comprimido revestido - 10 mg cloridrato de donepezila Comprimido revestido - 5 mg Comprimido revestido - 10 mg BULA PARA PACIENTE Bula de acordo com a Resolução-RDC nº 47/2009 cloridrato de donepezila Medicamento genérico Lei nº 9.787,

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO YODAFAR 200 microgramas comprimidos YODAFAR 300 microgramas comprimidos 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA YODAFAR 200 microgramas

Leia mais

sulfato de terbutalina

sulfato de terbutalina sulfato de terbutalina União Química Farmacêutica Nacional S.A. Solução injetável 0,5 mg/ml sulfato de terbutalina Medicamento genérico, Lei nº 9.787, de 1999 Solução injetável IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO

Leia mais

Folheto informativo: Informação para o utilizador. Norcuron 4 mg pó para solução injetável Norcuron 10 mg pó para solução injetável

Folheto informativo: Informação para o utilizador. Norcuron 4 mg pó para solução injetável Norcuron 10 mg pó para solução injetável Folheto informativo: Informação para o utilizador Norcuron 4 mg pó para solução injetável Norcuron 10 mg pó para solução injetável Brometo de vecurónio Leia com atenção todo este folheto antes de começar

Leia mais

Bicalutamida inibe o estímulo androgênico, resultando assim na regressão dos tumores prostáticos.

Bicalutamida inibe o estímulo androgênico, resultando assim na regressão dos tumores prostáticos. BICALUTAMIDA Medicamento genérico Lei n 9.787, de 1999 Oral Comprimido revestido USO ADULTO Forma Farmacêutica e Apresentação da Bicalutamida Embalagem com 30 comprimidos contendo 50 mg de bicalutamida.

Leia mais

Medicamentos que contêm dextropropoxifeno com Autorização de Introdução no Mercado na União Europeia. Romidon 75mg/2ml Solução injectável

Medicamentos que contêm dextropropoxifeno com Autorização de Introdução no Mercado na União Europeia. Romidon 75mg/2ml Solução injectável ANEXO I LISTA DAS DENOMINAÇÕES FORMAS FARMACÊUTICAS, DOSAGENS, VIA DE ADMINISTRAÇÃO DOS MEDICAMENTOS, DOS TITULARES DAS AUTORIZAÇÕES DE INTRODUÇÃO NO MERCADO NOS ESTADOS-MEMBROS 1 Medicamentos que contêm

Leia mais

Modelo de Bula - AstraZeneca

Modelo de Bula - AstraZeneca SYMBICORT fumarato de formoterol diidratado/ budesonida TURBUHALER 6/100 mcg/inalação Modelo de Bula - AstraZeneca CONFIDENCIAL FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO Pó inalante. 6/100 mcg/inalação. Embalagem

Leia mais

MODELO DE BULA PARA O PACIENTE. Cada ml contém: levosimendana... 2,5 mg Excipientes: polividona, ácido cítrico e etanol.

MODELO DE BULA PARA O PACIENTE. Cada ml contém: levosimendana... 2,5 mg Excipientes: polividona, ácido cítrico e etanol. MODELO DE BULA PARA O PACIENTE IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO: SIMDAX levosimendana Formas Farmacêuticas, vias de administração e apresentações: SIMDAX (levosimendana) 2,5 mg/ml: embalagens com 1 frasco-ampola

Leia mais

COMPOSIÇÃO: COMPRIMIDOS 200 mg 400 mg Carbamazepina DCB 0187.01-1... 200 mg... 400 mg Excipiente q.s.p... 1 comp... 1 comp.

COMPOSIÇÃO: COMPRIMIDOS 200 mg 400 mg Carbamazepina DCB 0187.01-1... 200 mg... 400 mg Excipiente q.s.p... 1 comp... 1 comp. Tegretard Carbamazepina Comprimidos de 200 mg e 400 mg FORMA FARMACÊUTICA E DE APRESENTAÇÃO: Comprimidos: 200 mg e 400 mg Embalagem com 2 e 20 blisteres com 10 comprimidos COMPOSIÇÃO: COMPRIMIDOS 200 mg

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO. Cada bisnaga contém 0,60 g de cloridrato de diltiazem (equivalente a 2%).

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO. Cada bisnaga contém 0,60 g de cloridrato de diltiazem (equivalente a 2%). RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO Anotrit 20 mg/g pasta cutânea 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada bisnaga contém 0,60 g de cloridrato de diltiazem (equivalente

Leia mais

EFEITO DAS DROGAS NO CORAÇÃO

EFEITO DAS DROGAS NO CORAÇÃO EFEITO DAS DROGAS NO CORAÇÃO Dra. Ana Paula Cabral Ramidan 2º CURSO DE FORMAÇÃO DE AGENTES MULTIPLICADORES EM PREVENÇÃO ÀS DROGAS CORAÇÃO FONTE: http://www.google.com/imgres?imgurl=http://1.bp.blogspot.com/-hrgazxrptx4/tu8antmk2ai/aaaaaaaake0/mkgmvoud1fa/s1600/coracao.jpg&imgrefurl=http://toinhoffilho.blogspot.com/2011/12/cienciasvale-apensa-saber-coracao-uma.html&usg=

Leia mais

Sulfato de Terbutalina. Hipolabor Farmacêutica Ltda. Solução Injetável. 0,5mg/mL

Sulfato de Terbutalina. Hipolabor Farmacêutica Ltda. Solução Injetável. 0,5mg/mL Sulfato de Terbutalina Hipolabor Farmacêutica Ltda. Solução Injetável 0,5mg/mL 1 sulfato de terbutalina Medicamento genérico Lei 9.787, de 1999 NOME GENÉRICO: Sulfato de terbutalina FORMA FARMACÊUTICA:

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO. Dolorex 10 mg/ml, solução injetável para equinos, caninos e felinos.

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO. Dolorex 10 mg/ml, solução injetável para equinos, caninos e felinos. RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Dolorex 10 mg/ml, solução injetável para equinos, caninos e felinos. 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada ml contém:

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Oxigénio Medicinal Gasoxmed, 100 % gás medicinal criogénico

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Oxigénio Medicinal Gasoxmed, 100 % gás medicinal criogénico FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Oxigénio Medicinal Gasoxmed, 100 % gás medicinal criogénico Leia atentamente este folheto antes de utilizar este medicamento. - Conserve este folheto.

Leia mais

APROVADO EM 26-06-2007 INFARMED FOLHETO INFORMATIVO

APROVADO EM 26-06-2007 INFARMED FOLHETO INFORMATIVO FOLHETO INFORMATIVO Leia atentamente este folheto antes de tomar o medicamento. Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o reler. Caso tenha dúvidas, consulte o seu médico ou farmacêutico. Este medicamento

Leia mais

LORAX lorazepam I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO. Nome comercial: Lorax Nome genérico: lorazepam

LORAX lorazepam I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO. Nome comercial: Lorax Nome genérico: lorazepam LORAX lorazepam I - IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Nome comercial: Lorax Nome genérico: lorazepam APRESENTAÇÕES Lorax 1 mg ou 2 mg em embalagens contendo 30 comprimidos. VIA DE ADMINISTRAÇÃO: USO ORAL USO

Leia mais

Antes de tomar este medicamento informe o seu médico: Se tem história de doença cardíaca, ritmo irregular cardíaco ou angina.

Antes de tomar este medicamento informe o seu médico: Se tem história de doença cardíaca, ritmo irregular cardíaco ou angina. FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Onsudil 0,05 mg comprimidos Onsudil 0,005 mg/ml xarope Onsudil 0,1 mg/ml solução para inalação por nebulização cloridrato de procaterol Leia atentamente

Leia mais

BULA PARA O PACIENTE

BULA PARA O PACIENTE BULA PARA O PACIENTE FURP-PROPRANOLOL 40 mg Comprimido cloridrato de propranolol APRESENTAÇÃO Comprimido simples Embalagem com 20 comprimidos de 40 mg. USO ORAL USO ADULTO E PEDIÁTRICO COMPOSIÇÃO Cada

Leia mais

MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA

MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA PAMIGEN cloridrato de gencitabina MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA APRESENTAÇÃO 200 mg - Embalagem com 1 frasco ampola 1 g - Embalagem com 1 frasco ampola FORMA FARMACÊUTICA

Leia mais

MODELO DE BULA. ONTRAX cloridrato de ondansetrona

MODELO DE BULA. ONTRAX cloridrato de ondansetrona MODELO DE BULA ONTRAX cloridrato de ondansetrona Forma farmacêutica e apresentações: Caixas com 1 ampola de 2 ml de solução injetável com 4 mg/ 2mL Caixas com 20 ampolas de 2 ml de solução injetável com

Leia mais

MESACOL. Takeda Pharma Ltda. Comprimido revestido. 800 mg

MESACOL. Takeda Pharma Ltda. Comprimido revestido. 800 mg MESACOL Takeda Pharma Ltda. Comprimido revestido 800 mg APRESENTAÇÕES Comprimido revestido de 800 mg. Embalagem com 10 ou 30 unidades. USO ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO Cada comprimido revestido contém 800

Leia mais

Composição Cada comprimido de 25 mg contém 25 mg de cinarizina. Excipientes: amido, lactose, óleo vegetal hidrogenado, povidona, sacarose e talco.

Composição Cada comprimido de 25 mg contém 25 mg de cinarizina. Excipientes: amido, lactose, óleo vegetal hidrogenado, povidona, sacarose e talco. 112360002 Stugeron cinarizina comprimidos Forma farmacêutica e apresentações Comprimidos de 25 mg em embalagem com 30 comprimidos. Comprimidos de 75 mg em embalagem com 30 comprimidos. USO ADULTO Composição

Leia mais

NARCAN NEONATAL cloridrato de naloxona 0,02 mg/ml. FORMA FARMACÊUTICA E DE APRESENTAÇÃO: Solução injetável. Caixa com 10 ampolas de 2 ml.

NARCAN NEONATAL cloridrato de naloxona 0,02 mg/ml. FORMA FARMACÊUTICA E DE APRESENTAÇÃO: Solução injetável. Caixa com 10 ampolas de 2 ml. NARCAN NEONATAL cloridrato de naloxona 0,02 mg/ml FORMA FARMACÊUTICA E DE APRESENTAÇÃO: Solução injetável. Caixa com 10 ampolas de 2 ml. USO PEDIÁTRICO COMPOSIÇÃO: Cada ml da solução injetável contém:

Leia mais

Actilyse alteplase. APRESENTAÇÕES Pó liofilizado injetável frasco-ampola com 10 mg + diluente, ou 20 mg + diluente, ou 50 mg + diluente

Actilyse alteplase. APRESENTAÇÕES Pó liofilizado injetável frasco-ampola com 10 mg + diluente, ou 20 mg + diluente, ou 50 mg + diluente Actilyse alteplase APRESENTAÇÕES Pó liofilizado injetável frasco-ampola com 10 mg + diluente, ou 20 mg + diluente, ou 50 mg + diluente USO INTRAVENOSO USO ADULTO COMPOSIÇÃO ACTILYSE 10 mg/10 ml: cada frasco-ampola

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Optiray 160 mg Iodo/ml, Solução injectável ou para perfusão

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Optiray 160 mg Iodo/ml, Solução injectável ou para perfusão FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Optiray 160 mg Iodo/ml, Solução injectável ou para perfusão Substância activa: Ioversol Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento.

Leia mais

BENALET. cloridrato de difenidramina, cloreto de amônio, citrato de sódio. Benalet em embalagens múltiplas contendo 25 envelopes com 4 pastilhas cada.

BENALET. cloridrato de difenidramina, cloreto de amônio, citrato de sódio. Benalet em embalagens múltiplas contendo 25 envelopes com 4 pastilhas cada. BENALET cloridrato de difenidramina, cloreto de amônio, citrato de sódio PARTE I IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO Nome: Benalet Nome genérico: cloridrato de difenidramina, cloreto de amônio, citrato de sódio.

Leia mais

SYMBICORT TURBUHALER fumarato de formoterol diidratado/ budesonida

SYMBICORT TURBUHALER fumarato de formoterol diidratado/ budesonida SYMBICORT TURBUHALER fumarato de formoterol diidratado/ budesonida 6/100 mcg/inalação FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO Pó inalante. 6/100 mcg/inalação. Embalagem com 1 tubo contendo 60 doses. O mecanismo

Leia mais

Relaxante Muscular e Analgésico. APRESENTAÇÕES Comprimidos de 200 mg de clorzoxazona e 300 mg de paracetamol em embalagens com 12 comprimidos.

Relaxante Muscular e Analgésico. APRESENTAÇÕES Comprimidos de 200 mg de clorzoxazona e 300 mg de paracetamol em embalagens com 12 comprimidos. BULA DO PACIENTE IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Paralon Relaxante Muscular e Analgésico clorzoxazona 200 mg e paracetamol 300 mg Comprimidos APRESENTAÇÕES Comprimidos de 200 mg de clorzoxazona e 300 mg de

Leia mais

TEXTO DE BULA LORAX. Lorax 1 ou 2 mg em embalagens contendo 20 ou 30 comprimidos. Cada comprimido contém 1 ou 2 mg de lorazepam respectivamente.

TEXTO DE BULA LORAX. Lorax 1 ou 2 mg em embalagens contendo 20 ou 30 comprimidos. Cada comprimido contém 1 ou 2 mg de lorazepam respectivamente. TEXTO DE BULA LORAX I) IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO Lorax lorazepam APRESENTAÇÕES Lorax 1 ou 2 mg em embalagens contendo 20 ou 30 comprimidos. Cada comprimido contém 1 ou 2 mg de lorazepam respectivamente.

Leia mais

cloridrato de betaxolol Medicamento Genérico, Lei nº 9.787, de 1999 Solução Oftálmica Estéril Cristália Prod. Quím. Farm. Ltda.

cloridrato de betaxolol Medicamento Genérico, Lei nº 9.787, de 1999 Solução Oftálmica Estéril Cristália Prod. Quím. Farm. Ltda. cloridrato de betaxolol Medicamento Genérico, Lei nº 9.787, de 1999 Solução Oftálmica Estéril Cristália Prod. Quím. Farm. Ltda. MODELO DE BULA PARA O PACIENTE 1 IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO cloridrato

Leia mais

timoglau 2,5 mg/ml colírio, solução timoglau 5 mg/ml colírio, solução

timoglau 2,5 mg/ml colírio, solução timoglau 5 mg/ml colírio, solução FOLHETO INFORMATIVO Folheto informativo: Informação para o utilizador timoglau 2,5 mg/ml colírio, solução timoglau 5 mg/ml colírio, solução Maleato de timolol Leia com atenção todo este folheto antes de

Leia mais

Dr. Luis Quintino Hospital da Horta. Horta 24 Acidentes. P Delgada 5 Acidentes

Dr. Luis Quintino Hospital da Horta. Horta 24 Acidentes. P Delgada 5 Acidentes Dr. Luis Quintino Hospital da Horta Horta 24 Acidentes P Delgada 5 Acidentes ANOS: 1992 / 2009 PROVENIÊNCIA Casos Casos 2008 2006 2004 2002 2000 1998 1996 1994 1992 12 10 8 6 4 2 0 Horta Terceira Pico

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Montelucaste Generis 10 mg Comprimidos Montelucaste de sódio Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento -Conserve este folheto. Pode

Leia mais

FIRAZYR (icatibanto) I - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO. FIRAZYR icatibanto

FIRAZYR (icatibanto) I - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO. FIRAZYR icatibanto I - IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO FIRAZYR icatibanto APRESENTAÇÃO FIRAZYR é apresentado em seringas preenchidas de 3 ml, contendo acetato de icatibanto equivalente a 30 mg de icatibanto, com êmbolo de bromobutil

Leia mais

Trisenox Trióxido de arsênio 1 mg/ml: embalagem com 10 ampolas de 10 ml

Trisenox Trióxido de arsênio 1 mg/ml: embalagem com 10 ampolas de 10 ml Trisenox Trióxido de arsênio 1 mg/ml: embalagem com 10 ampolas de 10 ml TRISENOX trióxido de arsênio IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO TRISENOX trióxido de arsênio FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO Solução

Leia mais

Cloridrato de metformina

Cloridrato de metformina Cloridrato de metformina Prati-Donaduzzi Comprimido de liberação prolongada 500 mg e 750 mg Cloridrato de metformina_bula_paciente INFORMAÇÕES AO PACIENTE cloridrato de metformina Medicamento genérico

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento.

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento. FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Flumazenilo Teva 0,1 mg/ml solução injetável Flumazenilo Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento. - Conserve este folheto. Pode ter

Leia mais

Um ml contém: proteína de plasma humano... 200 mg (pureza de pelo menos 98% IgG)

Um ml contém: proteína de plasma humano... 200 mg (pureza de pelo menos 98% IgG) 1. NOME DO MEDICAMENTO Hizentra, 200 mg/ml solução para injeção subcutânea 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Imunoglobulina normal humana (SCIg). Um ml contém: proteína de plasma humano... 200 mg

Leia mais

Folheto informativo: Informação para o utilizador. Broncoliber 3 mg/ml xarope. Ambroxol

Folheto informativo: Informação para o utilizador. Broncoliber 3 mg/ml xarope. Ambroxol Folheto informativo: Informação para o utilizador Broncoliber 3 mg/ml xarope Ambroxol Leia com atenção todo este folheto antes de começar a tomar este medicamento pois contém informação importante para

Leia mais

bromidrato de fenoterol Solução Oral/Gotas 5mg/mL

bromidrato de fenoterol Solução Oral/Gotas 5mg/mL bromidrato de fenoterol Solução Oral/Gotas 5mg/mL MODELO DE BULA COM INFORMAÇÕES AO PACIENTE bromidrato de fenoterol Medicamento genérico Lei nº 9.787, de 1999. APRESENTAÇÕES Solução Oral/Gotas 5mg/mL

Leia mais

Drenol hidroclorotiazida. Drenol 50 mg em embalagem contendo 30 comprimidos. Cada comprimido de Drenol contém 50 mg de hidroclorotiazida.

Drenol hidroclorotiazida. Drenol 50 mg em embalagem contendo 30 comprimidos. Cada comprimido de Drenol contém 50 mg de hidroclorotiazida. Drenol hidroclorotiazida PARTE I IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO Nome: Drenol Nome genérico: hidroclorotiazida Forma farmacêutica e apresentações: Drenol 50 mg em embalagem contendo 30 comprimidos. USO ADULTO

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 15 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO Covinan 100 mg/ml suspensão injetável para cães e gatos. 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada ml contém:

Leia mais

VISKEN pindolol. APRESENTAÇÕES Comprimidos. Embalagens com 20 comprimidos de 5 mg ou 10 mg. VIA ORAL USO ADULTO

VISKEN pindolol. APRESENTAÇÕES Comprimidos. Embalagens com 20 comprimidos de 5 mg ou 10 mg. VIA ORAL USO ADULTO VISKEN pindolol APRESENTAÇÕES Comprimidos. Embalagens com 20 comprimidos de 5 mg ou 10 mg. VIA ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO Cada comprimido de 5 ou 10 mg contém, respectivamente, 5 ou 10 mg de pindolol.

Leia mais

RESPONSÁVEL PELA AUTORIZAÇÃO DE INTRODUÇÃO NO MERCADO

RESPONSÁVEL PELA AUTORIZAÇÃO DE INTRODUÇÃO NO MERCADO TILCIN NETILMICINA ATRAL COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA DAS SUBSTÂNCIAS ACTIVAS Tilcin 15mg/1,5ml Solução Injectável Fórmula por ampola: Netilmicina (sob a forma de sulfato) 15mg Tilcin 150mg/1,5ml

Leia mais

PRESMIN LATINOFARMA INDÚSTRIAS FARMACÊUTICAS LTDA. Solução Oftálmica Estéril. betaxolol (cloridrato) 5,6 mg/ml

PRESMIN LATINOFARMA INDÚSTRIAS FARMACÊUTICAS LTDA. Solução Oftálmica Estéril. betaxolol (cloridrato) 5,6 mg/ml PRESMIN LATINOFARMA INDÚSTRIAS FARMACÊUTICAS LTDA. Solução Oftálmica Estéril betaxolol (cloridrato) 5,6 mg/ml COLÍRIO PRESMIN betaxolol 0,5% MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA

Leia mais

Abcd BEROTEC. Boehringer Ingelheim. 5mg/mL

Abcd BEROTEC. Boehringer Ingelheim. 5mg/mL Abcd BEROTEC Boehringer Ingelheim Solução 5mg/mL Berotec bromidrato de fenoterol APRESENTAÇÃO Solução (gotas) de 5 mg/ml: frasco com 20 ml. USO ORAL OU INALATÓRIO USO ADULTO E PEDIÁTRICO COMPOSIÇÃO Cada

Leia mais

cloxazolam Eurofarma Laboratórios S.A. Comprimido 1 mg e 2 mg

cloxazolam Eurofarma Laboratórios S.A. Comprimido 1 mg e 2 mg cloxazolam Eurofarma Laboratórios S.A. Comprimido 1 mg e 2 mg cloxazolam Medicamento genérico Lei nº 9.787, de 1999 Comprimido FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES: Embalagens com 20 e 30 comprimidos contendo

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. 1. O QUE É Doxazosina Normon E PARA QUE É UTILIZADA

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR. 1. O QUE É Doxazosina Normon E PARA QUE É UTILIZADA FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Doxazosina Normon 2 mg comprimidos Doxazosina Normon 4 mg comprimidos Doxazosina APROVADO EM Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento.

Leia mais

Comprimidos revestidos por película. Comprimidos circulares biconvexos, brancos a ligeiramente amarelados, revestidos por uma película homogénea.

Comprimidos revestidos por película. Comprimidos circulares biconvexos, brancos a ligeiramente amarelados, revestidos por uma película homogénea. RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO Algimate 125 mg comprimidos revestidos por película 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Clonixinato de lisina 125 mg Lista completa

Leia mais

Não existe dados nacionais confiáveis; Nos Estados Unidos, estima-se cerca de dois a três milhões o número de intoxicações agudas;

Não existe dados nacionais confiáveis; Nos Estados Unidos, estima-se cerca de dois a três milhões o número de intoxicações agudas; Universidade Federal Fluminense Departamento de Patologia Disciplina de Toxicologia Clínica Não existe dados nacionais confiáveis; Nos Estados Unidos, estima-se cerca de dois a três milhões o número de

Leia mais

CURSO TÉCNICO DE ENFERMAGEM ENFERMAGEM CIRÚRGICA MÓDULO III Profª Mônica I. Wingert 301E COMPLICAÇÕES PÓS-OPERATÓRIAS

CURSO TÉCNICO DE ENFERMAGEM ENFERMAGEM CIRÚRGICA MÓDULO III Profª Mônica I. Wingert 301E COMPLICAÇÕES PÓS-OPERATÓRIAS Complicações Cirúrgicas CURSO TÉCNICO DE ENFERMAGEM ENFERMAGEM CIRÚRGICA MÓDULO III Profª Mônica I. Wingert 301E COMPLICAÇÕES PÓS-OPERATÓRIAS 1. Complicações Circulatórias Hemorragias: é a perda de sangue

Leia mais

População pediátrica A dose de manutenção é normalmente 100 a 150 microgramas por m2 de área de superfície corporal.

População pediátrica A dose de manutenção é normalmente 100 a 150 microgramas por m2 de área de superfície corporal. RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO Letter 0,1 mg comprimido 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada comprimido contém 0,1 mg de levotiroxina sódica Excipientes: 0,75

Leia mais

Não tome Doxivenil Se tem alergia ao dobesilato de cálcio ou a qualquer outro componente deste medicamento (indicados na secção 6)

Não tome Doxivenil Se tem alergia ao dobesilato de cálcio ou a qualquer outro componente deste medicamento (indicados na secção 6) Folheto informativo: Informação para o utilizador Doxivenil 500 mg cápsula Dobesilato de cálcio Leia com atenção todo este folheto antes de começar a tomar este medicamento pois contém informação importante

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO Norlevo 1,5 mg comprimido 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada comprimido contém 1,5 mg de levonorgestrel. Excipiente: lactose

Leia mais

Anexo III. Alterações a incluir nas secções relevantes do Resumo das Características do Medicamento e do Folheto Informativo

Anexo III. Alterações a incluir nas secções relevantes do Resumo das Características do Medicamento e do Folheto Informativo Anexo III Alterações a incluir nas secções relevantes do Resumo das Características do Medicamento e do Folheto Informativo Nota: Este Resumo das Características do Medicamento, rotulagem e folheto informativo

Leia mais

GLIFAGE XR cloridrato de metformina Merck S/A Comprimidos de ação prolongada 500 mg / 750 mg / 1 g

GLIFAGE XR cloridrato de metformina Merck S/A Comprimidos de ação prolongada 500 mg / 750 mg / 1 g GLIFAGE XR cloridrato de metformina Merck S/A Comprimidos de ação prolongada 500 mg / 750 mg / 1 g Glifage XR cloridrato de metformina APRESENTAÇÕES Glifage XR 500 mg: embalagens contendo 30 comprimidos

Leia mais

Sistema respiratório

Sistema respiratório Texto de apoio ao professor T6 Sistema respiratório Trocas gasosas (classificação e processo) Doenças respiratórias (causas e exemplos) Durante as trocas gasosas os gases deslocam-se dos locais onde a

Leia mais

Revalidação de Diploma Médico Graduado no Exterior 2013 P A D R Ã O D E R E S P O S T A S

Revalidação de Diploma Médico Graduado no Exterior 2013 P A D R Ã O D E R E S P O S T A S P A D R Ã O D E R E S P O S T A S QUESTÃO 01 I) Vôlvulo de sigmoide. II) São considerados pela literatura fatores predisponentes ao vôlvulo de sigmoide: - megacólon chagásico - constipação crônica - uso

Leia mais

Cloridrato de Naloxona. Hipolabor Farmacêutica Ltda. Solução Injetável. 0,4mg/mL

Cloridrato de Naloxona. Hipolabor Farmacêutica Ltda. Solução Injetável. 0,4mg/mL Cloridrato de Naloxona Hipolabor Farmacêutica Ltda. Solução Injetável 0,4mg/mL 1 cloridrato de naloxona Medicamento genérico Lei 9.787, de 1999 NOME GENÉRICO: cloridrato de naloxona FORMA FARMACÊUTICA:

Leia mais

1 O que é Urografina (Forma farmacêutica e Categoria farmacoterapêutica)

1 O que é Urografina (Forma farmacêutica e Categoria farmacoterapêutica) O nome do seu medicamento é: UROGRAFINA Leia atentamente este folheto antes de utilizar o medicamento. Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o reler. Caso ainda tenha dúvidas, fale com o seu médico

Leia mais

BAMBAIR* cloridrato de bambuterol. BAMBAIR Solução oral 1 mg/ml Frasco contendo 60 ml ou 120 ml + seringa dosadora.

BAMBAIR* cloridrato de bambuterol. BAMBAIR Solução oral 1 mg/ml Frasco contendo 60 ml ou 120 ml + seringa dosadora. Dizeres de Bula BAMBAIR* cloridrato de bambuterol FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES BAMBAIR Solução oral 1 mg/ml Frasco contendo 60 ml ou 120 ml + seringa dosadora. USO ADULTO E PEDIÁTRICO (crianças

Leia mais

FURP-CIMETIDINA. Fundação para o Remédio Popular FURP. Comprimido. 200 mg

FURP-CIMETIDINA. Fundação para o Remédio Popular FURP. Comprimido. 200 mg FURP-CIMETIDINA Fundação para o Remédio Popular FURP Comprimido 200 mg BULA PARA O PACIENTE FURP-CIMETIDINA 200 mg Comprimido cimetidina APRESENTAÇÃO Embalagem com 10 comprimidos de 200 mg. USO ORAL USO

Leia mais

DIAFORMIN (cloridrato de metformina) União Química Farmacêutica Nacional S/A Comprimido 850 mg

DIAFORMIN (cloridrato de metformina) União Química Farmacêutica Nacional S/A Comprimido 850 mg DIAFORMIN (cloridrato de metformina) União Química Farmacêutica Nacional S/A Comprimido 850 mg Diaformin cloridrato de metformina Comprimido IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO:

Leia mais

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO GLUCOVET Solução injectável 2. COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada ml de solução injectável contém: Substâncias activas

Leia mais

ATACAND candesartana cilexetila

ATACAND candesartana cilexetila ATACAND candesartana cilexetila I) IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO ATACAND candesartana cilexetila APRESENTAÇÕES Comprimidos de 8 mg em embalagem com 30 comprimidos. Comprimidos de 16 mg em embalagens com

Leia mais

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO

ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO ANEXO I RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO Página 1 de 18 1. NOME DO MEDICAMENTO VETERINÁRIO VIMCO emulsão para injeção para ovelhas e cabras. 2. Composição qualitativa e quantitativa Uma dose (2

Leia mais

Cada comprimido de RUBIFEN 5 mg, comprimidos contém: Cloridrato de metilfenidato... 5 mg.

Cada comprimido de RUBIFEN 5 mg, comprimidos contém: Cloridrato de metilfenidato... 5 mg. 1.NOME DO MEDICAMENTO RUBIFEN 5 mg comprimidos RUBIFEN 10 mg comprimidos RUBIFEN 20 mg comprimidos 2.COMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA Cada comprimido de RUBIFEN 5 mg, comprimidos contém: Cloridrato

Leia mais

DONAREN. cloridrato de trazodona APSEN

DONAREN. cloridrato de trazodona APSEN DONAREN cloridrato de trazodona APSEN FORMA FARMACÊUTICA Comprimidos revestidos. APRESENTAÇÕES Comprimidos revestidos de 50 mg. Caixas com 20 e 60 comprimidos. Comprimidos revestidos de 100 mg. Caixa com

Leia mais

Embalagem com frasco contendo 100 ml de xarope + 1 copo medida. Cada ml de xarope contém 0,3 mg de sulfato de terbutalina.

Embalagem com frasco contendo 100 ml de xarope + 1 copo medida. Cada ml de xarope contém 0,3 mg de sulfato de terbutalina. BRICANYL Broncodilatador sulfato de terbutalina I) IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO BRICANYL Broncodilatador sulfato de terbutalina APRESENTAÇÃO Embalagem com frasco contendo 100 ml de xarope + 1 copo medida.

Leia mais

Modelo de Texto de Bula. Betnovate N para uso na pele é apresentado sob as formas farmacêuticas de creme e de pomada, em bisnagas de 30g.

Modelo de Texto de Bula. Betnovate N para uso na pele é apresentado sob as formas farmacêuticas de creme e de pomada, em bisnagas de 30g. Betnovate N valerato de betametasona + sulfato de neomicina Creme e pomada dermatológica FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES Betnovate N para uso na pele é apresentado sob as formas farmacêuticas de creme

Leia mais

MODELO DE BULA PACIENTE RDC 47/09

MODELO DE BULA PACIENTE RDC 47/09 MODELO DE BULA PACIENTE RDC 47/09 B-PLATIN carboplatina APRESENTAÇÕES Solução injetável contendo 50 mg de carboplatina em 5 ml. Embalagem contendo 01 frasco-ampola de 5 ml. Solução injetável contendo 150

Leia mais

1 ml de Testoviron Depot contém 250 mg de enantato de testosterona (o equivalente a cerca de 180 mg de testosterona) em solução oleosa.

1 ml de Testoviron Depot contém 250 mg de enantato de testosterona (o equivalente a cerca de 180 mg de testosterona) em solução oleosa. Folheto informativo: Informação para o utilizador Testoviron Depot 250 mg/ml solução injetável Enantato de testosterona Leia com atenção todo este folheto antes de começar a utilizar este medicamento pois

Leia mais

FLANCOX. etodolaco USO ORAL USO ADULTO

FLANCOX. etodolaco USO ORAL USO ADULTO FLANCOX etodolaco APRESENTAÇÕES Comprimidos revestidos de 300 mg. Caixas com 14 e 30 comprimidos Comprimidos revestidos de 400 mg. Caixas com 6, 10, e 20 comprimidos USO ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO Cada

Leia mais

ALIVIUM ibuprofeno Gotas

ALIVIUM ibuprofeno Gotas Dizeres de Bula FORMA FARMACÊUTICA/APRESENTAÇÃO: ALIVIUM ibuprofeno Gotas ALIVIUM Gotas apresentado-se em frascos de 30 ml. USO ADULTO E PEDIÁTRICO (acima de 6 meses de idade) Composição: Cada ml de ALIVIUM

Leia mais

MODELO DE BULA DO PACIENTE RDC 47/09

MODELO DE BULA DO PACIENTE RDC 47/09 MODELO DE BULA DO PACIENTE RDC 47/09 Oxanon oxacilina sódica APRESENTAÇÕES Pó injetável contendo 500 mg de oxacilina sódica. Embalagens contendo 50 frascos-ampola + 50 ampolas de diluente, 50 frascos-ampola

Leia mais

Cada comprimido contém: 10 20 maleato de enalapril 10 mg 20 mg hidroclorotiazida 25 mg 12,5 mg

Cada comprimido contém: 10 20 maleato de enalapril 10 mg 20 mg hidroclorotiazida 25 mg 12,5 mg GLIOTENZIDE 10 e 20 maleato de enalapril + hidroclorotiazida Forma farmacêutica e apresentações Embalagens contendo 30 comprimidos de GLIOTENZIDE 10 (10 mg de maleato de enalapril + 25 mg de hidroclorotiazida).

Leia mais

FLUIR fumarato de formoterol diidratado 12 mcg. Cápsulas contendo fumarato de formoterol diidratado em pó micronizado para inalação.

FLUIR fumarato de formoterol diidratado 12 mcg. Cápsulas contendo fumarato de formoterol diidratado em pó micronizado para inalação. Dizeres de Bula FLUIR fumarato de formoterol diidratado 12 mcg FORMAS FARMACÊUTICAS E APRESENTAÇÕES Cápsulas contendo fumarato de formoterol diidratado em pó micronizado para inalação. FLUIR apresenta-se

Leia mais