índice 1. Registro 2. Perfil 3. A minha rede 4. A partilha na Weduc 5. Mensagens

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "índice 1. Registro 2. Perfil 3. A minha rede 4. A partilha na Weduc 5. Mensagens"

Transcrição

1

2

3 índie 1. Registro 1.1. Registro Externo Registro por reepção de um emil Registro por meio de envio de um emil Registro por meio d rição Perfil 2.1. A opção multiperfil Editr perfil pessol Editr perfil profissionl Editr fotogrfi de perfil Editr definições de ont e plvr-hve Alterr plvr-hve Alterr e-mil de ont Definir pelido Ativr/destivr visos Ativr/destivr notifições de grupo Editr perfil e definições de ont dos edundos Editr perfil de lunos Crir Fmilir A minh rede 3.1. Adiionr perfil Aeitr onvites de ligção Inserir ódigo de esso A prtilh n Wedu 4.1. Intergir om os onteúdos prtilhdos Mensgens 5.1. A ix de mensgens Envir nov mensgem

4 índie 6. Avlições 6.1. Consultr vlições Consultr méritos Biliote Digitl 7.1. Consultr Arquivos Inserir rquivo Crir Pst Apgr pst Tutoriis e Bos Prátis 8.1. Consultr os prátis e tutoriis n iliote digitl Crir o práti Crir tutoril Fotogrfis e Vídeos 9.2. Crir e editr áluns de fotogrfis Agend 10.1.Consultr gend Crir evento Imprimir evento Diretório 12. Grupos Aderir grupos Crir grupo Prtiipr num grupo Prtiipr no fórum de disussão Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

5 Responsáveis de Edução 1. Registro O registro n Wedu pode ser feito de três forms: 1ª - Por meio de um registro externo e utônomo por prte do utilizdor; 2ª - Por meio do envio de um onvite pr Responsável de edução feito por um esol/entidde; 3ª - Pel rição de um luno pel esol/instituição Registro Externo Por meio do registro externo, os utilizdores podem rir s sus onts n Wedu e fzer pedidos de ligção esols/entiddes, que terão depois de vlidr. ) Aesse URL: e lique n zon destind o registro. 5

6 Responsáveis de Edução ) Insir gor os ddos neessários à rição d su ont n Wedu. Em Tipo de Registro, esolh o perfil de Responsável por esol urriulr. Clique em Registrr pr onfirmr o pedido de registro. ) Voê reeerá um e-mil de onfirmção que ontém um link pr tivção d ont. d d) Clique no link que reeeu no seu e-mil ou opie-o e ole-o n jnel do seu rowser. Depois de inserir o e-mil e plvrhve om que se registrou, será pedido que preenh informção prinipl do seu perfil n Wedu. Depois de preenhid, lique em Seguinte. 6 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

7 Responsáveis de Edução f) Insir gor o nome d instituição que deve se ssoir n Wedu. Esolh- n list e lique em Próximo. f.1) Se instituição não estiver listd, lique em A instituição não está listd e poderá preenher um formulário om os ddos d instituição, pr que est sej vlidd pelos nossos serviços. f.1 g) O seu perfil fi então rido e gurd pens utorizção do seu pedido de ligção. h Entretnto, pode ontinur personlizção do seu perfil e expndir su rede, so venh ter outros tipos de perfil n Wedu. h) Assim que instituição vlidr o seu pedido, voê terá esso todos os onteúdos omprtilhdos pelos gestores d mesm. 7

8 Responsáveis de Edução 1.2. Registro por reepção de um emil Registro por meio de envio de um emil. As Instituições podem envir onvites de desão à pltform por emil. Ao se registrrem por onvites, os Diretores fim utomtimente ligdos à esol. ) Se reeer um onvite de ligção à Wedu por e-mil, voê deverá lir no link que lhe foi envido, de form poder iniir o seu Registro n pltform. ) Voê deve gor inserir os ddos requeridos pr o registro n Wedu. Clique depois em Registrr. Preenh gor o nome do seu edundo. 8 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

9 Responsáveis de Edução d) Voê tem gor oportunidde de ompletr informção do seu perfil pessol. Clique em Grvr, no finl d págin. e) O seu perfil está ssim rido e já se enontr ligdo à Instituição. d f) Voê reeerá no seu e-mil os ddos de esso às onts do seu edundo. f Registro por meio d rição de um Aluno pel esol/ entidde. As Esols/Instituições podem rir Alunos e ssoiá-los diretmente à esol/turm, envindo-se s redeniis de esso do Aluno pr o Responsável de Edução, que deverá ompletr o proesso de registro. ) Se voê reeer um onvite de ligção à Wedu por e-mil om os ddos do seu edundo, deverá lir no link que lhe foi envido, de form poder finlizr o seu registro n pltform. 9

10 Responsáveis de Edução ) Deve gor inserir os ddos de login envidos no emil reltivos o seu edundo e lique em entrr. ) Confirme os ddos presentdos do Aluno e omplete os ddos de Responsável de edução. Esolh um plvr-hve, eite os Termos e Condições e lique em Registrr. ) Se voê já for um utilizdor registrdo om outros perfis n Wedu, deverá seleionr opção Já sou um utilizdor Wedu pr ssoição o perfil já existente, introduzindo s sus redeniis de esso. d) Voê tem gor oportunidde de ompletr s informções do seu perfil pessol. Clique em Grvr, no finl d págin. e e) O seu perfil de Responsável de Edução está ssim onluído e já se enontr ligdo à Instituição. 10 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

11 Perfil 2. Perfil 2.1. A opção multiperfil N Wedu, d utilizdor pode umulr diferentes tipos de perfil. Diretor de esol, professor ou Responsável de edução são lguns dos perfis disponíveis que podem fir ssoidos à mesm pesso. ) Se tiver mis do que um perfil, esolh n rr de seleção qul o que pretende utilizr pr intergir n pltform. Se tmém for professor, pode tmém esolher turm pretendid. ) Pr esolher outro perfil, pode fzê-lo voltndo à rr de seleção de perfil. Os onteúdos que omprtilhr são essíveis exlusivmente por utilizdores à turm ou esol/instituição ligdos Editr perfil pessol Voê pode, qulquer momento, tulizr su informção de perfil e s sus definições de prividde. O seu perfil está orgnizdo por informção se, informção de ontto e definições de prividde. 2.2 ) Aesse o otão ds definições, lolizdo à direit d rr de seleção de perfil e seleione opção Editr perfil pessol. ) Voê pode ver gor o seu perfil pessol. Pr editá-lo, seleione no menu lterl esquerdo opção Editr perfil. 11

12 Perfil ) voê tem gor possiilidde de editr tod informção inluíd no seu perfil Wedu, tendo em tenção pr os mpos de preenhimento origtório. d) Defin o nível de visiilidde de d um dos mpos do seu perfil, que pode ser privdo (pens visível por si), visível por todos os utilizdores Wedu ou pens pelos seus onttos. d e e) Ns definições de prividde, voê poderá utorizr ou não listgem dos seus grupos e edundos no seu perfil pessol. Pode tmém definir se utoriz ou não que sejm pulids fotos pelos professores. Clique em Grvr pr que tods s lterções sejm grvds Editr perfil profissionl A Wedu permite-lhe inluir no seu perfil o seu urríulo dêmio e experiêni profissionl, so onsidere relevnte omprtilhr ess informção om os outros utilizdores. ) Pr inluir o seu urríulo profissionl no seu perfil Wedu, esse à su págin de perfil, lique no símolo destdo seguir e seleione no menu lterl esquerdo opção Editr perfil profissionl : 12 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

13 Perfil ) O erã de edição de perfil profissionl permite-lhe inserir detlhes sore su experiêni profissionl (rgos oupdos e respetivo período de tempo) e tmém sore su formção dêmi. ) Pode tmém fzer um reve presentção do seu urríulo por meio de um texto livre. Seleione o otão Grvr pr que tods s lterções sejm gurdds Editr fotogrfi de perfil A su fotogrfi de perfil identifiá-lo()-á ns diferentes áres d pltform. Esolh um foto om fe visível, de form que sej filmente reonheido pelos utilizdores si ligdos. ) Aesse o otão ds definições, lolizdo à direit d rr de seleção de perfil. ) N su págin de perfil, seleione no menu lterl esquerdo opção Editr foto de perfil. ) Esolh gor um fotogrfi prtir do seu omputdor. d) Seleione o otão Grvr e poderá onfirmr que nov fotogrfi foi gurdd. 13

14 Perfil 2.5. Editr definições de ont e plvr-hve A segurnç d su ont deve ser um prioridde. Defin um e-mil e plvr-hve que mis ninguém tenh esso, de form grntir que su ont não sej essd indevidmente por tereiros. Pode ind esolher um nome únio ( lis ) e mis fáil de deorr. Estes ddos poderão ser lterdos sempre que neessário Alterr plvr-hve ) Aesse o otão ds definições, lolizdo à direit d rr de seleção de perfil. ) No menu lterl esquerdo, seleione opção Definições e plvr-hve. ) Insir nos mpos presentdos su plvr-hve e nov que pretende pssr usr. Seleione o otão Grvr pr que lterção sej registrd. d) Agurde notifição d pltform que dá ont de lterção ter sido onfirmd om suesso Alterr e-mil de ont ) Aesse o otão ds definições, lolizdo à direit d rr de seleção de perfil. ) Em Definições de e-mil, sustitu o seu endereço tul pelo que pretende pssr utilizr pr essr à Wedu. Seleione o otão Grvr pr que o pedido sej registrdo. 14 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

15 Perfil d) Será envido pr o novo endereço um e-mil que ontém um link pr vlidção dest lterção Definir pelido ) Aesse o otão ds definições, lolizdo à direit d rr de seleção de perfil. ) No menu lterl esquerdo, seleione opção Definições e plvr-hve. ) Em Definições de utilizdor, pode inserir o nome que pretende utilizr pr essr à Wedu, em lterntiv o seu endereço de e-mil. Seleione Grvr pr lterção ser onfirmd. d) Voê pode gor essr à pltform usndo este nome. 15

16 Perfil Ativr/destivr visos ) Aesse o otão ds definições, lolizdo à direit d rr de seleção de perfil. ) No menu lterl esquerdo, seleione opção Definições e plvr-hve. ) Esolh gor opção Avisos, tmém no menu lterl esquerdo. d) Seleione então se pretende que s notifições de novs mensgens, eventos ou vlições sejm envids pr o seu endereço de e-mil e/ou pr su ix de mensgens n Wedu. Seleione Grvr pr que s lterções sejm gurdds Ativr/destivr notifições de grupo ) Aesse o otão ds definições, lolizdo à direit d rr de seleção de perfil. ) No menu lterl esquerdo, seleione opção Definições e plvr-hve. ) Esolh gor opção Notifições de grupo, tmém no menu lterl esquerdo. d) Ative ou destive s notifições de grupo pr o seu e-mil ou intrmil. 16 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

17 Perfil 2.6. Editr perfil e definições de ont dos edundos N su págin de perfil, opção Editr perfil de lunos permite-lhe editr s informções e ddos de esso à Wedu do(s) seu(s) edundo(s) Editr perfil de lunos ) Comee por essr o otão ds definições no menu superior e esolh opção Editr perfil de lunos. ) Pode gor ver list dos seus edundos. Clique em Editr perfil, se pretender tulizr informções de perfil do seu edundo, ou em Definições e plvr-hve, se pretender lterr os ddos de esso dele à Wedu. ) Ao editr o perfil de um edundo, ltere os mpos que pretender. Alguns deles são de preenhimento origtório. Clique em Grvr pr que s lterções sejm registrds. d d) O proesso de lterção ds definições e plvr-hve é o mesmo utilizdo n lterção ds definições d ont do próprio Responsável de Edução (ver Editr definições de ont e plvr-hve ). 17

18 Perfil Crir Fmilir ) Pr rir um Fmilir, esse opção Crir no menu lterl esquerdo d su págin prinipl e seleione depois Fmilir. ) Insir o endereço de e-mil d pesso que pretende onvidr pr ser fmilir do seu edundo. Clique em rir e o onvite será envido. ) Pr diionr, remover ou editr fmilires, esse à su págin de perfil e seleione opção Adiionr/Editr fmilir. d) Além de poder onvidr novos fmilires, voê pode qui tmém onsultr e editr os que já se enontrm ligdos o(s) seu(s) edundo(s), em omo os onvites envidos que ind não form eites. Se fizer lterções, lique em Grvr pr que ests sejm proessds. d 18 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

19 A minh Rede 3. A minh rede O menu A minh rede present list ds sus ligções n Wedu e pode tmém qui geri-l por meio do envio de novos pedidos de ligção ou d gestão dos onvites que lhe form envidos Adiionr perfil Se su vid edutiv inluir mis do que um perfil, pode envir pedidos pr ligrse às mesms ou novs esols/entiddes. ) Entre om su ont n Wedu. Aesse depois Rede Wedu n rr superior de nvegção e esolh opção A minh rede. ) Em Adiionr perfil, esolh o novo perfil que pretende que fique ssoido à su ont Wedu. ) Proure gor esol que pretende que este novo perfil fique ligdo. Se esol não estiver listd, lique em A Esol não está listd e poderá preenher um formulário om os ddos d esol, pr que sej vlidd pelos nossos serviços. d) Esolh esol pretendid n list e lique depois no otão Próximo. Se diionr um perfil de Enrregdo de Edução, poderá em seguid inserir os ddos do seu edundo. Clique depois em Grvr pr que o pedido sej registrdo. e) O proesso fi onluído qundo voê reeer um notifição d Wedu onfirmndo que o pedido de ligção foi feito om suesso e que gurd vlidção. e 19

20 A minh Rede 3.2. Aeitr onvites de ligção Esols ou entiddes podem onvidá-lo pr ssumir novos perfis n Wedu. Gir estes onvites, eitndo ou rejeitndo d um deles. ) Entre om su ont n Wedu. Aesse depois Rede Wedu n rr superior de nvegção e esolh opção A minh rede. ) Os onvites de ligção que lhe tenhm sido envidos por esols ou entiddes podem ser vistos em Utilizr um dos seguintes ódigos. ) Pr eitr um onvite de ligção, seleione opção Proessr ssoid ele. Depois de proessdo o onvite, o novo perfil pssrá estr disponível n rr de seleção de perfil, podendo gor seleioná-lo pr intergir n pltform Inserir ódigo de esso Se for Responsável de Edução, e em lterntiv os onvites de ligção, s esols ou entiddes podem envir-lhe um ódigo de esso, que poderá inserir n Wedu e onfirmr ligção els. ) As esols podem envir ódigos de esso os Responsáveis de Edução, por meio dos quis estes fim utomtimente ligdos às turms dos seus edundos. 20 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

21 A minh Rede ) Entre om su ont n Wedu. Aesse depois Rede Wedu n rr superior de nvegção e esolh opção A minh rede. ) Esolh gor opção Tenho um ódigo de esso e insir o ódigo que reeeu nos mpos presentdos. O ódigo é omposto por qutro prtes que devem ser inserids seprdmente. d) Seleione o otão Proessr e gurde que ligção sej onfirmd. Será soliitdo voê, depois, um pedido om o nome do Edundo ligr à turm em questão. e) O proesso fi onluído qundo surgir notifição de triuição de ódigo om suesso e que o novo edundo já se enontr ligdo voê. d e 21

22 Comprtilhmento n wedu 4. Comprtilhmento n Wedu N su págin prinipl n Wedu, pode ver e intergir om os onteúdos omprtilhdos pelos professores dos seus edundos e pels esols ou outrs entiddes que estej ligdo Intergir om os onteúdos omprtilhdos Voê poderá intergir om os onteúdos omprtilhdos om voê. Clique em Gosto ns pulições que lhe interessrem e utilize ix de omentário pr dr su opinião e tror impressões om os outros utilizdores. ) Pr Gostr de um pulição, lique no otão Gosto, lolizdo no nto inferior direito d mesm. ) Qundo seleiondo, o otão Gosto é sustituído por um íone, que represent onteúdos dos quis já gostou. Est ção pode ser revertid qulquer momento lindo nesse íone. d ) O número presentdo o ldo do íone Gosto present o número de utilizdores que já gostrm d pulição. Se lir nele, poderá ver listgem omplet desses utilizdores. d) Voê pode tmém omentr s pulições, podendo fzê-lo no espço destindo pr isso. Insir o omentário e lique em Comentr, pr que ele fique registrdo e visível os outros utilizdores. 22 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

23 mensgens 5. Mensgens A opção Mensgens dá-lhe esso às sus mensgens reeids e envids, que podem ser de dois tipos: privds ou espeiis. Aqui tmém pode esrever um nov mensgem A ix de mensgens ) Aesse su ix de mensgens por meio d opção respetiv no menu lterl esquerdo (onde tmém pode pré-visulizr s sus mensgens mis reentes) ou por meio do menu superior Ferrments. ) A su ix de mensgens enontr-se dividid entre mensgens reeids ou envids. Esolh o tipo de mensgem que pretende ver. ) Nvegue pel su ix de mensgens. Voê tem opção de seleionr mensgens espeífis e pgá-ls ou mrá-ls omo lids. d) Clique n mensgem que pretende visulizr pr ver em detlhe. Voê tem gor opção de responder el, enminhá-l, pgá-l, ou imprimi-l, podendo sempre regressr à ix de mensgens. d 23

24 mensgens 5.2. Envir nov mensgem ) Aesse su ix de mensgens por meio d opção respetiv no menu lterl esquerdo (onde tmém pode pré-visulizr s sus mensgens mis reentes) ou por meio do menu superior Ferrments. ) N su ix de mensgens, seleione opção Esrever mensgem. ) Comee por esolher o tipo de mensgem que vi rir Norml, Autorizção, Convite ou Notifição. d) Seleione gor o(s) destintário(s) por meio d su list de onttos. Digite o nome do destintário ou lique em Pr. Tem gor esso todos os seus onttos Wedu. d 24 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

25 mensgens e) Os seus onttos enontrm-se orgnizdos por perfil. Nvegue pelos seprdores e seleione os destintários d su mensgem. f) Pr definir su seleção, lique no otão Confirmr, que se enontr no fim d list. e g g) Insir gor o ssunto e orpo d mensgem. Cso se trte de um utorizção, onvite ou notifição, deve tmém definir vlidde d mensgem, té à qul os destintários poderão responder. h) Se voê quiser, pode ind sumeter um ou mis nexos. Clique em Envir e mensgem será envid. i i) A mensgem fi gor rmzend no seprdor Envids e pode ser onsultd qulquer momento. 25

26 vlições 6. Avlições Os onheimentos ds turms podem ser vlidos n Wedu, segundo diferentes ritérios e esls de vlição. Consulte vlições rids pelos professores e ompnhe os progressos dos seus edundos Consultr vlições ) Sempre que um dos professores do(s) seu(s) edundo(s) fizer um vlição, reeerá um mensgem e preerá um pré-visulizção d mesm n opção Avlições d su págin prinipl. ) Vej vlição em detlhe por meio d mensgem que reeeu ou esse opção Avlições no menu lterl esquerdo d su págin prinipl, que lhe permitirá depois ver tods s vlições já relizds pr o(s) seu(s) edundo(s). ) A list é orgnizd por ritérios. Nvegue pelos seprdores e seleione finlmente o ritério ujs vlições pretende onsultr Consultr méritos ) Sempre que um professor triuir um mérito o(s) seu(s) edundo(s), reeerá um mensgem om ess informção. 26 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

27 vlições / iliote digitl ) Vej vlição em detlhe por meio d mensgem que reeeu ou esse opção Avlições no menu lterl esquerdo d su págin prinipl, que lhe permitirá depois ver tods s vlições já relizds pr o(s) seu(s) edundo(s). ) Clique n opção Consultr méritos e poderá ver quis os méritos triuídos o(s) seu(s) edundo(s). 7. Biliote Digitl A iliote digitl é um repositório digitl de doumentos, rquivos e links pr págins de Internet que fim rmzends n Wedu. N iliote de d utilizdor, os rquivos podem ser visulizdos por seprdores que identifim onde os rquivos form pulidos Consultr Arquivos ) Aesse à su iliote digitl por meio d opção Biliote Digitl no menu lterl esquerdo d su págin prinipl. Em lterntiv, vá Ferrments > Biliote Digitl. ) N iliote digitl, os seus rquivos e links enontrm-se orgnizdos por seprdores em função do tipo de omprtilhmento (omprtilhdos por si, omprtilhdos ns sls de ul, entre outros). 27

28 iliote digitl 7.2. Inserir rquivo ) Aesse su iliote digitl por meio d opção Biliote Digitl no menu lterl esquerdo d su págin prinipl. Outr lterntiv é essr Ferrments > Biliote Digitl. ) Esolh opção Inserir um Fiheiro no menu lterl esquerdo. ) Esolh gor o rquivo que pretende inserir prtir do seu omputdor. Dê-lhe um título e desrição e defin quem poderá ter esso ele. Clique em Grvr pr onfirmr o rregmento. d) O rquivo fi então lojdo n su Biliote Digitl e disponível os utilizdores quem deu esso Inserir link ) Aesse su iliote digitl por meio d opção Biliote Digitl no menu lterl esquerdo d su págin prinipl. Ou, vá Ferrments > Biliote Digitl. 28 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

29 iliote digitl ) Esolh opção Inserir um link no menu lterl esquerdo. d ) Insir o link que quer omprtilhr, um título e um desrição. Defin quem poderá ter esso ele e lique em Grvr pr onfirmr o omprtilhmento. d) O link fi então lojdo n su Biliote Digitl e disponível os utilizdores quem deu esso Crir Pst ) Aed à su iliote digitl por meio d opção Biliote Digitl no menu lterl esquerdo d su págin prinipl. Em lterntiv, vá Ferrments > Biliote Digitl. ) Esolh opção Crir pst no menu lterl esquerdo 29

30 iliote digitl ) Dê um nome à pst que pretende rir e lique em Grvr. d) A nov pst é gor presentd n list de psts disponíveis n su iliote digitl. d f e) Pr diionr rquivos pr um pst, insir um novo ou edite um que já estej n su iliote. Deve gor definir no mpo Pst nov pst onde pretende que ele sej olodo. Clique em grvr pr s lterções serem onfirmds. f) Os rquivos pssrão então estr rmzendos n nov pst que riou. A pst pode ser essd pelo menu lterl esquerdo Apgr pst ) Seleione no menu lterl esquerdo pst que pretende pgr. ) Pr pgr pst, lique em Remover pst. 30 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

31 tutoriis e os prtis 8. Tutoriis e Bos Prátis Os Tutoriis e os prátis n Wedu permitem omprtilhr om outros utilizdores métodos pr relizr determinds tividdes e sugestões ou experiênis que possm ser úteis Consultr os prátis e tutoriis n iliote digitl ) Aesse su iliote digitl por meio d opção Biliote Digitl no menu lterl esquerdo d su págin prinipl. Outr lterntiv, esse Ferrments > Biliote Digitl. ) A onsult de tutoriis e os prátis é feit por meio ds opções respetivs presentds no menu lterl esquerdo Crir o práti ) Aesse su iliote digitl por meio d opção Biliote Digitl no menu lterl esquerdo d su págin prinipl. Em lterntiv, vá Ferrments > Biliote Digitl. ) Esolh gor opção Bos prátis presentd no menu lterl esquerdo. ) Clique em Crir o práti. e) A o práti pode gor ser onsultd n opção As minhs os prátis no menu lterl esquerdo. 31

32 tutoriis e os prtis 8.3. Crir tutoril ) Aesse su iliote digitl por meio d opção Biliote Digitl no menu lterl esquerdo d su págin prinipl. Em lterntiv, vá Ferrments > Biliote Digitl. ) Esolh gor opção Tutoriis presentd no menu lterl esquerdo. ) Clique em Crir tutoril. d) Comee por definir um título, um tem e esrev um reve sumário. Defin tmém quem poderá ter esso este tutoril. e) Clique em Adiionr psso pr omeçr rir s etps que ompõe o seu tutoril. e f) Em d psso, pode nexr um imgem e esrever o texto explitivo dess etp. Adiione o número de pssos que preisr. g) Qundo tiver ompletdo todos os pssos, esolh Terminr pr que o seu tutoril sej sumetido. h) O seu tutoril pode gor ser onsultdo n opção Os meus tutoriis no menu lterl esquerdo. 32 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

33 fotogrfi e vídeo 9. Fotogrfis e Vídeos N Wedu, voê pode rir áluns de fotogrfis e permitir que outros utilizdores os possm onsultr Consultr áluns e vídeos ) Aesse o módulo Fotos e vídeos por meio do menu superior Ferrments. ) Nvegue pelo menu lterl esquerdo, onsultndo os seus áluns e os áluns e vídeos omprtilhdos pel esol do(s) seu(s) edundo(s) Crir e editr áluns de fotogrfis ) Aesse o módulo Fotos e vídeos por meio do menu superior Ferrments. ) Pr rir um álum, lique n opção Crir novo álum. 33

34 fotogrfi e vídeo ) Insir gor um título, defin quem terá esso o álum e lique em grvr. O novo álum pss gor estr disponível. e f d) Pode gor diionr fotogrfis o álum rido. e) Pr editr um álum que tenh rido, seleione qul o que pretende lterr e no menu lterl esquerdo esolh opção Editr álum. f) Altere gor o nome do álum e lique em Grvr pr que s lterções sejm registrds Adiionr fotogrfis um álum ) Aesse o módulo Fotos e vídeos por meio do menu superior Ferrments. ) Seleione o álum o qul pretende diionr fotogrfis. ) Clique em Adiionr fotogrfis o álum e depois em Seleionr fotos pr rregr s fotogrfis diretmente do seu omputdor. Pode tmém ssoir um omentário. 34 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

35 gend d e d) Voê tem gor possiilidde de editr o nome e desrição de d foto, em omo esolher qul dels será p do álum. e) Clique em Grvr pr que s lterções sejm registrds. Poderá gor onfirmr que s fotos já se enontrm no álum. 10. Agend A gend Wedu present todos os seus eventos, orgnizndo-os por tipo e permitindo-lhe ssim gerir melhor o seu tempo Consultr gend ) A su gend pode ser onsultd diretmente por meio d opção Agend no rdápio lterl esquerdo d su págin prinipl ou essndo Ferrments e esolhendo primeir opção. ) Aqui tem então esso todos os eventos existentes n su gend, que surgem identifidos por ores em função do tipo. 35

36 gend Crir evento ) Aesse su gend por meio do menu lterl esquerdo d su págin prinipl ou indo Ferrments > Agend. ) Seleione gor Crir Evento no menu lterl esquerdo. d ) Pode gor introduzir os detlhes do evento, defini o título, quem ele se destin e tmém dt. Um evento pode ser rido pr um di ompleto ou pr horários espeífios. d) Clique em Grvr e o evento será rido n su gend e firá disponível pr todos os utilizdores om quem o prtilhou Editr/pgr Evento ) Aesse su gend por meio do menu lterl esquerdo d su págin prinipl ou indo Ferrments > Agend: 36 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

37 gend ) Seleione o evento que pretende editr ou pgr. ) Nos detlhes do evento, seleione se pretende editr ou pgr o evento. d e d) Se pretender pgr o evento, lique em Apgr e onfirme eliminção. e) Se quiser editr o evento, seleione Editr e ltere os mpos que pretender. Pode tmém esolher se quer que os intervenientes sejm notifidos ds lterções que fez. f) Seleione Grvr pr que s lterções o evento sejm registrds Imprimir evento ) Aesse su gend por meio do menu lterl esquerdo d su págin prinipl ou indo Ferrments > Agend. ) Seleione o evento que pretende imprimir. 37

38 gend / Diretório ) Nos detlhes do evento, esolh gor opção Imprimir, disponível no nto inferior direito. d) Poderá depois ver um pré-visulizção do doumento ser impresso e onfirmr impressão. 12. Diretório A Wedu inlui um motor de pesquis que lhe permite prourr por esols, ssoições ou outrs entiddes registrds n pltform. ) Pr fzer um pesquis no diretório Wedu, insir no mpo de pesquis o termo que pretende enontrr. ) A list de resultdos inluirá todos os elementos n Wedu ssoidos o prâmetro de pesquis. 38 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

39 Diretório ) Pr filtrr os resultdos, seleione no menu lterl esquerdo o tipo de resultdo que pretende ver. d) Se esolher, por exemplo, opção Esols, poderá ver pens s esols ssoids o prâmetro de pesquis utilizdo. 12. Grupos Os grupos são espços de omprtilhmento entre utilizdores que se orgnizm por áre de interesse e não por esol Aderir grupos ) Voê pode pesquisr um grupo por meio d rr de pesquis Wedu e seleionndo opção Grupos no menu lterl esquerdo. ) Esolh o grupo que pretende derir. Se o grupo for erto, desão será imedit por meio d seleção d opção Aderir o grupo. Cso se trte de um grupo fehdo, deverá seleionr opção Pedido de desão. O seu pedido será envido o utor do grupo, que provrá ou não su desão Crir grupo ) Aesse opção Grupos por meio do menu superior. 39

40 Diretório ) Esolh opção Crir grupo no menu lterl esquerdo. ) Preenh os mpos requeridos (nome, tipo de grupo, onttos, et.). d d) Em seguid, é importnte definir o tipo de desão (se livre ou por onvite) e se é permitid o omprtilhmento de rquivos e fotogrfis. Clique em grvr e o grupo será rido. e) Pr pgr um grupo, st seleionr opção Remover grupo no menu lterl esquerdo. 40 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

41 Diretório Prtiipr num grupo ) Aesse opção Grupos por meio do menu superior. ) Em Os meus grupos, seleione o grupo que pretende visulizr. ) Aqui voê pode essr s opções espeífis do grupo omo os rquivos omprtilhdos, áluns de fotogrfis ou o fórum de disussão Prtiipr no fórum de disussão ) Aesse opção Grupos por meio do menu superior. ) Em Os meus grupos, seleione o grupo que pretende visulizr. 41

42 Diretório ) Seleione gor o seprdor Disussões. Pr rir um tópio, lique no otão Crir tópio. d) Insir um título, o texto do tópio e defin se o tópio está erto ou fehdo à disussão. Clique depois em Grvr. d d) O tópio foi diiondo o seprdor Disussões. Clique no tópio que pretende ver em detlhe e omentr. e) Os tópios ridos por voê poderão sempre ser editdos ou pgdos, stndo pr isso utilizr os otões respetivos. e f) Pr fzer um omentário, insir o texto no mpo disponível pr o efeito e lique em Grvr. f 42 Mnul de utilizção dos responsáveis pel edução

43

44

Atendimento WEB Volkswagen v20141104.docx. Manual de Atendimento Volkswagen

Atendimento WEB Volkswagen v20141104.docx. Manual de Atendimento Volkswagen Atendimento WEB Volkswgen v20141104.dox Mnul de Atendimento Volkswgen Atendimento WEB Volkswgen v20141104.dox ÍNDICE CARO CREDENCIADO, LEIA COM ATENÇÃO.... 3 DOCUMENTAÇÃO COMPLEMENTAR... 3 FECHAMENTO DE

Leia mais

Internação WEB BR Distribuidora v20130701.docx. Manual de Internação

Internação WEB BR Distribuidora v20130701.docx. Manual de Internação Mnul de Internção ÍNDICE CARO CREDENCIADO, LEIA COM ATENÇÃO.... 3 FATURAMENTO... 3 PROBLEMAS DE CADASTRO... 3 PENDÊNCIA DO ATENDIMENTO... 3 ACESSANDO O MEDLINK WEB... 4 ADMINISTRAÇÃO DE USUÁRIOS... 5 CRIANDO

Leia mais

Atendimento WEB TISS ECONOMUS Ver 1-A Out-08.doc. Manual de Atendimento

Atendimento WEB TISS ECONOMUS Ver 1-A Out-08.doc. Manual de Atendimento Mnul de Atendimento ÍNDICE CARO CREDENCIADO, LEIA COM ATENÇÃO... 3 MOVIMENTO MANUAL... 3 DOCUMENTAÇÃO COMPLEMENTAR... 3 CONSULTAS TISS COM COBRANÇA DE MATERIAL, MEDICAMENTOS E TAXAS... 3 COBRANÇA DE MATERIAL,

Leia mais

SISTEMA DE INFORMAÇÕES JUDICIÁRIAS - SIJ

SISTEMA DE INFORMAÇÕES JUDICIÁRIAS - SIJ Secretri de Tecnologi d Informção Coordendori de Suporte Técnico os Usuários SISTEMA DE INFORMAÇÕES JUDICIÁRIAS - SIJ MÓDULO DESPACHO ASSISTIDO (versão 1.0) Sumário 1. OBJETIVO DO MÓDULO... 3 1. 2. GERENCIAMENTO

Leia mais

Faturamento WEB TISS GCAIS Ver 1-C Jan-09.doc. Manual de Faturamento

Faturamento WEB TISS GCAIS Ver 1-C Jan-09.doc. Manual de Faturamento Mnul de Fturmento ATENÇÃO PROCESSO ESPECIAL ENVIO DE 1ª. e 2ª. GRD S GOLDEN CROSS Antes de envir o movimento referente à su 1ª. e 2ª. GRD S d operdor Golden Cross é origtório seguir os seguintes pssos:

Leia mais

Português. Manual de Instruções. Função USB. Transferindo padrões de bordado para a máquina Atualização fácil da sua máquina

Português. Manual de Instruções. Função USB. Transferindo padrões de bordado para a máquina Atualização fácil da sua máquina Mnul de Instruções Função USB Trnsferindo pdrões de borddo pr máquin Atulizção fácil d su máquin Português Introdução Este mnul fornece descrições sobre trnsferênci de pdrões de borddo de um mídi USB

Leia mais

Faturamento_WEB_Porto_Seguro_2010_07_B.doc. Manual de Faturamento

Faturamento_WEB_Porto_Seguro_2010_07_B.doc. Manual de Faturamento Mnul de Fturmento ÍNDICE CARO CREDENCIADO, LEIA COM ATENÇÃO....3 MOVIMENTO MANUAL...3 DOCUMENTAÇÃO COMPLEMENTAR...3 COBRANÇA DE MATERIAL, MEDICAMENTOS E TAXAS (Outrs Despess)...3 FECHAMENTO DE LOTE E GRD...3

Leia mais

o equipamento da embalagem e verificar os componentes Fio da linha telefónica Manual Básico do Utilizador Folheto de Segurança e Questões Legais

o equipamento da embalagem e verificar os componentes Fio da linha telefónica Manual Básico do Utilizador Folheto de Segurança e Questões Legais Gui de Instlção Rápid Iníio MFC-7860DW Lei o folheto Segurnç e Questões Legis ntes de instlr o seu equipmento. Em seguid, lei o Gui de Instlção Rápid pr oter informções sore onfigurção e instlção orret.

Leia mais

Início. Guia de Configuração Rápida DCP-J100 DCP-J105 ADVERTÊNCIA CUIDADO IMPORTANTE OBSERVAÇÃO ADVERTÊNCIA

Início. Guia de Configuração Rápida DCP-J100 DCP-J105 ADVERTÊNCIA CUIDADO IMPORTANTE OBSERVAÇÃO ADVERTÊNCIA Gui de Configurção Rápid Iníio DCP-J100 DCP-J105 Origdo por esolher Brother. Seu poio é importnte pr nós e vlorizmos o seu negóio. Seu produto Brother foi desenvolvido e frido de ordo om os mis ltos pdrões

Leia mais

Guia de rede sem fio. 2008 www.lexmark.com

Guia de rede sem fio. 2008 www.lexmark.com Gui de rede sem fio 2008 www.lexmrk.om Conteúdo Instlndo impressor em um rede sem fio...5 Comptiilidde de rede sem fio...5 Informções neessáris pr instlr impressor em um rede sem fio...5 Conedendo esso

Leia mais

Manual Passo a Passo ÍNDICE. Introdução...1 1. ABRINDO O SISTEMA - CENTRAL DO ASSINANTE

Manual Passo a Passo ÍNDICE. Introdução...1 1. ABRINDO O SISTEMA - CENTRAL DO ASSINANTE ÍNDICE Introdução...1 1. ABRINDO O SISTEMA - CENTRAL DO ASSINANTE Arindo o Sistem...2 Centrl do Assinnte...2 - Cdstro de Usuários...3 - Tro de Senh...3 - Esttísti de Utilizção do Sistem...3 - Comptção

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS TAIPAS CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE COMÉRCIO. DISCIPLINA: ORGANIZAR E GERIR A EMPRESA (10º Ano Turma K)

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS TAIPAS CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE COMÉRCIO. DISCIPLINA: ORGANIZAR E GERIR A EMPRESA (10º Ano Turma K) ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS TAIPAS CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE COMÉRCIO DISCIPLINA: ORGANIZAR E GERIR A EMPRESA (10º Ano Turm K) PLANIFICAÇÃO ANUAL Diretor do Curso Celso Mnuel Lim Docente Celso Mnuel

Leia mais

1.1) Dividindo segmentos em partes iguais com mediatrizes sucessivas.

1.1) Dividindo segmentos em partes iguais com mediatrizes sucessivas. COLÉGIO PEDRO II U. E. ENGENHO NOVO II Divisão Gráfi de segmentos e Determinção gráfi de epressões lgéris (qurt e tereir proporionl e médi geométri). Prof. Sory Izr Coord. Prof. Jorge Mrelo TURM: luno:

Leia mais

Acoplamento. Tipos de acoplamento. Acoplamento por dados. Acoplamento por imagem. Exemplo. É o grau de dependência entre dois módulos.

Acoplamento. Tipos de acoplamento. Acoplamento por dados. Acoplamento por imagem. Exemplo. É o grau de dependência entre dois módulos. Acoplmento É o gru de dependênci entre dois módulos. Objetivo: minimizr o coplmento grndes sistems devem ser segmentdos em módulos simples A qulidde do projeto será vlid pelo gru de modulrizção do sistem.

Leia mais

o equipamento da embalagem e verificar os componentes

o equipamento da embalagem e verificar os componentes Gui de Instlção Rápid Iníio DCP-J552DW DCP-J752DW Lei o Gui de Segurnç de Produto ntes de onfigurr o equipmento. Em seguid, lei este Gui de Instlção Rápid pr o instlr e onfigurr orretmente. ADVERTÊNCIA

Leia mais

Zelio Logic 2 Interface de comunicação SR2COM01 Ajuda para a utilização da pasta de exploração 11/2005

Zelio Logic 2 Interface de comunicação SR2COM01 Ajuda para a utilização da pasta de exploração 11/2005 Zelio Logi 2 Interfe e omunição SR2COM01 Aju pr utilizção pst e explorção 11/2005 1606327 Aju pr utilizção pst e explorção Desrição gerl Introução A pst e explorção é um fiheiro e texto rio pelo softwre

Leia mais

Manual de Operações Atualização do KIT I

Manual de Operações Atualização do KIT I Mnul de Operções Atulizção do KIT I ÍNDICE ANTES DE INICIAR... 2 NOVOS RECURSOS...2 EXIBIÇÃO DO TECIDO DURANTE O ALINHAMENTO DA POSIÇÃO DO BORDADO... 3 ALTERAÇÃO DO TAMANHO DO DESENHO, MANTENDO A DENSIDADE

Leia mais

Manual de funcionamento de EasyMP Multi PC Projection

Manual de funcionamento de EasyMP Multi PC Projection Mnul de funcionmento de EsyMP Multi PC Projection Índice Gerl 2 Sobre o EsyMP Multi PC Projection Estilos de reunião disponibilizdos pelo EsyMP Multi PC Projection... 5 Relizr reuniões utilizndo váris

Leia mais

Análise de Variância com Dois Factores

Análise de Variância com Dois Factores Análise de Vriânci com Dois Fctores Modelo sem intercção Eemplo Neste eemplo, o testrmos hipótese de s três lojs terem volumes médios de vends iguis, estmos testr se o fctor Loj tem influênci no volume

Leia mais

AMAZONINO ARMANDO MENDES Prefeito. JOSÉ ANTÔNIO FERREIRA DE ASSUNÇÃO Secretário Municipal de Administração

AMAZONINO ARMANDO MENDES Prefeito. JOSÉ ANTÔNIO FERREIRA DE ASSUNÇÃO Secretário Municipal de Administração MZONINO RMNO MENES Prefeito JOSÉ NTÔNIO FERREIR E SSUNÇÃO Secretário Municipal de dministração OLVO ELSO TPJÓS SILV Subsecretário de Logística PULO EIZEN YMGUTI Subsecretário de dministração THIGO TUPINMÁ

Leia mais

Busca Digital (Trie e Árvore Patrícia) Estrutura de Dados II Jairo Francisco de Souza

Busca Digital (Trie e Árvore Patrícia) Estrutura de Dados II Jairo Francisco de Souza Busc Digitl (Trie e Árvore Ptríci) Estrutur de Ddos II Jiro Frncisco de Souz Introdução No prolem de usc, é suposto que existe um conjunto de chves S={s 1,, s n } e um vlor x correspondente um chve que

Leia mais

Eleições Diretório Acadêmico Fisioterapia

Eleições Diretório Acadêmico Fisioterapia Eleições Está berto o período de inscrição pr s novs chps do Diretório Acdêmico - Gestão 2015 Inscrições: dos dis 17 29 de gosto de 2015 somente pelo e-mil: fisioufu.d.@gmil.com A votção será relizd nos

Leia mais

o aparelho e verificar os componentes Cartucho de tinta Vida útil aproximada de 10.000 páginas 1

o aparelho e verificar os componentes Cartucho de tinta Vida útil aproximada de 10.000 páginas 1 Gui de Configurção Rápid Iníio (pens UE) HL-S7000DN Origdo por esolher Brother. Seu poio é importnte pr nós e vlorizmos o seu negóio. Seu produto Brother foi desenvolvido e frido de ordo om os mis ltos

Leia mais

Simbolicamente, para. e 1. a tem-se

Simbolicamente, para. e 1. a tem-se . Logritmos Inicilmente vmos trtr dos ritmos, um ferrment crid pr uilir no desenvolvimento de cálculos e que o longo do tempo mostrou-se um modelo dequdo pr vários fenômenos ns ciêncis em gerl. Os ritmos

Leia mais

o aparelho e verifique os componentes Conjuntos de unidade de cilindro e cartucho de toner (pré-instalados) (preto, ciano, magenta e amarelo)

o aparelho e verifique os componentes Conjuntos de unidade de cilindro e cartucho de toner (pré-instalados) (preto, ciano, magenta e amarelo) Gui e Configurção Rápi Iníio DCP-9020CDN Lei primeiro o Gui e Segurnç e Prouto e epois lei este Gui e Configurção Rápi pr exeutr orretmente o proeimento e onfigurção e instlção. Pr visulizr o Gui e Configurção

Leia mais

Início. Guia de Configuração Rápida DCP-8112DN DCP-8152DN DCP-8157DN. o aparelho e verifique os componentes

Início. Guia de Configuração Rápida DCP-8112DN DCP-8152DN DCP-8157DN. o aparelho e verifique os componentes Gui e Configurção Rápi Iníio DCP-8112DN DCP-8152DN DCP-8157DN Origo por esolher Brother. Seu inentivo é importnte pr nós, que vlorizmos seus negóios. Seu prouto Brother foi projeto e frio om os mis ltos

Leia mais

Serviços de Acção Social da Universidade de Coimbra

Serviços de Acção Social da Universidade de Coimbra Serviços de Acção Socil d Universidde de Coimbr Serviço de Pessol e Recursos Humnos O que é o bono de fmíli pr crinçs e jovens? É um poio em dinheiro, pgo menslmente, pr judr s fmílis no sustento e n educção

Leia mais

Dado Seguro. Gestão Inteligente de Backup. Manual de Criação e configuração. Criação: CS-Consoft - Documentação & CSU

Dado Seguro. Gestão Inteligente de Backup. Manual de Criação e configuração. Criação: CS-Consoft - Documentação & CSU Gestão Inteligente de Bckup Mnul de Crição e configurção Crição: CS-Consoft - Documentção & CSU Indice Introdução... 1 I. Aquisição d solução de Bckup Remoto Ddo Seguro Pro... 1 1. Downlod do plictivo...

Leia mais

Início. Guia de Configuração Rápida MFC-9460CDN. o aparelho e verifique os componentes AVISO CUIDADO

Início. Guia de Configuração Rápida MFC-9460CDN. o aparelho e verifique os componentes AVISO CUIDADO Gui e Configurção Rápi Iníio MFC-9460CDN Antes e usr este prelho pel primeir vez, lei este Gui e Configurção Rápi pr onfigurá-lo e instlá-lo. Pr visulizr o Gui e Configurção Rápi em outros iioms, visite

Leia mais

TEMA CENTRAL: A interface do cuidado de enfermagem com as políticas de atenção ao idoso.

TEMA CENTRAL: A interface do cuidado de enfermagem com as políticas de atenção ao idoso. TERMO DE ADESÃO A POLITICA DE INSCRIÇÃO NOS EVENTOS DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENFERMAGEM 9ª. JORNADA BRASILEIRA DE ENFERMAGEM GERIÁTRICA E GERONTOLÓGICA TEMA CENTRAL: A interfce do cuiddo de enfermgem

Leia mais

XEROX BOLETIM DE SEGURANÇA XRX07-001

XEROX BOLETIM DE SEGURANÇA XRX07-001 XEROX BOLETIM DE SEGURANÇA XRX07-001 XEROX Boletim de Segurnç XRX07-001 Há vulnerbiliddes n ESS/Controldor de Rede que, se forem explords, podem permitir execução remot de softwre rbitrário, flsificção

Leia mais

MANUAL DE USO DA MARCA DA FORÇA AÉREA BRASILEIRA

MANUAL DE USO DA MARCA DA FORÇA AÉREA BRASILEIRA MANUAL DE USO DA MARCA DA MARÇO/2011 1 Identidde Visul Sobre o Mnul d Mrc Este mnul vis pdronizr e estbelecer regrs de uso pr mrc d Forç Aére Brsileir. Mrc é um símbolo que funcion como elemento identificdor

Leia mais

Cálculo Numérico Faculdade de Engenharia, Arquiteturas e Urbanismo FEAU

Cálculo Numérico Faculdade de Engenharia, Arquiteturas e Urbanismo FEAU Cálculo Numérico Fculdde de Enenhri, Arquiteturs e Urnismo FEAU Pro. Dr. Serio Pillin IPD/ Físic e Astronomi V Ajuste de curvs pelo método dos mínimos qudrdos Ojetivos: O ojetivo dest ul é presentr o método

Leia mais

o equipamento da embalagem e verificar os componentes Conjunto de unidade do tambor e cartucho de toner (pré-instalado)

o equipamento da embalagem e verificar os componentes Conjunto de unidade do tambor e cartucho de toner (pré-instalado) Gui e Instlção Rápi Iníio MFC-8950DW(T) Lei primeiro o Gui e Segurnç e Prouto e epois este Gui e Instlção Rápi pr exeutr orretmente o proeimento e instlção e onfigurção. Pr ver o Gui e Instlção Rápi noutros

Leia mais

4. APLICAÇÃO DA PROTEÇÃO DIFERENCIAL À PROTEÇÃO DE TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA

4. APLICAÇÃO DA PROTEÇÃO DIFERENCIAL À PROTEÇÃO DE TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA lever Pereir 4. PLÇÃO D PROTEÇÃO DFEREL À PROTEÇÃO DE TRSFORMDORES DE POTÊ 4.. Prinípio ásio s orrentes primáris e seundáris de um trfo de potêni gurdm entre si um relção onheid em ondições de operção

Leia mais

AVISO indica uma situação potencialmente perigosa que, se não evitada, pode resultar em morte ou ferimentos graves.

AVISO indica uma situação potencialmente perigosa que, se não evitada, pode resultar em morte ou ferimentos graves. Gui e Configurção Rápi Iníio DCP-7055 / DCP-7057 DCP-7060D / DCP-7065DN Antes e instlr este equipmento, lei seção e Segurnç e Questões Legis. Em segui, utilize o Gui e Configurção Rápi, que ontém instruções

Leia mais

COMPENSAÇÃO ANGULAR E REMOÇÃO DA COMPONENTE DE SEQÜÊNCIA ZERO NA PROTEÇÃO DIFERENCIAL

COMPENSAÇÃO ANGULAR E REMOÇÃO DA COMPONENTE DE SEQÜÊNCIA ZERO NA PROTEÇÃO DIFERENCIAL SHWETZER ENGNEERNG LORTORES, OMERL LTD OMPENSÇÃO NGULR E REMOÇÃO D OMPONENTE DE SEQÜÊN ZERO N PROTEÇÃO DFERENL RFEL RDOSO ntrodução O prinípio d proteção diferenil é de que som ds orrentes que entrm n

Leia mais

Pronto para uma câmera digital de primeira com CCD de 6,0 mega pixels?! G-Shot P6533 G-Shot P6533 G-Shot P6533 G-Shot P6533

Pronto para uma câmera digital de primeira com CCD de 6,0 mega pixels?! G-Shot P6533 G-Shot P6533 G-Shot P6533 G-Shot P6533 Pronto pr um câmer digitl de primeir com CCD de 6,0 meg piels?! A Genius gor nunci um câmer digitl de estilo único em su fmíli G-Shot: G-Shot P6533. Em um cbmento vermelho etrordinário, est DSC epress

Leia mais

o aparelho e verifique os componentes

o aparelho e verifique os componentes Gui e Configurção Rápi Iníio MFC-J6510DW MFC-J6710DW Lei o folheto Segurnç e Questões Legis ntes e instlr seu prelho. Depois lei este Gui e Configurção Rápi pr onfigurção e instlção orrets. AVISO CUIDADO

Leia mais

ADVERTÊNCIA indica uma situação potencialmente perigosa que, se não for evitada, pode resultar em morte ou ferimentos graves.

ADVERTÊNCIA indica uma situação potencialmente perigosa que, se não for evitada, pode resultar em morte ou ferimentos graves. Gui e Instlção Rápi Iníio MFC-7360N MFC-7460DN Lei o folheto Segurnç e Questões Legis ntes e instlr o seu equipmento. Em segui, lei o Gui e Instlção Rápi pr oter informções sore onfigurção e instlção orret.

Leia mais

AVISO indica uma situação potencialmente perigosa que, se não evitada, pode resultar em morte ou ferimentos graves.

AVISO indica uma situação potencialmente perigosa que, se não evitada, pode resultar em morte ou ferimentos graves. Gui e Configurção Rápi Iníio MFC-7360N MFC-7460DN Antes e instlr este equipmento, lei seção e Segurnç e Questões Legis. Em segui, utilize o Gui e Configurção Rápi, que ontém instruções pr onfigurção e

Leia mais

Conheça a sua fatura da água!

Conheça a sua fatura da água! Conheç su ftur d águ! Jneiro de 20 FATURA/RECIBO N.º: 27 VALOR 8,7 Euros Município de Reguengos de Monsrz Titulr / Locl Mord ou sítio de leitur/do contdor Loclidde d mord de leitur NIF: Áre NIPC 07 040

Leia mais

procedimentos conteúdo

procedimentos conteúdo proeimentos onteúo omo omeçr? 1 omo trnsferir minhs fits pr um iso? 2 omo rir um filme DVD? 6 omo eitr um iso e filmes DVD? 10 omo eitr meus rquivos e víeo? 13 omo rir um iso e presentção e slies? 18 omo

Leia mais

Semelhança e áreas 1,5

Semelhança e áreas 1,5 A UA UL LA Semelhnç e áres Introdução N Aul 17, estudmos o Teorem de Tles e semelhnç de triângulos. Nest ul, vmos tornr mis gerl o conceito de semelhnç e ver como se comportm s áres de figurs semelhntes.

Leia mais

o aparelho e verifique os componentes Preto Amarelo Ciano Magenta Cartuchos de tinta iniciais

o aparelho e verifique os componentes Preto Amarelo Ciano Magenta Cartuchos de tinta iniciais Gui e Configurção Rápi Iníio MFC-J590DW Origo por esolher Brother, seu poio é importnte pr nós e vlorizmos su preferêni. Seu prouto Brother foi projeto e frio nos mis ltos prões pr ter um esempenho onfiável,

Leia mais

Início. Guia de Instalação Rápida HL-4570CDW HL-4570CDWT. o aparelho e verifique os componentes ADVERTÊNCIA AVISO. Nota

Início. Guia de Instalação Rápida HL-4570CDW HL-4570CDWT. o aparelho e verifique os componentes ADVERTÊNCIA AVISO. Nota Gui e Instlção Rápi Iníio (pens UE) HL-4570CDW HL-4570CDWT Antes e utilizr este prelho pel primeir vez, lei este Gui e Instlção Rápi pr o onfigurr e instlr. Pr ver o Gui e Instlção Rápi noutros iioms,

Leia mais

Matemática Aplicada. A Mostre que a combinação dos movimentos N e S, em qualquer ordem, é nula, isto é,

Matemática Aplicada. A Mostre que a combinação dos movimentos N e S, em qualquer ordem, é nula, isto é, Mtemátic Aplicd Considere, no espço crtesino idimensionl, os movimentos unitários N, S, L e O definidos seguir, onde (, ) R é um ponto qulquer: N(, ) (, ) S(, ) (, ) L(, ) (, ) O(, ) (, ) Considere ind

Leia mais

Instalação e configuração Versão 6.3 Loja Exemplo Locaweb 6.3. Comércio Eletrônico

Instalação e configuração Versão 6.3 Loja Exemplo Locaweb 6.3. Comércio Eletrônico Comércio Eletrônico Autores: Gilberto Mutner Rento Weiner Reinldo Sntos Herbert Frncrelli Rodrigo Ortiz Procedimentos Técnicos Gui de instlção e configurção Versão 6.3 http://www.locweb.com.br (11) 161-300

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS Questões de Vestibulares. e B = 2

LISTA DE EXERCÍCIOS Questões de Vestibulares. e B = 2 LISTA DE EXERCÍCIOS Questões de Vestiulres ) UFBA 9 Considere s mtries A e B Sendo-se que X é um mtri simétri e que AX B, determine -, sendo Y ( ij) X - R) ) UFBA 9 Dds s mtries A d Pode-se firmr: () se

Leia mais

Atividades Acadêmico-Científico-Culturais LICENCIATURA

Atividades Acadêmico-Científico-Culturais LICENCIATURA tividades cadêmico-ientífico-ulturais LIENITUR s atividades acadêmico-científico-culturais () integram a estrutura curricular do urso de Licenciatura em Física, com carga horária total de 200 (duzentas)

Leia mais

Liberdade de expressão na mídia: seus prós e contras

Liberdade de expressão na mídia: seus prós e contras Universidde Estdul de Cmpins Fernnd Resende Serrdourd RA: 093739 Disciplin: CS101- Métodos e Técnics de Pesquis Professor: Armndo Vlente Propost de Projeto de Pesquis Liberdde de expressão n mídi: seus

Leia mais

Transporte de solvente através de membranas: estado estacionário

Transporte de solvente através de membranas: estado estacionário Trnsporte de solvente trvés de membrns: estdo estcionário Estudos experimentis mostrm que o fluxo de solvente (águ) em respost pressão hidráulic, em um meio homogêneo e poroso, é nálogo o fluxo difusivo

Leia mais

ESTÁGIO PARA ESTUDANTE DA UFU

ESTÁGIO PARA ESTUDANTE DA UFU 1 ESTÁGIO PARA ESTUDANTE DA UFU EDITAL UFU/PREFE/044/2010 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO(A) A Pró-reitori de Grdução d Universidde Federl de Uberlândi, mprd no rtigo 248 ds Norms de Grdução

Leia mais

o aparelho da embalagem e verificar os componentes Cartuchos de Tinta Iniciais

o aparelho da embalagem e verificar os componentes Cartuchos de Tinta Iniciais Gui e Instlção Rápi Iníio MFC-J5910DW Lei o Gui e Segurnç e Prouto ntes e onfigurr o prelho. Em segui, lei este Gui e Instlção Rápi pr o instlr e onfigurr orretmente. ADVERTÊNCIA AVISO ADVERTÊNCIA ini

Leia mais

Regras. Resumo do Jogo Resumo do Jogo. Conteúdo. Conteúdo. Objetivo FRENTE do Jogo

Regras. Resumo do Jogo Resumo do Jogo. Conteúdo. Conteúdo. Objetivo FRENTE do Jogo Resumo do Jogo Resumo do Jogo Regrs -Qundo for seu turno, você deve jogr um de sus crts no «ponto n linh do tempo» que estej correto. -Se você jogr crt corretmente, terá um crt menos à su frente. -Se você

Leia mais

Guia de Procedimento do Leilão

Guia de Procedimento do Leilão Gui de Proedimento do Leilão Dislimer: Este doumento foi preprdo pr poir nálise ds regrs e proedimentos do leilão, inluindo sempre que justifido lguns exemplos prátios. Este doumento não onstitui prte

Leia mais

Manual de Operação e Instalação

Manual de Operação e Instalação Mnul de Operção e Instlção Clh Prshll MEDIDOR DE VAZÃO EM CANAIS ABERTOS Cód: 073AA-025-122M Rev. B Novembro / 2008 S/A. Ru João Serrno, 250 Birro do Limão São Pulo SP CEP 02551-060 Fone: (11) 3488-8999

Leia mais

Cartilha Explicativa. Segurança para quem você ama.

Cartilha Explicativa. Segurança para quem você ama. Crtilh Explictiv Segurnç pr quem você m. Bem-vindo, novo prticipnte! É com stisfção que recebemos su desão o Fmíli Previdênci, plno desenhdo pr oferecer um complementção de posentdori num modelo moderno

Leia mais

Comércio Eletrônico Locaweb

Comércio Eletrônico Locaweb Comércio Eletrônico Locweb Autores: Equipe Comércio Eletrônico Procedimentos Técnicos Gui de instlção e configurção http://www.locweb.com.br comercio@locweb.com.br Atendimento: http://site.locweb.com.br/suporte/tendimento.sp

Leia mais

A ÁGUA COMO TEMA GERADOR PARA O ENSINO DE QUÍMICA

A ÁGUA COMO TEMA GERADOR PARA O ENSINO DE QUÍMICA A ÁGUA COMO TEMA GERADOR PARA O ENSINO DE QUÍMICA AUTORES: AMARAL, An Pul Mgno; NETO, Antônio d Luz Cost. E-MAIL: mgno_n@yhoo.com.br; ntonioluzneto@gmil.com INTRODUÇÃO Sendo um desfio ensinr químic pr

Leia mais

Manual de instalação. Aquecedor de reserva de monobloco de baixa temperatura Daikin Altherma EKMBUHCA3V3 EKMBUHCA9W1. Manual de instalação

Manual de instalação. Aquecedor de reserva de monobloco de baixa temperatura Daikin Altherma EKMBUHCA3V3 EKMBUHCA9W1. Manual de instalação Aquecedor de reserv de monoloco de ix tempertur Dikin EKMBUHCAV EKMBUHCA9W Portugues Índice Índice Acerc d documentção. Acerc deste documento... Acerc d cix. Aquecedor de reserv..... Pr retirr os cessórios

Leia mais

A - DADOS ESTRUTURAIS DA EMPRESA E ESTRATÉGIAS DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL CONTÍNUA (FPC)

A - DADOS ESTRUTURAIS DA EMPRESA E ESTRATÉGIAS DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL CONTÍNUA (FPC) INSTRUMENTO DE NOTAÇÃO DO SISTEMA ESTATÍSTICO NACIONAL (LEI 22/2008, DE 13 DE MAIO), DE RESPOSTA OBRIGATÓRIA, REGISTADO NO INE SOB O Nº 10026 VÁLIDO ATÉ 31/12/2012 Ginete de Estrtégi e Plnemento Ministério

Leia mais

SOCIEDADE EDUCACIONAL DE SANTA CATARINA INSTITUTO SUPERIOR TUPY

SOCIEDADE EDUCACIONAL DE SANTA CATARINA INSTITUTO SUPERIOR TUPY SOCIEDADE EDUCACIONAL DE SANTA CATARINA INSTITUTO SUPERIOR TUPY IDENTIFICAÇÃO PLANO DE ENSINO Curso: Engenhri de Produção Período/Módulo: 6º Período Disciplin/Unidde Curriculr: Simulção de Sistems de Produção

Leia mais

1º semestre de Engenharia Civil/Mecânica Cálculo 1 Profa Olga (1º sem de 2015) Função Exponencial

1º semestre de Engenharia Civil/Mecânica Cálculo 1 Profa Olga (1º sem de 2015) Função Exponencial º semestre de Engenhri Civil/Mecânic Cálculo Prof Olg (º sem de 05) Função Eponencil Definição: É tod função f: R R d form =, com R >0 e. Eemplos: = ; = ( ) ; = 3 ; = e Gráfico: ) Construir o gráfico d

Leia mais

Manual de funcionamento de Easy Interactive Tools Ver.3.0

Manual de funcionamento de Easy Interactive Tools Ver.3.0 Mnul de funcionmento de Esy Interctive Tools Ver.3.0 Mnul de funcionmento de Esy Interctive Tools Ver.3.0 Resumo do Esy Interctive Tools 3 Crcterístics O Esy Interctive Tools é um plicção que lhe permite

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA Pró-Reitoria Acadêmica Setor de Pesquisa

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA Pró-Reitoria Acadêmica Setor de Pesquisa FORMULÁRIO PARA INSCRIÇÃO DE PROJETO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA. Coordenção/Colegido o(s) qul(is) será vinculdo: Engenhris Curso (s) : Engenhris Nome do projeto: MtLb Aplicdo n Resolução de Sistems Lineres.

Leia mais

Manual de acesso ao UNICURITIBA Virtual (Moodle) para alunos EAD

Manual de acesso ao UNICURITIBA Virtual (Moodle) para alunos EAD 1 Manual de acesso ao UNICURITIBA Virtual (Moodle) para alunos EAD 2015 2 Sumário Acessando o UNICURITIBA Virtual... 4 Conhecendo o UNICURITIBA Virtual... 5 1. Foto do Perfil... 5 2. Campo de Busca...

Leia mais

Guia de operação para 3079

Guia de operação para 3079 MA1204-PA Gui de operção pr 3079 Sobre este mnul As operções dos botões são indicds usndo s letrs mostrds n ilustrção. Cd seção deste mnul oferece s informções que você precis sber pr relizr s operções

Leia mais

McAfee Email Gateway Blade Server

McAfee Email Gateway Blade Server Gui de início rápido Revisão B McAfee Emil Gtewy Blde Server versão 7.x Esse gui de início rápido serve como um roteiro ásico pr instlção do servidor lde do McAfee Emil Gtewy. Pr oter instruções detlhds

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PROJETOS DE INCLUSÃO PRODUTIVA

TERMO DE REFERÊNCIA PROJETOS DE INCLUSÃO PRODUTIVA TERMO DE REFERÊNCIA PROJETOS DE INCLUSÃO PRODUTIVA 1 - Ddos do Proponente 1.1- Nome d Entidde 1.2- CNPJ 1.3- Número de Sócios 1.4- Dt d Fundção 1.5- Endereço 20/09/2011 1.6- Município 1.7- CEP 1.8- U F

Leia mais

1.2- CNPJ 1.3- Número de Sócios 1.4- Data da Fundação. 1-10 - Nome do Presidente 1.11-C P F 1.12- RG

1.2- CNPJ 1.3- Número de Sócios 1.4- Data da Fundação. 1-10 - Nome do Presidente 1.11-C P F 1.12- RG 1 - DADOS DO PROPONENTE 1.1- Nome d Entidde 1.2- CNPJ 1.3- Número de Sócios 1.4- Dt d Fundção 1.5- Endereço 20/09/2011 1.6- Município 1.7- CEP 1.8- U F 1.9- Telefone 1-10 - Nome do Presidente 1.11-C P

Leia mais

ANTES, CONHEÇA O QUE É MOLDE ONLINE

ANTES, CONHEÇA O QUE É MOLDE ONLINE MOLDESR OBERTO Como Usr os MARQUES.om.r MOLDE n su medid IMPORTANTE: Moldes de Roups Roerto Mrques - Todos os direitos reservdos. É proiido qulquer tipo de reprodução omeril sem utorizção esrit d Moldes

Leia mais

b 2 = 1: (resp. R2 e ab) 8.1B Calcule a área da região delimitada pelo eixo x, pelas retas x = B; B > 0; e pelo grá co da função y = x 2 exp

b 2 = 1: (resp. R2 e ab) 8.1B Calcule a área da região delimitada pelo eixo x, pelas retas x = B; B > 0; e pelo grá co da função y = x 2 exp 8.1 Áres Plns Suponh que cert região D do plno xy sej delimitd pelo eixo x, pels rets x = e x = b e pelo grá co de um função contínu e não negtiv y = f (x) ; x b, como mostr gur 8.1. A áre d região D é

Leia mais

Programa Currículo e Prática Docente 2014

Programa Currículo e Prática Docente 2014 Pr sber mis sobre s ções de formção ofertds pel EFAP, cesse: www.escoldeformco.sp.gov.br Progrm Currículo e Prátic Docente Progrm Currículo e Prátic Docente 2014 *Versão revisd e tulizd em 11/06/2014:

Leia mais

ESTADO DO MARANHÃO MINISTÉRIO PÚBLICO PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA a CENTRO DE APOIO OPERACIONAL DE MEIO AMBIENTE, URBANISMO E PATRIMÔNIO CULTURAL

ESTADO DO MARANHÃO MINISTÉRIO PÚBLICO PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA a CENTRO DE APOIO OPERACIONAL DE MEIO AMBIENTE, URBANISMO E PATRIMÔNIO CULTURAL 1 N O T A T É C N I C A N º. 0 0 3 / 2 0 0 7 Análise ds demnds identificds ns udiêncis públics do Plnejmento Estrtégico. Construção de plnejmento. 1 JUSTIFICATIVA Após relizção de seis udiêncis públics

Leia mais

a impressora e verifique os componentes Folheto de Segurança e Questões Legais

a impressora e verifique os componentes Folheto de Segurança e Questões Legais Gui de Instlção Rápid Início HL-2135W / HL-2270DW (pens UE) Antes de utilizr est máquin pel primeir vez, lei este Gui de Instlção Rápid pr montr e instlr máquin. Pr visulizr o Gui de Instlção Rápid em

Leia mais

PROGRAMA SENAC DE GRATUIDADE - PSG 1º EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SENAC/AL

PROGRAMA SENAC DE GRATUIDADE - PSG 1º EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SENAC/AL PROGRAMA SENAC DE GRATUIDADE - PSG 1º EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SENAC/AL 1. DO PROGRAMA 1.1. O PSG destin-se pessos de bix rend cuj rend fmilir mensl per cpit não ultrpsse 2 slários mínimos federis,

Leia mais

U04.6. Câmara Municipal da Amadora. Pág. 1 a. 00. Requerimento (Modelo 04.6/CMA/DAU/2009) 01. Documento comprovativo da legitimidade do requerente.

U04.6. Câmara Municipal da Amadora. Pág. 1 a. 00. Requerimento (Modelo 04.6/CMA/DAU/2009) 01. Documento comprovativo da legitimidade do requerente. Câmr Municipl d Amdor Deprtmento de Administrção U04.6 Urbnísitic EMISSÃO DE LICENÇA ESPECIAL OU COMUNICAÇÃO PRÉVIA PARA OBRAS INACABADAS LISTA DE DOCUMENTOS 00. Requerimento (Modelo 04.6/CMA/DAU/2009)

Leia mais

Início. Guia de Instalação Rápida FAX-2840 / FAX-2845 FAX-2940. o equipamento da embalagem e verificar os componentes. Observação

Início. Guia de Instalação Rápida FAX-2840 / FAX-2845 FAX-2940. o equipamento da embalagem e verificar os componentes. Observação Guia de Instalação Rápida Iníio FAX-2840 / FAX-2845 FAX-2940 Leia o Guia de Segurança de Produto primeiro e, em seguida, leia este Guia de Instalação Rápida para oter o proedimento de onfiguração e instalação

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ESOLA SEUNDÁRIA DR. JOAQUIM DE ARVALHO, FIGUEIRA DA FOZ PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2015-2016 [Escrev texto] Págin 0 B I B L I O T E A E S O L A R PLANO ANUAL DE TRABALHO/ATIVIDADES A urrículo, litercis

Leia mais

Comportamento de RISCO

Comportamento de RISCO Comportmento de RISCO SEXO e um responsilidde Aprtment203/1016YA FCRISKY Cred Progrm Ncionl De Lut Contr SIDA Poe seguinte list por ordem, do comportmento mis seguro pr o mis rriscdo c d Ter vários prceiros

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Médio Plno de Trblho Docente 2014 Ensino Médio Etec Etec: PROF. MÁRIO ANTÔNIO VERZA Código: 164 Município: PALMITAL Áre de conhecimento: Ciêncis d Nturez, Mtemátic e sus Tecnologis Componente Curriculr: FÍSICA

Leia mais

Finalidade Pessoa Física Residencial

Finalidade Pessoa Física Residencial Gui de Contrtção Finlidde Pesso Físic Residencil Setembro/2013 O correto preenchimento e envio de documentos é ponto importnte n contrtção do Seguro Aluguel ou Finç Loctíci. Elbormos este gui pr judá-lo

Leia mais

1 Áreas de figuras planas

1 Áreas de figuras planas Nome: n o : Ensino: Médio érie: ª. Turm: Dt: Professor: Mário esumo 1 Áres de figurs plns 1.1 etângulo h. h 1. Qudrdo 1. Prlelogrmo h. h 1.4 Trpézio h B h B 1.5 Losngo d Dd. D 1.6 Triângulos 1.6.1 Triângulo

Leia mais

Característica de Regulação do Gerador de Corrente Contínua com Excitação em Derivação

Característica de Regulação do Gerador de Corrente Contínua com Excitação em Derivação Experiênci I Crcterístic de egulção do Gerdor de Corrente Contínu com Excitção em Derivção 1. Introdução Neste ensio máquin de corrente contínu ANEL trblhrá como gerdor utoexcitdo, não sendo mis necessári

Leia mais

PRÊMIO ACOLHER MANUAL DE INSCRIÇÃO

PRÊMIO ACOLHER MANUAL DE INSCRIÇÃO PRÊMIO OLHER MNUL E INSRIÇÃO 1 FZER ÇÕES SOIIS E TRNSFORMR O MUNO OM ELS. O PRÊMIO OLHER REIT NESSE MOVIMENTO! Seja bem-vindo a 4ª Edição do Prêmio colher. O prêmio surgiu para valorizar e apoiar as ações

Leia mais

Vo t a ç ão TEXTO DO CONGRESSO. PROPOSTA DO GOVERNO / Partidos da Base PROPOSTAS DAS BANCADAS DE OPOSIÇÃO E / OU ATEMPA / SIMPA

Vo t a ç ão TEXTO DO CONGRESSO. PROPOSTA DO GOVERNO / Partidos da Base PROPOSTAS DAS BANCADAS DE OPOSIÇÃO E / OU ATEMPA / SIMPA PROPOSTA DO GOVERNO / Prtidos d Bse PROPOSTAS DAS BANCADAS DE OPOSIÇÃO do Governo (Mensgem Retifictiv) E / OU ATEMPA / SIMPA Vo t ç ão TEXTO DO CONGRESSO Diverss estrtégis pr tingir s mets Emend 1- exclui

Leia mais

Definição e Criação de Molduras

Definição e Criação de Molduras TQS - Mldur Escrit pr Eng. Cmil Ferreir Seg, 20 Mi 2013 09:47 - Ness mensg rei lg dic crir nv mldur pltg n TQS. Ain nesse mesm text, lbrrei ts sbre recurs interessnte p uxiliá-ls criçã crimbs (u sels)

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES CONFIDENCIAIS

FICHA DE INFORMAÇÕES CONFIDENCIAIS SECRETARIA DA SEGURANÇA PÚBLICA E DEFESA SOCIAL DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DO PLANEJAMENTO E GESTÃO DO ESTADO DO CEARÁ POLÍCIA MILITAR DO CEARÁ CONCURSO PÚBLICO PARA INGRESSO NO CARGO DE SOLDADO PM

Leia mais

1 Fórmulas de Newton-Cotes

1 Fórmulas de Newton-Cotes As nots de ul que se seguem são um compilção dos textos relciondos n bibliogrfi e não têm intenção de substitui o livro-texto, nem qulquer outr bibliogrfi. Integrção Numéric Exemplos de problems: ) Como

Leia mais

COLÉGIO NAVAL 2016 (1º dia)

COLÉGIO NAVAL 2016 (1º dia) COLÉGIO NAVAL 016 (1º di) MATEMÁTICA PROVA AMARELA Nº 01 PROVA ROSA Nº 0 ( 5 40) 01) Sej S som dos vlores inteiros que stisfzem inequção 10 1 0. Sendo ssim, pode-se firmr que + ) S é um número divisíel

Leia mais

PRÉ-REQUISITOS PARA O CÁLCULO

PRÉ-REQUISITOS PARA O CÁLCULO Veremos qui um breve revisão de oneitos de álgebr neessários pr o estudo do Cálulo. É bom lembrr que voê não pode prender Cálulo sem esses pré-requisitos, priniplmente álgebr, que podemos onsiderr omo

Leia mais

07 AVALIAÇÃO DO EFEITO DO TRATAMENTO DE

07 AVALIAÇÃO DO EFEITO DO TRATAMENTO DE 07 AVALIAÇÃO DO EFEITO DO TRATAMENTO DE SEMENTES NA QUALIDADE FISIOLOGICA DA SEMENTE E A EFICIENCIA NO CONTROLE DE PRAGAS INICIAIS NA CULTURA DA SOJA Objetivo Este trblho tem como objetivo vlir o efeito

Leia mais

MANUAL DE NAVEGAÇÃO UNICURITIBA VIRTUAL

MANUAL DE NAVEGAÇÃO UNICURITIBA VIRTUAL MANUAL DE NAVEGAÇÃO UNICURITIBA VIRTUAL ACESSANDO O UNICURITIBA VIRTUAL Acesse o site do UNICURITIBA: http://unicuritiba.edu.br Clique no link Portal do Aluno, que fica no canto superior direito. Dentro

Leia mais

9 Implementação de Relógio Digital (State Charts)

9 Implementação de Relógio Digital (State Charts) StteFlow toolox 9 Implementção e Digitl (Stte Chrts) Desrever o funionmento e um relógio igitl, om um áre e isply prinipl, e 4 áres mis pequens. O relógio ispõe e: Poe mostrr o tempo num formto e 24 hors

Leia mais

TARIFÁRIO 2016 Operadora Nacional SEMPRE PERTO DE VOCÊ

TARIFÁRIO 2016 Operadora Nacional SEMPRE PERTO DE VOCÊ TARIFÁRIO 2016 Operdor Ncionl SEMPRE PERTO DE VOCÊ 24 HOTÉIS PORTUGAL E BRASIL LAZER E NEGÓCIOS CIDADE, PRAIA E CAMPO Os Hotéis Vil Glé Brsil Rio de Jneiro VILA GALÉ RIO DE JANEIRO 292 qurtos 2 resturntes

Leia mais

Manual de Operações. Máquina de costura MODELO VQ2400

Manual de Operações. Máquina de costura MODELO VQ2400 Mnul de Operções Máquin de costur MODELO VQ2400 Certifique-se de ler este documento ntes de utilizr máquin. Recomendmos gurdr este documento em um lugr de fácil cesso pr futurs referêncis. INTRODUÇÃO

Leia mais

Ter formação mínima em nível superior comprovada que atenda a formação acadêmica ou formação ou vinculação em programa de

Ter formação mínima em nível superior comprovada que atenda a formação acadêmica ou formação ou vinculação em programa de ANEXO II EDITAL Nº 04/2014 2 º PRORROGAÇÃO PARA VAGAS REMANESCENTES QUADRO DE VAGAS REMANESCENTES PARA O PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE PROFESSORES PESQUISADORES FORMADORES ÁREA DA PESQUISA EMENTA EIXO

Leia mais