ENGENHARIA AGRONÔMICA - USP

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ENGENHARIA AGRONÔMICA - USP"

Transcrição

1 Apresentação ENGENHARIA AGRONÔMICA - USP A Agronomia está intimamente ligada à produção de alimentos, sejam estes de origem animal ou vegetal. Compete ao Engenheiro Agrônomo produzir, conservar, transformar e colocar o alimento no mercado, cuidando do aproveitamento racional e sustentado dos recursos naturais e renováveis. O aluno do curso de Engenharia Agronômica da ESALQ ingressa no mercado de trabalho com uma sólida formação técnico-científica, capacitado para atuar nas áreas de vanguarda do seu campo de ação. Durante os 5 anos de curso, os alunos convivem com disciplinas que integram a pauta das principais pesquisas ligadas às Ciências Agrárias, passando da Biologia Molecular ao rastreamento de máquinas agrícolas por satélites espaciais, ao emprego de irradiação na conservação dos alimentos e administração de agronegócios. Mercado de trabalho O campo de trabalho do Engenheiro Agrônomo é vasto, face a amplitude de sua formação e extensão das fronteiras agrícolas que o nosso país oferece. Além de atuar diretamente junto aos produtores rurais, ele poderá trabalhar em empresas e órgãos públicos ligados à pesquisa, empresas ligadas à transformação e comercialização de produtos agropecuários, empresas relacionadas com a produção e venda de insumos agrícolas e em setores ligados às cadeias produtivas agrícolas. Licenciatura em Ciências Agrárias A ESALQ criou o Programa de Licenciatura em Ciências Agrárias. Este programa visa a formação de professores para o ensino técnico agrícola, a capacitação em diferentes áreas do magistério e treinamento de técnicos para o meio rural e empresas agroindustriais, através das seguintes matérias: Comunicação e Educação Didática Estágio Supervisionado em Licenciatura Introdução aos Estudos da Educação Metodologia do Ensino em Ciências Agrárias I Metodologia do Ensino em Ciências Agrárias II Política e Organização da Educação Brasileira Psicologia da Educação I Psicologia da Educação II Os alunos podem desenvolver o Programa de Licenciatura como um conjunto de disciplinas optativas cursadas além daquelas que constituem a área profissionalizante escolhida. Vagas Período Duração 200 Integral 5 anos

2 Disciplinas Obrigatórias 1º Período Ideal Introdução à Engenharia Agronômica LCB0103 Morfologia Vegetal LCE0106 Cálculo Diferencial e Integral LCE0108 Química Inorgânica e Analítica LGN0114 Biologia Celular LSN0101 Ciência do Solo I Subtotal: º Período Ideal LCB0208 Bioquímica LCB1204 Botânica Sistemática LCE0200 Física do Ambiente Agrícola LCE0211 Estatística Geral LES0213 Economia e Administração Agroindustrial LGN0215 Genética Geral LSN0201 Ciência do Solo II Subtotal: º Período Ideal LCB0311 Fisiologia Vegetal LCE0306 Meteorologia Agrícola LEF0212 Zoologia Geral e Parasitologia LEF0321 Microbiologia LER0340 Topografia e Geoprocessamento I LGN0313 Melhoramento Genético LSN0301 Ciência do Solo III Subtotal: º Período Ideal LAN1458 Tecnologia Agroindustrial LCB1402 Ecologia Vegetal LEF0322 Entomologia Geral LEF0424 Fitopatologia LER0450 Topografia e Geoprocessamento II LSN0401 Ciência do Solo IV LSN0420 Nutrição Mineral das Plantas LZT0313 Anatomia e Fisiologia Animal Subtotal: º Período Ideal LAN1444 Tecnologia dos Produtos Agropecuários I LEF0430 Pragas das Plantas Cultivadas LER0332 Mecânica e Máquinas Motoras LPV0501 Agricultura I LPV0505 Horticultura I LZT0425 Zootecnia I (Não Ruminantes)

3 Subtotal: º Período Ideal LER0432 Máquinas e Implementos Agrícolas LER0472 Hidráulica LES0129 Sociologia e Extensão LPV0602 Agricultura II LPV0610 Horticultura II LZT0532 Zootecnia II (Ruminantes) Subtotal: º Período Ideal LAN2444 Tecnologia dos Produtos Agropecuários II LCF1581 Recursos Florestais em Propriedades Agrícolas LER0418 Construções Rurais e Desenho Técnico LER1440 Hidrologia e Drenagem LER1571 Irrigação LPV0671 Controle das Plantas Daninhas Subtotal: Disciplinas Optativas 5º Período Ideal LES0667 Administração Rural e Agroindustrial LSN0623 Adubação e Nutrição de Plantas Cultivadas CEN0167 Biodiversidade e Conservação: Um Enfoque Molecular LCB0440 Biotecnologia Vegetal LES0560 Comercialização de Produtos Agrícolas LES0665 Contabilidade e Análise de Demonstrações Financeiras CEN0148 Ecologia de Sistemas LGN0320 Ecologia Evolutiva Humana LCB0615 Estágio Supervisionado em Ciências Biológicas I LCE0615 Estágio Supervisionado em Ciências Exatas I LCF0615 Estágio Supervisionado em Ciências Florestais I Estágio Supervisionado em Ciências Humanas I Estágio Supervisionado em Ciências Humanas II LES0615 Estágio Supervisionado em Economia, Administração e Extensão I LER0615 Estágio Supervisionado em Engenharia Rural I LEF0615 Estágio Supervisionado em Entomologia, Fitopatologia e Zoologia Agrícola I LGN0615 Estágio Supervisionado em Genética I LSN0615 Estágio Supervisionado em Solos e Nutrição de Plantas I CEN0640 Estágio Supervisionado em Técnicas Avançadas em Agropecuária I CEN0650 Estágio Supervisionado em Técnicas Avançadas em Agropecuária II LZT0493 Fisiologia Animal Aplicada LSN0515 Gênese e Classificação de Solos LCE1270 Gestão Pela Qualidade Total: Certificação Internacional, Estatística, Metrologia e Sistemas de Informações LEF0434 Insetos Úteis

4 LES0611 Instituições de Direito LAN0390 Nutrição LSN0612 Poluição do Solo LCB1500 Seminários em Biotecnologia I LSN1500 Seminários em Manejo Ambiental LAN0653 Tecnologia do Açúcar LAN0685 Tecnologia do Álcool LES0456 Teoria Microeconômica I º Período Ideal LEF0498 Acarologia LES0668 Administração Financeira LES0629 Agribusiness Cooperativo LCE0495 Análise Física do Ambiente LCB0250 Anatomia de Fanerógamas LZT0643 Avicultura LSN0513 Biologia do Solo LES0135 Ciência e Sociedade LES0200 Contabilidade Social LAN0697 Controle Analítico das Usinas e Destilarias CEN0001 Cultura de Tecidos Vegetais LGN0478 Ecogenética de Resíduos Agroindustriais LCB0672 Ecologia Animal Aplicada LGN0617 Ecologia de Populações LES0687 Economia dos Recursos Naturais e Ambientais LES0310 Economia e Política Agrícola LCE0384 Energia na Agricultura LEF0592 Entomologia Aplicada LCB0635 Estágio Supervisionado em Ciências Biológicas II LCE0635 Estágio Supervisionado em Ciências Exatas II LEF0635 Estágio Supervisionado em Entomologia, Fitopatologia e Zoologia Agrícola II LZT0615 Estágio Supervisionado em Práticas Zootécnicas I LSN0635 Estágio Supervisionado em Solos e Nutrição de Plantas II LES0673 Estatística Econômica e Introdução à Econometria LCE0602 Estatística Experimental LSN0402 Física e Conservação do Solo LPV0642 Fruticultura Temperada LPV0661 Fruticultura Tropical e Subtropical LES0218 Fundamentos de Marketing LGN0622 Genética Molecular LGN0449 Genética Quantitativa LSN0530 Geologia Aplicada a Solos LCF0577 Gestão da Biodiversidade LGN0415 Melhoramento Genético de Aves LES1111 Multimeios e Comunicação LEF0512 Nematologia LZT0443 Nutrição dos Não Ruminantes LZT1696 Piscicultura LPV0660 Pós Colheita de Produtos Hortícolas

5 LCF0427 Propagação de Essências Florestais LSN0517 Química e Fertilidade do Solo LGN0430 Recursos Genéticos Vegetais LCB1555 Seminários em Biotecnologia II LCB1556 Seminários em Ecologia Aplicada LCB2330 Sistemática de Plantas Medicinais e Aromáticas LES0237 Sociedade, Cultura e Natureza LZT0644 Suinocultura LES0458 Teoria Microeconômica II º Período Ideal LER0447 Agricultura de Precisão LPV0662 Agricultura Irrigada LES0684 Análise de Decisões e Administração de Riscos LER0466 Avaliação do Desempenho de Máquinas Agrícolas LER0681 Bioclimatologia Animal LZT0650 Bovinocultura de Corte CEN0534 Ciclos Biogeoquímicos em Bacias Hidrográficas LES0681 Comunicação Rural LPV0619 Culturas de Inverno LES0452 Economia e Gestão do Agronegócio LCF0635 Estágio Supervisionado em Ciências Florestais II LES0635 Estágio Supervisionado em Economia, Administração e Extensão II LER0635 Estágio Supervisionado em Engenharia Rural II LZT0635 Estágio Supervisionado em Práticas Zootécnicas II LPV0615 Estágio Supervisionado em Produção Vegetal I LPV0645 Floricultura e Plantas Ornamentais LER0428 Fundamentos da Aplicação de Produtos Fitossanitários LER0589 Gerenciamento de Sistemas Mecanizados LES0669 Iniciação Científica em Economia Aplicada LZT0648 Manejo da Reprodução e da Inseminação Artificial LZT0652 Manejo de Bovinos Leiteiros LSN0620 Manejo de Solos Tropicais LZT0614 Melhoramento de Animais LES0453 Mercados Futuros e de Opções Agropecuárias LPV0621 Olericultura I ( Hortaliças de Flores, Frutos e Folhas) LZT0550 Ovinocultura e Caprinocultura LZT0547 Planejamento de Sistemas de Produção de Ruminantes LPV0504 Plantas Estimulantes LPV0515 Plantas Fibrosas LPV0506 Plantas Oleaginosas LZT0653 Princípios de Crescimento Animal LGN0477 Princípios Genéticos em Biotecnologia LPV0668 Produção de Plantas Medicinais e Aromáticas LPV0638 Produção de Sementes LES0510 Psicologia Cognitiva LZT0546 Relações Planta-animal-meio em Ecossistemas de Pastagens LPV0664 Sistemas de Produção LES0556 Teoria Macroeconômica I

6 LCE0502 Uso de Resíduos na Agricultura º Período Ideal LAN0451 Açúcar e Bebidas Alcoólicas LPV0513 Agroecologia e Agricultura Orgânica LCE0630 Agrometeorologia dos Cultivos Avaliação da Qualidade de Sementes LPV0672 Biologia e Manejo de Plantas Daninhas LAN0318 Carnes e Ovos LER0570 Controle de Águas Naturais LPV0663 Culturas Protegidas LES0596 Economia e Comércio Internacional LES1450 Educação em Grupos e Desenvolvimento Organizacional LES0575 Elaboração e Análise de Projetos LZT0645 Eqüinocultura LAN0615 Estágio Supervisionado em Agroindústria, Alimentos e Nutrição I LAN0635 Estágio Supervisionado em Agroindústria, Alimentos e Nutrição II LPV0635 Estágio Supervisionado em Produção Vegetal II LZT0551 Forragicultura LAN2680 Frutas e Hortaliças LZT1495 Gestão Estratégica da Produção e da Qualidade do Leite LER0518 Instalações Rurais LAN2690 Laticínios LER0606 Manejo da Irrigação LAN0690 Microbiologia e Deterioração de Alimentos LZT0446 Nutrição dos Ruminantes LPV0622 Olericultura II ( Hortaliças de Raízes, Tubérculos, Rizomas e Bulbos ) LPV0620 Orizicultura e Manejo de Várzeas LPV0651 Paisagismo, Parques e Jardins LES0663 Planejamento e Desenvolvimento Sustentável LPV0509 Plantas Alimentícias LPV0507 Plantas Extrativas LES0685 Politica e Planejamento Economico LAN2660 Princípios de Conservação de Alimentos LAN2670 Produtos Amiláceos Produtos Fitossanitários LZT0570 Qualidade e Conservação de Volumosos para Ruminantes LAN0500 Seminários em Ciência e Tecnologia de Alimentos I LAN0555 Seminários em Ciência e Tecnologia de Alimentos II LER0566 Sistemas Mecanizados Agrícolas LES0672 Técnicas de Otimização em Sistemas Agroindustriais LZT0693 Técnicas Experimentais em Biotecnologia LCF0622 Tópicos de Educação Voltados à Questão Ambiental CEN0190 Uso de Técnicas de Geoprocessamento em Estudos Ambientais º Período Ideal LZT0651 Alimentação de Bovinos Leiteiros LES0666 Desenvolvimento Econômico e Social LEF1624 Doenças das Grandes Culturas

7 LER1678 Engenharia da Irrigação Por Aspersão e Localizada Estágio Profissionalizante em Engenharia Agronômica Estágio Vivencial em Engenharia Agronômica LZT0697 Formulação e Preparo de Rações LCF0522 Fundamentos e Aplicações da Física da Madeira LCF1697 Gestão de Impactos Ambientais LCF0689 Introdução à Ergonomia e Segurança do Trabalho LAN0155 Óleos, Gorduras, Grãos e Derivados LER0534 Perícias e Avaliações de Engenharia Aplicadas a Imóveis Rurais LAN2695 Pescado LCF0662 Projetos de Educação Ambiental LES0642 Transporte e Logística no Sistema Agroindustrial º Período Ideal LEF1625 Doenças de Plantas Frutíferas e Hortícolas LES0675 Economia Monetária Plantio Direto LCF0684 Tratamento e Preservação da Madeira

ESTRUTURA CURRICULAR ENGENHARIA AGRONÔMICA ESALQ/USP 2012

ESTRUTURA CURRICULAR ENGENHARIA AGRONÔMICA ESALQ/USP 2012 ESTRUTURA CURRICULAR ENGENHARIA AGRONÔMICA ESALQ/USP 2012 Disciplinas em Seqüência Aconselhada Créditos Carga Per. Obrigatórias Aula Trab. Tot. Horária Ideal 0110113(5) Introdução à Engenharia Agronômica

Leia mais

GRADE CURRICULAR ENGENHARIA AGRONÔMICA ESALQ/USP 2014

GRADE CURRICULAR ENGENHARIA AGRONÔMICA ESALQ/USP 2014 GRADE CURRICULAR ENGENHARIA AGRONÔMICA ESALQ/USP 2014 Disciplinas em Seqüência Aconselhada Créditos Carga Per. Obrigatórias Aula Trab. Tot. Horária Ideal 0110113(5) Introdução à Engenharia Agronômica 2

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR CURSOS DE GRADUAÇÃO

ESTRUTURA CURRICULAR CURSOS DE GRADUAÇÃO ADMINISTRAÇÃO PERÍODO DISCIPLINAS C.H. 1º Antropologia e Sociologia 60 Língua Portuguesa 60 Matemática Básica 60 Metodologia Científica 60 TGA I 60 2º Ciências da Religião 60 Instituições do Direito Público

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR - CURSO DE AGRONOMIA (DIURNO)

MATRIZ CURRICULAR - CURSO DE AGRONOMIA (DIURNO) MATRIZ CURRICULAR - CURSO DE AGRONOMIA (DIURNO) Ingressantes a partir de 2015 1º SEMESTRE HORAS 2º SEMESTRE HORAS Introdução à Engenharia Agronômica 60 Metodologia Científica 60 Álgebra Linear 60 Desenho

Leia mais

Sistema de Controle Acadêmico. Grade Curricular. Curso : AGRONOMIA. CRÉDITOS Obrigatórios: 230 Optativos: 10. 1º Semestre

Sistema de Controle Acadêmico. Grade Curricular. Curso : AGRONOMIA. CRÉDITOS Obrigatórios: 230 Optativos: 10. 1º Semestre Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro Pró-reitoria de Graduação - DAARG DRA - Divisão de Registros Acadêmicos Sistema de Controle Acadêmico Grade Curricular 30/01/2014-13:07:30 Curso : AGRONOMIA

Leia mais

AGRONOMIA. COORDENADOR Moacil Alves de Souza moacil@ufv.br

AGRONOMIA. COORDENADOR Moacil Alves de Souza moacil@ufv.br AGRONOMIA COORDENADOR Moacil Alves de Souza moacil@ufv.br UFV Catálogo de Graduação 2011 65 Engenheiro Agrônomo ATUAÇÃO Compete ao Engenheiro Agrônomo desempenhar as atividades profissionais previstas

Leia mais

CURRÍCULO DO CURSO DE AGRONOMIA

CURRÍCULO DO CURSO DE AGRONOMIA 48 CURSO DE AGRONOMIA COORDENADOR DO CURSO DE AGRONOMIA Valterley Soares Rocha vsrocha@ufv.br Catálogo de Graduação 2002 49 ATUAÇÃO Compete ao Engenheiro-Agrônomo desempenhar as atividades profissionais

Leia mais

Pré-requisito Coreq Disciplina 01 - - CCA024 - BIOLOGIA GERAL - Ativa desde: 01/01/2006. Natureza - Obrigatoria Prática 34 Teórica 34

Pré-requisito Coreq Disciplina 01 - - CCA024 - BIOLOGIA GERAL - Ativa desde: 01/01/2006. Natureza - Obrigatoria Prática 34 Teórica 34 1 de 9 Colegiado: Nível:Graduação Início: 19941 Título: Concluinte: Mínimo: 01 - - CCA024 - BIOLOGIA GERAL - Ativa desde: CCA029 - ZOOLOGIA GERAL - Ativa desde: CCA283 - METODOLOGIA DA PESQUISA - Ativa

Leia mais

A Matriz curricular do curso de Engenharia Agronômica das Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul fica estabelecida da seguinte forma:

A Matriz curricular do curso de Engenharia Agronômica das Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul fica estabelecida da seguinte forma: 5.2 Objetivo do Curso Capacitar o aluno para que se torne um profissional com habilidades para produzir mais e melhor, com competência para gerenciar e gerar tecnologias que reduzam os impactos negativos

Leia mais

Considerando a Resolução Nº 39/99, do CONSEPE/UFPB, que sistematiza a elaboração e reformulação dos projetos pedagógicos; e

Considerando a Resolução Nº 39/99, do CONSEPE/UFPB, que sistematiza a elaboração e reformulação dos projetos pedagógicos; e SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE COLEGIADO PLENO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO RESOLUÇÃO Nº 21/2007 Aprova a estrutura curricular do curso de graduação

Leia mais

Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira Manhã Tarde Manhã Tarde Manhã Tarde Manhã Tarde Manhã Tarde

Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira Manhã Tarde Manhã Tarde Manhã Tarde Manhã Tarde Manhã Tarde BLOCO I ANFITEATRO A 78 carteiras c/ PG - EA Manutenção e Lubrificação de Máquinas Agrícolas PG -EA Ensaio de Máquinas Agrícolas Radiação Solar- SALA 2 SALA 3 SALA 4 50 carteiras c/ SALA 7 SALA 8 SALA

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO DE AGRONOMIA

CURSO DE GRADUAÇÃO DE AGRONOMIA CURSO DE GRADUAÇÃO DE AGRONOMIA 1 o Período - GRADE CURRICULAR DO CURSO Citologia 5 Desenho Técnico 3 Física I 4 Matemática I 4 Morfologia Vegetal 5 Química Geral e Analítica 6 27 2 o Período - GRADE CURRICULAR

Leia mais

Sistema de Controle Acadêmico. Grade Curricular. Curso : ENGENHARIA FLORESTAL. CRÉDITOS Obrigatórios: 241 Optativos: 12.

Sistema de Controle Acadêmico. Grade Curricular. Curso : ENGENHARIA FLORESTAL. CRÉDITOS Obrigatórios: 241 Optativos: 12. Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro Pró-reitoria de Graduação - DAARG DRA - Divisão de Registros Acadêmicos Sistema de Controle Acadêmico Grade Curricular 30/01/2014-13:09:29 Curso : ENGENHARIA

Leia mais

A formação profissional de engenharia UFRA. Prof. Sergio Pinheiro

A formação profissional de engenharia UFRA. Prof. Sergio Pinheiro A formação profissional de engenharia agronômica pela UFRA Prof. Sergio Pinheiro O Curso de Agronomia da UFRA Início: 1951 Escola de Agronomia da Amazônia (EAA) Criado pelo Decreto Lei nº. 8.290, de 05.12.1945.

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.637, DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.637, DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.637, DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Bacharelado

Leia mais

CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS - CCA

CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS - CCA CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS - CCA MEMBROS DA CÂMARA DE ENSINO DO CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS Sérgio Hermínio Brommonschenkel - Presidente Coordenadores de curso Agronomia (AGN) - Eveline Mantovani Alvarenga

Leia mais

Engenheiro Agrônomo: Atribuições profissionais e matriz curricular. J.O. Menten T.C. Banzato UFPB Areia/PB 27 a 30 de Outubro de 2014

Engenheiro Agrônomo: Atribuições profissionais e matriz curricular. J.O. Menten T.C. Banzato UFPB Areia/PB 27 a 30 de Outubro de 2014 Engenheiro Agrônomo: Atribuições profissionais e matriz curricular J.O. Menten T.C. Banzato UFPB Areia/PB 27 a 30 de Outubro de 2014 1. INTRODUÇÃO AGENDA 2. ATRIBUIÇÕES PROFISSIONAIS 3. MATRIZ CURRICULAR

Leia mais

CURSO BACHARELADO EM AGRONOMIA

CURSO BACHARELADO EM AGRONOMIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SERTÃO PERNAMBUCANO CAMPUS PETROLINA ZONA RURAL CURSO BACHARELADO EM AGRONOMIA

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA SUPERIOR DE AGRICULTURA LUIZ DE QUEIROZ ÁREA DE CONCENTRAÇÃO ENGENHARIA DE BIOSSISTEMAS

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA SUPERIOR DE AGRICULTURA LUIZ DE QUEIROZ ÁREA DE CONCENTRAÇÃO ENGENHARIA DE BIOSSISTEMAS UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA SUPERIOR DE AGRICULTURA LUIZ DE QUEIROZ ÁREA DE CONCENTRAÇÃO EM ENGENHARIA DE BIOSSISTEMAS CURSO DE ENGENHARIA AGRONÔMICA 2013 APRESENTAÇÃO Os programas das Áreas de Concentração

Leia mais

ENGENHARIA FLORESTAL. COORDENADORA Angélica de Cássia Oliveira Carneiro cassiacarneiro@ufv.br

ENGENHARIA FLORESTAL. COORDENADORA Angélica de Cássia Oliveira Carneiro cassiacarneiro@ufv.br ENGENHARIA FLORESTAL COORDENADORA Angélica de Cássia Oliveira Carneiro cassiacarneiro@ufv.br 78 Currículos dos Cursos do CCA UFV Currículo do Curso de Engenharia Engenheiro ATUAÇÃO O Engenheiro estará

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA PORTARIAS DE 24 DE AGOSTO DE

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA PORTARIAS DE 24 DE AGOSTO DE MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA PORTARIAS DE 24 DE AGOSTO DE 2005 O Presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio

Leia mais

ENSALAMENTO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO FCA 1º SEMESTRE ANO LETIVO 2013

ENSALAMENTO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO FCA 1º SEMESTRE ANO LETIVO 2013 ENSALAMENTO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO FCA 1º SEMESTRE ANO LETIVO 2013 Legenda: ANFITEATRO - FCA Eixo1 Eixo2 Eixo1 Eixo2 15h10min-16h05min Eixo1 Eixo2 16h00min-16h55min Eixo1 Eixo2 ANFITEATRO 1 ENG. AGRÍCOLA

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ZOOTECNIA. PRÉ-REQUISITO e/ou CO-REQUISITO (CR)

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ZOOTECNIA. PRÉ-REQUISITO e/ou CO-REQUISITO (CR) MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ZOOTECNIA Quadro 1- Matriz curricular do curso de zootecnia DISCIPLINA 1º Período Introdução à Zootecnia Nenhum 24 08 32 NC OB Exercício da Profissão de Zootecnista Nenhum

Leia mais

Ementário do Curso Técnico em AGROPECUÁRIA Campus Nilo Peçanha - Pinheiral

Ementário do Curso Técnico em AGROPECUÁRIA Campus Nilo Peçanha - Pinheiral Ementário do Curso Técnico em AGROPECUÁRIA Campus Nilo Peçanha - Pinheiral Disciplina: Agroindústria EMENTA: Introdução à Agroindústria; Importância das boas práticas de fabricação- BPF s. Valor nutricional

Leia mais

NORMAS PARA A SEGUNDA ETAPA DO PROCESSO DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA 2º/SEMESTRE/2015 MAIO/2015

NORMAS PARA A SEGUNDA ETAPA DO PROCESSO DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA 2º/SEMESTRE/2015 MAIO/2015 Av. Pádua Dias, 11 Caixa Postal 9 CEP: 1318-900 Piracicaba, SP Brasil NORMAS PARA A SEGUNDA ETAPA DO PROCESSO DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA 2º/SEMESTRE/2015 I. DISPOSIÇÕES GERAIS MAIO/2015 a) A abertura do

Leia mais

CURSO DE AGRONOMIA CONDIÇÕES DE OFERTA DO CURSO 2º SEMESTRE DE 2012

CURSO DE AGRONOMIA CONDIÇÕES DE OFERTA DO CURSO 2º SEMESTRE DE 2012 CURSO DE AGRONOMIA CONDIÇÕES DE OFERTA DO CURSO 2º SE DE 2012 I. ATO AUTORIZATIVO: - Ato de Autorização: Decreto n o. 97893, de 30 de junho de 1989. Publicada no Diário Oficial de 03 de julho de 1989 -

Leia mais

Portaria Inep nº 232 de 13 de julho de 2010 Publicada no Diário Oficial de 14 de julho de 2010, Seção 1, pág. 841

Portaria Inep nº 232 de 13 de julho de 2010 Publicada no Diário Oficial de 14 de julho de 2010, Seção 1, pág. 841 Portaria Inep nº 232 de 13 de julho de 2010 Publicada no Diário Oficial de 14 de julho de 2010, Seção 1, pág. 841 A Presidente, substituta, do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio

Leia mais

Curso Técnico em Agroecologia

Curso Técnico em Agroecologia Curso Técnico em Agroecologia Nível/Grau/Forma: Médio/Técnico/Integrado Vagas: 25 Turno: Integral Duração: 3 anos + estágio Perfil do Egresso O Técnico em Agroecologia deverá ser um profissional com formação

Leia mais

Missão do Curso. Objetivos. Perfil do Profissional

Missão do Curso. Objetivos. Perfil do Profissional Missão do Curso A função primordial do Engenheiro Agrônomo consiste em promover a integração do homem com a terra através da planta e do animal, com empreendimentos de interesse social e humano, no trato

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 3.854 DE 29 DE ABRIL DE 2009

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 3.854 DE 29 DE ABRIL DE 2009 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 3.854 DE 29 DE ABRIL DE 2009 Aprova o Projeto Político Pedagógico do Curso de Engenharia

Leia mais

ZOOTECNIA - SEQUÊNCIA IDEAL DO CURSO E PRÉ-REQUISITOS

ZOOTECNIA - SEQUÊNCIA IDEAL DO CURSO E PRÉ-REQUISITOS ZOOTECNIA - SEQUÊNCIA IDEAL DO CURSO E PRÉ-REQUISITOS 1º PERÍODO Obrigatória ou Carga Horária Anatomia dos Animais Domésticos Obrigatória 60 - Biologia geral animal Obrigatória 60 - Biologia geral vegetal

Leia mais

dezembro-2005 janeiro-2005 a Período: Programa de Fomento à Pós-Graduação - PROF Valor (R$ Mil) Valor (R$ Mil) Valor Total (R$ Mil) Bolsistas

dezembro-2005 janeiro-2005 a Período: Programa de Fomento à Pós-Graduação - PROF Valor (R$ Mil) Valor (R$ Mil) Valor Total (R$ Mil) Bolsistas Ministério da Educação - MEC Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES Número de Bolsistas e Valores Pagos (Médias), Segundo os Programas de Pós-Grad. Níveis: Mestrado

Leia mais

LIVRO DAS COMPETÊNCIAS PROFISSIONAIS

LIVRO DAS COMPETÊNCIAS PROFISSIONAIS LIVRO DAS COMPETÊNCIAS PROFISSIONAIS CENTRO PAULA SOUZA - Nº 2, 2008, VERSÃO ELETRÔNICA Governador José Serra Secretário de Desenvolvimento Geraldo Alckmin Presidente do Conselho Deliberativo Yolanda Silvestre

Leia mais

RELAÇÃO DE DISCIPLINAS COM RESPECTIVAS VAGAS DE MONITORIA REMUNERADA DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO E ECONOMIA

RELAÇÃO DE DISCIPLINAS COM RESPECTIVAS VAGAS DE MONITORIA REMUNERADA DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO E ECONOMIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CÂMARA DE MONITORIA RELAÇÃO DE DISCIPLINAS COM RESPECTIVAS DE MONITORIA REMUNERADA DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO E ECONOMIA DAE GAE0 Comportamento

Leia mais

Aprovado no CONGRAD: 08/04/08 Vigência: ingressos a partir de 2008/1 CÓD. 482 CURSO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA. MATRIZ CURRICULAR Currículo nº 02

Aprovado no CONGRAD: 08/04/08 Vigência: ingressos a partir de 2008/1 CÓD. 482 CURSO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA. MATRIZ CURRICULAR Currículo nº 02 Aprovado no CONGRAD: 08/04/08 Vigência: ingressos a partir de 2008/1 CÓD. 482 CURSO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA MATRIZ CURRICULAR Currículo nº 02 I- NÚCLEO DE CONTEÚDOS BÁSICOS Metodologia Científica e Tecnológica

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 1, DE 2 DE FEVEREIRO DE 2006 1

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 1, DE 2 DE FEVEREIRO DE 2006 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 1, DE 2 DE FEVEREIRO DE 2006 1 Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais para o curso de graduação em Engenharia

Leia mais

DEFENSIVOS AGRÍCOLAS Competências - Planejar, organizar e monitorar o uso adequado dos diferentes tipos de defensivos agrícolas

DEFENSIVOS AGRÍCOLAS Competências - Planejar, organizar e monitorar o uso adequado dos diferentes tipos de defensivos agrícolas Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Campus Dois Vizinhos Diretoria de Graduação e Educação Profissional COAGO Coordenação do Curso Técnico em Agropecuária 1º PERÍODO AGROECOLOGIA

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE - UNICENTRO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE - UNICENTRO UNIVERSIDADE ESDUAL DO CENTRO-OESTE - UNICENTRO CURSO DE AGRONOMIA ENSALAMENTO TEMPORÁRIO NO CAMPUS SAN CRUZ 1ª SÉRIE 1º SEMESTRE DE 2011 09h 10min Citologia DEBIO Citologia DEBIO Informática TC DECOMP

Leia mais

EDITAL UnC 040/2010. Prof. Antonio Reinaldo Agostini Vice-Reitor de Administração e Planejamento da UnC

EDITAL UnC 040/2010. Prof. Antonio Reinaldo Agostini Vice-Reitor de Administração e Planejamento da UnC UNIVERSIDADE DO CONTESTADO - EDITAL 040/2010 Publicação do quadro das disciplinas ofertadas aos docentes da F para aumento ou recomposição de carga horária na condição de professor substituto. O Vice-Reitor

Leia mais

Plano de Estudos do 2º Ciclo (Mestrado) em Engenharia Alimentar

Plano de Estudos do 2º Ciclo (Mestrado) em Engenharia Alimentar Plano de Estudos do 2º Ciclo (Mestrado) em Engenharia Alimentar O plano de estudos do Mestrado em Engenharia Alimentar contempla cinco áreas de especialização: Tecnologia dos Produtos de Origem Vegetal

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS - IFSULDEMINAS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS - IFSULDEMINAS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS - IFSULDEMINAS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO Regulamento 2ª Olimpíada Brasileira de Agropecuária OBAP 1.

Leia mais

CURSO DE ZOOTECNIA CARACTERIZAÇÃO DOS DOCENTES 1º.

CURSO DE ZOOTECNIA CARACTERIZAÇÃO DOS DOCENTES 1º. 1º. Período Introdução ao Cálculo 60 Luciana Alvarenga Santos Graduação em Engenharia Civil, Mestrado em Estruturas de Concreto. Química Geral 60 Nayara Penoni Graduação em Química e Mestrado em Agroquímica.

Leia mais

RELATÓRIO DAS ALTERAÇÕES PROPOSTAS PARA O ANO DE Curso: Engenharia Agronômica

RELATÓRIO DAS ALTERAÇÕES PROPOSTAS PARA O ANO DE Curso: Engenharia Agronômica RELATÓRIO DAS ALTERAÇÕES PROPOSTAS PARA O ANO DE 2014 Curso: Engenharia Agronômica a) criação de disciplina optativa eletiva a.1.) LCB0222 Tópicos em Ciências Biológicas optativa 2 0 6º sem. sem requisito

Leia mais

GRADE CURRICULAR ENGENHARIA AGRONÔMICA ESALQ/USP 2015

GRADE CURRICULAR ENGENHARIA AGRONÔMICA ESALQ/USP 2015 GRADE CURRICULAR ENGENHARIA AGRONÔMICA ESALQ/USP 2015 Disciplinas em Seqüência Aconselhada Créditos Carga Per. Obrigatórias Aula Trab. Tot. Horária Ideal 0110113(6) Introdução à Engenharia Agronômica 2

Leia mais

A necessidade do profissional em projetos de recuperação de áreas degradadas

A necessidade do profissional em projetos de recuperação de áreas degradadas A necessidade do profissional em projetos de recuperação de áreas degradadas Moacyr Bernardino Dias-Filho Engenheiro Agrônomo, pesquisador da Embrapa Amazônia Oriental, Belém, PA www.diasfilho.com.br Conceito

Leia mais

PUBLICAÇÃO DO RESULTADO DOS PEDIDOS DE DISPENSA DE DISCIPLINAS.

PUBLICAÇÃO DO RESULTADO DOS PEDIDOS DE DISPENSA DE DISCIPLINAS. EDITAL Nº 001/2016 DIVISÃO ACADÊMICA PUBLICAÇÃO DO RESULTADO DOS PEDIDOS DE DISPENSA DE DISCIPLINAS. O Chefe da Divisão Acadêmica, Prof. Darci José Pedrozo, no uso de suas atribuições e tendo em vista

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO DE VAGAS PARA PROFESSOR E FORMAÇÃO NECESSÁRIA

DISTRIBUIÇÃO DE VAGAS PARA PROFESSOR E FORMAÇÃO NECESSÁRIA 06/ 05/ INSTITUTO FEDERAL DO AMAZONAS PRÓ-REITORIA DE ENSINO PROCESSO SELETIVO DO º SEMESTRE 05 ANEXO II EDITAL Nº 8/05 DISTRIBUIÇÃO DE VAGAS PARA PROFESSOR E FORMAÇÃO NECESSÁRIA Técnico em Redes de Computadores

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DA AMAZÔNIA COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO PONTOS ÁREA: ENGENHARIA I

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DA AMAZÔNIA COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO PONTOS ÁREA: ENGENHARIA I UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DA AMAZÔNIA COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO PONTOS ÁREA: ENGENHARIA I 1. Matriz: Conceito, notação e representação; Tipos de matriz; operação com matrizes; Aplicações; 2. Vetor:

Leia mais

X (X-X): Total de Créditos (Carga Teórica semanal-carga Prática semanal)

X (X-X): Total de Créditos (Carga Teórica semanal-carga Prática semanal) Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro Curso: Engenharia Agrícola e Ambiental Matriz Curricular 1 Período IB 157 Introdução à Biologia 4 (2-2) IT 103 Técnicas Computacionais em Engenharia 4 (2-2)

Leia mais

FACULDADE GAMMON - HORÁRIO DE AULA - 1º TERMO 2º SL/2016 CURSO: AGRONOMIA - NOTURNO

FACULDADE GAMMON - HORÁRIO DE AULA - 1º TERMO 2º SL/2016 CURSO: AGRONOMIA - NOTURNO Manhã e Tarde 2ª 07:50 08:40 3ª 09:00 09:50 4ª 09:50 10:40 5ª 10:50 11:40 Tarde 6ª 13:00 13:50 7ª 13:50 14:40 FACULDADES GAMMON - HORÁRIO DE AULA PARA O 1º TERMO 1º SL/2016 CURSO: AGRONOMIA 8ª 15:00 15:50

Leia mais

BASE CURRICULAR 2013 Pré-requisitos CR H/A CH/T CH/P

BASE CURRICULAR 2013 Pré-requisitos CR H/A CH/T CH/P UNIVERSIDADE DE CRUZ ALTA VICE-REITORIA DE GRADUAÇÃO Centro de Ciências da Saúde Curso de Medicina Veterinária Portaria nº 01 06/01/2012 D.O.U.: 09/01/2012 BASE CURRICULAR 2013 CR H/A CH/T CH/P 1º Anatomia

Leia mais

PLANO DE CAPACITAÇÃO DO IAPAR PCIapar 2010-2015

PLANO DE CAPACITAÇÃO DO IAPAR PCIapar 2010-2015 PLANO DE CAPACITAÇÃO DO IAPAR PCIapar 2010-2015 DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS 1. APRESENTAÇÃO...2 2. DOS FUNDAMENTOS DO PCIapar...4 3. DOS OBJETIVOS...6 3.1. Objetivo geral...6 3.2. Objetivos Específicos...7

Leia mais

NOVAS (?) CONCEPÇÕES PARA A FORMAÇÃO DO BIOLÓGO

NOVAS (?) CONCEPÇÕES PARA A FORMAÇÃO DO BIOLÓGO NOVAS (?) CONCEPÇÕES PARA A FORMAÇÃO DO BIOLÓGO HABILIDADES E FORMAÇÃO DO BIÓLOGO de pesquisa planejamento, execução e avaliação para produção de conhecimento; matemáticas uso de técnicas estatísticas

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO PARECER HOMOLOGADO(*) (*) Despacho do Ministro, publicado no Diário Oficial da União de 20/12/2004, seção 1, pág.29. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO: Conselho Nacional

Leia mais

Pag. 1 18/03/2016 10:58:06. 2 - Bambuí 1 - Livros. adicional

Pag. 1 18/03/2016 10:58:06. 2 - Bambuí 1 - Livros. adicional 2 - Bambuí 1 - Livros Pag. 1 001.42 - Métodos de pesquisa 1 3 0 003 - Sistemas 1 5 0 005.1 - Programação, engenharia de software 3 13 0 005.369 - Programas específicos 1 1 0 100 - Filosofia e Psicologia

Leia mais

GERED - ARARANGUÁ PROVA DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO CÓDIGO HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA

GERED - ARARANGUÁ PROVA DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO CÓDIGO HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA GERED - ARARANGUÁ PROVA DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO CÓDIGO HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA CONTABILIDADE CONTABILIDADE 433 Habilitado - Diploma e Histórico Escolar de Curso Superior em Ciências Contábeis, Administração,

Leia mais

AGRONOMIA. Campus Sede Maringá. 1. TURNO: Integral HABILITAÇÃO: Bacharelado

AGRONOMIA. Campus Sede Maringá. 1. TURNO: Integral HABILITAÇÃO: Bacharelado AGRONOMIA Campus Sede Maringá 1. TURNO: Integral HABILITAÇÃO: Bacharelado GRAU ACADÊMICO: Engenheiro Agrônomo PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 5 anos Máximo = 8 anos 2. PERFIL DO PROFISSIONAL A SER FORMADO

Leia mais

Matriz 2007... 02. Matriz 2010... 04. Matriz 2013... 07

Matriz 2007... 02. Matriz 2010... 04. Matriz 2013... 07 Página 1 Sumário Matriz 2007... 02 Matriz 2010... 04 Matriz 2013... 07 Página 2 MATRIZ CURRICULAR 2007 1º Período 2º Período 3º Período Biologia Celular 54 Química Geral 54 Zoologia de Invertebrados I

Leia mais

GERED - ARARANGUÁ DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO PROVA HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA

GERED - ARARANGUÁ DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO PROVA HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA GERED - ARARANGUÁ PROVA DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO CÓDIGO CONTABILIDADE CONTABILIDADE 433 DIREITO DIREITO E LEGISLAÇÃO 453 AGRONEGÓCIO ASSOCIATIVISMO E COOPERATIVISMO SISTEMAS AGROALIMENTARES GESTAO III-

Leia mais

Retificação do Edital nº 063, de 12/04/2016 Anexo I Quadro de Vagas

Retificação do Edital nº 063, de 12/04/2016 Anexo I Quadro de Vagas Retificação do Edital nº 063, de 12/04/2016 Anexo I Quadro de d) DOCENTES Inclusão da Jornada UNIDADE: CAMPUS AVANÇADO ARCOS Engenharia Mecânica - Bacharelado em Engenharia Mecânica, com Doutorado em Engenharia

Leia mais

EMENTÁRIO E BIBLIOGRAFIAS DAS DISCIPLINAS OPTATIVAS

EMENTÁRIO E BIBLIOGRAFIAS DAS DISCIPLINAS OPTATIVAS EMENTÁRIO E BIBLIOGRAFIAS DAS DISCIPLINAS OPTATIVAS Agricultura e Sustentabilidade Pré-requisito: Ecologia Geral; Introdução a Agronomia A questão ambiental e o desenvolvimento: a evolução, fatores antrópicos

Leia mais

C T A : T A B E L A D E E Q U I V A L Ê N C I A S

C T A : T A B E L A D E E Q U I V A L Ê N C I A S C T A : T A B E L A D E E Q U I V A L Ê N C I A S Ciência e Tecnologia Animal (3 anos) 1º ano/1º semestre Matemática Matemática I ou Matemática I ou Biologia celular Biologia celular ou Biologia I ou Histologia

Leia mais

Tabela de Cursos de Mestrado e Doutorado no Brasil

Tabela de Cursos de Mestrado e Doutorado no Brasil Tabela de Cursos de Mestrado e Doutorado no Brasil Universidade 1 Universidade Federal de UFRR Norte Agronomia http://www.posagro.ufrr.br/ 0 Roraima Desenvolvimento Regional da Amazônia http://www.necar.ufrr.br/index.php?

Leia mais

para os cursos de Graduação da UAG-UFRPE

para os cursos de Graduação da UAG-UFRPE UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE ACADÊMICA DE GARANHUNS Av. Bom Pastor, s/n Boa Vista CEP 55292-270 Garanhuns, PE Telefones: (087) 3764-5505 3764-5517 Edital de seleção pública para ocupação

Leia mais

ANEXO A RESOLUÇÃO Nº. 008/2007. I Departamento de Ciências da Saúde Biológicas e Agrárias - DCSBA:

ANEXO A RESOLUÇÃO Nº. 008/2007. I Departamento de Ciências da Saúde Biológicas e Agrárias - DCSBA: 1/7 ANEXO A RESOLUÇÃO Nº. 008/2007 I Departamento de Ciências da Saúde Biológicas e Agrárias - DCSBA: Área - TOPOGRAFIA E GEOPROCESSAMENTO, Graduação - Engenharia Agronômica (Agronomia), Engenharia Agrícola

Leia mais

Projeto Pedagógico do Curso Bacharelado em Engenharia Agronômica

Projeto Pedagógico do Curso Bacharelado em Engenharia Agronômica MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TRIÂNGULO MINEIRO CAMPUS UBERLÂNDIA Projeto Pedagógico do Curso Bacharelado

Leia mais

Edital N 59/2013. Concurso Público para Provimento de Cargos de Professor de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico. ANEXO I (Retificado) CARGOS E VAGAS

Edital N 59/2013. Concurso Público para Provimento de Cargos de Professor de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico. ANEXO I (Retificado) CARGOS E VAGAS Cód. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO Áreas de Atuação / Conhecimento Edital N 59/2013 Concurso

Leia mais

Curso: ENGENHARIA AGRONÔMICA

Curso: ENGENHARIA AGRONÔMICA RELATÓRIO DAS ALTERAÇÕES PARA O ANO DE 2015 Curso: ENGENHARIA AGRONÔMICA a) mudança quanto ao oferecimento: de optativa eletiva para obrigatória, semestre de lecionamento, requisito e bibliografia de:

Leia mais

O currículo disponibiliza uma periodização sugerida em 10 períodos pois o regime acadêmico é o semestral (fluxo curricular anexo).

O currículo disponibiliza uma periodização sugerida em 10 períodos pois o regime acadêmico é o semestral (fluxo curricular anexo). 1 4 - Seu Curso 4.1 - Informações Específicas sobre o Curso O Curso de Agronomia da UFU foi criado em 1986. 4.1.1 - Objetios Tem como objetio preparar o futuro profissional a desempenhar suas responsabilidades,

Leia mais

Comunicado Edital 07/2013 IPIRANGA DO NORTE

Comunicado Edital 07/2013 IPIRANGA DO NORTE Comunicado Edital 07/2013 A Comissão de Seleção do PRONATEC Campus Sorriso, designada pelas Portarias nº 020/2013, nº 024/2013 e 026/2013 serve-se do presente para publicar o Resultado Preliminar de Análise

Leia mais

Direção da Biblioteca Central... 3220.8109. Correio Eletrônico: direcaobc@mail.ufsm.br Sítio: http://coralx.ufsm.br/biblioteca/

Direção da Biblioteca Central... 3220.8109. Correio Eletrônico: direcaobc@mail.ufsm.br Sítio: http://coralx.ufsm.br/biblioteca/ Índice Biblioteca Central...2 CCNE...3 CCR...10 CCS...17 CCSH...25 CE...34 CEFD...36 COLÉGIO POLITÉCNICO...38 COPERVES...39 CT...39 DEPTO. DE CONTABILIDADE E FINANÇAS...42 DEMAPA...43 DERCA...45 HUSM...45

Leia mais

CIRCULAR TÉCNICA N o 99. Abril/1980 O CURSO DE ENGENHARIA FLORESTAL E AS PERSPECTIVAS PROFISSIONAIS *

CIRCULAR TÉCNICA N o 99. Abril/1980 O CURSO DE ENGENHARIA FLORESTAL E AS PERSPECTIVAS PROFISSIONAIS * IPEF: FILOSOFIA DE TRABALHO DE UMA ELITE DE EMPRESAS FLORESTAIS BRASILEIRAS PBP/0 CIRCULAR TÉCNICA N o 99 Abril/1980 ISSN 0100-3453 O CURSO DE ENGENHARIA FLORESTAL E AS PERSPECTIVAS PROFISSIONAIS * 1.

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR. Patologia Clínica Veterinária

MATRIZ CURRICULAR. Patologia Clínica Veterinária MATRIZ CURRICULAR No Quadro II está apresentada a estrutura curricular do Curso de Medicina Veterinária da FATENE, distribuída de acordo com os conteúdos essenciais profissionais, definidos pelo Parecer

Leia mais

Curso: Engenharia Agronômica

Curso: Engenharia Agronômica RELATÓRIO DAS ALTERAÇÕES PROPOSTAS PARA O ANO DE 2016 Curso: Engenharia Agronômica a) criação de disciplinas obrigatórias a.1) 0110130 Vida Universitária e Cidadania 2 0 1º sem. Adaptação: para ingressantes

Leia mais

Edital N 59/2013. Concurso Público para Provimento de Cargos de Professor de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico RELAÇÃO CANDIDATO / VAGA

Edital N 59/2013. Concurso Público para Provimento de Cargos de Professor de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico RELAÇÃO CANDIDATO / VAGA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO Edital N 59/2013 Concurso Público para Provimento de Cargos

Leia mais

RESUMO DO PROJETO DO CURSO DE ENGENHARIA AGRONÔMICA - BACHARELADO

RESUMO DO PROJETO DO CURSO DE ENGENHARIA AGRONÔMICA - BACHARELADO RESUMO DO PROJETO DO CURSO DE ENGENHARIA AGRONÔMICA - BHARELADO MARILDE QUEIROZ GUEDES Diretora do Departamento MARCOS ANTÔNIO VANDERLEI SILVA Coordenador de Colegiado RITA DE CASSIA NASCIMENTO SILVA Secretária

Leia mais

FLUXOGRAMA DO CURSO DE BACHARELADO EM MEDICINA VETERINÁRIA 2011.2

FLUXOGRAMA DO CURSO DE BACHARELADO EM MEDICINA VETERINÁRIA 2011.2 FLUXOGRAMA DO CURSO DE BACHARELADO EM MEDICINA VETERINÁRIA 2011.2 1 SEMESTRE DISCIPLINA TEORICA PRÁTICA C/H CR 1. Ecologia e Manejo Ambiental 60-60 04 2. Informática Básica 30-30 02 3. Sociologia Rural

Leia mais

CCAE Resultado Projetos Selecionados PaEPE I

CCAE Resultado Projetos Selecionados PaEPE I CCAE Resultado Projetos Selecionados PaEPE I A Comissão de Seleção dos Projetos Especiais de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Extensão PaEPE I, do Programa Integrado de Bolsas PIB/UFES, nomeada pela Portaria

Leia mais

ZOOTECNIA. 1. TURNO: Integral. GRAU ACADÊMICO: Zootecnista. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 5 anos Máximo = 8 anos

ZOOTECNIA. 1. TURNO: Integral. GRAU ACADÊMICO: Zootecnista. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 5 anos Máximo = 8 anos ZOOTECNIA 1. TURNO: Integral GRAU ACADÊMICO: Zootecnista PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 5 anos Máximo = 8 anos 2. OBJETIVO/PERFIL DO PROFISSIONAL A SER FORMADO O curso de Zootecnia tem como objetivo geral

Leia mais

Anexo II QUADRO DE CURSOS AFINS

Anexo II QUADRO DE CURSOS AFINS Campus Universitário de Cuiabá Anexo II QUADRO DE CURSOS AFINS Cursos UFMT Cursos de Graduação Afins Cursos de Graduação Afins Bacharelados em: Ciências Biológicas; Medicina; Nutrição; EDUCAÇÃO Tecnologia

Leia mais

Cursos 2.232 12,69 189,49. Matrículas 492.880 10,65 147,39. Vagas 244.629 12,88 191,25. Candidatos 696.072 10,83 139,22

Cursos 2.232 12,69 189,49. Matrículas 492.880 10,65 147,39. Vagas 244.629 12,88 191,25. Candidatos 696.072 10,83 139,22 Nº em 2010 Crescimento Período 2001/2010 Médio (%) Total (%) Nº em 2015 Cursos 2.232 12,69 189,49 Matrículas 492.880 10,65 147,39 Vagas 244.629 12,88 191,25 Candidatos 696.072 10,83 139,22 Ingressantes

Leia mais

ÁREAS DE ESTÁGIO. O aluno poderá dar maior ênfase a uma determinada opção, dentro da área ou entre áreas, COM MÁXIMO DE 40% DA CARGA HORÁRIA.

ÁREAS DE ESTÁGIO. O aluno poderá dar maior ênfase a uma determinada opção, dentro da área ou entre áreas, COM MÁXIMO DE 40% DA CARGA HORÁRIA. FACULDADE DE VETERINÁRIA COORDENAÇÃO DE CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA VETERINÁRIA DISCIPLINA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM MEDICINA VETERINÁRIA ÁREAS DE ESTÁGIO OBSERVAÇÕES GERAIS O aluno poderá dar maior

Leia mais

MEDICINA VETERINÁRIA 1º SEMESTRE 2013

MEDICINA VETERINÁRIA 1º SEMESTRE 2013 HORÁRIO 07:00 07:50 MEDICINA VETERINÁRIA 1º PERÍODO DIURNO Metodologia do Trabalho Científico (Fábio Lacerda) T/B T/B Anatomia I T/A (Rodolfo) Anatomia I T/A (Rodolfo) Epidemiologia (Regina Silva) Epidemiologia

Leia mais

Tecnologia em Produção de Grãos

Tecnologia em Produção de Grãos Tecnologia em Produção de Grãos Nível/Grau: Superior/Tecnólogo Vagas: 30 Turno: Matutino Duração: 3 anos mais estágio (7 semestres) Perfil do Egresso O profissional estará capacitado para: Produzir grãos

Leia mais

1º - ÁREA DE GESTÃO E ADMINISTRAÇÃO

1º - ÁREA DE GESTÃO E ADMINISTRAÇÃO ATIVIDAS SEMANAIS DOS DOCENTES DO IF Goiano Câmpus Rio Verde EM ENSINO NO º SEMESTRE 0 Publicação da Diretoria de Ensino Diretorias Sistêmicas: de Ensino; de Pesquisa e Pós-Graduação; de Extensão Obs:

Leia mais

EMENTÁRIO. Princípios de Conservação de Alimentos 6(4-2) I e II. MBI130 e TAL472*.

EMENTÁRIO. Princípios de Conservação de Alimentos 6(4-2) I e II. MBI130 e TAL472*. EMENTÁRIO As disciplinas ministradas pela Universidade Federal de Viçosa são identificadas por um código composto por três letras maiúsculas, referentes a cada Departamento, seguidas de um número de três

Leia mais

Currículo n 6. DISCIPLINAS DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CÓDIGO DISCIPLINAS CARGA HORÁRIA 205040 Estágio Supervisionado (**) 170 Sub-total 170

Currículo n 6. DISCIPLINAS DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO CÓDIGO DISCIPLINAS CARGA HORÁRIA 205040 Estágio Supervisionado (**) 170 Sub-total 170 CURSO DE AGRONOMIA Turno: INTEGRAL Currículo n 6 Reconhecido pela Portaria MEC nº.92, de 05.02.88, D.O.U. nº 26 de 08.02.88. Renovação de Reconhecimento Decreto nº. 1217, D.O.E. nº 8457 de 03.05.11. Para

Leia mais

ENGENHARIA AGRONÔMICA Ano 2015/1ºsemestre HORÁRIO 1ª FASE MANHÃ SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA

ENGENHARIA AGRONÔMICA Ano 2015/1ºsemestre HORÁRIO 1ª FASE MANHÃ SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA HORÁRIO 1ª FASE 08:00-08:50 Biologia Português Instrumental B Técnico A 08:50-09:40 Biologia Português Instrumental B Técnico A Física A Física A Orgânica Orgânica B Orgânica A B Orgânica A 09:50-10:40

Leia mais

GRADE CURRICULAR DO CURSO DE BACHARELADO EM BIOTECNOLOGIA CAMPUS DE ARARAS

GRADE CURRICULAR DO CURSO DE BACHARELADO EM BIOTECNOLOGIA CAMPUS DE ARARAS GRADE CURRICULAR DO CURSO DE BACHARELADO EM BIOTECNOLOGIA CAMPUS DE ARARAS PERFIL 1 215090 Física para 1 04 220612 Tópicos em Matemática I 04 220663 Introdução a 04 220671 Fundamentos de Química 04 220680

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 5, DE 2 DE FEVEREIRO DE 2006 1

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 5, DE 2 DE FEVEREIRO DE 2006 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 5, DE 2 DE FEVEREIRO DE 2006 1 Institui as Diretrizes Curriculares para o curso de graduação em Engenharia

Leia mais

ANEXO I QUADRO DAS ÁREAS DE ESTUDO. Lotação 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ

ANEXO I QUADRO DAS ÁREAS DE ESTUDO. Lotação 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ 01 MARACANAÚ Código/Área de Estudo. Desenho Técnico, Desenho Assistido por Computador (CAD), Informática 02. Materiais para Construção Mecânica, Corrosão e Tribologia 03. Termodinâmica, Refrigeração, Transferência

Leia mais

Processamento de Dados. Desenho Eletricidade Resistência dos Materiais Fenômenos de Transporte Humanidade e Ciências Sociais Economia

Processamento de Dados. Desenho Eletricidade Resistência dos Materiais Fenômenos de Transporte Humanidade e Ciências Sociais Economia (EXEMPLO RELATIVO À ENGENHARIA CIVIL) BÁSICA GERAL dos Solo Hidrologia Aplicada Hidráulica Teoria das Estruturas MATERIAIS Materiais de Construção Civil ÁREA CIVIL Sistemas Estruturais Transportes Saneamento

Leia mais

EDITAL 01/2015 Programas de Monitoria

EDITAL 01/2015 Programas de Monitoria Programas de Monitoria A Coordenação Pedagógica, no uso de suas atribuições, torna público aos interessados, a abertura de inscrições para os programas de monitoria, dos Cursos de Graduação abaixo discriminados,

Leia mais

LISTA DOS CURSOS DE MESTRADO AVALIADOS PELA CAPES NO PARANÁ Cursos novos que ainda não possuem nota não constam na lista

LISTA DOS CURSOS DE MESTRADO AVALIADOS PELA CAPES NO PARANÁ Cursos novos que ainda não possuem nota não constam na lista LISTA DOS CURSOS DE MESTRADO AVALIADOS PELA CAPES NO PARANÁ Cursos novos que ainda não possuem nota não constam na lista INSTITUIÇÃO CURSO NOTA DA CAPES CENTRO UNIVERSITÁRIO CAMPOS DE ANDRADE (UNIANDRADE)

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA INSTITUTO FEDERAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS - Campus Zona Leste

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA INSTITUTO FEDERAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS - Campus Zona Leste INSTITUTO FEDERAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS - Campus Zona Leste CICLO DE FUNDAMENTAÇÃO 1º. Semestre Semestre 442 h/ semanal 26 h EIXO TEMÁTICO Eixo DISCIPLINAS disciplinas Tipo INTRODUÇÃO A ATIVIDADE

Leia mais

Os desafios do agronegócio paulista e brasileiro

Os desafios do agronegócio paulista e brasileiro Os desafios do agronegócio paulista e brasileiro O agronegócio brasileiro Setor estratégico para a economia brasileira, grande motor do seu desempenho Representa 23% do PIB brasileiro Responde por 40%

Leia mais

A EXO 2 - LISTA DE VAGAS - DOCE TES

A EXO 2 - LISTA DE VAGAS - DOCE TES A EXO 2 - LISTA DE VAGAS - DOCE TES Campus Graduação na área de Artes Ministrar aulas em disciplinas relacionadas à área de Artes em geral. Desenvolver projetos e atividades extra-curriculares nas Artes

Leia mais

Enfermagem no cuidado em saúde e na promoção da 1. Enfermagem, vida, saúde, cuidado dos grupos humanos;

Enfermagem no cuidado em saúde e na promoção da 1. Enfermagem, vida, saúde, cuidado dos grupos humanos; UNIDADE CURSO ÁREA DE CONCENTRAÇÃO LINHAS DE PESQUISA CECA (CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS) A. Agronomia - PPGPV Mestrado e Doutorado Produção Vegetal. 1. Controle integrado de pragas e doenças de culturas

Leia mais

Bacharelado em Medicina Veterinária

Bacharelado em Medicina Veterinária Bacharelado em Medicina Veterinária INFORMAÇÕES Duração do Curso: 05 anos (10 semestres) Horário: Manhã Número de Vagas: 100 anuais Coordenador: Profº Dr. Carlos Tadeu Bandeira de Lavor O CURSO O Curso

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE - UNICENTRO Setor de Ciências Agrárias e Ambientais Unidade Universitária de Irati CURRÍCULO PLENO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE - UNICENTRO Setor de Ciências Agrárias e Ambientais Unidade Universitária de Irati CURRÍCULO PLENO CURSO: ENGENHARIA AMBIENTAL (540/I Integral 02 e SEM_02) (Para alunos ingressos entre 2006 a 2008) CÓD. D. DEPTOS. DISCIPLINAS 1º 2º 3º 4º 1ª 2ª 3ª 4ª 5ª 6ª 7ª 8ª C/H 0872/I DEMAT/I Cálculo I 3 51 0873/I

Leia mais