CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL E DESEMPENHO LOGÍSTICO. Paulo Roberto Guedes (junho de 2015)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL E DESEMPENHO LOGÍSTICO. Paulo Roberto Guedes (junho de 2015)"

Transcrição

1 CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL E DESEMPENHO LOGÍSTICO Paulo Roberto Guedes (junho de 2015) Como já comentado por diversas vezes, há pelo menos três grandes problemas a ser resolvidos no Brasil, para que a logística tenha, de fato, um desempenho satisfatório. E, volto a insistir, precisam ser resolvidos de forma definitiva e profissional, e não com propostas provisórias e amadoras. Os principais desafios em nossa avaliação são: Infraestrutura, Capacitação e Cultura Logística. Sobre Infraestrutura, muito se tem falado e parece claro que ainda estamos longe de se alcançar um nível satisfatório e que permita realizar serviços logísticos com a eficiência e os baixos custos desejados. Vamos nos dedicar, aqui, a discutir o item Capacitação, deixando o tema Cultura Logística para outro artigo. É entendimento comum aceitar que a melhoria da qualidade da produção (processo e produto) e o aumento do nível de competitividade empresarial ou nacional somente poderão ser obtidos através do domínio de novas tecnologias, da inovação e do aumento da produtividade. Mas é sabido também que essas características, fundamentais para o desenvolvimento econômico/social de qualquer país ou empresa, só serão obtidas a partir da capacitação das pessoas. Impossível para um país ou uma empresa melhorar seu desempenho com equipes mal preparadas ou sem condições de gerar novos conhecimentos ou absorver aqueles que se colocam à disposição de todos, frutos da evolução da humanidade. E imprescindível reconhecer que pessoas capacitadas somente existirão na medida em que investimentos em educação e pesquisa e desenvolvimento (P&D) forem feitos de forma compatível. Portanto, investir em P&D e na melhoria da qualidade do ensino em todos os níveis passa a ser prioridade de um país ou de uma empresa, pois a baixa qualidade do ensino é diretamente proporcional às baixas qualificação e capacitação do trabalhador. São fartos os estudos que indicam que melhorias na educação têm impactos diretos na produtividade e no crescimento dos países. E que investir em P&D, além de necessário ao desenvolvimento, também é importante para a soberania de países ou empresas. Entretanto, são fartos, também e infelizmente, os estudos e estatísticas que demonstram a baixa qualidade de nossos adolescentes, estudantes e profissionais, inclusive quando avaliados por testes internacionais. Fiquemos apenas com os exemplos mais conhecidos: a) A taxa de alfabetização (adultos acima dos 15 anos) alcançada pelo Brasil em 2011, foi de 90,0%, alcançando a 84ª posição dentre os 187 países listados. Em 2007,

2 com taxa de 90,3%, o Brasil ocupava a 95ª posição em 177 países pesquisados. Mais recentemente, em 2012, o The World Factbook, publicação anual da CIA (Central Intelligence Agency, dos Estados Unidos), mostra o Brasil na 134ª posição, num levantamento feito entre 217 nações de todo o mundo, com taxa de 91,3% de alfabetização. Esta última pesquisa coincide com os dados do PNAD/IBGE de 2013, que mostra 8,3% no índice de analfabetismo; b) Dos 55 países do ranking do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (PISA de 2012), realizado pela OCDE (Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico), o Brasil ficou no lugar de número 52! Em 2009 a posição era a 53ª; c) Os exames do ENEM, conforme demonstram os quadros 1 e 1A, tiveram piora de resultados se comparamos 2014 com 2013, pois a média geral caiu em 1,1%. Em Matemática a queda foi de 7,3% e em Redação, 9,7%. Além do que, há que se considerar que 8,5% dos participantes obtiveram nota ZERO na Redação, enquanto 55,7% dos participantes, estaria teoricamente reprovados, posto que apenas alcançaram a nota 500, num total máximo de QUADRO 1 e 1A DESEMPENHO DOS CONCLUINTES - ENEM Ciências da Ciências Linguagens Matemática Ano Natureza Humanas e Códigos Redação ¹ Média ,2 515,1 489,1 514,1 521,2 504, ,0 543,0 508,1 476,6 470,8 499,0 Var.% 2,3% 5,4% 3,9% -7,3% -9,7% -1,1% Fonte: Ministério da Educação. ¹ DESEMPENHO DA REDAÇÃO DO ENEM DE 2014 NOTA ZERO ATÉ A A A A TOTAL DE INSCRITOS QTDE PART.% 8,547% 10,575% 17,852% 18,770% 24,461% 19,791% 0,004% 100,000% Fonte: Ministério da Educação. d) A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), que avalia recém-saídos das faculdades, tem índice de reprovação acima dos 80%, se analisamos a média dos últimos onze exames (2011 a 2015). O quadro 2 detalha essas informações;

3 QUADRO 2 e) O Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (CREMESP), em exames de avaliação, reprova quase 55% de seus profissionais (quadro 3) e com três informações preocupantes: (i) O Exame do Cremesp de 2012 demonstra que há deficiências na formação dos estudantes em campos essenciais do conhecimento médico ; (ii) Erros em questões de conhecimentos básicos em Medicina mostram graves deficiências na formação acadêmica de algumas escolas médias, disse o expresidente do Conselho, Dr. Renato Azevedo Jr.; (iii) Essa resultado (2014) demonstra a má qualidade do ensino médico no País, comenta o atual presente do Cremesp, Dr. Bráulio Luna Filho. E emenda: além de representar um risco para os pacientes assistidos. QUADRO 3

4 Quando comparamos os índices brasileiros de investimento em P&D com os de outros países do mundo, também não temos informações muito positivas e demonstramos que ainda temos muito a fazer. A discutível qualidade do ensino brasileiro, em todos os níveis, e os baixos investimentos em P&D têm permitido uma capacitação (qualificação) extremamente baixa de nossos profissionais, tornando cada vez mais difícil obter-se benefícios oriundos da inovação e do desenvolvimento tecnológico, a não ser pela via da importação. QUADRO 4 Como demonstrado no quadro 4, o Brasil tem aumentado demasiadamente suas importações de produtos industriais de alta e média/alta tecnologia e exportado muito menos. Entre 2000 e 2013, enquanto as importações aumentaram cerca de 300%, as exportações aumentaram somente 153%, aumentando o déficit em mais de 480%, elevando-o a R$ 92,6 bilhões de dólares em Sempre tivemos a tendência no país, de importação de produtos de alta e média-alta tecnologia, diz a economista Lia Valls da Fundação Getúlio Vargas. No XXVI Fórum Nacional, trabalho apresentado por Claudio R. Frischtak e Katharina Davies em Maio de 2014 (Inter B Consultoria - Brasil: Decifrando o Paradoxo da Inovação ), concluiu que o esforço dos países para se aproximar da fronteira da inovação se reflete no plano da competitividade e do comércio de produtos de alta tecnologia. A trajetória recente do comércio internacional do Brasil é nesse sentido preocupante: enquanto as exportações de produtos de alta tecnologia ficaram praticamente estagnadas, com uma tendência descendente, as importações dessa categoria vêm apresentando uma clara tendência de elevação pós E sintetiza: o país está atrasado.

5 E as expectativas para o futuro não são melhores, pois a geração nem nem (nem estuda nem trabalha), a continuar progredindo, não deverá facilitar o desenvolvimento econômico que se necessita ou se deseja. Reconheça-se, inclusive, que investir em P&D, sem a contra partida do aumento da competência das pessoas, não produz os frutos que se imagina. Produzir mais e com mais qualidade, como formas de se aumentar nossa competitividade, tanto nos produtos de exportação (o Brasil tem perdido muito com a baixa competitividade na produção e na exportação de produtos manufaturados nos últimos anos) quanto aqueles voltados ao mercado interno, dependem, óbvia e claramente, de tecnologias modernas e muita inovação. Seja nos processos produtivos ou na obtenção do produto final ou serviço. Isso só se consegue com mão de obra capaz. Vejamos a avaliação de Cledorvino Belini, presidente da Fiat do Brasil e ex-presidente da Anfavea: Os países mais preparados no setor educacional são também aqueles que mais rapidamente conseguem ter domínio sobre as novas tecnologias e imprimir inovação e ganho de produtividade em um curto espaço de tempo. Além do que, países que formam cidadãos com forte capacidade de raciocínio e síntese estão mais preparados para competir no mercado mundial. Ou como diz o professor José Carlos Teixeira Moreira, da EAESP/FGV e do Instituto de Marketing Industrial: Fazer bem o que precisa ser feito é uma competência essencial nos dias de hoje e ganha dimensão estratégica. Portanto, propostas do setor privado ou do governo (exemplos: Inovar Auto e Inova Aerodefesa) são sempre bem-vindas, desde que realizadas com eficácia. Escolas ou faculdades especializadas em logística, investimentos maciços em treinamento, programas com estagiários e jovens aprendizes, estímulos e benefícios ligados diretamente ao desenvolvimento profissional e outros, são iniciativas que poderão, no médio prazo, amenizar os impactos negativos gerados pela má formação de nossos estudantes e aumentar a capacitação de nossos profissionais no campo logístico e, de resto, em todos os demais segmentos da economia. Aliás, não é à toa que, segundo alguns indicadores, os novos investimentos privados estão sendo focados, principalmente, nos processos de seleção, recrutamento e retenção de talentos notadamente naqueles com mentalidade empreendedora - e no aumento de produtividade de suas empresas. Carlos Vitor Strougo, diretor de Relacionamento Institucional da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH) aponta: Os gestores precisam ter alto nível intelectual, cultural e analítico do pensamento à economia. Quem entende como o mundo funciona consegue compreender as expectativas de inter-relacionamento. Em seu livro Talento - A Verdadeira Riqueza das Nações, Alfredo Assumpção reconhece esse tipo de executivo e o trata como Agente de Mudanças. Profissional que saberá ajustar os caminhos da empresa às demandas de mercado, melhorando a produtividade e a lucratividade empresarial.

6 É preciso, portanto, que nossos trabalhadores se tornem cada vez mais profissionais, mais capacitados e antenados¹, com foco em resultados, mas que também saibam realizar². Fazer o que é necessário ser feito! Talvez aí estejam os principais objetivos de amplos programas educacionais e de treinamento. Enfatizar o desenvolvimento nas escolas básicas e na formação de professores que entendam o mundo novo, as novas tecnologias e as novas demandas dos alunos e das empresas, parece ser um caminho. ¹ Que estejam atentos a tudo o que acontece ao seu redor e não somente no seu segmento econômico, pois há diversos agentes que, direta ou indiretamente, nos forçam a adotar providências para atendê-los: sociedade, cliente, fornecedor, empregado, acionista, governo e natureza (meio ambiente) são alguns exemplos. Qualquer um desses agentes (verdadeiros patrões) que seja contrariado, criará sérios obstáculos ao correto funcionamento da sociedade e da economia. Produzir e poluir? Nem pensar. Produzir e sonegar? Também não. Produzir e desrespeitar as leis? É claro que não. É preciso atender, ao mesmo tempo, os diversos patrões das empresas. O artigo publicado na revista Mundo Logística, em Março/Abril de 2013 ( Tendências dos Operadores Logísticos ), trata dessa importante tarefa atribuída ao profissional moderno, que é atender um publico cada vez maior e cada vez mais exigente. ² Fazer não é algo menor quando se compara com Planejar. Atualmente, os profissionais mais pretendidos são aqueles que planejam e sabem fazer. Infelizmente na cultura brasileira, fazer (por a mão na massa) não é, reconhecidamente, um grande valor (Prof. José Carlos T. Moreira).

PANORAMA MUNDIAL DA EDUCAÇÃO E O BRASIL: CENÁRIOS E PERSPECTIVAS

PANORAMA MUNDIAL DA EDUCAÇÃO E O BRASIL: CENÁRIOS E PERSPECTIVAS PANORAMA MUNDIAL DA EDUCAÇÃO E O BRASIL: CENÁRIOS E PERSPECTIVAS Márcio de Souza Pires, Dr.¹ A educação mundial é fortemente analisada e acompanhada por importantes instituições, em busca de avanços no

Leia mais

Connections with Leading Thinkers

Connections with Leading Thinkers Instituto de Alta Performance Connections with Leading Thinkers O especialista em inovação Bruno Moreira analisa as dificuldades que impedem um maior nível de colaboração por parte das empresas brasileiras

Leia mais

Discurso: Avaliação dos resultados das políticas públicas de educação em MT

Discurso: Avaliação dos resultados das políticas públicas de educação em MT Discurso: Avaliação dos resultados das políticas públicas de educação em MT Senhor presidente, Senhores e senhoras senadoras, Amigos que nos acompanham pela agência Senado e redes sociais, Hoje, ocupo

Leia mais

A Finep mais abrangente

A Finep mais abrangente _O MOVIMENTO Saiba mais sobre as novas propostas de atuação da Finep, na ENTREVISTA com Glauco Arbix entre outros objetivos, ele quer que a agência seja reconhecida como instituição financeira pelo Banco

Leia mais

Remuneração e Avaliação de Desempenho

Remuneração e Avaliação de Desempenho Remuneração e Avaliação de Desempenho Objetivo Apresentar estratégias e etapas para implantação de um Modelo de Avaliação de Desempenho e sua correlação com os programas de remuneração fixa. Programação

Leia mais

RESULTADOS DO ENEM 2014

RESULTADOS DO ENEM 2014 RESULTADOS DO ENEM 2014 Boletim IDados da Educação nº 2015-02 Dezembro 2015 RESULTADOS DO ENEM 2014 Boletim IDados da Educação Dezembro 2015 APRESENTAÇÃO O Boletim IDados da Educação é uma publicação do

Leia mais

Iniciativa Nacional de Inovação em Biotecnologia

Iniciativa Nacional de Inovação em Biotecnologia Iniciativa Nacional de Inovação em Biotecnologia Visão Atual e 2021 3º CB APL 29 de novembro de 2007. Brasília - DF 1 CONTEXTO Fórum de Competitividade de Biotecnologia: Política de Desenvolvimento da

Leia mais

Gestão dos Pequenos Negócios

Gestão dos Pequenos Negócios Gestão dos Pequenos Negócios x Rangel Miranda Gerente Regional do Sebrae Porto Velho, RO, 20 de outubro de 2015 A Conjuntura Atual Queda na produção industrial Desemprego Alta dos juros Restrição ao crédito

Leia mais

Entre 1998 e 2001, a freqüência escolar aumentou bastante no Brasil. Em 1998, 97% das

Entre 1998 e 2001, a freqüência escolar aumentou bastante no Brasil. Em 1998, 97% das INFORME-SE BNDES ÁREA PARA ASSUNTOS FISCAIS E DE EMPREGO AFE Nº 48 NOVEMBRO DE 2002 EDUCAÇÃO Desempenho educacional no Brasil: O que nos diz a PNAD-2001 Entre 1998 e 2001, a freqüência escolar aumentou

Leia mais

Connections with Leading Thinkers

Connections with Leading Thinkers Instituto de Alta Performance Connections with Leading Thinkers A economista Fernanda de Negri discute os méritos e deficiências das políticas de inovação brasileiras. Fernanda De Negri é diretora de Estudos

Leia mais

PESQUISA CENÁRIO 2010-2015: DESAFIOS ESTRATÉGICOS E PRIORIDADES DE GESTÃO

PESQUISA CENÁRIO 2010-2015: DESAFIOS ESTRATÉGICOS E PRIORIDADES DE GESTÃO PESQUISA CENÁRIO 2010-2015: DESAFIOS ESTRATÉGICOS E PRIORIDADES DE GESTÃO PESQUISA RESPONDENTES 1065 executivos (as) PERÍODO De 02 a 17 (Novembro de 2009) CEOs Diretores UNs Diretores Funcionais QUESTIONÁRIO

Leia mais

Seja bem vindo à ECID!

Seja bem vindo à ECID! Seja bem vindo à ECID! Nesta apresentação falaremos um pouco sobre quem somos, nossos produtos e o mercado em qual atuamos. Leia atentamente esta apresentação para que você compreenda melhor quem é a ECID

Leia mais

Tema 12. Competitividade empresarial

Tema 12. Competitividade empresarial Tema 12. Competitividade empresarial Competitividade é um conceito amplo que integra três dimensões: - a empresarial, cujo foco principal está na gestão; - a estrutural, que enfatiza as cadeias e os arranjos

Leia mais

COMPONENTES DA ESTRUTURA DO PLANO DE NEGÓCIO

COMPONENTES DA ESTRUTURA DO PLANO DE NEGÓCIO COMPONENTES DA ESTRUTURA DO PLANO DE NEGÓCIO No Modelo de Plano de Negócio, disponível no seu ambiente do Concurso você terá um passo a passo para elaborar o seu Plano, bem como todo o conteúdo necessário

Leia mais

Exclusivo: Secretária de Gestão do MPOG fala sobre expectativas do Governo Dilma

Exclusivo: Secretária de Gestão do MPOG fala sobre expectativas do Governo Dilma Exclusivo: Secretária de Gestão do MPOG fala sobre expectativas do Governo Dilma Entrevista, Ministério do Planejamento domingo, 6 de novembro de 2011 Carlos Bafutto O SOS Concurseiro discutiu, com exclusividade,

Leia mais

QUE TIPO DE PESSOA QUERO EM MINHA EQUIPE? Crédito da Apresentação: Diretora Milene Nader

QUE TIPO DE PESSOA QUERO EM MINHA EQUIPE? Crédito da Apresentação: Diretora Milene Nader QUE TIPO DE PESSOA QUERO EM MINHA EQUIPE? Crédito da Apresentação: Diretora Milene Nader VOCÊ CONHECE ALGUÉM QUE: Quer ganhar dinheiro; Quer uma renda extra; Deseja conhecer pessoas e fazer novas amizades;

Leia mais

Orientações para elaborar um. Plano de Negócios

Orientações para elaborar um. Plano de Negócios Orientações para elaborar um Plano de Negócios Maio de 2010 www.nascente.cefetmg.br Página 1 Apresentação Este documento contém um roteiro básico de Plano de Negócios. O objetivo é permitir que o futuro

Leia mais

Universidade Estadual de Goiás. Trabalho da matéria de Núcleo Interdisciplinar de Estudos Independentes

Universidade Estadual de Goiás. Trabalho da matéria de Núcleo Interdisciplinar de Estudos Independentes Universidade Estadual de Goiás Ciências Contábeis 2º ano Trabalho da matéria de Núcleo Interdisciplinar de Estudos Independentes ALUNO: Vinicius Oliveira de Siqueira Trabalho apresentado para avaliação

Leia mais

Pesquisa revela panorama do aprendizado do idioma inglês no Brasil em 2014

Pesquisa revela panorama do aprendizado do idioma inglês no Brasil em 2014 10ª PESQUISA DE PRODUTIVIDADE APRENDIZADO DE IDIOMAS 2014 Pesquisa revela panorama do aprendizado do idioma inglês no Brasil em 2014 2 por Paulo P. Sanchez* A BIRD GEI Gestão Estratégica de Idiomas está

Leia mais

Impacto da BOA Gestão Financeira sobre o Resultado Empresarial. UMA VISÃO PANORÂMICA 2014 Prof. José Carlos Abreu

Impacto da BOA Gestão Financeira sobre o Resultado Empresarial. UMA VISÃO PANORÂMICA 2014 Prof. José Carlos Abreu Impacto da BOA Gestão Financeira sobre o Resultado Empresarial UMA VISÃO PANORÂMICA 2014 Prof. José Carlos Abreu O Cenário - Pesquisa do SEBRAE - Pesquisas das grandes CONSULTORIAS nos USA e em diversos

Leia mais

Clipping de Notícias Educacionais

Clipping de Notícias Educacionais Clipping 24/09/2010 SEMERJ www.semerj.org.br semerj@semerj.org.br Clipping de Notícias Educacionais Caso sua instituição ainda não seja associada ao SEMERJ, visite nosso site e descubra as vantagens em

Leia mais

Licenciatura em Espanhol

Licenciatura em Espanhol Licenciatura em Espanhol Rebeka Caroça Seixas Apresentação e Objetivos Estamos bem adiantados em nosso curso. Já falamos sobre o conceito de arte, conhecendo um pouco de cada linguagem artística. Hoje,

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DO TREINAMENTO. Quem nunca ouviu aquela velha frase O maior capital de nossa empresa é o capital

A IMPORTÂNCIA DO TREINAMENTO. Quem nunca ouviu aquela velha frase O maior capital de nossa empresa é o capital A IMPORTÂNCIA DO TREINAMENTO humano. Quem nunca ouviu aquela velha frase O maior capital de nossa empresa é o capital Uma pesquisa realizada em 1997 nos Estados Unidos comprovou estatisticamente que essa

Leia mais

PROEJA: UMA EXPERIÊNCIA DA IMPLANTAÇÃO DO CURSO TÉCNICO EM ADMINISTRAÇÃO NA EEEFM PROFESSOR GETÚLIO GUEDES EM PEDRAS DE FOGO PB

PROEJA: UMA EXPERIÊNCIA DA IMPLANTAÇÃO DO CURSO TÉCNICO EM ADMINISTRAÇÃO NA EEEFM PROFESSOR GETÚLIO GUEDES EM PEDRAS DE FOGO PB PROEJA: UMA EXPERIÊNCIA DA IMPLANTAÇÃO DO CURSO TÉCNICO EM ADMINISTRAÇÃO NA EEEFM PROFESSOR GETÚLIO GUEDES EM PEDRAS DE FOGO PB INTRODUÇÃO ARAGÃO, Wellington Alves Secretaria Estadual de Educação- PB welledu@yahoo.com.br

Leia mais

"Organizar evento é como uma grande orquestra"

Organizar evento é como uma grande orquestra "Organizar evento é como uma grande orquestra" Publicação: 25 de Maio de 2014 às 00:00 O primeiro evento que ela organizou foi aos 12 anos, a festa junina da escola. O que Tânia Trevisan não imaginava

Leia mais

Valores & Princípios. Grupo Freudenberg

Valores & Princípios. Grupo Freudenberg Valores & Princípios Grupo Freudenberg C o n d u ta e C o m p o r ta m e n t o C o n d u ta e C o m p o r ta m e n t o Nossos Princípios & Conduta e Comportamento 3 Os Nossos Princípios e o documento de

Leia mais

GESTÃO ESTRATÉGICA DE PESSOAS VOLTADA PARA RECRUTAMENTO E SELEÇÃO E CARGOS E SALÁRIOS.

GESTÃO ESTRATÉGICA DE PESSOAS VOLTADA PARA RECRUTAMENTO E SELEÇÃO E CARGOS E SALÁRIOS. GESTÃO ESTRATÉGICA DE PESSOAS VOLTADA PARA RECRUTAMENTO E SELEÇÃO E CARGOS E SALÁRIOS. BARBOSA, Roger Eduardo 1 Resumo Neste artigo analisaremos como o planejamento estratégico na gestão de pessoas nas

Leia mais

Rita/João Abril -2014

Rita/João Abril -2014 Rita/João Abril -2014 Conteúdo Programático (Qui)10/04 Estratégia de gerenciamento de pessoas com foco em resultado e gestão por competências Rita (Qui)17/04 - Conceitos de liderança, equipes eficazes,

Leia mais

Desejamos a você um completo sucesso, construindo sua verdadeira riqueza.

Desejamos a você um completo sucesso, construindo sua verdadeira riqueza. PROGRAMA MASTER 72h MASTER 72h Prezado Consultor, Nós da família Hinode preparamos esse material com muito carinho para você, pois temos um sonho de fazer desse mundo, um mundo melhor. Nosso objetivo é

Leia mais

A experiência da Engenharia Clínica no Brasil

A experiência da Engenharia Clínica no Brasil Página 1 de 5 Sobre a Revista Ed 24 - fev 04 Home Medical Infocenter Med Atual Edição Atual Serviços Global Home Brasil Home Busca Mapa do Site Fale Conosco Edição Atual Edição Atual Matéria de Capa Artigo

Leia mais

Itaúna, 12 de julho de 2013. O presidente da AMM, Prefeito de Barbacena Antônio Carlos Andrada

Itaúna, 12 de julho de 2013. O presidente da AMM, Prefeito de Barbacena Antônio Carlos Andrada FIEMG Regional oferece Curso de Gestão Comercial para empresas A FIEMG Regional Centro- Oeste inova mais uma vez ao oferecer ao mercado o curso Gestão Comercial. O curso terá início no dia 25 de Julho,

Leia mais

Artigo publicado. na edição 30. www.revistamundologistica.com.br. Assine a revista através do nosso site. setembro e outubro de 2012

Artigo publicado. na edição 30. www.revistamundologistica.com.br. Assine a revista através do nosso site. setembro e outubro de 2012 Artigo publicado na edição 30 Assine a revista através do nosso site setembro e outubro de 2012 www.revistamundologistica.com.br Paulo Guedes :: opinião LOGÍSTICA A Logística como instrumento estratégico

Leia mais

REQUERIMENTO Nº /2015 - CDR

REQUERIMENTO Nº /2015 - CDR REQUERIMENTO Nº /2015 - CDR Requeremos, nos termos do art. 93, Inciso II, do Regimento Interno do Senado Federal, ouvido o Plenário, a realização de Audiência Pública Conjunta das Comissões de Desenvolvimento

Leia mais

Nota Data 8 de maio de 2013

Nota Data 8 de maio de 2013 Nota Data 8 de maio de 2013 Contato Flávio Resende Proativa Comunicação flavioresende@proativacomunicacao.com.br Tel: (61) 3242-9058/9216-9188 Kadydja Albuquerque Proativa Comunicação coordenacao@proativacomunicacao.com.br

Leia mais

Consultoria e Marketing COMO TORNAR O TREINAMENTO UMA FERRAMENTA DE LUCRATIVIDADE

Consultoria e Marketing COMO TORNAR O TREINAMENTO UMA FERRAMENTA DE LUCRATIVIDADE COMO TORNAR O TREINAMENTO UMA FERRAMENTA DE LUCRATIVIDADE A melhor idéia, sem gente boa, não vai a lugar algum. Carlos Alberto Sicupira Controlador da ABInBev Presidente do Conselho das Lojas Americanas

Leia mais

MANIFESTAÇÃO PELAS REFORMAS ESTRUTURAIS BÁSICAS. TRANSPARÊNCIA E JUSTIÇA SOCIAL JÁ! www.transparenciajsocialja.com.br

MANIFESTAÇÃO PELAS REFORMAS ESTRUTURAIS BÁSICAS. TRANSPARÊNCIA E JUSTIÇA SOCIAL JÁ! www.transparenciajsocialja.com.br MANIFESTAÇÃO PELAS REFORMAS ESTRUTURAIS BÁSICAS www.transparenciajsocialja.com.br ALERTA BRASIL! PERIGO... NA POLÍTICA FINANCEIRA DO SETOR PÚBLICO, CONTINUAMOS NA ESTACA ZERO. SEM NENHUM CONHECIMENTO.

Leia mais

BRAININ MARKETING DIGITAL DE RESULTADO

BRAININ MARKETING DIGITAL DE RESULTADO BRAININ IN MARKETING DIGITAL DE RESULTADO 75% OFF Sua empresa está em crise? Nossos clientes não estão. AUMENTE SUAS VENDAS COM MARKETING DE RESULTADOS. + + = Consultoria Web Marketing Digital SGW Flex

Leia mais

[ GUIA ] GESTÃO FINANCEIRA PARA EMPREENDEDORES

[ GUIA ] GESTÃO FINANCEIRA PARA EMPREENDEDORES [ GUIA ] GESTÃO FINANCEIRA PARA EMPREENDEDORES D e s c u b r a c o m o m a n t e r o c a p i t a l d a e m p r e s a s o b c o n t r o l e p a r a f a z e r o n e g ó c i o c r e s c e r. Uma boa gestão

Leia mais

Inovar para Sustentar o Crescimento

Inovar para Sustentar o Crescimento Café & Debate Escola Nacional de Administração Pública ENAP Inovar para Sustentar o Crescimento Glauco Depto. de Sociologia USP Brasília, 19 de abril de 2007 2007 China: volta ao patamar natural? Data

Leia mais

Motor do desenvolvimento

Motor do desenvolvimento Motor do desenvolvimento É o papel que o autor de Escola e democracia e História das idéias pedagógicas no Brasil, este último vencedor do Prêmio Jabuti 2008, defende para a educação brasileira: o de força

Leia mais

Faculdades Integradas Paiva de Vilhena

Faculdades Integradas Paiva de Vilhena Faculdades Integradas Paiva de Vilhena Curso: Tecnólogo em Processos Gerenciais Disciplina: Gestão Estratégica da Informação A Importância da Informação Prof. Esp. Rodrigo Gomes da Silva Campanha 2009

Leia mais

Mestre em Economia/UFMT e Gestor Governamental (SEPLAN/MT). Email: edmarvieira@seplan.mt.gov.br.

Mestre em Economia/UFMT e Gestor Governamental (SEPLAN/MT). Email: edmarvieira@seplan.mt.gov.br. Governo do Estado de Mato Grosso Secretaria de Estado de Planejamento e Coordenação Geral Superintendência de Planejamento Coordenadoria de Avaliação ET CAV/SP/SEPLAN nº 10/2013 Educação: o desafio da

Leia mais

CIÊNCIA, TECNOLOGIA E SOCIEDADE NA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO.

CIÊNCIA, TECNOLOGIA E SOCIEDADE NA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO. CIÊNCIA, TECNOLOGIA E SOCIEDADE NA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO. Por Cassiano Zeferino de Carvalho Neto O Pisa - Programa Internacional de Avaliação de Alunos 1 é uma avaliação internacional que mede o nível

Leia mais

GESTÃO PÉ NO CHÃO. Resultados da pesquisa online realizada com mais de 100 escritórios de advocacia

GESTÃO PÉ NO CHÃO. Resultados da pesquisa online realizada com mais de 100 escritórios de advocacia GESTÃO PÉ NO CHÃO Resultados da pesquisa online realizada com mais de 100 escritórios de advocacia Consultoria especializada no desenvolvimento integral de escritórios de advocacia Nos últimos meses publicamos

Leia mais

EMPREENDEDORISMO: O CONTEXTO NACIONAL

EMPREENDEDORISMO: O CONTEXTO NACIONAL EMPREENDEDORISMO: O CONTEXTO NACIONAL Entrevista com Eng.º Victor Sá Carneiro N uma época de grandes transformações na economia dos países, em que a temática do Empreendedorismo assume uma grande relevância

Leia mais

Análise Econômico-Financeira

Análise Econômico-Financeira Universidade Federal do Pará Curso de Ciências Contábeis Departamento de Contabilidade Análise Econômico-Financeira Gilvan Pereira Brito 0301007601 Belém-Pará 2007 1 Universidade Federal do Pará Curso

Leia mais

Artigo publicado. na edição 34. www.revistamundologistica.com.br. Assine a revista através do nosso site. maio e junho de 2013

Artigo publicado. na edição 34. www.revistamundologistica.com.br. Assine a revista através do nosso site. maio e junho de 2013 Artigo publicado na edição 34 Assine a revista através do nosso site maio e junho de 2013 www.revistamundologistica.com.br Paulo Guedes :: opinião Gastos e Custos Logísticos diferenciar para compreender

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 14 Discurso: em encontro com professores

Leia mais

INDICADORES DE PERFORMANCE PARA EMPRESAS DE SEGURANÇA. Como medir resultados e fugir de gargalos de recursos na sua organização

INDICADORES DE PERFORMANCE PARA EMPRESAS DE SEGURANÇA. Como medir resultados e fugir de gargalos de recursos na sua organização PERFORMANCE PARA EMPRESAS DE SEGURANÇA Como medir resultados e fugir de gargalos de recursos na sua organização INTRODUÇÃO Cada vez mais empresas de segurança brasileiras procuram a profissionalização

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO GERAL GESTÃO DA QUALIDADE

ADMINISTRAÇÃO GERAL GESTÃO DA QUALIDADE ADMINISTRAÇÃO GERAL GESTÃO DA QUALIDADE Atualizado em 03/12/2015 GESTÃO DA QUALIDADE As ideias principais que baseiam o significado atual da qualidade são, basicamente, as seguintes: Atender às expectativas,

Leia mais

20. Minha senha não funciona! Não consigo acessar meu Painel de Negócios e nem comprar em meu Espaço!...12 21. Se consultores e CNOs tiverem dúvida,

20. Minha senha não funciona! Não consigo acessar meu Painel de Negócios e nem comprar em meu Espaço!...12 21. Se consultores e CNOs tiverem dúvida, ÍNDICE 1. O que é a Rede Natura?...04 2. É preciso ser Consultor Presencial para tornar-se um Franqueado Digital?...04 3. Por que a Natura criou a Rede Natura?...04 4. A Rede Natura nasceu incluindo os

Leia mais

Como atrair e reter talentos

Como atrair e reter talentos Como atrair e reter talentos na Panificação PORQUE A DISCUSSÃO DE TALENTOS É IMPORTANTE PARA ORGANIZAÇÕES COMPETITIVAS? Em toda a história do mundo empresarial, nunca houve tanta preocupação e cuidados

Leia mais

Gestão da TI. Os custos escondidos da. Conheça os custos escondidos na gestão amadora da TI e pare de perder dinheiro.

Gestão da TI. Os custos escondidos da. Conheça os custos escondidos na gestão amadora da TI e pare de perder dinheiro. da Gestão da TI Conheça os custos escondidos na gestão amadora da TI e pare de perder dinheiro. Conteúdo Introdução Os custos escondidos - parte 1 Os custos escondidos - parte 2 Os custos escondidos -

Leia mais

AFETA A SAÚDE DAS PESSOAS

AFETA A SAÚDE DAS PESSOAS INTRODUÇÃO Como vai a qualidade de vida dos colaboradores da sua empresa? Existem investimentos para melhorar o clima organizacional e o bem-estar dos seus funcionários? Ações que promovem a qualidade

Leia mais

Recrutamento e Seleção

Recrutamento e Seleção Secretaria de Estado da Saúde Coordenadoria de Recursos Humanos OFICINA DE RECURSOS HUMANOS CRS Recrutamento e Seleção Data: 02 de maio de 2012 Local: CEFOR SP Responsável: Por que estamos aqui? Redes

Leia mais

Motivos de transferência do negócio por parte dos franqueados

Motivos de transferência do negócio por parte dos franqueados Motivos de transferência do negócio por parte dos franqueados Por Maria Teresa Somma Com o intuito de entender os motivos que levam franqueados a transferir o seu negócio, foi realizada uma pesquisa exploratória

Leia mais

Global Index Innovation 2015 Highlights

Global Index Innovation 2015 Highlights Global Index Innovation 2015 Highlights 141 países avaliados. Brasil: 70º lugar geral em 2015 (61º lugar em 2014). - 1º lugar: Suíça - 2º lugar: Reino Unido - 3º lugar: Suécia Top Performers Renda Alta

Leia mais

Educação transdisciplinar para pesquisadores: o ensino de interfaces.

Educação transdisciplinar para pesquisadores: o ensino de interfaces. Educação transdisciplinar para pesquisadores: o ensino de interfaces. Autora: Maria Thereza Cera Galvão do Amaral webmaster@homeopatiaveterinaria.com.br Resumo Este trabalho versa sobre a formação de docentes

Leia mais

LMA, Solução em Sistemas

LMA, Solução em Sistemas LMA, Solução em Sistemas Ao longo dos anos os sistemas para gestão empresarial se tornaram fundamentais, e por meio dessa ferramenta as empresas aperfeiçoam os processos e os integram para uma gestão mais

Leia mais

Conheça o melhor sistema educacional do mundo

Conheça o melhor sistema educacional do mundo Conheça o melhor sistema educacional do mundo Artigo publicado em 03/03/2008 Como a Finlândia criou, com medidas simples e focadas no professor, o mais invejado sistema educacional Aula no ensino fundamental:

Leia mais

O IMPACTO DO ENSINO DE EMPREENDEDORISMO NA GRADUAÇÃO DE ENGENHARIA : RESULTADOS E PERSPECTIVAS.

O IMPACTO DO ENSINO DE EMPREENDEDORISMO NA GRADUAÇÃO DE ENGENHARIA : RESULTADOS E PERSPECTIVAS. O IMPACTO DO ENSINO DE EMPREENDEDORISMO NA GRADUAÇÃO DE ENGENHARIA : RESULTADOS E PERSPECTIVAS. Fernando Toledo Ferraz - ferraz@cybernet.com.br Departamento de Engenharia de Produção Myriam Eugênia R.

Leia mais

Caro(a)s voluntário(a)s. é

Caro(a)s voluntário(a)s. é Os Caro(a)s voluntário(a)s. é com satisfação que apresentamos cinco na temática do empreendedorismo que vocês poderão implementar junto aos alunos das escolas parceiras: Introdução ao Mundo dos Negócios,

Leia mais

INFORMÁTICA E EDUCAÇÃO : PARA UMA BOA INFORMÁTICA EDUCATIVA, UM BOM PEDAGOGO

INFORMÁTICA E EDUCAÇÃO : PARA UMA BOA INFORMÁTICA EDUCATIVA, UM BOM PEDAGOGO INFORMÁTICA E EDUCAÇÃO : PARA UMA BOA INFORMÁTICA EDUCATIVA, UM BOM PEDAGOGO Jorge, A. M. UEM alinemjorge@hotmail.com Eixo Temático: Didática: Comunicação e Tecnologia Agência Financiadora: Não contou

Leia mais

Artigo. nos últimos 15 anos Acesso ao ensino superior no Brasil: equidade e desigualdade social

Artigo. nos últimos 15 anos Acesso ao ensino superior no Brasil: equidade e desigualdade social Artigo nos últimos 15 anos Acesso ao ensino superior no Brasil: equidade e desigualdade social Por Cibele Yahn de Andrade Pesquisadora do Núcleo de Estudos de Políticas Públicas (NEPP) da Unicamp. Doutoranda

Leia mais

O sucesso de hoje não garante o sucesso de amanhã

O sucesso de hoje não garante o sucesso de amanhã Com certeza, esse final de século XX e começo de século XXI mudarão nossas vidas mais do que elas mudaram há 30-40 anos atrás. É muito difícil avaliar como será essa mudança, mas é certo que ela virá e

Leia mais

As ganhadoras da edição 2015 do prêmio que reconhece juristas de países latinos. Fonte: Citação institucional

As ganhadoras da edição 2015 do prêmio que reconhece juristas de países latinos. Fonte: Citação institucional Fonte: Citação institucional Seção: Eu Estudante Versão: Online Data: 03/01/16 PRÊMIO» Reconhecimento feminino no direito Advogadas brasileiras conquistaram honraria em disputa com dezenas de finalistas

Leia mais

EM PONTOS: vale a pena planejar

EM PONTOS: vale a pena planejar NO NEGÓCIO TEXTO DE MARCELO CASAGRANDE 5 EM PONTOS: vale a pena planejar A Gestão&Negócios reuniu cinco importantes motivos pelos quais o planejamento financeiro é fundamental para uma empresa. Saber o

Leia mais

Transcrição da Teleconferência Resultados 2T14 em português TOTVS (TOTS3 BZ) 31 de julho de 2014

Transcrição da Teleconferência Resultados 2T14 em português TOTVS (TOTS3 BZ) 31 de julho de 2014 Operadora: Bom dia. Sejam bem-vindos à teleconferência da TOTVS referente aos resultados do 2T14. Estão presentes os senhores Alexandre Mafra, Vice-Presidente Executivo e Financeiro e Vice-Presidente de

Leia mais

TÍTULO: UTILIZAÇÃO DA INTELIGÊNCIA COMPETITIVA NA GESTÃO ESTRATÉGICA DE PESSOAS

TÍTULO: UTILIZAÇÃO DA INTELIGÊNCIA COMPETITIVA NA GESTÃO ESTRATÉGICA DE PESSOAS TÍTULO: UTILIZAÇÃO DA INTELIGÊNCIA COMPETITIVA NA GESTÃO ESTRATÉGICA DE PESSOAS CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: ADMINISTRAÇÃO INSTITUIÇÃO: FACULDADE CENECISTA DE SETE LAGOAS

Leia mais

Apresentação da FAMA

Apresentação da FAMA Pós-Graduação Lato Sensu CURSO DE ESPECIIALIIZAÇÃO 432 horras/aulla 1 Apresentação da FAMA A FAMA nasceu como conseqüência do espírito inovador e criador que há mais de 5 anos aflorou numa família de empreendedores

Leia mais

COMO CALCULAR O PRINCIPAL INDICADOR PARA MEDIR A EFICIÊNCIA FINANCEIRA DE UMA

COMO CALCULAR O PRINCIPAL INDICADOR PARA MEDIR A EFICIÊNCIA FINANCEIRA DE UMA COMO CALCULAR O PRINCIPAL INDICADOR PARA MEDIR A EFICIÊNCIA FINANCEIRA DE UMA EMPRESA E ENTRE VÁRIAS EMPRESAS Comparar uma empresa em relação a ela mesma (evolução histórica) Comparar uma empresa em relação

Leia mais

Quando o entardecer chega... o envelhecimento ainda surpreende muitos. Programa de Preparação para a Aposentadoria

Quando o entardecer chega... o envelhecimento ainda surpreende muitos. Programa de Preparação para a Aposentadoria Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade Física Adaptada e Saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira Quando o entardecer chega... o envelhecimento ainda surpreende muitos Programa de Preparação para

Leia mais

7 etapas para construir um Projeto Integrado de Negócios Sustentáveis de sucesso

7 etapas para construir um Projeto Integrado de Negócios Sustentáveis de sucesso 7 etapas para construir um Projeto Integrado de Negócios Sustentáveis de sucesso Saiba como colocar o PINS em prática no agronegócio e explore suas melhores opções de atuação em rede. Quando uma empresa

Leia mais

Como calcular o Índice de Lucratividade (IL)

Como calcular o Índice de Lucratividade (IL) Como calcular o Índice de Lucratividade (IL) A análise de novos investimentos pelo IL Qual a taxa mínima de lucratividade de um projeto? Como determinar o IL ideal de um novo investimento? Francisco Cavalcante

Leia mais

PLURI Especial O ciclo virtuoso de um clube vencedor

PLURI Especial O ciclo virtuoso de um clube vencedor PLURI Especial O ciclo virtuoso de um clube vencedor PLURI Consultoria Pesquisa, Valuation, Gestão e marketing Esportivo. Twitter: @pluriconsult www.facebook/pluriconsultoria Fernando Ferreira Economista,

Leia mais

1. Quem somos nós? A AGI Soluções nasceu em Belo Horizonte (BH), com a simples missão de entregar serviços de TI de forma rápida e com alta qualidade.

1. Quem somos nós? A AGI Soluções nasceu em Belo Horizonte (BH), com a simples missão de entregar serviços de TI de forma rápida e com alta qualidade. 1. Quem somos nós? A AGI Soluções nasceu em Belo Horizonte (BH), com a simples missão de entregar serviços de TI de forma rápida e com alta qualidade. Todos nós da AGI Soluções trabalhamos durante anos

Leia mais

Novos Tempos - Novas Oportunidades - Novo Negócios

Novos Tempos - Novas Oportunidades - Novo Negócios Novos Tempos - Novas Oportunidades - Novo Negócios O que é a Câmara? Câmara de Comércio do Mercosul e União Latino América 01 A Câmara de Comércio do Mercosul e União Latino América (CCM-ULA) é uma Instituição

Leia mais

PLANNUS QUÍMICA. apóia jovens talentos a construir um mundo melhor e com mais. de LEGO. EQUIPE. Notícias

PLANNUS QUÍMICA. apóia jovens talentos a construir um mundo melhor e com mais. de LEGO. EQUIPE. Notícias Notícias PLANNUS QUÍMICA apóia jovens talentos a construir um mundo melhor e com mais Recursos Renováveis veis através s de ROBÔS de LEGO. Pensando em um futuro melhor para o planeta e na melhoria na qualidade

Leia mais

O GERENTE DE PROJETOS

O GERENTE DE PROJETOS O GERENTE DE PROJETOS INTRODUÇÃO Autor: Danubio Borba, PMP Vamos discutir a importância das pessoas envolvidas em um projeto. São elas, e não os procedimentos ou técnicas, as peças fundamentais para se

Leia mais

ÍNDICE. Eficiência no atendimento em clínicas e hospitais -EBOOK- 3 - Introdução. 4 - O que os clientes esperam de um bom atendimento

ÍNDICE. Eficiência no atendimento em clínicas e hospitais -EBOOK- 3 - Introdução. 4 - O que os clientes esperam de um bom atendimento Eficiência no em clínicas e hospitais ÍNDICE 3 - Introdução 4 - O que os clientes esperam de um bom 6-5 dicas para gerar eficiência no -EBOOK- Produzido por CM Tecnologia 11 - Conclusão 12 - Sobre a CM

Leia mais

Alguns conceitos e definições

Alguns conceitos e definições Alguns conceitos e definições Introdução A preocupação das organizações com temas associados à ética, cidadania, inclusão social, desenvolvimento econômico e sustentável vem aumentando a cada dia. Empresas

Leia mais

Aula 1 Uma visão geral das comorbidades e a necessidade da equipe multidisciplinar

Aula 1 Uma visão geral das comorbidades e a necessidade da equipe multidisciplinar Aula 1 Uma visão geral das comorbidades e a necessidade da equipe multidisciplinar Nesta aula, apresentaremos o panorama geral das comorbidades envolvidas na dependência química que serão estudadas ao

Leia mais

SEÇÃO ENTREVISTA A INICIAÇÃO CIENTÍFICA E A PUBLICAÇÃO NA GRADUAÇÃO COMO MEIOS DE QUALIDADE NA FORMAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR JOSÉ ROBERTO RUS PEREZ

SEÇÃO ENTREVISTA A INICIAÇÃO CIENTÍFICA E A PUBLICAÇÃO NA GRADUAÇÃO COMO MEIOS DE QUALIDADE NA FORMAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR JOSÉ ROBERTO RUS PEREZ Revista Eventos Pedagógicos v.5, n.4 (13. ed.), número regular, p. 115-121, nov./dez. 2014 SEÇÃO ENTREVISTA A INICIAÇÃO CIENTÍFICA E A PUBLICAÇÃO NA GRADUAÇÃO COMO MEIOS DE QUALIDADE NA FORMAÇÃO DE ENSINO

Leia mais

B. Braun Avitum. Fornecedora de Sistemas em Terapia de Substituição Renal. Avitum

B. Braun Avitum. Fornecedora de Sistemas em Terapia de Substituição Renal. Avitum B. Braun Avitum Fornecedora de Sistemas em Terapia de Substituição Renal Avitum B. Braun Avitum. Sempre com Paixão. Paixão pela Vida Pois fazer a vida ficar melhor é o melhor de tudo Pois não há nada melhor

Leia mais

POPULAÇÃO BRASILEIRA

POPULAÇÃO BRASILEIRA POPULAÇÃO BRASILEIRA É importante conhecer as características da população brasileira para o seu vestibular. Inicialmente vamos conhecer dois conceitos básicos para esse estudo: *População absoluta refere-se

Leia mais

Empreendedorismo e comportamento empreendedor: como transformar gestores em profissionais empreendedores

Empreendedorismo e comportamento empreendedor: como transformar gestores em profissionais empreendedores Empreendedorismo e comportamento empreendedor: como transformar gestores em profissionais empreendedores Ana Maria Bueno (CEFETPR/PG) ana@pg.cefetpr.br Dr ª. Magda L.G. Leite (CEFETPR/PG) magda@pg.cefetpr.br

Leia mais

Formação da Sociedade: Ensino Presencial ou à Distância

Formação da Sociedade: Ensino Presencial ou à Distância 1 Formação da Sociedade: Ensino Presencial ou à Distância Bruna Caroline do Carmo Braga Dimitri Machado Juciane Bernardes Miranda Silva 1. Resumo: O presente artigo apresenta em seu corpo informativo a

Leia mais

Com agilidade, segurança e posicionamento estratégico, MC-Bauchemie garante integridade de dados

Com agilidade, segurança e posicionamento estratégico, MC-Bauchemie garante integridade de dados Customer Success Story Com agilidade, segurança e posicionamento estratégico, MC-Bauchemie garante integridade de dados Indústria: Química PERFIL DO CLIENTE Empresa: MC-Bauchemie Empregados: 300 EMPRESA

Leia mais

OBJETIVO VISÃO GERAL SUAS ANOTAÇÕES

OBJETIVO VISÃO GERAL SUAS ANOTAÇÕES OBJETIVO Assegurar a satisfação do cliente no pós-venda, desenvolvendo um relacionamento duradouro entre o vendedor e o cliente, além de conseguir indicações através de um sistema de follow-up (acompanhamento).

Leia mais

Tema 2: Mercado. Assunto 2: Conhecendo o mercado consumidor. Unidade 1: Muito prazer, cliente

Tema 2: Mercado. Assunto 2: Conhecendo o mercado consumidor. Unidade 1: Muito prazer, cliente Tema 2: Mercado Assunto 2: Conhecendo o mercado consumidor Unidade 1: Muito prazer, cliente Olá, caro(a) aluno(a). Este material destina-se ao seu uso como aluno(a) inscrito(a) no Curso Aprender a Empreender

Leia mais

Talento Jovem Programa de Bolsas de Estudos

Talento Jovem Programa de Bolsas de Estudos PROJETO Talento Jovem Programa de Bolsas de Estudos MANUAL DO CANDIDATO Rotary e Faculdades Integradas Rio Branco em prol da Educação EDIÇÃO JAN/2016 Programa de Bolsa de Estudos Viabilização Fundação

Leia mais

Encontrar a oportunidade de franquia perfeita para você! Esse é o nosso negócio!

Encontrar a oportunidade de franquia perfeita para você! Esse é o nosso negócio! Encontrar a oportunidade de franquia perfeita para você! Esse é o nosso negócio! Escolher a franquia ideal pode ser uma das decisões mais difíceis que você já fez......deixe-nos torná-la mais fácil. Quem

Leia mais

1 Avalie a demanda para os produtos e serviços da franquia em questão!

1 Avalie a demanda para os produtos e serviços da franquia em questão! 10 Dicas para Comprar uma Franquia Comprar uma franquia tem se tornado o negócio do momento e atraído muitos empresários a pensar sobre o assunto e decidir entre abrir um negócio com temática própria ou

Leia mais

INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: O BINÔMIO COMPUTADOR E EDUCAÇÃO

INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: O BINÔMIO COMPUTADOR E EDUCAÇÃO INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO: O BINÔMIO COMPUTADOR E EDUCAÇÃO por Wesley José Silva Setembro, 2004 A informática hoje vem sendo uma das soluções a ser implantada na didática de ensino aprendizagem, tendo como

Leia mais

Concurso: Recursos Humanos Aula 03 LEONARDO FERREIRA SENADO FEDERAL ADMINISTRADOR

Concurso: Recursos Humanos Aula 03 LEONARDO FERREIRA SENADO FEDERAL ADMINISTRADOR Concurso: SENADO FEDERAL ADMINISTRADOR Recursos Humanos Aula 03 LEONARDO FERREIRA Conteúdo Programático! Recursos Humanos Senado Federal! Recrutamento e Seleção. Avaliação Desempenho. Treinamento e Desenvolvimento.

Leia mais

Anexo metodológico Especial Dia das Crianças: Educação 1

Anexo metodológico Especial Dia das Crianças: Educação 1 Anexo metodológico Especial Dia das Crianças: Educação 1 Rafael Bernardini, Thomas Kang, Marcos Wink Jr. Outubro de 2015 Este Anexo Metodológico apresenta os resultados detalhados e a metodologia empregada

Leia mais

A técnica a serviço da aproximação com os doadores: Marketing de relacionamento nos Doutores da Alegria

A técnica a serviço da aproximação com os doadores: Marketing de relacionamento nos Doutores da Alegria Agentes Financiadores Notícias e atualidades sobre Agentes Financiadores nacionais e internacionais página inicial A técnica a serviço da aproximação com os doadores: Marketing de relacionamento nos Doutores

Leia mais

Módulo 14 Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas. 14.1. Treinamento é investimento

Módulo 14 Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas. 14.1. Treinamento é investimento Módulo 14 Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas 14.1. Treinamento é investimento O subsistema de desenvolver pessoas é uma das áreas estratégicas do Gerenciamento de Pessoas, entretanto em algumas organizações

Leia mais

O RH dos sonhos dos CEOs

O RH dos sonhos dos CEOs O RH dos sonhos dos CEOs Expectativas e estratégias da liderança para os Recursos Humanos Presidentes de empresas de todos os portes falaram sobre a importância dos Recursos Humanos para as suas empresas

Leia mais

A APAE E A EDUCAÇÃO INCLUSIVA

A APAE E A EDUCAÇÃO INCLUSIVA A APAE E A EDUCAÇÃO INCLUSIVA - APRESENTAÇÃO 1- COMO SURGIU A IDÉIA DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA? 2- O QUE SIGNIFICA INCLUSÃO ESCOLAR? 3- QUAIS AS LEIS QUE GARANTEM A EDUCAÇÃO INCLUSIVA? 4- O QUE É UMA ESCOLA

Leia mais