PROJECTO PEDAGÓGICO SABICHÕES /2012 INDICE

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROJECTO PEDAGÓGICO SABICHÕES - 2011/2012 INDICE"

Transcrição

1 PROJECTO PEDAGÓGICO SABICHÕES /2012 INDICE 1. Caracterização do grupo 2. Organização do Espaço e do Tempo 3. Tema e fundamentação teórica do projecto o Mundo dos animais em vias de extinção da sala dos Sabichões 3.1. Competências transversais 3.2.Competências essenciais Área da formação pessoal e social Área das expressões /comunicação que compreende dois domínios: 1. Domínio das expressões com diferentes vertentes a)expressão motora b)expressão dramática c)expressão plástica d)expressão musical 2. Domínio da Linguagem 3. Abordagem à escrita 4. Domínio da matemática Área do conhecimento do mundo 4. Planificação Anual

2 1.CARACTERIZAÇÃO DO GRUPO As crianças que pertencem à sala dos Sabichões pertencem à valência de jardim-de-infância. A faixa etária da sala é dos cinco anos sendo um grupo homogéneo. O grupo é formado por 18 crianças, 11 rapazes e 7 raparigas. No grupo há uma criança com Necessidades Educativas Especiais. 2. ORGANIZAÇÃO DO ESPAÇO E DO TEMPO A organização da sala encontra-se estruturada por áreas, onde a criança poderá exprimir-se a nível plástico, dramático e lúdico. Assim a sala está dividida pelas seguintes áreas de actividades/ brincadeiras: área da Casinha, área da Leitura, área da Pintura, área dos jogos e das Mesas. A organização temporal é estabelecida por uma rotina diária que ajuda a criança a perceber a sequência do tempo. Horas 7h00 às 9h00 9h00 às 10h00 10h00 às 11h30 Atividades Acolhimento Atividades livres (áreas) Atividades Planeadas (grande e pequeno grupo) 11h30 às 12h00 Higiene 12h00 às 12h30 Almoço 12h30 às 13h00 Higiene (lavar dentes) 13h00 ás 15h00 Atividades planeadas pela Educadora 15h30 às16h00 Lanche 16 h00às 18h00 Atividades livres 18h00 às 19h30 Saídas

3 Nota: Sempre que possível a organização do tempo será ajustada em função dos interesses e motivações das crianças. A organização do tempo também poderá ser adaptada em função das atividades extra curriculares 3. TEMA E FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA: Designa-se animais em vias de extinção, aqueles cujo número de espécie é muito reduzido e em perigo iminente de desaparecer se não for protegido. Classifica-se de extinção em biologia e geologia o desaparecimento total de uma espécie, sub espécies ou grupos de espécies. No nosso planeta há muitos animais em vias de extinção, os ecossistemas mais frágeis estão a ser as principais vítimas das ações do Homem, estima-se que daqui a menos de um século poderemos ser os únicos seres vivos a habitar a Terra. Queremos continuar a contribuir para a extinção do mundo animal? Não estará na hora de tomarmos mais medidas preventivas em prol do ambiente? Espécies em vias de extinção. Vidas alteradas. Habitats destruídos. O mundo animal está a entrar em rutura. Alguns animais esforçam-se para se adaptar ao inadaptável, alguns animais lutam para sobreviver numa realidade a que não pertencem e o futuro não se augura nada brilhante. Por estas e outras tantas razões, o tema do projeto é O Mundo dos Animais em vias de extinção, promovendo assim o conhecimento dos animais criando na criança uma atitude de respeito perante estes seres vivos.

4 Numa época em que cada vez mais as crianças têm "o mundo nas mãos", é necessário torná-las responsáveis por esse mundo que devem conhecer e preservar, para que continue numa situação de equilíbrio. Este projeto tem como principal meta levar as crianças a proteger e a conhecer os animais em vias de extinção (e.g., o lobo, o lince, leão, entre outros). Pretende-se ainda sensibilizar as crianças para a importância dos animais na natureza e na nossa vida. É necessário incutir que devemos cuidar e proteger os animais. Por tudo isto, deverá ser na escola que iremos abordar este tema e dar às crianças uma oportunidade de mudarem o mundo de amanhã. A criança um ser ávido de aprender e para quem a aprendizagem é tão importante como a alimentação aprende facilmente o sentido da união solidária. Não lhe ensinemos o mundo como obra acabada, mas como uma construção que todos temos que continuar ( ) In Os valores na Aprendizagem, de José de Almeida Fernandes 3.1 COMPETÊNCIAS TRANSVERSAIS Mudar a atitude das crianças relativamente à conservação da natureza; Tornar as crianças condutoras da Educação Ambiental em matéria da Conservação da natureza; Observar e reconhecer as características dos animais: morfológicas, deslocações; Conhecer a importância dos cuidados a ter com os animais; Identificar diferentes habitats dos animais;

5 Reconhecer diferentes formas de crescimento e desenvolvimento dos animais; Sensibilizar para a proteção e preservação da natureza Envolver as crianças no processo de desenvolvimento da consciência ambiental; Alertar toda a comunidade para a importância da natureza; Conhecer o problema das espécies em risco. 3.2 COMPETÊNCIAS ESSENCIAIS Os conteúdos privilegiados nas diversas atividades na sala, são aquelas que dizem respeito às várias áreas de desenvolvimento, mais propriamente: Área da formação pessoal e social Valorizar a criança, sabendo escutá-la elogiando as suas ações, quando for caso disso; Favorecer a autonomia e autoestima; Dar gradualmente, liberdade de escolha e tomada de decisões; Desenvolver o gosto em participar ativamente no grupo Ajudar a criança a responsabilizar-se nas tarefas que lhe são atribuídas; Àrea de expressão/ comunicação que compreende dois domínios: 1. Domínio das expressões com diferentes vertentes: a) Expressão motora Conhecer as possibilidades do corpo para expressar sentimentos; Desenvolver a flexibilidade e equilíbrio; Desenvolver a motricidade fina; Desenvolver a coordenação motora; Desenvolver a orientação espacial.

6 b) Expressão dramática Fazer representações de situações da vida quotidiana (pentear, comer ); Criar e encenar pequenas histórias; Dramatizar histórias conhecidas; c) Expressão plástica Desenvolver a criatividade e a imaginação; Realizar de trabalhos em grupo para favorecer a socialização; Desenvolver a motricidade fina, utilizando para isso diversos materiais; Desenhar livremente e intencionalmente. d) Expressão Musical Memorizar e reproduzir canções; Distinguir ruídos e silêncio; Distinguir instrumentos musicais pelo som; 2. Domínio da linguagem oral Memorizar e reproduzir rimas, lengalengas, destrava- línguas, e adivinhas, Identificar personagens e protagonistas de um conto; Proporcionar ocasiões de comunicação diferentes: narrar acontecimentos, ou reproduzir, recontar e inventar histórias, etc.

7 3.Abordagem à escrita Conhecer a importância da linguagem escrita como meio de expressão e comunicação; Adquirir a coordenação e as competências necessárias para realizar corretamente os traços prévios ao processo da escrita; Identificar o nome; Reconhecer o nome do colega; 4. Domínio da Matemática Identificar as formas geométricas básicas círculo, triângulo, quadrado e retângulo; Reconhecer e traçar os números de 5 a 10 e associá-los às quantidades respetivas; Estabelecer sequências temporais; Classificar e seriar objetos segundo um critério de tamanho, cor, forma e espessura (blocos lógicos); Conhecer e utilizar os ordinais corretamente para seriar elementos; Saber situar-se no espaço em relação a um ponto de referência; Formar e conhecer o conceito de conjunto: conjunto maior/ conjunto menor/ conjunto vazio; Desenvolver a capacidade de raciocínio; Quantificar conjuntos; Desenvolver a atenção e a memorização; Contagem por ordem crescente e decrescente.

8 3.2.3.Área do conhecimento do mundo Identificar os principais membros da família e o respetivo grau de parentesco, Identificar as estações do ano e respetivas mudanças climáticas; Identificar algumas profissões e associá-las com determinado tipo de vestuário e utensílios; Estabelecer relações entre as características do meio ambiente e dos animais existentes; Sensibilizar para o respeito pela natureza e a proteção do meio ambiente; Reconhecer a importância e a necessidade de viver num ambiente saudável; Sensibilizar para a política dos 3 R s; Fomentar a prática correta da separação seletiva dos resíduos; Fomentar a recolha seletiva na escola; Distinguir os materiais que constituem lixo e respetivas possibilidades de o reduzir, reutilizar e reciclar

9 4. PLANIFICAÇÃO ANUAL SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO DEZEMBRO Regresso à escola; Comemoração do Comemoração do São Atividades de Recordar os algarismos Dia Mundial do Martinho (11) Natal; nº1 a 5; Animal; As profissões; Estação do ano: Estação do ano: Revisões das Identificar e traçar o nº Inverno; Outono; Formas 8 e9; Festa de Natal Grafismos; Geométricas; Identificar e escrever o (16); Dobragens. Blocos Lógicos: nome próprio; A família; tamanho, forma e Grafismos Dobragens; espessura; Ida ao teatro (25) Identificar e traçar o nº6 e7 JANEIRO FEVEREIRO MARÇO ABRIL Dia de Reis (6) Identificar e traçar Contagem por ordem Identificar e A importância da água; o nº10; crescente e decrescente; traçar as vogais Sequencias temporais; Identificar e traçar Identificar e traçar as o e u ; O mundo dos animais: a vogal a ; vogais e e i ; Identificar e onde vivem; O mundo dos animais: Estação do ano: Primavera; escrever o nome Grafismos. o que comem; Dia do Pai; próprio Visita à estufa-fria Comemoração do O mundo dos animais Comemoração da (13) Carnaval (17); (cont.); Páscoa Grafismos; Dobragens de animais; Proteger o Dobragens Visita à quinta Badoka park ambiente: a (30). reciclagem; MAIO JUNHO JULHO AGOSTO Dia da Mãe Dia Mundial da Praia (16 A 27) Férias / Lazer Proteger o ambiente: criança; Cuidados a ter com o mar e a poluição; Proteger o ambiente: o sol na praia Grafismos; Sequências Temporais; Consolidação dos temas. o mar; Estação do ano: Verão.

Projeto Pedagógico. Sala Sabichões

Projeto Pedagógico. Sala Sabichões Projeto Pedagógico Sala Sabichões Ano Letivo 2013-2014 2 Índice 1.Caraterização do Grupo... 3 2.Organização do Espaço e do Tempo... 3 3. Tema e fundamentação teórica do projeto da sala dos Sabichões: ler,

Leia mais

Planificação Anual. Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação. Registo e produções - Confiança

Planificação Anual. Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação. Registo e produções - Confiança Planificação Anual Professor: Gabriela Maria R. D. T. L. C. Silva Disciplina: Ano: préescolar Turma: I Ano letivo: 2014-2015 Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação Facilitar a adaptação

Leia mais

Associação Pomba Da Paz IPSS Espaço Comunitário. Projecto Educativo

Associação Pomba Da Paz IPSS Espaço Comunitário. Projecto Educativo Associação Pomba Da Paz IPSS Espaço Comunitário Projecto Educativo Educadora: Susana Gonçalves Sala Branca Auxiliar: Paula Balanga Ano lectivo: 2006/07 Educadora Susana Gonçalves 1 Na vida, o importante

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES CRECHE

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES CRECHE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES CRECHE 2014/2015 MÊS ATIVIDADES OBJETIVOS INTEVENIENTES - Promover a integração; Dia 1 (segunda-feira) Receção às crianças - Desenvolver atitudes de autoestima e autoconfiança;

Leia mais

Plano Anual de Actividades 2011/2012 Pré-Escolar

Plano Anual de Actividades 2011/2012 Pré-Escolar Plano Anual de Actividades 2011/2012 Pré-Escolar MESES CONTEÚDOS / ACTIVIDADES OBJECTIVOS SETEMBRO Recepção às crianças e às famílias; Elaboração do projeto curricular de sala Elaboração do plano de Desenvolvimento

Leia mais

MESTRADO DE QUALIFICAÇÃO PARA A DOCÊNCIA EM EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR

MESTRADO DE QUALIFICAÇÃO PARA A DOCÊNCIA EM EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR Instituto Superior de Educação e Ciências/Universitas Prática de Ensino Supervisionada I (Educação Pré-Escolar) MESTRADO DE QUALIFICAÇÃO PARA A DOCÊNCIA EM EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR Identificação da Instituição:

Leia mais

CRECHE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2012/2013. Telef: 238490000 Fax: 238490003 Av. Cidade da Covilhã Apto. 52 6290-322 Gouveia - www.abpg.

CRECHE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2012/2013. Telef: 238490000 Fax: 238490003 Av. Cidade da Covilhã Apto. 52 6290-322 Gouveia - www.abpg. CRECHE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2012/2013 Unidade 1 Vamos à escola PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2012/2013 Unidade 2 Uma árvore de Natal muito familiar Mês: Outubro/Novembro/Dezembro Objetivos

Leia mais

ÍNDICE: 1. Introdução. 1. - Caracterização do meio 2. - Caracterização do espaço ATL... 2. - Caracterização do grupo. 3

ÍNDICE: 1. Introdução. 1. - Caracterização do meio 2. - Caracterização do espaço ATL... 2. - Caracterização do grupo. 3 ÍNDICE: 1. Introdução. 1 2. CONTEXTUALIZAÇÃO - Caracterização do meio 2 - Caracterização do espaço ATL... 2 3. Grupo - Caracterização do grupo. 3 - Caracterização da equipa/horário. 3 4. OBJETIVOS: - Objetivos

Leia mais

Anexos I. Objetivos para a Educação Pré-Escolar

Anexos I. Objetivos para a Educação Pré-Escolar Anexos I Objetivos para a Educação Pré-Escolar Domínio da Matemática CONHECI MENTO DO MUNDO FORMAÇÃO PESSOAL E SOCIAL 3 ANOS 1.º PERÍODO Independência/Autonomia Saber o seu nome Conhecer e utilizar o seu

Leia mais

OBJETIVOS DO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013-2014. Promover a participação dos Encarregados de Educação no processo de ensino e aprendizagem dos alunos

OBJETIVOS DO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013-2014. Promover a participação dos Encarregados de Educação no processo de ensino e aprendizagem dos alunos OBJETIVOS DO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013-2014 Promover o sucesso académico Reforçar a organização, coordenação e articulação curricular Promover a participação dos Encarregados de Educação no processo

Leia mais

Plano Anual de Actividades 2011/2012 CRECHE

Plano Anual de Actividades 2011/2012 CRECHE Plano Anual de Actividades 2011/2012 CRECHE 1 Fundamentação Teórica O Plano Anual de Actividades constituiu, em conjunto com o Projecto Educativo e o Regulamento Interno, um dos principais instrumentos

Leia mais

Critérios de Avaliação

Critérios de Avaliação AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PEDRO EANES LOBATO Critérios de Avaliação Educação Pré Escolar Departamento Educação Pré Escolar Ano letivo 2013/2014 A avaliação do processo permite reconhecer a pertinência e sentido

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Santiago do Cacém Plano Anual de Atividades de Animação 2015/2016

Agrupamento de Escolas de Santiago do Cacém Plano Anual de Atividades de Animação 2015/2016 Calendarização / Mês Tema Objetivos Responsáveis pela Atividade Outubro Outono - Desenvolver o gosto pelo saber; Halloween - Valorizar diferentes formas de conhecimento, Dia Mundial da Alimentação comunicação

Leia mais

HORÁRIO DE ATENDIMENTO AOS PAIS. 3ª e 5ª - feira: 8h30-9h00 2ª - feira: 16h00-16h30 EQUIPA PEDAGÓGICA. Diretor Pedagógico Dr.

HORÁRIO DE ATENDIMENTO AOS PAIS. 3ª e 5ª - feira: 8h30-9h00 2ª - feira: 16h00-16h30 EQUIPA PEDAGÓGICA. Diretor Pedagógico Dr. Sala 4 anos HORÁRIO DE ATENDIMENTO AOS PAIS EQUIPA PEDAGÓGICA Diretor Pedagógico Dr. José Romão Coordenadora Pedagógica Daniela Morgado Educadora Titular Vânia Lopes Educação Expressão Físico Motora Marco

Leia mais

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES CRECHE ANO LECTIVO 2014 / 2015 - Tema transversal a trabalhar ao longo do ano: A Magia do Circo DATAS A SALIENTAR

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES CRECHE ANO LECTIVO 2014 / 2015 - Tema transversal a trabalhar ao longo do ano: A Magia do Circo DATAS A SALIENTAR MÊS Setembro TEMA Adaptação das Crianças PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES CRECHE ANO LECTIVO 2014 / 2015 - Tema transversal a trabalhar ao longo do ano: A Magia do Circo DATAS A SALIENTAR ACTIVIDADES PEDAGÓGICAS

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO 2015/2016 CATL

PROJETO PEDAGÓGICO 2015/2016 CATL PROJETO PEDAGÓGICO 2015/2016 CATL A vida é a arte de pintar e sentir a nossa própria história. Somos riscos, rabiscos, traços, curvas e cores que fazem da nossa vida uma verdadeira obra de arte! Autor

Leia mais

Planificação Anual da Sala dos 5anos

Planificação Anual da Sala dos 5anos Nome do Aluno: Janine Colaço Reis Planificação Anual da Sala dos 5anos Calendarizaçã o (mês) Áreas de conteúdo/ Conteúdos Curriculares Competências Situações de aprendizagem/ Estratégias Recursos Humanos/

Leia mais

Resposta Social de Creche

Resposta Social de Creche Plano Anual de Avenida da Quinta da Prata, Edifício 2, 7150-154 Borba Telefone: 268 891 607 Telemóvel: 967 178 675 Fax: 268 891 608 Correio eletrónico: geral@scmborba.pt Facebook: www.facebook.com/scmborba

Leia mais

CONSELHO DE DOCENTES DO PRÉ-ESCOLAR CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

CONSELHO DE DOCENTES DO PRÉ-ESCOLAR CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Agrupamento de Vale de Ovil Escola Básica e Secundária do Vale de Ovil Código 345702 CONSELHO DE DOCENTES DO PRÉ-ESCOLAR CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO A avaliação é qualitativa e contínua com o objectivo de reconhecer

Leia mais

Competências Gerais a Desenvolver no Pré-Escolar

Competências Gerais a Desenvolver no Pré-Escolar Competências Gerais a Desenvolver no Pré-Escolar ÁREA DA FORMAÇÃO PESSOAL E SOCIAL SOCIALIZAÇÃO Desenvolver atitudes procedimentos e conceitos Interiorizar valores espirituais morais e críticos Desenvolver

Leia mais

ANEXO I (DO REGULAMENTO INTERNO DO COLÉGIO BOM JESUS) CRECHE ARTIGO PRIMEIRO. Destinatários

ANEXO I (DO REGULAMENTO INTERNO DO COLÉGIO BOM JESUS) CRECHE ARTIGO PRIMEIRO. Destinatários ANEXO I (DO REGULAMENTO INTERNO DO COLÉGIO BOM JESUS) CRECHE ARTIGO PRIMEIRO Destinatários A idade mínima para a frequência da Creche é de 3 meses de idade. ARTIGO QUARTO Áreas da Creche 1. A valência

Leia mais

Projeto Pedagógico Sala da Alegria. Vamos descobrir os Alimentos

Projeto Pedagógico Sala da Alegria. Vamos descobrir os Alimentos Projeto Pedagógico Sala da Alegria Vamos descobrir os Alimentos Ano letivo 2015-2016 Índice Introdução... 3 2. Caraterização do grupo... 4 3. Organização e Gestão do Tempo... 4 4. Fundamentação do tema...

Leia mais

Jardim de Infância Professor António José Ganhão

Jardim de Infância Professor António José Ganhão Jardim de Infância Professor António José Ganhão Jardim de Infância nº2 ( Brejo ) Jardim de Infância do Centro Escolar de Samora Correia Agrupamento de Escolas de Samora Correia Direcção Executiva Conselho

Leia mais

1. Identificação 2. Contextualização/Caracterização do grupo/justificação da planificação 1

1. Identificação 2. Contextualização/Caracterização do grupo/justificação da planificação 1 1. Identificação Agrupamento de Escolas Zona Urbana de Viseu Nº de crianças e idades abrangidas: 20 (3 aos 6 anos) Ano letivo: 2012/2013 2. Contextualização/Caracterização do grupo/justificação da planificação

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE PAIS DE EIXO. çzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopa

ASSOCIAÇÃO DE PAIS DE EIXO. çzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopa qwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçz xcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbn mqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjkl

Leia mais

Critérios Gerais de Avaliação

Critérios Gerais de Avaliação Critérios Gerais de Avaliação Educação Pré-Escolar 2014/15 CRITÉRIOS GERAIS DE AVALIAÇÃO DO PRÉ-ESCOLAR A avaliação é um elemento integrante e regulador da prática educativa em cada nível de educação e

Leia mais

Plano Anual de Actividades

Plano Anual de Actividades Plano Anual de Actividades (Actividades de Tempos Livres) Jardim de Infância e Escola EB1 da Quinta das Indias Jardim de Infância e Escola EB1 de Alpriate Escola EB1 do Cabo de Vialonga Ano Lectivo 2012/2013

Leia mais

Animação Sénior. Animação

Animação Sénior. Animação Animação Animar-se ou distrair-se é uma necessidade essencial de todos nós, e aquele que se diverte com uma ocupação agradável com o fim de se descontrair física e psicologicamente consegue satisfazer

Leia mais

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2011 INFANTIL IV EDUCAÇÃO INFANTIL

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2011 INFANTIL IV EDUCAÇÃO INFANTIL Colégio Cor Jesu Brasília DF Plano de Curso 2011 INFANTIL IV EDUCAÇÃO INFANTIL Disciplina: NATUREZA e SOCIEDADE Ano: INFANTIL IV Educação Infantil Competências Habilidades a serem desenvolvidas Eixo/Conteúdos

Leia mais

Casa do Povo de Óbidos - Creche e Jardim de Infância Ano lectivo de 2011/2012 1

Casa do Povo de Óbidos - Creche e Jardim de Infância Ano lectivo de 2011/2012 1 PROJECTO DE VALÊNCIA DE CRECHE Ano lectivo de 2011/2012 1 Índice 1-INTRODUÇÃO... 1 2-PRINCÍPIOS GERAIS E OBJECTIVOS PEDAGÓGICOS DA CRECHE... 2 3-ÁREAS DE CONTEÚDO... 4 3.1 - ÁREA DE FORMAÇÃO PESSOAL E

Leia mais

Planificação Curricular Pré-escolar

Planificação Curricular Pré-escolar PLANO ANUAL DE ATIVIDADES Ciclo/ Área/ Disciplina: Pré-escolar Ano Letivo 2012/2013 Área de Formação pessoal e Social Esboço Curricular para a Educação de Infância (segundo as Orientações Curriculares

Leia mais

Implementação das Actividades

Implementação das Actividades Implementação das Actividades Planificação Mensal das Actividades do ATL * (1 de Janeiro a 31 de Dezembro de 2009) Objectivos Actividades Janeiro 2009 Promover a interacção e participação activa do ATL

Leia mais

Projeto Pedagógico C.A.T.L. Sala Campeões

Projeto Pedagógico C.A.T.L. Sala Campeões Projeto Pedagógico C.A.T.L Sala Campeões Ano Letivo 2013-2014 1 Índice 1-Introdução... 3 2- Caraterização do grupo... 5 3-Organização e Gestão do Tempo... 6 4- Fundamentação teórica... 6 5- Competências

Leia mais

Sala: 4 anos (2) Educadora: Luísa Almeida

Sala: 4 anos (2) Educadora: Luísa Almeida Sala: 4 anos (2) Educadora: Luísa Almeida SETEMBRO Regresso à escola/adaptação Facilitar a adaptação/readaptação ao jardim de infância Negociar e elaborar a lista de regras de convivência Diálogo sobre

Leia mais

Projeto Pedagógico. Sala Curiosos

Projeto Pedagógico. Sala Curiosos Projeto Pedagógico Sala Curiosos Ano Letivo 2013-2014 2 PROJETO PEDAGÓGICO SALA DOS CURIOSOS 2013/ 2014 Índice 1- Introdução 2- Caracterização do Grupo 3.- Caracterização da Faixa Etária 4- Fundamentação

Leia mais

PRÉ-ESCOLAR. critérios de avaliação 2015/2016

PRÉ-ESCOLAR. critérios de avaliação 2015/2016 PRÉ-ESCOLAR critérios de avaliação 2015/2016 Aprovado em Conselho Pedagógico a 1 de Setembro de 2015 Índice I. Introdução / Enquadramento Normativo. 2 II. Finalidades.. 3 III. Princípios. 4 IV. Processo

Leia mais

INFORMATIVO 2015 GRUPO

INFORMATIVO 2015 GRUPO INFORMATIVO 2015 GRUPO 5 Considerar a criança como sujeito é levar em conta, nas relações que com ela estabelecemos, que ela tem desejos, ideias, opiniões, capacidade de decidir, de criar, e de inventar,

Leia mais

PROJECTO PEDAGÓGICO O PLANETA TERRA. Ano Lectivo 2010/2011 COLÉGIO DA QUINTA INGLESA

PROJECTO PEDAGÓGICO O PLANETA TERRA. Ano Lectivo 2010/2011 COLÉGIO DA QUINTA INGLESA PROJECTO PEDAGÓGICO O PLANETA TERRA Ano Lectivo 2010/2011 COLÉGIO DA QUINTA INGLESA [ PROJECTO PEDAGÓGICO] 2010/2011 PROJECTO PEDAGÓGICO Levantamento Teórico Este projecto foi concebido para alargar os

Leia mais

EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS. Linguagem Oral e Escrita. Matemática OBJETIVOS E CONTEÚDOS

EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS. Linguagem Oral e Escrita. Matemática OBJETIVOS E CONTEÚDOS EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS Conhecimento do Mundo Formação Pessoal e Social Movimento Linguagem Oral e Escrita Identidade e Autonomia Música Natureza e Sociedade Artes Visuais Matemática OBJETIVOS

Leia mais

Estratégias a utilizar

Estratégias a utilizar Introdução Ao olharmos à nossa volta e ao estarmos atentos à informação que nos chega diariamente através dos vários órgãos de comunicação social, chegamos à triste conclusão que a vida no planeta Terra

Leia mais

Cooperativa de Ensino A Colmeia. Projeto Curricular de Escola

Cooperativa de Ensino A Colmeia. Projeto Curricular de Escola Cooperativa de Ensino A Colmeia Projeto Curricular de Escola TRIÉNIO 2010-2013 É preciso que toda a sociedade se consciencialize que ambiente é o conjunto de tudo o que envolve o Homem, incluindo o próprio

Leia mais

DATA TEMA OBJETIVOS ATIVIDADES RECURSOS

DATA TEMA OBJETIVOS ATIVIDADES RECURSOS PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014/2015 (Resposta Social de Creche) DATA TEMA OBJETIVOS ATIVIDADES RECURSOS Setembro Integração/adaptação das Crianças Reunião de Pais 24/09/2014 Outono - Promover a integração

Leia mais

ESTRUTURA E ORGANIZAÇÃO DA ESCOLA DE

ESTRUTURA E ORGANIZAÇÃO DA ESCOLA DE Unidade II ESTRUTURA E ORGANIZAÇÃO DA ESCOLA DE EDUCAÇÃO INFANTIL Profa. Ana Lucia M. Gasbarro A formação pessoal e social da criança, áreas de conhecimento e desenvolvimento da criança Introdução A importância

Leia mais

Metas de Aprendizagem Pré-escolar Expressões. Introdução

Metas de Aprendizagem Pré-escolar Expressões. Introdução Metas de Aprendizagem Pré-escolar Expressões Introdução A apresentação das metas para as Expressões baseia-se nas Orientações Curriculares para a Educação Pré-Escolar integrando, as Expressões Motora.

Leia mais

Sala: CATL Professora: Elisabete Oliveira Animadora: Cristiana Almeida

Sala: CATL Professora: Elisabete Oliveira Animadora: Cristiana Almeida Sala: CATL Professora: Elisabete Oliveira Animadora: Cristiana Almeida 1 SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO A minha Escola Segurança Infantil Outono Dia das bruxas Dia de S. Martinho Vindimas Conhecer os diferentes

Leia mais

EB1/JI DO FEIJÓ N.º 1 EB1/JI DE VALE FLORES

EB1/JI DO FEIJÓ N.º 1 EB1/JI DE VALE FLORES AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ROMEU CORREIA EB1/JI DO FEIJÓ N.º 1 EB1/JI DE VALE FLORES EDUCAÇÃO PRÉ - ESCOLAR Ano Letivo: 2012-2013 Plano Curricular Simplificado Áreas de Conteúdo FORMAÇÃO PESSOAL E SOCIAL Domínio

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES Ano lectivo 2014/2015 EBI João Gonçalves Zarco

PROJETO PEDAGÓGICO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES Ano lectivo 2014/2015 EBI João Gonçalves Zarco PROJETO PEDAGÓGICO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES Ano lectivo 2014/2015 EBI João Gonçalves Zarco Objectivos pedagógicos e gerais do projecto VITAMINA: Proporcionar um espaço onde as famílias, por razões profissionais

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DO PRÉ-ESCOLAR 2015/2016

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DO PRÉ-ESCOLAR 2015/2016 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DO PRÉ-ESCOLAR 2015/2016 Critérios de Avaliação da Educação Pré-Escolar Página 1 Introdução O princípio consensualmente partilhado de que a avaliação é um elemento integrante e regulador

Leia mais

19 de Março Dia do Pai Dedoches uma família à maneira e jogos História de encantar e Sessão de magia Teatro ser mãe e pai não é fácil!

19 de Março Dia do Pai Dedoches uma família à maneira e jogos História de encantar e Sessão de magia Teatro ser mãe e pai não é fácil! Propostas de Atividades coletividades Alhos Vedros/Moita Dia e mês Dia comemorativo Actividade Proposta 6 de Janeiro Dia de Reis Fantoches os animais e o Circo e o jogo dos sons dos animais Fantoches de

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2015/2016 1 1. Introdução O Plano Anual de Atividades é um documento de planeamento, que define, em função do projeto educativo, os objetivos, as formas de e de programação das

Leia mais

INTRODUÇÃO. O Projeto Educativo representa a base e enquadramento de toda a atividade educativa da Creche.

INTRODUÇÃO. O Projeto Educativo representa a base e enquadramento de toda a atividade educativa da Creche. INTRODUÇÃO O Projeto Educativo representa a base e enquadramento de toda a atividade educativa da Creche. É, na sua especificidade, o instrumento base de referência permanente ao qual todo o sistema educativo

Leia mais

Arte e solidariedade aos olhos das crianças

Arte e solidariedade aos olhos das crianças Junta de Freguesia de Santa Maria dos Olivais Plano de Atividades Componente de Apoio à Família 2012/2013 Arte e solidariedade aos olhos das crianças Se a criança não receber a devida atenção, em geral,

Leia mais

Centro Educacional Mundo do Saber. Turma: Jardim 1 A. Professora: Lucia Helena Schmoeller. Projeto: Turma dos Smurfs.

Centro Educacional Mundo do Saber. Turma: Jardim 1 A. Professora: Lucia Helena Schmoeller. Projeto: Turma dos Smurfs. Centro Educacional Mundo do Saber Turma: Jardim 1 A Professora: Lucia Helena Schmoeller Projeto: Turma dos Smurfs Justificativa Em uma vila em encantada moram duendes azuis que se chamam smurfs que completa

Leia mais

Todas as atividades que seu(sua) filho(a) realiza na escola, em todas as áreas de conhecimento, estão relacionadas aos objetivos de aprendizagem.

Todas as atividades que seu(sua) filho(a) realiza na escola, em todas as áreas de conhecimento, estão relacionadas aos objetivos de aprendizagem. Brasília, 24 de fevereiro de 2014. Senhores Pais e/ou Responsáveis, Neste documento, listamos os conteúdos e objetivos referentes às aprendizagens pretendidas para os alunos do Maternal II, durante o 1º

Leia mais

REDE DE EDUCAÇÃO SMIC COLÉGIO SANTA CLARA SANTARÉM-PARÁ RESUMO DOS PROJETOS

REDE DE EDUCAÇÃO SMIC COLÉGIO SANTA CLARA SANTARÉM-PARÁ RESUMO DOS PROJETOS REDE DE EDUCAÇÃO SMIC COLÉGIO SANTA CLARA SANTARÉM-PARÁ RESUMO DOS PROJETOS PROJETO SEMEANDO VIDAS: PLANTAS QUE ALIMENTAM BABY CLASS A e B Cristiane Repolho dos Santos¹ Talita Rocha de Aguiar² A escola

Leia mais

Casa do Povo de Porto Judeu Instituição Particular de Solidariedade Social Contribuinte n.º 512 007 136

Casa do Povo de Porto Judeu Instituição Particular de Solidariedade Social Contribuinte n.º 512 007 136 Contribuinte n.º 512 007 136 PLANO DE ACTIVIDADES ANO DE 2009 I INTRODUÇÃO A Casa do Povo de Porto Judeu, como instituição de solidariedade social, e com algum peso no desenvolvimento desta freguesia no

Leia mais

Departamento das Educação Pré-escolar

Departamento das Educação Pré-escolar Departamento das Educação Pré-escolar A melhoria da qualidade das aprendizagens, a avaliação implica, no quadro da relação entre o jardim-de-infância, a família e a escola, uma construção partilhada que

Leia mais

2 Critérios globais de avaliação a critérios de avaliação das crianças com N.E.E. Anexo I Critérios de avaliação das crianças de 3, 4 e 5 anos

2 Critérios globais de avaliação a critérios de avaliação das crianças com N.E.E. Anexo I Critérios de avaliação das crianças de 3, 4 e 5 anos INDÍCE 1 Introdução 2 Critérios globais de avaliação a critérios de avaliação das crianças com N.E.E 3 Modalidades da avaliação a Avaliação formativa b Avaliação diagnóstica 4 Instrumentos de avaliação

Leia mais

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores A PROPOSTA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL: OBSERVAÇÃO PARTICIPATIVA NO ESTÁGIO Monica Isabel

Leia mais

BLOCOS CONTEÚDOS OBJETIVOS ATIVIDADES

BLOCOS CONTEÚDOS OBJETIVOS ATIVIDADES 1.º PERÍODO PLANIFICAÇÃO DA ATIVIDADE DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR BLOCOS CONTEÚDOS OBJETIVOS ATIVIDADES. Reconhecimento da importância das artes plásticas;. Desenvolvimento progressivo das possibilidades

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANUAL EDUCAÇÃO INFANTIL INFANTIL III - 2012 OBJETIVOS - CRIANÇAS DE TRÊS ANOS

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANUAL EDUCAÇÃO INFANTIL INFANTIL III - 2012 OBJETIVOS - CRIANÇAS DE TRÊS ANOS CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANUAL EDUCAÇÃO INFANTIL INFANTIL III - 2012 OBJETIVOS - CRIANÇAS DE TRÊS ANOS De acordo com o PCN e o Referencial Curricular da Educação Infantil, a instituição deve criar um ambiente

Leia mais

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2011. Educação Infantil III

Colégio Cor Jesu Brasília DF. Plano de Curso 2011. Educação Infantil III Colégio Cor Jesu Brasília DF Plano de Curso 2011 Educação Infantil III Área de conhecimento: Linguagem Série: Infantil III Educação Infantil Competências Habilidades a serem desenvolvidas Eixo/Conteúdos

Leia mais

Plano Anual de Atividades 2013/ 2014. - Receção e entrega de lembranças às. - Proporcionar momentos de alegria e Educadoras (S.A.

Plano Anual de Atividades 2013/ 2014. - Receção e entrega de lembranças às. - Proporcionar momentos de alegria e Educadoras (S.A. Data em que se realiza Setor/ Departamento Atividades Objetivos Específicos Responsáveis 2 de setembro - Receção e entrega de lembranças às - Fomentar a adaptação das crianças e Ajudantes crianças; na

Leia mais

Palavras Soltas. Projeto Pedagógico 2014/2015. Equipa Educativa:

Palavras Soltas. Projeto Pedagógico 2014/2015. Equipa Educativa: Palavras Soltas Equipa Educativa: Ana Maria Lopes; Ana Paula Neves; Daniela Bonito; Sandra Silva; Tathiana Germano; Teresa Ouro Índice Palavras Soltas 2 14 pág. Introdução... 5 I. Justificativa/ Tema...

Leia mais

Metas de Aprendizagem 1.º Ciclo Expressões Artísticas. Introdução

Metas de Aprendizagem 1.º Ciclo Expressões Artísticas. Introdução Metas de Aprendizagem 1.º Ciclo Expressões Artísticas Introdução A Educação Artística no Ensino Básico desenvolve-se em quatro grandes áreas (Expressão Plástica e Educação Visual; Expressão e Educação

Leia mais

Atividades do Projeto Educação para a Saúde

Atividades do Projeto Educação para a Saúde Atividades do Projeto Educação para a Saúde A Organização Mundial de Saúde (OMS) considera que a saúde é um estado de completo bem-estar físico, mental e social, não consistindo somente numa ausência de

Leia mais

Plano Anual de Atividades

Plano Anual de Atividades Plano Anual de Atividades A Casinha Brincalhona, Creche Lda Urb. Pisolar, LT 31, Alto do Pacheco 8500 Portimão www.acasinhabrincalhona.com Educadora Ângela Soares Educadora Rita Almeida 2015/2016 Plano

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014 2015 GRUPO: 110 1.º Ciclo

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014 2015 GRUPO: 110 1.º Ciclo ATIVIDADE Recepção aos alunos do 1ºano CALENDARIZAÇÃO Promover uma boa integração na escola, explicando e mostrando, ao pormenor, as instalações e a dinâmica da escola. 1º ano ATIVIDADE Receção aos alunos

Leia mais

Santa Casa da Misericórdia de Cadaval. Projeto Pedagógico Sala das Formiguinhas

Santa Casa da Misericórdia de Cadaval. Projeto Pedagógico Sala das Formiguinhas Santa Casa da Misericórdia de Cadaval Projeto Pedagógico Sala das Formiguinhas Ano lectivo 2012/2013 Índice Projeto Pedagógico 1. Metodologia do projecto pedagógico 1.1 Contextualização do Projeto Pedagógico-------------------------------------------------------------------------2

Leia mais

Projeto Educativo. Creche Humanus C.A.M. Resposta Social Creche D O C. 0 0 3. 0 2. C R E. Página 1 de 11. Funcionamento com apoio:

Projeto Educativo. Creche Humanus C.A.M. Resposta Social Creche D O C. 0 0 3. 0 2. C R E. Página 1 de 11. Funcionamento com apoio: Projeto Educativo Creche Humanus C.A.M. 1 de 11 Índice Introdução... 3 Quem somos?...3 As Dimensões do Projeto Educativo Dimensão Global da Criança.. 5 Dimensão Individual.... 6 Dimensão das Aquisições..

Leia mais

Metodologias de intervenção:

Metodologias de intervenção: Metodologias de intervenção: Algumas estratégias de intervenção Na intervenção directa com as crianças tenta-se reflectir o clima institucional da Casa da Praia. A dinâmica do funcionamento em Equipa,

Leia mais

COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA JARDIM DE INFÂNCIA Nº1 PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2014/2015 PROJETO: CHUVA DE CORES

COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA JARDIM DE INFÂNCIA Nº1 PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2014/2015 PROJETO: CHUVA DE CORES COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA JARDIM DE INFÂNCIA Nº1 PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2014/2015 PROJETO: CHUVA DE CORES INTRODUÇÃO «Será a emergência do sentido e conteúdo curricular

Leia mais

Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias

Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias Índice 1. Objetivos gerais:... 4 2. Objetivos específicos:... 5 3. Estratégias Educativas e Pedagógicas... 6 4. Atividades Sócio-Educativas... 7 5. Propostas

Leia mais

Departamento da Educação Pré-Escolar/1.º Ciclo. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Pré-Escolar

Departamento da Educação Pré-Escolar/1.º Ciclo. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Pré-Escolar MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SANTA BÁRBARA Departamento Pré-Escolar/1º Ciclo 151 956 Departamento da Educação Pré-Escolar/1.º Ciclo CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO Pré-Escolar Área

Leia mais

Pré-Escola 4 e 5 anos

Pré-Escola 4 e 5 anos PREFEITURA MUNICIPAL DE SALVADOR Secretaria Municipal da Educação e Cultura SMEC DIÁRIO DE CLASSE Educação Infantil Pré-Escola 4 e 5 anos DIÁRIO DE CLASSE ESCOLA: CRE: ATO DE CRIAÇÃO DIÁRIO OFICIAL / /

Leia mais

Gestão de Unidades Curriculares. Departamento Educação Pré-Escolar

Gestão de Unidades Curriculares. Departamento Educação Pré-Escolar Gestão de Unidades Curriculares Departamento Educação Pré-Escolar 2015/2016 Plano Curricular Anual / Projeto Pedagógico de Sala 1ª FASE O MEU CORPO E A MINHA IDENTIDADE Promover o conhecimento do seu corpo

Leia mais

EDUCAÇÃO INFANTIL. PRÉ I Professoras Caroline e Ana Lucia Habilidades vivenciadas no 2º bimestre 2011

EDUCAÇÃO INFANTIL. PRÉ I Professoras Caroline e Ana Lucia Habilidades vivenciadas no 2º bimestre 2011 EDUCAÇÃO INFANTIL Prezados Pais e/ou Responsáveis, Estamos vivenciando o segundo bimestre letivo e o processo de aprendizagem representa pra nós, motivo de alegria e conquistas diárias. Confiram as habilidades

Leia mais

ENSINO ESPECIAL PLANO PEDAGÓGICO

ENSINO ESPECIAL PLANO PEDAGÓGICO INTRODUÇÃO O nosso Projeto de classes de Ensino Especial com Educadoras, Professores e Técnicos especializados para crianças com NEES, é um projecto de integração dessas crianças no dia-a-dia da comunidade

Leia mais

PROJETO CURRICULAR DE ESCOLA

PROJETO CURRICULAR DE ESCOLA PROJETO CURRICULAR DE ESCOLA ANO LETIVO 2015/ 2016 1 Índice Introdução... 3 Definindo Projeto Curricular de Jardim de Infância... 4 Projeto Curricular de Jardim de Infância MENINO DO MUNDO Intencionalidades...

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES Ano lectivo 2014/2015 JI Roberto Ivens

PROJETO PEDAGÓGICO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES Ano lectivo 2014/2015 JI Roberto Ivens PROJETO PEDAGÓGICO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES Ano lectivo 2014/2015 JI Roberto Ivens Objectivos pedagógicos e gerais do projecto VITAMINA: Assegurar o acompanhamento das na educação pré-escolar depois do

Leia mais

Plano Anual de Atividades 2014/2015

Plano Anual de Atividades 2014/2015 Mãos na Massa Plano Anual de Atividades 2014/2015 Equipa pedagógica do Centro de Educação de Infância Casa da Cruz Introdução O Plano Anual de Atividades é um documento orientador de uma dinâmica comum

Leia mais

Projecto Educativo de Estabelecimento. Triénio de 2010-2013

Projecto Educativo de Estabelecimento. Triénio de 2010-2013 Projecto Educativo de Estabelecimento Triénio de 2010-2013 Creche Mundo Infantil Queremos que juntos, Equipa Educativa, Crianças e Familias, possamos proporcionar boas experiencias e aprendizagens. Só

Leia mais

EDUCAÇÃO INFANTIL GRUPO 4

EDUCAÇÃO INFANTIL GRUPO 4 EDUCAÇÃO INFANTIL GRUPO 4 1º VOLUME ARTES VISUAIS O FAZER ARTÍSTICO Criação de desenhos, pinturas e colagens, com base em seu próprio repertório. Exploração das possibilidades oferecidas por diferentes

Leia mais

Externato Cantinho Escolar. Plano Anual de Atividades

Externato Cantinho Escolar. Plano Anual de Atividades Externato Cantinho Escolar Plano Anual de Atividades Ano letivo 2014 / 2015 Pré-escolar e 1º Ciclo Ação Local Objetivos Atividades Materiais Recursos Humanos Receção dos Fomentar a integração da criança

Leia mais

Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias 2015

Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias 2015 Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias 2015 Índice 1. Objetivos gerais:... 4 2. Objetivos específicos:... 5 3. Estratégias Educativas e Pedagógicas... 6 4. Atividades Sócio-Educativas... 7

Leia mais

PROJETO RECICLAGEM. 1. Tema: Reciclar é bom, Reutilizar é melhor e Reduzir é melhor ainda. Área de abrangência: 2. Duração: 01 /03 a 31/03

PROJETO RECICLAGEM. 1. Tema: Reciclar é bom, Reutilizar é melhor e Reduzir é melhor ainda. Área de abrangência: 2. Duração: 01 /03 a 31/03 PROJETO RECICLAGEM 1. Tema: Reciclar é bom, Reutilizar é melhor e Reduzir é melhor ainda. Área de abrangência: (x) Movimento (x) Musicalização (x) Artes Visuais (x) Linguagem Oral e Escrita (x) Natureza

Leia mais

DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110. Planificação Anual / Critérios de avaliação. Disciplina: Estudo do Meio 2.º ano 2015/2016

DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110. Planificação Anual / Critérios de avaliação. Disciplina: Estudo do Meio 2.º ano 2015/2016 DEPARTAMENTO DE 1º Ciclo - Grupo 110 Planificação Anual / Critérios de avaliação Disciplina: Estudo do Meio 2.º ano 2015/2016 Domínio (Unidade/ tema) Subdomínio/Conteúdos Metas de Aprendizagem Estratégias/

Leia mais

PROJETO ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

PROJETO ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL PROJETO ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL 1. Tema: Boa alimentação Área de abrangência: (x) Movimento (x) Musicalização (x) Artes Visuais (x) Linguagem Oral e Escrita (x) Natureza e Sociedade (x) Matemática 2. Duração:

Leia mais

Pré-Projeto de Educação Ambiental

Pré-Projeto de Educação Ambiental Pré-Projeto de Educação Ambiental Vamos Descobrir e Valorizar o Alvão Ano 2014/15 Centro de Informação e Interpretação Lugar do Barrio 4880-164 Mondim de Basto Telefone: 255 381 2009 ou 255 389 250 1 Descobrir

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013/2014 ÍNDICE I INTRODUÇÃO... 1 II CALENDÁRIO ESCOLAR... 2 III ÁREAS DE INTERVENÇÃO... 3 1 PLANEAMENTO E ORGANIZAÇÃO ESCOLAR... 3 1.1- PREPARAÇÃO DO ANO ESCOLAR... 3 1.2 ABERTURA

Leia mais

AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS DE FRAGOSO

AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS DE FRAGOSO (A PREENCHER PELA COMISSÃO DO PAA) Atividade Nº AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS DE FRAGOSO Clube de adrez Professor Responsável Carlos Magalhães Ano letivo 2014/2015 Índice 1. Introdução 3 2. Objetivos

Leia mais

Sala: 3 meses aos 12 meses (Berçário 1 e 2) Educadora: Rita Gomes

Sala: 3 meses aos 12 meses (Berçário 1 e 2) Educadora: Rita Gomes Sala: 3 meses aos 12 meses (Berçário 1 e 2) Educadora: Rita Gomes SETEMBRO Adaptação A escola e o grupo Outono Observar o meio envolvente Adaptar-se ao espaço e ao grupo Explorar o meio envolvente Criar

Leia mais

Desenvolver as capacidades musicais e teatrais. Estimular as relações de pertença a um grupo.

Desenvolver as capacidades musicais e teatrais. Estimular as relações de pertença a um grupo. Promover uma tradição natalícia. Janeiro 6 Sexta-feira Dia de Reis Desenvolver as capacidades musicais e teatrais. Estimular as relações de pertença a um grupo. Fazer uma coroa de Rei com material reciclado

Leia mais

Critérios de Avaliação

Critérios de Avaliação DEPARTAMENTO DA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR Critérios de Avaliação Avaliação na Educação Pré-Escolar Princípios Orientadores De acordo com as recomendações da DGIDC, a avaliação é um elemento integrante e regulador

Leia mais

COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA PRÉ-ESCOLAR PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES PROJETO: CHUVA DE CORES

COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA PRÉ-ESCOLAR PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES PROJETO: CHUVA DE CORES COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA PRÉ-ESCOLAR PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES PROJETO: CHUVA DE CORES INTRODUÇÃO «Será a emergência do sentido e conteúdo curricular que permitirá distinguir e recriar

Leia mais

Nome do Aluno: Maria de Fátima Rodrigues Ferreira Data: 21/03/2012. Planificação Diária. Projectos /Temáticas: Primavera

Nome do Aluno: Maria de Fátima Rodrigues Ferreira Data: 21/03/2012. Planificação Diária. Projectos /Temáticas: Primavera Nome do Aluno: Maria de Fátima Rodrigues Ferreira Data: 21/03/2012 Planificação Diária Projectos /Temáticas: Primavera Tempo Áreas de Conteúdos e conteúdos específicos 9:00 Formação Pessoal e Social. Domínio

Leia mais

Sala: 3 anos (1) Educadora: Isabel Ferreira

Sala: 3 anos (1) Educadora: Isabel Ferreira Sala: 3 anos (1) Educadora: Isabel Ferreira SETEMBRO A Escola as Cores (cont.) Estabelecer relações com os outros e conhecer as regras e os comportamentos sociais na sala; Utilizar de forma adequada os

Leia mais

Projeto Curricular de Sala (resumido)

Projeto Curricular de Sala (resumido) Projeto Curricular de Sala (resumido) Sala Azul Jardim-de-Infância 3/4anos Educadora de Infância: Ana Patrícia Fitas Ano letivo: O Projeto Curricular da Sala Azul para o ano letivo de 2013-2014 encontra-se

Leia mais

20 Anos de Tradição Carinho, Amor e Educação.

20 Anos de Tradição Carinho, Amor e Educação. Colégio Tutto Amore Colégio Sapience Carinho, Amor e Educação. Trabalhamos com meio-período e integral em todos os níveis de ensino. www.tuttoamore.com.br Nossa História No ano de 1993 deu-se o ponto de

Leia mais

Atividade Pedagógica Teatro de fantoches. Junho 2013

Atividade Pedagógica Teatro de fantoches. Junho 2013 Atividade Pedagógica Teatro de fantoches Junho 2013 III D Teatro de fantoches A criança que ainda não sabe ler convencionalmente pode fazê-lo por meio da escuta da leitura do professor, ainda que não possa

Leia mais