TERMO DE REFERÊNCIA CÓDIGO: TR/CGSI/008/2008

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TERMO DE REFERÊNCIA CÓDIGO: TR/CGSI/008/2008"

Transcrição

1 Classificação do Documento: Público TERMO DE REFERÊNCIA CÓDIGO: TR//008/2008 Solução de Sistema de Gestão de Identidades e Acessos Sub-Plano: Segurança da Informação Presidência Emissor: PR / Versão: 1.4 Aprovação Motivada: Considerando que o elaborado se apresenta de forma conveniente e oportuna para atender a demanda exposta na RQ 008/2008, aprovo este Termo. Os elementos para que as empresas especifiquem seus preços estão neste Termo de Referência e o valor da estimativa será incluído oportunamente no processo, após pesquisa ao mercado pela área competente. Assinatura : Norton Evers Coordenador Geral de Segurança de Informações

2 Equipe Técnica Data: 30/10/2012 Nome Matrícula Lotação Norton Evers PR/ Joel Correa DIT Ridai Govinda Pombo PR//COSS Controle do Documento Registro de Alteração Revisão Data de Emissão Descrição (lista de páginas alteradas e razões para alteração) /09/2012 Pequenas correções /10/2012 Adequações para iniciar cronograma de consulta pública /10/2012 Inserção da especificação técnica como anexo ao fim do documento e correção da gestão /10/2012 Alterações finais para publicação e liberação de edital.

3 ÍNDICE 1. OBJETO ENTREGA / INSTALAÇÃO Dos Locais de Entrega: Do Prazo de Entrega, Instalação e Aceite GARANTIA NÍVEIS DE SERVIÇO CONSIDERAÇÕES GERAIS CLÁUSULAS DE CONFIDENCIALIDADE CAPACITAÇÃO TÉCNICA DA DATAPREV ORIENTAÇÃO TÉCNICA CAPACITAÇÃO INICIAL FATURAMENTO PAGAMENTO GARANTIA PENALIDADES UNIDADE GESTORA DO CONTRATO PLANILHA DE ORÇAMENTO HABILITAÇÃO ANEXOS...13 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DO OBJETO /21

4 1. OBJETO Aquisição de um Sistema de Gestão de Identidades e Acessos - SGIA para estabelecer e gerir os papéis e os privilégios de acessos individuais aos ativos hospedados na Dataprev, além de permitir a rastreabilidade de tais acessos. 2. ENTREGA / INSTALAÇÃO 2.1. Dos Locais de Entrega: Rua Cosme Velho, nº 06 Cosme Velho Rio de Janeiro - RJ CEP CPRJ (1 unidade) Rua Dr. Manoel Vitorino, 343, Brás, São Paulo SP CEP CPSP (1 unidade) SAS Quadra 01, Blocos E, CPDF - Brasília - DF CEP CPDF(1 unidade) 2.2. Do Prazo de Entrega, Instalação e Aceite A solução deverá ser entregue em até 45 (quarenta e cinco) dias corridos a contar da data da assinatura do contrato. O recebimento provisório do Sistema de Gestão de Identidades e Acessos SGIA, dar-se-á no prazo de até 2 (dois) dias úteis contados do recebimento dos produtos em embalagens originais do fabricante, com caixa lacrada, de forma a resistir à armazenagem e permitir a completa segurança durante o transporte. A instalação será realizada pelo fornecedor, com o acompanhamento da DATAPREV, compreendendo as configurações, parametrizações, instalações físicas e lógicas, ativação e aceitação de todos os componentes e funcionalidades e a integração do equipamento com o ambiente da DATAPREV, no prazo de até 10 (dez) dias corridos, após o recebimento provisório dos equipamentos. O aceite será dado após o término da instalação, mediante os testes de funcionalidade dos equipamentos em ambiente de produção, no prazo de até 10 (dez) dias corridos. 3. GARANTIA O prazo de garantia dos equipamentos deverá ser de 36 (vinte e quatro) meses, contados a partir da data de instalação da solução. 4/21

5 4. NÍVEIS DE SERVIÇO O serviço de atendimento do fornecedor às chamadas efetuadas pela DATAPREV, deverá estar disponível por 24 (vinte e quatro) horas, 7 (sete) dias por semana (incluindo finais de semana e feriados), para suporte do tipo "Help Desk", com prazo de solução em até 4 (quatro) horas, a partir do chamado da DATAPREV e disponibilidade de deslocamento físico de técnicos de suporte do fornecedor, em caso de necessidade crítica que justifique o atendimento nas instalações da DATAPREV. O fornecedor deverá também disponibilizar como meio de contato, além dos telefones do Help Desk, o endereço de de suporte, fax e página Web. O acesso à base de conhecimento (banco de dados de suporte) deverá estar acessível pela Internet. O fornecedor deverá prover os serviços de Suporte e manutenção com profissionais certificados no produto ofertado, capacitados a proceder a análise, diagnóstico e resolução de problemas de configuração, de parametrização, de gerência e segurança, operação, integração, interoperabilidade e compatibilidade entre os equipamentos, além do apoio na implementação e aplicação de novas funcionalidades ou de novas versões que sejam lançadas durante a vigência da garantia dos produtos fornecidos. Em caso de impossibilidade de solução definitiva, ou de contorno de eventual problema dentro dos prazos estabelecidos, a contratada deverá, ainda dentro destes prazos, justificar o fato por meio de relatório, estabelecendo previsão de novo prazo para solução, contendo o histórico, de maior abrangência possível, das atividades desenvolvidas desde a abertura do respectivo chamado. Após avaliação desta justificativa, a DATAPREV decidirá sobre a sua aceitação, estabelecendo, se aceito, a periodicidade da emissão de pareceres ou laudos posteriores, até o fechamento final do atendimento. 5. CONSIDERAÇÕES GERAIS Obrigações do Fornecedor Realizar testes de funcionalidade, visando identificar problemas de interoperabilidade e incompatibilidade com o ambiente instalado. Descrever os procedimentos necessários à implantação da solução. Prestar serviços de suporte técnico, envolvendo as atividades de orientação na utilização, acompanhamento pós-instalação, orientação e execução do planejamento de migração, alteração ou integração das versões das soluções de comunicação e da infraestrutura necessária para sua execução, bem como suporte e manutenção dos equipamentos. Utilizar o centro técnico do fabricante da solução, na eventualidade de que seja necessária a reprodução de falhas ou problemas. 5/21

6 Fornecer, sem ônus para a DATAPREV, novas versões de atualização de software, bem como a correção de falhas de software, com substituição de componentes. Possuir estrutura de acionamento escalonado via profissional credenciado junto ao fabricante da solução ofertada. O fornecedor deverá nomear um Gerente de Projetos responsável pela implantação do software na DATAPREV. O fornecedor será responsável pelo pagamento das despesas de custeio do deslocamento do técnico ao local de instalação, bem como por todas as despesas de transporte, diárias, seguro ou quaisquer outros custos envolvidos na implantação da solução contratada. O fornecedor será responsável pelo custeio do deslocamento do profissional ao local da prestação de serviço de suporte e manutenção, bem como por todas as despesas de transporte, diárias, frete, seguro ou quaisquer outros custos envolvidos nos atendimentos das chamadas técnicas. 6. CLÁUSULAS DE CONFIDENCIALIDADE O fornecedor e seus técnicos comprometem-se a respeitar a Política de Segurança adotada pela Previdência Social/DATAPREV. O fornecedor e seus técnicos comprometem-se a manter em caráter confidencial, mesmo após a eventual rescisão do contrato, as informações obtidas e/ou registradas, mediante a assinatura de Termo de Confidencialidade específico, dentre as quais: As configurações de software decorrentes do processo de implantação do Sistema; O processo de instalação, configuração e customizações de produtos e ferramentas e atendimento aos itens de segurança, constantes do Edital de licitação; O processo de implantação, no ambiente da DATAPREV, de mecanismos de criptografia e autenticação adotados na solução; As recomendações e implementações decorrentes do processo de consultoria; Quaisquer dados que o fornecedor venha a ter conhecimento em decorrência da presente contratação, pertinentes a serviços e sistemas aplicativos da DATAPREV, cujo conhecimento por terceiros exponha o ambiente a riscos de invasão ou resulte na vulnerabilidade do mesmo; 6/21

7 O fornecedor obriga-se a tomar as providências necessárias para assegurar que as informações confidenciais não sejam divulgadas por seus empregados ou agentes. A não observância de quaisquer das disposições de confidencialidade, estabelecidas neste instrumento, sujeitará a parte infratora, como também o agente causador ou facilitador, por ação ou omissão, ao pagamento ou recomposição de todas as perdas e danos sofridos e estimados pela outra parte, inclusive as de ordem moral ou concorrencial, além das responsabilidades civil e criminal, as quais serão respectivamente apuradas em regular processo judicial ou administrativo. 7. CAPACITAÇÃO TÉCNICA DA DATAPREV O fornecedor deverá prover a capacitação técnica de 40 profissionais, na localidade da DATAPREV CPRJ, DATAPREV CPDF e DATAPREV - CPSP, na operação, configuração, parametrização e funcionalidades da solução Integrada do Sistema de Gestão de Identidades e Acessos contratado, com carga horária mínima de 40 (quarenta) horas, sem ônus para a DATAPREV, incluindo todo o material necessário à execução da referida capacitação; A capacitação técnica deverá ser ofertada por meio de profissionais certificados e credenciados pelo fabricante ou empresa credenciada para tal finalidade; A DATAPREV reserva-se o direito de efetuar diligências para comprovação dos itens especificados. 8. ORIENTAÇÃO TÉCNICA As atividades de orientação técnica objetivam otimizar a utilização da solução fornecida e o desenvolvimento de competências, por meio do repasse de conhecimento de forma ordenada. As atividades de orientação técnica poderão ocorrer, à critério da Dataprev, em qualquer um dos 3 Centros de Processamento (Rio de Janeiro, São Paulo e Distrito Federal) pelo período de 36 meses a partir da assinatura do contrato. Estas atividades devem ter produtos definidos (planos, procedimentos, laudos, pareceres técnicos, guias, padrões, etc), escopo, prazo de entrega e as respectivas horas alocadas para a execução previamente aprovadas pela Dataprev, para fins de contabilização e posterior faturamento, devidamente registradas nas respectivas Ordens de Serviço, autorizadas pelo gestor do contrato. Neste contexto, objetivando otimizar o processo de internalização da solução adquirida, a CONTRATADA deverá disponibilizar (mil) horas on site, com profissionais certificados na solução fornecida, a serem utilizadas, sob demanda, em blocos de, no mínimo, 16 (dezesseis) horas de acordo com as necessidades da Dataprev, durante todo o período de vigência contratual. 7/21

8 Desde que acordado com a Dataprev, a contratada poderá, caso haja disponibilidade e respeitados os prazos definidos, atuar de forma remota utilizando-se das ferramentas homologadas na empresa para tal, visando maior celeridade no atendimento às demandas apresentadas. Os serviços serão prestados em conformidade com as ordens de serviços (OS) a serem emitidas para sua execução. As Ordens de Serviço deverão ser executadas de acordo com planejamento realizado pela equipe da Dataprev em conjunto com a equipe da Contratada. Toda solicitação de serviço deverá ser retornada no prazo máximo de 1 (uma) hora após o seu respectivo registro, entendido este retorno como um contato inicial para fins de definição da forma de tratamento da demanda apresentada e a respectiva Ordem de Serviço. Toda Ordem de Serviço, salvo acordo entre as partes, deverá ter sua execução iniciada no prazo máximo de 48 (quarenta e oito) horas, contadas a partir da respectiva data da sua autorização. Todas as funções e atividades desempenhadas pela empresa Contratada deverão ter como preocupação primária, a transferência do conhecimento à equipe técnica da Dataprev designada a acompanhar cada atividade. Caso a Dataprev entenda como necessário, poderá solicitar, mediante Ordem de Serviço específica, a realização de workshops técnicos abrangendo tópicos específico da tecnologia envolvida. Entende-se por transferência de conhecimento, a passagem de conhecimento para os técnicos da DATAPREV, de todas as atividades desenvolvidas, relativas a cada Ordem de Serviço executada, visando aprimorar os conhecimentos da tecnologia utilizada e maximizar a utilização das funcionalidades. Estes serviços deverão estar disponíveis a partir da data de assinatura do respectivo contrato, de segunda a sexta-feira, exceto feriados nacionais, das 9:00h às 18:00h. Para a abertura das Ordens de Serviço deverá estar disponível um canal de comunicação que pode ser central de atendimento para registro das solicitações com discagem gratuita (0800) ou qualquer outro meio de acesso de disponibilidade imediata, sem ônus para DATAPREV. O registro de solicitação de serviços de orientação técnica poderá ser feito via Website, e- mail, fax ou telefone, onde constarão as seguintes informações: data, hora, descrição da demanda, número da Ordem de Serviço, identificação do solicitante e atendente. Os registros de solicitação de serviços poderão ser feitos no horário de 7:00 às 19:00 horas, de segunda à sexta-feira, excluídos os feriados nacionais. O horário para realização dos serviços solicitados (quando realizados nas dependências da DATAPREV) será de 7:00 às 19:00 horas, de segunda à sexta-feira, excluídos os feriados nacionais. Será elaborado pela CONTRATADA um Relatório Mensal de Atendimento, devendo constar neste as seguintes informações: data, hora, descrição dos serviços, número de Registro, identificação do solicitante, atendente, data e hora do término dos serviços e numero de horas consumidas para execução do serviço, detalhadas por atividades desempenhadas, 8/21

9 visando garantir o repasse do conhecimento e das melhores práticas para as equipes da DATAPREV. 9. CAPACITAÇÃO INICIAL A contratada deverá prover, em suas instalações, capacitação técnica para 3 (três) turmas, com 14 (quatorze) participantes cada, totalizando 42 (quarenta e dois) treinandos, abrangendo questões sobre instalação, configuração, parametrização e funcionalidades de todos os produtos componentes da solução fornecida, com carga horária adequada, no Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília, conforme cronograma a ser apresentado pela Contratada, no prazo máximo de 7 dias a partir da assinatura do contrato. Quadro Distribuição da capacitação por localidade. Participantes Turmas Local 14 2 RJ 14 2 SP 14 2 DF A capacitação técnica provida deve estar de acordo com a utilização da solução no ambiente da Dataprev. Todos os componentes da solução necessárias para a operação no ambiente da Dataprev devem ser abordados. A capacitação técnica deve ser provida em forma de treinamento formal com material original do fabricante. A Contratada será responsável pelo fornecimento de material didático específico, em quantidade suficiente para todos os treinandos. No prazo máximo de 10 (dez) dias após o término da capacitação, a contratada deverá emitir os respectivos certificados de conclusão do curso em nome de cada treinando. Será aplicado o instrumento de avaliação de reação da CONTRATADA a todos os treinandos, com o objetivo de avaliar os resultados obtidos com a execução do treinamento e a emissão/remessa de relatório consolidado à DATAPREV, ao término de cada turma, desde que possam ser observados os seguintes itens de controle: instrutoria, conteúdo programático, objetivos do curso, material didático/recursos instrucionais e organização do evento. Caso contrário, será aplicado o instrumento de avaliação da DATAPREV. Os resultados das avaliações e os certificados deverão ser encaminhados para o Divisão de Desenvolvimento de Pessoas - DIDE, situada na Rua Prof. Álvaro Rodrigues, 460 Sala 803 Botafogo Rio de Janeiro/RJ. Caso o treinamento não atenda aos requisitos mínimos de qualidade, com base no resultado da avaliação dos treinandos, aplicada ao final do curso, a DATAPREV, baseada nos relatórios de avaliação de reação, enviará à CONTRATADA documentação com seu parecer e a CONTRATADA será obrigada a realizar, sem ônus, novo treinamento se a mesma for avaliada insatisfatoriamente (sempre que a pontuação final for inferior a cinco ou ao conceito regular) em pelo menos 02 (dois) itens de controle descritos acima. 9/21

10 A Dataprev deverá formalizar junto à CONTRATADA, com até 5 (cinco) dias de antecedência, a relação nominal dos participantes, sendo este documento referência para fins de faturamento da capacitação realizada. 10. FATURAMENTO Solução / Garantia - Conforme entrega, após a emissão do Termo de Aceite. Capacitação inicial: Após o encerramento de cada turma, de acordo com o documento de referência encaminhado pela Dataprev. Orientação Técnica: Mensal, de acordo com a quantidade de horas constantes das OS efetivamente concluídas no período. 11. PAGAMENTO Solução / Garantia : Conforme Edital. Capacitação inicial: Conforme Edital, após o encerramento de cada turma. Orientação Técnica: Conforme Edital, de acordo com a quantidade de horas constantes das OS efetivamente concluídas no período. 12. GARANTIA Todos os produtos fornecidos devem ter garantia de atualização de versão e suporte técnico ao produto pelo período de 36 meses a partir da data de emissão do Termo de Aceite da solução fornecida. Durante o prazo de garantia dos produtos ofertados, a CONTRATADA prestará serviços de manutenção preventiva e corretiva de software, fornecendo atualizações, correções, melhorias e novas versões, sem ônus adicional para a Dataprev. Durante o período de garantia o fornecedor dos produtos se compromete a executar correções visando eliminar erros detectados nos produtos de software que impeçam seu pleno funcionamento de acordo com as especificações listadas neste documento. A contratada deve informar, durante o período de garantia, a existência de novas versões, atualizações, correções e melhorias dos componentes da solução. Caso qualquer dos componentes da solução seja descontinuado, em qualquer momento da vigência da garantia, a Contratada deve fornecer componentes substitutos com no mínimo as mesmas funcionalidades do componente descontinuado, sem ônus adicionais. Em todas as atividades de assistência técnica ou suporte relacionadas à garantia dos produtos, os técnicos da contratada deverão empregar a língua portuguesa, exceto no 10/21

11 uso de termos técnicos e na utilização de textos técnicos, que poderão estar redigidos em Inglês. Para atendimento aos serviços em garantia aos produtos instalados, a contratada deverá oferecer atendimento através de Centro de Suporte Técnico, que poderá pertencer ao fabricante dos produtos, à contratada ou ainda a empresa terceirizada/parceira formalmente designada como responsável pela assistência técnica aos produtos ofertados. A central de atendimento da Assistência Técnica indicada pela CONTRATADA deve estar disponível para a abertura de chamados técnicos de software durante 7 dias por semana, 24 horas por dia, inclusive feriados, por meio de site na web ou discagem gratuita. A central de atendimento deverá permitir discagem gratuita (0800) ou qualquer outro meio de acesso de disponibilidade imediata, sem ônus para a Dataprev. A CONTRATADA deve garantir o sigilo e a inviolabilidade das informações a que eventualmente possa ter acesso em qualquer atendimento a qualquer tempo. Deverá ser garantido à Dataprev o pleno acesso aos web sites dos fabricantes dos produtos ofertados, com direito à consultas a quaisquer bases de dados disponíveis para usuários/clientes, e também a efetuar downloads de quaisquer atualizações de software ou documentação. O serviço de suporte técnico ao produto deve ser prestado na forma de serviços de assistência remota (telesuporte), disponíveis 24 horas por dia, 7 dias por semana, inclusive feriados. Não deverá haver qualquer limitação para o número de solicitações de suporte de software. Não deverá haver qualquer limitação para o número de técnicos da Dataprev autorizados a abrir chamados técnicos de software. Definição de prioridades e prazos para solução das ocorrências PRAZOS MÁXIMOS PARA REGISTRADAS SOLUÇÃO DAS OCORRÊNCIAS (A PARTIR DO REGISTRO DA OCORRÊNCIA) Prioridade Informada Solução do Problema 0 6 horas 1 12 horas 2 72 horas - Prioridade (0) - Ocorrência de alto impacto/a solução ou parte da solução indisponível. Por exemplo: 11/21

12 Situação crítica / Sistema indisponível. Componente de software crítico para a DATAPREV está indisponível. - Prioridade (1) - Ocorrência de médio impacto/a solução ou parte da solução instável ou parcialmente indisponível. Por exemplo: Impacto grave: um componente de software tem seu uso gravemente restringido, causando impacto significativo para o ambiente da DATAPREV. Serviço crítico parcialmente indisponível ou com degradação de tempo de resposta. Impacto moderado: um componente de software não-crítico não está funcionando corretamente, causando impacto moderado para a DATAPREV. - Prioridade (2) - Ocorrência de baixo impacto/ A solução ou parte da solução disponível. Por exemplo: Impacto mínimo: um componente de software não-crítico não está funcionando corretamente, causando impacto mínimo para a DATAPREV. Consulta sobre problemas e dúvidas gerais sobre a ferramenta. Independente da prioridade informada, caso a ocorrência não seja solucionada remotamente, cabe a contratada a forma de solucionar o problema, não estando descartado, dentre as alternativas possíveis, o atendimento "on site". Os prazos estabelecidos para solução das ocorrências não se aplicam a ocorrências de software, que, pela sua natureza, envolverem atividades relacionadas a desenvolvimento de patches específicos, admitindo-se para todos os casos a adoção de solução de contorno (workaround), respeitados os prazos definidos para cada severidade informada, sem prejuízo da solução definitiva cabível. Em caso de impossibilidade de fechamento do atendimento dentro dos prazos estabelecidos, a contratada deverá, ainda dentro dos prazos definidos, emitir um parecer com previsão do novo prazo para atendimento da demanda, contendo o histórico de maior abrangência possível das atividades desenvolvidas desde a abertura do respectivo chamado. Após avaliação deste parecer inicial, a Dataprev decidirá sobre a periodicidade da emissão de pareceres ou laudos posteriores, até o fechamento final do atendimento. Os serviços de suporte técnico ao produto deverão incluir, dentre outros: Orientações sobre uso, configuração e instalação dos softwares ofertados; Questões sobre compatibilidade e interoperabilidade dos produtos ofertados (hardware e software); Interpretação da documentação dos softwares ofertados; Orientações para identificar a causa de uma falha de software; Orientação para solução de problemas de performance e tunning das configurações dos softwares ofertados; 12/21

13 Orientação quanto às melhores práticas para implementação dos softwares adquiridos; Apoio na recuperação de ambientes em caso de panes ou perda de dados; Apoio para execução de procedimentos de atualização para novas versões dos softwares instalados. A Dataprev terá o direito de receber todas as atualizações dos softwares contratados, durante o período de garantia, sem nenhum ônus adicional. A critério da Dataprev, todas as novas versões dos softwares contratados deverão ser fornecidas em mídia digital (CD ou DVD). As atualizações deverão ser enviadas para os sites da Dataprev no Rio de Janeiro, tão logo sejam liberadas no Brasil pelo fabricante do software. 13. PENALIDADES Pelo descumprimento dos prazos relacionados à entrega e instalação dos produtos, incluindo as atividades de capacitação inicial, será aplicada multa à razão de 1% (um por cento) do valor total do contrato, por dia de atraso, limitado ao teto de 10%. Pelo descumprimento dos prazos relacionados às atividades de orientação técnica e atendimento em garantia, será aplicada multa à razão de 1% (um por cento) do valor total caucionado em garantia do contrato, por dia/hora de atraso, limitado ao teto de 10%. 14. UNIDADE GESTORA DO CONTRATO Gestão: PLANILHA DE ORÇAMENTO ITEM Descrição QUANT. (A) LICENÇAS / SERVIÇOS VALOR UNITÁRIO (B) SUB-TOTAL AxB (1) VALOR UNITÁRIO (D) GARANTIA (36 MESES) SUB-TOTAL AxD (3) TOTAL TOTAL (1+2+3) Solução de Gestão de Identidades e Acessos - SGIA. 1* SUB-TOTAL R$ R$ R$ 1 Orientação Técnica (horas) Capacitação Inicial (participantes) 40 * Licenciamento ilimitado. TOTAL GERAL 13/21

14 16. HABILITAÇÃO Considerando a importância dos objetivos a serem alcançados, recomenda-se a inclusão no edital dos seguintes requisitos de habilitação: Declaração emitida por empresa pública ou privada, atestando a prestação, de forma satisfatória pela empresa proponente, de serviços de mesma natureza do objeto em questão. 17. ANEXOS ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DO OBJETO Detalhamento dos requisitos técnicos: Conexão com base primária de pessoas: O SGIA deve ser capaz de conectar ou importar dados de uma base autoritativa de pessoas, como, por exemplo, de uma base de um sistema de Recursos Humanos e/ou demais sistemas com informações cadastrais de pessoas. O SGIA deve ser capaz de excluir, bloquear, desbloquear e incluir automaticamente usuários, dependendo da situação funcional deste, oriunda da base autoritativa de pessoas. O sistema deve ser capaz de importar arquivos no formato CSV (Comma-Separeted Values), onde os dados estarão separados por vírgula ou outro delimitador previamente definido. A importação deve ocorrer em intervalos parametrizáveis no SGIA. Nas conexões diretas ao banco de dados da base de pessoas, o SGIA deve ser capaz de estabelecer a conexão por meio de uma View. A conexão deve ser efetuada em intervalos parametrizáveis no SGIA. Cadastro de Pessoa O SGIA deve possuir opção em sua interface que permita o cadastramento manual de pessoas, condicionada às pessoas da área de Recursos Humanos responsáveis pela inclusão em cadastro, alteração, bloqueio e revogação de empregados na empresa. Cadastro de Terceiros O SGIA deve possuir opção em sua interface que permita o cadastramento manual de terceiros, condicionada às pessoas com o papel de Gestor de Contratos, os quais serão responsáveis pela inclusão em cadastro, alteração, bloqueio e revogação de terceiros na empresa. 14/21

15 Cadastro de Ativos O SGIA deve possuir opção em sua interface que permita o cadastramento manual de ativos com suas informações pertinentes, sejam eles físicos ou lógicos, como, por exemplo: Ativo Lógico: Active Directory, Sistema de Correio Eletrônico, OpenLDAP, etc; Ativo Físico: Desktop, Notebook, Tablet, Celular, Crachá, etc. Cadastro de Atributos O SGIA deve possuir opção em sua interface que permita o cadastramento manual de atributos dos ativos com suas informações pertinentes. Como atributo entende-se cada item de funcionalidade ou controle de acesso existente em determinado sistema, como grupos, roles, telas, botões, menus, etc. Cadastro de Transações e Operações O SGIA deve possuir opção em sua interface que permita o cadastramento manual de transações e operações dos ativos com suas informações pertinentes. Como transação entende-se cada item de acesso existente em determinado sistema, como tabelas (SGBD), transações, programas utilizados junto a operações, como por exemplo, direitos (de tabelas SGBD), operações (de transações), permissões (de programas), dentre outros. Cadastro de Perfis O SGIA deve possuir opção em sua interface que permita o cadastramento manual de perfis dos ativos com suas informações pertinentes. Dentro dos perfis deve ser possível a inclusão de vários atributos de acessos de um determinado ativo. Segregação de Funções O SGIA deve possuir opção para estabelecer a segregação de funções baseado nas transações existentes nos perfis envolvidos de tal maneira que uma mesma pessoa não possa receber perfis que possuam acessos segregados sem a devida aprovação de um usuário com o papel de gestor de risco. Cadastro de Responsável do Ativo O SGIA deve possuir opção em sua interface que permita o cadastramento manual de responsáveis pelos ativos com suas informações pertinentes. Cadastro de Autorizadores de Perfis de Acesso 15/21

16 O SGIA deve possuir opção em sua interface que permita o cadastramento manual de autorizadores, que serão responsáveis por autorizar as solicitações de acessos. Fluxos de Aprovação de Acesso O SGIA deve permitir a construção de fluxos customizáveis de aprovação de acesso por perfil criado. Os fluxos desejáveis são: Perfil com Aprovação do Gestor da Pessoa e do Responsável do Perfil; Perfil com Aprovação por vários responsáveis; Cadastro de Custodiante do Ativo O SGIA deve possuir opção em sua interface que permita o cadastramento manual de custodiantes dos ativos com suas informações pertinentes. Notificação de Aprovação de Acesso O SGIA deve ser capaz de notificar, via , novas solicitações para as pessoas responsáveis pela aprovação. Notificação de Criação de Acesso O SGIA deve ser capaz de notificar, via ou outros métodos (RSS, XMPP e SMS), novas criações de acesso para os custodiantes do ativo. Notificação de Revogação de Acesso O SGIA deve ser capaz de notificar, via ou outros métodos (RSS, XMPP e SMS), novas revogações de acesso para os custodiantes do ativo. Notificação de Revisão de Acesso O SGIA deve ser capaz de notificar, via ou outros métodos (RSS, XMPP e SMS), novas revisões de acesso para as pessoas responsáveis por revisar acessos concedidos. Notificação de Acesso Não Aprovado O SGIA deve ser capaz de notificar, via ou outros métodos (RSS, XMPP e SMS), ao gestor da pessoa e ao solicitante, acessos que não foram aprovados, bem como o motivo da não aprovação. As notificações devem ser parametrizáveis, de modo que o administrador do sistema possa habilitar/desabilitar individualmente as notificações para cada um (Gestor da Pessoa/ Solicitante). Notificação de Acesso Não Criado 16/21

17 O SGIA deve ser capaz de notificar, via ou outros métodos (RSS, XMPP e SMS), ao responsável pelo perfil, ao gestor da pessoa/terceiro e ao solicitante, acessos que não foram criados, bem como o motivo da não criação. As notificações devem ser parametrizáveis de modo que o administrador do sistema possa habilitar/desabilitar individualmente as notificações para cada um (Gestor da Pessoa / Solicitante e Responsável do Perfil). Envio de Senha Inicial O SGIA deve possuir função parametrizável para envio de senha inicial por ou outros métodos (RSS, XMPP e SMS) para o Gestor da Pessoa, para endereço de específico, para a própria pessoa ou para pessoas da área de Recursos Humanos. Notificação em Caso de Falha na Publicação Automática O SGIA deve ser capaz de notificar, via ou outros metodos (RSS, XMPP e SMS), ao custodiante do ativo que uma determinada publicação automática não foi capaz de ser efetuada. O motivo deve ser informado pelo SGIA, com base na descrição do evento gerado pelo ativo onde tentou-se a publicação. Nos casos de falha na publicação, o SGIA deve criar uma tarefa manual para o custodiante executar. Publicação Manual de Acesso O SGIA, após solicitação e aprovação, deve ser capaz de gerar uma tarefa para o custodiante do ativo criar um determinado acesso. Definição de Senha pelo Custodiante do Ativo O SGIA, em tarefas manuais, deve possuir campo para que o custodiante informe a senha inicial gerada a ser enviada para a pessoa. Publicação Automática de Acesso com Base em Regra de Negócio O SGIA deve ser capaz, a partir de uma regra de negócio (inserida no cadastro da pessoa), de conceder automaticamente os perfis de acesso para uma pessoa. Exemplo: Após a solicitação e aprovação do perfil Login de Rede, o SGIA deve conectar no Active Directory, OID ou OpenLDAP e criar um login de rede para a pessoa. Revogação Automática de Acesso com Base em Regra de Negócio 17/21

18 O SGIA deve ser capaz, a partir de uma regra de negócio (inserida no cadastro da pessoa), de revogar automaticamente os perfis de acessos de uma pessoa. Agendamento de Revogação de Acesso por Perfil O SGIA deve possuir opção para agendar a revogação de um acesso por perfil. Na data agendada, o SGIA deve revogar automaticamente o perfil de acesso ou gerar uma tarefa para o custodiante do ativo. Revogação Imediata de Todos os Acessos O SGIA deve possuir função para revogar todos os acessos de uma pessoa de maneira imediata. A revogação imediata deve estar disponível a pessoas pertencentes à área de Recursos Humanos, que poderão revogar de maneira imediata os acessos de qualquer pessoa. A revogação imediata deve estar disponível ao Gestor da Pessoa, que poderá revogar de maneira imediata os acessos somente de seus subordinados. Revisão de Acesso Baseado na Alteração de Dados Cadastrais O SGIA deve ser capaz de tratar situações de transferência de pessoas entre empresas e departamentos e disparar um processo de revisão de acesso. Revisão Periódica de Acesso O SGIA deve ser capaz de agendar e disparar revisões periódicas de acesso aos perfis concedidos. Bloqueio de Acesso Mediante Condição de Cadastro O SGIA deve ser capaz de bloquear o login de uma pessoa aos sistemas selecionados, mediante condição no cadastro da pessoa. Exemplo: para uma pessoa que possuir em seu cadastro situação em férias, afastada ou licença, o SGIA deve ler esta condição e bloquear, automaticamente, o login da pessoa em um determinado sistema. Relatório de Divergências de Acesso O SGIA deve ser capaz de comparar os acessos que foram concedidos e estão registrados em sua base com os acessos que realmente estão cadastrados em um ativo. Após a comparação, o SGIA deve exibir através de um relatório as inconsistências encontradas, tais como: Login criado no ativo mas não autorizado no SGIA; Atributo concedido no ativo mas não autorizado no SGIA. 18/21

19 Auto Serviço de Alteração de Senha O SGIA deve possuir a funcionalidade de alteração de senha pelo próprio usuário nos sistemas pré-determinados após o mesmo responder um conjunto de perguntas previamente cadastradas. Interface Web O SGIA deve ser acessado através do navegador de internet Microsoft Internet Explorer, a partir da versão 7.0, Firefox e Google Chrome, a partir da versão 3.0. Idiomas O SGIA deve exibir informações em português do Brasil. Alta Disponibilidade O SGIA deve possuir mecanismos que permitam a implantação de alta disponibilidade, tolerância à falha, usando infraestrutura nos três sites da Dataprev (DF, RJ e SP), sem limitação de número de usuários. Autenticação Segura O SGIA deve ser acessado através dos navegadores de Internet mediante protocolo HTTPS. Autenticação Centralizada Active Directory, OID e OpenLDAP O SGIA deve utilizar como forma de autenticação o login e senha do usuário existente no Active Directory, OID ou OpenLDAP. Autenticação Local de Contas Administrativas do SGIA Por razões de segurança, o SGIA deve permitir a autenticação em sua base local para contas com perfil de administrador. Comunicação Segura com Active Directory, OID ou OpenLDAP O SGIA deve comunicar-se de maneira segura com o Active Directory, OID ou OpenLDAP, ao obter/gerar as credenciais usuário e senha. A comunicação com o Active Directory deve ser efetuada via LDAPS e, com o OID e OpenLDAP, deve ser efetuada via LDAPS SSLv3. Audtoria do SGIA O SGIA deve registrar todas as atividades executadas e disponibilizar os dados para auditoria aos usuários com o perfil adequado, exemplo: perfil auditor. Devem existir filtros para a recuperação dos registros, como por exemplo, mas não se limitando: Tipo de atividade 19/21

20 Data Horário. Criação de Login Padrão O SGIA deve ser capaz de criar o login padrão dos usuários mediante regra customizável no próprio sistema. Publicação/Atualização de Dados Cadastrais nos Ativos de Publicação Automática O SGIA deve ser capaz de publicar/atualizar as informações cadastrais dos usuários nos ativos de publicação automática. Esta publicação/atualização deve ocorrer em intervalos parametrizáveis. Criação de Login no Active Directory, Marc, OID ou OpenLDAP, em OUs com Base em Regra de Negócio O SGIA deve ser capaz de criar um login no Active Directory, Marc, OID ou OpenLDAP, em OUs específicas, mediante regra de negócio obtida no cadastro da pessoa. Desativação do Login no Active Directory, Marc, OID ou OpenLDAP após revogação e movimentação da conta para OU específica O SGIA deve ser capaz de desativar o login no Active Directory, OID ou OpenLDAP após revogação e mover a conta para OUs específica. Período de Quarentena de Conta Desativada no Active Directory, Marc, OID ou OpenLDAP O SGIA deve manter uma conta revogada desativada por um período parametrizável e, após o período, excluir a conta do Active Directory, OID ou OpenLDAP. Dados da Tarefa de Criação de Acesso O SGIA deve possuir campo exibindo número exclusivo de cada tarefa criada. Campo na Tarefa para inserção de Número de Ticket Externo O SGIA deve possuir campo na Tarefa de criação de acesso para inserir número de ticket aberto em sistema de service desk. Aderência à Norma ISO/IEC O SGIA deve ser aderente à Norma ISO/IEC Gestão de sistemas internos O SGIA deve ter a capacidade de integrar-se, de maneira transparente, com os sistemas internos da Dataprev, independente da sua fonte de autenticação 20/21

Termo de Referência. Aquisição de Solução de Gerenciamento de Impressão para plataforma baixa.

Termo de Referência. Aquisição de Solução de Gerenciamento de Impressão para plataforma baixa. Termo de Referência Aquisição de Solução de Gerenciamento de Impressão para plataforma baixa. CGAD/COAR - Gerenciamento de Impressão Plataforma Baixa / RQ DSAO nº xxx/2009 1/8 Termo de Referência Aquisição

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Solução de Firewall de Banco de Dados

TERMO DE REFERÊNCIA. Solução de Firewall de Banco de Dados Classificação do Documento: Público TERMO DE REFERÊNCIA CÓDIGO: TR//001/2009 Solução de Firewall de Banco de Dados Sub-Plano: Segurança da Informação Diretoria de Infra-Estrutura de TIC Emissor: DIT /

Leia mais

Termo de Referência. Diretoria de Infraestrutura de TIC DIT. Coordenação Geral de Análise e Classificação de Demandas - CGAD

Termo de Referência. Diretoria de Infraestrutura de TIC DIT. Coordenação Geral de Análise e Classificação de Demandas - CGAD Termo de Referência Aquisição de licenças de Suite Integrada de Servidor de Aplicação para o ambiente de processamento central da Dataprev - Plano de Modernização Tecnológica. Termo de Referência Suíte

Leia mais

Termo de Referência. de solução de gerenciamento de ambiente de nuvem e licenças de software virtualizador,

Termo de Referência. de solução de gerenciamento de ambiente de nuvem e licenças de software virtualizador, Termo de Referência Aquisição de solução de gerenciamento de ambiente de nuvem e licenças de software virtualizador, para utilização nos Centros de Processamento do Rio de Janeiro, Distrito Federal e São

Leia mais

Termo de Referência. de solução de gerenciamento de ambiente de nuvem e licenças de software virtualizador,

Termo de Referência. de solução de gerenciamento de ambiente de nuvem e licenças de software virtualizador, Termo de Referência Aquisição de solução de gerenciamento de ambiente de nuvem e licenças de software virtualizador, para utilização nos Centros de Processamento do Rio de Janeiro, Distrito Federal e São

Leia mais

Termo de Referência. Serviço de envio de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, pelo período de 24 meses.

Termo de Referência. Serviço de envio de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, pelo período de 24 meses. Termo de Referência Serviço de envio de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, pelo período de 24 meses. Termo de Referência [OBJETO] 1 Termo de Referência Serviço de envio de mensagens

Leia mais

Termo de Referência. Diretoria de Infraestrutura de TIC - DIT. Coordenação Geral de Análise e Classificação de Demandas - CGAD

Termo de Referência. Diretoria de Infraestrutura de TIC - DIT. Coordenação Geral de Análise e Classificação de Demandas - CGAD Termo de Referência Serviço de envio e recebimento de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, incluídos os serviços de gerenciamento e licenciamento de uso de plataforma, aplicativos,

Leia mais

Termo de Referência. Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Diretoria de Infra-Estrutura de TIC DIT

Termo de Referência. Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Diretoria de Infra-Estrutura de TIC DIT Termo de Referência Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Termo de Referência Aquisição de Servidores Tipo 1A-1B para camada de Banco de Dados / Alta Disponibilidade RQ DEPI nº 11/2009

Leia mais

Termo de Referência. Aquisição de. Coordenação Geral de Segurança de Informações CGSI. Coordenação Geral de Arquitetura de Software - CGAS

Termo de Referência. Aquisição de. Coordenação Geral de Segurança de Informações CGSI. Coordenação Geral de Arquitetura de Software - CGAS Termo de Referência Aquisição de Aquisição de licença perpétua de biblioteca JAVA SDK (Software Development Kit), para desenvolvimento, implementação e operacionalização da tecnologia de certificação digital

Leia mais

Termo de Referência. (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300.

Termo de Referência. (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300. Termo de Referência Expansão da solução s de armazenamento (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300. Termo de Referência Expansão da solução de armazenamento do

Leia mais

ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA

ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA CONCORRÊNCIA DIRAT/CPLIC 001/2007 1 ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA ESTABELECE, RESPONSABILIDADES DIVERSAS, TIPOS E HORÁRIO DE COBERTURA DE SUPORTE, E DEMAIS RESPONSABILIDADES DA CONTRATADA RELATIVAS

Leia mais

ANEXO I NÍVEIS MÍNIMOS DE SERVIÇO EXIGIDOS (NMSE) PARA CONTRATO DE APOIO

ANEXO I NÍVEIS MÍNIMOS DE SERVIÇO EXIGIDOS (NMSE) PARA CONTRATO DE APOIO ANEXO I NÍVEIS MÍNIMOS DE SERVIÇO EXIGIDOS (NMSE) PARA CONTRATO DE APOIO 1. Introdução 1.1. Descrição do serviço Este documento disciplina a cessão de uso permanente da solução de software para Gestão

Leia mais

Termo de Referência. Aquisição de solução de armazenamento (Storage Area Network SAN) composta de Subsistema de Discos/Switches.

Termo de Referência. Aquisição de solução de armazenamento (Storage Area Network SAN) composta de Subsistema de Discos/Switches. Termo de Referência Aquisição de solução de armazenamento (Storage Area Network SAN) composta de Subsistema de Discos/Switches. Termo de Referência Solução de armazenamento (Storage/Switches) 1 Termo de

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA SERVIÇOS DE SUPORTE TÉCNICO EM SISTEMA DE COLABORAÇÃO ZIMBRA 1. OBJETO

TERMO DE REFERÊNCIA SERVIÇOS DE SUPORTE TÉCNICO EM SISTEMA DE COLABORAÇÃO ZIMBRA 1. OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA SERVIÇOS DE SUPORTE TÉCNICO EM SISTEMA DE COLABORAÇÃO ZIMBRA 1. OBJETO 1.1. Prestação de serviços de suporte técnico em sistema de colaboração ZIMBRA. 2. DESCRIÇÃO GERAL DOS SERVIÇOS

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 1. REQUISITOS MÍNIMOS OBRIGATÓRIOS 1.1. ASPECTOS GERAIS ATRIBUTO 1.1.1 Documentação Técnica e Acessórios 1.1.2 Garantia CARACTERÍSTICAS MÍNIMAS EXIGIDAS a) Deverá ser entregue pela CONTRATADA a Documentação

Leia mais

ATA DE REUNIÃO. 1) Recebimento de eventuais questionamentos e/ou solicitações de esclarecimentos Até 18/02/2009 às 18:00 horas;

ATA DE REUNIÃO. 1) Recebimento de eventuais questionamentos e/ou solicitações de esclarecimentos Até 18/02/2009 às 18:00 horas; ATA DE REUNIÃO CONSULTA PÚBLICA PARA AQUISIÇÃO DE SOLUÇÃO WEB-EDI Troca Eletrônica de Dados. Local Dataprev Rua Cosme Velho nº 06 Cosme Velho Rio de Janeiro / RJ. Data: 06/03/2009 10:30 horas. Consolidação

Leia mais

CEP 2 100 99010-640 0 (XX) 54 3316 4500 0 (XX)

CEP 2 100 99010-640 0 (XX) 54 3316 4500 0 (XX) ANEXO 2 INFORMAÇÕES GERAIS VISTORIA 1. É obrigatória a visita ao hospital, para que a empresa faça uma vistoria prévia das condições, instalações, capacidade dos equipamentos, migração do software e da

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA LOTE ITEM UN DESCRIÇÃO QUANTIDADE ENVIO DE MENSAGENS SHORT MESSAGE. no N

TERMO DE REFERÊNCIA LOTE ITEM UN DESCRIÇÃO QUANTIDADE ENVIO DE MENSAGENS SHORT MESSAGE. no N TERMO DE REFERÊNCIA OBJETO: PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE ENVIO DE MENSAGENS SMS SHORT MESSAGE SERVICE PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS Responsável: Superintendência Central de Governança Eletrônica Objeto LOTE ITEM

Leia mais

CONSULTA PÚBLICA. d) Certificação CERTICS informar se o software possui a referida certificação.

CONSULTA PÚBLICA. d) Certificação CERTICS informar se o software possui a referida certificação. CONSULTA PÚBLICA O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social - BNDES está preparando procedimento licitatório visando a aquisição de software comparador de documentos do tipo texto, compreendendo

Leia mais

Termo de Referência. Aquisição de servidores X86

Termo de Referência. Aquisição de servidores X86 DIT / CGGT / COGR JANEIRO / 2015 Equipe Responsável Elaboração Assinatura Data Coordenação de Gestão dos Recursos de TIC COGR Divisão de Planejamento de Infraestrutura de TIC DIPL Aprovação Motivada Considerando

Leia mais

Especificação Técnica

Especificação Técnica Pág. 1/8 CONTRATAÇÃO DE SOLUÇÃO SMS Pág. 2/8 Equipe Responsável Elaboração Assinatura Data Divisão de Padrões de Tecnologia DIPT Aprovação Assinatura Data Departamento de Arquitetura Técnica DEAT Pág.

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ATUALIZAÇÃO E SUPORTE TÉCNICO

INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ATUALIZAÇÃO E SUPORTE TÉCNICO INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ATUALIZAÇÃO E SUPORTE TÉCNICO Pelo presente instrumento particular, as partes, de um lado, VARITUS BRASIL EIRELI, inscrita no CNPJ sob nº

Leia mais

Projeto Básico - Prestação de Serviços

Projeto Básico - Prestação de Serviços Diretoria de Tecnologia Gerência de Fornecimento de TI Projeto Básico - Prestação de Serviços 1. Objeto: 1.1 Contratação de empresa para prestação de serviços especializados de escuta de gravações e monitoração

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO E SUPORTE DO LICENCIAMENTO ATLASSIAN JIRA

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO E SUPORTE DO LICENCIAMENTO ATLASSIAN JIRA TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO E SUPORTE DO LICENCIAMENTO ATLASSIAN JIRA Outubro de 2013 1 1 OBJETO Prestação de Serviço de Manutenção da licença

Leia mais

Termo de Referência. Solução de Firewall de Aplicação Web

Termo de Referência. Solução de Firewall de Aplicação Web Web DIT / CGGT / COGR Março / 2015 Equipe Responsável Elaboração Assinatura Data Coordenação de Gestão dos Recursos de TIC COGR Divisão de Planejamento de Infraestrutura de TIC DIPL Aprovação Motivada

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 010/2013. 1.1.1 - A garantia de renovação das licenças deverá ser de 36 (trinta e seis) meses.

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 010/2013. 1.1.1 - A garantia de renovação das licenças deverá ser de 36 (trinta e seis) meses. Anexo I 1 DO OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 010/2013 1.1 Prestação de serviços de renovação, para atualização de 32 (trinta e duas) licenças, do software de virtualização VMware vsphere

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA TÍTULO: Termo de Referência para contratação de ferramenta case de AD. GECOQ Gerência de Controle e Qualidade 1/9

TERMO DE REFERÊNCIA TÍTULO: Termo de Referência para contratação de ferramenta case de AD. GECOQ Gerência de Controle e Qualidade 1/9 TÍTULO: ASSUNTO: GESTOR: TERMO DE REFERÊNCIA Termo de Referência para contratação de ferramenta case de AD DITEC/GECOQ Gerência de Controle e Qualidade ELABORAÇÃO: PERÍODO: GECOQ Gerência de Controle e

Leia mais

Manual Do Usuário ClinicaBR

Manual Do Usuário ClinicaBR Manual Do Usuário ClinicaBR SUMÁRIO 1 Introdução... 01 2 ClinicaBR... 01 3 Como se cadastrar... 01 4 Versão experimental... 02 5 Requisitos mínimos p/ utilização... 03 6 Perfis de acesso... 03 6.1 Usuário

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 1. Objeto. 2. Antecedentes. 3. Objeto da Licitação

TERMO DE REFERÊNCIA. 1. Objeto. 2. Antecedentes. 3. Objeto da Licitação TERMO DE REFERÊNCIA 1. Objeto 1.1. Contratação de empresa especializada em auditoria de tecnologia da informação e comunicações, com foco em segurança da informação na análise de quatro domínios: Processos

Leia mais

Documentação significa as especificações, a documentação do usuário, os manuais e os guias técnicos entregues com o software da CA.

Documentação significa as especificações, a documentação do usuário, os manuais e os guias técnicos entregues com o software da CA. Política e Termos de Suporte da CA 1. Visão Geral O Suporte para softwares da CA consiste em assistência operacional e suporte técnico oferecidos pela CA, a seu critério razoável, durante o prazo estabelecido

Leia mais

Termos de Uso Sistema Diário de Obras Online

Termos de Uso Sistema Diário de Obras Online Termos de Uso Sistema Diário de Obras Online Estes são os termos que determinarão o nosso relacionamento Este contrato refere-se ao sistema Diário de Obras Online, abrangendo qualquer uma de suas versões

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA TERMO DE REFERÊNCIA Registro de Preços para prestação de serviço de atualização de licenças de uso do produto Citrix Xenapp, aquisição de novas licenças, subscrição e suporte ao software Citrix e suporte

Leia mais

Termos de uso e Serviços do Software: Father Gerador Automático de Sistemas Última modificação: 13 de Novembro de 2014

Termos de uso e Serviços do Software: Father Gerador Automático de Sistemas Última modificação: 13 de Novembro de 2014 Termos de uso e Serviços do Software: Father Gerador Automático de Sistemas Última modificação: 13 de Novembro de 2014 Provedor dos serviços Os Serviços são fornecidos pela empresa SSI Serviços e Soluções

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia Diretoria de Processamento de Dados

Universidade Federal de Uberlândia Diretoria de Processamento de Dados Universidade Federal de Uberlândia Diretoria de Processamento de Dados Termo de Referência Contratação de serviços de desenvolvimento de sistemas informatizados para implementar o portal online para a

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 016/2008

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 016/2008 CENTRO DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 016/2008 Anexo II 1 DO OBJETO 1.1 - Prestação de serviços de suporte técnico assistido

Leia mais

LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO DIREITO DO CIDADÃO

LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO DIREITO DO CIDADÃO DESCRIÇÃO DO SIGAI O SIGAI (Sistema Integrado de Gestão do Acesso à Informação) é uma solução de software que foi desenvolvida para automatizar os processos administrativos e operacionais visando a atender

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviços de suporte técnico para a Ferramenta de Scanner de Vulnerabilidades de Aplicações Web Acunetix

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviços de suporte técnico para a Ferramenta de Scanner de Vulnerabilidades de Aplicações Web Acunetix TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviços de suporte técnico para a Ferramenta de Scanner de Vulnerabilidades de Aplicações Web Acunetix, e, atualização de novas versões e das vulnerabilidades detectáveis.

Leia mais

INTRODUÇÃO REQUISITOS TECNOLÓGICOS E DE AMBIENTE

INTRODUÇÃO REQUISITOS TECNOLÓGICOS E DE AMBIENTE INTRODUÇÃO Na intenção de realizar um novo sistema financeiro para a gestão de recursos de convênios celebrados pela Academia Brasileira de Ciências, o setor de informática juntamente com o setor financeiro

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 033/2015 Termo de Referência 1. OBJETO Renovação de licenças de Solução Corporativa do Antivírus Avast, com serviço de suporte técnico e atualização de versão, manutenção

Leia mais

Contratação de Licenças de Software, Atualização, Suporte Técnico, Treinamento e Serviços de Produtos VMware.

Contratação de Licenças de Software, Atualização, Suporte Técnico, Treinamento e Serviços de Produtos VMware. TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA Contratação de Licenças de Software, Atualização, Suporte Técnico, Treinamento e Serviços de Produtos VMware. Maio/2012 1 - OBJETO O presente termo tem

Leia mais

Serviço HP Foundation Care Exchange

Serviço HP Foundation Care Exchange Informações técnicas Serviço HP Foundation Care Exchange HP Services Visão geral do serviço O serviço HP Foundation Care Exchange é composto de serviços remotos de hardware e software que lhe permitem

Leia mais

Política de Atendimento Técnico, Suporte e Assistência aos softwares SiplanControl-M

Política de Atendimento Técnico, Suporte e Assistência aos softwares SiplanControl-M Política de Atendimento Técnico, Suporte e Assistência aos softwares SiplanControl-M 1. Introdução a política 2. Quem está elegível para solicitar suporte? 3. Horário de atendimento 4. Que tempo de resposta

Leia mais

Para/To: N o de páginas/n o of. pages: 06 De/From: Silvana Luz Simões Data/Date: 28 / 08/ 2007 Ref.: Solicitação de proposta ATT.:

Para/To: N o de páginas/n o of. pages: 06 De/From: Silvana Luz Simões Data/Date: 28 / 08/ 2007 Ref.: Solicitação de proposta ATT.: MINISTÉRIO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq DAD/CGADM/COINF/SERVIÇO DE LICITAÇÃO SELIC SEPN 507, Bloco B, Ed. Sede CNPq, Sala 211, CEP: 70.740-901,

Leia mais

Serviço de mensageria SMS

Serviço de mensageria SMS Termo de Referência Serviço de mensageria SMS Agosto/2014 1 1 OBJETO 1.1 Prestação de serviços de envio de até 1.680.000 (Um milhão seiscentos e oitenta mil) Mensagens de Texto SMS (Short Message Service)

Leia mais

ANEXO I - TERMOS DE REFERÊNCIA (Ao Edital de Pregão Amplo nº 9/2008)

ANEXO I - TERMOS DE REFERÊNCIA (Ao Edital de Pregão Amplo nº 9/2008) 1. INTRODUÇÃO 1.1 As crescentes e constantes mudanças do cenário atual das organizações impulsionam a Anatel a buscar, cada vez mais, a excelência em todos os seus processos e resultados, de modo a adequarse

Leia mais

PROCEDIMENTOS BÁSICOS PARA HOMOLOGAÇÃO DE SOFTWARE HOUSES COM PRODUTOS E APLICAÇÕES DE EDI NO PADRÃO DA INDÚSTRIA AUTOMOTIVA BRASILEIRA

PROCEDIMENTOS BÁSICOS PARA HOMOLOGAÇÃO DE SOFTWARE HOUSES COM PRODUTOS E APLICAÇÕES DE EDI NO PADRÃO DA INDÚSTRIA AUTOMOTIVA BRASILEIRA PROCEDIMENTOS BÁSICOS PARA HOMOLOGAÇÃO DE SOFTWARE HOUSES COM PRODUTOS E APLICAÇÕES DE EDI NO PADRÃO DA INDÚSTRIA AUTOMOTIVA BRASILEIRA Documento elaborado pelo Grupo de Trabalho da Comissão de Normas

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA e-crea

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA e-crea ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA e-crea 1. OBJETO: 1.1. Contratação de empresa para prestação de serviços de projeto, desenvolvimento e implantação do novo sistema de cadastros para o CREA-RS, denominado

Leia mais

CLÁUSULA SEGUNDA - DA DOCUMENTAÇÃO TÉCNICA E DA ASSISTÊNCIA TÉCNICA

CLÁUSULA SEGUNDA - DA DOCUMENTAÇÃO TÉCNICA E DA ASSISTÊNCIA TÉCNICA CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE PROGRAMAS DE COMPUTADOR E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Pelo presente instrumento particular e na melhor forma de direito, as partes: a) de um lado, a empresa GEPER DESENVOLVIMENTO

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. O presente termo de referência, tem por objeto o registro de preços para futuras aquisições dos seguintes itens:

TERMO DE REFERÊNCIA. O presente termo de referência, tem por objeto o registro de preços para futuras aquisições dos seguintes itens: TERMO DE REFERÊNCIA 1. DO OBJETO: O presente termo de referência, tem por objeto o registro de preços para futuras aquisições dos seguintes itens: Módulo de expansão para sistema de armazenamento em disco

Leia mais

Anexo V - Planilha de Apuração Aquisição de Solução de Redes Sociais

Anexo V - Planilha de Apuração Aquisição de Solução de Redes Sociais Anexo V - Planilha de Apuração Aquisição de Solução de Redes Sociais Será utilizado o seguinte critério: Atende / Não atende (Atende em parte será considerado Não atende) Item Itens a serem avaliados conforme

Leia mais

Perguntas e Respostas

Perguntas e Respostas Gerenciamento do Tráfego de Internet Edital de Licitação PREGÃO PRESENCIAL Nº 34/2010 Processo SAP nº 4180/2010 Perguntas e Respostas Página 1 /15 Pergunta n o 1: Os dispositivos de filtro de conteúdo

Leia mais

MANUAL DO SERVICE DESK SYSTEM

MANUAL DO SERVICE DESK SYSTEM Manual do Sumário Conhecendo o SERVICE DESK SYSTEM... 3 - A tela de Acesso ao sistema:... 3 - A tela do sistema após o acesso(exemplo):... 3 OCORRÊNCIAS... 4 - Abertura de chamados:... 4 - Atendendo um

Leia mais

Perguntas para avaliar a efetividade do processo de segurança

Perguntas para avaliar a efetividade do processo de segurança Perguntas para avaliar a efetividade do processo de segurança Questionário básico de Segurança da Informação com o objetivo de ser um primeiro instrumento para você avaliar, em nível gerencial, a efetividade

Leia mais

Guia de administração. BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange. Versão: 4.1 Service pack: 4B

Guia de administração. BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange. Versão: 4.1 Service pack: 4B BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange Versão: 4.1 Service pack: 4B SWD-313211-0911044452-012 Conteúdo 1 Gerenciando contas de usuários... 7 Adicionar uma conta de usuário... 7 Adicionar

Leia mais

REGULAMENTO DO AUTO-ATENDIMENTO SETOR PÚBLICO

REGULAMENTO DO AUTO-ATENDIMENTO SETOR PÚBLICO REGULAMENTO DO AUTO-ATENDIMENTO SETOR PÚBLICO O presente instrumento estabelece as normas regulamentares do AUTO-ATENDIMENTO SETOR PÚBLICO, destinado ao atendimento de Pessoas Jurídicas de direito público,

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 04/2010

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 04/2010 PROCESSO Nº 23047.002331/2010-23 Pregão Eletrônico nº 16/2010 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 04/2010 O, autarquia vinculada ao Ministério da Educação, criado por meio da Lei nº 11.892, em 29 de dezembro

Leia mais

1. LICENCIAMENTO 2. SUPORTE TÉCNICO

1. LICENCIAMENTO 2. SUPORTE TÉCNICO 1. LICENCIAMENTO 1.1. Todos os componentes da solução devem estar licenciados em nome da CONTRATANTE pelo período de 36 (trinta e seis) meses; 1.2. A solução deve prover suporte técnico 8 (oito) horas

Leia mais

CONTRATO DE MANUTENÇAO E SUPORTE TECNICO E OUTRAS AVENÇAS Nº /

CONTRATO DE MANUTENÇAO E SUPORTE TECNICO E OUTRAS AVENÇAS Nº / CONTRATO DE MANUTENÇAO E SUPORTE TECNICO E OUTRAS AVENÇAS Nº / Pelo presente instrumento e na melhor forma de direito, de um lado, (Nome da empresa CONTRATANTE), pessoa jurídica de direito privado com

Leia mais

CONSULTA PÚBLICA até 28/08/2009. até a data acima mencionada

CONSULTA PÚBLICA até 28/08/2009. até a data acima mencionada CONSULTA PÚBLICA O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social BNDES está preparando processo licitatório para contratação de serviços de consultoria técnica especializada, conforme detalhado

Leia mais

QUESTIONAMENTO(S) ACERCA DO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 22/2015 - BNDES. Em resposta aos questionamentos formulados, o BNDES esclarece:

QUESTIONAMENTO(S) ACERCA DO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 22/2015 - BNDES. Em resposta aos questionamentos formulados, o BNDES esclarece: QUESTIONAMENTO(S) ACERCA DO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 22/2015 - BNDES Prezado(a) Senhor(a), Em resposta aos questionamentos formulados, o BNDES esclarece: 1. Sobre o item 18.1. A prestação do serviço

Leia mais

HP Network Core Implementation

HP Network Core Implementation HP Network Core Implementation Dados técnicos O serviço HP Network Core Implementation tem como objetivo, através de uma análise técnica no ambiente de rede local, realizar a implementação de uma proposta

Leia mais

Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária AEROPORTO INTERNACIONAL DE RECIFE/GUARARAPES-GILBERTO FREYRE TERMO DE REFERÊNCIA

Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária AEROPORTO INTERNACIONAL DE RECIFE/GUARARAPES-GILBERTO FREYRE TERMO DE REFERÊNCIA AEROPORTO INTERNACIONAL DE RECIFE/GUARARAPES-GILBERTO FREYRE TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LOCAÇÃO DE PLATAFORMAS ELEVATÓRIAS ARTICULADAS PARA USO NO AEROPORTO

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA Contratação de empresa para fornecimento de atualização de licenças de uso do produto Citrix Xenapp, aquisição de novas licenças, subscrição e suporte ao software

Leia mais

Projeto Básico para Operação de Loteria Instantânea em Meio Físico

Projeto Básico para Operação de Loteria Instantânea em Meio Físico Alterações realizadas no Projeto Básico conforme Audiência Pública 001/2013. Neste documento, encontram-se as alterações realizadas no Projeto Básico para operação de Loteria Instantânea em meio físico,

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviço Telefônico Móvel de Dados, na modalidade Sms (Short Message Service - Serviço de Mensagens Curtas de Texto)

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviço Telefônico Móvel de Dados, na modalidade Sms (Short Message Service - Serviço de Mensagens Curtas de Texto) TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviço Telefônico Móvel de Dados, na modalidade Sms (Short Message Service - Serviço de Mensagens Curtas de Texto) 1 1 - OBJETO 1.1 Registro de Preços para prestação de

Leia mais

Especificações da oferta Remote Infrastructure Monitoring

Especificações da oferta Remote Infrastructure Monitoring Visão geral do Serviço Especificações da oferta Remote Infrastructure Monitoring Este serviço oferece o Dell Remote Infrastructure Monitoring ("Serviço" ou "Serviços" RIM), como apresentado mais especificamente

Leia mais

ORIGEM Departamento de Segurança da Informação e Comunicações

ORIGEM Departamento de Segurança da Informação e Comunicações 07/IN01/DSIC/GSIPR 01 15/JUL/14 1/9 PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Gabinete de Segurança Institucional Departamento de Segurança da Informação e Comunicações DIRETRIZES PARA IMPLEMENTAÇÃO DE CONTROLES DE ACESSO

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO DO M3

MANUAL DO USUÁRIO DO M3 MANUAL DO USUÁRIO DO M3 1 CADASTROS 1.1 Clientes Abre uma tela de busca na qual o usuário poderá localizar o cadastro dos clientes da empresa. Preencha o campo de busca com o nome, ou parte do nome, e

Leia mais

Artigo 1º - Aprovar revisão da Política de Segurança da PRODEB, que com esta se publica.

Artigo 1º - Aprovar revisão da Política de Segurança da PRODEB, que com esta se publica. Classificação: RESOLUÇÃO Código: RP.2007.077 Data de Emissão: 01/08/2007 O DIRETOR PRESIDENTE da Companhia de Processamento de Dados do Estado da Bahia - PRODEB, no uso de suas atribuições e considerando

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 008/2012

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 008/2012 Anexo I TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 008/2012 1 DO OBJETO 1.1 Prestação de serviços para implementação de uma solução avançada de Filtro de Conteúdo Web, de alto desempenho, em modo cluster,

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA MANUTENÇÔES EVOLUTIVAS NO SITE PRO-SST DO SESI

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA MANUTENÇÔES EVOLUTIVAS NO SITE PRO-SST DO SESI ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA MANUTENÇÔES EVOLUTIVAS NO SITE PRO-SST DO SESI 1. OBJETO 1.1. Contratação de empresa especializada para executar serviços de manutenção evolutiva, corretiva, adaptativa e normativa

Leia mais

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO (modelo )

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO (modelo ) POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO (modelo ) A Política de segurança da informação, na A EMPRESA, aplica-se a todos os funcionários, prestadores de serviços, sistemas e serviços, incluindo trabalhos executados

Leia mais

É desejável que o Proponente apresente sua proposta para ANS considerando a eficiência e conhecimento do seu produto/serviço.

É desejável que o Proponente apresente sua proposta para ANS considerando a eficiência e conhecimento do seu produto/serviço. 1 Dúvida: PROJETO BÁSICO Item 4.1.1.1.2 a) Entendemos que o Suporte aos usuários finais será realizado pelo PROPONENTE através de um intermédio da CONTRATANTE, que deverá abrir um chamado específico para

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA. Ata de Registro de Preços para Subscrição de Software Sistema Operacional da Plataforma Linux.

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA. Ata de Registro de Preços para Subscrição de Software Sistema Operacional da Plataforma Linux. ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA Ata de Registro de Preços para Subscrição de Software Sistema Operacional da Plataforma Linux. DIT/GIS TR ARP Licenças de Software Sistema Operacional Linux.doc 1/ 6 TERMO DE

Leia mais

PROPOSTA TÉCNICA/PLANILHA DE AVALIAÇÃO (com Alteração 01)

PROPOSTA TÉCNICA/PLANILHA DE AVALIAÇÃO (com Alteração 01) CONCORRÊNCIA DIRAD/CPLIC Nº 001/2010 ANEXO II 1 PROPOSTA TÉCNICA/PLANILHA DE AVALIAÇÃO (com Alteração 01) I - Atestados, certidões e comprovantes I.1 Todos os documentos, atestados e certificados deverão

Leia mais

COLETA DE PREÇOS nº 05/2013

COLETA DE PREÇOS nº 05/2013 COLETA DE PREÇOS nº 05/2013 1. PREÂMBULO 1.1. A ASSOCIAÇÃO MUSEU AFRO BRASIL, torna pública a realização de Seleção de Fornecedores na modalidade Coleta de Preços, pelo critério de menor preço, objetivando

Leia mais

Política de uso de dados

Política de uso de dados Política de uso de dados A política de dados ajudará você a entender como funciona as informações completadas na sua área Minhas Festas. I. Informações que recebemos e como são usadas Suas informações

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE ENVIO DE MENSAGENS CURTAS DE TEXTO (SMS)

TERMO DE REFERÊNCIA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE ENVIO DE MENSAGENS CURTAS DE TEXTO (SMS) TERMO DE REFERÊNCIA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE ENVIO DE MENSAGENS CURTAS DE TEXTO (SMS) Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Município de São Paulo PRODAM-SP S/A Avenida Francisco Matarazzo,

Leia mais

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO BASEADO NA NORMA ABNT 21:204.01-010 A Política de segurança da informação, na FK EQUIPAMENTOS, aplica-se a todos os funcionários, prestadores de serviços, sistemas e

Leia mais

Manual de utilização do STA Web

Manual de utilização do STA Web Sistema de Transferência de Arquivos Manual de utilização do STA Web Versão 1.1.7 Sumário 1 Introdução... 3 2 Segurança... 3 2.1 Autorização de uso... 3 2.2 Acesso em homologação... 3 2.3 Tráfego seguro...

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 009/2012

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 009/2012 Anexo I TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 009/2012 1 DO OBJETO 1.1 - Fornecimento de solução avançada de backup desduplicado, com serviços de assistência técnica e capacitação, visando a integração

Leia mais

HP Router Advanced Implementation

HP Router Advanced Implementation HP Router Advanced Implementation Dados técnicos O HP Router Advanced Implementation tem como objetivo, baseado na entrevista para coleta de informações junto ao Cliente e na análise dos equipamentos existente,

Leia mais

Contrato de Serviço (SLA) para [Cliente] por [Provedor]

Contrato de Serviço (SLA) para [Cliente] por [Provedor] Contrato de Serviço (SLA) para [Cliente] por [Provedor] Data Gerador do documento: Gerente de Negociação: Versões Versão Data Revisão Autor Aprovação (Ao assinar abaixo, o cliente concorda com todos os

Leia mais

COMPANHIA DE SEGUROS ALIANÇA DO BRASIL

COMPANHIA DE SEGUROS ALIANÇA DO BRASIL Regulamento Promoção Campanha de Internet 2009 Companhia de Seguros Aliança do Brasil Rua Manoel da Nóbrega, 1.280, 9 ºandar CEP 04001-004 - São Paulo - SP I. Período da Promoção e Abrangência 1. A promoção

Leia mais

CONTRATO DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA PRAZO

CONTRATO DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA PRAZO CONTRATO DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA PRAZO Pelo presente instrumento particular, as partes: Neste ato, como CONTRANTE, a pessoa jurídica qualificada no preâmbulo do Anexo I do presente Contrato e CONTRATADA

Leia mais

Cartilha do Gestor de Frota do Órgão / Entidade

Cartilha do Gestor de Frota do Órgão / Entidade Cartilha do Gestor de Frota do Órgão / Entidade SGTA Sistema de Gestão Total de Abastecimento do Governo do Estado de Minas Gerais REV DATA ALTERAÇÃO CRIAÇÃO REVISÃO APROVAÇÃO 01 13/01/14 Versão inicial

Leia mais

CONTRATO DE ADESÃO AO SERVIÇO VIVO GESTÃO O GESTÃ. L I Razão Social: E N CNPJ: / - Inscrição Estadual: T E Endereço: Nº: Complemento: CEP: -

CONTRATO DE ADESÃO AO SERVIÇO VIVO GESTÃO O GESTÃ. L I Razão Social: E N CNPJ: / - Inscrição Estadual: T E Endereço: Nº: Complemento: CEP: - CONTRATO DE ADESÃO AO SERVIÇO VIVO GESTÃO O GESTÃ C Dados do Cliente (Empresa): L I Razão Social: E N CNPJ: / - Inscrição Estadual: T E Endereço: Nº: Complemento: CEP: - Bairro: Município: UF: São partes

Leia mais

1 DESCRITIVO TÉCNICO 1.1 INTRODUÇÃO. A Empresa

1 DESCRITIVO TÉCNICO 1.1 INTRODUÇÃO. A Empresa 1 DESCRITIVO TÉCNICO 1.1 INTRODUÇÃO A Empresa Inovação, superação, desenvolvimento, criatividade, inventividade e busca de soluções. Assim é a AF2G, uma empresa que ultrapassa os limites do convencional

Leia mais

Definir as atribuições e os procedimentos para a manutenção da segurança do Complexo SIAFI, detalhados em anexo.

Definir as atribuições e os procedimentos para a manutenção da segurança do Complexo SIAFI, detalhados em anexo. NORMA DE EXECUÇÃO Nº 01 DE 08 DE JANEIRO DE 2015 A COORDENADORA-GERAL DE SISTEMAS E TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO, no uso das atribuições que lhe foram conferidas pelo Regimento Interno da Secretaria do Tesouro

Leia mais

ORIENTAÇÕES GERAIS PARA CADASTRO DE AÇÃO DE EXTENSÃO DO LOGIN AO FORMULÁRIO DE CADASTRO... 3

ORIENTAÇÕES GERAIS PARA CADASTRO DE AÇÃO DE EXTENSÃO DO LOGIN AO FORMULÁRIO DE CADASTRO... 3 TUTORIAL SIEX ORIENTAÇÕES GERAIS PARA CADASTRO DE AÇÃO DE EXTENSÃO DO LOGIN AO FORMULÁRIO DE CADASTRO... 3 1. Como acessar ao formulário de inscrição de proposta... 3 2. Quais os passos de preenchimento

Leia mais

Para utilizar o MULTI, é indispensável a aceitação dos termos descritos a seguir.

Para utilizar o MULTI, é indispensável a aceitação dos termos descritos a seguir. Termos de Uso Para utilizar o MULTI, é indispensável a aceitação dos termos descritos a seguir. Este Contrato de Licença de Usuário Final ("EULA") é um acordo legal entre licenciado (pessoa Física ou Jurídica)

Leia mais

CATÁLOGO DE SERVIÇOS

CATÁLOGO DE SERVIÇOS Partner MASTER RESELLER CATÁLOGO DE SERVIÇOS SUPORTE TÉCNICO in1.com.br Explore Mundo! seu Conteúdo 1 - Objetivo 2 - Serviços prestados por meio do contrato de manutenção e suporte anual 2.1 - Primeira

Leia mais

Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 2. CADASTRO DA EMPRESA... 8 3. CONTROLE DE PERMISSÕES... 14 4. CONFIGURAÇÕES DA EMPRESA... 19 5. CND...

Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 2. CADASTRO DA EMPRESA... 8 3. CONTROLE DE PERMISSÕES... 14 4. CONFIGURAÇÕES DA EMPRESA... 19 5. CND... Sage CND Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 1.1. Primeiro Acesso... 2 1.2. Conhecendo a Plataforma Sage... 4 1.2.1. Seleção de Empresa de Trabalho... 4 1.2.2. Sair do sistema/minhas Configurações... 5 1.2.3.

Leia mais

Software Support. Maintenance and Technical Support

Software Support. Maintenance and Technical Support Software Support Maintenance and Technical Support Estrutura de suporte a software da IBM Os especialistas do suporte a software contam com uma estrutura de suporte global para melhor atender os Clientes

Leia mais

Sistema de Automação Comercial de Pedidos

Sistema de Automação Comercial de Pedidos Termo de Abertura Sistema de Automação Comercial de Pedidos Cabana - Versão 1.0 Iteração 1.0- Release 1.0 Versão do Documento: 1.5 Histórico de Revisão Data Versão do Documento Descrição Autor 18/03/2011

Leia mais

Políticas de Segurança da Informação. Aécio Costa

Políticas de Segurança da Informação. Aécio Costa Aécio Costa A segurança da informação é obtida a partir da implementação de um conjunto de controles adequados, incluindo políticas, processos, procedimentos, estruturas organizacionais e funções de software

Leia mais

2.2 - Prestação de Serviços de Suporte Técnico Assistido

2.2 - Prestação de Serviços de Suporte Técnico Assistido Anexo I TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 010/2011 1 DO OBJETO 1.1 - Contratação de empresa para o fornecimento de licenças de uso de software SAP, BusinessObjects Enterprise - BOE, com manutenção

Leia mais

Contrato de Serviço (SLA) Para Hipermercados Extra Por Esperança_TI S.A

Contrato de Serviço (SLA) Para Hipermercados Extra Por Esperança_TI S.A Esperança_TI S.A S/A Contrato de Serviço (SLA) Para Hipermercados Extra Por Esperança_TI S.A 25/11/2014 Gerador do documento: Gerente de Negociação: Marcos Alves de Oliveira Marcos Antônio de Morais Aprovação

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. ANEXO l

TERMO DE REFERÊNCIA. ANEXO l TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO l 1. OBJETO Aquisição de certificados digitais para pessoa física e jurídica, para servidores WEB, incluindo opcionalmente serviços de validação on site, leitoras, cartões inteligentes

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 13/2005

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 13/2005 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 13/2005 O, com sede na Av. Martin Luther King, s/n.º, Cais do Apolo, Recife, PE, inscrito no CNPJ/MF sob o nº 24.130.072/0001-11, neste ato representado pelo Diretor da Secretaria

Leia mais