ACEF/1213/17182 Decisão de apresentação de pronúncia

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ACEF/1213/17182 Decisão de apresentação de pronúncia"

Transcrição

1 ACEF/1213/17182 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1213/17182 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido o Relatório de Avaliação elaborado pela Comissão de Avaliação Externa relativamente ao ciclo de estudos em funcionamento Engenharia Informática e de Computadores 2. conferente do grau de Mestre 3. a ser leccionado na(s) Unidade(s) Orgânica(s) (faculdade, escola, instituto, etc.) Instituto Superior De Engenharia De Lisboa 4. a(s) Instituição(ões) de Ensino Superior / Entidade(s) Instituidora(s) Instituto Politécnico De Lisboa 5. decide: Apresentar pronúncia 6. Pronúncia (Português): A pronúncia segue no ficheiro abaixo apresentado. 7. Pronúncia (Português e Inglês, PDF, máx. 100kB): (impresso na página seguinte) pág. 1 de 1

2 Anexos

3 PROCESSO ACEF/ 1213/ DECISÃO DE APRESENTAÇÃO DE PRONÚNCIA AO RELATÓRIO PRELIMINAR DA COMISSÃO DE AVALIAÇÃO EXTERNA Tendo recebido o Relatório Preliminar, elaborado pela Comissão de Avaliação Externa, relativo à acreditação do ciclo de estudos conducente ao grau de Mestre em Engenharia Informática e de Computadores, lecionado no Instituto Superior de Engenharia de Lisboa, do Instituto Politécnico de Lisboa, decide esta Instituição apresentar pronúncia, nos termos e prazos legais. (pronúncia em Português) Na análise efetuada ao relatório preliminar considera-se que a CAE faz uma avaliação global positiva do ciclo de estudos, sendo que propõe acreditação limitada por um ano com base no fato de o corpo docente não obedecer aos requisitos mínimos legais quanto ao número de doutores e especialistas, designadamente os estabelecidos pelo DL 115/2013, já que não dispõe de 50% de docentes doutorados ou especialistas na área de formação fundamental do ciclo de estudos. São ainda apresentadas mais duas condições de cumprimento imediato. Existem igualmente algumas críticas e recomendações de melhoria que se reconhecem pertinentes e alguns pontos que pensamos requerem esclarecimentos adicionais. Quanto à pronúncia sobre as condições de acreditação apresentadas: - Condições de acesso e ingresso: A condição é aceite, passando a haver um contingente de seriação único para o número de vagas indicado. As normas regulamentares do ciclo de estudos serão revistas em conformidade. - Sobreposição de unidades curriculares: A condição é aceite, sendo removidas do plano de estudos as UC em sobreposição com a Licenciatura. O plano de estudos resultante é apresentado no ANEXO 1 onde consta uma UC de opção nova: Processamento de Imagem e Biometria sendo a FUC apresentada no ANEXO 4. Os docentes responsáveis e que lecionam as UC do mestrado são discriminados na tabela do ANEXO 2. As normas regulamentares do ciclo de estudos serão revistas em conformidade com a condição aceite assim como o ciclo de estudos será objeto de revisão curricular. - O corpo docente não dispõe de 50% de docentes doutorados ou especialistas na área de formação fundamental do ciclo de estudos: Desde a data da submissão do Guião de Autoavaliação concluíram o doutoramento os seguintes docentes (constantes na lista de docentes em programa doutoral apresentada à CAE durante a visita): André Ribeiro Lourenço, Artur Jorge Ferreira, Fernando Miguel Santos Lopes de Carvalho, Gonçalo Caetano Marques, João Beleza Teixeira Seixas e Sousa, José David Pereira Coutinho Gomes Antão, José Manuel de Campos Lages Garcia Simão, Nuno Miguel Soares Datia e Fernando Manuel Gomes de Sousa. Aguardam marcação de prova de doutoramento os docentes: Nuno Miguel Machado Cruz e Pedro Miguel Florindo Miguens Matutino. O docente Tiago Miguel Braga da Silva Dias tem prova agendada para o dia 22 de junho de Obtiveram o Titulo de Especialista por prova pública no Instituto Politécnico de Lisboa os docentes: Nuno António Fraga Juliano Cota e Pedro António Marques Ribeiro. Os docentes Luís Filipe de Matos Duarte Barreiros e João Pedro Guerreiro da Graça Patriarca aguardam provas para obtenção do Titulo de Especialista. Dado o elenco das UC do plano de estudos resultante do cumprimento da condição de sobreposição das UC com a licenciatura, o corpo docente associado à lecionação do plano de estudos apresentado no ANEXO 1 é o apresentado no ANEXO 3 constituído por 13,6 docentes ETI com 9 ETI doutores e 0,6 ETI especialistas. Quanto à pronúncia sobre o relatório preliminar: A , A.12.7: De acordo com os Estatutos do ISEL, num curso conferente de grau, a coordenação é assegurada por um coordenador de curso eleito de entre os docentes doutores nos termos da Lei. É coadjuvado por uma comissão coordenadora de curso (CCC) constituída por um aluno eleito para cada ano curricular e quatro docentes nomeados pelo coordenador de curso. Atualmente os docentes nomeados são 2 doutores e 2 mestres pré-bolonha. Pág. 1/4

4 2.2.5, 2.2.7, 5.2.6, 5.2.8: O ISEL dispõe do Gabinete de Auditoria e Qualidade (GAQ) que tem a seu cargo o Sistema Interno de Garantia da Qualidade (SIGQ-ISEL) que é parte integrante do Sistema Interno de Garantia da Qualidade) do Instituto Politécnico de Lisboa (SIGQ-IPL) acreditado pela A3ES em A atividade do GAQ-SIGQ pode ser consultada no sítio internet do ISEL. Todos os semestres são realizados inquéritos pedagógicos e é elaborado o relatório anual de curso pela comissão coordenadora do curso. Estes documentos são posteriormente analisados e discutidos em Conselho Pedagógico de acordo com o regulamento em vigor , 4.1.9: Da lista de docentes que concluíram o seu doutoramento apresentada anteriormente, 5 deles pertencem a este corpo docente e ainda um dos especialistas, passando-se a ter: (12+5; 42,8%) Doutores e (6+1; 17,6%) Especialistas, obtendo-se um total de 60,4% de doutores e especialistas na área fundamental do ciclo de estudos , 4.1.9, : A distribuição de serviço docente faz-se de acordo com o regulamentado pelo CTC e em conformidade com o Despacho Nº 02/P/2015 do Presidente do ISEL. A atribuição de um número de horas letivas inferior ao máximo estipulado pelo ECPDESP, destina-se a carga horária afeta a atividades de coordenação, investigação e administrativas , 6.3.7: A realização de um Trabalho de Projeto em alternativa à Dissertação de natureza Cientifica, permite aos estudantes realizarem um projeto enquadrado em ambiente empresarial. Na maioria dos casos esse enquadramento tem sido feito através dos projetos que os grupos de investigação e centros de I&D desenvolvem com as empresas. Adicionalmente, os estudantes têm oportunidade de participar nos projetos de I&D em curso, usufruindo de bolsas como incentivo. Aquando da visita a CAE teve oportunidade de visitar o Laboratório de Investigação e Desenvolvimento onde as atividades descritas são desenvolvidas, bem como tomar conhecimentos das empresas patrocinadoras dos projetos em curso. Outro aspeto relevante é o facto de os alunos serem na sua grande maioria trabalhadores estudantes não dispondo de disponibilidade para participarem em estágios em ambiente empresarial : Existindo uma oferta de 12 UC em sobreposição com a Licenciatura, cada estudante não podia realizar mais do que 3 dessas 12, ficando assim circunscrito entre 0 e 18 créditos ECTS. Esta política justificava-se para dar aos estudantes Licenciados mais antigos a oportunidade de obterem os conhecimentos que na altura em que frequentaram o curso ainda não eram lecionados : Desde janeiro de 2015, tal como estipulado pelo Despacho Nº 02/P/2015, os horários dos docentes passaram a incluir também horas de atendimento aos alunos. Tratou-se de formalizar algo que sempre foi praticado dado que, como se comprova ao questionar os alunos, a disponibilidade dos docentes para com aqueles é muito elevada : A principal razão identificada para a baixa taxa de sucesso relaciona-se com a dificuldade que os trabalhadores estudantes têm em conciliarem o tempo disponível entre a assistência às aulas e com a realização do trabalho autónomo associado às UC. O problema está em análise no sentido de se encontrarem propostas de soluções que aumentem o rendimento escolar a 7.1.5: Durante a visita foi disponibilizado à CAE o mapa com o números de inscritos e de aprovados em cada UC do ciclo de estudos que funcionou no ano letivo de 2012/2013. Essa informação existe disponível caso seja solicitada : Todos os docentes do ISEL que desenvolvem atividades de investigação em centros externos fazem-no mediante autorização do CTC e encontram-se registados como investigadores desses centros por parte da FCT. Essa integração é natural e resulta dos laços que se estabeleceram entre esses docentes e os centros onde iniciaram as suas atividades de investigação. Parece-nos também ser redutor a omissão das atividades de I&D que são desenvolvidas nos laboratórios do ISEL pelos grupos e centros de investigação, financiados por empresas e organismos do estado. Pág. 2/4

5 (English version) In the analysis done to the preliminary report we consider the EAC makes a positive overall assessment of the study cycle, and it proposes limited accreditation for one year based on the fact that the faculty does not achieve the minimum legal requirements for the number of doctors and specialists, particularly the ones established by Decree 115/2013, since there are not 50% of doctorates or specialists in the fundamental training area of the study cycle. It also presents two further conditions of immediate compliance. There are also some criticism and recommendations for improvement that are recognized and some relevant points that we think require further clarification. Regarding the pronouncement on the accreditation requirements presented: - Entry Requirements: The condition is accepted, starting to be applied a single rank to the quota for the given number of vacancies. The regulation of the study cycle will be revised accordingly. -Overlap of curricular units: The condition is accepted, being removed from the study plan all UC overlapping with the Bachelor and Master. The resulting study plan is presented in Annex 1 which also contains a new elective CU: Image Processing and Biometrics, being CUF presented in Annex 4. The responsible teachers, who teach the CU of the master, are detailed in the Annex 2. The regulation of the study cycle will be reviewed according to the accepted condition as well as the study cycle will be subject to curriculum revision. - The faculty does not have 50% of doctorates or specialists in the fundamental training area of the study cycle: Since the date of submission of the Self Assessment Report the following teachers have completed the doctoral programme (they belong to the list of teachers in doctoral program presented to the EAC during the visit): André Ribeiro Lourenço, Artur Jorge Ferreira, Fernando Miguel Santos Lopes de Carvalho, Gonçalo Caetano Marques, João Beleza Teixeira Seixas e Sousa, José David Pereira Coutinho Gomes Antão, José Manuel de Campos Lages Garcia Simão, Nuno Miguel Soares Datia and Fernando Manuel Gomes de Sousa. The following teachers are waiting for doctoral public defense appointment: Nuno Miguel Machado Cruz e Pedro Miguel Florindo Miguens Matutino. The teacher Tiago Miguel Braga da Silva Dias will defend his doctoral thesis on The teachers that obtained the title of specialist by public defense at the Instituto Politécnico de Lisboa are the following ones: Nuno António Fraga Juliano Cota and Pedro António Marques Ribeiro. The teachers Luís Filipe de Matos Duarte Barreiros and João Pedro Guerreiro da Graça Patriarca are waiting for the appointment of public defense for specialist title. Considering the list of CU resulting from the removal of overlaps with the bachelor, the resulting faculty is presented in Annex 3. It consists of 13,6 teachers ETI where 9 ETI are doctorates and 0,6 ETI are specialists. Regarding the pronouncement on the preliminary report: A , A.12.7: According to the Statute of ISEL, in a degree course, the coordination is assured by a course coordinator elected from the doctors of the faculty according to the Law. It is assisted by a course coordinating committee (CCC) consisting of an elected student for each academic year and four professors appointed by the course coordinator. Currently the appointed teachers are 2 doctors and 2 graduated pre-bologna masters , 2.2.7, 5.2.6, 5.2.8: The ISEL has the Office of Audit and Quality (GAQ) that is in charge of the Internal Quality Assurance System (SIGQ-ISEL) which is an integrating part of the Internal Quality Assurance System of the Polytechnic Institute of Lisbon (SIGQ-IPL) accredited by A3ES in The activity of the GAQ-SIGQ can be found on the ISEL s internet site. Educational surveys are carried in each semester and the annual course report is prepared by the CCC. These documents are then analyzed and discussed in Pedagogical Council according to the regulation that is in force , 4.1.9: The list of teachers who have completed their doctoral degree presented above, 5 of them belong to this faculty and one more specialist, resulting in: (12 + 5; 42.8%) doctors and (6 + 1; 17, 6%) specialists, yielding a total of 60.4% of doctors and specialists in the fundamental scientific area of the study cycle. Pág. 3/4

6 4.1.4, 4.1.9, : The distribution of teaching service is done according to the regulated by CTC and according to the Order No. 02 / P / 2015 of the ISEL s President. The assignment of a number of teaching hours below the maximum stipulated by ECPDESP, is intended to provide the workload assignment for coordination, research and administrative tasks , 6.3.7: The completion of a Project Work as an alternative to the scientific dissertation, allows students to complete a project framed in a business environment. In most cases this framework has been made through projects that research groups and R & D centers develop with companies. Additionally, students have the opportunity to participate in current R & D projects, enjoying scholarships as an incentive. During the visit the EAC had the opportunity to visit the Research and Development Laboratory where such activities are developed and take knowledge of the sponsors of ongoing projects. Another relevant aspect is that students are mostly working students not having availability to participate in internships in business environment : Existing an offer of 12 UC overlapping with the Bachelor, each student could not hold more than 3 of these 12, thus being circumscribed to between 0 and 18 ECTS credits. This policy was justified to give older Bachelor students the opportunity to obtain the knowledge that at the time they attended the course was not taught : Since January 2015, as stipulated by Order No. 02 / P / 2015 the schedules of teachers service have also included hours of attendance to the students. It was to formalize something that has always been practised since, as evidenced by questioning the students, the availability of teachers for attendance is very high : The main reason identified for the low success rate is related to the difficulty that the student workers have in reconciling the time available between the assistance to the classes and the completion of autonomous work associated with UC. The problem is being analyzed in order to find proposals for solutions to increase the academic performance to 7.1.5: During the visit it was made available to the EAC the map with the numbers of the enrolled and approved students in each UC of the study cycle in the academic year 2012/2013. The information is available on request : All the teachers of the ISEL that are engaged in research activities in external centers, doing it with the permission of the CTC and they are registered as researchers of these centers by the FCT. This integration is natural and results from the established links between these teachers and the centers where they began their research activities. It also seems to us being reducer the omission of the R & D activities that are developed in laboratories of ISEL by groups and research centers, financed by companies and state agencies. Pág. 4/4

7 1st year / 1st semester Unidades Curriculares / Curricular Units Scientific Area Duration Working Hours Contact Hours ECTS Observations Engenharia de Software IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Obrigatória Aprendizagem Automática IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective Complementos de Inteligência Artificial IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective Compressão e Codificação de Dados IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective Computação Orientada a Serviços IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective Processamento de Sinal em Tempo Real IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective Complementos de Sistemas de Informação IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective Redes e Serviços de Comunicação Multimédia IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective 1st year / 2nd semester Infraestruturas de Sistemas Distribuídos IC Semestral 160 T: 45; PL: 22,5 6 Obrigatória Gestão de Sistemas de Informação IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective Processamento de Imagem e Biometria IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective Representação e Processamento de Conhecimento IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective Segurança em Redes de Computadores IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective Sistemas de Informação para Apoio à Decisão IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective Economia e Gestão de projectos IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective 2nd year / 1st semester Arquitectura de Sistemas de Informação IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Obrigatória Integração de Sistemas IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective Integração de Redes e Serviços IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective Projecto em Sistemas Embebidos IC Semestral 160 TP: 67,5 6 Optativa / Elective 2nd year / 1st & 2nd semester ANEXO 1 - Plano de Estudos do Mestrado em Engenharia Informática e de Computadores (Resultado da eliminação das sobreposição de UCs com a LEIC) ANNEX 1 - Master Study Plan in Computer Science and Computer (Result of elimination of UC overlap with LEIC ) Dissertação ou trabalho de projecto/ Dissertation or project IC ANUAL 1120 Variavel / Variable 42 Escolher uma / Elect one

8 ANEXO 2 - Docentes que lecionam e são responsáveis das Unidades Curriculares ANNEX 2 - Teachers who teach and are responsible of Curricular Units Unidades Curriculares / Curricular Units Teacher and Responsable Grau / Degree Scientific Area Empl. link Aprendizagem Automática Gonçalo Marques Doutor/ Doctor Engenharia Informática 100 Arquitectura de Sistemas de Informação Walter Vieira Doutor/ Doctor Engenharia Electrotécnica - Robótica e Manufactura Integrada 100 Complementos de Inteligência Artificial Luís Morgado Doutor/ Doctor Ciências da Computação 100 Complementos de Sistemas de Informação Paulo Cândido Trigo Doutor/ Doctor Engenharia Informática / Inteligência Artificial 100 Compressão e Codificação de Dados Fernando Sousa Doutor/ Doctor Engenharia Electrotécnica e de Computadores 100 Computação Orientada a Serviços Cátia Vaz Doutor/ Doctor Engenharia Informática e de Computadores 100 Dissertação ou trab. de projecto / Dissertation or project Manuel Barata Doutor/ Doctor Engenharia Electrotécnica - Sistemas Percepcionais 100 Engenharia de Software Luís Morgado Doutor/ Doctor Ciências da Computação 100 Gestão de Sistemas de Informação Walter Vieira Doutor/ Doctor Engenharia Electrotécnica - Robótica e Manufactura Integrada 100 Processamento de Imagem e Biometria Artur Ferreira Doutor/ Doctor Engenharia Electrotécnica e de Computadores 100 Processamento de Sinal em Tempo Real Artur Ferreira Doutor/ Doctor Engenharia Electrotécnica e de Computadores 100 Representação e Processamento de Conhecimento Paulo Cândido Trigo Doutor/ Doctor Engenharia Informática / Inteligência Artificial 100 Sistemas de Informação para Apoio à Decisão Nuno Datia Doutor/ Doctor Engenharia Informática 100 Infraestruturas de Sistemas Distribuídos António Luís Osório Licenciado/ Grad. Engenharia Informática 100 Integração de Sistemas António Luís Osório Licenciado/ Grad. Engenharia Informática 100 Economia e Gestão de projectos Luís Barreiros Mestre/ Master Gestão de Empresas - MBA 100 Projecto em Sistemas Embebidos Ezequiel Conde Mestre/ Master Electrotécnia e Computadores 100 Redes e Serviços de Comunicação Multimédia Vitor Almeida Mestre/ Master Engenharia Electrotécnica e de Computadores 100 Segurança em Redes de Computadores Vitor Almeida Mestre/ Master Engenharia Electrotécnica e de Computadores 100 Integração de Redes e Serviços Pedro Marques Ribeiro Titulo Especialista Especialista em Redes de Computadores 60

9 ANEXO 3 - Corpo docente do MEIC (Resultado da eliminação das sobreposição de UCs com a LEIC ) ANNEX 3 - Faculty of MEIC (Result of elimination of UC overlap with LEIC ) Docente / Teacher Grau / Degree Scientific Area Empl. link Artur Jorge Ferreira Doutor/ Doctor Engenharia Electrotécnica e de Computadores 100 Cátia Raquel Jesus Vaz Doutor/ Doctor Engenharia Informática e de Computadores 100 Fernando Manuel Gomes de Sousa Doutor/ Doctor Engenharia Electrotécnica e de Computadores 100 Gonçalo Caetano Marques Doutor/Doctor Engenharia Informática 100 Luis Filipe Graça Morgado Doutor/ Doctor Ciências da Computação 100 Manuel Martins Barata Doutor/ Doctor Engenharia Electrotécnica - Sistemas Percepcionais 100 Nuno Miguel Soares Datia Doutor/ Doctor Engenharia Informática 100 Paulo Manuel Trigo Cândido da Silva Doutor/Doctor Engenharia Informática / Inteligência Artificial 100 Walter Jorge Mendes Vieira Doutor/ Doctor Engenharia Electrotécnica - Robótica e Manufactura Integrada 100 António Luis Freixo Guedes Osório Licenciado/Grad. Engenharia Informática 100 Ezequiel Augusto Cachão Conde Mestre/ Master Electrotécnia e Computadores 100 Luis Filipe de Matos Duarte Barreiros Mestre/ Master Gestão de Empresas - MBA (Aguarda prova T. Especialista ) 100 Vitor Jesus Sousa de Almeida Mestre/ Master Engenharia Electrotécnica e de Computadores 100 Pedro António Marques Ribeiro Titulo Especialista Especialista em Redes de Computadores 60

10 PI B- FUC- I ngl es. t xt ANNEX 4 - Cur r i cul ar Uni t For m of PI B Fi cha da uni dade cur r i cul ar ( ver são A3ES) Uni dade cur r i cul ar Pr ocessament o de I magem e Bi omet r i a / I mage Pr ocessi ng and Bi omet r i cs Docent e r esponsável e r espet i vas hor as de cont act o na uni dade cur r i cul ar ( pr eencher o nome compl et o) Ar t ur Jor ge Fer r ei r a, 67, 5 hor as de cont act o ( 1 t ur ma di ur na, semest r e de ver ão 2014/ 15) Out r os docent es e r espet i vas hor as de cont act o na uni dade cur r i cul ar Ot her academi c st af f and l ect ur i ng l oad i n t he cur r i cul ar uni t Lear ni ng out comes of t he cur r i cul ar uni t A st udent compl et i ng t hi s cour se uni t shoul d be abl e t o: 1. Def i ne t he f undament al concept s of di gi t al i mage pr ocessi ng and bi omet r i c syst ems. 2. Def i ne t he key concept s r el at ed t o super vi sed machi ne l ear ni ng t echni ques. 3. Descr i be and expl ai n how t he cur r ent bi omet r i c r ecogni t i on syst ems wor k f or aut hent i cat i on and i dent i f i cat i on pur poses. 4. Anal yze and f or mul at e t he mai n f eat ur es of a bi omet r i c r ecogni t i on syst em, as a f unct i on of t he set of r equi si t es and goal s t o achi eve. 5. Choose t he adequat e t ool s and t echni ques f or bot h di gi t al i mage pr ocessi ng and bi omet r i c syst ems. 6. Pr edi ct, eval uat e, and compar e t he per f or mance of di gi t al i mage pr ocessi ng and bi omet r i c syst ems. 7. Devel op and eval uat e di gi t al i mage pr ocessi ng and bi omet r i c syst ems. 8. Wr i t e t echni cal r epor t s, wi t h a compar at i ve anal ysi s and di scussi on of di f f er ent sol ut i ons Cont eúdos pr ogr amát i cos Syl l abus I. Basi c concept s r egar di ng i mage acqui si t i on, t he human vi sual syst em, and bi omet r i cs. I I. Di gi t al i mage pr ocessi ng. Spat i al i mage pr ocessi ng. I I I. Convol ut i on and f i l t er i ng. I V. Cont our det ect i on and geomet r y det ect i on. V. I mage enhancement. Hi st ogr am speci f i cat i on and equal i zat i on. Medi an f i l t er. VI. I mage bi nar i zat i on. I mage segment at i on. VI I. Mor phol ogi c oper at i ons. Zoom i n and zoom out t echni ques. VI I I. Col or space t r ansf or mat i ons. I X. Di scr et e Four i er t r ansf or m and di scr et e cosi ne t r ansf or m. X. Comput er vi si on appl i cat i ons. XI. Pat t er n r ecogni t i on syst ems and super vi sed l ear ni ng t echni ques. XI I. Measur es and t ool s t o eval uat e cl assi f i er s per f or mance. Conf usi on mat r i x. XI I I. The most commonl y- used cl assi f i er s: k- near est nei ghbor s, suppor t vect or machi nes, deci si on t r ees, and nai ve Bayes. XI V. Ext r act i on and r epr esent at i on of i mage f eat ur es. XV. Feat ur e pr e- pr ocessi ng wi t h r educt i on, sel ect i on, and di scr et i zat i on t echni ques. XVI. Tr ai n and t est of sever al cl assi f i er s under di f f er ent t ypes of dat a. XVI I. I nt r oduct i on t o bi omet r i c syst ems: f eat ur es and appl i cat i ons. Eval uat i on measur es. XVI I I. Bi omet r i c syst ems based on i mage pr ocessi ng: f i nger pr i nt, i r i s, r et i na, f ace, geomet r y of t he pal m and f i nger s, among ot her s. XI X. Devel opment of bi omet r i c r ecogni t i on syst ems, wi t h di gi t al i mage pr ocessi ng and machi ne l ear ni ng t echni ques, usi ng sof t war e devel opment ki t s. XX. Ot her bi omet r i c syst ems, wi t hout i mage pr ocessi ng, such as t hose based on smar t car ds Demonst r ação da coer ênci a dos cont eúdos pr ogr amát i cos com os obj et i vos da uni dade cur r i cul ar Pági na 1

11 PI B- FUC- I ngl es. t xt Demonst r at i on of t he syl l abus coher ence wi t h t he cur r i cul ar uni t ' s obj ect i ves Nowadays, bi omet r i c r ecogni t i on syst ems pl ay an i mpor t ant r ol e, due t o t he l ar ge number of appl i cat i ons. Many bi omet r i c syst ems r el y on a di gi t al i mage pr ocessi ng component. Thi s cour se uni t pr ovi des t o t he st udent s: 1) t he most i mpor t ant concept s and t ool s about di gi t al i mage pr ocessi ng; 2) knowl edge about super vi sed machi ne l ear ni ng t echni ques as wel l as t he most commonl y used cl assi f i er s; 3) knowl edge about t he f unct i oni ng, devel opment, and eval uat i on of bi omet r i c syst ems. The f i r st hal f of t he syl l abus ( i t em I t o X) addr esses t he f undament al concept s of di gi t al i mage pr ocessi ng. Thi s al l ows f or t he st udent s t o acqui r e t he basi s t o st udy and t o under st and how di gi t al i mage pr ocessi ng pr obl ems can be sol ved, i n and out of t he bi omet r i c syst ems cont ext. I n t he second hal f of t he syl l abus ( i t em XI t o XX), t he key concept s of super vi sed machi ne l ear ni ng and bi omet r i c syst ems ar e addr essed. Each hal f of t he syl l abus i s eval uat ed wi t h a l abor at or y/ comput er pr oj ect and a wr i t t en exam. The f i r st pr oj ect addr esses t he use of di gi t al i mage pr ocessi ng t echni ques, t o sol ve speci f i c pr obl ems ( i t em I t o X). The second pr oj ect ai ms t o devel op and t o eval uat e some bl ocks of a bi omet r i c syst em and i t s eval uat i on ( i t em XVI I t o XX), wi t h some component s of machi ne l ear ni ng ( i t em XI t o XVI ) Met odol ogi as de ensi no ( aval i ação i ncl uí da) Teachi ng met hodol ogi es ( i ncl udi ng eval uat i on) Theor et i cal and pr act i cal t eachi ng al ong 30 l ect ur es t hat cor r espond t o cont act hour s. Dur i ng t he semest er, some l abor at or y cl asses ar e car r i ed out t o pr ovi de some gui dance on t he execut i on of t he t wo l abor at or y pr oj ect s. I n t he cl assr oom, an i nt er act i ve met hodol ogy i s empl oyed, st i mul at i ng t he st udent s t o par t i ci pat e by posi ng t hem many quest i ons and exer ci ses t o sol ve. The syl l abus t opi cs ar e pr esent ed al ong wi t h some pr act i cal usage exampl es. The compl et i on of t he l abor at or y ( comput er ) pr oj ect s i s accompani ed by t he t eacher, t o ensur e pr oper devel opment of knowl edge and ski l l s of t he st udent s. Under some const r ai nt s, t he st udent can choose t he pr ogr ammi ng l anguage and t he i nt egr at ed devel opment envi r onment f or pr oj ect devel opment. The l ear ni ng out comes ( 1) - ( 6) ar e eval uat ed by one wr i t t en exam ( at t he end of t he semest er ) or by t wo par t i al exams ( dur i ng t he semest er ). The l ear ni ng out comes ( 1) ( 8) ar e eval uat ed by t he l abor at or y pr oj ect s wi t h wr i t t en r epor t and a vi va voce exami nat i on. The Fi nal Gr ade ( FG) i s comput ed by FG = 0. 5* TCG * LCG, wi t h TCG bei ng t he Theor et i cal Component Gr ade and LCG t he Labor at or y Component Gr ade. The t heor et i cal component wi l l be eval uat ed by one wr i t t en f ul l exam ( at t he end of t he semest er ) or by t wo par t i al exams ( dur i ng t he semest er ). I n ei t her case, t he st udent wi l l be al l owed t o r epeat one par t i al exam or one f ul l exam, once. I n or der t o successf ul l y compl et e t he t heor et i cal component, t he TCG val ue shoul d be at l east 9. 5 poi nt s ( 0-20 scal e). I n t he case of t wo par t i al exams: each par t i al exam shoul d al so be gr aded wi t h at l east 8. 0 poi nt s ( 0-20 scal e) ; t he TCG val ue i s comput ed by t he aver age of t he gr ades of t he t wo par t i al exams. The l abor at or y component gr ade i s comput ed by t he aver age gr ade of t he t wo l abor at or y pr oj ect s, whi ch i s est abl i shed i n t he i ndi vi dual vi va voce exami nat i on. I n or der t o successf ul l y compl et e t he l abor at or y component, t he mi ni mum val ue f or LCG i s 9. 5 poi nt s ( 0-20 scal e) Demonst r ação da coer ênci a das met odol ogi as de ensi no com os obj et i vos de apr endi zagem da uni dade cur r i cul ar Demonst r at i on of t he coher ence bet ween t he t eachi ng met hodol ogi es and t he l ear ni ng out comes The knowl edge about t he f unct i oni ng and t he empl oyed t echni ques of st at e- of - t he- ar t bi omet r i c syst ems i s achi eved t hr ough i nt er act i ve l essons, Pági na 2

12 PI B- FUC- I ngl es. t xt di f f er ent suppor t el ement s ( sl i des, l ect ur e not es, and sof t war e), exer ci ses and t wo comput er based pr oj ect s. By combi ni ng t hese el ement s, t he st udent s make cont act wi t h t he di f f er ent and up- t o- dat e appr oaches f or di gi t al i mage pr ocessi ng and bi omet r i c syst ems, assessi ng t he r el evance and use of t hese syst ems. The i nt er act i ve l essons appr oach, wi t h many shor t per i ods of t heor y exposi t i on, f ol l owed by sol vi ng exer ci ses al l ows t he st udent s t o acqui r e t he mai n concept s of t he cour se uni t. Thi s appr oach al l ows f or t he st udent s t o appl y many of t hese concept s i n t he comput er pr oj ect s, l eadi ng t o t he devel opment of some bl ocks of a bi omet r i c syst em, under t he t eacher super vi si on. The eval uat i on of t he t heor et i cal component i s made up by t wo par t i al wr i t t en exams, wi t h t he f i r st one t aki ng pl ace i n t he mi ddl e of t he semest er. Thi s eval uat i on of t he t heor et i cal component has been shown adequat e, due t o t he ext ensi on of t he syl l abus t opi cs. The f i nal i ndi vi dual vi va voce exami nat i on on t he t wo l abor at or y pr oj ect s al l ows f or t he t eacher t o eval uat e each st udent, i n det ai l, r egar di ng t he l ear ni ng out comes. The f i nal gr ade i s comput ed by t he wei ght ed sum ( wi t h equal wei ght s) of t he t heor et i cal and l abor at or y component s Bi bl i ogr af i a pr i nci pal R. Gonzal ez and R. Woods, Di gi t al I mage Pr ocessi ng, 2008, Pr ent i ce Hal l, 3r d edi t i on, I SBN J. Mar ques, Reconheci ment o de Padr ões: mét odos est at í st i cos e neur onai s, 1999, I ST Pr ess, I SBN X A. Jai n, P. Fl ynn, and A. Ross, Handbook of Bi omet r i cs, 2008, Spr i nger, I SBN J. Vacca, Bi omet r i c Technol ogi es and Ver i f i cat i on Syst ems, 2007, El sevi er, I SBN Pági na 3

NCE/09/00492 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/09/00492 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/09/00492 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/09/00492 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

ACEF/1112/04062 Decisão de apresentação de pronúncia

ACEF/1112/04062 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/04062 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/04062 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido

Leia mais

SUPLEMENTO AO DIPLOMA DA UNIVERSIDADE DO MINHO MESTRADO EM CONSTRUÇÃO E REABILITAÇÃO SUSTENTÁVEIS (2º CICLO)

SUPLEMENTO AO DIPLOMA DA UNIVERSIDADE DO MINHO MESTRADO EM CONSTRUÇÃO E REABILITAÇÃO SUSTENTÁVEIS (2º CICLO) SUPLEMENTO AO DIPLOMA DA UNIVERSIDADE DO MINHO MESTRADO EM CONSTRUÇÃO E REABILITAÇÃO SUSTENTÁVEIS (2º CICLO) 1 Principal(ais) área(s) de estudo da qualificação: Engenharia Civil 2 Língua(s) de aprendizagem/avaliação:

Leia mais

SUPLEMENTO AO DIPLOMA DA UNIVERSIDADE DO MINHO (MESTRADO EM ENGENHARIA URBANA) (2º CICLO)

SUPLEMENTO AO DIPLOMA DA UNIVERSIDADE DO MINHO (MESTRADO EM ENGENHARIA URBANA) (2º CICLO) SUPLEMENTO AO DIPLOMA DA UNIVERSIDADE DO MINHO (MESTRADO EM ENGENHARIA URBANA) (2º CICLO) 1 Principal(ais) área(s) de estudo da qualificação: Engenharia Civil - Planeamento Urbanístico Engenharia Civil

Leia mais

NCE/13/00986 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/13/00986 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/13/00986 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/13/00986 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

NCE/11/00726 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/11/00726 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/11/00726 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/11/00726 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

Mestrado em Ciências Jurídicas Especialização em História do Direito 2015-16

Mestrado em Ciências Jurídicas Especialização em História do Direito 2015-16 Mestrado em Ciências Jurídicas Especialização em História do Direito Unidade curricular História do Direito Português I (1º sem). Docente responsável e respectiva carga lectiva na unidade curricular Prof.

Leia mais

Ficha de unidade curricular Curso de Doutoramento

Ficha de unidade curricular Curso de Doutoramento Ficha de unidade curricular Curso de Doutoramento Unidade curricular História do Direito Português I (Doutoramento - 1º semestre) Docente responsável e respectiva carga lectiva na unidade curricular Prof.

Leia mais

NCE/11/01206 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/11/01206 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/11/01206 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/11/01206 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

ACEF/1314/14862 Decisão de apresentação de pronúncia

ACEF/1314/14862 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1314/14862 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1314/14862 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido

Leia mais

ACEF/1314/18522 Decisão de apresentação de pronúncia

ACEF/1314/18522 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/131/18522 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/131/18522 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido

Leia mais

ACEF/1112/12687 Guião para a auto avaliação

ACEF/1112/12687 Guião para a auto avaliação ACEF/1112/12687 Guião para a auto avaliação Caracterização do ciclo de estudos. A1. Instituição de ensino superior / Entidade instituidora: ISPA, Crl A1.a. Descrição da instituição de ensino superior /

Leia mais

Semestre do plano de estudos 1

Semestre do plano de estudos 1 Nome UC Inglês CU Name Código UC 6 Curso LEC Semestre do plano de estudos 1 Área científica Gestão Duração Semestral Horas de trabalho 54 ECTS 2 Horas de contacto TP - 22,5 Observações n.a. Docente responsável

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular

Ficha da Unidade Curricular ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS Ficha da Unidade Curricular CURSO Mestrado em U.C. SISTEMAS INTEGRADOS DE Gestão Integrada da Qualidade,Ambiente e Segurança GESTÃO Horas presenciais

Leia mais

ACEF/1112/02477 Decisão de apresentação de pronúncia

ACEF/1112/02477 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/02477 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/02477 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido

Leia mais

FICHAS DE UNIDADES CURRICULARES

FICHAS DE UNIDADES CURRICULARES FICHAS DE UNIDADES CURRICULARES a. Unidade curricular Course unit title: Construção da Imagem Fílmica Construction of the Filmic Image Código: 01343927 Code: 01343927 b. ECTS: 5.0 c. Horas de contacto

Leia mais

Guião para a autoavaliação. Ciclo de estudos em funcionamento. (Ensino Universitário e Politécnico)

Guião para a autoavaliação. Ciclo de estudos em funcionamento. (Ensino Universitário e Politécnico) Guião para a autoavaliação Ciclo de estudos em funcionamento (Ensino Universitário e Politécnico) Guião ACEF 2014/2015 PT (Revisão aprovada em 26.03.2014) Caracterização do pedido A1. Instituição de ensino

Leia mais

Course Computer Science Academic year 2012/2013 Subject Social Aspects of Computers ECTS 5

Course Computer Science Academic year 2012/2013 Subject Social Aspects of Computers ECTS 5 Course Computer Science Academic year 2012/2013 Subject Social Aspects of Computers ECTS 5 Type of course Compulsory Year 2º Semester 2nd sem Student Workload: Professor(s) Natalia Gomes, Ascensão Maria

Leia mais

NCE/12/00061 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/12/00061 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/12/00061 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/12/00061 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

NCE/09/02327 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos

NCE/09/02327 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos NCE/09/02327 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos Caracterização do pedido Perguntas 1 a 7 1. Instituição de ensino superior / Entidade instituidora: UNL + UCP 1.a. Descrição da Instituição

Leia mais

PEDIDO ESPECIAL DE RENOVAÇÃO DA ACREDITAÇÃO DE CICLO DE ESTUDOS NÃO-ALINHADO (PERA) Guião de apresentação do pedido

PEDIDO ESPECIAL DE RENOVAÇÃO DA ACREDITAÇÃO DE CICLO DE ESTUDOS NÃO-ALINHADO (PERA) Guião de apresentação do pedido PEDIDO ESPECIAL DE RENOVAÇÃO DA ACREDITAÇÃO DE CICLO DE ESTUDOS NÃO-ALINHADO (PERA) (Ensino Universitário e Politécnico) Guião de apresentação do pedido Versão 1.0 março de 2015 0. Âmbito do guião e síntese

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular

Ficha da Unidade Curricular ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS CURSO Licenciatura em Engenharia Informática U.C. ENGENHARIA DE SOFTWARE I Ficha da Unidade Curricular Horas presenciais / Ano 56 Ano Lectivo 2010 /

Leia mais

Proposta de Criação do Mestrado em Gestão Logística. III - Informação Relativa ao Suplemento ao Diploma

Proposta de Criação do Mestrado em Gestão Logística. III - Informação Relativa ao Suplemento ao Diploma Proposta de Criação do Mestrado em Logística III - Informação Relativa ao Suplemento ao Diploma De acordo com o Despacho RT 41/2005 de 19 de Setembro Universidade do Minho Escola de Economia e Departamento

Leia mais

As Novas Tecnologias como componente da. Formação, de 1º ciclo, em Serviço Social

As Novas Tecnologias como componente da. Formação, de 1º ciclo, em Serviço Social Instituto Superior Miguel Torga Escola Superior de Altos Estudos Cláudia Sofia da Costa Duarte As Novas Tecnologias como componente da Formação, de 1º ciclo, em Serviço Social Dissertação de Mestrado em

Leia mais

ACEF/1112/16972 Parecer do RIES sobre intenção de decisão

ACEF/1112/16972 Parecer do RIES sobre intenção de decisão ACEF/1112/16972 Parecer do RIES sobre intenção de decisão ACEF/1112/16972 Parecer do RIES sobre intenção de decisão Parecer da Instituição de Ensino Superior à Intenção de Decisão do Conselho de Administração

Leia mais

75, 8.º DTO 1250-068 LISBOA

75, 8.º DTO 1250-068 LISBOA EAbrief: Medida de incentivo ao emprego mediante o reembolso da taxa social única EAbrief: Employment incentive measure through the unique social rate reimbursement Portaria n.º 229/2012, de 03 de Agosto

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS Curricular Unit Plan ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS CURSO Licenciatura em Engenharia Informática U.C. GESTÃO DE PROJECTOS INFORMÁTICOS Horas presenciais / Ano 56 Ano Lectivo 2010

Leia mais

Analysis, development and monitoring of business processes in Corporate environment

Analysis, development and monitoring of business processes in Corporate environment Analysis, development and monitoring of business processes in Corporate environment SAFIRA is an IT consulting boutique known for transforming the way organizations do business, or fulfil their missions,

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular

Ficha da Unidade Curricular ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS CURSO Licenciatura em Engenharia Informática U.C. FÍSICA APLICADA Ficha da Unidade Curricular Horas presenciais / Ano 56 Ano Lectivo 2010 / 2011 Horas

Leia mais

NCE/14/00251 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/14/00251 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/14/00251 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/14/00251 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

FICHA DE UNIDADE CURRICULAR (UC)

FICHA DE UNIDADE CURRICULAR (UC) FICHA DE UNIDADE CURRICULAR (UC) Ano letivo 2014/2015 Ano/Semestre curricular 2º ano/3º semestre Unidade Curricular [designação e tipo/se é do tipo obrigatório ou optativo] (máx100 caracteres) Língua de

Leia mais

Vânia Finholdt Ângelo Leite

Vânia Finholdt Ângelo Leite Vânia Finholdt Ângelo Leite A atuação da coordenação pedagógica em conjunto com os professores no processo de recontextualização da política oficial no 1º ano do Ensino Fundamental no Município do Rio

Leia mais

A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores

A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores Tese de Mestrado em Gestão Integrada de Qualidade, Ambiente e Segurança Carlos Fernando Lopes Gomes INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO E CIÊNCIAS Fevereiro

Leia mais

NCE/14/01396 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/14/01396 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/14/01396 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/14/01396 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

BR-EMS MORTALITY AND SUVIVORSHIP LIFE TABLES BRAZILIAN LIFE INSURANCE AND PENSIONS MARKET

BR-EMS MORTALITY AND SUVIVORSHIP LIFE TABLES BRAZILIAN LIFE INSURANCE AND PENSIONS MARKET BR-EMS MORTALITY AND SUVIVORSHIP LIFE TABLES BRAZILIAN LIFE INSURANCE AND PENSIONS MARKET 2015 1 e-mail:mario@labma.ufrj.br Tables BR-EMS, mortality experience of the Brazilian Insurance Market, were constructed,

Leia mais

Hidráulica Urbana. Urban Hydraulics. Semestre do plano de estudos 2

Hidráulica Urbana. Urban Hydraulics. Semestre do plano de estudos 2 Nome UC Hidráulica Urbana CU Name Código UC 725 Curso MEC Semestre do plano de estudos 2 Área científica Engenharia Civil Duração Semestral Horas de trabalho 164 ECTS 6 Horas de contacto T - 22,5; PL -

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular

Ficha da Unidade Curricular ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS CURSO Licenciatura em Engenharia Informática U.C. COMPUTAÇÃO MÓVEL E UBÍQUA Ficha da Unidade Curricular Horas presenciais / Ano 56 Ano Lectivo 2010

Leia mais

TUTORIA INTERCULTURAL NUM CLUBE DE PORTUGUÊS

TUTORIA INTERCULTURAL NUM CLUBE DE PORTUGUÊS UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE PSICOLOGIA E DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO TUTORIA INTERCULTURAL NUM CLUBE DE PORTUGUÊS SANDRA MARIA MORAIS VALENTE DISSERTAÇÃO DE MESTRADO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO Área de

Leia mais

Pré-Inscrição On-line» [Versão em português] Online Registration» [English version] Programa Syllabus

Pré-Inscrição On-line» [Versão em português] Online Registration» [English version] Programa Syllabus Pré-Inscrição On-line» [Versão em português] Online Registration» [English version] Programa Syllabus Código Code Unidade Curricular Course Unit Português para Estrangeiros nível intermédio B Portuguese

Leia mais

This report mirrors my journey as a Master s Degree student and describes my development as a future teacher.

This report mirrors my journey as a Master s Degree student and describes my development as a future teacher. AGRADECIMENTOS Este ponto do presente relatório é dedicado a todos os que, de algum modo, contribuíram para o meu processo de aprendizagem e de formação. Começo por agradecer aos professores que grande

Leia mais

Erasmus Student Work Placement

Erasmus Student Work Placement Erasmus Student Work Placement EMPLOYER INFORMATION Name of organisation Address Post code Country SPORT LISBOA E BENFICA AV. GENERAL NORTON DE MATOS, 1500-313 LISBOA PORTUGAL Telephone 21 721 95 09 Fax

Leia mais

MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015

MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015 MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015 2ª FASE - ECT SUPLENTE EXCLUÍDO LISTA DE CANDIDATOS SERIAÇÃO CARLA MARIA CARNEIRO ALVES Doutoramento em Didática de Ciências e Tecnologias 3,9 de 5 4 CARLOS EDUARDO DOS

Leia mais

ACEF/1112/03467 Decisão de apresentação de pronúncia

ACEF/1112/03467 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/03467 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/03467 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido

Leia mais

ACEF/1213/12477 Decisão de apresentação de pronúncia

ACEF/1213/12477 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1213/12477 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1213/12477 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido

Leia mais

Construção, Território e Ambiente. Construction, Planning and Environment. Semestre do plano de estudos 2

Construção, Território e Ambiente. Construction, Planning and Environment. Semestre do plano de estudos 2 Nome UC Construção, Território e Ambiente CU Name Código UC 11 Curso LEC Semestre do plano de estudos 2 Área científica Engenharia Civil Duração Semestral Horas de trabalho 95 ECTS 3.5 Horas de contacto

Leia mais

Português 207 Portuguese for Business

Português 207 Portuguese for Business Português 207 Portuguese for Business Spring 2012: Porugal and the EU Instructor: Jared Hendrickson Office: 1149 Van Hise Office Hours: Monday and Thursday, 11:00 am-12:00 pm e-mail: jwhendrickso@wisc.edu

Leia mais

CEF/0910/25706 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento

CEF/0910/25706 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento CEF/0910/25706 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento CEF/0910/25706 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento Decisão de

Leia mais

21022 Diário da República, 2.ª série N.º 155 13 de agosto de 2014

21022 Diário da República, 2.ª série N.º 155 13 de agosto de 2014 21022 Diário da República, 2.ª série N.º 155 13 de agosto de 2014 Despacho n.º 10553/2014 Ao abrigo do disposto nos artigos 75.º e 76.º do Decreto -Lei pelo Decreto -Lei n.º 107/2008, de 25 de junho, pelo

Leia mais

ACEF/1314/02887 Decisão de apresentação de pronúncia

ACEF/1314/02887 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1314/02887 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1314/02887 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido

Leia mais

NCE/10/00806 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/10/00806 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/10/00806 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/10/00806 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

Cultural Identity of Young Volunteers Differences and understanding Empowering People. Volunteer Profile Questionnaire

Cultural Identity of Young Volunteers Differences and understanding Empowering People. Volunteer Profile Questionnaire Volunteer Profile Questionnaire 1 Índice 1 VOLUNTEER PROFILE QUESTIONNAIRE... 1.1 Country... 1. AGE... 1. GENDER... 1..1 GENDER vs... 1. Qualification... 1..1 QUALIFICATION GREECE VS PORTUGAL... 1. Are

Leia mais

Informática e Programação. Computer Science and Programming. Semestre do plano de estudos 1

Informática e Programação. Computer Science and Programming. Semestre do plano de estudos 1 Nome UC Informática e Programação CU Name Código UC 4 Curso LEC Semestre do plano de estudos 1 Área científica Informática Duração Semestral Horas de trabalho 135 ECTS 5 Horas de contacto TP - 67,5 Observações

Leia mais

Educação Vocacional e Técnica nos Estados Unidos. Érica Amorim Simon Schwartzman IETS

Educação Vocacional e Técnica nos Estados Unidos. Érica Amorim Simon Schwartzman IETS Educação Vocacional e Técnica nos Estados Unidos Érica Amorim Simon Schwartzman IETS Os principais modelos Modelo europeu tradicional: diferenciação no secundário entre vertentes acadêmicas e técnico-profissionais

Leia mais

Welcome to Lesson A of Story Time for Portuguese

Welcome to Lesson A of Story Time for Portuguese Portuguese Lesson A Welcome to Lesson A of Story Time for Portuguese Story Time is a program designed for students who have already taken high school or college courses or students who have completed other

Leia mais

Estereoscopia Digital no Ensino da Química AGRADECIMENTOS

Estereoscopia Digital no Ensino da Química AGRADECIMENTOS AGRADECIMENTOS O findar desta dissertação é o momento indicado para agradecer ao Professor Doutor João Carlos de Matos Paiva pela sua grande ajuda, pela disponibilidade sempre manifestada, pelo seu empenho

Leia mais

ACEF/1112/24182 Decisão de apresentação de pronúncia

ACEF/1112/24182 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/24182 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/24182 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido

Leia mais

A PERCEPÇÃO DOS DISCENTES SOBRE O DESEMPENHO DOS DOCENTES DOS CURSOS DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ADMINISTRAÇÃO DA UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU

A PERCEPÇÃO DOS DISCENTES SOBRE O DESEMPENHO DOS DOCENTES DOS CURSOS DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ADMINISTRAÇÃO DA UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU A PERCEPÇÃO DOS DISCENTES SOBRE O DESEMPENHO DOS DOCENTES DOS CURSOS DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ADMINISTRAÇÃO DA UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU PERCEPTION OF STUDENTS PERFORMANCE OF TEACHERS OF SCIENCE

Leia mais

NORMAS PARA AUTORES. As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt.

NORMAS PARA AUTORES. As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt. NORMAS PARA AUTORES As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt. COPYRIGHT Um artigo submetido à Revista Portuguesa

Leia mais

Perguntas & Respostas

Perguntas & Respostas Perguntas & Respostas 17 de Abril de 2008 Versão Portuguesa 1. O que é uma Certidão Permanente?...4 2. Como posso ter acesso a uma Certidão Permanente?...4 3. Onde posso pedir uma Certidão Permanente?...4

Leia mais

PEDIDO DE ACREDITAÇÃO PRÉVIA DE NOVO CICLO DE ESTUDOS (PAPNCE) (Ensino Universitário e Politécnico) Guião de apresentação

PEDIDO DE ACREDITAÇÃO PRÉVIA DE NOVO CICLO DE ESTUDOS (PAPNCE) (Ensino Universitário e Politécnico) Guião de apresentação PEDIDO DE ACREDITAÇÃO PRÉVIA DE NOVO CICLO DE ESTUDOS (PAPNCE) (Ensino Universitário e Politécnico) Guião de apresentação Versão de Setembro de 2013 APRESENTAÇÃO DO PEDIDO A1. Instituição de ensino superior

Leia mais

UNIVERSIDADE DE ÉVORA

UNIVERSIDADE DE ÉVORA UNIVERSIDADE DE ÉVORA MESTRADO EM INTERVENÇÃO SÓCIO-ORGANIZACIONÀL NA SAÚDE Curso ministrado em parceria com a Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa (DR Série, n.. 250 de 29 de Outubro de 2002)

Leia mais

UAb Session on Institutional Change Students and Teachers. Lina Morgado

UAb Session on Institutional Change Students and Teachers. Lina Morgado UAb Session on Institutional Change Students and Teachers Lina Morgado Lina Morgado l SUMMARY 1 1. Pedagogical Model : Innovation Change 2. The context of teachers training program at UAb.pt 3. The teachers

Leia mais

NCE/09/01342 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/09/01342 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/09/01342 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/09/01342 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO. Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO. Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática São Paulo 2010 JOÃO FÁBIO PORTO Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática

Leia mais

NCE/14/01201 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/14/01201 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/14/01201 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/14/01201 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

MAUS TRATOS NA POPULAÇÃO IDOSA INSTITUCIONALIZADA

MAUS TRATOS NA POPULAÇÃO IDOSA INSTITUCIONALIZADA Universidade de Lisboa Faculdade de Medicina de Lisboa MAUS TRATOS NA POPULAÇÃO IDOSA INSTITUCIONALIZADA Catarina Isabel Fonseca Paulos Mestrado em Medicina Legal e Ciências Forenses 2005 Esta dissertação

Leia mais

O papel do MBA na carreira do executivo

O papel do MBA na carreira do executivo O papel do MBA na carreira do executivo Renata Fabrini 09.03.2010 CONFERÊNCIA ANAMBA E ENCONTRO REGIONAL LATINO AMERICANO DO EMBA COUNCIL 2010 sobre a Fesa maior empresa consultoria especializada com atuação

Leia mais

PERFIL DE ESCOLAS DO ENSINO FUNDAMENTAL DO CICLO II A RESPEITO DO USO DE RECURSOS DE INFORMÁTICA PELO PROFESSOR PARA AUXÍLIO DA APRENDIZAGEM DO ALUNO

PERFIL DE ESCOLAS DO ENSINO FUNDAMENTAL DO CICLO II A RESPEITO DO USO DE RECURSOS DE INFORMÁTICA PELO PROFESSOR PARA AUXÍLIO DA APRENDIZAGEM DO ALUNO REVISTA CIENTÍFICA ELETRÔNICA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - ISSN 1807-1872 P UBLICAÇÃO C IENTÍFICA DA F ACULDADE DE C IÊNCIAS J URÍDICAS E G ERENCIAIS DE G ARÇA/FAEG A NO II, NÚMERO, 03, AGOSTO DE 2005.

Leia mais

Reitor / President Marcos Macari, Ph.D. Vice-Reitor /Vice-President Herman Jacobus Cornelis Voorwald, Ph.D.

Reitor / President Marcos Macari, Ph.D. Vice-Reitor /Vice-President Herman Jacobus Cornelis Voorwald, Ph.D. UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JULIO DE MESQUITA FILHO Reitor / President Marcos Macari, Ph.D. Vice-Reitor /Vice-President Herman Jacobus Cornelis Voorwald, Ph.D. Pró-Reitora de Pós-Graduação / Graduate

Leia mais

NCE/11/01581 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/11/01581 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/11/01581 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/11/01581 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

RELAÇÕES ENTRE O DESEMPENHO NO VESTIBULAR E O RENDIMENTO ACADÊMICO DOS ESTUDANTES NO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE MATERIAIS DA UFSCAR

RELAÇÕES ENTRE O DESEMPENHO NO VESTIBULAR E O RENDIMENTO ACADÊMICO DOS ESTUDANTES NO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE MATERIAIS DA UFSCAR RELAÇÕES ENTRE O DESEMPENHO NO VESTIBULAR E O RENDIMENTO ACADÊMICO DOS ESTUDANTES NO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE MATERIAIS DA UFSCAR Walter Libardi libardi@power.ufscar.br Pedro Ferreira Filho

Leia mais

PEDIDO DE ACREDITAÇÃO PRÉVIA DE NOVO CICLO DE ESTUDOS (PAPNCE) (Ensino Universitário e Politécnico) Guião de apresentação

PEDIDO DE ACREDITAÇÃO PRÉVIA DE NOVO CICLO DE ESTUDOS (PAPNCE) (Ensino Universitário e Politécnico) Guião de apresentação PEDIDO DE ACREDITAÇÃO PRÉVIA DE NOVO CICLO DE ESTUDOS (PAPNCE) (Ensino Universitário e Politécnico) Guião de apresentação Versão de Abril de 2014 APRESENTAÇÃO DO PEDIDO A1. Instituição de ensino superior

Leia mais

CARLA ALEXANDRA SEVES DE ANDRADE CANOTILHO

CARLA ALEXANDRA SEVES DE ANDRADE CANOTILHO Escola Superior de Tecnologia e Gestão Instituto Politécnico da Guarda R E L AT Ó R I O D E AT I V I D A D E P R O F I S S I O N A L N A J. V A R G A S - G A B I N E T E T É C N I C O D E G E S T Ã O E

Leia mais

Geração automática de suíte de teste para GUI a partir de Rede de Petri

Geração automática de suíte de teste para GUI a partir de Rede de Petri Raquel Jauffret Guilhon Geração automática de suíte de teste para GUI a partir de Rede de Petri Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada como requisito parcial para obtenção do grau de Mestre pelo

Leia mais

ACEF/1213/07042 Decisão de apresentação de pronúncia

ACEF/1213/07042 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1213/07042 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1213/07042 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido

Leia mais

NCE/12/01326 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/12/01326 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/12/01326 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/12/01326 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

UNIVERSIDADE DOS AÇORES DEPARTAMENTO DE ECONOMIA E GESTÃO RELATÓRIO DE ESTÁGIO DE MESTRADO EM CIÊNCIAS ECONÓMICAS E EMPRESARIAIS

UNIVERSIDADE DOS AÇORES DEPARTAMENTO DE ECONOMIA E GESTÃO RELATÓRIO DE ESTÁGIO DE MESTRADO EM CIÊNCIAS ECONÓMICAS E EMPRESARIAIS UNIVERSIDADE DOS AÇORES DEPARTAMENTO DE ECONOMIA E GESTÃO RELATÓRIO DE ESTÁGIO DE MESTRADO EM CIÊNCIAS ECONÓMICAS E EMPRESARIAIS GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS NA INSTITUIÇÃO RESIDÊNCIA

Leia mais

UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE CIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO

UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE CIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE CIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO APRENDER CIDADANIA COM A DISCIPINA DE HISTÓRIA: 3 PERCURSOS NO CONCELHO DE ODEMIRA Rita Santos Agudo do Amaral Rêgo MESTRADO EM EDUCAÇÃO

Leia mais

EDITAL. MESTRADO EM COMÉRCIO ELECTRÓNICO (3ª Edição 2012/2014)

EDITAL. MESTRADO EM COMÉRCIO ELECTRÓNICO (3ª Edição 2012/2014) EDITAL MESTRADO EM COMÉRCIO ELECTRÓNICO (3ª Edição 2012/2014) Nos termos do Decreto-Lei nº 42/2005, de 22 de Fevereiro, do Decreto-Lei nº 74/200, de 24 de Março, com as alterações que lhes foram introduzidas

Leia mais

REGULAMENTO DO PRIMEIRO CICLO DE ESTUDOS EM PUBLICIDADE E RELAÇÕES PÚBLICAS

REGULAMENTO DO PRIMEIRO CICLO DE ESTUDOS EM PUBLICIDADE E RELAÇÕES PÚBLICAS REGULAMENTO DO PRIMEIRO CICLO DE ESTUDOS EM PUBLICIDADE E RELAÇÕES PÚBLICAS REGULAMENTO DO PRIMEIRO CICLO DE ESTUDOS EM PUBLICIDADE E RELAÇÕES PÚBLICAS O presente regulamento foi homologado pelo Presidente

Leia mais

Topografia Aplicada. Applied Topography. Semestre do plano de estudos 1

Topografia Aplicada. Applied Topography. Semestre do plano de estudos 1 Nome UC Topografia Aplicada CU Name Código UC 736 Curso MEC Semestre do plano de estudos 1 Área científica Engenharia Civil Duração Semestral Horas de trabalho 124 ECTS 4.5 Horas de contacto T - 22,5;

Leia mais

ACEF/1112/03877 Relatório preliminar da CAE

ACEF/1112/03877 Relatório preliminar da CAE ACEF/1112/03877 Relatório preliminar da CAE Caracterização do ciclo de estudos Perguntas A.1 a A.10 A.1. Instituição de ensino superior / Entidade instituidora: Universidade Da Beira Interior A.1.a. Identificação

Leia mais

PEDIDO DE ACREDITAÇÃO PRÉVIA DE NOVO CICLO DE ESTUDOS (PAPNCE) (Ensino Universitário e Politécnico) Guião de apresentação

PEDIDO DE ACREDITAÇÃO PRÉVIA DE NOVO CICLO DE ESTUDOS (PAPNCE) (Ensino Universitário e Politécnico) Guião de apresentação PEDIDO DE ACREDITAÇÃO PRÉVIA DE NOVO CICLO DE ESTUDOS (PAPNCE) (Ensino Universitário e Politécnico) Guião de apresentação Versão de 31 de Agosto de 2011 APRESENTAÇÃO DO PEDIDO A1. Instituição de ensino

Leia mais

PIBID: ALUNOS MONITORES COMO ORIENTADORES DA METODOLOGIA CIENTÍFICA PARA FEIRA DE CIÊNCIAS DA ESCOLA ESTADUAL MOREIRA DIAS

PIBID: ALUNOS MONITORES COMO ORIENTADORES DA METODOLOGIA CIENTÍFICA PARA FEIRA DE CIÊNCIAS DA ESCOLA ESTADUAL MOREIRA DIAS PIBID: ALUNOS MONITORES COMO ORIENTADORES DA METODOLOGIA CIENTÍFICA PARA FEIRA DE CIÊNCIAS DA ESCOLA ESTADUAL MOREIRA DIAS Ewelanny Louyde Ferreira de Lima¹; Daiane Rodrigues Soares². Alunas de graduação

Leia mais

e-lab: a didactic interactive experiment An approach to the Boyle-Mariotte law

e-lab: a didactic interactive experiment An approach to the Boyle-Mariotte law Sérgio Leal a,b, João Paulo Leal a,c Horácio Fernandes d a Departamento de Química e Bioquímica, FCUL, Lisboa, Portugal b Escola Secundária com 3.º ciclo Padre António Vieira, Lisboa, Portugal c Unidade

Leia mais

Ano Lectivo : 2010/11-Inverno

Ano Lectivo : 2010/11-Inverno Turma : MT11D 1º Semestre Regime Diurno - MEET RSCM (P) G.0.16 SE1 (T) SCDig (P) SE1 (T) SE1 (P) LabSin LH III OE (T) ST (T) G.0.24 OE (T) ST (T) AVE (T) RCom (T) AVE (P) AVE (T) LS I RI (P) RI (T) RI

Leia mais

DPI. Núcleo de Apoio ao Desenvolvimento de Projetos e Internacionalização Project Development And Internationalization Support Office

DPI. Núcleo de Apoio ao Desenvolvimento de Projetos e Internacionalização Project Development And Internationalization Support Office DPI Núcleo de Apoio ao Desenvolvimento de Projetos e Internacionalização Project Development And Internationalization Support Office Apresentação/Presentation Criado em 1 de março de 2011, o Núcleo de

Leia mais

Ficha de unidade curricular. Curso de Mestrado em Direito - Profissionalizante

Ficha de unidade curricular. Curso de Mestrado em Direito - Profissionalizante Unidade curricular Direito das Sociedades Comerciais Ficha de unidade curricular Curso de Mestrado em Direito - Profissionalizante Docente responsável e respetiva carga letiva na unidade curricular (preencher

Leia mais

Consultoria em Direito do Trabalho

Consultoria em Direito do Trabalho Consultoria em Direito do Trabalho A Consultoria em Direito do Trabalho desenvolvida pelo Escritório Vernalha Guimarães & Pereira Advogados compreende dois serviços distintos: consultoria preventiva (o

Leia mais

DGES DIRECÇÃO GERAL DO ENSINO SUPERIOR MINISTÉRIO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E ENSINO SUPERIOR FORM

DGES DIRECÇÃO GERAL DO ENSINO SUPERIOR MINISTÉRIO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E ENSINO SUPERIOR FORM FORM 1. Teaching Establishment: Polytechnic Institute of Tomar 2. Organic Unit (faculty, school, institute, etc.): chool of Technology of Tomar 3. Degree : Archaeological Techniques 4. Degree Qualification

Leia mais

CEF/0910/26566 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento

CEF/0910/26566 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento CEF/0910/26566 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento CEF/0910/26566 Decisão de Apresentação de Pronúncia (Univ) - Ciclo de estudos em funcionamento Decisão de

Leia mais

Lesson 6 Notes. Eu tenho um irmão e uma irmã Talking about your job. Language Notes

Lesson 6 Notes. Eu tenho um irmão e uma irmã Talking about your job. Language Notes Lesson 6 Notes Eu tenho um irmão e uma irmã Talking about your job Welcome to Fun With Brazilian Portuguese Podcast, the podcast that will take you from beginner to intermediate in short, easy steps. These

Leia mais

Reunião da Comissão Permanente do Conselho Técnico Científico do ISEL 18 de julho de 2013 10:00

Reunião da Comissão Permanente do Conselho Técnico Científico do ISEL 18 de julho de 2013 10:00 CARVOEIRO2002 ISEL INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE LISBOA CONSELHO TÉCNICO CIENTÍFICO Reunião da Comissão Permanente do Conselho Técnico Científico do ISEL 18 de julho de 2013 10:00 Ao 18.º dia do

Leia mais

Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios

Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE LETRAS DEPARTAMENTO DE GEOGRAFIA Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios Sandra Sofia Brito da Silva Dissertação

Leia mais

REGULAMENTO DO SEGUNDO CICLO DE ESTUDOS EM COMUNICAÇÃO E MARKETING

REGULAMENTO DO SEGUNDO CICLO DE ESTUDOS EM COMUNICAÇÃO E MARKETING REGULAMENTO DO SEGUNDO CICLO DE ESTUDOS EM COMUNICAÇÃO E MARKETING REGULAMENTO DO SEGUNDO CICLO DE ESTUDOS EM COMUNICAÇÃO E MARKETING O presente regulamento foi homologado pelo Presidente da ESEV, a 18

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular

Ficha da Unidade Curricular ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS CURSO Licenciatura em Engenharia Informática U.C. PROGRAMAÇÃO EM AMBIENTE WEB Ficha da Unidade Curricular Horas presenciais / Ano 84 Ano Lectivo 2010

Leia mais

NCE/09/00777 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/09/00777 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/09/00777 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/09/00777 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

ACEF/1112/14337 Decisão de apresentação de pronúncia

ACEF/1112/14337 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/14337 Decisão de apresentação de pronúncia ACEF/1112/14337 Decisão de apresentação de pronúncia Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da Comissão de Avaliação Externa 1. Tendo recebido

Leia mais

Responsabilidade Social no Ensino em Administração: um estudo exploratório sobre a visão dos estudantes de graduação

Responsabilidade Social no Ensino em Administração: um estudo exploratório sobre a visão dos estudantes de graduação Renata Céli Moreira da Silva Responsabilidade Social no Ensino em Administração: um estudo exploratório sobre a visão dos estudantes de graduação Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada ao Programa

Leia mais