CFTV Digital. Câmera IP Controle de Acesso Wireless Redes Sem Fio. Erika Araujo Analista de Sistemas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CFTV Digital. Câmera IP Controle de Acesso Wireless Redes Sem Fio. Erika Araujo Analista de Sistemas"

Transcrição

1 CFTV Digital Câmera IP Controle de Acesso Wireless Redes Sem Fio Erika Araujo Analista de Sistemas

2

3

4

5

6 CFTV Futuro??? x Presente???

7 Tecnologia Analógico x Digital

8 Evolução Exemplo: Celular TDMA x GSM

9 Diferença Qualidade: Digital Analógico

10 Resolução

11 Sistema Digital Vantagens - QUALIDADE - VERSATILIDADE - LIBERDADE Desvantagens - CUSTO - ESPAÇO DE ARMAZENAMENTO - TRÁFEGO DE REDE PESADO (INTERNET)

12

13 Câmera IP Aplicação de Rede

14

15

16 Câmera IP Megapixel

17

18

19

20 DVR - (Somente Câmeras Analógicas) HVR - (Câmeras Analógicas e IP s) NVR - (Somente Câmeras IP s)

21 Gravador Digital Híbrido - HVR de canais: HD1 1080p 720p Compatível com os navegadores: Internet Explorer, Chrome e Mozilla Firefox. Saída de vídeo analógica BNC, VGA e HDMI. Suport e à serviços deddns (CITROX, NO-IP, DynDNS, MYQ-SEE). Compatível com câmeras IPs CITROX. Suport e à 1 HD SATA de até 3 TB. Acesso nuvem PTZ. 2.0

22 Gravador Digital de rede - NVR Câmeras IPs CITROX 1080p 720p D1 1080p 8 720p MENU MODE SEARCHPT Z 5 Áudio: 2 entradas e 1 saída. Suporte à 1 HD SATA de a té 3 TB. Saída de vídeo analógica BNC, VGA e HDMI N F 9 SHIF T ESC POW ER H D R rd A o c e rm S la ift P h we o r Áudio: 1 entrada e 1 saída. Suporte à 4 HDs SATA de a té 3 TBcada. Saídas de vídeos: 2 x analógica BNC, 1 x VGA e 1 x HDMI. Alarme: 16 entradas e 4 saídas. 2.0

23 Aplicação NVR Câmeras IP ADIP-IVS80x NVR NVR

24 O que é PoE(Power Over Ethernet) Sistema Convencional Energia

25 O que é PoE(Power Over Ethernet) Sistema PoE

26

27 Videos Câmera IP - Reportagem rede globo sobre câmeras ip e video notificação - Reportagem speed dome IP flaga o acidente em Varginha - Zoom placa do carro, backup câmera ip 2 megapixel

28 Passo a passo Configuração Câmera IP 1) Identificar a faixa de IP da rede que vai colocar a câmera ip, máscara, gateway, dns (IPCONFIG) 2) Anotar essas informações 3) Fazer um teste de ping para encontrar um ip livre na mesma faixa para colocar na câmera ip (PING) 4) Identificar o IP padrão da câmera ip (todas vem com ip de fábrica) 5) Colocar o computador na mesma faixa de ip que a câmera vem de fábrica para comunicar o computador com a câmera ip 6) Entrar na câmera ip pelo browser (internet explorer) 7) Alterar o ip da câmera ip de acordo com as informações da rede que foi identificado no primeiro item 8) Voltar o ip do computador ao normal da rede 9) Entrar no software cliente 10)Cadastrar as informações configuradas na câmera ip para conectar a câmera ip com o software cliente de monitoramento

29

30

31 LVC1091IP: CCD 1/4" SONY SUPER HAD; 480 Linhas, 0,15 Lux; Rotação de 0,05 a 250 /segundo; Função Tilt de até 180 ; Zoom Optico de 27X; Sessenta e quatro (64) Presets; A prova de água (IP 66); Sistema de controle de temperatura interno; Alimentação: 18~30 VAC; Pelco D / P; Possibilidade de integração com sistema CMS do DVR Stand alone Luxvision;

32

33

34 D Guard

35 Roteador Antena + Roteador

36 Redes de Computadores

37 Estrutura de Redes CABEADAS Local Pequenas distâncias

38 Estrutura de Redes SEM FIO Local Pequenas e grandes distâncias

39 Estrutura de Redes REDES MISTAS Sem Fio e Cabeadas

40 Distribuição de Sinal Sem Fio

41 Redes Wireless WIRELESS COMUNICAÇÃO Teve seu início no meio militar e acadêmico Expandiu-se rapidamente Meio que mais cresce no mercado -Provedores de internet -Plano de incentivos do governo Comércio -Oferta de acesso à internet gratuita Empresas -Mobilidade local Cidades digitais -Plataforma de campanhas políticas Residências -Popularização de uso de Notebooks e celulares -Compartilhamento de internet

42 O que é Wireless? Agrônomo da língua inglesa que significa wire = Fio e less sem, ou seja, sem fio

43 Como funciona? Um equipamento para Transmitir e outro para receber o sinal Tx Transmissor Rx Receptor

44 Equipamentos Conecta Conecta Dispositivo Ativo(Eletrônico) Emite o sinal em uma frequência definida pelo dispositivo Cabos(Linha de Transmissão) Servem para interconexão com as antenas Antenas Elemento passivo que recebe o sinal do dispositivo ativo e direciona o sinal Toda estrutura Wireless Compõe:

45 Benefícios Os principais benefícios são: Mobilidade: Com sistema de redes Wireless você tem mobilidade em ambientes que ela cobre o que impede você de selecionar um ponto fixo para ficar na rede, bastando simplesmente você estar em uma área de cobertura.

46 Benefícios Facilidade de instalação e implantação do sistema Wireless: Não é complicada a implantação e instalação nos ambientes tanto externos quanto internos e não é necessário mão de obra especializada para instalação de conectores e antenas

47 Benefícios Flexibilidade: A tecnologia sem fio chega aonde os meios físicos não chegam. Fácil expansão da rede Wireless: Para expandir uma rede Wireless basta mais um dispositivo Wireless

48 Benefícios Custo reduzido em grandes projetos: Redução de custos com cabeamento e replanejamento das infraestruturas de redes.

49 Pra que serve Antenas? - Elemento passivo para direcionamento da Onda Eletromagnética - Nunca pode-se falar que a antena amplifica o sinal.

50 Tipos de Antenas - Omni - Antena Omni irradia Onda Eletromagnética em 360º. - Aplicações: Ponto-Multi-Ponto

51 Tipos de Antenas - Omni Diagrama de Irradiação 2D e 3D:

52 Tipos de Antenas - Setorial - Antenas setoriais são para cobrir setores específicos - Existem no mercado antenas setoriais de 45º a 180º, sendo as mais comuns 90º e 120º

53 Tipos de Antenas - Setorial Diagrama de Irradiação 2D e 3D:

54 Tipos de Antenas - Direcional - Antenas direcionais são geralmente usadas em ponto-a-ponto ou cliente devido a sua direcionalidade - Em todos os casos os ângulo de abertura não ultrapassa 30º

55 Tipos de Antenas - Direcional Diagrama de Irradiação 2D e 3D:

56 Prática

57

58

59

60

61

62

63 Dificuldades do Provedor (Redes Sem Fio)

64 Interferência A interferência pode acontecer de duas formas: intra-sistemas e/ou inter-sistemas

65 Telefones Sem Fio Geralmente operam na freqüência de 900Mhz, mas há modelos que trabalham em 2.4GHz, a mesma dos equipamentos b e g. Em ambientes com ou próximos a esse tipo de telefone a qualidade do sinal Wireless pode ser afetada.

66 Micro-ondas Os micro-ondas também usam a disputada freqüência livre de 2,4GHz. Por isso, o ideal é que fiquem isolados do ambiente onde está a rede. Dependendo do caso, as interferências podem afetar apenas os usuários mais próximos ou toda a rede.

67 Água Grandes recipientes com água, como aquários e bebedouros, são inimigos da boa propagação do sinal de Wireless. Evite que esse tipo de material entre o ponto de acesso é as maquinas da rede.

68 Vidros e Árvores O vidro é outro material que pode influenciar negativamente na qualidade do sinal. Na ligação entre dois prédios por wireless, eles se somam a árvores altas, o que compromete a transmissão do sinal de uma antena para outra.

69 Potência Excessiva A interferência também pode ser causada pela energia de uma freqüência completamente diferente daquela que você deseja receber. Os transmissores de alta potência podem irradiar ondas harmônicas, que também estão transmitindo inadvertidamente uma energia que é um múltiplo de frequência pretendida do transmissor.

70 Interferências no Sinal Wireless Atenuando-as alterando a polaridade Polaridade Vertical Polaridade Horizontal

71 Fresnel Área em torno da linha de visada É por onde as ondas de rádio se propagam quando saem da antena. Essa área deve ser mais direta possível para um link saudável. Quanto menor a frequência maior é o raio do Fresnel Até 20% da área pode estar comprometida, acima desta porcentagem não existe comunicação

72 Visadas em Áreas com Obstáculos

73 Aplicação com Barreira O que fazer???

74 COMPRE A ULTRA MEGA ESCAVADEIRA MODESTO!!!

75 Aplicação com Barreira Se tiver barreira na visualização de um CPE para o outro CPE, tem que interligar + 2 CPE para repetir o sinal, um virado para um lado recebendo o sinal e outro virado para o outro lado para retransmitir o sinal para frente.

76 Planos de Internet (Banda) Banda estreita - Atualmente um dos grandes problemas é Banda para os clientes - Devido a falta de planos maiores o cliente acaba muitas vezes cancelando a assinatura 512 Kbps 1 Mbps 1,5 Mbps 256 Kbps 128 Kbps 2 Mbps

77 Roteador Wireless EWR-2NI2 Maior ganho e mais fácil de instalar O modelo EWR-2N12 dispõe de 2 portas POE habilitadas que dispensa a necessidade de pontos de energia no local da instalação. Sua nova potência de 380mW proporciona maior alcance de sinal

78 Aplicações Rodoviárias e Aeroportos Faculdades e Colégios Shoppings e Restaurantes

79 CPEs Wistations 2.4 CPE2N Potência de emissão superior Alimentação elétrica via POE Redes Mesh Padrão n 14 Canais Software intuitivo Segurança Avançada Homologação própria ANATEL Suporte técnico especializado Centro Avançado de Reparos Nas polarizações: H ou V

80 Aplicações

81 Como funciona Redes MESH? As redes MESH trabalham como protocolos link-state (OSPF), e utiliza um algoritmo que leva em conta informações como número de saltos, largura de banda e menor perda de pacotes. Todos os equipamentos com o protocolo habilitado fazem essa conta e compartilham através de uma tabela

82 Estrutura

83 Vantagens Eficácia na transmissão de dados ROAMING Mobilidade sem perda de conexão Geralmente implementado em redes com mais de um Gateway Mesma qualidade de transmissão para o cliente que está distante Bastante tolerante a falhas

84 Case de Sucesso MESH Prestador do Serviço: ADR Consultoria Responsável: Adair Local: Hospital de Cardiologia de Porto Alegre/RS Estrutura: Através de vários equipamentos em Mesh o prestador de serviço conseguiu cobertura completa na área de 1100 m² contando com o estacionamento do local e dentro dos prédios Utiliza: Elsys CPE-2N e Elsys EWR-2N02 Total de clientes: Pico de 37 usuários com consumo de banda total de 12 Mbps

85 CPEs Wistations 5.8 CPE-5N Potência de emissão superior Padrão a / n Software intuitivo Segurança Avançada Homologação própria ANATEL Suporte técnico especializado Centro Avançado de Reparos Ideal para Clientes Polarização Vertical

86 Características Indicadores LED Azuis 2 Portas Ethernet e Saída SMA Injetor PoE com Reset Remoto Fixação em Mastro e Parede

87 Aplicações

88 Distribuição de Sinal Sem Fio CIDADE DIGITAL Analógico Digital

89

90 Exemplos de Aplicação de Rede Sem Fio (Wireless) em CFTV e Monitoramento de Alarme

91 Pode-se ligar as câmeras comuns (analógica) direto no stand alone, e colocar o CPE na saída do stand alone. Assim em outro ponto coloca-se outro CPE para receber o sinal e jogar as imagens no computador.

92 Pode-se ligar câmeras ips direto no CPE para comunicação wireless. No outro ponto um CPE é capaz de receber as imagens de vários CPEs desde que estejam na mesma direção e passar essas imagens para um pc.

93 Pode-se ligar as câmeras comuns (analógica) direto no stand alone, e colocar o CPE na saída de rede do stand alone. Assim em outro ponto coloca-se outro CPE para receber o sinal e jogar as imagens no computador.

94 Se a câmera for comum (analógica), tem que ligar um VÍDEO SERVER para ligá-la no CPE para ter as imagens wireless. No outro ponto um CPE recebe o sinal e transmite para um ou vários PCs

95 Wireless em CFTV / Alarme Pode-se ligar as câmeras comuns (analógica) direto no stand alone, o stand alone no switch que por sua vez estará ligado na CPE, e ainda uma central de alarme com ethernet no switch. Assim em outro ponto coloca-se outra CPE para receber o sinal e jogar as imagens no computador e ainda fazer o monitoramento do alarme

96 Modos de Operação: Gateway O equipamento passa a dividir as redes diretamente conectadas entre as portas WAN e LAN (WLAN), mantendo acesso de uma rede a outra quando é solicitada uma rota diferente WAN LAN/ WLAN

97 Modos de Operação: Bridge Funciona como switch, mudando apenas o meio físico de pulsos elétricos (cabo de rede) para rádio frequência (wireless)

98 Modos de Operação: Wireless ISP Funcionando como roteador, a interface wireless passa a ser a WAN e as portas Ethernet passam a ser LAN.

99 Case (1): Roteador Bridge Como liberar as portas? IP LAN: IP WAN: DHCP Não precisa preocupar IP: Gateway: Porta: 90 Cabo conectado LAN Modem Gateway Porta 90: IP: IP REAL: IP WAN DO MODEM IP: Gateway:

100 Case (2): 2 Gateway na rede Como liberar as portas? IP LAN: IP WAN: Roteador Gateway Porta 90: IP: Gateway: Cabo conectado WAN Porta: 90 Modem Gateway Porta 90: IP: IP REAL: IP WAN DO MODEM IP: Gateway:

101 Case (3): Modem Bridge Como liberar as portas? IP LAN: FAZ CONEXÃO PPOe (discagem) Roteador Gateway Porta 90: IP: Gateway: Cabo conectado WAN Porta: 90 IP: IP REAL: IP WAN DO ROTEADOR IP: Gateway:

102 Futuros Lançamentos Linha Wireless Elsys

103 Wistick 1 x 1 MIMO 150 Mbps IEEE a/n em 5GHz 500 mw de potência RF Alimentação PoE 12VDC 1 porta RJ-45 Conector N Gabinete hermético IP-65 Dispensa pig tail

104 Antenas Setoriais EWA-5S1912X2 Polarização linear 2x2 MIMO Frequência MHz Ganho 19 dbi Abertura: 120 Conectores: 2 x RP-SMA F Gabinete Hermético EWA-5S2090X2 Polarização linear 2x2 MIMO Frequência MHz Ganho 20 dbi Abertura: 90 Conectores: 2 x RP-SMA F Gabinete Hermético

105 WiGrid Antena com acabamento de alumínio e material nobre Solução completa com o equipamento e fácil de instalar

106

107 Erika Araujo Telefone: (31) (35) (claro) Nosso site:

CFTV - Sistema Analógico - Sistema Digital

CFTV - Sistema Analógico - Sistema Digital CFTV - Sistema Analógico - Sistema Digital Acesso Remoto Erika Araujo Analista de Sistemas VIDEO INSTITUCIONAL 9 Lojas em Minas 17 anos VÍDEO: OLHA NÍVEL DOS PROFISSIONAIS CFTV - Circuito Fechado de TV

Leia mais

CFTV - Sistema Analógico - Sistema Digital

CFTV - Sistema Analógico - Sistema Digital CFTV - Sistema Analógico - Sistema Digital Acesso Remoto Erika Araujo Analista de Sistemas 9 Lojas em Minas 20 anos VÍDEO: OLHA NÍVEL DOS PROFISSIONAIS CFTV - Circuito Fechado de TV CFTV é um sistema

Leia mais

Velocidade, Performance e Estabilidade do cabo de rede com a Flexibilidade do Wireless!

Velocidade, Performance e Estabilidade do cabo de rede com a Flexibilidade do Wireless! Velocidade, Performance e Estabilidade do cabo de rede com a Flexibilidade do Wireless! AirWIRE é um dispositivo versátil para interconexão de equipamentos através de uma rede wireless de alta velocidade

Leia mais

Solução Acesso Internet Áreas Remotas

Solução Acesso Internet Áreas Remotas Solução Acesso Internet Áreas Remotas Página 1 ÍNDICE GERAL ÍNDICE GERAL... 1 1. ESCOPO... 2 2. SOLUÇÃO... 2 2.1 Descrição Geral... 2 2.2 Desenho da Solução... 4 2.3 Produtos... 5 2.3.1 Parte 1: rádios

Leia mais

Câmeras. Internas. www.foscam.com.br

Câmeras. Internas. www.foscam.com.br Câmeras Internas IP WIRELESS FOSCAM FI9821W A câmera IP FOSCAM FI9821W é uma solução para clientes que procuram um equipamento de alto desempenho, com compressão de imagem H.264 e resolução Megapixel.

Leia mais

WLAN WIRELESS STATION. Manual do usuário MAIT0078R00

WLAN WIRELESS STATION. Manual do usuário MAIT0078R00 WIRELESS STATION MAIT0078R00 Manual do usuário 8 1 Especificações Técnicas PQPL-24XX CPE Proeletronic Frequência Ganho VSWR Relação Frente/costa OE/OH Polarização cruzada Impedância PQPL-2412 PQPL-2417

Leia mais

Guia de instalação WOM 5000

Guia de instalação WOM 5000 Guia de instalação WOM 5000 Roteador Wireless WOM 5000 Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. O WOM 5000 com antena integrada de 12 dbi fornece uma solução completa

Leia mais

Universidade de Brasília

Universidade de Brasília Universidade de Brasília Introdução a Microinformática Turma H Redes e Internet Giordane Lima Porque ligar computadores em Rede? Compartilhamento de arquivos; Compartilhamento de periféricos; Mensagens

Leia mais

GS 16SVR960 Sistema de Gravação de Vídeo - 960H - 16 canais

GS 16SVR960 Sistema de Gravação de Vídeo - 960H - 16 canais www.gigasecurity.com.br GS 16SVR960 Sistema de Gravação de Vídeo - 960H - 16 canais Gravador de vídeo Fonte bivolt Proteção de surto HD opcional Acesso via internet Sistema de gravação de vídeo Muito mais

Leia mais

Bancada de CFTV - XI 102 -

Bancada de CFTV - XI 102 - T e c n o l o g i a Bancada de CFTV - XI 102 - Os melhores e mais modernos MÓDULOS DIDÁTICOS para um ensino tecnológico de qualidade. Bancada de CFTV - XI 102 - INTRODUÇÃO As instalações prediais nos novos

Leia mais

REDE DE COMPUTADORES

REDE DE COMPUTADORES SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL REDE DE COMPUTADORES Tecnologias de Rede Arquitetura Padrão 802.11 Prof. Airton Ribeiro de Sousa E-mail: airton.ribeiros@gmail.com 1 Arquitetura Wireless Wi-Fi

Leia mais

Primeiro Técnico TIPOS DE CONEXÃO, BANDA ESTREITA E BANDA LARGA

Primeiro Técnico TIPOS DE CONEXÃO, BANDA ESTREITA E BANDA LARGA Primeiro Técnico TIPOS DE CONEXÃO, BANDA ESTREITA E BANDA LARGA 1 Banda Estreita A conexão de banda estreita ou conhecida como linha discada disponibiliza ao usuário acesso a internet a baixas velocidades,

Leia mais

WirelessHART Manager

WirelessHART Manager Descrição do Produto O uso de tecnologias de comunicação de dados sem fio em sistemas de automação industrial é uma tendência em crescente expansão. As vantagens do uso de tecnologia sem fio são inúmeras

Leia mais

CPE Soft Manual. 125/400mW 2.4GHz. CPE Soft

CPE Soft Manual. 125/400mW 2.4GHz. CPE Soft CPE Soft Manual 125/400mW 2.4GHz CPE Soft Campinas - SP 2010 Indice 1.1 Acessando as configurações. 2 1.2 Opções de configuração... 3 1.3 Wireless... 4 1.4 TCP/IP 5 1.5 Firewall 6 7 1.6 Sistema 8 1.7 Assistente...

Leia mais

Gravador digital de vídeo (DVR) de 16 canais Stand Alone

Gravador digital de vídeo (DVR) de 16 canais Stand Alone Gravador digital de vídeo (DVR) de 16 canais Stand Alone VX-16CH-C-H 16 Canais de Vídeos e 1 Canal de Audio Suporta 1 Disco Rígido (HD SATA) Compressão de Vídeo H.264 480 FPS (Frames por Segundo) Integração

Leia mais

Procedimentos e Recursos Técnicos

Procedimentos e Recursos Técnicos Procedimentos e Recursos Técnicos Procedimentos e Recursos Técnicos Aprenderemos neste Curso Web alguns procedimentos e recursos técnicos utilizados Para realizar a configuração de sistemas de CFTV. Configurar

Leia mais

CONFIGURAÇÃO KIT PROVEDOR DE INTERNET SEM FIO

CONFIGURAÇÃO KIT PROVEDOR DE INTERNET SEM FIO CONFIGURAÇÃO KIT PROVEDOR DE INTERNET SEM FIO IMPORTANTE: Não instale o KIT no mastro sem antes conhecer bem o SOFTWARE (firmware) de gerenciamento. Configure a placa AP e faça todos os testes possíveis,

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO CONVERSOR - IP / USB / SERIAL - 317 RV1

MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO CONVERSOR - IP / USB / SERIAL - 317 RV1 MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO CONVERSOR - IP / USB / SERIAL - 317 RV1 SÃO CAETANO DO SUL 06/06/2014 SUMÁRIO Descrição do Produto... 3 Características... 3 Configuração USB... 4 Configuração... 5 Página

Leia mais

NVS (Servidor de vídeo em rede) e Câmeras IPS

NVS (Servidor de vídeo em rede) e Câmeras IPS NVS (Servidor de vídeo em rede) e Câmeras IPS Guia rápido de usuário (Versão 3.0.4) Nota: Esse manual pode descrever os detalhes técnicos incorretamente e pode ter erros de impressão. Se você tiver algum

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO RÁPIDA CÓD.:682-0

GUIA DE INSTALAÇÃO RÁPIDA CÓD.:682-0 WPS Roteador Wireless 300N GWA-101 5dBi Bi-Volt GUIA DE INSTALAÇÃO RÁPIDA CÓD.:682-0 Roteador Wireless 300Mbps Guia de Instalação Rápida REV. 2.0 1. Introdução: O Roteador Wireless 300Mbps, modelo 682-0

Leia mais

Gravador digital de vídeo (DVR) de 8 canais Stand Alone

Gravador digital de vídeo (DVR) de 8 canais Stand Alone Gravador digital de vídeo (DVR) de 8 canais Stand Alone VX-8CH-240C-H 8 Canais de Vídeos e 1 Canal de Audio Suporta 1 (um) Disco Rígido (HD SATA) Compressão de Vídeo H.264 Integração com PTZ Hexaplex -

Leia mais

MANUAL DE CONFIGURAÇÃO. NanoStation5

MANUAL DE CONFIGURAÇÃO. NanoStation5 MANUAL DE CONFIGURAÇÃO NanoStation5 NanoStation5 AAP Versão 1.0 Português Brasil HOMOLOGAÇÃO / CERTIFICAÇÃO Certificado de Homologação Nº 2805-08-4940 Este produto esta homologado pela Anatel de acordo

Leia mais

Relatório de Teste de Diferentes Antenas e Equipamentos para o Protocolo NOVUS IEEE 802.15.4

Relatório de Teste de Diferentes Antenas e Equipamentos para o Protocolo NOVUS IEEE 802.15.4 Relatório de Teste de Diferentes Antenas e Equipamentos para o Protocolo NOVUS IEEE 802.15.4 ÍNDICE Índice 1 Introdução 2 Equipamentos Utilizados 3 Modelo de Propagação do Sinal 5 Zona de Fresnel 6 Link

Leia mais

02/03/2014. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais

02/03/2014. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais Curso de Preparatório para Concursos Públicos Tecnologia da Informação REDES Conceitos Iniciais; Classificações das Redes; Conteúdo deste módulo Equipamentos usados nas Redes; Modelos de Camadas; Protocolos

Leia mais

Visão geral das redes sem fio

Visão geral das redes sem fio Visão geral das redes sem fio 1 - Introdução O termo redes de dados sem fio pode ser utilizado para referenciar desde dispositivos de curto alcance como o Bluetooth à sistemas de altas taxas de transmissão

Leia mais

Procedimento de configuração para usuários VONO

Procedimento de configuração para usuários VONO Adaptador de telefone analógico ZOOM Procedimento de configuração para usuários VONO Modelos 580x pré configurados para VONO 1 - Introdução Conteúdo da Embalagem (ATENÇÃO: UTILIZE APENAS ACESSÓRIOS ORIGINAIS):

Leia mais

A. Modos de operação. Introdução. 1.1 - Repetidor Wireless N. Configurações mínimas. 1.2 - Repetidor Wireless N + cabo RJ-45. A embalagem contém

A. Modos de operação. Introdução. 1.1 - Repetidor Wireless N. Configurações mínimas. 1.2 - Repetidor Wireless N + cabo RJ-45. A embalagem contém Introdução O Repetidor Wi-Fi N - 300 Mbps com 2 portas de rede (1 porta LAN + 1 porta WAN/LAN) Comtac modelo WN9254 foi desenvolvido para usuários que buscam ampliar a cobertura de uma rede Wireless existente

Leia mais

Guia Rápido de Instalação. VNT 7704 e VNT 7708

Guia Rápido de Instalação. VNT 7704 e VNT 7708 Guia Rápido de Instalação VNT 7704 e VNT 7708 Conteúdo 1. Instale o HD... 3 1.1. Instale o HD... 3 2. Conexões... 3 2.1. Vista traseira do DVR de 04 canais... 3 2.2. Vista traseira do DVR de 08 canais...

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO RÁPIDA

GUIA DE INSTALAÇÃO RÁPIDA 5dBi BIVOLT Roteador Wireless 150 Mbps GUIA DE INSTALAÇÃO RÁPIDA CÓD.: 6813-0 1. Introdução: O Roteador Wireless 150 Mbps, modelo GWR-110 é um dispositivo que combina redes com/sem fio e foi projetado

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

Comparativo entre câmeras analógicas e Câmeras IP.

Comparativo entre câmeras analógicas e Câmeras IP. Comparativo entre câmeras analógicas e Câmeras IP. VANTAGENS DAS SOLUÇÕES DE VIGILÂNCIA DIGITAL IP É verdade que o custo de aquisição das câmeras digitais IP, é maior que o custo de aquisição das câmeras

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES PQWS-5817M

MANUAL DE INSTRUÇÕES PQWS-5817M MANUAL DE INSTRUÇÕES PQWS-5817M Parabéns, você acaba de fazer uma excelente escolha adquirindo um produto com a qualidade e a garantia PROELETRONIC. Esta CPE emprega tecnologia de ponta em hardware e software

Leia mais

1 Introdução... 4. Características... 4 Requisitos do Dispositivo... 5. 2 Conhecendo o dispositivo... 6

1 Introdução... 4. Características... 4 Requisitos do Dispositivo... 5. 2 Conhecendo o dispositivo... 6 Índice 1 Introdução... 4 Características... 4 Requisitos do Dispositivo... 5 2 Conhecendo o dispositivo... 6 Verificação dos itens recebidos... 6 Painel Frontal... 7 Painel Traseiro... 8 3 Conectando o

Leia mais

CFTV IP CÂMERAS. NVRs

CFTV IP CÂMERAS. NVRs Portfólio CÂMERAS NVRs CÂMERAS CFTV IP VIP CB1M VIP E2200 VIP S3020 VIP S3230 VIP E3220 VIP S4000 VIP S4020 VIP S4200 VIP S4220 VIP E4220 Z VIP E5212 VIP E5212 I VIP S5036 VIP SD 1.3M 18x VIP SD 1.3MIR

Leia mais

Wireless Solutions BROCHURE

Wireless Solutions BROCHURE Wireless Solutions BROCHURE JUNHO 203 info@novus.com.br www.novus.com.br REV0803 Produto beneficiado pela Legislação de Informática. Transmissor de Temperatura e Umidade RHT-Air ISO 900 EMPRESA CERTIFICADA

Leia mais

KIT PROVEDOR COMPACT - MONTAGEM CONFIGURAÇÃO BÁSICA

KIT PROVEDOR COMPACT - MONTAGEM CONFIGURAÇÃO BÁSICA KIT PROVEDOR COMPACT - MONTAGEM CONFIGURAÇÃO BÁSICA 1 Parabéns, você acaba de adquirir o equipamento mais avançado e de melhor relação custo/ benefício do mercado para compartilhamento de Internet via

Leia mais

15/02/2015. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais

15/02/2015. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais Curso de Preparatório para Concursos Públicos Tecnologia da Informação REDES Conceitos Iniciais; Classificações das Redes; Topologias de Redes; Meios de Transmissão; Arquitetura de Redes; Conteúdo deste

Leia mais

Guia de instalação WOG 212

Guia de instalação WOG 212 Guia de instalação WOG 212 WOG 212 Outdoor Station 2-12 dbi Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. O outdoor station 2 WOG 212 fornece uma solução completa para

Leia mais

PROJETO BÁSICO (De acordo com a Res. nº 272 da Anatel SCM, de 9 de agosto de 2001, Anexo II) OBJETO

PROJETO BÁSICO (De acordo com a Res. nº 272 da Anatel SCM, de 9 de agosto de 2001, Anexo II) OBJETO PROJETO BÁSICO (De acordo com a Res. nº 272 da Anatel SCM, de 9 de agosto de 2001, Anexo II) OBJETO OUTORGA DE SERVIÇO DE COMUNICAÇÃO MULTIMÍDIA SCM sendo um serviço fixo de telecomunicações de interesse

Leia mais

PASSO A PASSO PARA VISUALIZAR NA INTERNET O DVR STAND ALONE ECOTRONIC

PASSO A PASSO PARA VISUALIZAR NA INTERNET O DVR STAND ALONE ECOTRONIC PASSO A PASSO PARA VISUALIZAR NA INTERNET O DVR STAND ALONE ECOTRONIC Nesse passo a passo, vamos dar uma orientação básica de como colocar nosso stand alone em rede para ter acesso remotamente pela rede

Leia mais

IP Camera Tutorial. CNet Technology Jan 2008

IP Camera Tutorial. CNet Technology Jan 2008 IP Camera Tutorial CNet Technology Jan 2008 O que é Câmera IP? Camera IP é a combinação entre câmera e computador. As câmeras podem ser conectadas diretamente na sua rede. Ela possui internamente software

Leia mais

Alarme Conteúdo Detalhado:

Alarme Conteúdo Detalhado: 1 PRÉ REQUISITO: Alarme Conteúdo Detalhado: Ter interesse e disponibilidade para aprender conceitos teóricos e práticos em sistemas de alarme com ou sem monitoramento, cerca elétrica e sensores IVA (barreira

Leia mais

PROJETO DE ENLACE RADIO COMUNICAÇÃO DIGITAL

PROJETO DE ENLACE RADIO COMUNICAÇÃO DIGITAL CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE LOGÍSTICA E FINANÇAS DIVISÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SEÇÃO DE INFRA-ESTRUTURA PROJETO DE ENLACE RADIO COMUNICAÇÃO DIGITAL FLORIANÓPOLIS JULHO

Leia mais

UTP ( PAR TRANÇADO SEM PROTEÇÃO)

UTP ( PAR TRANÇADO SEM PROTEÇÃO) Par Trançado UTP ( PAR TRANÇADO SEM PROTEÇÃO) O cabo UTP é composto por pares de fios, sendo que cada par é isolado um do outro e todos são trançados juntos dentro de uma cobertura externa, que não possui

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

Meios de Transmissão. Conceito. Importância. É a conexão física entre as estações da rede. Influência diretamente no custo das interfaces com a rede.

Meios de Transmissão. Conceito. Importância. É a conexão física entre as estações da rede. Influência diretamente no custo das interfaces com a rede. Meios de Transmissão Conceito Importância É a conexão física entre as estações da rede. Influência diretamente no custo das interfaces com a rede. Meios de Transmissão Qualquer meio físico capaz de transportar

Leia mais

LINKSYS SPA3102 E PAP2T

LINKSYS SPA3102 E PAP2T CONFIGURANDO TELEFONE PONTO A PONTO COM LINKSYS SPA3102 E PAP2T Infottecnica Telecom & infor www.infottecnica.com.br Pirapora MG Tel. 38 8404-4430 1 CONFIGURANDO SPA3102 e PAP2T Conteúdo: 1 Apresentação

Leia mais

Roteador Wireless N Intelbras Modelo WRN 240. Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras.

Roteador Wireless N Intelbras Modelo WRN 240. Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. GUIA DE INSTALAÇÃO Roteador Wireless N Intelbras Modelo WRN 240 Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. O roteador Wireless N Intelbras WRN 240 fornece uma solução

Leia mais

Telemetria para Medição de Consumo Especificações Técnicas

Telemetria para Medição de Consumo Especificações Técnicas Página: 2 / 5 Telemetria para Medição de Consumo Introdução Este documento apresenta as características técnicas da solução de telemetria do consumo de água, gás e energia (e outros medidores com saída

Leia mais

TE155-Redes de Acesso sem Fios Cabos e Acessórios

TE155-Redes de Acesso sem Fios Cabos e Acessórios Cabos e Acessórios Ewaldo Luiz de Mattos Mehl Universidade Federal do Paraná Departamento de Engenharia Elétrica mehl@ufpr.br Cabos e Assessórios Cabos Coaxiais Conectores e Pigtails Cabos Coaxiais Irradiantes

Leia mais

Descritivo Técnico AirMux-200

Descritivo Técnico AirMux-200 Multiplexador Wireless Broadband -Visualização da unidade indoor IDU e unidade outdoor ODU com antena integrada- Principais Características Rádio e multiplexador wireless ponto-a-ponto com interface E1

Leia mais

Laudo de Viabilidade Técnica e Econômica para Rede Wireless do CDT

Laudo de Viabilidade Técnica e Econômica para Rede Wireless do CDT Laudo de Viabilidade Técnica e Econômica para Rede Wireless do CDT 1. Pré Requisitos Com base no que foi proposta, a rede wireless do Bloco K da Colina deve atender aos seguintes requisitos: Padrão IEEE

Leia mais

FACULDADE PITÁGORAS. Prof. Ms. Carlos José Giudice dos Santos cpgcarlos@yahoo.com.br www.oficinadapesquisa.com.br

FACULDADE PITÁGORAS. Prof. Ms. Carlos José Giudice dos Santos cpgcarlos@yahoo.com.br www.oficinadapesquisa.com.br FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA FUNDAMENTOS DE REDES REDES DE COMPUTADORES Prof. Ms. Carlos José Giudice dos Santos cpgcarlos@yahoo.com.br www.oficinadapesquisa.com.br Material elaborado com base nas apresentações

Leia mais

Manual Operacional Verificador de Preço VP240 / VP630 VP240W / VP630W

Manual Operacional Verificador de Preço VP240 / VP630 VP240W / VP630W Manual Operacional Verificador de Preço VP240 / VP630 VP240W / VP630W APRESENTAÇÃO Verificador de Preço da Tanca é o melhor equipamento para consulta do preço de produtos através dos códigos de barras.

Leia mais

Roteamento e Comutação

Roteamento e Comutação Roteamento e Comutação Design de Rede Local Design Hierárquico Este design envolve a divisão da rede em camadas discretas. Cada camada fornece funções específicas que definem sua função dentro da rede

Leia mais

PROJETO BÁSICO. Serviço de Comunicação Multimídia

PROJETO BÁSICO. Serviço de Comunicação Multimídia PROJETO BÁSICO Serviço de Comunicação Multimídia xxxxxxxxxx, xx de xxxxx de 2009 PROJETO BÁSICO (De acordo com a Res. n 272 da Anatel - SCM, de 9 de agosto de 2001, Anexo II) O B J E T O SOLICITAÇÃO DE

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Introdução Redes de Computadores Marco Antonio Montebello Júnior marco.antonio@aes.edu.br Rede É um conjunto de computadores chamados de estações de trabalho que compartilham recursos de hardware (HD,

Leia mais

LINKSYS SPA3102 E PAP2T

LINKSYS SPA3102 E PAP2T CONFIGURANDO TELEFONE PONTO A PONTO COM LINKSYS SPA3102 E PAP2T CONFIGURANDO SPA3102 e PAP2T Conteúdo: 1 Apresentação pag 3 2 Estudo de caso pag 4 3 Conexão dos ATAs pag 6 4 Configurando pag 8 5 SPA 3102

Leia mais

Composição. Estrutura Fisica Redes Sistemas Operacionais Topologias de redes

Composição. Estrutura Fisica Redes Sistemas Operacionais Topologias de redes Composição Estrutura Fisica Redes Sistemas Operacionais Topologias de redes Aterramento Fio de boa qualidade A fiação deve ser com aterramento neutro (fio Terra) trabalhando em tomadas tripolares Fio negativo,

Leia mais

AMT 2018 EG. Central de alarme monitorada Ethernet e GPRS com 18 zonas

AMT 2018 EG. Central de alarme monitorada Ethernet e GPRS com 18 zonas Imagens ilustrativas Teclado LCD Comunicação de dados via tecnologias Ethernet e celular GSM/GPRS Envio de SMS e comunicação via CSD² Opção de configuração remota via TCP/IP GPRS e linha telefônica ¹ É

Leia mais

Comunicação de Dados. Aula 9 Meios de Transmissão

Comunicação de Dados. Aula 9 Meios de Transmissão Comunicação de Dados Aula 9 Meios de Transmissão Sumário Meios de Transmissão Transmissão guiada Cabo par trançado Coaxial Fibra ótica Transmissão sem fio Ondas de rádio Micro ondas Infravermelho Exercícios

Leia mais

MAXXSTATION MIMO 5 GHz 802.11a/n 300Mbps 5GHz MIMO 2x2 Wireless CPE Router

MAXXSTATION MIMO 5 GHz 802.11a/n 300Mbps 5GHz MIMO 2x2 Wireless CPE Router Manual do Usuário MAXXSTATION MIMO 5 GHz 802.11a/n 300Mbps 5GHz MIMO 2x2 Wireless CPE Router Versão 1.0 Última atualização Março 2013. 1 Introdução Obrigado por adquirir o MaxxStation MIMO 5 GHz. Esse

Leia mais

Transmissor EXT-240 de áudio e vídeo sem fio

Transmissor EXT-240 de áudio e vídeo sem fio Transmissor de áudio e vídeo sem fio Manual de operação Índice I. Introdução... 1 II. Informações de segurança... 1 III. Especificações... 1 IV. Instruções de instalação... 2 1. Opções de posicionamento...

Leia mais

Roteador Wireless N Intelbras Modelo WRN 340. Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras.

Roteador Wireless N Intelbras Modelo WRN 340. Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. GUIA DE INSTALAÇÃO Roteador Wireless N Intelbras Modelo WRN 340 Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. O roteador Wireless N Intelbras WRN 340 fornece uma solução

Leia mais

Bibliografia. Termos comuns em VoIp. Termos comuns em VoIp. Programa de Telecomunicações

Bibliografia. Termos comuns em VoIp. Termos comuns em VoIp. Programa de Telecomunicações Introdução a conceitos de hardware e software de computador. Introdução a sistemas operacionais: Microsoft Windows e Linux. Conceitos básicos e utilização de aplicativos para edição de textos, planilhas

Leia mais

REDES COMPONENTES DE UMA REDE

REDES COMPONENTES DE UMA REDE REDES TIPOS DE REDE LAN (local area network) é uma rede que une os micros de um escritório, prédio, ou mesmo um conjunto de prédios próximos, usando cabos ou ondas de rádio. WAN (wide area network) interliga

Leia mais

Documento de Requisitos de Rede (DRP)

Documento de Requisitos de Rede (DRP) Documento de Requisitos de Rede (DRP) Versão 1.2 SysTrack - Grupo 1 1 Histórico de revisões do modelo Versão Data Autor Descrição 1.0 30/04/2011 João Ricardo Versão inicial 1.1 1/05/2011 André Ricardo

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Prof. Macêdo Firmino Meios de Transmissão Macêdo Firmino (IFRN) Redes de Computadores Abril de 2012 1 / 34 Pilha TCP/IP A B M 1 Aplicação Aplicação M 1 Cab M T 1 Transporte Transporte

Leia mais

Tecnologia e Infraestrutura. Conceitos de Redes

Tecnologia e Infraestrutura. Conceitos de Redes Tecnologia e Infraestrutura Conceitos de Redes Agenda Introdução às Tecnologias de Redes: a) Conceitos de redes (LAN, MAN e WAN); b) Dispositivos (Hub, Switch e Roteador). Conceitos e tipos de Mídias de

Leia mais

Centro Federal de Educação Tecnológica CEFET/BA

Centro Federal de Educação Tecnológica CEFET/BA Centro Federal de Educação Tecnológica CEFET/BA Disciplina: Redes de Computadores Prof.: Rafael Freitas Reale Aluno: Data / / Prova Final de Redes Teoria Base 1) Qual o tipo de ligação e a topologia respectivamente

Leia mais

REDE DE COMPUTADORES

REDE DE COMPUTADORES SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL REDE DE COMPUTADORES Tecnologias de Rede Topologias Tipos de Arquitetura Prof. Airton Ribeiro de Sousa E-mail: airton.ribeiros@gmail.com 1 REDES LOCAIS LAN -

Leia mais

Tecnologia da Informação e Comunicação. Euber Chaia Cotta e Silva

Tecnologia da Informação e Comunicação. Euber Chaia Cotta e Silva Tecnologia da Informação e Comunicação Euber Chaia Cotta e Silva Redes e a Internet Conceitos Básicos 01 Para que você possa entender o que é e como funciona a Internet é necessário primeiro compreender...

Leia mais

Capítulo 6 Redes sem fio e redes móveis

Capítulo 6 Redes sem fio e redes móveis Capítulo 6 Redes sem fio e redes móveis Todo o material copyright 1996-2009 J. F Kurose e K. W. Ross, Todos os direitos reservados slide 1 2010 2010 Pearson Prentice Hall. Hall. Todos Todos os os direitos

Leia mais

Redes de Computadores. Prof. Késsia Marchi

Redes de Computadores. Prof. Késsia Marchi Redes de Computadores Prof. Késsia Marchi Redes de Computadores Redes de Computadores Possibilita a conexão entre vários computadores Troca de informação Acesso de múltiplos usuários Comunicação de dados

Leia mais

wireless CPE Inteligente Características Sky Range 54Mbps com antena de 12dBi modelo

wireless CPE Inteligente Características Sky Range 54Mbps com antena de 12dBi modelo wireless CPE Inteligente Sy Range 54Mbps com antena de 12dBi Máximo alcance e velocidade dos dados para sua rede wireless e um controle de banda eficiente. Antena para uso profissional em ambientes externos

Leia mais

CONCEITOS BÁSICOS DE REDES E FIREWALL

CONCEITOS BÁSICOS DE REDES E FIREWALL Secretaria Municipal de Educação SME Coordenadoria de Tecnologia da Informação e Comunicação CTIC Núcleo de Tecnologia Municipal NTM CONCEITOS BÁSICOS DE REDES E FIREWALL Amauri Soares de Brito Mário Ângelo

Leia mais

5.2 MAN s (Metropolitan Area Network) Redes Metropolitanas

5.2 MAN s (Metropolitan Area Network) Redes Metropolitanas MÓDULO 5 Tipos de Redes 5.1 LAN s (Local Area Network) Redes Locais As LAN s são pequenas redes, a maioria de uso privado, que interligam nós dentro de pequenas distâncias, variando entre 1 a 30 km. São

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETO A presente licitação tem como objeto a contratação de empresa, especializada e devidamente autorizada pela ANATEL - Agência Nacional de Telecomunicações, prestadora

Leia mais

DEZ RAZÕES PARA MUDAR PARA SISTEMA DE VÍDEO BASEADO EM IP. Ou o que seu vendedor de câmeras analógicas não lhe dirá

DEZ RAZÕES PARA MUDAR PARA SISTEMA DE VÍDEO BASEADO EM IP. Ou o que seu vendedor de câmeras analógicas não lhe dirá DEZ RAZÕES PARA MUDAR PARA SISTEMA DE VÍDEO BASEADO EM IP Ou o que seu vendedor de câmeras analógicas não lhe dirá 1. ALTA RESOLUÇÃO Câmeras baseadas em IP não estão restritas à baixa resolução das câmeras

Leia mais

Local Multipoint Distribuition Service (LMDS)

Local Multipoint Distribuition Service (LMDS) Local Multipoint Distribuition Service (LMDS) Este tutorial apresenta a tecnologia LMDS (Local Multipoint Distribuition Service), acesso em banda larga para última milha por meio de rádios microondas.

Leia mais

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO TELECOMUNICAÇÕES As telecomunicações referem -se à transmissão eletrônica de sinais para as comunicações, incluindo meios como telefone, rádio e televisão. As telecomunicações

Leia mais

Caso necessite de mais equipamentos ou em caso de dúvidas, favor enviar email para domingolegal@bistecnologia.com.br

Caso necessite de mais equipamentos ou em caso de dúvidas, favor enviar email para domingolegal@bistecnologia.com.br Instalar os equipamentos é tão fácil quanto afixar um quadro. Se você preferir, pode contratar os serviços de qualquer pessoa para afixar os equipamentos. A BIS já envia todos os equipamentos pré-configurados

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação I

Administração de Sistemas de Informação I Administração de Sistemas de Informação I Prof. Farinha Aula 03 Telecomunicações Sistemas de Telecomunicações 1 Sistemas de Telecomunicações Consiste de Hardware e Software transmitindo informação (texto,

Leia mais

Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para

Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para Magistério Superior Especialista em Docência para Educação

Leia mais

RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00008/2015-001 SRP

RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00008/2015-001 SRP 26430 - INST.FED.DE EDUC.,CIENC.E TEC.S.PERNAMBUCANO 158149 - INST.FED.EDUC.CIENC.E TEC.SERTãO PERNAMBUCANO RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00008/2015-001 SRP 1 - Itens da Licitação 1 - EQUIPAMENTO

Leia mais

Expansores de transmissão por Ethernet via cabo de cobre

Expansores de transmissão por Ethernet via cabo de cobre Expansores de transmissão por Ethernet via cabo de cobre Transmissão por Ethernet via cabo coaxial ou cabo Cat5 existente CopperLine é uma tecnologia avançada e exclusiva que expande redes de transmissão

Leia mais

Descritivo Técnico AirMux-400

Descritivo Técnico AirMux-400 Multiplexador Wireless Broadband Principais Características Rádio e Multiplexador wireless ponto-a-ponto com interface E1 e Ethernet; Opera na faixa de 2.3 a 2.5 Ghz e de 4.8 a 6 Ghz; Tecnologia do radio:

Leia mais

802.11n + NV2 TDMA. Desempenho e Acesso Múltiplo em Redes Wireless com RouterOS

802.11n + NV2 TDMA. Desempenho e Acesso Múltiplo em Redes Wireless com RouterOS 802.11n + NV2 TDMA Desempenho e Acesso Múltiplo em Redes Wireless com RouterOS Nicola Sanchez Engenheiro de Telecomunicações Mikrotik Certified Trainer CENTRO DE TREINAMENTO OFICIAL MIKROTIK CENTRO DE

Leia mais

GUIA DO CLIENTE VETTI INSTALANDO SEU KIT IP-Onvif 720P

GUIA DO CLIENTE VETTI INSTALANDO SEU KIT IP-Onvif 720P GUIA DO CLIENTE VETTI INSTALANDO SEU KIT IP-Onvif 720P Conteúdo 1. Apresentação... Erro! Indicador não definido. 1.1. Opções de Gravação... Erro! Indicador não definido. 2. Instalação da câmera IP-Onvif

Leia mais

Soluções completas de segurança em vídeo IP

Soluções completas de segurança em vídeo IP Soluções completas de segurança em vídeo IP Soluções completas de segurança em vídeo IP www.indigovision.com IndigoVision Visão geral A solução empresarial de segurança IP IndigoVision garante o monitoramento

Leia mais

Capítulo 2 Sistemas Rádio Móveis

Capítulo 2 Sistemas Rádio Móveis Capítulo 2 Sistemas Rádio Móveis 2.1. Histórico e Evolução dos Sistemas Sem Fio A comunicação rádio móvel teve início no final do século XIX [2], quando o cientista alemão H. G. Hertz demonstrou que as

Leia mais

Processamento de Dados

Processamento de Dados Processamento de Dados Redes de Computadores Uma rede de computadores consiste de 2 ou mais computadores e outros dispositivos conectados entre si de modo a poderem compartilhar seus serviços, que podem

Leia mais

PEDIDO DE COTAÇÃO - ANEXO I

PEDIDO DE COTAÇÃO - ANEXO I Folha: 0001 001 113374 Câmera IP Speed Dome Externa (PTZ) para vigilância externa; com sensor de imagem em estado sólido do tipo CCD (Charged Coupe Device) ou CMOS; com lente com zoom ótico de pelo menos

Leia mais

Wireless. Leandro Ramos www.professorramos.com

Wireless. Leandro Ramos www.professorramos.com Wireless Leandro Ramos www.professorramos.com Redes Wireless Interferências Access-Point / ROUTER Wireless Ponto de Acesso Numa rede wireless, o hub é substituído pelo ponto de acesso (access-point em

Leia mais

Servidor de Gerenciamento de Chaves de Encriptação Aérea OTAR

Servidor de Gerenciamento de Chaves de Encriptação Aérea OTAR Servidor de Gerenciamento de Chaves de Encriptação Aérea OTAR P25 Fase 1 Requisitos Gerais Servidor de Gerenciamento de Chaves de Encriptação (Criptofonia) OTAR (Over The Air Rekeying), para emprego na

Leia mais

Wireless Red e e d s e s s e s m e m fi f o

Wireless Red e e d s e s s e s m e m fi f o Wireless Redes sem fio A tecnologia Wireless (sem fio) permite a conexão entre diferentes pontos sem a necessidade do uso de cabos (nem de telefonia, nem de TV a cabo, nem de fibra óptica), através da

Leia mais

Manual do Usuário - Repetidor M300EW

Manual do Usuário - Repetidor M300EW ÍNDICE 1. Introdução... 1 1.1.Sobre o Repetidor Wireless M300EW... 1 1.2..Ethernet / Fast Ethernet... 1 1.3.Wireless LAN... 1 1.4..Conteúdo da Embalagem... 1 1.5.Características... 1 1.6..Requisitos de

Leia mais

Vigilância IP Axis. Infinitas possibilidades para a vigilância por vídeo.

Vigilância IP Axis. Infinitas possibilidades para a vigilância por vídeo. Vigilância IP Axis. Infinitas possibilidades para a vigilância por vídeo. Desafios da vigilância por vídeo hoje O mercado de vigilância por vídeo está crescendo, impulsionado por preocupações de segurança

Leia mais