Jorge Salgueiro Lista de obras Cidade de veludo com coro e grupo rock 69, min.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "www.meloteca.com Jorge Salgueiro Lista de obras Cidade de veludo com coro e grupo rock 69, 1999 4 10 min."

Transcrição

1 Jorge Salgueiro Lista de obras Canto - Coro Misto (1 a Cidade de veludo com coro e grupo rock 69, 1999 Pino do verão ópera com solistas, coro misto e grande ensemble 89, 5 60 Ode a euterpe soprano, coro misto e orquestra ou banda 99, O baile Ensaio sobre a cegueira, um requiem pela humanidade Tributo coral coro infantil, coro misto e orquestra de câmara coro misto, acordeão e orquestra soprano, mezzo soprano, coro infantil, coro misto, orquestra sinfónica coro misto a cappella Fantasia de um fruto imperfeito coro misto e orquestra ou banda sinfonia nº 2 "mare nostrum" soprano, coro misto e orquestra sinfónica 6, 200 7, , 117, 12, 12 nº2, SIGLAS: Dif. Dificuldade Dur. - Duração Piano - Solo Álbum de namoro piano solo 17, Álbum de família piano solo 21, 1991 Cinco peças para piano do quarteto das poesias piano solo, 199 piano solo 60, 5 Quatro variações sobre quatro notas piano solo 9, Peça dodecafónica em dó menor piano solo 52, Marcha impressionante piano solo 5, 2 Miniatura piano solo 56, 1 Em fuga piano solo 86, 6 In paradisum piano solo 120, Piano - Duo peças oboé e piano 1, 198 Fantasia trompete e piano 1,

2 Serenata clarinete e piano 16, Romance trombone e piano 18, Suite antiga oboé e piano 2, Satiopédie violino e piano 51, 2 O golfinho voz branca e piano 55, O ciclo do dragão baixo-barítono e piano 57, 9 Sonhos sem freud trombone e piano 97, A celebração das esperanças sax soprano e piano 122, 18 Todos os cantos canto e piano 125, Em aberto Piano - Formações de câmara Quarteto das poesias violino, flauta, clarinete e piano 2, Canções tradicionais portuguesas Canções tradicionais alentejanas Bichinho de conta Canções da inquietação Tralhoada Canções eróticas clarinete, sax. alto, sax. tenor, trompete, trombone, tuba e piano 5, 199 coral infantil e piano 0, coral infantil, oboé e piano 2, voz branca, violino e piano quarteto vocal, quarteto de, piano e sax. soprano, violino, acordeão, piano e contrabaixo gravação, quarteto vocal, quarteto de, piano e quarteto vocal,, piano e 5 nº 2, 59, 5 60 nº 2, 2 7, , Abrigo cla. baixo, piano e contrabaixo 8, Looping Acordeão soprano, mezzo soprano, flauta, clarinete, piano e mezzo soprano, flauta, clarinete, piano e soprano, clarinetes, cla. baixo, trompete, piano e nº2, 111, O baile Minius A celebração das esperanças contralto, trombone, acordeão, contrabaixo e coro infantil, coro misto e orquestra de câmara (com acordeão) acordeão, coro e orquestra acordeão e grande banda sax soprano e acordeão 60, 5 6, 200 7, , 122,

3 Guitarra Cantos do corpo Missa pela paz mezzo soprano, flauta e 2 guitarras 95, coro infantil, coro misto e orquestra de câmara (com 2 guitarras) 6, Violino Quarteto das poesias violino, flauta, clarinete e piano 2, Satiopédie violino e piano 51, Bichinho de conta voz branca e quarteto de 5, 2 Bichinho de conta Canções da inquietação Quarteto dos pequenos Tralhoada voz branca, violino e piano 5 nº 2, quarteto vocal, quarteto de, piano e 59, 5 sax. soprano, violino, acordeão, piano e contrabaixo 60 nº 2, quarteto de 66, gravação, quarteto vocal, quarteto de, piano e 7, 1999 Violeta Bichinho de conta voz branca e quarteto de 5, Canções da inquietação Quarteto dos pequenos Tralhoada quarteto vocal, quarteto de, piano e 59, 5 quarteto de 66, 1998 gravação, quarteto vocal, quarteto de, piano e 7, 1999 Canções eróticas quarteto vocal,, piano e 76, hard, sweet and funny soprano, mezzo soprano, flauta, clarinete, piano e mezzo soprano, flauta, clarinete, piano e quinteto de nº2, violino, violeta e violoncelo 128, Violoncelo Bichinho de conta voz branca e quarteto de 5, Canções da inquietação Quarteto dos pequenos quarteto vocal, quarteto de, piano e 59, 5 quarteto de 66, 1998 Tralhoada gravação, quarteto vocal, quarteto de, piano e 7,

4 Canções eróticas quarteto vocal,, piano e 76, hard, sweet and funny soprano, mezzo soprano, flauta, clarinete, piano e mezzo soprano, flauta, clarinete, piano e quinteto de nº2, violino, violeta e violoncelo 128, Contrabaixo Últimos desejos Canções eróticas contralto, trombone, acordeão, contrabaixo e 60, 5 quarteto vocal,, piano e 76, soprano, mezzo soprano, flauta, clarinete, piano e mezzo soprano, flauta, clarinete, piano e quinteto de nº2, Flauta Quarteto das poesias Pequena suite popular violino, flauta, clarinete e piano 2, quinteto de sopros 61, 8 Quinteto de sopros quinteto de sopros 62, 5 soprano, mezzo soprano, flauta, clarinete, piano e 1 Cantos do corpo mezzo soprano, flauta e 2 guitarras 95, mezzo soprano, flauta, clarinete, piano e quinteto de nº 2, Imaginarium quinteto de sopros 1, 8 Oboé Três peças oboé e piano 1, 198 Quarteto da traça oboé, 2 clarinetes e fagote 22, 1991 Suite antiga oboé e piano 2, Canções tradicionais alentejanas coral infantil, oboé e piano 2, Pequena suite popular quinteto de sopros 61, 8 Quinteto de sopros quinteto de sopros 62, 5 1 Imaginarium quinteto de sopros 1, 8

5 Fagote Divertimento trompete e fagote 19, 1990 Pequena suite popular quinteto de sopros 61, 8 Quinteto de sopros quinteto de sopros 62, 5 1 Canções populares soprano, contralto, clarinete e fagote 82, Imaginarium quinteto de sopros 1, 8 Clarinete OPUS E DIF. (1 a Sexteto para em sib cla. soprano, cla. baixo, sax. soprano, sax. tenor, trompete e tuba 6, Pequeno divertimento trompete, cla. sopranos, 1 cla. baixo, Tocata de natal clarinete, trpt. piccolo e órgão, 1989 Serenata clarinete e piano 16, Quarteto da traça oboé, 2 clarinetes e fagote 22, 1991 Monólogo clarinete solo 1, Quarteto das poesias violino, flauta, clarinete e piano 2, clarinete, sax. alto, sax. tenor, trompete, trombone, tuba e piano 5, Quarteto quarto clarinetes iguais 58, 6 Pequena suite popular quinteto de sopros 61, 8 Saxofone Sexteto para em sib cla. soprano, cla. baixo, sax. soprano, sax. tenor, trompete e tuba clarinete, sax. alto, sax. tenor, trompete, trombone, tuba e piano sax. soprano, violino, acordeão, piano e contrabaixo S 6, , nº 2, 5 As danças do cão sax. alto e piano 9, 5 8 A celebração das esperanças coro infantil, coro misto e orquestra de câmara (com sax. alto) sax. soprano e acordeão 6, , Trompete fanfarras 2 trompetes 2, ª tocata trompete solo,

6 2ª tocata trompete solo, ª tocata trompete solo 5, Sexteto para em sib cla. soprano, cla. baixo, sax. soprano, sax. tenor, trompete e tuba 6, Pequeno divertimento trompete, cla. sopranos, 1 cla. baixo, bagatelas trompete e trombone 12, Fantasia trompete e piano 1, 1989 Tocata de natal clarinete, trpt. piccolo e órgão, 1989 Divertimento trompete e fagote 19, 1990 Special olympics trompetes, trombone, tuba e tímpanos 2, Divertimento trompetes 25, 1991 miniaturas trompete e tuba 5, Variações miniatura trompete, trombone e tuba 1, 199 Música fora de moda trompete e trombone, Paso redoble quinteto de metais 7, Cerimonial stereo 6 trompetes e banda 75, Vila franca quinteto de metais e 80, 2000 Fanfarra festiva 6 trompetes 98, 2002 Pequena suite timorense quinteto de metais 2, Looping soprano, clarinetes, cla. baixo, trompete, piano e 111, Honoris causa grande ensemble de metais e 11, 200 Trombone bagatelas trompete e trombone Romance trombone e piano Tetráptico para um amigo que morreu 2 trombones e tuba Special olympics Variações miniatura Música fora de moda A quinta da amizade Paso redoble Vila franca Sonhos sem freud Pequena suite timorense Honoris causa trompetes, trombone, tuba e tímpanos clarinete, sax. alto, sax. tenor, trompete, trombone, tuba e piano trompete, trombone e tuba trompete e trombone contralto, trombone, acordeão, contrabaixo e fábula sinfónica com narrador e crianças (trombone solo) quinteto de metais quinteto de metais e trombone e piano quinteto de metais grande ensemble de metais e OPUS E 12, , , , , 199 1, 199, ,, , , , , ,

7 Tuba Sexteto para em sib Tetráptico para um amigo que morreu Special olympics cla. soprano, cla. baixo, sax. soprano, sax. tenor, trompete e tuba 6, trombones e tuba 20, trompetes, trombone, tuba e tímpanos 2, Petete variations tuba solo e banda ou orq. ligeira 27, 1992 miniaturas trompete e tuba 29, 1992 clarinete, sax. alto, sax. tenor, trompete, trombone, tuba e piano 5, Variações miniatura trompete, trombone e tuba 1, 199 Paso redoble quinteto de metais 7, Vila franca quinteto de metais e 80, 2000 Pequena suite timorense quinteto de metais 2, Honoris causa grande ensemble de metais e 11, 200 Percussão Quarteto para 11 Three fan farras percussionistas clarinetes e tímpanos miniaturas infantis percussionistas Canções da inquietação Tralhoada Canções eróticas quarteto vocal, quarteto de, piano e gravação, quarteto vocal, quarteto de, piano e quarteto vocal,, piano e 8, , , , 7, , Crianças Canções tradicionais portuguesas Canções tradicionais alentejanas A festa da bicharada coral infantil a 2 vozes e piano coral infantil a 2 vozes, oboé e piano musical para soprano, coral infantil, oboé e cânones tradicionais portugueses coral infantil a vozes O menino está dormindo Bichinho de conta Bichinho de conta O golfinho soprano, coral infantil e piano voz branca e quarteto de voz branca, violino e piano voz branca e piano OPUS E 0, 199 2, 199, , , , 5 nº 2, 55,

8 Assalto às notas A quinta da amizade Crescer com a música A floresta d'água O achamento do Brasil Crescer com a música tradicional portuguesa O conquistador O principezinho coral infantil a vozes "a cappella" fábula sinfónica com narrador e crianças canções para serem cantadas e tocadas (orff) por crianças com narrador e crianças ópera em um acto canções para serem cantadas e tocadas (orff) por crianças cantata com solistas e crianças pequeno musical para crianças raps coral infantil "a cappella" Ensaio sobre a cegueira, um requiem pela humanidade Kate e o skate coro infantil, coro misto e orquestra de câmara soprano, mezzo soprano, coro infantil, coro misto, orquestra sinfónica musical infantil para, soprano, tenor, coro infantil, clarinete, trombone, piano, sintetizador e 6,, , , , , , 87, 0, , , 121, 5 2 Todos os níveis de DIF. Todos os níveis de DIF Orquestra Divertimento barroco pastiche em partes 7, Práxis suite em 12 partes 8, 1987 Abertura para uma nova rainha abertura 0, 1992 A voz dos deuses sinfonia nº 1, Abertura para o gil abertura 6, 6 A quinta da amizade fábula sinfónica com narrador e crianças DIF. (1 a, 1998 Cidade de veludo com coro e grupo rock 69, 1999 A floresta d'água com narrador e crianças 71, 1999 Cerimonial stereo 6 trompetes e orquestra 75, 1999 O achamento do Brasil ópera em um acto 77, 2000 O conquistador cantata com solistas e coro 85, 5 Ode a euterpe com soprano e coro 99, O baile Ensaio sobre a cegueira, um requiem pela humanidade Fantasia de um fruto imperfeito com crianças, e coro misto com coro e acordeão soprano, mezzo soprano, coro infantil, coro misto, orquestra sinfónica coro misto e orquestra 6, 200 7, , 12,

9 sinfonia nº 2 "mare nostrum" soprano, coro misto e orquestra sinfónica 12, 5 0 Banda DIF. (1 a Dancing in new york banda com teclado 9, 1988 Dreams, elegia a james douglas morrison banda com teclado 1, Amanhecer banda com teclado 26, 1991 Petete variations tuba solo e banda com teclado 27, 1992 Antes e depois de cristo banda com teclado 28, Abertura para uma nova rainha Sinfonia nº 1 "a voz dos deuses" Abertura para o gil banda com teclado 0, 1992 grande banda, grande banda com baixo eléctrico 6 nº 2, 5 6 Cerimonial stereo 6 trompetes e banda 75, 1999 Vila franca, pasodoble banda 80 nº 2, ª suite para banda banda 8, 11 Marcha da rádio banda 91, Hino ao soldado da paz banda com coro opcional 9, Ode a euterpe soprano, coro misto e banda com teclado 99, Memorial Cantos populares portugueses Fantasia sobre "barco negro" gravação e grande banda com teclado e baixo eléctrico grande banda com teclado e baixo eléctrico grande banda com teclado e baixo eléctrico, , , Talent de bien faire marcha para banda 9, 200 Honoris causa grande ensemble de metais e 11, 200 Viva o desporto fanfarra para grande banda 116, 20 segundos Minius grande banda com acordeão opcional 119, 5 6 Sinfonia nº 2 "mare nostrum" soprano, grande banda com teclado 12, 5 0 Inserido na Meloteca a 19 de Julho de 2005

CORAL INFANTIL DO LICEU

CORAL INFANTIL DO LICEU CORAL INFANTIL DO LICEU : BAIRRO: C CEP: RG: ÓRGAO EMISSOR: NATURAL ESCOLAR / / GRUPO DE PRÁTICA DE SOPROS E PERCUSSÃO GPS ALUNO/BOLSISTA MONITOR/ BOLSISTA INSTRUMENTOS OBOÉ TROMPETE FLAUTA TRANSVERSAL

Leia mais

Projeto Tocarei ao Senhor

Projeto Tocarei ao Senhor Projeto Tocarei ao Senhor Formando Bandas Sinfônicas nas igrejas Objetivo: Formar Bandas Sinfônicas com uso de instrumentos de sopro (madeiras flautas, clarinetes, saxofones, oboé, fagote), metais (trompetes,

Leia mais

Projeto de Orquestra de Sopros e Percussão de Penacova

Projeto de Orquestra de Sopros e Percussão de Penacova Projeto de Orquestra de Sopros e Percussão de Penacova Nome do Projeto Orquestra de Sopros do Centro Cultural de Penacova (este nome será discutido à posteriori) Local onde se irá desenvolver Centro Cultural

Leia mais

Oração a São Francisco

Oração a São Francisco Guia Arrano: Manoel Ferreira Flauta C & Requinta Eb & 1º Clarinete Bb & º, 3º Clarinete Bb & Sax Soprano Bb & 1º, º Sax Alto Eb & Sax Tenor Bb & Sax Barítono Eb & 1º Trompete Bb & º, 3º Trompete Bb & Sax

Leia mais

TEMAS PARA BANCAS DE PSS ÁREA DE MÚSICA TODOS OS PROFESSORES DEVERÃO APRESENTAR O PLANO DE AULA PROCESSO SELETIVO

TEMAS PARA BANCAS DE PSS ÁREA DE MÚSICA TODOS OS PROFESSORES DEVERÃO APRESENTAR O PLANO DE AULA PROCESSO SELETIVO TEMAS PARA BANCAS DE PSS ÁREA DE MÚSICA TODOS OS PROFESSORES DEVERÃO APRESENTAR O PLANO DE AULA PROCESSO SELETIVO Componente Curricular OBOÉ FAGOTE FLAUTA TRANSVERSAL Temas respiração, aplicados ao ensino

Leia mais

MÚSICA DE CÂMARA DUO. Clarineta, piano. Estudo Partitura MS (8p.) e parte. Fagote, piano. Concerto ao ar livre: A noite Partitura MS (13p.

MÚSICA DE CÂMARA DUO. Clarineta, piano. Estudo Partitura MS (8p.) e parte. Fagote, piano. Concerto ao ar livre: A noite Partitura MS (13p. MÚSICA DE CÂMARA DUO Clarineta, piano Estudo (8p.) e parte Fagote, piano Concerto ao ar livre: A noite (13p.) e parte Concerto ao ar livre: Ao entardecer (4p.) e parte Concerto ao ar livre: Nasce uma flor

Leia mais

ANEXO 4 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DAS PROVAS DE AFERIÇÃO E EXAMES DOS DIFERENTES INSTRUMENTOS PARA O ENSINO ESPECIALIZADO DE MÚSICA

ANEXO 4 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DAS PROVAS DE AFERIÇÃO E EXAMES DOS DIFERENTES INSTRUMENTOS PARA O ENSINO ESPECIALIZADO DE MÚSICA ANEXO 4 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DAS PROVAS DE AFERIÇÃO E EXAMES DOS DIFERENTES INSTRUMENTOS PARA O ENSINO ESPECIALIZADO DE MÚSICA 1 GRUPO DE SOPROS A- Conteúdos programáticos das Provas de Aferição 1.

Leia mais

A ordem do nome das notas

A ordem do nome das notas Teoria Musical1 Cap.1 Altura dos sons João Carlos Almeida 1 1. ALTURA O SOM tem quatro características principais: Altura sons graves, médios e agudos; Duração sons curtos e longos; Intensidade sons muito

Leia mais

Lista das obras musicais de Andersen Viana até Março de 2011:

Lista das obras musicais de Andersen Viana até Março de 2011: 1 Lista das obras musicais de Andersen Viana até Março de 2011: 1) Prelúdio nº1, para flauta e piano (1978); 2) Prelúdio nº2, para flauta e piano (1979); 3) Quarteto para flautas (1979); (perdido) 4) Duo

Leia mais

REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS

REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS 1. INTRODUÇÃO O Conservatório de Música de Porto dispõe de instrumentos musicais

Leia mais

CD 1: Baby Bach - Interpretado Pela Orquestra Caixinha Musical Baby Einstein. 1. Afinação E Fanfarra Baseados Em Um Tema Da Tocata Em Ré Maior

CD 1: Baby Bach - Interpretado Pela Orquestra Caixinha Musical Baby Einstein. 1. Afinação E Fanfarra Baseados Em Um Tema Da Tocata Em Ré Maior Coleção Clássicos Musicais: Baby Einstein CD 1: Baby Bach - Interpretado Pela Orquestra Caixinha Musical Baby Einstein 1. Afinação E Fanfarra Baseados Em Um Tema Da Tocata Em Ré Maior 2. Minueto Em Sol

Leia mais

CEM BENJAMIM JOSÉ DE ALMEIDA PROJETO INTERDISCIPLINAR EINSTEIN E A MÚSICA PROFESSORES: ROSEVALDO CELESTINO BARROS FÁBIO JÚNIOR MILHOMEM

CEM BENJAMIM JOSÉ DE ALMEIDA PROJETO INTERDISCIPLINAR EINSTEIN E A MÚSICA PROFESSORES: ROSEVALDO CELESTINO BARROS FÁBIO JÚNIOR MILHOMEM CEM BENJAMIM JOSÉ DE ALMEIDA PROJETO INTERDISCIPLINAR EINSTEIN E A MÚSICA PROFESSORES: ROSEVALDO CELESTINO BARROS FÁBIO JÚNIOR MILHOMEM ARAGUAÍNA, DEZEMBRO DE 2015 A FÍSICA NA MÚSICA A música, de um modo

Leia mais

Semana da Música (5 a 10 de maio de 2014) Programa

Semana da Música (5 a 10 de maio de 2014) Programa Semana da Música (5 a 10 de maio de 2014) Programa Sessão de Abertura - Excelentíssimo Senhor Secretário Regional da Educação e Recursos Humanos 10:00 do CEPAM Piano - António Rosado Bandolim - Percussão

Leia mais

SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL ESTRELA DE FRIBURGO. polca, para trompete e banda. música de JOAQUIM ANTÔNIO NAEGELE

SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL ESTRELA DE FRIBURGO. polca, para trompete e banda. música de JOAQUIM ANTÔNIO NAEGELE SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL ESTRELA DE FRIBURGO polca, para trompete e banda música de JOAQUIM ANTÔNIO NAEGELE SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL ESTRELA

Leia mais

REGULAMENTO 1º CONCURSO DE COMPOSIÇÃO ERUDITA GRAMADO IN CONCERT

REGULAMENTO 1º CONCURSO DE COMPOSIÇÃO ERUDITA GRAMADO IN CONCERT REGULAMENTO 1º CONCURSO DE COMPOSIÇÃO ERUDITA GRAMADO IN CONCERT A Organização do 2º Gramado In Concert torna público o presente Edital que regulamenta o 1º Concurso de Composição Erudita Gramado In Concert.

Leia mais

Associação Filarmónica 1º Dezembro Cultural e Artística Vilarense Reis Prazeres - Música Filarmónica - Ourém

Associação Filarmónica 1º Dezembro Cultural e Artística Vilarense Reis Prazeres - Música Filarmónica - Ourém Música Tradicional Associação Artística e Cultural Rosas do Liz - Folclore -Leiria Associação Filarmónica Bidoeirense - Música Filarmónica -Leiria Associação Filarmónica 1º Dezembro Cultural e Artística

Leia mais

REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS

REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS Novembro de 2011 REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS 1. INTRODUÇÃO O Conservatório de Música de Coimbra dispõe de instrumentos

Leia mais

Os instrumentos musicais são classificados conforme o material de que são confeccionados e a forma como o som é produzido.

Os instrumentos musicais são classificados conforme o material de que são confeccionados e a forma como o som é produzido. Instrumentos Musicais O homem primitivo começou a construir instrumentos musicais para tentar imitar os sons da natureza. Os primeiros instrumentos de que se têm notícia são aqueles feitos de ossos de

Leia mais

04 Clarinete Habilitação própria para os cursos básicos e complementares. Subgrupo Código Curso Grau Condições especiais

04 Clarinete Habilitação própria para os cursos básicos e complementares. Subgrupo Código Curso Grau Condições especiais 3144 DIÁRIO DA REPÚBLICA I SÉRIE-B N. o 78 21 de Abril de 2005 MINISTÉRIOS DA AGRICULTURA, PESCAS E FLO- RESTAS E DO AMBIENTE E DO ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO. Portaria n. o 434/2005 de 21 de Abril Pela

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO N. o 203 3-9-1998 DIÁRIO DA REPÚBLICA I SÉRIE-B 4595 mento. Pelo Ministro Adjunto, Fausto de Sousa Correia, Secretário de Estado da Administração Pública e da Modernização Administrativa. A Ministra da

Leia mais

Você quer se formar em Música?

Você quer se formar em Música? Você quer se formar em Música? Faça um dos cursos de Graduação em Música oferecidos pela Escola de Música e Artes Cênicas da Universidade Federal de Goiás (EMAC/UFG)! 1) Quais são os Cursos Superiores

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA 4470 Diário da República, 1.ª série N.º 178 15 de Setembro de 2011 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA Portaria n.º 267/2011 de 15 de Setembro Tendo em conta o reajustamento da organização curricular dos

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE LETRAS E ARTES INSTITUTO VILLA-LOBOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE LETRAS E ARTES INSTITUTO VILLA-LOBOS UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO PROCESSO SELETIVO DISCENTE THE 2015 CANDIDATOS AOS CURSOS DE MÚSICA Testes de Habilidades Específicas (THE) INFORMATIVO PROVAS E PROGRAMAS Os Testes

Leia mais

O SAXOFONE 1. CLASSIFICAÇÃO DO SAXOFONE

O SAXOFONE 1. CLASSIFICAÇÃO DO SAXOFONE O SAXOFONE 1. CLASSIFICAÇÃO DO SAXOFONE A primeira necessidade que se nos depara é de saber com clareza a que família de instrumentos pertence o Saxofone. Dado que o corpo do instrumento é de metal, muitas

Leia mais

CONSERVATÓRIO DE MÚSICA DO PORTO

CONSERVATÓRIO DE MÚSICA DO PORTO EDITAL Contratação de Escola 2015/2016 Nos termos do Artigo 15º da Portaria n.º 942/2009, de 21 de Agosto e do Artigo 38º do Decreto-Lei nº132/2012, de 27 de Junho, na redação que lhe é dada pelo Decreto-lei

Leia mais

CONCURSO JOVEM.COM REGULAMENTO 2015 - EMCN

CONCURSO JOVEM.COM REGULAMENTO 2015 - EMCN CONCURSO JOVEM.COM REGULAMENTO 2015 - EMCN A) CONCURSO 1- O Concurso Jovem.COM é um concurso de Interpretação. Tem como objetivos: - Promover os Conservatórios Oficiais de Música e suas cidades; - Premiar

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA BATALHA

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA BATALHA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA BATALHA candidato regime Ano esc. instrumento Colocação Alannah Serra Kelly Articulado 5º Violino ADMITIDO Alannah Serra Kelly Articulado 5º Fagote ADMITIDO Alannah Serra Kelly

Leia mais

2-10 CULTURA, ESPORTE E LAZER

2-10 CULTURA, ESPORTE E LAZER Anuário Estatístico do Município de Belém-2012 2-10 CULTURA 1 2-10 CULTURA, ESPORTE E LAZER Esta seção apresenta informações sobre os espaços culturais disponíveis, dos grupos folclóricos paraenses, oficinas

Leia mais

Edital 03/FOSPA/2015. Viola de Arco turno tarde 1 Violoncelo turno tarde 2 Contrabaixo Acústico tocado com Arco turno tarde

Edital 03/FOSPA/2015. Viola de Arco turno tarde 1 Violoncelo turno tarde 2 Contrabaixo Acústico tocado com Arco turno tarde Edital 03/FOSPA/2015 O PRESIDENTE DA - FOSPA, no uso de suas atribuições legais que lhe confere o art. 17, inciso VII, Decreto nº 51.370, de 10 de abril de 2014, TORNA PÚBLICO A ABERTURA DAS INSCRIÇÕES

Leia mais

ORQUESTRA DE CÂMARA DE CASCAIS E OEIRAS TEMPORADA 2015 CONCERTOS E RECITAIS EM CASCAIS

ORQUESTRA DE CÂMARA DE CASCAIS E OEIRAS TEMPORADA 2015 CONCERTOS E RECITAIS EM CASCAIS ORQUESTRA DE CÂMARA DE CASCAIS E OEIRAS TEMPORADA 2015 CONCERTOS E RECITAIS EM CASCAIS DOMINGO, 8 DE FEVEREIRO ÀS 18H00 "ROMANTISMO ALEMÃO" L. V. Beethoven Abertura do Bailado "As Criaturas de Prometeus"

Leia mais

A Face Adorada de Jesus (H.C 304)

A Face Adorada de Jesus (H.C 304) Guia A Face Adorada de esus (HC 30) PLM(RH Cornelius) Flauta 1ē Clarinete Bb 2ē Clarinete Bb n # Sax Soprano Sax Alto Eb b Sax Tenor Bb 1ē Trompete Bb 2ē Trompete Bb n # Horns Eb b n Trombones n b n Bombardino

Leia mais

Conservatório de Música de Barcelos

Conservatório de Música de Barcelos Atividades 2013/2014 Calendarização Atividades Local 27/09/2013 às 21:30h 01/10/2013 às 19:30h 18/10/2013 às 21:30h 12/11/2013 22/11/2013 23/11/2013 às 21:00H 29/11/2013 às 10 e 12/12/2013 às 21:00h 14/12/2013

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Resolução n 35/ 2009 Aprova o Projeto Político-Pedagógico do Curso de Graduação em Música, Modalidade

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SARZEDO Estado de Minas Gerais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SARZEDO Estado de Minas Gerais ANEXO I ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS Violino Viola em violino ou na modalidade violino ou na modalidade Licenciatura em em viola ou na modalidade viola ou na ministrar aulas de violino e avaliar o aprendizado

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS FUNDAÇÃO CLÓVIS SALGADO

GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS FUNDAÇÃO CLÓVIS SALGADO GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS FUNDAÇÃO CLÓVIS SALGADO RERRATIFICAÇÃO DE EDITAL PARA O CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DAS CARREIRAS DE PROFESSOR DE ARTE E ANALISTA DE GESTÃO ARTÍSTICA, DO

Leia mais

ESCOLA DE MÚSICA DO ESTADO DE SÃO PAULO TOM JOBIM Edital de 30 de janeiro de 2015 Processo Seletivo Nº 2 para ingresso de alunos na EMESP em 2015

ESCOLA DE MÚSICA DO ESTADO DE SÃO PAULO TOM JOBIM Edital de 30 de janeiro de 2015 Processo Seletivo Nº 2 para ingresso de alunos na EMESP em 2015 ESCOLA DE MÚSICA DO ESTADO DE SÃO PAULO TOM JOBIM Edital de 30 de janeiro de 2015 Processo Seletivo Nº 2 para ingresso de alunos na EMESP em 2015 ÍNDICE Dispõe sobre o segundo Processo Seletivo para preenchimento

Leia mais

XVII CONCURSO OSPA PARA JOVENS SOLISTAS, REGENTES E COMPOSITORES REGULAMENTO

XVII CONCURSO OSPA PARA JOVENS SOLISTAS, REGENTES E COMPOSITORES REGULAMENTO XVII CONCURSO OSPA PARA JOVENS SOLISTAS, REGENTES E COMPOSITORES 1 DO OBJETIVO REGULAMENTO O XVII CONCURSO OSPA PARA JOVENS SOLISTAS, REGENTES E COMPOSITORES, promovido pela FOSPA - Fundação Orquestra

Leia mais

Jesus Cristo Samba. fi. 0 3 0 4. .. 0 4 0 4 К 0 3. 1 3Flauta (C) 0 4 К 0 3 0 4 К 0 3 0 4 К 0 3 0 4 К 0 3

Jesus Cristo Samba. fi. 0 3 0 4. .. 0 4 0 4 К 0 3. 1 3Flauta (C) 0 4 К 0 3 0 4 К 0 3 0 4 К 0 3 0 4 К 0 3 1 3Flauta (C) Requinta (E) esus Cristo Arr Manoel Ferreira I Clarinete (B) II Clarinete (B) III Clarinete (B) Sax Soprano (B) I Sax Alto (E) III Sax Alto (E) II Sax Tenor (B) IV Sax Tenor (B) Sax Bar tono

Leia mais

Escola para Formação de Artistas Artes Visuais Dança Música Teatro

Escola para Formação de Artistas Artes Visuais Dança Música Teatro Fundação das Artes Escola para Formação de Artistas Artes Visuais Dança Música Teatro Inscrições Abertas Turmas 2013 Primeiro Semestre Cursos Livres e Técnicos A Fundação das Artes é uma Escola de Artes

Leia mais

1. AÇÕES DE FORMAÇÃO CULTURAL

1. AÇÕES DE FORMAÇÃO CULTURAL RESUMO DAS ATIVIDADES REALIZADAS NO 4.º TRIMESTRE 204: O 4 trimestre marca o término das atividades escolares do Conservatório de Tatuí, compreendendo, pois, as avaliações finais das disciplinas teóricas

Leia mais

DATA ATIVIDADE LOCAL OBJETIVOS DESTINATÁRIOS INTERVENIENTES/RESPONSÁVEIS Cerimónia de entrega dos Diplomas do Quadro Auditório da Escola

DATA ATIVIDADE LOCAL OBJETIVOS DESTINATÁRIOS INTERVENIENTES/RESPONSÁVEIS Cerimónia de entrega dos Diplomas do Quadro Auditório da Escola DATA ATIVIDADE LOCAL OBJETIVOS DESTINATÁRIOS INTERVENIENTES/RESPONSÁVEIS Cerimónia de entrega dos Diplomas do Quadro Auditório da Escola do Agrupamento Intervenientes: Lara Rodrigues (flauta) e de Valor

Leia mais

HISTÓRIA INSTRUMENTOS DOS POR

HISTÓRIA INSTRUMENTOS DOS POR HISTÓRIA DOS INSTRUMENTOS POR 1 HISTÓRIA DOS INSTRUMENTOS FLAUTA A flauta faz parte da família dos instrumentos de madeira, mesmo, ao longo dos anos, tendo sido feita de madeira ou metal. Sabemos que já

Leia mais

PROGRAMA QUALIDADE NA PRÁTICA PEDAGÓGICA MÚSICA VERA MARIA RODRIGUES ALVES SÃO PAULO ABRIL

PROGRAMA QUALIDADE NA PRÁTICA PEDAGÓGICA MÚSICA VERA MARIA RODRIGUES ALVES SÃO PAULO ABRIL 1 PROGRAMA QUALIDADE NA PRÁTICA PEDAGÓGICA MÚSICA VERA MARIA RODRIGUES ALVES SÃO PAULO ABRIL 2015 ROTEIRO 2 1. O que é Música 2. Para fazer música na creche é preciso: 3. O que devemos evitar 4. Qualidades

Leia mais

2º CONCURSO NACIONAL DE INTERPRETAÇÃO MUSICAL CULTIVARTE JOVEM REGULAMENTO

2º CONCURSO NACIONAL DE INTERPRETAÇÃO MUSICAL CULTIVARTE JOVEM REGULAMENTO 2º CONCURSO NACIONAL DE INTERPRETAÇÃO MUSICAL CULTIVARTE JOVEM REGULAMENTO 1. OBJECTIVOS DO CONCURSO A Associação CULTIVARTE - Quarteto de Clarinetes de Lisboa orgulha-se de organizar o 2º CONCURSO NACIONAL

Leia mais

CURSO DE MÚSICA - BACHARELADO

CURSO DE MÚSICA - BACHARELADO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO UFPE CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO - CAC CURSO DE MÚSICA - BACHARELADO Coordenador do Curso: Prof. Rinaldo de Melo Fonseca IDENTIFICAÇÃO DO CURSO 1. Denominação dos Cursos:

Leia mais

EDITAL DE INGRESSO N 19/DEING/2016/1

EDITAL DE INGRESSO N 19/DEING/2016/1 EDITAL DE INGRESSO N 19/DEING/2016/1 A Reitora do Instituto Federal de Santa Catarina torna de conhecimento público a abertura de inscrições, no período de 08 de dezembro de 2015 a 27 de janeiro de 2016,

Leia mais

A Floresta d Água. E d u c a ç ã o e C u l t u r a. Coimbra, Teatro Académico Gil Vicente 22 de abril de 2013 10h00 11h30 14h00

A Floresta d Água. E d u c a ç ã o e C u l t u r a. Coimbra, Teatro Académico Gil Vicente 22 de abril de 2013 10h00 11h30 14h00 A Floresta d Água Coimbra, Teatro Académico Gil Vicente 22 de abril de 2013 10h00 11h30 14h00 2012.2013 16 de Novembro 9h30; 11h00; 14h00; 15h30 Estrutura financiada pela Secretaria de Estado da Cultura

Leia mais

VIII ENCONTRO NACIONAL SOPRO NOVO YAMAHA 5 ANOS

VIII ENCONTRO NACIONAL SOPRO NOVO YAMAHA 5 ANOS VIII ENCONTRO NACIONAL SOPRO NOVO YAMAHA 5 ANOS Objetivos Integrar os colaboradores do Sopro Novo Apresentar o universo da Yamaha Apresentar os parceiros do Sopro Novo Premiar a loja Sopro Novo 2010 Mostrar

Leia mais

O Maestro & ==============

O Maestro & ============== Vamos aprender colorindo? ================== I M P R I M A E S T E D O C U M E N T O P A R A P I N T A R C O M L Á P I S D E C O R Nome: Comum CCB: I N T R O D U Ç Ã O : Esta apostila livre foi desenvolvida

Leia mais

Música 2. PROGRAMA. Modalidades composição, regência e instrumento

Música 2. PROGRAMA. Modalidades composição, regência e instrumento Aptidão Música 1. INTRODUÇÃO O exame de aptidão em Música tem por objetivo avaliar a formação musical do candidato, bem como o seu potencial artístico. Em seu aspecto técnico, o exame avalia o conhecimento

Leia mais

DISCIPLINAS PRÉ-REQUISITOS

DISCIPLINAS PRÉ-REQUISITOS BACHARELADO EM MÚSICA HABILITAÇÃO: CANTO DO NÚCLEO COMUM DO NÚCLEO ESPECÍFICO / HABILITAÇÃO ESPECÍFICA OPTATIVAS CRÉDITO OBRIGATÓRIAS S PERCEPÇÃO MUSICAL I 50 10-04 - HISTÓRIA E ARTE I 25 05-02 - LINGUA

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Resolução n 34/ 2009 Aprova o Projeto Político-Pedagógico do Curso de Graduação em Música, Modalidade

Leia mais

XIV SEMANA ELEAZAR DE CARVALHO CONCURSO JOVENS SOLISTAS E REGENTES 2015

XIV SEMANA ELEAZAR DE CARVALHO CONCURSO JOVENS SOLISTAS E REGENTES 2015 XIV SEMANA CONCURSO JOVENS SOLISTAS E REGENTES 2015 Etapa Região Sudeste Data: 18 de novembro 2015 14h30 para Candidatos de Regência Local: FAAM-FIAM Av. Liberdade, 107 São Paulo/SP Data: 23 de novembro

Leia mais

CONVOCATÓRIA PARA AUDIÇÃO DE MÚSICOS INSTRUMETISTAS E SOLITAS DA ORQUESTRA SINFÔNICA JOVEM DA PARAÍBA OSJPB TEMPORADA 2015

CONVOCATÓRIA PARA AUDIÇÃO DE MÚSICOS INSTRUMETISTAS E SOLITAS DA ORQUESTRA SINFÔNICA JOVEM DA PARAÍBA OSJPB TEMPORADA 2015 CONVOCATÓRIA PARA AUDIÇÃO DE MÚSICOS INSTRUMETISTAS E SOLITAS DA ORQUESTRA SINFÔNICA JOVEM DA PARAÍBA OSJPB TEMPORADA 2015 O Presidente da FUNDAÇÃO ESPAÇO CULTURAL DA PARAÍBA - FUNESC, instituição de direito

Leia mais

2-10 CULTURA, ESPORTE E LAZER

2-10 CULTURA, ESPORTE E LAZER Anuário Estatístico do Município de Belém 2010 2-10 CULTURA 285 2-10 CULTURA, ESPORTE E LAZER No item procurou-se mostrar informações sobre os espaços culturais disponíveis, dos grupos folclóricos paraenses,

Leia mais

Título da peça: 2. FAURÉ. G. Uma canção, à escolha do candidato, entre as relacionadas no Edital de Programa de 2009. Título da peça: Título da peça:

Título da peça: 2. FAURÉ. G. Uma canção, à escolha do candidato, entre as relacionadas no Edital de Programa de 2009. Título da peça: Título da peça: CANTO 1. BACH, J.S. Uma ária ou canção, à escolha do candidato, entre as relacionadas no Edital de Programa de 2009. Título da peça: 2. FAURÉ. G. Uma canção, à escolha do candidato, entre as relacionadas

Leia mais

UFJF CONCURSO VESTIBULAR 2013 E MÓDULO III DO PISM TRIÊNIO PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA BACHARELADO EM MÚSICA

UFJF CONCURSO VESTIBULAR 2013 E MÓDULO III DO PISM TRIÊNIO PROVA DE HABILIDADE ESPECÍFICA BACHARELADO EM MÚSICA A questão 01 é acompanhada de um exemplo musical gravado, que será repetido 4 vezes, com um silêncio de 30 segundos entre cada repetição; um som de aviso (quatro toques ) aparecerá antes do extrato musical

Leia mais

As aulas acontecem nos seguintes polos

As aulas acontecem nos seguintes polos O Projeto O Projeto Viva Música é realizado pelo Instituto de Produção Cultural FreeStudio. Fundado no dia 8 de dezembro de 2009, o Instituto possui certificação de Organização Social de Interesse Público

Leia mais

Profa. Paula Molinari

Profa. Paula Molinari NOSSOS OBJETIVOS A criação do Centro de Estudos Musicais CEM FACCAMP - visa atrair, formar e capacitar aqueles que procuram uma atividade que envolva música, desde a sensiblização musical até a execução

Leia mais

Iº CONCURSO NACIONAL DE INTERPRETAÇÃO MUSICAL CULTIVARTE JOVEM REGULAMENTO

Iº CONCURSO NACIONAL DE INTERPRETAÇÃO MUSICAL CULTIVARTE JOVEM REGULAMENTO Iº CONCURSO NACIONAL DE INTERPRETAÇÃO MUSICAL CULTIVARTE JOVEM REGULAMENTO 1. OBJECTIVOS DO CONCURSO A Associação CULTIVARTE - Quarteto de Clarinetes de Lisboa orgulha-se de organizar o 1º CONCURSO NACIONAL

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS. EDITAL SEPLAG/UEMG Nº. 08 /2014, de 28 de novembro de 2014

GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS. EDITAL SEPLAG/UEMG Nº. 08 /2014, de 28 de novembro de 2014 GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL SEPLAG/UEMG Nº. 08 /01, de 8 de novembro de 01 CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE CARGOS DA CARREIRA DE PROFESSOR DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DA UNIVERSIDADE

Leia mais

CONSERVATÓRIO DE MÚSICA DO PORTO

CONSERVATÓRIO DE MÚSICA DO PORTO Ano letivo de 2016/2017 PROVAS DE ADMISSÃO/AFERIÇÃO REGULAMENTO 1. Nos termos do número 2 do artigo 40.º do Regulamento Interno do Conservatório de Música do Porto, tornam-se públicas as Normas que regulam

Leia mais

FICHAS DE ENTREGA DO PROGRAMA PARA PROVA DE ACESSO AO 6º GRAU

FICHAS DE ENTREGA DO PROGRAMA PARA PROVA DE ACESSO AO 6º GRAU FICHAS DE ENTREGA DO PROGRAMA PARA PROVA DE ACESSO AO 6º GRAU Acordeão Alaúde Clarinete Contrabaixo Cravo Fagote Flauta de Bisel Flauta Transversal Guitarra Portuguesa Harpa Oboé Órgão Percussão Piano

Leia mais

Escalão A. Escalão D

Escalão A. Escalão D CLASSE CONJUNTO RESULTADOS Escalão A 1º Prémio Quarteto Diáspora 2º Prémio ex- aequo Quarteto Fortíssimo 2º Prémio ex- aequo Orquestra de Flautas - Secundário Escalão C 1º Prémio Orquestra de 2º Prémio

Leia mais

PROGRAMAÇÃO MÚSICA www.cistermusica.com

PROGRAMAÇÃO MÚSICA www.cistermusica.com 14 DE JUNHO A 29 DE JULHO PROGRAMAÇÃO MÚSICA www.cistermusica.com Banda de Alcobaça {Júnior e Famílias} Direção de Rui Carreira 1 de julho, domingo, 17h00 Cine-Teatro de Alcobaça João d Oliva Monteiro

Leia mais

MÚSICA / INSTRUMENTOS DE SOPRO

MÚSICA / INSTRUMENTOS DE SOPRO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ (IFPI) Aplicação: 26/02/2012 Duração da prova: 04 (quatro) horas MÚSICA / INSTRUMENTOS DE SOPRO LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES ABAIXO 01 Você

Leia mais

Edital 03/FOSPA/2015. 1. DAS INSCRIÇÕES: 1.1. Período de inscrição: de 22 de junho a 03 de julho, de segunda a sextafeira.

Edital 03/FOSPA/2015. 1. DAS INSCRIÇÕES: 1.1. Período de inscrição: de 22 de junho a 03 de julho, de segunda a sextafeira. Edital 03/FOSPA/2015 A Superintendência Artística da Fundação Orquestra Sinfônica de Porto Alegre - FOSPA, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 4º e Incisos, do Decreto Nº 51.484, 15 de maio

Leia mais

A VER A BANDA... MARCHAR

A VER A BANDA... MARCHAR A VER A BANDA... MARCHAR Por: DR. JOÃO MENEZES Quando se tomam algumas decisões em relação ao que quer que seja, há sempre comentários e perguntas que surgem por parte de quem não tem formação para o assunto,

Leia mais

DISCIPLINAS - CAMPUS 2 Aula Exercícios Físicos e Caminhada Orientada

DISCIPLINAS - CAMPUS 2 Aula Exercícios Físicos e Caminhada Orientada DISCIPLINAS - CAMPUS 2 Aula Exercícios Físicos e Caminhada Orientada A caminhada será realizada na pista de saude da Av. Henrique Gregori e/ou na pista do Luizão - os exercícios serão realizados em sala

Leia mais

DOCENTES - PRÉ-ESCOLAR

DOCENTES - PRÉ-ESCOLAR DOCENTES - PRÉ-ESCOLAR EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR Maria Cristina Mendes Maria Hélder Azevedo Maria João Santos Maria Madalena Almeida Maria Rosário Sendim Paula Cristina Quintas EXPRESSÃO FÍSICO-MOTORA Luís

Leia mais

APRESENTANDO A Associated Board of the Royal Schools of Music

APRESENTANDO A Associated Board of the Royal Schools of Music APRESENTANDO A Associated Board of the Royal Schools of Music INTRODUCING THE ASSOCIATED BOARD OF THE ROYAL SCHOOLS OF MUSIC ACERCA DA ASSOCIATED BOARD A Associated Board of the Royal Schools of Music

Leia mais

ANEXO 1. Cursos. Ciências da Educação (concurso local) Ciências da Educação e da Formação Educação Educação (concurso local)

ANEXO 1. Cursos. Ciências da Educação (concurso local) Ciências da Educação e da Formação Educação Educação (concurso local) Educação ANEXO 1 de professores / formadores e ciência da educação Ciências Educação Ciências da Educação Ciências da Educação Ciências da Educação (concurso local) Ciências da Educação e da Educação Educação

Leia mais

Amigos Pra Sempre. œ œ œ œ œ œ œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ. œ œ œ œ œ œ œ œbœ. # c. œ œ. j œ œ. œ œ œ œ œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ œ œ.

Amigos Pra Sempre. œ œ œ œ œ œ œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ. œ œ œ œ œ œ œ œbœ. # c. œ œ. j œ œ. œ œ œ œ œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ œ œ. Arr: ardilino Flauta Clarinete B Clarinete B Clarinete B 3 Sax - Alto E Sax - Tenor B Sax - Barítono Trompete B Trompete B Trompete B 3 Trompa E Trompa E Trompa E 3 Tromone Tromone Tromone 3 Bomardino

Leia mais

Repertório exigido para inscrição no 46º Festival de Inverno de Campos do Jordão

Repertório exigido para inscrição no 46º Festival de Inverno de Campos do Jordão ANEXO REPERTÓRIO DE ADMISSÃO Repertório exigido para inscrição no 46º Festival de Inverno de Campos do Jordão Violino Concerto nº 1, nº 2, nº 3, nº 4 ou nº 5: 1º movimento com cadência Sinfonia no.9, op.

Leia mais

FUVEST - Vestibular 2014 Prova de Aptidão em Música GABARITO da PROVA TEÓRICA

FUVEST - Vestibular 2014 Prova de Aptidão em Música GABARITO da PROVA TEÓRICA FUVEST - Vestibular 2014 Prova de Aptidão em Música GABARITO da PROVA TEÓRICA Provas: A B C 1 a 2. Percepção musical 1. Ditado melódico modal a uma voz. O ditado será repetido sete vezes, sempre precedido

Leia mais

MÚSICA NO MUSEU Dezembro 2015 Grandes concertos de Natal

MÚSICA NO MUSEU Dezembro 2015 Grandes concertos de Natal MÚSICA NO MUSEU Dezembro 2015 Grandes concertos de Natal Música no Museu encerra a temporada 2015, neste mês de dezembro, com 24 concertos sendo 21 no Rio de Janeiro e, assim, chegando a mais de 450 no

Leia mais

Tipos NO SONAR DE ARQUIVOS

Tipos NO SONAR DE ARQUIVOS Tipos DE ARQUIVOS NO SONAR Olá Pessoal, ao longo desses mais de 15 anos no uso do Cakewalk Sonar, tenho observado que grande parte dos usuários possui muitas dúvidas para entender os tipos de arquivos

Leia mais

GOIÂNIA Basileu França

GOIÂNIA Basileu França GOIÂNIA Basileu França APOIO ADMINISTRATIVO SERVIÇOS GERAIS AA - ASG Atribuições: desenvolver atividades de apoio à gestão, promovendo a organização, conservação, higienização e manutenção de salas de

Leia mais

Questionário de Música de Munique

Questionário de Música de Munique Reabilitação Questionário de Música de Munique Para registar os hábitos de escuta de música por parte de pessoas com surdez pós-lingual após implantação coclear Desenvolvido por: S.J. Brockmeier Adaptado

Leia mais

Concerto celebrativo do Centenário da República Banda da Armada

Concerto celebrativo do Centenário da República Banda da Armada Concerto celebrativo do Centenário da República Banda da Armada 23 de Outubro, 21h30, Sala Principal, M6 Entrada gratuita Sobre a Banda da Armada Segundo fontes históricas, já na primeira metade do século

Leia mais

ESCOLA MUNICIPAL DE MÚSICA

ESCOLA MUNICIPAL DE MÚSICA ESCOLA MUNICIPAL DE MÚSICA A Secretaria Municipal de Cultura, por intermédio do Departamento do Teatro Municipal, faz saber que estarão abertas inscrições para seleção de novos alunos que deverão cursar

Leia mais

ESCOLA DE MÚSICA BACHARELADO E LICENCIATURA TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA

ESCOLA DE MÚSICA BACHARELADO E LICENCIATURA TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA ESCOLA DE MÚSICA BACHARELADO E LICENCIATURA TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA PARTE I: FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA (Para todos os candidatos ao Bacharelado em Música e Licenciatura em Música). Prova 1 Escrita 1.1.

Leia mais

InfoReggae - Edição 28 Oficinas AfroReggae: Música 14 de fevereiro de 2014. Coordenador Executivo José Júnior

InfoReggae - Edição 28 Oficinas AfroReggae: Música 14 de fevereiro de 2014. Coordenador Executivo José Júnior O Grupo Cultural AfroReggae é uma organização que luta pela transformação social e, através da cultura e da arte, desperta potencialidades artísticas que elevam a autoestima de jovens das camadas populares.

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA TESTE DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA TESTE DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA TESTE DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS O Teste de Conhecimentos Específicos em Música (TCE) tem por objetivo

Leia mais

ANEXO II Conteúdo Programático e Critérios de Avaliação

ANEXO II Conteúdo Programático e Critérios de Avaliação ANEXO II Conteúdo Programático e Critérios de Avaliação CURSO TÉCNICO EM CANTO Obs.: os candidatos inscritos em Canto Lírico realizarão a disciplina de prática de conjunto exclusivamente no Estúdio Ópera;

Leia mais

Site:

Site: CENTRO MUNICIPAL DE MÚSICA PROFESSORA WALDA TISO VEIGA Rua Presidente Arthur Bernardes, 639 Centro - CEP 37.130-000 Alfenas-MG Tel.: (35) 3698-2008 E-mail: centromusical@alfenas.mg.gov.br Site: www.conservatoriowaldatiso.art.br

Leia mais

Fundação Real Colégio de Landim Alameda do Mosteiro nº124, Landim Vila Nova de Famalicão Telf:

Fundação Real Colégio de Landim Alameda do Mosteiro nº124, Landim Vila Nova de Famalicão Telf: Fundação Real Colégio de Landim Alameda do Mosteiro nº124,4770-315 Landim Vila Nova de Famalicão Telf: 252 314 888 E-mail: fundacao.real.colegio.landim@hotmail.com Apresentação A Fundação Real Colégio

Leia mais

Ídolos de diferentes gerações, a cantora Ivete Sangalo e o cantor Roberto Carlos encantam seus fãs pelo timbre único que possuem

Ídolos de diferentes gerações, a cantora Ivete Sangalo e o cantor Roberto Carlos encantam seus fãs pelo timbre único que possuem Vozes Humanas Cada pessoa possui uma voz única e especial. É como se fosse uma impressão digital. É claro que existem vozes parecidas. Algumas pessoas cantam num registro sonoro mais agudo, outras num

Leia mais

ANEXO II Conteúdo Programático e Critérios de Avaliação

ANEXO II Conteúdo Programático e Critérios de Avaliação ANEXO II Conteúdo Programático e Critérios de Avaliação CURSO TÉCNICO EM CANTO Obs.: os candidatos inscritos em Canto Lírico realizarão a disciplina de prática de conjunto exclusivamente no Estúdio Ópera;

Leia mais

Conservatório Municipal de Guarulhos

Conservatório Municipal de Guarulhos Conservatório Municipal de Guarulhos Projetos 2015 Inscrições de 19/02 até 07/03/15 Apresentar RG original na hora da inscrição Av. Tiradentes, 2521 1º andar. (2ª a 6ªf. das 09h as 20h e sábado das 9h

Leia mais

Sopros: Instrumentos e vagas: Regras gerais: A prova será dividida em 5 etapas:

Sopros: Instrumentos e vagas: Regras gerais: A prova será dividida em 5 etapas: Instrumentos e vagas: Regras gerais: A prova será dividida em 5 etapas: 1- Peça de Confronto 2- Peça de Livre Escolha. 3- Excertos do Repertório da Orquestra Jazz Sinfônica 4- Leitura à Primeira Vista

Leia mais

ANEXO 1 CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DOS TESTES PRÁTICOS DIAS E HORÁRIOS BOLSA-PERFORMANCE

ANEXO 1 CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DOS TESTES PRÁTICOS DIAS E HORÁRIOS BOLSA-PERFORMANCE ANEXO 1 CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DOS TESTES PRÁTICOS DIAS E HORÁRIOS BOLSA-PERFORMANCE 1- ORQUESTRA SINFÔNICA Cordas (Violino, Viola, Violoncelo e Contrabaixo) Data dos testes: 12/12/2014 às 15h30 Local:

Leia mais

Habilidades Específ icas. Música

Habilidades Específ icas. Música Habilidades Específ icas Música 1. INTRODUÇÃO As provas de Habilidades Específicas em Música do Vestibular 2012 têm por objetivo avaliar a formação musical do candidato, bem como o seu potencial artístico.

Leia mais

música humanização saúde 2014

música humanização saúde 2014 música humanização saúde 2014 O PROJETO TEM A VER COM Arte Generosidade Espontaneidade Auto-confiança Saúde Emoção Alegria Inovação Solidariedade Cidadania HISTÓRICO Na capital paulista, um grupo de músicos

Leia mais

ATO PUBLICADO NO DIÁRIO OFICIAL DOS PODERES DO ESTADO MINAS GERAIS EM 12/11/2014

ATO PUBLICADO NO DIÁRIO OFICIAL DOS PODERES DO ESTADO MINAS GERAIS EM 12/11/2014 ATO PUBLICADO NO DIÁRIO OFICIAL DOS PODERES DO ESTADO MINAS GERAIS EM 12/11/2014 GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS FUNDAÇÃO CLÓVIS SALGADO RERRATIFICAÇÃO DE EDITAL PARA O CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO

Leia mais

Orquestra Sinfônica de Santo André divulga Temporada 2011 Repertório mantém quatro séries de concertos

Orquestra Sinfônica de Santo André divulga Temporada 2011 Repertório mantém quatro séries de concertos Orquestra Sinfônica de Santo André divulga Temporada 2011 Repertório mantém quatro séries de concertos A Orquestra Sinfônica de Santo André (Ossa) já está com toda a Temporada 2011 definida para deleite

Leia mais

Música 1. INTRODUÇÃO 2. PROGRAMA. Instrumentos exigidos: Modalidades composição, regência e instrumento. Teoria Musical.

Música 1. INTRODUÇÃO 2. PROGRAMA. Instrumentos exigidos: Modalidades composição, regência e instrumento. Teoria Musical. Aptidão Música 1. INTRODUÇÃO O exame de aptidão em Música tem por objetivo avaliar a formação musical do candidato, bem como o seu potencial artístico. Em seu aspecto técnico, o exame avalia o conhecimento

Leia mais

9322 Diário da República, 2.ª série N.º de março de 2016

9322 Diário da República, 2.ª série N.º de março de 2016 9322 Diário da República, 2.ª série N.º 53 16 de março de 2016 3 As taxas em caso de mudança de orientador ou entidade recetora do estagiário só são exigíveis quando tal mudança decorra por razões imputáveis

Leia mais

As inscrições serão realizadas pessoalmente na Secretaria Pedagógica de 29/08 às 14h a 08/09 às 14h (pessoalmente na Secretaria da EMESP).

As inscrições serão realizadas pessoalmente na Secretaria Pedagógica de 29/08 às 14h a 08/09 às 14h (pessoalmente na Secretaria da EMESP). SECRETARIA PEDAGÓGICA COMUNICADO 25/2014 INSCRIÇÕES - CURSOS LIVRES GRUPOS ARTÍSTICOS EMESP Prezados Alunos, Com o objetivo de aprimorar o conhecimento musical nas diversas áreas, informamos aos alunos

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 311/2012 Poder Executivo TÍTULO I DA ORGANIZAÇÃO DOS CARGOS DA FUNDAÇÃO ORQUESTRA SINFÔNICA DE PORTO ALEGRE

PROJETO DE LEI Nº 311/2012 Poder Executivo TÍTULO I DA ORGANIZAÇÃO DOS CARGOS DA FUNDAÇÃO ORQUESTRA SINFÔNICA DE PORTO ALEGRE DIÁRIO OFICIAL DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Porto Alegre, quinta-feira, 6 de dezembro de 2012. PRO 1 PROJETO DE LEI Nº 311/2012 Poder Executivo Dispõe sobre o Plano de Carreira e Vencimentos e reorganiza

Leia mais