Agriculture--Agricultural economics--brazil. Agrarian reform in Brazil,a bibliography. I.SUBJECT Bibliography Z-AEI G514 CLASSI- FICATION. Wis.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Agriculture--Agricultural economics--brazil. Agrarian reform in Brazil,a bibliography. I.SUBJECT Bibliography Z-AEI0-0000-G514 CLASSI- FICATION. Wis."

Transcrição

1 A. PRIMARY I.SUBJECT Bibliography Z-AEI G514 CLASSI- FICATION 2. TITLE AND SUBTITLE B. SECONDARY Agriculture--Agricultural economics--brazil Agrarian reform in Brazil,a bibliography 3. AUTHOR(S) (101) Wis. Univ'. Land Tenure Center. Library 4.DOCUMENT DATE NUMBER OF PAGES.ARC NUMBER p. ARC 7. REFERENCE ORGANIZATION NAME AND ADDRESS Wis. 8. SUPPLEMENTARY NOTES (Sponsoring Or9anlzat!on,, Publisheras Availability) (InTraining & methods ser.,no.18-19) 9. ABSTRACT 10. CONTROL NUMBER I11 PRICE OF DOCUMENT PN-RAA DESCRIPTORS 13. PROJECT NUMBER Agrarian reform Brazil 14. CONTRACT NUMBER CSD (d) 15. TYPE OF DOCUMENT AID 690-1,14-74)

2 Number 18 Training& Methods Series January 1972 th%17 LAND TENURE CENTER N,! f - Agrarian Reform in Brazil: A Bibliography (Part I) University ol Wisconsin-Madison 53706

3 Number, 18 Training & Methods Series January 1972 AGRARIAN REFORM IN BRAZIL: A BIBLIOGRAPHY (PART I) A bibliography of materials dealing with Brazil in the LAND TENURE CENTER LIBRARY 434 Steenbock Memorial Library University of Wisconsin MWidison, Wisconsin Compiled by the staff of the Land Tenure Center Library Teresa Anderson, Librarian January 1972

4 TABLE'OF CONTENTS GENERAL AGRARANREF0 *' '&LANDJN", AGRI C U LTU R E " " * e m. " * * 18 BALANCE OF PAYMENTS see MONEY FINANCE' & BANKING BIBLIOGRAPHY -. E Y F BA.KING 31 COLONIZATION see AGRARIAN REFORM & LAND ienure COMMERCE see TRADE & COMMERCE COMMUNICATIONS see TRANSPORT & COMMUNICATIONS COOPERATIVES, AGRICULTURAL see AGRICULTURE CREDIT see MONEY, FINANCE & BANKING " ECONOMIC AFFAIRS.- "0 0. '... * * * ECONOMIC 31 &TECHNICAL ASSISTANCE... *,. * 42 EDUCATION.....!. 0 0 o *a " 6* 43 ELECTRIC POWER see SCIENCE & TECHNULOGY EXTENSION see AGRICULTURE FOOD & NUTRITION see AGRICULTURE FAMILY PLANNING see POPULATION STUDIES". FOREIGN ' PRIVATE INVESTMENT see MONEY, Fi;ANCE & BANKING GEOGRAPHY see GENERAL HISTORY see GENERAL HUMAN RESOURCES see EDUCATION; LAlBOR INDUSTRY... * * 9 * * 0 45 LABOR * * LAND TENURE see AGRARIAN REFORM& LAND.TENURE L A W... MIGRATION see POPULATION STUDIES " " " o " " "50 MINORITIES..... a 0, * ,. 5 MONEY, FINANCE & BANKING ***... NATURAL RESOURCES * * * * * * *.57 * * a 63 POLITICS & GOVERNMENT 65 POPULATION STUDIES * *..., , PUBLIC ADMINISTRATION! see POL.ITICS &;GOVERNMENT RACE see MINORITIES RELIGION o a o o a a o 77 SCIENCE &TECHNOLOGY -,..... a *....., 79 SOCIAL AFFAIRS ,..0..,,..,,. 80 STATISTICS *... * 85 TRADE & COMMERCE... o. * * *..,.e...of......,86 TRANSPORT & COMMUNICATIONS '...*. e. a TRAVEL see GENERAL URBANIZATON SUPPLEMENT o o o j. o a 9

5 JOURIjAL A BREVIAT,NS AI Amirica Indi'gena ~ an ~ ~Lraen ~ ~.. ~~~~~~......r e.. emrc -Amra..P.:.:.'".;, r,. AL atina... ALADA <' ALADA, Oro -da Assoclapo Latino-amerlcana DI reit&',gr~rio *Annalsof the American Academy -of.pol'itical 6 Social Science,.' ANNALS AP Aportes ARI K 'Arco-Iri-s *,.. ASP Agricultura em s5o Paulo BIJNPS Boletim do Instituto Joaquin.Na4uco de PesqusasSoctais. BOLSAIR Bank of London & Sout1" America Review'. CAD Cadernos de Centro de Estid I a,s'.ie,0rhanos, CAL Cahiers des Ameriques Latines.. CE Comerclo Exterior CEC, onjuntura Econontida CH Current History. CmH Cahiers du Monde Hispanique et Luso-Brasl len, COM Combate.-,..,,, -. CPS Ciencias Poll'ticas y Social-es DC Desenvolvimento & Copjuntura -" DD Development Digest.. -. DE Demografla y Economa DEBA Desarrollo Economico (Buenos Ai~res) DIE EA Digesto Economico Economra y Agricultura EBLA Economic Bulletin for,latjin'america. ECS Economta y Ciencias Soci'ae s " EDCC Economic Development and Cultural, Change. EEA Estudlos sobre la Economra Argentln'" ER. Extens~o Rural :'. FA Foreign Agriculture FAF Foreign Affairs.... IAEA Inter-American-Economic I' Affairs ICTJ.international Cooperative Training.Journal,,. IILSB International Instltite.. for Labor StUdieBs BLuII In IP Industria e Produtividade JDA Journal of Developing Areas. - JIAS -.Journal. of Inter-American-Studies. Wor d,affairs JLAS ', Journal of,latin American Studies.... LBR -Luso-Brazllian Review OEP. -Oxford Economic'Papers PL -Panorama Latinoamericano (Moscow)... ' POL PROG.. Progreso PoltIca ".! RB (,': Revsta-Brasil iense RBCS Revista Brasileira de Clencias Socials RBE RBEP Revista Brasileira de Economia Revista Brasileira de Estudos Politicos RCS/PR Revista de Ciencias Socialesy Universidad de Puerto Rico RE: Revista Economica RFCE Revista da Faculdade da Ciencias Economicas (Universidade de Minas (Gera Is) RG. Revista Geografica RDICS" irms Revista do Instituto de Cienclas Soclais Revista Mexicana de Sociologra RS1P RTM Revista de la Sociedad Interamericana de Planificaclon Revue Tiers-Monde,SBE Sudene Boletin Econdmlco,

6 JOURNAL ABBREVIATIONS (cont.) SD' "Sudam"Zodumenta ',i. SECOLAS/A 'SE.OLAS Anat'1, Southern Confereici"&6iiatin Anerian Studie. SPES Smtitese Poitltca Econdmica y Social TE Trimestre Econdmico TEMAS t Temas del' Banco Interambrcaino,-deI 1Desarroltlo -;e' WOH War n Hunger

7 Abreu, Jdbo Capistrano de. CAMINHOS ANTIGOS.E POVOAMENTODO,,BRASIW.,, (2. ed. Rio de Jna qr)js; IdaqdiCap6str6rode Ab rep et,,.l 9. 3v'aria.Bi(9u, "(F'2 24'A28'9) American University. Speciat Operat!"ns Reearch fke,. ForeignArea Studies Division. AREA HANDBOOK FOR BRAZIL. Washington, 1964*;": (F 2508 A56) Bailby, edouard. BRtSIL, PAYS CLEF DE TIERS MONDE. Paris, Calmann-Levy (1964) 257 p. (F B27) Baklanoff, Eric N., ed. NEW PERSPECTIVES OF BRAZIL. (Nashville) Vanderbilt University Press (1966) 328 p. (F 2510 B23) Bastide, Roger. BReSIL, TERRE DES CONTRASTES. (Paris) Hachette (1957) 343 p. (F 2508 B3) Bishop, Elizabeth. BRAZIL. New York, Timej Inc. (cl9b7) 160 p. (F 2508 B6 1967) Boxer., Charles Ralph. THE GOLDEN AGE OF BRAZIL ; GROWING PAINS OF A COLO- NIAL SOCIETY. Berkeley Publ ished in cooperation with. the Sociedade de Estudos Historicos Dom Pedro Segundo Rio de Janeiro, by the University of California Press, xiii, 443 p. (F 2528 B6 1962) Brazil. Conselho Nacional de Geografia. ATLAS DO BRASIL. 2. tiragem. Rio de Janeiro, p. (REF G 1775 B8 1960) - _ CURSO DE INFORMAOES GEOGRAIFiCAS. (Rio de Janeiro) Instituto Brasileiro de Geografia e Estattstica' p. (Files Br47 B7). GEOGRAFIA DO BRASIL. Rio de Janeiro, v. Library has: v. 1 Grande regilo norte; v.2 Grande regi%o centro oeste; v. 3 Grande regibes melo-norte e nordeste; v, 4 Grande regilo sul, (F 2516 A45) (ROTEIRO DE UMA VIAGE). Organizado por Antonio eixei Guerra e Eloisa de Carvalho. Rio de Janeiro, p. (F 2516 A46) 2 " PAISAGENS DO BRASIL. 2. ed. Rio de Janeiro, viii, 6p(F 2516 A ) 1.,0 Ministerio des Relaqoes Exteriores. BRASIL: Rio de Janeiro, p. (REF HC 187 A ) _ BReSIL: Lucas, Brasil, p. (REF HC 187 A ). 6 Trade Bureau. BRAZIL. New York, Brazilian Government Trade Bureau, n.d. 20 p. (Files Brl B7) BRAZIL--LATIN AMERICA'S GROWING GIANT. (Washington. Population Reference Bureau, 1965).5 1. (Files Br725 B71)

8 -2- BRAZIL ;qAN UNEDITED COMPILATION OF ARTICLES FROM THE NEWSWEEKLY LATIN AMERIC (New York) Center forinter-americn Rea t'ons (c1969) 152 p..'' - " ' " '<' "(F 2501'B72) ' - BRAZIL:'WHICHWAY HALF-A CONTINENTi'-Fact'-heet'o, 3 NewYOk, Felgn ic Assobcilatilon-;WorldAffaiirs'centerji (F i Ies I'B' 7r1)' BRAZILIAN INFORMATION HANDBOOK FOR 1967.!2th ed. Edited by Conrad B. Rostan rzos.. Rhode Janelro,BrazIlan I hfomat'loohandbook (c1967) 189 p...". (FlesBrVB7 ") Burns,_E. Bradford ed.,a.documentary HISTORY OF BRAZIL. (I,. ed.) New York,.. 1(n6i1, l9g6~ x~i~'398 p. '''~~~8. -;.:'(F,2521;B88) * PERSPECTIVES ON BRAZI'LIAN HISTORY. New York, Columbia University Press, p. (F B8) Cal oge ras," Joto Pandia. A HISTORY 0F BRAZI L'.' Trs lated' by Percy Aidl M't in. New York,' Russell Russell, (61939)" 374 p. (F 2521 C )" Campos, Roberto de 01 ivei ra. A MOEDA, 0 GOVERNO E 0 TEMPO. Rio de Janeir02 APEC Edltra;,, p- (PQ A5316), AP.E Carvalho Carlos Miguel Delgado de. ORGANIZAqAO SOCIAL E POL(TICA BRASILEIRA. ' ed. RI'de Janeiro) i, EdItre Ftnd6 de Ci '1ura 30' p.'.,, dt~ra(f C2272) Carvalho, Delgado de'. GEOGRAFIA HUMANA, POLi'TICA E ECONOMICA. 2.' ed' 'Rio de Janeiro, Conselho, 'cidnal" de Geografia, p. S..... ', _ (G 115 C3) Cruz Costa, jo 'o. ESBOZO DE, UNA' HISTORIA de Jorge Ldpez Paez. Mexico, Fondo DE LAS" de Cultura IDEAS EN Econdmica, EL BRASIL Traducc-idn r,e, -. '(B p. C73),_ A'HISTORY of IDEAS'.IN. BRAZIL; THE DEVELOPMENT OF PHILOSOPHY IN'BRAZIL AND THE EVOLUTION OF NATIONAL HISTORY. Translated by Suzette Macedo. Berkeley, Ur61 'e"itiy dficall frni Press,.1964: 427" p. (B'1061 C69j) DICIONKRIO GEOGRAFICO:BRASILEIROI Rio de Janeiro Editora Globo (c1966) 559 p. (REF F 2504 D) Dos Passos. John. BRiL ON-'THEtMOVE. (I. ed.) Garden City, N. Y.3 Doubleday, ix, 205 p. (F 2516 D66) Dourado, Autran. A HIDDEN LIFEI- 9ew Yrk, 'Alfred A,.Knopfp p ' '.' (PZ 3 D7507 H13) Facd, Rui' 1 ' CANGAdEIROSE FAN(TICOS: GNES E'-LUTA',' RIo.de Janei,' Edrt b Civil izaq o Brasilere(1963) 226 p. (F 2537 F2) 1., Fernandesk,1 IFl'fi it'a i' SOCIEDADE DE--iASSESE!SUBDESENVOLVIMENTO (Rio ddjdnei ro, Zahiri1968) :. -., -".',(F :2503 F27:I968), * ' -'( *4F),'O (,

9 -3- Inforrmatioli Pan 2 4mer0cani'Union.U1963) 101 p, (Files Bri F7),', CA.GRNDEE SENZALA; FORMA O~DA- 1 FAMILIABRASlLEIRA 50B,0REGI ME DE, '"ECONOMIA PTRI~A L. -Rio de Janeiro; J. Olymnpio, 2510 r F7511).'2,(8 z:. 'rp '; ' F;1....(F DeITRPACIONAi FRLMI(2do ed ), TraduccIondeRTepdOrO Qrt. y - Demet'~ioAgil~a-ata. : Mexico, Fonda de Cultura Econricmca (196/+) p. O e~ +:"" " cc Ion,.de,.qd.r- 'O;t iz,",. ANTERRE" I " DE..R S.~,,,,~ (F 2510 F ) i1.' Lr,*., ,, *',. **.--.. ' +.+ j. 1 ' THE MANSIONSANDTHE-SHANTIES: THE AAKING x* OFMODERN r431, BRAZIL., 'xxiii P.. Transfated by Harriet de Onis. MANSIONS New York Knopf, 1963.~jI1I~ x4xvii... (F F7,5I3), - : - THE MASTERS AND THE SLAVES (CASA-GRANDE & SENZALA): A 'STUDY IN TH*E. 0 pqeelopment OF BRAZILIAN C.IV.ILIZATION... Translated by Samuel.,,qtnam. Abri dged "fromr'the 24. Engl ish-language ed. rev. New'york, Knopfp p. (F 2510 F75243) NEW WORLD IN.THE TROPIC ThE CULTURE OF MODERN BRAZIL. (.ed.) New York, Knopf, p. (F 2510 F7519),,,_ORDEM. E PRbGRESSO: PROCESSO'*DE DESINTEGRAAO.DAS SOC IEDADES PATR.IARCAL E -SEIPATRiARcAL.NO BRASIL SOB'OREGIMEDE TRABALHO LIVRE: ASPECTOS' DE UM QUASE MEIO SECULO DE TRANS/q'O DO TRABALHO ESCRAVO PARA 0 TRABALHO LIVRE: E DA.. NA quiv PARA A.REPLL,!FCA.:.a.,ed,.,- Rio.de Janei r.o,- O1 ympio, ,v. 2(F 250F ) ORDER AND PROGRESS; BRAZIL FROM MONARCHY TO REPUBLIC. T.ranslated by R, W. Horton. : New York-,,Knopf,.!97.,512.,p 5 (F'2510,F75I ) _ 4UA POLITICA TRANSNACIONAL DE CULTURA PARA 0 BRASIL DE HOJE. elo Horizonte) Faculdade de Direito da Universidade de Minas Gerqis (1960) *..' '.i :".5"41 7).....'7.j (F 25.T E MUCABOS;, DECADNC IA 'DO PATRIARADO, RURAL E DESENVOLVIMENTO DO URBANO. 3. ed. Rio de Janeiro, Jose Olympio, v p. (F,2510,F ) : *SOBRADOS Gudin, Eugdnlo. PARA UM'BRASIL MELHOR. Rio de Janeiro, Apec Editira, n.d. 40 p. (F2503 G82) j J,, c., K Haring, Clarence Henry. EMPIRE IN BRAZIL: NEW WORLD EXPERIMENT WITH MONARCHY..:;. CambrIldge, HarvardUniversity.Prossy,1958',.:182 pi. (F 2536 H3) Hill, Lawerce r, icisi ed..,obaz.i.l, BqkeIeiiI n.iver.ty of -Cali ifornia Press, p. -.V-, F ;52 1.H5). : i. + K I n1:,, na-onai.co,,l oqu~ium,~qn Luspo, Brazil!Stules; ip0rtgal AND.. BRAZIL,I.N: -TRANSI-. TION. Raymond js,.sayer,.,qd. Minneapolis., Universi.yof Minfnesota P.ress (1968) 367 p. (DP )

10 Jor,AJos9G iihrimewde A,'rbjob',BRAS IL-COM LETRA IINITSCULA;,'iRETRATO, DO BRAS IL,, TAMANHO 3 x 4 1.,c ENSAIO. POL(TICO.;.1 Rio: delia'nei ro 4Poinget ti (1959),) 262Ap'o,, (' I ) (F 2538 J6) Lambert,: Jacques..= OS DOI S. BRASIS." -'3.- ed;'!,'so Paulo;1-Companh;iaiiEditora'UNaclbnal (1967) 277 p... (F 2508"115) :, Lat if,,.miran, Monte i ro :deubarros.,j; '0 HOMENAE1,;O'.',TR6P IC( UMA,' EXPERI ENC A,BRASI LEI RA': Rio de Janeiro,'AGIR; 1959-:i232.p., '(GF 531 L3) ' Lei te Al fredotcarl os (Teixeirao) GINESESOC IO-ECONAICADO; BRASIL: 'Prto,Aegre,... RS, Brasil, Librarla-Suliha'(1963) 371 p. (HC 187 L24) *, Levinei Rgbert... 'ed;j,,brazil:field RESEARCH-GUIDE INTHE<SOCIAL SCIENCES- (Newr York) Institute of LatinxAmerican Studies; ColumbiarUniversityj, l9661 Vi, 297 p. (F ) Lima, Nestor dos Santos.i, AiTERCEIRA AMeRICA: ENSAIO:SOBRE A INDIVIDUALIIA'DECONTI- NENTAL DO BRASIL (Rio de Janeiro, Livraria Freitas Bastos)' 1'967: 195 p. (F ) Magalhbesp,Juracy Montenegro,., LUTA.DA MINHA GERAqAO. Rio de Janeiro. J.-O1ymiplo xviii, 82.p.. (HC ) Mala., Jorge. 0 BRASIL NO TERCEIRO MUNDO. Rio de Janeiro, Edicbes Blochp I5P., "'-'.,. ' ' 'I(F 2659 Al A]4),, Marshall. Andrew. BRAZIL. NewYork,'Waiker (1966) 231 p.,- :(F a) Mart rnqz., Amengual.Gumersindo;: BRASIL., Habana. Casa de l'as Americas (1964) 82,:0.P. "... (F 2508 M37) '' '"' Mello., Antonio da Silva. A SUPERIORIDADE DO HOMEM TROPICAL. Rio de Janeiro,EdItbraC i.vil izapo-brasileira: (,1965)- '433 P. (G 515 M36) Mello, Mario Vieira de., DESENVOLVIMENTO E CULTURA: 0 PROBLEMA DO 'ESTETISMO NOBRA- SIL. Sto Paulo, Companhia Editbra Nacional (1963) 239 p. * "..4 " T (F ). ' Merchant,,Alexander.!Aspects of theenl ighitenment in Brazil." (InWhitakerA. P., ed. LATIN AMERICA AND THE-ENLIGHTENMENT. 2nd, ed.,(1961) p. '95.18'' (F W ) Momsen., Richard P. BRAZIL- AGIANT'STIRS. Princeton, N. J., Van Nostrand. '(1968) 144 p. 4::,..."I,. (F 2508.M7 1 ).... [. Moog, Cdomhr,Vianna. BANDEIRANTES AND PIONEERS, Translated bv L L". Baret't,.NewYprk,G. Brazil ler (1964)..- 31'6p:- ' (F 251"0 M583) BANDEIRANTES E: PIONEIROS-: PARALEL' E 0 REDUAS-CTA. ed r i c'j Janeiro Edit1 ra G1obo (], 961). 420 p. (F i)' Morsej;R chard McGee......,THEABANDEIRANTES-..., T*E... H'dST R".. AL" R".. ROLE OF.THE BA BRAZILIAN I FINDERS. New York, Knopf,V1965, "ii"2i5 I, '(F ) ' '' '?,'Ṗfq Vit:

11 Mussume..i,;AV.V c.tq rtaqrganiza( AOj.SQ.CIALTj. P.OL.(TICA BPRASILE IRA; ELEMENTOSi D4 'EDU9AI O, SOPIAl'E C VJA. ;.S opaul p,- Edlitora, doi Bra i-i'"9,69.,,2-36rp.,,i ij ") (F 2521 M87) Pan Anericanl Union:K, BRAZ IL-,4-- American RepubI!ics.,Serjes'. no.: 3'.j Washjngton.l1965,ni ej (reprinted 1968) 7p(Files Br Pi) Prad, Ju4. Ior;iCai 9.':'-EVOLUqMAO POL-ITI CA;DOOBRAS I 7E OUTROS, ESTUDOS-., 3,1ed..,S"o. Paulo) Edlttra Brasil Iense:.(1961) 264,p.'y (F.2521 P,71:I1961,) * FORMAq7AO DO BRAS IL:CNTEMPORANEO6. d (S'~o;Paul)-Ei*86-B I., ense, x, 390.'P.,:I! :f(f. 2521P f) PradQ,,aulo-.' ":'RETRATO.DO-BRASIL: EMSAIO, SOBRE A TRISTEZA!BRASILEIRA,. 6.-led; Rio6'.de Janei.ro, J. Olymp.oy, p,, (F;-2521 P );.! Rache, Pedro. 0 PROBLEMA SOCIAL-ECONOMICO DO BRASIL (ESTUDO DOS ELEMENTOS E MeTODOS. 1 APLACVEIS AO,CASOBRASILEIRO).' Rie'de Janeiro';J, Olymp[o ,2' 7 (F2509RK3)'! Revista Brasileira de Geografia. TIPOS E ASPECTOS DO BRASIL (EXCERTOS DA 'REVISTA BRASILEIRA DE GEOGRAFIA,),. (5.ed.- Rio dejan'e'ro). 'Ilnsti:tuto Bras'lleirv' ; "de"geograf ia e Estati'stlca,. q-onselhu Nacional de Geografia.1949.x..312'*p. (F 2515 Rh 1949) _-T_...TYPES ET ASPECTS.,DUBRSIL (XTRA ITS DE LA 'REVISTA BRASILEIRA DEf GEO- GRAFIAI). Traduito... o par Annette et Francis Ruellan. Rio de Janeiro, I.B.G.E. Conselho Nacional de Geoqraf.ia, 195.7,-,Xvi, 443 p. (F 2515 R4413) Rodriguesl( Jose, Honorio. THE BRAZILIANS:.THEIR CHARACTER'AND-ASPIRATIONS. Tra'nl ' lated by Ralph Edward Di.mmick.. Austin University of Texas Press <1967), " xxiv, 186 p. (F 2510 R713) Rowe, James ANOTE ON QRAZIL;,OBSERVATIONS ONTHE BRAZILIAN ENVIRONMENT; PEOPLE, HISTORY, AND SOCIAL INSTITUTIONS. East Coast South America series, vol. XII, o.p., AUFS, n.d. 39,P.:, (Files Brl'R6) Schilling Paul. "Thirtyyears-of Brazilian history sketched." Translations on Latin America, no. 215; p (In JPRS-INTERNATIONAL DEVELOPMENTSp vol. VIII,, no.2, July 1969-June 1970,.reel. no, 116) :or ginall publishediin ''IARCIAi,%,y 12,,969,"p ,. ', (MicrofiIm) Schurz William Lytle, BRAZIL',) THE INFINITE COUNTRY. New York Dutton (1961) 346 p. (F 20 39) Seminfrio de Tropicologia Recife, TR6PICO & COLONIZAIqO, NUTRI!1O, HOMEM? RELIGIAO.,, DESENVOLVIMENTOQ.EDUCAqAO. E.CPLTURA, TRABALHO E'LAZER, CULI'NARIA,'. POPULAO)O" Trabalhos apresentados e debates travados no'semincrio de Tropi' cologia de Universidade Federal de Pernambuco no decorrer do ano 1966 sob a di redo de G I]berto Freyre.,,Reci fe Universi dade Federal de*"pernambuco, '969'." 2 v. (72 p.) (G'.515.S25) Silva, Jos4 Diap da. BRASIL, PA(S,,OCUADqt: ESeOLI'lAO, INFLAAO,' E OUTROS PROBLEAS!'"'.' 0da1eli~o, GraficaRecord Editor(1963).,471p. 8,$) (F S45)

12 Slsser, Malcolm. BRAZIL: LAN /WITHOUTLIMIT, South.,Brunswlck (N.J.) A. S. S Barnes (1970, 1,69),301)P.- '"r '''2" % g 7- Smith, Thomas Lynn. BRAZIL: PEOPLE AND INSTITUTIONS. (Rev. ed.) Baton Rouge, Louisiana.:, State,; University.7 Press, x,667 P. op. -: } ),/ Sodr, Nelson Werneck. EVOLUC,6N SOCIAL V':ECON6 ICA ' DEL BRASIL.' ibloteca de. America/Libros deltiempo nuevo no. 30. Buenos Aires..,tarla Editorial de Buenos Aires Universi-. (c1964) 103p., (Files Br5O $6) "'- [).,FORMAAO )'796) "417 p, HISTRICA '''" OBISlL. " RSI. '.*'! (Rio. R... de'r.aneir~o),';f '"" -' 252 ' 1',,S " Edit:era".B,iis 6) r "' ".Vi... s.e INTRODUqAO A REVOLUqAO BRASILEIRA. V.lzkdo Brastleira (1963)226o., 2. ed. Rio de Janeiro, Edl pracivi- (F 25I.O0S6,1963) Souza,, rbernardino Jose de. DICIONRO DA TERRA.,E.DA GENTE DO BRASIL, 5. ed. Sto Pauloj, Copanhia Edit oraoacionjl. (1961) 346 p. (REF F 2504 S ) p.: 297"311i Sternberg.,Hijgard.... O'Reilly. olx gia.. "Brazil.: "I Rernedfo comlxgiq" AF"a ' -.. -p 2,- li. erne rmffjan (F,i'les Brl s8) Texas. University. Library. RECENT BRAZILIAN ACQUISITIONS OF THE LATIN AMERICAN COLLECTION O'F THE UNIVERSITY 6F TEXAS LIBRARY, NO. 2 M."AY 1963-MARCH I v. - ' (Files BrI T29) - U. S. De'partmen't ofstate. BureaL of Public Affairs. BRAZIL. Rev. Background note. Wlashilngtori "(For sale by the Supt. of Docs., U. S. Govt. Print.'Off.) p.. (Files Brl U5) Wagley,-Charles, B'RAZIL:CRISIS &.CHANGE. Head I ;n eieno. 160,7. The Foreign pplicyassociation, '63:P. (Pil'sBrl W ) New York,. AN INTRODUCTION TO BRAZIL. Rev. ed. New.York, Columbia University. Press, 'xv, 34l p. (F 2508 W126"1971) Webb, Kempton E. BRAZIL. Boston, Ginn, p.,(F.2508 y3), Yglesliase, 'J.se DOWN'THERE-.. New'York, World Publ ishlin Co., (c970) i.p. (F Y45) ~!p AGRARIAN REFORM LAND E' Abreu, Jayme Cunha da Gama e. REFORMA AGRARIA: ESTUDO DO MODO COMO APLICALA NACIONALMENTE 'NO BRASIL PARA' 'HOMEA' DA ERA I'COLETIVISTA" EM.OUE ViVEMOS-."- Salvador (Brazil)* '178 p. (HD 1872 A2) " ' Accioly 'Borges, Thomaz Pompeu. "Fundamentos y caractersticas de rma agraria -en ell'brasil." '(In ntosydea Delgado; unaref~r~ C., ed." REFORmAS AGRARIAS EN.AERICA LATINA; PROCESOS Y PERSPECTIVAS (1965) p ).4 '4, 4, 4* a a(hd R,4)_: - Alexandre, ans& REFORM ARARIA: ANALISE DA SITUA(qAO BRASILEIRA. Rio de Janeiro., Grdfica Editbra Aurora, p. (HD 495 A4)

13 -1- Al varenga, Obt4Vl9O I,' 0;bEnquadame'nto silndi calrurb',de dliore' to ar i o brasi IeIrb"' (In' ALADbA, 'no. I, abril 1969.' p.' ) - >4 '" *~~~P (~rod rj1 ipp.]s shelf),. ~' Amaral Anton O-.Quei roz o0,.'.,novos pvi nci pios e coordena6o para a reforma agrart a, abastecimento'ee'strutura de precos." Separata de A RURAL, Revista da Sociedaie Rural Braiileira,, deoutubro de,962,. 4 p. >' ''~'''~"', (Pi'le's Br3A501 j -'A Ref-rma a'rarija na pratica."' Tese'apresentada a i.'a'; Mesa"Red6hda da Conservagao do.solo organizada pela Sociedode Rural Brasileira em "Sl Paulo, po',eparata'dos ANAIS DAS MESA 'REDONDAS.DO "ALGODDOJ..:DO. CAF E DA COi4SERVAqAO DO SOLO. (Files Br3 A5r') =r" " Rehat* 1O Congreso.emzfpde da 'reformaiagrarla.:"(n Ano 201,'m rgo... abril p. 2530) (eridicals: Shelf) ';. ruda )' :,.oao Paulo 171,.'.lReforma ma6o-junho' 1963 a rairegisto p. 75"83) torrens (Periodicals e,usucap'iao., shel) O',InDIE,"an """ "Apectos m~ estruturas' do ~ iojho 9'-7-3t problema agrrio "Brasil." (IrCano"VII, no. 8, agosto de 'p. r' shlf) p. sij-to)v(pe rodidai ' helf) e ismo' e r'efor10i'rino agr"i', i A"''I ~ '-o.v' l', janeird 0.p97-109)... (k,.,od'.i' shelf) ' Associagbo Brasi lei ra de. Reforma Agrari.a..!'Comunicado 2.." n.p ,.,_A.!C Imeograph. I " : I I. -,! " '(FilesBrjA I * Assoclalo dos Diplomados Ida Escola Superior de Guerra. 2? Grupo de TrabiCho. REFORMA AGRARIA NO AMBITO INTERNACIONAL. Rio de Janeiro,.Ministerlo da Educa4ao e Cultura,, Serviciob Documentea'o (1959) 83 p, ' ' ' (Files Br3 A77) Bandecchl," Pedro.BrasI.. ORIGE4 DO LATIFUNDO' NO BRAS"IL.-f (S"oPaulo'Ed-1,ra Fulgor (19 6 3) 6 2"p. A (HD'"493B3)... Barros, Antonio Alberto Alessandro de, "Reforma ativismo 'no desenvolvimento rural do Brasil,." (In,ARI, ano XVII., qo , setembro,de A A9. 18)'.,.,, :Peri.. *- i.c.s s'.elf) Barros, Wanderbilt Durate de. A ENGENHARIA AGRONOMICA NOS PROGRAAS DE REFORMA AGRARIA. Rio de Janeiro Sociedade Flumi,nensedos Engenheiros Agronomos, P.'f, ' ' (Fi 0' es Br3 Ble), -',ds programos 'regoidai'zados de'reforma agraria. 'S dezemb d* ro de de AC? 'I96.-, 0p, ' (FilIes' "r3alp) ' " " A "A Reforma agr=ria vista por um agrnomo." Separata da REVISTA DO,,CON$ELH6'NACioILADE ECON(A, jp neiro Lr 1.%LD Me.ere e 1962, ro' do.n~, RITA'DO.,, 1. Ti#,V "',, 6'. :).,; Vii'. FIls I I 8r3.1 B[ ), ; A. A - "99", Beck, Walter E. "Land title"ei4istration in Brasil." (Rio de Janeiro, 1967) 0 9 :"" """ " OA.,A...<,.1 ',,, (FiIles Br59 B2),, A 9,A '''AA I,..

14 Boni II,a 1,,ErajkJ.q1RuralAreformi n Bi0azi I'.'. ibetache'dfr DISSENT, "A u'm"in... (Fi lesc30 B6). iu. Brazil 3 ComtisZb -Naci o nal zdecpol t.i ca.agr'ria."reformaagriria no Brasi ; e projetos4! :(Rio Ide Jane-f6) 1956,i'l1 "(F H les Br3"B6c 1956) t,,..,.. v. '. REFORA AG RIA'NO BRAS',I; PI MEIROS ESTUDOS E prdjetos.. Rio de Janei"Lo, Serviqo-delnformaao Agrrcolla,"Minstiri6 da Agricutura, p. (Files Sr3,86c , _ Congresso..,Grupo.de1Trabalhoda Reforma Agraria. REFORMA AGRARIA. (Brasilia, Servigos Gr~ficos do Senado Federal, 1963) 3 v..,,. :(H ' 492 '07) '. :". : :.,.,..... :,4;,. 4, -..:, -j _ Conselho Waciooal de Economia. "Diretrizes sabre a reforma agraria.1 Separata da REVISTA DO CONSELHO NACIONAL DE ECONOMIA) janeiro-fevereiro de 962~1. 15V:p. (Files tr3 87)'', Delegao a*confergncia Mundial de Reforma Agraria de F.A.O., Rome, 7,960, :BRAZILI N STATEMENT.:!. By Eudes de,'souza Leo 'Pin,tO. ":' 'i- Insti'tuto -NacJonalde,Desenvolvimento Agrari6a (1966) " " (Fie esbr'3 B73) Instituto de Co.ionizaao i4acional. "A Propriedade da terra na reforma agr.ria,..brasi leira.".'n~p.,, lv., (various.p'aings) Phot6d0y. "-. (Files Br3 B75) ,nstituto Naclonal,doDesenvblvimentoAgrrio. PLANO DIRETOR;DE COLONI-... ZAqAO, ANEXO I : N!CLEOCOLON I AL DO-;GUAMA', (Ri 'de 'Janeri ro,- INDA, 1967) (Files Brl7 872) * Servtiq6.de InformaoAgri'col a',. REFORMA"'AGR/ARIA NO MUNDO E NO'BRAS il. Serie Estudos e-esiiosy;io'."4. Rio de Janelio, p.' (D 1251 B7) ", r,l. SUDENE. REFORNA:AGRARI"A E DESENVOLVIMENTO RURAL;: PARECER SOBRE 0 ANTE- PROJETO DE 'ESTATUTO DA TERRA.' Recife, p..0i Br3.44 4le 87l)1 4(j ' ~ Bruzzi) Nilo. CONTRIBUINDO PARA A REFORHA AGRARIA. Rio de Janeiro, GrafLce, -1 dt." Edi~ra~urra4.0.11? 'r (Auroar' ' B7)' Caldeira, Cl.ovis.. ARRENDAMENTO'E PARCERIA.NO BRASIL42:R io de Janei'ro, Comiss'b'' Nacional de Poi'tica Ag'rri'a., (9) p. (Files Br94 Cl) _,, 'corigens: e.evolug'o da propriedade da terra nb Br'asil-.1g"n'.ppd.n,. ',....,::'. ',- 1 ' (Fi 'es"br5 8 Cl), '.u'7),-3: 1.:; -. Campos, Milton. "A Reforma' agraria." (In DIE, ano XX, no. 171, maio/junho p. Ca ) d so4frn n o (Periodicals shelf) : ,,,,"44,-,,,:': Cardoso, IFernando~ Henr.i que.,, "Tenses ociia is,no, am e reforma' agrar a b(4, l( 'RBEP, no. 12, obtbbrbde.1961,.) p. 7-26)-.-- -(Pbriodicals'shelf)' : fj', '"Tirantez social y reforma agraria." (In COM, vol. IV, no. 21, marzo y abril p ) (Periodicals shelf)

15 Cardozoefrandisco.,a Refor.-,,agr~ria.'1 k/l.(i 0[EaoiX IX; ib. 167et h'po out. de p;88-.96)-,,;;', (Periodicals shelf) Carneiro,,JoseFernando., "A,Coionizaqoo;alem1 q -a'jreforma a.,!no- Carval hoq,.af rini o de., '!Projeto ofji ci al,.de reforma.agrari,.,;!.'.. (I n le, an XX,E;. 1.,m lo-jq h 1963.,. -, 3 1,,;,-... -,(Periodical-s,{shelf)., 4.,Y ' i _ REFOR4A AGRARIA.' (Rio'de Janeiro) Edikes o Cruzeiro (1963) 288 p. Carvalho, Francisco Pereli.ra _de Buihes. "Reforma agraria."! Detached from REVISTA FORENSE, no. 191, Sept.-Oct p (Files r. Br-3Ci), Cavalcand, Joaquim Nunes Coutinho. UM PROJETO DE REFORMA AGRARIA. :(So Paulo) Edl;es Autores RIeunidos', p. (HD 496 C3) qh ce J0 9n Magi ahbes. V'AI guns: aspetos do nevo :quadrb.i'hstituci6hal da economia do setor'agrario no Brasil." n.p., (1969)i (17). l..pape'. for;consejo.latinoamericano de ClenciasSociales, Comision de Desarrollo Rural, Segunda Reunion, Santiago de Chile, Octubre 8 de (Files Br3 C31),,. mentario sobre o.,estatuto'da terra.',", Detached=from)DC, Janer 1965, no. P., (Files Br3 C3c) a -*!'Recomenda-es~basicas- para a,reforma.agrri.a.!', n.,(confederaao.naci--; oal da Induistria) rn d.-4,-.typescript; (Files.Br,3 C3r)., 'Reformaagrarlano Brasil." (In Curso Internacional de Reforma Agraria, 2,Campi~pas,Brazil,, RECOQILACQN DEDOCUENTOScY DISERTAGIONES D OROso 6.AI.H,.N O5C7:93 Cleophas, Jolo. REFORIMAAGIRtIA NO BRASIL. Recife, Instituto Joaquim Nabuco de -P qesquisassoci ai's,.1960,., p.:... j., (Fi~les: Br, C5) :".(F - ", Cline., William R. ECONOMIC,CONS QUENCES OF A LAND REFORM IN BRAZIL. Amsterdam, North Holland Pub. Co., xv, 213 p. (HD 496 C55) PRED I CTI0i1 OFA LAND REFORMIS EFFECT ON AGRI CULTURAL! PRODUCTION.:LTHE.1 BRAZILIAN CASE. Development research project discussion paper no. 9. Princeton.N.A., Pripcetop Unlersi~ty, 'oodrow iulson- Schooto., ,.1',, (Fi I r3c54) "Col cni sts ' celebrate, tra,nsfer.of A Pd; tjt I.es, T:.Translations on: Latin Ame i iay.!l0.,.. 39, p (*In, JPRSINTE.RNATIONAL DEVELOPMENTS, vol. IX, no. 4, July' June 1971, reel no. 144) riginall published in 0 GLOBO, September 21, 1970, Comlt4 Interamericano de Desarrollo Agri'cola. TIERRAS Y HOMBRES EN LATINOAMERICA; EL 1,IJFORE;. EGIONAL DEL CIDA.Y- RESUMENES,DE LOS.PA-ISES..,,(Sol on L,*,BarrAIiougl';iC. Jefe del Proyecto,.) I q.p...,n.,d. 693' p,, (HDB. 265a A3_C65)...,.-,....,,,.,,:'.;.-.. ",:.)t,..:.i.,.,:.,: ::,,,,.-.., [, :..: :.:;,,h:.'" TIT ;

16 )f-confei'ncisw Rural :Bras,re " m 11 eilrxa;i].- 6t1hl,-, Mara z b2th,.: "Revyol.i'o 1 ag r rcojo{ piel pea, "' ' ;.. B.r"31., f "-,a ' Confer*ncla Rural Brasileira, b., Rio de Janeiro, 19b2. A REFORMA AGPVRIA NA VI 2m!CONFERENCIA; RURAL.;,'Ser~e:,docuqentria, no. 21. #ROJ Je irp;,.minist~rlo da Agricul tura, Servijo dei nformpoq Agrfcola) 1, op., (Files Br3 C63rt) SCo,resso ras i,1 elro para,: ade,fi,6ni ioq.as.,.ref.ormas de,,base l,1942. REFORM4 AGRAIA;,.,,,,r.SUB.SrIOS PARA ESTUDO DOS,,SRS,..DEPLEGADOSf',-Documento nq,,5. n.p,,secretarlaexecutjvido'congresso (.962).upL'.::. (FilesBr.3 C65). Connl,;Stephen.:,THESQUATTERS -RIGHTS OF. FAVELADOS. CI-DOC cuaderno,.o. ; 32, Cuerna. vaca, Mexico, Centro ltitercul tural de Documentacidn, 1969.:.,IIv. (various pagings) (HD 498 U7 C65) "Country background reports on. 1andcuse and.,tenure probl.ems: Brazi,.!,-1(.n ilat In American USOMs!Seminar oq Agrarian Reform, Santiago, Chile, REPORT. p ) -... (HO LI8 1961) Coutinho,,Antonio Rodrigues. AE$TRUTURA AGR/aRIA BRASILEIRA NOS 1CENSOS!DE,1950 E: 1960 COMO BASE DA REFORMA AGRAIA; CONCLUSOES GERAIS. (Rio de Jane,iro?) Minist~rioI de Agricultura, Opto. Econamico 19b *I..(ieBr3,C69).' Curso Nacional de Reforma Agriria, Pbrto Alegre) WORKING PAPERS AND MATERIALS. - (Sponsored by) IGRA-l-ICA,,,Rio.Grande. do- Sul-, abri! 19b5. 1 w (various pagings),,,, ;.(Files Br3 CO) D i gues,,;manuel.,aigurjos argmentos.contra. 1a reforma:,e'1.caso dei"brasii.". (In Del gado, 0;, ed,,,reformas AGRARIAS EN LA;AMERICA: LATINA;, PROCESOS Y,PERSPEC- TIVAS. (1965) p ) (HD D4) REFORMA AGRARIA NO:BRASIL. Campinas, Brasil, Centro-Lat4ihoamericano Pesquisas de em Cilancias Sociais, lb I. Paper from Seminario Interamerican6sobreP roblemas de Ia Reforma;A'g.earia. -(Files'Br3 1), ' Duarte,, Nestor.,REFORtA AGRi/RIA,, RioQde..daneiro (Minlsterio daledda' oe"sad de,, Servijo de Qocumentapo,"1953) '143 p. (HD 495 D8) Ferar 1,,.Fernndo.,., ESCRAVOS DA 'TERRA.t; Rio: de Jir'F61ro!dit'ra.G lobo"(1963). vi, 216 p..,(hd 496 F26); Ferrelra,,,Pfipto.,- A REFORMA,AGRARIA. '43.ed.. Rio "de-janeirolkiraria F're'ias" Bastos, p.. Q.:. -:M. (HD 106 F2.7) ' Figueiredo A. P. "The Need for agrarian reform in Brazil." (In Smith, T. L.; ed. JNN..~RM ; LATIN.AMER ICA!: ;p,-6 7 ; 72 )C ',. (HD S5), FigueiredoMMrta ldomrcio de.-,. POLITICA'"DE;,COLONIZAAO E"PLANO DE COLONIZA0O.''; Estudos econmicos, i polrtjicos e- sociais no. g.9 l, IoIizont1,'NG. Faculdade de Ciancips Econlmicas da Uiiiversidade de Minas Gerais, P. 7 ( ; 8 I 7

17 F1 Ic 6Ui nli)'es l a ur L %f oima a ygra t(f6 en, Ie Bras l1,. L 12 1 r,- Pap e.r r ese nt e d at 15 h Cog reso Nacional de Sociolog, ep Ic,.'Naya r Ir) MexJ-co-wI.96,. (Files Br3 F4) F 'GO ndn da., OS 60RILAS, Q-POVO* E' A REFORMA.AGRRIA.t,HANIFE TO'DOS,BISPOS - DO BRASIL.' S'b Paulo Edit A afdloi ;, ' *.k7.". :.,.. ' "" : - ' :(HD 496 Fb5) *.Fn A4er66., COND IVES'- SOCIAIS AssocIADASC' M'A,POSSEDA TERRA' E: AS SUAS I PeI " '- )'CAVESiNA DENANDA AGRO'INDUSTRAL".*LctMaterla.1s/"d- enin'si' O paaref' naigrgria, n9 6. R odejanelro IICA-CIRA, pe; t(lies Br58'F,72)",, -. F'eltas,'LulZ MLendon~a', A'Reforma Ajrrida.'[ (lnd IEpa;oXXn6.T 74, nov./dez': a,.,o19631.p. 127,139) -,I(Periodlcals shelf) Galjart,. Benno. "Turnover of farmers in a land settlement scheme in Brazil." i.(1n AIL,ano 8,no.-2, abri --junhoi de 1965., -0.;865). Genscho'w Fernando A. 0 PLANONACIONAL DE COLONIZAIPO: A COLONIZAMO NO BRASIL. 16oc&,Jafie6 roi nstiituto :NacloIial do 6'iniol vi r.,dnto Agrr o '(1967)! ~'~6 ;p.. ~ s~ ~'~(F4 64B 2-1'7 t25) Graham., Richard.!,.Landowners'and the overthrow of the empire." (In LBR, vol. VII., no. 2, December p ) (Periodicals shelf) Guerra,,DAimeida!. "Reflexoes a respelto.ida. reforina ag'rrfa' exigi dapelo"birasl," ' Rio de Janelroi ,p. (F'iles Br3 G8) Guerra,. Francisco. COL1ONIAS,AGRO-FLORESTAIS- - Bel m, SUDAN)- Assessoklia TScn" a 'Divis'odey;-,Documentaaoi 1970.i 17 5", (File s rl G82)', Gulmaaes, Alberto Passos... QUATRO S(CULOS DE LATIFUNDIO. (Slao Paulo) Fulgor (1963),: 19 6.p.. :,,(HD'.493:G84) ',, "A Questo agr~rla brasllei ra;7declaragbes prestadas a"comi'igbo de Reforma Agrirla da Ctmara dos Deputados." Detached fromboletim GEOGRAFICO; INFORMA., ESN0.T(C;IAS,. BIBLIOGRAFIA, -LEG ISLApiO,Hano r xxn'o , jan-fev de 1962 " P ,.'* *,(FIIesBr3 G85) HenrIquef:,Joi'o. -,RGANI.ZA(AQOAGRIRIA SEN COMUNISMO'* -Rlo'de-SineirOi"Empr sa Gr' fica "0 Cruzeiro% ,6B p. (Files Br3 H2) q ", cks, 1 Jamps, F..; -,jagrar.ian,refore,; po! itica, dynawib' in,baz-l. Ciael HFll5' B. A. Thisis,:University of North Carolina. '.' (Files Br3 H4) I'nstItito Bras I!e i ro de AS1,Democrat igca:'. RECOMENDAOES.SOBRI 'REFRP AG RARIA. (RIo de Jpne iro,- 1961) C.3P0 P,I! " (HD ) Jul ao,,frnfsco, et al,,"tqhedeclaratlonaofjb'eo0 Hor izonte'," (inn ht.b O:i ed. 8 GRAR N R ORM, IN LATIN.AMERI CAi%,.1965-p )) -,.' < (HD18581i965'S5) 3 Junquelrax Hess las. "ub.1c lands and t6e statute of lands." n.p.) IBRA, (Files Br76 J8)

18 Kohlepp, Gqerd., JTypes;.of aglicul tural,colbonzlzati o'sobt b icdl ;BirziI!ian~campms. 1Impos." (In,-Rg.,no..70;junho de 1969'. p1- l'3155)-f : 'd'.h 1.;y, (Periodicals shelf) 'Jfv -il L), 1! 1 " rc Lacerda, Carlos.? REFORMA AGRIA;,LIBERDADE E :PROPRIEDADE.! 'Notas taquigrdficas do improviso do;,governador!daguanabara no Convenpo Nacional da U.D.N. em Curitiba, Estado do Par-ni, em Rio de Janeiro, Distribuidora Record, 1, p., (Files Br3:LI)- Leite., Edgard Teixeira. "Destinaoo econ~mica e social da terra." Separata da,revista,do CONSELHO NACIONALiDE ECONOMIA janelro/fevereiro de 1962;1'ano XI n? I. P* , (Files Br3 L2d), "OProblema da terra ;no Brasl,: latif ndios e reform' agrciria: medidas de protego ao ruricola. Separata da REVISTA BRASILEIRA DE GEOGRAFIA 'n? 2, ano XXI, abril/junho de p. (Files Br94 L2).,.,!!Reforma ' agriria 1ligas camponesas, justiga'rural." Separata, da A.LAVOU RA*dd'Sbciedade Naclonal de Agricultura. 28 p. (Files Br3 L2r), Lima. PauloMotta. "Remessa de: lucros latirfdndio epolitica externa." (In RB, no. 39, janeiro-fevereiro-:1962. P ), (Periodicals shelf).; Lima, Raul do,rlago. "A Reforma agrdria e a Al ianfa para o Progresso no Bras l.".rio dejaneito, p. (Flles Br3 14) Loreto, Sylvio. 'Reforma agruria no Brasil: impl icapes socioldgicas." (InRBEP, no. 27., julh'o p ) (Periodicals shelf) Ludwig, Armin K.; and Taylori,Harry.W. :BRAZIL'S NEW AGRARIAN REFORM: AN EVALUA- TION OF ITS.PROPERTY CLASSIFICATION AND TAX SYSTEMS. New York, Praegery xvill, 186 p. (HD ) Machadg,, C'ndido Guinle de Paula.,'"Reforma agriria." Separada decadernos BRASIL- EIROS, ano V, no.. I,,janelro-feverelro. p (Files Br3 MI) Magalh'es, Dario de AI meida.*"a, pesapropriag'o na reforma agrcrla." (InBrazil. Confederaoo Nac'onai do Com rcio.,. Conselho Te'cnico-Consultivo. ALGUNS PRO- BLEMAS BRASILEIROS,: V. 1, PROB'LEMAS NACIONAIS., Rlode:Janelro (1955) p ) : '(HC ) Mala, J. Motta. "A Empr*sa agricola em face da reforma agrdrla." (InALADA, no. 1, abril p. 201,-210),, (Periodicals shelf) INICIAq O A REFORMA AGRIRIA. Rio de Janeiro, Mabri, p. " (HD '1158 B7v 4) " Marcondes J. V. Freitas. A REFORMA AGRI{RIA. Documento no. 40. n.p., Secretarla- Ececut0iva do Congresso.Brasi leiro para a.deviniao das Reformasside Base, " (File 19 es Br3 M13rf). 0 REGIME-DA:PROPRIEDADE DA TERRA E A REFORMA AGRRIANO BRAS-IL. Trabalho apresentado a XIII Conferncia Inter-Americana de Advogados. Slao Paulo, (Files Br 3 Ml3rg) Also in Curso Internacional de Reforma Agrcria, 2, Campinas, Brazil, RECOPILACION DE DOCUMENTOS Y DISERTACIONES DEL CURSO p. B-111-7) (HD 105 C )

19 irev I[SAO E.-REFORMA; AGRiRIA ;'-.QUATRO-ESTUDOS'$p iso Paul o1(lhst iktbtd d t iqhq Iiiu, Advogados de no Padto)-*! 9 6 2, 7Zp ' '-,(Files-Br3til 3r4).: K - "Salient features of agrarian reform proposals in Brazil." (InSmith,,1T1-L-fed-; AGRARIAN.REFORM IMLATI:N,'AMERICA; %ii965b'p.' ) ' ' S,..i(HD 1858; ) "0 Sindicalismo rural;)e a reforma agraria." (InRBEP, no. 20, Ja-eiro '(Periodicals shelf) p ) Ilar tnj,,araguaya.6 LPAIgins aspectos da AinqUietaao :trab'alhista no :campo",(itn Ri no. 40, narjo-abril p ) (Periodicals Shelf) MartJ.,bapaba. ','Proietariado e Inquietago rural.i (In RB,'-io.42y"jul-ho-!...? ag to, 1: p..;62-b1) (Periodicals shel f), ',, ' Martins, Luiz Dodsworth. "Aspectos sociol6gicos da reforma agriria." Separata da ZIo : ij EVISTA.DO CONSELHO',NACIONAL,DE ECONOMIA,. janeiro/fevere'i-ro ;"de' 1962, ano-xi,.. no. 1. p :,. (Fls Br3 Ml5) Mayer,,7 Antonio,.de.Castro..j REFORMA,AGRA.IA:-PROBLEMA! DE CONCIENCIA.. Buenos'Aires Club de Lectores); p.... (HD;495.M3).. Medina, carios Alberto de-. "Antecedentes histori'cos da: estructura,agraria no'- Brasil." (InCiurso, Internacional de Reforma AgraHa,29, Campinas-Brazil RECOPILACI6N DE DOCUMENTOS Y DISERTACIONES DEL CURSO p. C-I-4) L (HD "105-C )._. "A Estrutura agr~ria Brasileira: caracteristicas e tenc~ncias." '' (in -t,a,-trano:.,, <. 7)vno- Ai jqnejiro-marj~o: de, IL.,71-91)Y ' '" ".(Pe,-o, dcals heif)' Monteiro., Armando. ANTEPROJETO DE REFOR14A AGRKRIA. Serie Documentiria, no. 18. _Rio dejanelro Ministerio da-agricultura, Serviiode n p..** ' ' -(FilesBr3 M6) Moraes, Ermnuel de. INDUSTRIALIZAIVO E REFORMA AGRARIA. (Rio de Janeiro) EditOra S1do,Autr (95?)'l9 p.. (H 87 M63) Moschini, Fe!,i pe Nery.,iREFORMA AGRARIA. '42' DocUmento..np., "Secretarlaexecutiva do CongressoBrastleiro para a Definijao das Reforma de Base, P. (Files Br3 m63) Moura., Valdiki.,ABORDAGEM DE, REFORMA AGRARIA. Sto Paulo, 'Lfivraria PioneOir Edit ra (1968) 318 p. (HD 496M68) Nascimento, Noel.!'A.Justiga e 'areformaagr~ria.o (inrb, no, 39, janeirofevereiro p ) (Periodicals shelf). ~ ~ ~....,,,1 " '': '. i, :.: ".. ihol1 s jil l.anrt H.:. I'D imensao medi a-do-estabelec imento rural no BrsIl (1950) nos Estados Unidos (1954)."K. (In Curso Internacional de Reforma AgrariiI,' 29, Campinas, Brazil, RECOPILACI6N DE DOCUMENTOS Y DISERTACIONES DEL CURSO.,19.6.3V-4.). ~(HD"~-': 105 C ). - 4 * * -,* " ' * 1 * ' t "

20 b':sjet;~i '~a (t ca dd*1'1tetrrc ra8 1ra1'dq._0rpa3 -D~'etached from REVI STA BRAILE IRA1 be- ECONOMIA$i ano-zll7p'! 6dm y.2, junhoj-dqn 193:. -P5V1,32-..f~:~t~,(Files ~ Br58i!N 1 +). Norueir4;- Maur or'da'f6nsec4 Pinto A Assoc abes :de xrefq.na,,agr4ria e a agricultura de grupos.' (InALADA, no. 1, abril p ) (Periodicals shelf) _ "Expropriat ion -for social ifnteres t.,qn.p.,',n.'d Typesceipt (Files Br36 N63) copy) -carbon Oliveira., Jorge G. de. "Reforma agriria." Separata da REVISTA DA FACULDTADE-DE-, AGRONOMIA E VETERIN(RIA (P~rto Alegre) vol. 41 fasc. 2, julho de p ' ; '" -.,,;(FilesvBr3 05) Oliveira, Realino de. REFORMA AGP,/RIA OU REVOLUqAO PELA FOME. Belo Horizonte, 1960 ; 565 p. ' -6 ' " (HO ) " "Panorama agrop~cuario." (In DC, ano XIM, no. 2, fevereiro p ) ~'*~-~' '(Periodicals shelf) "Panorama legislativo da reforma agrdria brasileira; projeto de emenda constituc.onal-;1projeto. de lei federal." ' Camplinas; BrazilT Paper from Semi nrio:[teramerica no s'br'e problemas dalreforia a rir -a. (Files Br3 PIT) ' :-... (HD 496,Pn) '-... ' Par~nhds, Galeno. 'REFORMA AGIVRIA E -PLANEJAMENTO. R'io de Janei ro,,redi-tbra -Alba) Pesso",Vtrcnu'podEstabei eamnto'd Uema 'ott a,debcupadqo tefrit'rlifal.do BrasiN1 '0n SBE-, and I no. o i 2,- abei l-junho1967. p. I17-125) (Periodicals shelf) ' Pinhi ro Neto; Jo. "Supra e refbrma'... W". /nbc,-enovit, ribt 9., setembro p. 5-7) "-, '. (p :i6d i'als shelf,),,. Pinto, Eudes de Souza Lebo. 0 BRASIL EM FACE DA REFORMA AGRARIA. (Rio de Janeiro) 'nst itutdnaconial d de Desenvol Vimento 'Agrrb ) 1 4 p. Pa0er-for C66 'ferncia Aundi'l ida FAO" s ~br- Refrma A'g'lria, Roma,, 20 de. junho a '2 de julho de ', (Files Br3 P4) Pb'rt'o,"'Jds&Luiiz :80 'Al me:ida 9o9uelra.o",Ref6rma agraria." (In DIE, 'aoxv.l/..no._ 153, maojuinhode p. 2-31),... (Perodic el)" Prado Junior, Caio. '"Contribui bo para a andlise da questao agrgria no BrasiI." (InRB no. 28, marco-abril p B) (Periodicals shelf)...(in - RB,Nova " coniribujio '... " - m ropara a ain1'-9eda p questbb I1 2)P a~rria' rodicals n,, Brasi'P - shelf)" RB, no..3,setembro-outubro p )(Peri..., 'A Ref6rma ragria e o momento nacionl." (In RB, Wo, 29, maio-junho '.- 16): '') - '"' i '_(Per -shel' V6bI,' f. Prie, Robert E "Brazilian land reform." Rio de Janeiro, n.d Pe..,: (FlFl 'sb 3..p3). A. L.. i '

P R E G Ã O P R E S E N C I A L N 145/2010

P R E G Ã O P R E S E N C I A L N 145/2010 P R E G Ã O P R E S E N C I A L N 145/2010 D A T A D E A B E R T U R A : 2 9 d e d e z e m b r o d e 2 0 1 0 H O R Á R I O : 9:0 0 h o r a s L O C A L D A S E S S Ã O P Ú B L I C A: S a l a d a C P L/

Leia mais

Ac esse o sit e w w w. d e ca c lu b.c om.br / es t u dos 2 0 1 5 e f a ç a s u a insc riçã o cl ica nd o e m Pa r t i c i p e :

Ac esse o sit e w w w. d e ca c lu b.c om.br / es t u dos 2 0 1 5 e f a ç a s u a insc riçã o cl ica nd o e m Pa r t i c i p e : INSCRIÇÕES ABERTAS ATÉ 13 DE JULH DE 2015! Ac esse o sit e w w w. d e ca c lu b.c om.br / es t u dos 2 0 1 5 e f a ç a s u a insc riçã o cl ica nd o e m Pa r t i c i p e : Caso vo cê nunca t e nh a pa

Leia mais

Estratégico. III Seminário de Planejamento. Rio de Janeiro, 23 a 25 de fevereiro de 2011

Estratégico. III Seminário de Planejamento. Rio de Janeiro, 23 a 25 de fevereiro de 2011 Estratégico III Seminário de Planejamento Rio de Janeiro, 23 a 25 de fevereiro de 2011 G es tão Em pre sa rial O rie nta ção pa ra om erc ado Ino vaç ão et

Leia mais

Questionário sobre o Ensino de Leitura

Questionário sobre o Ensino de Leitura ANEXO 1 Questionário sobre o Ensino de Leitura 1. Sexo Masculino Feminino 2. Idade 3. Profissão 4. Ao trabalhar a leitura é melhor primeiro ensinar os fonemas (vogais, consoantes e ditongos), depois as

Leia mais

(Às Co missões de Re la ções Exteriores e Defesa Na ci o nal e Comissão Diretora.)

(Às Co missões de Re la ções Exteriores e Defesa Na ci o nal e Comissão Diretora.) 32988 Quarta-feira 22 DIÁRIO DO SENADO FEDERAL Ou tu bro de 2003 Art. 3º O Gru po Parlamentar reger-se-á pelo seu regulamento in ter no ou, na falta deste, pela decisão da ma i o ria absoluta de seus mem

Leia mais

Resolução de Matemática da Prova Objetiva FGV Administração - 06-06-10

Resolução de Matemática da Prova Objetiva FGV Administração - 06-06-10 QUESTÃO 1 VESTIBULAR FGV 010 JUNHO/010 RESOLUÇÃO DAS 15 QUESTÕES DE MATEMÁTICA DA PROVA DA MANHÃ MÓDULO OBJETIVO PROVA TIPO A O mon i tor de um note book tem formato retangular com a di ag o nal medindo

Leia mais

Tópicos Quem é é a a PP aa nn dd ui t t?? PP oo rr qq ue um CC aa bb ea men tt oo PP er ff oo rr ma nn cc e? dd e AA ll tt a a Qua ll ii dd aa dd e e PP aa nn dd ui t t NN et ww oo rr k k II nn ff rr aa

Leia mais

PATR IMÔNIO PALEONTOLÓG IC O

PATR IMÔNIO PALEONTOLÓG IC O PATR IMÔNIO PALEONTOLÓG IC O O s depós itos fos s ilíferos, o s s ítios paleontológ icos (paleobiológicos ou fossilíferos) e o s fós s eis q u e a p r e s e n ta m valores científico, educativo o u cultural

Leia mais

soluções sustentáveis soluções sustentáveis

soluções sustentáveis soluções sustentáveis soluções sustentáveis 1 1 1 2 3 KEYAS S OCIADOS UNIDADES DE NEGÓCIO ALGUNS CLIENTES 2 2 1 2 3 KEYAS S OCIADOS UNIDADES DE NEGÓCIO ALGUNS CLIENTES 3 3 APRES ENTAÇÃO A KEYAS S OCIADOS a tu a d e s d e 1

Leia mais

RESULTADOS DA PESQUISA DE SATISFAÇÃO DO USUÁRIO EXTERNO COM A CONCILIAÇÃO E A MEDIAÇÃO

RESULTADOS DA PESQUISA DE SATISFAÇÃO DO USUÁRIO EXTERNO COM A CONCILIAÇÃO E A MEDIAÇÃO RESULTADOS DA PESQUISA DE SATISFAÇÃO DO USUÁRIO EXTERNO COM A CONCILIAÇÃO E A MEDIAÇÃO 1. RESULTADOS QUESTIONÁRIO I - PARTES/ CONCILIAÇÃO 1.1- QUESTIONÁRIO I - PARTES/ CONCILIAÇÃO: AMOSTRA REFERENTE AS

Leia mais

REGULAMENTO DE INSTALAÇÃO E FUNCIONAMENTO DOS ESTABELECIMENTOS DE HOSPEDAGEM No u s o d a c o mp e t ê n c i a p r e v i s t a al í n e a v ) d o n. º 1 d o ar t i g o 64º d o De c r e t o -Le i n. º 1

Leia mais

REVISÃO DO PLANO DE CONTROLE AMBIENTAL PCH PIEDADE JUNHO/2007

REVISÃO DO PLANO DE CONTROLE AMBIENTAL PCH PIEDADE JUNHO/2007 REVISÃO DO PLANO DE CONTROLE AMBIENTAL JUNHO/27 VOLUME II ANEXOS ANEXO I DESENHOS... 1 Revisão do Plano de Controle Ambiental PCH Piedade Junho/27 ANEXO I DESENHOS Sigla PIE-CAN-2 PIE-ACE-2 PIE-RESG-1

Leia mais

IN S A In s titu t N a tio n a l

IN S A In s titu t N a tio n a l IN S A : U m a re d e d e 5 e s c o la s s u p e rio re s d e e n g e n h a ria O INS A de Rennes existe desde 1966 R ouen O INS A de Rouen existe desde 1985 O INS A de S trasbourg existe desde 2003 R

Leia mais

1 3Centrs e PP esq is II DD C n MM n Astr l i Astri C h i n Re. C h e H n g K n g F i n l n i I n i F rn 0 4 C n I n n si Al e m n h E st s U n i s I

1 3Centrs e PP esq is II DD C n MM n Astr l i Astri C h i n Re. C h e H n g K n g F i n l n i I n i F rn 0 4 C n I n n si Al e m n h E st s U n i s I 1 3Mr P e re s, R e s e r h D i re t r I D C B rs i l Br 0 0metr Cis e Bn L rg n Brsil, 2005-201 0 R e s l t s P ri m e i r T ri m e s t re e 2 0 0 7 Prer r Prer r Met e Bn Lrg em 2 0 1 0 n Brs i l : 10

Leia mais

'!"( )*+%, ( -. ) #) 01)0) 2! ' 3.!1(,,, ".6 )) -2 7! 6)) " ) 6 #$ ))!" 6) 8 "9 :# $ ( -;!: (2. ) # )

'!( )*+%, ( -. ) #) 01)0) 2! ' 3.!1(,,, .6 )) -2 7! 6))  ) 6 #$ ))! 6) 8 9 :# $ ( -;!: (2. ) # ) !" #$%&& #% 1 !"# $%& '!"( )*+%, ( -. ) #) /)01 01)0) 2! ' 3.!1(,,, " 44425"2.6 )) -2 7! 6)) " ) 6 #$ ))!" 6) 4442$ ))2 8 "9 :# $ ( -;!: (2. ) # ) 44425"2 ))!)) 2() )! ()?"?@! A ))B " > - > )A! 2CDE)

Leia mais

Classificação Periódica dos Elementos

Classificação Periódica dos Elementos Classificação Periódica dos Elementos 1 2 3 1 Massa atômica relativa. A incerteza no último dígito é 1, exceto quando indicado entre parênteses. Os valores com * referemse Número Atômico 18 ao isótopo

Leia mais

Maio. Office Of Energy Efficiency and Renewable Energy U.S. Energy Department (DOE) Washington, DC

Maio. Office Of Energy Efficiency and Renewable Energy U.S. Energy Department (DOE) Washington, DC Dia Nome do Evento Realizador Local Maio 03 ACORE U.S.-China Renewable Energy Industry Forum American Council On Renewable Energy (ACORE) Washington, DC 04 CEO Leadership Series Luncheon Featuring U.S.

Leia mais

Prgrmçã O Mu s u Év r, p r l ém f rcr s s i g ns «vi s i t s cl áss i cs» qu cri m s p nt s c nt ct nt r s di v rs s p úb l ic s qu vi s it m s c nt ú d s d s u ri c s p ó l i, p r cu r, c nc m i t nt

Leia mais

Embarque no Turismo O Papel do Turismo no Desenvolvimento do País

Embarque no Turismo O Papel do Turismo no Desenvolvimento do País Embarque no Turismo O Papel do Turismo no Desenvolvimento do País Belo Horizonte/MG, 21 de junho de 2010 Segmentação A s eg mentação es tá pres ente em todos os mercados, incluindo o mercado do turis mo;

Leia mais

U M P R O G R A M A E S P E C I A L D E M O B I L I D A D E I N T E R N A C I O N A L E M C I Ê N C I A, T E C N O L O G I A e I N O V A Ç Ã O.

U M P R O G R A M A E S P E C I A L D E M O B I L I D A D E I N T E R N A C I O N A L E M C I Ê N C I A, T E C N O L O G I A e I N O V A Ç Ã O. U M P R O G R A M A E S P E C I A L D E M O B I L I D A D E I N T E R N A C I O N A L E M C I Ê N C I A, T E C N O L O G I A e I N O V A Ç Ã O. C o n s e lh o N a c io n a l d e D e s e n v o lv im e n

Leia mais

Periódicos eletrônicos especializados em Propriedade Intelectual e Inovação 113 títulos, com acesso aos textos integrais

Periódicos eletrônicos especializados em Propriedade Intelectual e Inovação 113 títulos, com acesso aos textos integrais Periódicos eletrônicos especializados em Propriedade Intelectual e Inovação 113 títulos, com acesso aos textos integrais Diretoria de Cooperação para o Desenvolvimento DICOD Centro de Disseminação da Informação

Leia mais

BANCO DO BRASIL AMERICAS

BANCO DO BRASIL AMERICAS BANCO DO BRASIL AMERICAS Seminário BACCF Como Ingressar no Mercado Norte-Americano Agenda Processo de Internacionalização do BB Conectividade Brasil / Florida Apresentação Geral BB AMERICAS 2 Banco do

Leia mais

Resolução feita pelo Intergraus! Módulo Objetivo - Matemática FGV 2010/1-13.12.2009

Resolução feita pelo Intergraus! Módulo Objetivo - Matemática FGV 2010/1-13.12.2009 FGV 010/1-13.1.009 VESTIBULAR FGV 010 DEZEMBRO 009 MÓDULO OBJETIVO PROVA TIPO A PROVA DE MATEMÁTICA QUESTÃO 1 (Prova: Tipo B Resposta E; Tipo C Resposta C; Tipo D Resposta A) O gráfico abaio fornece o

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Graduação. - Universidade Federal de Pernambuco, bacharel em Geologia, 1966.

CURRICULUM VITAE. Graduação. - Universidade Federal de Pernambuco, bacharel em Geologia, 1966. CURRICULUM VITAE I - IDENTIFICAÇÃO Nome: Frederico Lopes Meira Barboza Data de Nascimento: 17 de Junho de 1944. Estado Civil: Casado. Naturalidade: Maceió - Al Endereço: SHIS, QI-29, Cj. 01, Casa 27, 71675-210

Leia mais

Ministério da Cultura Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional Departamento de Planejamento e Administração Coordenação-Geral de

Ministério da Cultura Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional Departamento de Planejamento e Administração Coordenação-Geral de Ministério da Cultura Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional Departamento de Planejamento e Administração Coordenação-Geral de Tecnologia da Informação!" !" $%& '( ) %) * +, - +./0/1/+10,++$.(2

Leia mais

U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D O P A R A N Á L E T Í C I A M A R I A G R O B É R I O

U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D O P A R A N Á L E T Í C I A M A R I A G R O B É R I O U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D O P A R A N Á L E T Í C I A M A R I A G R O B É R I O A B O R T O : U M A Q U E S T Ã O M O R A L, L E G A L, C U L T U R A L E E C O N Ô M I C A C U R I T I B A

Leia mais

! $&% '% "' ' '# ' %, #! - ' # ' ' * '. % % ' , '%'# /%, 0! .!1! 2 / " ') # ' + 7*' # +!!! ''+,!'#.8.!&&%, 1 92 '. # ' '!4'',!

! $&% '% ' ' '# ' %, #! - ' # ' ' * '. % % ' , '%'# /%, 0! .!1! 2 /  ') # ' + 7*' # +!!! ''+,!'#.8.!&&%, 1 92 '. # ' '!4'',! "#$%% $&% '% "' ' '# '"''%(&%') '*'+&%'# ),'#+# ' %, # - ' # ' "%'''' ' * '. % % ', '%'# ''''') /%, 0.1 2 / " ') 33*&,% *"'",% '4'5&%64'' # ' + 7*' # + "*''''' 12''&% '''&")#'35 ''+,'#.8.&&%, 1 92 '. #

Leia mais

Quadro de conteúdos. Eu Gosto M@is Integrado 1 o ano. Lição 1 As crianças e os lugares onde vivem

Quadro de conteúdos. Eu Gosto M@is Integrado 1 o ano. Lição 1 As crianças e os lugares onde vivem Quadro de conteúdos Eu Gosto M@is Integrado 1 o ano Língua Portuguesa Matemática História Geografia Ciências Naturais Arte Inglês ABC da passarinhada O alfabeto Quantidade A ideia de quantidade Eu, criança

Leia mais

MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO UNIVERSITÁRIA. Disciplina

MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO UNIVERSITÁRIA. Disciplina CURSO Ano / Semestre 2015/2 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO UNIVERSITÁRIA Disciplina CAD310026 - Internacionalização da Educação Superior e Gestão da Cooperação Internacional

Leia mais

Programa Copa do Mundo 2014

Programa Copa do Mundo 2014 Programa Copa do Mundo 2014 Programa Copa do Mundo 2014 Gerente do Programa: Mario Queiroz Guimarães Neto Rede do Programa: Rede de Cidades Objetivo do Programa: Organizar com excelência os eventos FIFA

Leia mais

REFORMA POLÍTICA. Capítulo VI

REFORMA POLÍTICA. Capítulo VI REFORMA POLÍTICA Capítulo VI REFORMA QUE O GOVERNO LULA E O CONGRESSO NACIONAL DEVEM PRIORIZAR [espontânea e única, em %] Pe so 1 0 0 % Re fe rê ncia s a re form a s Re form a Agrá ria 7 Re form a Tra

Leia mais

1. Ementa completa e atualizada: Unidade de Aprendizagem 2 Saúde Global e Política Externa Brasileira: Uma Perspectiva Histórica.

1. Ementa completa e atualizada: Unidade de Aprendizagem 2 Saúde Global e Política Externa Brasileira: Uma Perspectiva Histórica. Relatório Final da Coordenação da Unidade de Aprendizagem 2 Curso de Especialização em Saúde Global e Diplomacia da Saúde Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca Fiocruz 1. Ementa completa e atualizada:

Leia mais

n o m urd ne Hel e n o mis

n o m urd ne Hel e n o mis Em nosso cotidiano existem infinitas tarefas que uma criança autista não é capaz de realizar sozinha, mas irá torna-se capaz de realizar qualquer atividade, se alguém lhe der instruções, fizer uma demonstração

Leia mais

NPQV Variável Educação Prof. Responsáv el : Ra ph a el B i c u d o

NPQV Variável Educação Prof. Responsáv el : Ra ph a el B i c u d o NPQV Variável Educação Prof. Responsáv v el :: Ra ph aa el BB ii cc uu dd o ATIVIDADES DESENVOLVIDAS NA ÁREA DE EDUCAÇÃO 2º Semestre de 2003 ATIVIDADES DESENVOLVIDAS NA ÁREA DE EDUCAÇÃO As atividades realizadas

Leia mais

Catalogue des nouvelles acquisitions

Catalogue des nouvelles acquisitions Bulletin Bibliographique Edition Nº 03 Bissau, 18/06/2013 CID Centre d Information et Documentation Nations Unies, Guine-Bissau www.gw.one.un.org www.cidnubissau.net Catalogue des nouvelles acquisitions

Leia mais

PROMOÇÃO INTERNACIONAL RESULTADOS 2009 PERSPECTIVAS 2010

PROMOÇÃO INTERNACIONAL RESULTADOS 2009 PERSPECTIVAS 2010 PROMOÇÃO INTERNACIONAL RESULTADOS 2009 PERSPECTIVAS 2010 ATIVIDADES Inteligência comercial; Fomento às exportações; Organização para exportações; Feiras e eventos comerciais internacionais; Eventos de

Leia mais

Cadastro Territorial Multifinalitário no planejamento e gestão territorial urbana

Cadastro Territorial Multifinalitário no planejamento e gestão territorial urbana Mundo Geo Connect Seminário Geotecnologia na Gestão Municipal Sessão Desafios para as Prefeituras: o CTM como instrumento de política fiscal e urbana São Paulo, 16 de junho de 2011 Cadastro Territorial

Leia mais

FDLI s Brazil Conference

FDLI s Brazil Conference Programa Alimentos Seguros: uma experiência brasileira Food Safety Program: a Brazilian experience FDLI s Brazil Conference Zeide Lúcia Gusmão, MSc. National Coordinator PAS SENAI Nacional Department São

Leia mais

16/02/2014. Masakazu Hoji. ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA Uma Abordagem Prática. 5a. Edição Editora Atlas. Capítulo 1 INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA

16/02/2014. Masakazu Hoji. ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA Uma Abordagem Prática. 5a. Edição Editora Atlas. Capítulo 1 INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA DMNSTRÇÃ FNNCER Uma bordagem Prática 5a. Edição Editora tlas Masakazu Hoji NTRDUÇÃ À Capítulo 1 DMNSTRÇÃ FNNCER 1.1 dministração financeira nas empresas 1.2 ntegração dos conceitos contábeis com os conceitos

Leia mais

Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de março. Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de março

Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de março. Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de março EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de março Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de março Prova Escrita de Física e Química A Prova Escrita

Leia mais

Periódicos de Relações Internacionais disponíveis em Brasília

Periódicos de Relações Internacionais disponíveis em Brasília Universidade de Brasília Instituto de Relações Internacionais Programa de Educação Tutorial - PET-REL Periódicos de Relações Internacionais disponíveis em Brasília Periódico Local* Anos disponíveis Breve

Leia mais

P i s cina s : 2 P i s ci n a e x te rior de á g u a d e m a r a q u e cida P i s ci n a i n te ri or d e á g u a

P i s cina s : 2 P i s ci n a e x te rior de á g u a d e m a r a q u e cida P i s ci n a i n te ri or d e á g u a E M P R IM E I R A MÃO T h e O i ta v os é o e x c lu s i v o h o te l d e 5 e s tre la s q u e co m p le t a e v a l ori za a ofe rta d a Q u i n ta d a M a ri n h a, co n s olid a n d o -a c om o d e

Leia mais

CONTROLE AVES DE VENDA EXPOSIÇÃO 2014 ORLANDO NASCIMENTO- 21 98825-5609/96739-8619

CONTROLE AVES DE VENDA EXPOSIÇÃO 2014 ORLANDO NASCIMENTO- 21 98825-5609/96739-8619 CONTROLE AVES DE VENDA EXPOSIÇÃO 2014 CRIADOR TELEFONE GAIOLA ANEL SEXO NOMENCLATURA VALOR OBS ORLANDO NASCIMENTO- 21 98825-5609/96739-8619 1 IB-105-40-13 FM CN OP AM MF IN 100,00 BANCO: 2 BB-3992-44-11

Leia mais

II - COMISSÃO BRASILEIRA DE ARBITRAGEM DE VOLEIBOL COBRAV 01 1. Circuito Banco do Brasil de Volei de Praia CBBVP 2. Curso de Formação de Árbitros

II - COMISSÃO BRASILEIRA DE ARBITRAGEM DE VOLEIBOL COBRAV 01 1. Circuito Banco do Brasil de Volei de Praia CBBVP 2. Curso de Formação de Árbitros CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE VOLEIBOL Av. das Américas, 700 / Bl. 07 Rio de Janeiro RJ CEP: 22640-100 Telefone: (21) 2114-7200 Fax: (21) 2114-7272 www.cbv.com.br e-mail: institucional@volei.org.br NOTA OFICIAL

Leia mais

Tabela de Vinculação de pagamento Manteve o mesmo nome DDM SIAFI-TABELA-VINCULA-PAGAMENTO

Tabela de Vinculação de pagamento Manteve o mesmo nome DDM SIAFI-TABELA-VINCULA-PAGAMENTO Segue abaixo dados das DDMs que mudaram para o PCASP, tanto as que mudaram de nome como as que mantiveram o mesmo nome. Para estas, os campos que serão excluídos (em 2015) estão em vermelho e os campos

Leia mais

$% & '( )& & & $ *+ & % & ''( & & & & & $

$% & '( )& & & $ *+ & % & ''( & & & & & $ "#!!"# $% & '( )& & & $ *+ & % & ''( & & & & & $ $, &-. & */0$ & 1 &#&2& &2# &* &##&* 889$ 1# &0 ' 1 &:1 && 8$;:$!& 𕬸 '( & '( ' $ &# 1 &1 & $ $ % P a í s Em pre s a Té c nic a R e s po nde nte s

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO FUNDAMENTAL DEPARTAMENTO DE ACOMPANHAMENTO DO FUNDEF PRESIDENTES DOS CONSELHOS ESTADUAIS DO FUNDEF

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO FUNDAMENTAL DEPARTAMENTO DE ACOMPANHAMENTO DO FUNDEF PRESIDENTES DOS CONSELHOS ESTADUAIS DO FUNDEF 1. AC 2. AM JONATHAS SANTOS ALMEIDA DE CARVALHO HERALDO LUCAS MELO (068) 922-3257 / 226-4656 / 226-3939 Fax (068) 223-6421 jsantos@tre/ac.gov.br Rua Manoel Cesário, 100 Bairro Capoeira 69.000-000 Rio Branco

Leia mais

Key Person 2015 SALVADOR BRANCH RECIFE BRANCH. Northeast of Brazil. www.asgroup.net. Branches Manager:

Key Person 2015 SALVADOR BRANCH RECIFE BRANCH. Northeast of Brazil. www.asgroup.net. Branches Manager: Salvador Recife SALVADOR BRANCH Alameda Salvador, 1015 Sala nº 1816 Salvador Shopping Business Torre Europa Caminho das Árvores - Salvador BA CEP: 41820-790 Tel: +55 71 3311-9121 RECIFE BRANCH Rua Padre

Leia mais

RELATÓRIOS DOS TRABALHOS DE FIM DE CURSO ÁREA DE ENGENHARIA RURAL

RELATÓRIOS DOS TRABALHOS DE FIM DE CURSO ÁREA DE ENGENHARIA RURAL RELATÓRIOS DOS TRABALHOS DE FIM DE CURSO ÁREA DE ENGENHARIA RURAL ANO DE 1999 MARTINS, Inês Catarina Alves Contribuição para a quantificação e caracterização dos RSU no concelho de Oleiros / Inês Catarina

Leia mais

Aspec Informática - Tecnologia da Informação Plano de Numeração dos Ramais. Revisão 07/07/2015 12:02:36

Aspec Informática - Tecnologia da Informação Plano de Numeração dos Ramais. Revisão 07/07/2015 12:02:36 UF Estado Capital DDD SP São Paulo São Paulo 11 RJ Rio de Janeiro Rio de Janeiro 21 ES Espírito Santo Vitória 27 MG Minas Gerais Belo Horizonte 31 PR Paraná Curitiba 41 SC Santa Catarina Florianópolis

Leia mais

DISCIPLINA OPTATIVA: FUNDAMENTOS DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE DEFESA. 45h/3 créditos

DISCIPLINA OPTATIVA: FUNDAMENTOS DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE DEFESA. 45h/3 créditos DISCIPLINA OPTATIVA: FUNDAMENTOS DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE DEFESA 45h/3 créditos Ementa: A disciplina envolve as seguintes aproximações: a tecnologia e as inovações tecnológicas como instrumentos de defesa

Leia mais

GASTRONOMIA. Cer ti fi que-se de que está es cre ven do de acor do com o tema pro pos to e dê um tí tu lo a seu tex to.

GASTRONOMIA. Cer ti fi que-se de que está es cre ven do de acor do com o tema pro pos to e dê um tí tu lo a seu tex to. GASTRONOMIA Instruções Cer ti fi que-se de que está es cre ven do de acor do com o tema pro pos to e dê um tí tu lo a seu tex to. Res pe i te mar gens e en tra das de pa rá gra fo. Use as in for ma ções

Leia mais

Relatório Gráfico de Acessibilidade à Página www.ceivap.org.br Janeiro até Dezembro / 2007

Relatório Gráfico de Acessibilidade à Página www.ceivap.org.br Janeiro até Dezembro / 2007 Relatório Gráfico de Acessibilidade à Página www.ceivap.org.br Janeiro até Dezembro / 2007 1. Visitações Diárias ( Y ) Visitas ( X ) Dia do mês 1.1) Janeiro 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15

Leia mais

White Paper. Mais produtividade e mobilidade com Exchange Server. O correio eletrônico é uma das ferramentas de

White Paper. Mais produtividade e mobilidade com Exchange Server. O correio eletrônico é uma das ferramentas de White Paper Mais produtividade e mobilidade com Exchange Server Entenda como usar melhor a plataforma de correio eletrônico da Microsoft para ganhar mais eficiência na comunicação da sua empresa O correio

Leia mais

O trabalho com textos na alfabetização de crianças do 1º e 2º anos do ensino fundamental

O trabalho com textos na alfabetização de crianças do 1º e 2º anos do ensino fundamental O trabalho com textos na alfabetização de crianças do 1º e 2º anos do ensino fundamental Izac Trindade Coelho 1 1. I n t r o d u ç ão Ai de mim, ai das crianças abandonadas na escuridão! (Graciliano Ramos)

Leia mais

Secretarias Municipais de Meio Ambiente Lista atualizada em 06/05/2005 por Fernando Tatagiba

Secretarias Municipais de Meio Ambiente Lista atualizada em 06/05/2005 por Fernando Tatagiba Secretarias Municipais de Meio Ambiente Lista atualizada em 06/05/2005 por Fernando Tatagiba ACRE Rio Branco SECRETARIA DE MEIO AMBIENTE DO MUNICÍPIO - SEMEIA Arthur César Pinheiro Leite Antônio da Rocha

Leia mais

SEGURO RURAL NO BRASIL: da concepção ao Programa de Subvenção ao Prêmio

SEGURO RURAL NO BRASIL: da concepção ao Programa de Subvenção ao Prêmio SEGURO RURAL NO BRASIL: da concepção ao Programa de Subvenção ao Prêmio Igor Jose da Silva Consultor do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento PNUD e do Ministério do Desenvolvimento Agrário

Leia mais

QUÍMICA VESTIBULAR 2005 2ª ETAPA

QUÍMICA VESTIBULAR 2005 2ª ETAPA QUÍMICA VESTIBULAR 2005 2ª ETAPA 1 2 3 4 5 6 7 1 1 1, 00 2 3 4 Li Be 6, 94 9, 01 11 12 Na Mg 22, 99 24, 31 19 20 K Ca 39, 10 40, 08 37 38 Rb Sr 85, 47 87, 62 55 56 Cs Ba 132, 91 137, 33 87 88 Fr Ra 223,

Leia mais

White Paper. Flexibilidade e economia na era IP

White Paper. Flexibilidade e economia na era IP White Paper Flexibilidade e economia na era IP Saiba como utilizar as tecnologias mais modernas de comunicação de voz pela internet para conseguir mais economia e rapidez em telefonia para sua empresa

Leia mais

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Nome da Escola : Agrupamento de Escolas de Almancil, Loulé Horário n.º: 27-18 horas 2013-10-09 Grupo de Recrutamento: 420 - Geografia LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Ordenação Graduação

Leia mais

GLOSSÁRIO PREV PEPSICO

GLOSSÁRIO PREV PEPSICO GLOSSÁRIO PREV PEPSICO A T A A ABRAPP Aã Aã I Aí I R ANAPAR A A M A A A Lí Aá S C é ç í ê çõ 13ª í ã. Açã B E F Pê P. Cí ê, ã ê. V Cê Aã P ( á). N í, - I R P Fí (IRPF), S R F, à í á, ( 11.053 2004), çã.

Leia mais

Prof.(a): Aline Carvalho Aluno:Valdecir Ribas Vecchiato

Prof.(a): Aline Carvalho Aluno:Valdecir Ribas Vecchiato Energia Eólica Prof.(a): Aline Carvalho Aluno:Valdecir Ribas Vecchiato Energia Eólica A energia eólica provém da radiação solar uma vez que os ventos são gerados pelo aquecimento não uniforme da superfície

Leia mais

10 motivos para investir e se apaixonar

10 motivos para investir e se apaixonar 10 motivos para investir e se apaixonar CONHEçA UM POUCO MAIS SObRE A CIDADE que NãO PARA DE CRESCER E que TEM TUDO PARA fazer O MESMO PELA SUA EMPRESA. o Brasil está se firmando como um gigante do desenvolvimento

Leia mais

AQUISIÇÕES DE LIVROS 2013/2

AQUISIÇÕES DE LIVROS 2013/2 Anotações ao estatuto da advocacia e da Ordem dos Advogados do Brasil. BINI, Claudio; GUIMARO JUNIOR, Orlando; ATHAYDE, João Baptista de Souza Negreiros. Anotações ao estatuto da advocacia e da Ordem dos

Leia mais

PROGRAMAÇÃO. Humberto Guimarães Souto Presidente da Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara dos Deputados - CDU

PROGRAMAÇÃO. Humberto Guimarães Souto Presidente da Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara dos Deputados - CDU PROGRAMAÇÃO Dia 07/12 (terça-feira) 19 h Mesa de abertura: Ellade Imparato Presidente do Instituto Brasileiro de Direito Urbanístico -IBDU José Geraldo de Souza Júnior Reitor da Universidade de Brasília

Leia mais

White Paper. Datas Comemorativas. Calendário 2011 de datas comemorativas para campanhas sazonais

White Paper. Datas Comemorativas. Calendário 2011 de datas comemorativas para campanhas sazonais Datas Comemorativas White Paper Calendário 2011 de datas comemorativas para campanhas sazonais As datas comemorativas podem ser exploradas para rentabilizar o seu comércio, seja ele físico ou online. Dedique

Leia mais

dos novos d e s e n v o I v i m e n t o s urbanos nas malhas i n f r a - e s t r u t u r a i s

dos novos d e s e n v o I v i m e n t o s urbanos nas malhas i n f r a - e s t r u t u r a i s REPUBLICA DEMOCRÁTICA WÍ DE SÃO TOME E PRÍNCIPE ( U nidade'disciplina-trabalho) GOVE RN O DECRETO-LEl N.' 029/2014 No âmbito do p roje cto de "Ap o io ao Desenvolvimento urbano em São Tomé e Príncìpe",

Leia mais

REVIS TA CONTATO LEITOR GALERIA COLUNAS EDIÇÕES ANTIGAS ASSINATURA. 30/7/2014 Salão de Gramado encerra nesta quinta-feira.

REVIS TA CONTATO LEITOR GALERIA COLUNAS EDIÇÕES ANTIGAS ASSINATURA. 30/7/2014 Salão de Gramado encerra nesta quinta-feira. Q u a, 3 0 d e J u l h o d e 2 0 1 4 search... REVIS TA CONTATO LEITOR GALERIA COLUNAS EDIÇÕES Selecione a Edição ANTIGAS C l i q u e n o l i n k a b a i xo p a r a a c e s s a r a s e d i ç õ e s a n

Leia mais

12 ru e d e R ib e a u v illé. T é l. :03.88.57.51.7 1 / Fa x : Ed it é le 13 /05/2016 à 17 :23 Page : 1 / 12

12 ru e d e R ib e a u v illé. T é l. :03.88.57.51.7 1 / Fa x : Ed it é le 13 /05/2016 à 17 :23 Page : 1 / 12 R A M F A R A N D O L E 12 ru e d e R ib e a u v illé 6 7 7 3 0 C H A T E N O IS R e s p o n s a b le s d u R e la is : B ie g e l H. - R o e s c h C. T é l. :03.88.57.51.7 1 / Fa x : * * * * * * * * *

Leia mais

Dorsal Nome Equipa Tipo Nome da Equipa 101 Lucio Gustavo Coelho Pina individual Individual - 102 Diogo Gonçalves Azuribike Mangualde Team Individual

Dorsal Nome Equipa Tipo Nome da Equipa 101 Lucio Gustavo Coelho Pina individual Individual - 102 Diogo Gonçalves Azuribike Mangualde Team Individual Dorsal Nome Equipa Tipo Nome da Equipa 101 Lucio Gustavo Coelho Pina individual Individual - 102 Diogo Gonçalves Azuribike Mangualde Team Individual - 103 Hugo Neves Dão Nelas Btt/Livestrong Individual

Leia mais

6 Referências bibliográficas

6 Referências bibliográficas 6 Referências bibliográficas ALMEIDA, S. O.; LOPES, T. C.; PEREIRA, R. de C. F. A produção científica em marketing de relacionamento no Brasil entre 1990 e 2004. In: Anais do Encontro de Marketing, 2.

Leia mais

WATERLAT NETWORK WORKING PAPERS

WATERLAT NETWORK WORKING PAPERS ISSN 2056-4856 (Print) ISSN 2056-4864 (Online) WATERLAT NETWORK WORKING PAPERS Research Projects Series SPIDES DESAFIO Project Working Paper Vol. 1, No x The experience of the condominial and integrated

Leia mais

Ensino / Aprendizagem / Discurso pedagógico / Métodos educativos / Salas de aula

Ensino / Aprendizagem / Discurso pedagógico / Métodos educativos / Salas de aula ENSINO, APRENDIZAGEM E DISCURSO EM SALA DE AULA Ensino, aprendizagem e discurso em sala de aula : aproximações ao estudo do discurso educacional / org. César Coll [e] Derek Edwards ; trad. Beatriz Affonso

Leia mais

Tipo de Material. Anais 3 Lei de Uso e Ocupação Trata-se de uma Minuta para Discussão 4. Edital

Tipo de Material. Anais 3 Lei de Uso e Ocupação Trata-se de uma Minuta para Discussão 4. Edital 1 Final do II Fórum ICA - FAU 2 A Reformulação do Sistema Financeiro da Habitação e a Nova Política Urbana 3 Lei de Uso e Ocupação Trata-se de uma Minuta para Discussão 4 Projeto de Implantação do Parque

Leia mais

1. Apresentação do Curso: conceitos, fontes de dados, técnicas, enfoques teóricos, migrações internas e internacionais

1. Apresentação do Curso: conceitos, fontes de dados, técnicas, enfoques teóricos, migrações internas e internacionais HS-848/A MOBILIDADE ESPACIAL DA POPULAÇÃO E URBANIZAÇÃO Créditos: 09 Vagas: 30 Profa. Dra. Rosana Baeninger 2 ª feira - 14:00 horas às 17:00 horas OBSERVAÇÃO IMPORTANTE: ESTA DISCIPLINA NÃO CONSTA NO SITE

Leia mais

PROGRAMA ANALÍTICO E EMENTA DE DISCIPLINA DA PÓS GRADUAÇÃO. 04 Prática 2

PROGRAMA ANALÍTICO E EMENTA DE DISCIPLINA DA PÓS GRADUAÇÃO. 04 Prática 2 PROGRAMA ANALÍTICO E EMENTA DE DISCIPLINA DA PÓS GRADUAÇÃO Disciplina IDENTIFICAÇÃO TECNOLOGIA DE GRÃOS Departamento Ciência e Tecnologia Agroindustrial Professor Responsável pela Disciplina Moacir Cardoso

Leia mais

Responsabilidade Social Empresarial. Bibliografia

Responsabilidade Social Empresarial. Bibliografia Bibliografia ARAÚJO, M. R. M. (2006), Responsabilidade e Satisfação do Consumidor: um estudo de caso, Belém, Tese de Doutoramento, Universidade Federal do Pará. BAYLIS, J. e SMITH, S. (2005), The Globalization

Leia mais

os efeitos da aculturação no vaivém da emigração continental: um estudo de caso em melgaço

os efeitos da aculturação no vaivém da emigração continental: um estudo de caso em melgaço os efeitos da aculturação no vaivém da emigração continental: um estudo de caso em melgaço Joaquim Filipe Peres de Castro Resumo: Palavras-chave Códigos JEL Abstract: Keywords JEL Codes 67 estudos regionais

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA PROGRAMA DE DISCIPLINA Disciplina Práticas de Saúde e Representação Social Código Semestre Ano Letivo Área de Concentração Desenvolvimento Territorial Linha de Pesquisa: Educação, saúde e cultura Curso:

Leia mais

Escolas Agrotécnicas Federais

Escolas Agrotécnicas Federais Escolas Agrotécnicas Federais AL Escola Agrotécnica Federal de Satuba R. 17 de Agosto, s/nº - Zona Rural Satuba - AL CEP: 57120-000 Telefone: (82) 266-1141 / 266-1142 Fax: (82) 266-1142 R. 250 E-mail /

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Vander Mendes Lucas

CURRICULUM VITAE. Vander Mendes Lucas CURRICULUM VITAE Vander Mendes Lucas Department of Economics, Universidade de Brasília Campus Darcy Ribeiro ICC Ala Norte, 70.919-970, Brasília-DF, Brazil. Fax: ++55 61 3402311 Tel: ++55 61 3072498 ext.

Leia mais

CURRICULUM VITÆ. June 2007 Present: Assistant Professor, Faculdade de Economia da Universidade do Porto.

CURRICULUM VITÆ. June 2007 Present: Assistant Professor, Faculdade de Economia da Universidade do Porto. CURRICULUM VITÆ PERSONAL DATA Full name: Birth: Nationality: Address: Manuel Emílio Mota de Almeida Delgado Castelo Branco 30 December 1971, Porto (Portugal) Portuguese Faculdade de Economia da Universidade

Leia mais

7a. Edição Editora Atlas

7a. Edição Editora Atlas FIB - FACULDADES INTEGRADAS DE BAURU Pós-graduação em Auditoria, Controladoria e Finanças Disciplina: PLANEJAMENTO E CONTROLE ORÇAMENTÁRIO Slide 1 Professor: MASAKAZU HOJI ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA

Leia mais

Si, Ge, SiO 2, ZnS, etc. PF s e dureza elevados Insolúveis Isolantes (ou semicondutores)

Si, Ge, SiO 2, ZnS, etc. PF s e dureza elevados Insolúveis Isolantes (ou semicondutores) Sólidos covalentes C, diamante C, grafite Si, Ge, SiO 2, ZnS, etc. PF s e dureza elevados Insolúveis Isolantes (ou semicondutores) Sólidos covalentes TEV: rede 3D de ligações covalentes C, diamante (sp

Leia mais

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015 LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110 Ano Letivo - 2014/2015 CANDIDATOS ADMITIDOS: Nº Candidato NOME OSERVAÇÕES 1367130034 Alexandra

Leia mais

PROGRAMA - DE ORDENAMENTO DO MUNICIPIO DE CONCEIÇAO DO CASTELO GOVERNO DO ESTADO DO ESPIRITO

PROGRAMA - DE ORDENAMENTO DO MUNICIPIO DE CONCEIÇAO DO CASTELO GOVERNO DO ESTADO DO ESPIRITO GOVENO DO ESADO DO ESPIIO - SANO SECEAIA DE ESADO DO PLANEJAMENO PEFEIUA MUNICIPAL DE CONCEIÇAO DO CASELO POGAMA - DE ODENAMENO - UBANO DO MUNICIPIO DE CONCEIÇAO DO CASELO CADASO - IMOBILIAIO UBANO Vali

Leia mais

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS Técnico de Multimédia 10 H 7536 Alberto Filipe Cardoso Pinto 7566 Ana Isabel Lomar Antunes 7567 Andreia Carine Ferreira Quintela 7537 Bruno Manuel Martins Castro 7538 Bruno Miguel Ferreira Bogas 5859 Bruno

Leia mais

Técnico Desporto: Jorge Vicente

Técnico Desporto: Jorge Vicente Técnico Desporto: Jorge Vicente Évora, 2010 !!" # $ %!! "#$%&''$(&#&)*$+$*,$#+-$ &$''() * $$!+,- $#.+/0$&#+1(&2+'& 3#&)*$(&4$5&*'./ '0*!$ $ 11 2 '6#+67,)+'')%$8&(+,9,)%+' $.8&6)/0$&&'&*5$15).&*6$')'6&.:6)%$(+&#;$#.+*%&

Leia mais

LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600. Horário 28

LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600. Horário 28 LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600 Horário 28 Graduação Profissional Nº Candidato Nome 24,508 4716699811 Vanda Isabel do Vale Silva Almeida 24,203 8219102942 Cristina Maria da

Leia mais

IEP815 Política Ambiental, Descentralização e Qualidade de Vida Profa. Estela Neves

IEP815 Política Ambiental, Descentralização e Qualidade de Vida Profa. Estela Neves Objetivo: O objetivo do curso é familiarizar os alunos com a base teórica, marcos conceituais e questões operacionais da política ambiental no âmbito municipal, para capacitá-los para analisar propostas

Leia mais

Y Zr Nb Mo Tc Ru Rh Pd Ag Cd In Sn Sb Te I Xe

Y Zr Nb Mo Tc Ru Rh Pd Ag Cd In Sn Sb Te I Xe A H,0 Li 7,0 Na 2,0 9 K 9,0 7 Rb 85,5 55 Cs,0 87 Fr (22) 2 2A Be 9,0 2 Mg 2,0 20 Ca 0,0 8 Sr 88,0 56 Ba 7,0 88 Ra (226) Elementos de Transição B B 5B 6B 7B 8B B 2B 5 6 7 A A 5A 6A 7A 78,5 8,0 8,0 86,0

Leia mais

Casa, acolhida e libertação para as primeiras comunidades

Casa, acolhida e libertação para as primeiras comunidades PNV 289 Casa, acolhida e libertação para as primeiras comunidades Orides Bernardino São Leopoldo/RS 2012 Centro de Estudos Bíblicos Rua João Batista de Freitas, 558 B. Scharlau Caixa Postal 1051 93121-970

Leia mais

Sistema de Bibliotecas da Unopar Biblioteca Setorial Campus Londrina (Piza) Periódicos Específicos de Enfermagem. Atualizado em 09/02/2007

Sistema de Bibliotecas da Unopar Biblioteca Setorial Campus Londrina (Piza) Periódicos Específicos de Enfermagem. Atualizado em 09/02/2007 Sistema de Bibliotecas da Unopar Biblioteca Setorial Campus Londrina (Piza) Periódicos Específicos de Enfermagem Atualizado em 09/02/2007 Acta Paulista de Enfermagem, São Paulo, SP, 1988, 1(1-4); 1989,

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE TRANCOSO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE TRANCOSO Horário da turma: 5.º A 12 9 12 12 12 9 12 12 9 12 9 12 9 12 9 12 9 12 12 12 12 12 12 RC 12 12 12 12 RC Anabela Maria Fonseca Machado e Cunha, Graça Maria Almeida Diogo,,, Paula Isabel Pereira Marques,

Leia mais

Anuário das Estatísticas do Turismo 2012

Anuário das Estatísticas do Turismo 2012 Anuário das Estatísticas do Turismo 2012 1 Índice CAPÍTULO I Séries Internacionais e Nacionais 2003 a 2012 6 Fluxos Turísticos Internacionais 7 O Turismo na Economia Nacional 16 O Alojamento Turístico

Leia mais

A Cadeia Produtiva do Leite no Contexto Nacional e Internacional

A Cadeia Produtiva do Leite no Contexto Nacional e Internacional SEBRAE-RO / SEAGRI / CONDALRON DIAGNÓSTICO DA CADEIA PRODUTIVA DO LEITE DE RONDÔNIA A Cadeia Produtiva do Leite no Contexto Nacional e Internacional Lorildo STOCK Porto Velho - RO 18.08.2015 Crise internacional,

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DO SOLO/ PRODUÇÃO VEGETAL CURSO DE : MESTRADO E DOUTORADO

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DO SOLO/ PRODUÇÃO VEGETAL CURSO DE : MESTRADO E DOUTORADO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DO SOLO/ PRODUÇÃO VEGETAL CURSO DE : MESTRADO E DOUTORADO DADOS SOBRE A DISCIPLINA 1. Disciplina: NUTRIÇÃO DE PLANTAS 2. Responsável(eis): Renato de Mello Prado 3.

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ UESC

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ UESC Economia Brasileira Ementa: Antecedentes. O governo Vargas e a construção do capitalismo; o papel do Estado na construção do capitalismo; o contexto internacional e a política econômica no período 1945-1955;

Leia mais

Sistema CFA/CRAs registra tecnólogos

Sistema CFA/CRAs registra tecnólogos Ano IX - nº 41 - Dezembro de 2009 Sistema CFA/CRAs registra tecnólogos Como é o registro de tecnólogos Pág. 3 Perguntas e respostas frequentes Pág. 4 Confira as Resoluções Normativas Pág. 7 Boletim do

Leia mais

White Paper. Boas Práticas de E-mail Marketing

White Paper. Boas Práticas de E-mail Marketing White Paper Boas Práticas de E-mail Marketing Saiba como alguns cuidados simples podem melhorar os resultados de suas campanhas de e-mail marketing Para garantir a qualidade no mix de comunicação atual,

Leia mais