Informativo da Associação Brasileira de Oncologia Veterinária ano I número 3 nov/dez de 2008

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Informativo da Associação Brasileira de Oncologia Veterinária ano I número 3 nov/dez de 2008"

Transcrição

1 Espaço Aberto 28th Veterinary Cancer Society s Annual Conference Dos dias 18 a 21 de Outubro de 2008, ocorreu na cidade de Seattle, estado de Washington nos Estados Unidos, a Veterinary Cancer Society s 28th Annual Conference. Nesse encontro, reuniram-se profissionais da área de Oncologia Veterinária de diversos países (Estados Unidos, Canadá, Austrália, Japão, Suíça, Itália entre outros) para divulgação dos resultados de suas pesquisas em Oncologia básica, Oncologia experimental e Oncologia aplicada. Considerado um dos eventos mais importantes na área, este ano o evento reuniu aproximadamente 500 profissionais entre Médicos Veterinários Oncologistas atuantes na área clínica e cirúrgica como de pesquisadores e residentes. Profissionais conhecidos internacionalmente estiveram presentes no evento como o Dr. Stephen J. Withrow, Dra. Barbara Kitchell, Dr. Antonny Moore, Dr. Gregory K. Ogilvie, Dra. Nichole Ehrhart, Dr. Jaime Mondiano, Dr. Louis-Philippe de Lorimier, Dr. Steven Sutter, Dr. Philip Bergman, Dr. Douglas H. Thamm, Dr. David M. Vail, além de outros. Além da apresentação das pesquisas realizadas, este evento também é o momento para realização de contatos para a seleção dos programas de residência em Oncologia Veterinária nas Universidades americanas. Ocorreram também durante o evento, palestras com médicos que apresentaram as novidades na medicina. A Dra. Sandra Vermeulen apresentou os avanços na tecnologia de radiação e o Dr. Rainer F. Storb discursou sobre o transplante de células hematopoiéticas alogênicas em cães e sua aplicação em tratamentos de doentes humanos. Este ano, um grupo de brasileiros esteve presente no evento: Lucas Campos de Sá Rodrigues (pós-graduando FMVZ-USP), Vanessa Simionato Perrotta (autônoma), Roberta Fernandes Portela (PROVET), Cláudia Ronca Felizzola (autônoma) e Rodrigo Ubukata (PROVET, pósgraduando FMVZ-USP). A próxima edição do evento ocorrerá na cidade de Austin, estado do Texas nos Estados Unidos, dos dias 16 a 19 de Outubro de Para obter mais informações acesse: Em um dos momentos de descontração do evento, da esquerda para a direita: Lucas Campos de Sá Rodrigues, Vanessa Simionato Perrotta, Roberta Fernandes Portela, Rodrigo Ubukata, Prof. Dr. Steven Sutter (North Carolina State University) e Cláudia Ronca Felizzola. Rodrigo Ubukata PROVET, pós-graduando FMVZ-USP E nvie-nos você também informações importantes para Oncologia Veterinária além de sugestões e dúvidas que serão esclarecidas por profissionais e publicadas nos boletins subseqüentes. Obrigada. Andréia Oliveira Latorre Editora 1

2 Eventos Small Animal Therapy: Oncology and Internal Medicine 01 a 05/12/08 Luxemburgo, Luxemburgo Case-Based Surgical Oncology 18/12/08 Studley, Warwickshire, Reino Unido European Society of Veterinary Oncology Congress 27 a 29/03/09 - Budapeste, Hungria Advances in Oncology A Day meeting with Professor David Argyle of Edinburgh University 20/05/09 Cumbernauld, Escócia VIII Semana de dermatologia em pequenos animais & IV Simpósio de oncologia veterinária 14 a 17/09/2009 UFRRJ, Rio de Janeiro 29th Annual VCS Conference 16 a 19/10/09 - Austin, Texas, EUA OBS: Informações fornecidas pelos próprios Organizadores dos respectivos Eventos, isentando-se o ABROVET de qualquer responsabilidade quanto ao seu conteúdo ou exatidão das informações fornecidas. Últiimas notííciias Caros Associados da ABROVET, Como vocês devem saber recentemente o Veterinary and Comparative Oncology (VCO) se tornou a revista científica oficial da ABROVET, assim como das associações: norte-americana (Veterinary Cancer Society), européia (European Society of Veterinary Oncology), britânica (British Veterinary Oncology Group) e japonesa (Japanese Veterinary Cancer Society). Será neste mesmo periódico que os resumos vencedores dos prêmios do último ONCOVET serão publicados no início de O VCO é um periódico internacional, com revisão por pares que integra informações clínicas e científicas para todos os veterinários e cientistas que estudam a etiologia, diagnóstico e curso clínico do câncer em animais domésticos, assim como sua prevenção. Esta revista é atualmente indexada nas seguintes bases de dados: Abstracts on Hygiene and Communicable Diseases, Animal Breeding Abstracts, C A B Abstracts, Index Veterinarius, Nutrition Abstracts and Reviews, Pig News & Information, Sugar Industry Abstracts e Veterinary Bulletin. Muito importante é o fato de que este periódico será indexado no Medline (PUBMED) a partir de 2009, o que aumentará seu fator de impacto. A principal vantagem para os associados em dia com a ABROVET é o desconto de quase 50% na assinatura da revista (associados 83 dólares; não-associados 156 dólares), que tem periodicidade trimestral. Esta assinatura ainda dá o direito de acesso on-line de todo o conteúdo da revista, mesmo de edições anteriores além de receber a própria revista em papel. Existe melhor presente de natal que este? Aproveitem e se houver qualquer dúvida entrem em 2

3 contato com a secretaria da ABROVET para obterem mais informações. Links: VCO - ABROVET Heidge Fukumasu Diretor Científico HIISTIIOCIITOMA FIIBROSO MALIIGNO M.V. Tarso Felipe Teixeira, doutorando Depto. Patologia, FMVZ-USP, - O histiocitoma fibroso maligno (HFM) é um sarcoma de tecidos mole e agressivo, de incidência incomum, que acomete principalmente gatos e raramente outras espécies como cães 1. Manifesta-se em animais de meia idade, aproximadamente 9 anos e raramente confina-se à pele e ao tecido subcutâneo, sendo as regiões do tórax e membros os sítios mais comuns de sua localização. Esta neoplasia normalmente é de consistência firme, altamente invasiva e embora com baixo potencial de metástase, apresenta alto grau de recidiva 2. O diagnóstico do HFM dificilmente é feito antes da excisão e baseia-se nos achados histopatológicos, que incluem proliferação difusa de largos histiócitos anaplásicos, células gigantes multinucleadas, células fibroblásticas e ocasionalmente fagocitose de hemáceas e /ou células debris 3. No entanto, esta descrição se aplica à maioria dos sarcomas de células alongadas, levando o patologista muitas vezes a confundir com outros tumores, tais como fibrossarcoma e hemangiopericitoma 4. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS) a classificação do HFM humano segue 4 subtipos histológicos: estoriforme pleomórfico, mixóide, células gigantes e xantomatoso 5, sendo utilizada essa mesma classificação para o HFM de cães e gatos 6. Entretanto, somente os três primeiros tipos foram encontrados em cães 7. Dessamaneira, visando um diagnóstico correto, os patologistas têm cada vez mais lançado mão de ferramentas moleculares, no auxílio à microscopia de luz. Uma delas, a imunohistoquímica, conforme demonstrado a seguir, a fim de se confirmar o diagnóstico. A proteína de escolha para utilização da técnica foi a vimentina, proteína esta marcadora de células mesenquimais e presente no HFM. Relato de Caso No dia 25/06/2007 deu entrada no Hospital Veterinário da USP, um canino, fêmea, da raça Cocker Spaniel, de pelagem preta, com 9 anos de idade e pesando 10 kg. Durante a anamnese o proprietário referiu o surgimento de massa em dígito de membro anterior direito há 1 mês. Ao exame clínico, a lesão apresentava-se como úlcera de bordas infiltradas, densa, mensurando cerca de 2 cm de diâmetro e localizada no terço médio da terceira falange metacarpal. O tratamento indicado foi à ressecção cirúrgica com amputação das falanges mediais, o que ocorreu no dia 11/07/2007. Após o procedimento cirúrgico coletaram-se fragmentos do tumor que foram fixados em formol. A massa ulcerada e de consistência firme, mensurava 8 x 4,5 cm de diâmetro. Posteriormente os fragmentos foram encaminhados ao Departamento de Patologia FMVZ/USP, onde foram confeccionadas lâminas em HE e silanizadas para realização da imunohistoquímica. Foi utilizado o anticorpo monoclonal dako antivimentina mouse 1:100. Resultados O exame histopatológico é um dos métodos de diagnósticos de maior precisão para o histiocitoma fibroso 3

4 maligno. No presente relato do laudo, este exame revelou tumor formado à custa de células gigantes com a presença de células inflamatórias e com núcleos irregularmente configurados (Figura-1A), corroborando com 7,8 MORRIS et al., (2002) e PERÉZ-MARTÍNEZ et al., (2000). O exame imuno-histoquímico demonstrou células pleomórficas localizadas na derme de forma difusa com imunofenotipagem citoplasmática positiva para o anticorpo primário Vimentina, área apontada pelo círculo na (Figura- 2A), corroborando com as literaturas de 3,9 AZAKAMI et al., (2006) e SPANGLER e KASS (1998) e tornando o diagnóstico possível. Figura 1 - A) Histopatologia.Visão panorâmica do tumor: presença de células gigantes (H.E. 10X). B) Imunohistoquímica. Visualiza-se no círculo preto as áreas marcadas pela vimentina (10X) 1. ENDO, Y.; SATO, T..; SHIRAI, W.; MATSUO, K. Malignant Fibrous Histiocytoma in a Djungarian Hamster. Journal Veterinary Medicine Science. 62(5): , WITHROW, S.I.; MACEWEN, E.G. Small Animal Clinical Oncology, 2nd ed., p. 214, AZAKAMI, D.; BONKOBARA, M.; WASHIZU, T.; IIDA, A.; KONDO, M.; KATO, R.; NIIKURA, Y.; IWAKI, S.; TAMAHARA, S.; MATSUKI, N.; ONO, K. Establishment and Biological Characterization of Canine Histiocytic Sarcoma Cell Lines. Journal Veterinary Medicine Science. 68(12): , 2006; 4. YAGER, J.A.; WILCOCK, B.P. Color of Atlas and Text of Surgical Pathology of the Dog and Cat (volume 1). Editora Wolfe. p: 287, WEISS, S.W.; ENZINGER, F.M. Cancer. 41: p WEISS, S.W. In: Histologycal Typing of Soft Tissue Tumors, 2nd ed., WHO. pp MORRIS, J.S.; MCINNES, E.F.; BOSTOCK, D.E.; HOATHER, T.M.; DOBSON, J.M. Immunohistochemical and Histopathologic Features of 14 Malignant Fibrous Histiocytomas from Flat-Coated Retrievers. Veterinary Pathology. 39(4): , PÉREZ-MARTÍNEZ, C.; GARCÍA-FERNÁNDEZ, R.A.; REYES AVILA, L.E.; PERÉZ- PERÉZ, V.; GONZÁLEZ, N.; GARCÍA-IGLESIAS, M.J. Malignant Fibrous Histiocytoma (Giant Cell Type) Associated with a Malignant Mixed Tumor in the Salivary Gland of a Dog. Veterinary Pathology. 37: , SPANGLER, W.L.; KASS, P.H. Pathologic and prognostic characteristics of splenomegaly in dogs due to fibrohistiocytic nodules: 98 cases. Veterinary Pathology. 35(6):

5 A Diretoria da ABROVET deseja a todos médicos veterinários um Natal cheio de paz, amor e felicidade. E que todos realizem seus sonhos e continuem sempre a sonhar! Expediente ABROVET Informa Informativo da Associação Brasileira de Oncologia Veterinária Presidente: Maria Lucia Zaidan Dagli Vice-presidente: Silvia Regina Ricci Lucas Editores: Andréia Oliveira Latorre; Carolina Scarpa Carneiro Revisão: Heidge Fukumasu (Diretor Científico) Eventos: Adriana Tomoko Nishiya Contato: Site: 5

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Neoplasias de glândulas perianais em cães

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Neoplasias de glândulas perianais em cães PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Neoplasias de glândulas perianais em cães Ciro José Sousa de Carvalho 1, Sâmmya Roberta Barbosa 2, Francisco Assis Lima Costa 3, Silvana Maria Medeiros

Leia mais

ESTUDO RETROSPECTIVO DAS NEOPLASIAS CANINAS DIAGNOSTICADAS EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO NO PERÍODO DE 2009 A 2010

ESTUDO RETROSPECTIVO DAS NEOPLASIAS CANINAS DIAGNOSTICADAS EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO NO PERÍODO DE 2009 A 2010 1 ESTUDO RETROSPECTIVO DAS NEOPLASIAS CANINAS DIAGNOSTICADAS EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO NO PERÍODO DE 2009 A 2010 CAIO FERNANDO GIMENEZ 1, TATIANE MORENO FERRARIAS 1, EDUARDO FERNANDES BONDAN 1 1 Universidade

Leia mais

que ocorrerá em nosso país, em 2016, na cidade de Foz de Iguaçu. Iniciar o processo de concessão do TEON- COV

que ocorrerá em nosso país, em 2016, na cidade de Foz de Iguaçu. Iniciar o processo de concessão do TEON- COV Nesta edição : Editorial Volume VI, Edição 1 Janeiro/Fevereiro de 2015 Associação Brasileira de Oncologia A atual Diretoria da assume com objetivos claros e bem definidos: Fazer crescer a Associação e

Leia mais

MELANOMA AMELANÓTICO COMPLEXO EM CÃO: RELATO DE CASO

MELANOMA AMELANÓTICO COMPLEXO EM CÃO: RELATO DE CASO MELANOMA AMELANÓTICO COMPLEXO EM CÃO: RELATO DE CASO JULIANA BRONDINO 1, LUCIANE DOS REIS MESQUITA 2, LUIS GUILHERME DE FARIA 3, GUILHERME COUTINHO VIEIRA 4, PHILIPI DE SOUZA COUTINHO 5 RESUMO: O melanoma

Leia mais

INCIDÊNCIA DE NEOPLASIA MAMÁRIA EM FÊMEAS CANINAS ATENDIDAS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ - CURITIBA

INCIDÊNCIA DE NEOPLASIA MAMÁRIA EM FÊMEAS CANINAS ATENDIDAS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ - CURITIBA ISBN 978-85-61091-05-7 Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar 27 a 30 de outubro de 2009 INCIDÊNCIA DE NEOPLASIA MAMÁRIA EM FÊMEAS CANINAS ATENDIDAS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA UNIVERSIDADE

Leia mais

APESP 246 Caso Botucatu. Dra. Viviane Hellmeister Camolese Martins - R2

APESP 246 Caso Botucatu. Dra. Viviane Hellmeister Camolese Martins - R2 APESP 246 Caso Botucatu Dra. Viviane Hellmeister Camolese Martins - R2 História Clínica LP, 55 anos, homem, branco, pedreiro, hipertenso Massa palpável em flanco E TC = massa de 8 cm no pólo superior renal

Leia mais

Qual o papel do meio ambiente no desenvolvimento de câncer?

Qual o papel do meio ambiente no desenvolvimento de câncer? Destaque Espaço Aberto X Qual o papel do meio ambiente no desenvolvimento de câncer? E nvie-nos você também informações importantes para Oncologia Veterinária além de sugestões e dúvidas que serão esclarecidas

Leia mais

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR 1

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR 1 1 ESTUDO RETROSPECTIVO DE NEOPLASIAS DE PELE EM CÃES, NA REGIÃO METROPOLITANA DE BELÉM-PA, NO PERÍODO DE 2013 A 2014. RENZO BRITO LOBATO¹, ADRIANA MACIEL DE CASTRO CARDOSO¹, BRENO COSTA DE MACEDO¹, KARINA

Leia mais

INTRODUÇÃO À PATOLOGIA Profª. Thais de A. Almeida

INTRODUÇÃO À PATOLOGIA Profª. Thais de A. Almeida INTRODUÇÃO À PATOLOGIA Profª. Thais de A. Almeida DEFINIÇÃO: Pathos: doença Logos: estudo Estudo das alterações estruturais, bioquímicas e funcionais nas células, tecidos e órgãos visando explicar os mecanismos

Leia mais

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR 1 MARCELA BENEVENTE [1], LUCIANA MOURA CAMPOS PARDINI [2], ADRIANA CAMARGO FERRASI [1,3], MARIA INES DE MOURA CAMPOS PARDINI [3], ALINE FARIA GALVANI [3], JOSE JOAQUIM TITTON RANZANI [2] 1. Instituto de

Leia mais

FIBROLEIOMIOMA EM UMA CADELA DA RAÇA PASTOR ALEMÃO - RELATO DE CASO FIBROLEIOMYOMAS IN ONE BITCH OF GERMAN SHEPHERD BREED CASE REPORT

FIBROLEIOMIOMA EM UMA CADELA DA RAÇA PASTOR ALEMÃO - RELATO DE CASO FIBROLEIOMYOMAS IN ONE BITCH OF GERMAN SHEPHERD BREED CASE REPORT 1 FIBROLEIOMIOMA EM UMA CADELA DA RAÇA PASTOR ALEMÃO - RELATO DE CASO FIBROLEIOMYOMAS IN ONE BITCH OF GERMAN SHEPHERD BREED CASE REPORT ¹JÉSSICA DO ROCIO RIBAS MACHADO, ¹KELLI CRISTINA GRACIANO, ¹CAROLINA

Leia mais

TUMOR VENÉREO TRANSMISSÍVEL (TVT) - REVISÃO DE LITERATURA TRANSMISSIBLE VENERAL TUMOR (TVT) REVIEW

TUMOR VENÉREO TRANSMISSÍVEL (TVT) - REVISÃO DE LITERATURA TRANSMISSIBLE VENERAL TUMOR (TVT) REVIEW TUMOR VENÉREO TRANSMISSÍVEL (TVT) - REVISÃO DE LITERATURA TRANSMISSIBLE VENERAL TUMOR (TVT) REVIEW SANTOS, Mariana Soares Pereira dos Acadêmica do curso de Medicina Veterinária da Faculdade de Medicina

Leia mais

TRATAMENTO DE MELANOMA ORAL COM VISCUM ALBUM E SOLUÇÃO AQUOSA DE LÁTEX DE JANAÚBA (HIMATANTHUS DRASTICUS): RELATO DE CASO

TRATAMENTO DE MELANOMA ORAL COM VISCUM ALBUM E SOLUÇÃO AQUOSA DE LÁTEX DE JANAÚBA (HIMATANTHUS DRASTICUS): RELATO DE CASO 1 TRATAMENTO DE MELANOMA ORAL COM VISCUM ALBUM E SOLUÇÃO AQUOSA DE LÁTEX DE JANAÚBA (HIMATANTHUS DRASTICUS): RELATO DE CASO MARIA APARECIDA DE ALCÂNTARA¹, IOLANDA MARIA SARTORI OFENBOCK NASCIMENTO²; THIERRY

Leia mais

Neoplasias Cutâneas de Cães Diagnosticadas no Laboratório de Histopatologia da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro de 1995 a 2005

Neoplasias Cutâneas de Cães Diagnosticadas no Laboratório de Histopatologia da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro de 1995 a 2005 Neoplasias Cutâneas de Cães Diagnosticadas no Laboratório de Histopatologia da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro de 1995 a 2005 Tônia da Rocha e Silva 1 Ticiana do Nascimento França 2 Bernardo

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE PATOLOGIA LABORATÓRIO DE PATOLOGIA VETERINÁRIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE PATOLOGIA LABORATÓRIO DE PATOLOGIA VETERINÁRIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE PATOLOGIA LABORATÓRIO DE PATOLOGIA VETERINÁRIA PROJETO DE PESQUISA Programa de Pós-Graduação em Medicina Veterinária - Doutorado

Leia mais

CARCINOMA DE CÉLULAS ESCAMOSAS EM PREPUCIO DE EQUINO RELATO DE CASO SQUAMOUS CELL CARCINOMA IN EQUINE FORESKINS CASE REPORT

CARCINOMA DE CÉLULAS ESCAMOSAS EM PREPUCIO DE EQUINO RELATO DE CASO SQUAMOUS CELL CARCINOMA IN EQUINE FORESKINS CASE REPORT CARCINOMA DE CÉLULAS ESCAMOSAS EM PREPUCIO DE EQUINO RELATO DE CASO SQUAMOUS CELL CARCINOMA IN EQUINE FORESKINS CASE REPORT BATAIER, Miguel Neto ALVES, Rafael Massei ZANATTA, Julio Cesar BORALLI, Igor

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia.

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Utilização da Punção Aspirativa com Agulha Fina (PAAF) na diferenciação entre nódulos mamários benignos e malignos em cadela Revisão Gustavo Wilson

Leia mais

ESTUDO RETROSPECTIVO DOS TUMORES MAMÁRIOS EM CANINOS E FELINOS ATENDIDOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA FAMED ENTRE 2003 A 2007.

ESTUDO RETROSPECTIVO DOS TUMORES MAMÁRIOS EM CANINOS E FELINOS ATENDIDOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA FAMED ENTRE 2003 A 2007. REVISTA CIENTÍFICA ELETRÔNICA DE MEDICINA VETERINÁRIA - ISSN 1679-7353 PUBLICAÇÃO CI ENTÍFICA DA FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA DE GARÇA/FAMED ANO IV, NÚMERO, 08, JANEIRO DE 2007. PERIODICIDADE:

Leia mais

tumores tegumentares eram malignos e de origem mesenquimal. Palavras-chave: Cães; Pele; Neoplasias cutâneas Abstract

tumores tegumentares eram malignos e de origem mesenquimal. Palavras-chave: Cães; Pele; Neoplasias cutâneas Abstract Rev Inst Ciênc Saúde 2006 jul-set; 24(3):169-73 Estudo crítico de neoplasias cutâneas em cães Critical study of cutaneous neoplasias in dogs Lucia Maria Guedes Silveira* Fernando Malagutti Cunha** Thomas

Leia mais

MELANOMA EM CABEÇA E PESCOÇO

MELANOMA EM CABEÇA E PESCOÇO UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CIRURGIA DE CABEÇA E PESCOÇO MELANOMA EM CABEÇA E PESCOÇO COMPLICAÇÕES EM ESVAZIAMENTO CERVICAL UBIRANEI O. SILVA INTRODUÇÃO Incidência melanoma cutâneo: 10% a 25% Comportamento

Leia mais

Características epidemiológicas de sarcomas de tecidos moles caninos e felinos: levantamento de 30 anos

Características epidemiológicas de sarcomas de tecidos moles caninos e felinos: levantamento de 30 anos [T] Características epidemiológicas de sarcomas de tecidos moles caninos e felinos: levantamento de 30 anos [I] Epidemiological characteristics from canine and feline soft tissue sarcomas during a 30 year

Leia mais

13. CONEX Pôster Resumo Expandido 1 O PROJETO DE EXTENSÃO CEDTEC COMO GERADOR DE FERRAMENTAS PARA A PESQUISA EM CÂNCER DE MAMA

13. CONEX Pôster Resumo Expandido 1 O PROJETO DE EXTENSÃO CEDTEC COMO GERADOR DE FERRAMENTAS PARA A PESQUISA EM CÂNCER DE MAMA 13. CONEX Pôster Resumo Expandido 1 ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE (X ) SAÚDE ( ) TRABALHO

Leia mais

AVALIAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA EM CÃES PORTADORES DE LINFOMA.

AVALIAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA EM CÃES PORTADORES DE LINFOMA. 79 AVALIAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA EM CÃES PORTADORES DE LINFOMA. Osimar de Carvalho Sanches, Rogério Giuffrida, Liliane Giroto Pereira, Paula Keiko Anadão Tokawa, Vanessa Cristina Pereira Medicina Veterinária

Leia mais

CAPÍTULO 2 CÂNCER DE MAMA: AVALIAÇÃO INICIAL E ACOMPANHAMENTO. Ana Flavia Damasceno Luiz Gonzaga Porto. Introdução

CAPÍTULO 2 CÂNCER DE MAMA: AVALIAÇÃO INICIAL E ACOMPANHAMENTO. Ana Flavia Damasceno Luiz Gonzaga Porto. Introdução CAPÍTULO 2 CÂNCER DE MAMA: AVALIAÇÃO INICIAL E ACOMPANHAMENTO Ana Flavia Damasceno Luiz Gonzaga Porto Introdução É realizada a avaliação de um grupo de pacientes com relação a sua doença. E através dele

Leia mais

Tumores mamários em cadelas

Tumores mamários em cadelas Novos Exames Estamos colocando a disposição de todos o Teste de Estimulação ao ACTH que é usado para identificar e acompanhar o tratamento do hipoadenocorticismo e hiperadrenocorticismo em cães e gatos.

Leia mais

ADENDO MODIFICADOR DO EDITAL N.º 13/2015-IEP/HCB

ADENDO MODIFICADOR DO EDITAL N.º 13/2015-IEP/HCB ADENDO MODIFICADOR DO EDITAL N.º 13/2015-IEP/HCB Por este instrumento o Conselho de Pós-Graduação (CPG) do Programa de Pós-Graduação em Oncologia do Hospital de Câncer de Barretos Fundação Pio XII, torna

Leia mais

CARCINOMA DE CÉLULAS ESCAMOSAS EM CÃES - RELATO DE CASO.

CARCINOMA DE CÉLULAS ESCAMOSAS EM CÃES - RELATO DE CASO. REVISTA CIENTÍFICA ELETRÔNICA DE MEDICINA VETERINÁRIA ISSN: 1679-7353 CARCINOMA DE CÉLULAS ESCAMOSAS EM CÃES - RELATO DE CASO. ROCHA, Jessé Ribeiro SANTOS, Luana Maria TRENTIN, Thays de Campos ROCHA, Fabio

Leia mais

Apresentação de Caso Clínico L.E.M.D.A.P.

Apresentação de Caso Clínico L.E.M.D.A.P. Apresentação de Caso Clínico L.E.M.D.A.P. De Oliveira,J.V.C¹; SILVA, M.T.B¹; NEGRETTI, Fábio². ¹Acadêmicas do curso de Medicina da UNIOESTE. ²Professor de Anatomia e Fisiologia Patológica da UNIOESTE.

Leia mais

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR 1

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR 1 1 MELANOMA MALIGNO AMELANÓTICO OSTEOCARTILAGINOSO NA CAVIDADE ORAL COM METÁSTASE PULMONAR EM UM CÃO: RELATO DE CASO. MALIGNANT AMELANOTIC OSTEOCARTILAGINOUS MELANOMA IN THE ORAL CAVITY WITH PULMONARY METASTASIS

Leia mais

Título: Mastocitoma atípico na pálpebra superior de um felino jovem Relato de caso

Título: Mastocitoma atípico na pálpebra superior de um felino jovem Relato de caso Relato de Caso Título: Mastocitoma atípico na pálpebra superior de um felino jovem Relato de caso Atypical mastocytoma on the upper eyelid of a young feline - Case report Escritores e qualificações Eriane

Leia mais

PROCESSOS PROLIFERATIVOS NÃO NEOPLÁSICOS

PROCESSOS PROLIFERATIVOS NÃO NEOPLÁSICOS DISCIPLINA DE PATOLOGIA ORAL E MAXILOFACIAL Graduação em Odontologia - 5º Período PROCESSOS PROLIFERATIVOS NÃO NEOPLÁSICOS http://lucinei.wikispaces.com Prof.Dr. Lucinei Roberto de Oliveira 2012 GRANULOMA

Leia mais

INCIDÊNCIA DE METÁSTASE PULMONAR EM CADELAS DIAGNOSTICADAS COM TUMORES DE GLÂNDULA MAMÁRIA

INCIDÊNCIA DE METÁSTASE PULMONAR EM CADELAS DIAGNOSTICADAS COM TUMORES DE GLÂNDULA MAMÁRIA V EPCC Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar 23 a 26 de outubro de 2007 INCIDÊNCIA DE METÁSTASE PULMONAR EM CADELAS DIAGNOSTICADAS COM TUMORES DE GLÂNDULA MAMÁRIA Marcela Nunes Liberati

Leia mais

Estudo retrospectivo de 761 tumores cutâneos em cães

Estudo retrospectivo de 761 tumores cutâneos em cães Ciência Rural, Santa Maria, v.36, n.2, Estudo p.555-560, retrospectivo mar-abr, de 2006 761 tumores cutâneos em cães. ISSN 0103-8478 555 Estudo retrospectivo de 761 tumores cutâneos em cães Retrospective

Leia mais

LIPOPEROXIDAÇÃO EM CADELAS COM CARCINOMA MAMÁRIO

LIPOPEROXIDAÇÃO EM CADELAS COM CARCINOMA MAMÁRIO 1 LIPOPEROXIDAÇÃO EM CADELAS COM CARCINOMA MAMÁRIO IVAN BRAGA RODRIGUES DE SOUZA 1, EDUARDO FERNANDES BONDAN 1,2, SANDRA CASTRO POPPE 1,2 1 Universidade Cruzeiro do Sul, São Paulo (SP), Brasil; 2 Universidade

Leia mais

HEMANGIOSSARCOMA ESPLÊNICO EM CÃO DA RAÇA BOXER - RELATO DE CASO

HEMANGIOSSARCOMA ESPLÊNICO EM CÃO DA RAÇA BOXER - RELATO DE CASO HEMANGIOSSARCOMA ESPLÊNICO EM CÃO DA RAÇA BOXER - RELATO DE CASO ARYENNE KAROLYNNE DE OLIVEIRA 1, GABRIELA RODRIGUES SAMPAIO 2, JOSÉ ARTHUR DE ABREU CAMASSA 3, FERNANDO YOITI KITAMURA KAWAMOTO 4, PAULA

Leia mais

Hemangioma capilar congênito em um bezerro Girolando 1. Trabalho de estágio extracurricular do primeiro autor com orientação do último autor.

Hemangioma capilar congênito em um bezerro Girolando 1. Trabalho de estágio extracurricular do primeiro autor com orientação do último autor. PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Hemangioma capilar congênito em um bezerro Girolando 1 João Gustavo Pessotto Guimarães 2, Freddi Bardela Souza 3, Vitor Hugo Mion Petrillo 2, Andreza

Leia mais

UNIC Universidade de Cuiabá NEOPLASIAS CMF IV

UNIC Universidade de Cuiabá NEOPLASIAS CMF IV UNIC Universidade de Cuiabá NEOPLASIAS CMF IV Aspectos Morfológicos das Neoplasias DEFINIÇÕES Neoplasia Tumor Câncer Inflamação/Neoplasia Termo comum a todos tumores malignos. Derivado do grego Karkinos

Leia mais

OSTEOSSARCOMA EM CÃES RELATO DE CASO

OSTEOSSARCOMA EM CÃES RELATO DE CASO OSTEOSSARCOMA EM CÃES RELATO DE CASO MEDEIROS, Fabrícia ROCHA, Jessé Ribeiro SANTOS, Mariana Soares Pereira email: fabriciamedvet@hotmail.com Acadêmicos da Associação Cultural e Educacional de Garça FAMED

Leia mais

ABROVET ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ONCOLOGIA VETERINÁRIA

ABROVET ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ONCOLOGIA VETERINÁRIA ABROVET ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ONCOLOGIA VETERINÁRIA Comissão de Elaboração Adriana Tomoko Nishiya Carolina Scarpa Carneiro Katia Cristina Kimura Lucas Campos Rodrigues Luiz Roberto Biondi Maria Lucia

Leia mais

XXIII CONGRESSO NACIONAL 6 E 7 DE JUNHO DE 2015 CENTRO DE CONGRESSOS DE LISBOA

XXIII CONGRESSO NACIONAL 6 E 7 DE JUNHO DE 2015 CENTRO DE CONGRESSOS DE LISBOA Prof. Dr. Paolo Buracco Nascido em Turin, a 16 de Agosto de 1956, obteve a licenciatura em Medicina Veterinária pela Universidade de Turin em Novembro de 1981. Trabalha na Secção de Cirurgia da Escola

Leia mais

13. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1

13. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 13. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( X) SAÚDE

Leia mais

Diagnóstico do câncer

Diagnóstico do câncer UNESC FACULDADES ENFERMAGEM - ONCOLOGIA FLÁVIA NUNES Diagnóstico do câncer Evidenciado: Investigação diagnóstica por suspeita de câncer e as intervenções de enfermagem no cuidado ao cliente _ investigação

Leia mais

REUNIÃO DE CASOS. Aperfeiçoando de RDI da DIGIMAX (A2) RAPHAEL SALGADO PEDROSO. www.digimaxdiagnostico.com.br

REUNIÃO DE CASOS. Aperfeiçoando de RDI da DIGIMAX (A2) RAPHAEL SALGADO PEDROSO. www.digimaxdiagnostico.com.br REUNIÃO DE CASOS www.digimaxdiagnostico.com.br RAPHAEL SALGADO PEDROSO Aperfeiçoando de RDI da DIGIMAX (A2) Nome: I. G. A. B.; Idade: 28 anos; Sexo: Feminino; CASO Queixa: Atraso menstrual há 45 dias.

Leia mais

ANÁLISE COMPARATIVA DOS GRAUS HISTOLÓGICOS ENTRE TUMOR PRIMÁRIO E METÁSTASE AXILAR EM CASOS DE CÂNCER DE MAMA

ANÁLISE COMPARATIVA DOS GRAUS HISTOLÓGICOS ENTRE TUMOR PRIMÁRIO E METÁSTASE AXILAR EM CASOS DE CÂNCER DE MAMA ANÁLISE COMPARATIVA DOS GRAUS HISTOLÓGICOS ENTRE TUMOR PRIMÁRIO E METÁSTASE AXILAR EM CASOS DE CÂNCER DE MAMA Pinheiro, A.C ¹, Aquino, R. G. F. ¹, Pinheiro, L.G.P. ¹, Oliveira, A. L. de S. ¹, Feitosa,

Leia mais

CARACTERÍSTICAS GERAIS DAS NEOPLASIAS

CARACTERÍSTICAS GERAIS DAS NEOPLASIAS CARACTERÍSTICAS GERAIS DAS NEOPLASIAS 1) INTRODUÇÃO Neoplasia significa crescimento novo. O termo tumor é usado como sinônimo e foi originalmente usado para os aumentos de volume causados pela inflamação.

Leia mais

EPITELIOMA DE GLÂNDULA HEPATOIDE EM CÃO: RELATO DE CASO EPITHELIOMA HEPATOIDE OF GLAND IN DOG: A CASE REPORT

EPITELIOMA DE GLÂNDULA HEPATOIDE EM CÃO: RELATO DE CASO EPITHELIOMA HEPATOIDE OF GLAND IN DOG: A CASE REPORT EPITELIOMA DE GLÂNDULA HEPATOIDE EM CÃO: RELATO DE CASO EPITHELIOMA HEPATOIDE OF GLAND IN DOG: A CASE REPORT HENRIQUE, Fernanda Vieira Médica Veterinária, mestranda do Programa de Pós-Graduação em Medicina

Leia mais

Colaboradores Acadêmicos Selene Círio Leite Diego Lunelli Marcelle Círio Leite

Colaboradores Acadêmicos Selene Círio Leite Diego Lunelli Marcelle Círio Leite 3267-4303 Orientações para Colheita e Remessa de Material para Exames Laboratoriais VOLUME 1 Histopatologia Citologia Necropsia www.petimagem.com PET IMAGEM - Diagnósticos Veterinários foi criado em abril

Leia mais

Residente Anike Brilhante Serviço de Cirurgia Geral Hospital Federal Cardoso Fontes Chefe do Serviço: Antônio Marcílio

Residente Anike Brilhante Serviço de Cirurgia Geral Hospital Federal Cardoso Fontes Chefe do Serviço: Antônio Marcílio Residente Anike Brilhante Serviço de Cirurgia Geral Hospital Federal Cardoso Fontes Chefe do Serviço: Antônio Marcílio Nódulo: - Pcp manifestação clínica das dçs da tireóide - 5% das mulheres e 1% dos

Leia mais

NEOPLASIA MAXILAR EM UM CÃO AVALIACÃO RADIOGRÁFICA FRENTE AO DIAGNÓSTICO CLÍNICO DE PERIODONTOPATIA

NEOPLASIA MAXILAR EM UM CÃO AVALIACÃO RADIOGRÁFICA FRENTE AO DIAGNÓSTICO CLÍNICO DE PERIODONTOPATIA Revista Eletrônica Novo Enfoque, ano 2010, v. 09, n. 09, p. 01 06 NEOPLASIA MAXILAR EM UM CÃO AVALIACÃO RADIOGRÁFICA FRENTE AO DIAGNÓSTICO CLÍNICO DE PERIODONTOPATIA GOMES, F. S. C. 1 ; GALVES, M. S. 1

Leia mais

QUIMIOTERAPIA ANTINEOPLÁSICA NO TRATAMENTO DE MASTOCITOMA DE BOLSA ESCROTAL EM BOXER -RELATO DE CASO

QUIMIOTERAPIA ANTINEOPLÁSICA NO TRATAMENTO DE MASTOCITOMA DE BOLSA ESCROTAL EM BOXER -RELATO DE CASO REVISTA CIENTÍFICA ELETRÔNICA DE MEDICINA VETERINÁRIA ISSN: 1679-7353 QUIMIOTERAPIA ANTINEOPLÁSICA NO TRATAMENTO DE MASTOCITOMA DE BOLSA ESCROTAL EM BOXER -RELATO DE CASO SANTOS, Luana Maria ROCHA, Jessé

Leia mais

Prevalência de neoplasias cutâneas diagnosticadas em caninos no estado de Santa Catarina, Brasil, no período entre 1998 a 2002 1

Prevalência de neoplasias cutâneas diagnosticadas em caninos no estado de Santa Catarina, Brasil, no período entre 1998 a 2002 1 Revista de Ciências Agroveterinárias, Lages, v.5, n.1, p. 73-79, 2006 73 ISSN 1676-9732 Prevalência de neoplasias cutâneas diagnosticadas em caninos no estado de Santa Catarina, Brasil, no período entre

Leia mais

HIPERFLEXÃO DO CARPO EM CÃO ADULTO RELATO DE CASO

HIPERFLEXÃO DO CARPO EM CÃO ADULTO RELATO DE CASO 1 HIPERFLEXÃO DO CARPO EM CÃO ADULTO RELATO DE CASO JULIANO MORELLI MARANGONI¹, RICARDO LIMA SALOMAO 2, ELZYLENE LÉGA PALAZZO 3, PAULA FERREIRA DA COSTA 3, PATRICIA NADJA DE OLIVEIRA REY 4, MARINA LAUDARES

Leia mais

IMPORTÂNCIA DA SAÚDE ORAL DOS PEQUENOS ANIMAIS. Palavras chave: Cão, Neoplasia oral, Odontologia Veterinária, Periodontite.

IMPORTÂNCIA DA SAÚDE ORAL DOS PEQUENOS ANIMAIS. Palavras chave: Cão, Neoplasia oral, Odontologia Veterinária, Periodontite. IMPORTÂNCIA DA SAÚDE ORAL DOS PEQUENOS ANIMAIS FELGA, Helena da Cunha 1 ; GUIMARÃES, Patrícia Lorena da Silva Neves 2 Palavras chave: Cão, Neoplasia oral, Odontologia Veterinária, Periodontite. Justificativa

Leia mais

EMENTA: Câncer urológico - Critérios de alta para pacientes com câncer CONSULTA

EMENTA: Câncer urológico - Critérios de alta para pacientes com câncer CONSULTA PARECER Nº 2422/2013 CRM-PR PROCESSO CONSULTA N.º 11/2013 PROTOCOLO N. º 10115/2013 ASSUNTO: CRITÉRIOS DE ALTA DE SERVIÇOS DE CANCEROLOGIA PARECERISTA: CONS. JOSÉ CLEMENTE LINHARES EMENTA: Câncer urológico

Leia mais

HEMANGIOSSARCOMA CAVITÁRIO EM CÃO RELATO DE CASO

HEMANGIOSSARCOMA CAVITÁRIO EM CÃO RELATO DE CASO 1 HEMANGIOSSARCOMA CAVITÁRIO EM CÃO RELATO DE CASO CYNTHIA PIRIZZOTTO SCARAMUCCI¹, VANESSA YURIKA MURAKAMI¹, ANALY RAMOS MENDES², GISELE FABRÍCIA MARTINS DOS REIS 3, PRISCILLA MACEDO DE SOUZA 4, RAQUEL

Leia mais

CURSO DE COMPLEMENTAÇÃO ESPECIALIZADA ONCOLOGIA CUTÂNEA

CURSO DE COMPLEMENTAÇÃO ESPECIALIZADA ONCOLOGIA CUTÂNEA CURSO DE COMPLEMENTAÇÃO ESPECIALIZADA ONCOLOGIA CUTÂNEA Período de Seleção 10 de outubro a 07 de novembro de 2014 Taxa de Inscrição R$ 100,00 Taxa de Matrícula R$ 400,00 Mensalidade R$ 724,00 Forma(s)

Leia mais

Metástase Cutânea de Carcinoma de Células Claras Renais: Relato de Caso Aichinger, L.A. 1, Kool, R. 1, Mauro, F.H.O. 1, Preti, V.

Metástase Cutânea de Carcinoma de Células Claras Renais: Relato de Caso Aichinger, L.A. 1, Kool, R. 1, Mauro, F.H.O. 1, Preti, V. Metástase Cutânea de Carcinoma de Células Claras Renais: Relato de Caso Aichinger, L.A. 1, Kool, R. 1, Mauro, F.H.O. 1, Preti, V. 1 1 Hospital Erasto Gaertner, Curitiba, Paraná. Introdução e Objetivo O

Leia mais

Boletim da ABPV Associação Brasileira de Patologia Veterinária

Boletim da ABPV Associação Brasileira de Patologia Veterinária Associação Brasileira de Patologia Veterinária Número 5 Maio/Junho de 2009 Associação Brasileira de Patologia Veterinária www.abpv.vet.br Paulo César Maiorka Presidente Renato de Lima Santos Vice-Presidente

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Dados Pessoais. Nome Cintia Mendonça de Abreu

CURRICULUM VITAE. Dados Pessoais. Nome Cintia Mendonça de Abreu CURRICULUM VITAE Dados Pessoais Nome Cintia Mendonça de Abreu Formação Universitária Graduação Instituição Faculdade de Medicina - Universidade Federal de Goiás Conclusão 17/11/1995 Pós-Graduação Residência

Leia mais

OS AINES (ANTIINFLAMATÓRIOS NÃO ESTEROIDAIS) SÃO FÁRMACOS DE PRIMEIRA ELEIÇÃO NO TRATAMENTO DE INFLAMAÇÕES CRÔNICAS OU AGUDAS

OS AINES (ANTIINFLAMATÓRIOS NÃO ESTEROIDAIS) SÃO FÁRMACOS DE PRIMEIRA ELEIÇÃO NO TRATAMENTO DE INFLAMAÇÕES CRÔNICAS OU AGUDAS Firocoxibe - Últimos avanços no tratamento de neoplasias em cães e gatos Marta León Artozqui Doutora em Medicina Veterinária Gerente Técnica - Animais de Companhia Merial Espanha OS AINES (ANTIINFLAMATÓRIOS

Leia mais

macroscopia clivagem processamento inclusão - parafina coloração desparafinização microtomia bloco

macroscopia clivagem processamento inclusão - parafina coloração desparafinização microtomia bloco Patologia Cirúrgica macroscopia clivagem processamento inclusão - parafina coloração desparafinização microtomia bloco Exame Histopatológico Exame anatomopatológico é ATO MÉDICO! lâminas microscopia laudo

Leia mais

TUMOR VENÉREO TRANSMISSÍVEL EM CÃES

TUMOR VENÉREO TRANSMISSÍVEL EM CÃES TUMOR VENÉREO TRANSMISSÍVEL EM CÃES RIBEIRO, Izabella Discente do Curso de Medicina Veterinária da FAMED Garça ZAPPA, Vanessa Docente da Associação Cultural e Educacional da FAMED Garça RESUMO O Tumor

Leia mais

II Encontro de Formação OMV Oftalmologia/Cirurgia Oftalmológica ABORDAGEM ÀS NEOPLASIAS OCULARES A ENUCLEAÇÃO É SOLUÇÃO?

II Encontro de Formação OMV Oftalmologia/Cirurgia Oftalmológica ABORDAGEM ÀS NEOPLASIAS OCULARES A ENUCLEAÇÃO É SOLUÇÃO? II Encontro de Formação OMV Oftalmologia/Cirurgia Oftalmológica ABORDAGEM ÀS NEOPLASIAS OCULARES A ENUCLEAÇÃO É SOLUÇÃO? Esmeralda Delgado 1 1 CIISA, Departamento de Clínica, Faculdade de Medicina Veterinária,

Leia mais

CIRURGIA CITORREDUTORA E NO TRATAMENTO DA CARCINOMATOSE PERITONEAL. Ademar Lopes

CIRURGIA CITORREDUTORA E NO TRATAMENTO DA CARCINOMATOSE PERITONEAL. Ademar Lopes CIRURGIA CITORREDUTORA E QUIMIOTERAPIA INTRAPERITONEAL HIPERTÉRMICA NO TRATAMENTO DA CARCINOMATOSE PERITONEAL Ademar Lopes CÂNCER COLORRETAL SOB mediana em doença avançada versus tratamento sistêmico Meyerhardt

Leia mais

ASPECTOS CLÍNICOS E FATORES PROGNÓSTICOS DO MELANOMA ORAL DE QUATRO CÃES (Clinical aspects and prognostic factors of the oral melanoma of four dogs)

ASPECTOS CLÍNICOS E FATORES PROGNÓSTICOS DO MELANOMA ORAL DE QUATRO CÃES (Clinical aspects and prognostic factors of the oral melanoma of four dogs) ASPECTOS CLÍNICOS E FATORES PROGNÓSTICOS DO MELANOMA ORAL DE QUATRO CÃES (Clinical aspects and prognostic factors of the oral melanoma of four dogs) Cristina Rauen RIBAS 1* ; Antonia Maria B. PRADO 1 ;

Leia mais

Gradação Histológica de tumores

Gradação Histológica de tumores Gradação Histológica de tumores A gradação histológica é uma avaliação morfológica da diferenciação celular de cada tumor. Baseada geralmente em 03-04 níveis de acordo com o tecido específico do tumor.

Leia mais

CASUÍSTICA DOS ATENDIMENTOS DE FELINOS NA CLÍNICA ESCOLA VETERINÁRIA (CEVET) DA UNICENTRO NO TRIÊNIO 2006-2008

CASUÍSTICA DOS ATENDIMENTOS DE FELINOS NA CLÍNICA ESCOLA VETERINÁRIA (CEVET) DA UNICENTRO NO TRIÊNIO 2006-2008 CASUÍSTICA DOS ATENDIMENTOS DE FELINOS NA CLÍNICA ESCOLA VETERINÁRIA (CEVET) DA UNICENTRO NO TRIÊNIO 2006-2008 José Carlos ISSAKOWICZ ¹ Thiago Canton NICOLAO ¹ Maurício Nunes VIEIRA ¹ Ewerton Luiz de LIMA¹

Leia mais

LEUCEMIA LINFOCÍTICA CRÔNICA EM CÃO RELATO DE CASO

LEUCEMIA LINFOCÍTICA CRÔNICA EM CÃO RELATO DE CASO LEUCEMIA LINFOCÍTICA CRÔNICA EM CÃO RELATO DE CASO LUCIANE CAMILA HISCHING 1, FABIOLA DALMOLIN 2, JOELMA LUCIOLI 3, THIAGO NEVES BATISTA 3, JOSÉ EDUARDO BASILIO DE OLIVEIRA GNEIDING 3. 1 Discente Medicina

Leia mais

Disciplina: Patologia Oral 4 e 5º períodos CÂNCER BUCAL. http://lucinei.wikispaces.com. Prof.Dr. Lucinei Roberto de Oliveira

Disciplina: Patologia Oral 4 e 5º períodos CÂNCER BUCAL. http://lucinei.wikispaces.com. Prof.Dr. Lucinei Roberto de Oliveira Disciplina: Patologia Oral 4 e 5º períodos CÂNCER BUCAL http://lucinei.wikispaces.com Prof.Dr. Lucinei Roberto de Oliveira 2012 Sigmund Freud ( 1856-1939, 83 anos ) durante 59 anos, mais de 20 charutos/dia

Leia mais

Governador Geraldo Alckmin entrega o maior laboratório destinado a pesquisas sobre o câncer da América Latina

Governador Geraldo Alckmin entrega o maior laboratório destinado a pesquisas sobre o câncer da América Latina MATEC ENGENHARIA ENTREGA O MAIOR LABORATORIO PARA PESQUISA DE CÂNCER DA AMÉRICA LATINA Qui, 14/04/11-11h00 SP ganha maior laboratório para pesquisa de câncer da América Latina Instituto do Câncer também

Leia mais

Câncer de Pulmão Estadiamento: o que mudou?

Câncer de Pulmão Estadiamento: o que mudou? Câncer de Pulmão Estadiamento: o que mudou? Ilka Lopes Santoro EPM - Unifesp Conflito de Interesse Nada a declarar For myself I am an optimist it does not seem to be much use being anything else. Sir Winston

Leia mais

CITOLOGIA ONCÓTICA CÂNCER

CITOLOGIA ONCÓTICA CÂNCER CITOLOGIA ONCÓTICA Neoplasia: crescimento desordenado de células, originando um tumor (massa de células) Tumor benigno: massa localizada de células que se multiplicam vagarosamente e se assemelham ao seu

Leia mais

LEVANTAMENTO DOS DADOS DOS ATENDIMENTOS ULTRASSONOGRÁFICOS DO SERVIÇO DE DIAGNÓSTICO POR IMAGEM DO HV/EVZ/UFG

LEVANTAMENTO DOS DADOS DOS ATENDIMENTOS ULTRASSONOGRÁFICOS DO SERVIÇO DE DIAGNÓSTICO POR IMAGEM DO HV/EVZ/UFG LEVANTAMENTO DOS DADOS DOS ATENDIMENTOS ULTRASSONOGRÁFICOS DO SERVIÇO DE DIAGNÓSTICO POR IMAGEM DO HV/EVZ/UFG BRAGATO, Nathália. 1 ; PÁDUA, Fernanda Maria Ozelim de 1 ; COSTA, Ana Paula Araújo.; SILVA,

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Metástase de tumor venéreo transmissivo disseminado na pele de um cão: Relato de caso

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Metástase de tumor venéreo transmissivo disseminado na pele de um cão: Relato de caso PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Metástase de tumor venéreo transmissivo disseminado na pele de um cão: Relato de caso Catarina Rafaela Alves da Silva 1 ; Francisco Lima Silva 2

Leia mais

O sistema TNM para a classificação dos tumores malignos foi desenvolvido por Pierre Denoix, na França, entre 1943 e 1952.

O sistema TNM para a classificação dos tumores malignos foi desenvolvido por Pierre Denoix, na França, entre 1943 e 1952. 1 SPCC - Hospital São Marcos Clínica de Ginecologia e Mastologia UICC União Internacional Contra o Câncer - TNM 6ª edição ESTADIAMENTO DOS TUMORES DE MAMA HISTÓRIA DO TNM O sistema TNM para a classificação

Leia mais

LIGA DE ESTUDOS EM MEDICINA DIAGNÓSTICA E ANATOMIA PATOLÓGICA - LEMDAP

LIGA DE ESTUDOS EM MEDICINA DIAGNÓSTICA E ANATOMIA PATOLÓGICA - LEMDAP LIGA DE ESTUDOS EM MEDICINA DIAGNÓSTICA E ANATOMIA PATOLÓGICA - LEMDAP RELATO DE CASO Almeida L.P.1, Radke E.1, Negretti F.2 Cascavel, 2008 1 Academicos do Curso de Medicina da Unioeste 2 Professor de

Leia mais

OCORRÊNCIA DE MÚLTIPLAS E DISTINTAS FORMAÇÕES CUTÂNEAS EM CÃO: A IMPORTÂNCIA DO DIAGNÓSTICO ANATOMOPATOLÓGICO

OCORRÊNCIA DE MÚLTIPLAS E DISTINTAS FORMAÇÕES CUTÂNEAS EM CÃO: A IMPORTÂNCIA DO DIAGNÓSTICO ANATOMOPATOLÓGICO OCORRÊNCIA DE MÚLTIPLAS E DISTINTAS FORMAÇÕES CUTÂNEAS EM CÃO: A IMPORTÂNCIA DO DIAGNÓSTICO ANATOMOPATOLÓGICO JULIANA BRONDINO 1, LUCIANE DOS REIS MESQUITA 2, GUILHERME COUTINHO VIEIRA 3, LUIS GUILHERME

Leia mais

Abordagem diagnóstica a casos oncológicos em Répteis. Filipe Martinho, DVM

Abordagem diagnóstica a casos oncológicos em Répteis. Filipe Martinho, DVM Abordagem diagnóstica a casos oncológicos em Répteis Filipe Martinho, DVM III Congresso OMV - Novembro 2012 Oncologia e Répteis Aparentemente casos oncológicos são raros; Em colecções zoológicas até 23%

Leia mais

HISTÓRIA NATURAL DOS TIPOS RAROS DE CÂNCER DE MAMA

HISTÓRIA NATURAL DOS TIPOS RAROS DE CÂNCER DE MAMA HISTÓRIA NATURAL DOS TIPOS RAROS DE CÂNCER DE MAMA Carcinomas Profª. Dra. Maria do Carmo Assunção Carcinoma tipo basal Grau 3 CK14 & CK5 = Positivo P63 pode ser positivo (mioepitelial) Triplo negativo

Leia mais

Recebido em: 12/04/2014 Aprovado em: 27/05/2014 Publicado em: 01/07/2014

Recebido em: 12/04/2014 Aprovado em: 27/05/2014 Publicado em: 01/07/2014 RECLASSIFICAÇÃO E DETERMINAÇÃO DO TIPO HISTOLÓGICO PREDOMINANTE EM NEOPLASIAS MAMÁRIAS CANINAS DO HOSPITAL VETERINÁRIO DA UNIVERSIDADE DE FRANCA NOS ANOS DE 00 a 0 Priscila Pavini Cintra ; César Augusto

Leia mais

PROPOSTA DE UMA FERRAMENTA PARA SIMULAÇÃO DE EXAME DE PUNÇÃO DE MAMA CANINA UTILIZANDO TÉCNICAS DE REALIDADE VIRTUAL

PROPOSTA DE UMA FERRAMENTA PARA SIMULAÇÃO DE EXAME DE PUNÇÃO DE MAMA CANINA UTILIZANDO TÉCNICAS DE REALIDADE VIRTUAL PROPOSTA DE UMA FERRAMENTA PARA SIMULAÇÃO DE EXAME DE PUNÇÃO DE MAMA CANINA UTILIZANDO TÉCNICAS DE REALIDADE VIRTUAL HERMOSILLA, Lígia Docente da Faculdade de Ciencias Jurídicas e Gerenciais FAEG Rua das

Leia mais

PALAVRAS-CHAVE Projetos de pesquisa. Patologia. Epidemiologia. Trato gastrointestinal.

PALAVRAS-CHAVE Projetos de pesquisa. Patologia. Epidemiologia. Trato gastrointestinal. 13. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( X) SAÚDE

Leia mais

Tumor Desmoplásico de Pequenas Células Redondas: Relato de um caso.

Tumor Desmoplásico de Pequenas Células Redondas: Relato de um caso. Everton Pereira D. Lopes² Eduardo M Pracucho¹ Ricardo de Almeida Campos² Karla Thaiza Thomal¹ Celso Roberto Passeri¹ Renato Morato Zanatto¹ 1-Departamento de Cirurgia Oncológica Aparelho Digestivo Alto

Leia mais

EPÚLIDE ACANTOMATOSO EM CÃO REVISÃO DE LITERATURA ACANTHOMATOUS EPULIS IN DOG - LITERATURE REVIEW

EPÚLIDE ACANTOMATOSO EM CÃO REVISÃO DE LITERATURA ACANTHOMATOUS EPULIS IN DOG - LITERATURE REVIEW EPÚLIDE ACANTOMATOSO EM CÃO REVISÃO DE LITERATURA ACANTHOMATOUS EPULIS IN DOG - LITERATURE REVIEW DIAS, Fernanda Gosuen Gonçalves Graduação em Odontologia Veterinária e Mestre em Cirurgia de Pequenos Animais

Leia mais

Protocolo para Tratamento de Carcinoma Diferenciado de Tireoide

Protocolo para Tratamento de Carcinoma Diferenciado de Tireoide Protocolo para Tratamento de Carcinoma Diferenciado de Tireoide Serviços de Endocrinologia e Medicina Nuclear do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco Apresentadora: Maíra Melo da

Leia mais

INVESTIGAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO ENTRE DERMATOFIBROMA E MIOMA UTERINO.

INVESTIGAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO ENTRE DERMATOFIBROMA E MIOMA UTERINO. Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, 2012 26 INVESTIGAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO ENTRE DERMATOFIBROMA E MIOMA UTERINO. Charlene Troiani 1, Mayra Falcão Pereira 2,Elizete

Leia mais

Glicosaminoglicanos (GAGS) Introdução. heteropolissacarídeos lineares constituídos por unidades dissacarídicas repetitivas.

Glicosaminoglicanos (GAGS) Introdução. heteropolissacarídeos lineares constituídos por unidades dissacarídicas repetitivas. Identificação e quantificação pela espectroscopia de massa de glicosaminoglicanos sulftados da matriz extracelular no tecido colorretal neoplásico e não neoplásico* * Departmento de Biologia Molecular,

Leia mais

Lesões císticas do pâncreas: abordagem diagnóstica e terapêutica

Lesões císticas do pâncreas: abordagem diagnóstica e terapêutica Lesões císticas do pâncreas: abordagem diagnóstica e terapêutica Gustavo Rêgo Coêlho (TCBC) Serviço de Cirurgia e Transplante de Fígado Hospital das Clínicas - UFC Tumores Cís+cos do Pâncreas Poucos tópicos

Leia mais

Pollyanna Pereira Nascimento 1, 3 ; Andréia Juliana Leite Rodrigues 2,3.

Pollyanna Pereira Nascimento 1, 3 ; Andréia Juliana Leite Rodrigues 2,3. CONHECIMENTO ESPECÍFICO SOBRE O CÂNCER NÃO AUMENTA CONSCIENTIZAÇÃO. Pollyanna Pereira Nascimento 1, 3 ; Andréia Juliana Leite Rodrigues 2,3. 1 Voluntária Iniciação Científica PVIC/UEG 2 Pesquisadora Orientadora

Leia mais

TUMORES OSSEOS EM CABEÇA E PESCOÇO

TUMORES OSSEOS EM CABEÇA E PESCOÇO CABEÇA E PECOÇO UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ HOSPITAL WALTER CANTÍDIO Residência em Cirurgia de Cabeça e Pescoço TUMORES OSSEOS EM Geamberg Macêdo Agosto - 2006 TUMORES ÓSSEOS BÊNIGNOS OSTEOMA CONDROMAS

Leia mais

Imunologia do câncer. Aarestrup, F.M.

Imunologia do câncer. Aarestrup, F.M. Imunologia do câncer Impacto da imunologia na cancerologia Biologia tumoral Diagnóstico : imuno-histoquímica Tratamento : imunoterapia Mecanismos da resposta imunológica contra o câncer Quais as células

Leia mais

Prof. Dr. Jorge Eduardo F. Matias Cirurgia do Aparelho Digestivo Departamento de Cirurgia UFPR - HC

Prof. Dr. Jorge Eduardo F. Matias Cirurgia do Aparelho Digestivo Departamento de Cirurgia UFPR - HC DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL DOS NÓDULOS HEPÁTICOS BENIGNOS Prof. Dr. Jorge Eduardo F. Matias Cirurgia do Aparelho Digestivo Departamento de Cirurgia UFPR - HC DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL DOS NÓDULOS HEPÁTICOS

Leia mais

MASTOCITOMA CANINO: ESTUDO RETROSPECTIVO

MASTOCITOMA CANINO: ESTUDO RETROSPECTIVO 242 FURLANI, J. M. et al. MASTOCITOMA CANINO: ESTUDO RETROSPECTIVO Juliana Maziero Furlani, 1 Carlos Roberto Daleck, 2 Felipe Antonio Mendes Vicenti, 3 Andrigo Barboza de Nardi, 4 Gener Tadeu Pereira,

Leia mais

UFPI PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL/ 2015-2018

UFPI PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL/ 2015-2018 Hospital de ensino, com funcionamento 24 horas, inaugurado em 09 de setembro de 2003. - Atende ao ensino de graduação em Medicina Veterinária - Pós-graduação - Execução das atividades dos Programas de

Leia mais

Diretrizes Assistenciais. Protocolo de Conduta da Assistência Médico- Hospitalar - Mama

Diretrizes Assistenciais. Protocolo de Conduta da Assistência Médico- Hospitalar - Mama Diretrizes Assistenciais Protocolo de Conduta da Assistência Médico- Hospitalar - Mama Versão eletrônica atualizada em Novembro 2008 Protocolo de Conduta da Assistência Médico-Hospitalar Objetivos: - manuseio

Leia mais

Gaudencio Barbosa R3 CCP Hospital Universitário Walter Cantídio UFC Serviço de Cirurgia de Cabeça e Pescoço

Gaudencio Barbosa R3 CCP Hospital Universitário Walter Cantídio UFC Serviço de Cirurgia de Cabeça e Pescoço Gaudencio Barbosa R3 CCP Hospital Universitário Walter Cantídio UFC Serviço de Cirurgia de Cabeça e Pescoço Nódulos tiroideanos são comuns afetam 4- a 10% da população (EUA) Pesquisas de autópsias: 37

Leia mais

CODIFICAÇÃO DE TUMORES E CLASSIFICAÇÕES UTILIZADAS EM REGISTROS DE CÂNCER

CODIFICAÇÃO DE TUMORES E CLASSIFICAÇÕES UTILIZADAS EM REGISTROS DE CÂNCER CODIFICAÇÃO DE TUMORES E CLASSIFICAÇÕES UTILIZADAS EM REGISTROS DE CÂNCER CLASSIFICAÇÕES PADRONIZADAS UTILIZADAS EM REGISTROS DE CÂNCER CLASSIFICAÇÃO INTERNACIONAL DE DOENÇAS - 10ª Revisão (CID-10) CLASSIFICAÇÃO

Leia mais