Área de Computação Sonora e Musical da Unidade de Telecomunicações e Multimédia do INESC TEC

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Área de Computação Sonora e Musical da Unidade de Telecomunicações e Multimédia do INESC TEC"

Transcrição

1 Área de Computação Sonora e Musical da Unidade de Telecomunicações e Multimédia do INESC TEC Sound and Music Computing designa o grupo da UTM 1 do INESC TEC dedicado à investigação no domínio da computação sonora e musical, mais concretamente às áreas de processamento de sinais, reconhecimento de padrões e interação musical homem-máquina. Os projetos de investigação aplicada em que o grupo tem participado, financiados, na sua maioria, através de programas de apoio à I&D da FCT 2, favoreceram a criação de um conjunto de competências que, na opinião de Carlos Guedes, um dos coordenadores do grupo, se desenham hoje, e mais do que nunca, como fundamentais para que possam ser dados novos e auspiciosos passos para a valorização do conhecimento científico gerado: o crescimento da empresa Sonicability, recentemente criada e incubada em Austin, no Texas, e a criação, no futuro, de uma filial em Portugal. 1 A partitura do sucesso do grupo Sound and Musing Computing começou a ser escrita em 2007, com a chegada à UTM de Fabien Gouyon, investigador francês doutorado pela Universitat Pompeu Fabra na área de Computer Science and Digital Communications, e por Carlos Guedes, compositor, com um Doutoramento obtido na New York University. Apoiados pela então Direção do INESC TEC, na altura INESC Porto LA, e pela Coordenação da UTM, conseguiram construir aquilo que hoje Carlos chama de uma mistura saudável, uma equipa multidisciplinar envolvendo investigadores daquele instituto de I&D e alunos do Mestrado em Multimédia e do Programa Doutoral em Media Digitais da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto. Os acordes deste esforço de criar uma equipa que juntasse tecnólogos puros, músicos que não percebiam nada de tecnologia e os que Carlos Guedes rotula, com uma nota de humor, de híbridos, ou seja, os que têm um pé firme nas Tecnologias e outro na Música, foram sendo afinados ao longo de vários projetos de investigação com parceiros nacionais e internacionais (que incluem entidades como a Casa da Música, a Universidade de Texas Austin, o Honda Research Institute Japan, a ESMAE ou a Ydreams, entre outros). Sempre com o objetivo de criar conhecimento novo materializado em aplicações práticas que, ainda que na maior parte das vezes correspondessem a protótipos, podiam ser trabalhados a seu tempo numa lógica de desenvolvimento de produtos inovadores. É o caso, por exemplo, do projeto RAMA Relational Artists MAps, uma aplicação web (Figura 1), que permite gerar e visualizar mapas relacionais a partir de redes de artistas musicais, mas ainda em versão demo. 1 Unidade de Telecomunicações e Multimédia 2 Fundação para a Ciência e Tecnologia

2 Figura 1 Aplicação RAMA 2 Os projetos de investigação permitiram ao grupo criar massa crítica, know-how avançado, tendo a publicação de artigos científicos, a organização de conferências de âmbito internacional, a docência em programas de formação avançada e a prestação de serviços de consultoria científica sido os principais meios de trazer esse know-how para fora do laboratório, isto é, de o disseminar e, portanto, de o valorizar 3 junto de comunidades académicas e não académicas. Com o projeto KINETIC surgiu a oportunidade de, pela primeira vez, explorar o know-how do grupo numa perspetiva empresarial. O Projeto Kinetic Inicialmente voltado para o desenvolvimento de sistemas de geração automática de música para jogos através de controladores gestuais quinéticos, o Kinetic foi um projeto de investigação nascido, em 2008, de uma parceria entre o INESC Porto, a Universidade de Texas Austin, a Universidade Nova de Lisboa, a Casa da Música e a Ydreams; mas porque a investigação é um jogo de imprevisibilidades, a equipa do Kinetic acabaria por se desviar daquilo que era o objetivo inicial do projeto. Um desvio que acabaria por se saldar positivo, conduzindo a equipa do INESC TEC a outras paragens das quais resultariam duas soluções: A primeira, uma toolbox modular, em versão demo, para geração automática, dinâmica e intuitiva de música para fins de entretenimento e produção artística; A segunda, uma aplicação musical para o iphone da Apple, o GimmedaBlues (Figura 2), que venceu, em janeiro deste ano, o Prémio Zon, na categoria Conteúdos e Aplicações Multimédia. O GimmedaBlues não estava planeado, nota Carlos Guedes. Surgiu no âmbito do trabalho de casa de um aluno do Programa Doutoral de 3 A valorização deve ser entendida como um conjunto de ações necessárias para garantir que os resultados da atividade de investigação contribuem, da forma mais eficiente possível, para o desenvolvimento social e económico (sob a forma de riqueza e criação de emprego) de um país (Transcrito do artigo Valorisation of University Research: Is research worthwhile for more than just publication by researchers? )

3 Medias Digitais e dos testes que o SMC 4 estava a realizar ao software em desenvolvimento no quadro do projeto Kinetic. Foi precisamente o sucesso despertado por esta aplicação junto de uma comunidade não exclusivamente académica que permitiu ao grupo do INESC TEC encará-lo como uma oportunidade para avançar para uma nova etapa: a da criação de uma empresa na área dos digital media. 3 Figura 2 Aplicação GimmeDaBlues Criado para dispositivos ios (ipod, iphone, ipad), o GimmeDaBlues permite aos seus utilizadores criarem Blues em vários estilos e em tempo real, para um quarteto de Jazz composto por piano, trompete, contrabaixo e bateria. No final do projeto Kinetic, a equipa liderada por Carlos Guedes e Fabien Gouyon não tinha nas mãos um protótipo, mas uma versão perfeitamente comercializável de um produto. Este é precisamente um dos aspetos que permitiu aproximar do mercado os resultados do trabalho de investigação de quase 4 anos. De facto, ao abrigo do projeto financiado pela FCT e no quadro do Programa UT Austin Portugal CoLab, conseguiram, pela primeira vez, alocar um programador profissional de ios a preço de mercado para garantir a conformidade da aplicação aos parâmetros da Apple e, em regime de Bolsa de Investigação (a bolsa era para licenciados), uma designer de interação, fundamental para transformar uma aplicação tecnológica numa aplicação friendly, apelativa para não-tecnólogos. Attractive things works better dizia Don Norman, vice-presidente do Grupo de Tecnologia Avançada da Apple: de facto, o design, estético, mas sobretudo o design funcional, pode ditar o sucesso ou o insucesso comercial de um produto tecnológico. Perfilhando da lógica de abordagem da Apple ao processo de desenvolvimento de produto, Carlos Guedes recorda a diferença entre a versão prototipada da aplicação, puramente tecnológica, e a versão prototipada com a componente de design, para sublinhar a importância do design de interação na criação de produtos digitais que respondam aos critérios de usabilidade e utilidade, i.e, na criação de produtos capazes de proporcionar uma experiência positiva ao utilizador final. 4 Sound and Music Computing

4 Vêem-se coisas que funcionam bem mas que têm aquele aspeto de aplicações desenvolvidas por engenheiros [ ] Nós devíamos empurrar a contratação de designers de interação aqui para o INESC, sugere Carlos. A multidisciplinaridade do grupo foi fundamental para consolidar esta visão de que a tecnologia só pode criar uma dinâmica de interação com o utilizador final se deixar de parecer tecnologia, ou seja, se se tornar senso comum: o GimmedaBlues tinha de ser uma aplicação intuitiva, descomplicada, simples de utilizar independentemente dos conhecimentos musicais e tecnológicos do utilizador. Um tipo não pode desenvolver jogos bons, se não for também um bom jogador sublinha Carlos Guedes para mostrar que a existência de elementos na equipa com proveniências académicas e profissionais tão distintas e, mais importante ainda, de elementos que são também potenciais utilizadores finais do produto desenvolvido, foram duas condições importantes para conceber uma solução que não se esgota na sua dimensão tecnológica e que pode assim fazer a sua incursão no mercado. 4 O processo criativo do grupo Figura 3 - Carlos Guedes e Fabien Gouyon parece - consciente ou inconscientemente e - até certo ponto, apoiar-se no que von Hippel designou na década de 80 de método lead users. Os lead users são indivíduos que, em primeiro lugar, decidem inovar porque preconizam obter benefícios diretos a partir de uma solução que lhes deverá permitir responder a problemas ou necessidades que lhes são próprios e que, em segundo lugar, antecipam que esses problemas ou necessidades venham a ser extensíveis a uma comunidade mais alargada de indivíduos 5. Como observa Carlos Guedes, pegando no exemplo do projeto Kinetic: Os clientes somos nós, nós somos pessoas exigentes [ ] De repente, acho que aquilo que faz sentido era a visão do Steve Jobs Se vais perguntar às pessoas de que é que elas acham, elas não vão saber dizer o que querem Tens é de explicar às pessoas o que é que elas querem e eu acredito muito mais nessa visão do que na visão de um produto feito pelos consumidores Porque quando tens um telemóvel nem todos os utilizadores de telemóveis se preocupam como é que gostariam que o telemóvel fosse passam-lhe o telemóvel para a mão e [ ] e aquilo ou lhes serve ou não lhes serve. A disciplina e o rigor do trabalho de investigação, balizado por temáticas de programas de financiamento aos quais o grupo normalmente concorre, associados à liberdade criativa dos exercícios de brainstorming que realiza regularmente, contribuem para o florescimento de novas ideias; ideias essas que, sim, correspondem não raras vezes aos produtos de sonho dos elementos do grupo. 5 Cfr. Von Hippel, E. (1986).Lead Users: A Source of Novel Product Concepts. Management Science 32,

5 Uma nova estratégia de valorização do know-how do grupo a empresa Sonicability Nos últimos anos, e por via dos projetos de I&D em que o grupo esteve envolvido, para além do know-how avançado, conseguiu criar-se uma engrenagem entenda-se, uma equipa - que funciona bem e que justifica, no entender de Carlos Guedes, a médio prazo, a constituição de uma empresa (eventualmente uma filial) em Portugal enquanto canal de valorização dos trabalhos de investigação da equipa envolvida no desenvolvimento da aplicação GimmedaBlues e, ao mesmo tempo, enquanto plataforma de criação de emprego qualificado na região norte (absorvendo, assim, antigos alunos de Carlos dos programas de Mestrado e de Doutoramento). 5 Uma primeira empresa, a Sonicability, foi criada este ano, com o apoio do INESC TEC e do UT Austin Portugal CoLab, e incubada virtualmente na universidade texana, primeiramente para a comercialização da aplicação GimmedaBlues e, a curto prazo, de outros dois produtos que se encontram já em linha de montagem. O INESC TEC e a UT Austin serão dois pivots estratégicos na definição de uma estratégia que permita à Sonicability construir uma proposta de valor nos próximos anos, colmatando também as lacunas que a equipa atualmente tem em termos de gestão empresarial: eu nunca fui empresário, não tenho formação nenhuma em gestão, não sei como é que estas coisas se fazem. A ideia é ter 3 ou 4 aplicações na loja Apple que puxem umas pelas outras numa perspetiva de criação de sustentabilidade para o negócio. Ao longo destes 5 anos de existência, e, em particular, ao longo do projeto Kinetic, conseguimos montar uma pipeline, já percebemos quais são as valências da equipa, como é que as coisas podem funcionar, qual o papel de cada um, portanto temos capacidade de resposta [ ] Estamos todos com a expectativa de perceber como é que o GimmedaBlues irá singrar no mercado, remata Carlos Guedes. O GimmedaBlues promete dar música no mercado das aplicações Iphone. Este artigo foi produzido no âmbito do projeto Centro de Excelência para as Indústrias Criativas e Inovação, do UPTEC PINC.

LET-In Laboratório de Empresas Tecnológicas. José Carlos Caldeira. 28 Fev 2008. Director jcc@inescporto.pt

LET-In Laboratório de Empresas Tecnológicas. José Carlos Caldeira. 28 Fev 2008. Director jcc@inescporto.pt 28 Fev 2008 LET-In Laboratório de Empresas Tecnológicas Campus da FEUP Rua Dr. Roberto Frias, 378 4200-465 Porto Portugal T +351 222 094 000 F +351 222 094 000 www@inescporto.pt www.inescporto.pt José

Leia mais

WORKING PAPERS AVATAR EXPRESS: CREATE, EDIT, ANIMATE

WORKING PAPERS AVATAR EXPRESS: CREATE, EDIT, ANIMATE WORKING PAPERS AVATAR EXPRESS: CREATE, EDIT, ANIMATE Resumo Nos dias de hoje a forma como comunicamos e interagimos com o mundo passa, muitas vezes, por ecrãs. Televisão, computadores, telemóveis e tablets

Leia mais

FERRAMENTAS? a alterar, em muitas organizações, um. instrumento tão abrangente como um orçamento

FERRAMENTAS? a alterar, em muitas organizações, um. instrumento tão abrangente como um orçamento O QUE É IMPRESCINDÍVEL NUMA SOLUÇÃO DE ORÇAMENTAÇÃO E PREVISÃO? Flexibilidade para acomodar mudanças rápidas; Usabilidade; Capacidade de integração com as aplicações a montante e a jusante; Garantir acesso

Leia mais

21º Congresso Quantificar o Futuro. Venture Lounge 23 e 24 de Novembro - CCL

21º Congresso Quantificar o Futuro. Venture Lounge 23 e 24 de Novembro - CCL 21º Congresso Quantificar o Futuro Venture Lounge 23 e 24 de Novembro - CCL Programa Data Hora Actividade 23/Nov. 11:30 Inauguração Oficial Innovation Lounge Visita efectuada ao Venture Lounge por Sua

Leia mais

Com esta tecnologia Microsoft, a PHC desenvolveu toda a parte de regras de negócio, acesso a dados e manutenção do sistema.

Com esta tecnologia Microsoft, a PHC desenvolveu toda a parte de regras de negócio, acesso a dados e manutenção do sistema. Caso de Sucesso Microsoft Canal de Compras Online da PHC sustenta Aumento de 40% de Utilizadores Registados na Área de Retalho Sumário País: Portugal Industria: Software Perfil do Cliente A PHC Software

Leia mais

PUB. Interface. Banca &Seguros

PUB. Interface. Banca &Seguros Interface Banca &Seguros PUB DOSSIER Marketing Bancário: focos em tempo de crise RADAR Sistema financeiro no triângulo estratégico DOSSIER Tecnologias de informação e gestão de fraude Tendências Mobilidade

Leia mais

inserralves INDÚSTRIAS CRIATIVAS Programa do Concurso para Selecção de Ideias e Projectos

inserralves INDÚSTRIAS CRIATIVAS Programa do Concurso para Selecção de Ideias e Projectos inserralves INDÚSTRIAS CRIATIVAS Programa do Concurso para Selecção de Ideias e Projectos ÍNDICE 1. Enquadramento e Objectivos 2. Definição 3. Atribuições da Fundação de Serralves 4. Destinatários 5. Candidaturas

Leia mais

Premier. Quando os últimos são os Primeiros

Premier. Quando os últimos são os Primeiros Premier Quando os últimos são os Primeiros Fundada em 1997 Especializada no desenvolvimento de soluções informáticas de apoio à Gestão e consultoria em Tecnologias de Informação. C3im tem como principais

Leia mais

mobile development curso

mobile development curso Lisboa mobile O QUE É? Num mundo em que o número de dispositivos móveis é três vezes maior que o número de computadores desktop e portáteis, é imperativo pensar-se cada vez mais nas aplicações e especificidades

Leia mais

Cerimónia de lançamento do contrato de colaboração entre o Estado Português e o Massachusetts Institute of Technology, MIT

Cerimónia de lançamento do contrato de colaboração entre o Estado Português e o Massachusetts Institute of Technology, MIT Cerimónia de lançamento do contrato de colaboração entre o Estado Português e o Massachusetts Institute of Technology, MIT Centro Cultural de Belém, Lisboa, 11 de Outubro de 2006 Intervenção do Secretário

Leia mais

Utilização de informação geoespacial na gestão e apoio à decisão das empresas

Utilização de informação geoespacial na gestão e apoio à decisão das empresas Utilização de informação geoespacial na gestão e apoio à decisão das empresas A Gisgeo Alguns dados da empresa: Fundada em 2008; Integrada no UPTEC Parque de Ciência e Tecnologia da UP; 3 sócios + 2 colaboradores,

Leia mais

A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial.

A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial. POWERING BUSINESS QUEM SOMOS A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial. Desde 1987 que desenvolvemos um trabalho

Leia mais

A Gisgeo. Web SIG Sistemas de Informação Geográfica via web. Geo Marketing e Geo Turismo. Localização de pessoas. Gestão de frota automóvel

A Gisgeo. Web SIG Sistemas de Informação Geográfica via web. Geo Marketing e Geo Turismo. Localização de pessoas. Gestão de frota automóvel A Gisgeo Web SIG Sistemas de Informação Geográfica via web Geo Marketing e Geo Turismo Localização de pessoas Gestão de frota automóvel App de localização para smartphones Sistemas de navegação GPS A Gisgeo

Leia mais

Acessórios Assistência Técnica Smartphones Tablets Informática. Serviços Empresariais Telecomunicações Sites Redes Informáticas Vídeo Vigilância

Acessórios Assistência Técnica Smartphones Tablets Informática. Serviços Empresariais Telecomunicações Sites Redes Informáticas Vídeo Vigilância Acessórios Assistência Técnica Smartphones Tablets Informática Serviços Empresariais Telecomunicações Sites Redes Informáticas Vídeo Vigilância geral@mobiletech.pt www.mobiletech.pt Apresentação da Empresa

Leia mais

Desde que entrou no mercado de smartphones, em 2007, esse é o trunfo da Apple perante a concorrência.

Desde que entrou no mercado de smartphones, em 2007, esse é o trunfo da Apple perante a concorrência. 20/12/2011-07h51 Casamento entre sistema e aparelhos é o trunfo da Apple LEONARDO MARTINS COLABORAÇÃO PARA A FOLHA Apesar da importância cada vez maior do software, o bom casamento entre o sistema operacional

Leia mais

!!!!!!!!!!!! 2014! T +39 (11) 993307280 www.digitalmaker.com.br

!!!!!!!!!!!! 2014! T +39 (11) 993307280 www.digitalmaker.com.br 2014 À Agradecemos a oportunidade da apresentação desta Pré-proposta que, tem por objetivo, esclarecer as necessidades para uma Gestão Integrada da actividade. Uma empresa organizada tem: Visão, missão

Leia mais

COORDENAÇÃO DO CURSO CURSO DE EMPREENDEDORISMO E VALORIZAÇÃO DA INVESTIGAÇÃO. Prof. Doutora Maria José Silva

COORDENAÇÃO DO CURSO CURSO DE EMPREENDEDORISMO E VALORIZAÇÃO DA INVESTIGAÇÃO. Prof. Doutora Maria José Silva COORDENAÇÃO DO CURSO Prof. Doutora Maria José Silva PORQUÊ O CURSO DE EMPREENDEDORISMO E VALORIZAÇÃO DA INVESTIGAÇÃO? Numa realidade onde a transposição do conhecimento científico e tecnológico gerado

Leia mais

Interdisciplinar o design

Interdisciplinar o design Instalação sobre Jazz. Com o Presidente da República quando foi proclamado uma das Personalidades do Ano 2009/2010. Foto: site Presidência da República Lançamento da World Urban Campaign, no Rio de Janeiro.

Leia mais

SOLUÇÕES DE SOFTWARE PARA RESTAURAÇÃO, RETALHO E MOBILIDADE. Jan 2015

SOLUÇÕES DE SOFTWARE PARA RESTAURAÇÃO, RETALHO E MOBILIDADE. Jan 2015 SOLUÇÕES DE SOFTWARE PARA RESTAURAÇÃO, RETALHO E MOBILIDADE Jan 2015 Sumário Executivo A Zone Soft é uma empresa que opera no setor da restauração e retalho, com mais de 23.000 clientes ativos e a crescer

Leia mais

APRESENTAÇÃO DA NOVA POLÍTICA DE INCENTIVOS 2014-2020 SISTEMA DE INCENTIVOS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL COMPETIR +

APRESENTAÇÃO DA NOVA POLÍTICA DE INCENTIVOS 2014-2020 SISTEMA DE INCENTIVOS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL COMPETIR + APRESENTAÇÃO DA NOVA POLÍTICA DE INCENTIVOS 2014-2020 SISTEMA DE INCENTIVOS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL COMPETIR + Ponta Delgada, 28 de Abril de 2014 Intervenção do Presidente do Governo Regional

Leia mais

navegação em miniatura

navegação em miniatura 50 :: Webdesign iphone: navegação em miniatura Se antes as ciganas pediam para ler a palma da sua mão, nos dias atuais é bem capaz desse exercício de previsão ser feito pela leitura de seu dispositivo

Leia mais

FORMAÇÃO EM CONTEXTO DE TRABALHO 12ºL

FORMAÇÃO EM CONTEXTO DE TRABALHO 12ºL 2013 2014 FORMAÇÃO EM CONTEXTO DE TRABALHO 12ºL Plano de Formação Aplicação para dádiva de sangue CARATERIZAÇÃO A Formação em Contexto de Trabalho será concretizada com base na simulação de um conjunto

Leia mais

Direto do CMO: Perspectivas de marketing de uma indústria em transição

Direto do CMO: Perspectivas de marketing de uma indústria em transição Direto do CMO: Perspectivas de marketing de uma indústria em transição Informações sobre a mudança dos modelos centralizados em voz para centralizados em dados Autor: Marcel Noordman, Mobile Broadband

Leia mais

Plataforma de Saídas Profissionais

Plataforma de Saídas Profissionais Plataforma de Saídas Profissionais Âmbito O UP Jobs é uma plataforma informática web que visa promover a saída profissional dos seus estudantes e diplomados fomentando a sua integração no mercado de trabalho.

Leia mais

CIÊNCIA, TECNOLOGIA E ENSINO SUPERIOR

CIÊNCIA, TECNOLOGIA E ENSINO SUPERIOR MINISTÉRIO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E ENSINO SUPERIOR Gabinete do Ministro CIÊNCIA, TECNOLOGIA E ENSINO SUPERIOR Breve apresentação da proposta de Orçamento de Estado para 2008 23 de Outubro de 2007 Texto

Leia mais

Qual o âmbito deste protocolo e que tipo de projectos pretende apoiar?

Qual o âmbito deste protocolo e que tipo de projectos pretende apoiar? QUESTÕES COLOCADAS PELO JORNALISTA MARC BARROS SOBRE O PROTOCOLO ENTRE A FNABA E O TURISMO DE PORTUGAL Qual o âmbito deste protocolo e que tipo de projectos pretende apoiar? Com propostas para fazer e

Leia mais

O que é a ciência de dados (data science). Discussão do conceito. Luís Borges Gouveia Universidade Fernando Pessoa Versão 1.

O que é a ciência de dados (data science). Discussão do conceito. Luís Borges Gouveia Universidade Fernando Pessoa Versão 1. O que é a ciência de dados (data science). Discussão do conceito Luís Borges Gouveia Universidade Fernando Pessoa Versão 1.3, Outubro, 2015 Nota prévia Esta apresentação tem por objetivo, proporcionar

Leia mais

A Internet nas nossas vidas

A Internet nas nossas vidas Economia Digital A Internet nas nossas vidas Nos últimos anos a internet revolucionou a forma como trabalhamos, comunicamos e até escolhemos produtos e serviços Economia Digital Consumidores e a Internet

Leia mais

FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Ms. Carlos José Giudice dos Santos carlos@oficinadapesquisa.com.br www.oficinadapesquisa.com.br Usando o SI como vantagem competitiva Vimos

Leia mais

Design de Interacção - IxD

Design de Interacção - IxD Design de Interacção - IxD Formadores: Bruno Nobre e Cláudia Pernencar PORQUÊ FAZER ESTA FORMAÇÃO? Só uma parceria próxima entre o Design, a Tecnologia e o Utilizador permite obter soluções adequadas,

Leia mais

Arquitetura e Urbanismo

Arquitetura e Urbanismo Arquitetura e Urbanismo Arquitetura e Urbanismo CARREIRA EM ARQUITETURA E URBANISMO Os arquitetos recebem uma formação geral que lhes permite trabalhar em diversos campos: em projetos de construções, de

Leia mais

Regulamento do. I Concurso de Empreendedorismo Intermunicipal da Beira Interior Sul

Regulamento do. I Concurso de Empreendedorismo Intermunicipal da Beira Interior Sul Regulamento do I Concurso de Empreendedorismo Intermunicipal da Beira Interior Sul FEVEREIRO 2013 I. INTRODUÇÃO A Comunidade Intermunicipal da Beira Interior Sul, (CIMBIS), no âmbito da Rede Regional de

Leia mais

Competitividade e Inovação

Competitividade e Inovação Competitividade e Inovação Evento SIAP 8 de Outubro de 2010 Um mundo em profunda mudança Vivemos um momento de transformação global que não podemos ignorar. Nos últimos anos crise nos mercados financeiros,

Leia mais

» apresentação. WORKFLOW que significa?

» apresentação. WORKFLOW que significa? » apresentação WORKFLOW que significa? WORKFLOW não é mais que uma solução que permite sistematizar de forma consistente os processos ou fluxos de trabalho e informação de uma empresa, de forma a torná-los

Leia mais

criar colaborar comunicar Tecnologia para Crescer

criar colaborar comunicar Tecnologia para Crescer Tecnologia para Crescer Com o crescimento da banda larga e smartphones/ tablets, conteúdos têm sido criados e consumidos em uma taxa alarmante. Atualmente, a definição de conteúdo mudou e não se trata

Leia mais

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR CLOUD PARA AS SUAS APLICAÇÕES?

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR CLOUD PARA AS SUAS APLICAÇÕES? PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR CLOUD PARA AS SUAS APLICAÇÕES? As ofertas de cloud pública proliferaram e a cloud privada popularizou-se. Agora, é uma questão de como aproveitar o potencial

Leia mais

Quem pode aplicar o desenvolvimento de um novo produto (NPD)? O porquê de novos produtos?

Quem pode aplicar o desenvolvimento de um novo produto (NPD)? O porquê de novos produtos? Introdução Que razões há para o desenvolvimento de um novo produto? Pode dizer-se que essencialmente é para satisfazer a procura do consumidor de novos produtos. Os produtos são como as pessoas e as culturas,

Leia mais

OPERAÇÕES COFINANCIADAS EM REGIME DE OVERBOOKING PELO QREN, NO ÂMBITO DO PROGRAMA OPERACIONAL DE LISBOA

OPERAÇÕES COFINANCIADAS EM REGIME DE OVERBOOKING PELO QREN, NO ÂMBITO DO PROGRAMA OPERACIONAL DE LISBOA OPERAÇÕES COFINANCIADAS EM REGIME DE OVERBOOKING PELO QREN, NO ÂMBITO DO PROGRAMA OPERACIONAL DE LISBOA Promoção e divulgação dos Jardins da Fundação Calouste Gulbenkian - Centro Interpretativo Gonçalo

Leia mais

PROJETO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA- EDITAL 2013-2014

PROJETO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA- EDITAL 2013-2014 PROJETO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA- EDITAL 2013-2014 IDENTIFICAÇÃO DO ORIENTADOR TITULO DO PROJETO AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DA PLATAFORMA ONLINE DE INTELIGENCIA COLETIVA CONECTE IDEIAS PLANO DE TRABALHO 1

Leia mais

O Desenvolvimento de Novos Produtos Importância, abordagens e metodologias. Susana Seabra / Miguel Carnide - SPI

O Desenvolvimento de Novos Produtos Importância, abordagens e metodologias. Susana Seabra / Miguel Carnide - SPI Susana Seabra / Miguel Carnide - SPI Sociedade Portuguesa de Inovação - SPI A atuação do Grupo SPI estrutura-se em três domínios que lhe permitem disponibilizar um conjunto único de atividades e serviços.

Leia mais

o desenvolvimento, o crescimento e a disseminação moral, honestidade e cooperação real transparência, alta qualidade e preços justos

o desenvolvimento, o crescimento e a disseminação moral, honestidade e cooperação real transparência, alta qualidade e preços justos Desde Junho do ano 2000, trabalhamos muito e buscamos crescer, em nossa sede e em capital. Mas todo nosso crescimento só foi e é possível porque nunca deixamos de lado o desenvolvimento, o crescimento

Leia mais

LIBRATONE LOOP 1 MANUAL DO UTILIZADOR

LIBRATONE LOOP 1 MANUAL DO UTILIZADOR LIBRATONE LOOP MANUAL DO UTILIZADOR 2 3 Para obter manuais em outras línguas, visite www.libratone.com/manual PARABÉNS! 4 FullRoom 5 AirPlay/PlayDirect 6 Introdução 8 Configuração rápida do AirPlay (Wi-Fi)

Leia mais

O Desenvolvimento de Novos Produtos Importância, abordagens e metodologias. Susana Seabra / Miguel Carnide - SPI

O Desenvolvimento de Novos Produtos Importância, abordagens e metodologias. Susana Seabra / Miguel Carnide - SPI Susana Seabra / Miguel Carnide - SPI Conteúdos. 1. INOVAÇÃO DE PRODUTO 2. RISCOS NO DESENVOLVIMENTO DE NOVOS PRODUTOS 3. DETERMINANTES DE SUCESSO DE DNP 4. O CICLO DE DNP 2 01. INOVAÇÃO DE PRODUTO 3 01.

Leia mais

Portugal 2020: Investigação e Inovação no domínio da Competitividade e Internacionalização

Portugal 2020: Investigação e Inovação no domínio da Competitividade e Internacionalização Portugal 2020: Investigação e Inovação no domínio da Competitividade e Internacionalização Duarte Rodrigues Vogal da Agência para o Desenvolvimento e Coesão Lisboa, 17 de dezembro de 2014 Tópicos: 1. Portugal

Leia mais

We Do. You Sell. A sua loja online (A You Sell Iniciative) Solução de Parceria Lojas Online

We Do. You Sell. A sua loja online (A You Sell Iniciative) Solução de Parceria Lojas Online Largo da Codiceira 74, 1º Tr. We Do. You Sell. A sua loja online (A You Sell Iniciative) Solução de Parceria Lojas Online // VALORVISUAL_SOLUÇÕES GLOBAIS DE COMUNICAÇÃO WE DO, YOU SELL. A SUA LOJA ONLINE

Leia mais

Programa +Inovação +Indústria Formulário de Candidatura

Programa +Inovação +Indústria Formulário de Candidatura Programa +Inovação +Indústria Formulário de Candidatura Com o propósito de ajudar no preenchimento do formulário de candidatura online, em letra Arial, tamanho 11, a informação necessária está resumida

Leia mais

Oferta de Estágio. iscriptor. Setembro 2011

Oferta de Estágio. iscriptor. Setembro 2011 Oferta de Estágio iscriptor Setembro 2011 DESCRIÇÃO DO ESTÁGIO Um dos principais desafios das plataformas de informação e de negócio é o acesso e a disponibilidade da sua informação. Em particular e com

Leia mais

Capítulo 1. 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. 1.1 Copyright 2011 Pearson Education, Inc. publishing as Prentice Hall

Capítulo 1. 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. 1.1 Copyright 2011 Pearson Education, Inc. publishing as Prentice Hall Capítulo 1 slide 1 1.1 Copyright 2011 Pearson Education, Inc. publishing as Prentice Hall O novo estádio dos Yankees olha para o futuro Problema: Salários, custos com viagens e ingressos com valores altos,

Leia mais

Programa de Empreendedorismo Tecnológico

Programa de Empreendedorismo Tecnológico PROGRAMA EIBTnet O QUE É? Programa de Empreendedorismo Tecnológico de apoio ao desenvolvimento, implementação, criação e consolidação de novas empresas inovadoras e de base tecnológica. 1 OBJECTIVOS Facilitar

Leia mais

formação financiamento

formação financiamento INTERVENÇÃO DO PRESIDENTE DA AEP - ASSOCIAÇÃO EMPRESARIAL DE PORTUGAL, JOSÉ ANTÓNIO BARROS, NA CONFERÊNCIA «EMPREENDEDORISMO UMA SOLUÇÃO PARA A CRISE», A VISÃO DO EMPREENDEDORISMO EM PORTUGAL, NO CENTRO

Leia mais

Estudo Empresas Darwin em Portugal

Estudo Empresas Darwin em Portugal Estudo Empresas Darwin em Portugal Introdução Num mercado muito competitivo em que os mais pequenos pormenores fazem a diferença, as empresas procuram diariamente ferramentas que lhes permitam manter-se

Leia mais

Negócios inovadores, experiências e Insights no e-commerce. Inovações e Insights e-commerce

Negócios inovadores, experiências e Insights no e-commerce. Inovações e Insights e-commerce Negócios inovadores, experiências e Insights no e-commerce. Apresentação @JoaoKepler O Vendedor Na Era Digital Todos nós vendemos alguma coisa. Principalmente Imagem. Processo de Vendas O processo de vendas,

Leia mais

OPINIÃO. O futuro. do Flash

OPINIÃO. O futuro. do Flash O futuro do Flash Testes realizados por sites de grande audiência, como YouTube (http://www.youtube.com/ html5) e Vimeo (http://vimeo.com/blog:268), no uso de players em HTML 5 trouxeram à tona as discussões

Leia mais

Sobre Nós. Primeiro, pensamos em construir negócios. O seu negócio!

Sobre Nós. Primeiro, pensamos em construir negócios. O seu negócio! mistura.ws Sobre Nós Primeiro, pensamos em construir negócios. O seu negócio! Depois misturamos a melhor estratégia, design e tecnologia para oferecer excelentes resultados e garantir o seu sucesso. Somos

Leia mais

Plano de Parcerias BuenitStore

Plano de Parcerias BuenitStore Plano de Parcerias Agências, Desenvolvedores e Designers 18.03.2015 v.2 Objetivo Apresentar ao mercado de criação digital a nossa proposta de parceria e colaboração técnica para criação de projetos de

Leia mais

Sistema Integrado de Gestão I

Sistema Integrado de Gestão I Sistema Binário Faculdades Integradas Campos Salles Sistema Integrado de Gestão I Aulas 3 e 4 Administração da Empresa Digital Parte I Carlos Antonio José Oliviero São Paulo - 2012 Objetivos Qual é o papel

Leia mais

COMPARATIVO ENTRE IOS, ANDROID E WINDOWS PHONE

COMPARATIVO ENTRE IOS, ANDROID E WINDOWS PHONE COMPARATIVO ENTRE IOS, ANDROID E WINDOWS PHONE Carlos Eduardo SARTORELI 1 Nairemilia KUCHAUSKI 2 Alves Uno RESUMO: Este artigo tem por objetivo apresentar algumas diferenças existentes entre três sistemas

Leia mais

INaudax incubação 360

INaudax incubação 360 INaudax incubação 360 Incubação Necessidades, Conceitos INaudax Valores, Orientações Etapas, Soluções INCUBAÇÃO necessidades, conceitos Portugal necessita de plataformas para a inovação baseadas no empreendedorismo.

Leia mais

Programa Mobile Development (ios7 & 8)

Programa Mobile Development (ios7 & 8) Programa Mobile Development (ios7 & 8) Mobile Development # Lisboa 150h Curso Hands-on + Projeto de Curso 34h Projeto Digital 360º 16h Workshop Investimento: 255 x 8 (sem juros) (Pronto Pagamento : 5%

Leia mais

K & M KNOWLEDGE & MANAGEMENT

K & M KNOWLEDGE & MANAGEMENT K & M KNOWLEDGE & MANAGEMENT Conhecimento para a ação em organizações vivas CONHECIMENTO O ativo intangível que fundamenta a realização dos seus sonhos e aspirações empresariais. NOSSO NEGÓCIO EDUCAÇÃO

Leia mais

esaúde Medigraf - Sistema de Telemedicina e Telediagnóstico BEYOND INNOVATION

esaúde Medigraf - Sistema de Telemedicina e Telediagnóstico BEYOND INNOVATION esaúde Medigraf - Sistema de Telemedicina e Telediagnóstico BEYOND INNOVATION PRÉMIOS AfricaCom 2013 - Categoria Changing Lives Reconhece uma iniciativa com um impacto significativo nas telecomunicações

Leia mais

Newsletter 2. Estudo multicanal da ActOne ABRIL 2012

Newsletter 2. Estudo multicanal da ActOne ABRIL 2012 Newsletter 2 ABRIL 2012 Estudo multicanal da ActOne DIMs, emails, telefone, internet, sites, congressos, iphone, livros, vídeos, artigos, visitas, multicanal, marketing digital, email marketing, e-detailing

Leia mais

Agosto. São Paulo Brasil. connectedsmartcities.com.br

Agosto. São Paulo Brasil. connectedsmartcities.com.br 03 a 05 Agosto 2015 São Paulo Brasil connectedsmartcities.com.br Por que Connected Smart Cities? As grandes e modernas cidades são, talvez, as mais importantes realizações do homem, por serem responsáveis,

Leia mais

AS OPORTUNIDADES PARA AS EMPRESAS NO PORL 2014-20

AS OPORTUNIDADES PARA AS EMPRESAS NO PORL 2014-20 AS OPORTUNIDADES PARA AS EMPRESAS NO PORL 2014-20 Vítor Escária CIRIUS ISEG, Universidade de Lisboa e Augusto Mateus & Associados Barreiro, 30/06/2014 Tópicos Enquadramento A Estratégia de Crescimento

Leia mais

quarta-feira, 11 de agosto de 2010 Treinamento para profissionais criativos

quarta-feira, 11 de agosto de 2010 Treinamento para profissionais criativos Treinamento para profissionais criativos Treinamento para profissionais criativos Treinamento para profissionais criativos Inovadores; Práticos; Rápidos; Professores com atuação reconhecida no mercado.

Leia mais

O seu parceiro na Gestão de Projetos e Manutenção

O seu parceiro na Gestão de Projetos e Manutenção O seu parceiro na Gestão de Projetos e Manutenção Índice 1. Introdução. 3 2. PROM&E GROUP.... 4 3. Building Management Organograma. 6 3.1 Project Management 7 3.2 Gestão Manutenção.. 16 3.3 Otimização

Leia mais

Incorporação de Business Angels e Venture Capital como accionista:

Incorporação de Business Angels e Venture Capital como accionista: Dossier de Imprensa Quem Somos Quem Somos Agile Content é uma empresa de tecnologia com soluções para gerenciamento de vídeo e Big Data Audience Management com modelo de Software (SaaS), nas quais permitem

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM LOGISTICA

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM LOGISTICA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM LOGISTICA ABERTURA A People & Skills foi criada para responder às necessidades de um mercado cada vez mais apostado em desenvolver e consolidar competências que garantem uma

Leia mais

Entrevista Álvaro Barbosa, Director da Faculdade. das Indústrias Criativas. da Universidade de São José

Entrevista Álvaro Barbosa, Director da Faculdade. das Indústrias Criativas. da Universidade de São José Correspondente especial Vanessa Amaro www.usj.edu.mo Formar talentos para contribuir para o sucesso das indústrias criativas em Macau Entrevista Álvaro Barbosa, Director da Faculdade das Indústrias Criativas

Leia mais

PROPOSTAS DE ESTÁGIOS HEALTH LINK PROJECT. Estudantes da Licenciatura em engenharia informática Licenciados em Engenharia Informática

PROPOSTAS DE ESTÁGIOS HEALTH LINK PROJECT. Estudantes da Licenciatura em engenharia informática Licenciados em Engenharia Informática PROPOSTAS DE ESTÁGIOS HEALTH LINK PROJECT Público-alvo: Estudantes da Licenciatura em engenharia informática Licenciados em Engenharia Informática Apresentação da Empresa: Gabinete I&D uma pequena associação

Leia mais

Conteúdo. Uma visão social. O que é? Dá certo? Custos. Recomendações. Apresentação Ricardo Gazoni Semiotic Systems. Software Livre Junho de 2011

Conteúdo. Uma visão social. O que é? Dá certo? Custos. Recomendações. Apresentação Ricardo Gazoni Semiotic Systems. Software Livre Junho de 2011 Conteúdo Uma visão social O que é? Dá certo? Custos Recomendações Apresentação Ricardo Gazoni Semiotic Systems Página 2 Uma visão social História da computação: o começo de tudo 1936 década de 40 Máquina

Leia mais

PESM PROJETO EU SOU DE MINAS PROPOSTA DE PARCERIA

PESM PROJETO EU SOU DE MINAS PROPOSTA DE PARCERIA PESM PROJETO EU SOU DE MINAS PROPOSTA DE PARCERIA Prestação de Serviço de Configuração de Portal de Cidade VISÃO GERAL PESM Projeto Eu Sou de Minas tem a satisfação de enviar esta proposta de serviços

Leia mais

BIS - Banco de Inovação Social

BIS - Banco de Inovação Social BIS - Banco de Inovação Social Natureza do BIS Missão do BIS Instrumentos do BIS Iniciativas e Programas do BIS Os Membros do BIS Orgânica Estratégico Executivo MEMBROS MEMBROS 5 Empresários inovadores

Leia mais

Barómetro das Profissões

Barómetro das Profissões Número 1T/2011 Período: 1 de Janeiro a 31 de Março Abril 2011 Realizado por Isabel Machado para IPAM Carreiras INTRODUÇÃO O presente Barómetro trimestral inserido na investigação do IPAM Carreiras pretende

Leia mais

Plano de Atividades 2014

Plano de Atividades 2014 Plano de Atividades 2014 Escola de Ciências Universidade do Minho 1. Missão A Escola de Ciências tem como missão gerar, difundir e aplicar conhecimento no âmbito das Ciências Exatas e da Natureza e domínios

Leia mais

O nosso desafio é o seu sucesso!

O nosso desafio é o seu sucesso! O nosso desafio é o seu sucesso! Clien tes de Refe rên cia Distribuição Construção Civil Industria Tecnologias Potenciamos o seu negócio A Empre sa. Somos uma empresa especializada na prestação de serviços

Leia mais

Empreender dentro e fora da empresa com o dms*

Empreender dentro e fora da empresa com o dms* Empreender dentro e fora da empresa com o dms* *dms- dynamic maps solution Prof. Wellington ATUAL Coordenador do MBA EM DESENVOLVIMENTO DE NEGÓCIOS NA ERA DIGITAL IBTA Professor de Pós ( IBTA e outras

Leia mais

DESIGN CENTRADO NO USUÁRIO. Caio Cesar

DESIGN CENTRADO NO USUÁRIO. Caio Cesar DESIGN CENTRADO NO USUÁRIO Caio Cesar Caio Cesar? Ensino / Pesquisa / Consultoria Comunicação online Marketing Design de Interação www.caiocesar.cc Tema de hoje Design Centrado no Usuário O quê? Por quê?

Leia mais

Outubro 2009. Carlos Eduardo Bizzotto Gisa Melo Bassalo Marcos Suassuna Sheila Pires Tony Chierighini

Outubro 2009. Carlos Eduardo Bizzotto Gisa Melo Bassalo Marcos Suassuna Sheila Pires Tony Chierighini Outubro 2009 Carlos Eduardo Bizzotto Gisa Melo Bassalo Marcos Suassuna Sheila Pires Tony Chierighini Sustentabilidade Articulação Ampliação dos limites Sistematização Elementos do Novo Modelo Incubação

Leia mais

AS MAIS RECENTES SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS, AGORA ACESSÍVEIS A TODAS AS EMPRESAS

AS MAIS RECENTES SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS, AGORA ACESSÍVEIS A TODAS AS EMPRESAS MAIS PRODUTIVIDADE E COMPETITIVIDADE AS MAIS RECENTES SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS, AGORA ACESSÍVEIS A TODAS AS EMPRESAS Oquesepretende? A iniciativa PME Digital visa contribuir para estimular a atividade económica

Leia mais

lusos Executivos of Graduate School of Business uniram-se para promover o programa de formação "China: estratégias para alcançar

lusos Executivos of Graduate School of Business uniram-se para promover o programa de formação China: estratégias para alcançar Executivos em Pequim lusos A Porto Business School, em parceria com a IE Business School (Madrid) e a Cheung Kong of Graduate School of Business uniram-se para promover o programa de formação "China: an

Leia mais

RELATÓRIO DE ANÁLISE. Edital Nº 04/2012 PROGRAMA RS TECNÓPOLE DE APOIO À INCUBADORAS DE BASE TECNOLÓGICA E DE INDÚSTRIA CRIATIVA APRESENTAÇÃO

RELATÓRIO DE ANÁLISE. Edital Nº 04/2012 PROGRAMA RS TECNÓPOLE DE APOIO À INCUBADORAS DE BASE TECNOLÓGICA E DE INDÚSTRIA CRIATIVA APRESENTAÇÃO RELATÓRIO DE ANÁLISE Edital Nº 04/2012 PROGRAMA RS TECNÓPOLE DE APOIO À INCUBADORAS DE BASE TECNOLÓGICA E DE INDÚSTRIA CRIATIVA APRESENTAÇÃO Gestor do Projeto Susana Maria Kakuta COREDE Conselho Regional

Leia mais

1 - Rádio Ocidente.pt, 29-10-2010, Mais de cem empresas criadas pela DNA Cascais desde 2006. 2 - Diário Económico, 28-10-2010, A não perder

1 - Rádio Ocidente.pt, 29-10-2010, Mais de cem empresas criadas pela DNA Cascais desde 2006. 2 - Diário Económico, 28-10-2010, A não perder Revista de Imprensa 08-11-2010 DNA 1 - Rádio Ocidente.pt, 29-10-2010, Mais de cem empresas criadas pela DNA Cascais desde 2006 2 - Diário Económico, 28-10-2010, A não perder 3 - Diário Económico, 28-10-2010,

Leia mais

VESTIBULAR 2015/1 INFORMAÇÕES SOBRE OS CURSOS

VESTIBULAR 2015/1 INFORMAÇÕES SOBRE OS CURSOS VESTIBULAR 2015/1 SELEÇÃO PARA CURSOS TECNICOS SUBSEQUENTES DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TOCANTINS 2015/1 INFORMAÇÕES SOBRE OS CURSOS CURSO TÉCNICO EM AGRIMENSURA Aprovado

Leia mais

Rua Comendador Raínho, 1192, 3700-231 S. João da Madeira Tlf.: +351 256 826 832/ 234 Fax: +351 256 826 252 geral@amrconsult.com www.amrconsult.

Rua Comendador Raínho, 1192, 3700-231 S. João da Madeira Tlf.: +351 256 826 832/ 234 Fax: +351 256 826 252 geral@amrconsult.com www.amrconsult. 1 s & amrconsult 2010 2 1- Enquadramento: No último estudo realizado pelo INE sobre em Portugal, conclui-se que Portugal é o terceiro país da EU com taxa de criação de empresas mais elevada (14,2%). No

Leia mais

PROPOSTAS DE ALGUMAS MEDIDAS CONCRETAS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL

PROPOSTAS DE ALGUMAS MEDIDAS CONCRETAS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL PROPOSTAS DE ALGUMAS MEDIDAS CONCRETAS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL 1 São muitas e variadas as soluções e medidas de apoio à competitividade empresarial. Na intervenção de abertura o Presidente da

Leia mais

Corporativo. Transformar dados em informações claras e objetivas que. Star Soft. www.starsoft.com.br

Corporativo. Transformar dados em informações claras e objetivas que. Star Soft. www.starsoft.com.br Corporativo Transformar dados em informações claras e objetivas que possibilitem às empresas tomarem decisões em direção ao sucesso. Com essa filosofia a Star Soft Indústria de Software e Soluções vem

Leia mais

Maria da Conceição Gonçalves Costa

Maria da Conceição Gonçalves Costa Maria da Conceição Gonçalves Costa Identificação pessoal Conceição Costa tem um Master of Arts in Business Communication and Public Relations pela European University (equivalência a grau de mestre pela

Leia mais

ÁREA A DESENVOLVER. Formação Comercial Gratuita para Desempregados

ÁREA A DESENVOLVER. Formação Comercial Gratuita para Desempregados ÁREA A DESENVOLVER Formação Comercial Gratuita para Desempregados Índice 8. Sobre nós 7. Como pode apoiar-nos 6. Datas de realização e inscrição 5. Conteúdos Programáticos 4. Objectivos 3. O Workshop de

Leia mais

AGÊNCIA DE MARKETING DE CONTEÚDOS - CATÁLOGO DE SERVIÇOS 2015 -

AGÊNCIA DE MARKETING DE CONTEÚDOS - CATÁLOGO DE SERVIÇOS 2015 - AGÊNCIA DE MARKETING DE CONTEÚDOS - CATÁLOGO DE SERVIÇOS 2015-1 2 INBOUNDWARE Somos uma Agência de Marketing de Conteúdos. Ajudamos as marcas a comunicar através de ferramentas online e offline. A nossa

Leia mais

Programa. Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012

Programa. Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012 Programa Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012 Programa Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012 3 Hemisfério esquerdo responsável pelo pensamento lógico e pela competência

Leia mais

Donauer Solar SyStemS o Seu parceiro certo.

Donauer Solar SyStemS o Seu parceiro certo. Donauer Solar Systems Solar Fotovoltaico Solar Térmico E-Mobility www.donauer.eu Donauer Solar SyStemS o Seu parceiro certo. 2 3 o Sol É a nossa inspiração. Tudo começa quando nos levantamos. Acendemos

Leia mais

Em colaboração com: GESTÃO DE EMPRESAS E NEGÓCIOS LEIRIA 2015 SETEMBRO E OUTUBRO. www.aese.pt/gen

Em colaboração com: GESTÃO DE EMPRESAS E NEGÓCIOS LEIRIA 2015 SETEMBRO E OUTUBRO. www.aese.pt/gen Em colaboração com: GESTÃO DE EMPRESAS E NEGÓCIOS GEN LEIRIA 2015 SETEMBRO E OUTUBRO www.aese.pt/gen BEM-VINDO AO GEN É com muito gosto que lhe apresentamos o GEN, criado pela AESE, numa perspetiva de

Leia mais

Neves & Freitas Consultores, Lda.

Neves & Freitas Consultores, Lda. A gerência: Cristian Paiva Índice 1. Introdução... 3 2. Apresentação... 4 2.2 Missão:... 4 2.3 Segmento Alvo... 4 2.4 Objectivos... 5 2.5 Parceiros... 5 2.6 Organização... 5 3. Organigrama da empresa...

Leia mais

TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO.

TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO. TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO. OneIT A gente trabalha para o seu crescimento. Rua Bento Barbosa, n 155, Chácara Santo

Leia mais

ATÓRIO OBSERV. mcf*(penso) julho/agosto 2013

ATÓRIO OBSERV. mcf*(penso) julho/agosto 2013 OBSERV ATÓRIO Outro dia, por mais uma vez, decidi que freqüentaria a uma academia. Como acabei de me mudar de casa, busquei no Google maps do meu celular por Academia e de imediato diversos pontinhos vermelhos

Leia mais