DIAGRAMA DE INTERLIGAÇÃO DE AUTOMAÇÃO EXXA -SL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DIAGRAMA DE INTERLIGAÇÃO DE AUTOMAÇÃO EXXA -SL"

Transcrição

1 QUIPMNTOS ONTROLOS XX SL (L44) - RJ4- /SNSORS - IM SOPOR XX SL (L44) - RJ4- /SNSORS - IM MUTIR IRM INTRLIÇÃO UTOMÇÃO XX -SL 3 0// INTIIÇÃO OS SNSORS UMI PRSSÃO /03/4 LTRÇÃO LIÇÃO ONT RT 0 8/03/ T INIIL MOTIVO LOUV 73 LOUV 73 VR. /7 ÍNI /7 LY-OUT PORT O IRM RL LY-OUT LIMIMNTÇÃO O OMUNIÇÃO IRM INTRLIÇÕS O MÓULO MP-0 /0/3 LTRÇÃO O LYOUT LIÇÃO aniel /7 LIST MTRIIS 3/7 4/7 /7 7/7 LY-OUT O LIST PRIÉRIOS SQUM LIÇÃO T TUL 0// IRM INTRLIÇÃO 07/04/0 P-SQ-3I-00-R03.VS 03 P 0/ / Q-0

2 NOTS NOT : INTIIR N PRT XTRN O S ONXÕS + O PS. 8mm 30mm 7,0mm 7,0mm 7mm XX-SL PS 30mm VIST RONTL XTRN VIST RONTL INTRN mm 3mm T TUL 0// LY-OUT PORT O 07/04/0 P-SQ-3I-00-R03.VS 03 :, / / Q-0

3 ON S S S3 S4 S 0 S S mm NOTS 3mm 8mm NOT : S NTRS SÍS NLÓIS OMUNIÇÃO POM SR PSSOS NUM MSM TUULÇÃO, PORÉM SPROS IRUITOS IITIS. 0mm TR RT/ 4mm NOT : S NTRS SÍS IITIS POM SR PSSOS NUM MSM TUULÇÃO, JUNTMNT OM IRUITOS M 0Vac. 80mm NOT 3: PRVR TRILO TS3 PR IXÇÃO OS ONTROLORS. X30 mm 80mm MP mm 89mm L/ IM - mm NTR POTÊNI VIST RONTL INTRN NTR SINIS NLÓIOS T TUL 0// LY-OUT O 07/04/0 P-SQ-3I-00-R03.VS 03 :, / / Q-0

4 TR 0/4/4Vac 0V 4V 0V 3 4 0V 4V 0V RT S S 8 VM 9 4 RT S3 S4 0Vdc L. 3/ 7 0 VM 4Vdc L. 3/ 7 0 0,, 4 IM - ONXÃO PR IM TOU () L () L 4 N L L MP-xx 4Vac RS48 SUP. OM. I RJ4 PR TORIO (/) 00 N LIMNTÇÃO 0Vac S+NUTRO+TRR P US OM. SUPRVISÃO NTR ML ML US OM. SUPRVISÃO SÍ T TUL 0// IRM RL LIMNTÇÃO OMUNIÇÃO 0 07/04/0 P-SQ-3I-00-R03.VS 03 3/ / Q-0

5 T S NL NL - NL 3 0Vdc L. / Vcc Vcc S-0 3 MP-0 S S-0 S-0 S-03 S-04 S-0 R PL Vdc L. / RI VM R liente Loop - Loop m OUT N Vcc R quip LIÇÃO S-0 S-0 4~0m.. 4~0m.. 0~00% ~0m SINL 000 T TUL - - 0// PRIÉRIOS -0~ ~0m.. 4~0m.. -00~00 Pa UMI RLTIV MT-0 TMPRTUR T-0 PRSSÃO IRNIL PT-0 IRM INTRLIÇÕS O MÓULO MP-0 07/04/0 P-SQ-3I-00-R03.VS 03 4/ / Q-0 ONIURVL ONIURVL VISTO VISTO MPO SUPR OMISSION.

6 LIST MTRIIS ITM QT UNI. INTIIÇÃO SRIÇÃO MOLO / R. ÓIO MIROLU INT Q-0 OMPLTO 300X0X0 Q M0.M9 STK ~ ORN USÍVL SRSI 4 T3-0 PONIX MNO 3 ORN OMNO SR, T PONIX MNO 4 RT-/ ORN OMUNIÇÃO SR, T PONIX MNO PL RTIIOR TNSÃO SX040 SÍS SX L4. MIROLU TR TRNSORMOR 0/4/4V 0/0V 30.0.M.8 PRLU 7 IM OR RJ4 / ORNS IXO RJ4/ORNS 30.4.L0. MIROLU 8 MP-0 ONTROLOR MIROPROSSO PU 00 X PLÁSTI L.44 MIROLU IM TOU XX-SL P09-L03-T0-OP03-M0-M0 SOPOST INOX PQ 44X9MM MIROLU IM TOU XX-SL P09-L03-T0-OP03-M0-M0 MUTI INOX PQ 44X9MM MIROLU R POST PR TRILO IN TS -007 PONIX MNO R POST PR TRILO IN TS PONIX MNO 3 - IT UPL UPL I-O30 3M 4 ITM VM SIMOLOI LN OS SRIÇÃO INO LXÍVL 70V #,0mm² (/) NTI-M INO LXÍVL 70V #,0mm² () NTI-M INO LXÍVL 70V #,0mm² () NTI-M O PR TORIO x0,mm² (/) O PR TORIO x0,mm² (/) O PR TORIO x0,mm² OM LINM - R. POLIRON 0M INO SINLO LXÍVL,0mm² () - R. PIRLLI PIRSTI NTILM O PR TORIO x0,mm² - R. POLIRON 0M O TRIO TORIO 3x0,mm² - R. POLIRON 30M R PLIÇÃO S () / NUTRO () NTR IITIS 0Vac SÍS IITIS NTRS SÍS NLÓIS OMUNIÇÃO O US NTRS SÍ IITIS IRUITOS M 0Vac SNSORS NLÓIOS SNSORS NLÓIOS / VÁLVULS INTRLIÇÕS INTRNS INTRLIÇÕS XTRNS NOMNLTURS Q - UTOMÇÃO R ONIIONO MP - MÓULO PRINIPL M - MÓULO XPNSÃO - ORN ÚSIVL TR - TRNSORMOR - NTR NLÓI S - SÍ NLÓI - NTR IITL S - SÍ IITL - LOO OMUNIÇÃO - LOO NLÓIO - LOO IITL R - RÉU ORNS RI - RÉU ORNS INTRN (UTOMÇÃO) T - SNSOR TMPRTUR - TRNSMISSOR PRSSÃO MT - TRNSMISSOR UMI MTT - TRNSM. UMI SNSOR TMPRTUR ONJUOS IM - INTR OMM MÁQUIN T TUL 0// LIST MTRIIS, LNS OS NOMNLTURS 07/04/0 P-SQ-3I-00-R03.VS 03 / / Q-0

7 LIST PRIÉRIOS ITM QT UNI. INTIIÇÃO SRIÇÃO MOLO / R. ÓIO MIROLU INT T-0/MT-0 TRT UTO ONTMP UR T 000 S0 S K37.M8 ONTMP PT-0 TRNSM. PRSSÃO IRNIL K39.I WIK T TUL 0// LIST PRIÉRIOS 07/04/0 P-SQ-3I-00-R03.VS 03 / / Q-0

8 O LIMNTÇÃO 0V + TRR OS RJ4 L L orneira RS48 Orientativo de crimpagem RJ4 TRR IM N RJ4 OR IM LR/ LIM. + O LIMTÇÃO,MM LR LIM. - 3 V/ N 4 LIM. + / LIM. - V N 7 MR/ 48 (-) 8 MR 48 (+) T TUL 0// SQUM LIÇÃO 07/04/0 P-SQ-3I-00-R03.VS 03 7/ / / / Q-0

NESS-A TOUCH SCREEN 7" C/ MODEM

NESS-A TOUCH SCREEN 7 C/ MODEM 6 7 8 9 0 QUIPMNTOS ONTROLOS OMPRSSOR LTRNTIVO // LTRÇÃO LYOUT-IM MUTI PR SOPOST OTÃO MRÊNI LLN9 0 07/0/ LTRÇÃO O MOM O LYOUT LOUV 7 0 06// INLUSÃO O ORINTTIVO O LÇO OMUNIÇÃO IO V. 00 8/0/ INIIL TOS R.

Leia mais

8/8 6/8 5/8 4/8 3/8 2/8 1/8 LAY-OUT DO QUADRO FOLHA 2 LAY-OUT DO QUADRO FOLHA 1 MOTIVO ÉRITON S. VER.

8/8 6/8 5/8 4/8 3/8 2/8 1/8 LAY-OUT DO QUADRO FOLHA 2 LAY-OUT DO QUADRO FOLHA 1 MOTIVO ÉRITON S. VER. 3 4 6 7 8 9 ÁR S MÁQUIN QUIPMNTOS ONTROLOS STÁIOS À 8/8 NOTS, LN OS NOMNLTURS 7/8 LIST PRIÉRIOS 3 7/04/ LTRÇÃO OS USÍVIS, NOTS, LNS OS LIST MTRIIS TOS 77 6/8 /8 4/8 LIST MTRIIS IRM INTRLIÇÕS O MÓULO M-0.

Leia mais

DIAGRAMA DE INTERLIGAÇÃO DE AUTOMAÇÃO NESS LRC MULTILINHAS C/ IHM

DIAGRAMA DE INTERLIGAÇÃO DE AUTOMAÇÃO NESS LRC MULTILINHAS C/ IHM 4 5 6 7 8 9 0 QUIPNOS ONROLOS 5 LINS RSRIOS OU LINS ONLOS LIN RSRIOS IR INRLIÇÃO UOÇÃO NSS LR ULILINS O I 8 0/0/5 URÇÃO LRÇÃO OS UNIUS, RPOSIIONNO O POLI LRÇÂO N LIS RIIS LOUV 7 7 0/0/5 LRO O LYOU, SUSIUIO

Leia mais

DIAGRAMA DE INTERLIGAÇÃO DE AUTOMAÇÃO NESS P2 COM SENSORES NESS P2 SEM SENSORES

DIAGRAMA DE INTERLIGAÇÃO DE AUTOMAÇÃO NESS P2 COM SENSORES NESS P2 SEM SENSORES 0 QUIPMTOS OTROLOS OMPRSSOR PRUSO IRM ITRLIÇÃO UTOMÇÃO 0.0.. SS P OM SSORS 0.0..0 SS P SM SSORS /0/ ILUSÃO O MOLO SM SSORS 0/0/ LTRÇÃO MR O TRSUTOR ORRT URO URO /0/ RVISÃO S IMSÕS O LYOUT /0/ LTRÇÃO O

Leia mais

+12V. 0.1uF/ 100V RL4 :A ULN2003A C3 3 U1:D LIGA/ DESLIGA CARREGADOR. 10uF/ 16V C2 4 1N4148 D1 1 1N K GND 10K BC337 R2 5 CRISTAL DE 2 0 MHZ

+12V. 0.1uF/ 100V RL4 :A ULN2003A C3 3 U1:D LIGA/ DESLIGA CARREGADOR. 10uF/ 16V C2 4 1N4148 D1 1 1N K GND 10K BC337 R2 5 CRISTAL DE 2 0 MHZ ДХILUIR P/ LRR RL_ R To l. er a l es. Num. QU M PRVR IOO P O RROR MIOR V R LMJ U: UZZR R 0 ILUIR P M PRLLO OM ONTTO O RL 0.u/ 00V V R 0 0 R 0 verm elho U: ULN00 U: LMJ 0 ULN00 U: LI/ LI RROR V N R 0u/

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS COLHEDORA DE CAPIM. Rev /01

CATÁLOGO DE PEÇAS COLHEDORA DE CAPIM. Rev /01 TÁLOO PÇS Rev. 0.0/0 OLOR PIM N 00 Implementos Netz Ltda. one: () -7 / -00 ndereço: RS, KM, - ao lado da O do rasil Santa Rosa - RS ÍNI N00 (VISÃO RL OLOR PIM) 0 N00 (LIST PÇS OLOR PIM) 0 N0 (J MT I) 0

Leia mais

TCC COBERTURA S/ ESC PROF. DR. CARLOS EDUARDO DIAS COMAS

TCC COBERTURA S/ ESC PROF. DR. CARLOS EDUARDO DIAS COMAS T RTUR / PRF. R. RL UR I M 1/8 R. PR WI RVIÇ UITÓRI PÁTI RVIÇ PÁTI RVIÇ RR LH RI P Ç XP IÇÕ ITR TRUÇÃ UM T P Ç IÇÕ M LG M IT M ÁRI ULI IT FMI ÁRI I XP F IL P Ç XP IÇÕ MU U XP IÇ IT P V. M RR Õ LHR RR I

Leia mais

ADESIVO PARAFUSO TRANSPORTE 2 7

ADESIVO PARAFUSO TRANSPORTE 2 7 9 0 Nº O ITM Nº PÇ QT. 0.00. - STRUTUR RVISÃO 0 0 N.. LOLIZÇÃO SRIÇÃO - RTIR O ONJUNTO MORTOR RONTL 0 T SOLIITO POR MOIIO POR 9/0/0 GUILHRM RNNO - SI 0.00.(x) / NTR 0.00.(x) 09/0/0 RNNO RNNO 0.00. - RLO

Leia mais

Rev /00. Metalúrgica Netz Ltda. Fone/FAX: (55) Endereço: RS 344, KM 43,5 - ao lado da AGCO do Brasil. Santa Rosa - RS.

Rev /00. Metalúrgica Netz Ltda. Fone/FAX: (55) Endereço: RS 344, KM 43,5 - ao lado da AGCO do Brasil. Santa Rosa - RS. TÁLOO PÇS Rev. 05.2013/00 ROÇIR Metalúrgica Netz Ltda. one/x: (55) 3511-1500 ndereço: RS 344, KM 43,5 - ao lado da O do rasil. Santa Rosa - RS. ÍNI R 1,3 (VISÃO RL ROIR RIOL 1300) 01 R 1,3 (LIST PÇS ROIR

Leia mais

ANEXO II MODELO DE PROPOSTA

ANEXO II MODELO DE PROPOSTA Plnih01 ANEXO II MODELO DE PROPOSTA Lot Itm Dsrição Uni 1 2 3 4 5 Imprssão CARTAZ: Formto A4, 21x29,7 m, Ppl rilo, 120 g/m² Nº ors: 4/0 ors. Qunti Rgistrr: 6.000 Imprssão CARTAZ: Formto A4, 21x29,7 m Ppl

Leia mais

TABELA DE PREÇOS E OPÇÕES - ANEXO 1

TABELA DE PREÇOS E OPÇÕES - ANEXO 1 ONTRTO PRSTÇÃO SRVÇOS PN Pendências inanceiras UN TL PRÇOS OPÇÕS NXO 1 ste anexo é parte integrante do contrato assinado entre a ONTRT e a ONTRTNT, referente à prestação de serviço do PN e será de uso

Leia mais

Politiska riktlinjer, avsnitt 2 En stنndigt f rنnderlig vنrld

Politiska riktlinjer, avsnitt 2 En stنndigt f rنnderlig vنrld Politiska riktlinjer, avsnitt 2 En stنndigt f rنnderlig vنrld i~éé هê pلا o~ا cêëن~ضëëي نن~êة aلëيêلâي vêâ~هاة cêةاê~ض~هاةë êâ~هاة M m~êيلëي êةنëةه _لر~ننيلننâ~éليةنOلêلâينلهàةêه~ T OT _لر~نن _لر~نن نêا~ضOEâ~éليةنOFKاçإ

Leia mais

VAGA VIVA 3 ESTRATÉGIA. GARAGEM (1º e 2ºpav) LUCAS PICCOLI WEINMANN. parking loft em Porto Alegre. Avenida Mauá. Rua General Câmara 02.

VAGA VIVA 3 ESTRATÉGIA. GARAGEM (1º e 2ºpav) LUCAS PICCOLI WEINMANN. parking loft em Porto Alegre. Avenida Mauá. Rua General Câmara 02. Trss rso Loro Tr R rl âmr R sso o Nsmto R Sqr mpos 1:250 STUÇÃO TUL 20m PLNTÇÃO prk lot m Porto lr LOLZÇÃO 1 LUS POL WNNN Urs rl o Ro r o Sl Trlho olsão rso 2014.1 Ortor rt Pxoto Púlo pês Sls rm Lojs r

Leia mais

ES. 61 ES. 62 ES. 63 ES. 64 ES. 65 ES. 70 ES. 71 ES. 72 ES. 73 ES. 80 ES. 81 ES. 82 ES. 83 ES. 84 ES. 106 ES. 105 PS. 55 PS. 54

ES. 61 ES. 62 ES. 63 ES. 64 ES. 65 ES. 70 ES. 71 ES. 72 ES. 73 ES. 80 ES. 81 ES. 82 ES. 83 ES. 84 ES. 106 ES. 105 PS. 55 PS. 54 2013 ES. 61 ES. 62 ES. 63 ES. 64 ES. 65 ES. 70 ES. 71 ES. 72 ES. 73 ES. 80 ES. 81 ES. 82 ES. 83 ES. 84 ES. 106 ES. 105 PS. 55 PS. 54 PS. 75 PS. 74 PS. 76 ES. 78 ES. 79 ES. 40 ES. 41 ES. 44 ES. 42 ES. 43

Leia mais

RESOLUÇÃO DE EQUAÇÕES POR MEIO DE DETERMINANTES

RESOLUÇÃO DE EQUAÇÕES POR MEIO DE DETERMINANTES RESOLUÇÃO DE EQUAÇÕES POR EIO DE DETERINANTES Dtrmt um mtrz su orm Sj mtrz: O trmt st mtrz é: Emlo: Vmos suor o sstm us quçõs om us óts y: y y Est sstm quçõs o sr srto orm mtrl: y Est qução r três mtrzs:.

Leia mais

CERTIFICADO DE GARANTIA GUARDA ROUPA VIENA

CERTIFICADO DE GARANTIA GUARDA ROUPA VIENA INDÚSTRI OMÉRIO D MÓVIS MRX LTD Rua Laurindo Schaker, 614 airro Santa Rita P 89.900-000 x.postal 361 São Miguel do Oeste-S Fone +55 49 3631 3950 www.maxelmoveis.com.br maxel@maxelmoveis.com.br RTIFIDO

Leia mais

Índice KF-017 DBL P / KF-017 DBL PC / KF-017 DS P / KF-017 DS PC / KF-111 DB P / KF-111 DS P 22 - KF-052 P / KF-052 PC / KF-057 P / KF-057 PC

Índice KF-017 DBL P / KF-017 DBL PC / KF-017 DS P / KF-017 DS PC / KF-111 DB P / KF-111 DS P 22 - KF-052 P / KF-052 PC / KF-057 P / KF-057 PC TÁLOO PROUTOS - 2014 pág Índice 01 - Sistema de ixação Rápida / orça de Retenção rampo Vertical 02 - K-631 / K-631 I / K-631 R / K-631 RI / K-631 L / K-631 IL / K-631 RL / K-631 RIL K-010 / K-010 R / K-011

Leia mais

Prgrmçã O Mu s u Év r, p r l ém f rcr s s i g ns «vi s i t s cl áss i cs» qu cri m s p nt s c nt ct nt r s di v rs s p úb l ic s qu vi s it m s c nt ú d s d s u ri c s p ó l i, p r cu r, c nc m i t nt

Leia mais

P R E G Ã O P R E S E N C I A L N 145/2010

P R E G Ã O P R E S E N C I A L N 145/2010 P R E G Ã O P R E S E N C I A L N 145/2010 D A T A D E A B E R T U R A : 2 9 d e d e z e m b r o d e 2 0 1 0 H O R Á R I O : 9:0 0 h o r a s L O C A L D A S E S S Ã O P Ú B L I C A: S a l a d a C P L/

Leia mais

APARADOR BUFFET RETRÔ 90

APARADOR BUFFET RETRÔ 90 TEÇÃ ESTE PRUT Ã PE SER RRST PRR UET RETRÔ 90 ESÕES PRUT / ESS PRUT L / W X P/ X / H - 800 x 4 x 762 12 2 11 1 2 11 1 13 S: TS S PEÇS SÃ UERS. EX: 1915X-X (nº da peça) US ESPES LPEZ- Pano limpo umedecido

Leia mais

DIMENSÕES DO PRODUTO / DIMENSIONS PRODUCT F2 11

DIMENSÕES DO PRODUTO / DIMENSIONS PRODUCT F2 11 RK RTRÔ 85 INSÕS RUT / INSINS RUT L / W x / x / - 1620 x 388 x 547 TNÇÃ: VÍ NTG ISNÍVL N SIT www.olivar.com.br TNÇÃ ST RUT NÃ SR RRST S: TS S ÇS SÃ NURS. X: 1915X-X 05 (nº da peça) 3 3 2 1 03 08 1 05 UIS

Leia mais

A CANTONEIRA ABAS IGUAIS PESO ( Kg ) Milimetro Polegada Barra 6 m A C A C CT-001 0,600 12,70 1,20 1/2" CT-005 0,740 15,87 1,20 5/8" CT-007 0,890 19,05 1,20 3/4" CT-015 0,790 25,40 0,90 1" CT-016 0,980

Leia mais

REGULADOR PROPORCIONAL DE PRECISÃO SERIE REGTRONIC

REGULADOR PROPORCIONAL DE PRECISÃO SERIE REGTRONIC REGULDOR PROPORIONL DE PREISÃO SERIE REGTRONI Os reguladores proporcionais de pressão da serie REGTRONI feitos para regular com muita precisão a pressão de um projeto, com valores variáveis em função do

Leia mais

MESTRADO INTEGRADO EM ENGENHARIA INFORMÁTICA E COMPUTAÇÃO EIC0011 MATEMÁTICA DISCRETA

MESTRADO INTEGRADO EM ENGENHARIA INFORMÁTICA E COMPUTAÇÃO EIC0011 MATEMÁTICA DISCRETA 1. Tm 40 livros irnts qu vi gurr m 4 ixs ors irnts, olono 10 livros m ix.. Qunts possiilis tm istriuir os livros pls ixs irnts? Justiiqu.. Suponh gor qu tinh 60 livros. Qunts possiilis pr os olor ns 4

Leia mais

A CANTONEIRA ABAS IGUAIS PESO ( Kg ) Milimetro Polegada Barra 6 m A C A C CT-001 0,600 12,70 1,20 1/2" CT-005 0,740 15,87 1,20 5/8" CT-007 0,890 19,05 1,20 3/4" CT-015 0,790 25,40 0,90 1" CT-016 0,980

Leia mais

ERROS ESTACIONÁRIOS. Controle em malha aberta. Controle em malha fechada. Diagrama completo. Análise de Erro Estacionário CONSTANTES DE ERRO

ERROS ESTACIONÁRIOS. Controle em malha aberta. Controle em malha fechada. Diagrama completo. Análise de Erro Estacionário CONSTANTES DE ERRO ERROS ESTACIONÁRIOS Control Mlh Abrt Fhd Constnts d rro Tios d sistms Erros unitários Exmlo Control m mlh brt Ação bási, sm rlimntção A ntrd do ontroldor é um sinl d rrêni A síd do ontroldor é o sinl d

Leia mais

Mérito Desenvolvimento Imobiliário I FII. Fundo de Investimento Imobiliário

Mérito Desenvolvimento Imobiliário I FII. Fundo de Investimento Imobiliário 03 09 10 11 13 15 16 18 20 22 24 26 28 29 31 33 02 1. Imobiliário I 03 1. Imobiliário I 04 1. Imobiliário I 05 1. Imobiliário I 06 1. Imobiliário I 07 1. Imobiliário I 1. LANÇAMENTO 2. OBRAS 3. CONCLUÍDO

Leia mais

CD CORAÇÃO DA NOIVA - 1. O SENHOR É BOM INTR:E D A/C# C7+ B E D A/C# O SENHOR É BOM C7+ B E SEU AMOR DURA PARA SEMPRE ELE É BOM...

CD CORAÇÃO DA NOIVA - 1. O SENHOR É BOM INTR:E D A/C# C7+ B E D A/C# O SENHOR É BOM C7+ B E SEU AMOR DURA PARA SEMPRE ELE É BOM... C CORÇÃO NOIV - 1. O SNHOR É OM INTR: /C# C7+ /C# O SNHOR É OM C7+ SU MOR UR PR SMPR L É OM... Letra e Música: avi Silva C CORÇÃO NOIV - 2. SNTO É O TU NOM M TO TRR S OUVIRÁ UM NOVO SOM UM CNÇÃO MOR PRCORRRÁ

Leia mais

A Função Densidade de Probabilidade

A Função Densidade de Probabilidade Prof. Lorí Vili, Dr. vili@mt.ufrgs.r http://www.mt.ufrgs.r/~vili/ Sj X um vriávl ltóri com conjunto d vlors X(S). S o conjunto d vlors for infinito não numrávl ntão vriávl é dit contínu. A Função Dnsidd

Leia mais

PROFIBUS-DP / INTERBUS-S IP 65

PROFIBUS-DP / INTERBUS-S IP 65 N U M T I ROIUS- / TRUS-S I 65 om sua construção robusta e proteção I65, este módulo bus pode ser montado diretamente no lado externo da máquina ou sistema sem a necessidade de proteção adicional. Sensores

Leia mais

1 3Centrs e PP esq is II DD C n MM n Astr l i Astri C h i n Re. C h e H n g K n g F i n l n i I n i F rn 0 4 C n I n n si Al e m n h E st s U n i s I

1 3Centrs e PP esq is II DD C n MM n Astr l i Astri C h i n Re. C h e H n g K n g F i n l n i I n i F rn 0 4 C n I n n si Al e m n h E st s U n i s I 1 3Mr P e re s, R e s e r h D i re t r I D C B rs i l Br 0 0metr Cis e Bn L rg n Brsil, 2005-201 0 R e s l t s P ri m e i r T ri m e s t re e 2 0 0 7 Prer r Prer r Met e Bn Lrg em 2 0 1 0 n Brs i l : 10

Leia mais

1. COMPONENTES PARA REBOQUE E CISTERNA 1.1. COMPONENTES PARA REBOQUE PEÇAS E ACESSÓRIOS PARA MÁQUINAS AGRÍCOLAS. Página 11 de 123

1. COMPONENTES PARA REBOQUE E CISTERNA 1.1. COMPONENTES PARA REBOQUE PEÇAS E ACESSÓRIOS PARA MÁQUINAS AGRÍCOLAS. Página 11 de 123 1. OMPONNTS PR ROQU ISTRN 1.1. OMPONNTS PR ROQU PÇS SSÓRIOS PR MÁQUINS RÍOLS Página 11 de 123 1.1. OMPONNTS PR ROQU OLHL PR NT ROQU máxima rebocável inâmica 00575 - Não certificada 84 29 100 30 109 M24

Leia mais

< ()& : 555>?

< ()& : 555>? P Ú s Pr s t Pr t Pr r str Pr ss t át P q çõ s r ç s çõ s s é s r r t r Pr r sé rt r P Ú s Pr s t Pr t Pr r str Pr ss t át P q çõ s r ç s çõ s s é s r ss rt çã r s t rt s r q s t s r t çã tít str t r r

Leia mais

Módulo de Controle de Acesso. Manual de Instalação.

Módulo de Controle de Acesso. Manual de Instalação. Módulo de Controle de Acesso Manual de Instalação www.commbox.com.br ÍNDICE VISÃO GERAL DO SISTEMA...3 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS....4 CONEXÕES PLACA MCA10... 5 PINAGEM DAS PORTAS DA MCA10... 7 DESCRIÇÃO

Leia mais

FORD C-MAX + FORD GRAND C-MAX CMAX_Main_Cover_2014_V3.indd 1-3 23/08/2013 10:01:48

FORD C-MAX + FORD GRAND C-MAX CMAX_Main_Cover_2014_V3.indd 1-3 23/08/2013 10:01:48 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 12,999,976 km 9,136,765 km 1,276,765 km 499,892 km 245,066 km 112,907 km 36,765 km 24,159 km 7899 km 2408 km 76 km 12 14 16 9 10 1 8 12 7 3 1 6 2 5 4 3 11 18 20 21 22 23 24 26 28 30

Leia mais

Módulo de Controle de Acesso. Manual de Instalação.

Módulo de Controle de Acesso. Manual de Instalação. Módulo de Controle de Acesso Manual de Instalação www.commbox.com.br ÍNDICE VISÃO GERAL DO SISTEMA...3 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS....4 CONEXÕES PLACA MCA10... 5 PINAGEM DAS PORTAS DA MCA10... 7 DESCRIÇÃO

Leia mais

Unidut Cônico (UC) para terminal de eletroduto rígido ou flexível tipo Sealtubo (S.P.T.F. ou Tecnoflex) 1 1/4 a 2 2 1/2" a 4" Abrigada Ao tempo 1/2

Unidut Cônico (UC) para terminal de eletroduto rígido ou flexível tipo Sealtubo (S.P.T.F. ou Tecnoflex) 1 1/4 a 2 2 1/2 a 4 Abrigada Ao tempo 1/2 Unidut Reto (UR) para emendas de eletrodutos rígido c/ rígido brigada o tempo / UR 0- URT 0- UR 0- URT 0- UR 00- URT 00- / UR 0- URT 0- / UR - URT - UR 0- URT 0- / UR - URT - UR 00- URT 00-00 UR 0- URT

Leia mais

Latim-runas NUMERO 5:511 Sabbadrh-BQ de dezembro de O Fundador,

Latim-runas NUMERO 5:511 Sabbadrh-BQ de dezembro de O Fundador, 1 -\(^" - UR 11 S-Q 19 - F &-(P U? y - » T D!! &Jj / P - J óó PUÇS - PU-S QURTS-ÊHS SDS - - - 1 ñ 9 1 f - - - õ j w-- 1 PRSS PP D V F* " õ» -í ( (- f õ ~ f õí ( 1 " ÍÍÉ- f S J J &/ j - f f f j S f P-!

Leia mais

Eu sou feliz, tu és feliz CD Liturgia II (Caderno de partituras) Coordenação: Ir. Miria T. Kolling

Eu sou feliz, tu és feliz CD Liturgia II (Caderno de partituras) Coordenação: Ir. Miria T. Kolling Eu su iz, s iz Lirgi II (drn d prtirs) rdnçã: Ir. Miri T. King 1) Eu su iz, s iz (brr) & # #2 4. _ k.... k. 1 Eu su "Eu su iz, s iz!" ( "Lirgi II" Puus) iz, s _ iz, & # º #.. b... _ k _. Em cm Pi n cn

Leia mais

Em vigor desde 03/07/2015 Máquinas e Ferramentas - 1 / 20 TABELA DE PREÇOS 3490270 MA0416 TOCHA MIG PLUS 14 2,5MT UN 70,00 1

Em vigor desde 03/07/2015 Máquinas e Ferramentas - 1 / 20 TABELA DE PREÇOS 3490270 MA0416 TOCHA MIG PLUS 14 2,5MT UN 70,00 1 Em vigor desde 03/07/2015 Máquinas e Ferramentas - 1 / 20 3490270 MA0416 TOCHA MIG PLUS 14 2,5MT UN 70,00 1 3490271 MA0417 TOCHA MIG PLUS 14 3MT UN 75,00 1 3490290 MA7043 TOCHA MIG ERGOPLUS 15 3MT UN 80,00

Leia mais

Sistemas de Perfis Verticais para Espaços Comerciais

Sistemas de Perfis Verticais para Espaços Comerciais Sistemas de Perfis Verticais para Espaços Comerciais Paralelo é um sistema de perfis versátil e elegante, ideal para projectar espaços comerciais. Diferentes postes e poleias permitem criar soluções apelativas

Leia mais

SUMÁRIO TEMPERADO - 10MM BOX FRISADO...16

SUMÁRIO TEMPERADO - 10MM BOX FRISADO...16 SUMÁRIO TEMPERADO - 08MM... 8 TEMPERADO - 10MM... 11 STANDART - 08MM... 13 STANDART - 10MM... 14 BOX LISO...15 BOX FRISADO...16 GRADIL... 18 FACHADA CORTINA... 22 FACHADA OMEGA... 23 FACHADA PELE DE VIDRO

Leia mais

geometria descritiva exercícios eber nunes ferreira geometria descritiva

geometria descritiva exercícios eber nunes ferreira geometria descritiva exercícios RPRSNTÇÃO TRIÉRI SÓLIOS SÓLIOS PÁGIN 01 SÇÃO PLN / SÓLIOS PÁGIN 27 RIR GRNZ SÇÃO PLN PÁGIN 54 RÍIOS PLNIFIÇÃO PÁGIN 73 2 RPRSNTÇÃO TRIÉRI SÓLIOS MPLO UO POIO PL S () NO PH UO OM S () ISTNT 1,0

Leia mais

Edge. Perfil Perfil de alumínio anodizado com acabamento mate e fonte de luz LED integrada. Design: O/M

Edge. Perfil Perfil de alumínio anodizado com acabamento mate e fonte de luz LED integrada. Design: O/M Edge Design: O/M A Edge oferece uma luz intensa numa forma compacta e elegante. Discreta, moderna e facilmente integrável em qualquer espaço, a Edge apresenta as mesmas características ilimitadas, modulares

Leia mais

CUBO DISCO REUNIDOR CENTRACANA - CTC DIREITOS RESERVADOS LEI 5772 DE 21/12/1971. Produto: S/E A3 01/22

CUBO DISCO REUNIDOR CENTRACANA - CTC DIREITOS RESERVADOS LEI 5772 DE 21/12/1971. Produto: S/E A3 01/22 0 0 9 0 enominação: IREITOS RESERVOS LEI 77 E //97 UO ISO REUNIOR ENTRN - T S/E 0/ 80 80 00 00 0 9 0 0 9 9 0 UO ISO REUNIOR 0 80 80 8 80 enominação: IREITOS RESERVOS LEI 77 E //97 HSSI ESPONTOR ENTRN -

Leia mais

ITMAX SOLUÇÃO DATA CENTER

ITMAX SOLUÇÃO DATA CENTER ITMAX SOLUÇÃO DATA CENTER DATA CENTER A Furukawa apresenta a solução ITMAX para Data Center, com produtos especialmente desenvolvidos para atender este mercado que requer componentes de alta performance.

Leia mais

I c V bc C bc I ce I b I bc I be I cf I cf V be C be I e v i =I BE c (t) s exp(v in /V T ) 3 2.5 2 I c (A) 1.5 1 0.5 0 0.75 0.8 0.85 0.9 0.95 1 V BE (V) Vcc I_Probe Vcc V_DC Vdc=1.0 V Bloqueio DC BJT_NPN

Leia mais

Módulo Expansor de Barramento

Módulo Expansor de Barramento Descrição do Produto O módulo, integrante da Série Ponto, possibilita a expansão dos sinais de dados, endereços e alimentação de um barramento GBL, caso seja necessário fazer a partição física de um barramento

Leia mais

30/04/2012 SERCOMTEL - RBR 2011 - Bens Móveis 1 de 287

30/04/2012 SERCOMTEL - RBR 2011 - Bens Móveis 1 de 287 A - Equipamentos de Comutação Pública - Digital EQUIP.EAR - ENGINE ACCESS RAMP Cambé PR 202.547,80 95.008,78 A - Equipamentos de Comutação Pública - Digital EQUIP.EAR - ENGINE ACCESS RAMP Cambé PR 203.477,78

Leia mais

Conectores de Passagem (Parafuso) Conectores Terra (Parafuso) Conectores Porta-Fusível (parafuso) Condicionadores / Isoladores de Sinais

Conectores de Passagem (Parafuso) Conectores Terra (Parafuso) Conectores Porta-Fusível (parafuso) Condicionadores / Isoladores de Sinais Conectores de Passagem (Parafuso) (Mola - Trilho TS 3) Trilho Passo Tensão / Flexível Rígido Bege Azul Corrente (mm 2 ) (mm 2 ) SAK 2, EN C026.0 C904897.60 TS32 00V/24A- 0,...4 0,...4 TS3 800V/24A SAK

Leia mais

Controladores Lógicos Programáveis - CLPs. Interfaces de comunicação - IHMs. Servomotores & Drivers. Panasonic

Controladores Lógicos Programáveis - CLPs. Interfaces de comunicação - IHMs. Servomotores & Drivers. Panasonic ontroladores Lógicos Programáveis - LPs Interfaces de comunicação - IHMs Servomotores & rivers Panasonic Panasonic ontroladores Lógicos Programáveis - LPs PR Ultra-ompacto lta velocidade de processamento

Leia mais

Messinki PUSERRUSLIITIN EM 10 MM PUSERRUSLIITIN EM 12 MM PUSERRUSLIITIN EM 15 MM PUSERRUSLIITIN EM 18 MM PUSERRUSLIITIN EM 22 MM

Messinki PUSERRUSLIITIN EM 10 MM PUSERRUSLIITIN EM 12 MM PUSERRUSLIITIN EM 15 MM PUSERRUSLIITIN EM 18 MM PUSERRUSLIITIN EM 22 MM Messinki Tuote LVI-numero Pikakoodi PUSERRUSLIITIN EM 1551002 XV87 PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM 35 MM 10X

Leia mais

Plugues e Tomadas Industriais

Plugues e Tomadas Industriais Plugues e Toms Inustriis Linh Inustril Instlções mis onfiáveis e segurs. CARACTERÍSTICAS GERAIS A Linh e Plugs e Toms Inustriis Soprno é ini pr onexão e iversos equipmentos, em mientes sujeitos pó, águ,

Leia mais

Módulo de Controle de Acesso. Manual de Instalação.

Módulo de Controle de Acesso. Manual de Instalação. Módulo de Controle de Acesso Manual de Instalação www.commbox.com.br ÍNDICE VISÃO GERAL DO SISTEMA...3 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS....4 CONEXÕES PLACA MCA10... 5 PINAGEM DAS PORTAS DA MCA10... 6 DESCRIÇÃO

Leia mais

ANEXO I BICICLETA ESCOLAR. Modelo de ofício para adesão à ata de registro de preços (GRUPO 1)

ANEXO I BICICLETA ESCOLAR. Modelo de ofício para adesão à ata de registro de preços (GRUPO 1) ANEXO I BICICLETA ESCOLAR Modelo de ofício para adesão à ata de registro de preços (GRUPO 1) Assunto: Adesão à ata de registro de preços nº 70/2010 do pregão eletrônico nº 40/2010. 1 2 BICICLETA 20 - AC,

Leia mais

Cantoneiras em L de Abas Desiguais

Cantoneiras em L de Abas Desiguais Cantoneiras em L de Abas Desiguais Dimensões (em mm) A B C D Perfil de Alumínio 2754 20 8 2 2 Perfil de Alumínio 110 32 17 2 2 Perfil de Alumínio 380 32 5,5 2 2 Perfil de Alumínio 111 52 17 2 2 Perfil

Leia mais

Í n d i c e. I n t r o d u ç ã o C o m o e u c o n f i g u r o o S P A 9 3 2? I n f o r m a ç

Í n d i c e. I n t r o d u ç ã o C o m o e u c o n f i g u r o o S P A 9 3 2? I n f o r m a ç Í I t ç ã C m f g S P A 9 3 2? I f m ç õ s R l s Itçã Est tg é m m m sé p xl stlçã, tblshtg mtçã pts Cs Smll Bsss (tg Lksys Bsss Ss). Q. Cm fg SPA932? R. O SPA932 é m sl tmt 32-btt p SPA962. C SPA932 f

Leia mais

1. INFORMAÇÕES GERAIS... 3

1. INFORMAÇÕES GERAIS... 3 1. INFORMAÇÕES GERAIS... 3 1.1. ESSE DOCUMENTO SE REFERE A QUAL MODELO DE IMPRESSORA?... 3 1.2. COMO UTILIZAR O AUTO-TESTE?... 3 1.3. COMO UTILIZAR O MODO MENU?... 4 1.4. COMO ALTERAR A LARGURA DA BOBINA?...

Leia mais

1. INFORMAÇÕES GERAIS... 3

1. INFORMAÇÕES GERAIS... 3 1. INFORMAÇÕES GERAIS... 3 1.1. ESSE DOCUMENTO SE REFERE A QUAL MODELO DE IMPRESSORA?... 3 1.2. COMO UTILIZAR O AUTO-TESTE?... 3 1.3. COMO UTILIZAR O MODO MENU?... 4 1.4. COMO ALTERAR A LARGURA DA BOBINA?...

Leia mais

ONDE SE LÊ: LOTE 1. ITEM QUANT. DESCRIÇÃO 01 02 Caixa(s) 02 02 Caixa(s) 03 02 Caixa(s) 04 02 Caixa(s) 05 03 Caixa(s) LIMA ENDODÔNTICA

ONDE SE LÊ: LOTE 1. ITEM QUANT. DESCRIÇÃO 01 02 Caixa(s) 02 02 Caixa(s) 03 02 Caixa(s) 04 02 Caixa(s) 05 03 Caixa(s) LIMA ENDODÔNTICA ONDE SE LÊ: LOTE 1 ITEM QUANT. DESCRIÇÃO 01 02 02 02 03 02 04 02 05 03 CABO DA : anatômico COMPOSIÇÃO DA : aço inox de alta flexibilidade EMBALAGEM DA : cx c/06 unidades LÂMINA DA : sem defeitos MEDIDA

Leia mais

Currículo e Aulas Previstas

Currículo e Aulas Previstas Rua Dr. Francisco Sá Carneiro, N.º 8 Telef. 231 920 454/5 Fax: 231 920 300 Sítio web http://www.aemrt.pt E-mail aemortagua@aemrt.pt Currículo e Aulas Previstas Ano Letivo: 2015/2016 Área: Português 1.º

Leia mais

Faculdade de saúde Pública. Universidade de São Paulo HEP-5705. Epidemiologia I. Estimando Risco e Associação

Faculdade de saúde Pública. Universidade de São Paulo HEP-5705. Epidemiologia I. Estimando Risco e Associação 1 Fuldde de súde Públi Universidde de São Pulo HEP-5705 Epidemiologi I Estimndo Riso e Assoição 1. De 2.872 indivíduos que reeberm rdioterpi n infâni em deorrêni de presentrem o timo umentdo, 24 desenvolverm

Leia mais

Currículo e Aulas Previstas

Currículo e Aulas Previstas Rua Dr. Francisco Sá Carneiro, N.º 8 Telef. 231 920 454/5 Fax: 231 920 300 Sítio web http://www.aemrt.pt E-mail aemortagua@aemrt.pt Currículo e Aulas Previstas Ano Letivo: 2013/2014 Português 1.º Ano DMÍNIS

Leia mais

PABX (32) Av. Jesus Candian, B. Mangueira Rural - CEP Ubá - MG

PABX (32) Av. Jesus Candian, B. Mangueira Rural - CEP Ubá - MG X () 59-5050 v. Jesus Candian, -. angueira Rural - C 500-000 - bá - G -mail: qualidade@moveisnovohorizonte.com.br RIR G TS T.: 55mm RG.: 00mm R.: 50mm CRT NSS ÁGIN N CK INK D (QR CD) ICH TÉCNIC RDT 00%

Leia mais

CASA DE DAVI CD VOLTARÁ PARA REINAR 1. DEUS, TU ÉS MEU DEUS. E B C#m A DEUS, TU ÉS MEU DEUS E SENHOR DA TERRA

CASA DE DAVI CD VOLTARÁ PARA REINAR 1. DEUS, TU ÉS MEU DEUS. E B C#m A DEUS, TU ÉS MEU DEUS E SENHOR DA TERRA S VI VOLTRÁ PR RINR 1. US, TU ÉS MU US #m US, TU ÉS MU US SNHOR TRR ÉUS MR U T LOUVRI #m SM TI NÃO POSSO VIVR M HGO TI OM LGRI MOR NST NOV NÇÃO #m #m OH...OH...OH LVNTO MINH VOZ #m LVNTO MINHS MÃOS #m

Leia mais

Algumas considerações iniciais:

Algumas considerações iniciais: Progrm d álulo d otmzção do n d ntrd íd do oltor olr trvé d orrlçõ r rd d rg m lnh lzd. lgum ondrçõ n: Condçõ d orção do fludo: t modlção não v lvr m ont vrçõ d tmrtur ud lo trto l borção do lor rovnnt

Leia mais

Código G R$ 51,99 ICMS

Código G R$ 51,99 ICMS f O V - º37 - MO/JUHO/JULHO/2013 MEO 2013 Vh v E ( ul) 01 04 m x ul/ Há: 14h à 21h 15 18 m ul/ Há: 13h à 20h QUÍMEO L - Ml Quml - p 0-100 mm; - Lu 0,01 mm; - 0,02mm; - 3 õ: - lg/lg, - mm/plg, - z; - u

Leia mais

Teoria dos Grafos Aula 11

Teoria dos Grafos Aula 11 Tori dos Gros Aul Aul pssd Gros om psos Dijkstr Implmntção Fil d prioridds Hp Aul d hoj MST Algoritmos d Prim Kruskl Propridds d MST Dijkstr (o próprio) Projtndo um Rd $ $ $ $ $ Conjunto d lolidds (x.

Leia mais

5(6,67Ç1&,$(&$3$&,7Æ1&,$

5(6,67Ç1&,$(&$3$&,7Æ1&,$ 59 5(6,67Ç&,$(&$3$&,7Æ&,$ ÃÃ5(6,67Ç&,$Ã(Ã/(,Ã'(Ã+0 No pítulo 6 efinimos ução J σ omo seno um ensie e oente e onução. Multiplino mos os los po um áe S, el fiá: J.S σs (A (8. σs (A (8. Se o mpo elétio fo

Leia mais

P PÓ P. P r r P P Ú P P. r ó s

P PÓ P. P r r P P Ú P P. r ó s P PÓ P P r r P P Ú P P r ó s P r r P P Ú P P ss rt çã s t à rs r t t r rt s r q s t s r t çã r str ê t çã r t r r P r r Pr r r ó s Ficha de identificação da obra elaborada pelo autor, através do Programa

Leia mais

NATURE INSPIRATION BY KRION

NATURE INSPIRATION BY KRION NATURE INSPIRATION BY KRION NATURE INSPIRATION Íni Lvos Lvtórios 7 Frros Lv-loiçs 15 KRION Sris KRION Sris 21 Asorios Assórios 23 5 6 NATURE INSPIRATION BY KRION 7 Lvos Lvtórios B201 70 2.75 50 1.96

Leia mais

REFERÊNCIA E DESCRIÇÃO DOS PRODUTOS REFERÊNCIA E DESCRIÇÃO DOS PRODUTOS COPOS BANDEJA BANDEJAS EMBALAGEM CAIXA NCM/SH CÓDIGO REF: DESCRIÇÃO DOS PRODUTOS ABNT (NBR 14865) PACOTE/UNIDADE C. BARRAS EAN 13

Leia mais

= 1, independente do valor de x, logo seria uma função afim e não exponencial.

= 1, independente do valor de x, logo seria uma função afim e não exponencial. 6. Função Eponncil É todo função qu pod sr scrit n form: f: R R + = Em qu é um númro rl tl qu 0

Leia mais

VÁLVULAS SÉRIE 70, SOLENÓIDE/PNEUMÁTICAS -

VÁLVULAS SÉRIE 70, SOLENÓIDE/PNEUMÁTICAS - P N E U M A T I C VÁLVULAS SÉRIE, SOLENÓIDE/PNEUMÁTICAS DADOS TÉCNICOS /8 /4 / Pressão operacional: monoestável biestável pré-operada Pressão mínima de atuação Var. da temper. operacional Diâmetro nominal

Leia mais

FIXAÇÕES NORMALIZADAS

FIXAÇÕES NORMALIZADAS FIXÇÕS NORMLIZDS para cilindros tipos PS / PC conforme a ISO 15552-FNOR-DIN (PS) ISO 21287 (PC) FIXÇÕS NORMLIZDS ISO 21287 - ISO 15552 - FNOR NF ISO 15552 - DIN ISO 15552 B C Série 434 plicações serviço

Leia mais

AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL

AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL AGRUPAMENTO de ESCOLAS Nº1 de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2013/2014 PLANIFICAÇÃO ANUAL Documento(s) Orientador(es): Programa de Português do Ensino Básico; Metas Curriculares de Português- 1º Ciclo 1º

Leia mais

Projeto do processador com ciclo longo

Projeto do processador com ciclo longo rojeto do proessdor om ilo longo Um ilo de relógio por ução d reuo do iruito de ddos usdo só um vez por ução reuos que são usdos mis de um vez devem ser replidos ino pssos de projeto: nálise do onjunto

Leia mais

HIV/AIDS no Norte e Nordeste

HIV/AIDS no Norte e Nordeste HIV/AIDS no Norte e Nordeste Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde www.aids.gov.br 04 de dezembro de 2014 Foco em populações chave 12% 10% 10,5%

Leia mais

Pressostato / Termostato Modelo BM. Instruções para Instalação e Uso

Pressostato / Termostato Modelo BM. Instruções para Instalação e Uso Pressostato / Termostato Modelo BM Instruções para Instalação e Uso Rua Agostinho Gomes, 568 - Ipiranga - São Paulo - SP - ep 0406-000 - Fone/Fax: (11) 6169-9875. onheça nossos produtos e sistemas na Internet

Leia mais

abb Características Ficha técnica IDM 96 Multimedidor Três displays de LED

abb Características Ficha técnica IDM 96 Multimedidor Três displays de LED Ficha técnica IDM 96 Multimedidor Multimedidor para sistemas trifásicos ou monofásicos com medição de 56 variáveis elétricas. Possui medição de harmônicas até a 63ª ordem, THD para corrente e captura de

Leia mais

PERFIL TIPO: C, L, T, U...PG.2-14 PERFIL TIPO Z, PERFIL GUIA...PG PERFIL AÉREO, PERFIL RETANGULAR...PG18-22 PERFIS DIVERSOS...PG.

PERFIL TIPO: C, L, T, U...PG.2-14 PERFIL TIPO Z, PERFIL GUIA...PG PERFIL AÉREO, PERFIL RETANGULAR...PG18-22 PERFIS DIVERSOS...PG. PRIS TRNSPORT PRIL TIPO:, L, T, U...PG.-1 PRIL TIPO Z, PRIL GUI...PG.- PRIL ÉRO, PRIL RTNGULR...PG- PRIS IVRSOS...PG.- PRIS M ÇO INÓX...PG.- PRIS M ORRH SILION...PG.-... PRIL PRIL G. 1 S 00 S 00 S 000

Leia mais

MAT 8A AULA L. a q. q a ; Razão =

MAT 8A AULA L. a q. q a ; Razão = MAT 8A AULA.0 L L x 4 4 L L x 4 L x L x L x L L q a a q q.0 l l ; 4... Razão =.0 x = x = 8.04 P.G. (;x;...;y;5) xy 5 xy 04.05 a, b, c PA b = a c b = c b = c PG b = a c a c = a c a + ac + c = 4ac a + ac

Leia mais

Unidade Lec*va 3 População e território

Unidade Lec*va 3 População e território Unidade Lec*va 3 População e território As divisões geográficas de Orlando Ribeiro (1945): Norte Atlântico Noroeste Atlântico Beira Litoral Cordilheira Central Norte Transmontano Sul Mediterrâneo Estremadura

Leia mais

TERMORESISTÊNCIA. pote. resina. rabicho. solda do. rabicho. pote. resina. rabicho. solda do. rabicho

TERMORESISTÊNCIA. pote. resina. rabicho. solda do. rabicho. pote. resina. rabicho. solda do. rabicho TERMORESISTÊNCIA GRÁFICO DEMONSTRATIVO DOS DESVIOS NAS TERMORESISTÊNCIAS CLASSES A e B TOLERÂNCIA ºC,,,0,,,,,0,,,,,0 0, 0, 0, 0, TERMORESISTÊNCIA CLASSE B TERMORESISTÊNCIA CLASSE A -00-00 0,0 00 00 00

Leia mais

Como utilizar este catálogo Como usar el catálogo How to use this catalog

Como utilizar este catálogo Como usar el catálogo How to use this catalog omo utilizar este catálogo omo usar el catálogo ow to use this catalog Neste catálogo você encontrará todas as aplicações da linha de ruzeta SPR. O catálogo está dividido em três tabelas e um índice por

Leia mais

Oito entradas para sensores de temperatura Exatidão de ± 0,03% Várias opções para sensores Conexão do sensor a 2 ou 3-fios Isolação de sinal de

Oito entradas para sensores de temperatura Exatidão de ± 0,03% Várias opções para sensores Conexão do sensor a 2 ou 3-fios Isolação de sinal de Oito entradas para sensores de temperatura xatidão de ± 0,0% Várias opções para sensores onexão do sensor a ou -fios solação de sinal de entrada Suporta / e T/T ackup de sensor edição diferencial Protocolo

Leia mais

Cód Material Nome do Material Cód Barra Hierarquia HP1 HP2 Embal Peso Bruto Peso Líquido Classif Fiscal Qt Embal IPI % Status Cód Material 57467886

Cód Material Nome do Material Cód Barra Hierarquia HP1 HP2 Embal Peso Bruto Peso Líquido Classif Fiscal Qt Embal IPI % Status Cód Material 57467886 Cód Material Nome do Material Cód Barra Hierarquia HP1 HP2 Embal Peso Bruto Peso Líquido Classif Fiscal Qt Embal IPI % Status Cód Material 57467886 AVANTI 133 1353MH 1l IP23 7891260234655 BRSEL346 022J90AR

Leia mais

Em vigor desde: 25/11/2015 Máquinas e Ferramentas - 1 / 16 TABELA DE PREÇOS PVP CÓDIGO DESCRIÇÃO UN

Em vigor desde: 25/11/2015 Máquinas e Ferramentas - 1 / 16 TABELA DE PREÇOS PVP CÓDIGO DESCRIÇÃO UN Em vigor desde: 25/11/2015 Máquinas e Ferramentas - 1 / 16 2100020 COMPRESSOR 24LT 2HP MR FIAC UN 188,00 2100050 COMPRESSOR 50LT 2HP MR FIAC UN 266,00 2100112 COMPRES.100L 2HP MR AB100-268 UN 578,00 2100122

Leia mais

Ligue Grátis 210 461 786 TODOS OS ARMÁRIOS SÃO DOTADOS DE BASE METÁLICA. CONSULTE NOS PARA OUTROS MODELOS

Ligue Grátis 210 461 786 TODOS OS ARMÁRIOS SÃO DOTADOS DE BASE METÁLICA. CONSULTE NOS PARA OUTROS MODELOS Armários e estantes de madeira Refª 2291.01.NN02 Refª 2291.01.RI02 TODOS OS ARMÁRIOS SÃO DOTADOS DE BASE METÁLICA. CONSULTE NOS PARA OUTROS MODELOS Refª 2291.01.M8053S Refª 2291.01.M8054S Refª 2291.01.P9077S

Leia mais

Chegou a Era FLAT SHAPE

Chegou a Era FLAT SHAPE atálogo geral 201 termoacumuladores elétricos ÚNIO de ÇO INOX hegou a ra LT SHP hegou a ra LT SHP ÚNIO de ÇO INOX WSN, o primeiro termoacumulador elétrico 100% em aço inoxidável, plano e atraente, que

Leia mais

Aula 06 Análise no domínio do tempo Parte I Sistemas de 1ª ordem

Aula 06 Análise no domínio do tempo Parte I Sistemas de 1ª ordem Aula 06 Análise n dmíni d temp Parte I Sistemas de 1ª rdem input S utput Sistemas de primeira rdem Sistema de primeira rdem d tip a G(s) bs + c input a bs + c utput Sistemas de primeira rdem u seja: Y(s)

Leia mais

Fosnor Logística Atual e Futura. Abril/2014

Fosnor Logística Atual e Futura. Abril/2014 Fosnor Logística Atual e Futura Abril/2014 A Galvani no Brasil Mais de 75 anos de uma história de conquistas Grupo familiar, brasileiro, fundado na década de 30 em São João da Boa Vista (SP). No início,

Leia mais

MINIMIZAÇÃO DO USO DE ÁGUA NA INDÚSTRIA: BALANÇO HÍDRICO

MINIMIZAÇÃO DO USO DE ÁGUA NA INDÚSTRIA: BALANÇO HÍDRICO MINIMIZAÇÃO DO USO DE ÁGUA NA INDÚSTRIA: BALANÇO HÍDRICO REDE DE TECNOLOGIAS LIMPAS DA BAHIA PPG ENGENHARIA INDUSTRIAL ESCOLA POLITÉCNICA UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA Francisco Ferreira Matos Fabiano

Leia mais

Análises de sistemas no domínio da frequência

Análises de sistemas no domínio da frequência prmno d Engnhri Químic d Prólo UFF iciplin: TEQ0- COTROLE E PROCESSOS náli d im no domínio d frquênci Prof inok Boorg Rpo d Frquênci Cliqu pr dir o ilo do xo mr COCEITO: Coni d um méodo gráfico-nlíico

Leia mais

ÍNDICE GERAL 2. BELLE ÉPOQUE TRADICIONAL (52) PRATA (50) SPOT (43) STANDARD (39) SMART (71)

ÍNDICE GERAL 2. BELLE ÉPOQUE TRADICIONAL (52) PRATA (50) SPOT (43) STANDARD (39) SMART (71) METL OMPETITIVO ÍNIE GERL. LINK (LNK).............................................................................................. ELLE ÉPOQUE TRIIONL ().........................................................................

Leia mais

!"#"$%& '( &)*$+,-& '( +!,& ".!(,()/"'& "& (."!/"0()/& '( (&1!"23" '& ()/!& '( 34)*3", +0")",( "/+!"3,'" )35(!,3'"'( ('(!"$ '&,.6!

!#$%& '( &)*$+,-& '( +!,& .!(,()/'& & (.!/0()/& '( (&1!23 '& ()/!& '( 34)*3, +0),( /+!3,' )35(!,3''( ('(!$ '&,.6! !"#"$%& '( &)*$+,-& '( +!,& ".!(,()/"'& "& (."!/"0()/& '( (&1!"23" '& ()/!& '( 34)*3", +0")",( "/+!"3,'" )35(!,3'"'( ('(!"$ '&,.6!3/& ")/& *&0&!(7+3,3/&."!*3"$."!" " &#/()8-& '& 1!"+ '( "*%"!($ (0 (&1!"23"!3()/"'&!!$9+'3&+3:;")&/($$3

Leia mais