SISTEMA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DO CAU - SICCAU

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SISTEMA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DO CAU - SICCAU"

Transcrição

1 SISTEMA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DO CAU - SICCAU Suas principais dúvidas poderão ser respondidas no FAQ (perguntas mais frequentes) desta página da web. O sitio não é mais o sitio oficial do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil. 28 de Janeiro de Qual o valor do RRT (taxa do Registro de Responsabilidade Técnica) para o ano de 2012? R$ 63,32 (sessenta e três reais e trinta e dois centavos) 2. Há apenas um valor para o RRT? Sim. Para qualquer tipo de serviço, área ou valor de contrato é o mesmo valor. Um RRT é correspondente a um contrato. 3. Quais os valores das anuidades para profissionais e Empresas em 2012? R$ 369,39 (trezentos e sessenta e nove reais e trinta e nove centavos). 4. Como faço para pagar minha anuidade? Se é cadastrado no CAU, acesse o sítio eletrônico do CAU do seu Estado ou Distrito Federal, acesse a área restrita ao profissional com seu CPF e senha e clique em Gerar Boleto da Anuidade Caso não seja cadastrado, a partir do dia 25/01 será disponibilizado o acesso direto ao sítio do CAU para pagamento da anuidade sem que seja necessário entrar no ambiente restrito ao profissional, por CPF e CNPJ, aos profissionais e empresas, respectivamente. 5. Existe desconto para pagamento da anuidade 2012 à vista? Sim. Há 10% de desconto sobre o valor da anuidade (R$ 369,39) para pagamento em parcela única até o dia 31 de janeiro de 2012, apenas para profissionais. 6. Este desconto de 10% é para todos os profissionais? Não. É apenas para os profissionais que pagarem em parcela única a anuidade no prazo previsto (31 de janeiro de 2012) e que não estejam enquadrados nos seguintes casos: - profissionais formados há menos de 2 (dois) anos - redução de anuidade em 50%; - profissionais com mais de 30 (trinta) anos de formados - redução de anuidade em 50%; - profissionais com 35 (trinta e cinco) anos de contribuição aos CREAs, completados em 31 de dezembro de 2010 redução de anuidade em 90%; - profissionais com 40 (quarenta) ou mais anos de contribuição, que é o tempo de registro e de contribuições aos CREAs - são isentos do pagamento.

2 OBS - sendo contribuição = tempo de registro e contribuição aos CREAs. 7. Empresas de arquitetura têm desconto, redução, ou isenção no valor da anuidade do CAU? Não, apenas profissionais. 8. Tenho 35 anos de contribuições ao CREA, completados em 31 de dezembro de 2010, quando da publicação da Lei nº , de Qual o valor da minha anuidade? Estes profissionais têm redução de 90% (noventa por cento) no valor da anuidade. 9. Sou profissional com mais de 30 anos de diplomado e tenho direito à redução na anuidade de O que devo fazer para pagar o boleto com este desconto? A redução de 50% estará disponível no sítio eletrônico do CAU do Estado ou Distrito Federal, sem necessidade de requerimento. Entretanto, caso opte por pagamento à vista, não haverá o desconto de 10%, cumulativo. 10. Os profissionais que têm direito à redução no valor da anuidade, têm também o desconto no pagamento à vista? Não, tendo em vista que os benefícios não são cumulativos. 11. Sou profissional com até 2 anos de diplomado e tenho direito à redução na anuidade de O que devo fazer para pagar o boleto com este desconto? A redução de 50% estará disponível, sem necessidade de requerimento, no sítio eletr?nico do CAU do Estado ou Distrito Federal. 12. É possível parcelar a anuidade 2012? Sim. O valor das anuidades dos profissionais ou Empresas pode ser parcelado, sem desconto, em 3 vezes, com vencimentos em 31 de janeiro, 29 de fevereiro e 31 de março de Existe multa para quem não pagar a anuidade em dia? Sim. As multas variam de 2 a 20%, dependendo do período do atraso no pagamento. Mais informações, acesse o site do CAU serviços.caubr.org.br e clique em sua anuidade 2012 já está disponível para pagamento. 14. Posso pagar a anuidade de 2012 nos CREAs? Não. As anuidades dos arquitetos e urbanistas referentes ao ano de 2012 estarão disponíveis para pagamento pelo sítio eletrônico do CAU.

3 15. Estou em atraso com anuidades de anos anteriores ao de 2012, o que devo fazer? O CAU/BR ainda vai regulamentar o pagamento das anuidades em atraso. No momento, o pagamento da anuidade de 2012 ao CAU garante o exercício profissional para o ano de Recebi o boleto com a anuidade 2012, emitido pelo CREA, e já paguei: o que faço? Solicite formalmente ao CREA o reembolso do valor pago. Os CREAs não podem mais recolher taxas referentes aos arquitetos e urbanistas. Você deverá pagar a anuidade do CAU pelo sítio eletrônico do CAU do seu Estado ou Distrito Federal ou pelo sítio eletrônico do CAU Brasil (CAU/BR). 17. Quero cancelar ou suspender temporariamente o meu registro e não pagar a anuidade 2012, isso é possível? A lei /2010 prevê cancelamento e suspensão de registro. Este tipo de procedimento está sendo normatizado pelo CAU e o serviço será disponibilizado em breve online, com acesso pelo site do CAU de seu Estado ou Distrito Federal. Considerando isso, não pague a anuidade 2012 até o prazo final de seu vencimento - o parcelamento em 3 parcelas vai até 31 de março. CERTIDÃO DE ACERVO TÉCNICO CAT 18. Posso fazer CAT com atestado? Sim. Para fazer uma CAT (Certidão de Acervo Técnico) com atestado é necessário preencher o requerimento online, no sítio eletrônico do CAU de seu Estado ou Distrito Federal, sendo uf unidade da federação, e anexar o atestado devidamente assinado pelo contratante. 19. Meu acervo técnico (conjunto de ARTs Anotações de Responsabilidade Técnica do CREA) será automaticamente transferido do CREA para o CAU, ou terei que solicitar de alguma forma? Os documentos dos arquitetos e urbanistas, que hoje estão nos CREAs, passarão aos CAUs de forma legal e direta, em um prazo de 30 dias de sua instalação. Não há necessidade de solicitar qualquer procedimento. O CAU/BR instalou-se em 19/12/2011, os CAUs estão em período de instalação nos Estados e Distrito Federal. Os documentos dos arquitetos e urbanistas, que hoje estão nos CREAs, ainda não foram enviados aos CAUs. 20. Vou participar de uma licitação amanhã e preciso do meu acervo de forma imediata, como devo proceder? O SICCAU disponibilizará esta possibilidade nos próximos dias, com o título RRT emergencial e com o compromisso explícito do pagamento do mesmo, por parte do profissional ou Empresa, para que seja

4 possível emitir uma CAT. 21. Tenho uma ART do CREA e preciso obter uma CAT da mesma, como fazer? - Preencha um novo RRT, utilizando os dados da ART que você registrou no CREA e da qual deseja obter o Acervo a CAT; - Preencha o campo número da ART do CREA; - Digitalize a ART e, no campo anexar arquivo, adicione a ART do CREA, digitalizada. Este procedimento só é possível sem alteração de dados da ART original quando da transposição para o RRT. Em até quatro dias você poderá obter sua CAT, online, referente a esta ART. A ART cadastrada sob a forma de RRT é um procedimento isento de taxa. REGISTRO DE PESSOA FÍSICA E JURÍDICA 22. Sou registrado no CREA, quando terei meu número de registro do CAU? O Plenário do CAU/BR aprovará, em breve, uma resolução de registro que definirá o critério de numeração que será utilizado pelo CAU. 23. Quando poderei fazer meu registro profissional como recém formado? Há um prazo? Logo que o CAU Brasil tenha cadastrado todas as Instituições de Superior de arquitetura e urbanismo, o que é obrigatório por lei, e que estas tenham encaminhado ao CAU as listagens de todos os seus diplomados no segundo semestre de Assim, o registro dos mesmos terá início, o que será divulgado pelo CAU. 24. Haverá um número de registro novo para os arquitetos e urbanistas no CAU? Por enquanto, os arquitetos e urbanistas permanecerão com o mesmo número de registro do CREA (Regional) e/ou CONFEA (Nacional), de acordo com o que determina a Resolução n 6 do CAU/BR. Logo que estejam normatizados os critérios para a numeração pelo CAU/BR, todos os arquitetos e urbanistas terão sua nova numeração do CAU. 25. Caso seja um profissional registrado no CREA e não esteja cadastrado no CAU, como devo proceder? É necessário que envie cópia digital, frente e verso, para : - carteira do CREA; - diploma; - CPF. Siga os procedimentos descritos no sítio eletrônico do CAU de seu Estado ou Distrito Federal para que seja possível efetuar a transposição emergencial cadastral para o CAU. Após análise dos documentos, seu

5 registro poderá então ser deferido. 26. Minha empresa, apenas de arquitetos, não está cadastrada no CAU, mas é registrada no CREA. Preciso urgente que seja cadastrada, é possível? Na importação dos dados do CREA para o CAU, o registro de sua empresa pode não ter sido enviado. Para que a situação da empresa seja regularizada, será feita a transposição emergencial cadastral para o CAU. Envie os seguintes documentos, em cópia digital, frente e verso, para : - Certidão de Registro e quitação do Crea, Pessoa Jurídica, onde conste os responsáveis técnicos; - Último aditivo contratual da junta comercial, onde conste o capital social; - Ficha Cadastral com CNPJ da empresa fornecido pela Receita Federal; - Comprovante de caráter de urgência. Pode ser, por exemplo, um documento com o edital da licitação que a empresa queira concorrer. Após análise dos documentos, o registro poderá então ser deferido. 27. Como passar meu registro de provisório, no CREA, para definitivo no CAU (vence em 31/12/2011)? Gostaria de não interromper o meu registro. Se você tem registro provisório no CREA ele passou automaticamente ao CAU e não haverá interrupção de seu registro. O CAU/BR está normatizando a situação dos arquitetos e urbanistas com registro provisório. 28. Sou arquiteto e preciso registrar minha empresa (primeiro registro). É possível? O procedimento de registro de empresa estará no ar, em breve. 29. Sou arquiteto responsável técnico por uma empresa que tem sócios arquitetos e engenheiros, como devo proceder? Estas empresas de composição mista serão regulamentadas pelo CAU, em resolução de registro. 30. Sou único responsável técnico por empresa de leigo com registro no CREA. Como devo proceder? A empresa deve se registrar no CAU? Sim, a empresa terá que ser registrada no CAU. Este procedimento de registro de empresa de leigo com RT arquiteto será implantado em breve. REGISTRO DE RESPONSABILIDADE TÉCNICA RRT 31. Quais os navegadores de internet que posso utilizar para ter acesso ao sítio eletrônico do SICCAU? Por razões de segurança, para poder utilizar os serviços oferecidos pelo CAU por meio do SICCAU (Sistema de Informação e Comunicação do CAU), como elaboração de RRT, você deverá utilizar os navegadores

6 Mozilla Firefox < Google Chrome Safári Apple e Opera O que devo fazer para acessar e elaborar um RRT? Para elaborar, registrar ou pesquisar seus RRTs é necessário ter acesso à área do profissional no sítio eletrônico do CAU de seu Estado ou Distrito Federal - sendo uf unidade da federação. Para ter acesso a esta área restrita você precisa de uma senha. Se ainda não tem a senha, clique em esqueci minha senha e siga os passos indicados pelo programa no sítio eletrônico do CAU. 33. Existe deliberação para RRTs recolhidos após o serviço prestado? Não existe resolução do Plenário do CAU/BR neste sentido. Entretanto, a lei /2010 prevê, em seu artigo 48, que não será efetuado RRT sem o prévio recolhimento da taxa de RRT pela pessoa física do profissional ou pela pessoa jurídica responsável. 34. Existe possibilidade de RRT do tipo complementar ou do tipo substituição? Sim, selecionando no campo forma de registro, substituição ou complementação, sendo que nestas modalidades de RRT não há pagamento de taxa. Após análise do CAU, será deferida para análise. 35. Um arquiteto pode ser responsável técnico (RT) por empresa de engenharia? Sim, desde que esteja em conformidade com suas atribuições. 36. Minha carteira do CREA tinha validade até o final de Como devo proceder se houver a necessidade de fazer alguma ART ou um RRT? Os registros de todos os arquitetos e urbanistas foram transferidos para o CAU de forma automática. Você poderá registrar os seus RRTs no CAU, independentemente do prazo de validade da sua carteira do CREA. Entretanto, a validade deste e de outros documentos do CREA foram prorrogados até 31 de março de 2012, conforme a Resolução n 6 do CAU/BR, até que os CAUs tenham condições de emitir as carteiras dos profissionais. 37. Uma ART do CREA, paga, pode ser substituída por um RRT do CAU? Não. Entretanto, pode ser cadastrada na forma de um RRT, elaborado conforme o documento original; o profissional deve anexar cópia digital da ART original. O procedimento será analisado para deferimento. Não é necessário pagar nova taxa de RRT neste caso. Este procedimento está disponível na área do profissional, no sítio eletrônico do CAU. 38. Como é possível dar baixa em ARTs do CREA? Este procedimento é possível com o cadastramento de uma ART na forma de um RRT, elaborado conforme o documento original; o profissional deve anexar cópia digital da ART original. O procedimento será analisado para deferimento e para que seja requerida a baixa. Não é necessário pagar nova taxa de RRT neste caso. Este procedimento está disponível na área do profissional, no sítio eletrônico do CAU. 39. Um RRT pode ser corrigido antes do seu pagamento? Sim, pode. Até seja gerado o boleto bancário. Se foi gerado o boleto bancário, não pagou e percebeu o

7 equívoco, o profissional deve elaborar um novo RRT e, em 60 dias, o RRT equivocado ou errado será eliminado dos seus dados de forma automática. 40. Sou arquiteto responsável técnico por uma empresa de leigo. A empresa é registrada no CREA. Está cadastrada no CAU?Como devo proceder para elaborar um RRT? A empresa, registrada no CREA, tem seu responsável técnico, hoje, um arquiteto que não é mais parte do CREA, mas do CAU. Neste momento, enquanto o CAU/BR estuda uma resolução de registro, você pode fazer um RRT para a própria empresa, colocando-a como contratante. E, caso seja o único responsável técnico, logo que o CAU disponibilize o serviço de registro, veja para que a referida empresa providencie seu registro no CAU. 41. Estou tentando fazer um RRT e não achei campos para hidráulico, elétrico, telefônico, estruturas, fundações. Como devo proceder? Para instalações hidro-sanitárias, elétricas, PPCI, etc, utilizar INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS. Para estrutura, fundações etc, utilizar SISTEMAS CONSTRUTIVOS E ESTRUTURAIS. A critério do profissional, estes serviços podem ser descritos com mais detalhes no campo Observação, dentro da área do contrato no RRT. 42. Profissional vinculado à empresa pode fazer RRT? Sim, o profissional pode optar por registrar o RRT como autônomo ou vinculado à empresa como RT (responsável técnico). 43. Qual a diferença entre RRTs elaborados e RRTs registrados? - RRT Elaborado: quando o documento foi totalmente preenchido, porém não foi gerado o boleto bancário. - RRT Elaborado Pendente: quando o documento foi totalmente preenchido, o boleto foi gerado, mas ainda não existe comprovação da sua quitação. - RRT Registrado: quando o documento foi pago e sua comprovação/quitação efetivada. 44. Qual será a abrangência para o registro de atividades em 1 mesmo RRT? Há limite? Qual é o limite? O limite é o contrato. É possível registrar serviços em 1 RRT, desde que façam parte de um mesmo contrato, com 1 contratante. O CAU não tem como limitar o registro das atividades que são pertinentes a um contrato com o profissional, independentemente do endereço da obra ou serviço, das atividades, valores ou metragens quadradas. 45. Paguei um RRT pela internet, no valor de R$ 63,32. Quando fui imprimir, o valor que apareceu como valor pago no boleto foi de R$ 50,66. Como devo proceder?

8 Acesse o arquivo de seus RRTs e imprima novamente um boleto referente ao RRT que teve boleto com valor alterado, pois deve sair com o valor correto que foi pago. Caso não consiga por este meio, encaminhe cópia digitalizada do boleto com o valor impresso de forma incorreta para 46. É preciso ter cópias do RRT nas obras? Não. Também não é preciso imprimir mais de uma via ou mesmo assiná-las. A assinatura é opcional, assim como a impressão de mais vias, o que fica a critério do profissional ou Empresa. 47. Como é possível saber se um RRT está apto à baixa? A baixa automática é dada para serviços, como projeto, vistorias, laudos, após a comprovação do pagamento do RRT. Para a baixa de execução de projetos (obras), além da comprovação do pagamento do RRT, faz-se necessário anexar digitalmente um documento que comprove a conclusão do serviço devidamente assinado pelo contratante. 48. O que devo escrever no número do contrato que aparece no RRT? O número do contrato é utilizado para guardar a informação do número que identifica o contrato formal, normalmente um contrato público, junto ao profissional/empresa contratada. O campo é opcional pelo fato de existirem contratos verbais ou mesmo sem numeração. 49. Sou prestador de serviço da Caixa Econômica Federal (ou outro Órgão Público) e, todo mês, tenho de apresentar um RRT vinculado à empresa prestadora de serviço, como devo proceder? O CAU/BR está normatizando o procedimento em sua resolução de registro. É possível fazer um RRT e, no campo descrição, descrever o vínculo com a referida empresa, que é registrada no CREA. 50. Como fazer para deixar claro, em um RRT, que há um vínculo entre um profissional e uma empresa, ambos registrados no CREA? É possível fazer um RRT e, no campo descrição, descrever o vínculo com a referida empresa, que é registrada no CREA. 51. O RRT pode ser alterado após a impressão? Sim, desde que não tenha sido gerado o boleto bancário. Para alterar, ver instruções no Manual do Ambiente Profissional do CAU ou siga as instruções do programa no sitio eletrônico do CAU. 52. Quero fazer um RRT de Regularização, como devo proceder? Elabore um RRT contemplando duas atividades: Vistoria e Laudo. Caso seja necessário prestar mais algum serviço complementar, como levantamento, basta descrever no campo observação.

9 53. Como devo proceder para excluir um RRT elaborado, cujo boleto já tenha sido gerado, mas não pago? Este será excluído automaticamente em 60 dias. E se estiver pago? O RRT deverá ser substituído. 54. O CAU tem previsão de RRT múltiplo mensal? Sim, o CAU terá RRT múltiplo mensal que está disponível no sítio eletrônico do CAU, no campo seleciona modelo. 55. Ao abrir uma empresa de arquitetura devemos mencionar, no contrato social, os dados do CAU? Não, por que a empresa ainda não foi registrada no CAU; a empresa deve registrar-se inicialmente nos órgãos de tributação e fiscalização do governo. 56. O cliente cancelou o serviço, como posso cancelar a minha ART? Inicialmente, é necessário cadastrar a ART sob a forma de RRT e, depois, se a obra/serviço foi paralisada por interrupção da obra ou serviço, é possível dar baixa no seu RRT. 57. Há alguma taxa para dar baixa no RRT? O CAU/BR está definindo as situações em que haverá cobrança de taxa pelo CAU. No momento, ainda não há taxa, além do valor que é previsto para o RRT. 58. Terminei um serviço onde tinha registrado uma ART e preciso dar baixa, o que devo fazer? Inicialmente, é necessário cadastrar a ART sob a forma de RRT (sem pagamento de taxa) e depois, se a obra/serviço foi paralisada (por interrupção da obra ou serviço) você pode dar baixa neste RRT. Veja os procedimentos na área do profissional, no sítio do CAU. 59. Preciso ter acesso às minhas ARTs, e o CREA não disponibiliza, como proceder? Por lei, os CREAs teriam até o dia 19/01 para transferir todos os documentos referentes aos arquitetos e urbanistas aos CAUs. A partir desta data, caso transferidos, seria possível ter acesso ao acervo de ARTs dos profissionais, logo que recebidos e organizados pelos CAUs. Os CAUs não receberam, ainda, os documentos. Alguns CREAs continuam permitindo consulta às ARTs dos arquitetos e urbanistas. Verifique em seu Estado. 60. Há como eliminar o CPF ou CNPJ do contratante do RRT? Não, pois este dado é necessário para os órgãos de licenciamento e fiscalização de obra ou serviço. 61. Há como constar o nº do RRT e demais dados do mesmo no boleto bancário? Sim, este procedimento está sendo providenciado. 62. Quando aparece o número do RRT? Em até 48 horas, depois de o boleto bancário ser pago. Este é o tempo que o banco leva para repassar a informação de quitação para o CAU. 63. Como excluir um RRT elaborado pendente? Depois de elaborado o RRT, este será automaticamente excluído do seu ambiente profissional em 60 dias. 64. É obrigatório especificar latitude e longitude em um RRT? Este campo não é obrigatório. O objetivo principal desta informação é obter dados analíticos mais precisos,

10 baseados nas informações georreferenciadas para a fiscalização do CAU. 65. É possível ao profissional alterar os dados cadastrais diretamente no ambiente restrito do profissional? Sim, os dados que estão disponíveis para atualização. Para alterar dados como nome e endereço, é necessário anexar um documento que comprove a solicitação de alteração. 66. A impressão do RRT que solicitei saiu com uma marca d'água rascunho, por quê? A impressão do RRT sem a marca de rascunho está condicionada ao pagamento da mesma. Após a confirmação bancária de que o pagamento foi efetuado, a marca d'água desaparece da impressão. 67. Não encontro uma lista dos RRT's cadastrados, somente os localizo pelo número. Não existe esta listagem? Existe: clicando no banner do site do CAU, o profissional é redirecionado para a página principal e, nesta página, existem diversas opções para visualização, como por exemplo: RRTs elaborados, RRTs elaborados pendentes, RRTs registrados, RRTs aptos à baixa de responsabilidade técnica, RRTs com baixa de responsabilidade técnica. Desta forma o profissional tem acesso aos RRTs em suas diferentes fases. 68. Posso elaborar RRT de cargo ou função? Sim. O RRT de cargo ou função relativo ao vínculo contratual do profissional com a pessoa jurídica, para desempenho de cargo ou função técnica, deve ser registrado após a assinatura do contrato ou da publicação do ato administrativo de nomeação ou designação, de acordo com as informações constantes do documento comprobatório. Acesse o site do CAU de seu Estado ou Distrito Federal para fazer um RRT de cargo ou função. 69. Como ficam os prazos de atividades que não foram registradas, das obras e/ou serviços iniciados antes do dia 19/12? O profissional poderá fazer o RRT no CAU, regularizando a situação de seus serviços. O CAU/BR poderá tratar de uma resolução para regular este assunto. Entretanto, não é possível anotar data anterior, apenas atual. A excepcionalidade pode ser descrita no espaço de observação. FISCALIZAÇÃO 70. Quem responderá pela fiscalização do CAU? O modelo de fiscalização do CAU está em desenvolvimento e será objeto de resolução do CAU/BR. Para que entre em funcionamento, é necessária a implantação do Módulo GEO do SICCAU. Começaremos o trabalho de fiscalização pelo levantamento e comparação entre alvarás emitidos pelas Prefeituras e RRTs emitidos. Esta é uma das ações de fiscalização possível e já programada. 71. Para onde e como devo dirigir uma denúncia contra profissional arquiteto e urbanista? Acesse o sítio eletrônico do CAU de seu Estado ou Distrito Federal e clique em serviço, no rodapé, e em cadastrar denúncia. Selecione a categoria da mesma. Anexe à denúncia os documentos que fundamentam a mesma, considerando que uma denúncia só tem acolhida pelo CAU se acompanhada de elementos que a comprovem, para análise.

11 72. Tenho um processo de denúncia tramitando no CREA contra um arquiteto, como devo proceder? O CAU de seu Estado ou Distrito Federal, após receber todos os documentos dos arquitetos e urbanistas dos CREAs, fará uma análise dos processos e deverá entrar em contato com as partes interessadas. 73. Há meios específicos para sugestões ao CAU/BR e ao CAU do meu Estado, bem como para denúncias de irregularidades de obras ou outros? O SICCAU (Sistema de Informação e Comunicação do CAU) será implantado em Módulos e vários serviços já estarão disponíveis a partir de janeiro de O Módulo Denúncias, do SICCAU, é um deles, já implantado. DIVERSOS 74. Não votei na eleição para o CAU no ano passado, como faço para regularizar minha situação, terei que pagar multa? O Regulamento Eleitoral prevê que o profissional que não votou na eleição do ano de 2011 pode justificar a falta de seu voto em até 120 dias depois de instalado o CAU, ou seja, até 17 de abril de Aguarde, pois as datas, os procedimentos para justificativa pela web e informações sobre possíveis multas serão divulgados pelo CAU. 75. O CAU possui sedes? No momento o CAU Brasil (CAU/BR) e os CAUs (dos Estados e Distrito Federal) estão se instalando. O CAU está prestando todos os seus serviços online desde 22 de dezembro. 76. Qual é a lei que criou o CAU? É a lei federal nº , de 30 de dezembro de Como faço para falar com o presidente do CAU do meu Estado ou Distrito Federal? Enviando uma mensagem para o endereço do site do CAU de seu Estado ou Distrito Federal quando este estiver instalado. A maioria dos CAUs ainda não possui sedes ou telefones para contato, pois estão em fase de instalação. 78. Como poderei obter meu visto para outro estado? Não existe mais visto. Todos profissionais arquitetos e urbanistas e suas empresas estão habilitados a trabalhar em todo o País. 79. Presto serviços para a Caixa Econômica Federal e outros Órgãos Públicos que exigem um documento de responsabilidade técnica, eles já sabem que agora fazemos RRTs? Durante o ano de 2011 foi dada grande publicidade à Lei Federal n /2010 que criou o CAU. Com o CAU já instalado, este trabalho junto aos Órgãos Públicos e à sociedade será intensificado. De uma forma geral, não há reclamações por parte de profissionais de que o RRT não esteja sendo aceito. 80. Como ficam os planos de saúde dos arquitetos que hoje são vinculados aos CREAs ou os associados à Mútua? A informação que temos, até agora, é de que nada muda em relação aos arquitetos e urbanistas que contrataram planos de saúde através de convênio dos CREAs ou são associados à Mútua. 81. Há apenas uma senha de acesso para profissional e empresa? A senha de empresa pode ser a mesma do profissional, desde que esteja caracterizado o vínculo. No caso

12 do proprietário da empresa não ser o arquiteto responsável técnico, então é necessário cadastrar duas senhas. 82. Como posso obter informações sobre os serviços do CAU? Para fazer um RRT e demais serviços, você pode acessar o site do CAU onde está registrado/domiciliado: sendo que uf é unidade da federação. Para contato e questionamentos: , no ar desde o dia 19/01 (de segunda à sexta, das 9:00 às 19:00horas), além das redes sociais. Para questões técnicas referentes ao acesso aos sites e cadastros, envie para 83. Sou arquiteto e engenheiro de segurança do trabalho, como fica minha situação no CAU? O CAU anotará, no prontuário do profissional, a habilitação para o exercício da especialização de Engenharia de Segurança do Trabalho, expedindo, quando requerido, a respectiva certidão. Está permitido ao arquiteto e urbanista com esta especialização ter registro apenas no CAU e pagar anuidade apenas para o mesmo, além de fazer RRT. O CAU/BR já normatizou a situação destes profissionais por meio da Resolução nº 10, publicada no Diário Oficial da União em 23/01/2012, sendo que os procedimentos para o registro desta especialização, por requerimento online, e das suas atribuições específicas, para a elaboração do RRT, em breve estarão no sítio eletrônico do CAU do Estado ou do Distrito Federal. 84. Meu cadastro já está disponível no CAU? Como posso consultá-lo? Vamos passar por um recadastramento? Os cadastros de profissionais e de empresas apenas de arquitetos e urbanistas, que estão inseridos no SICCAU (Sistema de Informação e Comunicação do CAU), consistem em dados fornecidos pelos CREAs ou Confea. Até o momento, recebemos o cadastro das empresas dos seguintes Estados: AL, AM, AP, GO, PR, MA, MG, PB, PE, PI, RN, RR, RS e SE. Os profissionais podem conferir ou atualizar diretamente os seus dados por meio do SICCAU, acessando o sítio eletrônico do CAU de seu Estado ou Distrito Federal. 85. Acessei o site para atualizar meus dados de endereço e nome (nome de casada) e estes campos são fechados, como devo proceder? Para os campos que não estão disponíveis para que o profissional atualize diretamente, é necessário que solicite atualização de dados cadastrais para e anexe uma cópia digitalizada de documento que comprove sua solicitação. Exemplos: nome (identidade ou certidão); endereço (conta de consumo em seu nome). Apenas assim poderá ser atualizado o seu cadastro. 86. Teremos um conselho virtual? O CAU/BR foi instalado oficialmente com a posse do presidente Haroldo Pinheiro em 19 de dezembro de O SICCAU entrou em operação nacional no dia 22 de dezembro de 2011 e, antes de completar 30 dias, emitiu mais de 12 mil RRTs online, para todo o País. Também foram mais de Certidões de Registro e Quitação e Certidões de Acervo Técnico disponibilizadas, dentre outros serviços. Em breve, os CAUs estarão instalados em sedes nas capitais dos Estados e Distrito Federal e prestando mais serviços aos profissionais e sociedade. 87. Perdi minha Carteira Profissional do CREA, o que faço? Se for preciso utilizar a carteira do CREA, que é válida até 31 de março por Resolução (n 6) do CAU, como alternativa, você pode preencher e imprimir uma Certidão de Registro e Quitação do CAU, onde aparecerão

13 os seus dados. A emissão de novas carteiras do CAU ainda não tem data prevista. ATRIBUIÇÕES 88. Perdi atribuições com relação ao que tinha antes no CREA? Não, os arquitetos e urbanistas continuam com suas mesmas atribuições, sendo que agora em lei e não mais em resolução. 89. O que significa a mensagem senha resetada? Indica que a senha foi enviada para o endereço do cadastrado. 90. É possível ao profissional alterar os dados cadastrais diretamente no ambiente restrito do profissional? Sim, mas apenas os campos que estão disponíveis para atualização. Dados que não estão disponíveis para atualização por parte do profissional devem ser solicitados para 91. Podem ser incluídos dois s no cadastro para garantia de recebimento? Este procedimento está em estudo para verificação de viabilidade. 92. No sítio eletrônico do CAU, o RRT não é finalizado, pois não aceita o CEP quando este é digitado. Já conferi o CEP com o Correio e está correto. Como proceder? Vamos verificar o caso da alteração automática do CEP junto ao suporte técnico do CAU. E, por favor, encaminhe um para relatando o seu caso. SERVIÇOS QUE ESTÃO DISPONÍVEIS NO SICCAU 22/01 (Sistema de Informação e Comunicação do CAU) 93. Quais são os serviços que estão disponíveis no SICCAU? Certidão de Acervo Técnico Com Atestado Sem Atestado Certidão de Registro e Quitação Pessoa Física Pessoa Jurídica Cadastro de Contratante Pessoa Física Pessoa Jurídica RRT de Obra/Serviço RRT para Cadastro RRT Múltiplo RRT de Cargo/Função Alteração/Complementação de Dados Pessoais Alteração de Senha Pagamento de Anuidade (A partir do dia 21 de Janeiro) Gráficos Estatísticos RRTs elaborados RRTs elaborados pendentes RRTs registrados

14 RRTs aptos à baixa de responsabilidade técnica RRTs com baixa de responsabilidade técnica Contratantes Pessoa Física Contratantes Pessoa Jurídica Eventos Notificações/Autos ativos Certidões emitidas Certidões em análise Certidões vencidas Responsabilidade técnica Sociedade em empresas Guias/Boletos Títulos Cadastro e Registro Pessoa Física Pessoa Jurídica Cadastro e Acompanhamento de Protocolo/Processo Emissão de Boletos RRT Compensação de Títulos Bancários - 21 de Janeiro

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DE PERNAMBUCO CREA-PE

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DE PERNAMBUCO CREA-PE Versão 1.0.3 Página 1 de 30 13/08/2013 INTRODUÇÃO O Crea-PE está dando um grande passo rumo à modernização em sua área de informatização: está substituindo o seu sistema de cadastro para melhorar o atendimento

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho ATENDIMENTO IT. 14 16 1 / 23 1. OBJETIVO Estabelecer diretrizes para o atendimento realizado pelo Crea GO ao profissional, empresa e público em geral. 2. DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Lei n 5.194 24 de dezembro

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE IT Instrução de Trabalho ATENDIMENTO IT. 14 13 1 / 20 1. OBJETIVO Estabelecer diretrizes para o atendimento realizado pelo Crea GO ao profissional, empresa e público em geral. 2. DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Lei n 5.194 24 de dezembro

Leia mais

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 MANUAL DE USO DO SISTEMA GOVERNO DIGITAL ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 2.0. SOLICITAÇÕES DE AIDF E AUTORIZAÇÃO DE EMISSÃO DE NOTA

Leia mais

SLEA SISTEMA DE LICENCIAMENTO ELETRÔNICO DE ATIVIDADES DA PREFEITURA DE SÃO PAULO

SLEA SISTEMA DE LICENCIAMENTO ELETRÔNICO DE ATIVIDADES DA PREFEITURA DE SÃO PAULO SLEA SISTEMA DE LICENCIAMENTO ELETRÔNICO DE ATIVIDADES DA PREFEITURA DE SÃO PAULO Manual passo-a-passo para obtenção do Auto de Licença de Funcionamento/ Auto de Licença de Funcionamento Condicionado Eletrônico

Leia mais

SCRIPTS PADRÃO P/ SETOR PORTAL DETRAN.SP (senha, login)

SCRIPTS PADRÃO P/ SETOR PORTAL DETRAN.SP (senha, login) SCRIPTS PADRÃO P/ SETOR PORTAL DETRAN.SP (senha, login) Conteúdo Como realizar o meu cadastro para ter acesso aos Serviços Eletrônicos?... 2 Como realizar meu login... 3 Esqueci Minha Senha... 4 O que

Leia mais

FUNCIONALIDADES BÁSICAS DO SICCAU

FUNCIONALIDADES BÁSICAS DO SICCAU FUNCIONALIDADES BÁSICAS DO SICCAU Sistema de Comunicação do Conselho de Arquitetura e Urbanismo Elaboração: Julho/2012 Revisão 5: Maio/2014 Composição do CAU/BA: Presidente: Arq. e Urb. Guivaldo D Alexandria

Leia mais

PASSO A PASSO DAS FUNCIONALIDADES BÁSICAS DO SICCAU

PASSO A PASSO DAS FUNCIONALIDADES BÁSICAS DO SICCAU PASSO A PASSO DAS FUNCIONALIDADES BÁSICAS DO SICCAU Sistema de Comunicação do Conselho de Arquitetura e Urbanismo Elaboração: Julho/2012 Revisão 2: Dezembro/2012 Composição do CAU/BA: Presidente: Jandira

Leia mais

Manual do Usuário - Cliente Externo

Manual do Usuário - Cliente Externo Versão 3.0 SGCL - Sistema de Gestão de Conteúdo Local SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 4 1.1. Referências... 4 2. COMO ESTÁ ORGANIZADO O MANUAL... 4 3. FUNCIONALIDADES GERAIS DO SISTEMA... 5 3.1. Acessar a Central

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA CONFEA. RESOLUÇÃO Nº 1.066, DE 25 DE SETEMBRO de 2015.

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA CONFEA. RESOLUÇÃO Nº 1.066, DE 25 DE SETEMBRO de 2015. RESOLUÇÃO Nº 1.066, DE 25 DE SETEMBRO de 2015. Fixa os critérios para cobrança das anuidades, serviços e multas a serem pagos pelas pessoas físicas e jurídicas registradas no Sistema Confea/Crea, e dá

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÃO. 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo:

GUIA DE ORIENTAÇÃO. 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo: GUIA DE ORIENTAÇÃO 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo: 1.1 - ACESSAR O SITE DA PREFEITURA: 1.2 - CLICAR NA OPÇÃO: SERVIÇOS >> NOTA FISCAAL ELETRÔNICA 1.3 - Aguarde carregar

Leia mais

Manual do Usuário. SIGAI - versão 1.3. I Funcionalidades do Módulo Internet

Manual do Usuário. SIGAI - versão 1.3. I Funcionalidades do Módulo Internet Manual do Usuário SIGAI - versão 1.3 I Funcionalidades do Módulo Internet 1 Conteúdo PARTE1- MÓDULO INTERNET...4 ACESSANDO O SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE ADOÇÃO INTERNACIONAL - SIGAI NA INTERNET...4 SOLICITAÇÃO

Leia mais

Instruções de Preenchimento para Inscrição ao ENEM 2010

Instruções de Preenchimento para Inscrição ao ENEM 2010 Instruções de Preenchimento para Inscrição ao ENEM 2010 Para realizar a inscrição ao ENEM 2010, o participante deve ter em mãos seus documentos pessoais: CPF e RG. Além disso, a informação correta do CEP

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física Acesso ao Sistema - Pessoa Física Página 2 de 37 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS... 4 1.1. DEFINIÇÃO... 4 1.2. OBRIGATORIEDADE DE EMISSÃO DA NFS-E... 4 1.3. CONTRIBUINTES IMPEDIDOS DA EMISSÃO

Leia mais

Passo a passo Aditamento a Contrato de Arrendamento Mercantil Cessão de Direitos e Obrigações.

Passo a passo Aditamento a Contrato de Arrendamento Mercantil Cessão de Direitos e Obrigações. Passo a passo Aditamento a Contrato de Arrendamento Mercantil Cessão de Direitos e Obrigações. Para dar início ao processo de transferência do contrato primeiramente é necessário preencher a proposta para

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA PREENCHIMENTO DA A.R.T. NACIONAL

INSTRUÇÕES PARA PREENCHIMENTO DA A.R.T. NACIONAL INSTRUÇÕES PARA PREENCHIMENTO DA A.R.T. NACIONAL Este passo a passo visa instruir o preenchimento correto do formulário eletrônico da A.R.T. Nacional. O Crea-Minas disponibiliza aos profissionais e empresas

Leia mais

FAQ Perguntas Frequentes versão 01/02/2014

FAQ Perguntas Frequentes versão 01/02/2014 - Jucergs DÚVIDAS ADICIONAIS SOBRE DBE/CNPJ, PREVISTAS NESTE INFORMATIVO, DEVERÃO SER DIRIGIDAS À RECEITA FEDERAL, ATRAVÉS DE AGENDAMENTO DE HORÁRIO PELA INTERNET, PARA O SERVIÇO ORIENTAÇÕES CNPJ OU CONSULTADO

Leia mais

Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 8

Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 8 Sumário PANORAMA... 6 APRESENTAÇÃO... 6 O QUE É GISSONLINE?... 6 FILOSOFIA DA GISSONLINE... 6 BENEFÍCIOS QUE A GISSONLINE OFERECE... 6 PORTAL GISSONLINE... 7 ACESSO PARA CONTRIBUINTES COM IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

RESPOSTAS A PERGUNTAS MAIS FREQUENTES DA SOCIEDADE (inciso VI do art. 8º da Lei nº 12.527/2011) SUMÁRIO. 1. Registro Profissional...

RESPOSTAS A PERGUNTAS MAIS FREQUENTES DA SOCIEDADE (inciso VI do art. 8º da Lei nº 12.527/2011) SUMÁRIO. 1. Registro Profissional... SUMÁRIO 1. Registro Profissional... 2 2. Isenção de Anuidade... 3 3. Transferência de Regional... 4 4. Cancelamento de Registro (Pessoa Física)... 5 5. Reativação de Registro Profissional... 6 6. Parcelamento

Leia mais

1 - Acessando o sistema de preenchimento

1 - Acessando o sistema de preenchimento Manual simplificado para preenchimento da ART Online Res. 1.025/2009 do Confea. 1 - Acessando o sistema de preenchimento Acesse o site www.crea-go.org.br no centro da página inicial, na identificação ART

Leia mais

GUIA PARA NOVOS NO ELO7: MEIOS DE PAGAMENTO 1

GUIA PARA NOVOS NO ELO7: MEIOS DE PAGAMENTO 1 GUIA PARA NOVOS NO ELO7: MEIOS DE PAGAMENTO 1 ÍNDICE 1. Meios de Pagamento disponíveis 1.1 Notificação de Pagamento 03 03 2. Moip 2.1 Benefícios 2.2 Como criar uma conta no Moip 2.2.1. Verificação da conta

Leia mais

SERVIÇOS. Serviços Relacionados à Pessoa Física

SERVIÇOS. Serviços Relacionados à Pessoa Física SERVIÇOS Serviços Relacionados à Pessoa Física Atenção: Documentos apresentados em fotocópia devem ser autenticados em cartório ou acompanhados dos originais para receberem autenticação do CREA. Documentos

Leia mais

PEDIDOS WEB MANUAL DO USUÁRIO

PEDIDOS WEB MANUAL DO USUÁRIO PEDIDOS WEB MANUAL DO USUÁRIO CONTEÚDO Sobre o site... 2 Segurança -Trocar Senha... 4 Segurança Cadastrarusuários... 5 Configurações Preços... 6 Configurações Dados de Contato... 7 Configurações Assinatura

Leia mais

Como oferto um lance. Clique nas opções abaixo para ser direcionado ao passo a passo: ATENDIMENTO. - Como oferto um lance?

Como oferto um lance. Clique nas opções abaixo para ser direcionado ao passo a passo: ATENDIMENTO. - Como oferto um lance? Clique nas opções abaixo para ser direcionado ao passo a passo: ATENDIMENTO - Como oferto um lance? - Como imprimo 2ª via de boleto ao cliente? - Como realizo uma transferência de cota? - Onde consulto

Leia mais

RESOLUÇÃO N 28, DE 6 DE JULHO DE 2012

RESOLUÇÃO N 28, DE 6 DE JULHO DE 2012 RESOLUÇÃO N 28, DE 6 DE JULHO DE 2012 Dispõe sobre o registro e sobre a alteração e a baixa de registro de pessoa jurídica de Arquitetura e Urbanismo nos Conselhos de Arquitetura e Urbanismo dos Estados

Leia mais

MANUAL DO OFICIAL DE JUSTIÇA

MANUAL DO OFICIAL DE JUSTIÇA MANUAL DO OFICIAL DE JUSTIÇA TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE MATO GROSSO Janeiro 2012 Conteúdo Elaboração do projeto... 3 1. Acesso ao Sistema... 4 2. Tipo de Certificado... 4 2.1. Navegador padrão para acessar

Leia mais

Nota Fiscal Cidadã Manual do Registro de Reclamações

Nota Fiscal Cidadã Manual do Registro de Reclamações Nota Fiscal Cidadã Manual do Registro de Reclamações Versão 6 Objetivo do Manual Orientar sobre os procedimentos necessários para comunicação à SEFA da ocorrência de infrações à legislação do Programa

Leia mais

Perguntas e Respostas do esocial Empregador Doméstico

Perguntas e Respostas do esocial Empregador Doméstico Perguntas e Respostas do esocial Empregador Doméstico Versão 2.1 12/11/2015 Alterações em relação à versão anterior Alterado: itens 23, 25, 30, 31, 34, 35, 37, 46, 47 e 48 Incluído: itens 14, 40, 41 e

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA EDITAL Nº 019/PRPGP/UFSM, DE 06 DE MAIO DE 2014

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA EDITAL Nº 019/PRPGP/UFSM, DE 06 DE MAIO DE 2014 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA EDITAL Nº 019/PRPGP/UFSM, DE 06 DE MAIO DE 2014 ABERTURA DE INSCRIÇÃO AOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM NÍVEL DE ESPECIALIZAÇÃO A DISTÂNCIA PARA

Leia mais

Manual do Usuário - Processo Certificado de Registro Pessoa Física Manual Operacional Certificado de Registro Pessoa Física CRPF

Manual do Usuário - Processo Certificado de Registro Pessoa Física Manual Operacional Certificado de Registro Pessoa Física CRPF Manual Operacional Certificado CRPF Abril Curitiba - PR 1 Sumário 1 OBJETIVO 6 2 ACESSO INICIAL PARA TODOS OS USUÁRIOS (CAC S) 7 2.1 REALIZANDO O PRIMEIRO CADASTRO. 8 2.1.1 CPF 8 2.1.2 TAPE 8 2.1.3 CÓDIGO

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE CAT ON-LINE. Solicitação de CAT N-LINE CREA-SP PASSO-A-PASSO

SOLICITAÇÃO DE CAT ON-LINE. Solicitação de CAT N-LINE CREA-SP PASSO-A-PASSO SOLICITAÇÃO DE CAT ON-LINE CAT Solicitação de CREA-SP N-LINE PASSO-A-PASSO 1 2 CREA-SP SOLICITAÇÃO DE CAT ON-LINE: A QUALQUER HORA, EM QUALQUER LUGAR! O QUE É ACERVO TÉCNICO? É o conjunto das atividades

Leia mais

SISTEMA CADASTRO INTEGRADO MANUAL DO USUÁRIO DAS ENTIDADES ESTADUAIS E MUNICIPAIS, PREFEITURA E CORPO DE BOMBEIROS

SISTEMA CADASTRO INTEGRADO MANUAL DO USUÁRIO DAS ENTIDADES ESTADUAIS E MUNICIPAIS, PREFEITURA E CORPO DE BOMBEIROS SISTEMA CADASTRO INTEGRADO MANUAL DO USUÁRIO DAS ENTIDADES ESTADUAIS E MUNICIPAIS, PREFEITURA E CORPO DE BOMBEIROS Abril / 2008 1 INDICE Objetivo do Sistema de Registro de Contribuinte na Junta Comercial...3

Leia mais

MANUAL DE ACESSO AO SITE DA CERTIFICAÇÃO

MANUAL DE ACESSO AO SITE DA CERTIFICAÇÃO MANUAL DE ACESSO AO SITE DA CERTIFICAÇÃO Para acesso das instituições participantes ao site da certificação Data da Elaboração: 01/11/2009 Última atualização: 29/01/2014 D.04.34.00 APROVADOR: Gerência

Leia mais

PEDIDO DE VIABILIDADE. Pedido de Viabilidade. Página 1 / 52

PEDIDO DE VIABILIDADE. Pedido de Viabilidade. Página 1 / 52 Pedido de Viabilidade Página 1 / 52 ÍNDICE APRESENTAÇÃO... 3 PEDIDO DE VIABILIDADE PARA INSCRIÇÃO DE PRIMEIRO ESTABELECIMENTO... 4 Dados do Solicitante e da Pessoa Jurídica... 5 Quadro Societário... 8

Leia mais

1. INSTALAÇÃO DO SISTEMA. 3 2. PRIMEIRO LOGIN. 8 3. ATUALIZAÇÃO DO SISTEMA. 12 4. DESINSTALAÇÃO DO SISTEMA. 14 5. EXCLUIR DADOS. 15 6.

1. INSTALAÇÃO DO SISTEMA. 3 2. PRIMEIRO LOGIN. 8 3. ATUALIZAÇÃO DO SISTEMA. 12 4. DESINSTALAÇÃO DO SISTEMA. 14 5. EXCLUIR DADOS. 15 6. Índice 1. INSTALAÇÃO DO SISTEMA...3 2. PRIMEIRO LOGIN...8 3. ATUALIZAÇÃO DO SISTEMA...12 4. DESINSTALAÇÃO DO SISTEMA...14 5. EXCLUIR DADOS...15 6. APRESENTAÇÃO DO EXTRANET...17 6.1 Sistema DESCONECTADO...18

Leia mais

Bruna Galinde 29.10.2014 Acesso WEB ÍNDICE

Bruna Galinde 29.10.2014 Acesso WEB ÍNDICE Manual 2.1 01/25 ÍNDICE Título Página ATENDIMENTO... 2 PRIMEIRO ACESSO... 3 ALTERAÇÃO DE SENHA... 4 DADOS CADASTRAIS... 5 FALE CONOSCO... 6 EXTRATO DE CONTRIBUIÇÃO... 7 DOWNLOAD... 8 EMPRÉSTIMO... 9 SIMULADOR

Leia mais

Treinamento Proposta Online

Treinamento Proposta Online Treinamento Proposta Online 03 Procedimentos para preenchimento da Proposta Preenchendo a Proposta Online Digitalizando os documentos 06 20 33 Pendências nas Propostas 02 Procedimentos para preenchimento

Leia mais

ORIENTAÇÃO AO TOMADOR DE SERVIÇO, QUANTO A RETENÇÃO DO ISS

ORIENTAÇÃO AO TOMADOR DE SERVIÇO, QUANTO A RETENÇÃO DO ISS 1 PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCISCO BELTRÃO SECRETARIA DE FINANÇAS / DEPARTAMENTO DE FISCALIZAÇÃO ORIENTAÇÃO AO TOMADOR DE SERVIÇO, QUANTO A RETENÇÃO DO ISS Olá Tomadores de Serviço, a Prefeitura Municipal

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL DO PROFESSOR

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL DO PROFESSOR MANUAL DO USUÁRIO PORTAL DO PROFESSOR ACESSANDO O PORTAL DO PROFESSOR Para acessar o portal do professor, acesse o endereço que você recebeu através da instituição de ensino ou acesse diretamente o endereço:

Leia mais

Manual de Instruções ISS WEB SISTEMA ISS WEB. Sil Tecnologia LTDA

Manual de Instruções ISS WEB SISTEMA ISS WEB. Sil Tecnologia LTDA SISTEMA ISS WEB Sil Tecnologia LTDA Sumário INTRODUÇÃO 3 1. ACESSO AO SISTEMA 4 2. AUTORIZAR USUÁRIO 5 3. TELA PRINCIPAL 6 4. ALTERAR SENHA 7 5. TOMADORES DE SERVIÇO 7 5.1 Lista de Declarações de Serviços

Leia mais

MANUAL DO. estagiário

MANUAL DO. estagiário MANUAL DO estagiário ESTÁCIO SUMÁRIO MANUAL DO ESTAGIÁRIO 1) Vai fazer estágio...5 a) Importância do estágio...5 b) Estágio obrigatório x estágio não obrigatório...5 c) Como é a legislação de estágio?...5

Leia mais

MANUAL PARA SOLICITAÇÃO DO CERTIFICADO DIGITAL

MANUAL PARA SOLICITAÇÃO DO CERTIFICADO DIGITAL MANUAL PARA SOLICITAÇÃO DO CERTIFICADO DIGITAL Agosto / 2015 1 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 IMPORTANTE ANTES DE SOLICITAR O CERTIFICADO DIGITAL... 3 SOLICITAÇÃO DO CERTIFICADO DIGITAL... 4 APRESENTAÇÃO DOS

Leia mais

Roteiro para Cadastramento no Módulo PC Online do SiGPC Data de atualização: 10/2/2012

Roteiro para Cadastramento no Módulo PC Online do SiGPC Data de atualização: 10/2/2012 Roteiro para Cadastramento no Módulo PC Online do SiGPC Data de atualização: 10/2/2012 Para começar, tenha em mãos o seguinte: A mensagem eletrônica ou ofício que você recebeu do FNDE contendo Usuário

Leia mais

Sistema Serviço de Valet

Sistema Serviço de Valet Sistema Serviço de Valet Manual do Usuário Página 1 Sistema Serviço de Valet Manual do Usuário Versão 1.0.0 Sistema Serviço de Valet Manual do Usuário Página 2 Índice 1. Informações gerais... 3 2. Passo-a-passo...

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL Manual do ITIV PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE TRIBUTAÇÃO M A N U A L D O ITIV PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL Manual do ITIV ÍNDICE INFORMAÇÕES GERAIS...3

Leia mais

Guia Rápido do Usuário

Guia Rápido do Usuário CERTIDÕES UNIFICADAS Guia Rápido do Usuário CERTUNI Versão 1.0.0 CASA DA MOEDA DO BRASIL Conteúdo Acessando o Sistema... 3 Alterando Senhas... 3 Encerrando sua Sessão... 4 Gerando Pedido... 4 Alterando

Leia mais

PROCEDIMENTO DO CLIENTE

PROCEDIMENTO DO CLIENTE PROCEDIMENTO DO CLIENTE Título: Manual da Loja Virtual. Objetivo: Como anunciar produtos e acompanhar as vendas. Onde: Empresa Quem: Cliente Quando: Início Através deste manual, veremos como anunciar e

Leia mais

1. Conhecendo a GissOnline

1. Conhecendo a GissOnline 1. Conhecendo a GissOnline 1.01 Quem deve utilizar a ferramenta Gissonline? Todos os prestadores e tomadores de serviço sejam eles pessoas jurídicas (empresas) ou equiparadas, estabelecidas ou sediadas

Leia mais

SIGA Manual -1ª - Edição

SIGA Manual -1ª - Edição SIGA Manual -1ª - Edição ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 4 2. MÓDULO DE PROCESSOS 4 3. ACESSO AO SISTEMA 4 3.1 Acessando o Sistema 4 3.2 Primeiro Acesso 5 3.3 Login do Fornecedor 5 o Teclado Virtual 5 o Máquina Virtual

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES. NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e)

ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES. NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e) ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e) Diretoria Geral de Tributos Biguaçu, Janeiro de 2012 INTRODUÇÃO

Leia mais

PROGRAMA INTERNACIONAL DE PÓS GRADUAÇÃO MONTEVIDÉU URUGUAI MESTRADO EM GESTÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE

PROGRAMA INTERNACIONAL DE PÓS GRADUAÇÃO MONTEVIDÉU URUGUAI MESTRADO EM GESTÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE PROGRAMA INTERNACIONAL DE PÓS GRADUAÇÃO MONTEVIDÉU URUGUAI MESTRADO EM GESTÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE INFORMAÇÕES GERAIS PARA INGRESSO EM JANEIRO DE 2013 As informações abaixo visam facilitar seu

Leia mais

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Manual CeC

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Manual CeC CeC Cadastro eletrônico de Contribuintes Manual CeC Atualizado em 21/02/2013 APRESENTAÇÃO Este manual apresenta a estrutura e a forma de utilização do módulo Cadastro eletrônico de Contribuintes CeC, o

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO

PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO Acesse o site www.teubilhete.com.br, selecione a opção Teu Online, e clique no botão, preencha o formulário com os dados de sua empresa. Reúna duas vias impressas do Contrato

Leia mais

Perguntas e Respostas

Perguntas e Respostas CONTA COM A GENTE PARCELE SUA DÍVIDA COM DESCONTOS NOS JUROS E MULTA Perguntas e Respostas P: O que é o Programa de Recuperação de Crédito do DMAE? R: É a oportunidade dos usuários que possuem dívidas

Leia mais

PROCESSO DE LICITAÇÃO E COMPRA DIRETA DO SISTEMA DE GESTÃO DE MATERIAIS E SERVIÇOS GMS

PROCESSO DE LICITAÇÃO E COMPRA DIRETA DO SISTEMA DE GESTÃO DE MATERIAIS E SERVIÇOS GMS PROCESSO DE LICITAÇÃO E COMPRA DIRETA DO SISTEMA DE GESTÃO DE MATERIAIS E SERVIÇOS GMS Este manual não tem a pretensão de esgotar as dúvidas acerca dos procedimentos de compras de materiais e/ou serviços

Leia mais

Manual PME. de Movimentação Cadastral e Faturamento

Manual PME. de Movimentação Cadastral e Faturamento Manual PME de Movimentação Cadastral e Faturamento 2 Caro cliente Obrigado por escolher a NotreDame Intermédica como a operadora de saúde dos seus colaboradores. Este Manual de Utilização do PME On-line

Leia mais

MANUAL DO ISS ONLINE

MANUAL DO ISS ONLINE MANUAL DO ISS ONLINE Exploradores de Rodovias Índice 1 - Regularização Cadastral... 3 2 - Login... 5 3 - Acessos ao Sistema... 7 6 - Escriturações Eletrônica... 10 7 - Emissões de Guia de ISS... 11 Manual

Leia mais

Manual de Treinamento Serviços de Manutenção Ticket Car. Operações via POS/TEF

Manual de Treinamento Serviços de Manutenção Ticket Car. Operações via POS/TEF Manual de Treinamento Serviços de Manutenção Ticket Car Operações via POS/TEF Cartão Ticket Car CIU - Cartão de Identificação do Usuário ÍNDICE Operações com o Cartão Ticket Car... 04 POS Ticket Car :

Leia mais

MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE

MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE Versão 1.0.5 Março/2014 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO... 6 2.

Leia mais

Ex-aluno: No site www.unimonte.br, lado esquerdo da página, no menu Acesse Também, clique em Ex-Alunos.

Ex-aluno: No site www.unimonte.br, lado esquerdo da página, no menu Acesse Também, clique em Ex-Alunos. Manual do SOL: Sistema On-line O que é o SOL? O SOL - Sistema On-line - tem o objetivo de proporcionar maior interação e troca de informações entre os alunos, os professores, a Secretaria Acadêmica e a

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL CARTÃO DE CRÉDITO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO PE

ROTEIRO OPERACIONAL CARTÃO DE CRÉDITO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO PE E-MAILS DE CONTATO BANCO DAYCOVAL Negócio Roteiro Operacional Promotora MESA DE ANALISE CARTÃO CONSIGNADO cartaoliberacao@bancodaycoval.com.br Empréstimo Cartão Débito C/C SUPORTE PROMOTORA suportepromotora@bancodaycoval.com.br

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA. Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica (SISTEC) GUIA SISTEC

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA. Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica (SISTEC) GUIA SISTEC MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica (SISTEC) GUIA SISTEC FEVEREIRO / 2010 GUIA SISTEC INTRODUÇÃO...03 PRÉ-CADASTRO

Leia mais

Programa NOSSABOLSA. Manual. Procedimentos

Programa NOSSABOLSA. Manual. Procedimentos Programa NOSSABOLSA Manual de Procedimentos Instituições de Ensino Superior - IES - 1 1 - Adesão da Mantenedora ao Programa...4 1.1 - Informações preliminares...4 1.2 - Requerimento...4 1.2.1 - Para aderir

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO E EXPLICATIVO

BOLETIM INFORMATIVO E EXPLICATIVO BOLETIM INFORMATIVO E EXPLICATIVO ELEIÇÕES CRF/MS 2011 WEB VOTO No próximo dia 10 de novembro de 2011, no horário das 8h às 18h (horário local MS), acontece as Eleições 2011 no Conselho Regional de Farmácia

Leia mais

Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes do Banco do Nordeste Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB

Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes do Banco do Nordeste Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB Pág. 1 Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB Pág. 2 Instalação o o o o Baixar o Setup v3.5.38.exe disponível no site do BNB Executando o aplicativo aparecerá a imagem abaixo Clique

Leia mais

DIVISÃO DE QUALIDADE DE VIDA

DIVISÃO DE QUALIDADE DE VIDA DIVISÃO DE QUALIDADE DE VIDA Seleção de projetos culturais Orientações gerais para uso do sistema online MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA DE CAPTAÇÃO DE PROJETOS CULTURAIS ONLINE DO SESI-SP O SESI-SP na área

Leia mais

F.A.Q. PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

F.A.Q. PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO F.A.Q. PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO Página 1 Sumário DÚVIDAS GERAIS... 3 PREGÃO ELETRÔNICO... 6 Página 2 DÚVIDAS GERAIS 1. O que é o Fluxograma das Etapas? Resposta: O fluxograma representa

Leia mais

Portal de Vendas Online

Portal de Vendas Online Portal de Vendas Online Manual do Representante Versão 1.0 Manual do Representante 2 Sumário Introdução ao Portal da Dorma... 3 Fluxo de Vendas... 3 Fluxo de Cadastro ou Alteração de Cliente... 4 Orientações

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA. EDITAL Nº 034/PRPGP/UFSM, de 18 de julho de 2012

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA. EDITAL Nº 034/PRPGP/UFSM, de 18 de julho de 2012 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA EDITAL Nº 034/PRPGP/UFSM, de 18 de julho de 2012 ABERTURA DE INSCRIÇÃO AO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO ENGENHARIA ELÉTRICA, EM NÍVEL DE DOUTORADO (CÓDIGO

Leia mais

UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL CONCURSOS DE BOLSAS 2016.1

UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL CONCURSOS DE BOLSAS 2016.1 UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL CONCURSOS DE BOLSAS 2016.1 O Reitor do UNIABEU - Centro Universitário torna pública a abertura de inscrições para o Processo Seletivo Social, para o 1º semestre de 2016,

Leia mais

Sistemas Corporativos da USP (Web)

Sistemas Corporativos da USP (Web) Sistemas Corporativos da USP (Web) O sistema de estágios remunerados da USP é fruto da colaboração das seguintes áreas da Reitoria da Universidade de São Paulo: Departamento de Recursos Humanos, Departamento

Leia mais

UnionWeb Condominium

UnionWeb Condominium UnionWeb Condominium Esse manual contém explicações técnicas de configuração e manutenção administrativa. Não deve ser repassado para moradores, é para utilização da Administradora ou responsável para

Leia mais

PROGRAMA INTERNACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO MONTEVIDÉU URUGUAI MESTRADO EM MARKETING E DIREÇÃO COMERCIAL

PROGRAMA INTERNACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO MONTEVIDÉU URUGUAI MESTRADO EM MARKETING E DIREÇÃO COMERCIAL PROGRAMA INTERNACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO MONTEVIDÉU URUGUAI MESTRADO EM MARKETING E DIREÇÃO COMERCIAL INFORMAÇÕES GERAIS PARA INGRESSO EM JANEIRO DE 2013 As informações abaixo visam facilitar seu entendimento

Leia mais

Manual do Portal do Fornecedor. isupplier

Manual do Portal do Fornecedor. isupplier isupplier Revisão 01 Setembro 2011 Sumário 1 Acesso ao portal isupplier... 03 2 Home Funções da Tela Inicial... 05 3 Ordens de Compra Consultar Ordens de Compra... 07 4 Entregas Consultar Entregas... 13

Leia mais

Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro

Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro Manual do Fornecedor/cedente (MPE) Balcão Financeiro Painel de recebíveis e Painel de linhas de crédito Versão 1.0 1 As informações contidas neste documento, incluindo quaisquer URLs e outras possíveis

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO DO HOSPITAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PARA MÉDICOS RESIDENTES/2016

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO DO HOSPITAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PARA MÉDICOS RESIDENTES/2016 PROCESSO SELETIVO PÚBLICO DO HOSPITAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PARA MÉDICOS RESIDENTES/2016 PROGRAMA COM PRÉ-REQUISITO - ÁREA DE ATUAÇÃO - PSICOTERAPIA EDITAL Nº 018/PRPGP/UFSM, de 31 de

Leia mais

SERVIÇOS REQUERIMENTO

SERVIÇOS REQUERIMENTO Certidão e Reimpressão de Documentos 1 / 17 todos os direitos reservados. ÍNDICE Introdução... 3 Acesso Restrito... 4 Cadastro... 4 Serviços Requerimento... 6 Certidão Web... 7 Certidão Simplificada...

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO TREINAMENTO EAD (Educação a Distância) ÍNDICE

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO TREINAMENTO EAD (Educação a Distância) ÍNDICE MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO TREINAMENTO EAD (Educação a Distância) ÍNDICE FORMAS DE ACESSO AO AMBIENTE EAD... 2 O AMBIENTE EAD... 3 TERMO DE COMPROMISSO... 4 CONHECENDO A HOME PAGE DO TREINAMENTO EAD... 4

Leia mais

Manual SERVIRTUAL (Usuário externo)

Manual SERVIRTUAL (Usuário externo) Manual SERVIRTUAL (Usuário externo) SER - SECRETARIA DE ESTADO DA RECEITA - PARAIBA GOIEF Gerencia Operacional de Informações Econômico Fiscais NAPDF Núcleo de Análise e Planejamento de Documentos Fiscais

Leia mais

Informações inerentes à renovação de matrícula para o ano letivo de 2016.

Informações inerentes à renovação de matrícula para o ano letivo de 2016. Vitória/ES, 02 de outubro de 2015. Informações inerentes à renovação de matrícula para o ano letivo de 2016. Senhores Pais ou Responsáveis, Informamos que o Contrato de Prestação de Serviços Educacionais

Leia mais

ROTEIRO PARA RECADASTRAMENTO DE POSTOS DE COMBUSTÍVEIS

ROTEIRO PARA RECADASTRAMENTO DE POSTOS DE COMBUSTÍVEIS CONTATOS PARA ESCLARECIMENTO DE DÚVIDAS OU SOLUÇÃO DE DIFICULDADES COM O SISTEMA: IBAMA/Brasília: (61) 3316 1677 IBAMA/Vitória: (27) 3089 1190 / 1191 ROTEIRO PARA RECADASTRAMENTO DE POSTOS DE COMBUSTÍVEIS

Leia mais

GUIA RÁPIDO DO USUÁRIO (Sistema NFSE) Acesse nossos manuais em: ead.sempretecnologia.com.br

GUIA RÁPIDO DO USUÁRIO (Sistema NFSE) Acesse nossos manuais em: ead.sempretecnologia.com.br GUIA RÁPIDO DO USUÁRIO () Acesse nossos manuais em: ead.sempretecnologia.com.br Sumário Configurações iniciais... 3 Acessando o sistema... 3 Alterando a senha de acesso... 3 Cadastrando clientes... 4 Cadastrando

Leia mais

CeC. Cadastro Eletrônico de Contribuintes

CeC. Cadastro Eletrônico de Contribuintes CeC Cadastro Eletrônico de Contribuintes Versão 1.0 Usuário Externo Março/2010 Índice 1. Apresentação... 3 2. Objetivos... 3 3. Solicitação de CeC... 4 3.1. Cadastro de pessoas físicas... 5 3.1.1. Cadastro

Leia mais

CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DO AMAZONAS CAU/AM EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO N. 01/2013

CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DO AMAZONAS CAU/AM EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO N. 01/2013 CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DO AMAZONAS CAU/AM EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO N. 01/2013 O CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DO AMAZONAS CAU/AM, criado pela lei nº 12.378, de 31 de

Leia mais

Bioética Aplicada às Pesquisas Envolvendo Seres Humanos

Bioética Aplicada às Pesquisas Envolvendo Seres Humanos Rio de Janeiro, 06 de janeiro de 2012 Bioética Aplicada às Pesquisas Envolvendo Seres Humanos EDITAL PARA SELEÇÃO DE ALUNOS A Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca (ENSP), da Fundação Oswaldo

Leia mais

PROCESSOS PARA VERIFICAÇÃO DE REGULARIZAÇÃO DE ILÍCITO. Acobertamento/Receituário agronômico.

PROCESSOS PARA VERIFICAÇÃO DE REGULARIZAÇÃO DE ILÍCITO. Acobertamento/Receituário agronômico. Parte 1. Exceções (processos que não são passíveis de regularização) Processo cuja data de recebimento do auto de infração tenha ocorrido há mais de 5 (cinco) anos.. Processos paralisados há mais de 3

Leia mais

Manual de Gerenciamento da Loja Virtual. versão 2.0.0

Manual de Gerenciamento da Loja Virtual. versão 2.0.0 Sumário Manual de Gerenciamento da Loja Virtual 1. Iniciando o Gerenciamento... 4 2. Cadastros... 6 2.1. Categorias*... 6 2.2. Atributos*... 7 2.3. Produtos... 9 2.3.1. Exemplo de Cadastro de novo produto:...

Leia mais

APLICATIVO WebSIGOM *Este documento não pode ser impresso ou comercializado.

APLICATIVO WebSIGOM *Este documento não pode ser impresso ou comercializado. APLICATIVO WebSIGOM *Este documento não pode ser impresso ou comercializado. Índice: 1- Acessando o WebSIGOM pág. 03 2- Menu Cadastro pág. 04 2.1- Para inserir um novo usuário pág. 04 2.2- Para consultar

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA. EDITAL Nº 037/PRPGP/UFSM, de 13 de agosto de 2012

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA. EDITAL Nº 037/PRPGP/UFSM, de 13 de agosto de 2012 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA EDITAL Nº 037/PRPGP/UFSM, de 13 de agosto de 2012 ABERTURA DE INSCRIÇÃO AO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO, NÍVEL DE MESTRADO (CÓDIGO

Leia mais

Manual de Navegação Básica. Siga Relacionamento Sou Abrasel - Site

Manual de Navegação Básica. Siga Relacionamento Sou Abrasel - Site Manual de Navegação Básica Siga Relacionamento Sou Abrasel - Site 1 Conteúdo Iniciando a implantação:... 3 para o treinamento no encontro de executivos... 3 Siga Relacionamento... 4 O que é Unidade de

Leia mais

Portal de Compras. São José do Rio Preto

Portal de Compras. São José do Rio Preto Portal de Compras São José do Rio Preto Sumário DÚVIDAS GERAIS...2 PREGÃO ELETRÔNICO... 4 EMPRO Empresa Municipal de Processamento de Dados 1 DÚVIDAS GERAIS 1.O que é o Fluxograma das Etapas? Resposta:

Leia mais

Perguntas Frequentes Fauna Silvestre

Perguntas Frequentes Fauna Silvestre Perguntas Frequentes Fauna Silvestre - Perguntas: SisFauna e Como obter autorização para Empreendimentos de Fauna Silvestre - Perguntas: SisPass e Criação Amadora de Passaros Silvestres Brasileiros - Perguntas

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. Conteúdo 1. Descrição geral 2 2. Resumo das funcionalidades 3 3. Efetuar cadastro no sistema 4 4. Acessar o sistema 6 5. Funcionalidades do menu 7 5.1 Dados cadastrais 7 5.2 Grupos de usuários 7 5.3 Funcionários

Leia mais

SRP Sistema de Controle de Ata de Registro de Preço. Passo a Passo Gestor de Compras

SRP Sistema de Controle de Ata de Registro de Preço. Passo a Passo Gestor de Compras SRP Sistema de Controle de Ata de Registro de Preço Passo a Passo Gestor de Compras Como acessar Como Acessar O acesso ao Sistema se faz através da página da SEPLAG Clicando no Link destacado Como Acessar

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO FISCAL MÓDULO DELIBERAÇÃO 260/13 MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARTE I - INTRODUÇÃO

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO FISCAL MÓDULO DELIBERAÇÃO 260/13 MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARTE I - INTRODUÇÃO TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO FISCAL MÓDULO DELIBERAÇÃO 260/13 MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARTE I - INTRODUÇÃO VERSÃO 2014 Junho de 2014 SIGFIS-Sistema Integrado

Leia mais

Manual de Preenchimento de Receituário Agronômico

Manual de Preenchimento de Receituário Agronômico SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO PARÁ CREA-PA Manual de Preenchimento de Receituário Agronômico Julho 2013 Versões e Revisões deste documento 1 Histórico de Revisões

Leia mais

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA CAU/SP Nº 003/2015 INSCRIÇÃO E REVALIDAÇÃO DE INSCRIÇÃO DE ARQUITETOS E URBANISTAS PARA PRESTAÇÃO DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA CAU/SP Nº 003/2015 INSCRIÇÃO E REVALIDAÇÃO DE INSCRIÇÃO DE ARQUITETOS E URBANISTAS PARA PRESTAÇÃO DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA CAU/SP Nº 003/2015 INSCRIÇÃO E REVALIDAÇÃO DE INSCRIÇÃO DE ARQUITETOS E URBANISTAS PARA PRESTAÇÃO DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA CONVÊNIO DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO DE SÃO PAULO CAU/SP

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA 07/2015

INSTRUÇÃO NORMATIVA 07/2015 INSTRUÇÃO NORMATIVA 07/2015 Orientações Gerais Sobre o Recadastramento Manual Prático de Acesso Versão 05/2016 1 1 ORIENTAÇÕES GERAIS SOBRE RECADASTRAMENTO SIGA as determinações dispostas na Instrução

Leia mais

SISTEMA INTEGRADO DE GERENCIAMENTO DO ISSQN

SISTEMA INTEGRADO DE GERENCIAMENTO DO ISSQN SISTEMA INTEGRADO DE GERENCIAMENTO DO ISSQN MIGRAÇÃO DAS INFORMACOES DO ATUAL SISTEMA PARA O SIGISSWEB 1ª FASE: Em 1º de Maio de 2015, o sistema SIGISSWEB deverá estar carregado com todos os cadastros

Leia mais