Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Campus Pato Branco Coordenação de Engenharia de Computação

Save this PDF as:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Campus Pato Branco Coordenação de Engenharia de Computação"

Transcrição

1 Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Campus Pato Branco Coordenação de Engenharia de Computação PRIMEIRA RESOLUÇÃO DO COLEGIADO DO CURSO ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO DA UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ CAMPUS PATO BRANCO. O colegiado do Curso de Engenharia de Computação, reunido em 08 de julho de 2011, com referência ao Regulamento das Atividades Complementares dos cursos de graduação da UTFPR e CONSIDERANDO: 01 que o regulamento acima foi aprovado pela resolução nº 61/06 COEPP, de 01 de setembro de que o regulamento acima foi normatizado pela Instrução Normativa 01/06 PROGRAD. 03 que no item I do artigo Art. 5º do regulamento acima compete ao Colegiado do Curso: propor ao Coordenador do Curso, para as atividades relacionadas no regulamento, procedimentos de avaliação e pontuação para avaliação de Atividades Complementares, em consonância com o Projeto Pedagógico do Curso. RESOLVE: 01 Estabelecer a pontuação para cada atividade, conforme os quadros a seguir Grupo 1 Atividades de complementação da formação social, humana e cultural Pontos: Máximo 30 pontos Mínimo 20 pontos i. Atividades esportivas - participação nas atividades 1 por semestre

2 esportivas. ii. Cursos de língua estrangeira participação com aproveitamento em cursos de língua estrangeira. iii. Participação em atividades artísticas e culturais, tais como: banda marcial, camerata de sopro, teatro, coral, radioamadorismo e outras. iv. Participação efetiva na organização de exposições e seminários de caráter artístico ou cultural. v. Participação como expositor em exposição artística ou cultural. vi. Participação em cursos e atividades de formação pessoal que não sejam na área de formação do curso vii. Participação em eventos (palestras e outros) não relacionados à área de formação do curso s, com limite de 3 pontos por curso. 0,5 por bora, com limite de 3 pontos por curso. Grupo 2 Atividades de cunho comunitário e de interesse coletivo Pontos: Máximo 30 pontos Mínimo 20 pontos i. Participação efetiva em Diretórios e Centros Acadêmicos, Entidades de Classe, Conselhos e Colegiados internos à Instituição. ii. Participação efetiva em trabalho voluntário, atividades comunitárias, CIPAS, associações de bairros, brigadas de incêndio e associações escolares. iii. Participação em atividades beneficentes. iv. Atuação como instrutor em palestras técnicas, seminários, cursos da área específica, desde que não remunerados e de interesse da sociedade. v. Engajamento como docente não remunerado em cursos preparatórios e de reforço escolar. vi. Participação em projetos de extensão, não remunerados, e de interesse social. 1 por semestre 1 por hora

3 vii. Ministrante de curso que não seja na área do curso e que seja de caráter de extensão social viii. Participação efetiva na organização de atividades, visitas, cursos, projetos e outros de extensão social ix. Participação em campanhas sociais de doação 1 por curso, limitado a 5 pontos por curso 5 por atividade 1 por campanha Grupo 3 Atividades de iniciação científica, tecnológica e de formação profissional Pontos: Máximo 40 pontos Mínimo 20 pontos i. Participação em cursos extraordinários da sua área de formação, de fundamento científico ou de gestão. ii. Participação em palestras, congressos e seminários técnico-científicos. iii. Participação como apresentador de trabalhos em palestras, congressos e seminários técnico-científicos. iv. Participação em projetos de iniciação científica e tecnológica, relacionados com o objetivo do Curso. v. Participação como expositor em exposições técnicocientíficas. vi. Participação efetiva na organização de exposições e seminários de caráter acadêmico. vii. Publicações em revistas técnicas. viii. Publicações em anais de eventos técnico-científicos ou em periódicos científicos de abrangência local, regional, nacional ou internacional. ix. Estágio não obrigatório na área do curso. 5 por apresentação 2 (local) 3 (regional) 5 (nacional) 10 (Internacional) 2 (local) 3 (regional) 5 (nacional) 10 (Internacional) x. Trabalho com vínculo empregatício, desde que na área do

4 curso. xi. Trabalho como empreendedor na área do curso. xii. Estágio acadêmico na UTFPR. xiii. Participação em visitas técnicas organizadas pela UTFPR. xiv. Participação e aprovação em disciplinas/unidades curriculares de enriquecimento curricular de interesse do Curso, desde que tais disciplinas/unidades curriculares tenham sido aprovadas pelo Colegiado de Curso e estejam de acordo com o Projeto Pedagógico do Curso. xv. Participação em Empresa Júnior, Hotel Tecnológico, Incubadora Tecnológica. xvi. Participação em projetos multidisciplinares ou interdisciplinares. xvii. Participação em defesas de estágio curricular e trabalhos de conclusão de curso 5 por vista 2 por disciplina 10 por participação 10 por projeto 1 por defesa xviii. Ministrante de curso remunerado da área especifica 1 por curso limitado a 5 pontos por curso xix. Participação em Grupos de Estudo xx. Monitoria em disciplinas do curso 5 por curso e por semestre Profª Richardson Ribeiro Responsável pelos Trabalhos de Conclusão de Curso Profª Fábio Rodrigues de la Rocha Coordenador de Estágios

5 Profª Beatriz Terezinha Borsoi Orientador de Atividades Complementares Larissa Spautz da Costa Representante do Departamento de Educação Prof. Gilberto Souto Representante da Área de Ciências Exatas Prof. Marcos Antônio Fasolin Representante da Área de Humanas Profª Fábio Favarim Docente eleito pela Área de Informática Prof. Fábio Fábio Luiz Bertotti Docente eleito pela Área de Elétrica Acadêmico Vanderlei Luiz Azzolini Representante discente

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Pato Branco Coordenação do Curso de Engenharia Elétrica - COELT

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Pato Branco Coordenação do Curso de Engenharia Elétrica - COELT Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Pato Branco Coordenação do Curso de Engenharia Elétrica - COELT Atividades Complementares Profª Mª de Lourdes S.Dal Molin Planilha

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE AGRONOMIA DA UTFPR

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE AGRONOMIA DA UTFPR Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Curso de Graduação em Agronomia REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE AGRONOMIA DA UTFPR PATO BRANCO - PR Abril 2008 REGULAMENTO

Leia mais

FORMULÁRIO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES. Nome: Telefone: Registro Acadêmico (RA): e-mail: Curso: Semestre e ano de ingresso no Curso: Período:

FORMULÁRIO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES. Nome: Telefone: Registro Acadêmico (RA): e-mail: Curso: Semestre e ano de ingresso no Curso: Período: Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Campus Campo Mourão Diretoria de Graduação e Educação Profissional Coordenação de Engenharia Eletrônica FORMULÁRIO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR Aprovação:

Leia mais

Regulamentação das Atividades Complementares do Curso de Engenharia Minas

Regulamentação das Atividades Complementares do Curso de Engenharia Minas MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal de Alfenas. UNIFAL-MG R o d o vi a J o s é Aurél i o Vi l e l a, 11 9 9 9 (BR 2 6 7 Km 5 3 3 ) Ci d a d e U n i ve rs i tá ria - Poç o s d e C a l d a s /M G

Leia mais

REGULAMENTO ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE AGRONOMIA UTFPR CÂMPUS DOIS VIZINHOS

REGULAMENTO ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE AGRONOMIA UTFPR CÂMPUS DOIS VIZINHOS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE AGRONOMIA DA UTFPR CÂMPUS DOIS VIZINHOS DOIS VIZINHOS Outubro - 2012 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE AGRONOMIA DA UTFPR CÂMPUS

Leia mais

Regulamentação das Atividades Complementares do Curso de Engenharia Ambiental e Urbana

Regulamentação das Atividades Complementares do Curso de Engenharia Ambiental e Urbana MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal de Alfenas. UNIFAL-MG R o d o vi a J o s é Aurél i o Vi l e l a, 11 9 9 9 (BR 2 6 7 Km 5 3 3 ) Ci d a d e U n i ve rs i tá ria - Poç o s d e C a l d a s /M G

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO COLEGIADO DE CIÊNCIAS SOCIAIS RESOLUÇÃO Nº 01/2014

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO COLEGIADO DE CIÊNCIAS SOCIAIS RESOLUÇÃO Nº 01/2014 UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO COLEGIADO DE CIÊNCIAS SOCIAIS RESOLUÇÃO Nº 01/2014 Estabelece as Normas para Aproveitamento de Atividades Complementares ao Currículo (ACC) de acordo com as

Leia mais

CURSO DE FISIOTERAPIA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

CURSO DE FISIOTERAPIA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE FISIOTERAPIA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Fixa normas para o funcionamento das Atividades Complementares no Curso de Fisioterapia do Centro Universitário de Anápolis UniEVANGÉLICA.

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE PEDAGOGIA

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE PEDAGOGIA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE PEDAGOGIA Aprovado pela Resolução Consuni nº 29/10, de 15/09/2010. CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O presente regulamento tem por finalidade

Leia mais

TABELA PARA CONTAGEM DE HORAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES (AC) DO CURSO DE BC&T DO CAMPUS DO MUCURI. comprovadas. comprovadas.

TABELA PARA CONTAGEM DE HORAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES (AC) DO CURSO DE BC&T DO CAMPUS DO MUCURI. comprovadas. comprovadas. TABELA PARA CONTAGEM DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES (AC) DO CURSO DE BC&T DO CAMPUS DO MUCURI GRUPO I: atividades de complementação da formação social, humana, cultural e atividades de cunho comunitário

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM DIREITO DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM DIREITO DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM DIREITO DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O presente instrumento tem por finalidade regulamentar as Atividades Complementares que compõem

Leia mais

Faculdade Adventista da Bahia CURSO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA

Faculdade Adventista da Bahia CURSO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA Faculdade Adventista da Bahia CURSO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA Regulamento de S ACADE MICO-CIENTI FICO-CULTURAIS (AACC) Cachoeira Bahia 2013 REGULAMENTO DAS S ACADÊMICO-CIENTÍFICO-CULTURAIS PARA O CURSO

Leia mais

FORMULÁRIO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES. Dados Pessoais. Grupo 1 Atividades de complementação da formação social, humana e cultural.

FORMULÁRIO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES. Dados Pessoais. Grupo 1 Atividades de complementação da formação social, humana e cultural. FORMULÁRIO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Dados Pessoais Nome do Discente: Registro Acadêmico: E-mail: Período: Telefone: Grupo 1 s de complementação da formação social, humana e cultural. i. s esportivas

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Gama DF fev./2015 SUMÁRIO CAPÍTULO I... 3 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES... 3 CAPÍTULO II... 4 DA REALIZAÇÃO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES... 4 E SEU APROVEITAMENTO...

Leia mais

RESOLUÇÃO N 03/15 CAEPE RESOLVE

RESOLUÇÃO N 03/15 CAEPE RESOLVE Conselho de Administração, Ensino, Pesquisa e Extensão CAEPE RESOLUÇÃO N 03/15 CAEPE DISPÕE SOBRE AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE GRADUAÇÃO DOS CURSOS SUPERIORES DA FACULDADE FTEC. O Conselho de Administração,

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSOS DE BACHARELADO EM ENGENHARIA FLORESTAL DA UTFPR-DV

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSOS DE BACHARELADO EM ENGENHARIA FLORESTAL DA UTFPR-DV Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSOS DE BACHARELADO EM ENGENHARIA FLORESTAL DA UTFPR-DV DOIS VIZINHOS maio 2013 Ministério

Leia mais

RESOLUÇÃO DO CONSELHO SUPERIOR Nº 13/2015, DE 4 DE MAIO DE 2015

RESOLUÇÃO DO CONSELHO SUPERIOR Nº 13/2015, DE 4 DE MAIO DE 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CONSELHO SUPERIOR Avenida Rio Branco, 50 Santa Lúcia 29056-255 Vitória ES 27 3227-5564 3235-1741 ramal 2003 RESOLUÇÃO DO CONSELHO SUPERIOR Nº

Leia mais

Art. 4º. Podem ser consideradas atividades complementares as seguintes:

Art. 4º. Podem ser consideradas atividades complementares as seguintes: REGULAMENTO DOS PROCEDIMENTOS RELATIVOS ÀS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PROCESSOS GERENCIAIS DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÂO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO CAMPUS SÃO

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 25 DE 02 DE ABRIL DE 2012.

RESOLUÇÃO Nº. 25 DE 02 DE ABRIL DE 2012. RESOLUÇÃO Nº. 25 DE 02 DE ABRIL DE 2012. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS, no uso de suas atribuições legais e considerando o Parecer nº. 16/2012

Leia mais

R E S O L U Ç Ã O. Esta Resolução entra em vigor nesta data, alterando a Resolução CONSEACC/IT 7/ 2012 e revogando as disposições contrárias.

R E S O L U Ç Ã O. Esta Resolução entra em vigor nesta data, alterando a Resolução CONSEACC/IT 7/ 2012 e revogando as disposições contrárias. RESOLUÇÃO CONSEACC/IT 17/2014 ALTERA O ANEXO I, CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, DO REGULAMENTO DO COMPONENTE CURRICULAR ATIVIDADES COMPLEMENTARES/ATIVIDADES ACADÊMICO- -CIENTÍFICO-CULTURAIS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO,

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA UNEB DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO CAMPUS XII / GUANAMBI BA REGIMENTO INTERNO

UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA UNEB DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO CAMPUS XII / GUANAMBI BA REGIMENTO INTERNO UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA UNEB DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO CAMPUS XII / GUANAMBI BA REGIMENTO INTERNO GUANAMBI 2005 CAPÍTULO I Da Finalidade Art. 1º - O Núcleo de Pesquisa e Extensão () do Departamento

Leia mais

RESOLUCAO N 16, DE 26 DE DEZEMBRO DE 2011.

RESOLUCAO N 16, DE 26 DE DEZEMBRO DE 2011. MINISTERIO DA EDUCACAo SECRETARIA DE EDUCACAo PROFISSIONAL ETECNOLOGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCACAo, CIENCIA ETECNOLOGIA DE GOlAS INSTITUTO FEDERAL L(, RESOLUCAO N 16, DE 26 DE DEZEMBRO DE 2011. o PRESIDENTE

Leia mais

COORDENAÇÃO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA

COORDENAÇÃO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA COORDENAÇÃO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA Em decisão conjunta dos membros do colegiado, ficou estabelecida a seguinte pontuação das s complementares para os alunos de Licenciatura em Química da Universidade

Leia mais

COORDENAÇÃO DOS CURSOS DE TECNOLOGIA E ENGENHARIA DE ALIMENTOS. Vigora a partir de: 1º semestre GRUPO I

COORDENAÇÃO DOS CURSOS DE TECNOLOGIA E ENGENHARIA DE ALIMENTOS. Vigora a partir de: 1º semestre GRUPO I COORDENAÇÃO DOS CURSOS DE TECNOLOGIA E ENGENHARIA DE ALIMENTOS Vigora a partir de: 1º 2010. GRUPO I ATIVIDADES PONTUAÇÃO UNIDADE ATIVIDADES DESENVOLVIDAS TOTAL DE PONTOS OBTIDOS i. atividades esportivas

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACE FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E CIÊNCIAS ECONÔMICAS CURSO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACE FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E CIÊNCIAS ECONÔMICAS CURSO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACE FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E CIÊNCIAS ECONÔMICAS CURSO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Regulamenta as normas das

Leia mais

Regulamento das Atividades Complementares do Curso de Licenciatura em Matemática - Campus de Cornélio Procópio

Regulamento das Atividades Complementares do Curso de Licenciatura em Matemática - Campus de Cornélio Procópio Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Campus Cornélio Procópio Diretoria de Graduação e Educação Profissional Coordenação do Curso de Licenciatura em Matemática Regulamento

Leia mais

RESOLUCAO N 20, DE 26 DE DEZEMBRO DE 2011.

RESOLUCAO N 20, DE 26 DE DEZEMBRO DE 2011. MINISTERIO DA EDUCACAo SECRETARIA DE EDUCACAo PROFISSIONAL ETECNOLOGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCACAo, CIENCIA ETECNOLOGIA DE GOlAS INSTITUTO FEDERAL RESOLUCAO N 20, DE 26 DE DEZEMBRO DE 2011. o PRESIDENTE

Leia mais

Ministério da Educação UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SETOR DE TECNOLOGIA

Ministério da Educação UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SETOR DE TECNOLOGIA -1- REGULAMENTAÇÃO DAS ATIVIDADES FORMATIVAS DO Os alunos do Curso Noturno de Engenharia Elétrica da Universidade Federal do Paraná deverão cumprir um conjunto de atividades formativas complementares,

Leia mais

REGULAMENTO INSTITUCIONAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO INSTITUCIONAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO INSTITUCIONAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPITULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º Este Regulamento define as orientações básicas, comuns a todos os cursos da Faculdade Católica do Tocantins

Leia mais

FORMULÁRIO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES. Nome: Telefone: Registro Acadêmico (RA): Curso: Semestre e ano de ingresso no Curso: Período:

FORMULÁRIO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES. Nome: Telefone: Registro Acadêmico (RA):   Curso: Semestre e ano de ingresso no Curso: Período: Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Campus Campo Mourão Diretoria de Graduação e Educação Profissional Coordenação de Engenharia Eletrônica FORMULÁRIO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Leia mais

Atividades Complementares Curso de Gestão em Recursos Humanos

Atividades Complementares Curso de Gestão em Recursos Humanos Atividades Complementares Curso de Gestão em Recursos Humanos APRESENTAÇÃO As Atividades Complementares (AC) são práticas curriculares de caráter independente, interdisciplinar e transversal que visam

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO RESOLUÇÃO Nº 52/2008/CONEPE Aprova Regulamento das Atividades Complementares

Leia mais

Regulamento das Atividades Complementares do Curso de Administração do Centro Universitário Salesiano de São Paulo Unidade de Ensino de Americana

Regulamento das Atividades Complementares do Curso de Administração do Centro Universitário Salesiano de São Paulo Unidade de Ensino de Americana Regulamento das Atividades Complementares do de Administração do Centro Universitário Salesiano de São Paulo Unidade de Ensino de Americana Aprovado na Reunião de Colegiado do em 21/01/2015. Janeiro -

Leia mais

NÚCLEO DE ESTUDOS AFRO-BRASILEIROS E INDÍGENAS NEABI (Aprovado pela resolução n 23-2010, de 02 de julho de 2010)

NÚCLEO DE ESTUDOS AFRO-BRASILEIROS E INDÍGENAS NEABI (Aprovado pela resolução n 23-2010, de 02 de julho de 2010) NÚCLEO DE ESTUDOS AFRO-BRASILEIROS E INDÍGENAS NEABI (Aprovado pela resolução n 23-2010, de 02 de julho de 2010) 1. Justificativa O Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros e Indígena (NEABI) do Instituto Federal

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE PSICOLOGIA Matriz 2016.1

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE PSICOLOGIA Matriz 2016.1 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE PSICOLOGIA Matriz 2016.1 Aprovado pela Resolução CONSUNI nº 11/16, de 27/04/16. Capítulo I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O presente Regulamento

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E LETRAS COORDENAÇÃO DE CIÊNCIA POLÍTICA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E LETRAS COORDENAÇÃO DE CIÊNCIA POLÍTICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E LETRAS COORDENAÇÃO DE CIÊNCIA POLÍTICA REGULAMENTO PARA AFERIÇÃO E AVALIAÇÃO DAS S COMPLEMENTARES DO CURSO DE BACHARELADO

Leia mais

REFGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA LICENCIATURA EM MATEMÁTICA

REFGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA LICENCIATURA EM MATEMÁTICA REFGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DA LICENCIATURA EM MATEMÁTICA CANINDÉ CEARÁ 2014 R344 Regulamento das atividades complementares da licenciatura em matemática / Ana Claudia Gouveia de Sousa;

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 043 CONSUPER/2013

RESOLUÇÃO Nº 043 CONSUPER/2013 RESOLUÇÃO Nº 043 CONSUPER/2013 Dispõe sobre o regulamento das Atividades Curriculares Complementares no âmbito do Instituto Federal Catarinense. O Presidente do do Instituto Federal de Educação, Ciência

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE GRADUAÇÃO DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE METODISTA DE SANTA MARIA (FAMES)

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE GRADUAÇÃO DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE METODISTA DE SANTA MARIA (FAMES) REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE GRADUAÇÃO DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE METODISTA DE SANTA MARIA (FAMES) SANTA MARIA RS 2014 1 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE GRADUAÇÃO DO

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL COMUNITÁRIA FORMIGUENSE FUOM CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FORMIGA UNIFOR-MG

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL COMUNITÁRIA FORMIGUENSE FUOM CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FORMIGA UNIFOR-MG FUNDAÇÃO EDUCACIONAL COMUNITÁRIA FORMIGUENSE FUOM CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FORMIGA UNIFOR-MG REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO SUPERIOR DE (Ato de Aprovação: Resolução do Reitor Nº 70/2012

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 009/2014 DE 21 DE FEVEREIRO DE 2014

RESOLUÇÃO Nº 009/2014 DE 21 DE FEVEREIRO DE 2014 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO CONSELHO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 009/2014 DE 21

Leia mais

Regulamento das Atividades Complementares do Curso de Engenharia de Química

Regulamento das Atividades Complementares do Curso de Engenharia de Química Regulamento das Atividades Complementares do Curso de Engenharia de Química Art. 1º - Este regulamento normatiza as Atividades Complementares (A.C.) como componente curricular do Curso de Engenharia de

Leia mais

Regulamento das Atividades Complementares do Curso de Engenharia de Produção

Regulamento das Atividades Complementares do Curso de Engenharia de Produção Regulamento das Atividades Complementares do Curso de Engenharia de Produção Art. 1º - Este regulamento normatiza as Atividades Complementares (A.C.) como componente curricular dos Cursos de Engenharia

Leia mais

NORMAS DE APROVEITAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE GRADUAÇÃO. Comissão de ACG s. Carga Horária. Mínima 210 horas, sendo que:

NORMAS DE APROVEITAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE GRADUAÇÃO. Comissão de ACG s. Carga Horária. Mínima 210 horas, sendo que: Universidade Federal do Pampa Campus de São Gabriel Engenharia Florestal NORMAS DE APROVEITAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE GRADUAÇÃO Comissão de ACG s Carga Horária Mínima 210 horas, sendo que:

Leia mais

REGULAMENTO 1 ATIVIDADES COMPLEMENTARES ENGENHARIA DE ENERGIAS RENOVÁVEIS Foz do Iguaçu-PR

REGULAMENTO 1 ATIVIDADES COMPLEMENTARES ENGENHARIA DE ENERGIAS RENOVÁVEIS Foz do Iguaçu-PR REGULAMENTO 1 ATIVIDADES COMPLEMENTARES ENGENHARIA DE ENERGIAS RENOVÁVEIS Foz do Iguaçu-PR 1 Disposições Gerais O regulamento das atividades complementares tem por objetivo estabelecer critérios e procedimentos

Leia mais

CAPÍTULO I - DA CARACTERIZAÇÃO

CAPÍTULO I - DA CARACTERIZAÇÃO CENTRO DE ECONOMIA E ADMINISTRAÇÃO FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO FACULDADE DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I - DA CARACTERIZAÇÃO Art.

Leia mais

REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO, COMPLEMENTO DE PÓS-GRADUAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO. CAPITULO I CONSIDERAÇÕES INICIAIS

REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO, COMPLEMENTO DE PÓS-GRADUAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO. CAPITULO I CONSIDERAÇÕES INICIAIS INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR SANT ANA Rua Pinheiro Machado, n 189 Centro Ponta Grossa - PR CEP 84.010-310 Fone (0**42) 224-0301 Endereço Eletrônico: www.iessa.edu.br REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE DIREITO

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE DIREITO Capítulo 1 Disposições Preliminares Art. 1o. - O presente conjunto de normas da Faculdade Marista tem por finalidade normatizar o registro acadêmico

Leia mais

FATEC PRESIDENTE PRUDENTE PORTARIA FATEC / PRESIDENTE PRUDENTE Nº 72/2012 DE 26 OUTUBRO DE 2012.

FATEC PRESIDENTE PRUDENTE PORTARIA FATEC / PRESIDENTE PRUDENTE Nº 72/2012 DE 26 OUTUBRO DE 2012. FATEC PRESIDENTE PRUDENTE PORTARIA FATEC / PRESIDENTE PRUDENTE Nº 72/2012 DE 26 OUTUBRO DE 2012. Estabelece o Manual de Atividades Acadêmico-Científico- Culturais da Faculdade de Tecnologia de Presidente

Leia mais

NORMAS DE ATIVIDADES DE EXTENSÃO

NORMAS DE ATIVIDADES DE EXTENSÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS ANEXO À DELIBERAÇÃO Nº 125, DE 06 DE JULHO DE 2006. NORMAS DE ATIVIDADES DE EXTENSÃO

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO E TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA CAPÍTULO I DA NATUREZA, FINALIDADE E OBJETIVOS

REGIMENTO INTERNO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO E TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA CAPÍTULO I DA NATUREZA, FINALIDADE E OBJETIVOS REGIMENTO INTERNO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO E TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA CAPÍTULO I DA NATUREZA, FINALIDADE E OBJETIVOS Art. 1. O Núcleo de Inovação e Transferência de Tecnologia - NITTEC é um Órgão Executivo

Leia mais

RESOLUÇÃO CONSEPE 78/2006 INSTITUI O NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA NEAD, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO, E APROVA SEU REGULAMENTO.

RESOLUÇÃO CONSEPE 78/2006 INSTITUI O NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA NEAD, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO, E APROVA SEU REGULAMENTO. RESOLUÇÃO CONSEPE 78/2006 INSTITUI O NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA NEAD, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO, E APROVA SEU REGULAMENTO. O Presidente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão - CONSEPE, no

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 2, DE 27 DE SETEMBRO DE

CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 2, DE 27 DE SETEMBRO DE Ministério da Educação CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 2, DE 27 DE SETEMBRO DE 2013 Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais do curso de graduação em Relações

Leia mais

RESOLUÇÃO nº 03 DE 28 DE JANEIRO DE 2016

RESOLUÇÃO nº 03 DE 28 DE JANEIRO DE 2016 Resolução nº 03/2016 Pág. 1 de 06 RESOLUÇÃO nº 03 DE 28 DE JANEIRO DE 2016 Aprova Regulamento do Colegiado do Curso de Engenharia de Controle e Automação/CEng. A Presidente do Conselho do Ensino, da Pesquisa

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO UNIFESP ESCOLA PAULISTA DE POLÍTICA, ECONOMIA E NEGÓCIOS CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO UNIFESP ESCOLA PAULISTA DE POLÍTICA, ECONOMIA E NEGÓCIOS CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO UNIFESP ESCOLA PAULISTA DE POLÍTICA, ECONOMIA E NEGÓCIOS CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Osasco Setembro de 2015 CAPÍTULO

Leia mais

Faculdades Ibmec-RJ. Regulamento de Atividades Complementares do Curso de Graduação em Relações Internacionais

Faculdades Ibmec-RJ. Regulamento de Atividades Complementares do Curso de Graduação em Relações Internacionais Faculdades Ibmec-RJ Regulamento de Atividades Complementares do Curso de Graduação em Relações Internacionais I. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES: Art.1. O presente regulamento tem por finalidade estatuir

Leia mais

COORDENAÇÃO DE EDUCAÇÃO FISICA - LICENCIATURA ATIVIDADES ACADÊMICO CIENTÍFICO CULTURAIS (ATIVIDADES COMPLEMENTARES)

COORDENAÇÃO DE EDUCAÇÃO FISICA - LICENCIATURA ATIVIDADES ACADÊMICO CIENTÍFICO CULTURAIS (ATIVIDADES COMPLEMENTARES) ATIVIDADES ACADÊMICO CIENTÍFICO CULTURAIS (ATIVIDADES COMPLEMENTARES) As Atividades Acadêmico Científico Culturais (denominadas Atividades Complementares) têm como objetivo estimular no acadêmico na obtenção

Leia mais

APROVAR O REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES E PROPÕE OUTRAS PROVIDÊNCIAS

APROVAR O REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES E PROPÕE OUTRAS PROVIDÊNCIAS A presidente da Autarquia do Ensino Superior de Garanhuns, no uso de suas atribuições, CONSIDERANDO a necessidade de normatizar o regime de atividades complementares da AESGA, RESOLVE: APROVAR O REGULAMENTO

Leia mais

ANEXO II DA DEFINIÇÃO E OBJETIVO DO ESTÁGIO

ANEXO II DA DEFINIÇÃO E OBJETIVO DO ESTÁGIO ANEXO II NORMAS ESPECÍFICAS DO ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO E ESTÁGIO NÃO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - MODALIDADE BACHARELADO DA DEFINIÇÃO E OBJETIVO DO ESTÁGIO Art.

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL COMUNITÁRIA FORMIGUENSE FUOM CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FORMIGA UNIFOR-MG CONSELHO UNIVERSITÁRIO

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL COMUNITÁRIA FORMIGUENSE FUOM CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FORMIGA UNIFOR-MG CONSELHO UNIVERSITÁRIO FUNDAÇÃO EDUCACIONAL COMUNITÁRIA FORMIGUENSE FUOM CENTRO UNIVERSITÁRIO DE FORMIGA UNIFOR-MG CONSELHO UNIVERSITÁRIO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ENGENHARIA AMBIENTAL E SANITÁRIA

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO Justificativa Conforme consta nas leis de 2004 e 2005, parecer CNE/CES Nºs: 210/2004, e 023/2005, um curso de graduação em Administração desenvolve-se

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DE GRADUAÇÃO CURSO DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL O Colegiado do Curso de Tecnologia em Gestão Ambiental, no uso de suas atribuições, resolve aprovar, com registro

Leia mais

REDE METODISTA DE EDUCAÇÃO DO SUL CENTRO UNIVERSITÁRIO METODISTA IPA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE FONOAUDIOLOGIA

REDE METODISTA DE EDUCAÇÃO DO SUL CENTRO UNIVERSITÁRIO METODISTA IPA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE FONOAUDIOLOGIA REDE METODISTA DE EDUCAÇÃO DO SUL CENTRO UNIVERSITÁRIO METODISTA IPA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE FONOAUDIOLOGIA Porto Alegre 2015 SUMÁRIO CAPÍTULO I DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Leia mais

Pontuação das Atividades Complementares do Curso de Graduação em Engenharia Civil Campus Toledo

Pontuação das Atividades Complementares do Curso de Graduação em Engenharia Civil Campus Toledo Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Graduação e Educação e Profissional Pontuação das Atividades Complementares do Curso de Graduação em Engenharia Civil Campus

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR (Resolução

Leia mais

PORTARIA n.º 1.211 DE 10 DE ABRIL DE 2012.

PORTARIA n.º 1.211 DE 10 DE ABRIL DE 2012. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO PORTARIA n.º 1.211 DE 10 DE ABRIL DE 2012. O DIRETOR GERAL DO CAMPUS CARAGUATATUBA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO,

Leia mais

MANUAL DO ALUNO (A) ATIVIDADES COMPLEMENTARES/ESTUDOS INDEPENDENTES

MANUAL DO ALUNO (A) ATIVIDADES COMPLEMENTARES/ESTUDOS INDEPENDENTES A formação complementar é fruto da participação do aluno, durante o período de realização do seu curso superior, em atividades que não estão inseridas na grade curricular, mas que reconhecidamente contribuem

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Educação Superior Norte - RS/UFSM Departamento de Enfermagem

Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Educação Superior Norte - RS/UFSM Departamento de Enfermagem Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Educação Superior Norte - RS/UFSM Departamento de Enfermagem REGIMENTO INTERNO DO CURSO DE ENFERMAGEM UFSM/CESNORS TÍTULO I: DO REGIME

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO SISTEMA DOS LABORATÓRIOS DO CAMPUS CAÇAPAVA DO SUL TÍTULO I DOS FINS

REGIMENTO INTERNO DO SISTEMA DOS LABORATÓRIOS DO CAMPUS CAÇAPAVA DO SUL TÍTULO I DOS FINS 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA (Lei nº. 11.640, de 11 de janeiro de 2008) REGIMENTO INTERNO DO SISTEMA DOS LABORATÓRIOS DO CAMPUS CAÇAPAVA DO SUL TÍTULO I DOS FINS Art. 1º - O sistema

Leia mais

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PALMAS - TO.

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PALMAS - TO. 1 FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PALMAS - TO. 2 FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES APRESENTAÇÃO Instituídas pelas

Leia mais

REGULAMENTO DE PESQUISA

REGULAMENTO DE PESQUISA 1 REGULAMENTO DE PESQUISA Embu das Artes - SP 2015 2 SUMÁRIO DAS CONSIDERAÇÕES GERAIS 2 DA CARACTERIZAÇÃO DA PESQUISA UNIVERSITÁRIA 2 DA ORGANIZAÇÃO 3 DAS ATRIBUIÇÕES 3 DA AVALIAÇÃO E ACOMPANHAMENTO DAS

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR Resolução

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 16 - CONSU, DE 07 DE AGOSTO DE 2009.

RESOLUÇÃO Nº. 16 - CONSU, DE 07 DE AGOSTO DE 2009. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI CONSU RESOLUÇÃO Nº. 16 - CONSU, DE 07 DE AGOSTO DE 2009. Aprova o Regimento interno da Diretoria de Relações Internacionais

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS DA BAHIA FATEC/BA DIREÇÃO ACADÊMICA REGULAMENTO DOS COLEGIADOS DE CURSOS DE GRADUAÇÃO

FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS DA BAHIA FATEC/BA DIREÇÃO ACADÊMICA REGULAMENTO DOS COLEGIADOS DE CURSOS DE GRADUAÇÃO 0 FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS DA BAHIA FATEC/BA DIREÇÃO ACADÊMICA REGULAMENTO DOS COLEGIADOS DE CURSOS DE GRADUAÇÃO ALAGOINHAS 2014 1 SUMÁRIO CAPÍTULO I... 2 DA NATUREZA E FINALIDADES... 2 CAPÍTULO

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE TECNOLOGIA EM LOGÍSTICA

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE TECNOLOGIA EM LOGÍSTICA REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE TECNOLOGIA EM LOGÍSTICA Aprovado pela Resolução Consuni nº 27/11, de 09/11/11 Capítulo I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O presente regulamento tem

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE ESTUDOS EM EDUCAÇÃO E LINGUAGEM (CEEL)

REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE ESTUDOS EM EDUCAÇÃO E LINGUAGEM (CEEL) REGIMENTO INTERNO DO CENTRO DE ESTUDOS EM EDUCAÇÃO E LINGUAGEM (CEEL) TÍTULO 1 Da Instituição e seus Fins Art. 1 0 O Centro de Estudos em Educação e Linguagem (CEEL), criado em 2004, para integrar uma

Leia mais

Regulamento das Atividades Complementares Graduação em Administração da Faculdade Casa do Estudante FACE

Regulamento das Atividades Complementares Graduação em Administração da Faculdade Casa do Estudante FACE Regulamento das Atividades Complementares Graduação em Administração da Faculdade Casa do Estudante FACE CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º - O presente regulamento tem por finalidade normatizar

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 05/2014/PROEN

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 05/2014/PROEN INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 05/2014/PROEN Normatiza a criação, atribuições e funcionamento do Colegiado dos Cursos de Graduação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha. O Pró-Reitor

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR Aprovação:

Leia mais

RESOLUÇÃO N º 1.150/2010 Publicada no D.O.E. de 11-02-2010, p.22

RESOLUÇÃO N º 1.150/2010 Publicada no D.O.E. de 11-02-2010, p.22 RESOLUÇÃO N º 1.150/2010 Publicada no D.O.E. de 11-02-2010, p.22 Regulamenta as Atividades Acadêmico Científico Culturais AACC para os Cursos de Licenciatura da UNEB e revoga a Resolução N 792/2007 CONSEPE.

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 1, DE 6 DE JANEIRO DE 2015

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 1, DE 6 DE JANEIRO DE 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 1, DE 6 DE JANEIRO DE 2015 (*) (**) Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais para os cursos de graduação

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 211/2005-CEPE/UNICENTRO

RESOLUÇÃO Nº 211/2005-CEPE/UNICENTRO RESOLUÇÃO Nº 211/2005-CEPE/UNICENTRO Aprova o Regulamento de Estágio do Curso de Turismo da Universidade Estadual do Centro- Oeste, UNICENTRO. O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO:

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Artigo 1º - As Atividades Complementares constituem ações a serem desenvolvidas ao longo do curso, criando

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR Aprovação:

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE NUTRIÇÃO/UFPI - CSHNB CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE NUTRIÇÃO/UFPI - CSHNB CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE NUTRIÇÃO/UFPI - CSHNB CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1 - As atividades complementares serão implementadas durante o curso de Nutrição,

Leia mais

Regulamento para as Atividades Acadêmicas Científico- Culturais para os Cursos de Licenciatura e Bacharelado* CAPITULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

Regulamento para as Atividades Acadêmicas Científico- Culturais para os Cursos de Licenciatura e Bacharelado* CAPITULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Regulamento para as Atividades Acadêmicas Científico- Culturais para os Cursos de Licenciatura e Bacharelado* CAPITULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1. º - As Atividades Acadêmicas Científico-Culturais

Leia mais

CURSO DE PEDAGOGIA REGULAMENTOS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

CURSO DE PEDAGOGIA REGULAMENTOS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE PEDAGOGIA REGULAMENTOS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES 1 ANEXO II REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Artigo 1º - As Atividades Complementares

Leia mais

Reeditado pela Resolução 28/2014 de 16/05/2014. Aprovado pelo Conselho Universitário do Unis/MG em 16/05/2014. Resolução nº. 28/2014.

Reeditado pela Resolução 28/2014 de 16/05/2014. Aprovado pelo Conselho Universitário do Unis/MG em 16/05/2014. Resolução nº. 28/2014. REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES E DAS ATIVIDADES ACADÊMICO CIENTÍFICO CULTURAIS Aprovado pela Resolução41/2009, alterado sob a Resolução 38/2010). Reeditado pela Resolução 20/2012 de 13/07/2012;

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA NÚCLEO DE CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA NÚCLEO DE CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES A SEREM APRESENTADAS PELOS ESTUDANTES DO CURSO DE PEDAGOGIA, LICENCIATURA, DA (UNIR) CAMPUS JOSÉ RIBEIRO FILHO, PORTO VELHO-RO. Art. 1º Este Documento apresenta

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS CONSELHO UNIVERSITÁRIO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS CONSELHO UNIVERSITÁRIO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO CUNI Nº 014, DE 29 DE ABRIL DE 2015. O CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS, no uso de suas atribuições

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA O CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO (Presencial)

REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA O CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO (Presencial) REGULAMENTO GERAL DAS PARA O CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO (Presencial) O presente Regulamento, aprovado pelo Colegiado do Curso, em 18 de maio de 2012, conforme Ata expedida, tem como objetivo estabelecer

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FAMETRO

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FAMETRO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FAMETRO CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES Art. 1º - As Atividades Complementares se constituem em parte integrante o currículo dos cursos

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR Aprovação:

Leia mais

REGULAMENTO DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE SÃO LOURENÇO

REGULAMENTO DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE SÃO LOURENÇO REGULAMENTO DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE DE SÃO LOURENÇO SÃO LOURENÇO/2014 CAPÍTULO l DOS OBJETIVOS Artigo 1º - As presentes normas têm por objetivo organizar e disciplinar a monitoria,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 546, DE 17 DE DEZEMBRO DE 2014.

RESOLUÇÃO Nº 546, DE 17 DE DEZEMBRO DE 2014. RESOLUÇÃO Nº 546, DE 17 DE DEZEMBRO DE 2014. O CONSELHO DE CÂMPUS DO CÂMPUS DO PANTANAL, da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições legais e considerando a Resolução

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 119/2010/CONEPE

RESOLUÇÃO Nº 119/2010/CONEPE SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO RESOLUÇÃO Nº 119/2010/CONEPE Aprova as Normas de Estágio Curricular Obrigatório

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES ACADÊMICO-CIENTÍFICO- CULTURAIS (ATIVIDADES COMPLEMENTARES) DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA

REGULAMENTO DE ATIVIDADES ACADÊMICO-CIENTÍFICO- CULTURAIS (ATIVIDADES COMPLEMENTARES) DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA REGULAMENTO DE ATIVIDADES ACADÊMICO-CIENTÍFICO- CULTURAIS (ATIVIDADES COMPLEMENTARES) DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA Art.1º O presente instrumento dispõe sobre as normas e procedimentos a serem observados

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO TÉCNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO TÉCNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO TÉCNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO Elaboração: Bruno Márcio Agostini, M. Sc. São João del Rei - MG Julho de 2010 TÍTULO I DAS DEFINIÇÕES PRELIMINARES O presente

Leia mais