IOV BRASIL ORGANOGRAMA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "IOV BRASIL ORGANOGRAMA"

Transcrição

1 IOV BRASIL ORGANOGRAMA Equipe Diretiva Secretários Estaduais

2 Terezinha Pasqualini Miquilin SECRETÁRIA EXECUTIVA REGIONAL - AMÉRICA DO SUL PRESIDENTE DO IOV BRASIL SECRETÁRIA GERAL IOV BRASIL Nascida aos 12 de setembro de 1944, natural de Jaú, Estado de São Paulo, fez seus primeiros estudos em Colégios de freiras. Deu continuidade aos estudos em São Paulo, optando por se dedicar à educação e à cultura popular brasileira. É Pedagoga, Psicopedagoga, Cientista Social, Pós Graduada em Gestão de Escolas, estudiosa de Folclore e Artes Populares. É Fundadora e Diretora do Colégio São Carlos, situado em São Bernardo do Campo, com 35 anos de existência. Em 2009, por seus serviços dedicados à cidade, foi condecorada com o título de Cidadã São Bernardense. Desde 1998 promove Festivais de Folclore Internacional em São Bernardo do Campo, realizando 9 edições consecutivas com destacado trabalho de preservação e divulgação das culturas populares na região. Integrante da direção da Associação Latino Americana Pró Niñez, com sede em Trujillo, no Peru, exercendo o cargo de tesoureira. Recebeu o prêmio Desempenho Empresarial em 1998 e o prêmio Desempenho Educacional promovido pelo Jornal Diário do Grande ABC. Recebeu o prêmio Índio Guarani de Cultura, na cidade de Assunção, Paraguai, pelos relevantes trabalhos realizados em prol da cultura popular. É fundadora e diretora do Grupo de Projeções Folclóricas Remelexo Brasileiro, direcionado à população jovem como meio de perpetuação da cultura popular. Filiou-se ao IOV em Atualmente é Presidente do IOV Brasil e Secretária Executiva IOV América do Sul. 2

3 Daniela Santos SECRETÁRIA DA PRESIDENTE Nasceu em 20 de Abril de 1979, em Brasília, Distrito Federal, iniciou seus ensinamentos de piano erudito com 5 anos de idade, começando a lecionar música com 15 anos de idade. Hoje é formada em Música Erudita, como Instrumentista Musical Piano Erudito, técnica em Serviços Turísticos pelo SENAC, Turismóloga, Guia de Turismo Regional, Nacional e Internacional com registro na EMBRATUR, Tecnóloga em Administração, pós graduada em Gestão de Saúde e Gestão Empresarial. Atuou em escolas de música por 13 anos, em diversas áreas: administrativas, de coordenação, pedagógica e eventos. Administrou presencialmente clinicas e escolas, prestando consultoria quando necessário. Consultora de empresas em geral. Ministrou cursos de eventos no SENAC, Brasília. Palestrou em cursos de Agenciamento Turístico de Eventos. Trabalhos publicados: Hospitalidade da Área de Saúde, e Como Montar uma Empresa. Atualmente trabalha como assistente de Direção e Eventos no Colégio São Carlos e como Secretária da Presidente do IOV Brasil e IOV América do Sul. 3

4 Antônio Clerton Vieira VICE PRESIDENTE IOV BRASIL SECRETÁRIO NACIONAL Nascido em Fortaleza, Ceará, fez parte de grupos de danças folclóricas desde muito novo. Trabalhou com montagem, produção de espetáculos e eventos artísticos. Em 1994 fundou e dirigiu o Balé Folclórico Filhos do Sol. Recebeu o prêmio de melhor coreógrafo, em seguidos anos, do Festival de Dança da Terceira Idade do Mercosul, em Santa Catarina. Em 2001, já morando em São Paulo, recebeu da ABRASOFFA-ONG o título de representante secção Brasil. Coordenou o grupo de danças Raízes da Associação Cristã de Moços, de São Paulo. Hoje é diretor da ala das baianas da Escola de Samba Tom Maior, é julgador de carnaval da FESEC Federação das Escolas de Samba e Entidades Carnavalescas do Estado do São Paulo, gestor de produção de eventos e freqüenta o curso de hotelaria da UNIESP. Atualmente trabalha com produções de espetáculos, shows e coreografias, eventos sociais em geral. 4

5 Ana Cristina C. Lima TESOUREIRO NACIONAL Nasceu em 12 de dezembro de 1967, em Esplanada, Bahia. É formada em Educação Física e especialista em treinamento esportivo: Handeball e Ginástica Rítmica. É Guia de Turismo do Mercosul, credenciada pela EMBRATUR. É cantora do Grupo de projeções Folclóricas Remelexo Brasileiro, com participações em Festivais em São Paulo, Rio Grande do Sul, Paraguai, Chile, México, Itália e Coréia do Sul. Atualmente trabalha como Coordenadora do Colégio São Carlos e técnica de esportes no Colégio São José, em São Bernardo do Campo e é Membro Efetivo do Conselho Fiscal do INPRORAFA-ONG, Instituto professor Rafael Pasqualini Miquilin. No IOV ocupa atualmente o cargo Tesoureira. 5

6 André Andretta de Agustini PRESIDENTE DO CONSELHO NACIONAL Nasceu em 31 de dezembro de 1988, em São Bernardo do Campo, São Paulo, onde aos 15 anos começou a atuar na área de turismo e hotelaria. É formado como técnico de turismo pela Escola Técnica Estadual Júlio de Mesquita e está cursando Administração Geral de Empresas pela Universidade Metodista de São Paulo. Atualmente trabalha como Analista de Planejamento Financeiro em uma multinacional de grande porte. Em 2005 iniciou seus trabalhos relacionados ao folclore e divulgação das culturas populares, tendo participado da organização de festivais no Brasil, América do Sul e Europa. No IOV ocupa atualmente o cargo de Presidente do Conselho Nacional Brasil. 6

7 Rafael Amâncio Costa PRIMEIRO CONSELHEIRO Nascido em 18 de dezembro de 1990, em São Bernardo do Campo, SP, estudante de Publicidade e Propaganda na Universidade Anhembi Morumbi. Atua no Grupo de Projeções Folclóricas Remelexo Brasileiro desde 2002 como dançarino e atualmente também exerce a função de professor para os novos integrantes. Participou de diversos Festivais Internacionais de Folclore com o grupo, sendo o primeiro em 2003, no Chile, e em países como México (2006), Paraguai (2007 e 2009) e Peru (2007). Além dos Festivais no exterior, dentro do Brasil já participou dos Festivais de São Bernardo do Campo, Guarujá, Olímpia e Gravataí. Na organização de festivais, atuou em São Bernardo do Campo como guia de Grupos. Pelo IOV BRASIL atua na função de Primeiro Conselheiro do Conselho Nacional. 7

8 Henrique Ramos Cipolli SEGUNDO CONSELHEIRO Nascido em 06 de março de 1989, em São Bernardo do Campo, São Paulo, onde aos 15 anos começou a atuar na área de turismo. É formado como técnico de turismo pelo Colégio e Faculdade Anchieta e está no último semestre do curso de Administração Geral de Empresas pela Universidade Metodista de São Paulo. Atualmente trabalha como Líder Operacional, em uma empresa no ramo de logística. Em 2005 iniciou seus trabalhos relacionados ao folclore e divulgação das culturas populares, tendo participado da organização de festivais no Brasil e América do Sul. No IOV ocupa atualmente o cargo de Segundo Conselheiro Nacional Brasil. 8

9 SECRETÁRIOS ESTADUAIS PROPOSTA DE ATIVIDADES PARA OS SECRETÁRIOS ESTADUAIS 1. Atualização constante de dados e membros com a Secretaria Geral. 2. Cadastramento de grupos folclóricos, em cadastro padrão, fornecido pela Secretaria Geral, para padronização de informações; 3. Cadastramento de eventos folclóricos, em cadastro padrão, fornecido pela Secretaria Geral, para padronização de informações; 4. Cadastramento de pessoas folcloristas e artesãos, em cadastro padrão, fornecido pela Secretaria Geral, para padronização de informações; 5. Promoção de eventos culturais para arrecadar fundos para o IOV local, 6. Calendário de eventos do seu estado; 7. Centralização, apoio e orientação dos membros do IOV do seu estado 8. Comunicar e enviar cópia para a Secretaria Geral, de todos os pedidos e solicitações de patrocínio e/ou apoio aos Órgãos Públicos, para verificação de autenticidade e evitar fraudes. Obs Filiação de Membros no IOV deverá ser enviada para ser feita pela Secretaria Geral, que dará o suporte no cadastro do IOV Mundial, número de matrícula e apoio na filiação dos Secretários e Membros. BENEFÍCIOS QUE O IOV PROPORCIONA Acesso às informações do site da IOV onde são lançados informações sobre eventos e atividades; A possibilidade de servir como um consultor da e outros organismos culturais internacionais e comissões; Um diretório de associados, atualizado anualmente; Oportunidades para assistir e participar de conferências nacionais, a reunião anual do IOV e eventos internacionais, festivais gratuitamente ou a substancialmente reduzidas taxas; 9

10 INSCRIÇÃO Acesso a um blog de membros on-line, onde os membros podem publicar investigação, postar perguntas e comentários e interagir com outros membros da IOV do mundo; Um cartão de membro e um certificado; Possibilidades de publicar documentos acadêmicos e investigações; e Taxas reduzidas em algumas publicações de e IOV O contato com pessoas e organizações com interesses comuns e atividades profissionais, proporcionando oportunidades para intercâmbio de informações; Aumentar o acesso aos recursos como um membro de uma ONG internacional nas relações operacionais com a. O IOV é uma organização aberta a organizações, grupos e indivíduos independentemente de raça, cor, credo, sexo, orientação sexual, deficiência física, origem nacional ou étnica ou idade. Mediante a apresentação de um pedido de adesão e honorários do primeiro ano, é concedida a adesão provisória. Adesão plena é conferida a seguir à reunião anual do Conselho de administração, após o qual os membros receberão um cartão de membro e um certificado. Membros da IOV são inscritos automaticamente como membros de suas seções nacionais IOV. A documentação necessária está relacionada abaixo. São elas: - Ficha de Inscrição - Formulário de Cadastro do Grupo/Pessoa Física - Declaração assinada - Pagamento da taxa anual Obs Toda documentação está disponivel em Duas possibilidades para pagamento da taxa anual: 1. Transferência bancária 2. Depósito bancário 10

11 Obs - Pedimos que entre em contato, por ou pelo telefone abaixo, para enviarmos os dados da conta bancária e o valor correto do depósito ou transferência, com o valor atualizado do dólar do dia. Após a transação bancária, enviar o comprovante via , fax ou cópia por correspondência para o endereço abaixo. Juntamente com o seu nome, enviar as informações de sua cidade, região e/ou país. Sem essa informação, não se pode garantir que serão devidamente pagos. Não deixe de colocar seu endereço de remetente. Os Secretários Estaduais e Subsecretários deverão enviar a documentação para a Secretaria Geral para que esta envie a documentação para o IOV SEDE. Toda a filiação deverá ser feita pela Secretaria Geral a fim de evitar fraudes e para se manter nosso banco de dados sempre atualizado. Terezinha P. Miquilin Rua Comendador Pinotti Gamba, 119, São Bernardo do Campo, São Paulo- Brasil CEP: Fone:

12 CONTATO TEREZINHA PASQUALINI MIQUILIN SECRETÁRIA EXECUTIVA REGIONAL - AMÉRICA DO SUL PRESIDENTE DO IOV BRASIL SECRETÁRIA GERAL BRASIL Rua Comendador Pinotti Gamba, 119 São Bernardo do Campo, São Paulo - Brasil - CEP Secretária: Daniela Santos Telefone: , ramal 210/212 12

PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DO BASQUETE MINEIRO

PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DO BASQUETE MINEIRO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DO BASQUETE MINEIRO O que é? O Programa de Desenvolvimento do Basquete Mineiro (PDBM) é um projeto focado no atendimento as demandas dos clubes e escolas, em novas metodologias

Leia mais

MANUAL DO CURSO ESPM. Rua Joaquim Távora, 1240 Vila Mariana São Paulo - SP. Informações

MANUAL DO CURSO ESPM. Rua Joaquim Távora, 1240 Vila Mariana São Paulo - SP. Informações MANUAL DO CURSO ESPM Rua Joaquim Távora, 1240 Vila Mariana São Paulo - SP Informações Central de Relacionamento: (11) 5081-8200 (opção 1) Segunda a sexta 9h às 20h45 Sábado 9h às 12h45 relacionamentojt@espm.br

Leia mais

EDITAL N.º 01/2016 1. DOS CURSOS E DAS VAGAS

EDITAL N.º 01/2016 1. DOS CURSOS E DAS VAGAS EDITAL N.º 01/2016 INSCRIÇÃO PARA INGRESSO NO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM SERVIÇO SOCIAL E ÁREAS AFINS DA FACULDADE ADELMAR ROSADO, PARA O SEMESTRE 2016.2 A FACULDADE ADELMAR ROSADO, por meio

Leia mais

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento.

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento. SUMÁRIO Sobre o curso Pág. 3 Coordenação Programa e metodologia; Investimento Etapas do Processo Seletivo Pág. Matrícula Cronograma de Aulas Pág. PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DA QUALIDADE EM SAÚDE Unidade Dias

Leia mais

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento.

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento. SUMÁRIO Sobre o curso Pág. 3 Coordenação Programa e metodologia; Investimento Etapas do Processo Seletivo Pág. Matrícula Cronograma de Aulas Pág. PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DA QUALIDADE EM SAÚDE - BH Unidade

Leia mais

EDITAL 001/2015 EMPRESA JÚNIOR DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA

EDITAL 001/2015 EMPRESA JÚNIOR DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL 001/2015 EMPRESA JÚNIOR DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA PROCESSO DE SELEÇÃO PARA ASSESSORES JUNHO 2015 A CHRONOS JR - EMPRESA JÚNIOR DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA, nos termos do Estatuto da Empresa Júnior do

Leia mais

MANUAL DO CURSO ESPM. Rua Joaquim Távora, 1240 Vila Mariana São Paulo - SP. Informações

MANUAL DO CURSO ESPM. Rua Joaquim Távora, 1240 Vila Mariana São Paulo - SP. Informações MANUAL DO CURSO ESPM Rua Joaquim Távora, 1240 Vila Mariana São Paulo - SP Informações Central de Candidatos: (11) 5081-8200 (opção1) Segunda a sexta 9h às 21h Sábado 9h às 13h candidato@espm.br www.espm.br

Leia mais

Estimular as empresas produtoras e distribuidoras de aço ao envolvimento com projetos de natureza social.

Estimular as empresas produtoras e distribuidoras de aço ao envolvimento com projetos de natureza social. Estimular as empresas produtoras e distribuidoras de aço ao envolvimento com projetos de natureza social. Inscrição: INFORMAÇÕES GERAIS EDIÇÃO 2008 A inscrição de projetos à Certificação do Prêmio Inda

Leia mais

Ter experiência mínima de 1 (um) ano no magistério (exercer ou ter exercido a profissão no Ensino Fundamental, Ensino Médio ou Superior)*.

Ter experiência mínima de 1 (um) ano no magistério (exercer ou ter exercido a profissão no Ensino Fundamental, Ensino Médio ou Superior)*. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL Campus Rio Grande REDE ESCOLA TÉCNICA ABERTA DO BRASIL (e-tec BRASIL) EDITAL Nº 01, DE 13 DE AGOSTO DE 2014

Leia mais

CURRICULUM VITAE DADOS PESSOAIS:

CURRICULUM VITAE DADOS PESSOAIS: CURRICULUM VITAE DADOS PESSOAIS: NOME: ANTÔNIO DERSEU CÂNDIDO DE PAULA Profissão: Contador Estado Civil: Separado Administrativamente Nacionalidade: Brasileira Naturalidade: Iraí, Estado do Rio Grande

Leia mais

PROPOSTA DE REGULAMENTO DO QUADRO DE ARBITRO GERAL DA CBTM

PROPOSTA DE REGULAMENTO DO QUADRO DE ARBITRO GERAL DA CBTM PROPOSTA DE REGULAMENTO DO QUADRO DE ARBITRO GERAL DA CBTM CAPÍTULO I - DA CONSTITUIÇÃO Art. 1 - O Quadro de Arbitro Geral da CBTM é constituído por e árbitros gerais (referees) devidamente habilitados

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO DE GESTÃO ESCOLAR

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO DE GESTÃO ESCOLAR UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO DE GESTÃO ESCOLAR EDITAL Nº008/PROPESPG SELEÇÃO PARA PROFESSORES TUTORES DO CURO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO

Leia mais

REGULAMENTO GERAL COPA BRASIL DE KARATE ESPORTIVO etapa unificada Sul- Sudeste- Centro oeste- Norte- Nordeste

REGULAMENTO GERAL COPA BRASIL DE KARATE ESPORTIVO etapa unificada Sul- Sudeste- Centro oeste- Norte- Nordeste REGULAMENTO GERAL COPA BRASIL DE KARATE ESPORTIVO etapa unificada Sul- Sudeste- Centro oeste- Norte- Nordeste Ficam convidadas as Entidades Estaduais devidamente filiadas a CNEKI para participação deste

Leia mais

Pós-Graduação em Gestão de Negócios com ênfase em Empreendedorismo

Pós-Graduação em Gestão de Negócios com ênfase em Empreendedorismo Pós-Graduação em Gestão de Negócios com ênfase em Empreendedorismo Turma Especial ESPM/ABF-Rio Início em 28 de setembro de 2015 Aulas as segundas e quartas, das 19h às 22h Valor do curso: R$ 15.698,00

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.061, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2009

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.061, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2009 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.061, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2009 Dispõe sobre a instituição do Prêmio Experiências Educacionais Inclusivas - A escola aprendendo com as diferenças,

Leia mais

XI FESTIVAL DE TEATRO NA ESCOLA Ano 2012 NORMAS DE PARTICIPAÇÃO

XI FESTIVAL DE TEATRO NA ESCOLA Ano 2012 NORMAS DE PARTICIPAÇÃO XI FESTIVAL DE TEATRO NA ESCOLA Ano 2012 NORMAS DE PARTICIPAÇÃO 1. SOBRE A INSTITUIÇÃO REALIZADORA A Fundação Athos Bulcão foi criada em 1992 e atua na promoção, documentação, pesquisa e difusão da obra

Leia mais

MESTRADO EM DIPLOMACIA E POLÍTICA EXTERIOR PROGRAMA INTERNACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU

MESTRADO EM DIPLOMACIA E POLÍTICA EXTERIOR PROGRAMA INTERNACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU MESTRADO EM DIPLOMACIA E POLÍTICA EXTERIOR PROGRAMA INTERNACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU UNIVERSIDADE COMPROMETIDA COM A QUALIDADE: UCES Universidad de Ciencias Empresariales y Sociales, elevados

Leia mais

Edital N.º 032/2014 CPV Boa Vista, 27 de fevereiro de 2014.

Edital N.º 032/2014 CPV Boa Vista, 27 de fevereiro de 2014. Edital N.º 032/2014 CPV Boa Vista, 27 de fevereiro de 2014. A Universidade Federal de Roraima-UFRR, por meio da Comissão Permanente de Vestibular CPV, torna público o Processo Seletivo Simplificado, para

Leia mais

REABERTURA - EDITAL DE SELEÇÃO SIMPLIFICADO MODALIDADE SELEÇÃO DE CURRÍCULO E ENTREVISTA EDITAL N 004/2012

REABERTURA - EDITAL DE SELEÇÃO SIMPLIFICADO MODALIDADE SELEÇÃO DE CURRÍCULO E ENTREVISTA EDITAL N 004/2012 REABERTURA - EDITAL DE SELEÇÃO SIMPLIFICADO MODALIDADE SELEÇÃO DE CURRÍCULO E ENTREVISTA EDITAL N 004/2012 A Cáritas Brasileira, organismo da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, no uso de suas atribuições

Leia mais

FESB FUNDAÇÃO MUNICIPAL DEENSINO SUPERIOR DE BRAGANÇA PAULISTA PROGRAMA DE APRIMORAMENTO PROFISSIONAL EM ATIVIDADE FÍSICA E PROMOÇÃO DA SAÚDE

FESB FUNDAÇÃO MUNICIPAL DEENSINO SUPERIOR DE BRAGANÇA PAULISTA PROGRAMA DE APRIMORAMENTO PROFISSIONAL EM ATIVIDADE FÍSICA E PROMOÇÃO DA SAÚDE FESB FUNDAÇÃO MUNICIPAL DEENSINO SUPERIOR DE BRAGANÇA PAULISTA Av. Francisco Samuel Lucchesi Filho, 770 Penha / Bragança Paulista SP/ CEP: 12.929-600 Fone/Fax: (11) 4035 7800 / e-mail: faculdade@fesb.edu.br

Leia mais

EDITAL Nº. 001/2015 PROCESSO SELETIVO DO PROJETO BOLSA-ESPORTE DA SECRETARIA DO ESPORTE DO CEARÁ

EDITAL Nº. 001/2015 PROCESSO SELETIVO DO PROJETO BOLSA-ESPORTE DA SECRETARIA DO ESPORTE DO CEARÁ EDITAL Nº. 001/2015 PROCESSO SELETIVO DO PROJETO BOLSA-ESPORTE DA SECRETARIA DO ESPORTE DO CEARÁ O Estado do Ceará, através da Secretaria do Esporte, torna público, para conhecimento dos interessados,

Leia mais

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo Pág. 5. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento.

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo Pág. 5. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento. SUMÁRIO Sobre o curso Pág. 3 Coordenação Programa e metodologia; Investimento Etapas do Processo Seletivo Pág. 5 Matrícula Cronograma de Aulas Pág. PÓS-GRADUAÇÃO EM DOCÊNCIA PARA O ENSINO EM SAÚDE Unidade

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO INFANTIL EDITAL Nº 12/2013

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO INFANTIL EDITAL Nº 12/2013 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO INFANTIL EDITAL Nº 12/2013 A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-graduação e a Coordenação do Curso de Especialização em Educação Infantil, levam ao conhecimento dos interessados

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO Nº 51 /2015

EDITAL DE CONVOCAÇÃO Nº 51 /2015 EDITAL DE CONVOCAÇÃO Nº 51 /2015 O Reitor da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), no uso de suas atribuições legais, estatutárias e regimentais, RESOLVE tornar público, para conhecimento dos interessados,

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE CANOAS Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE CANOAS Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão EDITAL Nº. 349/2014 - CHAMAMENTO PÚBLICO Nº. 27/2014 CHAMAMENTO PÚBLICO PARA INSCRIÇÕES DE ESTAGIÁRIOS, PARA FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA E PREENCHIMENTO DAS VAGAS DE ESTÁGIO NO ÂMBITO DA ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS

PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS Versão 4 - Atualizada 2º semestre de 2011 FICHA TÉCNICA DO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS Informações

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 019/2016-UAB-UEM

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 019/2016-UAB-UEM EDITAL Nº 019/2016-UAB-UEM A Coordenadora da UAB da Universidade Estadual de Maringá, no uso das atribuições, TORNA PÚBLICO: A abertura de inscrições do processo seletivo para contratação e formação de

Leia mais

VEÍCULO: GAZETA DO OESTE DATA: 24.06.15

VEÍCULO: GAZETA DO OESTE DATA: 24.06.15 VEÍCULO: GAZETA DO OESTE DATA: 24.06.15 EDITORIA:CIDADES Classificação: Interesse VEÍCULO: BLOG KALLYNA KELLY DATA: 23.06.15 Proposta para proibição de veículos de tração animal será apresentada nesta

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE CANOAS Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE CANOAS Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão EDITAL Nº. 251/2015 - CHAMAMENTO PÚBLICO Nº. 18/2015 CHAMAMENTO PÚBLICO PARA INSCRIÇÕES DE ESTAGIÁRIOS, PARA FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA E PREENCHIMENTO DAS VAGAS DE ESTÁGIO NO ÂMBITO DA ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO Curso de Extensão a Distância Formação Continuada em Conselhos Escolares EDITAL Nº 02/FCCE/2014

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO Curso de Extensão a Distância Formação Continuada em Conselhos Escolares EDITAL Nº 02/FCCE/2014 EDITAL Nº 02/FCCE/2014 Seleção para 240 vagas do Formação Continuada em Conselhos Escolares da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, para o segundo semestre de 2014, com início previsto para 11

Leia mais

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento.

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento. SUMÁRIO Sobre o curso Pág. 3 Coordenação Programa e metodologia; Investimento Etapas do Processo Seletivo Pág. Matrícula Cronograma de Aulas Pág. PÓS-GRADUAÇÃO EM HOTELARIA HOSPITALAR - CURITIBA Unidade

Leia mais

GUIA DE EMISSÃO DO CERTIFICADO DE ORIGEM. Este guia esclarece os principais procedimentos a serem adotados para a emissão do Certificado de Origem.

GUIA DE EMISSÃO DO CERTIFICADO DE ORIGEM. Este guia esclarece os principais procedimentos a serem adotados para a emissão do Certificado de Origem. 01/2012 CERTIFICADO DE ORIGEM GUIA DE EMISSÃO DO CERTIFICADO DE ORIGEM Este guia esclarece os principais procedimentos a serem adotados para a emissão do Certificado de Origem. APRESENTAÇÃO O Certificado

Leia mais

1ª SELEÇÃO DE ALUNOS PARA PARTICIPAÇÃO DO PROGRAMA DE MONITORIA DE INCLUSÃO SÓCIO-DIGITAL 2015

1ª SELEÇÃO DE ALUNOS PARA PARTICIPAÇÃO DO PROGRAMA DE MONITORIA DE INCLUSÃO SÓCIO-DIGITAL 2015 1ª SELEÇÃO DE ALUNOS PARA PARTICIPAÇÃO DO PROGRAMA DE MONITORIA DE INCLUSÃO SÓCIO-DIGITAL 2015 O INSTITUTO DE CULTURA, ARTE, CIÊNCIA E ESPORTES- INSTITUTO CUCA, entidade privada, sem fins lucrativos, qualificada

Leia mais

MINISTÉRIO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL SECRETARIA NACIONAL DE PROTEÇÃO E DEFESA CIVIL

MINISTÉRIO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL SECRETARIA NACIONAL DE PROTEÇÃO E DEFESA CIVIL MINISTÉRIO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL SECRETARIA NACIONAL DE PROTEÇÃO E DEFESA CIVIL UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL CENTRO UNIVERSITÁRIO DE ESTUDOS E PESQUISAS SOBRE DESASTRES CEPED/RS CAPACITAÇÃO

Leia mais

Valores. da Convivência. e privada. na vida pública. seminário gratuito

Valores. da Convivência. e privada. na vida pública. seminário gratuito Valores da Convivência na vida pública e privada seminário gratuito " Ser visto e ouvido por outros é importante pelo fato de que todos vêem e ouvem de ângulos diferentes. É este o significado da vida

Leia mais

VERITAE Cursos/RJ/Abril/2010

VERITAE Cursos/RJ/Abril/2010 VERITAE Cursos/RJ/Abril/2010 CURSO RETENÇÃO PREVIDENCIÁRIA NAS CESSÕES DE MÃO DE OBRA E NAS EMPREITADAS APLICADA ÀS EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS Inclui Módulo Especial: RETENÇÃO PREVIDENCIÁRIA E

Leia mais

EDITAL DE CREDENCIAMENTO UTRAMIG / Nº 11 / 2012. Processo de Credenciamento de Docentes Colaboradores Externos

EDITAL DE CREDENCIAMENTO UTRAMIG / Nº 11 / 2012. Processo de Credenciamento de Docentes Colaboradores Externos EDITAL DE CREDENCIAMENTO UTRAMIG / Nº 11 / 2012 Processo de Credenciamento de Docentes Colaboradores Externos A Fundação de Educação para o Trabalho de Minas Gerais UTRAMIG comunica a abertura do processo

Leia mais

DAS INSCRIÇÕES. II - Ter, na data da chamada para escolha de vagas, a idade mínima de 18 (dezoito) anos completos;

DAS INSCRIÇÕES. II - Ter, na data da chamada para escolha de vagas, a idade mínima de 18 (dezoito) anos completos; EDITAL Nº 001/2013 Estabelece normas para realização Processo seletivo simplificado de seleção e contratação em Regime de Designação Temporária de professores habilitados e não habilitados para o exercício

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº02/2012 SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA O PROJETO PRONERA/INCRA/UECE

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº02/2012 SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA O PROJETO PRONERA/INCRA/UECE CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA Nº02/2012 SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA O PROJETO PRONERA/INCRA/UECE 1. PROJETO PRONERA/INCRA/UECE SELECIONA CANDIDATOS PARA DIVERSOS PERFIS O projeto PRONERA/INCRA/UECE convênio

Leia mais

EXTENSÃO extensao@faj.br

EXTENSÃO extensao@faj.br EXTENSÃO extensao@faj.br O QUE É EXTENSÃO? Conjunto articulado de projetos de caráter educativo, social, cultural, científico ou tecnológico preferencialmente integrados a atividades de pesquisa e ensino,

Leia mais

PROGRAMA DE CERTIFICAÇÃO DE FORMADORES

PROGRAMA DE CERTIFICAÇÃO DE FORMADORES O Programa de Certificação de Formadores busca capacitar profissionais da área da educação como formadores de professores e gestores educacionais. Com esta certificação, os formadores poderão oferecer

Leia mais

PROGRAMA INTERNACIONAL Pós-Graduação - stricto sensu DOUTORADO EM DIREITO PROGRAMA INTERNACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU

PROGRAMA INTERNACIONAL Pós-Graduação - stricto sensu DOUTORADO EM DIREITO PROGRAMA INTERNACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU PROGRAMA INTERNACIONAL Pós-Graduação - stricto sensu DOUTORADO EM DIREITO PROGRAMA INTERNACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU RESOLUÇÃO E RECONHECIMENTO DO DOUTORADO DOUTORADO EM DIREITO PRESTÍGIO E

Leia mais

HUMANAS. Página na web: www.fea.ufjf.br CIÊNCIAS ECONÔMICAS. Apresentação:

HUMANAS. Página na web: www.fea.ufjf.br CIÊNCIAS ECONÔMICAS. Apresentação: HUMANAS ADMINISTRAÇÃO Os alunos de Administração da UFJF graduam-se na modalidade Bacharelado e podem escolher entre as opções de especialização: Administração de Empresas e Administração Pública. O curso

Leia mais

EDITAL Nº /2014. 1.3. É vedada a efetivação de mais de uma inscrição em nome do mesmo candidato, em função diferente.

EDITAL Nº /2014. 1.3. É vedada a efetivação de mais de uma inscrição em nome do mesmo candidato, em função diferente. EDITAL Nº /2014 A PREFEITURA MUNICIPAL DE FORTALEZA, através da Secretaria de Esporte e Lazer, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com a Lei Municipal nº 053/2007 e o Decreto Municipal

Leia mais

Manual do Voluntário Greenbuilding Brasil 2016

Manual do Voluntário Greenbuilding Brasil 2016 Manual do Voluntário Greenbuilding Brasil 2016 Que tal ser voluntário da Greenbuilding Brasil Conferência Internacional e Expo 2016? A Greenbuilding Brasil não seria o sucesso que é sem a colaboração de

Leia mais

Núcleos de Tecnologia Educacional NTE/NTM Caracterização e Critérios para Criação e Implantação

Núcleos de Tecnologia Educacional NTE/NTM Caracterização e Critérios para Criação e Implantação MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação a Distância - SEED Diretoria de Infraestrutura em Tecnologia Educacional DITEC Esplanada dos Ministérios, Bloco L, 1º Andar, Sala 119 70047-900 Brasília/DF

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA OBTENÇÃO DE NOVO TÍTULO 1º SEMESTRE/2016

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA OBTENÇÃO DE NOVO TÍTULO 1º SEMESTRE/2016 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA OBTENÇÃO DE NOVO TÍTULO 1º SEMESTRE/2016 A Pró-Reitora de Ensino da Universidade do Estado de Minas Gerais, no uso das atribuições que lhe confere a Resolução CEPE/UEMG

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA TRANSFERÊNCIA I SEMESTRE/2012

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA TRANSFERÊNCIA I SEMESTRE/2012 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA TRANSFERÊNCIA I SEMESTRE/2012 A Pró-Reitora de Ensino e o Diretor Geral do Campus de Belo Horizonte da Universidade do Estado de Minas Gerais, no uso das atribuições que

Leia mais

SELEÇÃO DE ORIENTADORES DE APRENDIZAGEM - TUTORIA A DISTÂNCIA -

SELEÇÃO DE ORIENTADORES DE APRENDIZAGEM - TUTORIA A DISTÂNCIA - SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS FACULDADE DE BIOLOGIA CURSO DE LICENCIATURA EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS MODALIDADE A DISTÂNCIA SELEÇÃO DE ORIENTADORES DE

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO FACULDADE DE DIREITO EDITAL Nº 004/SELEÇÃO/2015

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO FACULDADE DE DIREITO EDITAL Nº 004/SELEÇÃO/2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO FACULDADE DE DIREITO EDITAL Nº 004/SELEÇÃO/2015 A Coordenação do Curso de Especialização em Direito Civil Contemporâneo, da Faculdade

Leia mais

EDITAL Nº 41/IFRO/VILHENA, DE 15 DE JULHO DE 2014 PROCESSO SELETIVO ESPECIAL 2014/1 PARA INGRESSO EM CURSO DE GRADUAÇÃO LICENCIATURA EM MATEMÁTICA

EDITAL Nº 41/IFRO/VILHENA, DE 15 DE JULHO DE 2014 PROCESSO SELETIVO ESPECIAL 2014/1 PARA INGRESSO EM CURSO DE GRADUAÇÃO LICENCIATURA EM MATEMÁTICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÕNIA CAMPUS VILHENA DEPARTAMENTO DE ENSINO EDITAL Nº 41/IFRO/VILHENA, DE 15 DE JULHO DE 2014 PROCESSO SELETIVO ESPECIAL

Leia mais

Melhor Prática vencedora: Capacidade Empresarial (Não Capital) Em Foz do Iguaçu, o Capital Humano é Protagonista na Excelência do Destino

Melhor Prática vencedora: Capacidade Empresarial (Não Capital) Em Foz do Iguaçu, o Capital Humano é Protagonista na Excelência do Destino 1 Melhor Prática vencedora: Capacidade Empresarial (Não Capital) Em Foz do Iguaçu, o Capital Humano é Protagonista na Excelência do Destino DESTINO: Foz do Iguaçu/PR INSTITUIÇÃO PROMOTORA: Secretaria Municipal

Leia mais

Formação de nível médio ou superior. Experiência mínima de 1 (um) ano no magistério básico, técnico ou superior.

Formação de nível médio ou superior. Experiência mínima de 1 (um) ano no magistério básico, técnico ou superior. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL Campus Rio Grande REDE ESCOLA TÉCNICA ABERTA DO BRASIL (e-tec BRASIL) EDITAL Nº 01, DE 29 DE JANEIRO DE 2014

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro Campus São Gonçalo CoEX - Coordenação de Extensão EDITAL INTERNO

Leia mais

OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO TREINAMENTO EMPRESARIAL

OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO TREINAMENTO EMPRESARIAL OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO TREINAMENTO EMPRESARIAL 2009 SEBRAE-DF Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Distrito Federal. Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação pode ser fotocopiada,

Leia mais

EDUCAÇÃO DO CAMPO E AGROECOLOGIA NA AGRICULTURA FAMILIAR E CAMPONESA - RESIDÊNCIA AGRÁRIA

EDUCAÇÃO DO CAMPO E AGROECOLOGIA NA AGRICULTURA FAMILIAR E CAMPONESA - RESIDÊNCIA AGRÁRIA Universidade Estadual de Campinas Faculdade de Engenharia Agrícola CEP 13.083-875, Campinas, SP Home Page: www.feagri.unicamp.br Fax: 55-19-3521-1066- Fone: 55-19-3521-1072 EDITAL DE SELEÇÃO DE ESTUDANTES

Leia mais

Programa de Pós Graduação Profissional - Mestrado Profissional em Gestão e Avaliação da Educação Pública ( Programa )

Programa de Pós Graduação Profissional - Mestrado Profissional em Gestão e Avaliação da Educação Pública ( Programa ) Programa de Pós Graduação Profissional - Mestrado Profissional em Gestão e Avaliação da Educação Pública ( Programa ) 1 - ESCOPO O Instituto Unibanco ( Instituto ) acredita na importância do desenvolvimento

Leia mais

Especialização em Saúde da Família e da Comunidade

Especialização em Saúde da Família e da Comunidade Curso de Pós-Graduação em São Carlos Matrículas abertas até 29/Julho/2013 Especialização em Saúde da Família e da Comunidade Carga Horária: 360 horas Aulas exclusivamente aos sábados Curso válido e reconhecido

Leia mais

EDITAL DE MONITORIA nº 01/2015

EDITAL DE MONITORIA nº 01/2015 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO EDITAL DE MONITORIA nº 01/2015 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco Campus Barreiros, torna público que

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 1º Sem/2016 Graduação Presencial Manual do Candidato Ingresso Via ENEM. Inscrição Entrega ENEM Resultado Matrícula NO ATO DA ENTREGA

PROCESSO SELETIVO 1º Sem/2016 Graduação Presencial Manual do Candidato Ingresso Via ENEM. Inscrição Entrega ENEM Resultado Matrícula NO ATO DA ENTREGA PROCESSO SELETIVO 1º Sem/2016 Graduação Presencial Manual do Candidato Ingresso Via ENEM A Universidade de Franca, atendendo a Portaria Normativa MEC n o 40 de 12.12.2007, resolve promover Processo Seletivo

Leia mais

Universidade Federal da Bahia Escola de Administração da UFBA Departamento de Sistemas e Processos Gerenciais

Universidade Federal da Bahia Escola de Administração da UFBA Departamento de Sistemas e Processos Gerenciais EDITAL INTERNO Nº 01/2012 PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE DOCENTE POR TEMPO DETERMINADO O Chefe do da Escola de Administração da Universidade Federal da Bahia UFBA, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO EDITAL PRPG 009 /2013

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO EDITAL PRPG 009 /2013 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO Universidade Federal de Lavras Caixa Postal 3037 Campus UFLA Lavras MG CEP: 37.200-000 - Tel.: (35) 3829-1126 E-mail:

Leia mais

ONG S Terceiro Setor

ONG S Terceiro Setor ONG S Terceiro Setor Primeiro Setor Poder Publico Estado Segundo Setor Privado Mercado Terceiro Setor Privada de Utilidade Publica ONG s Entidades Filantrópicas OSCIPs (Organização da Sociedade Civil de

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 059/2012-UAB-UEM

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 059/2012-UAB-UEM EDITAL Nº 059/2012-UAB-UEM A Coordenadora da UAB da Universidade Estadual de Maringá, no uso das atribuições, TORNA PÚBLICO: A abertura de inscrições do processo seletivo para contratação de TUTOR (PRESENCIAL)

Leia mais

1.2. O acompanhamento de Editais e comunicados referentes a este Processo Seletivo é de responsabilidade exclusiva do candidato.

1.2. O acompanhamento de Editais e comunicados referentes a este Processo Seletivo é de responsabilidade exclusiva do candidato. EDITAL Nº 11/2015, de 28 de abril de 2015 PROCESSO DE SELEÇÃO PARA SERVIDORES PÚBLICOS DE ENSINO PARA INGRESSO NO CURSO TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO SUBSEQUENTE AO ENSINO MÉDIO, DO PROFUNCIONÁRIO CURSOS A DISTÂNCIA

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL EAD 2º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL EAD 2º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL EAD 2º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas

Leia mais

c) INSCRIÇÃO NO POLO DE APOIO PRESENCIAL Dirigir-se ao POLO de opção, conforme locais disponíveis no site www.poseaduninter.com.br

c) INSCRIÇÃO NO POLO DE APOIO PRESENCIAL Dirigir-se ao POLO de opção, conforme locais disponíveis no site www.poseaduninter.com.br EDITAL PÓS-GRADUAÇÃO MODALIDADE A DISTÂNCIA Nº 20/2014 CPSI REGULAMENTA O PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO LATO SENSU, DA METODOLOGIA E-LEARNING A DISTÂNCIA, NO MÓDULO LETIVO

Leia mais

XLIII PLENÁRIA NACIONAL DO FÓRUM DOS CONSELHOS ESTADUAIS DE EDUCAÇÃO - FNCE

XLIII PLENÁRIA NACIONAL DO FÓRUM DOS CONSELHOS ESTADUAIS DE EDUCAÇÃO - FNCE XLIII PLENÁRIA NACIONAL DO FÓRUM DOS CONSELHOS ESTADUAIS DE EDUCAÇÃO - FNCE O Futuro da Educação a Distância na Educação Básica Francisco Aparecido Cordão facordao@uol.com.br Dispositivos da LDB e DECRETOS

Leia mais

EDITAL Nº 02/2014 PRONATEC/IF SUDESTE MG - REITORIA

EDITAL Nº 02/2014 PRONATEC/IF SUDESTE MG - REITORIA EDITAL Nº 02/2014 PRONATEC/IF SUDESTE MG - Dispõe sobre a Chamada Externa Simplificada de Seleção para os encargos de Apoio às Atividades Acadêmicas e Administrativas, Professor/Instrutor de Curso, Supervisor

Leia mais

Dispõe sobre a regulamentação para a área de gestão de recursos adultos à nível regional.

Dispõe sobre a regulamentação para a área de gestão de recursos adultos à nível regional. RESOLUÇÃO n.º 04/2008 Dispõe sobre a regulamentação para a área de gestão de recursos adultos à nível regional. 1. INTRODUÇÃO: O Presente documento estabelece, para o, as diretrizes que deverão ser observadas

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS PARA ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS Diretoria Regional de Método Educativo Finalidade Regulamentar a forma de planejamento e execução de atividades escoteiras nos níveis, local, distrital,

Leia mais

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES- EDUCAÇÃO BÁSICA E ESCOLA TÉCNICAS 2014/2015

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES- EDUCAÇÃO BÁSICA E ESCOLA TÉCNICAS 2014/2015 PAUTA DE REIVINDICAÇÕES- EDUCAÇÃO BÁSICA E ESCOLA TÉCNICAS 2014/2015 1 - Manutenção de todas as cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho 2014/2015, celebrados entre Sinproep-DF e Sinepe-DF com os seguintes

Leia mais

Relação de documentos necessários para requerer o CEBAS?

Relação de documentos necessários para requerer o CEBAS? Relação de documentos necessários para requerer o CEBAS? DOCUMENTO DESCRIÇÃO DO DOCUMENTO SOLICTADO Requerimento assinado pelo O modelo do requerimento pode ser obtido no anexo I desta relação representante

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Processo de Seleção para o Programa Especial de Formação Pedagógica para Professores de Educação Profissional de nível técnico (Convênio FNDE/MEC nº 400012/2011 Programa

Leia mais

Programa de Voluntários Rio 2016. SSV Voluntário Especialista de Esporte

Programa de Voluntários Rio 2016. SSV Voluntário Especialista de Esporte Programa de Voluntários Rio 2016 SSV Voluntário Especialista de Esporte Seremos 70.000 Um Maracanã praticamente lotado Voluntários no Programa Rio 2016 GENERALISTAS (60%) Credenciamento e bilhetagem, serviços

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 1º Sem/2015 Graduação Presencial Manual do Candidato Ingresso Via Prova Agendada. Inscrição Calendário Redação Resultado Matrícula

PROCESSO SELETIVO 1º Sem/2015 Graduação Presencial Manual do Candidato Ingresso Via Prova Agendada. Inscrição Calendário Redação Resultado Matrícula PROCESSO SELETIVO 1º Sem/2015 Graduação Presencial Manual do Candidato Ingresso Via Prova Agendada A Universidade de Franca, atendendo a Portaria Normativa MEC n o 40 de 12.12.2007, resolve promover Processo

Leia mais

Guia Básico de Processos Corporativos do Sistema Indústria

Guia Básico de Processos Corporativos do Sistema Indústria Guia Básico de Processos Corporativos do Sistema Indústria 1ª Versão 1 Guia Básico de Processos Corporativos do Sistema Indústria PROCESSO DE ADMISSÃO 1ª Versão 2 ÍNDICE 1 - INTRODUÇÃO 2 - VISÃO SISTÊMICA

Leia mais

REGULAMENTO PARA A REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO

REGULAMENTO PARA A REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS DE GUANAMBI Distrito de Ceraíma, s/n - Zona Rural - Cx Postal

Leia mais

ORGANIZAÇÃO DA MANUTENÇÃO NA PEQUENA E MÉDIA EMPRESA. PÚBLICO ALVO - Técnicos, Tecnólogos e Engenheiros ligados a Micro, Pequena e Média Empresa.

ORGANIZAÇÃO DA MANUTENÇÃO NA PEQUENA E MÉDIA EMPRESA. PÚBLICO ALVO - Técnicos, Tecnólogos e Engenheiros ligados a Micro, Pequena e Média Empresa. ORGANIZAÇÃO DA MANUTENÇÃO NA PEQUENA E MÉDIA EMPRESA São Paulo, 07 a 10 de maio PÚBLICO ALVO - Técnicos, Tecnólogos e Engenheiros ligados a Micro, Pequena e Média Empresa. OBJETIVO As pequenas, micro e

Leia mais

ESTADO DO PIAUI SEMED SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

ESTADO DO PIAUI SEMED SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO ESTADO DO PIAUI SEMED SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO EDITAL Nº / 2013 CHAMADA PÚBLICA PARA SELEÇÃO DE ALFABETIZADORES, ALFABETIZADORES-COORDENADORES E TRADUTORES-INTÉRPRETES DE LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ - UEPI CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE NUTRIÇÃO. Chamada Pública nº 01, de 27 de janeiro de 2016

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ - UEPI CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE NUTRIÇÃO. Chamada Pública nº 01, de 27 de janeiro de 2016 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ - UEPI CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE NUTRIÇÃO Chamada Pública nº 01, de 27 de janeiro de 2016 Processo Seletivo para Apoio Técnico, Acadêmico e Operacional

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PARA PROFESSORES DO ENSINO SUPERIOR

EDITAL DE SELEÇÃO PARA PROFESSORES DO ENSINO SUPERIOR EDITAL DE SELEÇÃO PARA PROFESSORES DO ENSINO SUPERIOR Nº 02/2014 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O Diretor Acadêmico da Faculdade Adventista da Bahia FADBA, no uso de suas atribuições, torna pública a

Leia mais

GUIA DE BENEFÍCIOS ASSOCIADOS ABTG

GUIA DE BENEFÍCIOS ASSOCIADOS ABTG GUIA DE BENEFÍCIOS ASSOCIADOS ABTG w w w. ab t g. o r g. b r Você está recebendo o guia de benefícios e serviços oferecidos aos associados ABTG. Se a sua empresa já é associada aproveite e utilize o maior

Leia mais

Fundação SEADE. www.seade.gov.br

Fundação SEADE. www.seade.gov.br Agosto de 0 N o 0 Fecundidade continua em queda em São Paulo A taxa de fecundidade, no Estado de São Paulo, chegou a, fi lho por mulher, em 009, o que representa metade da registrada em 980 (3, fi lhos

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB. Edital Nº 54, de 22 de julho de 2010

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB. Edital Nº 54, de 22 de julho de 2010 Edital Nº 54, de 22 de julho de 2010 A Coordenadora da UAB da Universidade Estadual de Maringá, no uso das atribuições, TORNA PÚBLICO A abertura de inscrições para o processo seletivo de TUTORIA (Tutor

Leia mais

EDITAL Nº 001/2009, DE 30 DE SETEMBRO DE 2009

EDITAL Nº 001/2009, DE 30 DE SETEMBRO DE 2009 EDITAL Nº 001/2009, DE 30 DE SETEMBRO DE 2009 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas, em parceria com os municípios participantes do Programa Escola Técnica Aberta do Brasil

Leia mais

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento.

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento. SUMÁRIO Sobre o curso Pág. 3 Coordenação Programa e metodologia; Investimento Etapas do Processo Seletivo Pág. Matrícula Cronograma de Aulas Pág. PÓS-GRADUAÇÃO EM LIDERANÇA E GESTÃO DE PESSOAS NA ÁREA

Leia mais

EDITAL Nº 11, DE 26 DE JUNHO DE 2014

EDITAL Nº 11, DE 26 DE JUNHO DE 2014 EDITAL Nº 11, DE 26 DE JUNHO DE 2014 EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFISSIONAIS DE APOIO ÀS ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS QUE SEJAM SERVIDORES ATIVOS E INATIVOS DA REDE FEDERAL QUE

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA OBTENÇÃO DE NOVO TÍTULO 1º SEMESTRE/2015

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA OBTENÇÃO DE NOVO TÍTULO 1º SEMESTRE/2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA OBTENÇÃO DE NOVO TÍTULO 1º SEMESTRE/ A Pró-Reitora de Ensino da Universidade do Estado de Minas Gerais, no uso das atribuições que lhe confere a Resolução CEPE/UEMG n.º

Leia mais

REGULAMENTO - IV TALENTOS FESTIVAL DE DANÇA- 2016 11 à 15 de Maio no Teatro das Bacabeiras Macapá/AP

REGULAMENTO - IV TALENTOS FESTIVAL DE DANÇA- 2016 11 à 15 de Maio no Teatro das Bacabeiras Macapá/AP A Mostra Competitiva ocorre em 5 noites, com coreografias inscritas em 5 gêneros: Clássico/Neoclássico, dança contemporânea, danças Urbanas, danças populares, e Dança de Salão, os subgêneros são: solo,

Leia mais

8 de Julho de 2016 - Florianópolis - SC

8 de Julho de 2016 - Florianópolis - SC 8 de Julho de 2016 - Florianópolis - SC PROGRAMAÇÃO 09:00 Café de boas-vindas 09:30 Interação Mostra o teu que eu mostro o meu 10:00 Comunicação Municipal: Modo de usar André Tamura (WeGov) 11:00 Painel:

Leia mais

1. DOS PRÉ-REQUISITOS 2. FUNCIONAMENTO DO CURSO

1. DOS PRÉ-REQUISITOS 2. FUNCIONAMENTO DO CURSO Edital de oferta de vagas para o Curso de Pós-Graduação Lato Sensu Gestão Social: Políticas Públicas, Redes e Defesa de Direitos, na modalidade a distância. A Reitora da Universidade Anhanguera-Uniderp,

Leia mais

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO Câmara de Educação Superior e Profissional

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO Câmara de Educação Superior e Profissional INTERESSADO: Instituto Ateneu CV&C EMENTA: Credencia o Instituto Ateneu CV&C e reconhece os cursos Técnico em Contabilidade e Técnico em Segurança do Trabalho na cidade de Fortaleza, até 31.12.2012. RELATOR:

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA UNEB DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS HUMANAS CAMPUS III EDITAL Nº 04/2016

UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA UNEB DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS HUMANAS CAMPUS III EDITAL Nº 04/2016 UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA UNEB DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS HUMANAS CAMPUS III EDITAL Nº 04/2016 O Reitor da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), no uso de suas atribuições legais e regimentais, torna

Leia mais

Programa de Treinamento de Profissionais de Aeroportos TREINAR

Programa de Treinamento de Profissionais de Aeroportos TREINAR PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE AVIAÇÃO CIVIL SECRETARIA DE NAVEGAÇÃO AÉREA CIVIL Programa de Treinamento de Profissionais de Aeroportos TREINAR EDITAL Nº 04/2016 SENAV/SAC-PR A Secretaria de Navegação

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO DO CAMPO

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO DO CAMPO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO DO CAMPO ÁREA DO CONHECIMENTO Educação. NOME DO CURSO Curso de Pós-Graduação Lato Sensu, especialização em Educação do Campo AMPARO LEGAL E PORTARIA DO MEC O curso atende

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO INTERNA DE ORIENTADOR DE ESTUDO DO PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA EDITAL SME Nº 001/2015

PROCESSO DE SELEÇÃO INTERNA DE ORIENTADOR DE ESTUDO DO PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA EDITAL SME Nº 001/2015 PROCESSO DE SELEÇÃO INTERNA DE ORIENTADOR DE ESTUDO DO PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA EDITAL SME Nº 001/2015 Abre as inscrições para PROCESSO DE SELEÇÃO INTERNA DE ORIENTADOR DE ESTUDO

Leia mais

UNIÃO DAS INSTITUIÇÕES DE SERVIÇOS, ENSINO E PESQUISA LTDA. PASTA P R O E R S

UNIÃO DAS INSTITUIÇÕES DE SERVIÇOS, ENSINO E PESQUISA LTDA. PASTA P R O E R S UNIÃO DAS INSTITUIÇÕES DE SERVIÇOS, ENSINO E PESQUISA LTDA. PASTA P R O E R S São Paulo ( ) / Minas Gerais ( ) 2011 1 P R O E R S 1. TÍTULO DO PROJETO (de acordo com a Linha de Extensão) : 2. ACADÊMICO:

Leia mais

ESTATUTO DA ASSOCIAÇÃO DE EX-ALUNOS DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DO DISTRITO FEDERAL. CAPÍTULO I - Da Associação e finalidades

ESTATUTO DA ASSOCIAÇÃO DE EX-ALUNOS DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DO DISTRITO FEDERAL. CAPÍTULO I - Da Associação e finalidades ESTATUTO DA ASSOCIAÇÃO DE EX-ALUNOS DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DO DISTRITO FEDERAL CAPÍTULO I - Da Associação e finalidades Art. 1º A Associação dos ex alunos do Centro Universitário do Distrito Federal doravante

Leia mais

REGULAMENTO DE CURSO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS

REGULAMENTO DE CURSO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS REGULAMENTO DE CURSO PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS JUNHO/2011 CAPÍTULO I Das Disposições Preliminares Art. 1º. Os cursos de Pós Graduação Lato Sensu da Faculdade de Tecnologia

Leia mais