APRESENTAÇÃO DA SOCIEDADE. L. Graça, R. Carvalho & M. Borges, SROC, Lda.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "APRESENTAÇÃO DA SOCIEDADE. L. Graça, R. Carvalho & M. Borges, SROC, Lda."

Transcrição

1 APRESENTAÇÃO DA SOCIEDADE L. Graça, R. Carvalho & M. Borges, SROC, Lda.

2 I A SOCIEDADE RAZÃO SOCIAL : L. GRAÇA, R. CARVALHO & CONSTITUIÇÃO : 17 DE OUTUBRO DE INSCRIÇÃO : N.º 177 na Ordem dos Revisores Oficiais de Contas. PESSOA COLECTIVA : N.º NATUREZA JURÍDICA : Sociedade Comercial sob a forma de sociedade por quotas. CAPITAL SOCIAL : SEDE : Rua Manuel da Silva Leal nº 6 B ESCRITÓRIO LISBOA DELEGAÇÃO DE ÉVORA: Rua DO Desenhador, n.º3 PI.T.É., Évora TEL. : (Sede) (Delegação de Évora) FAX. : (Sede) (Delegação de Évora) SITE: (Sede) (Delegação de Évora) SÓCIOS : œ Manuel Luís Graça, ROC n.º 758 œ Maria do Rosário da Conceição Mira de Carvalho, ROC n.º 658 œ Manuel Fernando de Andrade Borges, ROC n.º LEGISLAÇÃO REGULADORA DA ACTIVIDADE : Decreto-Lei nº. 487/99, de 16 de Novembro, com as alterações introduzidas pelo Decreto-Lei n.º 224/2008 de 20 de Novembro, que estabelece o Estatuto Jurídico dos Revisores Oficiais de Contas, Código das Sociedade Comerciais, Plano Oficial de Contabilidade e Directrizes Contabilísticas, Códigos Tributários, demais legislação comercial e civil sobre empresas.

3 II OS SERVIÇOS Na nossa actividade profissional seguimos as orientações das normas e directrizes técnicas, designadamente as emitidas, a nível nacional, pela Ordem dos Revisores Oficiais de Contas e, a nível internacional, pela International Federation of Accountants (IFAC). A nossa sociedade tem como objecto a prestação de serviços profissionais no âmbito das competências legalmente cometidas aos Revisores Oficiais de Contas, incluindo o exercício de consultoria em matérias que integram o programa de exame de admissão à Ordem dos Revisores Oficiais de Contas, nomeadamente: A Revisão Legal de Contas, na qualidade de membro do Conselho Fiscal ou de Fiscal Único, em sociedades comerciais, anónimas ou por quotas; Auditorias financeiras privadas e públicas; Pareceres sobre projectos de transformação, cisão e fusão de empresas; Pareceres de avaliação de entradas de capital em espécie; Apoio a sócios no exercício do direito de informação; Apresentação de comunicações em Seminários e Conferências; Consultoria Financeira, incluindo: œ O apoio à melhoria dos procedimentos organizacionais das empresas em matéria contabilística; œ O acompanhamento do processamento contabilístico mensal, com avaliação da conformidade formal e documental das operações realizadas e a verificação dos valores patrimoniais; œ A verificação do cumprimento dos procedimentos de controlo interno instituídos; œ O planeamento económico-financeiro anual; œ O planeamento fiscal; œ A assessoria visando a resolução de situações e problemas concretos em matéria contabilística, financeira e fiscal; œ O apoio à preparação e apresentação dos documentos de prestação de contas anuais.

4 III OS CLIENTES Desde a sua fundação, a sociedade conta já com uma experiência acumulada de Auditoria e de outros serviços, num conjunto de clientes que abrange empresas e entidades públicas, privadas e cooperativas, de pequena, média e grande dimensão, algumas das quais ligadas a grupos internacionais. Temos também realizado trabalhos técnicos, relacionados com a nossa actividade profissional, para pessoas singulares e para organismos do Estado. As actividades desenvolvidas pelos nossos clientes são muito variadas abrangendo a agricultura, a indústria, o comércio e os serviços. Indicamos a título meramente exemplificativo as seguintes: a vitivinicultura; a agro-pecuária; a indústria extractiva e mineira; a industria da transformação alimentar; a indústria têxtil; o sector da publicidade; o sector da logística e transportes; o sector das instalações e manutenção industrial pesada; a informática e internet; o ensino superior e formação profissional; o distribuição e comércio especializado; o sector da construção civil e obras públicas; o sector imobiliário; a hotelaria e turismo; o sector autárquico; serviços de saúde privados; serviços de saúde no âmbito da legislação de HOSPITAIS,S.A. e HOSPITAIS, EPE.

5 Releva especialmente a experiência adquirida em entidades como: - Município de Marvão - Município de Évora - Município de Reguengos de Monsaraz - Município de Sines - Município de Estremoz - Município de Borba - Hospital Pulido Valente (Lisboa) - Hospital do Espírito Santo (Évora)

Novo Modelo Contabilístico

Novo Modelo Contabilístico www.pwcacademy.pt Novo Modelo Contabilístico Sistema de Normalização Contabilística (SNC) Academia da PwC Oportunidade única para apreender os principais aspectos do novo modelo de normalização contabilística.

Leia mais

CURSO DE PREPARAÇÃO PARA REVISORES OFICIAIS DE CONTAS

CURSO DE PREPARAÇÃO PARA REVISORES OFICIAIS DE CONTAS CURSO DE PREPARAÇÃO PARA REVISORES OFICIAIS DE CONTAS OBJECTIVOS O objetivo principal do Curso é preparar os candidatos ao exame de acesso à profissão de Revisor Oficial de Contas. Para além disso a frequência

Leia mais

Revisor Oficial de Contas, desde 1990.

Revisor Oficial de Contas, desde 1990. 1. Dados pessoais Nome: Vitor Manuel Batista de Almeida Data de nascimento: 14 de Julho de 1956 Naturalidade: Lisboa Residência: Calçada das Lages, Lote 3, Nº 61-A, 14º C 1900-291 Lisboa Telefone casa:

Leia mais

FUNDO DE PENSÕES ABERTO REFORMA EMPRESA RELATÓRIO DE AUDITORIA REFERENTE AO EXERCÍCIO FINDO EM 31 DE DEZEMBRO DE 2008

FUNDO DE PENSÕES ABERTO REFORMA EMPRESA RELATÓRIO DE AUDITORIA REFERENTE AO EXERCÍCIO FINDO EM 31 DE DEZEMBRO DE 2008 FUNDO DE PENSÕES ABERTO REFORMA EMPRESA RELATÓRIO DE AUDITORIA REFERENTE AO EXERCÍCIO FINDO EM 31 DE DEZEMBRO DE 2008 RUA GENERAL FIRMINO MIGUEL, 3, TORRE 2-1º A/B, 1600-100 LISBOA, PORTUGAL TEL.: + 351217210180

Leia mais

UMA ASSOCIAÇÃO GLOBAL PARA ALIANÇAS ESTRATÉGICAS

UMA ASSOCIAÇÃO GLOBAL PARA ALIANÇAS ESTRATÉGICAS UMA ASSOCIAÇÃO GLOBAL PARA ALIANÇAS ESTRATÉGICAS UMA ASSOCIAÇÃO GLOBAL PARA ALIANÇAS ESTRATÉGICAS Presente em mais de 80 países e com mais de 280 escritórios em todos os Continentes, a MGI é uma das maiores

Leia mais

RELATÓRIO DE TRANSPARÊNCIA RELATIVO AO ANO FINDO EM 31 DEZ 08

RELATÓRIO DE TRANSPARÊNCIA RELATIVO AO ANO FINDO EM 31 DEZ 08 RELATÓRIO DE TRANSPARÊNCIA RELATIVO AO ANO FINDO EM 31 DEZ 08 1. Introdução Nos termos do nº 1 do artigo 62º-A do Decreto-Lei 224/2008, de 20 Nov, os Revisores Oficiais de Contas e as Sociedades de Revisores

Leia mais

Formação contínua. Curso de Preparação para Candidatos. E-learning. Formação. Secretariado e Instalações. Utilidade Profissional.

Formação contínua. Curso de Preparação para Candidatos. E-learning. Formação. Secretariado e Instalações. Utilidade Profissional. Formação Curso de Preparação para Candidatos a ROC Entre meados de junho e até final de agosto decorrerão as candidaturas ao Curso de Preparação para Revisores Oficiais de Contas 2016. Está previsto, o

Leia mais

PROPOSTA DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONTABILIDADE

PROPOSTA DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONTABILIDADE PROPOSTA DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONTABILIDADE PROPOSTA Empresa/Sector: A constituir / Construção Civil Contacto: Lurdes Coelho Projeto: Prestação de serviços de contabilidade; Gestão do Projeto: Vitória

Leia mais

DIRECTRIZ DE REVISÃO/AUDITORIA 872

DIRECTRIZ DE REVISÃO/AUDITORIA 872 DIRECTRIZ DE REVISÃO/AUDITORIA 872 Revista em Março de 2009 Entidades Municipais, Intermunicipais e Metropolitanas ÍNDICE Parágrafos INTRODUÇÃO 1 8 OBJECTIVO 9 FUNÇÕES EQUIVALENTES AO COMPROMISSO DO REVISOR

Leia mais

QUADROS SUPERIORES DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, DIRIGENTES E QUADROS SUPERIORES DE EMPRESA

QUADROS SUPERIORES DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, DIRIGENTES E QUADROS SUPERIORES DE EMPRESA GRANDE GRUPO 1 QUADROS SUPERIORES DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, DIRIGENTES E QUADROS SUPERIORES DE EMPRESA Os quadros superiores da administração pública, dirigentes e quadros superiores de empresa dão pareceres

Leia mais

MGI Internacional. Presença em mais de 80 países

MGI Internacional. Presença em mais de 80 países MGI Internacional Presença em mais de 80 países Presente em mais de 80 países e com mais de 280 escritórios em todos os Continentes, a MGI é uma das maiores associações internacionais de empresas independentes

Leia mais

P R E V I S A F E T Y. Prevenção e Segurança no Trabalho,Lda PREVISAFETY. Empresa Autorizada

P R E V I S A F E T Y. Prevenção e Segurança no Trabalho,Lda PREVISAFETY. Empresa Autorizada PREVISAFETY PREVISAFETY é uma empresa especializada em Serviços de Higiene e Segurança no Trabalho (SHST), que trabalha na área da prevenção e controlo de riscos Autorizada pelas Entidades Competentes:

Leia mais

Conferência Liberdade de Escolha da Escola - Os instrumentos da liberdade 30 de janeiro de 2015

Conferência Liberdade de Escolha da Escola - Os instrumentos da liberdade 30 de janeiro de 2015 2º PAINEL - LIBERDADE DE ESCOLHA DA ESCOLA: INSTRUMENTOS DE FINANCIAMENTO DA ESCOLA E DA ESCOLHA DAS FAMÍLIAS Luís Farrajota Subdiretor-Geral do Planeamento e Gestão Financeira Resumo O MEC além das despesas

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL DE TRANSPARÊNCIA

RELATÓRIO ANUAL DE TRANSPARÊNCIA NORAS SIl~ &YlARRO DO VALE SOCIEDADE DE REVISORES OFICIAIS DE CONTAS RELATÓRIO ANUAL DE TRANSPARÊNCIA NO EXERCíCIOFINDO EM 31 DE DEZEMBRODE 2012 lo INTRODUÇÃO Nos termos e para os efeitos do disposto no

Leia mais

Grant Thornton & Associados SROC, Lda. Apresentação da Firma

Grant Thornton & Associados SROC, Lda. Apresentação da Firma Grant Thornton & Associados SROC, Lda. Apresentação da Firma A nossa competência e experiência e a qualidade dos nossos serviços ao seu serviço A Grant Thornton assenta a sua estratégia no desenvolvimento

Leia mais

ESTATUTOS DA FUNDAÇÃO PORTUGAL-ÁFRICA

ESTATUTOS DA FUNDAÇÃO PORTUGAL-ÁFRICA ESTATUTOS DA FUNDAÇÃO PORTUGAL-ÁFRICA CAPÍTULO I Natureza, sede e fins Artigo 1º Natureza A Fundação Portugal-África, adiante designada simplesmente por Fundação, é uma pessoa colectiva de direito privado

Leia mais

Diário da República, 1.ª série N.º 133 13 de Julho de 2009 4449. (CNC), anexo ao presente decreto -lei e que dele faz parte integrante. Artigo 2.

Diário da República, 1.ª série N.º 133 13 de Julho de 2009 4449. (CNC), anexo ao presente decreto -lei e que dele faz parte integrante. Artigo 2. Diário da República, 1.ª série N.º 133 13 de Julho de 2009 4449 Decreto-Lei n.º 160/2009 de 13 de Julho Com a aprovação de um novo Sistema de Normalização Contabilística, inspirado nas normas internacionais

Leia mais

ESTATUTOS DA COOPERATIVA ANTÓNIO SÉRGIO PARA A ECONOMIA SOCIAL Cooperativa de Interesse Público de Responsabilidade Limitada

ESTATUTOS DA COOPERATIVA ANTÓNIO SÉRGIO PARA A ECONOMIA SOCIAL Cooperativa de Interesse Público de Responsabilidade Limitada ESTATUTOS DA COOPERATIVA ANTÓNIO SÉRGIO PARA A ECONOMIA SOCIAL Cooperativa de Interesse Público de Responsabilidade Limitada Artigo 1.º Denominação A cooperativa de interesse público adopta a denominação

Leia mais

MEDIDAS DE REFORÇO DA SOLIDEZ FINANCEIRA DAS INSTITUIÇÕES DE CRÉDITO

MEDIDAS DE REFORÇO DA SOLIDEZ FINANCEIRA DAS INSTITUIÇÕES DE CRÉDITO NotíciasdoDireito Janeiro a Março de 2012 SECTOR BANCÁRIO E FINANCEIRO MEDIDAS DE REFORÇO DA SOLIDEZ FINANCEIRA DAS INSTITUIÇÕES DE CRÉDITO A Lei n.º 4/2012, de 11 de Janeiro, altera a Lei n.º 63-A/2008,

Leia mais

Norma Nr.015/1999. Revogada pela Norma Nr.019/2000 ELEMENTOS REFERENTES AO EXERCÍCIO DE 1999

Norma Nr.015/1999. Revogada pela Norma Nr.019/2000 ELEMENTOS REFERENTES AO EXERCÍCIO DE 1999 Norma Nr.015/1999 Revogada pela Norma Nr.019/2000 ELEMENTOS REFERENTES AO EXERCÍCIO DE 1999 (EMPRESAS DE SEGUROS E SOCIEDADES GESTORAS DE FUNDOS DE PENSÕES) Considerando que nos termos do disposto no artº

Leia mais

Regulamento n.º 1 /2007 BANCO DE CABO VERDE. Auditoria Geral do Mercado de Valores Mobiliários. Auditores dos Organismos de Investimento Colectivo

Regulamento n.º 1 /2007 BANCO DE CABO VERDE. Auditoria Geral do Mercado de Valores Mobiliários. Auditores dos Organismos de Investimento Colectivo Regulamento n.º 1 /2007 BANCO DE CABO VERDE Auditoria Geral do Mercado de Valores Mobiliários Auditores dos Organismos de Investimento Colectivo Com a criação dos Organismos de Investimento Colectivo (OIC),

Leia mais

e) A sustentação das vertentes científica e técnica nas actividades dos seus membros e a promoção do intercâmbio com entidades externas.

e) A sustentação das vertentes científica e técnica nas actividades dos seus membros e a promoção do intercâmbio com entidades externas. ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE DISTRIBUIÇÃO E DRENAGEM DE ÁGUAS Capítulo I DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo 1.º Natureza 1. A Associação Portuguesa de Distribuição e Drenagem de Águas (APDA) é uma associação sem fins

Leia mais

Anúncio de concurso. Serviços

Anúncio de concurso. Serviços 1/5 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:299833-2013:text:pt:html Espanha-Alicante: Serviços de consultoria geral, auditoria, gestão de projetos e estudos 2013/S

Leia mais

FORMULÁRIO DE CANDIDATURA DESENVOLVIMENTO DE NOVOS MERCADOS SECÇÃO I

FORMULÁRIO DE CANDIDATURA DESENVOLVIMENTO DE NOVOS MERCADOS SECÇÃO I REGIÃO AUTÓNOMA DOS FORMULÁRIO DE CANDIDATURA DESENVOLVIMENTO DE NOVOS MERCADOS SECRETARIA REGIONAL DO AMBIENTE E DO MAR E CAMPANHAS PROMOCIONAIS GABINETE DO SUBSECRETÁRIO REGIONAL DAS PESCAS SECÇÃO I

Leia mais

CÓDIGO DO REGISTO COMERCIAL

CÓDIGO DO REGISTO COMERCIAL CÓDIGO DO REGISTO COMERCIAL (5.ª Edição) ACTUALIZAÇÃO N.º 2 Código do Registo Comercial 2 TÍTULO: AUTORES: CÓDIGO DO REGISTO COMERCIAL Actualização N.º 2 BDJUR EDITOR: EDIÇÕES ALMEDINA, SA Avenida Fernão

Leia mais

Estatuto Orgânico do Ministério da Administração Pública, Emprego e Segurança Social

Estatuto Orgânico do Ministério da Administração Pública, Emprego e Segurança Social Estatuto Orgânico do Ministério da Administração Pública, Emprego e Segurança Social Ter, 02 de Junho de 2009 18:38 Administrador REPÚBLICA DE ANGOLA Conselho de Ministros Decreto-lei nº 8 /07 de 4 de

Leia mais

Decreto n.º 19/92 de 14 de Março Acordo de Cooperação no Domínio Energético entre a República Portuguesa e a República Popular de Angola

Decreto n.º 19/92 de 14 de Março Acordo de Cooperação no Domínio Energético entre a República Portuguesa e a República Popular de Angola Decreto n.º 19/92 de 14 de Março Acordo de Cooperação no Domínio Energético entre a República Portuguesa e a República Popular de Angola Nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo 200.º da Constituição,

Leia mais

Tax News Flash nº1/2012 Os impostos peça a peça

Tax News Flash nº1/2012 Os impostos peça a peça 3 de Fevereiro de 2012 Tax News Flash nº1/2012 Os impostos peça a peça Lei do Mecenato Foi aprovada, no passado dia 18 de Janeiro, pela Assembleia Nacional, a Lei do Mecenato. A Lei do Mecenato, agora

Leia mais

Finantia SGFTC, S.A. Relatório e Contas 2012

Finantia SGFTC, S.A. Relatório e Contas 2012 Finantia SGFTC, S.A. Relatório e Contas 2012 Finantia S.G.F.T.C., S.A. Rua General Firmino Miguel, nº 5 1º 1600-100 Lisboa Matrícula na Conservatória do Registo Comercial de Lisboa e Pessoa Colectiva nº

Leia mais

Anúncio de concurso. Serviços

Anúncio de concurso. Serviços 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:169283-2012:text:pt:html LV-Riga: Prestação de serviços de ligação à Internet, correio electrónico, telefonia por IP

Leia mais

BIBLIOGRAFIA SOBRE O ESTATUTO E O CÓDIGO DEONTOLÓGICO DA CTOC

BIBLIOGRAFIA SOBRE O ESTATUTO E O CÓDIGO DEONTOLÓGICO DA CTOC BIBLIOGRAFIA SOBRE O ESTATUTO E O CÓDIGO DEONTOLÓGICO DA CTOC Elaborado por: JOAQUIM FERNANDO DA CUNHA GUIMARÃES - Mestre em Contabilidade e Auditoria Universidade do Minho - Licenciado em Gestão de Empresas

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO ESTRATÉGICA DOS RECURSOS HUMANOS E INOVAÇÃO

PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO ESTRATÉGICA DOS RECURSOS HUMANOS E INOVAÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO ESTRATÉGICA DOS RECURSOS HUMANOS E INOVAÇÃO ENQUADRAMENTO E OBJECTIVOS: A Pós-Graduação em Gestão Estratégica dos Recursos Humanos e Inovação tem como objectivo geral dotar os gestores,

Leia mais

Plano de Curso CURSO PREPARAÇÃO OTOC

Plano de Curso CURSO PREPARAÇÃO OTOC Plano de Curso CURSO PREPARAÇÃO OTOC INTRODUÇÃO O Curso de preparação para os exames de avaliação profissional da Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas, promovido pela Associação para a Extensão Universitária

Leia mais

O QUE 2009 TROUXE DE NOVO

O QUE 2009 TROUXE DE NOVO 2009 em resumo JANEIRO 2010 O QUE 2009 TROUXE DE NOVO Nos últimos anos, o direito societário tem sido objecto de grandes e importantes reformas legislativas, algumas das quais destinadas à simplificação

Leia mais

TEATRO NACIONAL S. JOÃO

TEATRO NACIONAL S. JOÃO TEATRO NACIONAL S. JOÃO PLANO DE PREVENÇÃO DE RISCOS E CORRUPÇÃO E INFRAÇÕES CONEXAS 1 ÍNDICE 1. Introdução... 3 2. Missão... 4 3. Modelo de Governo e identificação dos responsáveis... 6 4. Organigrama...

Leia mais

FORMULÁRIO DE CANDIDATURA

FORMULÁRIO DE CANDIDATURA FORMULÁRIO DE CANDIDATURA Exmos. Senhores, Em anexo encontra-se a proposta de [nome do candidato], em resposta ao convite à manifestação de interesse n.º MARKT/2003/12/F, para peritos no domínio dos serviços

Leia mais

Filiação: José da Encarnação Correia Cintra e de Liberdade das Dores Ferreira Cintra. Carta de Condução: FA 37991 Ligeiros, Pesados e Motociclos

Filiação: José da Encarnação Correia Cintra e de Liberdade das Dores Ferreira Cintra. Carta de Condução: FA 37991 Ligeiros, Pesados e Motociclos CURRICULUM VITAE Mário José Ferreira Cintra, nasceu em 1954, em Ferragudo, Concelho de Lagoa. Filho de José da Encarnação Correia Cintra, já falecido, marinheiro/pescador e de Liberdade das Dores Ferreira

Leia mais

RELATÓRIO DE AUDITORIA Horwath & Associados, SROC, Lda. Member Crowe Horwath International Edifício Scala Rua de Vilar, 235 2º andar 4050-626 Porto, PORTUGAL +351 22 605 17 80 Tel +351 22 605 17 89 Fax

Leia mais

Ministério da Ciência e Tecnologia

Ministério da Ciência e Tecnologia Ministério da Ciência e Tecnologia Conselho de Ministros DECRETO nº.../07 de... de... Considerando que as aplicações pacíficas de energia atómica assumem cada vez mais um papel significativo no desenvolvimento

Leia mais

FUNDAÇÃO CIDADE DA AMMAIA

FUNDAÇÃO CIDADE DA AMMAIA FUNDAÇÃO CIDADE DA AMMAIA ESTATUTOS Capítulo Primeiro Natureza, Duração, Sede e Fins Artigo Primeiro Natureza É instituída por Carlos Montez Melancia, Município de Marvão, Universidade de Évora, Francisco

Leia mais

Entidades Autorizadas a Realizar Arbitragens Voluntárias Institucionalizadas

Entidades Autorizadas a Realizar Arbitragens Voluntárias Institucionalizadas Portaria n.º 81/2001 de 8 de Fevereiro (Com as alterações introduzidas por Portaria n.º 350/2001 de 9/4, Portaria n.º 1516/2002 de 19/02 e Portaria n.º 709/2003 SUMÁRIO Actualiza a lista das entidades

Leia mais

TEXTO INTEGRAL. Artigo 1.º (Objecto)

TEXTO INTEGRAL. Artigo 1.º (Objecto) DATA : Segunda-feira, 16 de Julho de 1990 NÚMERO : 162/90 SÉRIE I EMISSOR : Ministério da Indústria e Energia DIPLOMA/ACTO : Decreto-Lei n.º 232/90 SUMÁRIO: Estabelece os princípios a que deve obedecer

Leia mais

Portaria 560/2004, de 26 de Maio

Portaria 560/2004, de 26 de Maio Portaria 560/2004, de 26 de Maio Aprova o Regulamento Específico da Medida «Apoio à Internacionalização da Economia A Resolução do Conselho de Ministros n.º 103/2002, de 17 de Junho, publicada em 26 de

Leia mais

Fórum Reforma Tributária. Construir o Futuro

Fórum Reforma Tributária. Construir o Futuro Construir o Futuro 18 de Fevereiro de 2015 Agenda A Administração Geral Tributária Procedimento de inspecção fiscal e contencioso O Grande Contribuinte Imposto Industrial Imposto sobre os Rendimentos do

Leia mais

Com a publicação dos novos Estatutos da Escola -Diário da República, 2ª série, nº 164, 25 de Agosto de 2009, por iniciativa do Conselho de Direcção,

Com a publicação dos novos Estatutos da Escola -Diário da República, 2ª série, nº 164, 25 de Agosto de 2009, por iniciativa do Conselho de Direcção, Com a publicação dos novos Estatutos da Escola -Diário da República, 2ª série, nº 164, 25 de Agosto de 2009, por iniciativa do Conselho de Direcção, iniciou-se um trabalho de reflexão e discussão, tendo

Leia mais

Anúncio de pré-informação para contratos no domínio da defesa e da segurança

Anúncio de pré-informação para contratos no domínio da defesa e da segurança União Europeia Publicação no suplemento do Jornal Oficial da União Europeia 2, rue Mercier, 2985 Luxembourg, Luxemburgo +352 29 29 42 670 ojs@publications.europa.eu Informação e formulários em linha: http://simap.europa.eu

Leia mais

Itália-Turim: Serviços de limpeza, transporte de mercadorias, controlo de pragas, limpeza de neve e aplicação de sal 2013/S 155-269595

Itália-Turim: Serviços de limpeza, transporte de mercadorias, controlo de pragas, limpeza de neve e aplicação de sal 2013/S 155-269595 1/5 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:269595-2013:text:pt:html Itália-Turim: Serviços de limpeza, transporte de mercadorias, controlo de pragas, limpeza de

Leia mais

E-Bilbau: Serviços de comunicação pan-europeus 2013/S 112-190326. Anúncio de concurso. Serviços

E-Bilbau: Serviços de comunicação pan-europeus 2013/S 112-190326. Anúncio de concurso. Serviços 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:190326-2013:text:pt:html E-Bilbau: Serviços de comunicação pan-europeus 2013/S 112-190326 Anúncio de concurso Serviços

Leia mais

Polónia-Varsóvia: Sistema de gestão de recursos digitais/de meios de comunicação 2013/S 183-314891. Anúncio de concurso. Serviços

Polónia-Varsóvia: Sistema de gestão de recursos digitais/de meios de comunicação 2013/S 183-314891. Anúncio de concurso. Serviços 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:314891-2013:text:pt:html Polónia-Varsóvia: Sistema de gestão de recursos digitais/de meios de comunicação 2013/S 183-314891

Leia mais

8500-(38) Diário da República, 1. a série N. o 242 19 de Dezembro de 2006 MINISTÉRIO DA JUSTIÇA

8500-(38) Diário da República, 1. a série N. o 242 19 de Dezembro de 2006 MINISTÉRIO DA JUSTIÇA 8500-(38) Diário da República, 1. a série N. o 242 19 de Dezembro de 2006 MINISTÉRIO DA JUSTIÇA Portaria n. o 1416-A/2006 de 19 de Dezembro O Decreto-Lei n. o 76-A/2006, de 29 de Março, aprovou um vasto

Leia mais

Decreto-Lei nº 25/91, de 11 de Janeiro

Decreto-Lei nº 25/91, de 11 de Janeiro Decreto-Lei nº 25/91, de 11 de Janeiro O quadro legal das sociedades de desenvolvimento regional foi estabelecido pelo Decreto-Lei nºs 499/80, de 20 de Outubro. Desde a data da sua publicação, o sistema

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Membro estagiária da Ordem dos Revisores Oficiais de Contas nº 112-E-2005 no período de 01/10/2005 a 30/09/2008.

CURRICULUM VITAE. Membro estagiária da Ordem dos Revisores Oficiais de Contas nº 112-E-2005 no período de 01/10/2005 a 30/09/2008. CURRICULUM VITAE I. ELEMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO Nome: Catarina Gonçalves dos Santos Silva Siquet II. HABILITAÇÕES LITERÁRIAS, inscrita na Ordem dos Revisores Oficiais de Contas com o nº 1398, por deliberação

Leia mais

Autor: Joaquim Fernando da Cunha Guimarães AS RESPONSABILIDADES SOBRE AS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS

Autor: Joaquim Fernando da Cunha Guimarães AS RESPONSABILIDADES SOBRE AS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS AS RESPONSABILIDADES SOBRE AS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS INTRODUÇÃO Para a caracterização do sistema contabilístico e fiscal português 1 é fundamental, sem dúvida, especificar quais são os agentes que intervêm

Leia mais

INQUÉRITO À PERMANÊNCIA DE HÓSPEDES NOS ALOJAMENTOS PARTICULARES

INQUÉRITO À PERMANÊNCIA DE HÓSPEDES NOS ALOJAMENTOS PARTICULARES R e g i ã o A u t ó n o m a d o s A ç o r e s V i c e - P r e s i d ê n c i a d o G o v e r n o S E R V I Ç O R E G I O N A L D E E S T A T Í S T I C A D O S A Ç O R E S INQUÉRITO À PERMANÊNCIA DE HÓSPEDES

Leia mais

Itália-Turim: Projeto relativo a um sistema de gestão documental SharePoint 2014/S 068-115843. Anúncio de concurso. Serviços

Itália-Turim: Projeto relativo a um sistema de gestão documental SharePoint 2014/S 068-115843. Anúncio de concurso. Serviços 1/5 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:115843-2014:text:pt:html Itália-Turim: Projeto relativo a um sistema de gestão documental SharePoint 2014/S 068-115843

Leia mais

OMEGA ENERGIA RENOVÁVEL S.A. FORMULÁRIO CONSOLIDADO. Negociação de Administradores e Pessoas Ligadas - Art. 11 - Instrução CVM nº 358/2002

OMEGA ENERGIA RENOVÁVEL S.A. FORMULÁRIO CONSOLIDADO. Negociação de Administradores e Pessoas Ligadas - Art. 11 - Instrução CVM nº 358/2002 Negociação de Administradores e Pessoas - Art. 11 - Instrução CVM nº 358/2002 (x) Conselho de () Diretoria () Conselho Fiscal ( ) Órgãos Técnicos ou Consultivos Ações Ordinárias 9 0,00 0,00 Ações Ordinárias

Leia mais

Autoriza o Governo a alterar o Estatuto da Câmara dos Técnicos Oficiais de Contas, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 452/99, de 5 de Novembro

Autoriza o Governo a alterar o Estatuto da Câmara dos Técnicos Oficiais de Contas, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 452/99, de 5 de Novembro DECRETO N.º 369/X Autoriza o Governo a alterar o Estatuto da Câmara dos Técnicos Oficiais de Contas, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 452/99, de 5 de Novembro A Assembleia da República decreta, nos termos

Leia mais

MINUTA DE CONTRATO DE ATRIBUIÇÃO DE APOIOS FINANCEIROS A PESSOAS COLECTIVAS PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS PROGRAMA MODELAR

MINUTA DE CONTRATO DE ATRIBUIÇÃO DE APOIOS FINANCEIROS A PESSOAS COLECTIVAS PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS PROGRAMA MODELAR MINUTA DE CONTRATO DE ATRIBUIÇÃO DE APOIOS FINANCEIROS A PESSOAS COLECTIVAS PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS PROGRAMA MODELAR Entre O Primeiro Outorgante, A Administração Regional de Saúde de. IP, adiante

Leia mais

Sociedade I BE c: Tel: - +351 217 990 420 Av. da República, 50 100 Fax: +351 217990439 1069-211 Lisboa www.bdo.pt RELATÓRIO DE AUDITORIA Introdução 1. Nos termos do disposto na alínea c) do n i do artigo

Leia mais

PERFIL PROFISSIONAL TÉCNICO/A DE GESTÃO DESPORTIVA 1 / 5

PERFIL PROFISSIONAL TÉCNICO/A DE GESTÃO DESPORTIVA 1 / 5 PERFIL PROFISSIONAL TÉCNICO/A DE GESTÃO DESPORTIVA Publicação e actualizações Publicado no Despacho n.º13456/2008, de 14 de Maio, que aprova a versão inicial do Catálogo Nacional de Qualificações. 1 /

Leia mais

Anúncio de concurso. Serviços

Anúncio de concurso. Serviços 1/7 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:351310-2012:text:pt:html GR-Tessalónica: Prestação de serviços por parte de um organizador profissional de conferências

Leia mais

Bélgica-Bruxelas: Apoio a iniciativas voluntárias de promoção da gestão de diversidade no local de trabalho na UE 2014/S 039-063712

Bélgica-Bruxelas: Apoio a iniciativas voluntárias de promoção da gestão de diversidade no local de trabalho na UE 2014/S 039-063712 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:63712-2014:text:pt:html Bélgica-Bruxelas: Apoio a iniciativas voluntárias de promoção da gestão de diversidade no local

Leia mais

Decreto-Lei 187/2002, de 21 de Agosto-192 Série I-A

Decreto-Lei 187/2002, de 21 de Agosto-192 Série I-A Decreto-Lei 187/2002, de 21 de Agosto-192 Série I-A Procede à criação dos fundos de sindicação de capital de risco (FSCR) Decreto-Lei n.º 187/2002, de 21 de Agosto Nos termos da Resolução do Conselho de

Leia mais

CONTABILIDADE BÁSICA

CONTABILIDADE BÁSICA FACULDADE CATÓLICA SALESIANA DO ESPÍRITO SANTO CONTABILIDADE BÁSICA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Conteúdo da Aula UNIDADE I Noções Básicas de Contabilidade a. Conceito b. Aplicação da contabilidade c. Usuários

Leia mais

COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS. Projecto de

COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS. Projecto de PT PT PT COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS Bruxelas, 27.6.2008 SEC(2008) 2109 final Projecto de DECISÃO DO PARLAMENTO EUROPEU, DO CONSELHO, DA COMISSÃO, DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, DO TRIBUNAL DE CONTAS,

Leia mais

Decreto n.º 94/03, de 14 de Outubro

Decreto n.º 94/03, de 14 de Outubro Decreto n.º 94/03, de 14 de Outubro Página 1 de 30 Na sequência da aprovação do estatuto orgânico do Ministério do Urbanismo e Ambiente, ao abrigo do Decreto-Lei n.º 4/03, de 9 de Maio, no qual se prevê

Leia mais

Forum Regional dos Vinhos do Alentejo Borba, 19 de Abril 2013 Pavilhão de Eventos

Forum Regional dos Vinhos do Alentejo Borba, 19 de Abril 2013 Pavilhão de Eventos Forum Regional dos Vinhos do Alentejo Borba, 19 de Abril 2013 Pavilhão de Eventos Oscar Gato, Escanção Mor da Confraria Estatutos Os estatutos constam em anexo à escritura notarial de constituição da Confraria,

Leia mais

M ODELO EUROPEU DE CURRICULUM VITAE

M ODELO EUROPEU DE CURRICULUM VITAE M ODELO EUROPEU DE CURRICULUM VITAE INFORMAÇÃO PESSOAL Nome SOUTELINHO, SUSANA TERESA BAPTISTA NUNES CIRERA EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL Datas Desde Janeiro de 2008 Leite de Campos, Soutelinho & Associados,

Leia mais

Tax News Flash n.º 7/2015 Construir o futuro

Tax News Flash n.º 7/2015 Construir o futuro 8 de Outubro de 2015 Tax News Flash n.º 7/2015 Construir o futuro Aprovação do Regulamento do Procedimento para a Realização do Investimento Privado realizado ao abrigo da Lei do Investimento Privado em

Leia mais

Luxemburgo-Luxemburgo: AO 10559 Serviços logísticos integrados 2013/S 234-405266. Anúncio de concurso. Serviços

Luxemburgo-Luxemburgo: AO 10559 Serviços logísticos integrados 2013/S 234-405266. Anúncio de concurso. Serviços 1/5 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:405266-2013:text:pt:html Luxemburgo-Luxemburgo: AO 10559 Serviços logísticos integrados 2013/S 234-405266 Anúncio de

Leia mais

FUNDAÇÃO LUIS DE MOLINA FP ESTATUTOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS. Artigo 1º. Natureza

FUNDAÇÃO LUIS DE MOLINA FP ESTATUTOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS. Artigo 1º. Natureza FUNDAÇÃO LUIS DE MOLINA FP ESTATUTOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo 1º Natureza A Fundação Luis de Molina FP, adiante designada simplesmente por Fundação, é uma Fundação Pública de Direito Privado,

Leia mais

RELATÓRIO DE AUDITORIA

RELATÓRIO DE AUDITORIA RELATÓRIO DE AUDITORIA INTRODUÇÃO 1. Nos termos da legislação aplicável, apresentamos a Certificação Legal das Contas e Relatório de Auditoria sobre a informação financeira contida no Relatório de gestão

Leia mais

PwC s Academy Luanda Centro e Talatona

PwC s Academy Luanda Centro e Talatona www.pwc.pt/academy Luanda Centro e Talatona Cursos práticos em Novembro de 2014 Formação profissional a realizar em Luanda Centro e em Talatona em Angola Formação de profissionais para profissionais Estarei

Leia mais

CAPÍTULO I DENOMINAÇÃO, SEDE E FINS ARTIGO 1º

CAPÍTULO I DENOMINAÇÃO, SEDE E FINS ARTIGO 1º ESTATUTOS CAPÍTULO I DENOMINAÇÃO, SEDE E FINS ARTIGO 1º (Denominação, constituição e duração) É constituída e reger-se-á pelos presentes Estatutos e pela Lei aplicável, uma Associação de âmbito nacional,

Leia mais

B-Bruxelas: Serviços médicos, de psicologia e análises biológicas para o Instituto de Prospetiva Tecnológica de Sevilha 2013/S 056-091088

B-Bruxelas: Serviços médicos, de psicologia e análises biológicas para o Instituto de Prospetiva Tecnológica de Sevilha 2013/S 056-091088 1/10 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:91088-2013:text:pt:html B-Bruxelas: Serviços médicos, de psicologia e análises biológicas para o Instituto de Prospetiva

Leia mais

França-Angers: Sistema de gestão de conteúdos Web e atualização de sítio Web 2015/S 233-422700. Anúncio de concurso. Serviços

França-Angers: Sistema de gestão de conteúdos Web e atualização de sítio Web 2015/S 233-422700. Anúncio de concurso. Serviços 1 / 5 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:422700-2015:text:pt:html França-Angers: Sistema de gestão de conteúdos Web e atualização de sítio Web 2015/S 233-422700

Leia mais

Sistema de Normalização Contabilística

Sistema de Normalização Contabilística www.pwcacademy.pt Sistema de Normalização Contabilística Sector da Construção Academia da PwC Oportunidade para apreender os principais aspectos do novo modelo de normalização contabilística bem como os

Leia mais

Projecto de Decreto-lei

Projecto de Decreto-lei Projecto de Decreto-lei O Decreto Lei nº273/2003, de 29 de Outubro, sobre as regras gerais de planeamento, organização e coordenação para promover a segurança e saúde no trabalho em estaleiros da construção,

Leia mais

NOVO REGIME DE ORGANIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO DO SECTOR PETROLÍFERO

NOVO REGIME DE ORGANIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO DO SECTOR PETROLÍFERO NOVO REGIME DE ORGANIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO DO SECTOR PETROLÍFERO A Lei n.º 28/11, de 01.09., estabelece as bases gerais de organização e funcionamento aplicáveis às seguintes atividades: (i) refinação

Leia mais

M ODELO EUROPEU DE CURRICULUM VITAE

M ODELO EUROPEU DE CURRICULUM VITAE M ODELO EUROPEU DE CURRICULUM VITAE INFORMAÇÃO PESSOAL Nome PEREIRA DA SILVA, LUÍS M. EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL ACTUAL 1999 presente 2003 presente 2009 presente Tipo de empresa ousector 2010 presente Tipo

Leia mais

O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:87482-2014:text:pt:html

O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:87482-2014:text:pt:html 1/8 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:87482-2014:text:pt:html Grécia-Tessalónica: Criação de uma nova experiência ao nível do utilizador para o portal Web

Leia mais

M O D E L O E U R O P E U D E

M O D E L O E U R O P E U D E M O D E L O E U R O P E U D E C U R R I C U L U M V I T A E INFORMAÇÃO PESSOAL Nome Morada João da Cruz Borges Silva Palmarejo Praia, Cabo Verde Telefone (+238)927-05-39 Fax (+238)262-35-51 Correio electrónico

Leia mais

ASSEMBLEIA GERAL DA MARTIFER SGPS, S.A. (28.03.08) PROPOSTA RELATIVA AO PONTO 7 DA ORDEM DE TRABALHOS

ASSEMBLEIA GERAL DA MARTIFER SGPS, S.A. (28.03.08) PROPOSTA RELATIVA AO PONTO 7 DA ORDEM DE TRABALHOS ASSEMBLEIA GERAL DA MARTIFER SGPS, S.A. (28.03.08) PROPOSTA RELATIVA AO PONTO 7 DA ORDEM DE TRABALHOS (Deliberar sobre a eleição dos membros do Conselho Fiscal, para exercerem funções durante o quadriénio

Leia mais

CÓDIGOS TRIBUTÁRIOS EDIÇÃO DE BOLSO

CÓDIGOS TRIBUTÁRIOS EDIÇÃO DE BOLSO CÓDIGOS TRIBUTÁRIOS EDIÇÃO DE BOLSO (5.ª Edição) Actualização N.º 5 Códigos Tributários Edição de Bolso 2 TÍTULO: AUTORES: CÓDIGOS TRIBUTÁRIOS EDIÇÃO DE BOLSO Actualização N.º 5 BDJUR EDITOR: EDIÇÕES ALMEDINA,

Leia mais

GOVERNO REGIONAL DOS AÇORES

GOVERNO REGIONAL DOS AÇORES GOVERNO REGIONAL DOS AÇORES Decreto Regulamentar Regional n.º 26/2007/A de 19 de Novembro de 2007 Regulamenta o Subsistema de Apoio ao Desenvolvimento da Qualidade e Inovação O Decreto Legislativo Regional

Leia mais

Estruturas de Governança a no Setor Público: P Contribuições do TCU. Laércio Vieira, MSc, CGAP Tribunal de Contas da União

Estruturas de Governança a no Setor Público: P Contribuições do TCU. Laércio Vieira, MSc, CGAP Tribunal de Contas da União Estruturas de Governança a no Setor Público: P Contribuições do TCU Laércio Vieira, MSc, CGAP Tribunal de Contas da União LOGO Sumário da Apresentação Origens... Um pouco sobre Governança O papel da Unidade

Leia mais

Flash fiscal Memorando de Entendimento Principais medidas fiscais 13 Maio de 2011

Flash fiscal Memorando de Entendimento Principais medidas fiscais 13 Maio de 2011 www.pwc.com/ptpt Flash fiscal Memorando de Entendimento Principais medidas fiscais 13 Maio de 2011 Foi divulgado o Memorando de Entendimento entre o Português, a Comissão Europeia, o Banco Central Europeu

Leia mais

Países Baixos-Haia: Agente de viagens para serviços de viagens de negócios 2015/S 187-337652. Anúncio de concurso. Serviços

Países Baixos-Haia: Agente de viagens para serviços de viagens de negócios 2015/S 187-337652. Anúncio de concurso. Serviços 1/5 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:337652-2015:text:pt:html Países Baixos-Haia: Agente de viagens para serviços de viagens de negócios 2015/S 187-337652

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM INTEGRAÇÃO DE SISTEMAS E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

PÓS-GRADUAÇÃO EM INTEGRAÇÃO DE SISTEMAS E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL PÓS-GRADUAÇÃO EM INTEGRAÇÃO DE SISTEMAS E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL ENQUADRAMENTO E OBJECTIVOS: Num mundo em constante aceleração económica, tecnológica e de produção de grandes quantidades de conhecimento,

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO GOVERNO Resolução do Conselho do Governo n.º 73/2013 de 1 de Julho de 2013

PRESIDÊNCIA DO GOVERNO Resolução do Conselho do Governo n.º 73/2013 de 1 de Julho de 2013 PRESIDÊNCIA DO GOVERNO Resolução do Conselho do Governo n.º 73/2013 de 1 de Julho de 2013 Tendo por aceite que os órgãos de gestão das unidades de saúde devem manter os seus representantes clínicos, mas

Leia mais

IFRS Update Newsletter

IFRS Update Newsletter www.pwc.pt Newsletter 10ª Edição dezembro 2015 César A. R. Gonçalves Presidente do Comité Técnico da PwC Portugal Quando olhamos em retrospetiva, não é possível definir o ano de 2014 como um ano plácido,

Leia mais

O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:286241-2015:text:pt:html

O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:286241-2015:text:pt:html 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:286241-2015:text:pt:html Bélgica-Bruxelas: Estudo sobre o Certificado Sucessório Europeu eletrónico, os registos nacionais

Leia mais

ESTATUTOS. Com alterações aprovadas na Assembleia Geral de 25 de Novembro de 2013

ESTATUTOS. Com alterações aprovadas na Assembleia Geral de 25 de Novembro de 2013 ESTATUTOS Com alterações aprovadas na Assembleia Geral de 25 de Novembro de 2013 CAPÍTULO I - DENOMINAÇÃO, OBJECTO, NATUREZA E SEDE Artº 1º - Denominação e Objecto Artº 2º - Âmbito e Duração Artº 3º -

Leia mais

OPERAÇÕES ADUANEIRAS. PLANEAMENTO e GESTÃO de. Gestão Aduaneira e Tributária no Comércio Exterior. incompany. O seu FORMADOR

OPERAÇÕES ADUANEIRAS. PLANEAMENTO e GESTÃO de. Gestão Aduaneira e Tributária no Comércio Exterior. incompany. O seu FORMADOR SEMINÁRIO 2ª EDIÇÃO PLANEAMENTO e GESTÃO de OPERAÇÕES ADUANEIRAS Gestão Aduaneira e Tributária no Comércio Exterior LUANDA 11 e 12 de DEZEMBRO de 2013 O seu FORMADOR Conheça o Funcionamento e Opere com

Leia mais

Mercados. informação regulamentar. República Checa Condições Legais de Acesso ao Mercado

Mercados. informação regulamentar. República Checa Condições Legais de Acesso ao Mercado Mercados informação regulamentar República Checa Condições Legais de Acesso ao Mercado Março 2010 Índice 1. Regime Geral de Importação 3 2. Regime de Investimento Estrangeiro 4 3. Quadro Legal 6 2 1. Regime

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional 18.05.2015 Visão & Missão A nossa Visão Ser uma constante referência na implementação das melhores práticas de Corporate Governance nos nossos clientes, contribuindo assim para

Leia mais

Projectos de I&DT Empresas Individuais

Projectos de I&DT Empresas Individuais 1 Projectos de I&DT Empresas Individuais Sistema de Incentivos à Investigação e Desenvolvimento Tecnológico (SI I&DT) Projectos de I&DT Empresas Dezembro de 2011 2 s Enquadramento Aviso n.º 17/SI/2011

Leia mais

Província de Cabinda

Província de Cabinda Província de Cabinda Conselho de Ministros Decreto-Lei n.º 1/07 De 2 de Janeiro Considerando a necessidade da aprovação do Estatuto Especial para a Província de Cabinda estabelecido nos termos do Memorando

Leia mais

AVISO N.º 14 /2011 de 19 de Dezembro

AVISO N.º 14 /2011 de 19 de Dezembro AVISO N.º 14 /2011 de 19 de Dezembro Havendo necessidade de se regulamentar o funcionamento das sociedades de cessão financeira (factoring), com vista a desenvolver a matéria estabelecida no Decreto Presidencial

Leia mais

Portugal Telecom, SGPS, S.A. ( PT SGPS, S.A. ) Informação ao abrigo do artigo 289.º, n.º 1, d) do Código das Sociedades

Portugal Telecom, SGPS, S.A. ( PT SGPS, S.A. ) Informação ao abrigo do artigo 289.º, n.º 1, d) do Código das Sociedades Portugal Telecom, SGPS, S.A. ( PT SGPS, S.A. ) Informação ao abrigo do artigo 289.º, n.º 1, d) do Código das Sociedades Comerciais REVISOR OFICIAL DE CONTAS BDO & Associados SROC, Lda. (Revisor Oficial

Leia mais