Caderno de Prova. Dia: 9 de março de 2008 Horário: das 14 às 17 h Duração: 3 (três) horas, incluído o tempo para o preenchimento do cartão-resposta.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Caderno de Prova. Dia: 9 de março de 2008 Horário: das 14 às 17 h Duração: 3 (três) horas, incluído o tempo para o preenchimento do cartão-resposta."

Transcrição

1 Município de Balneário Camboriú Secretaria de Administração Edital n o 04/2007 Caderno de Prova E4FC01 Multiplicador (DST-AIDS) Dia: 9 de março de 2008 Horário: das 14 às 17 h Duração: 3 (três) horas, incluído o tempo para o preenchimento do cartão-resposta. Confira o número que você obteve no ato da inscrição com o que está indicado no cartão-resposta. Instruções Para fazer a prova você usará: este caderno de prova; um cartão-resposta que contém o seu nome, número de inscrição e espaço para assinatura. Verifique, no caderno de prova: se faltam folhas, se a seqüência de questões, no total de 30 (trinta), está correta; se há imperfeições gráficas que possam causar dúvidas. Comunique imediatamente ao fiscal qualquer irregularidade. Atenção! Não é permitido qualquer tipo de consulta durante a realização da prova. Para cada questão são apresentadas 5 (cinco) alternativas diferentes de respostas (a, b, c, d, e). Apenas uma delas constitui a resposta correta em relação ao enunciado da questão. A interpretação das questões é parte integrante da prova, não sendo permitidas perguntas aos fiscais. Não destaque folhas da prova. Ao terminar a prova, entregue ao fiscal o caderno de prova completo e o cartão-resposta devidamente preenchido e assinado. O gabarito da prova será divulgado no site do concurso.

2 .

3 Município de Balneário Camboriú Conhecimentos Gerais (15 questões) Português (8 questões) 2. Leia as afirmativas abaixo. Texto Aquilo que o morador de uma cidade grande faz sem pensar escovar os dentes com a torneira aberta leva para o ralo toda a água que um moçambicano, digamos, terá para um dia inteiro. Mais de 1 bilhão de pessoas no mundo não têm acesso à água potável, e mais ainda convivem com a escassez. Tratada como inesgotável por quem dispõe dela, a água é um recurso finito e crucial na engrenagem da economia. Sem ela, não se irrigam plantações, não se melhora a saúde, não se implantam indústrias. Enfim, continua-se pobre e sem água. Mas experiências como a do Tâmisa, um rio antes fétido onde hoje nadam trutas, provam que recuperar mananciais poluídos é possível (ainda que caro). E um pouco de disciplina na hora do banho ou de lavar a louça já ajuda a evitar o desperdício. Vale pelo menos 1 bilhão de agradecimentos. Adaptado de: O Líquido Mais Precioso. Veja, São Paulo: n. 52, p. 161, 29 dez Assinale a alternativa correta. Segundo o texto acima a. ( X ) a água é um bem precioso e seu desperdício deve ser evitado. b. ( ) há grandes mananciais de água no planeta, logo esse recurso é inesgotável. c. ( ) quem dispõe de água potável deve agradecer aos que sofrem pela falta dela. d. ( ) o desenvolvimento econômico depende do uso da água no que se refere às plantações, mas não às indústrias. e. ( ) os rios que foram poluídos jamais poderão ser recuperados, pois os peixes não sobreviverão em suas águas. I. Um morador de São Paulo pode gastar, ao escovar os dentes com a torneira aberta, a quantidade de água equivalente à que um morador de Moçambique dispõe por dia. II. Algumas pessoas que dispõem de água potável em abundância agem como se esse recurso nunca fosse acabar, por isso aceitam o desperdício. III. Um grande número de pessoas tem que suportar a falta de água potável, porque o rio Tâmisa está poluído e sua água é imprópria para beber. Assinale a alternativa que indica todas as afirmativas corretas, de acordo com o texto. a. ( ) Somente I está correta. b. ( ) Somente II está correta. c. ( X ) Somente I e II estão corretas. d. ( ) Somente I e III estão corretas. e. ( ) Somente II e III estão corretas. 3. Classifique as palavras da coluna 2 (destacadas no texto) de acordo com a coluna 1. Coluna 1 I. substantivo II. verbo III. adjetivo IV. pronome Coluna 2 ( ) inteiro ( ) acesso ( ) se ( ) crucial ( ) irrigam Assinale a alternativa que apresenta a seqüência correta, de cima para baixo. a. ( ) I, II, IV, III, II. b. ( ) II, I, IV, III, IV. c. ( ) III, I, I, IV, II. d. ( X ) III, I, IV, III, II. e. ( ) III, IV, II, IV, I. Página 3

4 Secretaria de Administração 4. Na oração: 7. Assinale a alternativa correta em relação ao texto. Tâmisa, um rio antes fétido onde hoje nadam trutas A palavra destacada significa: a. ( ) feio b. ( ) fértil c. ( ) sinuoso d. ( ) despoluído e. ( X ) malcheiroso 5. Verifique se são verdadeiras ( V ) ou falsas ( F ) as afirmativas quanto às regras de acentuação gráfica. Na oração Mais de 1 bilhão de pessoas no mundo não têm acesso à água potável. ( ) foi colocado o acento circunflexo no verbo ter porque ele está conjugado na terceira pessoa do plural do presente do indicativo. ( ) o adjetivo potável é acentuado por ser uma proparoxítona. ( ) a palavra água recebe o acento agudo porque é uma paroxítona terminada em ditongo oral. Assinale a alternativa que apresenta a seqüência correta, de cima para baixo. a. ( ) V V V b. ( X ) V F V c. ( ) V F F d. ( ) F V V e. ( ) F F V 6. Na oração: Mais de 1 bilhão de pessoas no mundo não têm acesso à água potável, e mais ainda convivem com a escassez. As palavras destacadas significam: a. ( ) água impura. b. ( ) água poluída. c. ( ) água rica em detritos. d. ( X ) água que se pode beber. e. ( ) água imprópria para banho. a. ( ) O tempo verbal que predomina no texto indica que ele narra fatos do passado. b. ( ) Os verbos irrigar, melhorar e implantar são conjugados no texto seguidos de preposição. c. ( ) Na frase recuperar mananciais poluídos é possível (ainda que caro). A expressão destacada expressa idéia de tempo. d. ( ) No início do texto, a palavra aquilo (desta- cada no texto) refere-se ao morador de uma cidade grande. e. ( X ) A expressão final: 1 bilhão de agradecimentos faz referência ao número de pessoas que não têm acesso à água potável em todo o mundo. 8. Identifique a seqüência de vocábulos que podem substituir as palavras sublinhadas abaixo e que, feitas as concordâncias necessárias, ainda mantêm o sentido do texto: Tratada como inesgotável por quem dispõe dela, a água é um recurso finito e crucial na engrenagem da economia. Assinale a alternativa que apresenta a seqüência correta. a. ( ) um auxílio ; infinito ; no mundo. b. ( X ) um bem ; que tem fim ; na organização. c. ( ) uma reserva ; poluída ; no financiamento. d. ( ) uma ajuda ; que não acaba ; na história. e. ( ) um meio ; renovável ; na embreagem. Atualidades (7 questões) 9. Assinale a alternativa em que todos os países estão entre os dez de maior extensão territorial. a. ( ) Canadá Rússia Israel Dubai. b. ( ) Rússia Brasil Equador Cuba. c. ( ) Brasil Suíça Vaticano Hungria. d. ( X ) Rússia Canadá Estados Unidos Brasil. e. ( ) Estados Unidos Canadá Colômbia Taiwan (China Nacionalista). Página 4

5 Município de Balneário Camboriú 10. Leia a notícia: O jornal britânico The Guardian incluiu a ministra brasileira do Meio Ambiente, Marina Silva, numa reportagem que relaciona as 50 pessoas que poderiam salvar o planeta, publicada no sábado. Sob sua vigilância o desmatamento caiu em cerca de 75% e milhões de milhas quadradas foram entregues a comunidades tradicionais, diz o diário no texto que justifica a escolha. Folha de São Paulo - Ciência. São Paulo: 8/1/2008, p. A14. Assinale a alternativa correta em relação ao texto. a. ( ) Não obstante a atuação das autoridades brasi- leiras, o país não tem conseguido, segundo o texto, conter o desmatamento. b. ( ) Apesar da legislação coercitiva e dos esforços da Ministra do Meio Ambiente, o desmatamento aumentou, segundo a notícia, em cerca de 80% no país, o ano passado. c. ( X ) A atuação da ministra brasileira tem se reve- lado, segundo o texto, eficaz para conter o desmatamento. d. ( ) A Ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, foi destacada entre as pessoas que podem salvar o planeta, por sua atuação na defesa das florestas da Ásia e da Savana Africana. e. ( ) Segundo a notícia, as autoridades brasileiras nada têm feito nos últimos anos para conter o desmatamento, um dos principais problemas ecológicos que enfrentamos. 11. Assinale a alternativa que completa a frase: Monóxido e dióxido de carbono, compostos de chumbo e nitrogênio e outros gases, a. ( X ) contaminam o ar que respiramos. b. ( ) contribuem para que o ar que respiramos se torne mais limpo. c. ( ) são produtos que diminuem a poluição atmosférica. d. ( ) são, com exceção dos compostos de chumbo e nitrogênio, altamente poluentes. e. ( ) são substâncias indispensáveis à vida e ao meio-ambiente. 12. Assinale a alternativa em que todos os países estão entre os 10 mais populosos do mundo. a. ( ) Brasil Argentina Venezuela República Árabe Unida e Togo. b. ( ) República Popular da China Índia França Honduras. c. ( ) Índia Paquistão Estados Unidos Brasil Antigua. d. ( ) Paquistão Estados Unidos Brasil Islândia Trinidad e Tobago. e. ( X ) República Popular da China Índia Estados Unidos da América Brasil. 13. Assinale a alternativa que completa a frase: Yasser Arafat foi um dos principais líderes do (da) a. ( X ) Al-Fatah. b. ( ) Al Qaeda. c. ( ) Gib al Tarik. d. ( ) Shalom-Salam. e. ( ) Movimento Sionista Mundial. 14. Assinale a alternativa correta. a. ( ) A capital do Estado do Acre é Cuiabá. b. ( ) A capital do Estado do Piauí é Porto Velho. c. ( X ) A capital do Estado do Amazonas é Manaus. d. ( ) A capital do Estado de Rondônia é Teresina. e. ( ) A capital do Estado do Paraná é Ponta Grossa. 15. Assinale a alternativa verdadeira sobre a Camada de Ozônio. a. ( ) É uma camada que impede a passagem da luz, do calor e da energia do sol. b. ( X ) É uma camada que absorve muitos dos raios nocivos do sol. c. ( ) É uma camada que existe na atmosfera que, quando muito extensa, causa o câncer de pele. d. ( ) É um gás que cobre a superfície da terra, per- mitindo a agricultura. e. ( ) Trata-se de uma substância que cobre a terra evitando os incêndios florestais. Página 5

6 Secretaria de Administração Conhecimentos Específicos (15 questões) 16. A AIDS é uma doença que se manifesta após a infecção do organismo humano pelo Vírus da Imunodeficiência Humana, mais conhecido como HIV. A respeito desta imunodeficiência, assinale a alternativa correta. a. ( ) A AIDS é uma doença auto-imune. b. ( ) A AIDS é uma doença congênita como outras imunodeficiências. c. ( ) A sobrevida dos pacientes infectados pelo vírus da AIDS é cada vez menor devido à diminuição dos investimentos na pesquisa desse vírus. d. ( X ) O HIV destrói os linfócitos, células respon- sáveis pela defesa do nosso organismo, tornando a pessoa vulnerável a infecções e doenças oportunistas. e. ( ) Há alguns anos, receber o diagnóstico de AIDS era quase uma sentença de morte. Atualmente, a AIDS já pode ser considerada uma doença com cura. 17. Sobre a AIDS é correto afirmar: I. A AIDS é uma doença que pode ser transmitido da mãe para o filho durante a gravidez. II. Não se transmite pela relação sexual. III. Apresenta um grupo de sinais e sintomas que, uma vez considerados em conjunto, caracterizam uma doença. IV. Se transmite pelo beijo, aperto de mão e pelo ar. Assinale a alternativa que indica todas as afirmativas corretas. a. ( X ) Apenas a I e III estão corretas. b. ( ) Apenas a I e IV estão corretas. c. ( ) Apenas a II e IV estão corretas. d. ( ) Apenas a I, II e III estão corretas. e. ( ) As afirmativas I, II, III e IV estão corretas. 18. O Vírus da Imunodeficiência Humana, conhecido como HIV, é um vírus pertencente à classe dos retrovírus e causador da AIDS. Ao entrar no organismo humano, esse vírus pode ficar silencioso e incubado por muitos anos. I. A fase de incubação do vírus HIV denomina-se assintomática e a pessoa infectada não apresenta nenhum sintoma ou sinal da doença. II. O período entre a infecção pelo HIV e a manifestação dos primeiros sintomas da AIDS irá depender, principalmente, do estado de saúde da pessoa. III. O HIV age no interior das células do sistema imunológico, responsável pela defesa do corpo. Ao entrar na célula, o HIV passa a fazer parte de seu código genético. Assinale a alternativa que indica todas as afirmativas corretas. a. ( ) Apenas a afirmativa I está correta. b. ( ) Apenas as afirmativas I e II estão corretas. c. ( ) Apenas as afirmativas I e III estão corretas. d. ( ) Apenas as afirmativas II e III estão corretas. e. ( X ) As afirmativas I, II e III estão corretas. 19. É uma doença sexualmente transmissível que se manifesta inicialmente como uma pequena ferida nos órgãos sexuais, denominada cancro duro, e com ínguas (caroços) nas virilhas, que surgem entre a 2 a ou 3 a semana, em geral, entre sete e dez dias após a data de exposição à situação de risco com pessoa infectada. Estes sintomas referem-se a(o): a. ( ) AIDS b. ( X ) Sífilis c. ( ) Malária d. ( ) Rubéola e. ( ) Sarampo Página 6

7 Município de Balneário Camboriú 20. Diversos estudos confirmam a eficiência do preservativo na prevenção da AIDS e de outras doenças sexualmente transmissíveis. Sobre o uso da camisinha, assinale a alternativa incorreta. a. ( X ) A possibilidade de o preservativo romper durante o ato sexual deve-se muito mais à falha estrutural do produto. b. ( ) A utilização da camisinha não previne apenas o vírus HIV, mas todas as possíveis Doenças Sexualmente Transmissíveis. c. ( ) A camisinha, além da função de prevenir doen- ças, serve como um meio eficaz de evitar uma gravidez indesejável. d. ( ) Se a camisinha se rompe durante o ato sexual e há alguma possibilidade de infecção, ainda que pequena (como, por exemplo, parceiro de sorologia desconhecida), deve-se fazer o teste após 90 dias para que a dúvida seja esclarecida. e. ( ) A ruptura da camisinha implica risco real de aquisição da infecção por HIV. Independente do sexo do parceiro, o certo é interromper a relação, realizar uma higienização e iniciar o ato sexual novamente com um novo preservativo. 21. Em relação às Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST), podemos afirmar que: I. São tidas como um grave problema de saúde pública por afetarem muitas pessoas. II. Os sinais e sintomas são de difícil identificação. III. O tempo entre o diagnóstico das DSTs e o início do tratamento não interferem na evolução da doença. IV. Uma das principais preocupações relacionadas às DSTs é o fato de facilitarem a transmissão sexual do HIV. 22. O HIV pode ser transmitido pelo sangue, sêmen, secreção vaginal e pelo leite materno. Qual das alternativas abaixo é um mecanismo de transmissão do vírus HIV? a. ( ) Talheres e copos. b. ( ) Masturbação a dois. c. ( ) Piscina, banheiros, ar. d. ( ) Sabonete, toalha e lençóis. e. ( X ) Instrumentos que furam ou cortam, não esterilizados. 23. O condiloma acuminado é uma lesão na região genital, causada pelo Papilomavirus Humano (HPV); provoca verrugas com aspecto de couve-flor e de tamanhos variáveis. Assinale a alternativa correta que corresponde às formas de tratamento desta DST: a. ( ) O tratamento é exclusivo com pomadas no local das verrugas. Além disso, o parceiro também deve ser submetido a exame. b. ( ) O tratamento é somente com uso da caute- rização. Além disso, o parceiro também deve ser submetido a exame. c. ( ) O tratamento é sistêmico, independendo do desenvolvimento da doença. Além disso, o parceiro também deve ser submetido a exame. d. ( X ) O tratamento é local e, dependendo do desenvolvimento da doença, é feito com uso da cauterização, quimioterapia ou produtos cáusticos. Além disso, o parceiro também deve ser submetido a exame. e. ( ) O tratamento local não é recomendado para a doença, uma vez que as verrugas evoluem lentamente. Além disso, o parceiro também deve ser submetido a exame. Assinale a alternativa que indica todas as afirmativas corretas. a. ( ) Apenas a II e IV estão corretas b. ( ) Apenas a III e IV estão corretas c. ( X ) Apenas a I, II e IV estão corretas d. ( ) Apenas a I, III e IV estão corretas e. ( ) Apenas a II, III e IV estão corretas Página 7

8 Secretaria de Administração 24. É causada pelo Phthirus pubis, um piolho pubiano; os sintomas surgem de uma a duas semanas após a infestação. O piolho adulto e as lêndeas são encontrados fixados aos pêlos pubianos e também nas regiões pilosas do abdômen inferior, coxas e nádegas. São sintomas de: a. ( ) Sarna b. ( ) Sarampo c. ( X ) Pediculose pubiana d. ( ) Escarlatina e. ( ) Parotidite 25. São formas de contágio das doenças sexualmente transmissíveis (DST): I. Por contato sexual sem o uso de camisinha, com uma pessoa que esteja infectada. II. Podem ser transmitidas da mãe infectada para o bebê durante a gravidez ou durante o parto. III. As DSTs não favorecem a transmissão sexual do vírus da AIDS, pois feridas nos órgãos genitais impedem a entrada do HIV. IV. Podem ser transmitidas por transfusão de sangue contaminado ou compartilhamento de seringas e agulhas, principalmente no uso de drogas injetáveis. V. Podem ser transmitidas somente por pessoas que não foram devidamente vacinadas nos períodos estabelecidos. Assinale a alternativa que indica todas as afirmativas corretas. a. ( X ) Apenas a I, II e IV estão corretas b. ( ) Apenas a I, II e V estão corretas c. ( ) Apenas a II, III e IV estão corretas d. ( ) Apenas a II, IV e V estão corretas e. ( ) Apenas a III, IV e V estão corretas 26. A epidemia da AIDS trouxe o desafio de aprender a lidar com o ser humano nas suas questões mais íntimas. Ela exige a reflexão do modelo de atenção à saúde e a definição de ações de prevenção nos diferentes níveis de gestão do SUS, considerando o contexto de desigualdade social e de acesso aos serviços de saúde. As ações de prevenção ao HIV são norteadas por: I. Respeito à diversidade de orientação sexual e estilos de vida. II. Diálogo objetivo sobre sexualidade e uso de drogas. III. Concepção sobre redução de danos na abordagem/atendimento aos usuários de drogas. IV. Ter atitudes de solidariedade, antidiscriminatórias e com garantia dos direitos individuais Assinale a alternativa que indica todas as afirmativas corretas. a. ( ) Apenas a II e IV estão corretas. b. ( ) Apenas a III e IV estão corretas. c. ( ) Apenas a I, II e IV estão corretas. d. ( ) Apenas a II, III e IV estão corretas. e. ( X ) As afirmativas I, II, III e IV estão corretas. 27. O Brasil é um dos primeiros países a adotar políticas de saúde significativas para a melhoria do atendimento dos portadores do HIV/AIDS. Entre essas políticas, destaca-se: a. ( ) o acesso parcial aos medicamentos, tendo em vista os altos custos do tratamento. b. ( X ) o acesso universal e gratuito da população aos medicamentos usados no tratamento de AIDS. c. ( ) o acesso à escola pública, tendo em vista os altos custos dos medicamentos. d. ( ) o seguro desemprego, garantido para o resto da vida. e. ( ) bolsa escola para os filhos de pacientes com AIDS. Página 8

9 Município de Balneário Camboriú 28. No pré-natal, a gestante é orientada a realizar exames para proteger sua saúde e prevenir a transmissão vertical (gestação, parto e pós-parto) de doenças para seu bebê. Entre essas doenças esta a (o): a. ( X ) AIDS. b. ( ) Sarna. c. ( ) Sarampo. d. ( ) Poliomielite. e. ( ) Escarlatina. 29. Entre as condições clínicas que afetam as pessoas em estágio avançado da infecção pelo HIV, as mais graves e de maior freqüência são as infecções oportunistas. Identifique quais são consideradas infecções oportunistas: a. ( ) Tuberculose; Sarampo; Neurotoxoplasmose. b. ( X ) Tuberculose; Diarréia crônica com perda de peso; Pneumocistose. c. ( ) Fibromialgia; Diarréia crônica com perda de peso; Pneumocistose. d. ( ) Fibromialgia; Diarréia crônica com perda de peso; Diabetes. e. ( ) Parotidite; Diarréia crônica com perda de peso; Pneumocistose. 30. Com relação ao tratamento da AIDS, é correto afirmar que: a. ( ) Os medicamentos se chamam anti-retrohor- monais (ou coquetel) e são importantes para evitar que a doença avance. b. ( ) Interromper o tratamento totalmente faz com que o HIV fique mais forte em seu organismo. Isso pode fortalecer mais rapidamente suas defesas. c. ( ) O tratamento das crianças que nascem com HIV consiste em vacinação específica. d. ( X ) A AIDS é uma doença que ainda não tem cura, mas tem tratamento. e. ( ) Os medicamentos utilizados no combate ao HIV são de uso semanal e sempre devem ser tomados nos horários corretos. Página 9

10 Página em Branco. (rascunho)

11 .

12 FEPESE Fundação de Estudos e Pesquisas Sócio-Econômicos Campus Universitário UFSC Florianópolis SC Fone/Fax: (48)

DSTS - Doenças Sexualmente Transmissíveis. Alunas : Manuella Barros / Anna Morel /Elaine Viduani.

DSTS - Doenças Sexualmente Transmissíveis. Alunas : Manuella Barros / Anna Morel /Elaine Viduani. DSTS - Doenças Sexualmente Transmissíveis Alunas : Manuella Barros / Anna Morel /Elaine Viduani. O que são DSTS? São as doenças sexualmente transmissíveis (DST), são transmitidas, principalmente, por contato

Leia mais

O que são DSTs? Gonorréia e/ou Uretrites não Gonocócicas, Tricomoníase, Candidíase.

O que são DSTs? Gonorréia e/ou Uretrites não Gonocócicas, Tricomoníase, Candidíase. O que são DSTs? DSTs significa, doenças sexualmente transmissíveis, que são passadas nas relações sexuais com pessoas que estejam com essas doenças. São DSTs, a gonorréia, a sífilis, a clamídia, o herpes

Leia mais

Vírus HIV circulando na corrente sanguínea

Vírus HIV circulando na corrente sanguínea O que é AIDS? Sinônimos: hiv, síndrome da imunodeficiência adquirida, sida É uma doença que ataca o sistema imunológico devido à destruição dos glóbulos brancos (linfócitos T CD4+). A AIDS é considerada

Leia mais

VAMOS FALAR SOBRE. AIDS + DSTs

VAMOS FALAR SOBRE. AIDS + DSTs VAMOS FALAR SOBRE AIDS + DSTs AIDS A AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida) atinge indiscriminadamente homens e mulheres e tem assumido proporções assustadoras desde a notificação dos primeiros

Leia mais

Conheça as principais DSTs e confira as dicas de prevenção que o Instituto Corpore preparou para você:

Conheça as principais DSTs e confira as dicas de prevenção que o Instituto Corpore preparou para você: Conheça as principais DSTs e confira as dicas de prevenção que o Instituto Corpore preparou para você: CANCRO MOLE Pode ser chamada também de cancro venéreo. Popularmente é conhecida como cavalo. Manifesta-se

Leia mais

O Carnaval está aí é hora de se prevenir!

O Carnaval está aí é hora de se prevenir! O Carnaval está aí é hora de se prevenir! O Carnaval está aí! Uma das festas populares mais animadas e representativas do mundo. A festa que chegou ao Brasil tem sua origem no entrudo português, em que,

Leia mais

HIV. O vírus da imunodeficiência humana HIV-1 e HIV-2 são membros da família Retroviridae, na subfamília Lentividae.

HIV. O vírus da imunodeficiência humana HIV-1 e HIV-2 são membros da família Retroviridae, na subfamília Lentividae. A Equipe Multiprofissional de Saúde Ocupacional da UDESC lembra: Dia 01 de dezembro é dia mundial de prevenção à Aids! Este material foi desenvolvido por alunos do Departamento de Enfermagem da Universidade

Leia mais

AIDS DST. cartilha. Saúde: eu cuido. Sexo: só seguro. Camisinha: EU USO. 1º DE DEZEMBRO DIA MUNDIAL DE COMBATE À AIDS. sistema:

AIDS DST. cartilha. Saúde: eu cuido. Sexo: só seguro. Camisinha: EU USO. 1º DE DEZEMBRO DIA MUNDIAL DE COMBATE À AIDS. sistema: Saúde: eu cuido. Sexo: só seguro. Camisinha: EU USO. 1º DE DEZEMBRO DIA MUNDIAL DE COMBATE À AIDS cartilha AIDS DST e S sistema: FEDERAÇÕES E SINDICATOS VINCULADOS O que são DSTs As doenças sexualmente

Leia mais

Assunto: Realização de teste rápido de HIV,Sífilis e outros agravos.

Assunto: Realização de teste rápido de HIV,Sífilis e outros agravos. PARECER Nº121/2015 PAD: Nº 43/2015 Autora: Conselheira Renata Ramalho Da Cunha Dantas Solicitante: Dr. Ronaldo Miguel Beserra Assunto: Realização de teste rápido de HIV,Sífilis e outros agravos. DO FATO

Leia mais

Unidade II Vida e ambiente Aula 7.2 Conteúdo: Doenças Sexualmente Transmissíveis.

Unidade II Vida e ambiente Aula 7.2 Conteúdo: Doenças Sexualmente Transmissíveis. Unidade II Vida e ambiente Aula 7.2 Conteúdo: Doenças Sexualmente Transmissíveis. 2 Habilidade: Conhecer as Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs), sua prevenção e forma de tratamento. 3 REVISÃO Métodos

Leia mais

DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS

DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS Doenças Sexualmente Transmissíveis são aquelas que são mais comumente transmitidas através da relação sexual. PRINCIPAIS DOENÇAS SEXUALMENTE

Leia mais

Nessa hora você não vai parar para pensar se sabe tudo sobre Aids

Nessa hora você não vai parar para pensar se sabe tudo sobre Aids Nessa hora você não vai parar para pensar se sabe tudo sobre Aids 1 a Aids reduz a imunidade A Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (Aids ou SIDA) não é a doença. Ela reduz a imunidade devido à ação

Leia mais

AIDS / Uma epidemia em expansão

AIDS / Uma epidemia em expansão A negociação da divisão de trabalho, no cuidado com a casa, com os filhos, com a alimentação e etc.. vem sendo um dos grandes assuntos debatidos entre casais nos tempos modernos. Ainda assim, freqüentemente

Leia mais

Os caminhos e descaminhos de uma epidemia global

Os caminhos e descaminhos de uma epidemia global Os caminhos e descaminhos de uma epidemia global Por Rodrigo Cunha 5 de junho de 1981. O Relatório Semanal de Morbidez e Mortalidade do Centro para Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos

Leia mais

DSTs. Como é contraída; Como evitar; Como tratar. PIBID:Fernanda Alves,Fernanda Gallon,Luciana Catardo e Priscila Faccinello

DSTs. Como é contraída; Como evitar; Como tratar. PIBID:Fernanda Alves,Fernanda Gallon,Luciana Catardo e Priscila Faccinello DSTs Como é contraída; Como evitar; Como tratar PIBID:Fernanda Alves,Fernanda Gallon,Luciana Catardo e Priscila Faccinello O que são DSTs? A sigla DSTs quer dizer doenças sexualmente transmissíveis;ou

Leia mais

-Os Papiloma Vírus Humanos (HPV) são vírus da família Papovaviridae.

-Os Papiloma Vírus Humanos (HPV) são vírus da família Papovaviridae. -Os Papiloma Vírus Humanos (HPV) são vírus da família Papovaviridae. -Chamado de HPV, aparece na forma de doenças como condiloma acuminado, verruga genital ou crista de galo. -Há mais de 200 subtipos do

Leia mais

DIA DA LUTA CONTRA A SIDA 01 DE DEZEMBRO

DIA DA LUTA CONTRA A SIDA 01 DE DEZEMBRO DIA DA LUTA CONTRA A SIDA 01 DE DEZEMBRO Presentemente, a infeçãovih/sida não tem cura e a prevenção é a única medida eficaz. A infeçãovih/sida tem uma história relativamente recente, mas já dramática

Leia mais

Instituto de Higiene e Medicina Tropical/IHMT. Fundação Luso Americana para o Desenvolvimento/FLAD. Fundação Portugal - África

Instituto de Higiene e Medicina Tropical/IHMT. Fundação Luso Americana para o Desenvolvimento/FLAD. Fundação Portugal - África Instituto de Higiene e Medicina Tropical/IHMT APOIO: Fundação Luso Americana para o Desenvolvimento/FLAD Casa de Cultura da Beira/CCB CERjovem ATENÇAÕ MULHER MENINA! Fundação Portugal - África RESPOSTAS

Leia mais

Projeto Verão Sem AIDS Valorizando a Vida

Projeto Verão Sem AIDS Valorizando a Vida 1 Projeto Verão Sem AIDS Valorizando a Vida O PROJETO VERÃO SEM AIDS VALORIZANDO A VIDA foi idealizado por João Donizeti Scaboli, Diretor do da FEQUIMFAR. Iniciamos de forma pioneira em 1994, quando o

Leia mais

Namoro, disciplina e liberdade: problematizando afetividades e sexualidades em uma Escola Família Agrícola

Namoro, disciplina e liberdade: problematizando afetividades e sexualidades em uma Escola Família Agrícola Este material foi elaborado como forma de devolução de dados em pesquisa intitulada Namoro, disciplina e liberdade: problematizando afetividades e sexualidades em uma Escola Família Agrícola realizada,

Leia mais

PLANEJANDO A GRAVIDEZ

PLANEJANDO A GRAVIDEZ dicas POSITHIVAS PLANEJANDO A GRAVIDEZ Uma pessoa que vive com HIV/aids pode ter filhos biológicos? Pode. As pessoas que vivem com HIV/aids não devem abandonar seus sonhos, incluindo o desejo de construir

Leia mais

16/02/2013 ESPECÍFICO DE ENFERMAGEM ABORDAGEM SINDRÔMICA DAS DST. Prof. Rivaldo lira

16/02/2013 ESPECÍFICO DE ENFERMAGEM ABORDAGEM SINDRÔMICA DAS DST. Prof. Rivaldo lira ABORDAGEM SINDRÔMICA DAS DST ESPECÍFICO DE ENFERMAGEM Prof. Rivaldo lira 1 2 Assinale a alternativa que indica todas as afirmativas corretas. a) São corretas apenas as afirmativas 1 e 2. b) São corretas

Leia mais

Saúde Naval CARTILHA DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS / AIDS

Saúde Naval CARTILHA DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS / AIDS Saúde Naval CARTILHA DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS / AIDS O QUE SÃO? As doenças sexualmente transmissíveis (DST) são transmitidas, principalmente, por contato sexual sem o uso de camisinha com uma

Leia mais

Doenças Sexualmente Transmissíveis (pág. 273)

Doenças Sexualmente Transmissíveis (pág. 273) Doenças Sexualmente Transmissíveis (pág. 273) -DST (no passado conhecidas como doenças venéreas ou doenças de rua ); - São doenças transmitidas por meio de ato sexual ou contato com sangue do doente; -

Leia mais

DST/HIV PASSATEMPOS. Conhecer para prevenir. Bom pra cabeça. l CAÇA-PALAVRAS l DIRETOX l DOMINOX

DST/HIV PASSATEMPOS. Conhecer para prevenir. Bom pra cabeça. l CAÇA-PALAVRAS l DIRETOX l DOMINOX DST/HIV Conhecer para prevenir Bom pra cabeça PASSATEMPOS l CAÇA-PALAVRAS l DIRETOX l DOMINOX l código secreto E MUITO MAIS! 2 coquetel Uma das grandes preocupações do Ministério da Saúde é a prevenção

Leia mais

HOMENS E MULHERES: CUIDADOS DIFERENCIADOS

HOMENS E MULHERES: CUIDADOS DIFERENCIADOS HOMENS E MULHERES: CUIDADOS DIFERENCIADOS Caro (a) Chesfiano (a), Você está recebendo uma série de publicações intitulada Para Viver Melhor, com informações atualizadas sobre temas diversos no campo da

Leia mais

Janeiro D S T Q Q S S

Janeiro D S T Q Q S S Cia. da Saúde 2008 Janeiro D S T Q Q S S 6 13 20 27 7 14 21 28 1 8 15 22 29 2 9 16 23 30 3 10 17 24 31 4 11 18 25 5 12 19 26 2008 Cia. da Saúde Quem somos A Companhia da Saúde é formada por adolescentes

Leia mais

Caderno de Prova AE06. Revisor de Braille. prova dissertativa. Auxiliar de Ensino de

Caderno de Prova AE06. Revisor de Braille. prova dissertativa. Auxiliar de Ensino de Prefeitura Municipal de Florianópolis Secretaria Municipal de Educação Edital n o 001/2009 Caderno de Prova prova dissertativa AE06 Auxiliar de Ensino de Revisor de Braille Dia: 8 de novembro de 2009 Horário:

Leia mais

Caderno de Prova PR08. Educação Especial. prova dissertativa. Professor de. Prefeitura Municipal de Florianópolis Secretaria Municipal de Educação

Caderno de Prova PR08. Educação Especial. prova dissertativa. Professor de. Prefeitura Municipal de Florianópolis Secretaria Municipal de Educação Prefeitura Municipal de Florianópolis Secretaria Municipal de Educação Edital n o 001/2009 Caderno de Prova prova dissertativa PR08 Professor de Educação Especial Dia: 8 de novembro de 2009 Horário: das

Leia mais

Aids ou Sida? www.interaulaclube.com.br

Aids ou Sida? www.interaulaclube.com.br A UU L AL A Aids ou Sida? A Aids é uma das doenças mais comentadas e pesquisadas dos últimos anos. Mesmo com os avanços que os especialistas vêm obtendo, ainda falta explicar muitos de seus aspectos. A

Leia mais

O QUE É AIDS?... 2 TESTAGEM... 3 PRINCIPAIS SINTOMAS DA AIDS... 4 SAIBA COMO SE PEGA AIDS... 5 Assim Pega... 5 Assim não pega... 5 Outras formas de

O QUE É AIDS?... 2 TESTAGEM... 3 PRINCIPAIS SINTOMAS DA AIDS... 4 SAIBA COMO SE PEGA AIDS... 5 Assim Pega... 5 Assim não pega... 5 Outras formas de O QUE É AIDS?... 2 TESTAGEM... 3 PRINCIPAIS SINTOMAS DA AIDS... 4 SAIBA COMO SE PEGA AIDS... 5 Assim Pega... 5 Assim não pega... 5 Outras formas de transmissão... 6 Acidentes ocupacionais com materiais

Leia mais

PlanetaBio Artigos Especiais www.planetabio.com. DST-Doenças Sexualmente Transmissíveis

PlanetaBio Artigos Especiais www.planetabio.com. DST-Doenças Sexualmente Transmissíveis DST-Doenças Sexualmente Transmissíveis (texto de Marcelo Okuma) As Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) constituem um grave problema de saúde pública, pois essas doenças, se não tratadas, são debilitantes,

Leia mais

Hepatite C Grupo Vontade de Viver

Hepatite C Grupo Vontade de Viver Hepatite C Grupo Vontade de Viver De apoio aos Portadores de Hepatite C Apresentação Data de Fundação : 19 Maio de 2002 Formação do Grupo: Portadores e ex-portadores do vírus C Trasplantados de fígado

Leia mais

Sim. Principalmente se a mulher estiver no período fértil.

Sim. Principalmente se a mulher estiver no período fértil. É legal saber! Gravidez Transar uma única vez, pode engravidar? Sim. Principalmente se a mulher estiver no período fértil. Minha menstruação na desceu. Estou grávida? Depende. É importante cada mulher

Leia mais

Carrefour Guarujá. O que é DST? Você sabe como se pega uma DST? Você sabe como se pega uma DST? Enfermeira Docente

Carrefour Guarujá. O que é DST? Você sabe como se pega uma DST? Você sabe como se pega uma DST? Enfermeira Docente Carrefour Guarujá Bárbara Pereira Quaresma Enfermeira Docente Enfª Bárbara Pereira Quaresma 2 O que é DST? Toda doença transmitida através de relação sexual. Você sabe como se pega uma DST? SEXO VAGINAL

Leia mais

Clamídia e Gonorreia

Clamídia e Gonorreia Doenças Sexualmente Transmissíveis DST Além da Aids, diversas outras doenças são transmitidas através do sangue e, por consequência, do ato sexual, e podem ser evitadas com comportamento sexual responsável

Leia mais

Papilomavírus Humano HPV

Papilomavírus Humano HPV Papilomavírus Humano HPV -BIOLOGIA- Alunos: André Aroeira, Antonio Lopes, Carlos Eduardo Rozário, João Marcos Fagundes, João Paulo Sobral e Hélio Gastão Prof.: Fragoso 1º Ano E.M. T. 13 Agente Causador

Leia mais

Mulher, 35 anos, terceira gestação, chega em início de trabalho de parto acompanhada do marido que tossia muito e comentou com a enfermeira que

Mulher, 35 anos, terceira gestação, chega em início de trabalho de parto acompanhada do marido que tossia muito e comentou com a enfermeira que Mulher, 35 anos, terceira gestação, chega em início de trabalho de parto acompanhada do marido que tossia muito e comentou com a enfermeira que estava em tratamento para tuberculose. A mulher informa que

Leia mais

Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora Suprema. COMUNICAÇÃO & MARKETING ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO Releases

Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora Suprema. COMUNICAÇÃO & MARKETING ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO Releases Doenças Sexualmente Transmissíveis DST Além da Aids, diversas outras doenças são transmitidas através do sangue e, por consequência, do ato sexual, e podem ser evitadas com comportamento sexual responsável

Leia mais

Informação pode ser o melhor remédio. Hepatite

Informação pode ser o melhor remédio. Hepatite Informação pode ser o melhor remédio. Hepatite HEPATITE A hepatite é uma inflamação do fígado provocada na maioria das vezes por um vírus. Diferentes tipos de vírus podem provocar hepatite aguda, que se

Leia mais

Ano lectivo 2004/2005. Andreia Alves Nuno Gonçalves Rita Ferreira

Ano lectivo 2004/2005. Andreia Alves Nuno Gonçalves Rita Ferreira Ano lectivo 2004/2005 Andreia Alves Nuno Gonçalves Rita Ferreira Este trabalho vai falar de: Doenças sexualmente transmissíveis. Meios contraceptivos. Como usar alguns dos métodos m de contracepção. As

Leia mais

Síndrome DST Agente Tipo Transmissã o Sexual Vaginose bacteriana Candidíase

Síndrome DST Agente Tipo Transmissã o Sexual Vaginose bacteriana Candidíase Síndrome DST Agente Tipo Transmissã o Sexual Vaginose bacteriana Candidíase Corrimentos Gonorréia Clamídia Tricomonías e múltiplos bactéria NÃO SIM Candida albicans Neisseria gonorrhoeae Chlamydia trachomatis

Leia mais

PROVA OBJETIVA. Processo Seletivo para Agente Comunitário de Saúde - Nova Bassano/RS - Edital 04/2015. Nome do(a) candidato(a): ESF de Abrangência:

PROVA OBJETIVA. Processo Seletivo para Agente Comunitário de Saúde - Nova Bassano/RS - Edital 04/2015. Nome do(a) candidato(a): ESF de Abrangência: PROVA OBJETIVA Processo Seletivo para Agente Comunitário de Saúde - Nova Bassano/RS - Edital 04/2015 Nome do(a) candidato(a): ESF de Abrangência: Fique atento para as instruções abaixo: - As questões a

Leia mais

E R BO SRA AL F S s O TS M D + A S V DIA

E R BO SRA AL F S s O TS M D + A S V DIA VAMOS FALAR SOBRE AIDS + DSTs AIDS A AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida) atinge indiscriminadamente homens e mulheres e tem assumido proporções assustadoras desde a notificação dos primeiros

Leia mais

Caderno de Prova PR13. Inglês. prova dissertativa. Professor de. Prefeitura Municipal de Florianópolis Secretaria Municipal de Educação

Caderno de Prova PR13. Inglês. prova dissertativa. Professor de. Prefeitura Municipal de Florianópolis Secretaria Municipal de Educação Prefeitura Municipal de Florianópolis Secretaria Municipal de Educação Edital n o 001/2009 Caderno de Prova prova dissertativa PR13 Professor de Inglês Dia: 8 de novembro de 2009 Horário: das 8 às 11 h

Leia mais

Síndrome da Imunodeficiência Adquirida

Síndrome da Imunodeficiência Adquirida Síndrome da Imunodeficiência Adquirida Síndrome : Conjunto de sinais e sintomas que se desenvolvem conjuntamente e que indicam a existência de uma doença. A AIDS é definida como síndrome porque não tem

Leia mais

ESSA CAMPANHA VAI COLAR!

ESSA CAMPANHA VAI COLAR! ESSA CAMPANHA VAI COLAR! O selo postal é um importante veículo de comunicação dos valores de uma sociedade. Com a emissão dos 8 (oito) selos apresentados nesta Cartilha, os Correios, por meio da Filatelia,

Leia mais

Transmissão do HIV/aids e sífilis de mães para seus bebês

Transmissão do HIV/aids e sífilis de mães para seus bebês 09 dezembro de 2010 Transmissão do HIV/aids e sífilis de mães para seus bebês Mais da metade das novas infecções pelo HIV/aids que ocorrem no Brasil atinge adolescentes e jovens com idade entre 15 e 24

Leia mais

DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS E AIDS

DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS E AIDS DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS E AIDS As Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) estão entre os problemas de saúde pública mais comuns no Brasil e em todo o mundo, sendo atualmente consideradas o

Leia mais

6A Aids e a tuberculose são as principais

6A Aids e a tuberculose são as principais objetivo 6. Combater Hiv/aids, malária e outras doenças O Estado da Amazônia: Indicadores A Amazônia e os Objetivos do Milênio 2010 causas de mortes por infecção no mundo. Em 2008, 33,4 milhões de pessoas

Leia mais

Hélio Vasconcellos Lopes

Hélio Vasconcellos Lopes HIV/AIDS no Município de Santos e dados brasileiros Hélio Vasconcellos Lopes Coordenador do Programa Municipal DST/AIDS/Hepatites da Secretaria Municipal de Saúde Professor titular da Faculdade de Medicina

Leia mais

Programação visual e editoração eletrônica: A 4 Mãos Comunicação e Design Ltda.

Programação visual e editoração eletrônica: A 4 Mãos Comunicação e Design Ltda. Tudo dentro Produção: Associação Brasileira Interdisciplinar de AIDS (ABIA) Av. Presidente Vargas 446 13º andar Centro RJ Tel.: (021) 2223-1040 Fax: (21) 2253-8495 www.abiaids.org.br abia@abiaids.org.br

Leia mais

OFICINA: SEXUALIDADE

OFICINA: SEXUALIDADE OFICINA: SEXUALIDADE Daniele Costa Tatiane Fontoura Garcez APRESENTAÇÃO A oficina tem como tema a Sexualidade, será realizado no Instituto Estadual de Educação Bernardino Ângelo, no dia 25/08/2014, segunda-feira,

Leia mais

A hepatite aguda causa menos danos ao fígado que a hepatite crônica.

A hepatite aguda causa menos danos ao fígado que a hepatite crônica. Hepatites Virais O FÍGADO E SUAS FUNÇÕES. O fígado é o maior órgão do corpo humano, está localizado no lado superior direito do abdômen, protegido pelas costelas (gradio costal). É responsável por aproximadamente

Leia mais

Você sabe os fatores que interferem na sua saúde?

Você sabe os fatores que interferem na sua saúde? DICAS DE SAÚDE 2 Promova a sua saúde. Você sabe os fatores que interferem na sua saúde? Veja o gráfico : 53% ao estilo de vida 17% a fatores hereditários 20% a condições ambientais 10% à assistência médica

Leia mais

cartões de bolso serié 3 Transmissão das ITS

cartões de bolso serié 3 Transmissão das ITS cartões de bolso serié 3 Transmissão das ITS 1 O que são ITS? São infecções causadas por vírus, bactérias ou outros micróbios, que se transmitem de pessoas infectadas para outras, através das relações

Leia mais

Aula: 10.2 Conteúdos: Clamídia, Sífilis, Gonorreia, Herpes, HPV, HIV.

Aula: 10.2 Conteúdos: Clamídia, Sífilis, Gonorreia, Herpes, HPV, HIV. A A Aula: 10.2 Conteúdos: Clamídia, Sífilis, Gonorreia, Herpes, HPV, HIV. 2 A A Habilidades: Conhecer algumas doenças sexualmente transmissíveis, analisando suas causas e consequências. 3 A A DST s Clamídia

Leia mais

AIDS e DST S. O Sindicato dos Comerciários

AIDS e DST S. O Sindicato dos Comerciários O Sindicato dos Comerciários de São Paulo e a Fequimfar apresentam este manual com dicas de saúde para o trabalhador e sua família. Aqui você terá acesso a uma série de informações sobre o problema da

Leia mais

SITUAÇÃO DO HIV/AIDS NO BRASIL E OS FATORES QUE INFLUENCIAM A INFECÇÃO

SITUAÇÃO DO HIV/AIDS NO BRASIL E OS FATORES QUE INFLUENCIAM A INFECÇÃO SITUAÇÃO DO HIV/AIDS NO BRASIL E OS FATORES QUE INFLUENCIAM A INFECÇÃO Jader Dornelas Neto 1 ; Daniel Antonio Carvalho dos Santos 2 ; Guilherme Elcio Zonta 3 ; Simone Martins Bonafé 4 RESUMO: O objetivo

Leia mais

DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSIVEIS

DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSIVEIS DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSIVEIS Fernando da Rocha Camara Quando discuto com meus alunos no curso de medicina, medidas para prevenção de doenças sexualmente transmissíveis (DST), excluímos a abstinência

Leia mais

cartões de bolso serié 4 VIH/ SIDA

cartões de bolso serié 4 VIH/ SIDA cartões de bolso serié 4 VIH/ SIDA 1 O que é VIH? É o vírus que causa a SIDA. Vírus é um microbio muito pequeno, que não se consegue ver a olho nu, ou seja, é preciso ajuda de um microscópio. VIH significa:

Leia mais

ACONSELHAMENTO PARA DST/AIDS NO SUS

ACONSELHAMENTO PARA DST/AIDS NO SUS ACONSELHAMENTO PARA DST/AIDS NO SUS A prática do aconselhamento desempenha um papel importante no diagnóstico da infecção pelo HIV/ outras DST e na qualidade da atenção à saúde. Contribui para a promoção

Leia mais

Caderno de Prova F01. Agente Comunitário de Saúde (ACS) Prefeitura Municipal de Biguaçu Processo Seletivo. Edital n o 01/2010

Caderno de Prova F01. Agente Comunitário de Saúde (ACS) Prefeitura Municipal de Biguaçu Processo Seletivo. Edital n o 01/2010 Prefeitura Municipal de Biguaçu Processo Seletivo Edital n o 01/2010 Caderno de Prova F01 Agente Comunitário de Saúde (ACS) Dia: 7 de fevereiro de 2010 Horário: das 14 às 17 h Duração: 3 horas, incluído

Leia mais

LUIZ HENRIQUE DA SILVEIRA Governador do Estado. EDUARDO PINHO MOREIRA Vice-Governador. CARMEM EMILIA BONFÁ ZANOTTO Secretária de Estado da Saúde

LUIZ HENRIQUE DA SILVEIRA Governador do Estado. EDUARDO PINHO MOREIRA Vice-Governador. CARMEM EMILIA BONFÁ ZANOTTO Secretária de Estado da Saúde LUIZ HENRIQUE DA SILVEIRA Governador do Estado EDUARDO PINHO MOREIRA Vice-Governador CARMEM EMILIA BONFÁ ZANOTTO Secretária de Estado da Saúde LESTER PEREIRA Diretor Geral WINSTON LUIZ ZOMKOWSKI Superintendente

Leia mais

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE - PROVA TIPO 2 CONHECIMENTOS GERAIS. Vida e Morte

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE - PROVA TIPO 2 CONHECIMENTOS GERAIS. Vida e Morte AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE - PROVA TIPO 2 CONHECIMENTOS GERAIS PORTUGUÊS Vida e Morte A grande produção de armas nucleares, com seu incrível potencial destrutivo, criou uma situação ímpar na história

Leia mais

VIROSES. Prof. Edilson Soares www.profedilson.com

VIROSES. Prof. Edilson Soares www.profedilson.com VIROSES Prof. Edilson Soares www.profedilson.com CATAPORA OU VARICELA TRANSMISSÃO Saliva Objetos contaminados SINTOMAS Feridas no corpo PROFILAXIA Vacinação HERPES SIMPLES LABIAL TRANSMISSÃO Contato

Leia mais

Saiba o que é a sida, como se transmite, como se pode prevenir e como se trata.

Saiba o que é a sida, como se transmite, como se pode prevenir e como se trata. PORTAL DA SAÚDE Síndroma da Imunodeficiência Adquirida (SIDA) Saiba o que é a sida, como se transmite, como se pode prevenir e como se trata. O que é a sida? A sida (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida)

Leia mais

Não tem nada a ver comigo

Não tem nada a ver comigo AIDS - CONHEÇA MAIS Não tem nada a ver comigo Esta é a reação de muitos de nós. Mas a Aids existe e isto é difícil ignorar. Quem pensa que é um problema apenas dos outros, está errado. A Aids não escolhe.

Leia mais

Cuidando da Minha Criança com Aids

Cuidando da Minha Criança com Aids Cuidando da Minha Criança com Aids O que é aids/hiv? A aids atinge também as crianças? Como a criança se infecta com o vírus da aids? Que tipo de alimentação devo dar ao meu bebê? Devo amamentar meu bebê

Leia mais

Autor(es) MICHELLE MARTINS DE MELO. Co-Autor(es) MÁRCIA FUZA. Orientador(es) ÂNGELA MÁRCIA FOSSA / TEREZA HORIBE. 1. Introdução

Autor(es) MICHELLE MARTINS DE MELO. Co-Autor(es) MÁRCIA FUZA. Orientador(es) ÂNGELA MÁRCIA FOSSA / TEREZA HORIBE. 1. Introdução 7º Simpósio de Ensino de Graduação IMPLEMENTAÇÃO DA SISTEMATIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM À GESTANTES EM UM SERVIÇO ESPECIALIZADO EM DSTS DO INTERIOR DE SÃO PAULO Autor(es) MICHELLE MARTINS DE MELO

Leia mais

RELAÇÃO ENTRE OS GÊNEROS E O NÍVEL DE INFORMAÇÃO DE ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS EM RELAÇÃO AO HIV/AIDS

RELAÇÃO ENTRE OS GÊNEROS E O NÍVEL DE INFORMAÇÃO DE ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS EM RELAÇÃO AO HIV/AIDS RELAÇÃO ENTRE OS GÊNEROS E O NÍVEL DE INFORMAÇÃO DE ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS EM RELAÇÃO AO HIV/AIDS Maria Thereza Ávila Dantas Coelho 1 Vanessa Prado Santos 2 Márcio Pereira Pontes 3 Resumo O controle

Leia mais

Prova do Processo Seletivo para Agente Comunitário de Saúde e Agente de Combate de Endemias. SEMSA - Ponte Nova MG

Prova do Processo Seletivo para Agente Comunitário de Saúde e Agente de Combate de Endemias. SEMSA - Ponte Nova MG Prova do Processo Seletivo para Agente Comunitário de Saúde e Agente de Combate de Endemias. SEMSA - Ponte Nova MG Nome: Nota: INSTRUÇÕES PARA REALIZAÇÃO DA PROVA (LEIA ATENTAMENTE!) 1. A prova é individual

Leia mais

MS divulga retrato do comportamento sexual do brasileiro

MS divulga retrato do comportamento sexual do brasileiro MS divulga retrato do comportamento sexual do brasileiro Notícias - 18/06/2009, às 13h08 Foram realizadas 8 mil entrevistas com homens e mulheres entre 15 e 64 anos. A análise das informações auxiliará

Leia mais

Infecções sexualmente transmissíveis

Infecções sexualmente transmissíveis Escola secundária com 2º e 3º ciclos Anselmo de Andrade Infecções sexualmente transmissíveis 9ºD Ciências Naturais 2011/2012 Professora: Isabel Marques Trabalho realizado por: Inês Pinto nº9 Mariana Cantiga

Leia mais

Briefing. Boletim Epidemiológico 2010

Briefing. Boletim Epidemiológico 2010 Briefing Boletim Epidemiológico 2010 1. HIV Estimativa de infectados pelo HIV (2006): 630.000 Prevalência da infecção (15 a 49 anos): 0,61 % Fem. 0,41% Masc. 0,82% 2. Números gerais da aids * Casos acumulados

Leia mais

O Perfil Dos Usuários Do Grupo De Apoio Às DST s E AIDS, Viçosa - MG 1

O Perfil Dos Usuários Do Grupo De Apoio Às DST s E AIDS, Viçosa - MG 1 O Perfil Dos Usuários Do Grupo De Apoio Às DST s E AIDS, Viçosa - MG 1 Talita da Conceição de Oliveira Fonseca. Economista Doméstica. Endereço: Rua João Valadares Gomes nº 210, bairro JK, Viçosa-MG. E-mail:

Leia mais

HIV / Aids Orientações para pacientes e familiares

HIV / Aids Orientações para pacientes e familiares HIV / Aids Orientações para pacientes e familiares Serviço de Enfermagem Cirúrgica Este manual contou com a colaboração de: professora enfermeira Isabel Cristina Echer; enfermeiras Beatriz Guaragna, Ana

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE PREFEITURA MUNICIPAL DE MOSSORÓ SECRETARIA MUNICIPAL DA CIDADANIA

ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE PREFEITURA MUNICIPAL DE MOSSORÓ SECRETARIA MUNICIPAL DA CIDADANIA 1 ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE PREFEITURA MUNICIPAL DE MOSSORÓ SECRETARIA MUNICIPAL DA CIDADANIA GERÊNCIA EXECUTIVA DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE VIGILÂNCIA À SAÚDE ASSUNTOS DESTE INFORME Agravos notificados

Leia mais

Vigilância Epidemiológica das Hepatites Virais Programa Estadual para a Prevenção e o Controle das Hepatites Virais/RS

Vigilância Epidemiológica das Hepatites Virais Programa Estadual para a Prevenção e o Controle das Hepatites Virais/RS Vigilância Epidemiológica das Hepatites Virais Programa Estadual para a Prevenção e o Controle das Hepatites Virais/RS Lucia Mardini DVAS Hepatites Virais Hepatite: inflamação do fígado. As hepatites podem

Leia mais

Doenças sexualmente transmissíveis

Doenças sexualmente transmissíveis Doenças sexualmente transmissíveis Lília Maria de Azevedo Moreira SciELO Books / SciELO Livros / SciELO Libros MOREIRA, LMA. Doenças sexualmente transmissíveis. In: Algumas abordagens da educação sexual

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO Gabinete do Vereador DR. JAIRINHO DECRETA:

CÂMARA MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO Gabinete do Vereador DR. JAIRINHO DECRETA: PROJETO DE LEI Nº 442/2005 Despacho DISPÕE SOBRE A OBRIGATORIEDADE DE REALIZAÇÃO DE EXAME SOROLÓGICO PRÉ-NATAL EM MULHERES GRÁVIDAS PARA DIAGNÓSTICO PRECOCE DE VÍRUS DA AIDS, DAS HEPATITES B E C E DOS

Leia mais

CVDEE - Centro Virtual de Divulgação e Estudo do Espiritismo http://www.cvdee.org.br. DST's - RESPOSTAS

CVDEE - Centro Virtual de Divulgação e Estudo do Espiritismo http://www.cvdee.org.br. DST's - RESPOSTAS CVDEE - Centro Virtual de Divulgação e Estudo do Espiritismo http://www.cvdee.org.br DST's - RESPOSTAS 01) Tenho 15 anos e estou namorando um cara há 3 meses. Ele me disse que está com gonorréia e que

Leia mais

Câmara Municipal de Itápolis 1

Câmara Municipal de Itápolis 1 Câmara Municipal de Itápolis 1 Apresentação Prezado Cidadão, Esta é a Cartilha da Boa Saúde de Itápolis, uma publicação da Câmara Municipal de Vereadores que tem por objetivo trazer à população informações

Leia mais

Projeto o Saber-Fazer Feminino Agentes de Prevenção de Vargem Grande e Adjacências

Projeto o Saber-Fazer Feminino Agentes de Prevenção de Vargem Grande e Adjacências Projeto o Saber-Fazer Feminino Agentes de Prevenção de Vargem Grande e Adjacências PARE PENSE PREVINA-SE Mulheres e AIDS Você sabia que atualmente o número de mulheres e crianças vivendo com Aids tem aumentado

Leia mais

Sexo Seguro, Teste de HIV, Sifilis, DST e PEP Informações nesta lingua (Portugues) para homens que fazem Sexo com homens.

Sexo Seguro, Teste de HIV, Sifilis, DST e PEP Informações nesta lingua (Portugues) para homens que fazem Sexo com homens. X8@ www.gay health network.ie Sexo Seguro, Teste de HIV, Sifilis, DST e PEP Informações nesta lingua (Portugues) para homens que fazem Sexo com homens Insetos do Amor Folheto informativo das doenças sexualmente

Leia mais

ROTEIRO DE ESTUDO I ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 4.º ANO/EF 2015

ROTEIRO DE ESTUDO I ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 4.º ANO/EF 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE ESTUDO I ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 4.º ANO/EF 2015 Caro (a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados na

Leia mais

Apresentação. Expediente

Apresentação. Expediente Conversando sobre Sexualidade, HIV, Aids e DST Cartilha educativa sobre Aids e DST 1 Sexualidade e aids.indd 1 26/09/2013 15:50:37 Apresentação Para você, adolescente e jovem! Essa cartilha foi escrita

Leia mais

Em pelo menos 56 países, as taxas de novas infecções pelo HIV estabilizaram ou diminuíram significativamente

Em pelo menos 56 países, as taxas de novas infecções pelo HIV estabilizaram ou diminuíram significativamente P R E S S R E L E A S E Em pelo menos 56 países, as taxas de novas infecções pelo HIV estabilizaram ou diminuíram significativamente Novo relatório do UNAIDS mostra que a epidemia da aids parou de avançar

Leia mais

6) (ANÁPOLIS) Dois seres vivos pertencentes à mesma ordem são necessariamente:

6) (ANÁPOLIS) Dois seres vivos pertencentes à mesma ordem são necessariamente: Lista de Exercícios Pré Universitário Uni-Anhanguera Aluno(a): Nº. Professor: Mário Neto Série: 1 Ano Disciplina: Biologia 1) Com que finalidade se classificam os seres vivos? 2) Considere os seguintes

Leia mais

D.S.T. CANCRO MOLE TRICOMO ÍASE CANDIDÍASE HERPES CONDILOMA LI FOGRA ULOMA GONORRÉIA SÍFILIS GRANULOMA AIDS

D.S.T. CANCRO MOLE TRICOMO ÍASE CANDIDÍASE HERPES CONDILOMA LI FOGRA ULOMA GONORRÉIA SÍFILIS GRANULOMA AIDS D.S.T D.S.T. CANCRO MOLE TRICOMO ÍASE CANDIDÍASE HERPES CONDILOMA LI FOGRA ULOMA GONORRÉIA SÍFILIS GRANULOMA AIDS CANCRO MOLE Agente: bactéria Haemophilus ducreyi Transmissão: sexo vaginal, anal ou oral

Leia mais

Hepatites B e C. são doenças silenciosas. VEJA COMO DEIXAR AS HEPATITES LONGE DO SEU SALÃO DE BELEZA.

Hepatites B e C. são doenças silenciosas. VEJA COMO DEIXAR AS HEPATITES LONGE DO SEU SALÃO DE BELEZA. Hepatites B e C são doenças silenciosas. VEJA COMO DEIXAR AS HEPATITES LONGE DO SEU SALÃO DE BELEZA. heto hepatite manucure.indd 1 Faça sua parte. Não deixe as hepatites virais frequentarem seu salão.

Leia mais

PREVINA O CÂNCER DO COLO DO ÚTERO

PREVINA O CÂNCER DO COLO DO ÚTERO SENADO FEDERAL PREVINA O CÂNCER DO COLO DO ÚTERO SENADOR CLÉSIO ANDRADE 2 Previna o câncer do colo do útero apresentação O câncer do colo do útero continua matando muitas mulheres. Especialmente no Brasil,

Leia mais

AB0001-07 - Cartilha DST 2.indd 1 5/7/2007 14:14:51

AB0001-07 - Cartilha DST 2.indd 1 5/7/2007 14:14:51 AB0001-07 - Cartilha DST 2.indd 1 5/7/2007 14:14:51 AB0001-07 - Cartilha DST 2.indd 2 5/7/2007 14:14:56 DST Doenças Sexualmente Transmissíveis Informe-se para se proteger melhor. AB0001-07 - Cartilha DST

Leia mais

PlanetaBio Artigos Especiais www.planetabio.com AIDS- SÍNDROME DA IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA

PlanetaBio Artigos Especiais www.planetabio.com AIDS- SÍNDROME DA IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA AIDS- SÍNDROME DA IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA (texto de Marcelo Okuma) 1. Histórico e origem do vírus HIV Há fortes indícios para se acreditar que o vírus da imunodeficiência humana (HIV) tenha evoluído

Leia mais

Secretaria Municipal de Educação

Secretaria Municipal de Educação Secretaria Municipal de Educação Processo Seletivo (edital 002/2006) Caderno de Prova Educação Especial na Rede Municipal de Ensino e Entidades Conveniadas Educação Especial (9915) Secretaria Municipal

Leia mais

AIDS & DST s. Prevenção e controle para uma vida sexual segura.

AIDS & DST s. Prevenção e controle para uma vida sexual segura. AIDS & DST s Prevenção e controle para uma vida sexual segura. aids A aids é uma doença causada pelo HIV, vírus da imu-nodeficiência humana que destrói o sistema imunológico responsável pela defesa do

Leia mais

PROJETO DE LEI No, DE 2009

PROJETO DE LEI No, DE 2009 PROJETO DE LEI No, DE 2009 (DO SR. CAPITÃO ASSUMÇÃO) Dispõe sobre a imunização de mulheres com a vacina contra o papilomavírus humano (HPV), na rede pública do Sistema Único de Saúde de todos os estados

Leia mais

Trabalho de Biologia sobre HIV- AIDS Prof: César Fragoso Grupo: Arthur Mello nº2 Fernando Rodrigues nº12 Lucas Fratini nº24 Raffi Aniz nº32 Raúl Cué

Trabalho de Biologia sobre HIV- AIDS Prof: César Fragoso Grupo: Arthur Mello nº2 Fernando Rodrigues nº12 Lucas Fratini nº24 Raffi Aniz nº32 Raúl Cué Trabalho de Biologia sobre HIV- AIDS Prof: César Fragoso Grupo: Arthur Mello nº2 Fernando Rodrigues nº12 Lucas Fratini nº24 Raffi Aniz nº32 Raúl Cué nº34 Victor Sant Anna nº 35 Vinicius Dutra nº36 Tópicos

Leia mais