Programa Amazônia Conectada Cap Luciano Sales

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Programa Amazônia Conectada Cap Luciano Sales"

Transcrição

1 Programa Amazônia Conectada Cap Luciano Sales Centro Integrado de Telemática do Exército

2 Sumário Por que? Problemas com a infraestrutura de TI na Região Amazônica; Possibilidades existentes; Visão do Programa. O que? Benefícios Esperados pelo Programa; Arquitetura do Programa.

3 Quem? Sumário Parceiros; e Estrutura de Governança. Como? Componentes do Programa Quando, Quanto, e Se? Estágios Custos Riscos

4 Por que?

5 - Rede de fibra ótica do estado só conecta a capital Manaus, o resto do estado continua isolado do resto do país; - Baixa velocidade de acesso à internet no estado; - Falta de acesso à internet na maioria dos municípios do interior; - Perfil de Investimentos; Problemas com a infraestrutura de TI na Região Amazônica - Precariedade dos serviços públicos estaduais; e - Altos custos de comunicação no estado.

6 Tordesilhas Digital Cobertura 3G Ministério das Comunicações (2014)

7 Problemas com a infraestrutura de TI na Região Amazônica Não se pode falar em desenvolvimento sustentável da Amazônia, em integração nacional, sem que a população da Região Norte tenha acesso à Internet de qualidade e a um satisfatório serviço de telefonia fixa e móvel. - Necessidade de grande capacidade de transferência de informações (Dados, voz e vídeo HD); - Necessidade de Internet de qualidade (capacidade e disponibilidade); - Interconexão entre Saúde, Segurança pública, Trânsito, Turismo etc.; - Infraestrutura de comunicação unificada e com capacidade e disponibilidade.

8 Quais são as possibilidades existentes? O rio é um meio relativamente seguro e mais amigável tanto para a instalação do cabo, como para a manutenção do mesmo Do ponto de vista da preservação ambiental sem a necessidade de descer a detalhes a opção da floresta como leito de instalação do cabo pode ser descartada Sendo o leito dos rios a melhor escolha, a utilização de um cabo óptico subfluvial é a solução mais indicada como base, para se construir uma rota tronco, solidificando ainda mais a vocação da Bacia Amazônica como o melhor curso natural para esse majestoso canal de informação.

9 Temos a tecnologia para o lançamento de fibras em um ambiente tão hostil? Entre 1895 e 1896, a Siemens de Londres implantou um cabo telegráfico subfluvial ao longo da rota entre Belém e Manaus.

10 Visão do Programa Quando este Programa estiver concluído será possível oferecer para a população do interior do Estado do Amazonas uma série de serviços de rede de dados com a mesma qualidade da Capital (Manaus), como a Internet, Telemedicina, Universidade à distância, interconexão entre Saúde, Segurança pública, Trânsito e Turismo.

11 O Que?

12 Programa Amazônia Conectada (Infovias Possíveis) Infovia do Alto Rio Negro Infovia do Alto Solimões Infovia do Juruá Infovia do Madeira Infovia do Purus

13 Programa Amazônia Conectada (InfoviasPossíveis) Infovia do Alto Rio Negro: (Novo Airão/AM, Barcelos/AM, Santa Izabel do Rio Negro/AM e São Gabriel da Cachoeira/AM); Infovia do Alto Solimões: (Manaus/AM, Iranduba/AM, Manacapuru/AM, Caapiranga/AM, Anamã/AM, Anori/AM, Codajás/AM, Coari/AM, Tefé/AM, Alvarães/AM, Uarini/AM, Fonte Boa/AM, Jutaí/AM, Tonantins/AM, Santo Antônio do Iça/AM, Amaturá/AM, São Paulo de Olivença/AM, Benjamin Constant/AM, Atalaia do Norte/AM e Tabatinga/AM);

14 Programa Amazônia Conectada (InfoviasPossíveis) Infovia do Madeira: (Manaus/AM, Careiro da Várzea/AM, Autazes/AM, Nova Olinda do Norte/AM, Borba/AM, Novo Aripuanã/AM, Manicoré/AM, Humaitá/AM e Porto Velho/RO); Infovia do Purus: (Anamã/AM, Beruri/AM, Tapauá/AM, Canutama/AM, Lábrea/AM e Boca do Acre/AM); e Infovia do Juruá: (Fonte Boa/AM, Juruá/AM, Carauari/AM, Itamarati/AM, Eirunepé/AM, Ipixuna/AM, e Guajará/AM).

15 Programa Amazônia Conectada (Benefícios) - Expansão da infraestrutura de comunicações na Amazônia e do Programa Nacional de Banda Larga (PNBL) na região; - Expansão de programas governamentais de tele-ensino e telessaúde na Amazônia; - Inclusão digital de povos indígenas e populações ribeirinhas;

16 Programa Amazônia Conectada (Benefícios) - Expansão e melhoria das comunicações militares administrativas e operacionais na Amazônia, com ganhos para a Defesa Nacional; - Interiorização de políticas públicas das esferas de governos Federal e Estadual; - Expansão e Melhoria da pesquisa e da educação na Região Amazônica; - Monitoramento ambiental dos rios utilizados.

17 Não basta apenas lançar a fibra óptica (CAPEX)! É preciso construir um modelo de negócio que seja sustentável no longo prazo(opex). Processos Novos serviços necessitam de processos para suportá-los: Gerenciamento de Incidentes Gerenciamento de Ativos Gerenciamento de Acesso Gerenciamento de Fornecedores Gerenciamento de Capacidade Gerenciamento de Disponibilidade Gerenciamento da Segurança da Informação Organização METROMAO como modelo: PRODAM gerencia o condomínio dos usuários da rede, incluindo: Contrato de manutenção das fibras e equipamentos; Tratamento dos incidentes; Planejamento da capacidade e disponibilidade; Atendimento aos usuários; etc.

18 Modelo de Governança

19 Quem?

20

21 Assinatura do Memorando de Entendimento - 28 de Novembro de 2014, no Instituto Militar de Engenharia

22 Estrutura de Governança do Programa Representante SECTI Representante RNP Representante PRODAM Representante IPAAM Ambiente do Programa e Comitê Gestor Diretor do Programa CITEx Gerente do Programa CITEx Comitê Técnico do Programa Comitê Diretor Gerente do Projeto Time de Entrega Ambiente dos Projetos Comitê Diretor Gerente do Projeto Time de Entrega

23 Como?

24 Projeto Implantação das Infovias (Gerente do Projeto: João Guilherme de Moraes Silva PRODAM) Projeto Gestão dos Serviços de TI (Gerente do Projeto Ten Peres do 4 CTA) Projeto Cadeia de Valor (Gerente do Projeto Ten Andrade do 4 CTA) Projeto Políticas Públicas (Gerente do Projeto a ser indicado pela SECTI) Componentes do Programa Projeto Estrutura de Manutenção (Gerente do Projeto a ser indicado pela RNP)

25 Subprojeto Piloto Backbone de Saída em Manaus Benefícios do Projeto Piloto: - Prospecção Tecnológica; - Contingência da PRODAM; - Capacitação profissional; - Integração com as Universidades; - Realização de testes para sensoriamento de variáveis importantes para a região através da fibra.

26 Subprojeto Infovia do Alto-Solimões (Trecho Coari-Tefé)

27 Projeto Implantaçãodas Infovias Infraestruturade TI Aumento da capacidade dos links na Amazônia Expansão do PNBL Projeto Gestão dos Serviçosde TI Modelode Governançae Gestão Entregade serviçosde TI com qualidadeparao interior da Amazônia Melhoria nas condições de vida da população da Amazônia Projeto Cadeia de Valor Estímulo a criação de novas empresas na Amazônia Constante monitoramento ambiental Aumento do Controle Ambiental Projeto Políticas Públicas Projeto Estruturade Manutenção Serviços públicos Estruturade Manutenção Local Geração de emprego e renda na Amazônia Atraçãode profissionais e suas famílias para a Amazônia Melhoriada Educação e Pesquisa Melhoria da Defesa Nacional Inclusão Digital Indígenas e Ribeirinhos Projetos Capacidades Resultados Benefícios

28 Quando, Quanto, e Se?

29 Estágios Necessidade de Recursos Início do Projeto- Piloto Aprovaçãodos Projetos Executivosdo Programa Projeto Coari/Tefé Implantado Encerramento do Programa Set/14 Abr/15 Dez/15 Jan/2016 Dez/2017 Conclusãodo Projeto-Piloto e Início do Trecho Coari/Tefé Início da Execuçãodos demais Projetos

30 Origem Destino Distância Valor Infovia Manaus Barcelos 454 Km R$ ,00 Rio Negro Barcelos São Gabriel da Cachoeira Quanto custará? (Orçamento inicial) 546 Km R$ ,00 Rio Negro Tefé Tabatinga 942 Km R$ ,00 Solimões Beruri Boca do Acre 2091 Km R$ ,00 Purus Fonte Boa Guajará 2200 Km R$ ,00 Juruá Manaus Humaitá 965 Km R$ ,00 Madeira Humaitá Porto Velho 205 Km R$ ,00 Madeira Total R$ ,00

31 Quanto custará? (Orçamento inicial) Infovia do Alto Rio Negro Infovia do Alto Solimões Infovia do Juruá Infovia do Purus Infovia do Madeira

32

33 Dúvidas?

34 Obrigado! Selva!

Programa Amazônia Conectada

Programa Amazônia Conectada Programa Amazônia Conectada Luciano Sales, PMP, PgMP lucianosales@citex.eb.mil.br Guilherme Moraes guilherme@prodam.am.gov.br Sumário Por que? Problemas com a infraestrutura de TI na Região Amazônica;

Leia mais

Documento de Definição do Programa Amazônia Conectada

Documento de Definição do Programa Amazônia Conectada Documento de Definição do Programa Amazônia Conectada Desenvolvido por: Cap Luciano Sales Versão: 3.0 Aprovado por: Gen Decílio Data: 01/07/2015 1. Contexto do Programa Em muitas partes do mundo, ainda

Leia mais

The São Paulo Series: Full HD Mini- Documentary

The São Paulo Series: Full HD Mini- Documentary The São Paulo Series: Full HD Mini- Documentary Espaços onde há intensa troca de mercadorias, bens e serviços Lugares dinâmicos com diversas atividades econômicas como a indústria e o comércio Há trocas

Leia mais

Unidade Local - Sub-região

Unidade Local - Sub-região CRIAÇÃO: BOVINOCULTURA DE CORTE Unidade Local - Sub-região Criadores Animais Carne Criadores Animais Carne (t) (t) ALTO SOLIMÕES 163 2.241 19,07 163 2.241 53,78 Amaturá 0,00 Atalaia do Norte 7 115 0,80

Leia mais

UF: AM. 15112 - Tribunal Regional do Trabalho da 11a. Região - Amazonas/Roraima. 20121 - Secretaria Especial dos Direitos Humanos

UF: AM. 15112 - Tribunal Regional do Trabalho da 11a. Região - Amazonas/Roraima. 20121 - Secretaria Especial dos Direitos Humanos ORÇAMENTO DA UNIÃO PARA 2010 - INVESTIMENTOS POR UF UF: AM 15112 - Tribunal Regional do Trabalho da 11a. Região - Amazonas/Roraima 02.122.0571.10WS.0105 - Construção do Edifício-Sede do Fórum Trabalhista

Leia mais

ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM AMAZONAS

ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM AMAZONAS ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM AMAZONAS Janeiro, Fevereiro e Março de François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, janeiro de ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM AMAZONAS Janeiro, Fevereiro e Março de François E.

Leia mais

Apresentação. Comitê Gestor do PAC

Apresentação. Comitê Gestor do PAC AMAZONAS Apresentação Esta publicação apresenta informações regionalizadas do 4º balanço do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), referente a abril de 2008. Traz, também, dados sobre outros importantes

Leia mais

PROGRAMAÇA O 2015. Apresentação

PROGRAMAÇA O 2015. Apresentação Escola de Contas Pú blicas - ECP/TCE/AM Fevereiro 2015 TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO AMAZONAS PROGRAMAÇA O 2015 Apresentação Aula Inaugural 2014 - Auditório TCE/AM. Programas de Capacitaça o O Tribunal

Leia mais

ESTRATÉGIAS E DESAFIOS PARA O DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO NO ESTADO DO AMAZONAS

ESTRATÉGIAS E DESAFIOS PARA O DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO NO ESTADO DO AMAZONAS ESTRATÉGIAS E DESAFIOS PARA O DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO NO ESTADO DO AMAZONAS SECRETARIA SECRETARIA DE ESTADO DE Manaus ESTADO DE - Amazonas CIÊNCIA, DE CIÊNCIA TECNOLOGIA E TECNOLOGIA E

Leia mais

EXPERIÊNCIA DO CROAM EM FISCALIZAÇÃO NAS ÁREAS DE FRONTEIRAS

EXPERIÊNCIA DO CROAM EM FISCALIZAÇÃO NAS ÁREAS DE FRONTEIRAS EXPERIÊNCIA DO CROAM EM FISCALIZAÇÃO NAS ÁREAS DE FRONTEIRAS EXPERIÊNCIA DO CROAM EM FISCALIZAÇÃO NAS ÁREAS DE FRONTEIRAS. O Estado do Amazonas possui dimensões continentais e particularidades impressionantes

Leia mais

PLANO ESTADUAL DE HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL DO ESTADO DO AMAZONAS PEHIS/AM

PLANO ESTADUAL DE HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL DO ESTADO DO AMAZONAS PEHIS/AM 1 PLANO ESTADUAL DE HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL DO ESTADO DO AMAZONAS PEHIS/AM PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS - Fundamentos Teóricos INTRODUÇÃO A presente Proposta Metodológica tem por objetivo oferecer

Leia mais

MONITORAMENTO HIDROLÓGICO

MONITORAMENTO HIDROLÓGICO MONITORAMENTO HIDROLÓGICO 2015 Boletim Nº. 03 23/01/2015 Boletim de acompanhamento - 2015 1. Comportamento das Estações monitoradas De acordo com a figura 01 e as tabelas I e II, em termos estatísticos,

Leia mais

MONITORAMENTO HIDROLÓGICO

MONITORAMENTO HIDROLÓGICO MONITORAMENTO HIDROLÓGICO 2013 Boletim n o. 32 19/09/2013 Boletim de acompanhamento - 2013 1. Figura 01: Mapa de estações estratégicas 2. Comportamento das Estações monitoradas De acordo com as tabelas

Leia mais

MUNICÍPIOS DO ESTADO DO AMAZONAS: AEROPORTOS, SITUAÇÃO ECONÔMICA E DEMOGRAFIA (1950 2000).

MUNICÍPIOS DO ESTADO DO AMAZONAS: AEROPORTOS, SITUAÇÃO ECONÔMICA E DEMOGRAFIA (1950 2000). MUNICÍPIOS DO ESTADO DO AMAZONAS: AEROPORTOS, SITUAÇÃO ECONÔMICA E DEMOGRAFIA (1950 2000). RESUMO Ronaldo Sérgio da Silva No Estado existem aeroportos distribuídos em 74 localidades, e alguns são considerados

Leia mais

MONITORAMENTO HIDROLÓGICO

MONITORAMENTO HIDROLÓGICO MONITORAMENTO HIDROLÓGICO 2015 Boletim Nº. 04 30/01/2015 Boletim de acompanhamento - 2015 1. Comportamento das Estações monitoradas De acordo com a figura 01 e as tabelas I e II, em termos estatísticos,

Leia mais

AGENDA AMAZONAS 3.O QUE É O AMAZONAS DIGITAL 4.ESQUEMA DA SOLUÇÃO 5.CRONOLOGIA 6.COMO PARTICIPAR

AGENDA AMAZONAS 3.O QUE É O AMAZONAS DIGITAL 4.ESQUEMA DA SOLUÇÃO 5.CRONOLOGIA 6.COMO PARTICIPAR Aristóbulo Angelim AGENDA 1.CARACTERÍSTICAS DO AMAZONAS 2.NOSSO PROBLEMA 3.O QUE É O AMAZONAS DIGITAL 4.ESQUEMA DA SOLUÇÃO 5.CRONOLOGIA 6.COMO PARTICIPAR 7.ESTÁGIO ATUAL CARACTERÍSTICAS 14 mil habitantes

Leia mais

Ações do Ministério das Comunicações

Ações do Ministério das Comunicações Ações do Ministério das Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática Brasília, março de 2012. Crescimento do setor alguns destaques Serviço Número de Acessos Taxa de Crescimento

Leia mais

Regulamento Oferta Oi Velox AM Mais

Regulamento Oferta Oi Velox AM Mais TELEMAR NORTE LESTE S/A, com sede na cidade e estado do Rio de Janeiro, na Rua do Lavradio, n 71 Centro, inscrita no CNPJ sob o n 33.000.118/0001-79, e TNL PCS S.A., com sede na cidade e estado do Rio

Leia mais

REDE DE AGRICULTORES TRADICIONAIS (REATA)

REDE DE AGRICULTORES TRADICIONAIS (REATA) REDE DE AGRICULTORES TRADICIONAIS (REATA) Objetivo: Conectar e articular agricultores familiares, comprometidos com o processo de produção agroecológica, de modo a contribuir na assistência técnica a outros

Leia mais

EDITAL Nº 082/2011 - UEA

EDITAL Nº 082/2011 - UEA 1 EDITAL Nº 082/2011 - UEA A REITORA EM EXERCÍCIO DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS, no uso de suas atribuições legais torna público, para conhecimento dos interessados, que a UEA fará realizar Concurso

Leia mais

2ª RETIFICAÇÃO DO EDITAL Nº 01, DE 14 DE FEVEREIRO DE 2014

2ª RETIFICAÇÃO DO EDITAL Nº 01, DE 14 DE FEVEREIRO DE 2014 2ª RETIFICAÇÃO DO EDITAL Nº 01, DE 14 DE FEVEREIRO DE 2014 A SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO AMAZONAS SUSAM, no uso de suas atribuições legais, em conformidade com os dispositivos da Lei nº 3.469, de

Leia mais

MONITORAMENTO HIDROLÓGICO

MONITORAMENTO HIDROLÓGICO MONITORAMENTO HIDROLÓGICO 2015 Boletim Nº. 31 14/08/2015 Boletim de acompanhamento - 2015 1. Comportamento das Estações monitoradas De acordo com a figura 01 e as tabelas I e II, em termos estatísticos,

Leia mais

PROGRAMA CALHA NORTE

PROGRAMA CALHA NORTE 1. O QUE É CALHA NORTE? PROGRAMA CALHA NORTE O Programa Calha Norte () foi criado em 1985, pelo Governo Federal, visando promover a ocupação e o desenvolvimento ordenado da Amazônia Setentrional, respeitando

Leia mais

Marcelo Rezende Gerente de Desenv. de Negócios Diretoria de Marketing HUGHES

Marcelo Rezende Gerente de Desenv. de Negócios Diretoria de Marketing HUGHES Marcelo Rezende Gerente de Desenv. de Negócios Diretoria de Marketing HUGHES AGENDA 1. A Motivação 2. O Projeto 3. Situação Atual e Próximos Passos A MOTIVAÇÃO ESTADO DO AMAZONAS Amazonas: 4,3x Alemanha

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA CFFC / CINDRA 29/05/2013. Rio de Janeiro Maio 2013

AUDIÊNCIA PÚBLICA CFFC / CINDRA 29/05/2013. Rio de Janeiro Maio 2013 AUDIÊNCIA PÚBLICA CFFC / CINDRA 29/05/2013 Rio de Janeiro Maio 2013 A Oi TEM PAPEL FUNDAMENTAL PARA O DESENVOLVIMENTO DO PAÍS, INVESTINDO, GERANDO IMPOSTOS E EMPREGOS E DISTRIBUINDO SEUS RESULTADOS R$

Leia mais

Entraves existentes ao desenvolvimento regional no Brasil: como vetor de desenvolvimento. Brasília, junho 2011

Entraves existentes ao desenvolvimento regional no Brasil: como vetor de desenvolvimento. Brasília, junho 2011 Entraves existentes ao desenvolvimento regional no Brasil: Inclusão digital i A Telebrás Tlbá como vetor de desenvolvimento. Brasília, junho 2011 O Desenvolvimento Desenvolvimento, em termos conceituais,

Leia mais

1. DOS OBJETIVOS DO CURSO

1. DOS OBJETIVOS DO CURSO EDITAL DE SELEÇÃO Nº... /2014-GR/UEA SELEÇÃO PARA OS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO EM METODOLOGIA DO ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA E SUAS LITERATURAS, METODOLOGIA DO ENSINO DE MATEMÁTICA DO ENSINO MÉDIO E GESTÃO

Leia mais

Nº. de Meses, Dias ou Unidades. Total de Meses, Dias ou Unidades. Consultoria Técnica 1 Consultor 8 Meses 8 3.750,00 30.000,00

Nº. de Meses, Dias ou Unidades. Total de Meses, Dias ou Unidades. Consultoria Técnica 1 Consultor 8 Meses 8 3.750,00 30.000,00 TR Nº TERMO DE REFERÊNCIA DOS SERVIÇOS DE PESSOA FÍSICA PARA APOIAR A EXECUÇÃO DAS OFICINAS SETORIAIS DE FORTALECIMENTO DOS SISTEMAS MUNICIPAIS DE MEIO AMBIENTE DE 49 MUNICÍPIOS DO ESTADO DO AMAZONAS VERSÃO

Leia mais

Vigilância Epidemiológica em HIV/Aids/HV

Vigilância Epidemiológica em HIV/Aids/HV Vigilância Epidemiológica em HIV/Aids/HV Coordenação Estadual de DST, Aids e Hepatites Virais-AM Secretaria de Estado de Saúde - AM Ministério da Saúde Tabela 1. Taxa de detecção (por 100.000 hab.) dos

Leia mais

PROJETO DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL DO ESTADO DO AMAZONAS PARA O ZONA FRANCA VERDE - PRODERAM

PROJETO DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL DO ESTADO DO AMAZONAS PARA O ZONA FRANCA VERDE - PRODERAM PROJETO DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL DO ESTADO DO AMAZONAS PARA O PROGRAMA ZONA FRANCA VERDE ESTADO DO AMAZONAS BANCO MUNDIAL O QUE É O? É um projeto desenvolvido pelo Governo do Estado do Amazonas com

Leia mais

Regulação - Amazonas. MARIA ARTEMISA BARBOSA Coordenadora Estadual de Regulação

Regulação - Amazonas. MARIA ARTEMISA BARBOSA Coordenadora Estadual de Regulação Regulação - Amazonas MARIA ARTEMISA BARBOSA Coordenadora Estadual de Regulação Agosto - 2014 Tópicos abordados Atenção especializada hospitalar e ambulatorial: conceito e características gerais Projeto

Leia mais

PNBL - Projeto Rede Norte. Caio Bonilha

PNBL - Projeto Rede Norte. Caio Bonilha PNBL - Projeto Rede Norte Caio Bonilha Brasília, 21/03/2012 Objetivos do Programa Nacional de Banda Larga Objetivos Gerais Fundamentos do PNBL Massificar o acesso à Internet em Banda Larga no Brasil para

Leia mais

Estado do Amazonas GOVERNO JOSÉ MELO 2016... 2031... 2073. Amazonas. Desenvolvimento e Sustentabilidade

Estado do Amazonas GOVERNO JOSÉ MELO 2016... 2031... 2073. Amazonas. Desenvolvimento e Sustentabilidade Estado do Amazonas GOVERNO JOSÉ MELO Amazonas Desenvolvimento e Sustentabilidade 2016... 2031... 2073 O que vem após a Prorrogação da ZFM? Nova Matriz Econômica Ambiental Deixemos que as nossas preocupações

Leia mais

REMAV Rede Metropolitana de Alta Velocidade INFOVIA DIGITAL = Rede de comunicação digital multisserviço de alta capacidade de transmissão

REMAV Rede Metropolitana de Alta Velocidade INFOVIA DIGITAL = Rede de comunicação digital multisserviço de alta capacidade de transmissão REMAV Rede Metropolitana de Alta Velocidade INFOVIA DIGITAL = Rede de comunicação digital multisserviço de alta capacidade de transmissão refeitura Municipal de São Luís -MA ecretaria Municipal de Informação

Leia mais

JUSTIFICATIVA: Rodovia classificada como ruim/péssima (característica pavimento) na Pesquisa Rodoviária CNT 2007

JUSTIFICATIVA: Rodovia classificada como ruim/péssima (característica pavimento) na Pesquisa Rodoviária CNT 2007 Projeto 155 : Recuperação do pavimento BR-364, BR-317 e BR-319 E6 Rodoviária LOCALIZAÇÃO*: Humaitá - AM a Sena Madureira - AC INTERVENÇÃO: Adequação Categoria: Recuperação do Pavimento EXTENSÃO/QUANTIDADE/VOLUME:

Leia mais

DADOS DOS CURSOS TÉCNICOS NA FORMA CONCOMITANTE. 1500 (1200 horas das disciplinas + 300 horas de estágio)

DADOS DOS CURSOS TÉCNICOS NA FORMA CONCOMITANTE. 1500 (1200 horas das disciplinas + 300 horas de estágio) INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO COMITE GESTOR CENTRAL DO PRONATEC DADOS DOS CURSOS TÉCNICOS

Leia mais

Tecnologia da Infomação e Comunicação nas escolas públicas Brasileiras

Tecnologia da Infomação e Comunicação nas escolas públicas Brasileiras Audiência Pública Tecnologia da Infomação e Comunicação nas escolas públicas Brasileiras Carlos Bielschowsky Secretário de Educação a Distância Ministério da Educação Utilizaçã ção o de TIC s nas escolas

Leia mais

Ações do Governo do Amazonas para a. na Região Amazônica

Ações do Governo do Amazonas para a. na Região Amazônica Ações do Governo do Amazonas para a implantação da banda larga na Região Amazônica A Amazônia Brasileira EUROPA OCIDENTAL AMAZÔNIA BRASILEIRA 5,03 milhões de km 2 21,04 milhões de habitantes 20.000 km

Leia mais

UNI V ER SI DADE FEDER AL DO AM AZONAS. Ufam M ulticampi. Campus de Manaus. O Amazonas é o nosso Campus

UNI V ER SI DADE FEDER AL DO AM AZONAS. Ufam M ulticampi. Campus de Manaus. O Amazonas é o nosso Campus UNI V ER SI DADE FEDER AL DO AM AZONAS Campus de Manaus UNI V ER SI DADE FEDER AL DO AM AZONAS I nteriorização Interiorização da Graduação Período 986-2006 CURSO ALTO SOLIMÕES PÓLO CONCLUÍDAS CURSANDO

Leia mais

RELATÓRIO DA REDE DE ENFRENTAMENTO AO TRÁFICO DE PESSOAS

RELATÓRIO DA REDE DE ENFRENTAMENTO AO TRÁFICO DE PESSOAS RELATÓRIO DA REDE DE ENFRENTAMENTO AO TRÁFICO DE PESSOAS Nome do Responsável: Seilani N. Almendros de Oliveira Cargo do Responsável: Coordenadora do Núcleo de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas NETP/SEJUS

Leia mais

Pag. 1 24/02/2014 9:45:57. 1 - BS- Artes e Turismo. Total / BS- Artes e Turismo: 5107 10881 386. 2 - BSPIN - Setorial de Parintins

Pag. 1 24/02/2014 9:45:57. 1 - BS- Artes e Turismo. Total / BS- Artes e Turismo: 5107 10881 386. 2 - BSPIN - Setorial de Parintins Pag. 1 1 - BS- Artes e Turismo 2 - BSPIN - Setorial de Parintins 3 - BSTEF - Setorial de Tefe Títulos Exemplares Exemplar adicional 1 - Livros 3057 7347 188 2 - Folhetos 339 532 19 3 - Catálogos 10 16

Leia mais

MONITORAMENTO HIDROLÓGICO

MONITORAMENTO HIDROLÓGICO MONITORAMENTO HIDROLÓGICO 2012 Boletim n o 18 18/05/2012 Boletim de acompanhamento - 2012 1. Figura 1: Mapa de estações estratégicas 2. Comportamento das Estações monitoradas De acordo com as tabelas I

Leia mais

A experiência de quem trouxe a internet para o Brasil agora mais perto de você

A experiência de quem trouxe a internet para o Brasil agora mais perto de você A experiência de quem trouxe a internet para o Brasil agora mais perto de você A Escola A Escola Superior de Redes da RNP privilegia um ensino totalmente prático. Os laboratórios são montados de forma

Leia mais

Se você não é parte da solução, então é parte do problema. Eldridge Cleaver

Se você não é parte da solução, então é parte do problema. Eldridge Cleaver Se você não é parte da solução, então é parte do problema. Eldridge Cleaver Cenário Atual BACIA AMAZÔNICA A Bacia Amazônica representa hoje uma das mais importantes áreas do planeta considerando questões

Leia mais

Base Legal da Ação Lei nº 10.233, de 5 de junho de 2001, arts. 81 e 82; Lei nº 5.917, de 10 de Setembro de 1973, e suas alterações.

Base Legal da Ação Lei nº 10.233, de 5 de junho de 2001, arts. 81 e 82; Lei nº 5.917, de 10 de Setembro de 1973, e suas alterações. Programa 2073 - Transporte Hidroviário Número de Ações 107 110S - Melhoramentos no Canal de Navegação da Hidrovia dos Rios Paraná e Paraguai Garantia da navegabilidade durante todo o ano na hidrovia, mediante

Leia mais

TIC Saúde 2013. Coletiva de Imprensa Apresentação de Resultados São Paulo, 17 de dezembro de 2013

TIC Saúde 2013. Coletiva de Imprensa Apresentação de Resultados São Paulo, 17 de dezembro de 2013 TIC Saúde 2013 Pesquisa sobre o uso das TIC em estabelecimentos de saúde no Brasil Coletiva de Imprensa Apresentação de Resultados São Paulo, 17 de dezembro de 2013 CGI.br Comitê Gestor da Internet no

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ESTUDO TÉCNICO PRELIMINAR DA CONTRATAÇÃO 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Aquisição de sistema de videoconferência para todo o IFRO 2. DEFINIÇÃO E ESPECIFICAÇÃO DE REQUISITOS 2.1. Necessidade

Leia mais

Revista Brasileira de Energia Vol. 12 N o 1 Sustentabilidade do programa Luz Para Todos no estado do Amazonas

Revista Brasileira de Energia Vol. 12 N o 1 Sustentabilidade do programa Luz Para Todos no estado do Amazonas Luz Para Todos no estado do Amazonas 1 RESUMO Elizabeth Ferreira Cartaxo 1 Ilsa Maria H. de Valois Coelho 2 Vladimir Paixão 3 Com uma abordagem interdisciplinar envolvendo os diferentes contextos, meio

Leia mais

ARRANJO PRODUTIVO LOCAL APL DE TURISMO ECOLÓGICO E RURAL

ARRANJO PRODUTIVO LOCAL APL DE TURISMO ECOLÓGICO E RURAL ARRANJO PRODUTIVO LOCAL APL DE TURISMO ECOLÓGICO E RURAL CIDADE PÓLO: MANAUS OBJETIVOS Orientar a integração e a convergência de ações dos agentes atuantes no APL de Turismo; Formalizar novas parcerias,

Leia mais

Mapeamento Participativo em Sete Unidades de Conservação no Extrativismo Não Madeireiro

Mapeamento Participativo em Sete Unidades de Conservação no Extrativismo Não Madeireiro Mapeamento Participativo em Sete Unidades de Conservação no Extrativismo Não Madeireiro Mônica Suani Barbosa da Costa 1 Karina de Oliveira Milhomem 2 Therezinha de Jesus Pinto Fraxe 3 Suellen Amorim da

Leia mais

Acordos de Nível de Serviço (SLA)

Acordos de Nível de Serviço (SLA) Poder Judiciário Justiça do Trabalho TRT - 11ª Região (AM/RR) Acordo de Nível de Serviço Acordos de Nível de Serviço (SLA) Serviço Abrangência Área de Negócio Cliente Serviço de Acesso a Internet Interno

Leia mais

Programa Nacional de Banda Larga 18 meses depois

Programa Nacional de Banda Larga 18 meses depois Programa Nacional de Banda Larga 18 meses depois Caio Bonilha Telebras 1 Câmara dos Deputados, 06/12/2011 Mercado de Banda Larga no Brasil Conexões Banda Larga por região 9% 2% 17% 63% 9% Norte Nordeste

Leia mais

Encontro Provedores Regionais Cuiabá PAINEL 1 - Políticas públicas, tecnologias e financiamento.

Encontro Provedores Regionais Cuiabá PAINEL 1 - Políticas públicas, tecnologias e financiamento. Encontro Provedores Regionais Cuiabá PAINEL 1 - Políticas públicas, tecnologias e financiamento. Tecnologias, tendências e possíveis parcerias com a RNP possíveis parcerias com a RNP Eduardo Grizendi -

Leia mais

Telebras Institucional

Telebras Institucional Telebras Institucional Ibirubá-RS, Setembro 2011 A Telebrás Quem somos A TELEBRAS é uma S/A de economia mista, vinculada ao Ministério das Comunicações, autorizada a usar e manter a infraestrutura e as

Leia mais

Superintendência de Competição PGMC A NOVA REALIDADE DO

Superintendência de Competição PGMC A NOVA REALIDADE DO Superintendência de Competição PGMC A NOVA REALIDADE DO Abraão Balbino e Silva Gerente de Monitoramento das Relações entre Prestadoras asilva@anatel.gov.br Brasília, maio de 2013 Agenda Nova Estrutura

Leia mais

36º Encontro Tele.Síntese

36º Encontro Tele.Síntese 36º Encontro Tele.Síntese Evolução tecnológica - terminais 1998 Em poucos anos a evolução dos terminais móveis é surpreendente 2013 2 Evolução tecnológica - uso FALAR CONECTAR COMPARTILHAR VIVER Tecnologia

Leia mais

consumo humano e em conformidade com a

consumo humano e em conformidade com a ANEXO I ESPECIFICAÇÃO GERAL DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS e QUANTIDADES Nº ÍTENS QUANT. UNID. ESPECIFICAÇÃO 1 2 LEITE EM PÓ INTEGRAL FRANGO em Cortes Coxa e sobrecoxa 300.000 KG 300.000 KG LEITE EM PÓ INTEGRAL:

Leia mais

PROJETO DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL DO ESTADO DO AMAZONAS PARA O PROGRAMA ZONA FRANCA VERDE - PRODERAM

PROJETO DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL DO ESTADO DO AMAZONAS PARA O PROGRAMA ZONA FRANCA VERDE - PRODERAM PROJETO DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL DO ESTADO DO AMAZONAS PARA O PROGRAMA ZONA FRANCA VERDE - PRODERAM O QUE É O PRODERAM? É um projeto desenvolvido pelo Governo do Estado do Amazonas com apoio do Banco

Leia mais

ITEAM Instituto Terras do Amazonas

ITEAM Instituto Terras do Amazonas DECRETO Nº. 25.579 DE 26 DE DEZEMBRO DE 2006. REGULAMENTA o disposto nos artigos 49, I e II, 50 e 69, I, da Lei n. 2.754, de 29 de outubro de 2002. O GOVERNADOR DO ESTADO DO AMAZONAS, no exercício da competência

Leia mais

EDITAL 019/2010 - PROJETO BRA/06/032 CÓDIGO: Transporte Fluvial

EDITAL 019/2010 - PROJETO BRA/06/032 CÓDIGO: Transporte Fluvial PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ASSUNTOS ESTRATÉGICOS PROGRAMA DAS NAÇÕES UNIDAS PARA O DESENVOLVIMENTO EDITAL 019/2010 - PROJETO BRA/06/032 CÓDIGO: Transporte Fluvial O Projeto BRA/06/032 comunica

Leia mais

PROJETO DE PROMOÇÃO DA EXCELÊNCIA NA GESTÃO PÚBLICA DO MUNÍCIPIO DO RIO DE JANEIRO (PROJETO RIO DE EXCELÊNCIA)

PROJETO DE PROMOÇÃO DA EXCELÊNCIA NA GESTÃO PÚBLICA DO MUNÍCIPIO DO RIO DE JANEIRO (PROJETO RIO DE EXCELÊNCIA) PROJETO DE PROMOÇÃO DA EXCELÊNCIA NA GESTÃO PÚBLICA DO MUNÍCIPIO DO RIO DE JANEIRO (PROJETO RIO DE EXCELÊNCIA) Termo de Referência Para elaboração de um Plano Master de Tecnologia da Informação e Comunicação

Leia mais

Audiência Pública CFFC - Comissão de Fiscalização Financeira e Controle

Audiência Pública CFFC - Comissão de Fiscalização Financeira e Controle Audiência Pública CFFC - Comissão de Fiscalização Financeira e Controle Brasília, 17 de abril de 2012 Visão Geral AC Rio Branco Venezuela Boa Vista Manaus AM Hub Satélite RR Porto Velho Rede de fibra ótica

Leia mais

Projeto IntelliGrid A CEMIG construindo a rede inteligente do futuro

Projeto IntelliGrid A CEMIG construindo a rede inteligente do futuro SMARTGRIDS LATIN AMERICA Santiago, Chile Novembro de 2008 Projeto IntelliGrid A CEMIG construindo a rede inteligente do futuro Arnoldo Magela Morais Superintendência de Engenharia da Distribuição CEMIG

Leia mais

Escritório Quantidade de Técnicos Média total de atendimentos registrados por técnico por dia

Escritório Quantidade de Técnicos Média total de atendimentos registrados por técnico por dia Exercício 2 Uma grande empresa de Call Center realiza o atendimento de serviços de reparo técnico para uma empresa de telecomunicações com cobertura de nível nacional. A equipe de atendimento está dividida

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE TECNOLOGIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE TECNOLOGIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE TECNOLOGIA TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA CONSULTOR POR PRODUTO OEI/TOR/FNDE/CGINF Nº 41/2012 1.

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA - CONSULTOR POR PRODUTO -

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA - CONSULTOR POR PRODUTO - MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA - CONSULTOR POR PRODUTO - 1. Número e Título do Projeto: BRA 09/004 - Aprimoramento

Leia mais

Cenário Atual BACIA AMAZÔNICA

Cenário Atual BACIA AMAZÔNICA Cenário Atual BACIA AMAZÔNICA A Bacia Amazônica representa hoje uma das mais importantes áreas do planeta considerando questões ligadas à biodiversidade, sustentabilidade e mudanças climáticas. Geograficamente,

Leia mais

XVIII Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica. Atendimento Sempre Ligado

XVIII Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica. Atendimento Sempre Ligado XVIII Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica SENDI 2008-06 a 10 de outubro Olinda - Pernambuco - Brasil Atendimento Sempre Ligado Sidnei Dimas Bortolotti Alex Pitrie Braz Marcos Artur Rolim

Leia mais

Governança de TIC no Banco Central

Governança de TIC no Banco Central Governança de TIC no Banco Central AGENDA Histórico Modelo de Governança de TIC do Bacen Plano Diretor de Tecnologia da Informação Priorização de Projetos de TIC Gerenciamento de Riscos Histórico Cenário

Leia mais

Infovias digitais. Rede própria ou de terceiros. Como compartilhar a infraestrutura.

Infovias digitais. Rede própria ou de terceiros. Como compartilhar a infraestrutura. Infovias digitais Rede própria ou de terceiros. Como compartilhar a infraestrutura. Analogia com uma história muito conhecida de todos nós. Fibra óptica: Até 144 capilares! Até quando? O LÓGICO É COMPARTILHAR,

Leia mais

Crime Cibernético Projetos e Ações de Prevenção

Crime Cibernético Projetos e Ações de Prevenção Crime Cibernético Projetos e Ações de Prevenção Leonardo Boselli da Motta DEIST/STI-MP Brasília, 29 de março de 2016 Conceitos e Definições Crime Cibernético: Lei n 12.735/2012: ação delituosa em rede

Leia mais

Unidade IV GERENCIAMENTO DE SISTEMAS. Prof. Roberto Marcello

Unidade IV GERENCIAMENTO DE SISTEMAS. Prof. Roberto Marcello Unidade IV GERENCIAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Roberto Marcello SI - Tecnologia da informação SI - Tecnologia da informação Com a evolução tecnológica surgiram vários setores onde se tem informatização,

Leia mais

Cláudia Pereira de DEUS* *Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia INPA

Cláudia Pereira de DEUS* *Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia INPA Reserva de Desenvolvimento Sustentável Piagaçu-Purus Purus : Gestão, Biodiversidade e Conservação Cláudia Pereira de DEUS* *Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia INPA Instituto Piagaçu - IPi Os caminhos

Leia mais

ESTRATÉGIA PARA O DESENVOLVIMENTO DO TURISMO SUSTENTÁVEL NA AMAZÔNIA LEGAL

ESTRATÉGIA PARA O DESENVOLVIMENTO DO TURISMO SUSTENTÁVEL NA AMAZÔNIA LEGAL ESTRATÉGIA PARA O DESENVOLVIMENTO DO TURISMO SUSTENTÁVEL NA AMAZÔNIA LEGAL Manaus Setembro 2008 Equipe Coordenador Geral do Ecoturismo na Amazônia Legal Allan Milhomens Equipe Técnica Sônia Kinker Daniela

Leia mais

Estratégias da Agência de Desenvolvimento Sustentável para Produção Orgânica do Extrativismo no Amazonas. Outubro/2011. Fernando Guimarães

Estratégias da Agência de Desenvolvimento Sustentável para Produção Orgânica do Extrativismo no Amazonas. Outubro/2011. Fernando Guimarães Estratégias da Agência de Desenvolvimento Sustentável para Produção Orgânica do Extrativismo no Amazonas Outubro/2011 Fernando Guimarães ZONA FRANCA VERDE Política estadual de interiorização do desenvolvimento,

Leia mais

Segurança da informação e comunicação (SIC) ações e desafios da SLTI

Segurança da informação e comunicação (SIC) ações e desafios da SLTI Segurança da informação e comunicação (SIC) ações e desafios da SLTI Cristiano Rocha Heckert Brasília, 24 de setembro de 2015 Câmara dos Deputados Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação Logística

Leia mais

Programa Nacional de Banda Larga: desenvolvimento e próximos passos

Programa Nacional de Banda Larga: desenvolvimento e próximos passos Seminário Banda Larga no Brasil e os direitos dos consumidores Programa Nacional de Banda Larga: desenvolvimento e próximos passos Maximiliano Martinhão Secretário de Telecomunicações Brasília, maio de

Leia mais

EDITAL Nº 082/2011 - UEA

EDITAL Nº 082/2011 - UEA 1 EDITAL Nº 082/2011 - UEA A REITORA EM EXERCÍCIO DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS, no uso de suas atribuições legais torna público, para conhecimento dos interessados, que a UEA fará realizar Concurso

Leia mais

COMENTÁRIO DO DESEMPENHO CONSOLIDADO

COMENTÁRIO DO DESEMPENHO CONSOLIDADO COMENTÁRIO DO DESEMPENHO CONSOLIDADO Uberlândia MG, Maio de 2013 A Algar Telecom, Companhia completa e integrada de telecomunicações e TI, detentora da marca CTBC, divulga seus resultados do 1º Trimestre

Leia mais

Fórum Social Mundial Memória FSM memoriafsm.org

Fórum Social Mundial Memória FSM memoriafsm.org Este documento faz parte do Repositório Institucional do Fórum Social Mundial Memória FSM memoriafsm.org FSM2009 EVENTO EM BELÉM 1,67 Período: Abril/2008 até Janeiro/2009 Item Orçamentário Sociedade Civil

Leia mais

A MCM Tecnologia Ltda, estabelece o compromisso de fornecer soluções na área de Tecnologia da Informação com qualidade, buscando a satisfação de seus

A MCM Tecnologia Ltda, estabelece o compromisso de fornecer soluções na área de Tecnologia da Informação com qualidade, buscando a satisfação de seus A MCM Tecnologia oferece soluções completas em TI. Consultoria, elaboração e execução de projetos específicos, buscando sempre otimizar os recursos e investimentos de seus clientes. A EMPRESA Idealizada

Leia mais

Da cidade de pedra à cidade virtual

Da cidade de pedra à cidade virtual Cidades Infovia Inteligentes Municipal (Uma nova revolução social) Da cidade de pedra à cidade virtual Prof. Leonardo Mendes Departamento de Comunicações Fac. Engenharia Elétrica e de Computação UNICAMP

Leia mais

Infraestrutura da RNP para 2020 e a Bahia. Eduardo Grizendi DEO/RNP

Infraestrutura da RNP para 2020 e a Bahia. Eduardo Grizendi DEO/RNP Infraestrutura da RNP para 2020 e a Bahia Eduardo Grizendi DEO/RNP RNP Rede Acadêmica brasileira (NREN) Organização Social vinculada ao MCTI 27 PoPs, um em cada capital (+ Campina Grande) 3 PoAs (S Carlos,

Leia mais

Folha de S. Paulo. Presidente da Telefónica prevê ano de acordos no mundo digital

Folha de S. Paulo. Presidente da Telefónica prevê ano de acordos no mundo digital Folha de S. Paulo Presidente da Telefónica prevê ano de acordos no mundo digital O presidente da Telefónica, César Alierta, afirmou nesta terça-feira que 2011 será muito importante para os acordos entre

Leia mais

SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA ISO 9001 - UMA ESTRATÉGIA PARA ALAVANCAR A GESTÃO OPERACIONAL NA ELETRONORTE

SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA ISO 9001 - UMA ESTRATÉGIA PARA ALAVANCAR A GESTÃO OPERACIONAL NA ELETRONORTE SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA GOP - 23 16 a 21 Outubro de 2005 Curitiba - Paraná GRUPO IX GRUPO DE OPERAÇÃO DE SISTEMAS ELÉTRICOS - GOP ISO 9001 - UMA ESTRATÉGIA

Leia mais

Infra-estrutura para inovação e desenvolvimento

Infra-estrutura para inovação e desenvolvimento Infra-estrutura para inovação e desenvolvimento Painel: Telecomunicações, acessibilidade, TICs e inovação As telecomunicações constituem um setor de infra-estrutura de importante impacto no crescimento

Leia mais

QUANTO CUSTA O ACESSO À INTERNET PARA AS EMPRESAS NO BRASIL? Quanto custa o acesso à Internet para as. empresas no Brasil?

QUANTO CUSTA O ACESSO À INTERNET PARA AS EMPRESAS NO BRASIL? Quanto custa o acesso à Internet para as. empresas no Brasil? Nº 7 Março 2011 Quanto custa o acesso à Internet para as empresas no Brasil? 1 Expediente Expediente Sistema FIRJAN Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro PRESIDENTE Eduardo Eugenio Gouvêa

Leia mais

PNBL - Projeto Rede Norte. Caio Bonilha

PNBL - Projeto Rede Norte. Caio Bonilha PNBL - Projeto Rede Norte Caio Bonilha Brasília, 21/03/2012 Objetivos do Programa Nacional de Banda Larga Objetivos Gerais Fundamentos do PNBL Massificar o acesso à Internet em Banda Larga no Brasil para

Leia mais

PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS

PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS INSTITUTO EDUCACIONAL DO ESTADO DE SÃO PAULO FACULDADE DE BAURU PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS BAURU 2014 PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS. 1. INTRODUÇÃO A Faculdade

Leia mais

Solicitação de Propostas. Apoio à Conexão de Unidades de Ensino e Pesquisa a Redes Estaduais

Solicitação de Propostas. Apoio à Conexão de Unidades de Ensino e Pesquisa a Redes Estaduais Solicitação de Propostas Apoio à Conexão de Unidades de Ensino e Pesquisa a Redes Estaduais RNP/DIV/0085 SDP 01/2002 Solicitação de Propostas Apoio à Conexão de Unidades de Ensino e Pesquisa a Redes Estaduais

Leia mais

CARACTERIZAÇÃO DO TRANSPORTE FLUVIAL DE PASSAGEIROS NA AMAZÔNIA

CARACTERIZAÇÃO DO TRANSPORTE FLUVIAL DE PASSAGEIROS NA AMAZÔNIA CARACTERIZAÇÃO DO TRANSPORTE FLUVIAL DE Msc. Nadja Vanessa Miranda Lins Universidade Federal do Amazonas - UFAM nvmlins@gmail.com Mestranda Alcilene Moreira Camelo Universidade Federal do Amazonas - UFAM

Leia mais

Ministério das Comunicações

Ministério das Comunicações Audiência Pública CCTCI/Câmara dos Deputados PROJETOS E AÇÕES DO MINISTÉRIO PARA O ANO DE 2013 Paulo Bernardo Silva Ministro de Estado das Comunicações Brasília, 24 de abril de 2013 Dados setoriais 2 O

Leia mais

PLANO DE TRABALHO RESOLUÇÃO Nº 90 DE 2009 DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA

PLANO DE TRABALHO RESOLUÇÃO Nº 90 DE 2009 DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA PLANO DE TRABALHO RESOLUÇÃO Nº 90 DE 2009 DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA Estrutura: 1. Método de elaboração deste Plano de Trabalho e do respectivo Cronograma. 2. Cronograma. 3. Detalhamento das atividades

Leia mais

Contrato de Prestação de serviço Termos de Referência e Termo de aceitação

Contrato de Prestação de serviço Termos de Referência e Termo de aceitação Atualização da base de dados da Gerência de Controle Florestal e Agropecuário GCFA IPAAM, sobre planos de manejo florestal, serrarias e movelarias do Amazonas Contrato de Prestação de serviço Termos de

Leia mais

PORTARIA Nº 2.662, DE 13 DE NOVEMBRO DE 2014

PORTARIA Nº 2.662, DE 13 DE NOVEMBRO DE 2014 GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 2.662, DE 13 DE NOVEMBRO DE 2014 O MINISTRO DE ESTADO DAS COMUNICAÇÕES, no uso das atribuições que lhe confere o art. 87, parágrafo único, inciso II, da Constituição, tendo

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE REDES E DATA CENTER 1º PERÍODO DE TECNOLOGIA DE REDES

ADMINISTRAÇÃO DE REDES E DATA CENTER 1º PERÍODO DE TECNOLOGIA DE REDES DESENHO DE SERVIÇO Este estágio do ciclo de vida tem como foco o desenho e a criação de serviços de TI cujo propósito será realizar a estratégia concebida anteriormente. Através do uso das práticas, processos

Leia mais

CSE-300-4 Métodos e Processos na Área Espacial

CSE-300-4 Métodos e Processos na Área Espacial CSE-300-4 Métodos e Processos na Área Espacial Engenharia e Tecnologia Espaciais ETE Engenharia e Gerenciamento de Sistemas Espaciais L.F.Perondi Engenharia e Tecnologia Espaciais ETE Engenharia e Gerenciamento

Leia mais

RELAÇÃO DE AJUSTES VIGENTES EM 2009 UNIDADE GESTORA 014101

RELAÇÃO DE AJUSTES VIGENTES EM 2009 UNIDADE GESTORA 014101 RELAÇÃO DE AJUSTES VIGENTES EM 2009 UNIDADE GESTORA 014101 ORDEM AJUSTE CONTRATADA OBJETO SITUAÇÃO 1 TC 23/2005 EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS Prestação de serviço de coleta, transporte e

Leia mais

Programa Nacional de Banda Larga

Programa Nacional de Banda Larga Programa Nacional de Banda Larga Metas e eixos de ação Comissão de Ciência e Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática Senado Federal Brasília, 31 de agosto de 2011 Dados de acesso à Internet em

Leia mais

CÁRITAS ARQUIDIOCESANA DE MANAUS. Edital Nº 04/2011

CÁRITAS ARQUIDIOCESANA DE MANAUS. Edital Nº 04/2011 Edital Nº 04/2011 Prazo de Inscrição: 14 de julho a 22 de julho 2011 Prazo de Seleção: 23 a 26 de julho de 2011 Prazo de Divulgação: 28 de julho de 2011 A Cáritas Arquidiocesana de Manaus no âmbito do

Leia mais