Orientação Técnica: Cuidado com o Material

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Orientação Técnica: Cuidado com o Material"

Transcrição

1 Orientação Técnica: Cuidado com o Material 1 EM RELAÇÃO AO AÇO INOXIDÁVEL 1.1 Os produtos marca RICHTER são fabricados com aços inoxidáveis que seguem a norma NBR ISO Esta norma brasileira foi baseada nas normas internacionais (DIN e ISO). 1.2 Embora todos os tipos de aços inoxidáveis sejam bem adequados às finalidades de uso, isso não significa que INOXIDÁVEL, seja uma palavra mágica, como inalterável ou indestrutível. Na realidade, não existe uma composição química ideal que possa evitar todos os tipos de ataques que poderiam causar manchas, falta de brilho ou mesmo corrosão. 1.3 É muito comum ouvirmos no nosso dia-a-dia que os instrumentos cirúrgicos de antigamente eram muito superiores aos atuais. Isso não é verdade. A evolução tecnológica na fabricação de aços inoxidáveis tem promovido a fabricação de aços de qualidade superior aos 1

2 que eram fabricados há 30/40 anos. Acontece que hoje em dia, a água utilizada para a limpeza e esterilização do instrumental cirúrgico é muito mais agressiva do que a de anos atrás. Além disso, os novos produtos utilizados para a limpeza (desincrostantes, desengraxantes, desinfetantes, etc) também são muito mais agressivos que os produtos de antigamente. 2 EM RELAÇÃO À ÁGUA 2.1 Em qualquer tipo de água há concentração de sais. Mesmo em uma água considerada como potável, existe a possibilidade de concentração de certos elementos químicos, que poderiam deteriorar os instrumentos cirúrgicos durante os processos de limpeza e esterilização. De todas essas impurezas encontradas na água o cloro é a mais crítica. A experiência tem demonstrado que quando há uma concentração superior a 120 mg/l, o risco de corrosão por pitting é alto. 2.2 Se na água houver uma certa concentração de: ferro, cobre, manganês, magnésio ou silílcio, poderá haver a formação de MANCHAS em cores diversas: marrom, azul ou arcoíris. Nesse caso não se trata de corrosão e sim de manchas. É conveniente ressaltar que as manchas podem ter origem devido outras razões, como por exemplo: Resto de produtos de limpeza; Dosagens erradas na preparação dos produtos de limpeza; Produtos de limpeza de qualidade duvidosa; Má qualidade do vapor da autoclave. 2

3 2.3 Se a água utilizada para gerar o vapor tiver concentrações de elementos químicos e Íons de materiais pesados acima do especificado na norma ISO 11134, teremos influência destas impurezas na qualidade do vapor, ocasionando manchas e pontos de corrosão. 2.4 A manutenção regular dos equipamentos envolvidos na esterilização (caldeiras, autoclaves) também tem influência direta na qualidade do vapor. 2.5 O vapor super saturado também deve ser evitado pois o excesso de condensação irá provocar manchas nos instrumentos cirúrgicos, além de aumentar o tempo de secagem e muitas vezes invalidar a esterilização. OBS.: Qualidade da água e do vapor interferindo na conservação Do instrumental. Autora: Enf. Rosa Maria Pelegrini Fonseca. Publicado na revista da SOBECC Vol. 2 no. 3 jul/set Síntese do trabalho: As manchas nos intrumentais poder ser provocadas por: 1) Limpeza inadequada com resíduos de produtos químicos; 2) Enxagüe deficiente; 3) Água e vapor contendo impurezas em suspensão, alteração de ph, minerais, condutividade e dureza acima de limites aceitáveis. As manchas podem ter diversas cores: marrom, azul e tipo arco-íris. As manchas de coloração marrom lembram a cor de ferrugem e dão a impressão de que possam existir resíduos de matéria orgânica. A concentração de minerais como: ferro, cobre e outros pode levar ao aparecimento de manchas e pontos de oxidação nos instrumentais. A International Standard Organization (Norma ISO 11134) diz que a qualidade da água pode causar pontos de oxidação nos instrumentais. Através de testes laboratoriais pode detectar se a qualidade da água e do vapor estão fora do preconizado pela ISO As sugestões para solucionar o problema em questão são: A) Instalar filtro de vapor em todas as autoclaves (Obs. esses filtros deverão ter uma capacidade de filtragem de 98% de partículas tamanho de 0,1 mícron); B) Instalar filtros de água na área de lavagem de material; C) Verificar a tubulação que sai das caldeiras para a autoclave 3

4 3 EM RELAÇÃO À ESTERILIZAÇÃO 3.1 O aquecimento e o esfriamento dos instrumentais provocam dilatações e contrações. A fim de evitar a perda de elasticidade (pinças e porta agulhas em geral) é recomendado proceder a esterilização com fechamento no primeiro dente da cremalheira. 3.2 Autoclaves desreguladas poderão criar umidade residual a qual poderá provocar manchas e/ou corrosão nos instrumentos cirúrgicos. 4 EM RELAÇÃO AO DIA A DIA 4

5 4.1 Manipular o instrumental cuidadosamente, em todas as etapas evitando batidas ou quedas. 4.2 As sujeiras que se depositam no instrumental (sangue, secreções, etc) não devem secar no próprio instrumental pois isso irá dificultar a limpeza dos mesmos. Se a cirurgia for de paciente portador de algum tipo de infecção, haverá necessidade de se proceder a uma descontaminação antes da limpeza Ao se lidar com instrumental contaminado, sempre é necessário o máximo de cuidado, afim de se evitar riscos à saúde pessoal Se for o caso, o instrumental deverá ser totalmente desmontado, para que a ação da limpeza e desinfecção possa atingir toda a superfície do mesmo. 4.3 O instrumental não deverá ficar imerso, em nenhuma hipótese, dentro de uma solução fisiológica (cloreto de sódio), pois o contato prolongado com esta solução poderá provocar pontos de corrosão e formação de óxido. 4.4 Logo após a cirurgia o instrumental deverá ser mergulhado em uma solução combinada de desinfetante e detergente enzimaticos. Tais produtos deverão estar em concentrações adequadas de acordo com as recomendações dos fabricantes. Sempre deverão ser utilizadas soluções recentemente preparadas, pois soluções usadas por longos períodos, poderão provocar danos no instrumental, como por exemplo: Corrosão por aumento da concentração da solução, ou Perda da ação da desinfecção por excesso de sujeira na solução. 4.5 Lavar escrupulosamente o instrumental, com atenção especial para as articulações, serrilhas e cremalheiras. 4.6 Para os locais onde a lavagem é feita manualmente, recomenda-se que a água esteja morna (+ ou 30 o ), limpa (destilada ou desmineralizada) e corrente. 4.7 Para os locais que dispõe de equipamentos para limpeza e desinfecção (ultra-som, máquinas de lavagem ou autoclave tipo lavadora) recomendamos seguir as instruções do fabricantes, lembrando apenas que a água utilizada deverá ser destilada ou desmineralizada e corrente. 4.8 Enxaguar muito bem o instrumental em água limpa, abundante e aquecida (+ ou 50 o ). As peças devem ser muito bem enxaguadas, para se evitar quaisquer tipos de resíduos. A prática tem demonstrado que um enxágue com água quente favorece a secagem posterior. 5

6 4.9 Secar completamente o instrumental. O instrumental deverá ficar literalmente seco Revisar cuidadosamente o instrumental. Após a secagem e antes de montar as caixas, o instrumental deve ser rotineiramente revisado Finalmente, montar as caixas adequadamente, tomando cuidado para que os instrumentos maiores e mais pesados fiquem embaixo. 5. CONSELHOS, MACETES E DICAS DIVERSAS 5.1 Não armazenar instrumental perto de produtos químicos que possam desprender gases corrosivos (Ex. cloro, Iodo). 5.2 Caso por alguma razão haja vapor de água nas embalagens plásticas do instrumental é aconselhável abrir a embalagem, e a seguir lavar e secar o instrumental cuidadosamente. 5.3 O instrumental novo de fábrica deve ser limpo, exatamente da mesma forma que o instrumental que acabou de sair de uma cirurgia. 5.4 Cada instrumento foi criado e desenvolvido para executar uma determinada tarefa, portanto ele não deve ser utilizado fora destas condições. Os instrumentos utilizados fora dessas condições normais de trabalho podem quebrar ou ter sua vida útil reduzida. 5.4 Não utilizar NUNCA esponjas ou escovas metálicas para limpar o instrumental. 5.5 Lubrificar regularmente as articulações. 5.6 Esterilização não susbstitui limpeza. A Richter Ltda. teve o maior cuidado em fabricar instrumentos de alta qualidade para suas necessidades. Esperamos que vocês sigam nossas instruções para preservar a qualidade e longa vida de seu material. 6

7 Manutenção: Todo instrumento que necessitar conserto ou ajustagem é melhor ser encaminhado ao nosso departamento de manutenção: Richter Ltda. Rua Boaventura Pereira, 143/ São Paulo - SP Fone: Fax:

Manual de Instruções

Manual de Instruções Manual de Instruções Kit de Instrumental para Cirurgia do Túnel do Carpo VOLMED Nome Técnico: KIT CIRÚRGICO Fabricante: VOLMED BRASIL EQUIPAMENTOS LTDA -ME AV. SÃO GABRIEL, 291 JD. PAULISTA CEP: 13574-540

Leia mais

Curso de Processamento de Materiais Médico-Hospitalares e Odontológicos. Enf. Mônica Saladini Sundin

Curso de Processamento de Materiais Médico-Hospitalares e Odontológicos. Enf. Mônica Saladini Sundin Curso de Processamento de Materiais Médico-Hospitalares e Odontológicos Enf. Mônica Saladini Sundin ph Endotoxina s Bactérias Sulfato Alcalinidade Condutividade ÁGUA Gases dissolvidos Ferro Dureza

Leia mais

BOLETIM DE INFORMAÇÕES TÉCNICAS Revisão 006 Julho/2011

BOLETIM DE INFORMAÇÕES TÉCNICAS Revisão 006 Julho/2011 1 - PRODUTO: Acrílico Standard mais rendimento Natrielli. 2 - DESCRIÇÃO: É uma tinta acrílica de alto rendimento apresenta um excelente acabamento em superfícies externas e internas de alvenaria, reboco,

Leia mais

TERMO DE ATENDIMENTO SAC MONDIALLE

TERMO DE ATENDIMENTO SAC MONDIALLE TERMO DE ATENDIMENTO SAC MONDIALLE PARTES: De um lado a MONDIALLE e de outro, neste ato nomeado como SOLICITANTE o consumidor autor da solicitação de assistência técnica. 1 - OBJETO DA SOLICITAÇÃO 1.1

Leia mais

Instruções de Uso ESTOJOS AUTOCLA- VÁVEIS

Instruções de Uso ESTOJOS AUTOCLA- VÁVEIS Instruções de Uso ESTOJOS AUTOCLA- VÁVEIS Os estojos autoclaváveis são usados para acondicionamento, guarda e garantir a esterilização segura na autoclavagem. Foram desenvolvidos em materiais que suportam

Leia mais

NORMAS PARA O PROCESSAMENTO DE ARTIGOS - LIMPEZA, DESINFECÇÃO E ESTERILIZAÇÃO.

NORMAS PARA O PROCESSAMENTO DE ARTIGOS - LIMPEZA, DESINFECÇÃO E ESTERILIZAÇÃO. NORMAS PARA O PROCESSAMENTO DE - LIMPEZA, DESINFECÇÃO E ESTERILIZAÇÃO. ATENÇÃO Para desenvolver esta atividade, sem risco de contaminação por material orgânico (sangue, fluídos orgânicos, secreções e excreções)

Leia mais

BROCAS CIRÚRGICAS INTRA LOCK SYSTEM

BROCAS CIRÚRGICAS INTRA LOCK SYSTEM S CIRÚRGICAS INTRA LOCK SYSTEM (Brocas Cirúrgicas Odontológicas) INFORMAÇÕES DE IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO As Brocas Cirúrgicas fazem parte do sistema INTRA-LOCK SYSTEM. Deste grupo de instrumentais fazem

Leia mais

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA [REV.00 03082011] 1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA Antes da utilização, é muito importante que você leia atentamente o manual de instruções, estas informações ajudam a prevenir acidentes e utilizar

Leia mais

ENDURIT RP Manual de Orientação para Manutenção Preventiva e Corretiva

ENDURIT RP Manual de Orientação para Manutenção Preventiva e Corretiva ENDURIT RP Manual de Orientação para Manutenção Preventiva e Corretiva Prefácio O sistema de revestimento da linha ENDURIT foi desenvolvido com a mais nobre linha de resinas uretanas, levando assim a um

Leia mais

MANUAL TÉCNICO PREALL

MANUAL TÉCNICO PREALL MANUAL TÉCNICO PREALL ÍNDICE 1. PRODUTO 2. RECEBIMENTO 3. ARMAZENAMENTO 4. PREPARAÇAO DO LOCAL DE APLICAÇÃO 5.1 DEFINIÇÃO DE JUNTA 5.2 ASSENTAMENTO 6. LIMPEZA 7. PROTEÇÃO 8. GARANTIA 9. PISO ELEVADO 10.

Leia mais

RECOMENDAÇÕES DE USO: Utilizado para pintura de pisos industriais, oficinas, áreas que solicitem sanitização do ambiente. Uso interno e externo.

RECOMENDAÇÕES DE USO: Utilizado para pintura de pisos industriais, oficinas, áreas que solicitem sanitização do ambiente. Uso interno e externo. WEGPOXI ANA 301 DESCRIÇÃO DO PRODUTO: Tinta epoxi poliamina bicomponente, de alto teor de sólidos, com pigmentação especial, de secagem rápida. Revestimento aplicável em uma única demão em alta espessura

Leia mais

DESENGORDURANTE INDUSTRIAL GSF-200 Manual Técnico

DESENGORDURANTE INDUSTRIAL GSF-200 Manual Técnico Greensun Ind. e Com. de Prod. de Limp. Ltda. CNPJ: 39.708.888/0001-57 - Ins. Est: 85.419.269 Rua da Fonte 1028, Nova Cidade - Rio das Ostras - Rio de Janeiro / Brasil Telefax: (22) 2760-0518 - Químico

Leia mais

Chaves cirúrgicas - Intra-Lock System

Chaves cirúrgicas - Intra-Lock System Chaves cirúrgicas - Intra-Lock System (Instrumento cirúrgico para implante dentário) INFORMAÇÕES DE IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO: As Chaves Cirúrgicas fazem parte do sistema INTRA-LOCK SYSTEM. Deste grupo

Leia mais

LIMPA PNEU ECO 3000 Manual Técnico

LIMPA PNEU ECO 3000 Manual Técnico Greensun Ind. e Com. de Prod. de Limp. Ltda. CNPJ: 39.708.888/0001-57 - Ins. Est: 85.419.269 Rua da Fonte 1028, Nova Cidade - Rio das Ostras - Rio de Janeiro / Brasil Telefax: (22) 2760-0518 - Químico

Leia mais

OFICINA: Limpeza: Foco em Carregamento de Termolavadora e Lavadora Ultrasônica Coordenador: Ligia Garrido Calicchio

OFICINA: Limpeza: Foco em Carregamento de Termolavadora e Lavadora Ultrasônica Coordenador: Ligia Garrido Calicchio OFICINA: Limpeza: Foco em Carregamento de Termolavadora e Lavadora Ultrasônica Coordenador: Ligia Garrido Calicchio São Paulo -2012 Introdução A esterilização bem sucedida dos instrumentais cirúrgicos

Leia mais

(As informações aqui apresentadas são de caráter declaratório, podendo o texto final, ter formatação diferente)

(As informações aqui apresentadas são de caráter declaratório, podendo o texto final, ter formatação diferente) MODELO DE INSTRUÇÃO DE USO GUIA PONTA TROCATER (As informações aqui apresentadas são de caráter declaratório, podendo o texto final, ter formatação diferente) DESCRIÇÃO DO PRODUTO O Guia Ponta Trocater,

Leia mais

Diante da atual situação de desabastecimento de água na cidade. Orientações à população para uso da Água. prefeitura.sp.gov.

Diante da atual situação de desabastecimento de água na cidade. Orientações à população para uso da Água. prefeitura.sp.gov. Prefeitura do Município de São Paulo Secretaria Municipal da Saúde Coordenação de Vigilância em Saúde - COVISA 08 de abril de 05 Orientações à população para uso da Água Diante da atual situação de desabastecimento

Leia mais

Produto para proteger e dar brilho em superfícies de plástico e borrachas

Produto para proteger e dar brilho em superfícies de plástico e borrachas JohnsonDiversey Solubex 20 Produto para proteger e dar brilho em superfícies de plástico e borrachas Não deixa resíduos nem mela os pneus A formulação balanceada de Solubex 20 permite a aplicação do produto

Leia mais

KIT 6 em 1. (Aparadores de Pêlos) Modelo: RD1000 MANUAL DE INSTRUÇÕES

KIT 6 em 1. (Aparadores de Pêlos) Modelo: RD1000 MANUAL DE INSTRUÇÕES KIT 6 em 1 (Aparadores de Pêlos) Modelo: RD1000 MANUAL DE INSTRUÇÕES Leia atentamente este Manual, antes de usar seu KIT 6 EM 1. Guarde-o em local seguro, para futuras consultas. WWW.LIZZ.COM.BR SAC: (11)

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PIPOQUEIRA CADENCE POP201

MANUAL DO USUÁRIO PIPOQUEIRA CADENCE POP201 MANUAL DO USUÁRIO PIPOQUEIRA CADENCE POP201 Obrigado por adquirir a Pipoqueira Cadence POP201, um produto de alta tecnologia, seguro e eficiente. É muito importante ler atentamente este manual de instruções,

Leia mais

Diante da atual situação de desabastecimento de água na cidade. Orientações à população para uso da Água. prefeitura.sp.gov.

Diante da atual situação de desabastecimento de água na cidade. Orientações à população para uso da Água. prefeitura.sp.gov. Prefeitura do Município de São Paulo Secretaria Municipal da Saúde Coordenação de Vigilância em Saúde - COVISA 08 de abril de 05 Orientações à população para uso da Água Diante da atual situação de desabastecimento

Leia mais

Adaptador Digital; Chave Digital. Sextavada; Chave Digital. Transferente; Chave de Catraca. com Referência de Torque; Conexão Catraca Fenda;

Adaptador Digital; Chave Digital. Sextavada; Chave Digital. Transferente; Chave de Catraca. com Referência de Torque; Conexão Catraca Fenda; instrumentos Kit Cirúrgico Instrumentos confeccionados em aço cirúrgico Estojo autoclavável Indicação de broca e do paralelizador referentes e ao diâmetro do implante através do de cores Instrumentos com

Leia mais

LINHA P600 Manual de Orientação para Manutenção Preventiva e Corretiva

LINHA P600 Manual de Orientação para Manutenção Preventiva e Corretiva LINHA P600 Manual de Orientação para Manutenção Preventiva e Corretiva Prefácio O sistema de revestimento argamassado cimentício de alta resistência, da LINHA P600, foi desenvolvido com a mais alta tecnologia,

Leia mais

SEGURANÇA E TÉCNICA DE LABORATÓRIO AULA 01: ORGANIZANDO O LABORATÓRIO TÓPICO 03: ORGANIZAÇÃO LABORATORIAL O laboratório, seja de uma indústria, de um centro de pesquisa ou de uma instituição de ensino

Leia mais

Nome do produto: Botafix EPPL (Comp. B) Data da última revisão: 03/10/2011. - Nome da empresa: MC-Bauchemie Brasil Indústria e Comércio Ltda

Nome do produto: Botafix EPPL (Comp. B) Data da última revisão: 03/10/2011. - Nome da empresa: MC-Bauchemie Brasil Indústria e Comércio Ltda Página 1 de 6 1. Identificação do produto e da empresa - Nome do produto: Botafix EPPL (Comp. B) - Nome da empresa: MC-Bauchemie Brasil Indústria e Comércio Ltda - Endereço: Rua Henry Martin, 235 Vargem

Leia mais

DESINCRUSTANTE TEK-210 Limpador Desincrustante de Sujidades Carbonizadas LEIA ATENTAMENTE O RÓTULO ANTES DE USAR O PRODUTO USO INSTITUCIONAL

DESINCRUSTANTE TEK-210 Limpador Desincrustante de Sujidades Carbonizadas LEIA ATENTAMENTE O RÓTULO ANTES DE USAR O PRODUTO USO INSTITUCIONAL DESINCRUSTANTE TEK-210 Limpador Desincrustante de Sujidades Carbonizadas LEIA ATENTAMENTE O RÓTULO ANTES DE USAR O PRODUTO USO INSTITUCIONAL Propriedades: DESINCRUSTANTE TEK-210 é um poderoso limpador

Leia mais

XISPA MD 17. Limpador de resíduos de cimento, terra e argamassa

XISPA MD 17. Limpador de resíduos de cimento, terra e argamassa XISPA MD 17 Linha: Tratamento de Piso Limpador de resíduos de cimento, terra e argamassa Versátil O XISPA MD 17 é um limpador com poderosa ação sobre resíduos de cimento, argamassa e terra, recomendado

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS Página: 1/5 1- Identificação do produto e da empresa - Nome do produto: CLORETO DE OURO - Código interno de identificação do produto: C1111 - Nome da empresa: Labsynth Produtos para Laboratórios Ltda -

Leia mais

Manual de Instrução Termo de Garantia

Manual de Instrução Termo de Garantia CILINDROS DE ALUMÍNIO Manual de Instrução Termo de Garantia fundive.com.br Cilindros de alumínio Catalina: Informações sobre o produto: Com uma variedade de tamanho que vai desde 6 até 100 pés cúbicos,

Leia mais

Áreas semicríticas: Áreas não críticas: Áreas críticas: CENTRAL DE MATERIAL LIMPEZA, DESINFECÇÃO e ESTERILIZAÇÃO

Áreas semicríticas: Áreas não críticas: Áreas críticas: CENTRAL DE MATERIAL LIMPEZA, DESINFECÇÃO e ESTERILIZAÇÃO CENTRAL DE MATERIAL LIMPEZA, DESINFECÇÃO e ESTERILIZAÇÃO COORDENAÇÃO DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE - COVISA GERÊNCIA DO CENTRO DE CONTROLE E PREVENÇÃO DE DOENÇAS - CCD NÚCLEO MUNICIPAL DE CONTROLE DE INFECÇÃO

Leia mais

Proteção para os prestadores de primeiros socorros: evitar contato cutâneo e inalatório com o produto durante o processo.

Proteção para os prestadores de primeiros socorros: evitar contato cutâneo e inalatório com o produto durante o processo. 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: OIL TREATMENT Aplicação: Aditivo concentrado para óleo de motor. Fornecedor: Orbi Quimica Ltda. Avenida Maria Helena, 600 - Leme SP Brasil - CEP

Leia mais

F.I.S.P.Q. FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO TIPO DE PRODUTO : DESINFETANTE HOSPITALAR PARA SUPERFICIES FIXAS

F.I.S.P.Q. FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO TIPO DE PRODUTO : DESINFETANTE HOSPITALAR PARA SUPERFICIES FIXAS F.I.S.P.Q. FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA NOME DO PRODUTO ALCOOL NORD DESINFETANTE HOSPITALAR PARA SUPERFICIES FIXAS NOME DO FABRICANTE Cinord

Leia mais

MaxHome. Mini Ferro de Viagem. MaxHome. Sm-110 Bivolt

MaxHome. Mini Ferro de Viagem. MaxHome. Sm-110 Bivolt Mini Ferro de Viagem Sm-110 Bivolt ÍNDICE NOTAS: Parabéns por ter adquirido o seu Mini Ferro de Viagem. Características do produto Dicas de Segurança Informações do aparelho Usando o aparelho Cuidados

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ. Nome do Produto: Disco de Corte ou Disco de Desbaste

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ. Nome do Produto: Disco de Corte ou Disco de Desbaste N 001 Disco de Corte e Desbaste Revisão: 05/04/2011 1 Identificação do Produto e da Empresa Nome do Produto: Disco de Corte ou Disco de Desbaste Aplicação: Corte de aço carbono e aço inoxidável, limpeza

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO E SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS MATERIAL SAFETY DATA SHEET (MSDS) NIPPO-FER

FICHA DE INFORMAÇÃO E SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS MATERIAL SAFETY DATA SHEET (MSDS) NIPPO-FER NIPPO-FER 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome Comercial do Produto: NIPPO-FER Identificação da Empresa: Nippon Chemical Ind. e Com. de San. e Det. Prof. Ltda Rua Platina, nº 259 Recreio Campestre

Leia mais

PINTURA DE PISOS INDUSTRIAIS

PINTURA DE PISOS INDUSTRIAIS . PINTURA DE PISOS INDUSTRIAIS MANUAL DE BOAS PRÁTICAS DICAS PARA UMA PINTURA EFICIENTE DE PISO Sempre que desejamos fazer uma pintura de piso, Industrial ou não, devemos ter em mente quais são os objetivos

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA

1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto Cristalizador de vidros Código interno de identificação 00.00.000.000 Nome da empresa Endereço Aeroflex Indústria de Aerosol Ltda. Rod. BR 116 km

Leia mais

FISPQ nº 176 Página 1 / 5 Data da última revisão 02/02/2009. Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos - FISPQ

FISPQ nº 176 Página 1 / 5 Data da última revisão 02/02/2009. Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos - FISPQ 1 Identificação do produto e da empresa Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos - FISPQ FISPQ nº 176 Página 1 / 5 Data da última revisão 02/02/2009 Nome do produto: Craquelex Color (Verniz

Leia mais

FERRO A SECO GLISSER CADENCE IRO102

FERRO A SECO GLISSER CADENCE IRO102 FERRO A SECO GLISSER CADENCE IRO102 Obrigado por adquirir o Ferro a Seco Glisser Cadence, Modelo IRO102, um produto de alta tecnologia, seguro e eficiente. É muito importante ler atentamente este manual

Leia mais

Manual do Usuário. Umidificador Springer. Modelo MUS-30UL

Manual do Usuário. Umidificador Springer. Modelo MUS-30UL Manual do Usuário Umidificador Springer Modelo MUS-30UL Obrigado por escolher Springer! Você pode estar certo de que fez uma boa escolha. É com muita satisfação que desenvolvemos um aparelho que garantirá

Leia mais

LACKTHANE N 2677. B O L E T I M T É C N I C O T i n t a L í q u i d a DESCRIÇÃO DO PRODUTO:

LACKTHANE N 2677. B O L E T I M T É C N I C O T i n t a L í q u i d a DESCRIÇÃO DO PRODUTO: LACKTHANE N 2677 DESCRIÇÃO DO PRODUTO: Tinta de acabamento poliuretano acrílico alifático brilhante bicomponente, de altos sólidos por volume. Produto desenvolvido para compor um sistema de proteção anticorrosiva,

Leia mais

Manual de inserção do acessório de rotação de endoscópio Arthrex Starfish

Manual de inserção do acessório de rotação de endoscópio Arthrex Starfish 950-0036-00, Rev. D Português Manual de inserção do acessório de rotação de endoscópio Arthrex Starfish Acessórios para endoscópio Arthrex, Inc. 1370 Creekside Blvd. Naples, FL 34108, EUA (800)-934-4404

Leia mais

Processo nº 2009-0.154.220-9 Prefeitura da Cidade de São Paulo Secretaria Municipal da Saúde SMS - 32 - Licitações

Processo nº 2009-0.154.220-9 Prefeitura da Cidade de São Paulo Secretaria Municipal da Saúde SMS - 32 - Licitações EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 145/2009 PROCESSO Nº 2009-0.154.220-9 DATA DA REALIZAÇÃO :10 DE NOVEMBRO DE 2009 HORÁRIO : 10:00 HORAS LOCAL : RUA GENERAL JARDIM, 36 3º ANDAR SALA DE PREGÕES AMOSTRAS ATÉ

Leia mais

Pode causar dores abdominais e irritação gástrica. Por não ser um produto totalmente bio-degradável, pode afetar o ecosistema.

Pode causar dores abdominais e irritação gástrica. Por não ser um produto totalmente bio-degradável, pode afetar o ecosistema. 1 Identificação do produto e da empresa Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos - FISPQ FISPQ nº 012 Página 1 / 5 Data da última revisão 17/072008 Nome do produto: Acrilpen Código interno

Leia mais

ASCAMAS Comércio de Produtos Médicos Hospitalares EIRELI EPP Rua Major Sertório, 88 Sl 603- Vl. Buarque São Paulo SP CEP 01222-000 Telefone: (11)

ASCAMAS Comércio de Produtos Médicos Hospitalares EIRELI EPP Rua Major Sertório, 88 Sl 603- Vl. Buarque São Paulo SP CEP 01222-000 Telefone: (11) INTRODUÇÃO Os instrumentos cirúrgicos representam um investimento elevado. Portanto espera-se que estes sejam duráveis, e cumpram a função a que se destinam. Porém, estes aspectos podem ser comprometidos

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA

1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto Grafite spray Código interno de identificação 00.00.000.000 Nome da empresa Endereço Aeroflex Indústria de Aerosol Ltda. Rod. BR 116 km 120 n 26640

Leia mais

Componente B Catalisador AL 1006 Componente B (12256557) - (1,5L)

Componente B Catalisador AL 1006 Componente B (12256557) - (1,5L) WEGNILICA CVE 804 DESCRIÇÃO DO PRODUTO: Promotor de aderência bicomponente, formulado a partir de resinas vinílicas com excelente aderência sobre metais ferrosos e não ferrosos. RECOMENDAÇÕES DE USO: Indicado

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Aprovação Junho/2011 Edição-02 Cód. Cad. 26187.4 AQUECEDOR DE LIQUÍDOS E TÉRMICA PARA ÔNIBUS

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Aprovação Junho/2011 Edição-02 Cód. Cad. 26187.4 AQUECEDOR DE LIQUÍDOS E TÉRMICA PARA ÔNIBUS MANUAL DE INSTRUÇÕES COMPACT INDÚSTRIA DE PRODUTOS TERMODINÁMICOS LTDA. Br 116, Km 152,3 n 21.940 Pavilhão 01 95070-070 Caxias do Sul RS Fone: +55.54 2108-3838 Fax: +55.54 2108-3801 E-mail: Compact@Compact.Ind.br

Leia mais

Modelo TS-243 ESCOVA GIRATÓRIA ARGAN OIL + ION MANUAL DE INSTRUÇÕES

Modelo TS-243 ESCOVA GIRATÓRIA ARGAN OIL + ION MANUAL DE INSTRUÇÕES Modelo TS-243 ESCOVA GIRATÓRIA ARGAN OIL + ION MANUAL DE INSTRUÇÕES PRECAUÇÕES IMPORTANTES As instruções de segurança devem sempre ser seguidas para reduzir riscos. É importante ler com cuidado todas as

Leia mais

COMO TRATAR A ÁGUA DA PISCINA

COMO TRATAR A ÁGUA DA PISCINA COMO TRATAR A ÁGUA DA PISCINA CAPACIDADE DA PISCINA Antes de iniciar qualquer tratamento na sua piscina, deve conhecer qual a capacidade (vol.) de mesma. Desta forma, poderá calcular exatamente as dosagens

Leia mais

FISPQ - FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO

FISPQ - FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO Página 01/07 SEÇÃO 1.0 NOME DO PRODUTO LIMPA VIDROS NOME DO FABRICANTE ENDEREÇO Rua Dr. Fernão Pom peu de Cam argo, 1704/52 Jardim do Trevo - Cam pinas/sp - CEP: 13040-010 SEÇÃO 2.0 TIPO DE PRODUTO PREPARADO

Leia mais

Limpeza e Manutenção de Revestimentos Cerâmicos

Limpeza e Manutenção de Revestimentos Cerâmicos Manual Técnico Limpeza e Manutenção de Revestimentos Cerâmicos Manual Técnico Limpeza e Manutenção revisão julho/2015 1 Limpeza e Manutenção de Revestimentos Cerâmicos Revisão: Julho/2015 Este manual tem

Leia mais

Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos FISPQ NBR 14725

Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos FISPQ NBR 14725 Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos FISPQ NBR 14725 PRODUTO ELABORADO REVISADO DEEP WASH DETERGENTE, DESENGORDURANTE E DESINCRUSTANTE 03/01/2012 03/09/2012 1. Identificação do produto

Leia mais

Ficha de informação de segurança de produto químico (FISPQ) DESINFETANTE NÁUTICO MALTEX

Ficha de informação de segurança de produto químico (FISPQ) DESINFETANTE NÁUTICO MALTEX 1.IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DO DISTRIBUIDOR Nome do produto: desinfetante náutico maltex. Aplicação: para um ambiente livre de germes e bactérias, utilize o desinfetante maltex na limpeza de louças sanitárias,

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Aparador de Pelos Perfect Groom GRM100

MANUAL DO USUÁRIO. Aparador de Pelos Perfect Groom GRM100 MANUAL DO USUÁRIO Aparador de Pelos Perfect Groom GRM100 Obrigado por adquirir o Aparador de pelos, modelo GRM100, um produto de qualidade, seguro, eficiente e desenvolvido com a mais alta tecnologia.

Leia mais

MODELO DE INSTRUÇÕES DE USO INSTRUMENTAL NÃO ARTICULADO NÃO CORTANTE NÃO ESTÉRIL DESCARTÁVEL

MODELO DE INSTRUÇÕES DE USO INSTRUMENTAL NÃO ARTICULADO NÃO CORTANTE NÃO ESTÉRIL DESCARTÁVEL MODELO DE INSTRUÇÕES DE USO INSTRUMENTAL NÃO ARTICULADO NÃO CORTANTE NÃO ESTÉRIL DESCARTÁVEL (As informações aqui apresentadas são de caráter declaratório, podendo o texto final, ter formatação diferente)

Leia mais

Manual de Instruções. Lavadora Ultra-sônica. Aquecida

Manual de Instruções. Lavadora Ultra-sônica. Aquecida Lavadora Ultra-sônica Aquecida Manual de Instruções SANDERS DO BRASIL LTDA. Rua Adelino Carneiro Pinto, 56 - Centro Santa Rita do Sapucaí - MG CEP: 37540-000 www.sandersdobrasil.com.br / sanders@sandersdobrasil.com.br

Leia mais

CONSERVAÇÃO DE MOEDAS

CONSERVAÇÃO DE MOEDAS CONSERVAÇÃO DE MOEDAS A presente apostila é parte integrante do treinamento e-learning sobre como reconhecer cédulas e moedas legítimas do Real. Brasília, maio de 2005 Copyright Banco Central do Brasil

Leia mais

2 MODELOS DA LÂMINA SAGITTAL PLUS 2.1 LSP20 2.1 LSP30 2.1 LSP25 2.1 LSP35 1 FINALIDADE

2 MODELOS DA LÂMINA SAGITTAL PLUS 2.1 LSP20 2.1 LSP30 2.1 LSP25 2.1 LSP35 1 FINALIDADE LÂMINA SAGITTAL PLUS 8 8 8 8 1 FINALIDADE 2 MODELOS DA LÂMINA SAGITTAL PLUS A Lâmina Sagittal Plus é uma ferramenta que em conjunto com a Serra Sagittal Plus¹ é destinada às seguintes aplicações: Osteotomia

Leia mais

ESTA FISPQ FOI PREPARADA PELO FABRICANTE. AS INFORMAÇÕES AQUI CONTIDAS SÃO NECESSÁRIAS PARA UTILIZAÇÃO SEGURA DO MATERIAL NO LOCAL DE TRABALHO.

ESTA FISPQ FOI PREPARADA PELO FABRICANTE. AS INFORMAÇÕES AQUI CONTIDAS SÃO NECESSÁRIAS PARA UTILIZAÇÃO SEGURA DO MATERIAL NO LOCAL DE TRABALHO. ESTA FISPQ FOI PREPARADA PELO FABRICANTE. AS INFORMAÇÕES AQUI CONTIDAS SÃO NECESSÁRIAS PARA UTILIZAÇÃO SEGURA DO MATERIAL NO LOCAL DE TRABALHO. 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA NOME DO PRODUTO...

Leia mais

Octoato de Cobalto 6% Página 1 de 5 Ultima Revisão: 26/08/2008

Octoato de Cobalto 6% Página 1 de 5 Ultima Revisão: 26/08/2008 Octoato de Cobalto 6% Página 1 de 5 1. Identificação do Produto e da Empresa Nome do produto : Octoato de Cobalto 6% Empresa : Metalloys & Chemicals Coml Ltda. Rua Santa Mônica, 600 Parque Industrial San

Leia mais

Princípios e métodos de esterilização

Princípios e métodos de esterilização Princípios e métodos de esterilização FUNDAMENTOS DE ESTERILIZAÇÃO Bactérias (forma vegetativa ou esporulada) São os menores organismos vivos; Existem em maior número; São as maiores responsáveis pelos

Leia mais

Soniclean. Manual de Instruções. Lavadora Ultra-sônica. Aquecida

Soniclean. Manual de Instruções. Lavadora Ultra-sônica. Aquecida Lavadora Ultra-sônica Soniclean 6 Aquecida Manual de Instruções SANDERS DO BRASIL LTDA. Rua Adelino Carneiro, 56-1º Andar - Centro Santa Rita do Sapucaí - MG CEP: 37540-000 www.sandersdobrasil.com.br /

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS Página: 1/5 1- Identificação do produto e da empresa - Nome do produto: SULFATO DE ALUMÍNIO E POTÁSSIO - Código interno de identificação do produto: S1049 - Nome da empresa: Labsynth Produtos para Laboratórios

Leia mais

Células de Carga CSBeck

Células de Carga CSBeck Células de Carga CSBeck Manual do Usuário Conheça seu equipamento em detalhes e saiba como aproveitar todo seu potencial no manejo. Leia atentamente este Manual antes de utilizar o produto e antes de acionar

Leia mais

Um pouco de história...

Um pouco de história... Termo de garantia Um pouco de história... Desde 1991 a marca Valox vem se fortalecendo no mercado. Com alma familiar, enfrentou crises e obstáculos e hoje comemora o reconhecimento do mercado. E é Orgulho

Leia mais

INSTRUÇÃO DE USO TROCART MALLÉABLE Registro ANVISA n 80083650045 - Revisão 00

INSTRUÇÃO DE USO TROCART MALLÉABLE Registro ANVISA n 80083650045 - Revisão 00 Luiz Guilherme Sartori & Cia Ltda. EPP CNPJ: 04.861.623/0001-00 Estr. Municipal RCL-010 nº. 13500, Km 9 Ajapi - Rio Claro/SP - Resp. Téc.: Charles Eduardo Ceccato CREA/SP: 5062635520 Visando a praticidade

Leia mais

ADEPOXI 2012 FLOOR FINISH

ADEPOXI 2012 FLOOR FINISH DESCRIÇÃO DO PRODUTO ADEPOXI 2012 FLOOR FINISH é uma nova geração de tinta epóxi modificada de acabamento para piso de alta espessura com alta resistência química e baixo teor de compostos orgânicos voláteis

Leia mais

BOMBA-FILTRO MANUAL DO UTILIZADOR

BOMBA-FILTRO MANUAL DO UTILIZADOR ESPECIALISTA EM INSUFLÁVEIS BOMBA-FILTRO MANUAL DO UTILIZADOR Para os modelos: 110 220v Leia atentamente e guarde para referência futura! 1 INSTRUÇÕES Agradecemos-lhe a compra da nossa bomba-filtro. Pensamos

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO MÁQUINA DE LAVAR LOUÇA LAVA RÁPIDO

MANUAL DE OPERAÇÃO MÁQUINA DE LAVAR LOUÇA LAVA RÁPIDO MANUAL DE OPERAÇÃO MÁQUINA DE LAVAR LOUÇA LAVA RÁPIDO 1 1. AVISOS Leia este manual cuidadosamente antes de instalar e operar o equipamento. A operação da máquina deve estar de acordo com as instruções

Leia mais

Forma de Apresentação O Kit Instrumental para Fixadores Externos Modulares é constituído dos seguintes componentes:

Forma de Apresentação O Kit Instrumental para Fixadores Externos Modulares é constituído dos seguintes componentes: Instruções de Uso Kit Instrumental para Fixadores Externos Modulares ORTHOFIX para Colocação e Ajuste dos Fixadores Externos Modulares Finalidade O Kit Instrumental para Fixadores Externos Modulares tem

Leia mais

FISPQ A - 016 Em conformidade com a NBR 14725:2005 2 ed.

FISPQ A - 016 Em conformidade com a NBR 14725:2005 2 ed. 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: Aplicação: Limpa Contatos Limpeza de contatos elétricos Fornecedor: Sprayon Química Industrial Ltda - ME - Indústria Brasileira Endereço: Rua Chile

Leia mais

Controle de Qualidade R-CQ 06 Rev. 05 Registro Nº 012/15 Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico TERMIFIN MULTI-INSETOS

Controle de Qualidade R-CQ 06 Rev. 05 Registro Nº 012/15 Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico TERMIFIN MULTI-INSETOS Página 1 de 5 1. IDENTIFICAÇÃO Nome do Produto: TERMIFIN MULTI-INSETOS Nome da Empresa: DEXTER LATINA IND. E C O M. P R O D U T O S QUÍMICOS LTDA Endereço: Rua Leozir Ferreira dos Santos, 428 Campo Largo

Leia mais

SÉRIE 46 DA GETINGE TERMODESINFECTORAS. Always with you

SÉRIE 46 DA GETINGE TERMODESINFECTORAS. Always with you SÉRIE 46 DA GETINGE TERMODESINFECTORAS Always with you Quantos materiais reutilizáveis você necessita processar? Quais tipos? A Termodesinfectora série 46 da Getinge inclui acessórios que se adaptam de

Leia mais

Índice. Características

Índice. Características Índice 1 2 4 5 12 14 Características 1 Cuidados para manuseio e operação Leia estes cuidados atentamente e use somente conforme destinado ou instruído. Instruções de segurança têm como objetivo evitar

Leia mais

HIGIENIZAÇÃO DO AMBIENTE, PROCESSAMENTO E PREPARO DE SUPERFÍCIE DOS EQUIPAMENTOS E CONSULTÓRIO ODONTOLÓGICO

HIGIENIZAÇÃO DO AMBIENTE, PROCESSAMENTO E PREPARO DE SUPERFÍCIE DOS EQUIPAMENTOS E CONSULTÓRIO ODONTOLÓGICO HIGIENIZAÇÃO DO AMBIENTE, PROCESSAMENTO E PREPARO DE SUPERFÍCIE DOS EQUIPAMENTOS E CONSULTÓRIO ODONTOLÓGICO ANA LUÍZA 21289 LUCAS - 23122 ARTTENALPY 21500 MARCELINA - 25723 CLECIANE - 25456 NAYARA - 21402

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES LINHA TOPÁZIO FOGÕES ELÉTRICOS DE MESA E EMBUTIR

MANUAL DE INSTRUÇÕES LINHA TOPÁZIO FOGÕES ELÉTRICOS DE MESA E EMBUTIR MANUAL DE INSTRUÇÕES LINHA TOPÁZIO FOGÕES ELÉTRICOS DE MESA E EMBUTIR ÍNDICE PARABÉNS! Você acaba de adquirir um dos mais eficientes produtos com tecnologia e eficiência de quem fabrica fornos e fogões

Leia mais

CUIDADOS BÁSICOS COM PEAGÔMETROS

CUIDADOS BÁSICOS COM PEAGÔMETROS RECOMENDAÇÃO TÉCNICA ISSN 1413-9553 novembro, 1997 Número 6/97 CUIDADOS BÁSICOS COM PEAGÔMETROS André Luiz Bugnolli Paulo Renato Orlandi Lasso Ladislau Marcelino Rabello Empresa Brasileira de Pesquisa

Leia mais

bambozzi Manual de Instruções NM 250 TURBO +55 (16) 3383 S.A.B. (Serviço de Atendimento Bambozzi) 0800 773.3818 sab@bambozzi.com.

bambozzi Manual de Instruções NM 250 TURBO +55 (16) 3383 S.A.B. (Serviço de Atendimento Bambozzi) 0800 773.3818 sab@bambozzi.com. bambozzi A SSISTÊNCIAS T ÊCNICAS AUTORIZADAS acesse: www.bambozzi.com.br/assistencias.html ou ligue: +55 (16) 3383 3818 Manual de Instruções BAMBOZZI SOLDAS LTDA. Rua Bambozzi, 522 Centro CEP 15990-668

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS Página: 1/5 1- Identificação do produto e da empresa - Nome do produto: SACAROSE - Código interno de identificação do produto: S1002 - Nome da empresa: Labsynth Produtos para Laboratórios Ltda - Endereço:

Leia mais

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico Nome do produto: Cloreto de Zinco

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico Nome do produto: Cloreto de Zinco 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E EMPRESA Nome comercial: Cloreto de Zinco Código interno de identificação do produto: A023 Nome da Empresa: Endereço: Estrada Municipal Engenheiro Abílio Gondin Pereira, 72

Leia mais

PH60 Rádio AM/FM ESTÉREO. Manual de Instruções

PH60 Rádio AM/FM ESTÉREO. Manual de Instruções PH60 Rádio AM/FM ESTÉREO Manual de Instruções Parabéns pela escolha de um produto Philco. Para garantir o melhor desempenho do produto, ler atentamente as recomendações a seguir. Este Manual de Instruções

Leia mais

Manual Instruções. lavadora de pressão Constru Decor. Fig.1. Fig.2. Fig.3. Aviso: Ler as instruções antes de usar a máquina.

Manual Instruções. lavadora de pressão Constru Decor. Fig.1. Fig.2. Fig.3. Aviso: Ler as instruções antes de usar a máquina. Manual Instruções lavadora de pressão Constru Decor Fig.1 Fig.2 Fig.3 Aviso: Ler as instruções antes de usar a máquina. Fabricado na RPC Importado por: Fresnomaq Indústria de Máquinas S/A Fig.4 Fig.5 Fig.6

Leia mais

SULFATO DE ALUMÍNIO ISENTO S20

SULFATO DE ALUMÍNIO ISENTO S20 Produto: SULFATO DE ALUMÍNIO ISENTO S20 Última Revisão: 26/11/2014 Pág.: 1 de 6 01 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: Principais usos recomendados para a substância ou mistura Nome

Leia mais

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA 1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA É muito importante que você leia atentamente todas as instruções contidas neste manual antes de utilizar o produto, pois elas garantirão sua segurança. Condições de

Leia mais

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico Conforme NBR14725, de julho/2001 e 91/155 EC

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico Conforme NBR14725, de julho/2001 e 91/155 EC Pág.1/4 1 Identificação do produto e da empresa Produto Fabricante JohnsonDiversey Brasil Ltda. Rua Nossa Senhora do Socorro, 125 Socorro São Paulo SP CEP 04764-020 Tel. 0XX11 5681-1300 / Fax 0XX11 5523-1923

Leia mais

Centro de material e esterilização e a RDC ANVISA nº15 Análise e pontos críticos. Rafael Queiroz de Souza

Centro de material e esterilização e a RDC ANVISA nº15 Análise e pontos críticos. Rafael Queiroz de Souza Centro de material e esterilização e a RDC ANVISA nº15 Análise e pontos críticos Rafael Queiroz de Souza São Paulo 2014 Aspectos críticos Críticos no bom sentido... Gestão de ambientes Gestão de pessoas

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ Nº: 059 Data da última revisão: 04/05/2013 Nome do Produto: Betugrout Super 1) IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: Betugrout Super Código do Produto:026050100. Nome da Empresa:Betumat

Leia mais

Ficha de informação de segurança de produto químico (FISPQ) LIMPEZA PESADA

Ficha de informação de segurança de produto químico (FISPQ) LIMPEZA PESADA 01/05 1. DENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto:. Aplicação: Limpa e desengordura superfícies laváveis, como fogões, coifas, azulejos, pisos, e similares. Diluição até 1:20 Telefone de emergência:

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS Página: 1/5 1- Identificação do produto e da empresa - Nome do produto: ETILENOGLICOL - Código interno de identificação do produto: E1020 - Nome da empresa: Labsynth Produtos para Laboratórios Ltda - Endereço:

Leia mais

FISPQ - FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS

FISPQ - FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FISPQ - FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: TRIS PLUS CONCENTRADO Detergente Neutro. Fabricante: Quimiline Ind. e Com. Eireli.

Leia mais

Cozinhas Profissionais. e Execução de. Projetos. Manutenção e Limpeza

Cozinhas Profissionais. e Execução de. Projetos. Manutenção e Limpeza Manutenção e Limpeza Cozinhas Profissionais e Execução de Projetos Manutenção e Limpeza do Aço inox Bonito e resistente, o aço inox é um material de fácil conservação. Através da limpeza adequada e rotineira

Leia mais

Compatibilidade SAFE 329 é compatível com quaisquer tipos de anti-congelantes.

Compatibilidade SAFE 329 é compatível com quaisquer tipos de anti-congelantes. JohnsonDiversey SAFE 329 Inibidor de corrosão para sistemas fechados de água gelada e água quente. Anti-corrosivo Possui alto poder anti-corrosivo através da reação do nitrito de sódio com o ferro do sistema

Leia mais

Respire fundo. E drible a Fibrose Cística.

Respire fundo. E drible a Fibrose Cística. MANUAL DO NEBULIZADOR Respire fundo. E drible a Fibrose Cística. Veja como utilizar e cuidar corretamente do seu Compressor e Nebulizador. Eu sou o compressor. Eu sou o Nebulizador, sou o grande goleador.

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Iogurteira Naturalle IOG100

MANUAL DO USUÁRIO. Iogurteira Naturalle IOG100 MANUAL DO USUÁRIO Iogurteira Naturalle IOG100 Obrigado por adquirir a Iogurteira Naturalle, modelo IOG100, um produto de qualidade, seguro, eficiente e desenvolvido com a mais alta tecnologia. É muito

Leia mais

MANUAL DO UTILIZADOR. www.praxair-crd.pt. Sistema de Nebulização Pneumático Eletrónico eflow rapid 24 HORAS

MANUAL DO UTILIZADOR. www.praxair-crd.pt. Sistema de Nebulização Pneumático Eletrónico eflow rapid 24 HORAS MANUAL DO UTILIZADOR www.praxair-crd.pt Sistema de Nebulização Pneumático Eletrónico eflow rapid 24 HORAS 800 201 519 Sistema de Nebulização Pneumático Eletrónico eflow rapid 3 Sistema de Nebulização

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES. MODELO: NL4000A - 127v MODELO: NL4000B - 220v

MANUAL DE INSTRUÇÕES. MODELO: NL4000A - 127v MODELO: NL4000B - 220v MANUAL DE INSTRUÇÕES MODELO: NL4000A - 127v MODELO: NL4000B - 220v Leia atentamente este Manual, antes de usar seu MASSAGEADOR. Guarde-o em local seguro, para futuras consultas. WWW.G-LIFE.COM.BR SAC:

Leia mais

Instruções de utilização For SONICflex tips scaler REF 1.000.4983, scaler A - REF 1.005.9328. Sempre do lado seguro.

Instruções de utilização For SONICflex tips scaler REF 1.000.4983, scaler A - REF 1.005.9328. Sempre do lado seguro. Instruções de utilização For SONICflex tips scaler REF 1.000.4983, scaler A - REF 1.005.9328 Sempre do lado seguro. Distribuição: KaVo Dental GmbH Bismarckring 39 D-88400 Biberach Tel.: +49 7351 56-0 Fax

Leia mais