I INTRODUÇÃO II HISTÓRICO II MENUS DO SISTEMA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "I INTRODUÇÃO II HISTÓRICO II MENUS DO SISTEMA"

Transcrição

1 I INTRODUÇÃO O presente busca apresentar um guia referencial de passo a passo para a utilização do sistema de Odonto Legal, de forma simples, didática e auto-explicativa. O objetivo do guia é ilustrar a utilização do sistema, por meio de telas digitalizadas, o acesso e as principais funcionalidades do sistema. II HISTÓRICO O presente sistema foi desenvolvido no ano e elaborado a quatro mãos, Dr. Rodrigo Camargo Couto e Dr. Oswaldo Serrano Ortiz Junior, Perito Criminal e Delegado de Polícia, respectivamente, portando século passado e apesar das atualizações tecnológicas, o sistema continua funcionando a contento. II MENUS DO SISTEMA O Menu Principal apresenta ao usuário as seguintes opções: a. Inserir Dados p/ laudo b. Alterar Dados c. Cadastrar Peritos d. Baixar Laudo e. Menu de Consultas f. Estatísticas g. Menu de Relatórios h. Excluir Registros Duplicados a. INSERIR DADOS P/ LAUDO O usuário ao selecionar esta opção, o sistema abrirá uma janela para cadastrar informações. Inicialmente o usuário receberá um aviso, informando-lhe que o Elaborado por Serrano tel: (31) Página 1 de 38

2 número do desconhecido é formado por quatro dígitos numérico. O ano é formado por dois dígitos. Devendo inserir zeros antes do número para completar os quatro algarismos e em seguida digitar o ano. No cabeçalho do formulário existem cinco botões: IMPRIMIR; VOLTAR REGISTRO; NOVO REGISTRO; PRÓXIMO REGISTRO e SAIR do formulário, voltando para o menu principal. Nesta janela são apresentadas as seguintes guias: Registro; Inf. da Guia; Asp. Gerais; Odonto Legal; 1º Quad; 2º Quad; 3º Quad; 4º Quad e Ocorrências. 1º) Na guia REGISTRO, temos os seguintes campos: DESCONHECIDO Nº. Este campo é preenchido pelo usuário, pois este número é dado ao desconhecido quando o mesmo aporta no IML; Nº REG. NO IML: Este campo é preenchido pelo usuário, pois este número é dado ao desconhecido quando o mesmo aporta no IML; DATA REG. IML: Este campo é preenchido pelo usuário com a data em que foi registrado o desconhecido no IML; DATA EXAME: Este campo é preenchido pelo usuário com a data do exame; HORA EXAME: Este campo é preenchido pelo usuário com à hora e minutos do exame; Nº REG SETOR ODONTO: Este campo é preenchido pelo usuário com o número atribuído aquele desconhecido pelo setor de odonto Obs.: Na barra de status, existem orientações ao usuário, como e o que preencher referente a cada campo. 2º) Na guia INF. DA GUIA, temos os seguintes campos: SEXO: O usuário deverá selecionar uma das opções: Masculino, Feminino e Prejudicado. A opção de Prejudicado deverá ser usada em casos em que não é possível de imediato distinguir o sexo; Nº GUIA/ OFÍCIO: Este campo é preenchido pelo usuário com o número constante na guia encaminhada ao IML pela Autoridade ou o número do ofício; IDADE NA GUIA: Este campo é preenchido pelo usuário com a idade que estiver constando na guia encaminhada pela Autoridade Policial ao IML; Procedência: Este campo é preenchido pelo usuário com o local, Rua, Bairro, nº ou Hospital, etc. (local onde o corpo foi recolhido) HISTÓRICO: Este campo é preenchido pelo usuário com o tipo da morte que consta na guia encaminhada pela autoridade Policial. 3º) Na guia ASP. GERAIS, temos os seguintes campos: IDADE ESTIMADA: Este campo é preenchido pelo usuário com a idade estimada pelo perito TIPO DE MORTE: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Homicídio c/ projétil de arma de fogo; Homicídio com arma branca; Suicídio; Acidente de Trânsito; Queimadura; Soterramento; Afogamento; Esganadura; Sufocação; Enforcamento; Estrangulamento; Confinamento; Inalação de gases tóxicos; Asfixia por monóxido de carbono; Elaborado por Serrano tel: (31) Página 2 de 38

3 Acidente ferroviário (espostejamento); Acidente aeroviário; Envenenamento; Queda de altura; Morte suspeita (a esclarecer); Esgorjamento; Degolamento; Decapitação; Esquartejamento; Outros não especificados; Verificação de Óbito ASPECTO: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: CONSERVADO; POLITRAUMATIZADO; CARBONIZADO; EM PUTREFAÇÃO GASOSA; PARCIALMENTE ESQUELETIZADO; TOTALMENTE ESQUELETIZADO; MUMIFICADO; DECAPITADO; OUTROS NÃO ESPECIFICADOS HIGIENE ORAL: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Satisfatória; Satisfatória c/ pigmentação intrínseca; Insatisfatória; Insatisfatória c/ pigmentação intrínseca; Insatisfatória c/ presença de cálculos; Insatisfatória c/ presença de pigmentos; Sem elementos para análise 4º) Na guia ODONTO LEGAL, temos os seguintes campos: OCLUSÃO: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: CLASSE I DE ANGLE; CLASSE II DE ANGLE; CLASSE III DE ANGLE; NORMAL; S/ ELEMENTOS P/ CLASSIFICAÇÃO TRATAMENTO ODONTOLÓGICO: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: PRESENTE; AUSENTE; PREJUDICADO PIGMENTO DE FUMO: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: PRESENTE; AUSENTE; PREJUDICADO PRÓTESE; Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: TOTAL REMOVÍVEL SUPERIOR; TOTAL REMOVÍVEL INFERIOR; AMBAS TOTAIS REMOVÍVEIS; Elaborado por Serrano tel: (31) Página 3 de 38

4 PARCIAL REMOVÍVEL SUPERIOR; PARCIAL REMOVÍVEL INFERIOR; PARCIAL REMOVÍVEL SUP. TEMPORARIA; PARCIAL REMOVÍVEL INF. TEMPORARIA; AMBAS PARCIAIS REMOVÍVEIS; AUSENTE; NÃO HÁ VARIÁVEIS: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Apinhamento; Manchas Exógenas; Manchas Endógenas; Dentes Supranumerários; Tórus; Diastema; Fluorose; Ap. Ortodôntico Móvel; Amarria ou Splint; Giroversão; Dentes Ausentes Totalmente; Dentes Ausentes Totalmente Superiores; Dentes Ausentes Totalmente Inferiores; NÃO HÁ; Nada Digno de Nota HEMIARCO: Neste campo o usuário digitará a informação referente ao hemiarco; OUTRAS CONSIDERAÇÕES: Neste campo o usuário digitará se necessário ocorrências e outras variáveis se houver; 5º) Na guia 1º QUAD. temos os seguintes campos: 1.8: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções:. Elaborado por Serrano tel: (31) Página 4 de 38

5 1.7: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: 1.6: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 5 de 38

6 1.5 (5.5): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: 1.4 (5.4): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 6 de 38

7 1.3 (5.3): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: D,L,M,O,P,V; referentes as denominações Distal, lingual, Mesial, Oclusal, Palatal e vestibular. 1.2 (5.2): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 7 de 38

8 1.1 (5.1): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: D,L,M,O,P,V; referentes as denominações Distal, lingual, Mesial, Oclusal, Palatal e vestibular. 6º) Na guia 2º QUAD, temos os seguintes campos: 2.1 (6.1): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 8 de 38

9 2.2 (6.2): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: D,L,M,O,P,V; referentes as denominações Distal, lingual, Mesial, Oclusal, Palatal e vestibular. 2.3 (6.3): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 9 de 38

10 2.4 (6.4): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 10 de 38

11 2.5 (6.5): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: 2.6: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 11 de 38

12 2.7: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: D,L,M,O,P,V; referentes as denominações Distal, lingual, Mesial, Oclusal, Palatal e vestibular. 2.8: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 12 de 38

13 D,L,M,O,P,V; referentes as denominações Distal, lingual, Mesial, Oclusal, Palatal e vestibular. 7º) Na guia 3º QUAD, temos os seguintes campos: 3.8: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: D,L,M,O,P,V; referentes as denominações Distal, lingual, Mesial, Oclusal, Palatal e vestibular. 3.7: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 13 de 38

14 3.6: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: 3.5 (7.5): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 14 de 38

15 3.4 (7.4): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: 3.3 (7.3): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 15 de 38

16 3.2 (7.2): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 16 de 38

17 3.1 (7.1): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: 8º) Na guia 4º QUAD, temos os seguintes campos: 4.1 (8.1): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 17 de 38

18 4.2 (8.2): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: 4.3 (8.3): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 18 de 38

19 4.4 (8.4): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: 4.5 (8.5): Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 19 de 38

20 4.6; Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: 4.7: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 20 de 38

21 4.8: Neste campo o usuário selecionará uma das seguintes opções: 9º) Na guia OCORRÊNCIAS, temos os seguintes campos: Nº E DESCRIÇÃO PADRONIZADA DA OCORRÊNCIA DO DENTE OU ANEXOS IGUAL AO ODONTOGRAMA: Neste campo o usuário digitará as observações necessárias referente à descrição padronizada de ocorrência do dente. Elaborado por Serrano tel: (31) Página 21 de 38

22 NOME DO PERITO: neste campo o usuário selecionará o seu NOME MASP: neste campo o usuário selecionará o seu MASP CRO-MG: neste campo o usuário selecionará o seu CRO Após a seleção no campo CRO, aparecerá u ma mensagem ao usuário orientando-o que para um novo registro deverá de clicar no botão NOVO REGISTRO. O usuário após inserir os dados, poderá clicar no ícone impressora, onde o sistema mandará imprimir em duas o laudo. O usuário ainda poderá navegar pelos registros, podendo ir ao registro anterior e posterior, utilizando-se dos botões de setas direita e esquerda, existentes no cabeçalho do formulário. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu Principal. No Menu Principal, o usuário ao escolher a segunda opção, isto é, ALTERAR DADOS, o sistema apresentará uma MENSAGEM INFORMANDO AO USUÁRIO PARA... Digite só o nº do Reg. No IML. Após a digitação do número do registro no IML e clicar no botão OK, o usuário receberá outra mensagem: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 22 de 38

23 Após clicar no botão OK, aparecerá o registro solicitado, para se proceder as alterações. No Menu Principal, o usuário ao escolher a terceira opção, isto é, CADASTRAR PERITOS, o sistema apresentará uma MENSAGEM informando ao usuário para cadastrar o nome do perito em letras maiúsculas. Elaborado por Serrano tel: (31) Página 23 de 38

24 Após clicar no botão OK, o cursor já se encontra no campo para ser digitado o nome completo do perito, passando em seguida para o campo do número do MASP (matrícula do Servido Público) e por último o campo CRO, para o usuário inserir o número do Cons. Reg. de Odontologia de Minas Gerais. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu Principal. No Menu Principal, o usuário ao escolher a QUARTA opção, isto é, BAIXAR LAUDO, o sistema apresentará uma MENSAGEM informando ao usuário para digitar o nº e ano do desconhecido. Após a digitação dos números referente ao desconhecido, o sistema abrirá outra janela, onde mostrará um mensagem de informações ao usuário. Elaborado por Serrano tel: (31) Página 24 de 38

25 A finalidade da baixa, é para que seja retirado aquele laudo, onde o mesmo deixou de pertencer ao unierso dos desconhecidos. Após o usuário clicar no botão OK, o sistema apresentará um formulário com três guias: Registro, Inf. da Guia e Qualificação Desc. A guia REGISTRO, contém as informações já cadastradas anteriormente e não existe a possiblidade de ser alterada. A guia INF. DA GUIA contém as informações já cadastradas anteriormente e não existe a possiblidade de ser alterada. Elaborado por Serrano tel: (31) Página 25 de 38

26 A guia QUALIFICAÇÃO DESC contém os seguintes campos: NOME DESC: O usuário digitará o nome completo do desconhecido PAI: O usuário digitará o nome do pai do desconhecido e não sendo possível, deverá primir a tecla ENTER para pular o campo. MÃE: O usuário digitará o nome da mãe do desconhecido e não sendo possível, deverá primir a tecla ENTER para pular o campo. DT NASC: O usuário digitará somente os números para a data, o sistema contém máscara de entrada para a data. IDADE DESC: O usuário digitará sometne os números para a idade do desconhecido. DT BAIXA: O usuário digitará somente os números para a data, o sistema contém máscara de entrada para a data. BAIXA POR: O usuário deverá de clicar no botão de seta a direita e selecionar o seu nome. O usuário se desejar dar outra baixa, bastará clicar no botão Outra Baixa, o qual encontra-se no cabeçalho do formulário. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu Principal. No Menu Principal, o usuário ao escolher a QUINTA opção, isto é, MENU DE CONSULTAS, o sistema apresentará uma janela para as seguintes opções de consultas: Número do desconhecido; Número de Reg. no IML; Por Variável; Por qq. Nome do Desc; Data do Reg. no IML; Especializada; Número de Reg. no Setor; Cons. Pelo 1º nome do Desc Elaborado por Serrano tel: (31) Página 26 de 38

27 A primeira opção do Menu de Consultas é localizar o laudo pelo número do desconhecido. Ao selecionar esta opção o sistema apresentará uma mensagem para ser inserido o número e o ano, sem que estejam separados por barra: Após a inserção dos números o sistema apresentará todas as guias preenchidas, porém o usuário não poderá alterar qualquer informação. O usuário poderá ainda fazer outra consulta sem ter que sair do formulário aberto, para tanto bastará clicar no botão Nova Consulta, onde será apresentada a mensagem para ser inserido o número e ano do desconhecido. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu de Consultas. A segunda opção do Menu de Consultas é localizar o laudo pelo Número de Reg. no IML. Ao selecionar esta opção o sistema apresentará uma mensagem para ser inserido o número de registro no IML: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 27 de 38

28 Após a inserção dos números o sistema apresentará todas as guias preenchidas, porém o usuário não poderá alterar qualquer informação. O usuário poderá ainda no mesmo formulário fazer outra consulta, para tanto bastará clicar no botão Nova Consulta, onde será apresentada a mensagem para ser o digitado o número de registro no IML. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu de Consultas. A terceira opção do Menu de Consultas é localizar o laudo por Variável; ao selecionar esta opção o sistema apresentará uma caixa de mensagem para ser inserido o sexo: masculino, feminino e prejudicado e na segunda caixa de mensagem o nome de uma variável que pode ser completa ou parcial. Ex.: giro ou giroversão, Diastema ou Dias Após a inserção do nome da variável o sistema apresentará todas as guias preenchidas, porém o usuário não poderá alterar qualquer informação. O usuário poderá ainda no mesmo formulário fazer outra consulta, para tanto bastará clicar no botão Nova Consulta, onde será apresentada novamente as mensagens para ser digitado o sexo e o nome de uma variável. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu de Consultas. A quarta opção do Menu de Consultas é localizar o laudo por qualquer nome ou parte do nome do identificado; ao selecionar esta opção o sistema apresentará uma mensagem para ser inserida total ou parcialmente o nome. Ex.: Maria ou Mar. O sistema trará os laudos de todos aqueles que foram identificados e que tenha em qualquer parte do seu nome mar. Após a inserção do nome ou parte de um nome, o sistema apresentará todas as guias preenchidas, porém o usuário não poderá alterar qualquer informação. Elaborado por Serrano tel: (31) Página 28 de 38

29 O usuário poderá ainda no mesmo formulário fazer outra consulta, para tanto bastará clicar no botão Nova Consulta, onde será apresentada novamente a mensagem para ser digitado o nome ou parte do nome de um reconhecido. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu de Consultas. A quinta opção do Menu de Consultas é localizar o laudo através da data de registro no IML. Ao selecionar esta opção o sistema apresentará mensagens para serem inseridas as datas inicial presumida e data final, para buscar num intervalo de tempo os laudos registrados. Após a inserção das datas inicial e final, o sistema apresentará uma caixa de mensagem para ser inserido o sexo: masculino, feminino e prejudicado Após a inserção das datas (inicial e final) e sexo; o sistema apresentará todos os registros daquele período e sexo, podendo o usuário navegar através dos botões de avançar e voltar de registros existentes no cabeçalho. Porém o usuário não poderá alterar qualquer informação. O usuário poderá ainda no mesmo formulário fazer outra consulta, para tanto bastará clicar no botão Nova Consulta, onde será apresentada novamente as mensagens para ser digitada as datas inicial, final e sexo. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu de Consultas. A sexta opção do Menu de Consultas é localizar o laudo através consultas especializadas. Ao ser selecionada esta opção o sistema apresentará ao usuário outro menu somente para as consultas especializadas: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 29 de 38

30 A consulta especializada permite ao usuário através de algumas informações, localizar com precisão o laudo do desconhecido. O usuário poderá escolher qualquer um dos números referentes aos dentes, isto é, do número 11 até o número 48. Após a escolha de um número referente a um dente, o sistema abrirá uma caixa de mensagem solicitando ao usuário para digitar o sexo do desconhecido, podendo ser masculino, feminino ou prejudicado; Em seguida o sistema enviará ao usuário duas caixas de mensagens para ser digitada a faixa possível da idade do desconhecido. Sendo a primeira caixa de mensagem usada para a menor idade Elaborado por Serrano tel: (31) Página 30 de 38

31 Logo após o sistema apresenta a segunda caixa de mensagem para o usuário digitar a maior idade: Após ser aplicado um filtro referente ao sexo e faixa etária, o sistema apresenta uma terceira caixa de mensagem para o usuário digitar um símbolo do odontograma, por ex.: C= Cariado, Rr= Remanescente Radicular, etc. Após a inserção do símbolo do odontograma, o sistema apresentará todas as guias preenchidas, colocando em vermelho para destacar o símbolo referente aquele dente. O usuário ainda poderá navegar pelos registros quando encontrado mais de um, bastando clicar nos botões de seta direita e esquerda localizados no cabeçalho do formulário. Porém o usuário não poderá alterar qualquer informação. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu de Consulta Especializada. Elaborado por Serrano tel: (31) Página 31 de 38

32 O Usuário além das consultas especializadas por número de dente, poderá utilizar-se da consulta por Ocorrência. Após clicar neste tipo de consulta, o sistema apresentará uma caixa de mensagem, solicitando o sexo do desconhecido Em seguida o sistema enviará ao usuário duas caixas de mensagens para ser digitada a faixa possível da idade do desconhecido. Sendo a primeira caixa de mensagem usada para a menor idade Logo após o sistema apresenta a segunda caixa de mensagem para o usuário digitar a maior idade: Após ser aplicado um filtro referente ao sexo e faixa etária, o sistema apresenta uma terceira caixa de mensagem para o usuário digitar qualquer ocorrência, por exemplo tratamento endodontico, RX, mesial ou distal, etc. Elaborado por Serrano tel: (31) Página 32 de 38

33 Após a inserção de qualquer ocorrência, o sistema apresentará todas as guias preenchidas, colocando em vermelho para destacar a ocorrência. O usuário ainda poderá navegar pelos registros quando encontrado mais de um, bastando clicar nos botões de seta direita e esquerda localizados no cabeçalho do formulário. Porém o usuário não poderá alterar qualquer informação. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu de Consulta Especializada. O usuário poderá escolher outro tipo de consulta para localizar com precisão as fichas contendo as informações de um desconhecido. A opção de selecionar o botão MENU CONS DESCRITIVA POR DENTE = MENU DE CONSULTA DESCRITIVA POR DENTE Ao ser clicado neste botão, o sistema apresentará ao usuário outro menu somente para as consultas descritivas por dente, onde o usuário poderá escolher qualquer um dos números referentes aos dentes, isto é, do número 11 até o número 48. Após a escolha de um número referente a um dente, o sistema apresentará um formulário contendo todo o rol das informações referentes aos campos : Desconhecido nº = Desc nº Número de Registro no IML = Reg. IML Data de Registro no IML = DT Reg IML Número de Registro no setor = Reg. Setor Descrição do Dente= Descrição do Dente Elaborado por Serrano tel: (31) Página 33 de 38

34 O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu de Consulta Descritiva por Dente. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu de Consulta Especializada. O usuário poderá escolher outro tipo de consulta para localizar com precisão as fichas contendo as informações de um desconhecido. A opção de selecionar o botão MENU DE CONSULTA DE OCORRÊNCIAS, o sistema apresentará ao usuário outro FORMULÁRIO onde inicialmente apresenta as seguintes orientações:...ao clicar no botão "Cons. Esp de QQ Ocorrência", encontrará especificamente o laudo que Vossa Senhoria está procurando. Para tanto, Vossa Senhoria deverá ter em mãos, em ordem crescente (11 ao 48), os símbolos das ocorrências odontológicas. Ex.: 11 Ag; 18 Ax; 23 H; 36 Ax; 37 Ax; 48 Pt. Deverá passar por todas as etapas da pesquisa. Àquela que Vossa Senhoria não tiver o símbolo da ocorrência odontológica, deverá dar "ENTER" para passar à próxima pesquisa. Obrigado... O usuário poderá então clicar no botão Cons. Esp de QQ Ocorrência, onde o sistema começará apresentar as seguintes caixas de mensagens: Elaborado por Serrano tel: (31) Página 34 de 38

35 Após o sistema ter apresentado as 32 caixas de mensagem, para ser inserido um símbolo, ou pular algumas caixas, será apresentado a ficha do desconhecido: O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu de Consulta especializada por ocorrência O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu de Consulta Especializada. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu de Consulta. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu Principal. No Menu Principal, o usuário ao escolher a sexta opção, isto é, ESTATÍSTICAS, o sistema apresentará uma MENSAGEM solicitando ao usuário para digitar o sexo do desconhecido, podendo ser masculino, feminino ou prejudicado Elaborado por Serrano tel: (31) Página 35 de 38

36 Após premir o botão OK da caixa de mensagem referente ao sexo, o sistema apresentará mensagens para serem inseridas as datas inicial e final, buscando neste intervalo de tempo o quantitativo de desconhecidos por sexo registrados no IML. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu Principal. No Menu Principal, o usuário ao escolher a sétima opção, isto é, MENU DE RELATÓRIOS, o sistema apresentará um formulário, onde o usuário poderá escolher uma das três opções: Visualizar a impressão do laudo através do número do desconhecido; Visualizar a impressão do laudo através do número do registro no IML; Visualizar a impressão do laudo através do número do registro no setor de Odonto. [Ao lado direito de cada um dos botões acima descrito, existe um botão com a imagem de uma impressora, onde o usuário poderá simplesmente imprimir o laudo, bastando fornecer os números. Esta opção o usuário não visualiza a impressão. Elaborado por Serrano tel: (31) Página 36 de 38

37 O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu Principal. No Menu Principal, o usuário ao escolher a oitava opção, isto é, Excluir Reg Duplicados. A finalidade desta opção no menu principal é permitir ao usuário, caso tenha inserido registro duplicados, poderá excluir um deles. Após selecionar este botão, o sistema apresenta uma caixa de mensagem ao usuário, chamando a atenção, que após ser excluído um registro, não há como retornar com aquele registro. Em seguida o sistema mostra as fichas de cadastro de desconhecido e no cabeçalho é apresentado um botão com a imagem de uma lixeira. Basta estar no registro que se deseja excluir e clicar no botão lixeira. Após clicar no botão da lixeira, o sistema apresentará um mensagem aguardando confirmação do usuário, se ele realmente deseja excluir aquele registro. Após clicar no botão sim, o registro será excluído automaticamente. O usuário ao clicar no botão FECHAR FORMULÁRIO, retorna ao Menu Principal. Elaborado por Serrano tel: (31) Página 37 de 38

38 O usuário ao clicar no botão SAIR, o sistema abre uma caixa de diálogo, onde pede a confirmação do usuário para sair do programa. Elaborado por Serrano tel: (31) Página 38 de 38

Manual do FACGTO - Autorizador Online Odontologia

Manual do FACGTO - Autorizador Online Odontologia Manual do FACGTO - Autorizador Online Odontologia 1 Acessar o endereço: http://facgtounafisco.facilinformatica.com.br 1.2 - Será exibida a página abaixo, selecionar o Tipo de acesso (Clínica (CNPJ) e/ou

Leia mais

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE ❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE a) Checagem de Estoque - Verifique o estoque dos produtos desejados. b) Listar produtos com a quantia de estoque mínimo atingido: ESTOQUE / RELATÓRIO / ALERTA DE COMPRA

Leia mais

Gerenciador de Ambiente Laboratorial - GAL Versão 1.0.7 Manual do Usuário

Gerenciador de Ambiente Laboratorial - GAL Versão 1.0.7 Manual do Usuário Ministério da Saúde Secretaria Executiva Departamento de Informática do SUS DATASUS Gerenciador de Ambiente Laboratorial GAL Versão 1.0.7 Página 1 de 70 Gerenciador de Ambiente Laboratorial - GAL Usuário

Leia mais

Themis Serviços On Line - Publicações

Themis Serviços On Line - Publicações Nome do documento Guia do Usuário Themis Serviços On Line - Publicações Sumário Introdução:... 3 1 - Cadastro dos Usuários do Themis Serviços On Line:... 3 2 - Acesso ao Sistema Themis Serviços On Line:...

Leia mais

MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice

MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice Item MAIS CONTROLE SOFTWARE Controle Financeiro / Fluxo de Caixa (MCS Versão 2.01.99) Índice Página 1.Apresentação... 4 2.Funcionamento Básico... 4 3.Instalando o MCS... 4, 5, 6 4.Utilizando o MCS Identificando

Leia mais

Ordem de Serviços. Abaixo será informado o procedimento passo a passo para emissão da ordem de serviço no CIAF.

Ordem de Serviços. Abaixo será informado o procedimento passo a passo para emissão da ordem de serviço no CIAF. Ordem de Serviços. Abaixo será informado o procedimento passo a passo para emissão da ordem de serviço no CIAF. 1 -Abertura da Ordem de Serviços: 1.1 Entre em Serviços + Ordem de Serviço + Abertura de

Leia mais

1 ACESSO PARA SECRETÁRIA... 4 2 - CONFIGURAR HORÁRIOS DE ATENDIMENTO... 4 2.1 BLOQUEANDO E HABILITANDO HORÁRIOS... 5 3 PRÉ-DEFININDO PARÂMETROS DE

1 ACESSO PARA SECRETÁRIA... 4 2 - CONFIGURAR HORÁRIOS DE ATENDIMENTO... 4 2.1 BLOQUEANDO E HABILITANDO HORÁRIOS... 5 3 PRÉ-DEFININDO PARÂMETROS DE 2 1 ACESSO PARA SECRETÁRIA... 4 2 - CONFIGURAR HORÁRIOS DE ATENDIMENTO... 4 2.1 BLOQUEANDO E HABILITANDO HORÁRIOS... 5 3 PRÉ-DEFININDO PARÂMETROS DE ATENDIMENTO... 6 4 - A TELA AGENDA... 7 4.1 - TIPOS

Leia mais

MANUAL DE USO FACGTO AUTORIZADOR ONLINE DE ODONTOLOGIA

MANUAL DE USO FACGTO AUTORIZADOR ONLINE DE ODONTOLOGIA MANUAL DE USO FACGTO AUTORIZADOR ONLINE DE ODONTOLOGIA 1 Acessar o endereço www.unafiscosaude.org.br, no menu Credenciados>Prestadores odontológicos>se deseja acessar o Sistema Facgto clique aqui. 1.2

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO

PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO Acesse o site www.teubilhete.com.br, selecione a opção Teu Online, e clique no botão, preencha o formulário com os dados de sua empresa. Reúna duas vias impressas do Contrato

Leia mais

Manual de Instalação e Utilização do Sistema Integrado de Secretária (SIS 1.0)

Manual de Instalação e Utilização do Sistema Integrado de Secretária (SIS 1.0) Parte:Manual Atualização: OriginalPágina 1 Manual de Instalação e Utilização do Sistema Integrado de Secretária () Instalação Se houver alguma versão do FireBird Instalada na máquina desinstale antes de

Leia mais

MANUAL DE PREENCHIMENTO DO PORTAL DE ATENDIMENTO AO PRESTADOR

MANUAL DE PREENCHIMENTO DO PORTAL DE ATENDIMENTO AO PRESTADOR MANUAL DE PREENCHIMENTO DO PORTAL DE ATENDIMENTO AO PRESTADOR Este Manual tem por finalidade orientar o preenchimento do Novo Portal de Serviços de Atendimento ao Prestador no atendimento aos beneficiários

Leia mais

1 PASSO Acesse o link: http://www.siapec.emdagro.se.gov.br/siapecest/. Abrirá a tela de login a seguir:

1 PASSO Acesse o link: http://www.siapec.emdagro.se.gov.br/siapecest/. Abrirá a tela de login a seguir: MANUAL DE EMISSÃO DE e-gta PELO PRODUTOR Caro Produtor, para acessar o SIAPEC primeiro é necessário que você tenha o Nº do seu CPF e uma senha cadastrada no sistema. O cadastro é feito pelo órgão de defesa.

Leia mais

Aoentrar na sua cx de email vc terá uma tela como a abaixo :

Aoentrar na sua cx de email vc terá uma tela como a abaixo : MANUAL DA SUA CX DE EMAIL ( ROUNDCUBE ) Aoentrar na sua cx de email vc terá uma tela como a abaixo : 1. No centro da tela temos a lista de mensagens. Nesta lista serão exibidas as mensagens das pastas

Leia mais

Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes do Banco do Nordeste Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB

Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes do Banco do Nordeste Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB Pág. 1 Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB Pág. 2 Instalação o o o o Baixar o Setup v3.5.38.exe disponível no site do BNB Executando o aplicativo aparecerá a imagem abaixo Clique

Leia mais

Manual do usuário Sistema de Ordem de Serviço HMV/OS 5.0

Manual do usuário Sistema de Ordem de Serviço HMV/OS 5.0 Manual do usuário Sistema de Ordem de Serviço HMV/OS 5.0 DESENVOLVEDOR JORGE ALDRUEI FUNARI ALVES 1 Sistema de ordem de serviço HMV Apresentação HMV/OS 4.0 O sistema HMV/OS foi desenvolvido por Comtrate

Leia mais

Cartão Usuário ISSEM

Cartão Usuário ISSEM Cartão Usuário ISSEM Objetivo: O sistema é on-line e oferece ao segurado do Instituto, facilidade e rapidez nos atendimentos junto aos nossos credenciados. Com o uso de um cartão, o segurado pode dirigir-se

Leia mais

Prestação de Contas Eletrônica

Prestação de Contas Eletrônica TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO MANUAL DO USUÁRIO Prestação de Contas Eletrônica TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO 2/17 Sumário 1- ACESSO... 3 2- TELA DE INÍCIO... 4 3- CADASTRAMENTO...

Leia mais

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. SPARK - Comunicador Instantâneo MANUAL DO USUÁRIO

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. SPARK - Comunicador Instantâneo MANUAL DO USUÁRIO SPARK - Comunicador Instantâneo MANUAL DO USUÁRIO SUMARIO 1. Introdução... 3 2. Opções de acesso ao Spark... 3 2.1. Acesso via Comunicador - Spark... 3 2.2. Acesso via SparkWeb... 4 3. Inserindo frase

Leia mais

Astra LX Registro de Pacientes e Médicos Guia para o acesso aos registros de Pacientes e Médicos e eliminação de dados duplicados no AstraLX

Astra LX Registro de Pacientes e Médicos Guia para o acesso aos registros de Pacientes e Médicos e eliminação de dados duplicados no AstraLX Astra LX Registro de Pacientes e Médicos Guia para o acesso aos registros de Pacientes e Médicos e eliminação de dados duplicados no AstraLX 2011 Equipe Documentação Astra AstraLab 27/10/2011 Sumário Registro

Leia mais

MANUAL DA SECRETARIA

MANUAL DA SECRETARIA MANUAL DA SECRETARIA Conteúdo Tela de acesso... 2 Liberação de acesso ao sistema... 3 Funcionários... 3 Secretaria... 5 Tutores... 7 Autores... 8 Configuração dos cursos da Instituição de Ensino... 9 Novo

Leia mais

DIÁRIO DE CLASSE ONLINE

DIÁRIO DE CLASSE ONLINE TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO MANUAL DO USUÁRIO ESAJ WEB DIÁRIO DE CLASSE ONLINE Versão 2.2.0 TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO 2/17 ÍNDICE I COMO ACESSAR O SISTEMA 3 II

Leia mais

Manual do Usuário ipedidos MILI S.A. - D.T.I.

Manual do Usuário ipedidos MILI S.A. - D.T.I. Manual do Usuário ipedidos MILI S.A. - D.T.I. MILI S.A. - D.T.I. Índice 1 ACESSANDO O PORTAL IPEDIDOS... 3 1.1 Login...5 1.2 Tela Principal, Mensagens e Atendimento On-line...6 2 CADASTRAR... 10 2.1 Pedido...10

Leia mais

MANUAL VERSÃO 1.13-abv

MANUAL VERSÃO 1.13-abv 1 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 1. O QUE É O EOL?... 3 2. ACESSANDO O EOL... 3 4. EXAMES ADMISSIONAIS... 4 5. MUDANÇA DE FUNÇÃO... 6 6. EXAMES DEMISSIONAL E RETORNO AO TRABALHO... 8 7. EXAMES PERIÓDICOS... 9

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL DO PROFESSOR

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL DO PROFESSOR MANUAL DO USUÁRIO PORTAL DO PROFESSOR ACESSANDO O PORTAL DO PROFESSOR Para acessar o portal do professor, acesse o endereço que você recebeu através da instituição de ensino ou acesse diretamente o endereço:

Leia mais

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo Programa AMG Manual de Operação Conteúdo 1. Sumário 3 2. Programa

Leia mais

MANUAL OFICINAS HDI - AUDATEX WEB

MANUAL OFICINAS HDI - AUDATEX WEB MANUAL OFICINAS HDI - AUDATEX WEB Audatex Web Oficinas HDI Nível Usuário (Versão 2.8) Gerência de Suporte Técnico Departamento de Treinamento Resp.: Equipe de Treinamento Versão 1.0 Revisão 1 Data 13/5/2008

Leia mais

BENNER WEB MÓDULO ATENDIMENTO

BENNER WEB MÓDULO ATENDIMENTO BENNER WEB MÓDULO ATENDIMENTO 1 Procedimento inicial para acessar o sistema na web No browser digitar: Para Homologação: http://treinamento.assiste.mpu.gov.br/homologacao Para Produção: http://assiste.mpu.gov.br/producao

Leia mais

SAMU Serviço de Atendimento Móvel de Urgência

SAMU Serviço de Atendimento Móvel de Urgência SAMU Serviço de Atendimento Móvel de Urgência Perfil: Rádio Operador Versão: 04.14.00 Sumário 1 ACESSO AO SISTEMA... 3 2 TELA DE PERFIS... 4 3 TELA INICIAL RÁDIO OPERADOR... 5 3.1. Acompanhamento de Despachos

Leia mais

Como fazer a Renovação de Matrícula online no Sistema Acadêmico

Como fazer a Renovação de Matrícula online no Sistema Acadêmico Como fazer a Renovação de Matrícula online no Sistema Acadêmico 1) Acesse o sistema por meio do endereço http://academico.unifal-mg.edu.br. Para navegar com segurança e aproveitar todos os recursos do

Leia mais

Guia Rápido do Usuário

Guia Rápido do Usuário CERTIDÕES UNIFICADAS Guia Rápido do Usuário CERTUNI Versão 1.0.0 CASA DA MOEDA DO BRASIL Conteúdo Acessando o Sistema... 3 Alterando Senhas... 3 Encerrando sua Sessão... 4 Gerando Pedido... 4 Alterando

Leia mais

PASSO A PASSO PARA INSCRIÇÃO DE PROJETOS NO SITE DO IAMAR IMPORTANTE:

PASSO A PASSO PARA INSCRIÇÃO DE PROJETOS NO SITE DO IAMAR IMPORTANTE: IMPORTANTE: Recomendamos que o formulário seja preenchido com calma e bastante atenção. Quanto mais claras e detalhadas forem as informações mais chances seu projeto terá de ser compreendido na íntegra

Leia mais

Manual Sistema de Autorização Online GW

Manual Sistema de Autorização Online GW Sistema de Autorização Online GW Sumário Introdução...3 Acesso ao sistema...4 Logar no sistema...4 Autorizando uma nova consulta...5 Autorizando exames e/ou procedimentos...9 Cancelamento de guias autorizadas...15

Leia mais

Figura 1: tela inicial do BlueControl COMO COLOCAR A SALA DE INFORMÁTICA EM FUNCIONAMENTO?

Figura 1: tela inicial do BlueControl COMO COLOCAR A SALA DE INFORMÁTICA EM FUNCIONAMENTO? Índice BlueControl... 3 1 - Efetuando o logon no Windows... 4 2 - Efetuando o login no BlueControl... 5 3 - A grade de horários... 9 3.1 - Trabalhando com o calendário... 9 3.2 - Cancelando uma atividade

Leia mais

MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet

MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet Qualquer dúvida entre em contato: (33)32795093 01 USUÁRIO/CSPSNet O sistema CSPSNet está configurado para funcionar corretamente nos seguintes browsers: Internet Explorer 8.0,

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DOMINIO ATENDIMENTO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DOMINIO ATENDIMENTO Rua Afonso Arrechea, 240, Santo Ant. do Sudoeste - PR Tel 46 3563-1518 Fax 46 3563-3780 contato@diferencialcontabil.cnt.br www.diferencialcontabil.cnt.br MANUAL DE UTILIZAÇÃO DOMINIO ATENDIMENTO VERSÃO

Leia mais

MANUAL VERSÃO 4.14 0

MANUAL VERSÃO 4.14 0 0 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 2 1. O QUE É O EOL?... 2 2. ACESSANDO O EOL... 2 3. TELA INICIAL... 3 4. EXAMES ADMISSIONAIS... 4 5. MUDANÇA DE FUNÇÃO... 7 6. EXAMES DEMISSIONAL E RETORNO AO TRABALHO... 8 7. EXAMES

Leia mais

MANUAL DE GABINETES SAJ/SG5

MANUAL DE GABINETES SAJ/SG5 MANUAL DE GABINETES SAJ/SG5 Seção de Implantação de Sistemas Divisão de Sistemas Judiciais de Segundo Grau Diretoria de Tecnologia da Informação DTI/TJSC suporte: saj2grau@tjsc.jus.br Índice: Página 1.

Leia mais

SISDEX SISTEMA DE CONTROLE DE DOCUMENTOS EXPEDIDOS

SISDEX SISTEMA DE CONTROLE DE DOCUMENTOS EXPEDIDOS - MDA - SPOA - CGMI SISDEX SISTEMA DE CONTROLE DE DOCUMENTOS EXPEDIDOS MANUAL DO USUÁRIO Administrador do Sistema BRASÍLIA, AGOSTO DE 2007 Versão 1.0 SISDEX SISTEMA DE CONTROLE DE DOCUMENTOS EXPEDIDOS

Leia mais

Orientações para os procedimentos de cadastro e inscrição em nosso site.

Orientações para os procedimentos de cadastro e inscrição em nosso site. Orientações para os procedimentos de cadastro e inscrição em nosso site. Atenção: Os dados que aparecem nas imagens abaixo, são meramente ilustrativos, naturalmente os dados que devem ser visualizados,

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E UTILIZAÇÃO SISTEMA DE PAGAMENTO ONLINE. Versão: 01.08

MANUAL DE INSTALAÇÃO E UTILIZAÇÃO SISTEMA DE PAGAMENTO ONLINE. Versão: 01.08 MANUAL DE INSTALAÇÃO E UTILIZAÇÃO SISTEMA DE PAGAMENTO ONLINE Versão: 01.08 Índice Instalação do Sistema...03 Tela inicial do Sistema...10 Módulos...11 Conteúdo do Menu Arquivo...11 Finalizar...11 Inclusão

Leia mais

Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso Supervisão de Informática Departamento de Desenvolvimento Sistema Declaração On Line. Declaração On Line

Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso Supervisão de Informática Departamento de Desenvolvimento Sistema Declaração On Line. Declaração On Line Declaração On Line Manual de Apoio à Utilização do Sistema Manual do Usuário Versão 1.0 INTRODUÇÃO... 4 AUTENTICANDO-SE NO SISTEMA... 4 EM CASO DE ESQUECIMENTO DA SENHA... 5 ALTERANDO A SENHA DE ACESSO

Leia mais

GUIA DE CONFIGURAÇÃO BALANÇA TOPMAX S & URANO INTEGRA

GUIA DE CONFIGURAÇÃO BALANÇA TOPMAX S & URANO INTEGRA GUIA DE CONFIGURAÇÃO BALANÇA TOPMAX S & URANO INTEGRA Abaixo seguem os passos necessários para que você possa cadastrar um Equipamento do tipo Balança Topmax S no Software Urano Integra. Passo 1: Acessar

Leia mais

MANUAL DE ACESSO AO MYSUITE

MANUAL DE ACESSO AO MYSUITE MANUAL DE ACESSO AO MYSUITE A Ferramenta de Atendimento Online MySuite é a nova forma de atendimento utilizada pela Gerpos. Por meio dela, é possível solicitar atendimentos do Suporte Técnico e de outros

Leia mais

"NOVO MALOTE ELETRÕNICO" Versão Windows

NOVO MALOTE ELETRÕNICO Versão Windows "NOVO MALOTE ELETRÕNICO" Versão Windows ENCARGOS ESPECIAIS. Malote Eletrônico Versão: 5.8 ======================== A nova versão do Malote Eletrônico para WINDOWS, já está disponível nas Agências. A versão

Leia mais

1- Acessando o sistema

1- Acessando o sistema Sumário 1- Acessando o sistema... 3 2.0 - Opções do Menu... 4 3.0 - Config. U.E.... 4 3.1 - Período Letivo... 4 Adicionando o período letivo... 5 Alterando o período letivo... 5 4.0 - Integração SGE:...

Leia mais

MANUAL SISTEMA NFS-e

MANUAL SISTEMA NFS-e MANUAL SISTEMA NFS-e SUMARIO Tela Inicial NFe 03 Efetuar Login 1º Acesso Caso não possua Usuário e/ou Senha 03 Efetuar Login 1º Acesso Possuindo o Usuário e Senha 04 Primeira Tela 05 Menu de Opções 05

Leia mais

Relatórios. Manual. Pergamum

Relatórios. Manual. Pergamum Relatórios Manual Pergamum Manual PER-MAN-005 Estatísticas Circulação de Materiais - Geral Sumário 1. APRESENTAÇÃO... 1-4 1.1 PESQUISANDO ESTATÍSITICAS E RELATÓRIOS... 1-10 1.2 UTILIZANDO O MÓDULO RELATÓRIOS...

Leia mais

Acesse pela Internet usando o endereço eletrônico: www.dspconvenio.com.br

Acesse pela Internet usando o endereço eletrônico: www.dspconvenio.com.br Manual do Site 1 Acesse pela Internet usando o endereço eletrônico: www.dspconvenio.com.br 2 Tela Inicial do Front End 3 Marque o campo Pessoa Jurídica 4 Digite o CNPJ de sua Empresa (corrido,sem traço,

Leia mais

Gerencial Software MANUAL DO USUÁRIO 1

Gerencial Software MANUAL DO USUÁRIO 1 MANUAL DO USUÁRIO 1 SUMÁRIO Tela de Login... 3 Telas de Atualização e Informação... 3 Cadastro de Clientes... 7 Cadastro de Grupos... 7 Cadastro de Subgrupos... 8 Cadastro de Fornecedores... 8 Cadastro

Leia mais

Instalação - Primeiros Passos

Instalação - Primeiros Passos O CIAF Hotelaria, é um sistema que permite ao administrador, gerenciar completamente sua empresa que presta serviço de hospedagem como hotéis e pousadas por exemplo. Facilmente você poderá cadastrar suas

Leia mais

PANDION MANUAL DO USUÁRIO (versão 1.0)

PANDION MANUAL DO USUÁRIO (versão 1.0) Secretaria de Tecnologia da Informação Coordenadoria de Suporte Técnico aos Usuários PANDION MANUAL DO USUÁRIO (versão 1.0) SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CADASTRAMENTO NECESSÁRIO PARA UTILIZAR O PANDION...

Leia mais

AR PDV SOLUÇÕES AR CONSULTORIA EM INFORMÁTICA

AR PDV SOLUÇÕES AR CONSULTORIA EM INFORMÁTICA 1 Sumário: 1. AR PDV...02 2. Registro / Login...03 3. Configuração...03 4. Abertura de Caixa...03 5. Registro de Vendas...04 a. Passos para Emissão do Cupom Fiscal...05 b. Inserindo Produtos...06 c. Formas

Leia mais

Manual. Pedido Eletrônico

Manual. Pedido Eletrônico Manual Pedido Eletrônico ÍNDICE 1. Download... 3 2. Instalação... 4 3. Sistema de Digitação SantaCruz... 8 3.1. Configuração... 8 4. Utilização do Sistema Digitação SantaCruz... 11 4.1. Atualizar cadastros...11

Leia mais

COTAÇÃO DE COMPRAS COM COTAÇÃO WEB

COTAÇÃO DE COMPRAS COM COTAÇÃO WEB COTAÇÃO DE COMPRAS COM COTAÇÃO WEB RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para o mercado de

Leia mais

SYS IMOBILIÁRIAS software imobiliário

SYS IMOBILIÁRIAS software imobiliário 08 07 06 05 04 03 02 01 00 Lorem ipsum. Lorem ipsum. Lorem ipsum. Lorem ipsum. 08 07 06 05 04 03 02 01 00 A B C D F G 08 07 06 05 04 03 02 01 00 08 07 06 05 04 03 02 01 00 Lorem Lorem Lorem MANUAL DE UTILIZAÇÃO

Leia mais

Manual de Orientação GCT Gestão de Contratação. Secretaria de Estado da Fazenda Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão Versão 0.

Manual de Orientação GCT Gestão de Contratação. Secretaria de Estado da Fazenda Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão Versão 0. Manual de Orientação GCT Gestão de Contratação Versão 0.1 SUMÁRIO 1. CATÁLOGO DE MATERIAIS E SERVIÇOS...3 1.1. CONSULTA AO CATÁLOGO POR DIGITAÇÃO...5 1.2. CONSULTA AO CATÁLOGO POR LISTAGEM...8 2. CATÁLOGO

Leia mais

* COMO ACESSAR O SISTEMA?

* COMO ACESSAR O SISTEMA? * OBJETIVO: Possibilitar que os usuários autorizados da SEDUC PA, cadastrem processos e/ou documentos acompanhando o andamento dos mesmos até a sua finalização ou cancelamento. Através deste módulo haverá

Leia mais

Manual de Atendimento do Chat Casa do Corretor. Página 1

Manual de Atendimento do Chat Casa do Corretor. Página 1 Manual de Atendimento do Chat Casa do Corretor Página 1 Página 2 Índice: Acessando o Sistema... 03 Escala de Atendimento... 06 Painel de Atendimento... 07 Home... 08 Respostas Prontas... 09 Comandos Prontos...

Leia mais

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo CeC Cadastro eletrônico de Contribuintes Usuário Anônimo Versão 1.2 13/10/2010 Sumário Apresentação... 3 Objetivo... 3 1. Solicitação de CeC... 4 1.1. Cadastro de Pessoas Físicas... 6 1.1.1 Cadastro de

Leia mais

Rotina para utilização do PALM (coletor de dados) no inventário. Biblioteca... Registros:... Estante:...1... + 1 + 10. Prateleira:...1...

Rotina para utilização do PALM (coletor de dados) no inventário. Biblioteca... Registros:... Estante:...1... + 1 + 10. Prateleira:...1... Rotina para utilização do PALM (coletor de dados) no inventário Leitura de Registros utilizando o Palm Ligue o Palm e aparecerá o Menu Principal. 1. Clique no ícone do SiCol para abrir o programa onde

Leia mais

Ferramenta de Gestão de Web Site e Solution Backsite Modelo Bronze. Versão 1.0.0.2

Ferramenta de Gestão de Web Site e Solution Backsite Modelo Bronze. Versão 1.0.0.2 Manual de Instruções Ferramenta Loja Virtual Versão 1.0.0.2 1 Loja Virtual E solution (Plug in) O plug in Loja Virtual é uma ferramenta que dá aos visitantes a possibilidade de comprar produtos oferecidos

Leia mais

e-sus Atenção Básica Manual de Utilização do Sistema Prontuário Eletrônico do Cidadão - PEC

e-sus Atenção Básica Manual de Utilização do Sistema Prontuário Eletrônico do Cidadão - PEC e-sus Atenção Básica Manual de Utilização do Sistema Prontuário Eletrônico do Cidadão - PEC PERFIL ENFERMEIRO Sumário 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ORIENTAÇÕES GERAIS... 4 3. CIDADÃO... 6 3.1 Visualizar prontuário...

Leia mais

O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida nem transmitida

Leia mais

Gerenciamento de Deslocamentos e Viagens

Gerenciamento de Deslocamentos e Viagens MANUAL: Gerenciamento de Deslocamentos e Viagens Administrador do Sistema de Viagens Versão: 1.0 Sumário Apresentação... 1 1. Acesso ao sistema... 2 2. Perfis do sistema... 2 3. Configurando o sistema

Leia mais

ACESSANDO COM USUÁRIO DE PROFESSOR

ACESSANDO COM USUÁRIO DE PROFESSOR ACESSANDO COM USUÁRIO DE PROFESSOR 1º passo: Acesse a página através do link existente no site de Newton laboratório e audiovisual: 2º passo: Na tela inicial do sistema digite seu usuário e sua senha nos

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS BÁSICOS DO USUÁRIO VITORIA/ES 2013. Página 1 de 18

MANUAL DE PROCEDIMENTOS BÁSICOS DO USUÁRIO VITORIA/ES 2013. Página 1 de 18 MANUAL DE PROCEDIMENTOS BÁSICOS DO USUÁRIO VITORIA/ES 2013 Página 1 de 18 Gerenciador de Ambiente Laboratorial - GAL DEFINIÇÃO O Gal é um sistema informatizado desenvolvido para os laboratórios de Saúde

Leia mais

Gestão Unificada de Recursos Institucionais GURI

Gestão Unificada de Recursos Institucionais GURI Documentação de Sistemas Gestão Unificada de Recursos Institucionais GURI Módulo de Protocolo Versão 1.17.0 Última revisão: 26/11/2015 2015 REITORA Ulrika Arns VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA SECRETÁRIAS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA SECRETÁRIAS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA SECRETÁRIAS 1 - A TELA AGENDA 1.1 - TIPOS DE AGENDA 1.1.1 AGENDA NORMAL 1.1.2 AGENDA ENCAIXE 2 - AGENDANDO CONSULTAS 2.1 - AGENDANDO UMA CONSULTA NA

Leia mais

Vallourec & Sumitomo Tubos do Brasil

Vallourec & Sumitomo Tubos do Brasil ki Vallourec & Sumitomo Tubos do Brasil Manual de Treinamento MT- SDA Ronda Web Módulo Prestador de Serviços REGISTRO DAS REVISÕES Nº Motivo das Revisões 00 1 Edição 01 Revisão Novas regras e campos ŀ

Leia mais

F O R T A L E Z A MANUAL DO GUIA ON-LINE

F O R T A L E Z A MANUAL DO GUIA ON-LINE MANUAL DO GUIA ON-LINE Bem vindo ao Manual do Guia On-Line, aqui você irá aprender a utilizar esta eficiente ferramenta desenvolvida para facilitar e agilizar o atendimento odontológico. Tela inicial Na

Leia mais

Sistema de Ponto Eletrônico. Ponto Secullum 4

Sistema de Ponto Eletrônico. Ponto Secullum 4 Sistema de Ponto Eletrônico Ponto Secullum 4 Clique no icone Ponto Secullum 4 para abrir o Programa Digite seu usuário e senha Obs: A senha deverá ser alterada no 1º acesso Clique no botão Fechar Para

Leia mais

MANUAL OPERACIONAL DE AUTORIZAÇÃO VIA WEB

MANUAL OPERACIONAL DE AUTORIZAÇÃO VIA WEB MANUAL OPERACIONAL DE AUTORIZAÇÃO VIA WEB Fortaleza 2014 Pag:1 GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ Governador Cid Ferreira Gomes Vice Governador Domigos Gomes de Aguiar Filho SECRETARIA DE PLANEJAMENTO E GESTÃO

Leia mais

TABELAS PARA CERTIFICADOS E LIVROS

TABELAS PARA CERTIFICADOS E LIVROS TABELAS PARA CERTIFICADOS E LIVROS 1. Informações Gerais. O sistema permite a Manutenção de Tipo de Certificado. Informe todos os dados solicitados. Havendo duvidas sobre o preenchimento de qualquer um

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA UTILIZAÇÃO DO SICC

PROCEDIMENTOS PARA UTILIZAÇÃO DO SICC PROCEDIMENTOS PARA UTILIZAÇÃO DO SICC Para ter acesso ao sistema, e realizar a abertura de chamados, o usuário deve efetuar o auto cadastramento, clicando no link Clique aqui! disponível na página inicial

Leia mais

Orientações para os procedimentos de cadastro e inscrição em nosso site.

Orientações para os procedimentos de cadastro e inscrição em nosso site. Orientações para os procedimentos de cadastro e inscrição em nosso site. Atenção: Os dados que aparecem nas imagens abaixo, são meramente ilustrativos, naturalmente os dados que devem ser visualizados,

Leia mais

Projeto Agenda Cidadã Exercício Prático - Criação e Consulta de Registros Vicon SAGA

Projeto Agenda Cidadã Exercício Prático - Criação e Consulta de Registros Vicon SAGA Exercício Objetivo Aplicativo Criação e consulta de registros - Vicon SAGA Exercício para ambientação com Sistemas de Informação e Bancos de Dados. O usuário criará formulários, realizará cadastros de

Leia mais

MANUAL DO OFICIAL DE JUSTIÇA

MANUAL DO OFICIAL DE JUSTIÇA MANUAL DO OFICIAL DE JUSTIÇA TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE MATO GROSSO Janeiro 2012 Conteúdo Elaboração do projeto... 3 1. Acesso ao Sistema... 4 2. Tipo de Certificado... 4 2.1. Navegador padrão para acessar

Leia mais

14 - Como para gerar o boleto para pagamento do período das notas lançadas? 16 - Se no mês, o meu cliente não tiver movimento, o que devo fazer?

14 - Como para gerar o boleto para pagamento do período das notas lançadas? 16 - Se no mês, o meu cliente não tiver movimento, o que devo fazer? Manual do Sistema SUMÁRIO 1 O que é o sistema GEFISCO? 2 - Como acessar o sistema GEFISCO? 3 - Como criar um login e uma senha? 4 - Esqueci minha senha, e agora? 5 - Como acessar o Livro Fiscal? 6 - Como

Leia mais

Quinta Lista de Exercícios -

Quinta Lista de Exercícios - INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO COORDENADORIA DE INFORMÁTICA LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO Quinta Lista de Exercícios - INSTRUÇÕES: 1) Nesta lista de exercícios, vamos nos preocupar em implementar o comportamento

Leia mais

Gerenciador de Ambiente Laboratorial - GAL Versão 2.4.1 Manual do Usuário

Gerenciador de Ambiente Laboratorial - GAL Versão 2.4.1 Manual do Usuário Missão: Participar das ações de vigilância em saúde, realizando análises laboratoriais com qualidade, coordenando a Rede Estadual de Laboratórios e gerando informações para a melhoria da Saúde Pública.

Leia mais

Ajuda On-line - Sistema de Relacionamento com o Cliente. Versão 1.1

Ajuda On-line - Sistema de Relacionamento com o Cliente. Versão 1.1 Ajuda On-line - Sistema de Relacionamento com o Cliente Versão 1.1 Sumário Sistema de Relacionamento com Cliente 3 1 Introdução... ao Ambiente do Sistema 4 Acessando... o Sistema 4 Sobre a Tela... do Sistema

Leia mais

MANUAL DIPAM A Versão de 10/05/2012

MANUAL DIPAM A Versão de 10/05/2012 MANUAL DA DIPAM A Versão de 10/05/2012 1 Índice Geral... 3 Configuração Mínima... 3 Instalação... 4 Procedimento pós-instalação para sistemas com Vista ou Windows 7... 8 Uso do Programa DIPAM-A... 10 DIPAM

Leia mais

Altere ou exclua os números aqui

Altere ou exclua os números aqui Incluir, Pesquisar, Alterar ou Excluir faixa numérica no Sinasc Incluir, Pesquisar, Alterar ou Excluir faixa numérica no Sinasc: A) Incluir Faixa Numérica Antes de enviar DNs aos municípios, estabelecimentos

Leia mais

Manual de Utilização Autorizador Web V2

Manual de Utilização Autorizador Web V2 Manual de Utilização Autorizador Web V2 OBJETIVO Esse manual tem como objetivo o auxílio no uso do Autorizador de Guias Web V2 do Padre Albino Saúde. Ele serve para base de consulta de como efetuar todos

Leia mais

SISTEMA AGHOS. Manual de Regulação Ambulatorial de Consultas Especializadas

SISTEMA AGHOS. Manual de Regulação Ambulatorial de Consultas Especializadas AGHOS - GESTÃO E REGULAÇÃO ASSISTENCIAL E FINANCEIRA DE SAÚDE MÓDULO DE REGULAÇÃO AMBULATORIAL DE CONSULTAS ESPECIALIZADAS ESPECIALIZADAS Manual de Regulação Ambulatorial de Consultas Especializadas SISTEMA

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA SECRETÁRIAS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA SECRETÁRIAS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA SECRETÁRIAS 1 - A TELA AGENDA 1.1 - TIPOS DE AGENDA 1.1.1 AGENDA NORMAL 1.1.2 AGENDA ENCAIXE 2 - AGENDANDO CONSULTAS 2.1 - AGENDANDO UMA CONSULTA NA AGENDA

Leia mais

1. APRESENTAÇÃO. 2. ACESSANDO E UTILIZANDO O SISTEMA 2.1. Acessando. Sumário

1. APRESENTAÇÃO. 2. ACESSANDO E UTILIZANDO O SISTEMA 2.1. Acessando. Sumário 1 Sumário 1. APRESENTAÇÃO... 2 2. ACESSANDO E UTILIZANDO O SISTEMA... 2 2.1. ACESSANDO... 2 2.2. UTILIZANDO... 5 2.2.1 EMPRESA... 6 2.2.2 FINANCEIRO E CONTÁBIL... 7 2.2.3 AMBIENTAL... 8 2.2.4 SOCIAL...

Leia mais

Manual WEDE Guia do prestador Versão: 2.0 Data: 20/02/2014 Conteúdo

Manual WEDE Guia do prestador Versão: 2.0 Data: 20/02/2014 Conteúdo WEDE Manual Conteúdo 1 Módulo Prestador... 3 1.1 Verificando Dados Cadastrais... 5 1.1.1 Meus dados cadastrais... 5 1.1.1.1 Alterar senha... 6 1.1.1.2 Alterar e-mail... 7 1.1.2 Pesquisar rede credenciada...

Leia mais

Texto: Painel do Perito. 1 de 40

Texto: Painel do Perito. 1 de 40 Painel do Perito 1 de 40 Atividades Propostas: a) Conhecer as funcionalidades disponíveis no PJe-JT para o Perito; b) Verificar as perícias agendadas; c) Registrar as perícias e vincular laudos periciais

Leia mais

1. INSTALAÇÃO DO SISTEMA. 3 2. PRIMEIRO LOGIN. 8 3. ATUALIZAÇÃO DO SISTEMA. 12 4. DESINSTALAÇÃO DO SISTEMA. 14 5. EXCLUIR DADOS. 15 6.

1. INSTALAÇÃO DO SISTEMA. 3 2. PRIMEIRO LOGIN. 8 3. ATUALIZAÇÃO DO SISTEMA. 12 4. DESINSTALAÇÃO DO SISTEMA. 14 5. EXCLUIR DADOS. 15 6. Índice 1. INSTALAÇÃO DO SISTEMA...3 2. PRIMEIRO LOGIN...8 3. ATUALIZAÇÃO DO SISTEMA...12 4. DESINSTALAÇÃO DO SISTEMA...14 5. EXCLUIR DADOS...15 6. APRESENTAÇÃO DO EXTRANET...17 6.1 Sistema DESCONECTADO...18

Leia mais

Manual sistema Laundry 4.0

Manual sistema Laundry 4.0 Manual sistema Laundry 4.0 Sistema para serviços de Lavanderia Comércios Empresa responsável Novacorp informática Fone (41) 3013-1006 E-mail marcio@novacorp.com.br WWW.novacorp.com.br Sumario 1 Este manual

Leia mais

Recurso de Glosas Eletrônico RGE

Recurso de Glosas Eletrônico RGE Recurso de Glosas Eletrônico RGE Conhecendo o Sistema 2 Acessando o Sistema 3 Para acessar nosso sistema, você deve seguir os seguintes passos : Acesse nosso website : www.sulamerica.com.br Clique na aba

Leia mais

GUIA DO PORTAL MAXIPAGO

GUIA DO PORTAL MAXIPAGO GUIA DO PORTAL MAXIPAGO Versão 1.1.1 Sumário 1. Introdução... 4 2. Glossário... 5 3. Acesso ao Portal... 6 4. Mudando o Idioma do Portal... 6 5. Utilizando as Credenciais de Teste para Acesso ao Portal...

Leia mais

MALOTE DIGITAL. Autores Conselho Nacional de Justiça TRE-MG

MALOTE DIGITAL. Autores Conselho Nacional de Justiça TRE-MG MALOTE DIGITAL Este Manual foi adaptado pela Coordenadoria da Escola dos Servidores do Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso e DAPI Departamento de Aprimoramento da 1ª Instância Autores Conselho

Leia mais

Portal Autorizador Intermédica

Portal Autorizador Intermédica Versão 1.14 Portal Autorizador Intermédica Portal para Autorização de Procedimentos Manual de Utilização Versão 1.14 (Junho/2014) Tempro Software Conteúdo 1. CONTATOS... 1 2. REQUISITOS NECESSÁRIOS...

Leia mais

Passos para se inscrever no processo seletivo referente ao edital EDITAL Nº. 17/2014/NUPE/UFTM DE 24 DE JULHO DE 2014. Turma 2015.

Passos para se inscrever no processo seletivo referente ao edital EDITAL Nº. 17/2014/NUPE/UFTM DE 24 DE JULHO DE 2014. Turma 2015. Passos para se inscrever no processo seletivo referente ao edital EDITAL Nº. 17/2014/NUPE/UFTM DE 24 DE JULHO DE 2014 Turma 2015. Inicialmente será necessário se cadastrar (Criar Usuário) no sistema, para

Leia mais

Ter o controle das pastas (Prontuários) armazenadas no "SAME", utilizando-se do recurso do "Volume".

Ter o controle das pastas (Prontuários) armazenadas no SAME, utilizando-se do recurso do Volume. Page 1 of 31 184771 Módulo: AMAP - SAME PDA 184771: Controle do Arquivamento de Pastas do SAME. SOLICITAÇÃO DO CLIENTE Ter o controle das pastas (Prontuários) armazenadas no "SAME", utilizando-se do recurso

Leia mais

Implantação do sistema Condominium

Implantação do sistema Condominium Implantação do sistema Condominium Nesse manual iremos acompanhar o passo a passo para a implantação do sistema, portanto iremos pular algumas telas do cadastro, que deverão ser preenchidas após a implantação

Leia mais