Heloisa Tripoli Goulart Piccinini Auditora Substituta de Conselheiro

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Heloisa Tripoli Goulart Piccinini Auditora Substituta de Conselheiro"

Transcrição

1 Heloisa Tripoli Goulart Piccinini Auditora Substituta de Conselheiro Natural de Caçapava do Sul, RS, é Conselheira-Substituta do Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Sul desde , em virtude de aprovação em concurso público de provas e títulos. É Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Pós-Graduada em Direito Processual Civil pela Pontifícia Universidade Católica. Desempenhou várias funções no Poder Judiciário Estadual, junto à Revista de Jurisprudência do Tribunal de Alçada e à Secção Processual do Tribunal de Justiça. Exerceu o cargo de Assessora de Desembargador e as funções de Secretária de Câmara, de Secretária dos Grupos de Câmaras Cíveis e Câmaras Cíveis Reunidas, com as atribuições de secretaria de seções e assessoramento jurídico. Investida por concurso público, em 1988, no cargo de Auditor Público Externo do Tribunal de Contas do Estado exerceu as funções de Assessor de Procurador do Ministério Público de Contas. Constituiu a Banca Examinadora do Concurso nº 94/91 para provimento do cargo de Auditor Público Externo exclusivo para Bacharéis em Direito. Proferiu palestras no Ciclos de Estudos e Treinamento em Controle Externo do Tribunal de Contas do Estado, no ano de 1989; no Ciclo de Palestras sobre a Auditoria Ambiental do Tribunal de Contas do Estado, V PROAP Programa de Orientação às Administrações Públicas, de 14 a 18 de julho de 2003; no II Seminário de Estudos Jurídicos Municipais A Defesa dos Municípios, promovido pela UVERGS, dia 26 de abril de 2006, em Porto Alegre/RS e no Grupo de Discussões sobre os Valores constantes do Planejamento Estratégico do Tribunal de Contas do Estado Valor Justiça, dia 28 de setembro de Participou como debatedora no Seminário sobre o Meio Ambiente, promovido pelo Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Sul com apoio da Escola Superior de Gestão e Controle Francisco Juruena, dias 04 e 05 de agosto de Realizou visitas técnicas ao Tribunal de Contas da União, de 31 de novembro a 02 de dezembro de 2005, Brasília/DF. Atuou como advogada inscrita na OAB/RS de 1988 a 1992 e prestou assessoramento jurídico a empresas privadas. Exerceu o cargo de Procuradora do Estado do Rio Grande

2 do Sul, investida por concurso público realizado em 1992, no qual obteve o 1º lugar. Trabalhou nas Procuradorias Regionais de Passo Fundo, Erechim, Rio Grande e Pelotas. Realizou cursos de Extensão e Aperfeiçoamento em Disciplinas jurídicas, com destaque para as que seguem: Direitos Fundamentais do Homem, Faculdade de Direito da UFRGS, novembro 1978; Painel de Temas Atuais no Direito do Trabalho, Faculdade de Direito - UFRGS, outubro 1978; Mandado de Segurança, Ação Popular, Medidas Cautelares e Ações Declaratórias, Escola Osvaldo Vergara de Pós-Graduação em Ciências Jurídicas e Sociais, setembro 1983; Processo de Execução, Escola Osvaldo Vergara de Pós-Graduação em Ciências Jurídicas e Sociais, dezembro 1983; Direito de Família, Instituto dos Advogados do Rio Grande do Sul, maio 1986; Curso de Direito Constitucional, ministrado pelo Prof. Jorge Miranda, catedrático da Universidade de Lisboa, Portugal, novembro 1993; Curso de Direito Constitucional, ministrado por José Afonso da Silva, Escola Superior de Advocacia do Estado do Rio Grande do Sul, março Assistiu aos: Simpósio de Direito Civil e Processual Civil, Gramado/RS, 6 a 7 de maio de 1994; 20º Encontro Nacional de Procuradores Municipais, Blumenau/SC, 10 a 13 de julho de 1994; Seminário Internacional de Direito Constitucional - Os Direitos Fundamentais - no limiar do Terceiro Milênio, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre/RS, outubro de 96; I Congresso Sul-Americano de Direito Administrativo - O Direito administrativo no Mercosul - Foz do Iguaçu/PR - 18 a 20 de junho de 1997; Curso de Parcerias, Escola Superior de Direito Municipal, Porto Alegre/RS, de 27 a 28 de março de 1998; Encontro sobre Direitos Fundamentais e Reformas Constitucionais, Escola Superior da Magistratura, Porto Alegre/RS, de 28 a 29 de maio de 1998; Seminário A Emenda Constitucional da Reforma Administrativa e as Mudanças para Estados e Municípios, Instituto Paranaense de Direito Administrativo, Curitiba/PR, de 18 a 19 de junho de 1998; XXIV Encontro Nacional de Procuradores Municipais - O Município diante das Reformas Constitucionais, Procuradoria-Geral do Município e Instituto Brasileiro de Direito Municipal, Porto Alegre/RS, de 07 a 11 de setembro de 1998, Ciclo de Conferências Desafios Contemporâneos da Democracia - Prof. Dr. Friedrich Müller de Heidelburg, Alemanha, realização UFRGS e Prefeitura Municipal de Porto Alegre, Porto Alegre/RS, de 25 a 26 de agosto de 99; XIII Congresso Brasileiro de Direito Administrativo - A Nova Face do Direito Administrativo, Instituto Brasileiro de Direito Administrativo - IBDA, Florianópolis/SC, de 29 de setembro a 01 de

3 outubro de 1999; III Congresso Sul-americano de Direito Administrativo - Os Avanços no Direito Administrativo, IBDA e Instituto Paranaense de Direito Administrativo - IPDA, Foz do Iguaçu/PR, de 09 a 11 de junho de 1999; XV Congresso Brasileiro de Direito Administrativo - Administração Pública sob controle, Curitiba/PR, de 22 a 24 de agosto de 2001; 1º Congresso de Direito Constitucional, Campos do Jordão/SP - de 12 a ; 1º Congresso Brasileiro de Direito Ambiental, Foz do Iguaçu/PR, de 27 a ; Congresso Internacional de Direito Processual Constitucional, Recife/PE, de 15 a 18 de maio de 2003; palestra sobre Resíduos Sólidos Industriais Gerenciamento e Enfoque Legal proferida pela Engª Química Carmen Lúcia Vicente Níquel no Grupo de Intercâmbio e Experiências em Meio Ambiente organizado pela Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha, Porto Alegre/RS, dia 14 de agosto de 2003; VII Encontro dos Dirigentes Municipais de Meio Ambiente do RS, organizado pela FAMURS e CONDIMMA, dias 18 e 19 de agosto de 2003, Porto Alegre/RS; palestra O Controle Externo na Administração Pública da Espanha e Regiões Autônomas, proferida pelo Dr. Juan Maria Bilbao Ubillos, dia 16 de setembro de 2003, Porto Alegre/RS; Fórum Fepam Debate Aterros Sanitários ou Lixões? Responsabilidades e padrões de Licenciamento, dia 24 de setembro de 2003, Porto Alegre/RS; Seminário Internacional Ética, Cidadania e Meio Ambiente, o Novo Papel dos Tribunais de Contas, de 1º a 03 de outubro de 2003, Recife/PE; Congresso O Novo Direito do Estado Doutorado Honoris Causa de Eduardo Garcia de Enterria, convite da Escola Superior do Ministério Público, de 06 a 08 de outubro de 2003, Porto Alegre/RS; XVII Fórum da Liberdade, dia 05 de abril de 2004, na Pontifícia Universidade Católica, Porto Alegre/RS; IV Congresso Brasileiro de Direito de Estado, de 12 a 14 de maio de 2004, Salvador/BA, III Seminário Internacional - Direitos Fundamentais e Sociedade Tecnológica, de 09 a 11 de setembro de 2004, no Teatro da Pontifícia Universidade Católica, Porto Alegre/RS; XVIII Congresso Brasileiro de Direito Administrativo, de 14 a 18 de setembro de 2004, Salvador/BA; VII Congresso Nacional e IV Congresso Internacional da Associação Nacional do Ministério Público de Contas AMPCON, de 10 a 12 de novembro de 2004, Brasília/DF; "Congresso Internacional de Direito Tributário do Paraná", de 30 de março a 01 de abril de 2005, Curitiba/PR; X Congresso Internacional DEL CLAD, de 18 a 21 de outubro de 2005, Santiago/Chile; II Fórum Brasileiro de Combate à corrupção na Administração Pública, organizado pela Editora Fórum, dias 1º e 02 de dezembro de

4 2005, Brasília/DF; Congresso Internacional de Direito Civil Constitucional, de 21 a 23 de setembro de 2006, Rio de Janeiro/RJ. É autora de: Os princípios Informadores do Processo. Os princípios da Igualdade, Inquisitivo e do Contraditório: Interação e Operatividade, monografia de conclusão do Curso de Especialização em Direito Processual Civil pela Pontifícia Universidade Católica; Tribunal de Contas - Revisão ex officio de suas Decisões - Inadmissibilidade, artigo publicado na Revista do Tribunal de Contas do Estado, ano VII, nº 11, dezembro 1989, p. 52/54, Responsabilidade do Poder Público por danos aos bens do patrimônio histórico, artigo publicado na Revista do Tribunal de Contas do Estado, v. 11, n. 19, 2. sem. 1993, p É também autora dos Pareceres publicados na Revista do Tribunal de Contas do Estado do RS: Concurso Público. Consulta. Ceasa. Prazo de vigência. Prorrogação (Parecer nº 110/93; v. 11 (19) 48-50, 2º sem. 1993); Aposentadoria. Registro de Ato (Parecer nº 120/93; v. 11 (19) 51-58, 2º sem. 1993); Aposentadoria Especial. Funções de magistério (Relatora - Parecer Coletivo nº 1/94; v. 12 (20) 22-34, 1º sem. 1994); INSS. Contribuição Previdenciária (Parecer nº 70/94; v. 12 (20) 40-41, 1º sem. 1994); Criação de parque público. Projeto para aproveitamento de flora e fauna (Parecer nº 158/94; v. 12 (20) 48-49, 1º sem. 1994); Despesa pública. Controle da legitimidade da despesa pelo Tribunal de Contas (Parecer nº 172/94; v. 12 (20) 51-52, 1º sem. 1994); Fundos especiais (Parecer nº 332/94; v. 13 (21) 49-55, 2º sem. 1994); Adicional por tempo de serviço (Parecer nº 334/94; v. 13 (21) 52-55, 2º sem. 1994); Licitação. Publicação de atos oficiais (Parecer nº 342/94; v. 13 (21) 55-56, 2º sem. 1994); Doação com encargo. Bem municipal (Parecer nº 307/94; v. 13 (22) 49-53, 1º sem. 1995); Aposentadoria Especial. Registro de ato (Parecer nº 454/94; v. 13 (22) 58-64, 1º sem. 1995); Aposentadoria. Funções de Magistério (Parecer nº 10/95; v. 13 (22) 76, 1º sem. 1995); Admissão de Servidor (Parecer nº 52/95; v. 13 (22) 79-83, 1º sem. 1995); Complementação de proventos. Aposentadoria previdenciária. (Parecer nº 96/95; v. 13 (23) 34-39, 2º sem. 1995); Atos de admissão (Parecer nº 260/94; v. 14 (24) 26-29, 1º sem. 1996); Tomada de Contas. Administração patrimonial. Infringência a normas cogentes de controle de bens (Parecer nº 308/94; v. 14 (24) 29-35, 1º sem. 1996); Concurso público para fins de efetivação (Parecer nº 133/95; v. 14 (24) 37-38, 1º sem. 1996); Aposentadoria. Cômputo do tempo de tramitação do expediente no Tribunal de Contas. Tempo ficto de serviço (Relatora - Parecer Coletivo nº 2/95; v. 14 (25)

5 16-28, 2º sem. 1996); Pagamento de verbas rescisórias. Contrato de Trabalho. Admissão sem concurso público (Relatora - Parecer Coletivo nº 9/96; v. 14 (25) 60-65, 2º sem. 1996); Aposentadoria especial. Professor (Parecer nº 66/95; v. 14 (25) 72-74, 2º sem. 1996); Atos de admissão (Parecer nº 260/94; v. 14 (25) 80-83, 2º sem. 1996); Tomada de Contas. Administração patrimonial. Infringência a normas cogentes de controle de bens (Parecer nº 308/94; v. 14 (25) 83-90, 2º sem. 1996); Venda de Medicamentos (Parecer nº 32/97; v. 15 (26) 36-40, 1º sem. 1997); Agente Político. Prefeito e Vice-Prefeito. Indenização de férias não gozadas (Relatora - Parecer Coletivo nº 2/97; v. 15 (27) 25-28, 2º sem. 1997); Honorários Advocatícios (Parecer nº 34/97; v. 15 (27) 54-59, 2º sem. 1997); Fundo Nacional de Assistência Social. Prestação de Contas (Relatora - Parecer Coletivo nº 01/98; v. 16 (28) 17-19, 1º sem. 1998); Decisão do Tribunal de Contas (Parecer nº 36/98; v. 16 (28) 35-38, 1º sem. 1998); Marcas e Sinais. Recadastramento (Parecer nº 51/98; v. 16 (29) 28-32, 2º sem. 1998); Mandato eletivo. Servidor Público (Parecer nº 69/98; v. 16 (29) 52-56, 2º sem. 1998); Conselheiro tutelar. Natureza jurídica da relação entre os integrantes do Conselho Tutelar e o Município (Parecer nº 75/97; v. 16 (29) 56-58, 2º sem. 1998); Prefeito. Substituição (Parecer nº 54/98; v. 17 (30) 25-27, 1º sem. 1999); Lei Orçamentária anual. Processo Legislativo (Parecer nº 67/98; v. 17 (30) 35-38, 1º sem. 1999) Pensão. Complementação (Parecer nº 03/99; v. 17 (30) 44-46, 1º sem. 1999); Caso concreto versando acerca de decisão política de competência exclusiva do Chefe do Executivo Municipal (Parecer nº 14/99; v. 17 (30) 58-59, 1º sem. 1999); Gestão Pública da Saúde (Parecer nº 27/99; v. 17 (31) 58-60, 2º sem. 1999); Obra pública. Pagamento com recursos do FUNDEF - Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério instituído pela Lei nº 9.424, de 24 de dezembro de 1996 (Parecer nº 35/99; v. 17 (31) 69-72, 2º sem. 1999). Atividades de polícia administrativa de trânsito (Parecer nº 15/2000; v. 18 (32) 56-59, 1º sem. 2000); Competência de Secretário municipal para firmar contratos e convênios de interesse da pasta (Parecer nº 17/2000; v. 18 (32) 59-61, 1º sem. 2000); Salário-educação. Aquisição de uniformes escolares (Parecer nº 23/2000; v. 18 (32) 64-66, 1º sem. 2000); Loteamento de solo urbano, hipóteses de doação ou convênio (Parecer nº 29/2000; v. 18 (32) 72-74, 1º sem. 2000); Agentes políticos. Remuneração (Parecer nº 55/2000; v. 19 (34) 59-60, 1º sem. 2001); Afastamento do emprego para o exercício do cargo eletivo, dada a impossibilidade de acumulação (Parecer nº 55/2001; v. 20 (35) 45-47, ano 2003); Serviços de telefonia fixa

6 (Parecer nº 2/2002; v. 20 (35) 60-62, ano 2003); Subsídios de vereadores (Parecer nº 3/2002; v. 20 (35) 62-64, ano 2003); Servidor concursado (Parecer nº 12/2002; v. 20 (35) 67-71, ano 2003); IPTU. Medidas de compensação. Competência legislativa do município para editar normas de preservação do seu patrimônio cultural (Parecer nº 7/2003; v. 22 (37) , 1º sem. 2005); Sociedades de economia mista. Desnecessidade de sistema de controle interno adicional aos conselhos fiscal e de administração (Parecer nº 25/2004; v. 22 (38) , 2º sem. 2005); CAGE Gratificação de apoio ao controle externo. Princípio da igualdade (Parecer coletivo nº 1/2005; v. 22 (39) , 1º sem. 2006, disponível em < Manutenção do sigilo até a decisão definitiva da matéria (Parecer nº 23/2005; v. 24 (40) , 2008, disponível em < Coordenou a Auditoria em 1998 e de a Representa o Tribunal de Contas do Estado no Fórum Permanente de Combate ao Uso de Bebidas Alcoólicas por Crianças e por Adolescentes instituído pelo Ministério Público Estadual em Coordena, no mencionado Fórum, o Grupo de Trabalho Legislativo, a partir de sua criação.

Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela - UNISINOS, em 1989.

Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela - UNISINOS, em 1989. JOSÉ FRANCISCO TEIXEIRA PINTO Nascimento: 26 de abril de 1962, em São Gabriel, RS. Filiação: Flávio da Silva Pinto e Maria do Carmo Teixeira Pinto. Formação Acadêmica Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais

Leia mais

CONSTITUIÇÃO FEDERAL

CONSTITUIÇÃO FEDERAL CONSTITUIÇÃO FEDERAL Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida,

Leia mais

Cria a Procuradoria Geral do Estado e dá outras providências

Cria a Procuradoria Geral do Estado e dá outras providências LEI DELEGADA Nº 39 DE 28 DE NOVEBRO DE 1969 D.O Nº 236 DE 15 DE DEZEMBRO DE 1969 Cria a Procuradoria Geral do Estado e dá outras providências O Governador do Estado do Maranhão, no uso de suas atribuições

Leia mais

Rua Ulisses Caldas, 81 - Centro - Natal/RN 59025-090 (55)xx84-3232-8863 www.natal.rn.gov.br

Rua Ulisses Caldas, 81 - Centro - Natal/RN 59025-090 (55)xx84-3232-8863 www.natal.rn.gov.br LEI Nº. 6.067, DE 11 DE MARÇO DE 2010. Altera a Lei Ordinária 5.711/06, que dispõe sobre a Organização Administrativa da Câmara Municipal do Natal, e dá outras providências. A PREFEITA DO MUNICÍPIO DE

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Rose Carla Silva Correia OAB 32 745

CURRICULUM VITAE. Rose Carla Silva Correia OAB 32 745 CURRICULUM VITAE Rose Carla Silva Correia OAB 32 745 1) DADOS PESSOAIS: Nome: ROSE CARLA SILVA CORREIA Endereço: AV. VALTORNILO MACIEL, 478 MORADAS DA COLINA GUAÍBA CEP: 92 500 000 Fone: 051 30555036-051

Leia mais

LEI Nº 1047/2012. O Prefeito do Município de Pinhalão, Estado do Paraná. Faço saber que a Câmara Municipal decreta, e eu, sanciono a seguinte Lei:

LEI Nº 1047/2012. O Prefeito do Município de Pinhalão, Estado do Paraná. Faço saber que a Câmara Municipal decreta, e eu, sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 1047/2012 O Prefeito do Município de Pinhalão,. SÚMULA: Dispõe sobre as Diretrizes Orçamentárias para o exercício de 2013 e dá outras providências. Faço saber que a Câmara Municipal decreta, e eu,

Leia mais

8ª Secretaria de Controle Externo

8ª Secretaria de Controle Externo Fls. 12 À Auditora de Controle Externo, Maria Clara Seabra de Mello Costa, para proferir Orientação Técnica. Em 23 de janeiro de 2014. JOSÉ AUGUSTO MARTINS MEIRELLES FILHO Secretário da 8ª Secretaria de

Leia mais

REPUBLICADA POR ERRO MATERIAL INSTRUÇÃO NORMATIVA N. 28/TCE/RO-2012

REPUBLICADA POR ERRO MATERIAL INSTRUÇÃO NORMATIVA N. 28/TCE/RO-2012 REPUBLICADA POR ERRO MATERIAL INSTRUÇÃO NORMATIVA N. 28/TCE/RO-2012 Regulamenta a remessa das Declarações de Bens e Rendas dos agentes públicos, prevista nas Leis Federais n. 8.730, de 10 de novembro de

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE PERNAMBUCO

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE PERNAMBUCO PODER JUDICIÁRIO FEDERAL TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE PERNAMBUCO SECRETARIA DE CONTROLE INTERNO Av. Agamenon Magalhães, 1.160 - Graças - 52010-904 Recife - PE Telefone: (81) 3194.9296 Fax (81) 3194.9301

Leia mais

RESOLUÇÃO nº 076 de 13 de setembro de 2012

RESOLUÇÃO nº 076 de 13 de setembro de 2012 RESOLUÇÃO nº 076 de 13 de setembro de 2012 Dispõe sobre a obrigatoriedade da criação do controle interno nos Poderes Legislativo, Executivo e Judiciário, bem como no Ministério Público e Tribunal de Contas,

Leia mais

P O D E R J U D I C I Á R I O TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 9ª REGIÃO SECRETARIA DA COMISSÃO DE CONCURSO

P O D E R J U D I C I Á R I O TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 9ª REGIÃO SECRETARIA DA COMISSÃO DE CONCURSO P O D E R J U D I C I Á R I O TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 9ª REGIÃO SECRETARIA DA COMISSÃO DE CONCURSO XXI CONCURSO PÚBLICO PARA INGRESSO NA MAGISTRATURA DO TRABALHO DA 9ª REGIÃO EDITAL nº 7/2008

Leia mais

PARECER Nº, DE 2012. RELATOR: Senador RENAN CALHEIROS

PARECER Nº, DE 2012. RELATOR: Senador RENAN CALHEIROS PARECER Nº, DE 2012 Da COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO, JUSTIÇA E CIDADANIA, sobre a Mensagem Presidencial nº 82, de 2012 (nº 403, 10 de setembro de 2012, na origem), que submete à aprovação do Senado Federal

Leia mais

Nomeado Juiz Substituto da Comarca de Ji Paraná, 2ª Entrância. Aprovado no IV Concurso Público, tomou posse em 07/12/87.

Nomeado Juiz Substituto da Comarca de Ji Paraná, 2ª Entrância. Aprovado no IV Concurso Público, tomou posse em 07/12/87. RADUAN MIGUEL FILHO, natural de Junqueirópolis/SP, casado, Bacharel em Ciências Jurídicas, Faculdade de Direito da Alta Paulista, em Tupã, Estado de São Paulo, no ano letivo de 1983, Pós-Graduação em Direito

Leia mais

CURRICULUM VITAE PROFISSIONAL ARNALDO VERSIANI LEITE SOARES I - ESCOLARIDADE

CURRICULUM VITAE PROFISSIONAL ARNALDO VERSIANI LEITE SOARES I - ESCOLARIDADE CURRICULUM VITAE PROFISSIONAL ARNALDO VERSIANI LEITE SOARES Nascido em 15.5.1963 Belo Horizonte - MG Advogado I - ESCOLARIDADE 1 - Bacharel em Direito - Universidade de Brasília (1985) 2 - Bacharel em

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 425/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007)

RESOLUÇÃO Nº 425/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007) Publicação: 29/08/03 RESOLUÇÃO Nº 425/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007) Cria a Superintendência da Gestão de Recursos Humanos, estabelece seu Regulamento e dá outras providências. A CORTE SUPERIOR

Leia mais

LEI Nº 3.219, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2006

LEI Nº 3.219, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2006 LEI Nº 3.219, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2006 Dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Meio Ambiente, dá outras providências sobre o Fundo Municipal de Meio Ambiente, revoga e altera disposições indicadas

Leia mais

LEI Nº 10.066, DE 27 DE JULHO DE 1992

LEI Nº 10.066, DE 27 DE JULHO DE 1992 LEI Nº 10.066, DE 27 DE JULHO DE 1992 Cria a Secretaria de Estado do Meio Ambiente SEMA, a entidade autárquica Instituto Ambiental do Paraná IAP e adota outras providências. A ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO

Leia mais

Apostila Exclusiva Direitos Autorais Reservados www.thaisnunes.com.br 1

Apostila Exclusiva Direitos Autorais Reservados www.thaisnunes.com.br 1 Direito - Técnico do TRF 4ª Região É possível estudar buscando materiais e aulas para cada uma das matérias do programa do concurso de Técnico do TRF 4ª Região. Basta disciplina e organização. Sugestão

Leia mais

GABINETE DO PREFEITO

GABINETE DO PREFEITO Autor: Poder Executivo. LEI N 1.328/2016. CRIA O CONSELHO E FUNDO MUNICIPAL E POLÍTICAS SOBRE DROGAS DO MUNICÍPIO DE ARIPUANÃ E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. EDNILSON LUIZ FAITTA, Prefeito Municipal de Aripuanã,

Leia mais

LEI Nº 9.011 DE 1 DE JANEIRO DE 2005. Dispõe sobre a estrutura organizacional da Administração Direta do Poder Executivo e dá outras providências.

LEI Nº 9.011 DE 1 DE JANEIRO DE 2005. Dispõe sobre a estrutura organizacional da Administração Direta do Poder Executivo e dá outras providências. Diário Oficial do Município - Belo Horizonte Ano XI - Nº: 2.273-01/01/2005 Poder Executivo Secretaria Municipal de Governo Lei nº 9.011 de 1º de janeiro de 2005 - Anexos LEI Nº 9.011 DE 1 DE JANEIRO DE

Leia mais

Atribuições do órgão conforme a Lei nº 3.063, de 29 de maio de 2013: TÍTULO II DAS COMPETÊNCIAS DOS ÓRGÃOS DA ADMINISTRAÇÃO DIRETA

Atribuições do órgão conforme a Lei nº 3.063, de 29 de maio de 2013: TÍTULO II DAS COMPETÊNCIAS DOS ÓRGÃOS DA ADMINISTRAÇÃO DIRETA SECRETARIA MUNICIPAL DE COMPRAS E LICITAÇÕES End: Rua Siqueira Campos, S-64 Centro Fone: (14) 3283-9570 ramal 9576 Email: compras@pederneiras.sp.gov.br Responsável: Dr. Luis Carlos Rinaldi Atribuições

Leia mais

CARTILHA DO SUBSÍDIO

CARTILHA DO SUBSÍDIO CARTILHA DO SUBSÍDIO Cléa da Rosa Pinheiro Vera Mirna Schmorantz A Direção do SINAL atenta às questões que dizem com a possibilidade de alteração da estrutura remuneratória das carreiras de Especialista

Leia mais

PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA GABINETE DO PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA RESOLUÇÃO N 3431

PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA GABINETE DO PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA RESOLUÇÃO N 3431 RESOLUÇÃO N 3431 O PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARANÁ, no uso das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Complementar Estadual n 85, de 27 de dezembro de 1999, tendo em vista o contido

Leia mais

LEI Nº 935 /2010. Art. 1º. Esta Lei dispõe sobre a Estrutura Administrativa da Câmara Municipal de Piranguçu. TÍTULO I DA ESTRUTURA ADMINSTRATIVA

LEI Nº 935 /2010. Art. 1º. Esta Lei dispõe sobre a Estrutura Administrativa da Câmara Municipal de Piranguçu. TÍTULO I DA ESTRUTURA ADMINSTRATIVA LEI Nº 935 /2010 Dispõe sobre a Estrutura Administrativa da Câmara Municipal de Piranguçu. O Povo do Município de Piranguçu, por seus representantes na Câmara Municipal aprovou e eu, Prefeito Municipal,

Leia mais

DECRETO Nº 17.033, DE 11 DE MARÇO DE 1996

DECRETO Nº 17.033, DE 11 DE MARÇO DE 1996 DECRETO Nº 17.033, DE 11 DE MARÇO DE 1996 Dispõe sobre a Instituição da Autarquia Estadual, Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas - IPAAM, aprova seu Regimento interno e dá outras providências. O

Leia mais

Prefácio à 21a edição, xxvii Prefácio à 20a edição, xxix Prefácio à 19a edição, xxxi Prefácio à 1a edição, xxxiii PARTE I - DIREITO FINANCEIRO, 1

Prefácio à 21a edição, xxvii Prefácio à 20a edição, xxix Prefácio à 19a edição, xxxi Prefácio à 1a edição, xxxiii PARTE I - DIREITO FINANCEIRO, 1 Prefácio à 21a edição, xxvii Prefácio à 20a edição, xxix Prefácio à 19a edição, xxxi Prefácio à 1a edição, xxxiii PARTE I - DIREITO FINANCEIRO, 1 1 INTRODUÇÃO, 3 1.1 Conceito de atividade financeira do

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE PARNAMIRIM Casa Antônio Lustosa de Oliveira Cabral CNPJ n.º 35.446.376/0001-09

CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE PARNAMIRIM Casa Antônio Lustosa de Oliveira Cabral CNPJ n.º 35.446.376/0001-09 LEI N.º 741/2009 EMENTA: Dispõe sobre a instituição do Sistema de Controle Interno SCI do Poder Legislativo Municipal, cria o Órgão Central do SCI e dá outras providências. A MESA DIRETORA DA CÂMARA MUNICIPAL

Leia mais

Charleston Reis Coutinho é bacharel em direito pelo UNICEUB e especialista em direito administrativo pela Universidade Católica de Brasília.

Charleston Reis Coutinho é bacharel em direito pelo UNICEUB e especialista em direito administrativo pela Universidade Católica de Brasília. 2007 Curso sobre Gestão de Pessoal (Novembro) Instrutores: Dr. Inácio Magalhães Filho, Procurador do Ministério Público junto ao TCDF Dr.Charleston Reis Coutinho, Assessor da Vice-Presidência do TJDFT.

Leia mais

Estado da Paraíba Prefeitura Municipal de Santa Cecília Gabinete do Prefeito

Estado da Paraíba Prefeitura Municipal de Santa Cecília Gabinete do Prefeito Lei nº176/2014 Dispõe sobre o Conselho e Fundo Municipal de Políticas sobre Drogas do Município de Santa Cecília e dá outras providências. A Câmara Municipal de Santa Cecília, estado da Paraíba, aprovou

Leia mais

EXPOSIÇÃO DE MOTIVOS

EXPOSIÇÃO DE MOTIVOS EXPOSIÇÃO DE MOTIVOS Walter Jone dos Anjos, natural de Santo Ângelo/RS, nascido em 27 de janeiro de 1936, é filho de Elisário Manoel dos Anjos e de Josefina Gonçalves de Souza. Casou-se com Maria Celeste

Leia mais

CAPÍTULO I. Parágrafo Único - Sua duração é por tempo indeterminado. CAPÍTULO II DAS ATIVIDADES DA FUNDAÇÃO

CAPÍTULO I. Parágrafo Único - Sua duração é por tempo indeterminado. CAPÍTULO II DAS ATIVIDADES DA FUNDAÇÃO ESTATUTO DA FUNDAÇÃO HOSPITAL SANTA LYDIA CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO, NATUREZA JURÍDICA, SEDE E FORO Artigo 1º - A FUNDAÇÃO HOSPITAL SANTA LYDIA, cuja instituição foi autorizada pela Lei Complementar nº

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 042/2013, de 20 de maio de 2013.

PROJETO DE LEI Nº 042/2013, de 20 de maio de 2013. PROJETO DE LEI Nº 042/2013, de 20 de maio de 2013. Altera e consolida a estrutura administrativa da Prefeitura Municipal de Céu Azul e dá outras providências. O PODER LEGISLATIVO MUNICIPAL DE CÉU AZUL,

Leia mais

A NOMEAÇÃO DE PARENTE PARA CARGO DE SECRETÁRIO CONFIGURA NEPOTISMO PROIBIDO PELA SÚMULA VINCULANTE Nº 13, DO E. SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL?

A NOMEAÇÃO DE PARENTE PARA CARGO DE SECRETÁRIO CONFIGURA NEPOTISMO PROIBIDO PELA SÚMULA VINCULANTE Nº 13, DO E. SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL? A NOMEAÇÃO DE PARENTE PARA CARGO DE SECRETÁRIO CONFIGURA NEPOTISMO PROIBIDO PELA SÚMULA VINCULANTE Nº 13, DO E. SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL? Gina Copola (agosto de 2.013) 1 I O tema relativo ao nepotismo

Leia mais

Formação dos integrantes do Conselho de Planejamento e Orçamento Participativos (CPOP)

Formação dos integrantes do Conselho de Planejamento e Orçamento Participativos (CPOP) Formação dos integrantes do Conselho de Planejamento e Orçamento Participativos (CPOP) Conceitos gerais de gestão pública: princípios e regras da administração pública, processos de licitação, contratos

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA TCU Nº 47, DE 27 DE OUTUBRO DE 2004. Estabelece normas de organização e apresentação de processos de tomada e prestação de contas.

INSTRUÇÃO NORMATIVA TCU Nº 47, DE 27 DE OUTUBRO DE 2004. Estabelece normas de organização e apresentação de processos de tomada e prestação de contas. INSTRUÇÃO NORMATIVA TCU Nº 47, DE 27 DE OUTUBRO DE 2004 Estabelece normas de organização e apresentação de processos de tomada e prestação de contas. O TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO, no uso de suas atribuições

Leia mais

CAPÍTULO I Disposições gerais

CAPÍTULO I Disposições gerais ESTATUTOS DO CONSELHO DAS FINANÇAS PÚBLICAS Aprovados pela Lei n.º 54/2011, de 19 de outubro, com as alterações introduzidas pelo artigo 187.º da Lei n.º 82-B/2014, de 31 de dezembro (Grafia adaptada em

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE LAJEDO

PREFEITURA MUNICIPAL DE LAJEDO CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM CARGOS NO QUADRO PERMANENTE DA PREFEITURA MUNICIPAL DE LAJEDO RETIFICAÇÃO 01 DO EDITAL Nº 01/2009 A Prefeitura Municipal de Lajedo, Estado de Pernambuco, torna

Leia mais

RIO GRANDE DO NORTE LEI COMPLEMENTAR Nº 411, DE 08 DE JANEIRO DE 2010.

RIO GRANDE DO NORTE LEI COMPLEMENTAR Nº 411, DE 08 DE JANEIRO DE 2010. RIO GRANDE DO NORTE LEI COMPLEMENTAR Nº 411, DE 08 DE JANEIRO DE 2010. Dispõe sobre a estrutura organizacional do Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Norte e dá outras providências. A GOVERNADORA

Leia mais

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31144 de 08/04/2008

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31144 de 08/04/2008 DIÁRIO OFICIAL Nº. 311 de 08/0/008 GABINETE DA GOVERNADORA L E I Nº 7.030, DE 30 DE JULHO DE 007* Cria o Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará - IDESP, e dá outras providências.

Leia mais

EDUARDO BRAGA Governador do Estado

EDUARDO BRAGA Governador do Estado DECRETO N.º 24031, DE 26 DE JANEIRO DE 2.004 APROVA o Regimento Interno da SECRETARIA DE CONTROLE INTERNO, ÉTICA E TRANSPARÊNCIA - SCI, e dá outras providências. O GOVERNADOR DO ESTADO DO AMAZONAS, no

Leia mais

Tratam os autos de consulta formulada pelo Sr. Antônio do Vale Ramos, Prefeito do município de Patos de Minas, vazada nos seguintes termos:

Tratam os autos de consulta formulada pelo Sr. Antônio do Vale Ramos, Prefeito do município de Patos de Minas, vazada nos seguintes termos: PROCESSO Nº 735556 NATUREZA: Consulta PROCEDÊNCIA: Prefeitura Municipal de Patos de Minas CONSULENTE: Antônio do Vale Ramos Prefeito Municipal AUDITOR: Edson Arger Tratam os autos de consulta formulada

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 581/2007

PROJETO DE LEI Nº 581/2007 1 PUBLICADO DOC 09/02/2008, PÁG. 85 EMENDA Nº 01 AO PROJETO DE LEI Nº 581/2007 Altera-se redação do artigo 2º como segue Art. 2º. Ficam instituídas as carreiras dos servidores de nível superior da Prefeitura

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 003/2010, de 10 de março de 2010

LEI COMPLEMENTAR Nº 003/2010, de 10 de março de 2010 LEI COMPLEMENTAR Nº 003/2010, de 10 de março de 2010 DISPÕE SOBRE A ESTRUTURA ORGANIZACIONAL, REGULAMENTAÇÃO DO QUADRO DE PESSOAL E VENCIMENTOS DA CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE SÃO CARLOS, ESTADO DE

Leia mais

ESTADO DE RONDÔNIA TRIBUNAL DE CONTAS

ESTADO DE RONDÔNIA TRIBUNAL DE CONTAS 1 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº13./TCER-2004 Dispõe sobre as informações e documentos a serem encaminhados pelos gestores e demais responsáveis pela Administração Direta e Indireta do Estado e dos Municípios;

Leia mais

LEI Nº 1.060, DE5 DE FEVEREIRO DE 1950

LEI Nº 1.060, DE5 DE FEVEREIRO DE 1950 LEI Nº 1.060, DE5 DE FEVEREIRO DE 1950 Estabelece Normas para a Concessão da Assistência Judiciária aos Necessitados. Art. 5º O juiz, se não tiver fundadas razões para indeferir o pedido, deverá julgálo

Leia mais

PROCESSO Nº : 2.567-4/2016 ASSUNTO

PROCESSO Nº : 2.567-4/2016 ASSUNTO PROCESSO Nº : 2.567-4/2016 ASSUNTO : CONSULTA INTERESSADO : FUNDO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS SERVIDORES DE FELIZ NATAL GESTOR : DANIELA DICÉLIA SCARIOT RELATOR : CONSELHEIRO-SUBSTITUTO JOÃO BATISTA

Leia mais

Contas Anuais como procedimento de controle: tendências e perspectivas no âmbito do TCEMG

Contas Anuais como procedimento de controle: tendências e perspectivas no âmbito do TCEMG Contas Anuais como procedimento de controle: tendências e perspectivas no âmbito do TCEMG Heloisa Helena Nascimento Rocha (TCEMG) Pampulha (BH) Oscar Niemeyer PLANO ESTRATÉGICO 2004-2008 1 Reformular rito

Leia mais

ESTATUTO DO SERVIÇO SOCIAL AUTÔNOMO AGÊNCIA BRASILEIRA DE DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL - ABDI

ESTATUTO DO SERVIÇO SOCIAL AUTÔNOMO AGÊNCIA BRASILEIRA DE DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL - ABDI ESTATUTO DO SERVIÇO SOCIAL AUTÔNOMO AGÊNCIA BRASILEIRA DE DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL - ABDI ESTATUTO DO SERVIÇO SOCIAL AUTÔNOMO AGÊNCIA BRASILEIRA DE DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL - ABDI I - DA DENOMINAÇÃO,

Leia mais

NÚCLEO AMIGOS DA TERRA / BRASIL ESTATUTO. Capítulo I. Da entidade e seus objetivos

NÚCLEO AMIGOS DA TERRA / BRASIL ESTATUTO. Capítulo I. Da entidade e seus objetivos Versão Final NÚCLEO AMIGOS DA TERRA / BRASIL ESTATUTO Capítulo I Da entidade e seus objetivos Art. 1º - O NÚCLEO AMIGOS DA TERRA / BRASIL, é uma pessoa jurídica de direito privado, sem fins lucrativos,

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI N o 10.871, DE 20 DE MAIO DE 2004. Conversão da MPv nº 155, de 2003 Texto compilado Dispõe sobre a criação de carreiras e organização

Leia mais

CONSIDERANDO a resolução nº 14, de 9 de junho de 2014, que trata do Programa Mais Educação;

CONSIDERANDO a resolução nº 14, de 9 de junho de 2014, que trata do Programa Mais Educação; No pcsa EDITAL Nº 020/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS E FORMAÇÃO DO CADASTRO DE RESERVA DOS MONITORES DO PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO, JUNTO ÀS UNIDADES ESCOLARES DA REDE PÚBLICA

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 33, DE 27 DE AGOSTO DE 2010

RESOLUÇÃO Nº 33, DE 27 DE AGOSTO DE 2010 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA CONSELHO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 33, DE 27 DE AGOSTO DE 2010 Dispõe

Leia mais

e) Liberdade assistida; f) Semiliberdade; g) Internação, fazendo cumprir o Estatuto da Criança e do Adolescente.

e) Liberdade assistida; f) Semiliberdade; g) Internação, fazendo cumprir o Estatuto da Criança e do Adolescente. REGIMENTO INTERNO DO COMDICA Título I DO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE Capítulo I - DA NATUREZA Art.1º - O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente COMDICA,

Leia mais

I) DIREITO INDIVIDUAL E COLETIVO DO TRABALHO

I) DIREITO INDIVIDUAL E COLETIVO DO TRABALHO PROGRAMA ESPECÍFICO DA PROVA ORAL XX CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DE JUIZ DO TRABALHO SUBSTITUTO DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA SEXTA REGIÃO I) DIREITO INDIVIDUAL E COLETIVO DO TRABALHO

Leia mais

Fundamentos legais citados e bases da Solução de Divergência nº 1, de 02 de janeiro de 2009, da Secretaria da Receita Federal

Fundamentos legais citados e bases da Solução de Divergência nº 1, de 02 de janeiro de 2009, da Secretaria da Receita Federal Serviço de Pericias Contábeis esclarece como fica o IRRF sobre férias, adicional constitucional e abono pecuniário, diante das Solução de Divergência nº 01/09, da Receita Federal. Uma das primeiras notícias

Leia mais

MARCELO DE SIQUEIRA FREITAS Procurador-Geral Federal

MARCELO DE SIQUEIRA FREITAS Procurador-Geral Federal ADVOCACIA-GERAL DA UNIÃO PROCURADORIA-GERAL FEDERAL CONCURSO PÚBLICO PARA FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA E PROVIMENTO DE CARGOS DE PROCURADOR FEDERAL DE 2ª CATEGORIA EDITAL Nº 24, DE 16 DE MAIO DE 2014

Leia mais

LEI Nº 15.853 DE 11 DE OUTUBRO DE 2011.

LEI Nº 15.853 DE 11 DE OUTUBRO DE 2011. LEI Nº 15.853 DE 11 DE OUTUBRO DE 2011. 1 Dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Economia Solidária e o Fundo Municipal de Fomento à Economia Solidária e dá outras providências. O Prefeito Municipal

Leia mais

Quanto ao órgão controlador

Quanto ao órgão controlador Prof. Ms. Cristian Wittmann Aborda os instrumentos jurídicos de fiscalização sobre a atuação dos Agentes públicos; Órgãos públicos; Entidades integradas na Administração Pública; Tem como objetivos fundamentais

Leia mais

DECRETO Nº 38.125 DE 29 DE NOVEMBRO DE 2013. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais e,

DECRETO Nº 38.125 DE 29 DE NOVEMBRO DE 2013. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais e, DECRETO Nº 38.125 DE 29 DE NOVEMBRO DE 2013 Cria a Empresa Pública de Saúde do Rio de Janeiro S/A RIOSAÚDE e aprova seu Estatuto. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais

Leia mais

MUNICÍPIO DO CABO DE SANTO AGOSTINHO - PE RELAÇÃO DOS PROGRAMAS VIGENTES NO EXERCÍCIO 2015 PLANO PLURIANUAL E ORÇAMENTO 2015

MUNICÍPIO DO CABO DE SANTO AGOSTINHO - PE RELAÇÃO DOS PROGRAMAS VIGENTES NO EXERCÍCIO 2015 PLANO PLURIANUAL E ORÇAMENTO 2015 CódigoDenominação 1001 1002 1003 1004 1005 1006 1007 1008 1009 1011 1012 Objetivo 1013 PROGRAMA DE QUALIFICAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS DA PROCURADORIA GERAL DO MUNICÍPIO Promover o desenvolvimento pessoal e

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU DIREITO PROCESSUAL CIVIL

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU DIREITO PROCESSUAL CIVIL PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU DIREITO PROCESSUAL CIVIL Apresentação O curso de Pós-graduação em Direito Processual Civil e Práticas Processuais qualifica o participante para a aprovação em concursos públicos,

Leia mais

João Pedro Lamana paiva

João Pedro Lamana paiva João Pedro Lamana paiva Qualificação pessoal e contato JOÃO PEDRO LAMANA PAIVA, brasileiro, casado, registrador imobiliário em Porto Alegre-RS, com endereço profissional na Travessa Francisco de Leonardo

Leia mais

Direito Ambiental: - Princípios fundamentais de Direito Ambiental. Fontes do Direito Ambiental.

Direito Ambiental: - Princípios fundamentais de Direito Ambiental. Fontes do Direito Ambiental. Direito Constitucional: - Direitos e Garantias Fundamentais: direitos e deveres individuais, sociais e coletivos. - Direito de ação, devido processo legal, habeas corpus, mandado de segurança, mandado

Leia mais

SISTEMA EDUCACIONAL INTEGRADO CENTRO DE ESTUDOS UNIVERSITÁRIOS DE COLIDER Av. Senador Julio Campos, Lote 13, Loteamento Trevo Colider/MT Site:

SISTEMA EDUCACIONAL INTEGRADO CENTRO DE ESTUDOS UNIVERSITÁRIOS DE COLIDER Av. Senador Julio Campos, Lote 13, Loteamento Trevo Colider/MT Site: SISTEMA EDUCACIONAL INTEGRADO CENTRO DE ESTUDOS UNIVERSITÁRIOS DE COLIDER Av. Senador Julio Campos, Lote 13, Loteamento Trevo Colider/MT Site: www.sei-cesucol.edu.br e-mail: sei-cesu@vsp.com.br FACULDADE

Leia mais

PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSUNTOS JURÍDICOS

PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSUNTOS JURÍDICOS PUBLICADO NO DOMP Nº 756 DE: 08/05/2013 PÁG. 1/4 PREFEITURA DE PALMAS LEI N o 1.966, DE 8 DE MAIO DE 2013. (Alterada pela Lei nº 2.198, de 03/12/2015). (Alterada pela Lei nº 2.097 de. A CÂMARA MUNICIPAL

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO CHOÇA ESTADO DA BAHIA

PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO CHOÇA ESTADO DA BAHIA LEI Nº 272, DE 06 DE JUNHO DE 2014. Dispõe sobre a criação do Conselho Comunitário de Segurança Pública e Entidades Afins do Município de Barra do Choça e dá outras Providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE

Leia mais

CÂMARA LEGISLATIVA DO DISTRITO FEDERAL

CÂMARA LEGISLATIVA DO DISTRITO FEDERAL 1 RESOLUÇÃO Nº 261, DE 2013 (Autoria do Projeto: Vários Deputados) Insere dispositivos no Regimento Interno da Câmara Legislativa do Distrito Federal para criar a Comissão de Fiscalização, Governança,

Leia mais

SUMÁRIO. I - Introdução ao Direito Processual do Trabalho, 1

SUMÁRIO. I - Introdução ao Direito Processual do Trabalho, 1 SUMÁRIO I - Introdução ao Direito Processual do Trabalho, 1 1 Fontes do direito processual do trabalho, 2 1.1 Fontes materiais, 2 1.2 Fontes formais, 3 1.2.1 Fontes formais diretas, 3 1.2.2 Fontes formais

Leia mais

Este texto não substitui o original publicado no Diário Oficial, de 23/01/2012

Este texto não substitui o original publicado no Diário Oficial, de 23/01/2012 Este texto não substitui o original publicado no Diário Oficial, de 23/01/2012 LEI Nº 890 DE 23 DE JANEIRO DE 2013 Dispõe sobre a criação da Secretaria de Estado da Cultura (SECULT); altera dispositivos

Leia mais

Prefeitura Municipal de Campinas

Prefeitura Municipal de Campinas Prefeitura Municipal de Campinas Criada pelo Decreto Municipal nº 17.301 de 29 de março de 2011 Estrutura: Coordenadoria Setorial Administrativo e de Expediente Departamento de Controle Preventivo Coordenadoria

Leia mais

LEI Nº0131/97 ESTABELECE A NOVA ESTRUTURA ADMINISTRATIVA DA PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA BÁRBARA DO LESTE MINAS GERAIS.

LEI Nº0131/97 ESTABELECE A NOVA ESTRUTURA ADMINISTRATIVA DA PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA BÁRBARA DO LESTE MINAS GERAIS. LEI Nº0131/97 ESTABELECE A NOVA ESTRUTURA ADMINISTRATIVA DA PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA BÁRBARA DO LESTE MINAS GERAIS. A Câmara Municipal de Santa Bárbara do Leste, por seus representantes aprovou e

Leia mais

RELATÓRIO SINTÉTICO DAS ATIVIDADES DE AUDITORIA BIÊNIO: FEVEREIRO/2011 A JANEIRO/2013

RELATÓRIO SINTÉTICO DAS ATIVIDADES DE AUDITORIA BIÊNIO: FEVEREIRO/2011 A JANEIRO/2013 ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO CEARÁ Auditoria Administrativa de Controle Interno RELATÓRIO SINTÉTICO DAS ATIVIDADES DE AUDITORIA BIÊNIO: FEVEREIRO/2011 A JANEIRO/2013

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO GOTARDO CNPJ: 18.602.037/0001-55 Insc. Est. Isento São Gotardo Minas Gerais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO GOTARDO CNPJ: 18.602.037/0001-55 Insc. Est. Isento São Gotardo Minas Gerais LEI COMPLEMENTAR Nº.132, DE 02 DE MARÇO DE 2015. Dispõe sobre a criação e extinção de cargos em comissão de livre provimento e exoneração sem aumento da despesa e dá outras providências. O povo do Município

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA OLINDA

PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA OLINDA LEI N 274/2013 Nova Olinda - TO, 23 de outubro de 2013 "Institui e cria o Fundo Municipal do Meio Ambiente - FMMA do Município de Nova Olinda -TO e dá outras providências." O PREFEITO MUNICIPAL DE NOVA

Leia mais

<CABBCDAAADBCAADACBBCBACCBABCADCABDAAA DDABCAAD>

<CABBCDAAADBCAADACBBCBACCBABCADCABDAAA DDABCAAD> INCIDENTE DE ARGUIÇÃO DE INCONSTITUCIONALIDADE ARTIGOS 3º, INCISO I, ALÍNEA E, E 10, INCISOS II E V, DA LEI COMPLEMENTAR 29/1997 ARTIGOS 1º. E 3º, INCISOS

Leia mais

Da Política Municipal dos Direitos da Cidadania

Da Política Municipal dos Direitos da Cidadania PROCESSO Nº 950/03 - PROJETO DE LEI Nº 82 INTERESSADO: Vereador Idelso Marques de Souza Paraná ASSUNTO: Institui a Política Municipal dos Direitos da Cidadania, contra as discriminações e violências, cria

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE ACARAÚ - CE C O N C U R S O P Ú B L I C O EDITAL Nº 001/2014

CÂMARA MUNICIPAL DE ACARAÚ - CE C O N C U R S O P Ú B L I C O EDITAL Nº 001/2014 ANEXO I Relação dos Cargos, Vagas Oferecidas, Carga Horária e Salário Base O Cargo, a Escolaridade/Pré-Requisitos, (Coluna C) - Total de Vagas, (Coluna D) - Vagas Reservadas para Portadores de Deficiência,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 41 DE 06 DE NOVEMBRO DE 2009

RESOLUÇÃO Nº 41 DE 06 DE NOVEMBRO DE 2009 1 RESOLUÇÃO Nº 41 DE 06 DE NOVEMBRO DE 2009 Dispõe sobre o Regimento Interno da Escola da Magistratura Regional Federal da Segunda Região. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA SEGUNDA REGIÃO, no

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA A SELEÇÃO PÚBLICA DO PROGRAMA DE ESTÁGIO DA PROCURADORIA GERAL DO ESTADO

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA A SELEÇÃO PÚBLICA DO PROGRAMA DE ESTÁGIO DA PROCURADORIA GERAL DO ESTADO ESTADO DE PERNAMBUCO PROCURADORIA GERAL DO ESTADO EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA A SELEÇÃO PÚBLICA DO PROGRAMA DE ESTÁGIO DA PROCURADORIA GERAL DO ESTADO O PROCURADOR GERAL DO ESTADO, no uso das

Leia mais

SEÇÃO III DO AUXÍLIO-MORADIA

SEÇÃO III DO AUXÍLIO-MORADIA REVISÃO DO TEXTO - REUNIÃO 21/05/2010 ==================================================================== ============== Do artigo 271 até o 287 Direitos e Vantagens - será revisto com a presença dos

Leia mais

Texto integral de Proposições

Texto integral de Proposições Texto integral de Proposições PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2007 Altera a Lei nº 1.411, de 13 de agosto de 1951, para atualizar a regulamentação do exercício da profissão de Economista e dá outras providências.

Leia mais

A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu, Estado do Paraná, aprovou e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte Lei:

A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu, Estado do Paraná, aprovou e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 3.477 DATA: 14 de agosto de 2008. SÚMULA: Altera e acresce dispositivos da Lei nº 3.025, de 18 de janeiro de 2005, alterada pela Lei nº 3.264, de 19 de setembro de 2006, que Dispõe sobre a reestruturação

Leia mais

SECRETARIA DE GESTÃO DE PESSOAS. Subcomitê Estratégico de Gestão de Pessoas

SECRETARIA DE GESTÃO DE PESSOAS. Subcomitê Estratégico de Gestão de Pessoas SECRETARIA DE GESTÃO DE PESSOAS Subcomitê Estratégico de Gestão de Pessoas COMPETÊNCIAS DA SGP Planejar, coordenar, orientar e supervisionar as atividades relacionadas à gestão de pessoas, referentes ao

Leia mais

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL XV EXAME DE ORDEM UNIFICADO

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL XV EXAME DE ORDEM UNIFICADO PADRÃO DE RESPOSTA - PEÇA PROFISSIONAL Fulano de Tal, Presidente da República, concedeu a qualificação de Organização Social ao Centro Universitário NF, pessoa jurídica de direito privado que explora comercialmente

Leia mais

APRESENTAÇÃO. Coordenador do Curso:

APRESENTAÇÃO. Coordenador do Curso: CURSO DE VITALICIAMENTO PARA MAGISTRADOS APRESENTAÇÃO O Curso de Aperfeiçoamento para Magistrados Vitaliciandos, promovido pela Escola da Magistratura do Estado de Alagoas, atende às diretrizes da Escola

Leia mais

ORIENTAÇÕES GERAIS PARA AS ELEIÇÕES 2008: Condutas Vedadas aos Gestores PúblicosP

ORIENTAÇÕES GERAIS PARA AS ELEIÇÕES 2008: Condutas Vedadas aos Gestores PúblicosP Eleições 2008 ORIENTAÇÕES GERAIS PARA AS ELEIÇÕES 2008: Condutas Vedadas aos Gestores PúblicosP Escola Fazendária Teresina, 16 de Junho de 2008 O Art. 73, da Lei nº n 9.504/97, dispõe serem proibidas aos

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº.../EXECUTIVO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS

PROJETO DE LEI Nº.../EXECUTIVO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS PROJETO DE LEI Nº.../EXECUTIVO Dispõe sobre a Controladoria e Auditoria Geral do Município e dá outras providências. CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS Art. 1º A Controladoria e Auditoria Geral do Município

Leia mais

CURRÍCULO PROFISSIONAL. 1. Funções anteriormente exercidas:

CURRÍCULO PROFISSIONAL. 1. Funções anteriormente exercidas: CURRÍCULO PROFISSIONAL Nome: João António Valente Torrão Data de nascimento: 24 de Maio de 1952 Local de nascimento: Pedrógão -Penamacor Categoria actual: Juiz Conselheiro da Secção de Contencioso Tributário

Leia mais

O Controle Interno na Administração Pública. Adinelson Alves da Silva Controlador-Geral do Estado

O Controle Interno na Administração Pública. Adinelson Alves da Silva Controlador-Geral do Estado O Controle Interno na Administração Pública Adinelson Alves da Silva Controlador-Geral do Estado Aracaju SE Julho/ 2009 Sumário 1. Visão Geral; 2. Conceito de Controle; 3. Fundamentação Legal; 4. Estrutura

Leia mais

Art. 1º. Aprovar as alterações do Estatuto da Universidade Federal de Juiz de Fora, com sede na cidade de Juiz de Fora, Estado de Minas Gerais.

Art. 1º. Aprovar as alterações do Estatuto da Universidade Federal de Juiz de Fora, com sede na cidade de Juiz de Fora, Estado de Minas Gerais. Portaria 1.105, de 28 de setembro de 1998 O Ministro de Estado da Educação e do Desporto, usando da competência que lhe foi delegada pelo Decreto 1.845, de 28 de março de 1996, e tendo em vista o Parecer

Leia mais

CONTROLE INTERNO Apresentação: Joilson Alves Pinheiro

CONTROLE INTERNO Apresentação: Joilson Alves Pinheiro Fale Conosco E-mail: controleinterno@unemat.br Telefone: 65-3221-0064 / 0033 I CICLO DE CAPACITAÇÃO EM GESTÃO FINANCEIRA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CONTROLE INTERNO Apresentação: Joilson Alves

Leia mais

RESOLUÇÃO N o 006, de 05 de maio de 2003. Aprova Regimento da Auditoria Interna da UFSJ

RESOLUÇÃO N o 006, de 05 de maio de 2003. Aprova Regimento da Auditoria Interna da UFSJ RESOLUÇÃO N o 006, de 05 de maio de 2003 Aprova Regimento da Auditoria Interna da UFSJ O PRESIDENTE DO CONSELHO DELIBERATIVO SUPERIOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL REI, no uso de suas atribuições

Leia mais

Participou do II Curso de Preparação à Magistratura, no período de 13/03/1989 a 08/12/1989. Promovido pela Escola da Magistratura do Estado de

Participou do II Curso de Preparação à Magistratura, no período de 13/03/1989 a 08/12/1989. Promovido pela Escola da Magistratura do Estado de ALEXANDRE MIGUEL, natural de Tupi Paulista SP, casado, Bacharel em Ciências Jurídicas pela Faculdade de Direito da Alta Paulista, em Tupã, Estado de São Paulo, no ano letivo de 1986. Pós-Graduação em Direito

Leia mais

Presidência. Diretoria Administrativa. Diretoria Financeira. Diretoria de Aposentadoria e Pensões. Diretoria de Assuntos Jurídicos.

Presidência. Diretoria Administrativa. Diretoria Financeira. Diretoria de Aposentadoria e Pensões. Diretoria de Assuntos Jurídicos. Presidência Diretoria Administrativa Diretoria Financeira Conselho Administrativo Diretoria Executiva Diretoria de Aposentadoria e Pensões Conselho Fiscal Diretoria de Assuntos Jurídicos Conselho de Investimentos

Leia mais

Reestrutura as Universidades Estaduais da Bahia e dá outras providências

Reestrutura as Universidades Estaduais da Bahia e dá outras providências LEI 7.176/97 DE 10 DE SETEMBRO DE 1997 Reestrutura as Universidades Estaduais da Bahia e dá outras providências O GOVERNADOR DO ESTADO DA BAHIA, faço saber a Assembléia Legislativa decreta e eu sanciono

Leia mais

RESOLUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 74/2007 Aprova o Estatuto da Escola de Formação e Aperfeiçoamento da Magistratura da 18ª Região da Justiça do Trabalho

RESOLUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 74/2007 Aprova o Estatuto da Escola de Formação e Aperfeiçoamento da Magistratura da 18ª Região da Justiça do Trabalho RESOLUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 74/2007 Aprova o Estatuto da Escola de Formação e Aperfeiçoamento da Magistratura da 18ª Região da Justiça do Trabalho EMAT-18. CERTIFICO E DOU FÉ que o Pleno do Egrégio Tribunal

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS GABINETE CIVIL

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS GABINETE CIVIL DECRETO Nº 309, DE 6 DE DEZEMBRO DE 2005. Aprova o Regimento Interno e o Organograma da Secretaria Municipal do Trabalho e Cooperativismo e dá outras providências. O PREFEITO DE PALMAS no uso das atribuições

Leia mais

ADITIVO AO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N 001/2007

ADITIVO AO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N 001/2007 ADITIVO AO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N 001/2007 O Presidente da Fundação de Apoio à Universidade Federal de São João del-rei FAUF e o Prefeito Municipal de Ibirité, Antonio Pinheiro Júnior, faz saber

Leia mais

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA. REQUERIMENTO DE AUDIÊNCIA PÚBLICA N DE 2012 (do Sr. Marcos Rogério)

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA. REQUERIMENTO DE AUDIÊNCIA PÚBLICA N DE 2012 (do Sr. Marcos Rogério) COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA REQUERIMENTO DE AUDIÊNCIA PÚBLICA N DE 2012 (do Sr. Marcos Rogério) Solicita que seja realizada Reunião de Audiência Pública com a presença dos Srs.: Ministro

Leia mais

CARLOS ALBERTO GOMES CHIARELLI. 1. Natural de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil (03/05/1940) CPF N 007476530-20 RG N 4001931064

CARLOS ALBERTO GOMES CHIARELLI. 1. Natural de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil (03/05/1940) CPF N 007476530-20 RG N 4001931064 CARLOS ALBERTO GOMES CHIARELLI 1. Natural de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil (03/05/1940) CPF N 007476530-20 RG N 4001931064 2. Dados profissionais, universitários e institucionais (Sumário) A) Exercício

Leia mais