FORNECEDORES PARA RH 10 BENEFÍCIOS 14 GESTÃO DO NEGÓCIO 28 TALENTOS 47 TECNOLOGIA PARA RH 58 CONSULTORIA INTERNA 61 SAÚDE 64

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "FORNECEDORES PARA RH 10 BENEFÍCIOS 14 GESTÃO DO NEGÓCIO 28 TALENTOS 47 TECNOLOGIA PARA RH 58 CONSULTORIA INTERNA 61 SAÚDE 64"

Transcrição

1

2

3

4 EXPEDIENTE Revista Gestão RH é uma publicação da GRH Editora e Publicidade Ltda. Vamos discutir a relação CAPA6 Edição Ano XVIII (Maio ) Especial Fornecedores para RH Jornalista responsável Alexandre Garrett MTb /SP Editor & Publisher Alexandre Garrett Editora assistente Lucilene Faquim MTb /SP Redação e Reportagem Renata Silva MTb /SP Revisão Goreti Queirós Pesquisas Hugo Silveira Internet e Assinaturas Josimar Gomes Tel: (11) Assinatura anual R$ 156 Exemplar avulso R$ 26 Publicidade Marli Veloso Tel: (11) Projeto Gráfico André Paiva Capa André Paiva Impressão Gráfica e Editora Stampato FORNECEDORES PARA RH 10 Sinergia entre parceiros BENEFÍCIOS 14 A hora de diversificar GESTÃO DO NEGÓCIO 28 Criando valor TALENTOS 47 Consultorias apoiam gestão TECNOLOGIA PARA RH 58 Processos evoluem com softwares CONSULTORIA INTERNA 61 Aproximando gestores SAÚDE 64 Apoio para a recuperação psicológica RHS MAIS ADMIRADOS 66 Gestão RH divulga lista dos RHs Mais Admirados do Brasil 2012 GRH Editora -

5 Chegamos finalmente na edição 100. É uma grande conquista. Nesses 18 anos de publicação da revista observamos idas e vindas nos modelos gerenciais das empresas, ora com forte crescimento e ora com enxugamentos. Fusões e aquisições marcaram o mercado e afetaram as culturas de organizações tradicionais tanto brasileiras como globalizadas. A tecnologia tomou conta do processo de produção e tornou a gestão mais ágil. RH não podia ficar ileso a todo este processo e o seu papel e suas rotinas foram completamente alterados. A evolução no mercado de trabalho trouxe avanços na legislação e também no modo de se pensar o mundo corporativo. A gestão de talentos passou a ser uma exigência para se obter sucesso e resultados nos negócios. O capital humano deixou de ser recursos e se tornou estratégico e também o diferencial possível nas empresas. A concorrência passou a ser também das competências das pessoas. Este é o fator mais relevante para RH. Alexandre Garrett Editor & Publisher As novas gerações já entram no mercado de trabalho exigindo mais qualidade de vida, novos conhecimentos e possibilidades de crescimento profissional. Este é um novo cenário e é irreversível. Para o gestor de pessoas, cabe total atenção sobre tendências de educação e desenvolvimento das mesmas e a retenção de seus profissionais dependerá de sua habilidade de gerar novos desafios na sua organização e também a manutenção de um clima de felicidade no trabalho. Os benefícios são importantes e a remuneração também, mas o reconhecimento não financeiro, o ambiente organizacional e as oportunidades de crescimento fazem o vai e vem do mercado. RH é um gestor do capital humano e também um grande educador, pois precisa olhar o futuro do mercado e ficar alinhado com questões como cidadania, sustentabilidade e governança corporativa, temas que antes eram praticamente distantes do seu universo de conhecimento. RH estratégico é uma gestão interagindo com negócios e pessoas e toda comunidade interna e externa. A terceirização não pode mais ser feita de qualquer jeito e o olhar para a comunidade de consumidores e cidadãos também passou a ser atribuição do RH e de toda organização. É um mundo de complexidades mas que permite atualização, cidadania e maior participação dos profissionais gestores de pessoas. Os mais atentos sobreviverão, os menos aptos serão expurgados, como na lei da sobrevivência darwiniana. Boa leitura!

6 Vamos discutir a relação [Confira a opinião de profissionais de Recursos Humanos sobre sua relação com os fornecedores de RH e quais as vantagens e as dificuldades enfrentadas nessa parceria Renata Silva O profissional de Recursos Humanos tem como principal objetivo oferecer práticas em gestão de pessoas que beneficiem o seu colaborador e a empresa na qual está inserido. Muitos desses processos necessitam de um apoio externo de empresas e consultorias especializadas no desenvolvimento, implantação e acompanhamento de projetos e, para isso, o RH possui no mercado uma gama de produtos, serviços e soluções para atender as suas necessidades. Apesar da infinidade de empresas especializadas em garantir o sucesso dos processos, há ainda uma queixa recorrente sobre o alinhamento entre as necessidades da organização e o que os fornecedores para RH disponibilizam no mercado para atender a essas demandas. A definição correta entre o que é esperado pela empresa e o que os parceiros entregam aos RHs ainda está aquém do que os gestores de pessoas esperam dessa parceria. Por isso, essa relação de amor e ódio entre gestores e parceiros deve ser transparente e muito bem definida entre as partes para se obter sucesso. Para que os fornecedores para RH possam contribuir com seus clientes, eles devem ser qualificados e possuir o know-how necessário para que o público de RH consiga atingir seus objetivos estratégicos dentro da empresa. Esse conceito parece simples, porém, na prática, é comprovado que muitos gestores têm dificuldades na implantação de projetos porque as empresas, apesar de se comprometerem, ainda não estão preparadas para assumir a parceria. O processo de terceirização é uma atividade natural na rotina das organizações que não podem suprir sozinhas suas necessidades internas, porém a empresa contratante deve ter o conhecimento correto do conceito terceirizar e o que deve ser terceirizado, para poder otimizar suas práticas de acordo com os objetivos da empresa e repassar suas necessidades ao fornecedor. Entendo que aqueles serviços para os quais existam provedores especializados, a terceirização não é uma boa estratégia mas, sim, deve ser A estratégia. Decidir isso exige mais razão do que emoção do profissional de RH, argumenta Jair Pianucci, diretor de RH da Metlife. 6

7 Com o alinhamento correto, a parceria só tem a crescer e gerar lucros, no que diz respeito à melhor qualidade dos serviços prestados, agilidade nos processos, economia e eficiência nos projetos. Atualmente os fornecedores para RH estão cada vez mais preocupados com sua relação com o cliente e em proporcionar um atendimento de qualidade que atenda às necessidades das organizações. Porém, para que isso seja possível, a comunicação entre as partes é primordial. Para que esses parceiros conheçam melhor a opinião dos profissionais de RH sobre essa relação, gestores de pessoas de grandes organizações do Brasil relatam o que esperam deles e quais as vantagens e as dificuldades enfrentadas por eles ao lidar com seus fornecedores. Confira ainda dicas desses profissionas para a melhoria entre a relação RH e parceiros. Benefícios Quando um RH busca empresas terceirizadas para auxiliar em seus processos, entre os fatores que mais influenciam na escolha do parceiro estão sua expertise no negócio, qualidade, transparência e cumprimento dos objetivos almejados. Após a escolha, o fornecedor para RH torna-se fundamental para o sucesso do projeto, como explica Antônio Pedro Gordilho, diretor de RH da Coelba. Os parceiros e fornecedores de RH têm papel fundamental, pois oferecem estrutura complementar para o desenvolvimento das empresas. Portanto, utilizar serviços e ferramentas de qualidade dos parceiros fornecedores é essencial para a continuidade do trabalho no dia a dia da organização e para o alcance dos objetivos corporativos, ressalta o executivo. Já Taciana Amaral, gerente de RH da Bahiagás, afirma que a terceirização de determinados serviços na empresa é uma estratégia e uma ferramenta administrativa que visa agilidade e redução de custos. Porém, é muito importante a realização de um termo contratual cuidadoso com obrigações bem definidas, a fim de que a relação entre as partes seja a melhor possível e que os serviços sejam prestados de forma satisfatória. Bons parceiros fazem com que projetos críticos sejam implementados em menos tempo e também com menos risco de erro. Isso ocorre por conta do conhecimentos específicos e/ou da Taciana Amaral, gerente de RH da Bahiagás Tecnisa Marcello Zappia, diretor de Desenvolvimento Humano e Organizacional da Tecnisa metodologia que eles possuem. É uma forma de estarmos atualizados com o que há de melhor no mercado, e também uma oportunidade de viabilizarmos projeto simportantes em menos tempo, diz Marcello Zappia, diretor de Desenvolvimento Humano e Organizacional da Tecnisa. Essa relação de parceria, para trazer resultados, também deve se basear na confiança, na ética e na transparência entre as partes, pois em momentos de difilculdades essas relações ficam fortalecidas se a cumplicidade entre cliente e fornecedor estiver mantida. A relação é de extrema confiança e troca. Para que os parceiros deem certo na relação de trabalho, é fundamental acreditar na possibilidade de ganhos que ambos terão. Portanto, sempre que escolho os parceiros para atuar na empresa comigo é fundamental que haja esta relação de apoio, troca e complementaridade. Eles são uma excelente alternativa para os RHs, pois nem sempre dispomos, no ambiente profissional, de todas as expertises necessárias para viabilizar os programas e projetos na área, necessitando, assim, buscar parceiros que possam nos ajudar. Vejo vantagens como domínio de determinado assunto para trazer respostas mais rápidas, visão mais ampliada das possibilidades que estão sendo praticadas em várias empresas ou regiões, compartilhamento de tendências, rapidez para trazermos mais respostas ao ambiente de trabalho, entre outras, explica Adilséia Soriani, diretora de RH da Belagrícola. Dificuldades Toda mudança estrutural requer adequações e entendimento por parte dos envolvidos no processo de elaboração, implantação e acompanhamento do projeto a ser implementado. O alinhamento estratégico entre o cliente e o prestador de serviço deve estar bem fundamentado para que não surjam diferenças nos objetivos a serem alcançados. 7

8 Belagrícola Isso nem sempre é possível, o que causa um desgaste excessivo entre empresa e fornecedor e, em alguns casos o que foi proposto acaba sendo interrompido por falta de diálogo. Entre os problemas mais constantes encontrados pelos profissionais de RH com seus parceiros estão a falta de comprometimento com o projeto, o descumprimento do prazo estipulado em contrato, a falta de qualidade e transparência, a desistência do projeto após enfrentar dificuldades, a falta de alternativas para a resolução dos problemas e a flexibilidade para aquilo que é oferecido. De acordo com Macello Zappia, da Tecnisa, o principal desafio é encontrar empresas com reconhecida capacidade de entrega com qualidade. Em qualquer tema de interesse existem várias alternativas no mercado e diversas empresas que em tese são capacitadas para prestar serviço. Nem todas, entretanto, possuem reais condições de entregar o que prometem, seja porque o conhecimento está nas mãos de quem vende, mas não de quem entrega, seja porque elas não compreendem corretamente os desafios e as características de quem está contratando, explica o executivo. Outro problema enfrentado pelos gestores de pessoas na contratação de empresas parceiras está ligado a questões internas, no que diz respeito a mudar a visão organizacional sobre a importância de se inserir profissionais e empresas especializadas para auxiliar nos processos. Adilséia Soriani, da Belagrícola, explica que a maior dificuldade está em conseguir a aprovação inicial com o corpo diretivo, principalmente em empresas que acreditam que tudo pode ser viabilizado internamente. Esta premissa não é verdadeira, principalmente se considerarmos os benefícios advindos de excelentes parcerias. Além disso, quando nos deparamos com profissionais que não conseguem cumprir agenda ou se retraem diante de uma dificuldade (que aliás é muito natural), pode haver problemas nas implementações de projetos com parceiros. Newton Bianchi, diretor de RH da Petrom - Petroquímica Mogi das Cruzes Adilséia Soriani, diretora de RH da Belagrícola Se o fornecedor não se compromete com você na busca de soluções, com certeza a relação de trabalho ficará estremecida e os resultados não acontecerão. Um ponto importante e observado entre os profissionais de RH está no atendimento ao cliente no pós-venda. As pessoas que realizaram a implantação do produto, serviço ou projeto acabam saindo de cena e os novos contatos não acompanharam o processo de negociação, dificultando o início da relação comercial. Dependendo do tipo de serviço a ser terceirizado você ainda tem o risco do passivo trabalhista, haja vista que a terceirização em nosso país ainda não está regulamentada e gera muitas dúvidas e insegurança jurídica, relata Newton Bianchi, diretor de RH da Petrom - Petroquímica Mogi das Cruzes. A maior dificuldade está em encontrar o parceiro certo que traga para dentro da empresa alternativas e propostas voltadas para as necessidades do dia a dia, diz Cláudio Carias Júnior, diretor de RH da Camil. Já Antonio Pedro Gordilho, diretor de RH da Coelba, reafirma a importânia do cumprimento do contrato de prestação de serviço e alinhamento dos objetivos da parceria. As expectativas algumas vezes não são as mesmas entre as partes, mas é preciso que ela seja minimamente realista para todos os envolvidos. Para isso, tudo deve ser muito bem formalizado. Todas as exigências discutidas, ponderadas, avaliadas e documentadas. A solução a ser implantada deve estar visível a todos de RH, em todos os níveis hierárquicos, caso contrário, uma relação que tinha tudo para dar certo pode ir por água abaixo, não por que a consultoria falhou, ou o cliente não foi objetivo nas suas necessidades, mas simplesmente pelo fato de que suas expectativas não estavam alinhadas. Uma das principais ações que podem ser tomadas a fim de reduzir os riscos e impactos de serviços oferecidos por fornecedores de RH é alinhar as expectativas entre as partes e fazer o acompanhamento constante do andamento dos serviços, através de um relação transparente e de ganha-a-ganha. 8

9 Anseios A área de Recursos Humano está cada vez mais evoluída e em busca de empresas que não só ofereçam produtos e serviços que atendam as suas necessidades, mas também que sejam efetivamente parceiras do negócio. Prova disso é a necessidade de soluções diferenciadas, flexibilidade nos projetos e atendimento de qualidade. Ao atingir esses requisitos, o fornecedor para RH cumpre seu objetivo de levar ao gestor ferramentas que realmente facilitem a rotina da organização. Para isso é necessário manter os padrões de qualidade, bom atendimento e transparência, além do compromisso e cumprimento com o que foi proposto, como explica Taciana Amaral, gerente de RH da Bahiagás. Excelência no atendimento é fundamental. É imprescindível que todas as empresas tenham como foco principal o cliente, que precisa estar satisfeito com o atendimento e com a prestação dos serviços. Porém, ainda existem organizações que persistem em atendê-lo com descaso e desatenção. Esta é a diferença entre obter sucesso ou fracassar nos negócios. Já Marcello Zappia, da Tecnisa, acredita que uma boa parceria deve ser sempre marcada pelo trinômio correto entendimento das necessidades + capacidade de entrega + transparência. A falta de transparência é algo que prejudica a relação no longo prazo, pois sabemos que dificuldades existem. Quando elas são tratadas de forma clara, a tendência é que os problemas sejam superados e a relação de confiança seja fortalecida. Na opinião de Adilséia Soriani, da Belagrícola, os fornecedores precisam compreender que as empresas querem respostas objetivas. É fundamental que entrem na parceria como fazendo parte da empresa na busca de soluções e resultados, não somente pensando no ganho financeiro que poderá advir da relação comercial. Sempre acreditei que se você entra numa relação de trabalho para fazer o melhor, sem pensar em dinheiro em primeiro lugar, os ganhos e frutos colhidos serão de longo prazo. Experiência dos fornecedores em prover os serviços requisitados - É necessário atentar para a experiência dos fornecedores, visto que quando a empresa busca a terceirização de serviços está objetivando racionalizar recursos, redefinir suas operações, funcionar com estruturas mais enxutas e flexíveis, e isto requer reconhecimento e atuação com credibilidade no mercado por parte da empresa terceirizada. Definição adequada dos níveis de serviço - É fundamental que os parâmetros de serviço desejados reflitam as necessidades de custo e serviço de cada uma das várias partes de uma organização. A definição do objeto do contrato deve ser clara e detalhada. Flexibilidade contratual - O mundo atual dos negócios apresenta uma característica clara: a constante necessidade de mudança. Neste contexto, é fundamental que os contratos de terceirização reflitam esta característica e, portanto, tenham a necessária flexibilidade para acomodar as inevitáveis mudanças nas necessidades dos negócios. Estas dificuldades não significam que as empresas devam evitar o processo de terceirização de serviços. Indicam, na verdade, que este processo deve ser conduzido de forma diferente daquela utilizada pela maior parte das empresas. Os benefícios são tangíveis e concretos. A necessidade de competitividade é crescente. Cabe à empresa utilizar a terceirização como ferramenta efetiva de melhoria de desempenho. 9

10 Panorama Sinergia entre parceiros [É nítida a evolução do mercado de prestação de serviços para RH, que tende a crescer e a absorver cada vez mais atividades dentro das organizações, liberando os executivos de gestão de pessoas para dedicação integral ao seu negócio No cenário das organizações modernas, o parceiro do RH tem tanta influência nos bons resultados quanto os executivos que coordenam a área. É dessa parceria, da soma de conhecimento e força que surgem as grandes soluções em gestão de pessoas e a cooperação entre parceiro-cliente. Mas o que mais pesa na hora de contratar uma empresa fornecedora de um produto ou serviços? Que fatores aumentam a credibilidade de um fornecedor junto a seus parceiros? A pesquisa nacional 100 Melhores Fornecedores para RH, realizada anualmente, traz alguns dados que podem ajudar a responder essas questões. Em seu sexto ano, o estudo tem como objetivo levantar dados consolidados sobre o relacionamento empresa e fornecedores de RH. Esses dados subsidiam um indicador de qualidade dos serviços nesse segmento. O universo da pesquisa é o mercado nacional de empresas que atendem aos setores industrial, comercial e de prestação de serviços, e os dados são levantados em duas etapas, segundo uma abordagem quantitativa e qualitativa. As empresas mais votadas na primeira etapa são avaliadas por seus próprios clientes e pelos RHs das 1000 Maiores Empresas e das Melhores Empresas para se Trabalhar (Exame), através de questionários eletrônicos. Cada indicação recebida equivale a um ponto e ao cadastramento da empresa na pesquisa. Os participantes das listas anteriores já fazem parte automaticamente do questionário. Na segunda fase envolve a votação dos profissionais em geral, que escolhem até dez empresas dos 41 segmentos e entre as quatro categorias: Benefícios, Gestão do Negócio, Talentos e Tecnologia para RH. As empresas mais bem avaliadas em seus segmentos de atuação possuem uma forte marca, com serviços de primeira linha. Elas deixam a lição de que, para ser um excelente prestador de serviços, é imprescindível buscar transparência no relacionamento e desenvolver ações que beneficiem seus colaboradores, o meio ambiente e a comunidade. Nos seis anos da pesquisa, na lista dos dez fornecedores mais votados e mais bem avaliados pelos RHs tem empresas como: Benefícios (Admix, GRSA, Odontoprev, Sodexho Alimentação); Gestão do Negócio (Berlitz, FGV Online, IDORT, Senac São Paulo) e Talentos (DMRH, On Time, Soulan, Vagas). Nas seis edições da pesquisa 100 Melhores Fornecedores para RH, algumas empresas se mantiveram no ranking das 10 Mais em todas as listas. Elas são um exemplo de que desenvolver ações como cuidar do atendimento e do relacionamento com o cliente, oferecer soluções diferenciadas, sem deixar de investir em seu capital humano, podem garantir bons resultados. São elas: Catho Online, FGV Online e Unimed Paulistana. 10

11

12 Panorama Além da satisfação Durante os seis anos, a pesquisa mostrou aumento na fidelidade dos gestores de RH aos seus fornecedores de produtos e serviços. Este ano, 80% dos finalistas prestam serviços acima de dois anos nas empresas e 11% há menos de dois anos. O grupo que presta serviços há mais de cinco anos representa 19% e mais de sete 36%. Em 2011estes números representaram: 75% (acima de dois anos) e 12% (menos de dois), 23% (mais de sete) e 21% (mais de cinco anos). Já em 2010, as empresas que prestavam serviços há mais de dois representou 64%; e em 2009 este número foi de 26%. Mas qual o principal ponto a ser considerado na relação cliente e fornecedor? De acordo com a pesquisa, priorizar um relacionamento baseado na confiança é fundamental para as relações de longevidade. A relação de confiança entre as duas partes, classificada como acima do satisfatório, cresceu de 85% para 88% este ano. Sendo que nas duas últimas edições, apenas 14% dizem que a relação pode ser considerada razoável. A troca de informações entre os RHs e seus parceiros também é uma constante. A periodicidade do envio de informações técnicas e úteis à gestão dos seus negócios, por parte dos fornecedores, obteve, este ano, 63% de indicações para a opção constantemente, contra 45% (2011), 60% (2010), 52% (2009), 48% (2008) e 30% (2007). Troca de informações também gera satisfação junto aos gestores de Recursos Humanos. Como mostra a pesquisa, que neste ano, 99% deles indicariam com excelentes referências seus parceiros no fornecimento de produtos e serviços para seu RH, sendo que 35% deles fariam sem restrição nenhuma. No ano passado, o número de gestores que indicariam com excelentes referências foi de 64% e 24% deles fariam sem restrição nenhuma. Em 2010, os índices foram de 60% e 25%, respectivamente. Qualidade Com o intuito de melhorar a prestação de serviços aos seus colaboradores, os RHs das organizações medem constantemente a qualidade dos serviços. Segundo os pesquisados em 2012, a prestação de contas e a qualidade da relação cliente/fornecedor são avaliadas constantemente por 81%. O resultado de 2011 foi de 57%, 2010 (40%) e 2009 (29%). A qualidade dos serviços prestados pelos fornecedores vem apresentando resultados positivos. Durante os anos, o grau de satisfação tem crescido. Neste ano, 96% das empresas classificam os serviços prestados por fornecedores como sendo de alto grau de satisfação. Nas duas edições anteriores, o percentual foi de 77% em 2011 e 70% em Já quando realizado um comparativo de mercado em relação aos serviços prestados à qualidade dos mesmos pelos fornecedores, a pesquisa indicou que 55% foram considerados excelentes. Este índice é 13% maior em relação à pesquisa anterior. A avaliação sobre os serviços prestados pelo fornecedor é feita constantemente por 59% dos clientes, ficando 3% abaixo do índice apresentado no ano passado, que foi de 62%. A qualidade do serviço e a tecnologia oferecida pelos fornecedores, especialmente no uso de software e equipamentos, também tiveram bons resultados. Foram avaliadas como superiores por 76% das empresas participantes, ante um índice de 47% na pesquisa anterior. Vale destacar que 23% classificaram como mediano e apenas 2% como equipamentos fracos. Em 2007, na primeira edição da pesquisa, 65% consideraram superiores. Já em 2008, foi de 50%, 2009 (44%) e 2010 (48%). Desenvolvimento Ao focar o desenvolvimento de seus colaboradores, as empresas fornecedoras acenam com a construção de um ambiente de trabalho que gera confiança entre as pessoas e que se estende aos seus clientes. Isso pode ser comprovado com o resultado da pesquisa, em que as empresas quando perguntado se perceberam uma preocupação do prestador de serviços em investir em treinamento e desenvolvimento de sua equipe, 64% avaliaram que constantemente o seu prestador de serviços investe na formação da equipe. Mas 36% classificaram que algumas ou poucas vezes perceberam essa preocupação em seu fornecedor. 12

13 Panorama Um número alto e que merece atenção dos fornecedores de serviços para RH. Outro dado relevante da pesquisa deste ano pode ser observado quando se questionou os gestores de RH sobre o grau de satisfação dos colaboradores de seus fornecedores em relação aos trabalhos que desenvolvem na empresa. Eles consideram que 94% dos prestadores de serviços demonstram satisfação. Desse percentual, 76% classificaram como muito satisfatório,12% com alto grau de satisfação e apenas 4% demonstraram mediana satisfação e 2% insatisfeitos. Afinal, bons resultados de investir em pessoas são sentidos no relacionamento com os clientes. Equipe bem treinada e motivada atende melhor, dá respostas rápidas aos problemas e tende a antecipar as necessidades dos parceiros. Ou seja, capital humano valorizado, melhores resultados conquistados. 10

14 A hora de diversificar [Pacotes de benefícios diferenciados auxiliam na atração e retenção de talentos e tornam-se um segmento estratégico nas organizações Renata Silva O setor de benefícios mudou e aquela visão paternalista deu lugar a uma área estratégica e parceira do RH na atração e retenção de talentos. Anteriormente, a área estava ligada apenas aos segmentos de saúde; por meio do fornecimento de assistência médica; alimentação, através do vale-refeição ou cesta básica e vale-transporte. Hoje essa visão mudou e as empresas estão cada vez mais preocupadas em oferecer pacotes de benefícios atraentes e que influenciem na tomada de decisão do colaborador em escolher ou não se manter na organização ou optar por ela no momento de sua contratação. Apesar da remuneração ser um requisito essencial no mercado de trabalho, ela por si só não sustenta os anseios da população, que busca empresas que se preocupem com o colaborador e ofereçam subsídios para que ele possa se desenvolver na carreira e tenha, acima de tudo, saúde, qualidade de vida e respeito dentro das organizações. O segmento de benefícios atua diretamente nessas questões e disponibiliza no mercado uma gama de soluções que facilitam os processos de RH. Com o crescimento da terceirização de serviços nas organizações, vários outros benefícios também começaram a ser administrados por empresas especializadas. Eles variam de acordo com a cultura e os valores da empresa e tipo de negócio e grau de percepção, além da importância que os colaboradores têm em relação a essas vantagens. Existem ainda companhias que possuem benefícios flexíveis de acordo com a necessidade e gosto do colaborador, considerado um fator de extrema relevância no momento da contratação. Uma pesquisa recente realizada pela Catho Online, com participantes, sobre Contratação, Demissão e Carreira dos Executivos Brasileiros, apontou que os três principais benefícios oferecidos aos colaboradores são o vale-transporte (72%), a assistência médica (64%) e o vale-refeição (54%). Já entre os menos disponibilizados estão os convênios (farmácia e odontológico) e descontos comerciais (21%), estacionamento (20,5%) e, por último, celular (18,4%). Outro dado levantado pela pesquisa mostrou que para a maioria dos profissionais empregados os benefícios recebidos no emprego atual são melhores do que os recebidos no emprego anterior. Porém, quando comparado com o mercado, consideram os seus benefícios abaixo da média, com exceção das empresas de grande porte, com uma avaliação de 5,3 em uma escala de zero a dez. Outro benefício oferecido pelas organizações e bastante valorizado entre os colaboradores são os programas de treinamento e desenvolvimento profissional. Muitas empresas oferecem incentivos para a formação profissional, por meio de cursos de MBA, graduação e pós-graduação, e capacitações que auxiliam no desempenho da função, entre outros. A preocupação com a saúde e a qualidade de vida também são um tema bastante valorizado entre os profissionais. Empresas que baseiam suas práticas na promoção de um estilo saudável e dão subsídios para que os funcionários as apliquem no dia a dia da organização mostram que sua cultura está focada no cuidado com as pessoas, requisito essencial na atração e retenção de talentos. 14

15 Alimentação saudável [ Conheça o que está sendo desenvolvido no segmento do benefício alimentação O segmento de alimentação sempre esteve presente na grade de benefícios oferecidos pelas organizações e ele é disponibilizado ao colaborador através de refeitórios próprios, de cartões e tíqueterefeição e alimentação ou por meio da distribuição de cestas básicas. Por ser um dos itens mais comuns dentro da cartela de benefícios, as empresas tiveram que buscar alternativas e parceiros que oferecessem soluções diferenciadas para suprir as demandas da área de RH e, em paralelo, atender às expectativas do público final: o colaborador. E por ser essencial para a sobrevivência, muitas empresas aderiram ao Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT), que é uma parceria entre governo, empregadores e funcionários, com o objetivo de melhorar as condições nutricionais dos trabalhadores, visando aprimorar a qualidade de vida, a redução de acidentes de trabalho e o aumento da produtividade. De acordo com dados divulgados pelo Ministério do Trabalho e Emprego (TEM) em 2011, mais de 14 milhões de trabalhadores brasileiros são beneficiados pelo PAT, sendo que somente 11,5 milhões recebem até cinco salários mínimos. Instituído por meio da Lei 6.321, de 14 de abril de 1976, o Programa permite a inscrição de empresas beneficiárias, fornecedoras e prestadoras de serviço em alimentação coletiva. Ao se inscrever no PAT, a empresa sujeita ao pagamento do Imposto de Renda consegue deduzir parte das despesas com a alimentação dos próprios trabalhadores. Organizações sem fins lucrativos, a exemplo das filantrópicas, das microempresas, dos condomínios e outras isentas do Imposto de Renda, também podem ser inscritas no Programa. Todas essas modalidades se encaixam no segmento de alimentação. O PAT é destinado, prioritariamente, ao atendimento dos trabalhadores de baixa renda, isto é, aqueles que ganham até cinco salários mínimos mensais. Entretanto, as empresas beneficiárias poderão incluir no Programa trabalhadores de renda mais elevada, desde que não haja distinções entre os benefícios oferecidos. Tal obrigatoriedade permite a regulamentação do benefício e evita o descumprimento da lei e interrupção da alimentação por parte do empregador. As organizações que aderem ao Programa podem escolher, dentre as modalidades de fornecimento, os serviços de autogestão (serviço próprio), em que a empresa assume toda a responsabilidade pela elaboração das refeições; e terceirização (serviços de terceiros), no qual o fornecimento das refeições é formalizado por intermédio de contrato firmado entre as organizações e seus parceiros em refeição coletiva. Em ambos os casos é obrigatória a supervisão por nutricionistas, que irão garantir a qualidade energética e nutricional das refeições. Estão inclusos nessas modalidades a refeição convênio (fornecimento de vales, tíquetes, cupons, cheques); a alimentação convênio (a empresa beneficiária fornece senhas, tíquetes, etc para aquisição de gêneros alimentícios em estabelecimentos comerciais) e a cesta de alimentos (a empresa beneficiária fornece os alimentos em embalagens especiais, garantindo ao trabalhador ao menos uma refeição diária). Alimentação Coletiva Para atender às demandas dos gestores de pessoas no que diz respeito à alimentação coletiva, as empresas fornecedoras para RH buscam não só a produção de uma refeição saudável, mas também um ambiente harmonioso e agradável para a realização da refeição. Um atendimento de qualidade também se torna um fator preponderante para que o parceiro obtenha sucesso nas empresas na qual atua. De acordo com a Ortel, empresa que atua no segmento de alimentação coletiva há mais de 40 anos, os serviços de alimentação evoluíram de forma acelerada nos últimos 30 anos, basicamente pela atuação mais efetiva das áreas de Gestão de Pessoas das empresas em busca por melhores condições ambientais de qualidade dos produtos e de segurança alimentar. Por esse motivo, a empresa procura atender todas as expectativas dos seus clientes e usuários de maneira individualizada e com um canal de comunicação aberto. Embora tenhamos uma significativa linha de investimentos financeiros para melhoria das instalações, projetos de construção e reforma, ampliação da linha de produtos e serviços, nosso grande investimento é desenvolver ideias criativas que minimizem custos e agreguem ganhos de satisfação aos usuários, produtos e serviços. Nosso grande 15

16 Alimentação GRSA Tel.: (11) José Carlos Lucentini, diretor de Vendas e Relacionamento da GRSA Fundação da empresa: 1977 Principal atividade: Soluções em alimentação e serviços de suporte Número de colaboradores: 35 mil em todo o país Ramo de atuação: Foodservice e facilities Onde atua: Mais de 2 mil unidades em 360 cidades em todo o Brasil Número de clientes: Mais de em todo o país investimento é desenvolver ideias criativas que minimizem custos e agreguem ganhos de satisfação aos usuários, ressalta Luiz Manno, diretor da Ortel. Para a empresa, um dos seus pontos fortes estão no relacionamento com a área de RH, que se baseiam na transparência e no alinhamento do que o cliente necessita e o que é oferecido. Formamos um único grupo, RH e seus contratados, pois somos, da mesma maneira, prestadores de serviço do público interno, devendo caminhar juntos, no planejamento e na atuação, de maneira a possibilitar à empresa uma melhoria constante no atendimento interno, diz o diretor da organizaçâo. Já a Exal administra restaurantes empresariais em oito Estados brasileiros, servindo mais de 12 milhões de refeições por ano. Para atender à demanda de seus clientes, a empresa disponibiliza um ambiente acolhedor e harmonioso, com o planejamento dos serviços de alimentação. A organização também equipa os restaurantes e serve seu público com refeições variadas, que vão desde as mais básicas até as sofisticadas, tudo de acordo com o público e o orçamento do cliente. Dentro da configuração do Exal Premium, instalamos uma praça de alimentação no restaurante da empresa, de forma que o usuário dispõe de múltiplas opções, desde pratos preparados na hora, passando por grelhados fumegantes também elaborados na hora, até o Exalight para aqueles que querem consumir menos calorias. Visamos não somente alta satisfação com opções atrativas e saborosas, mas também a saúde construída no dia a dia, explica Roberto Costa de Oliveira, diretor presidente da Exal. O benefício da alimentação está intrinsecamente ligado à valorização do colaborador pelas organizações, que são incentivadas tributariamente pelo PAT, pois todo o custo pode ser deduzido do Imposto de Renda da empresa até um limite de 4% do valor a pagar. É, portanto, um dos mais baratos e efetivos benefícios de que se pode lançar mão, comenta Oliveira. Existem empresas que buscam atuar em mercados diferentes, que não estão ligados ao universo corporativo. Um exemplo é a GRSA, que atua em cinco áreas distintas: Empresas, Educação, Saúde, Varejo e Serviços. Quem explica esse diferencial é o diretor de Vendas e Relacionamento com Clientes, José Carlos Lucentini: Todas as nossas divisões são importantes e juntas representam a GRSA. A divisão Empresas, por ser a mais antiga, está mais consolidada em relação ao número de clientes, entretanto, para crescer precisamos escolher os mercados que ainda têm um grande potencial para a terceirização dos serviços de alimentação e de suporte. Percebemos que Saúde e Educação eram as áreas mais interessantes para direcionar nossos esforços em busca de novos clientes. Dessa forma, há dois anos, decidimos especializar nossa equipe de vendas e aumentá-la em torno de 30%. Além disso, realizamos duas pesquisas com o Ibope e organizamos eventos para os líderes da gestão hospitalar e educacional. Exal Tel.: (41) Fundação da empresa: 1992 Principal atividade: Alimentação coletiva Número de colaboradores: Aproximadamente Ramo de atuação: Administração de restaurantes empresariais Onde atua: Curitiba, Paraná, São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Goiás, Bahia e Mato Grosso - Número de clientes: 80 restaurantes Roberto Costa de Oliveira, diretor presidente da Exal 16

17

18 Alimentação Assim conseguimos aumentar rapidamente nossa presença nas escolas e nos hospitais e divulgar nossos serviços de forma mais pulverizada. O principal desafio e meta da GRSA é inovar dia após dia. Temos disponíveis diversas opções de serviços diferenciados que deixam a escolha dos consumidores muito mais agradável, portanto é importante conhecer profundamente os hábitos dos frequentadores do restaurante, checar sua satisfação diariamente e trabalhar sempre para superar expectativas. Para manter um atendimento de qualidade a empresa investe em seu sistema de gestão integrada, que é certificado nas normas ISO (gestão ambiental), ISO 9001 (gestão da qualidade) e OHSAS (segurança e saúde ocupacional), além de seguir de forma rigorosa os processos de segurança alimentar. A GRSA preza pela personalização dos estabelecimentos, variedade de cardápio e uma logística especializada, que possa garantir a entrega de seus produtos e serviços em todo o Brasil. Refeição Convênio Com o crescimento das empresas cadastradas no PAT e o aumento de trabalhadores com carteira assinada no Brasil, o benefício refeição-convênio evoluiu e passou a ser um parceiro do RH na administração do segmento de alimentação nas organizações. Uma das ferramentas mais utilizadas atualmente, a refeição-convênio otimiza os processos e oferece autonomia ao público final na escolha de sua refeição e alimentação. Normalmente esse modelo é uma ferramenta utilizada por empresas que necessitam de integração de todas as suas ações no quesito alimentação. Essa união de ferramentas só é possível graças ao advento da tecnologia que revolucionou a área com produtos e serviços diferenciados e feitos sob medida para o cliente. As empresas fornecedoras desse segmento ampliaram o seu leque de soluções e, juntamente com a refeição-convênio, oferecem ferramentas ligadas às áreas de transporte, cultura, combustível, presentes, viagens, cestas especiais, entre outros. Um exemplo de atuação nesse novo modelo de gestão integrada é a Alelo, administradora dos cartões Visa Vale. A empresa possui soluções que atendem pequenas, médias e grandes empresas no território nacional. Com uma ampla rede de aceitação, composta por mais de 230 mil estabelecimentos comerciais afiliados, proporciona liberdade de escolha, segurança, conveniência e controle tanto para o empregador quanto para o usuário. Para facilitar o uso diário de seus clientes e assegurar segurança nas operações, a empresa oferece diversos serviços on-line, tais como gestão de pedidos, emissão de nota fiscal, contrato, consulta a saldo e extrato, entre outros. Os usuários dos cartões e empresas-cliente contam também com centrais de atendimento exclusivas e especializadas, além de um programa de descontos e promoções com rede de parceiros nacional. Pensando nas necessidades de seus clientes, a Alelo mantém um atendimento totalmente adaptável, de acordo com suas necessidades. Este tipo de atendimento, acreditamos, é um dos nossos diferenciais, uma vez que permite à Alelo perceber rapidamente tendências e necessidades do mercado, argumenta Ronaldo Varela, diretor executivo Comercial de Marketing, Produtos e Novos Negócios da Alelo. Entre os produtos disponibilizados pela empresa para atender às organizações estão o Cartão Refeição, Cartão Alimentação, Cartão Natal Alimentação, Cartão Combustível, Gestão de Vale Transporte e Campanha Premiada. Alelo Tel.: (11) Fundação da empresa: Fundada em 2003 como CBSS (Companhia Brasileira de Soluções e Serviços) e, a partir de 2011, lançou sua nova marca, a Alelo. Principal atividade: Administração de cartões - benefícios e cartões pré-pagos Número de colaboradores: 310 Ramo de atuação: Serviços - Onde atua: Território nacional 18 Ronaldo Varela, diretor executivo Comercial de Marketing, Produtos e Novos Negócios da Alelo

19 Alimentação Edenred Tel.: (11) Edenred Fundação da empresa: 1976 Principal atividade: Setor de refeição-convênio Número de colaboradores: 632 Ramo de atuação: Serviços diversos Onde atua: Brasil e mais 37 países Número de clientes: 57 mil empresas-clientes e 530 mil no plano mundial Julio Zancopé, gerente de Produtos Regulamentados da Ticket Para Varela, a adesão dessas soluções por parte das organizações, de grande ou pequeno porte, está crescendo a cada ano. As empresas estão percebendo a importância e a praticidade de oferecer benefícios aos seus colaboradores, pois são um importante diferencial competitivo na atração e retenção de talentos, conclui. Assim como a Alelo a Edenred (mais conhecida como Ticket) acredita que com o crescimento econômico vivido nos últimos anos, o Brasil tem evoluído praticamente para o nível de pleno emprego. Com isso o mercado de benefícios tem um papel central no apoio às companhias para atração e retenção de talentos. Um bom plano de benefícios é crucial nesse sentido e as empresas sabem disso. A organização busca alinhar a qualidade na gestão dos benefícios e a excelência na operação e no atendimento ao profissional de RH, em sua grade de produtos e serviços, que abrange o Tíquete-refeição, Tíquete-alimentação, Tíquete car, Tíquete transporte e Tíquete frete. Segundo Julio Zancopé, gerente de Produtos Regulamentados da Ticket, para 2012 a empresa pretende continuar aprimorando suas práticas e ações, caminhando para o lado consultivo, que nos proverá o fortalecimento com uma empresa que se preocupa em primeiro lugar com o bem-estar do trabalhador e o desenvolvimento das organizações. Vamos nos posicionar como uma empresa que estimula a alimentação saudável e a qualidade de vida dos nossos usuários e apoiamos empresas e estabelecimentos nesse sentido, explica o executivo. Já a Sodexo Cartões tem como princípio ser um parceiro estratégico de seus clientes e atua no centro de seus negócios, proporcionando qualidade de vida e motivação. Para a empresa, essa atuação gera colaboradores engajados e, consequentemente, resultados positivos para a organização. Além do setor de refeição e alimentação-convênio, a Sodexo Cartões traz ferramentas no mercado de gestão de despesas, incentivos e reconhecimento como o VT Pass, o Mobility Pass Carro, o Premium Pass, o Gift Pass, o Cultura Pass, o Brinquedo Pass e serviços diferenciados como o Help Desk e o Help Service. É preciso entender que inovar neste segmento não é apenas investir no cartão ou na tecnologia, mas sim inovar na integração de novos serviços. Portanto, é imprescindível ir além da alimentação, diz Florent Lambert, diretor de Marketing, Estratégia e Inovação da Sodexo Motivation Solutions. Apesar de toda tecnologia e soluções diferenciadas, a área ainda tem muito a crescer como explica Lambert. Grande parte da área de Recursos Humanos já entendeu a importância de um pacote de benefícios atraente para reter e motivar talentos. Porém, ainda existe um caminho a percorrer, principalmente quando falamos das PMEs, mas a liderança no mercado de refeição e alimentação-convênio tem mostrado que a nossa estratégia está no caminho certo, completa o executivo. Florent Lambert, diretor de Marketing, Estratégia e Inovação da Sodexo Motivation Solutions Sodexo Cartões Tel.: (11) Fundação da empresa: 1966 Principal atividade: Soluções para a qualidade de vida. Atua em duas divisões no Brasil, Motivation solutions (serviços de motivação) e On-site solutions (serviços onsite por meio da marca Sodexo l Puras) Número de colaboradores: No mundo 413 mil e no Brasil cerca de 450 Ramo de atuação: Segmento de benefícios e Gestão de despesas Onde atua: No Brasil e em 80 países 19

20 Saúde diferenciada [ Empresas fornecedoras para RH oferecem produtos e serviços exclusivos às organizações que buscam soluções em saúde e qualidade de vida Assim como a alimentação, a saúde é um dos benefícios mais essenciais e primordiais no momento da contratação. O conceito de saúde se expandiu e deixou de ser aquele que está direcionado apenas para o segmento de planos de saúde e convênio médico. No contexto atual a área da saúde voltada ao colaborador está cada vez mais ampla, e hoje engloba não só a saúde física, como também a mental e a qualidade de vida dos funcionários. Um pacote de saúde compatível com o mercado e que ofereça soluções adicionais à grade de benefícios em saúde é o que as empresas buscam atualmente, por isso as organizações prestadoras de serviço nesse segmento tiveram que se adaptar às mudanças de mercado e aos anseios de seu público-alvo, seja ele pessoa física ou jurídica. É nesse universo de evoluções constantes que estão inseridas as empresas especializadas em oferecer produtos e serviços em Medicina de Grupo, Cooperativas Médicas, Seguro- Saúde, Convênio Odontológico e Convênio Farmácia. Todos esses segmentos ajudam os profissionais de RH a buscarem alternativas para reduzir o número de faltas no trabalho, aumentar a saúde e qualidade de vida do colaborador e diminuir os afastamentos por motivo de saúde, gerando assim um melhor custo/ benefício para a empresa e seus colaboradores. Dados da Agência Nacional de Saúde Complementar (ANS), de março de 2011, apontam que cerca de 23,4% da população brasileira é coberta por planos privados de assistência médica. Uma importante parcela desses beneficiários, cerca de 73,5%, está vinculada a planos de contratação coletiva (57,9%) por meio de empresas com as quais mantêm relação empregatícia ou estatutária (planos coletivos empresariais), e 15,6% por meio de entidades jurídicas de caráter profissional, classista ou setorial (planos coletivos por adesão). Já na base do Sistema de Informação de Beneficiários (SIB/ANS), 86,5% dos beneficiários têm a informação sobre o CNPJ da empresa contratante do plano válido. A partir destes beneficiários, foram identificadas aproximadamente 621 mil empresas contratantes de plano de saúde, das quais, a maior parte, cerca de 467 mil, possuía apenas plano de assistência médica. Entretanto, mais da metade dos beneficiários de planos de assistência médica está nas cerca de 112 mil empresas que oferecem tanto plano de assistência médica como plano exclusivamente odontológico. Planos Odontológicos A área de Planos Odontológicos é sem dúvida uma das mais crescentes no segmento de benefícios, e está cada vez mais inserida nas ações desenvolvidas pelos gestores de pessoas no âmbito da saúde. Quer seja através da adesão por cooperativas odontológicas ou por empresas que atuam no segmento, o cuidado com a saúde e higiene bucal já é considerado o segundo mais disponibilizado pelas organizações no quesito planos médicos. Segundo a OdontoPrev, empresa especializada em planos odontológicos, o segmento ainda hoje representa apenas uma pequena parcela do mercado de planos médicos. De acordo com dados setoriais, os planos médicos somavam 47 milhões de beneficiários, ao mesmo tempo em que o benefício dental atingiu cerca de 16 milhões de brasileiros, custando apenas uma pequena fração do cobrado pelos planos de saúde. Nem por isso a empresa deixa de buscar um crescimento no setor e oferece soluções flexíveis e produtos adaptáveis às necessidades de todos os setores e tamanhos de negócios, além de proporcionar um atendimento personalizado às demandas dos gestores de Recursos Humanos. O perfil de cada empresa, sua localização e área de atuação também são levados em consideração nesse processo de formatação de produtos tailor made, seguindo uma filosofia de atendimento sob medida aos gestores de RH. Por isso, a gestão do negócio é um dos focos da OdontoPrev, no qual a companhia investe em vários projetos internos, voltados para o treinamento, motivação e aperfeiçoamento dos processos de trabalho das células de pós-venda e da central de atendimento para que os gestores de RH possam contar com um benefício de excelência a seus colaboradores, afirma Renato Velloso Dias Cardoso, diretor de Desenvolvimento de Mercado da OdontoPrev. 20

21

22 OdontoPrev Tel.: (11) Fundação da empresa: 1987 Principal atividade: Planos odontológicos Número de colaboradores: Ramo de atuação: Serviço Assistência odontológica Onde atua: Brasil (nível nacional) Número de clientes: 5,5 milhões Renato Velloso Dias Cardoso, diretor de Desenvolvimento de Mercado da OdontoPrev Segundo ele, produtos para o segmento de pequenas e médias empresas, bem como os planos individuais e familiares são uma tendência em virtude dos mercados ainda pouco explorados. A questão regional também é estratégica, considerando que, atualmente, cerca de 65% dos usuários estão no Sudeste, existindo portanto, um grande trabalho a ser desenvolvido nas demais regiões. Já a INPAO Dental afirma que apesar do seu crescimento exponencial nos últimos anos, o principal desafio do mercado ainda é tornar a odontologia mais presente na vida dos brasileiros. Hoje sabemos que diversas doenças começam pela boca e que uma atenção especial deve ser dada para evitar complicações futuras. Para melhorar esse cenário, a empresa possui um amplo leque de produtos e entre os mais comercializados estão o plano Plus - que cobre consulta, cirurgia, tratamento de cárie, endodontia, emergências e urgências, extrações, odontopediatria, prevenção, radiografias, periodontia; o Especial que, além das coberturas anteriores, envolve também a instalação de aparelho ortodôntico (exceto manutenção e documentação); o Magnum, que cobre ainda próteses totais, removíveis, entre outras; o Magnum Integral, que dá cobertura odontológica total; e Livre Escolha, que contém diferentes tabelas de reembolso. O crescimento do setor demonstra que há uma maior conscientização das pessoas quanto à importância da saúde bucal. As empresas já visualizam que é fundamental oferecer aos seus colaboradores benefícios que agreguem qualidade à sua vida, já que as companhias também começaram a perceber que um funcionário saudável resulta em mais produtividade e menor absenteísmo e presenteísmo, diz Cláudio Aboud, diretor de Administração e Finanças do INPAO Dental. De acordo com ele, a tendência para os próximos anos é que o setor siga aumentando sua participação no mercado, já que a diferença entre planos de saúde e odontológicos é de 30 milhões de pessoas. Esse montante representa 200% o tamanho do segmento atual, ou seja, ainda há muito espaço e condições para crescer. Com base nisso, queremos duplicar o número de vidas da carteira do INPAO Dental, com incremento de 23,5% em seu lucro líquido. Um desafio considerável, visto que o crescimento do mercado de odontologia se mantém na casa dos 20%, completa o executivo. INPAO Dental Fundação da empresa: 1964 Principal atividade: Assistência odontológica Número de colaboradores: 90 Ramo de atuação: Assistência odontológica Onde atua: Em todas as regiões do Brasil Número de clientes: 250 mil Tel.: (11) Cláudio Aboud, diretor de Administração e Finanças do INPAO Dental

23 SAÚde Micelli Tel.: (11) Fundação da empresa: 1994 Principal atividade: Gestão integral da saúde empresarial Número de colaboradores: 500 Ramo de atuação: Medicina ocupacional, Gestão ambulatorial e Gestão integrada da saúde Onde atua: Território nacional - Número de clientes: empresas Januário Micelli, diretor-geral da Micelli Medicina Ocupacional A área de Medicina Ocupacional está fortemente vinculada às ações voltadas para o bem-estar e a qualidade de vida dos colaboradores. As empresas do segmento, que atuam como parceiras dos RHs na difusão de conceitos saudáveis, promovem, em sua gama de produtos e serviços, ações voltadas para a área preventiva e de cuidado com o corpo e a mente. Esse cuidado com o colaborador é visualizado quando a empresa fornece subsídios para a realização das funções, de forma que não atinja sua integridade física e emocional, além de auxiliá-lo a tornar o ambiente de trabalho mais leve e agradável. A Miceli, que atua em Medicina Ocupacional na área Preventiva, é especializada em gerar mais resultados, através da Gestão Integrada da Saúde por meio de produtos e serviços customizados. Com atuação em todo o território nacional, a empresa oferece soluções em Gestão Ocupacional, Gestão Ambulatorial, Gestão em Engenharia de Segurança do Trabalho, Gestão em Fonoaudiologia, Gestão da Saúde, Saúde Organizacional Integrada, Assessoria Jurídica, além de produtos ligados diretamente à Gestão Integrada da Saúde. Os RHs estão cada vez mais envolvidos com a estratégia e negócio da empresa, o que os coloca numa posição de responsabilidade perante a preservação da saúde dos talentos, comenta Januário Micelli, diretor-geral da Micelli. Ele afirma que a empresa, comprometida com a inovação das soluções oferecidas para saúde corporativa, traz em 2012 uma nova abordagem no escopo de seus produtos e serviços e apresenta ao mercado lançamentos para atender às necessidades cada vez mais específicas dos RHs e suas empresas. A Micelli visa um crescimento de 30% nos próximos anos e já enxerga para 2012 um salto no número de novos clientes Bioqualynet Tel.: (11) Fundação da empresa: 1995 Principal atividade: Gestão de saúde e segurança nas empresas Número de colaboradores: 350 Ramo de atuação: Saúde ocupacional e Segurança do trabalho Onde atua: Território nacional Número de clientes: 200 cada vez mais envolvidos com as boas práticas de saúde e segurança em suas organizações. A Bioqualynet, que também atua no setor de Medicina Ocupacional preventiva, possui um mix de produtos e serviços concentrados nas áreas de Saúde Ocupacional, Segurança do Trabalho, Ergonomia e Ginástica Laboral; Perícias Médicas, Terceirização de Ambulatórios e, por último, Promoção de Saúde. Conforme explica Newton Dias Lara, diretor técnico da Bioqualynet Saúde Ocupacional: A Bioqualynet promove, de forma segura, ética e responsável, a gestão de saúde e o bem-estar de todos os colaboradores e clientes, contribuindo para a promoção de saúde nas corporações. Para isso, entendemos que todas as nossas unidades devem manter um padrão de atendimento único e homogêneo, tanto nas cidades que temos filiais quanto nos nossos parceiros. Já a Omnia se posiciona como mercado de assessores/consultores de seus clientes. A empresa, que está no ramo de medicina ocupacional preventiva há 19 anos, preza por um atendimento personalizado, cobertura no plano nacional, e busca ter o melhor sistema de gestão de saúde operacional para cada cliente. A empresa atua na implantação e administração de ambulatórios médicos, atendimento de todas as NRs, controle de absenteísmo, mapa de saúde, programas de qualidade de vida, SIPAT e cursos e palestras sobre os temas da área. Para melhorar suas soluções, a empresa tem investido em programas de capacitação de sua equipe, em melhoria dos processos e na informatização dos mesmos. No ano passado a Omnia cresceu cerca de 90% e para os próximos cinco anos prevemos crescer em média 60% ao ano. Já para 2012 o grande projeto é o de franquias, afirma Edvaldo Galano - diretor executivo da Omnia. Omnia Tel.: (11) Fundação da empresa: 1993 Principal atividade: Saúde ocupacional Número de colaboradores: 110 Ramo de atuação: Saúde ocupacional preventiva Onde atua: Nível nacional Número de clientes: Cerca de mil empresas 23

24 SAÚde Raia Drogasil Fundação da empresa: 2011 Principal atividade: Comércio varejista Número de colaboradores: Ramo de atuação: Varejo farmacêutico Onde atua: Território nacional Tel.: (11) Luiz Felipe Bay, diretor de Negócios Corporativos, e-commerce & Delivery da Raia Drogasil Convênio Farmácia O Convênio Farmácia é um dos benefícios oferecidos pelas organizações para a compra de medicamentos e itens de perfumaria em redes credenciadas, com condições especiais e vantagens, que vão desde o desconto na compra de produtos até a praticidade, em que os gastos são descontados na Folha de Pagamento. Algumas empresas oferecem o benefício de forma total, custeando todos os gastos, ou parcial, em que o colaborador arca com uma porcentagem com desconto direto em sua Folha. O item da cartela de benefícios no segmento de saúde veio para trazer praticidade e economia ao colaborador e à empresa, porém ainda é pouco explorado no Brasil. A Droga Raia, que recentemente uniu a Drogasil, formando o grupo Raia/Drogasil, atua no segmento de benefício farmácia, com soluções customizáveis e que atendem às necessidades de seus clientes. Ao implantar o benefício nas organizações, a empresa estuda seu cliente antes de iniciar o atendimento, para poder oferecer a cobertura de lojas e serviços de entregas que as organizações necessitam. Em seus diferenciais a empresa busca qualidade e especialização no atendimento, tanto para os gestores de RH quanto para a customização de serviços especiais de entregas de medicamentos, além da utilização de um autorizador próprio para controle de todas as regras das empresas e uma ampla rede credenciada para o atendimento de seus clientes. Temos uma equipe de gestão focada no atendimento dos nossos clientes corporativos ou gestores de RH, o que facilita muito o dia a dia das empresas na gestão do benefício farmácia e nos aproxima muito dos nossos clientes para ajudar no momento certo: quando ele precisa, comenta Luiz Felipe Bay, diretor de Negócios Corporativos, e-commerce & Delivery da Raia Drogasil. Já a Ecobenefícios Good Card atua não só no ramo de convênio farmácia, mas também na comercialização de cartões de benefícios corporativos. A empresa acredita que os cartões auxiliam as pessoas a planejarem suas finanças, garantindo uma distribuição equilibrada dos rendimentos, com acesso tanto aos gêneros de primeira necessidade quanto a outros produtos e serviços, sem risco de endividamento e gastos inconsequentes. Entre seus produtos está o cartão Plus, que disponibiliza crédito pré-aprovado pela empresa ao colaborador, e pode ser configurado segundo as políticas de Recursos Humanos da organização, determinando percentuais de crédito para alimentação, saúde, combustível e outros bens. Ele funciona como um adiantamento de salário. O funcionário faz as compras em toda a rede credenciada Good Card e é descontado no mês seguinte, em sua folha de pagamento, sem cobrança de juros. Para completar nossa cartela de soluções a empresa oferece também cartões específicos para os benefícios de alimentação, refeição, farmácia e subsídio a medicamentos, além do Premium, destinado à concessão de premiações e créditos relacionados com campanhas de incentivos, afirma Alexandre Leite, diretor executivo da empresa. Ecobenefícios Good Card Tel.: (11) Fundação da empresa: 2001 Principal atividade: Venda de cartões de benefícios corporativos Ramo de atuação: Benefícios corporativos Onde atua: Território nacional Número de clientes: 8,3 mil empresas clientes, 1,7 milhão de usuários e 150 mil estabelecimentos credenciados 24 Alexandre Leite, diretor executivo da Ecobenefícios Good Card

25

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL 1 CONHEÇA A PRODENT Nosso objetivo é garantir a plena satisfação dos nossos beneficiários, empresas clientes e parceiros, por meio da prestação de serviços altamente qualificados.

Leia mais

PAT. Tudo. sobre o. Programa de Alimentação do Trabalhador. www.vb.com.br

PAT. Tudo. sobre o. Programa de Alimentação do Trabalhador. www.vb.com.br www.vb.com.br PAT Tudo sobre o Programa de Alimentação do Trabalhador Com a VB seu maior benefício é aumentar a produtividade da sua empresa. Especializada na comercialização e logística de benefícios,

Leia mais

Cartilha do Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT)

Cartilha do Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT) Cartilha do Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT) 1. A ECOBENEFÍCIOS A Ecobenefícios é uma empresa que atua na solução da gestão de benefícios corporativos. Através de uma visão sustentável, os

Leia mais

EMPREENDEDORISMO. Outubro de 2014

EMPREENDEDORISMO. Outubro de 2014 #5 EMPREENDEDORISMO Outubro de 2014 ÍNDICE 1. Apresentação 2. Definição 3. Empreendedorismo: necessidade ou oportunidade? 4. Características do comportamento empreendedor 5. Cenário brasileiro para o empreendedorismo

Leia mais

BRADESCO SAÚDE SPG 100 e EMPRESARIAL 200

BRADESCO SAÚDE SPG 100 e EMPRESARIAL 200 NOVO SPG 100 e EMPRESARIAL 200 SPG 100 Empresarial 200 NOVOS PRODUTOS, NOVAS OPORTUNIDADES. Diversas soluções, MUITAS VANTAGENS. Na busca contínua pela melhoria, a Bradesco Saúde é pioneira mais uma vez,

Leia mais

MD CONSULTORIA EM RECURSOS HUMANOS SITE WWW.MDRH.COM.BR E-MAIL MDRH@MDRH.COM.BR TELEFONE 49 3323 5804 CADASTRO TOTALMENTE GRATUITO

MD CONSULTORIA EM RECURSOS HUMANOS SITE WWW.MDRH.COM.BR E-MAIL MDRH@MDRH.COM.BR TELEFONE 49 3323 5804 CADASTRO TOTALMENTE GRATUITO SELECIONA: Farmacêutico Descrição: Para responder tecnicamente pela distribuição dos medicamentos, auxiliar os representantes nas orientações necessárias, auxiliar os clientes, fornecer treinamentos quanto

Leia mais

VALE ALIMENTAÇÃO PARA FUNCIONÁRIOS

VALE ALIMENTAÇÃO PARA FUNCIONÁRIOS Prezados Senhores, Ref. VALE ALIMENTAÇÃO PARA FUNCIONÁRIOS A Associação Comercial de Ilhabela está disponibilizando para as empresas da cidade, que fornecem para seus funcionários cestas básicas (ou vale-alimentação),

Leia mais

Professora Débora Dado. Prof.ª Débora Dado

Professora Débora Dado. Prof.ª Débora Dado Professora Débora Dado Prof.ª Débora Dado Planejamento das aulas 7 Encontros 19/05 Contextualizando o Séc. XXI: Equipes e Competências 26/05 Competências e Processo de Comunicação 02/06 Processo de Comunicação

Leia mais

As 6 Práticas Essenciais de Marketing para Clínicas de Exames

As 6 Práticas Essenciais de Marketing para Clínicas de Exames As 6 Práticas Essenciais de Marketing para Clínicas de Exames Introdução Fique atento aos padrões do CFM ÍNDICE As 6 práticas essenciais de marketing para clínicas de exames Aposte em uma consultoria de

Leia mais

O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade. O Administrador na Gestão de Pessoas

O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade. O Administrador na Gestão de Pessoas O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade Eficácia e Liderança de Performance O Administrador na Gestão de Pessoas Grupo de Estudos em Administração de Pessoas - GEAPE 27 de novembro

Leia mais

Quem somos. * Empresa liderada por profissionais com larga experiência no mercado de food service.

Quem somos. * Empresa liderada por profissionais com larga experiência no mercado de food service. Perfil empresarial Do que iremos falar Quem somos Nossas marcas Nossa visão Nosso posicionamento estratégico Nossa política de qualidade Nossos projetos de evolução Nossos clientes felizes Quem somos *

Leia mais

PESQUISA DE CLIMA MOTIVACIONAL

PESQUISA DE CLIMA MOTIVACIONAL PESQUISA DE CLIMA MOTIVACIONAL Relatório e Análise 2005 Introdução: ``Para que a Construtora Mello Azevedo atinja seus objetivos é necessário que a equipe tenha uma atitude vencedora, busque sempre resultados

Leia mais

MODELO DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO (MEG), UMA VISÃO SISTÊMICA ORGANIZACIONAL

MODELO DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO (MEG), UMA VISÃO SISTÊMICA ORGANIZACIONAL MODELO DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO (MEG), UMA VISÃO SISTÊMICA ORGANIZACIONAL Alessandro Siqueira Tetznerl (1) : Engº. Civil - Pontifícia Universidade Católica de Campinas com pós-graduação em Gestão de Negócios

Leia mais

Estratégias para aumentar a rentabilidade. Indicadores importantes. Controle a produção. Reduza filas. Trabalhe com promoções.

Estratégias para aumentar a rentabilidade. Indicadores importantes. Controle a produção. Reduza filas. Trabalhe com promoções. Uma publicação: Estratégias para aumentar a rentabilidade 04 Indicadores importantes 06 Controle a produção 08 Reduza filas 09 Trabalhe com promoções 10 Conclusões 11 Introdução Dinheiro em caixa. Em qualquer

Leia mais

Saiba como gerir uma equipe com essas dicas REALIZAÇÃO

Saiba como gerir uma equipe com essas dicas REALIZAÇÃO Comunicação empresarial eficiente: Saiba como gerir uma equipe com essas dicas REALIZAÇÃO Sumário 01 Introdução 02 02 03 A comunicação dentro das empresas nos dias de hoje Como garantir uma comunicação

Leia mais

Orientação ao mercado de trabalho para Jovens. 1ª parte. Projeto Super Mercado de Trabalho 1ª parte Luiz Fernando Marca

Orientação ao mercado de trabalho para Jovens. 1ª parte. Projeto Super Mercado de Trabalho 1ª parte Luiz Fernando Marca Orientação ao mercado de trabalho para Jovens 1ª parte APRESENTAÇÃO Muitos dos jovens que estão perto de terminar o segundo grau estão lidando neste momento com duas questões muito importantes: a formação

Leia mais

Soluções em Tecnologia da Informação

Soluções em Tecnologia da Informação Soluções em Tecnologia da Informação Curitiba Paraná Salvador Bahia A DTS Sistemas é uma empresa familiar de Tecnologia da Informação, fundada em 1995, especializada no desenvolvimento de soluções empresariais.

Leia mais

SulAmérica Odonto Empresarial

SulAmérica Odonto Empresarial SulAmérica Odonto Empresarial O sorriso dos seus colaboradores está em nossos planos. A partir de 100 vidas sulamerica.com.br Sobre a SulAmérica A SulAmérica Seguros, Previdência e Investimentos, com 116

Leia mais

BOAS PRÁTICAS NO DIA A DIA DAS CLÍNICAS DE IMAGEM

BOAS PRÁTICAS NO DIA A DIA DAS CLÍNICAS DE IMAGEM BOAS PRÁTICAS NO DIA A DIA DAS CLÍNICAS DE IMAGEM Introdução ÍNDICE Boas práticas no dia a dia das clínicas de imagem A Importância de se estar conectado às tendências As melhores práticas no mercado de

Leia mais

Circular de Oferta 5102/ sto Ago

Circular de Oferta 5102/ sto Ago Circular de Oferta Agosto / 2015 Índice Introdução 03 Quem Somos 04 Como funciona o negócio 05 Vantagens de ser constituir uma agência 06 Produtos e serviços 07 Ferramentas de apoio 08 Atividades desempenhadas

Leia mais

NOVAQUEST. A vida é cheia de cobranças, deixe as suas conosco.

NOVAQUEST. A vida é cheia de cobranças, deixe as suas conosco. A vida é cheia de cobranças, deixe as suas conosco. NOVAQUEST Apresentação da Empresa A NovaQuest é uma empresa especializada em serviços de recuperação de crédito e atendimento ao cliente. Temos o intuito

Leia mais

8º Forum de Saúde e Segurança do Trabalho. FEBRABAN

8º Forum de Saúde e Segurança do Trabalho. FEBRABAN 8º Forum de Saúde e Segurança do Trabalho. FEBRABAN Cultura de Saúde e Segurança no Trabalho: da Norma para o Valor Volvo do Brasil Quais os Valores e Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho que asseguram

Leia mais

AGENDA. 5ª Edição. Hotel Staybridge. Realização:

AGENDA. 5ª Edição. Hotel Staybridge. Realização: AGENDA 5ª Edição D? 06 de Maio de 2015 Hotel Staybridge Realização: w w w.c o r p b us i n e s s.c o m.b r Patrocínio Gold Patrocínio Bronze Apoio Realização: APRESENTAÇÃO C GESTÃO DE PESSOAS: DESAFIOS

Leia mais

CRM - gestão eficiente do relacionamento com os clientes

CRM - gestão eficiente do relacionamento com os clientes CRM - gestão eficiente do relacionamento com os clientes Mais que implantação, o desafio é mudar a cultura da empresa para documentar todas as interações com o cliente e transformar essas informações em

Leia mais

Guia Básico de Processos Corporativos do Sistema Indústria

Guia Básico de Processos Corporativos do Sistema Indústria Guia Básico de Processos Corporativos do Sistema Indústria 1ª Versão 1 Guia Básico de Processos Corporativos do Sistema Indústria PROCESSO GESTÃO DE BENEFÍCIOS 1ª Versão 2 ÍNDICE 1 - INTRODUÇÃO 2 - VISÃO

Leia mais

LMA, Solução em Sistemas

LMA, Solução em Sistemas LMA, Solução em Sistemas Ao longo dos anos os sistemas para gestão empresarial se tornaram fundamentais, e por meio dessa ferramenta as empresas aperfeiçoam os processos e os integram para uma gestão mais

Leia mais

Formar LÍDERES e equipes. Atrair e reter TALENTOS. www.grupovalure.com.br

Formar LÍDERES e equipes. Atrair e reter TALENTOS. www.grupovalure.com.br Formar LÍDERES e equipes. Atrair e reter TALENTOS. www.grupovalure.com.br www.grupovalure.com.br Estes são alguns dos grandes desafios da atualidade no mundo profissional e o nosso objetivo é contribuir

Leia mais

4. Tendências em Gestão de Pessoas

4. Tendências em Gestão de Pessoas 4. Tendências em Gestão de Pessoas Em 2012, Gerenciar Talentos continuará sendo uma das prioridades da maioria das empresas. Mudanças nas estratégias, necessidades de novas competências, pressões nos custos

Leia mais

Pesquisa de Clima tornou-se uma ação estratégica de Gestão de Pessoas

Pesquisa de Clima tornou-se uma ação estratégica de Gestão de Pessoas Pesquisa de Clima tornou-se uma ação estratégica de Gestão de Pessoas Boas propostas são essenciais para que uma gestão tenha êxito, mas para que isso ocorra é fundamental que os dirigentes organizacionais

Leia mais

Senhores Acionistas, Os principais serviços da TNL Contax são:

Senhores Acionistas, Os principais serviços da TNL Contax são: Senhores Acionistas, A Administração da Contax Participações S.A. ( Contax Participações ) submete, em conjunto com as demonstrações financeiras e o parecer dos auditores independentes, o Relatório da

Leia mais

Entendendo custos, despesas e preço de venda

Entendendo custos, despesas e preço de venda Demonstrativo de Resultados O empresário e gestor da pequena empresa, mais do que nunca, precisa dedicar-se ao uso de técnicas e instrumentos adequados de gestão financeira, para mapear a situação do empreendimento

Leia mais

Política de Gestão de Pessoas

Política de Gestão de Pessoas julho 2010 5 1. Política No Sistema Eletrobras, as pessoas são agentes e beneficiárias do fortalecimento organizacional, contribuindo para a competitividade, rentabilidade e sustentabilidade empresarial.

Leia mais

As novas tecnologias podem finalmente - viabilizar o RH Estratégico? Thais Silva I Janeiro 2012

As novas tecnologias podem finalmente - viabilizar o RH Estratégico? Thais Silva I Janeiro 2012 As novas tecnologias podem finalmente - viabilizar o RH Estratégico? Thais Silva I Janeiro 2012 Universo TOTVS Fundada em 1983 6ª maior empresa de software (ERP) do mundo Líder em Software no Brasil e

Leia mais

UNIVERSIDADES CORPORATIVAS: UM ALICERCE NA CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE ORGANIZACIONAL.

UNIVERSIDADES CORPORATIVAS: UM ALICERCE NA CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE ORGANIZACIONAL. UNIVERSIDADES CORPORATIVAS: UM ALICERCE NA CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE ORGANIZACIONAL. O mundo está passando por grandes transformações, em decorrência da era do conhecimento, com profundos reflexos sobre

Leia mais

Rentabilidade em Food Service

Rentabilidade em Food Service Rentabilidade 6 passos para tornar sua franquia mais lucrativa Seja bem-vindo ao e-book da Linx. Aqui estão reunidos os principais caminhos para o aumento da rentabilidade em operações de fast food. São

Leia mais

FUNDAMENTOS DA GESTÃO

FUNDAMENTOS DA GESTÃO Um dos pilares da Ultrapar está no virtuoso relacionamento que a companhia mantém com os diferentes públicos, graças a uma política baseada na ética, na transparência e no compartilhamento de princípios,

Leia mais

COMÉRCIO E DISTRIBUIÇÃO DE ALIMENTOS.

COMÉRCIO E DISTRIBUIÇÃO DE ALIMENTOS. COMÉRCIO E DISTRIBUIÇÃO DE ALIMENTOS. A Rio Quality existe com o objetivo de proporcionar a total satisfação dos clientes e contribuir para o sucesso de todos. Essa integração se dá através do investimento

Leia mais

GLEISON CORTINA BENASSI OBJETIVOS PROFISSIONAIS. Áreas: Gestão Empresarial; Gestão Administrativo-Financeira; Comercial; Nível Hierárquico: Gerente

GLEISON CORTINA BENASSI OBJETIVOS PROFISSIONAIS. Áreas: Gestão Empresarial; Gestão Administrativo-Financeira; Comercial; Nível Hierárquico: Gerente GLEISON CORTINA BENASSI Estado Civil Casado, com filhos. Telefone (62) 8141-9485 - (62) 9693-2773 Natural Erechim - RS E-mail benassirs@gmail.com Redes Sociais Facebook: Gleison Benassi Linkedin: Gleison

Leia mais

Toda estratégia que visa melhorar vendas tem como objetivo final a retenção e fidelização de clientes. Por isso, conhecer em detalhes o público-alvo,

Toda estratégia que visa melhorar vendas tem como objetivo final a retenção e fidelização de clientes. Por isso, conhecer em detalhes o público-alvo, Toda estratégia que visa melhorar vendas tem como objetivo final a retenção e fidelização de clientes. Por isso, conhecer em detalhes o público-alvo, suas necessidades e preferências, é o primeiro passo

Leia mais

VAGAS NA AREA ADMINISTRATIVA

VAGAS NA AREA ADMINISTRATIVA VAGAS NA AREA ADMINISTRATIVA Aux. Administrativo (cálculos de seguros) Remuneração: R$ 1072,00 Benefícios: Seguro de vida, refeição, vale transporte. Descrição: Realizar cálculo de apólice de seguro. Segunda

Leia mais

Líder em consultoria no agronegócio

Líder em consultoria no agronegócio MPRADO COOPERATIVAS mprado.com.br COOPERATIVAS 15 ANOS 70 Consultores 25 Estados 300 cidade s 500 clientes Líder em consultoria no agronegócio 1. Comercial e Marketing 1.1 Neurovendas Objetivo: Entender

Leia mais

Corporativo. Transformar dados em informações claras e objetivas que. Star Soft. www.starsoft.com.br

Corporativo. Transformar dados em informações claras e objetivas que. Star Soft. www.starsoft.com.br Corporativo Transformar dados em informações claras e objetivas que possibilitem às empresas tomarem decisões em direção ao sucesso. Com essa filosofia a Star Soft Indústria de Software e Soluções vem

Leia mais

AGENDA SEBRAE OFICINAS CURSOS PALESTRAS JUNHO A DEZEMBRO - 2015 GOIÂNIA. Especialistas em pequenos negócios. / 0800 570 0800 / sebraego.com.

AGENDA SEBRAE OFICINAS CURSOS PALESTRAS JUNHO A DEZEMBRO - 2015 GOIÂNIA. Especialistas em pequenos negócios. / 0800 570 0800 / sebraego.com. AGENDA SEBRAE OFICINAS CURSOS PALESTRAS JUNHO A DEZEMBRO - 2015 GOIÂNIA Especialistas em pequenos negócios. / 0800 570 0800 / sebraego.com.br COM O SEBRAE, O SEU NEGÓCIO VAI! O Sebrae Goiás preparou diversas

Leia mais

1 Introdução 1.1. Problema de Pesquisa

1 Introdução 1.1. Problema de Pesquisa 1 Introdução 1.1. Problema de Pesquisa A motivação, satisfação e insatisfação no trabalho têm sido alvo de estudos e pesquisas de teóricos das mais variadas correntes ao longo do século XX. Saber o que

Leia mais

Já pesquisou alguma coisa sobre a Geração Y? Pois então corra, pois eles já vasculharam tudo para você.

Já pesquisou alguma coisa sobre a Geração Y? Pois então corra, pois eles já vasculharam tudo para você. Já pesquisou alguma coisa sobre a Geração Y? Pois então corra, pois eles já vasculharam tudo para você. A HR Academy e a NextView realizaram uma pesquisa focada em geração y, com executivos de RH das principais

Leia mais

NOSSOS PRINCÍPIOS ORIENTADORES

NOSSOS PRINCÍPIOS ORIENTADORES NOSSOS PRINCÍPIOS ORIENTADORES Por cerca de 50 anos, a série Boletim Verde descreve como a John Deere conduz os negócios e coloca seus valores em prática. Os boletins eram guias para os julgamentos e as

Leia mais

Bleez Agência Digital... 3. Quem sou eu... 4. Introdução... 5. Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7. Quem está comprando no ecommerce...

Bleez Agência Digital... 3. Quem sou eu... 4. Introdução... 5. Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7. Quem está comprando no ecommerce... Sumário Bleez Agência Digital... 3 Quem sou eu... 4 Introdução... 5 Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7 Quem está comprando no ecommerce... 10 Por que os brasileiros estão comprando mais... 12 O

Leia mais

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR Cada um de nós, na vida profissional, divide com a Essilor a sua responsabilidade e a sua reputação. Portanto, devemos conhecer e respeitar os princípios que se aplicam a todos.

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2013

RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2013 RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2013 Instituto Lojas Renner Instituto Lojas Renner Promover a inserção de mulheres no mercado de trabalho por meio de projetos de geração de renda é o objetivo do Instituto Lojas

Leia mais

A Integração de Remuneração, Reconhecimento e Recompensa. Luiz Edmundo Rosa São Paulo, 26.03.09

A Integração de Remuneração, Reconhecimento e Recompensa. Luiz Edmundo Rosa São Paulo, 26.03.09 A Integração de Remuneração, Reconhecimento e Recompensa Luiz Edmundo Rosa São Paulo, 26.03.09 AGENDA 1. Posicionando a Remuneração e Reconhecimento 2. Tendências e impactos na Gestão 3. Melhores Práticas:

Leia mais

Perguntas para avaliar a efetividade do processo de segurança

Perguntas para avaliar a efetividade do processo de segurança Perguntas para avaliar a efetividade do processo de segurança Questionário básico de Segurança da Informação com o objetivo de ser um primeiro instrumento para você avaliar, em nível gerencial, a efetividade

Leia mais

F r a n c h i s i n g

F r a n c h i s i n g F r a n c h i s i n g F r a n c h i s i n g www.ambientec.com franchising@ambientec.com Fone: 41 3352 5352 Franchising Com 20 anos de experiência na prestação de consultoria e serviços de Engenharia de

Leia mais

Parceria de sucesso para sua empresa

Parceria de sucesso para sua empresa Parceria de sucesso para sua empresa A Empresa O Grupo Espaço Solução atua no mercado de assessoria e consultoria empresarial há 14 anos, sempre realizando trabalhos extremamente profissionais, pautados

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL. 02/01/2013 rev. 00

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL. 02/01/2013 rev. 00 APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL 02/01/2013 rev. 00 PAUTA INSTITUCIONAL Sobre a Harpia OUTRAS INFORMAÇÕES Clientes Parceiros SERVIÇOS Responsabilidade Social Consultoria & Gestão Empresarial Planejamento Estratégico

Leia mais

1- O que é um Plano de Marketing?

1- O que é um Plano de Marketing? 1- O que é um Plano de Marketing? 2.1-1ª etapa: Planejamento Um Plano de Marketing é um documento que detalha as ações necessárias para atingir um ou mais objetivos de marketing, adaptando-se a mudanças

Leia mais

Direcionando o Planejamento Estratégico com Modelo de Previsão Um artigo técnico da Oracle Junho de 2007

Direcionando o Planejamento Estratégico com Modelo de Previsão Um artigo técnico da Oracle Junho de 2007 Direcionando o Planejamento Estratégico com Modelo de Previsão Um artigo técnico da Oracle Junho de 2007 Direcionando o Planejamento Estratégico com Modelo de Previsão Com um processo funcional de planejamento

Leia mais

MANUAL DE RECURSOS HUMANOS

MANUAL DE RECURSOS HUMANOS 2012 MANUAL DE RECURSOS HUMANOS Seja Bem Vindo! É motivo de grande satisfação tê-lo como cliente. Este manual tem como objetivo fornecer aos administradores do Benefício Odontológico nas empresas, todas

Leia mais

Clima organizacional e o desempenho das empresas

Clima organizacional e o desempenho das empresas Clima organizacional e o desempenho das empresas Juliana Sevilha Gonçalves de Oliveira (UNIP/FÊNIX/UNESP) - jsgo74@uol.com.br Mauro Campello (MC Serviços e Treinamento) - mcampello@yahoo.com Resumo Com

Leia mais

experiência Uma excelente alternativa em serviços de auditoria

experiência Uma excelente alternativa em serviços de auditoria experiência Uma excelente alternativa em serviços de auditoria A Íntegra é uma empresa de auditoria e consultoria, com 25 anos de experiência no mercado brasileiro. Cada serviço prestado nos diferentes

Leia mais

Você dispõe da base necessária para desenvolver a confiança dos funcionários? Terceirização de RH e o líder empresarial SUMÁRIO EXECUTIVO

Você dispõe da base necessária para desenvolver a confiança dos funcionários? Terceirização de RH e o líder empresarial SUMÁRIO EXECUTIVO Terceirização de RH e o líder empresarial SUMÁRIO EXECUTIVO Você dispõe da base necessária para desenvolver a confiança dos funcionários? EM ASSOCIAÇÃO COM Empresas com funcionários envolvidos superam

Leia mais

Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex...

Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex... Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex... (/artigos /carreira/comopermanecercalmosob-pressao /89522/) Carreira Como permanecer calmo sob pressão (/artigos/carreira/como-permanecer-calmosob-pressao/89522/)

Leia mais

Auditoria no Terceiro Setor

Auditoria no Terceiro Setor Auditoria no Terceiro Setor Percepções e Resultados da Pesquisa 2006 AUDIT 1 Introdução O Terceiro Setor vem em crescente processo de evolução porém, nos últimos anos, um das principais missões das entidades

Leia mais

Guia Canais de Distribuição PLANETFONE 2016

Guia Canais de Distribuição PLANETFONE 2016 Guia Canais de Distribuição PLANETFONE 2016 Av. Nossa Senhora do Carmo, 1.191, 3º andar, Sion, Belo Horizonte/MG - www.planetfone.com.br 1 SUMÁRIO 1. A PLANETFONE... 03 2. OBJETIVOS ESTRATÉGICOS... 04

Leia mais

POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO E ENGAJAMENTO COM PÚBLICOS DE INTERESSE DAS EMPRESAS ELETROBRAS

POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO E ENGAJAMENTO COM PÚBLICOS DE INTERESSE DAS EMPRESAS ELETROBRAS POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO E ENGAJAMENTO COM PÚBLICOS DE INTERESSE DAS Versão 2.0 09/02/2015 Sumário 1 Objetivo... 3 1.1 Objetivos Específicos... 3 2 Conceitos... 4 3 Princípios... 5 4 Diretrizes... 5 4.1

Leia mais

GERENCIAMENTO DE CLÍNICAS

GERENCIAMENTO DE CLÍNICAS GERENCIAMENTO DE CLÍNICAS A administração eficiente de qualquer negócio requer alguns requisitos básicos: domínio da tecnologia, uma equipe de trabalho competente, rigoroso controle de qualidade, sistema

Leia mais

CURSO FERRAMENTAS DE GESTÃO IN COMPANY

CURSO FERRAMENTAS DE GESTÃO IN COMPANY CURSO FERRAMENTAS DE GESTÃO IN COMPANY Instrumental e modular, o Ferramentas de Gestão é uma oportunidade de aperfeiçoamento para quem busca conteúdo de qualidade ao gerenciar ações sociais de empresas

Leia mais

Processo de Negociação. Quem somos. Nossos Serviços. Clientes e Parceiros

Processo de Negociação. Quem somos. Nossos Serviços. Clientes e Parceiros Quem somos Nossos Serviços Processo de Negociação Clientes e Parceiros O NOSSO NEGÓCIO É AJUDAR EMPRESAS A RESOLVEREM PROBLEMAS DE GESTÃO Consultoria empresarial a menor custo Aumento da qualidade e da

Leia mais

POLÍTICA EMRPESARIAL DA INT.4

POLÍTICA EMRPESARIAL DA INT.4 POLÍTICA EMRPESARIAL DA INT.4 INTRODUÇÃO Desde que foi fundada em 2001, a ética, a transparência nos processos, a honestidade a imparcialidade e o respeito às pessoas são itens adotados pela interação

Leia mais

Tabelas de Preço Empresas de 30 até 99 vidas

Tabelas de Preço Empresas de 30 até 99 vidas 1 Tabelas de Preço Empresas de 30 até 99 vidas Sumário Apresentação... 2 Planos e Seguros Saúde Allianz... 3 Bradesco... 4 Amil... 5 Sul América... 6 Porto Seguro Saúde e Odontológico... 7 Unimed... 8

Leia mais

Nos últimos anos, o setor de seguros brasileiro vem sofrendo uma. série de transformações. Algumas delas podem ser visualizadas na

Nos últimos anos, o setor de seguros brasileiro vem sofrendo uma. série de transformações. Algumas delas podem ser visualizadas na Visão das Seguradoras: Uma análise da distribuição de seguros no Brasil Francisco Galiza Mestre em Economia (FGV), membro do Conselho Editorial da FUNENSEG, catedrático pela ANSP e sócio da empresa "Rating

Leia mais

Junho 2013 1. O custo da saúde

Junho 2013 1. O custo da saúde Junho 2013 1 O custo da saúde Os custos cada vez mais crescentes no setor de saúde, decorrentes das inovações tecnológicas, do advento de novos procedimentos, do desenvolvimento de novos medicamentos,

Leia mais

ERP. Enterprise Resource Planning. Planejamento de recursos empresariais

ERP. Enterprise Resource Planning. Planejamento de recursos empresariais ERP Enterprise Resource Planning Planejamento de recursos empresariais O que é ERP Os ERPs em termos gerais, são uma plataforma de software desenvolvida para integrar os diversos departamentos de uma empresa,

Leia mais

PRIMEIROS PASSOS PARA A OTIMIZAÇÃO DO CALL CENTER EM CLÍNICAS E HOSPITAIS. Descubra como otimizar os Call Centers na área de saúde

PRIMEIROS PASSOS PARA A OTIMIZAÇÃO DO CALL CENTER EM CLÍNICAS E HOSPITAIS. Descubra como otimizar os Call Centers na área de saúde ebook GRÁTIS PRIMEIROS PASSOS PARA A OTIMIZAÇÃO DO CALL CENTER EM CLÍNICAS E HOSPITAIS Descubra como otimizar os Call Centers na área de saúde Primeiros passos para a otimização do call center em clínicas

Leia mais

VISÃO. Nossa visão é agregar valor sustentável ao cliente, desenvolvendo controles e estratégias que façam com que o crescimento seja contínuo.

VISÃO. Nossa visão é agregar valor sustentável ao cliente, desenvolvendo controles e estratégias que façam com que o crescimento seja contínuo. QUEM É A OMELTECH? VISÃO Nossa visão é agregar valor sustentável ao cliente, desenvolvendo controles e estratégias que façam com que o crescimento seja contínuo. missão A Omeltech Desenvolvimento atua

Leia mais

Transformando seu investimento ERP em resultados para seu negócio

Transformando seu investimento ERP em resultados para seu negócio 1 SUMÁRIO 1 2 3 4 2 Introdução A história do ERP O que um ERP fará pelo seu negócio? 1.1 - Otimização dos processos 1.2 - Gerenciamento completo 1.3 - Informações relevantes 1.4 - Controle Tributário ERP

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO. ASP Consultoria e Desenvolvimento de Softwares Ltda. SISTEMA DE GESTÃO COMERCIAL. Manual de Operação do SIMPLES 1

MANUAL DE OPERAÇÃO. ASP Consultoria e Desenvolvimento de Softwares Ltda. SISTEMA DE GESTÃO COMERCIAL. Manual de Operação do SIMPLES 1 Manual de Operação do SIMPLES 1 MANUAL DE OPERAÇÃO SISTEMA DE GESTÃO COMERCIAL ASP Consultoria e Desenvolvimento de Softwares Ltda. Manual de Operação do SIMPLES 2 A Empresa A ASP Desenvolvimento de Softwares

Leia mais

Boletim Gestão & Governança

Boletim Gestão & Governança Boletim Gestão & Governança Edição 18 Ano III Junho 2015 SAVE THE DATE Primeiro encontro de controles internos na cidade do Rio de Janeiro 24 de Setembro 2015 Aguardem a agenda do evento! Vejam nesta edição:

Leia mais

Unidade II MARKETING DE VAREJO E. Profa. Cláudia Palladino

Unidade II MARKETING DE VAREJO E. Profa. Cláudia Palladino Unidade II MARKETING DE VAREJO E NEGOCIAÇÃO Profa. Cláudia Palladino Preço em varejo Preço Uma das variáveis mais impactantes em: Competitividade; Volume de vendas; Margens e Lucro; Muitas vezes é o mote

Leia mais

práticas recomendadas Cinco maneiras de manter os recrutadores à frente da curva social

práticas recomendadas Cinco maneiras de manter os recrutadores à frente da curva social práticas recomendadas Cinco maneiras de manter os recrutadores à frente da curva social Não há dúvidas de que as tecnologias sociais têm um impacto substancial no modo como as empresas funcionam atualmente.

Leia mais

POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL REDE GAZETA

POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL REDE GAZETA POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL REDE GAZETA Vitória, ES Janeiro 2010. 1ª Revisão Janeiro 2011. 2ª Revisão Janeiro 2012. POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL DA REDE GAZETA IDENTIDADE CORPORATIVA Missão

Leia mais

Prezado(a) Sr.(a.) Atenciosamente, Sárgom Ceranto Marketing e Soluções Corporativas. comercial@trecsson.com.br

Prezado(a) Sr.(a.) Atenciosamente, Sárgom Ceranto Marketing e Soluções Corporativas. comercial@trecsson.com.br Prezado(a) Sr.(a.) Agradecemos seu interesse em nossos programa de ensino e lhe cumprimentamos pela iniciativa de buscar o seu aperfeiçoamento profissional. Você está recebendo o programa do curso de Pós-MBA

Leia mais

GESTÃO DE TI NAS ORGANIZAÇÕES CONTEMPORÂNEAS

GESTÃO DE TI NAS ORGANIZAÇÕES CONTEMPORÂNEAS GESTÃO DE TI NAS ORGANIZAÇÕES CONTEMPORÂNEAS WALLACE BORGES CRISTO 1 JOÃO CARLOS PEIXOTO FERREIRA 2 João Paulo Coelho Furtado 3 RESUMO A Tecnologia da Informação (TI) está presente em todas as áreas de

Leia mais

nacional; Comissionamento diferenciado na venda e pós-venda em todos os produtos e

nacional; Comissionamento diferenciado na venda e pós-venda em todos os produtos e PROGRAMA DE PARCERIA Objetivo do Programa de Parceria Atuando no mercado de CRM (Customer Relationship Manager) desde 1994, a KANKEI é uma empresa de capital Nacional que oferece soluções de marketing

Leia mais

BOAS PRÁTICAS. para humanizar o atendimento e gerar fidelização em Clínicas e Hospitais. Boas práticas para humanizar o atendimento

BOAS PRÁTICAS. para humanizar o atendimento e gerar fidelização em Clínicas e Hospitais. Boas práticas para humanizar o atendimento BOAS PRÁTICAS para humanizar o atendimento e gerar fidelização em Clínicas e Hospitais ÍNDICE Introdução 3 Explique e difunda a importância do termo 4 A humanização e o ambiente físico 6 Aperfeiçoamento

Leia mais

APTRA PASSPORT DA NCR. Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos

APTRA PASSPORT DA NCR. Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos APTRA PASSPORT DA NCR Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos Uma maneira melhor para os seus clientes depositarem cheques Bancos e instituições financeiras continuam a enfrentar os desafios

Leia mais

MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional.

MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional. Empresa MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional. Nossa filosofia e oferecer ferramentas de gestão focadas na

Leia mais

Pessoas e Negócios em Evolução

Pessoas e Negócios em Evolução Empresa: Atuamos desde 2001 nos diversos segmentos de Gestão de Pessoas, desenvolvendo serviços diferenciados para empresas privadas, associações e cooperativas. Prestamos serviços em mais de 40 cidades

Leia mais

Política Corporativa Setembro 2012. Política de Recursos Humanos da Nestlé

Política Corporativa Setembro 2012. Política de Recursos Humanos da Nestlé Política Corporativa Setembro 2012 Política de Recursos Humanos da Nestlé Autoria/Departamento Emissor Recursos Humanos Público-Alvo Todos os Colaboradores Aprovação Concelho Executivo, Nestlé S.A. Repositório

Leia mais

Brasil em Alto Contraste: Conhecer é preciso

Brasil em Alto Contraste: Conhecer é preciso Brasil em Alto Contraste: Conhecer é preciso Percepção da Pesquisa no Brasil Congresso Brasileiro de Pesquisa Mercado h Opinião h Mídia Nelsom Marangoni Ney Luiz Silva Mudanças, muitas mudanças... e mudanças

Leia mais

Catálogo de Cursos. Knowledge for excellence management

Catálogo de Cursos. Knowledge for excellence management Knowledge for excellence management Atenção: as informações deste catálogo estão sujeitas à alteração sem prévio aviso. Assegure-se de consultar sempre a revisão vigente deste documento. www.softexpert.com.br

Leia mais

TASCHIBRA. Resumo. Sistema de Gestão de Qualidade SGQ na Taschibra: processo de melhoria contínua

TASCHIBRA. Resumo. Sistema de Gestão de Qualidade SGQ na Taschibra: processo de melhoria contínua TASCHIBRA Sistema de Gestão de Qualidade SGQ na Taschibra: processo de melhoria contínua por Ademar do Amaral Jr Mestre em Administração pela Fundação Universidade Regional de Blumenau (2007); Especialista

Leia mais

Sustentabilidade nos Negócios

Sustentabilidade nos Negócios Sustentabilidade nos Negócios Apresentação O programa Gestão Estratégica para a Sustentabilidade foi oferecido pelo Uniethos por nove anos. Neste período os temas ligados à sustentabilidade começam a provocar

Leia mais

SPETACOLLO RESTAURANTE & BOTEQUIM

SPETACOLLO RESTAURANTE & BOTEQUIM SPETACOLLO RESTAURANTE & BOTEQUIM SUA IDEIA SEU SUCESSO SOBRE O SPETACOLLO Rentabilidade, confiança e credibilidade aliadas a uma maneira inovadora de servir e atender com qualidade e agilidade; ampla

Leia mais

PESQUISA DO 1º FORUM INTERNACIONAL DE SAUDE AAPSA

PESQUISA DO 1º FORUM INTERNACIONAL DE SAUDE AAPSA PESQUISA DO 1º FORUM INTERNACIONAL DE SAUDE AAPSA Introdução Introdução A ASSOCIAÇÃO PAULISTA DE RECURSOS HUMANOS E GESTORES DE PESSOAS - AAPSA, instituição empreendedora, referência em debates de atualidades,

Leia mais

Gestão. Práticas. Editorial. Geovanne. Acesse online: 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) 03 e 04

Gestão. Práticas. Editorial. Geovanne. Acesse online: 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) 03 e 04 Práticas de Gestão Editorial Geovanne. 02 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) Como faço isso? Acesse online: 03 e 04 www. No inicio da década de 90 os

Leia mais

CARTILHA DO INGRESSANTE U N I V E R S I D A D E E S T A D U A L D E C A M P I N A S

CARTILHA DO INGRESSANTE U N I V E R S I D A D E E S T A D U A L D E C A M P I N A S CARTILHA DO INGRESSANTE U N I V E R S I D A D E E S T A D U A L D E C A M P I N A S Bem-vindo a U N I V E R S I D A D E E S TA INTRODUÇÃO Prezado Servidor, Estamos felizes em tê-lo conosco, pois a partir

Leia mais

Cartilha PAT * *Programa de Alimentação do Trabalhador

Cartilha PAT * *Programa de Alimentação do Trabalhador Cartilha do PAT * *Programa de Alimentação do Trabalhador Essa cartilha vai ensinar uma conta muito simples, mas que tem um resultado surpreendente : Quando falamos da Ticket, falamos de milhões de histórias

Leia mais

Estratégias em Tecnologia da Informação. Planejamento Estratégico Planejamento de TI

Estratégias em Tecnologia da Informação. Planejamento Estratégico Planejamento de TI Estratégias em Tecnologia da Informação Capítulo 7 Planejamento Estratégico Planejamento de TI Material de apoio 2 Esclarecimentos Esse material é de apoio para as aulas da disciplina e não substitui a

Leia mais

Com o objetivo de continuar aprimorando o modelo de gestão de Minas Gerais, foi lançado, em 2010, o projeto Agenda de Melhorias caminhos para inovar

Com o objetivo de continuar aprimorando o modelo de gestão de Minas Gerais, foi lançado, em 2010, o projeto Agenda de Melhorias caminhos para inovar março de 2012 Introdução Com o objetivo de continuar aprimorando o modelo de gestão de Minas Gerais, foi lançado, em 2010, o projeto Agenda de Melhorias caminhos para inovar na gestão pública. A criação

Leia mais