INADIMPLÊNCIA BELO HORIZONTE. Periodicidade: OUTUBRO/2018

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INADIMPLÊNCIA BELO HORIZONTE. Periodicidade: OUTUBRO/2018"

Transcrição

1 INADIMPLÊNCIA BELO HORIZONTE Periodicidade: OUTUBRO/2018

2 Pessoa Física

3 DEVEDORES Comparação Base Anual Outubro.18 / Outubro.17 Número de CPFS na base de inadimplentes do SPC Brasil 6,45% 4,2% 3,44% 3,15% 2,7% 2,67% 1,97% 1,22% set-14 out-14 set-15 out-15 set-16 out-16 set-17 out-17 set-18 out-18-2,04% -0,87% O aumento da inadimplência, pode ser explicado pela alta da inflação, que está 1,6 pontos percentuais acima quando comparado ao mesmo período do último ano. DESEMPREGO 3º tri-18 11,7% 3º tri-17 14,5% Var. 2,8 P.P AUMENTO NA RENDA REAL 3º tri-18- R$ º tri-17 R$ Var. 5,4% INFLAÇÃO Acum. Ano 18 3,81% Acum. Ano 17 2,21 % Var. 1,6 P.P JUROS Out. 18 6,50% Out. 17 8,25% Var. 1,75 P.P Alta taxa de desemprego, que embora esteja em processo de desaceleração, ainda encontra-se em patamares elevados. O não pagamento do funcionalismo público estadual.

4 DEVEDORES Comparação Base Mensal Outubro.18 / Setembro.18 Número de CPFS na base de inadimplentes do SPC Brasil 1,58% 1,55% 1,36% 0,61% -0,59% out-14 out-15 out-16 out-17 out-18 A elevação de 1,36% na comparação mensal pode ser explicada pela continuidade do parcelamento dos salários dos servidores públicos.

5 Quem são os Devedores Comparação Base Anual Outubro.18 / Outubro.17 *Devedores Homens 0,42% GÊNERO Maior concentração de devedores Mulheres +1,28% Esta concentração no GÊNERO FEMININO, é em função da taxa de DESEMPREGO, que apresenta diferença de 4 pontos percentuais em relação aos homens (3º tri.18 mulheres 13,7% e homens 9,7% -IBGE) e uma diferença de 29,7% nos rendimentos reais em relação aos homens (mulheres R$2.374/homens R$ º tri IBGE). FAIXA ETÁRIA Maior concentração de devedores De 65 a 94 anos +22,86% Essa faixa apresenta taxa de 22,86%, em comparação ao ano passado, o que confirma a tendência observada desde o início do ano. Pessoas aposentadas, sofreram redução de 6,7% nos rendimentos reais (3ºtri. 18 R$ / 3ºtri. 17 R$ IBGE), E ainda sofrem com um custo de vida um pouco mais elevado em função das despesas com a saúde.

6 HISTÓRICO Mês MENSAL ANUAL jun-17-1,00% 0,06% jul-17-0,57% -1,22% ago-17-0,09% -0,51% set-17-0,80% -2,04% out-17 0,61% -0,87% nov-17-0,27% -1,51% dez-17-1,47% -3,26% jan-18 0,21% -3,25% fev-18-0,20% -2,56% mar-18-0,24% -2,83% abr-18 2,69% -0,11% mai-18 0,73% -0,48% jun-18 0,81% 1,35% jul-18-0,74% 1,17% ago-18-0,60% 0,66% set-18-0,25% 1,22% out-18 1,36% 1,97% 3,00% 2,00% 1,00% 0,00% -1,00% -2,00% -3,00% MENSAL ANUAL 1,97% 1,36% -4,00%

7 Número de DÍVIDAS na base de inadimplentes do SPC Brasil. DÍVIDAS Comparação Base Anual Outubro.18 / Outubro.17 5,78% 1,73% 1,79% 3,65% 3,40% 2,73% set-14 out-14 set-15 out-15 set-16 out-16 set-17 out-17 set-18 out-18 As dívidas podem ser do cartão de crédito, boleto, cheque, etc. -3,87% -3,82% -5,32% Este decréscimo pode ser explicado pela leve melhora no cenário econômico comparado ao mesmo período do último ano. E com uma redução de 2,8 pontos percentuais na taxa de desemprego e acréscimo de 5,4% dos rendimentos reais, permitindo que os consumidores quitassem algumas de suas pendências financeiras. -2,51%

8 As dívidas podem ser do cartão de crédito, boleto, cheque, etc. DÍVIDAS Comparação Base Mensal Outubro.18 / Setembro.18 1,62% 1,38% 1,31% -0,05% Número de DÍVIDAS na base de inadimplentes do SPC Brasil. -1,55% out-14 out-15 out-16 out-17 out-18

9 PERFIL DÍVIDAS FAIXA ETÁRIA Maior concentração dívidas De 65 a 94 anos +15,34% Na grande maioria são pessoas aposentadas, que sofreram REDUÇÃO NA RENDA DE 6,7% (3ºtri. 18 R$ / 3ºtri. 17 R$ IBGE), e ainda tem um custo de vida mais elevado, em função das despesas com saúde.

10 jun-17 jul-17 ago-17 set-17 out-17 nov-17 dez-17 jan-18 fev-18 mar-18 abr-18 mai-18 jun-18 jul-18 ago-18 set-18 out-18 HISTÓRICO Mês MENSAL ANUAL 2,00% 0,00% -2,00% -4,00% MENSAL ANUAL 1,31% -2,51% jun-17-1,41% -3,34% jul-17-0,57% -4,56% ago-17-0,25% -3,93% set-17-1,09% -5,32% out-17-0,05% -3,87% nov-17-0,70% -4,41% dez-17-2,95% -7,39% jan-18-0,38% -8,09% fev-18-0,20% -7,19% mar-18-7,64% -0,99% abr-18 1,49% -4,80% mai-18 1,36% -5,65% jun-18 0,80% -3,54% -6,00% jul-18-1,06% -4,02% -8,00% -10,00% ago-18-0,58% -4,34% set-18-0,55% -3,82% out-18 1,31% -2,51%

11 Pessoa Jurídica

12 EMPRESAS DEVEDORAS Comparação Base Anual Outubro. 18 / Outubro. 17 Número de Empresas com CNPJ NEGATIVADO 9,18% 9,5% 12,93% 11,97% 15,31% 12,7% 8,07% 7,56% 7,24% 6,18% set-14 out-14 set-15 out-15 set-16 out-16 set-17 out-17 set-18 out-18 Comparação Base Mensal Setembro.18/ Agosto.18 2,38% Apesar do indicador apresentar crescimento, podemos ressaltar que em função da leve melhora do cenário 1,51% econômico em comparação ao mesmo período do último 0,84% ano, essa alta foi menor que o indicador de devedores 0,07% apresentado em outubro de ,46% out-14 out-15 out-16 out-17 out-18

13 Comparação Base Anual Outubro. 18 / Outubro.17 16,78% DÍVIDAS EMPRESA 11,20% 12,63% 13,35% 5,85% 6,45% 5,18% 5,69% 3,97% 2,49% set-14 out-14 set-15 out-15 set-16 out-16 set-17 out-17 set-18 out-18 CENÁRIO MENOS FAVORÁVEL PARA AS EMPRESAS: Comparação Base Mensal Setembro.18/ Agosto.18 2,76% DESACELERAÇÃO DO CRESCIMENTO ECONÔMICO 1,45% DESACELERAÇÃO NAS RECEITA DAS EMPRESAS APESAR DA DESACELERAÇÃO DESEMPREGO, A TX CONTINUA ELEVADA -0,26% 0,22% RECUPERAÇÃO MAIS LENTA DO CONSUMO -1,21% out-14 out-15 out-16 out-17 out-18

14 HISTÓRICO EMPRESAS INADIMPLENTES Mês MENSAL ANUAL Jun/17 0,33% 7,98% Jul/17 0,64% 7,74% Ago/17-0,65% 6,97% Set/17 1,39% 7,24% Out/17 0,84% 8,07% Nov/17 0,57% 8,24% Dez/17-0,52% 6,56% Jan/18 1,20% 6,62% Fev/18 0,98% 6,79% Mar/18-0,38% 5,86% Abr/18 1,86% 6,80% Mai/18 1,56% 8,05% Jun/18 0,99% 8,76% Jul/18 0,10% 8,18% Ago/18-0,49% 8,35% Set/18 7,56% 0,65% Out/18-0,46% 6,18% DÍVIDAS EM ATRASO por CNPJ Mês MENSAL ANUAL Jun/17 0,43% 5,35% Jul/17 0,39% 4,64% Ago/17-0,37% 4,23% Set/17 1,71% 5,18% Out/17 0,22% 5,69% Nov/17 0,46% 6,76% Dez/17-0,98% 5,14% Jan/18 0,87% 4,97% Fev/18 0,72% 5,07% Mar/18-0,28% 4,31% Abr/18 1,15% 4,69% Maio/18 1,10% 5,52% Jun/18 0,69% 5,79% Jul/18 0,09% 5,48% Ago/18-0,49% 5,38% Set/18 3,97% 0,37% Out/18-1,21% 2,49%

15 Assessoria de Imprensa CDL/BH Cristina Reis / Lailiane Freitas / Sarah Mansur (31) / (31) facebook.com/assessoriadeimprensacdlbh

INADIMPLÊNCIA BELO HORIZONTE. Periodicidade: JANEIRO/2019

INADIMPLÊNCIA BELO HORIZONTE. Periodicidade: JANEIRO/2019 INADIMPLÊNCIA BELO HORIZONTE Periodicidade: JANEIRO/2019 Pessoa Física DEVEDORES Comparação base mensal Janeiro.19 / Dezembro.18 Número de CPF na base de inadimplentes do SPC Brasil 1,83% 1,37% 0,3% 0,3%

Leia mais

INADIMPLÊNCIA BELO HORIZONTE. Dezembro 2018

INADIMPLÊNCIA BELO HORIZONTE. Dezembro 2018 INADIMPLÊNCIA BELO HORIZONTE Dezembro 2018 Pessoa Física DEVEDORES base mensal Dezembro.18 / Novembro.18 Número de CPF na base de inadimplentes do SPC Brasil 0,43% -0,22% -1,09% -1,35% -1,54% dez-14 dez-15

Leia mais

INADIMPLÊNCIA BELO HORIZONTE PESSOA FÍSICA. Periodicidade: AGOSTO/2018

INADIMPLÊNCIA BELO HORIZONTE PESSOA FÍSICA. Periodicidade: AGOSTO/2018 INADIMPLÊNCIA BELO HORIZONTE PESSOA FÍSICA Periodicidade: AGOSTO/2018 INADIMPLÊNCIA BELO HORIZONTE : PESSOA FÍSICA DEVEDORES Número de CPF na base de inadimplentes do SPC Brasil Comparação Base Anual Agosto.18/Agosto.17

Leia mais

TERMÔMETRO DE VENDAS - BH. Periodicidade mensal Julho/2018

TERMÔMETRO DE VENDAS - BH. Periodicidade mensal Julho/2018 TERMÔMETRO DE VENDAS - BH Periodicidade mensal Julho/2018 Setores pesquisados Drogaria e cosméticos 0,82% Julho.18 Junho.18 Comparação mensal 1,71% Julho.18 Julho.17 Comparação anual 2,73% Jan-Jul./18

Leia mais

Indicador de Confiança

Indicador de Confiança Indicador de Confiança Consumidores Belo Horizonte 3º Trimestre Novembro/ INDICADOR DE CONFIANÇA CONSUMIDOR O indicador de confiança é composto por dois subindicadores sobre a CONDIÇÃO GERAL e EXPECTATIVA

Leia mais

Indicador de Confiança. Consumidores Belo Horizonte. 1º trimestre 2018

Indicador de Confiança. Consumidores Belo Horizonte. 1º trimestre 2018 Indicador de Confiança Consumidores Belo Horizonte estre O TEM COMO OBJETIVO: Identificar a percepção dos consumidores de Belo Horizonte sobre o cenário macroeconômico atual, bem como mensurar a expectativa

Leia mais

Indicador de Confiança do Empresário. 1º trimestre 2018

Indicador de Confiança do Empresário. 1º trimestre 2018 Indicador de Confiança do Empresário 1º trimestre 2018 INDICADOR DE CONFIANÇA EMPRESÁRIO O INDICADOR DE CONFIANÇA TEM COMO OBJETIVO: Identificar a percepção do empresário de varejo e serviços de Belo Horizonte

Leia mais

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE Simpl Acum Simpl Acum jul/10 a jun/11 jul/11 12 13 (%) (%) (%) (%) 1.72.380,00 0,00 0,00 0,00 361.00,00 22,96 22,96 1/11 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE ago/11 Simpl Acum Simpl Acum Simpl

Leia mais

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10

PRÓ-TRANSPORTE - MOBILIDADE URBANA - PAC COPA 2014 - CT 318.931-88/10 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE Simpl Acum Simpl Acum jul/10 a jun/11 jul/11 12 13 (%) (%) (%) (%) 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 1/11 AMPLIAÇÃO DA CENTRAL DE ago/11 Simpl Acum Simpl Acum Simpl Acum 14 set/11 15

Leia mais

PESQUISA EDUCAÇÃO FINANCEIRA

PESQUISA EDUCAÇÃO FINANCEIRA PESQUISA EDUCAÇÃO FINANCEIRA Metodologia Esta pesquisa tem como objetivo identificar como os consumidores de Belo Horizonte e da Região Metropolitana administram sua vida financeira. Pesquisa quantitativa

Leia mais

Indicador de Inadimplência Pessoas Jurídicas Belo Horizonte SPC CDL/BH. Dezembro 2016

Indicador de Inadimplência Pessoas Jurídicas Belo Horizonte SPC CDL/BH. Dezembro 2016 Indicador de Inadimplência Pessoas Jurídicas Belo Horizonte SPC CDL/BH Dezembro 2016 Elaborado: Economia - Pesquisa & Mercado Equipe Técnica: Simone Montenegro Gerente Ana Paula Bastos Economista Sarah

Leia mais

Indicador de Dívidas em Atraso Belo Horizonte PESSOA FÍSICA SPC CDL/BH. Dezembro 2016

Indicador de Dívidas em Atraso Belo Horizonte PESSOA FÍSICA SPC CDL/BH. Dezembro 2016 Indicador de Dívidas em Atraso Belo Horizonte PESSOA FÍSICA SPC CDL/BH Dezembro 2016 Elaborado: Economia - Pesquisa & Mercado Equipe Técnica: Simone Montenegro Gerente Ana Paula Bastos Economista Sarah

Leia mais

TERMÔMETRO DE VENDAS - BH

TERMÔMETRO DE VENDAS - BH SETOR DE ECONOMIA, PESQUISA E MERCADO Pesquisa com Empresários TERMÔMETRO DE VENDAS - BH Periodicidade mensal Março/2019 COMPARAÇÃO MENSAL 10,4% 1,96% Comparação mensal (Mar.19 Fev.19) Fev.10- Mar.10 0,88%

Leia mais

DEMONSTRATIVO DE CÁLCULO DE APOSENTADORIA - FORMAÇÃO DE CAPITAL E ESGOTAMENTO DAS CONTRIBUIÇÕES

DEMONSTRATIVO DE CÁLCULO DE APOSENTADORIA - FORMAÇÃO DE CAPITAL E ESGOTAMENTO DAS CONTRIBUIÇÕES Página 1 de 28 Atualização: da poupança jun/81 1 133.540,00 15,78 10,00% 13.354,00 10,00% 13.354,00 26.708,00-0,000% - 26.708,00 26.708,00 26.708,00 jul/81 2 133.540,00 15,78 10,00% 13.354,00 10,00% 13.354,00

Leia mais

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro Novembro/2013

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro Novembro/2013 CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro Novembro/2013 PEIC Síntese dos Resultados Síntese dos Resultados Total de Endividados Dívidas ou Contas em Atrasos Não Terão Condições de Pagar nov/12 59,0% 21,0%

Leia mais

PESQUISA PERFIL CONSUMIDOR

PESQUISA PERFIL CONSUMIDOR PESQUISA PERFIL CONSUMIDOR Objetivo da Pesquisa Identificar o perfil dos consumidores de Belo Horizonte, quais são os seus principais hábitos de consumo, interesses e seu comportamento em relação as dívidas

Leia mais

Indicador de Dívidas em Atraso Minas Gerais SPC CDL/BH. Setembro 2016

Indicador de Dívidas em Atraso Minas Gerais SPC CDL/BH. Setembro 2016 Indicador de Dívidas em Atraso Minas Gerais SPC CDL/BH Setembro 2016 Equipe Técnica: Ana Paula Bastos Economista Sarah Ribeiro Estatística André Correia Analista de Economia Amanda Santos Técnico de Pesquisa

Leia mais

Indicador de Inadimplência de Pessoas Jurídicas Belo Horizonte SPC CDL/BH. Outubro 2016

Indicador de Inadimplência de Pessoas Jurídicas Belo Horizonte SPC CDL/BH. Outubro 2016 Indicador de Inadimplência de Pessoas Jurídicas Belo Horizonte SPC CDL/BH Outubro 2016 Elaborado: Economia - Pesquisa & Mercado Equipe Técnica: Simone Montenegro Gerente da área Ana Paula Bastos Economista

Leia mais

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro PEIC Síntese dos Resultados Síntese dos Resultados Total de Endividados Dívidas ou Contas em Atrasos Não Terão Condições de Pagar fev/10 61,8% 25,6% 8,6% jan/11 59,4%

Leia mais

Indicador de Dívidas em Atraso Minas Gerais SPC CDL/BH. Abril/2016

Indicador de Dívidas em Atraso Minas Gerais SPC CDL/BH. Abril/2016 Indicador de Dívidas em Atraso Minas Gerais SPC CDL/BH Abril/2016 Equipe Técnica: Ana Paula Bastos Economista Sarah Ribeiro Estatística André Correia Analista de Economia Amanda Santos Técnico de Pesquisa

Leia mais

PESQUISA EDUCAÇÃO FINANCEIRA SETOR DE ECONOMIA, PESQUISA E MERCADO

PESQUISA EDUCAÇÃO FINANCEIRA SETOR DE ECONOMIA, PESQUISA E MERCADO PESQUISA EDUCAÇÃO FINANCEIRA SETOR DE ECONOMIA, PESQUISA E MERCADO Metodologia Esta pesquisa tem como objetivo identificar como os consumidores de Belo Horizonte e da Região Metropolitana administram sua

Leia mais

Indicador de Dívidas em Atraso Minas Gerais SPC CDL/BH. Novembro

Indicador de Dívidas em Atraso Minas Gerais SPC CDL/BH. Novembro 1. Indicador de Dívidas em Atraso Minas Gerais SPC CDL/BH Novembro 2016 Equipe Técnica: Simone Montenegro - Gerente Ana Paula Bastos Economista Sarah Ribeiro Estatística André Correia Analista de Economia

Leia mais

DELEGACIA REGIONAL TRIBUTÁRIA DE

DELEGACIA REGIONAL TRIBUTÁRIA DE Fatores válidos para recolhimento em 01/08/2016 JANEIRO 3,3714 3,2396 3,0166 2,8566 2,6932 2,5122 2,3076 2,1551 1,9790 1,8411 1,7203 1,5947 FEVEREIRO 3,3614 3,2158 3,0021 2,8464 2,6807 2,4939 2,2968 2,1429

Leia mais

Indicador de vendas e de inadimplência

Indicador de vendas e de inadimplência Indicador de vendas e de inadimplência CNDL SPC Brasil Janeiro de 2014 Presidentes Roque Pellizzaro Junior (CNDL) Roberto Alfeu Pena Gomes (SPC Brasil) Publicado em fevereiro de 2014 1 Inadimplência abre

Leia mais

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro Agosto/2013

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro Agosto/2013 CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro Agosto/2013 PEIC Síntese dos Resultados Síntese dos Resultados Total de Endividados Dívidas ou Contas em Atrasos Não Terão Condições de Pagar ago/12 59,8% 21,3% 7,1%

Leia mais

Indicador de Inadimplência de Pessoas Jurídicas Belo Horizonte SPC CDL/BH. Abril/2016

Indicador de Inadimplência de Pessoas Jurídicas Belo Horizonte SPC CDL/BH. Abril/2016 Indicador de Inadimplência de Pessoas Jurídicas Belo Horizonte SPC CDL/BH Abril/2016 Elaborado: Economia - Pesquisa & Mercado Equipe Técnica: Ana Paula Bastos Economista Sarah Ribeiro Estatística André

Leia mais

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro Outubro/2013

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro Outubro/2013 CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro Outubro/2013 PEIC Síntese dos Resultados Síntese dos Resultados Total de Endividados Dívidas ou Contas em Atrasos Não Terão Condições de Pagar out/12 59,2% 20,5%

Leia mais

PESQUISA EDUCAÇÃO FINANCEIRA

PESQUISA EDUCAÇÃO FINANCEIRA PESQUISA EDUCAÇÃO FINANCEIRA Metodologia Esta pesquisa tem como objetivo identificar como os consumidores de Belo Horizonte e da Região Metropolitana administram sua vida financeira. Pesquisa quantitativa

Leia mais

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro PEIC Síntese dos Resultados Síntese dos Resultados Total de Endividados Dívidas ou Contas em Atrasos Não Terão Condições de Pagar mar/10 63,0% 27,3% 8,7% fev/11 65,3%

Leia mais

TABELA PRÁTICA PARA CÁLCULO DOS JUROS DE MORA ICMS ANEXA AO COMUNICADO DA-46/12

TABELA PRÁTICA PARA CÁLCULO DOS JUROS DE MORA ICMS ANEXA AO COMUNICADO DA-46/12 JANEIRO 2,7899 2,6581 2,4351 2,2751 2,1117 1,9307 1,7261 1,5736 1,3975 1,2596 1,1388 1,0132 FEVEREIRO 2,7799 2,6343 2,4206 2,2649 2,0992 1,9124 1,7153 1,5614 1,3860 1,2496 1,1288 1,0032 MARÇO 2,7699 2,6010

Leia mais

GDOC INTERESSADO CPF/CNPJ PLACA

GDOC INTERESSADO CPF/CNPJ PLACA Fatores válidos para recolhimento em 01/02/2017 JANEIRO 3,4634 3,3316 3,1086 2,9486 2,7852 2,6042 2,3996 2,2471 2,0710 1,9331 1,8123 1,6867 FEVEREIRO 3,4534 3,3078 3,0941 2,9384 2,7727 2,5859 2,3888 2,2349

Leia mais

DATA DIA DIAS DO FRAÇÃO DATA DATA HORA DA INÍCIO DO ANO JULIANA SIDERAL T.U. SEMANA DO ANO TRÓPICO 2450000+ 2460000+

DATA DIA DIAS DO FRAÇÃO DATA DATA HORA DA INÍCIO DO ANO JULIANA SIDERAL T.U. SEMANA DO ANO TRÓPICO 2450000+ 2460000+ CALENDÁRIO, 2015 7 A JAN. 0 QUARTA -1-0.0018 7022.5 3750.3 1 QUINTA 0 +0.0009 7023.5 3751.3 2 SEXTA 1 +0.0037 7024.5 3752.3 3 SÁBADO 2 +0.0064 7025.5 3753.3 4 DOMINGO 3 +0.0091 7026.5 3754.3 5 SEGUNDA

Leia mais

Série 34 E 35 Relatório de Acompanhamento do CRI 31-jan-14

Série 34 E 35 Relatório de Acompanhamento do CRI 31-jan-14 31-jan-14 a - Juros 6.691.919,50 a - Juros 1.672.979,81 b - Amortização 3.757.333,97 b - Amortização 939.333,65 a - Saldo atual dos CRI Seniors (984.936.461,48) b - Saldo atual dos CRI Junior (246.234.105,79)

Leia mais

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro PEIC Síntese dos Resultados Síntese dos Resultados Total de Endividados Dívidas ou Contas em Atrasos Não Terão Condições de Pagar Mai/11 64,2% 24,4% 8,6% Abr/12 56,8%

Leia mais

A recessão avança. Econ. Ieda Vasconcelos Reunião CIC/FIEMG Novembro/2015

A recessão avança. Econ. Ieda Vasconcelos Reunião CIC/FIEMG Novembro/2015 A recessão avança Econ. Ieda Vasconcelos Reunião CIC/FIEMG Novembro/2015 Este não é o final de ano que queríamos O retrato da economia Tempo fechado Para o Brasil retomar o crescimento é urgente que a

Leia mais

INSTITUTO DE ECONOMIA GASTÃO VIDIGAL

INSTITUTO DE ECONOMIA GASTÃO VIDIGAL INSTITUTO DE ECONOMIA GASTÃO VIDIGAL MARCEL SOLIMEO Maio 2004 1800000 1600000 1400000 1200000 1000000 800000 600000 400000 200000 SCPC - SERVIÇO CENTRAL DE PROTEÇÃO AO CRÉDITO EVOLUÇÃO DAS CONSULTAS ANOS

Leia mais

Conjuntura - Saúde Suplementar

Conjuntura - Saúde Suplementar Conjuntura - Saúde Suplementar 28º Edição - Setembro 2015 Sumário Conjuntura - Saúde Suplementar Seção Especial 3 Nível de Atividade 4 Emprego 5 Emprego direto em planos de saúde 6 Renda 6 Inflação 7 Câmbio

Leia mais

Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS

Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS Data Moeda Valor Vista Descrição Taxa US$ 07-Jul-00 Real 0,5816 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,81 14-Jul-00 Real 0,5938 Sem frete - PIS/COFINS (3,65%) NPR 1,8 21-Jul-00 Real 0,6493 Sem frete - PIS/COFINS

Leia mais

Recursos Livres (R$ bilhões) Recursos Direcionados (R$ bilhões) Crescimento do Total (% em 12 meses)

Recursos Livres (R$ bilhões) Recursos Direcionados (R$ bilhões) Crescimento do Total (% em 12 meses) Desaceleração e inadimplência em baixa A última nota técnica, contemplando os números relativos a dezembro, continua indicando a desaceleração do crescimento do saldo das operações de crédito (14,6% ante

Leia mais

EXPECTATIVA DOS CONSUMIDORES. Pesquisa Dia dos Namorados 2019

EXPECTATIVA DOS CONSUMIDORES. Pesquisa Dia dos Namorados 2019 EXPECTATIVA DOS CONSUMIDORES Pesquisa Dia dos Namorados 2019 METODOLOGIA Objetivo da pesquisa Avaliar a expectativa dos consumidores de Belo Horizonte com relação às compras para o Dia dos Namorados de

Leia mais

TABELA PRÁTICA PARA CÁLCULO DOS JUROS DE MORA ICMS ANEXA AO COMUNICADO DA-87/12

TABELA PRÁTICA PARA CÁLCULO DOS JUROS DE MORA ICMS ANEXA AO COMUNICADO DA-87/12 JANEIRO 2,8451 2,7133 2,4903 2,3303 2,1669 1,9859 1,7813 1,6288 1,4527 1,3148 1,1940 1,0684 FEVEREIRO 2,8351 2,6895 2,4758 2,3201 2,1544 1,9676 1,7705 1,6166 1,4412 1,3048 1,1840 1,0584 MARÇO 2,8251 2,6562

Leia mais

CONCENTRAÇÃO DA INADIMPLÊNCIA POR MUNICÍPIO NO 1 TRIMESTRE DE 2013 CONCENTRAÇÃO DA INADIMPLÊNCIA POR MUNICÍPIO NO 1 TRIMESTRE DE %

CONCENTRAÇÃO DA INADIMPLÊNCIA POR MUNICÍPIO NO 1 TRIMESTRE DE 2013 CONCENTRAÇÃO DA INADIMPLÊNCIA POR MUNICÍPIO NO 1 TRIMESTRE DE % CONCENTRAÇÃO DA INADIMPLÊNCIA POR MUNICÍPIO NO 1 TRIMESTRE DE 2013 27% 1 GOIÂNIA 2 JATAÍ 51% 3 TRINDADE 3% 7% 4% 9% 4 ANÁPOLIS 5 RIO VERDE 6 OUTROS FONTE: CDL GOIÂNIA CONCENTRAÇÃO DA INADIMPLÊNCIA POR

Leia mais

Expectativa Empresário. Pesquisa Dia dos Namorados

Expectativa Empresário. Pesquisa Dia dos Namorados Expectativa Empresário Pesquisa Dia dos Namorados METODOLOGIA OBJETIVO DA PESQUISA: Avaliar a expectativa de vendas dos empresários de Belo Horizonte e Região metropolitana para o Dia dos Namorados de

Leia mais

Panorama da Economia Brasileira

Panorama da Economia Brasileira Panorama da Economia Brasileira Nelson Barbosa Secretário de Política Econômica Brasília, 23 de novembro de 2009 1 PRODUÇÃO INDUSTRIAL Índice com ajuste sazonal (jan/2007 = 100) 115 110 110,9 105 101,89

Leia mais

Relatório do Mercado de Reposição

Relatório do Mercado de Reposição 116,9 125,3 125,2 139,5 137,9 145,9 142,7 146,9 150,2 142,9 128,2 135,6 142,7 Relatório do Mercado de Reposição I Resultado Índice primeiros do trimestres Mercado ano. de Reposição Sindipeças Os dados

Leia mais

TERMÔMETRO DE VENDAS Dezembro/2016

TERMÔMETRO DE VENDAS Dezembro/2016 TERMÔMETRO DE VENDAS Dezembro/2016 Elaborado: Economia - Pesquisa & Mercado Equipe Técnica: Economista Ana Pala Bastos Estatística - Sarah Ribeiro Analista Economia André Fernandes Técnico em Pesquisa

Leia mais

CHAPECOENSES INICIAM 2019 COM OTIMISMO

CHAPECOENSES INICIAM 2019 COM OTIMISMO CHAPECOENSES INICIAM 2019 COM OTIMISMO O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) calculado para o município de Chapecó-SC apresentou um aumento de 9,37 pontos para o mês de janeiro. Neste mês, a confiança

Leia mais

METODOLOGIA. Objetivo da pesquisa. Informações técnicas: Pesquisa quantitativa entrevistas via telefone. Público-alvo: Empresários de Belo Horizonte

METODOLOGIA. Objetivo da pesquisa. Informações técnicas: Pesquisa quantitativa entrevistas via telefone. Público-alvo: Empresários de Belo Horizonte METODOLOGIA Objetivo da pesquisa Avaliar a expectativa dos empresários de Belo Horizonte com relação às vendas para o Dia das Mães de 2019. Informações técnicas: Pesquisa quantitativa entrevistas via telefone.

Leia mais

Indicador de vendas e de inadimplência

Indicador de vendas e de inadimplência Indicador de vendas e de inadimplência CNDL SPC Brasil Setembro de 2013 Presidentes Roque Pellizzaro Junior (CNDL) Roberto Alfeu Pena Gomes (SPC Brasil) Outubro de 2013 1 Inadimplência registra leve queda

Leia mais

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro

CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro CNC - Divisão Econômica Rio de janeiro 22.06.2010 PEIC Síntese dos Resultados Síntese dos Resultados Abr Mai Jun Total de Endividados 58,0% 58,7% 54,0% Dívidas ou Contas em Atrasos 24,4% 25,1% 23,5% Não

Leia mais

Pesquisa Dia DOS PAIS 2018 EXPECTATIVA DOS CONSUMIDORES

Pesquisa Dia DOS PAIS 2018 EXPECTATIVA DOS CONSUMIDORES Pesquisa Dia DOS PAIS 2018 EXPECTATIVA DOS CONSUMIDORES INFORMAÇÕES METODOLÓGICAS Objetivo da Pesquisa: Avaliar a expectativa dos CONSUMIDORES de Belo Horizonte e Região Metropolitana em relação às compras

Leia mais

Impactos do Endividamento, Inadimplência e Confiança Sobre as Vendas do Comércio (PEIC, IFC, ICEC)

Impactos do Endividamento, Inadimplência e Confiança Sobre as Vendas do Comércio (PEIC, IFC, ICEC) Impactos do Endividamento, Inadimplência e Confiança Sobre as Vendas do Comércio (PEIC, IFC, ICEC) Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (PEIC) Avaliação dos resultados 2016 e influências

Leia mais

CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro

CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro Abril de 2016 Peic Síntese dos Resultados Síntese dos Resultados Total de Endividados Dívidas ou Contas em Atraso Não Terão Condições de Pagar abr/15 61,6% 19,7%

Leia mais

Safra 2016/2017. Safra 2015/2016

Safra 2016/2017. Safra 2015/2016 Valores de ATR e Preço da Tonelada de Cana-de-açúcar - Consecana do Estado do Paraná Safra 2016/2017 Mar/16 0,6048 0,6048 0,6048 66,04 73,77 Abr 0,6232 0,6232 0,5927 64,72 72,29 Mai 0,5585 0,5878 0,5868

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA EXECUÇÃO FINANCEIRA

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA EXECUÇÃO FINANCEIRA CONTRATO 07/2013 EXERCÍCIO 2013 jan/13 fev/13 mar/13 abr/13 mai/13 jun/13 jul/13 ago/13 set/13 out/13 nov/13 dez/13 Número da Nota Fiscal emitida - - - - - - 92 99 110 121/133-157 - - Depósitos realizados

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo. Material de suporte para categorias em data-base.

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo. Material de suporte para categorias em data-base. EVOLUÇÃO SALARIAL Categoria: Material de suporte para categorias em data-base. Deflatores: IPCA-IBGE INPC-IBGE novembro de 2015 Este trabalho contém o estudo sobre o comportamento dos salários desde 01-novembro-2014

Leia mais

CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro

CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro Novembro de 2014 PEIC Síntese dos Resultados Síntese dos Resultados Total de Endividados Dívidas ou Contas em Atrasos Não Terão Condições de Pagar nov/13 63,2% 21,2%

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo. Material de Suporte para Categorias em Data-Base INPC-IBGE

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo. Material de Suporte para Categorias em Data-Base INPC-IBGE EVOLUÇÃO SALARIAL Categoria: Material de Suporte para Categorias em Data-Base Deflatores: ICV-DIEESE INPC-IBGE maio de 2015 Este trabalho contém o estudo sobre o comportamento dos salários desde 01-maio-2014

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo INPC-IBGE. junho de 2014

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo INPC-IBGE. junho de 2014 EVOLUÇÃO SALARIAL Categoria: Material de suporte para categorias em data-base Deflatores: ICV-DIEESE INPC-IBGE junho de 2014 Este trabalho contém o estudo sobre o comportamento dos salários desde 01-junho-2013

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo. Material de suporte para categorias em data-base.

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo. Material de suporte para categorias em data-base. EVOLUÇÃO SALARIAL Categoria: Material de suporte para categorias em data-base. Deflatores: ICV-DIEESE INPC-IBGE junho de 2017 Este trabalho contém o estudo sobre o comportamento dos salários desde 01-junho-2016

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo. Material de suporte para categorias em data-base.

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo. Material de suporte para categorias em data-base. EVOLUÇÃO SALARIAL Categoria: Material de suporte para categorias em data-base. Deflatores: ICV-DIEESE INPC-IBGE setembro de 2015 Este trabalho contém o estudo sobre o comportamento dos salários desde 01-setembro-2014

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo INPC-IBGE. abril de 2013

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo INPC-IBGE. abril de 2013 EVOLUÇÃO SALARIAL Categoria: Material de suporte para categorias em data-base Deflatores: ICV-DIEESE INPC-IBGE abril de 2013 Este trabalho contém o estudo sobre o comportamento dos salários desde 01-abril-2012

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo INPC-IBGE. dezembro de 2014

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo INPC-IBGE. dezembro de 2014 EVOLUÇÃO SALARIAL Categoria: Material de suporte para categorias em data-base. Deflatores: ICV-DIEESE INPC-IBGE dezembro de 2014 Este trabalho contém o estudo sobre o comportamento dos salários desde 01-dezembro-2013

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo INPC-IBGE. dezembro de 2012

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo INPC-IBGE. dezembro de 2012 EVOLUÇÃO SALARIAL Categoria: Material de suporte para as categorias em data-base Deflatores: ICV-DIEESE INPC-IBGE dezembro de 2012 Este trabalho contém o estudo sobre o comportamento dos salários desde

Leia mais

Pesquisa Dia DOS PAIS 2018 EXPECTATIVA LOJISTAS

Pesquisa Dia DOS PAIS 2018 EXPECTATIVA LOJISTAS Pesquisa Dia DOS PAIS 2018 EXPECTATIVA LOJISTAS INFORMAÇÕES METODOLÓGICAS Objetivo da Pesquisa: Avaliar a expectativa dos lojistas de Belo Horizonte em relação às vendas para o Dia dos Pais de 2018. Informações

Leia mais

Análise de Conjuntura

Análise de Conjuntura Análise de Conjuntura Setembro / 2013 NEPOM Núcleo de Estudos de Política Monetária do IBMEC/MG Coordenação: Prof. Dr. Cláudio D. Shikida Alunos Integrantes: Arthur Abreu Fabiano Ferrari Joice Marques

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo INPC-IBGE. junho de 2013

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo INPC-IBGE. junho de 2013 EVOLUÇÃO SALARIAL Categoria: Material de suporte para categorias em data-base Deflatores: IPCA-IBGE INPC-IBGE junho de 2013 Este trabalho contém o estudo sobre o comportamento dos salários desde 01-junho-2012

Leia mais

Na média de 2015, a economia brasileira fechou mais de 525,3 mil postos de trabalho em relação aos dez primeiros meses de O setor de serviços,

Na média de 2015, a economia brasileira fechou mais de 525,3 mil postos de trabalho em relação aos dez primeiros meses de O setor de serviços, Novembro de 2015 1 Na média de 2015, a economia brasileira fechou mais de 525,3 mil postos de trabalho em relação aos dez primeiros meses de 2014. O setor de serviços, contudo, continuou abrindo vagas.

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo. Material de suporte para categorias em data-base.

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo. Material de suporte para categorias em data-base. EVOLUÇÃO SALARIAL Categoria: Material de suporte para categorias em data-base. Deflatores: IPCA - SP INPC-IBGE outubro de 2016 Este trabalho contém o estudo sobre o comportamento dos salários desde 01-outubro-2015

Leia mais

Valores de ATR e Preço da Tonelada de Cana-de-açúcar - Consecana do Estado de São Paulo

Valores de ATR e Preço da Tonelada de Cana-de-açúcar - Consecana do Estado de São Paulo Valores de ATR e Preço da Tonelada de Cana-de-açúcar - Consecana do Estado de São Paulo Safra 2015/2016 Mensal Acumulado Cana Campo (1) Cana Esteira (2) R$/Kg ATR R$/Kg ATR R$/Ton. R$/Ton. Abr/15 0,4909

Leia mais

Análise de Conjuntura Outubro/2011

Análise de Conjuntura Outubro/2011 Análise de Conjuntura Outubro/2011 NEPOM Núcleo de Estudos de Política Monetária do IBMEC/MG Coordenação: Prof. Dr. Cláudio D. Shikida Alunos Integrantes Camila Silva Camila Linhares Caterina D Ippolito

Leia mais

ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA DO CONSUMIDOR Belo Horizonte - Junho/2017

ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA DO CONSUMIDOR Belo Horizonte - Junho/2017 ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA DO CONSUMIDOR Belo Horizonte - Junho/2017 jan/15 fev/15 mar/15 abr/15 mai/15 jun/15 jul/15 ago/15 set/15 out/15 nov/15 dez/15 jan/16 fev/16 mar/16 abr/16 mai/16 jun/16 jul/16

Leia mais

CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro

CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro Agosto de 2017 Peic Síntese dos Resultados Síntese dos Resultados Total de Endividados Dívidas ou Contas em Atraso Não Terão Condições de Pagar ago/16 58,0% 24,4%

Leia mais

Desempenho negativo da Construção e das Indústrias de Transformação prejudicam o setor industrial

Desempenho negativo da Construção e das Indústrias de Transformação prejudicam o setor industrial Desempenho negativo da Construção e das Indústrias de Transformação prejudicam o setor industrial De acordo com os dados das Contas Nacionais Trimestrais do IBGE, a economia brasileira cresceu 0,1% no

Leia mais

Econ. Lucas Aronne Schifino ASSESSORIA ECONÔMICA. Setembro de 2015

Econ. Lucas Aronne Schifino ASSESSORIA ECONÔMICA. Setembro de 2015 Cenário Econômico 2015 e Perspectivas para a Inadimplência das Famílias Econ. Lucas Aronne Schifino ASSESSORIA ECONÔMICA Setembro de 2015 A Crise 8,0 7,0 6,0 5,0 4,0 3,0 2,0 1,0 0,0-1,0-2,0 2004.I 2004.III

Leia mais

Varejo brasileiro. Fabio Silveira

Varejo brasileiro. Fabio Silveira Varejo brasileiro Fabio Silveira Setembro 2017 Varejo brasileiro volume de vendas 2017 Em Jul17, o volume de vendas do comércio varejista permaneceu estável (+0,0%), em comparação com Jun17, na série restrita

Leia mais

Evolução Setor Foodservice

Evolução Setor Foodservice Evolução Setor Foodservice Evolução Foodservice - Vendas Nominal (%) Operadores Desde 2011, o setor de Alimentação Fora do Lar (foodservice), vem passando por uma forte evolução, com crescimento médio

Leia mais

Reunião do Conselho Nacional de Previdência Social. 05 de Agosto/2015

Reunião do Conselho Nacional de Previdência Social. 05 de Agosto/2015 Reunião do Conselho Nacional de Previdência Social 05 de Agosto/2015 Contexto Teto do INSS de 2,14% a.m. fixado em 22/05/2012, SELIC de 8,89% a.a. (0,71% a.m.) Forte elevação da SELIC nos últimos 2 anos,

Leia mais

TERMÔMETRO DE VENDAS Agosto/2016

TERMÔMETRO DE VENDAS Agosto/2016 TERMÔMETRO DE VENDAS Agosto/2016 Elaborado: Economia - Pesquisa & Mercado Equipe Técnica: Economista Ana Pala Bastos Estatística - Sarah Ribeiro Analista Economia André Fernandes Técnico em Pesquisa -

Leia mais

Conjuntura Econômica Nacional. Junho de 2016

Conjuntura Econômica Nacional. Junho de 2016 Conjuntura Econômica Nacional Junho de 2016 Variação real do PIB (em %) Brasil trimestral (1º tri 2010 a 4º tri 2015) Brasil, mundo e China anual (2008 a 2016) 10 12,0 8 7,5 10,0 8,0 6,7 6 4 2 0 3,1 6,0

Leia mais

Março/2012. NEPOM Núcleo de Estudos de Política Monetária do IBMEC/MG

Março/2012. NEPOM Núcleo de Estudos de Política Monetária do IBMEC/MG Análise de Conjuntura Março/2012 NEPOM Núcleo de Estudos de Política Monetária do IBMEC/MG Coordenação: Prof. Dr. Cláudio D. Shikida Alunos Integrantes Isadora Figueiredo Guilherme Leite Rafael Byrro Raphael

Leia mais

Indicadores Econômicos. Índices de Preços. Período

Indicadores Econômicos. Índices de Preços. Período Indicadores Econômicos Índices de Preços IPC/FIPE IPCA Em 12 Em 12 Mensal No ano Mensal No ano meses meses Jan. 1,34 1,34 4,56 0,75 0,75 4,59 Fev. 0,74 2,09 5,05 0,78 1,54 4,83 Mar. 0,34 2,44 4,98 0,52

Leia mais

INDICADORES ECONÔMICOS

INDICADORES ECONÔMICOS INDICADORES ECONÔMICOS Índices de Preços IPC/FIPE IPCA Em 12 Em 12 Mensal No ano Mensal No ano meses meses Jan. 1,34 1,34 4,56 0,75 0,75 4,59 Fev. 0,74 2,09 5,05 0,78 1,54 4,83 Mar. 0,34 2,44 4,98 0,52

Leia mais

Análise de Conjuntura

Análise de Conjuntura Análise de Conjuntura Novembro / 2013 NEPOM Núcleo de Estudos de Política Monetária do IBMEC/MG Coordenação: Prof. Dr. Cláudio D. Shikida Alunos Integrantes: Arthur Abreu Fabiano Ferrari Letícia Barbara

Leia mais

Indicador de vendas e de inadimplência

Indicador de vendas e de inadimplência Indicador de vendas e de inadimplência CNDL SPC Brasil Maio de 2013 Presidentes Roque Pellizzaro Junior (CNDL) Roberto Alfeu Pena Gomes (SPC Brasil) Junho de 2013 1 Inflação puxa inadimplência e vendas

Leia mais

PERFIL DE ENDIVIDAMENTO DO CONSUMIDOR DE FORTALEZA (CE) - ABRIL

PERFIL DE ENDIVIDAMENTO DO CONSUMIDOR DE FORTALEZA (CE) - ABRIL PERFIL DE ENDIVIDAMENTO DO CONSUMIDOR DE FORTALEZA (CE) - ABRIL 2015 - Elaboração: Francisco Estevam Martins de Oliveira, Estatístico Roberto Guerra, Coordenador de campo SUMÁRIO 1. Resultados Sintéticos

Leia mais

CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro. Setembro de 2016

CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro. Setembro de 2016 CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro Setembro de 2016 Peic Síntese dos Resultados Síntese dos Resultados Total de Endividados Dívidas ou Contas em Atraso Não Terão Condições de Pagar set/15 63,5% 23,1%

Leia mais

a.a. 30% 20% 14,7% 9,6% 5,2% fev/11 ago/15 fev/11 ago/15 mai/15

a.a. 30% 20% 14,7% 9,6% 5,2% fev/11 ago/15 fev/11 ago/15 mai/15 fev/11 fev/11 Perda de dinamismo, juros em elevação e inadimplência confortável Em agosto, o crédito do SFN correspondeu a 54,6% do PIB. O crescimento anual das operações foi de 9,6%, o que significou

Leia mais

I Resultado (1) Sindipeças Abipeças Relatório do Mercado de Reposição

I Resultado (1) Sindipeças Abipeças Relatório do Mercado de Reposição I Resultado (1) A partir de informações disponibilizadas pelas empresas associadas que atuam no mercado de reposição, trabalhadas pela Assessoria de Economia do Sindipeças sob o conceito de médias móveis

Leia mais

Análise de Endividamento do Consumidor Abril

Análise de Endividamento do Consumidor Abril A traça o quadro de endividamento e inadimplência dos consumidores da capital. Essas informações são importante, pois englobam dados para a orientação dos empresários dos setores do comércio de bens, serviços

Leia mais

CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro

CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro CNC - Divisão Econômica Rio de Janeiro Agosto de 2015 Peic Síntese dos Resultados Síntese dos Resultados Total de Endividados Dívidas ou Contas em Atraso Não Terão Condições de Pagar ago/14 63,6% 19,2%

Leia mais

ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA DO CONSUMIDOR Belo Horizonte - Março/2019

ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA DO CONSUMIDOR Belo Horizonte - Março/2019 ENDIVIDAMENTO E INADIMPLÊNCIA DO CONSUMIDOR Belo Horizonte - Março/2019 mar/17 abr/17 mai/17 jun/17 jul/17 ago/17 set/17 out/17 nov/17 dez/17 jan/18 fev/18 mar/18 abr/18 mai/18 jun/18 jul/18 ago/18 set/18

Leia mais

O setor de serviços vem liderando o ranking de geração de empregos em Este ano, o setor deve responder por cerca de 68,0% dos postos de

O setor de serviços vem liderando o ranking de geração de empregos em Este ano, o setor deve responder por cerca de 68,0% dos postos de Dezembro de 2014 1 O setor de serviços vem liderando o ranking de geração de empregos em 2014. Este ano, o setor deve responder por cerca de 68,0% dos postos de trabalho que serão criados. Definições A

Leia mais

Cenários Econômicos que Pautam as Decisões de Investimento Individuais Victoria Coates Werneck 12 de setembro de 2018

Cenários Econômicos que Pautam as Decisões de Investimento Individuais Victoria Coates Werneck 12 de setembro de 2018 Cenários Econômicos que Pautam as Decisões de Investimento Individuais Victoria Coates Werneck 12 de setembro de 2018 Todos os direitos reservados para Icatu Seguros S/A - 2010. Nenhuma parte desta publicação

Leia mais

a.a. 30% 25% 20% 15% 4,9% mar/11

a.a. 30% 25% 20% 15% 4,9% mar/11 mar/11 jun/11 set/11 dez/11 mar/12 jun/12 set/12 dez/12 mar/11 jun/11 set/11 dez/11 mar/12 jun/12 set/12 dez/12 Evolução em linha com as percepções das instituições financeiras Em setembro, a carteira

Leia mais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais

Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM BELO HORIZONTE: TRANSAÇÕES IMOBILIÁRIAS Setembro de APRESENTAÇÃO DA PESQUISA Esta pesquisa é realizada pela Fundação IPEAD/UFMG com o apoio da Prefeitura Municipal de

Leia mais

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Sindipetro RJ. Petroleiros do Rio de Janeiro. Deflatores: IPCA-IBGE INPC-IBGE. julho de 2012

EVOLUÇÃO SALARIAL. Categoria: Sindipetro RJ. Petroleiros do Rio de Janeiro. Deflatores: IPCA-IBGE INPC-IBGE. julho de 2012 EVOLUÇÃO SALARIAL Categoria: Petroleiros do Rio de Janeiro Deflatores: IPCA-IBGE INPC-IBGE julho de 2012 Este trabalho contém o estudo sobre o comportamento dos salários desde 01-setembro-2011 até 31-agosto-2012

Leia mais

Melhor desempenho da carteira PJ e queda da inadimplência

Melhor desempenho da carteira PJ e queda da inadimplência Carteira - Crédito no SFN Melhor desempenho da carteira PJ e queda da inadimplência Em junho, o total das operações de crédito apontou uma melhora na margem, registrando um acréscimo de 0,4%. Com isto,

Leia mais

Janeiro Divulgado em 16 de fevereiro de 2018

Janeiro Divulgado em 16 de fevereiro de 2018 Janeiro - 2018 Divulgado em 16 de fevereiro de 2018 VAREJO APRESENTA CRESCIMENTO DE EM JANEIRO Medido pelo Índice Cielo do Varejo Ampliado (ICVA), o crescimento reflete o desempenho do comércio varejista

Leia mais

EXPECTATIVA DOS EMPRESÁRIOS. Pesquisa Dia das Mães 2018

EXPECTATIVA DOS EMPRESÁRIOS. Pesquisa Dia das Mães 2018 EXPECTATIVA DOS EMPRESÁRIOS Pesquisa Dia das Mães 2018 INFORMAÇÕES METODOLÓGICAS Objetivo da Pesquisa: Avaliar a expectativa dos empresários de Belo Horizonte e Região Metropolitana com relação às vendas

Leia mais