ATA DA 141ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES DA AMPLA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ATA DA 141ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES DA AMPLA"

Transcrição

1 ATA DA 141ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES DA AMPLA Local: Sala do Conselho de Consumidores da Ampla, Edifício Sede da Ampla, Praça Leoni Ramos nº 1 bl. 02/4º andar - São Domingos Niterói, RJ. Data: 08/07/2015 PRESENTES: Manoel Teixeira de Mesquita Neto - Presidente Representante da Classe Poder Público Titular Associação Estadual dos Municípios do Estado do Rio de Janeiro - AEMERJ Fabiano Silveira da Silva Vice-presidente Representante da Classe Residencial Titular Federação das Associações de Moradores de Niterói - FAMNIT Alessandra da Conceição Vieira Seródio Piperno Representante da Classe Rural Suplente Federação da Agricultura, Pecuária e Pesca do Estado do Rio de Janeiro - FAERJ Sérgio Carlos Bousquet Perez Representante da Classe Industrial Titular Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro - FIRJAN Jorge Luiz Moreira Representante da Classe Residencial Suplente Federação das Associações dos Moradores Estado do Rio de Janeiro - FAMERJ Igor Veríssimo da Silva Baldez Representante da Classe Comercial - Titular Associação Comercial e Industrial do Estado do Rio de Janeiro ACIERJ Vilma Craveiro Cruz Representante dos Órgãos de Defesa do Consumidor Suplente Coordenadoria de Defesa do Consumidor - CODECON Roberto Pedreira Ferreira Curi Representante da Classe Industrial Suplente Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro - FIRJAN Daniele de Oliveira Barbosa Martins Secretária Administrativa Conselho de Consumidores da Ampla

2 Paulo Cesar Gomes Secretário Executivo Conselho de Consumidores da Ampla Jaqueline Santos Joaquim Marques Secretária Executiva - Suplente Conselho de Consumidores da Ampla CONVIDADOS: Geiza Mesquita Assessora de Imprensa do Conselho de Consumidores José Plácido Convidado Sabrini Leal Convidada da CODECON Ricardo Bomfim Alves Área de Projetos Sociais da Ampla Alexandre Augusto Lins Sales Área Técnica da Ampla Claudia Guimarães Representante da Diretoria Institucional da Ampla 1. Abertura O Presidente, Manoel Neto, deu início à reunião ordinária do Conselho de Consumidores da Ampla, saudando e agradecendo a presença de todos os conselheiros e convidados, bem como José Plácido, Sabrini Leal que foi convidada pela conselheira Vilma Craveiro e Cláudia Guimarães representante da Diretoria de Relações Institucionais da Ampla. Citou que a minuta da ata da reunião de 10/06/2015 enviada previamente por a todos os conselheiros teve apenas uma ressalva feita por ele e que foi corrigida. Tanto a ata de 10/06/2015 e o cronograma financeiro atualizado até o mês de junho/2015 foram aprovados. Manoel Neto ressaltou que no saldo atual de R$ ,40 já constam as despesas realizadas e previstas até o mês de dezembro/2015, considerando que a despesa prevista para o mês de junho da assistente administrativa, de R$ 3.500,70, foi deduzida, por ser período de férias da mesma. Paulo Cesar Gomes esclareceu que tem enviado por , também, o cronograma financeiro atualizado discriminando detalhadamente cada despesa do mês e as despesas que estão comprometidas até o final do ano. Manoel Neto perguntou como deverá proceder quanto à renovação do contrato de serviço de Assessoria de Imprensa com a Geiza Mesquita. Paulo Cesar Gomes informou que verificará internamente o procedimento a ser adotado e informará oportunamente aos Conselheiros. Em atendimento à solicitação do Vice-Presidente do conselho, Fabiano Silveira, foi apresentado por Alexandre Sales, integrante da área técnica, sobre Sistema de Atendimento Operacional das Regionais. Iniciou a apresentação demonstrando a área de atuação das regionais de Magé, Serrana, Campos, Sul, Macaé, Niterói, São Gonçalo e Lagos, bem como os municípios atendidos por cada uma. Falou sobre os indicadores de qualidade (TMA tempo médio de atendimento), destacando uma redução de 70% no TMA da Ampla comparando o mês de maio 2014 e Comentou também sobre o quantitativo de ações de manutenção com poda de árvore e correção de defeitos. Explicou sobre a descentralização dos Centros de Operação do Sistema para as Regionais, medida que trouxe mais agilidade e eficiência no despacho das equipes para atendimento às solicitações de emergência. Mencionou ainda o incremento de equipes que foram contratadas para prestação do serviço emergencial na empresa. Alexandre comentou ainda sobre a utilização do call back, equipes contratadas para entrar em contato com os clientes antes de enviar as equipes ao local, evitando, assim, visitas

3 improdutivas. Manoel Neto perguntou se há um quantitativo fixo de equipes em cada regional. Alexandre Sales explicou que sim, existe um número fixo de equipes em cada regional, mas que havendo ociosidade as equipes podem ser direcionadas para regiões próximas que estejam com demanda. Explicou também que havendo necessidade as equipes de manutenção e poda, por estarem capacitadas, podem ser utilizadas para os atendimentos de emergência. Manoel Neto comentou que na região sul está ocorrendo constantes interrupções do fornecimento, e perguntou o que pode estar ocasionando. Alexandre Sales informou que nos últimos meses ocorreram muitos problemas no fornecimento ocasionados por árvores em contato com a rede elétrica. Manoel Neto explicou que mora no centro de Resende, região que não é tão arborizada, mas o problema de interrupção é frequente. Ressaltou que os prefeitos dos municípios da região sul têm reclamado bastante do fornecimento de energia, a exemplo da prefeita de Porto Real, que em um evento da Firjan e Governo do Estado realizado no município de Barra Mansa, expôs a insatisfação dos clientes industriais em relação ao fornecimento de energia elétrica. Alexandre Sales informou que os responsáveis por essa região serão informados do caso para que as providências sejam adotadas. Manoel Neto destacou que a próxima reunião do Conselho acontecerá no município de Porto Real, e a empresa terá a oportunidade de esclarecer aos clientes as causas e os investimentos que estão sendo realizados na região. Salientou que, principalmente, os clientes da classe industrial, que aguardam a construção de uma linha de transmissão com promessa para finalização até 2016, buscarão respostas quanto à execução por parte da Ampla. Paulo Cesar Gomes ressaltou que é de conhecimento de todos os conselheiros que o serviço de poda de árvore é de responsabilidade das prefeituras municipais. Alexandre Sales citou um caso no município de São Gonçalo em que a concessionária procurou a Prefeitura, mas a secretaria de meio ambiente do município falou da falta de recursos e de uma tentativa de parceria com a empresa. José Plácido mencionou que em alguns serviços de poda realizados pela Ampla, os galhos são retirados apenas da rede de alta tensão, e não são retirados da rede de baixa tensão. Alexandre Sales comentou que o caso em específico precisa ser analisado, pois a empresa não pode fazer uma poda excessiva e que os cabos de baixa tensão são isolados. Alexandre Sales pediu ao José Plácido o endereço e um ponto de referencia da unidade consumidora para que o caso seja verificado. Paulo Cesar Gomes destacou que o Senhor José Plácido tem um canal direto com a Secretária do Conselho a quem as informações poderão ser transmitidas. Alexandre Sales falou da importância desse contato direto da empresa com o conselho e colocou-se a disposição. Manoel Neto agradeceu a disponibilidade do Alexandre Sales. Ricardo Bomfim, responsável pela parte de energia e inclusão social dentro área de Projetos de Sustentabilidade, a pedido do Conselho, fez uma apresentação sobre os projetos sociais da empresa. Falou que no ano de 2014 foi criada uma Diretoria de Sustentabilidade e a Enel colocou esse tema em sua missão da empresa. Falou sobre o Consciência Ampla que é um projeto de relacionamento com o cliente criado em 2009, para unificar os programas sociais em curso desde 2004 com o objetivo de promover consumo consciente, meio ambiente e cidadania. Como exemplo citou: Ampla Saber e Ampla Eficiente. Citou que apenas no município de São Gonçalo clientes foram beneficiados até maio de 2015, e também, lâmpadas foram entregues. Comentou sobre os investimentos da empresa em novas tecnologias sociais, como: geração de renda, palestras, oficinas, retorno do investimento em projetos para a comunidade, acompanhamento de consumo e parcelamento de dívidas, e trabalhos de conscientização para o consumo consciente adequado ao orçamento familiar. Destacou que no ano de 2014 foram beneficiados 185 mil pessoas em 32 municípios do Estado do Rio de Janeiro. Explicou os projetos que foram criados para maior abrangência na área de concessão, sendo eles: Consciência Ampla sobre Rodas, Ampla Móvel e Semana Consciência Ampla. Citou que em

4 um ano o Consciência Ampla beneficiou clientes nas regiões dos Lagos, Serrana, Norte/Noroeste e Sul. Sérgio Bousquet perguntou como é o critério de escolha da área de atuação. Ricardo Bomfim explicou que são verificadas as possibilidades de execução das ações sociais na região e também a demanda de perda de energia. Explicou que é feito um mapeamento para identificar onde de fato há necessidade de atuação da empresa. Jorge Luiz Moreira citou um caso que ocorreu no município de Saquarema onde o projeto de troca de geladeira promovido por outra concessionária para atender a população, mas acabou ocorrendo à intervenção de políticos para se aproveitar da ação social que estava sendo realizada. Enfatizou que esse tipo de relação não pode ser admitida pela empresa. Ricardo Bomfim explicou que ele mesmo coordena o projeto de entrega de geladeiras, e que esse tipo de prática não é aceita pela Ampla. Ressaltou que para coibir esse tipo de situação, o primeiro critério que o cliente precisa atender é estar cadastrado na tarifa social baixa renda e possuir o NIS (número de inscrição social). Roberto Curi perguntou se a empresa compra a preço de mercado as geladeiras que são destinadas ao projeto, pois na sua visão é um absurdo ter a cobrança de impostos sobre o valor de um produto que é para fins sociais, e que partindo desse princípio, uma reivindicação para o incentivo fiscal poderia ser feita. Alessandra Seródio citou casos de clientes que reclamam do tamanho das geladeiras, por serem pequenas, e havendo situações de recusa do equipamento novo. Ricardo Bomfim explicou que há situações de recusa sim, principalmente, na região metropolitana quando o cliente possui uma geladeira duplex em estado muito precário, mas que não abre mão desta para obter uma geladeira nova por ser pequena. Jorge Luiz Moreira falou da importância da empresa atuar nas associações de moradores com os cursos de formação profissional. Ricardo Bomfim informou que a integração com as associações de moradores é muito relevante na implantação dos projetos. Citou como exemplo na implantação de projetos, o bairro Reta Velha no município de Itaboraí, onde foi feito um mapeamento social por seis meses, chegando à conclusão de que seria possível em um ano e meio aproximadamente, implementar o processo de medição. Para facilitar a interface empresa X comunidade, foi feita parceria com a ONG Viva Rio que possui experiência em projetos sociais desenvolvidos em áreas violentas. Além da proposta criada pela Ampla de implementar projetos sociais de redução em perdas através de uma parcela de cerca de 5% do ganho conquistado nessa redução seria revertido em mais projetos sociais para a comunidade. Destacou que no primeiro momento, com o projeto de aceleração escolar, formou mais de 100 pessoas da comunidade que estavam muitos anos sem contato com os estudos. Explicou que a empresa atua na localidade com projetos de interesse da comunidade, onde previamente são feitas pesquisas para conhecer dos moradores os projetos que mais podem contribuir. Alessandra Seródio perguntou se através desses projetos e o contato mais próximo com os moradores dessas localidades, é possível perceber a vontade dessas pessoas em deixar de furtar energia. Ricardo Bomfim informou que sim, é possível perceber que muitos moradores querem deixar de furtar a energia, e a partir do momento em que a pessoa torna-se cliente ele fica muito mais exigente quanto à qualidade do serviço que está sendo prestado. Por isso, a empresa investe em educação e conscientização sobre o consumo. Fabiano Silveira ressaltou a importância da empresa em se preocupar com a conscientização da população dessas comunidades, pois um indivíduo que está habituado a utilizar energia sem pagar levará um tempo para entender o processo de cobrança do consumo que hoje é medido. Sérgio Bousquet perguntou se há possibilidade de o Conselho sugerir localidades para implementação dos programas sociais desenvolvidos pela empresa. Ricardo Bomfim falou que esse contato é muito importante e que já existe uma ponte entre a empresa e os líderes comunitários, onde muitas sugestões são de extrema relevância. Roberto Curi falou sobre a importância de esclarecer aos clientes dos seus direitos e deveres, como no caso do cadastro

5 baixa renda, onde muitos não conhecem e não sabem como obter esse benefício. Ricardo Bomfim esclareceu que a empresa em parceria com secretarias de desenvolvimento dos municípios desenvolve esse trabalho de conscientização e de até aumentar o número de pessoas beneficiadas. Colocou-se a disposição para sugestões e demandas do Conselho. Jorge Luiz Moreira informou que trará demandas da sua comunidade para a próxima reunião. José Plácido citou o caso de alguns clientes da comunidade do Cantagalo, em Niterói, que estão recebendo as contas de energia com o nome do bairro incorreto. Paulo Cesar Gomes informou que essa demanda já foi atendida pela empresa, mas se ainda houver clientes com o mesmo problema, que seja informado os dados do cliente para verificação. Jorge Luiz Moreira informou que trará demandas da sua comunidade para a próxima reunião. Manoel Neto agradeceu ao Ricardo Bomfim pela atenção e disponibilidade. Na sequência, o Presidente do Conselho, falou sobre sua participação na Frente Parlamentar na Câmara dos Deputados em Brasília, no dia 11/06/2015, destacando que apenas o Conselho da Ampla e o Conselho da Companhia Energética de Brasília - CEB foram convidados, e um convite especial foi feito ao Conselho de Consumidores da Ampla para participar da Missão Oficial da Frente Parlamentar, na Alemanha. Informou que consultou a Aneel, e não houve impedimentos por parte do Regulador à participação dos convidados ao evento na Alemanha. Esclareceu que os recursos para a viagem serão verificados com a Câmara Federal. Colocou o tema para aprovação do Conselho. Por unanimidade, foi aprovada a representação no evento, com ressalva dos recursos para a viagem que não serão aportados pelo orçamento do Conselho. Sobre a participação no 13º Seminário sobre Metodologia Tarifária para Conselhos de Consumidores, em Brasília, Fabiano Silveira falou que a Agência Reguladora está na etapa de debates para fazer mudanças na metodologia de cálculo da tarifa. Manoel Neto mencionou que na próxima revisão tarifária, o Conselho receberá junto com a Aneel, o pleito da distribuidora, para que com antecedência possa analisar as propostas da concessionária junto com um consultor contratado. Sérgio Bousquet mencionou que o Conselho precisa analisar onde será possível interferir na decisão final da Aneel. Manoel Neto lembrou que a próxima reunião será no município de Porto Real, e que manterá contato com a Prefeitura para conseguir um espaço para realização da reunião. Ressaltou que todos os conselheiros deverão fazer o convite as suas respectivas classes e que não haverá necessidade de hospedagem. Fabiano Silveira perguntou quando será divulgado pela empresa sobre o seminário de eficiência energética. Cláudia Guimarães informou que no mês de setembro será feita a divulgação. Jorge Luiz Moreira perguntou se há possibilidade da Presidente da FAMERJ participar da reunião em Porto Real, pois a mesma poderia convidar os presidentes de associações de moradores da região. Manoel Neto informou que dependerá do número de conselheiros confirmados, mas que não vê impedimento. Pediu para que os conselheiros confirmem presença com antecedência. Manoel Neto solicitou que um representante da empresa fale sobre os investimentos e ações no município e região, tendo especial atenção ao tema da construção da linha de transmissão que tem afetado os clientes industriais. Ausência justificada: Marta Menezes compromisso de trabalho.

6 2. Contribuições Recebidas: 2.1 Critério para renovação do contrato de serviço de assessoria de imprensa do Conselho de Consumidores. (Manoel Neto) 2.2 Apresentação dos investimentos na região sul do estado do Rio de Janeiro e justificativas para as constantes interrupções do fornecimento, na próxima reunião do Conselho que acontecerá em Porto Real. (Manoel Neto) 2.3 Incentivo fiscal sobre o valor de compra das geladeiras para o Projeto Consciência Ampla. (Roberto Curi) 2.4 Implementar o projeto de cursos profissionalizantes, desenvolvido pela Ampla na área de projetos sociais, nas associações de moradores em localidades sugeridas pelo Conselho. (Jorge Luiz Moreira) 2.5 Participação do Conselho na sugestão de localidades que poderiam ser atendidas pelos projetos sociais da Ampla. (Sérgio Bousquet) 2.6 Divulgação do Seminário de Eficiência Energética que será aberto ao público. (Fabiano Silveira). 3. Encerramento Nada mais havendo a tratar, o Presidente encerrou a reunião, agradecendo a presença de todos. Manoel Teixeira de Mesquita Neto Presidente Paulo Cesar Gomes Secretário Executivo

ATA DA 134ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES da AMPLA

ATA DA 134ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES da AMPLA ATA DA 134ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES da AMPLA Local: Sala de Reunião do Conselho de Consumidores, Edifício Sede da Ampla, Praça Leoni Ramos nº 1 bl. 02/4º andar - São Domingos Niterói,

Leia mais

ATA DA 128ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES da AMPLA

ATA DA 128ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES da AMPLA ATA DA 128ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES da AMPLA Local: OAB Ordem dos Advogados do Brasil Cabo Frio, no seguinte endereço: Rua Ministro Gama Filho, 23, Qd. 42 Braga, Cabo Frio/ RJ. Data:

Leia mais

CONSELHO DE CONSUMIDORES Criado pela Lei nº 8.631, de 4 de março de 1993

CONSELHO DE CONSUMIDORES Criado pela Lei nº 8.631, de 4 de março de 1993 ATA DA 73ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES DA AMPLA Local: Sala de reuniões da Diretoria Comercial, Edifício Sede da Ampla, Praça Leoni Ramos nº 1 bl. 02 / 4º andar - São Domingos Niterói,

Leia mais

ATA DA 1ª AUDIÊNCIA PÚBLICA RESOLUÇÃO NORMATIVA ANEEL Nº. 451, DE 27 DE SETEMBRO DE 2011

ATA DA 1ª AUDIÊNCIA PÚBLICA RESOLUÇÃO NORMATIVA ANEEL Nº. 451, DE 27 DE SETEMBRO DE 2011 ATA DA 1ª AUDIÊNCIA PÚBLICA RESOLUÇÃO NORMATIVA ANEEL Nº. 451, DE 27 DE SETEMBRO DE 2011 Aos 20 (vinte) dias do mês de junho de 2012, às 13:00h, com a presença de 55 participantes que assinaram a folha

Leia mais

ATA DA 117ª REUNIÃO ORDINÁRIA DESCENTRALIZADA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES da AMPLA CAMPOS DOS GOYTACAZES

ATA DA 117ª REUNIÃO ORDINÁRIA DESCENTRALIZADA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES da AMPLA CAMPOS DOS GOYTACAZES ATA DA 117ª REUNIÃO ORDINÁRIA DESCENTRALIZADA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES da AMPLA CAMPOS DOS GOYTACAZES Local: FIRJAN - RR Norte Fluminense -- Rua Bruno de Azevedo, 37 Jardim Mariz Queiroz - Campos dos

Leia mais

CONSELHO DE CONSUMIDORES Criado pela Lei nº 8.631, de 4 de março de 1993

CONSELHO DE CONSUMIDORES Criado pela Lei nº 8.631, de 4 de março de 1993 ATA DA 55ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES DA AMPLA Local: Petrópolis - DATA: 17/08/06 1. PRESENTES: Paulo César de Carvalho Moreira Leite - Presidente Representante da Classe Comercial -

Leia mais

ATA DA 130ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES da AMPLA

ATA DA 130ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES da AMPLA ATA DA 130ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES da AMPLA Local: Sala de Reunião do Conselho de Consumidores, Edifício Sede da Ampla, Praça Leoni Ramos nº 1 bl. 02/4º andar - São Domingos Niterói,

Leia mais

REGIMENTO INTERNO 1. OBJETIVO

REGIMENTO INTERNO 1. OBJETIVO Instituído pela Diretoria da AMPLA, em conformidade com a Lei nº 8.631 de 04/03/1993, regulamentado pelo Decreto nº 774, de 18/03/00 e reformulado pela Resolução ANEEL nº 451, de 27/09/2011, o CONSELHO

Leia mais

ATA DA 22ª REUNIÃO DA CÂMARA TÉCNICA INSTITUCIONAL DO COMITÊ DA

ATA DA 22ª REUNIÃO DA CÂMARA TÉCNICA INSTITUCIONAL DO COMITÊ DA 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 ATA DA 22ª REUNIÃO DA CÂMARA TÉCNICA INSTITUCIONAL DO COMITÊ DA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO PIABANHA

Leia mais

COMPANHIA ENERGÉTICA DE BRASÍLIA - CEB CNPJ: 00.070.698/0001-11 NIRE: 53 3 0000154 5

COMPANHIA ENERGÉTICA DE BRASÍLIA - CEB CNPJ: 00.070.698/0001-11 NIRE: 53 3 0000154 5 A T A 526ª (QUINGENTÉSIMA VIGÉSIMA SEXTA) REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DA COMPANHIA ENERGÉTICA DE BRASÍLIA - CEB, REALIZADA EM 28.10.2014. Em 28 de outubro de dois mil e quatorze, às

Leia mais

ATA DA 142ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES DA AMPLA

ATA DA 142ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES DA AMPLA ATA DA 142ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE CONSUMIDORES DA AMPLA Local: Avenida Dom Pedro II, nº 1.150, Centro - Porto Real RJ - CEP: 27570-000 Auditório da Câmara Municipal de Porto Real. Data: 12/08/2015

Leia mais

PROJETO ESCOLA SEGURA É A GENTE QUE FAZ PROESEG

PROJETO ESCOLA SEGURA É A GENTE QUE FAZ PROESEG PROJETO ESCOLA SEGURA É A GENTE QUE FAZ PROESEG Campo Grande MS 2011 01- JUSTIFICATIVA A Prefeitura Municipal de Campo Grande com sua Secretaria Municipal de Governo e Relações Institucionais e a Guarda

Leia mais

0281/15 São Paulo, 09 de fevereiro de 2015. Ao Instituto Brasileiro de Governança Corporativa - IBGC At.: Sr. Alexandre Tanaami

0281/15 São Paulo, 09 de fevereiro de 2015. Ao Instituto Brasileiro de Governança Corporativa - IBGC At.: Sr. Alexandre Tanaami Tel.: +55 11 3848 588o Rua Major Quedinho 90 Fax: + 55 11 3045 7363 Consolação São Paulo, SP - Brasil www.bdobrazil.com.br 01050-030 0281/15 São Paulo, 09 de fevereiro de 2015. Ao Instituto Brasileiro

Leia mais

Inclusão Social pelo Projeto de Educação: Saneamento Básico

Inclusão Social pelo Projeto de Educação: Saneamento Básico PREMIO NACIONAL DE QUALIDADE EM SANEAMENTO PNQS 2011 INOVAÇÃO DA GESTÃO EM SANEAMENTO - IGS Inclusão Social pelo Projeto de Educação: Saneamento Básico SETEMBRO/2011 A. OPORTUNIDADE A.1 Qual foi a oportunidade

Leia mais

Art. 3º. As propostas devem ser apresentadas por professores mensalistas do quadro de docentes, nas seguintes condições:

Art. 3º. As propostas devem ser apresentadas por professores mensalistas do quadro de docentes, nas seguintes condições: EDITAL Nº 049/2015 CHAMADA DE PROJETOS DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA 2016 A Diretoria de Pós graduação e Extensão, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Regimento Geral do Centro Universitário

Leia mais

COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA. PROJETO DE LEI No 451, DE 2011

COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA. PROJETO DE LEI No 451, DE 2011 COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA PROJETO DE LEI No 451, DE 2011 Institui o Programa Nacional de Apoio à Assistência Social PRONAS e dá outras providências. Autor: Deputado THIAGO PEIXOTO Relator:

Leia mais

Termo de Referência para Elaboração de Plano de Gestão de Praça do PAC modelo de 3000m 2

Termo de Referência para Elaboração de Plano de Gestão de Praça do PAC modelo de 3000m 2 MINISTÉRIO DA CULTURA Diretoria de Infraestrutura Cultural Secretaria Executiva Termo de Referência para Elaboração de Plano de Gestão de Praça do PAC modelo de 3000m 2 1. Objetivos A Praça do PAC é de

Leia mais

PRÊMIO PROCEL CIDADE EFICIENTE EM ENERGIA ELÉTRICA

PRÊMIO PROCEL CIDADE EFICIENTE EM ENERGIA ELÉTRICA PRÊMIO PROCEL CIDADE EFICIENTE EM ENERGIA ELÉTRICA FICHA DE INSCRIÇÃO 8 ª EDIÇÃO Prefeitura Municipal de Nome do(a) Prefeito(a) Endereço CEP UF Telefone Fax E-mail Responsável pelas informações (nome e

Leia mais

Ata n. 47 da Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Medeiros Neto BA.

Ata n. 47 da Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Medeiros Neto BA. Ata n. 47 da Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Medeiros Neto BA. Aos quatro (04) dias do Mês de Novembro (11) do ano de Dois Mil e Treze (2013), às 18h00min, com a presença de sete (07) vereadores,

Leia mais

Relatório Final da VI Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa Piraí RJ.

Relatório Final da VI Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa Piraí RJ. PREFEITURA MUNICIPAL DE PIRAÍ SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL CONSELHO MUNICIPAL DO IDOSO - CMI P.A.I. PONTO DE APOIO AO IDOSO Inaugurado numa quinta-feira, o novo ano no Calendário Gregoriano,

Leia mais

Edital de Concorrência Pública Nacional (SQC) nº 40.10756/2006

Edital de Concorrência Pública Nacional (SQC) nº 40.10756/2006 Edital de Concorrência Pública Nacional (SQC) nº 40.10756/2006 Serviços de Consultoria Pessoa Jurídica para a elaboração de metodologia que permita mensurar, verificar e avaliar os resultados decorrentes

Leia mais

Número: 00190.004342/2013-31 Unidade Examinada: Município de Marília/SP

Número: 00190.004342/2013-31 Unidade Examinada: Município de Marília/SP Número: 00190.004342/2013-31 Unidade Examinada: Município de Marília/SP Relatório de Demandas Externas n 00190.004342/ 2013-31 Sumário Executivo Este Relatório apresenta os resultados das ações de controle

Leia mais

Ata Nº 003/2015 Reunião Ordinária

Ata Nº 003/2015 Reunião Ordinária Ata Nº 003/2015 Reunião Ordinária 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 Aos quatro dias do mês de maio do ano de dois mil e quinze, às dezoito

Leia mais

PRODUTO 1 METODOLOGIA Plano Local de Habitação de Interesse Social PLHIS Município de Teresópolis - RJ

PRODUTO 1 METODOLOGIA Plano Local de Habitação de Interesse Social PLHIS Município de Teresópolis - RJ PRODUTO 1 METODOLOGIA Plano Local de Habitação de Interesse Social PLHIS Município de Teresópolis - RJ Setembro/2010 APRESENTAÇÃO Este documento denominado Metodologia é o primeiro produto apresentado

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DA SAÚDE DO ESTADO DA BAHIA SUPERINTENDÊNCIA DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DIRETORIA DE ATENÇÃO BÁSICA

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DA SAÚDE DO ESTADO DA BAHIA SUPERINTENDÊNCIA DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DIRETORIA DE ATENÇÃO BÁSICA GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DA SAÚDE DO ESTADO DA BAHIA SUPERINTENDÊNCIA DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DIRETORIA DE ATENÇÃO BÁSICA ORIENTAÇÕES BÁSICAS À GESTÃO MUNICIPAL: ORGANIZAÇÃO DA CONFÊRENCIA

Leia mais

RELATÓRIO DE OUVIDORIA 2012

RELATÓRIO DE OUVIDORIA 2012 RELATÓRIO DE OUVIDORIA 2012 SumáriO MENSAGEM DO OUVIDOr 3 ESTRUTURA DE GOVERNANÇA 4 DIRETORIA EXECUTIVA E OUVIDORIA 5 COMPOSIÇÃO DOS CONSELHOS 6 OCORRÊNCIAS 7 CONTATO DOS PARTICIPANTES POR PRODUTO 7 CANAIS

Leia mais

ATA DE REUNIÃO. Ata da Sessão Plenária nº 3528 Data: 13/05/2014 Folha: 01/03

ATA DE REUNIÃO. Ata da Sessão Plenária nº 3528 Data: 13/05/2014 Folha: 01/03 Ata da Sessão Plenária nº 3528 Data: 13/05/2014 Folha: 01/03 1. PRESENÇAS: 1.1. Conselheiros Titulares: Adm. Wagner Siqueira Presidente Adm. Jorge Humberto Moreira Sampaio V.P. de Planej. e Desenvolv.

Leia mais

ATA DE REUNIÃO. Ata da Sessão Plenária nº 3526 Data: 06/05/2014 Folha: 01/03

ATA DE REUNIÃO. Ata da Sessão Plenária nº 3526 Data: 06/05/2014 Folha: 01/03 Ata da Sessão Plenária nº 3526 Data: 06/05/2014 Folha: 01/03 1. PRESENÇAS: 1.1. Conselheiros Titulares: Adm. Wagner Siqueira Presidente Adm. Jorge Humberto Moreira Sampaio V.P. de Planej. e Desenvolv.

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ATA DA 22ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DA GERÊNCIA-EXECUTIVA DO INSS EM SÃO JOSÉ DO RIO PRETO Data : 02/08/2007 Horário: 10:30 h Local : Sala

Leia mais

Prefeitura do Município de Foz do Iguaçu

Prefeitura do Município de Foz do Iguaçu INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 02/2014 - FOZPREV DATA: 5 de junho de 2014 SÚMULA: Regulamenta critérios de participação em eventos externos e procedimentos para a utilização de diárias de viagem e passagens custeadas

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE PESQUISA E EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO Nº 06/2009 Fixa normas para as atividades de Iniciação Científica

Leia mais

MUNICÍPIO DE MONTES CLAROS MG. SECRETARIA MUNICIPAL DE POLÍTICAS SOCIAIS

MUNICÍPIO DE MONTES CLAROS MG. SECRETARIA MUNICIPAL DE POLÍTICAS SOCIAIS PORTARIA N 035, 10 DE JUNHO DE 2008 DISPÕE SOBRE O EDITAL PARA INSCRIÇÃO DE PROJETOS SOCIAIS DA REDE EXECUTORA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DO MUNICÍPIO DE MONTES CLAROS 2.008 O Secretário Municipal de Políticas

Leia mais

PREFEITURA DE PORTO VELHO

PREFEITURA DE PORTO VELHO LEI Nº. 1628, DE 27 DE OUTUBRO DE 2005. Institui a Política Municipal de fomento à Economia Popular e Solidária na Cidade de Porto Velho e estabelece outras disposições. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE PORTO

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA FINANCIAMENTO DE IMÓVEIS NA PLANTA E/OU EM CONSTRUÇÃO - RECURSOS FGTS PROGRAMA DE SUBSÍDIO À HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL - PSH

TERMO DE REFERÊNCIA FINANCIAMENTO DE IMÓVEIS NA PLANTA E/OU EM CONSTRUÇÃO - RECURSOS FGTS PROGRAMA DE SUBSÍDIO À HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL - PSH Informações sobre o Programa de Financiamento de Imóveis na Planta e/ou em Construção Recursos FGTS - PSH 1 O Programa O Programa acima foi instituído por intermédio da Medida Provisória 2212 de 30 / 0

Leia mais

AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO: Conselho Nacional de Educação/Câmara de Educação Superior UF: DF ASSUNTO: Reexame do Parecer CNE/CES nº 162/2010,

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ATA DA XIII REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DA GERÊNCIA-EXECUTIVA DO INSS EM DIAMANTINA/MG

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ATA DA XIII REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DA GERÊNCIA-EXECUTIVA DO INSS EM DIAMANTINA/MG INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ATA DA XIII REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DA GERÊNCIA-EXECUTIVA DO INSS EM DIAMANTINA/MG Data: 20/08/2015 Horário: 10h às 12h. Local: Gerência

Leia mais

www.fundep.br/programacaptar, juntamente com este regulamento.

www.fundep.br/programacaptar, juntamente com este regulamento. PROGRAMA DE CAPTAÇÃO DE RECURSOS FUNDEP REGULAMENTO PARA CADASTRAMENTO DE PROJETOS UFMG A Fundep//Gerência de Articulação de Parcerias convida a comunidade acadêmica da UFMG a cadastrar propostas de acordo

Leia mais

. Relatório da plenária realizada em 09/08/2008

. Relatório da plenária realizada em 09/08/2008 Data: 09/08/2008 Local: Câmara Municipal de São Paulo Horário: das 9h00 às 13h00. Relatório da plenária realizada em 09/08/2008 Participantes: Valéria Velis- SME Rio Claro; Cida Horta, Tereza Secco e Valdeci-

Leia mais

2.2 Representantes da ANATEL Sr. Carlos Bezerra Braga e Sr. Francisco Jose Matias da Costa Terceiro 2.3 Representantes da Oi

2.2 Representantes da ANATEL Sr. Carlos Bezerra Braga e Sr. Francisco Jose Matias da Costa Terceiro 2.3 Representantes da Oi ATA DA 5ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE USUÁRIOS DOS SERVIÇOS DE 1. Data, Hora e Local: Aos 13 dias, do mês de março de 2015, às 09h00min, horário local, nas dependências da Oi em Teresina PI, localizada

Leia mais

Compareceram à reunião e assinaram a ata os seguintes membros da diretoria e conselho:

Compareceram à reunião e assinaram a ata os seguintes membros da diretoria e conselho: Ata de Reunião de Diretoria e do novo Conselho da ABAPI e da ABAPISUL, realizada no dia 20 de fevereiro de 2014 (quinta-feira), no escritório Kasznar Leonardos, à Rua Teófilo Otoni nº 63 / 5º andar, Centro,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO PARECER HOMOLOGADO(*) (*) Despacho do Ministro, publicado no Diário Oficial da União de 12/05/2008 (*) Portaria/MEC nº 569, publicada no Diário Oficial da União de 12/05/2008 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO

Leia mais

A PRÁTICA DO ORÇAMENTO PARTICIPATIVO

A PRÁTICA DO ORÇAMENTO PARTICIPATIVO A PRÁTICA DO ORÇAMENTO PARTICIPATIVO François E. J. de Bremaeker Luiz Estevam Gonçalves Rio de Janeiro fevereiro de 2015 A PRÁTICA DO ORÇAMENTO PARTICIPATIVO François E. J. de Bremaeker Economista e Geógrafo,

Leia mais

Conselho Municipal dos Direitos do Idoso

Conselho Municipal dos Direitos do Idoso 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 Ata 05/2013 Aos vinte e seis do mês de junho de dois mil e treze aconteceu na sala de reuniões da Casa dos Conselhos, às oito

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO PARECER HOMOLOGADO Despacho do Ministro, publicado no D.O.U. de 2/9/2015, Seção 1, Pág. 24. Portaria n 889, publicada no D.O.U. de 2/9/2015, Seção 1, Pág. 22. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE

Leia mais

MEMÓRIA: 11ª. Reunião do Comitê de Comércio Exterior

MEMÓRIA: 11ª. Reunião do Comitê de Comércio Exterior Assunto: MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR Fórum Permanente de Microempresas e Empresas de Pequeno Porte MEMÓRIA: 11ª. Reunião do Comitê de Comércio Exterior 11ª. Reunião do

Leia mais

2) ATIVIDADES O Conselho Comunitário é um fórum de caráter consultivo e, por natureza a ele compete:

2) ATIVIDADES O Conselho Comunitário é um fórum de caráter consultivo e, por natureza a ele compete: PROTOCOLO PROTOCOLO DE CONSTITUIÇÃO DO CONSELHO COMUNITÁRIO CONSULTIVO, CELEBRADO ENTRE AS EMPRESAS DO POLO PETROQUÍMICO DO SUL, SIGNATÁRIAS DO PROGRAMA ATUAÇÃO RESPONSÁVEL, E OS MEMBROS DAS COMUNIDADES

Leia mais

INFORMATIVO. Você já reparou que o mundo mudou, mas a forma como produzimos e consumimos energia continua praticamente igual há 50 anos?

INFORMATIVO. Você já reparou que o mundo mudou, mas a forma como produzimos e consumimos energia continua praticamente igual há 50 anos? INFORMATIVO Você já reparou que o mundo mudou, mas a forma como produzimos e consumimos energia continua praticamente igual há 50 anos? Ainda dependemos de grandes usinas que produzem energia a quilômetros

Leia mais

MUNICÍPIO DE ALCOCHETE

MUNICÍPIO DE ALCOCHETE MUNICÍPIO DE ALCOCHETE ASSEMBLEIA MUNICIPAL N.º 05/08 ACTA DA SESSÃO EXTRAORDINÁRIA DA ASSEMBLEIA MUNICIPAL REALIZADA EM 19 DE NOVEMBRO DE 2008 1 Aos dezanove dias do mês de Novembro do ano de 2008, nesta

Leia mais

Projeto Grêmio em Forma. relato de experiência

Projeto Grêmio em Forma. relato de experiência Projeto Grêmio em Forma relato de experiência Instituto Sou da Paz Organização fundada em 1999, a partir da campanha dos estudantes pelo desarmamento. Missão: Contribuir para a efetivação, no Brasil, de

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA MICROEMPRESA E DA EMPRESA DE PEQUENO PORTE

SECRETARIA DE ESTADO DA MICROEMPRESA E DA EMPRESA DE PEQUENO PORTE SECRETARIA DE ESTADO DA MICROEMPRESA E DA EMPRESA DE PEQUENO PORTE Fórum Permanente das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Distrito Federal s/nº Ata da Reunião de Convocação para a primeira Reunião

Leia mais

A CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPOS DOS GOYTACAZES DECRETA E EU SANCIONO A SEGUINTE LEI:

A CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPOS DOS GOYTACAZES DECRETA E EU SANCIONO A SEGUINTE LEI: Lei nº 7.084, de 02 de julho de 2001. Cria o Fundo de Desenvolvimento de Campos dos Goytacazes - FUNDECAM e dá outras providências. A CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPOS DOS GOYTACAZES DECRETA E EU SANCIONO A SEGUINTE

Leia mais

SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO RIO DE JANEIRO SEBRAE/RJ. CONCORRÊNCIA No 01/03 EDITAL DE CREDENCIAMENTO

SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO RIO DE JANEIRO SEBRAE/RJ. CONCORRÊNCIA No 01/03 EDITAL DE CREDENCIAMENTO 1 SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SEBRAE/RJ 1. DA CONVOCAÇÃO: CONCORRÊNCIA No 01/03 EDITAL DE CREDENCIAMENTO SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO

Leia mais

CONTRIBUIÇÕES REFERENTES À AUDIÊNCIA PÚBLICA Nº 068/2011 COPEL DISTRIBUIÇÃO S/A

CONTRIBUIÇÕES REFERENTES À AUDIÊNCIA PÚBLICA Nº 068/2011 COPEL DISTRIBUIÇÃO S/A CONTRIBUIÇÕES REFERENTES À AUDIÊNCIA PÚBLICA Nº 068/2011 COPEL DISTRIBUIÇÃO S/A AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA - ANEEL AUDIÊNCIA PÚBLICA Nº 068/2011: Contribuições de 30/11/2011 a 30/12/2011 EMENTA:

Leia mais

Cronograma -------------------------------------------------------------------------------------------- 2

Cronograma -------------------------------------------------------------------------------------------- 2 Índice Cronograma -------------------------------------------------------------------------------------------- 2 Prefácio --------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

ATA DA SESSÃO ORDINÁRIA DO DIA 09 DE JUNHO DE 2014 Às vinte horas do dia nove de junho de dois mil e quatorze, na sede da Câmara Municipal, reuniu-se

ATA DA SESSÃO ORDINÁRIA DO DIA 09 DE JUNHO DE 2014 Às vinte horas do dia nove de junho de dois mil e quatorze, na sede da Câmara Municipal, reuniu-se ATA DA SESSÃO ORDINÁRIA DO DIA 09 DE JUNHO DE 2014 Às vinte horas do dia nove de junho de dois mil e quatorze, na sede da Câmara Municipal, reuniu-se em Sessão Ordinária a totalidade dos Vereadores, sob

Leia mais

SÍNTESE DA REUNIÃO INFORMAL DO PÓLO DO DESCOBRIMENTO

SÍNTESE DA REUNIÃO INFORMAL DO PÓLO DO DESCOBRIMENTO SÍNTESE DA REUNIÃO INFORMAL DO PÓLO DO DESCOBRIMENTO Local: Porto Seguro/BA Data: 17 de Novembro de 2004 Início: Término: Lista das Instituições Conselheiras e Convidados Presentes: Poder Público Federal

Leia mais

AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO: Centro Educacional João Ramalho S/C Ltda. UF: SP ASSUNTO: Recredenciamento das Faculdades Integradas de Santo André

Leia mais

DELIBERAÇÃO CES Nº 130 /2015 De, 10 de junho de 2015.

DELIBERAÇÃO CES Nº 130 /2015 De, 10 de junho de 2015. Secretaria Estadual De Saúde Conselho Estadual De Saúde - RJ DELIBERAÇÃO CES Nº 130 /2015 De, 10 de junho de 2015. APROVA O REGIMENTO IN- TERNO DA 7ª CONFERÊNCIA ESTADUAL DE SAÚDE DO RIO DE JANEIRO. O

Leia mais

Ata da Sessão Plenária nº 3622 Data: 05/05/2015 Folha: 01/023

Ata da Sessão Plenária nº 3622 Data: 05/05/2015 Folha: 01/023 Ata da Sessão Plenária nº 3622 Data: 05/05/2015 Folha: 01/023 1. PRESENÇAS: 1.1. Conselheiros Titulares: Adm. Wagner Siqueira Presidente Adm. Sonia Cristina lima Marra V.P. de Planejamento e Desenvolvimento

Leia mais

Ata da Reunião de 18 de maio 2012

Ata da Reunião de 18 de maio 2012 Ata da Reunião de 18 de maio 2012 Reunião de 18 de maio 2012 Local: Sede do NIC.br São Paulo/SP 0. Abertura A reunião é dirigida pelo Conselheiro Delfino Natal de Souza, tendo a participação dos seguintes

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO PARECER HOMOLOGADO Despacho do Ministro, publicado no D.O.U. de /5/011, Seção 1, Pág.11. Portaria n 500, publicada no D.O.U. de /5/011, Seção 1, Pág.9. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

Leia mais

Grupo Gestor Mar de Cultura XXV Breve Informativo 18 de março de 2010

Grupo Gestor Mar de Cultura XXV Breve Informativo 18 de março de 2010 Grupo Gestor Mar de Cultura XXV Breve Informativo 18 de março de 2010 Missão: Atuar para o desenvolvimento solidário e participativo de Paraty articulando a sociedade civil organizada e poder público para

Leia mais

DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANANINDEUA, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e ainda:

DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANANINDEUA, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e ainda: 1 DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009 Regulamenta, no âmbito da Administração pública municipal, o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº. 8.666, de 21 de junho de 1993, e

Leia mais

AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO: Conselho Nacional de Educação/Câmara de Educação UF: DF Superior ASSUNTO: Diretrizes Curriculares Nacionais para

Leia mais

NOTA TÉCNICA CGPEG/DILIC/IBAMA Nº 02/10

NOTA TÉCNICA CGPEG/DILIC/IBAMA Nº 02/10 NOTA TÉCNICA CGPEG/DILIC/IBAMA Nº 02/10 I. INTRODUÇÃO Esta Nota Técnica tem por objetivo destacar quais foram as alterações feitas pela CGPEG/IBAMA no texto da minuta da Nota Técnica CGPEG/DILIC/IBAMA

Leia mais

3.1 Anexo I: Gestão de Projetos de Investimentos em Saúde em Saúde; 3.2 Anexo II: Vigilância Sanitária.

3.1 Anexo I: Gestão de Projetos de Investimentos em Saúde em Saúde; 3.2 Anexo II: Vigilância Sanitária. Rio de Janeiro, 29 de setembro de 2009 CHAMADA PARA SELEÇÃO DE ALUNOS PARA VAGAS REMANESCENTES DE CURSOS DA EAD/ENSP/FIOCRUZ INSERIDOS NO PROGRAMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL (UAB/SEED/MEC) A Educação

Leia mais

CAPÍTULO I DA NATUREZA E FINALIDADE

CAPÍTULO I DA NATUREZA E FINALIDADE REGIMENTO INTERNO DA 3ª CONFERÊNCIA ESTADUAL DE SAÚDE DO TRABALHADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CEST/RS (ATUALIZADO PELA RESOLUÇÃO CES/RS Nº 02/2014) CAPÍTULO I DA NATUREZA E FINALIDADE Art. 1º A 3ª

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ GESTOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO / SP.

REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ GESTOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO / SP. REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ GESTOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO / SP. CAPÍTULO I DA NATUREZA, DA FINALIDADE E COMPETÊNCIA Art. 1º - O Comitê Gestor de TI, de

Leia mais

Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação CONSELHO NACIONAL DE CONTROLE DE EXPERIMENTAÇÃO ANIMAL Secretaria Executiva do CONCEA

Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação CONSELHO NACIONAL DE CONTROLE DE EXPERIMENTAÇÃO ANIMAL Secretaria Executiva do CONCEA 29 a REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONCEA Data: 19 a 21 de agosto de 2015 Horário: 09h00 às 18h00 Local: Agência Espacial Brasileira (AEB) Endereço: SPO - Setor Policial, Área 5, Quadra 3, Bloco A, Térreo Brasília

Leia mais

O PREFEITO MUNICIPAL DO SALVADOR, CAPITAL DO ESTADO DA BAHIA, no uso de suas atribuições,

O PREFEITO MUNICIPAL DO SALVADOR, CAPITAL DO ESTADO DA BAHIA, no uso de suas atribuições, CONSELHOS COMUNITÁRIOS Órgão/Sigla: Natureza Jurídica: Vinculação: Finalidade: CONSELHOS COMUNITÁRIOS ORGAO COLEGIADO GABINETE DO PREFEITO Tornar os cidadãos parte ativa no exercício do governo, mediante

Leia mais

OFÍCIO/CVM/SEP/GEA-5/Nº 121/2012 Rio de Janeiro, 09 de maio de 2012.

OFÍCIO/CVM/SEP/GEA-5/Nº 121/2012 Rio de Janeiro, 09 de maio de 2012. OFÍCIO/CVM/SEP/GEA-5/Nº 121/2012 Rio de Janeiro, 09 de maio de 2012. Ao Senhor, CARLOS ALBERTO BEZERRA DE MIRANDA Diretor de Relações com Investidores da BAESA-ENERGETICA BARRA GRANDE S.A Avenida Madre

Leia mais

5ª EDIÇÃO DA CERTIFICAÇÃO SELO ODM MOVIMENTO NÓS PODEMOS PARANÁ REGULAMENTO

5ª EDIÇÃO DA CERTIFICAÇÃO SELO ODM MOVIMENTO NÓS PODEMOS PARANÁ REGULAMENTO 5ª EDIÇÃO DA CERTIFICAÇÃO SELO ODM MOVIMENTO NÓS PODEMOS PARANÁ REGULAMENTO O Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade - Nós Podemos Paraná, articulado pelo Sesi-PR e com o apoio de diversas instituições

Leia mais

Análise de Projeto Técnico Social APT MUNICÍPIO DE SANTO ANTÔNIO DAS MISSÕES

Análise de Projeto Técnico Social APT MUNICÍPIO DE SANTO ANTÔNIO DAS MISSÕES TE-SER Social Consultoria e Assessoria de Projetos Ltda. Rua Upamaroti, 1129/121 Bairro Cristal Porto Alegre/RS CEP: 90.820-140 CNPJ: 08.798.484/0001-78 Inscrição Municipal: 510.834.26 Análise de Projeto

Leia mais

Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Regional

Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Regional ACESSO À INFORMAÇÃO Relatório nº 1-16/05/12 à 15/06/2012 O objetivo deste relatório é descrever as ações que vêm sendo empreendidas na (SPDR) e órgãos vinculados para a implantação da Lei Federal nº 12.527,

Leia mais

ATA DA NONAGÉSIMA QUINTA A REUNIÃO DO CONSELHO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DA GERÊNCIA EXECUTIVA DO INSS EM CRICIÚMA

ATA DA NONAGÉSIMA QUINTA A REUNIÃO DO CONSELHO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DA GERÊNCIA EXECUTIVA DO INSS EM CRICIÚMA ATA DA NONAGÉSIMA QUINTA A REUNIÃO DO CONSELHO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DA GERÊNCIA EXECUTIVA DO INSS EM CRICIÚMA Data: 27/05/2015 Horário: 14h00 Local: Sala de Teleconferência na GEXCRI/SC I PRESENÇAS CONSELHEIROS

Leia mais

Perguntas e Respostas

Perguntas e Respostas CONTA COM A GENTE PARCELE SUA DÍVIDA COM DESCONTOS NOS JUROS E MULTA Perguntas e Respostas P: O que é o Programa de Recuperação de Crédito do DMAE? R: É a oportunidade dos usuários que possuem dívidas

Leia mais

MANIFESTO ABENEFS: Alinhando a formação inicial em Educação Física às necessidades do setor saúde

MANIFESTO ABENEFS: Alinhando a formação inicial em Educação Física às necessidades do setor saúde Associação Brasileira de Ensino da Educação Física para a Saúde MANIFESTO : Alinhando a formação inicial em Educação Física às necessidades do setor saúde INTRODUÇÃ O A Associação Brasileira de Ensino

Leia mais

EDITAL Nº 001/2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA TÉCNICA

EDITAL Nº 001/2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA TÉCNICA Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica EDITAL Nº 001/2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA TÉCNICA A Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica

Leia mais

SELO DE MÉRITO ABC/FNSHDU EDIÇÃO 2014

SELO DE MÉRITO ABC/FNSHDU EDIÇÃO 2014 SUMÁRIO ITEM SUMÁRIO 1 1. DOS OBJETIVOS 2 2. DAS CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO E DA PREMIAÇÃO 2 3. DO PROCEDIMENTO DA INSCRIÇÃO 3 4. DAS CATEGORIAS 3 4.1 Projetos de impacto regional, com foco em ações de

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA DE GRAVATAÍ

FACULDADE DE TECNOLOGIA DE GRAVATAÍ FACULDADE DE TECNOLOGIA DE GRAVATAÍ REGIMENTO DA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO Atualização do Regimento de 2012 Porto Alegre, março de 2015 Faculdade de Tecnologia de Porto Alegre Av. Julio de Castilhos,

Leia mais

ATORES DA LICITAÇÃO POR SRP E IMPLICAÇÕES DO NOVO REGULAMENTO Nº 7.892/2013

ATORES DA LICITAÇÃO POR SRP E IMPLICAÇÕES DO NOVO REGULAMENTO Nº 7.892/2013 1 ATORES DA LICITAÇÃO POR SRP E IMPLICAÇÕES DO NOVO REGULAMENTO Nº 7.892/2013 Por: Flavia Daniel Vianna Advogada especialista e instrutora na área das licitações e contratos administrativos. Pós-graduada

Leia mais

Carteira de Transporte Escolar Metropolitano. Manual de Orientação aos Estudantes Com direito ao PASSE LIVRE. Região Metropolitana de Sorocaba

Carteira de Transporte Escolar Metropolitano. Manual de Orientação aos Estudantes Com direito ao PASSE LIVRE. Região Metropolitana de Sorocaba MA-GRS-004 Versão: 01 Vigência: 2016 Página: 1 / 19 Carteira de Transporte Escolar Metropolitano 2016 Manual de Orientação aos Estudantes Com direito ao PASSE LIVRE Região Metropolitana de Sorocaba MA-GRS-004

Leia mais

LEI Nº 8.798 de 22 de fevereiro de 2006.

LEI Nº 8.798 de 22 de fevereiro de 2006. LEI Nº 8.798 de 22 de fevereiro de 2006. Institui a Política Estadual de fomento à Economia Popular Solidária no Estado do Rio Grande do Norte e estabelece outras disposições. O PRESIDENTE DA ASSEMBLÉIA

Leia mais

Governo do Estado do Rio Grande do Sul Secretaria do Turismo, Esporte e do Lazer Fundação de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul - FUNDERGS

Governo do Estado do Rio Grande do Sul Secretaria do Turismo, Esporte e do Lazer Fundação de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul - FUNDERGS EDITAL Nº 03/2015 PEQUENAS OBRAS E REFORMAS EM GINÁSIOS ESPORTIVOS, CANCHAS, QUADRAS ESPORTIVAS, ESTÁDIOS, CAMPOS DE FUTEBOL E OUTROS ESPAÇOS DESTINADOS À PRÁTICA DE ESPORTES E AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS

Leia mais

Acesse o Termo de Referência no endereço: www.ibam.org.br e clique em Seleção de Profissionais.

Acesse o Termo de Referência no endereço: www.ibam.org.br e clique em Seleção de Profissionais. Programa Pará: Trabalho e Empreendedorismo da Mulher Assessoria à Supervisão Geral No âmbito do Programa Pará Trabalho e Empreendedorismo da Mulher, conveniado com a Secretaria Especial de Políticas para

Leia mais

Ata da 2ª Reunião 27/05/2014

Ata da 2ª Reunião 27/05/2014 Ata da 2ª Reunião 27/05/2014 Grupo da Taxa Contratual da Comissão Atuarial 1. Data da Reunião A reunião foi realizada no dia 27/0 /05/2014 /2014 (14h00/16h30), na sala de reunião do 10º andar da sede da

Leia mais

REGULAMENTO DA OUVIDORIA

REGULAMENTO DA OUVIDORIA REGULAMENTO DA OUVIDORIA CAPÍTULO I CONSTITUIÇÃO DA OUVIDORIA Por decisão da Diretoria da AIG Seguros Brasil S/A, doravante denominada simplesmente AIG Seguros, foi instituída sua Ouvidoria na forma da

Leia mais

ATA DA 40ª REUNIÃO PLENÁRIA ORDINÁRIA DO CONSELHO NACIONAL DE ARQUIVOS CONARQ

ATA DA 40ª REUNIÃO PLENÁRIA ORDINÁRIA DO CONSELHO NACIONAL DE ARQUIVOS CONARQ Conselho Nacional de Arquivos CONARQ ATA DA 40ª REUNIÃO PLENÁRIA ORDINÁRIA DO CONSELHO NACIONAL DE ARQUIVOS CONARQ 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 Aos seis dias do

Leia mais

SERÁ ENCAMINHADO AO CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO O NOVO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MATERIAIS, COM INÍCIO PREVISTO PARA 2008

SERÁ ENCAMINHADO AO CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO O NOVO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MATERIAIS, COM INÍCIO PREVISTO PARA 2008 SERÁ ENCAMINHADO AO CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO O NOVO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MATERIAIS, COM INÍCIO PREVISTO PARA 2008 CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MATERIAIS PROJETO PEDAGÓGICO I OBJETIVOS

Leia mais

REGULAMENTO PROGRAMA PARCEIROS EM AÇÃO

REGULAMENTO PROGRAMA PARCEIROS EM AÇÃO REGULAMENTO PROGRAMA PARCEIROS EM AÇÃO 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1. As presentes disposições visam regulamentar o Programa Parceiros em Ação, instituído pela Área de Responsabilidade Social do BANCO

Leia mais

DECRETO Nº 533, DE 02 DE SETEMBRO DE 1991.

DECRETO Nº 533, DE 02 DE SETEMBRO DE 1991. ALTERADO PELOS DECRETOS SC N 322/1995; 2.155/1997; 2.442/1997 DECRETO Nº 533, DE 02 DE SETEMBRO DE 1991. Dispõe sobre a competência do Conselho de Meio Ambiente - CONSEMA - SC O GOVERNADOR DO ESTADO DE

Leia mais

MODELO PARA ENVIO DE CONTRIBUIÇÕES REFERENTE À AUDIÊNCIA PÚBLICA Nº /200X. NOME DA INSTITUIÇÃO: Ernst & Young Terco (BRADLEI RICARDO MORETTI)

MODELO PARA ENVIO DE CONTRIBUIÇÕES REFERENTE À AUDIÊNCIA PÚBLICA Nº /200X. NOME DA INSTITUIÇÃO: Ernst & Young Terco (BRADLEI RICARDO MORETTI) MODELO PARA ENVIO DE CONTRIBUIÇÕES REFERENTE À AUDIÊNCIA PÚBLICA Nº /200X NOME DA INSTITUIÇÃO: Ernst & Young Terco (BRADLEI RICARDO MORETTI) AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL ATO REGULATÓRIO:

Leia mais

Edital SENAI SESI de Inovação 2012 PERGUNTAS FREQUENTES

Edital SENAI SESI de Inovação 2012 PERGUNTAS FREQUENTES Edital SENAI SESI de Inovação 2012 PERGUNTAS FREQUENTES Brasília 2012 Edital SENAI SESI de Inovação 2012 PERGUNTAS FREQUENTES Brasília 2012 Edital SENai SESi de inovação 2012 PERGUNTAS FREQUENTES 3 1)

Leia mais

37 / 52 8. CONTROLE SOCIAL DO FUNDEB

37 / 52 8. CONTROLE SOCIAL DO FUNDEB 8. CONTROLE SOCIAL DO FUNDEB 8.1. O que caracteriza o Conselho de Acompanhamento e Controle Social do Fundeb e qual a sua principal atribuição? 8.2. O Conselho possui outras atribuições? 8.3. Qual o prazo

Leia mais

PARECER HOMOLOGADO(*) (*) Despacho do Ministro, publicado no Diário Oficial da União de 21/08/2008

PARECER HOMOLOGADO(*) (*) Despacho do Ministro, publicado no Diário Oficial da União de 21/08/2008 PARECER HOMOLOGADO(*) (*) Despacho do Ministro, publicado no Diário Oficial da União de 21/08/2008 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO: Centro Educacional e Desportivo Santa

Leia mais

ANEXO II DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO ANEXO 9-1-II DA INSTRUÇÃO CVM Nº. 481/2009 2014 (R$) 949.176.907,56

ANEXO II DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO ANEXO 9-1-II DA INSTRUÇÃO CVM Nº. 481/2009 2014 (R$) 949.176.907,56 ANEXO II DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO ANEXO 9-1-II DA INSTRUÇÃO CVM Nº. 481/2009 1. Informar o lucro líquido do exercício. 949.176.907,56 2. Informar o montante global e o valor por ação dos dividendos,

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE JURANDA

CÂMARA MUNICIPAL DE JURANDA Áudio e vídeo das discussões das proposições e pronunciamento dos Senhores Vereadores disponíveis no DVD n 2013.01, na Secretaria da Câmara Municipal de Juranda, conforme Resolução n 106/2011, publicada

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE FARIAS BRITO

CÂMARA MUNICIPAL DE FARIAS BRITO ATA DA VIGÉSIMA SÉTIMA SESSÃO ORDINÁRIA DO SEGUNDO PERÍODO DA DÉCIMA OITAVA LEGISLATURA DA CÂMARA MUNICIPAL DE FARIAS BRITO, CEARÁ. Aos 04 (quatro) dias do mês de setembro de 2013 (dois mil e treze), às

Leia mais

Edital FPTI-BR N 029/2013 PROCESSO FPTI-BR N 0003/2013 SELEÇÃO DE PROPOSTAS PARA CONCESSÃO DE APOIO A ORGANIZAÇÃO E REALIZAÇÃO DE EVENTOS

Edital FPTI-BR N 029/2013 PROCESSO FPTI-BR N 0003/2013 SELEÇÃO DE PROPOSTAS PARA CONCESSÃO DE APOIO A ORGANIZAÇÃO E REALIZAÇÃO DE EVENTOS Edital FPTI-BR N 029/2013 PROCESSO FPTI-BR N 0003/2013 SELEÇÃO DE PROPOSTAS PARA CONCESSÃO DE APOIO A ORGANIZAÇÃO E REALIZAÇÃO DE EVENTOS A Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil, em parceria com a

Leia mais

Comitê Consultivo de Educação Programa TOP XI Regulamento

Comitê Consultivo de Educação Programa TOP XI Regulamento Apresentação: O Programa TOP é uma iniciativa conjunta das instituições que formam o Comitê Consultivo de Educação, criado pela Deliberação CVM n 498/06, que tem os seguintes objetivos: - propor e apoiar

Leia mais