QUESTÃO 1 Leia a tirinha a seguir:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "QUESTÃO 1 Leia a tirinha a seguir:"

Transcrição

1 Nome: N.º: endereço: data: Telefone: Colégio PARA QUEM CURSA O 6 Ọ ANO EM 2012 Disciplina: PoRTUGUÊs Prova: desafio nota: QUESTÃO 1 Leia a tirinha a seguir: No último quadrinho, Calvin constata que suas desculpas precisam ser menos elabo - radas. Por que razão ele tentava se desculpar com a professora? a) Por ter perdido o livro dela. b) Por ter faltado à aula de História. c) Por não ter feito a tarefa pedida pela professora. d) Por ter comprado um livro de péssima qualidade. e) Por ter falado com o diretor antes de procurar a professora. Calvin tentava se desculpar com a professora por não ter feito a tarefa pedida por ela. Resposta C 1

2 As questões 2, 3 e 4 baseiam-se no texto a seguir. Leia-o atentamente. As duas mulheres e o céu No começo dos tempos, a distância entre o céu e a terra era bem pequena: não passava da altura de uma girafa. Certo dia, numa aldeia africana, duas mulheres estavam com os seus pilões amassando grãos de trigo. As duas não paravam de falar. Era uma fofoca atrás da outra. Uma delas, empolgando-se muito com o falatório, levantou o pilão tão alto que fez um furo no céu. Aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii! gritou o céu. Tão animadas com a conversa estavam as duas mulheres, que não ouviram o grito. Acontece que não parou por aí. O espaço celeste começava a ganhar furos e mais furos porque as duas mulheres, de tão empolgadas com a conversa, não perceberam que seus pilões rasgavam o céu, que continuava a gritar. Lá em cima, o tapete azulado chorou, berrou e nada adiantou. Finalmente, tomou uma decisão: Assim não dá mais, vou me afastar da terra o máximo que puder. Subiu, subiu o mais alto que pôde. Quando chegou lá no topo do mundo, sossegou: Aqui está bom. Ninguém mais vai conseguir me furar. Todos os furos que as duas mulheres fizeram nunca mais foram fechados. Os africanos dizem que esses furos podem ser vistos diariamente durante a noite: são as estrelas do céu. (BRENMAN, Ilan. As narrativas preferidas de um contador de histórias. Difusão Cultural do Livro, 2005.) QUESTÃO 2 Essa história, de origem africana, é um conto etiológico. Esses textos procuram dar uma explicação para a origem das coisas e dos seres. Pensando nisso, podemos afirmar que o texto As duas mulheres e o céu é um conto etiológico porque explica a) a razão de as girafas terem o pescoço comprido. b) como surgiu o continente africano. c) o surgimento dos planetas. d) como surgiram as estrelas do céu. e) a razão de o céu ter a cor azulada. O texto As duas mulheres e o céu é um conto etiológico porque explica o surgimento das estrelas. Resposta D 2

3 QUESTÃO 3 De modo geral, os contos têm, em sua organização, uma estrutura narrativa bem marcada: a situação inicial, o desenvolvimento e a situação final. Veja: Na situação inicial, costuma-se descrever uma situação de equilíbrio, de tranquilidade. Pode-se apresentar também o lugar e o tempo (mesmo vagos) em que se passa a história. No desenvolvimento, as ações se desenrolam, surge um problema na história e muitas coisas acontecem a partir disso. Na situação final, o conflito começa a ser resolvido e apresenta-se o desfecho da história. A partir dessas informações, assinale a alternativa que traz a correta correspondência de cada uma das partes ao texto. a) Situação inicial: parágrafos 1 e 2 Desenvolvimento da história e apresentação do conflito: parágrafos 3 a 6. Situação final: parágrafos 7 a 10. b) Situação inicial: parágrafo 1 Desenvolvimento da história e apresentação do conflito: parágrafos 2 a 8. Situação final: parágrafos 9 e 10. c) Situação inicial: parágrafos 1 e 2 Desenvolvimento da história e apresentação do conflito: parágrafos 3 a 9. Situação final: parágrafo 10. d) Situação inicial: parágrafo 1 Desenvolvimento da história e apresentação do conflito: parágrafos 2 a 6. Situação final: parágrafos 7 a 10. e) Situação inicial: parágrafo 1 Desenvolvimento da história e apresentação do conflito: parágrafos 2 e 3. Situação final: parágrafos 4 a 10. 3

4 A correta correspondência sugerida no enunciado está expressa em: Situação inicial: parágrafo 1. O trecho apresenta o tempo em que se passa a história e descreve uma situação de equilíbrio e tranquilidade. Desenvolvimento da história e apresentação do conflito: parágrafos 2 a 6. Surge o conflito da narrativa e a partir daí as ações se desenrolam. Situação final: parágrafos 7 a 10. O conflito se encaminha para uma solução e há o desfecho da narrativa. Resposta: D QUESTÃO 4 Releia este trecho do texto: Lá em cima, o tapete azulado chorou, berrou e nada adiantou. Finalmente, tomou uma decisão: Assim não dá mais, vou me afastar da terra o máximo que puder. Subiu, subiu o mais alto que pôde. Quando chegou lá no topo do mundo, sossegou. Imagine que não apenas o céu (o tapete azulado ) mas também a lua tivessem tomado essa decisão. Nesse caso, como deveria ser escrito o trecho em destaque no quadro? Assinale a resposta certa. a) Lá em cima, o tapete azulado e a lua choraram, berraram e nada adiantou. Finalmente, tomaram uma decisão: Subiram, subiram o mais alto que puderam. Quando chegaram lá no topo do mundo, sossegaram. b) Lá em cima, o tapete azulado e a lua choraram, berraram e nada adiantou. Finalmente, tomaram uma decisão: Subiram, subiram o mais alto que puderam. Quando chegaram lá no topo do mundo, sossegou. 4

5 c) Lá em cima, o tapete azulado e a lua choraram, berraram e nada adiantaram. Finalmente, tomou uma decisão: Subiu, subiu o mais alto que pôde. Quando chegaram lá no topo do mundo, sossegaram. d) Lá em cima, o tapete azulado e a lua choraram, berraram e nada adiantou. Finalmente, tomaram uma decisão: Assim não dá mais, vou me afastar da terra o máximo que puder. Subiu, subiu o mais alto que pôde. Quando chegou lá no topo do mundo, sossegou. e) Lá em cima, o tapete azulado e a lua choraram, berraram e nada adiantou. Finalmente, tomaram uma decisão: Subiram, subiram o mais alto que pôde. Quando chegaram lá no topo do mundo, sossegaram. Se no momento descrito no trecho não apenas o céu tivesse tomado aquela decisão, mas também a lua, teríamos o seguinte registro: Lá em cima, o tapete azulado e a lua choraram, berraram e nada adiantou. Finalmente, tomaram uma decisão: Subiram, subiram o mais alto que puderam. Quando chegaram lá no topo do mundo, sossegaram. Resposta A. 5

6 QUESTÃO 5 Leia o texto a seguir: Explosões espaciais Mesmo num dia ensolarado, uma grande tempestade pode estar acontecendo no céu Atenção para a previsão: grandes tempestades se aproximam! Mas ainda não precisa preparar as capas de chuva e galochas. O palco dessas tempestades não será a Terra, e sim o Sol! A todo o momento, o Sol emite pequenas partículas para todos os lados, formando o que os cientistas chamam de vento solar. Às vezes, a atividade é tanta que acontece uma grande erupção, emitindo muito mais partículas pelo universo um fenômeno conhecido como explosão ou tempestade solar. Segundo o geofísico Eder Molina, da Universidade de São Paulo, as atividades solares chegam ao máximo a cada 11 anos aproximadamente. Então, começam essas explosões de energia! Como a última vez que isso aconteceu foi em 2001, o Sol está entrando, em 2012, em outra fase de grande atividade, que deve durar alguns anos. As tempestades solares não são fortes o bastante para nos machucarem, mas podem, por exemplo, afetar as transmissões de rádio e TV e o funcionamento de satélites. Além disso, as tempestades solares muito fortes podem desorientar navios e aviões e causar blecautes, como o que aconteceu no Canadá em Infelizmente, não podemos proteger totalmente nossos equipamentos das explo sões mais fortes, mas pelo menos contamos com um aliado natural. O campo magnético da Terra aquele mesmo que faz as bússolas sempre apontarem para a mesma direção funciona como um grande escudo que nos protege das tempestades solares. Por fim, não se preocupe: o Sol, como um todo, não vai explodir! Ele vai continuar iluminando o nosso planeta por muitos e muitos anos Considere as afirmações feitas a seguir: (http://chc.cienciahoje.uol.com.br, 10/05/2012.) I. Por termos o campo magnético da Terra funcionando como um grande escudo que nos protege das tempestades solares, não corremos o risco de termos nossos equipamentos danificados por explosões solares. II. O fenômeno da explosão ou tempestade solar ocorre quando, numa grande erupção, o Sol emite um número maior do que o normal de pequenas partículas pelo universo. III. Apesar de o palco das explosões e tempestades solares ser o Sol, somos afetados 6

7 indiretamente por esse fenômeno quando, por exemplo, as transmissões de rádio e TV e o funcionamento de satélites ficam prejudicados. De acordo com o texto, estão corretas as informações dadas em: a) I, apenas. b) I e II, apenas. c) I e III, apenas. d) II e III, apenas. e) I, II e III. De acordo com os dados apresentados no texto, a única informação incorreta é a que diz que Por termos o campo magnético da Terra funcionando como um grande escudo que nos protege das tempestades solares, não corremos o risco de termos nossos equipamentos danificados por explosões solares. O texto diz que, mesmo contando com a ajuda desse aliado natural, não podemos proteger totalmente nossos equipamentos das explosões mais fortes. Portanto, estão corretas apenas a afirmações feitas em II e III. Resposta D Texto para as questões 6, 7 e 8. ATÉ Havia uma moça em Amaralina com uma perna grossa e a outra perna fina. Até que fez ginástica tão drástica que, nossa! A grossa ficou fina e a fina ficou grossa. Um homem do bairro de Copacabana só comia fruta de casca dura. Nada lhe quebrava os dentes, mas nada. Isso até que comeu uma granada. Havia um lobisomem que estranhava todos gritarem quando ele chegava. Até um fedelho lhe dar um conselho: Por que você não se olha num espelho? (PAES, José Paulo. Até. In: PAES, José Paulo et al. Varal de Poesia. São Paulo: Ática, 2004, p. 18.) 7

8 QUESTÃO 6 O conselho do menino ao lobisomem sugere que a) as pessoas eram muito medrosas. b) o lobisomem desconhecia a sua feiura. c) o menino queria enganar o lobisomem. d) o menino era muito medroso. e) as pessoas gritavam de medo. Diante da dúvida do lobisomem sobre o porquê da fuga das pessoas quando ele chegava, o menino aconselha-o a olhar-se no espelho para que veja o quanto a sua feiura assusta as pessoas. Resposta: B QUESTÃO 7 O poema Até diz que na vida a) as pessoas não respeitam os animais. b) as pessoas são medrosas. c) os meninos são corajosos. d) tudo é muito triste. e) tudo pode mudar. O poeta cita, em cada estrofe, como tudo pode se transformar. Para isso, faz uso de verbos no pretérito imperfeito e de expressões como até que. Resposta: E QUESTÃO 8 O texto é um poema. Qual das características abaixo não é própria desse gênero textual?assinale a alternativa correta. a) É escrito em versos. b) Tem por objetivo expressar sentimentos e emoções. c) Apresenta ideias distribuídas em parágrafos. d) Não há regra fixa para pontuação. e) Apresenta linguagem conotativa ou figurada. De modo geral, os poemas caracterizam-se pela estrutura verso-pausa-verso separados em estrofes; expressam sentimentos e emoções, experimentados ou não pelo autor; permitem o uso livre de pontuação e usam linguagem figurada para dar novos significados às palavras. Portanto, das características citadas, a única que não faz parte desse gênero textual é a distribuição de ideias em parágrafos. Resposta C 8

9 Texto para as questões 9 e 10. QUESTÃO 9 O humor no quadrinho é identificado pelo fato de revelar a) a ingenuidade do Chico Bento. b) a inteligência do Chico Bento. c) a agressividade de Chico Bento. d) a riqueza de um dos pais. e) a pobreza de um dos pais. O humor da tira está relacionado ao fato de Chico Bento entender que a expressão cabeça de boi serviria apenas para designar parte do boi e não à quantidade de bois como fora referido pelo amigo. Resposta: A QUESTÃO 10 Se a fala do personagem do segundo quadrinho fosse reescrita, de acordo com a norma culta do português, o trecho ficaria assim: a) O meu pai só tem um boi, mas ele tá inteirinho. b) O meu pai só tem um boi, mas ele está inteirinho. c) O meu pai só tem um boi, mas ele tá interinho. d) O meu pai só tem um boi, mais ele tá interinho. e) O meu pai só tem um boi, mais ele está inteirinho. De acordo com a norma culta, a fala ficaria O meu pai só tem um boi, mas ele está inteirinho. Resposta: B 9

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 5 Ọ ANO EM 2014. Disciplina: PoRTUGUÊs UMA IDEIA TODA AZUL

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 5 Ọ ANO EM 2014. Disciplina: PoRTUGUÊs UMA IDEIA TODA AZUL Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 5 Ọ ANO EM 2014 Disciplina: PoRTUGUÊs Prova: desafio nota: UMA IDEIA TODA AZUL Um dia o Rei teve uma ideia. Era a primeira da vida

Leia mais

Centro Educacional Souza Amorim Jardim Escola Gente Sabida Sistema de Ensino PH Vila da Penha. Ensino Fundamental

Centro Educacional Souza Amorim Jardim Escola Gente Sabida Sistema de Ensino PH Vila da Penha. Ensino Fundamental Centro Educacional Souza Amorim Jardim Escola Gente Sabida Sistema de Ensino PH Vila da Penha Ensino Fundamental Turma: PROJETO INTERPRETA AÇÂO (INTERPRETAÇÃO) Nome do (a) Aluno (a): Professor (a): DISCIPLINA:

Leia mais

ANÁLISE DE ITENS - PROVA BRASIL

ANÁLISE DE ITENS - PROVA BRASIL ANÁLISE DE ITENS - PROVA BRASIL 2011 LÍNGUA PORTUGUESA ANÁLISE SOBRE 10 ITENS Item 1 - Prova Brasil 2011 - bloco 3 A boneca Guilhermina 5 10 Esta é a minha boneca, a Guilhermina. Ela é uma boneca muito

Leia mais

endereço: data: telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 6.O ANO EM 2013 Disciplina: Prova: português

endereço: data: telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 6.O ANO EM 2013 Disciplina: Prova: português Nome: N.º: endereço: data: telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 6.O ANO EM 2013 Colégio Disciplina: Prova: português desafio nota: Texto para as questões de 1 a 3. Material: 1 xícara quase cheia de farinha

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO 1

PROJETO PEDAGÓGICO 1 PROJETO PEDAGÓGICO 1 Projeto Pedagógico Por Beatriz Tavares de Souza* Título: Maricota ri e chora Autor: Mariza Lima Gonçalves Ilustrações: Andréia Resende Formato: 20,5 cm x 22 cm Número de páginas: 32

Leia mais

DATA: 05 / 12 / 2011 III ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE LÍNGUA PORTUGUESA 9.º ANO/EF ALUNO(A): Nº: TURMA:

DATA: 05 / 12 / 2011 III ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE LÍNGUA PORTUGUESA 9.º ANO/EF ALUNO(A): Nº: TURMA: SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA Mantenedora da PUC Minas e do COLÉGIO SANTA MARIA DATA: 5 / / UNIDADE: III ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE LÍNGUA PORTUGUESA 9.º ANO/EF ALUNO(A): Nº: TURMA: PROFESSOR(A): VALOR:,

Leia mais

PROVA DE SELEÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA SÉRIE: 8 ANO. Candidato (a):

PROVA DE SELEÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA SÉRIE: 8 ANO. Candidato (a): PROVA DE SELEÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA SÉRIE: 8 ANO Data: 12/01/2015 Candidato (a): Valor: 10 Obtido: Analise o cartaz da propaganda. QUESTÃO 1 (1 PONTO) - Observe o texto principal da propaganda. Que estratégia

Leia mais

2- Nas frases a seguir estão destacadas quatro formas verbais de um mesmo verbo. Compare-as.

2- Nas frases a seguir estão destacadas quatro formas verbais de um mesmo verbo. Compare-as. FICHA DA SEMANA 5º ANO A / B Instruções: 1- Cada atividade terá uma data de realização e deverá ser entregue a professora no dia seguinte; 2- As atividades deverão ser copiadas e respondidas no caderno,

Leia mais

PORTUGUÊS IRIA 5ª E.F.

PORTUGUÊS IRIA 5ª E.F. PORTUGUÊS IRIA 5ª E.F. 1º (1,5) 01. Rasura, borrões, corretivos, serão considerados ERROS; 02. Respostas claras e com letra legível; 03. Respostas somente com caneta, PRETA ou AZUL. 04. Esta prova contém

Leia mais

Unidade II Cultura: a pluralidade na expressão humana Aula 13.1 Conteúdo: Outras formas de narrar: o conto

Unidade II Cultura: a pluralidade na expressão humana Aula 13.1 Conteúdo: Outras formas de narrar: o conto 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Unidade II Cultura: a pluralidade na expressão humana Aula 13.1 Conteúdo: Outras formas de narrar: o conto 3 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO

Leia mais

1ª QUESTÃO MÚLTIPLA ESCOLHA. 7,00 (sete) pontos distribuídos em 20 itens

1ª QUESTÃO MÚLTIPLA ESCOLHA. 7,00 (sete) pontos distribuídos em 20 itens PAG - 1 1ª QUESTÃO MÚLTIPLA ESCOLHA 7,00 (sete) pontos distribuídos em 20 itens Marque no cartão de respostas a única alternativa que responde de maneira correta ao pedido de cada item: PORTUGUÊS Considere

Leia mais

Como uma onda no mar...

Como uma onda no mar... Como uma onda no mar... A UU L AL A Certa vez a turma passou férias numa pequena cidade do litoral. Maristela costumava ficar horas a fio admirando a imensidão azul do mar, refletindo sobre coisas da vida

Leia mais

RAIOS, RELÂMPAGOS E TROVÕES. Resumo. Introdução

RAIOS, RELÂMPAGOS E TROVÕES. Resumo. Introdução RAIOS, RELÂMPAGOS E TROVÕES Resumo Angelita Ribeiro da Silva angelita_ribeiro@yahoo.com.br O tema do trabalho foi Raios, Relâmpagos e Trovões. Os alunos investigaram como se dá a formação dos três fenômenos.

Leia mais

QUESTÃO 1 Leia a tirinha a seguir:

QUESTÃO 1 Leia a tirinha a seguir: Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 6 Ọ ANO EM 2014 Disciplina: PoRTUGUÊs Prova: desafio nota: QUESTÃO 1 Leia a tirinha a seguir: No último quadrinho, Calvin constata

Leia mais

NAP NÚCLEO DE APOIO PEDAGÓGICO I

NAP NÚCLEO DE APOIO PEDAGÓGICO I NAP NÚCLEO DE APOIO PEDAGÓGICO I EDUCADORA:SILVANA CAMURÇA DISCIPLINA: PORTUGUÊS EDUCANDO: CORREÇÃO Nº. ANO TURMA: DATA: / / TRIMESTRE: II REVISÃO 1. Relembrando as preposições ( contrações e combinações)use-as

Leia mais

7 Tal pai, tal filho. Acabada a assembléia da comunidade de. Cenatexto

7 Tal pai, tal filho. Acabada a assembléia da comunidade de. Cenatexto JANELA A U L A 7 Tal pai, tal filho Cenatexto Acabada a assembléia da comunidade de Júpiter da Serra, em que se discutiu a expansão da mineradora, dona Ana volta para casa com o Samuel, seu garotinho.

Leia mais

Avaliação Português 6º ano Unidade 7

Avaliação Português 6º ano Unidade 7 I. Leia este trecho de um poema de Manuel Bandeira, poeta pernambucano. Em seguida, responda ao que se pede. Trem de ferro Café com pão Café com pão Café com pão Virge Maria que foi isso maquinista? Agora

Leia mais

PARA QUEM CURSA O 7.O ANO EM

PARA QUEM CURSA O 7.O ANO EM Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 7.O ANO EM 2014 Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs desafio nota: Analise o cartaz abaixo e responda às questões 1 e 2. 1 PORTUGUÊS DESAFIO

Leia mais

Texto 1 PRA DAR NO PÉ (Pedro Antônio de Oliveira)

Texto 1 PRA DAR NO PÉ (Pedro Antônio de Oliveira) PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS BANCO DE QUESTÕES - LÍNGUA PORTUGUESA - 3 ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ========================================================================== Texto 1 PRA DAR NO PÉ (Pedro

Leia mais

AS TRÊS EXPERIÊNCIAS

AS TRÊS EXPERIÊNCIAS Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 8 Ọ ANO EM 2014 Disciplina: PoRTUGUÊs Prova: desafio nota: Texto para as questões de 1 a 7. AS TRÊS EXPERIÊNCIAS Há três coisas para

Leia mais

AULA: 19.2 Conteúdo: Gêneros literários: cordel, conto e romance. INTERATIVIDADE FINAL LÍNGUA PORTUGUESA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA

AULA: 19.2 Conteúdo: Gêneros literários: cordel, conto e romance. INTERATIVIDADE FINAL LÍNGUA PORTUGUESA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA : 19.2 Conteúdo: Gêneros literários: cordel, conto e romance. Habilidades: Compreender as características que compõem os gêneros discursivos. REVISÃO Produzindo a Literatura Repente Literatura de cordel

Leia mais

QUESTÃO 1 Leia o texto a seguir.

QUESTÃO 1 Leia o texto a seguir. Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 5 Ọ ANO EM 2012 Disciplina: PoRTUGUÊs Prova: desafio nota: Que tal experimentar olhar para o mundo com os olhos de um dos maiores

Leia mais

Avaliação Parcial de Rendimento em Leitura - 03

Avaliação Parcial de Rendimento em Leitura - 03 PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMAÇARI SECRETARIA DE EDUCAÇÃO - SIAQUE ESCOLA: PROFESSOR: ALUNO: DATA / / PORTUGUÊS - 4ª SÉRIE / 5º ANO TURMA: TURNO: DATA: / / - Instruções gerais: - Este instrumento de verificação

Leia mais

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 2013. Disciplina: PoRTUGUÊs

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 2013. Disciplina: PoRTUGUÊs Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 2013 Disciplina: PoRTUGUÊs Prova: desafio nota: Texto para as questões 1 e 2. (Quino. Toda Mafalda. São

Leia mais

PROVA BIMESTRAL Língua portuguesa

PROVA BIMESTRAL Língua portuguesa 6 o ano 1 o bimestre PROVA BIMESTRAL Língua portuguesa Escola: Nome: Turma: n o : Leia com atenção o texto a seguir, para responder às questões de 1 a 4. Lisboa: aventuras tomei um expresso cheguei de

Leia mais

ortuguesa Língua Por Meu cachorro Pepe D 6/8/2009

ortuguesa Língua Por Meu cachorro Pepe D 6/8/2009 Nome: Ensino: F undamental 4 o ano urma: Língua Por ortuguesa T ata: D 6/8/2009 Meu cachorro Pepe Sou filho único, meus pais sempre trabalharam fora e como passei a infância toda na cidade do Rio de Janeiro,

Leia mais

Carlos Neves. Antologia. Raízes. Da Poesia

Carlos Neves. Antologia. Raízes. Da Poesia 1 Antologia Raízes Da Poesia 2 Copyrighr 2013 Editra Perse Capa e Projeto gráfico Autor Registrado na Biblioteca Nacional ISBN International Standar Book Number 978-85-8196-234- 4 Literatura Poesias Publicado

Leia mais

Texto 1 O FUTEBOL E A MATEMÁTICA Modelo matemático prevê gols no futebol Moacyr Scliar

Texto 1 O FUTEBOL E A MATEMÁTICA Modelo matemático prevê gols no futebol Moacyr Scliar PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS BANCO DE QUESTÕES - LÍNGUA PORTUGUESA - 5 ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ========================================================================== Texto 1 O FUTEBOL E A MATEMÁTICA

Leia mais

SEE/AC - SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DO ACRE - PROFESSOR P2

SEE/AC - SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DO ACRE - PROFESSOR P2 SEE/AC - SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DO ACRE - PROFESSOR P2 RESPOSTAS AOS RECURSOS Cargo: ART - PROFESSOR P2 / ARTE Disciplina: LÍNGUA PORTUGUESA (LPO) 5 - Gab.:V B 5 - Gab.:W C 5 - Gab.:X D 8 - Gab.:V

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO www.cenm.com.br

CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO www.cenm.com.br CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO www.cenm.com.br 2 o DESAFIO CENM - 2013 LÍNGUA PORTUGUESA Direção: ANO: 4 EF 1- Observe as tirinhas abaixo. a) O que há em comum nas duas histórias? b) Na primeira tirinha,

Leia mais

CONCURSO DE ADMISSÃO 2012/2013 PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA (Prova 3) 6º Ano / Ensino Fundamental

CONCURSO DE ADMISSÃO 2012/2013 PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA (Prova 3) 6º Ano / Ensino Fundamental Leia atentamente todas as questões e assinale a única alternativa correta. Texto 1 A menina que desenhava 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35

Leia mais

5- Cite, em ordem de preferência, três profissões que você mais gostaria de exercer: 1º 2º 3º

5- Cite, em ordem de preferência, três profissões que você mais gostaria de exercer: 1º 2º 3º 18. DICAS PARA A PRÁTICA Orientação para o trabalho A- Conhecimento de si mesmo Sugestão: Informativo de Orientação Vocacional Aluno Prezado Aluno O objetivo deste questionário é levantar informações para

Leia mais

PONTUAÇÃO: é preciso saber usar a vírgula!

PONTUAÇÃO: é preciso saber usar a vírgula! PONTUAÇÃO: é preciso saber usar a vírgula! Bete Masini A pontuação é, sem dúvida, um dos principais elementos coesivos do nosso texto. Certamente, não podemos crer no que muitos já falaram (e ainda falam):

Leia mais

COLÉGIO SHALOM Ensino Fundamental 9º Ano Profº: Clécio Oliveira Língua 65 Portuguesa Aluno (a):. No.

COLÉGIO SHALOM Ensino Fundamental 9º Ano Profº: Clécio Oliveira Língua 65 Portuguesa Aluno (a):. No. COLÉGIO SHALOM Ensino Fundamental 9º Ano Profº: Clécio Oliveira Língua 65 Portuguesa Aluno (a):. No. Trabalho Avaliativo Valor: 30 % Nota: Minhas Férias Eu, minha mãe, meu pai, minha irmã (Su) e meu cachorro

Leia mais

INSTRUÇÕES AOS CANDIDATOS

INSTRUÇÕES AOS CANDIDATOS MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DEP - DEPA (Casa de Thomaz Coelho / 1889) CONCURSO DE ADMISSÃO AO 6º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL 2008/2009 09 DE NOVEMBRO DE 2008 APROVO DIRETOR DE ENSINO COMISSÃO

Leia mais

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 8 Ọ ANO EM 2014. Disciplina: PoRTUGUÊs

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 8 Ọ ANO EM 2014. Disciplina: PoRTUGUÊs Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 8 Ọ ANO EM 2014 Disciplina: PoRTUGUÊs Prova: desafio nota: Texto para as questões 1 e 2. O MELHOR DE CALVIN /Bill Watterson MÃE, O

Leia mais

Algumas ideias para a produção textual!!!

Algumas ideias para a produção textual!!! Algumas ideias para a produção textual!!! O que é texto? Desmitificar as tradicionais aulas de produção de texto Produção escrita de diversos gêneros de textos Ter ou não aulas específicas para produção

Leia mais

Nome: N.º: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 6 Ọ ANO EM 2014. Disciplina: PoRTUGUÊs

Nome: N.º: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 6 Ọ ANO EM 2014. Disciplina: PoRTUGUÊs Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 6 Ọ ANO EM 2014 Disciplina: PoRTUGUÊs Prova: desafio nota: Texto para as questões 1 e 2. PLANETA sustentável QUANTO SE GASTA DE ÁGUA

Leia mais

Questões com textos não verbais. Prof. Bruno Augusto

Questões com textos não verbais. Prof. Bruno Augusto Questões com textos não verbais Prof. Bruno Augusto (ENEM) Em uma conversa ou leitura de um texto, corre-se o risco de atribuir um significado inadequado a um termo ou expressão, e isso pode levar a certos

Leia mais

SEQUÊNCIA DIDÁTICA PODCAST ÁREA CIÊNCIAS DA NATUREZA FÍSICA - ENSINO MÉDIO

SEQUÊNCIA DIDÁTICA PODCAST ÁREA CIÊNCIAS DA NATUREZA FÍSICA - ENSINO MÉDIO SEQUÊNCIA DIDÁTICA PODCAST ÁREA CIÊNCIAS DA NATUREZA FÍSICA - ENSINO MÉDIO Título do Podcast Área Segmento Duração A força da Ciências da Natureza Física Ensino médio 4min53seg Habilidades H81. Identificar

Leia mais

VI Seminário de Iniciação Científica SóLetras - 2009 ISSN 1808-9216

VI Seminário de Iniciação Científica SóLetras - 2009 ISSN 1808-9216 O EMPREGO GRAMATICAL NO LIVRO DIDÁTICO Desiree Bueno TIBÚRCIO (G-UENP/campus Jac.) desiree_skotbu@hotmail.com Marilúcia dos Santos Domingos Striquer (orientadora-uenp/campus Jac.) marilucia.ss@uol.com.br

Leia mais

DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES CIËNCIAS DESAFIO DO DIA. Aula 1.1 Conteúdo. O Universo

DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES CIËNCIAS DESAFIO DO DIA. Aula 1.1 Conteúdo. O Universo CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA Aula 1.1 Conteúdo O Universo 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA

Leia mais

5º ano. Atividade de Estudo - Português

5º ano. Atividade de Estudo - Português Atividade de Estudo - Português 5º ano O texto que você vai ler abaixo pertence ao gênero crônica. As crônicas transformam um acontecimento comum, do nosso dia a dia, em uma história muito interessante.

Leia mais

LINGUA PORTUGUESA PROVA 1º BIMESTRE 5º ANO

LINGUA PORTUGUESA PROVA 1º BIMESTRE 5º ANO PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO LINGUA PORTUGUESA PROVA 1º BIMESTRE 5º ANO 2010 QUESTÃO 01 Galo-de-Campina O galo-de-campina,

Leia mais

CONCURSO DE ADMISSÃO 2013/2014 PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA (Prova 1) 6º Ano / Ensino Fundamental

CONCURSO DE ADMISSÃO 2013/2014 PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA (Prova 1) 6º Ano / Ensino Fundamental Leia atentamente o texto 1 e responda às questões de 01 a 12 assinalando a única alternativa correta. Texto 1 Uma história de Dom Quixote Moacyr Scliar 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20

Leia mais

CARGO: Professor II - Ensino Fundamental de 1ª a 4ª Série

CARGO: Professor II - Ensino Fundamental de 1ª a 4ª Série MUNICÍPIO DE SERRA ALTA ESTADO DE SANTA CATARINA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO N.º 002/2015 09 DE JANEIRO DE 2016 CARGO: Professor II - Ensino Fundamental de 1ª a 4ª Série INSTRUÇÕES Este Caderno de Questões

Leia mais

Movimento da Lua. Atividade de Aprendizagem 22. Eixo(s) temático(s) Terra e Universo. Tema. Sistema Solar

Movimento da Lua. Atividade de Aprendizagem 22. Eixo(s) temático(s) Terra e Universo. Tema. Sistema Solar Movimento da Lua Eixo(s) temático(s) Terra e Universo Tema Sistema Solar Conteúdos Movimentos da Terra e da Lua / movimento aparente dos corpos celestes / referencial Usos / objetivos Ampliação e avaliação

Leia mais

Conteúdos: Linguagem literária e não literária Vivenciando o texto literário

Conteúdos: Linguagem literária e não literária Vivenciando o texto literário Conteúdos: Linguagem literária e não literária Vivenciando o texto literário Habilidades: Compreender a distinção entre linguagem literária e linguagem não literária. Analisar alguns dos mecanismos utilizados

Leia mais

QUESTÃO 1 Leia os cartazes apresentados a seguir.

QUESTÃO 1 Leia os cartazes apresentados a seguir. Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSARÁ O 6º ANO EM 2012 Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs desafio nota: Nosso planeta é habitado por milhares de espécies animais e vegetais,

Leia mais

Poesia A Arte de brincar e aprender com as palavras. Prof. José Urbano

Poesia A Arte de brincar e aprender com as palavras. Prof. José Urbano Poesia A Arte de brincar e aprender com as palavras Prof. José Urbano O que vamos pensar: A Literatura e a Sociedade Funções e desdobramentos da Literatura Motivação Poesia Em hipótese alguma a literatura

Leia mais

2- Explique a diferença entre sistema nervoso central e sistema nervoso periférico.

2- Explique a diferença entre sistema nervoso central e sistema nervoso periférico. FICHA DA SEMANA 5º ANO A / B Instruções: 1- Cada atividade terá uma data de realização e deverá ser entregue a professora no dia seguinte; 2- As atividades deverão ser copiadas e respondidas no caderno,

Leia mais

Unidade V Português. Cida Bispo

Unidade V Português. Cida Bispo Tipo 1 7º Cida Bispo Unidade V Português Orientações: Não será aceita a utilização de corretivo. Não será permitido o empréstimo de material durante a avaliação. Use somente caneta esferográfica azul ou

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 1ª PROVA PARCIAL DE GEOGRAFIA Aluno(a): Nº Ano: 6º Turma: Data: 26/03/2011 Nota: Professora: Élida Valor da Prova: 50 pontos Assinatura do responsável: Orientações

Leia mais

Sistema de Ensino CNEC. 5) O que pode ser explorado em uma mensagem breve? Veja este anúncio para resolver as questões de 6 a 8.

Sistema de Ensino CNEC. 5) O que pode ser explorado em uma mensagem breve? Veja este anúncio para resolver as questões de 6 a 8. 5 o ano Ensino Fundamental Data: / / Revisão de Língua Portuguesa Nome: Leia este texto para resolver as questões de 1 a 5. Na TV, na Internet ou na rua, somos bombardeados por propagandas, que, sem pedir

Leia mais

Resoluções Prova Anglo

Resoluções Prova Anglo Resoluções Prova Anglo TIPO F P-1 tipo D-5 Língua Portuguesa (P-1) Ensino Fundamental 5º ano DESCRITORES, RESOLUÇÕES E COMENTÁRIOS A Prova Anglo é um dos instrumentos para avaliar o desempenho dos alunos

Leia mais

SIMULADO X DE LÍNGUA PORTUGUESA E REDAÇÃO

SIMULADO X DE LÍNGUA PORTUGUESA E REDAÇÃO SIMULADO X DE LÍNGUA PORTUGUESA E REDAÇÃO Prof. Everson Ribas ---------------------------------------------------------------------------------------- NOME: CIDADE: ( ) Porto Alegre ( ) Caxias do Sul MATRICULADO

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA PROVA 3º BIMESTRE 6 ANO

LÍNGUA PORTUGUESA PROVA 3º BIMESTRE 6 ANO PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO LÍNGUA PORTUGUESA PROVA 3º BIMESTRE 6 ANO 2010 QUESTÃO 1 Folheto Publicitário No

Leia mais

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a João do Medo Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a mamãe dele. Um dia, esse menino teve um sonho ruim com um monstro bem feio e, quando ele acordou, não encontrou mais

Leia mais

Colégio Nomelini Ensino Fundamental II LISTA Nº 04 9º ANO

Colégio Nomelini Ensino Fundamental II LISTA Nº 04 9º ANO Trazer a tarefa resolvida no dia: 22/03/2013 (Sexta-feira) Prof. Vanessa Matos Interpretação de textos LISTA Nº 04 9º ANO DESCRIÇÃO: A seleção de atividades é para a leitura e interpretação. Responda os

Leia mais

C 1. 45 minutos. Prova de Aferição de Língua Portuguesa. 1.º Ciclo do Ensino Básico 16 Páginas. Língua Portuguesa/2012

C 1. 45 minutos. Prova de Aferição de Língua Portuguesa. 1.º Ciclo do Ensino Básico 16 Páginas. Língua Portuguesa/2012 PROVA DE AFERIÇÃO DO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO Língua Portuguesa/2012 Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de janeiro A PREENCHER PELO ALUNO Rubrica do Professor Aplicador Nome completo A PREENCHER PELO AGRUPAMENTO

Leia mais

Meninas Nhe nhe. Eu Aff Chegando lá. Eu Gente estou com um mau pressentimento

Meninas Nhe nhe. Eu Aff Chegando lá. Eu Gente estou com um mau pressentimento Eu e umas amigas íamos viajar. Um dia antes dessa viagem convidei minhas amigas para dormir na minha casa. Nós íamos para uma floresta que aparentava ser a floresta do Slender-Man mas ninguém acreditava

Leia mais

Aluno(a): Nº. Disciplina: Português Data da prova: 03/10/2014. P1-4 BIMESTRE. Análise de textos poéticos. Texto 1. Um homem também chora

Aluno(a): Nº. Disciplina: Português Data da prova: 03/10/2014. P1-4 BIMESTRE. Análise de textos poéticos. Texto 1. Um homem também chora Lista de Exercícios Aluno(a): Nº. Professor: Daniel Série: 9 ano Disciplina: Português Data da prova: 03/10/2014. P1-4 BIMESTRE Análise de textos poéticos Texto 1 Um homem também chora Um homem também

Leia mais

Apoio: Patrocínio: Realização:

Apoio: Patrocínio: Realização: 1 Apoio: Patrocínio: Realização: 2 O MENINO MAU Hans Christian Andersen 3 Contos de Hans Christian Andersen Hans Christian Andersen nasceu em Odensae, em 2 de abril de 1805, e faleceu em Conpenhague em

Leia mais

Página 1 de 8-01/04/2014-5:59

Página 1 de 8-01/04/2014-5:59 PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS BANCO DE QUESTÕES - LÍNGUA PORTUGUESA - 4 ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ========================================================================== Texto 1 LIXO NO LIXO Dá para

Leia mais

Para início de conversa 9. Família, a Cia. Ltda. 13. Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35. Cardápio de lembranças 53

Para início de conversa 9. Família, a Cia. Ltda. 13. Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35. Cardápio de lembranças 53 Rio de Janeiro Sumário Para início de conversa 9 Família, a Cia. Ltda. 13 Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35 Cardápio de lembranças 53 O que o homem não vê, a mulher sente 75 Relacionamentos: as Cias.

Leia mais

Atividade: Leitura e interpretação de texto. Português- 8º ano professora: Silvia Zanutto

Atividade: Leitura e interpretação de texto. Português- 8º ano professora: Silvia Zanutto Atividade: Leitura e interpretação de texto Português- 8º ano professora: Silvia Zanutto Orientações: 1- Leia o texto atentamente. Busque o significado das palavras desconhecidas no dicionário. Escreva

Leia mais

pratique... desenvolva... pense... 1. Primeira tira. Em inglês, no campo semântico da aviação, non-stop significa sem escalas.

pratique... desenvolva... pense... 1. Primeira tira. Em inglês, no campo semântico da aviação, non-stop significa sem escalas. o 6 o e 7 a n os s et e mb r o/ 20 3 desenvolva... pense... pratique... 11 Multiplicidade de sentido ou o sentido das palavras Observe as tiras a seguir para responder às questões 1 e 2 Disponível em O

Leia mais

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 9 Ọ ANO EM 2014. Disciplina: PoRTUGUÊs TALVEZ VOCÊ TENHA SENTIDO

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 9 Ọ ANO EM 2014. Disciplina: PoRTUGUÊs TALVEZ VOCÊ TENHA SENTIDO Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 9 Ọ ANO EM 2014 Disciplina: PoRTUGUÊs Prova: desafio nota: Texto para as questões 1 e 2. O MELHOR DE CALVIN / Bill Watterson OI, SUSIE,

Leia mais

Ensino Fundamental 5º. Português (lição de férias) Termine a história. Lição de férias

Ensino Fundamental 5º. Português (lição de férias) Termine a história. Lição de férias Ensino Fundamental 5º Termine a história Português (lição de férias) Lição de férias Olá pessoal!!! As férias chegaram...vamos aproveitar bastante para descansar, passear, brincar... mas reserve um tempinho

Leia mais

Content Area Grade Quarter Língua Portuguesa 6ª Serie Unidade I

Content Area Grade Quarter Língua Portuguesa 6ª Serie Unidade I Content Area Grade Quarter Língua 6ª Serie Unidade I Texto: parágrafos: descritivo/comparativo; reconto; resenha crítica, anedota, cartum, revista em quadrinhos Linguística: comunicação: elementos/códigos;

Leia mais

CADERNO DE ATIVIDADES

CADERNO DE ATIVIDADES COLÉGIO ARNALDO 2014 CADERNO DE ATIVIDADES CIÊNCIAS Aluno (a): 5º ano Turma: Professor (a): Valor: 20 pontos CONTEÚDOS ORIENTAÇÕES Releia os registros do seu caderno, os conteúdos dos livros e realize

Leia mais

Leya Leituras Projeto de Leitura

Leya Leituras Projeto de Leitura Leya Leituras Projeto de Leitura Nome do livro: Curuminzice Coleção: Aldeia Autor: Tiago Hakiy Nacionalidade do autor: Brasileira Currículo do autor: De origem Sateré-Mawé, povo indígena que habita a região

Leia mais

AS NOVELAS E A EDUCAÇÃO

AS NOVELAS E A EDUCAÇÃO Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 2012 Disciplina: PoRTUGUÊs Prova: desafio nota: Texto para as questões de 1 a 8. AS NOVELAS E A EDUCAÇÃO

Leia mais

Sugestão de avaliação

Sugestão de avaliação Sugestão de avaliação 6 PORTUGUÊS Professor, esta sugestão de avaliação corresponde ao quarto bimestre escolar ou às Unidades 7 e 8 do livro do Aluno. Avaliação - Língua Portuguesa NOME: TURMA: escola:

Leia mais

O Livro de informática do Menino Maluquinho

O Livro de informática do Menino Maluquinho Coleção ABCD - Lição 1 Lição 1 O Livro de informática do Menino Maluquinho 1 2 3 4 5 6 7 8 Algumas dicas para escrever e-mails: 1. Aprender português. Não adianta fi car orgulhoso por mandar um e-mail

Leia mais

Teoria da Comunicação Funções da Linguagem

Teoria da Comunicação Funções da Linguagem Teoria da Comunicação Funções da Linguagem Professor Rafael Cardoso Ferreira O que é linguagem? A linguagem é o instrumento graças ao qual o homem modela seu pensamento, seus sentimentos, suas emoções,

Leia mais

Nome: nº Data: 7º ano Profa.:Juliana Sanches

Nome: nº Data: 7º ano Profa.:Juliana Sanches 1 Nome: nº Data: 7º ano Profa.:Juliana Sanches Conteúdo: - Predicação Verbal; - Modo e Tempo Verbal; - Vozes Verbais. Trabalho para Recuperação 01. Leia a tira. a) Na oração Queria mandar um alô para o

Leia mais

PROJETO DE LEITURA PRÉ-LEITURA

PROJETO DE LEITURA PRÉ-LEITURA PROJETO DE LEITURA PRÉ-LEITURA ATIVIDADES ANTERIORES À LEITURA INTENÇÃO: LEVANTAR HIPÓTESES SOBRE A AUTORA, SOBRE O LIVRO, INSTIGAR A CURIOSIDADE E AMPLIAR O REPERTÓRIO DO ALUNO Para o professor Ou isto

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MARAVILHAS EDITAL 001/2009 - Concurso Público. Prova: 14 de Março de 2010.

PREFEITURA MUNICIPAL DE MARAVILHAS EDITAL 001/2009 - Concurso Público. Prova: 14 de Março de 2010. PREFEITURA MUNICIPAL DE MARAVILHAS EDITAL 001/2009 - Concurso Público Prova: 14 de Março de 2010. CARGOS: 1. Auxiliar de serviço. II Operário Braçal, 2. Auxiliar de serviço II Serviço de Água, 3. Auxiliar

Leia mais

Equipe de Língua Portuguesa. Língua Portuguesa SÍNTESE DA GRAMÁTICA

Equipe de Língua Portuguesa. Língua Portuguesa SÍNTESE DA GRAMÁTICA Aluno (a): Série: 3ª TUTORIAL 3B Ensino Médio Data: Turma: Equipe de Língua Portuguesa Língua Portuguesa SÍNTESE DA GRAMÁTICA TERMOS INTEGRANTES = completam o sentido de determinados verbos e nomes. São

Leia mais

PROVA BIMESTRAL Língua portuguesa

PROVA BIMESTRAL Língua portuguesa 9 o ano 1 o bimestre PROVA BIMESTRAL Língua portuguesa Escola: Nome: Turma: n o : Responda às questões 1, 2 e 3, após a leitura de um fragmento do texto Homem no mar, de Rubem Braga. De minha varanda vejo,

Leia mais

Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo

Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo Autora: Tell Aragão Personagens: Carol (faz só uma participação rápida no começo e no final da peça) Mãe - (só uma voz ela não aparece) Gigi personagem

Leia mais

GUARDAS DE BELO HORIZONTE USAM TAPA-OUVIDOS

GUARDAS DE BELO HORIZONTE USAM TAPA-OUVIDOS CLUBE EDUCACIONAL GESTAR NA ESCOLA TRAJETÓRIA II Atividades da I Unidade 7º ano / 6ª série António Manuel Couto Viana (poeta português). Versos de palmo e meio (1994). (Fragmento). Questão 1 - A expressão

Leia mais

O menino e o pássaro. Rosângela Trajano. Era uma vez um menino que criava um pássaro. Todos os dias ele colocava

O menino e o pássaro. Rosângela Trajano. Era uma vez um menino que criava um pássaro. Todos os dias ele colocava O menino e o pássaro Era uma vez um menino que criava um pássaro. Todos os dias ele colocava comida, água e limpava a gaiola do pássaro. O menino esperava o pássaro cantar enquanto contava histórias para

Leia mais

endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 7.O ANO EM 2012 Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs

endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 7.O ANO EM 2012 Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 7.O ANO EM 2012 Colégio Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs desafio nota: Texto para as questões de 1 a 5. QUESTÃO 1 Considere as afirmações I. Na

Leia mais

Cópia autorizada. II

Cópia autorizada. II II Sugestões de avaliação Português Compreensão de texto 2 o ano Unidade 5 5 Unidade 5 Compreensão de texto Nome: Data: Leia este texto expositivo e responda às questões de 1 a 5. As partes de um vulcão

Leia mais

Assim nasce uma empresa.

Assim nasce uma empresa. Assim nasce uma empresa. Uma história para você que tem, ou pensa em, um dia, ter seu próprio negócio. 1 "Non nobis, Domine, non nobis, sed nomini Tuo da gloriam" (Sl 115,1) 2 Sem o ar Torna-te aquilo

Leia mais

QUESTÃO 1 Primeiro o cãozinho Bidu, depois o Franjinha, Cebolinha e Cascão... Estava faltando uma menina nessa turma. Então, há 50 anos, em 1963, ela

QUESTÃO 1 Primeiro o cãozinho Bidu, depois o Franjinha, Cebolinha e Cascão... Estava faltando uma menina nessa turma. Então, há 50 anos, em 1963, ela Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 5.O ANO EM 2013 Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs desafio nota: Este ano, a personagem mais famosa de Mauricio de Sousa está completando

Leia mais

Enem. Dicas para você se dar bem na prova. A prova do ENEM está ai e você precisa de uma boa nota, certo? Verdade!

Enem. Dicas para você se dar bem na prova. A prova do ENEM está ai e você precisa de uma boa nota, certo? Verdade! Enem Dicas para você se dar bem na prova. A prova do ENEM está ai e você precisa de uma boa nota, certo? Verdade! Não tem mais para onde correr: O resto dos seus dias depende disso. Ou pelo menos é assim

Leia mais

JAIR REBELO. jairrebelo@hotmail.com. Parapsicólogo Clínico. Telefone 9911 3260

JAIR REBELO. jairrebelo@hotmail.com. Parapsicólogo Clínico. Telefone 9911 3260 JAIR REBELO Parapsicólogo Clínico jairrebelo@hotmail.com Telefone 9911 3260 AQUIETAR-SE Quando tomamos consciência da nossa respiração, eliminamos os vícios que vivem dentro de nós. O silêncio e á linguagem

Leia mais

Interpretação de textos - Atividades 3ª etapa - 2015 Língua Portuguesa Professora: Maria de Lourdes

Interpretação de textos - Atividades 3ª etapa - 2015 Língua Portuguesa Professora: Maria de Lourdes J+C Interpretação de textos - Atividades 3ª etapa - 2015 Língua Portuguesa Professora: Maria de Lourdes Leia a tira abaixo, de Laerte, e responda às questões 1 e 2. 1. Observe o 1 9 e o 2 9 quadrinhos

Leia mais

PROPOSTA PEDAGÓGICA. Elaborada por Ana Carolina Carvalho

PROPOSTA PEDAGÓGICA. Elaborada por Ana Carolina Carvalho PROPOSTA PEDAGÓGICA Elaborada por Ana Carolina Carvalho PROPOSTA PEDAGÓGICA Crianças do Brasil Suas histórias, seus brinquedos, seus sonhos elaborada por ANA CAROLINA CARVALHO livro de JOSÉ SANTOS ilustrações

Leia mais

Meu pássaro de papel

Meu pássaro de papel ALUNO (A): ANO: 3º TURMA: (A) (C) PROFESSOR (A): VALOR DA AVALIAÇÃO: 40 pontos DATA: CENTRO EDUCACIONAL SAGRADA FAMÍLIA 22 / 08 / 2013 TRIMESTRE: 2º NOTA: COMPONENTE CURRICULAR: LÍNGUA PORTUGUESA ENSINO

Leia mais

FENÔMENOS DA NATUREZA: REPRESENTAÇÕES INFANTIS E MEDIAÇÃO DO PROFESSOR INTRODUÇÃO

FENÔMENOS DA NATUREZA: REPRESENTAÇÕES INFANTIS E MEDIAÇÃO DO PROFESSOR INTRODUÇÃO FENÔMENOS DA NATUREZA: REPRESENTAÇÕES INFANTIS E MEDIAÇÃO DO PROFESSOR Palara-chave: conceitos da criança, pedagogia Nerli Nonato Ribeiro Mori Nara Cristina Miranda Universidade Estadual de Maringá INTRODUÇÃO

Leia mais

endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 6.O ANO EM 2012 Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs

endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 6.O ANO EM 2012 Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA O 6.O ANO EM 2012 Colégio Disciplina: Prova: PoRTUGUÊs desafio nota: Texto para as questões 1, 2 e 3. (Maurício de Sousa. Turma da Mônica. Disponível

Leia mais

SABE, ESSA É A MINHA FAMÍLIA. É isso mesmo! A gente nem pensa nisso, não é? Mas vamos ver como acontece. Venha comigo.

SABE, ESSA É A MINHA FAMÍLIA. É isso mesmo! A gente nem pensa nisso, não é? Mas vamos ver como acontece. Venha comigo. Apoio: A Constituição Federal do Brasil diz que: É dever da família, da sociedade e do Estado assegurar à criança e ao adolescente, com absoluta prioridade, o direito à vida, à saúde, à alimentação, à

Leia mais

PROVA COMENTADA PELOS PROFESSORES DO CURSO POSITIVO

PROVA COMENTADA PELOS PROFESSORES DO CURSO POSITIVO PROVA COMENTADA PELOS 1 Lya Luft apresenta, no 1º parágrafo do texto, sua tese acerca do que venha a ser o posicionamento ideal da família:...família deveria ser careta., i.e., humana, aberta, atenta,

Leia mais

FIGURAS DE LINGUAGENS. Profª. Patrícia Fernandes

FIGURAS DE LINGUAGENS. Profª. Patrícia Fernandes FIGURAS DE LINGUAGENS Profª. Patrícia Fernandes LINGUAGEM CONOTATIVA E DENOTATIVA Denotação: Significado restrito, objetivo,exato. Sentido do dicionário. Conotação: Significado amplo, expressivo, criativo.

Leia mais