UMA VIDA SAUDÁVEL E DIABETES

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "UMA VIDA SAUDÁVEL E DIABETES"

Transcrição

1 a 8 Semana de Atenção ao 08 a 16 de novembro de º V ENCONTRO DE AGENTES PRIMÁRIOS DE SAÚDE DOS V PÉS DOS DIABÉTICOS UMA VIDA SAUDÁVEL E DIABETES PROGRAMA CIENTÍFICO Rio de Janeiro - RJ 08 e 09 de Novembro de 2014 GUANABARA PALACE HOTEL - Centro - RJ

2 VIII ENCONTRO DE ATENÇÃO AO PÉ DIABÉTICO DO RIO DE JANEIRO 5º ENCONTRO REGIONAL DE EDUCAÇÃO EM DIABETES DO RIO DE JANEIRO DIA 08/11/2014 SALÃO VELAZQUEZ 07:00-08:00 - Entrega de material e crachás, novas inscrições 08:00-09:00 - Solenidade de Abertura da 8ª SAD-RJ e Encontros Científicos 09:00-10:30 - Mesa Redonda 1 PÉ DIABÉTICO: UM PROBLEMA MAIOR DE SAÚDE PÚBLICA 09:00-09:10 - Tema 1 - Pé Diabético no Brasil e no Mundo 09:10-09:20 - Tema 2 - Perfil das Internações dos Pacientes com Pé Diabético no SUS do Rio de Janeiro 09:20-09:30 - Tema 3 - Visão do Ministério Público do Pé Diabético do Rio de Janeiro 09:30-09:40 - Tema 4 - O Pé Diabético na Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro 09:40-09:50 - Tema 5 - Atenção Integral ao Portador de Pé Diabético em Alagoas 09:50-10:00 - Tema 6 - Linha Especial de Cuidados na Atenção Integral ao Pé Diabético 10:30-11:00 - Visita aos Stands 11:00-12:30 - Mesa Redonda 2 ATUAÇÃO MULTIPROFISSIONAL NO PÉ DIABÉTICO 11:00-11:10 - Tema 1 - Impacto dos Novos Tratamentos do Diabetes na Frequência das Complicações Crônicas? 11:10-11:20 - Tema 2 - Amputações e Preservação Funcional no Pé Diabético 11:20-11:30 - Tema 3 - Cirurgia Minimamente Invasiva no Pé Diabético 11:30-11:40 - Tema 4 - Avanços no Tratamento da Neuropatia Dolorosa 11:40-11:50 - Tema 5 - Vigilância e Controle da IRC: Como fazer e sua influência sobre as amputações em diabéticos 11:50-12:00 - Tema 6 - Cuidados de Enfermagem no paciente com Pé diabético 12:30-14:00 Almoço 14:00-15:30 - Mesa Redonda 3 UMA VIDA SAUDÁVEL E DIABETES 14:00-14:12 - Tema 1 - O Psicólogo e a educação do diabético e sua família 14:12-14:24 - Tema 2 - Importância da educação dos profissionais da atenção primária para o controle do diabetes 14:24-14:36 - Tema 3 - O Nutricionista como educador para uma vida saudável 14:36-14:48 - Tema 4 - Terapeuta Ocupacional: ações para uma melhor qualidade de vida 14:48-15:00 - Tema 5 - Diabetes e Tuberculose A face oculta das doenças crônicas 15:30-16:00 - Visita aos Stands 16:00-17:30 Mesa Redonda 4 FERIDAS COMPLEXAS E TRATAMENTOS AVANÇADOS NO PÉ DIABÉTICO 16:00-16:10 - Tema 1 - O Que Não Pode Faltar no Cuidado a Qualquer Ferida 16:10-16:20 - Tema 2 - Excesso de Exsudato. O Que Fazer? 16:20-16:30 - Tema 3 - Terapia a Vácuo: Onde, Quando e Porque? 16:30-16:40 - Tema 4 - Benefícios do Controle do Edema no Pé Diabético Ulcerado 16:40-16:50 - Tema 5 - Curativo de Celulose Bacteriana. Quando e Onde?

3 SALA SALVADOR DALI 09:00-10:30 - Mesa Redonda 1 A CIRURGIA VASCULAR E O PÉ DIABÉTICO I 09:00-09:15 - Tema 1 - O Papel do Cirurgião Vascular no Tratamento do Pé Diabético 09:15-09:30 - Tema 2 - Tratamento Endovascular: Nova Era para o Tratamento do Pé Diabético Isquêmico? 09:30-09:45 - Tema 3 - Tratamento Baseado em Angiossomas: Mito ou Realidade? 09:45-10:05 - Tema 4 - Terapia Celular em Isquemia Crítica no Pé Diabético 10:30-11:00 - Visita aos Stands 11:00-12:30 - Mesa Redonda 2 A CIRURGIA VASCULAR E O PÉ DIABÉTICO II 11:00-11:15 - Tema 1 - Pé Diabético: Até Quando Investir? 11:15-11:30 - Tema 2 - Antiagregantes e Vasodilatadores no Manejo da Arteriopatia Periférica dos Diabéticos 11:30-11:45 - Tema 3 - Procedimentos Híbridos na Revascularização dos MMII 11:45-12:00 - Tema 4 - Balão Farmacológico: como e onde usar na revascularização do diabético 12:30-14:00 - Almoço 14:00-15:30 - Mesa Redonda 3 O ORTOPEDISTA E O PÉ DIABÉTICO 14:00-14:15 - Tema 1 - Biomecânica no Pé Diabético 14:15-14:30 - Tema 2 - Níveis de Amputação no Pé Diabético: Critérios de indicação e técnicas 14:30-14:45 - Tema 3 - Tratamento Cirúrgico da Osteomielite no Pé Diabético 14:45-15:00 - Tema 4 - Artropatia de Charcot: Manejo Cirúrgico e Fixação Externa X Tratamento Conservador 15:30-16:00 - Visita aos Stands 16:00-17:30 - Mesa Redonda 4 PÉ DIABÉTICO: PROCEDIMENTOS DE APOIO E REABILITAÇÃO APÓS A INTERNAÇÃO 16:00-16:12 - Tema 1 - Medicina Hiperbárica: Quando indicar 16:12-16:24 - Tema 2 - O Fisioterapeuta e a Reabilitação do Neuropata 16:24-16:36 - Tema 3 - Órteses Comerciais e Customizadas: Quando usar e opções no SUS 16:36-16:48 - Tema 4 - Protetização dos Diabéticos nos diversos níveis de amputação 16:48-17:00 - Tema 5 - Cirurgia Percutânea e a Reabilitação nas Deformidades da Neuropatia Motora 10:30-11:00 - Exame Clínico do Portador Pé Diabético 11:00-12:30 - Prática WORKSHOPS SALA GOYA 10:30-12:30

4 SALA EL GRECO 10:30-12:30 10:30-11:00 - Avaliação de Enfermagem nas Úlceras dos MMII 11:00-11:30 - Cuidados básicos com a ferida 11:30-12:30 - Tipos de Coberturas (Prática) 17:30 - Encerramento IV ENCONTRO DE AGENTES PRIMÁRIOS DE SAÚDE DOS PÉS DOS DIABÉTICOS DIA 09/11/2014 SALÃO VELAZQUEZ 07:00-08:00 - Entrega de material e crachás, novas inscrições 08:00-08:30 - Solenidade de Abertura 08:30-09:30 - Conferência 1 PAIPPD - É POSSÍVEL UM PROGRAMA DO SUS PROMOVER QUALIDADE DE VIDA AO PACIENTE DIABÉTICO? 09:30-10:00 - Visita aos Stands 10:00-12:00 - Ciclo de Palestras APRENDENDO A CUIDAR 10:00-10:20 - Tema 1 - Avaliação do Portador de Pé Diabético 10:20-10:40 - Tema 2 - Aprendendo a Avaliar as Deformidades no Pé Diabético 10:40-11:00 - Tema 2 - Aprendendo a Avaliar e Cuidar das Lesões do Pé Diabético 11:00-11:20 - Tema 3 - Educando o Paciente 11:20-11:40 - Tema 4 - Atuação do Podólogo na Onicomicose 12:00-13:30 - Almoço 13:30-17:00 - Ciclo de Palestras DIABETES E PODOLOGIA 13:30-14:00 - Exame Clínico do Portador Pé Diabético 14:00-15:00 - Prática WORKSHOPS SALA SALVADOR DALI 13:30-15:00 15:00-15:30 - Visita aos Stands

5 15:30-16:00 - Exame Clínico do Portador Pé Diabético 16:00-17:00 - Prática 15:30-17:00 SALA GOYA 13:30-15:00 13:30-13:55 - Avaliação de Enfermagem nas Úlceras dos MMII 13:55-14:20 - Cuidados básicos com a ferida 14:20-15:00 - Tipos de Coberturas (Prática) 15:30-15:55 - Avaliação de Enfermagem nas Úlceras dos MMII 15:55-16:20 - Cuidados básicos com a ferida 16:20-17:00 - Tipos de Coberturas (Prática) SALA EL GRECO 13:30-15:00 17:00 - Encerramento

Neuropatia Diabética e o Pé Diabético

Neuropatia Diabética e o Pé Diabético UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO DIRETORIA DE ENFERMAGEM SERVIÇO DE EDUCAÇÃO EM ENFERMAGEM MINICURSO: Assistência de enfermagem ao cliente com feridas Neuropatia Diabética e o Pé Diabético Instrutora:

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA PARECER COREN/SC Nº 020/CT/2013 Assunto: Solicitação de parecer técnico sobre a solicitação de mamografia de rastreamento por Enfermeiro nas instituições de saúde. I - Do Fato Trata-se de expediente encaminhado

Leia mais

A Educação Permanente na articulação de uma rede de cuidado integral à saúde: A experiência da Estratégia Saúde da Família na AP 3.

A Educação Permanente na articulação de uma rede de cuidado integral à saúde: A experiência da Estratégia Saúde da Família na AP 3. Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil Subsecretaria de Atenção Primária, Coordenação de Área Programática 3.2 Estratégia Saúde da Família na AP 3.2 Coordenadoria de Educação Permanente SPDM A Educação

Leia mais

Curso Pré-Jornada: A Integralidade na Assistência de Enfermagem ao Paciente Portador de Feridas e Estomas

Curso Pré-Jornada: A Integralidade na Assistência de Enfermagem ao Paciente Portador de Feridas e Estomas Curso Pré-Jornada: A Integralidade na Assistência de Enfermagem ao Paciente Portador de Feridas e Estomas (Somente inscritos no PACOTE Cursos Pré-Jornada + XXI Jornada de Enfermagem terão direito a este

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SÃO PAULO PARECER COREN-SP GAB Nº 011 / 2011

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SÃO PAULO PARECER COREN-SP GAB Nº 011 / 2011 PARECER COREN-SP GAB Nº 011 / 2011 Assunto: Curso de podologia para leigos ministrado por Enfermeiro. 1. Do fato Solicitado parecer por enfermeira Podiatra sobre a realização de "Curso de Aperfeiçoamento

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SÃO PAULO

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SÃO PAULO PARECER COREN - SP 007/2013 - CT PRCI n 100.083 e Ticket n 294.881, 278.047, 283.134, 284.532, 287.431, 287.518, 288.951, 293.239, 293.524, 293.411, 293.716, 296.885 Ementa: Competência e capacitação para

Leia mais

Curso. Abordagem Multiprofissional na Prevenção e Tratamento de Feridas

Curso. Abordagem Multiprofissional na Prevenção e Tratamento de Feridas Curso Abordagem Multiprofissional na Prevenção e Tratamento de Feridas Promotores Coordenação Fernanda Maria Silva Graduada em Enfermagem -Bacharelado e Licenciatura- pela Universidade Estadual da Paraíba;

Leia mais

Art. 1º Aprovar as Normas Reguladoras do Exercício da Acupuntura no Âmbito do Serviço de Saúde do Exercito, que com esta baixa.

Art. 1º Aprovar as Normas Reguladoras do Exercício da Acupuntura no Âmbito do Serviço de Saúde do Exercito, que com esta baixa. PORTARIA NR 07/DGP, DE 27 DE JANEIRO DE 2009 (Aprova as Normas Reguladoras do Exercício da Acupuntura no Âmbito do Serviço de Saúde do Exército) - Transcrição O CHEFE DO DEPARTAMENTO-GERAL DO PESSOAL,

Leia mais

ORGANIZAÇÃO DO CUIDADO NOS DIFERENTES CAMPOS DE ATUAÇÃO: ASSISTÊNCIA DOMICILIAR

ORGANIZAÇÃO DO CUIDADO NOS DIFERENTES CAMPOS DE ATUAÇÃO: ASSISTÊNCIA DOMICILIAR Simpósio de Cuidados Paliativos para os Institutos e Hospitais Federais do Rio de Janeiro ORGANIZAÇÃO DO CUIDADO NOS DIFERENTES CAMPOS DE ATUAÇÃO: ASSISTÊNCIA DOMICILIAR Júlio César Silva de Souza Enfermeiro

Leia mais

ANEXO NORMA TÉCNICA QUE REGULAMENTA A COMPETÊNCIA DA EQUIPE DE ENFERMAGEM NO CUIDADO ÀS FERIDAS

ANEXO NORMA TÉCNICA QUE REGULAMENTA A COMPETÊNCIA DA EQUIPE DE ENFERMAGEM NO CUIDADO ÀS FERIDAS ANEXO NORMA TÉCNICA QUE REGULAMENTA A COMPETÊNCIA DA EQUIPE DE ENFERMAGEM NO CUIDADO ÀS FERIDAS I. OBJETIVO Regulamentar a competência da equipe de enfermagem, visando o efetivo cuidado e segurança do

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA MUNICIPAL

AUDIÊNCIA PÚBLICA MUNICIPAL PREFEITURA MUNICIPAL DE OCARA CE SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE AUDIÊNCIA PÚBLICA MUNICIPAL RELATÓRIO QUADRIMESTRAL DA SAÚDE JAN ABR DE 2015 RUA JOSÉ CORREIA SN CEP 62 755-000 CENTRO OCARA - CEARÁ. FONE

Leia mais

Feridas e Curativos. Maior órgão do corpo humano.

Feridas e Curativos. Maior órgão do corpo humano. Feridas e Curativos Enfermeira: Milena Delfino Cabral Freitas Pele Maior órgão do corpo humano. Funções: proteção contra infecções, lesões ou traumas, raios solares e possui importante função no controle

Leia mais

Prefeitura Municipal de São Sebastião do Alto Estado do Rio de Janeiro ANEXO III ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS

Prefeitura Municipal de São Sebastião do Alto Estado do Rio de Janeiro ANEXO III ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS ANEXO III ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS GARI DESCRIÇÃO SUMÁRIA Compreende os cargos que tem como atribuições varrer e limpar ruas e logradouros públicos e coletar o lixo acumulado em sarjetas, caixas de ralos

Leia mais

MUNICÍPIO DE VÁRZEA DA PALMA-MG

MUNICÍPIO DE VÁRZEA DA PALMA-MG ESPECIFICAÇÃO DAS DE MÚLTIPLA ESCOLHA DE MÚLTIPLA ESCOLHA Ajudante de Serviços Públicos Auxiliar de Serviços Gerais Coletor de Lixo Coveiro Gari Alfabetizado. Auxiliar de Oficina Mecânica Bombeiro Hidráulico

Leia mais

CURSO DE ENFERMAGEM DISCIPLINA: SEMIOLOGIA E SEMIOTÉCNICA 2 4º PERIODO. A enfermagem na inter-relação com seres humanos nos vários ciclos de vida.

CURSO DE ENFERMAGEM DISCIPLINA: SEMIOLOGIA E SEMIOTÉCNICA 2 4º PERIODO. A enfermagem na inter-relação com seres humanos nos vários ciclos de vida. 1 EIXO TEMÁTICO CURSO DE ENFERMAGEM DISCIPLINA: SEMIOLOGIA E SEMIOTÉCNICA 2 4º PERIODO A enfermagem na inter-relação com seres humanos nos vários ciclos de vida. 2 DESCRIÇÃO DO EIXO TEMÁTICO Estuda o Processo

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MONTES CLAROS - UNIMONTES COMISSÃO TÉCNICA DE CONCURSOS - COTEC

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MONTES CLAROS - UNIMONTES COMISSÃO TÉCNICA DE CONCURSOS - COTEC PROVAS DE LÍNGUA PORTUGUESA E MATEMÁTICA - FUNDAMENTAL COMPLETO Agente Administrativo Agente de Controle de Zoonoses Auxiliar de Educador Social Contínuo Desenhista Eletricista Predial Jardineiro Mestre

Leia mais

Política Nacional de Atenção em Oftalmologia

Política Nacional de Atenção em Oftalmologia Política Nacional de Atenção em Oftalmologia Alexandre Chater Taleb Universidade Federal de Goiás Especialização do C taleb@uol.com.br de Especialização Política Nacional de Atenção em Oftalmologia Portaria

Leia mais

Comunicado 3ª e 4ª etapas

Comunicado 3ª e 4ª etapas Comunicado 3ª e 4ª etapas Comunicamos que conforme o Regulamento segue a programação para a realização da 3ª e 4ª etapa que acontecerá nos dias 23/01/2016 e 24/01/2016 e nos dias 30/01/2016 e 31/01/2016,

Leia mais

EXPOSIÇÃO DE MOTIVOS

EXPOSIÇÃO DE MOTIVOS EXPOSIÇÃO DE MOTIVOS A Lei Complementar nº 395, de 26 de dezembro de 1996, e alterações posteriores, é uma das mais importantes leis do nosso Município, por definir a forma com que o Executivo Municipal

Leia mais

COMPLICAÇÕES DECORRENTES DA DIABETES: RELATO DE CASO

COMPLICAÇÕES DECORRENTES DA DIABETES: RELATO DE CASO COMPLICAÇÕES DECORRENTES DA DIABETES: RELATO DE CASO Adelita Iatskiu (UNICENTRO), Amanda Constantini (UNICENTRO), Carolina G. de Sá (UNICENTRO), Caroline M. Roth ((UNICENTRO), Cíntia C. S. Martignago (UNICENTRO),

Leia mais

PROGRAMA DE ESTÁGIO PARA ALUNOS DA UFCSPA

PROGRAMA DE ESTÁGIO PARA ALUNOS DA UFCSPA PROGRAMA DE ESTÁGIO PARA ALUNOS DA UFCSPA 1) Justificativa Os estágios, curriculares ou não, têm a finalidade de proporcionar a complementação da formação universitária e constam de atividades de prática

Leia mais

Centro Hospitalar de Coimbra Hospital dos Covões

Centro Hospitalar de Coimbra Hospital dos Covões Centro Hospitalar de Coimbra Hospital dos Covões Hospital de Dia de Diabetes Gabriela Figo - Serviço de Ortopedia 1. Em todo o mundo os Sistemas de Saúde falham na resposta ás necessidades do pé diabético

Leia mais

NEUROPATIA DIABETICA E DOENÇA ARTERIAL PERIFERICA O QUE AVALIAR E O QUE PROCURAR PÉ DIABÉTICO. Enfermeira Leila Maria Sales Sousa 1.

NEUROPATIA DIABETICA E DOENÇA ARTERIAL PERIFERICA O QUE AVALIAR E O QUE PROCURAR PÉ DIABÉTICO. Enfermeira Leila Maria Sales Sousa 1. NEUROPATIA DIABETICA E DOENÇA ARTERIAL PERIFERICA O QUE AVALIAR E O QUE PROCURAR PÉ DIABÉTICO Enfermeira Leila Maria Sales Sousa 1 O conceito Infecção, ulceração e a destruição dos tecidos profundos com

Leia mais

O PERFIL DOS PACIENTES ATENDIDOS PELO PROGRAMA DE ASSISTENCIA E INTERNAÇÃO DOMICILIAR-PAID NO MUNICIPIO DE CASCAVEL -PR

O PERFIL DOS PACIENTES ATENDIDOS PELO PROGRAMA DE ASSISTENCIA E INTERNAÇÃO DOMICILIAR-PAID NO MUNICIPIO DE CASCAVEL -PR O PERFIL DOS PACIENTES ATENDIDOS PELO PROGRAMA DE ASSISTENCIA E INTERNAÇÃO DOMICILIAR-PAID NO MUNICIPIO DE CASCAVEL -PR ROSANI DA ROSA BENDO 1 LAIS PRISCILA FAGHERAZZI 2 MARA LUCIA RENOSTRO ZACHI 3 INTRODUÇÃO:

Leia mais

ENQUADRAMENTO DAS PROFISSÕES E CATEGORIAS PROFISSIONAIS EM NÍVEIS REMUNERATÓRIOS E DIUTURNIDADES (não negociada)

ENQUADRAMENTO DAS PROFISSÕES E CATEGORIAS PROFISSIONAIS EM NÍVEIS REMUNERATÓRIOS E DIUTURNIDADES (não negociada) Açores SEÇÃO COORDENADORA REGIONAL DO SINTAP-AÇORES Rua do Barcelos, 21/23 9700-026 ANGRA DO HEROÍSMO www.sintapazores.com E-mail: sede@sintapazores.com ENQUADRAMENTO DAS PROFISSÕES E CATEGORIAS PROFISSIONAIS

Leia mais

EDITAL CONCURSO UNCISAL Nº 004/2014, de 20 de outubro 2014.

EDITAL CONCURSO UNCISAL Nº 004/2014, de 20 de outubro 2014. EDITAL CONCURSO Nº 004/2014, de 20 de outubro 2014. Retificado em 29/10/2014, com aviso publicado no Diário Oficial do Estado de Alagoas em 29/10/2014 Retificado em 07/11/2014, com aviso publicado no Diário

Leia mais

Universidade Federal do Rio Grande do Sul Escola de Enfermagem KLEDIANE D ÁVILA PEIXOTO RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO CURRICULAR II REDE BÁSICA DE SAÚDE

Universidade Federal do Rio Grande do Sul Escola de Enfermagem KLEDIANE D ÁVILA PEIXOTO RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO CURRICULAR II REDE BÁSICA DE SAÚDE Universidade Federal do Rio Grande do Sul Escola de Enfermagem KLEDIANE D ÁVILA PEIXOTO RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO CURRICULAR II REDE BÁSICA DE SAÚDE Relatório apresentado como requisito parcial para aprovação

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM TERAPIA OCUPACIONAL 1 º PERÍODO

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM TERAPIA OCUPACIONAL 1 º PERÍODO EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM TERAPIA OCUPACIONAL 1 º PERÍODO 1) História da Terapia Ocupacional (30 hs) EMENTA: Marcos históricos que antecederam o surgimento formal da profissão de

Leia mais

TEMA: OXIGENOTERAPIA HIPERBÁRICA (OHB) NO TRATAMENTO DE ÚLCERA CRÔNICA INFECTADA EM PÉ DIABÉTICO

TEMA: OXIGENOTERAPIA HIPERBÁRICA (OHB) NO TRATAMENTO DE ÚLCERA CRÔNICA INFECTADA EM PÉ DIABÉTICO NT 19 /2014 Solicitante: Des. Vanessa Verdolim Hudson Andrade Numeração: 1.0701.13.032021-4/001 Data: 03/02/2014 Medicamento Material Procedimento X Cobertura TEMA: OXIGENOTERAPIA HIPERBÁRICA (OHB) NO

Leia mais

CARGOS / ESPECIALIDADES: Auxiliar de Serviços Gerais 101. Gabarito

CARGOS / ESPECIALIDADES: Auxiliar de Serviços Gerais 101. Gabarito Auxiliar de Serviços Gerais 101 Questão 01: B Questão 02: B Questão 03: C Questão 04: B Questão 05: D Questão 06: D Questão 07: B Questão 08: A Questão 09: D Questão 10: D Questão 11: C Questão 12: C Questão

Leia mais

EDITAL Nº 005/2009 RE-RATIFICAR

EDITAL Nº 005/2009 RE-RATIFICAR EDITAL Nº 005/2009 O SECRETÁRIO DE ESTADO DA SAÚDE DO PARANÁ, no uso de suas atribuições, atendendo aos termos da Lei Complementar nº 108, de 18 de maio de 2005, com alteração dada pela Lei Complementar

Leia mais

V Jornada. Brasileira de. Queimaduras. 06 a 09 de Junho de 2007. Hotel Parque dos Coqueiros - Aracaju-SE

V Jornada. Brasileira de. Queimaduras. 06 a 09 de Junho de 2007. Hotel Parque dos Coqueiros - Aracaju-SE V Jornada Brasileira de Queimaduras 06 a 09 de Junho de 2007 Hotel Parque dos Coqueiros - Aracaju-SE Apresentação A Jornada Brasileira de Queimaduras será realizada entre os dias 07 e 09 de junho de 2007,

Leia mais

UMA PROPOSTA DE CAPACITAÇÃO EM SAÚDE DO TRABALHADOR PARA PROFISSIONAIS DO PSF

UMA PROPOSTA DE CAPACITAÇÃO EM SAÚDE DO TRABALHADOR PARA PROFISSIONAIS DO PSF UMA PROPOSTA DE CAPACITAÇÃO EM SAÚDE DO TRABALHADOR PARA PROFISSIONAIS DO PSF Joaquina de Araújo Amorim Josiete Lucena de Castro Sandro Mangueira Bezerra Teresa Cristina Péret O CAMPO DA SAÚDE DO TRABALHADOR

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº - 262, DE 1º - DE AGOSTO DE 2011

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº - 262, DE 1º - DE AGOSTO DE 2011 RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº - 262, DE 1º - DE AGOSTO DE 2011 Atualiza o Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde previstos na RN nº 211, de 11 de janeiro de 2010. A Diretoria Colegiada da Agência Nacional

Leia mais

RERRATIFICAÇÃO Nº 01

RERRATIFICAÇÃO Nº 01 Edital de abertura de Concurso Público nº 01/15 RERRATIFICAÇÃO Nº 01 A presente RERRATIFICAÇÃO é ora levada a efeito, para retificar parcialmente o Edital de Abertura de Concurso Público nº 01/15. O Prefeito

Leia mais

1º CONGRESSO INTERNACIONAL EM SAÚDE DA UNIJUÍ - 15/08/2011 - SEGUNDA-FEIRA

1º CONGRESSO INTERNACIONAL EM SAÚDE DA UNIJUÍ - 15/08/2011 - SEGUNDA-FEIRA 1º CONGRESSO INTERNACIONAL EM SAÚDE DA UNIJUÍ - Saúde e Envelhecimento 15/08/2011 - SEGUNDA-FEIRA 13:30 às 14:00 - Retirada de Materiais e Inscrições 14:00 às 17:00 - Jornada dos Cursos XI JORNADA DE NUTRIÇÃO

Leia mais

RELATO DE EXPERIÊNCIA EM ATENDIMENTOS COM IDOSOS NO PROGRAMA MELHOR EM CASA

RELATO DE EXPERIÊNCIA EM ATENDIMENTOS COM IDOSOS NO PROGRAMA MELHOR EM CASA RELATO DE EXPERIÊNCIA EM ATENDIMENTOS COM IDOSOS NO PROGRAMA MELHOR EM CASA Aryostennes Miquéias da Silva Ferreira*; Marcíllia Poncyana Félix Bezerra** *Programa Melhor em Casa Pombal/PB aryostennes@hotmail.com;

Leia mais

PADI. Programa de Atenção domiciliar ao Idoso

PADI. Programa de Atenção domiciliar ao Idoso PADI Programa de Atenção Objetivos do programa Apesar dos benefícios óbvios da internação quando necessária, o paciente idoso afastado da rotina de casa e da família apresenta maior dificuldade de recuperação,

Leia mais

- organização de serviços baseada nos princípios de universalidade, hierarquização, regionalização e integralidade das ações;

- organização de serviços baseada nos princípios de universalidade, hierarquização, regionalização e integralidade das ações; PORTARIA N 224/MS, DE 29 DE JANEIRO DE 1992. item 4.2 alterada(o) por: Portaria nº 147, de 25 de agosto de 1994 O Secretário Nacional de Assistência à Saúde e Presidente do INAMPS, no uso das atribuições

Leia mais

Pactuado Realizado % alcançado

Pactuado Realizado % alcançado AVALIAÇÃO DA ATENÇÃO BÁSICA Saúde da Criança Tabela 1 Comparativo das ações programadas e realizadas de atenção à saúde da Criança de ( 0 a 12 anos), Salvador, 2006 Ações Pactuado Realizado Alcançado (%)

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015

Plano de Trabalho Docente 2015 Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico ETEC Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Ambiente e Saúde Habilitação Profissional: Auxiliar de Enfermagem Qualificação: Sem

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO DA SECRETARIA DA SAÚDE DO DF / 2014 GABARITO PRELIMINAR DAS PROVAS OBJETIVAS (Gabarito divulgado em 07/09/2014, às 22h)

CONCURSO PÚBLICO DA SECRETARIA DA SAÚDE DO DF / 2014 GABARITO PRELIMINAR DAS PROVAS OBJETIVAS (Gabarito divulgado em 07/09/2014, às 22h) CONCURSO PÚBLICO DA SECRETARIA DA SAÚDE DO DF / 2014 GABARITO PRELIMINAR DAS PROVAS OBJETIVAS (Gabarito divulgado em 07/09/2014, às 22h) 101 - CIRURGIÃO - DENTISTA PROVA TIPO A C D C A E B A E D B A B

Leia mais

ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA DO CEARÁ (ESP-CE) PROCESSO SELETIVO PÚBLICO SIMPLIFICADO PARA PREENCHIMENTO DOS EMPREGOS PÚBLICOS DE POLICLÍNICAS

ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA DO CEARÁ (ESP-CE) PROCESSO SELETIVO PÚBLICO SIMPLIFICADO PARA PREENCHIMENTO DOS EMPREGOS PÚBLICOS DE POLICLÍNICAS 2024 003.507.983-54 80.00 (PACAJUS) ENFERMEIRO 2019 004.798.133-45 75.00 (PACAJUS) ENFERMEIRO 2143 600.324.453-42 75.00 (PACAJUS) ENFERMEIRO 2322 884.313.043-91 75.00 (PACAJUS) ENFERMEIRO 2027 631.747.313-72

Leia mais

O acelerado ritmo de envelhecimento no Brasil cria novos desafios para a sociedade brasileira contemporânea. O envelhecimento ocorre num cenário de

O acelerado ritmo de envelhecimento no Brasil cria novos desafios para a sociedade brasileira contemporânea. O envelhecimento ocorre num cenário de Anais do 2º Congresso Brasileiro de Extensão Universitária Belo Horizonte 12 a 15 de setembro de 2004 Programa de Melhoria da Qualidade de Vida dos Idosos Institucionalizados Área Temática de Saúde Resumo

Leia mais

Experiência Do Município De Cascavel PR Na Atenção Domiciliar

Experiência Do Município De Cascavel PR Na Atenção Domiciliar Experiência Do Município De Cascavel PR Na Atenção Domiciliar Histórico 2005: Início dos trabalhos com financiamento da prefeitura municipal de Cascavel. 2008: ampliação dos serviços para 2 equipes de

Leia mais

ANEXO I VAGAS PARA O CONCURSO DE 2012

ANEXO I VAGAS PARA O CONCURSO DE 2012 SECRETARIA DE EDUCAÇÃO MUNICIPAL DE PACAJUS ANEXO I VAGAS PARA O CONCURSO DE 2012 CARGO/FUNÇÃO ESCOLARIDADE/PRÉ - REQUISITOS ESPECIFICAÇÃO Nº DE VAGAS C/H Curso normal em Nível Médio (3º e/ou 4º pedagógico)

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE TERAPIA OCUPACIONAL DA UNESP CAMPUS DE MARÍLIA

PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE TERAPIA OCUPACIONAL DA UNESP CAMPUS DE MARÍLIA PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE TERAPIA OCUPACIONAL DA UNESP CAMPUS DE MARÍLIA Objetivos do Curso Curso da área da saúde, centrado nos aspectos ergonômicos e sociais da atividade humana. Visa à formação

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 12.842, DE 10 DE JULHO DE 2013. Dispõe sobre o exercício da Medicina. A PRESIDENTA DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional

Leia mais

Visita Domiciliar e Qualidade de Vida

Visita Domiciliar e Qualidade de Vida Visita Domiciliar e Qualidade de Vida A importância do Nutricionista em Cuidados Paliativos Nut Edna Shibuya ednashibuya@yahoo.com.br Papel da Nutrição Preventivo NUTRIÇÃ ÇÃO Curativo Qualidade de Vida

Leia mais

bahavaliação DOS FATORES DE RISCO ASSOCIADOS À PRESENÇA DE ÚLCERAS DE MEMBROS INFERIORES EM PACIENTES COM DIABETES MELLITUS TIPO II 1 RESUMO

bahavaliação DOS FATORES DE RISCO ASSOCIADOS À PRESENÇA DE ÚLCERAS DE MEMBROS INFERIORES EM PACIENTES COM DIABETES MELLITUS TIPO II 1 RESUMO bahavaliação DOS FATORES DE RISCO ASSOCIADOS À PRESENÇA DE ÚLCERAS DE MEMBROS INFERIORES EM PACIENTES COM DIABETES MELLITUS TIPO II 1 Francéli Marcon Garcia 2 Mara Inês Baptistella Ferão 3 RESUMO O referente

Leia mais

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom ATIVIDADES 01 - I 01 a 06 - 04 -

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom ATIVIDADES 01 - I 01 a 06 - 04 - JANEIRO 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 01 Confraternização Universal 12 AnIversário da cidade de Belém (feriado municipal) 18 Dia da fotografia 18 Dia

Leia mais

Pesquisa sobre Segurança do Paciente em Hospitais (HSOPSC)

Pesquisa sobre Segurança do Paciente em Hospitais (HSOPSC) Pesquisa sobre Segurança do Paciente em Hospitais (HSOPSC) Instruções Esta pesquisa solicita sua opinião sobre segurança do, erros associados ao cuidado de saúde e notificação de eventos em seu hospital

Leia mais

ENFERMAGEM GERONTOGERIÁTRICA

ENFERMAGEM GERONTOGERIÁTRICA Belo Horizonte-MG Início Previsto: 20/03/2015* Aulas em um final de semana p/ mês: sexta - 18h / 22h sábado - 8h / 18h domingo - 8h / 16h *Início vinculado ao número mínimo de inscritos. PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

45 anos no DF. 67 anos no Brasil. 07 unidades operativas

45 anos no DF. 67 anos no Brasil. 07 unidades operativas Senac: Pronatec abril/2014 Senac breve história 45 anos no DF. 67 anos no Brasil. 07 unidades operativas Sobradinho Gama Taguatinga Norte 903 Sul SCS (duas) Ceilândia Você quer trabalhar? Ter renda? Brasil:

Leia mais

ATO DELIBERATIVO N. 33

ATO DELIBERATIVO N. 33 ATO DELIBERATIVO N. 33 De 13 de agosto de 2001. Dispõe sobre normas para internação psiquiátrica e atendimento psiquiátrico em hospital-dia. O Conselho deliberativo do PRÓ-SAÚDE, no uso das atribuições

Leia mais

QUESTIONÁRIO SOBRE ESTRUTURA DA UBS 1. Denise Silveira, Fernando Siqueira, Elaine Tomasi, Anaclaudia Gastal Fassa, Luiz Augusto Facchini

QUESTIONÁRIO SOBRE ESTRUTURA DA UBS 1. Denise Silveira, Fernando Siqueira, Elaine Tomasi, Anaclaudia Gastal Fassa, Luiz Augusto Facchini QUESTIONÁRIO SOBRE ESTRUTURA DA UBS 1 Denise Silveira, Fernando Siqueira, Elaine Tomasi, Anaclaudia Gastal Fassa, Luiz Augusto Facchini BLOCO A - IDENTIFICAÇÃO DA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE 1. UF: 2. Município:

Leia mais

Concurso da Prefeitura Municipal de São José da Tapera 2012 Provas objetivas realizadas em 06-05 - 2012 GABARITO DEFINITIVO (18-06 - 2012)

Concurso da Prefeitura Municipal de São José da Tapera 2012 Provas objetivas realizadas em 06-05 - 2012 GABARITO DEFINITIVO (18-06 - 2012) 1. Arquiteto 1 E 1 E 2 B 2 B 3 A 3 A 4 C 4 C 5 E 5 E 6 B 6 B 7 C 7 C 8 E 8 E 9 B 9 B 10 D 10 D 11 C 11 C 12 A 12 A 13 D 13 D 14 A 14 A 15 A 15 A 16 A 16 A 17 A 17 A 18 E 18 E 19 B 19 B 20 E 20 E 21 A 21

Leia mais

I FÓRUM OBSERVATÓRIO DE PROMOÇÃO DA SAÚDE E ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ESTADO DE SÃO PAULO PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE BATATAIS

I FÓRUM OBSERVATÓRIO DE PROMOÇÃO DA SAÚDE E ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ESTADO DE SÃO PAULO PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE BATATAIS I FÓRUM OBSERVATÓRIO DE PROMOÇÃO DA SAÚDE E ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ESTADO DE SÃO PAULO PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE BATATAIS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE BATATAIS PROGRAMA SAÚDE DA FAMÍLIA

Leia mais

Câmara Municipal de Pinheiral

Câmara Municipal de Pinheiral LEI Nº 594, de 06 de maio de 2011. Altera o número de vagas nos cargos do Anexo IV, da Lei nº 263, de 20 de janeiro de 2004, e determina outras providências. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE PINHEIRAL; Faço

Leia mais

Seminário Estadual. 4.ºRelatório Nacional de Acompanhamento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM)

Seminário Estadual. 4.ºRelatório Nacional de Acompanhamento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) Seminário Estadual 4.ºRelatório Nacional de Acompanhamento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) Escola da Gestante DrªZilda Arns Apucarana João Carlos de Oliveira Prefeito Municipal Escola

Leia mais

DIRETORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA E EXTENSÃO CURSOS DE EXTENSÃO. Meses: JANEIRO a DEZEMBRO / 2007

DIRETORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA E EXTENSÃO CURSOS DE EXTENSÃO. Meses: JANEIRO a DEZEMBRO / 2007 DIRETORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA E EXTENSÃO CURSOS DE EXTENSÃO Meses: JANEIRO a DEZEMBRO / 2007 Título e Mês da recepção do Projeto pela CPGPE Despacho Final da Presidência CPGPE ou Curso de Graduação

Leia mais

DELIBERAÇÃO CIB-SUS/MG Nº 593, DE 21 DE OUTUBRO DE 2009.

DELIBERAÇÃO CIB-SUS/MG Nº 593, DE 21 DE OUTUBRO DE 2009. DELIBERAÇÃO CIB-SUS/MG Nº 593, DE 21 DE OUTUBRO DE 2009. Aprova a redefinição das normas de organização e normas de atendimento da Rede de Atenção à Saúde da Pessoa com Deficiência Mental e Autismo do

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO HOSPITAL DE CLÍNICAS COMISSÃO DE CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR PROTOCOLOS DE CONTROLE DE INFECÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO HOSPITAL DE CLÍNICAS COMISSÃO DE CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR PROTOCOLOS DE CONTROLE DE INFECÇÃO Úlcera de Pressão Também conhecida como escara ou úlcera de decúbito. É definida como qualquer lesão causada por pressão não aliviada que resulta em danos nos tecidos subjacentes (subcutâneo, músculo,

Leia mais

A Importância da Avaliação e Manejo do Pé Diabético na Prevenção de Incapacidades

A Importância da Avaliação e Manejo do Pé Diabético na Prevenção de Incapacidades A Importância da Avaliação e Manejo do Pé Diabético na Prevenção de Incapacidades Jumara Espindola dos Santos I / Luiza Helena de Oliveira Cazola II Palavras-chave: Diabetes Mellitus. Pé Diabético. Visita

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PRO-REITORIA PARA ASSUNTOS ACADÊMICOS SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE DE PERNAMBUCO SECRETARIA DE SAÚDE DO RECIFE

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PRO-REITORIA PARA ASSUNTOS ACADÊMICOS SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE DE PERNAMBUCO SECRETARIA DE SAÚDE DO RECIFE UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PRO-REITORIA PARA ASSUNTOS ACADÊMICOS SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE DE PERNAMBUCO SECRETARIA DE SAÚDE DO RECIFE CONVOCATÓRIA DE SUBMISSÃO DE SUBPROJETOS EM RESPOSTA AO

Leia mais

PORTARIA Nº 1.366, DE 8 DE JULHO DE 2013 Legislações - GM

PORTARIA Nº 1.366, DE 8 DE JULHO DE 2013 Legislações - GM PORTARIA Nº 1.366, DE 8 DE JULHO DE 2013 Legislações - GM Sex, 12 de Julho de 2013 00:00 PORTARIA Nº 1.366, DE 8 DE JULHO DE 2013 Estabelece a organização dos Centros de Trauma, estabelecimentos de saúde

Leia mais

PARECER CREMEB Nº 28/13 (Aprovado em Sessão Plenária de 23/07/2013)

PARECER CREMEB Nº 28/13 (Aprovado em Sessão Plenária de 23/07/2013) PARECER CREMEB Nº 28/13 (Aprovado em Sessão Plenária de 23/07/2013) EXPEDIENTE CONSULTA Nº 011.881/13 ASSUNTO: Relação de proporcionalidade: Número de profissionais médicos e número de atendimentos. RELATORA:

Leia mais

PROGRAMAÇÃO CIENTÍFICA. Dia: 09 de Agosto de 2013 (Sexta-feira - Manhã) I Mesa Redonda. Tema: Bases Clínicas da Fibromialgia

PROGRAMAÇÃO CIENTÍFICA. Dia: 09 de Agosto de 2013 (Sexta-feira - Manhã) I Mesa Redonda. Tema: Bases Clínicas da Fibromialgia PROGRAMAÇÃO CIENTÍFICA Dia: 09 de Agosto de 2013 (Sexta-feira - Manhã) 07:30h - 08:30h: Entrega de Material I Mesa Redonda Tema: Bases Clínicas da Fibromialgia Presidente de Mesa: Dr. Levi Jales- RN Coordenadora

Leia mais

ANEXO III CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

ANEXO III CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANEXO III CONTEÚDO PROGRAMÁTICO CONTEÚDO COMUM PARA TODAS AS CATEGORIAS PROFISSIONAIS SAÚDE PÚBLICA E SAÚDE COLETIVA SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE SUS 1. História do sistema de saúde no Brasil; 2. A saúde na

Leia mais

CAPA 20/10/2012 3º Simpósio Internacional de Reabilitação Oncologia

CAPA 20/10/2012 3º Simpósio Internacional de Reabilitação Oncologia Notícias - Ver todas (+) Quarta-Feira, 27/2/2013 - Ribeirão Preto - SP CAPA 20/10/2012 3º Simpósio Internacional de Reabilitação Oncologia Dias 19 e 20 de outubro desse ano, o Centro de Reabilitação do

Leia mais

ANEXO 4 UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE ESCOLA DE MEDICINA E CIRURGIA

ANEXO 4 UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE ESCOLA DE MEDICINA E CIRURGIA PROGRAMA DE DISCIPLINA CURSO: MEDICINA DEPARTAMENTO: DECIGE DISCIPLINA: CLÍNICA CIRÚRGICA CÓDIGO: CARGA HORÁRIA: 585 HORAS CRÉDITOS: 22 PROFESSOR RESPONSÁVEL: 3ª ENFERMARIA - PROF. PEDRO EDER PORTARI FILHO

Leia mais

PROGRAMA PARA CONCURSO PÚBLICO MODALIDADE:. EDUCADOR INFANTIL ANA CAROLINA M. MINODA PRESIDENTE DA COMISSÃO DE CONCURSOS

PROGRAMA PARA CONCURSO PÚBLICO MODALIDADE:. EDUCADOR INFANTIL ANA CAROLINA M. MINODA PRESIDENTE DA COMISSÃO DE CONCURSOS . EDUCADOR INFANTIL II) MATEMÁTICA para o curso regular do Ensino Médio (2 grau). Conteúdo: Operações fundamentais; potenciação e radiciação; sistemas de medidas (decimais e não decimais); geometria (perímetros,

Leia mais

PLANO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PERMANENTE EM SAÚDE (PEEPS) 2014-2017

PLANO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PERMANENTE EM SAÚDE (PEEPS) 2014-2017 COORDENADORIA DE GESTÃO DO TRABALHO E DA EDUCAÇÃO NA SAÚDE CGTES PLANO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PERMANENTE EM SAÚDE (PEEPS) 2014-2017 Novembro/2014 OBJETIVO DO PEEPS Identificar os problemas de saúde e as

Leia mais

Estrutura do Grupo. 253 colaboradores. 32 milhões de faturamento ano. Estamos em Florianópolis-SC, Vitória-ES e São Paulo-SP

Estrutura do Grupo. 253 colaboradores. 32 milhões de faturamento ano. Estamos em Florianópolis-SC, Vitória-ES e São Paulo-SP Junho 2013 Estrutura do Grupo 253 colaboradores 32 milhões de faturamento ano Estamos em Florianópolis-SC, Vitória-ES e São Paulo-SP case Gestão compartilhada Plano dos Servidores Públicos Estaduais de

Leia mais

ANEXO I DEMONSTRATIVO DE CARGOS, REQUISITOS, VALOR DA INSCRIÇÃO, QUANTIDADE DE VAGAS, CARGA HORÁRIA, SALÁRIO BÁSICO E LOTAÇÃO*** Zona Urbana/ Rural

ANEXO I DEMONSTRATIVO DE CARGOS, REQUISITOS, VALOR DA INSCRIÇÃO, QUANTIDADE DE VAGAS, CARGA HORÁRIA, SALÁRIO BÁSICO E LOTAÇÃO*** Zona Urbana/ Rural ANEXO I DEMONSTRATIVO DE CARGOS, REQUISITOS, VALOR DA INSCRIÇÃO, QUANTIDADE DE VAGAS, CARGA HORÁRIA, SALÁRIO BÁSICO E LOTAÇÃO*** CÓDIGO CARGO REQUISITOS NECESSÁRIOS LOTAÇÃO TAXA DE INSCRIÇÃO R$ AMPLA VAGAS

Leia mais

ANEXO I DEMOSTRATIVO DE VAGAS POR CARGO, ÁREA DE ATUAÇÃO, PERFIL, ESCOLARIDADE EXIGIDA E LOCALIZAÇÃO.

ANEXO I DEMOSTRATIVO DE VAGAS POR CARGO, ÁREA DE ATUAÇÃO, PERFIL, ESCOLARIDADE EXIGIDA E LOCALIZAÇÃO. ANEXO I DEMOSTRATIVO DE VAGAS POR CARGO, ÁREA DE ATUAÇÃO, PERFIL, ESCOLARIDADE EXIGIDA E LOCALIZAÇÃO. CARGO: ASSISTENTE DE PESQUISA Cód. ÁREA DE ATUAÇÃO N O DE VAGAS POR ÁREA PERFIL 212 Antropologia 2

Leia mais

SEMANA MUNDIAL DE ALEITAMENTO MATERNO 2014 Amamentação: um ganho para toda a vida!

SEMANA MUNDIAL DE ALEITAMENTO MATERNO 2014 Amamentação: um ganho para toda a vida! SEMANA MUNDIAL DE ALEITAMENTO MATERNO 2014 Amamentação: um ganho para toda a vida! Na semana do dia 1º a 7 de agosto de 2014 será comemorado a Semana Mundial de Materno com o tema Amamentação: um ganho

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PIÚMA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO

PREFEITURA MUNICIPAL DE PIÚMA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO PREFEITURA MUNICIPAL PIÚMA ESTA ESPÍRITO SANTO CONCURSO PÚBLICO 001/11 PMP ANEXO I S, ESCOLARIDA, Nº,, E S. S DA ADMINISTRAÇÃO GERAL ESCOLARIDA S OBJETIVAS Nº. 01 Servente 4ª série ou 5º ano do Ensino

Leia mais

DOMINGO 02 DE AGOSTO DE 2015. (Defesa Profissional, II Encontro Brasileiro das Ligas Acadêmicas de Cirurgia e Contribuições sociais da Cirurgia)

DOMINGO 02 DE AGOSTO DE 2015. (Defesa Profissional, II Encontro Brasileiro das Ligas Acadêmicas de Cirurgia e Contribuições sociais da Cirurgia) MAPA AUDITORIO SANTA FELICIDADE (140 LUGARES) DOMINGO 02 DE AGOSTO DE 2015. (Defesa Profissional, II Encontro Brasileiro das Ligas Acadêmicas de Cirurgia e Contribuições sociais da Cirurgia) 8:00 Horas

Leia mais

junto a Comissão Gestora Local. 3 Professora do departamento de Ciências Farmacêutica da UFPB, vice-coordenadora do curso Graduação em

junto a Comissão Gestora Local. 3 Professora do departamento de Ciências Farmacêutica da UFPB, vice-coordenadora do curso Graduação em O PRO-SAÚDE II E A REORIENTAÇÃO DA FORMAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE DA UFPB: AVANÇOS NA FORMAÇÃO DO FISIOTERAPEUTA, FARMACEUTICO, NUTRICIONISTA E EDUCADOR FÍSICO Lenilma Bento de Araújo Meneses 1 Walter

Leia mais

8:00 Horas Sessão de Temas Livres concorrendo a Premiação 8:30 8:45 INTERVALO VISITA AOS EXPOSITORES E PATROCINADORES

8:00 Horas Sessão de Temas Livres concorrendo a Premiação 8:30 8:45 INTERVALO VISITA AOS EXPOSITORES E PATROCINADORES MAPA AUDITÓRIO LARGO DA ORDEM (200 LUGARES) DOMINGO 02 DE AGOSTO DE 2015. 8:00 Horas Sessão de Temas Livres concorrendo a Premiação 8:00 8:15 TEMA LIVRE SELECIONADO 8:15 8-30 TEMA LIVRE SELECIONADO 8:30

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 76, DE 07 DE OUTUBRO DE 2013.

PROJETO DE LEI Nº 76, DE 07 DE OUTUBRO DE 2013. PROJETO DE LEI Nº 76, DE 07 DE OUTUBRO DE 2013. Regulamenta a concessão de insumos e monitoramento da Glicemia Capilar aos portadores de Diabetes Mellitus (DM) Art. 1.º Fica aprovada concessão de insumos

Leia mais

JOSÉ SERRA ANEXO NORMAS PARA CADASTRAMENTO CENTROS DE REFERÊNCIA EM CIRURGIA VASCULAR INTRALUMINAL EXTRACARDÍACA

JOSÉ SERRA ANEXO NORMAS PARA CADASTRAMENTO CENTROS DE REFERÊNCIA EM CIRURGIA VASCULAR INTRALUMINAL EXTRACARDÍACA Portaria GM/MS nº de abril de 2002 O Ministro de Estado da Saúde, no uso de suas atribuições legais, Considerando a alta incidência de doenças cardiovasculares na população brasileira, o que se constitui

Leia mais

Experiência na formação do profissional de enfermagem para a segurança do paciente

Experiência na formação do profissional de enfermagem para a segurança do paciente Experiência na formação do profissional de enfermagem para a segurança do paciente Marcela R. dos Santos Coordenadora de Enfermagem - TECSAU Coordenadora de Enfermagem - HES HISTÓRIA DA TECSAU Fevereiro

Leia mais

ANEXO I DEMONSTRATIVO DE CARGOS, REQUISITOS, VALOR DA INSCRIÇÃO, QUANTIDADE DE VAGAS, CARGA HORÁRIA, SALÁRIO BÁSICO E LOTAÇÃO*** LOTAÇÃO

ANEXO I DEMONSTRATIVO DE CARGOS, REQUISITOS, VALOR DA INSCRIÇÃO, QUANTIDADE DE VAGAS, CARGA HORÁRIA, SALÁRIO BÁSICO E LOTAÇÃO*** LOTAÇÃO ANEXO I DEMONSTRATIVO DE CARGOS, REQUISITOS, VALOR DA INSCRIÇÃO, QUANTIDADE DE VAGAS, CARGA HORÁRIA, SALÁRIO BÁSICO E LOTAÇÃO*** CÓDIGO CARGO REQUISITOS NECESSÁRIOS LOTAÇÃO TAXA DE INSCRIÇÃO R$ AMPLA VAGAS

Leia mais

ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções)

ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) 13. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( X ) SAÚDE

Leia mais

GERENCIAMENTO de Casos Especiais

GERENCIAMENTO de Casos Especiais GERENCIAMENTO de Casos Especiais Gerenciamento de Casos Especiais.indd 1 19/10/2015 15:32:28 Gerenciamento de Casos Especiais Objetivo: Facilitar o atendimento aos clientes que apresentam dificuldades

Leia mais

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo Pág. 5. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento.

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo Pág. 5. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento. SUMÁRIO Sobre o curso Pág. 3 Coordenação Programa e metodologia; Investimento Etapas do Processo Seletivo Pág. 5 Matrícula Cronograma de Aulas Pág. PÓS-GRADUAÇÃO EM NUTRIÇÃO NAS DOENÇAS CRÔNICAS NÃO TRANSMISSÍVEIS

Leia mais

ADITIVO 01 AO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 001/2015

ADITIVO 01 AO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 001/2015 ADITIVO AO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 1/25 O Prefeito Municipal de São João Nepomuceno MG, faz saber que fica alterado o Edital de Processo Seletivo Público da seguinte forma: O quadro de vagas

Leia mais

475/ 2009/COGES/DENOP/SRH/MP

475/ 2009/COGES/DENOP/SRH/MP MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria de Recursos Humanos Departamento de Normas e Procedimentos Judiciais Coordenação Geral de Elaboração, Sistematização e Aplicação das Normas NOTA

Leia mais

ESTÁGIOS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL AMI/NBup 11ª Edição 2016

ESTÁGIOS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL AMI/NBup 11ª Edição 2016 ESTÁGIOS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL AMI/NBup 11ª Edição 2016 QUERES FAZER PARTE DESTA MISSÃO? Se queres chegar mais longe em experiência e vivência Pelo décimo primeiro ano consecutivo abrimos a possibilidade

Leia mais

PROF.DR.JOÃO ROBERTO ANTONIO

PROF.DR.JOÃO ROBERTO ANTONIO DA PREVENÇÃO AO TRATAMENTO DAS FERIDAS NEM SEMPRE SE ACERTA, MAS SEMPRE SE APRENDE... PROF.DR.JOÃO ROBERTO ANTONIO RELATO DE CASO AF: n.d.n. ID: masculino, 39 anos, branco, casado, natural e procedente

Leia mais

MUNICÍPIO DE MONTE AZUL MG

MUNICÍPIO DE MONTE AZUL MG MUNICÍPIO MONTE AZUL MG CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO S EFETIVOS ESPECIFICAÇÃO DOS S DISTRIBUIÇÃO DAS TOTAIS: Total das vagas oferecidas no Concurso Público. GERAIS: Vagas de ampla concorrência. RESERVA:

Leia mais

PARECER COREN-SP 007/2014 CT PRCI nº 099.152/2012 Tickets nº 277.202, 277.242, 281.850, 284.033, 290.514 e 302.667

PARECER COREN-SP 007/2014 CT PRCI nº 099.152/2012 Tickets nº 277.202, 277.242, 281.850, 284.033, 290.514 e 302.667 PARECER COREN-SP 007/2014 CT PRCI nº 099.152/2012 Tickets nº 277.202, 277.242, 281.850, 284.033, 290.514 e 302.667 Ementa: Solicitação de exames por Enfermeiro e avaliação de resultado. 1. Do fato Enfermeiras

Leia mais

O ENFERMEIRO NO PROCESSO DE TRANSPLANTE RENAL

O ENFERMEIRO NO PROCESSO DE TRANSPLANTE RENAL O ENFERMEIRO NO PROCESSO DE TRANSPLANTE RENAL RIBAS, Ana C. -UFPR-GEMSA anacarolinaribas@gmail.com Resumo Nos dias atuais, o papel do enfermeiro nas unidades hospitalares deixou de ser apenas assistencial.

Leia mais

REGULAMENTAÇÃO DA PROFISSÃO MÉDICA. PL 268/2002 Dispõe sobre o exercício da medicina

REGULAMENTAÇÃO DA PROFISSÃO MÉDICA. PL 268/2002 Dispõe sobre o exercício da medicina REGULAMENTAÇÃO DA PROFISSÃO MÉDICA PL 268/2002 Dispõe sobre o exercício da medicina 2012 A TRAMITAÇÃO DO PROJETO DE LEI PL 025 Senador Geraldo Althoff (27/02/2002); PL 268 Senador Benício Sampaio (12/12/2002);

Leia mais

A Fundação do ABC, por meio da Central de Convênios C,C.,TORNA PÚBLICO os Gabaritos das Provas realizadas em 12/01/2014.

A Fundação do ABC, por meio da Central de Convênios C,C.,TORNA PÚBLICO os Gabaritos das Provas realizadas em 12/01/2014. FUNDAÇÃO DO ABC - CENTRAL DE CONVÊNIOS COMPLEXO HOSPITALAR MUNICIPAL DE SÃO BERNARDO DO CAMPO (HOSPITAL MUNICIPAL UNIVERSITÁRIO / HOSPITAL ANCHIETA / HOSPITAL E PRONTO SOCORRO CENTRAL / HOSPITAL DE CLÍNICAS

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA RESPOSTA TÉCNICA COREN/SC Nº 47/CT/2015 Assunto: Administração de Radiofármaco Palavras chaves: Oncologia; Radiofármaco; Punção Venosa. I Solicitação recebida pelo Coren/SC: A punção venosa para aplicação

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM CIÊNCIAS DA ATIVIDADE FÍSICA E SAÚDE

ESPECIALIZAÇÃO EM CIÊNCIAS DA ATIVIDADE FÍSICA E SAÚDE ESPECIALIZAÇÃO EM CIÊNCIAS DA ATIVIDADE FÍSICA E SAÚDE Objetiva ampliar os estudos científicos acerca da Atividade Física e do Exercício Físico, da Saúde Pública e da Saúde Coletiva, instrumentalizando

Leia mais