Treinamento Sistema Folha Union Módulo I

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Treinamento Sistema Folha Union Módulo I"

Transcrição

1 FOLHA DE PAGAMENTO MÓDULO I - TABELAS O sistema de folha foi desenvolvido especialmente para simplificar a rotina do departamento de pessoal, dinamizando informações e otimizando rotinas. Esta apostila resume as principais funcionalidades do sistema, destacando as informações mais importantes. Todas as telas de cadastro também são telas de consultas futuras, portanto sempre que alterar alguma informação clique em Gravar ou pressione F2. Teclas de atalho: Tecla F2 Gravar Tecla Shift + F2 Excluir Tecla F9 Limpar os campos Tecla Ctrl + I Vai para o primeiro registro Tecla F7 Vai para o registro anterior Tecla F8 Vai para o próximo registro Tecla Ctrl + F Vai para o último registro 1

2 Autenticação de Usuário Login Após fazer o seu Login clique em FolhaUnion no menu principal: Abrirá uma nova tela com o menu do módulo de folha de pagamento: 2

3 Tabelas O cadastro de bancos, agências bancárias e contas bancárias são compartilhadas com o módulo Condominium e Contas a pagar. Folha Union> Tabelas> Tabelas Gerais Esta função permite o cadastro das principais tabelas da folha. O sistema traz tabelas pré-gravadas como: 01 Departamento / 02 Seção / 03 - Centro de Custo / 04 Função / 06 - Assistência Médica / 08 Nacionalidade / 09 - Estado Civil. Para criar um novo item na tabela, basta selecionar o Tipo e informar o novo Código (seqüencial dos existentes), digitar a Descrição e F2 para gravar. 3

4 Folha Union> Tabelas> Códigos de movimentos Permite o cadastro de todos os códigos de movimentos (código de evento) referentes aos proventos e descontos que o sistema usará para calcular as folhas de pagamento, tais como: imposto de renda, média de horas extras, adicionais noturnos, 13º salário, INSS, RAIS, informe de rendimentos, entre outros. Já existem os códigos fixos do sistema. É importante que você verifique sempre se o código desejado já consta na lista de códigos, para não serem criados códigos em duplicidade. Imprima um relatório dos códigos existentes para a conferência desses dados antes de iniciar o processamento da folha e caso necessário, crie os códigos conforme sua escolha. Parâmetros Natureza - (provento ou desconto). Unidade - indica na ocasião do processamento da folha se o cálculo será baseado por valor, hora, dia ou percentual. Percentual para cálculo - só é preenchido caso exista uma porcentagem a ser calculada sobre o montante informado. Incide reajuste - só pode ser marcado SIM quando os códigos de movimentos forem de 1 a 20, pois fazem parte da composição salarial, porém apenas os que fizerem parte do reajuste do dissídio. Incidências Marque os encargos de acordo com a(s) incidência(s) sobre o código de movimento. Acumular Os códigos que forem utilizados como base de cálculo para outros códigos (por exemplo, o salário é utilizado como base para calcular o adiantamento) deverão utilizar o campo "acumular" para informar ao sistema, que ele será a base do calculo para determinado código acumulado. Por exemplo: veja na tela acima que o código "salário" está marcado para "acumular" para o cálculo do "adiantamento, hora extra, salário habitação". Agora, tomamos o "salário habitação" como exemplo, quando o sistema for calcular o salário habitação, ele passará por todos os códigos e verificará quais estão "acumulados" para salário habitação, dessa maneira ele somará o valor de todos esses códigos e tomará como base para o calculo do salário habitação. Caso o cálculo da folha conste um valor incorreto, solicitamos que sejam repassados todos os códigos e analisados se estão configurados corretamente. Código contábil Informe código da conta contábil na qual o código de movimento será lançado. O sistema emite um demonstrativo para o departamento de contabilidade baseado nessa informação. (Campo ainda em desenvolvimento) Atenção: Existem códigos fixos que não podem ser alterados pelo usuário, verifique no relatório os códigos com (*). 4

5 Calcular sobre o Código Está é outra opção para indicar o código que será utilizado para base de cálculo, porém diferente do "Acumular", nesta tela, você indicará o código que será utilizado como base de calculo para ele próprio. Abaixo temos um exemplo para demonstração do funcionamento do "Calcular sobre o código" Veja na tela ao lado que o código "salário" está clicado em "acumular" para "salário habitação" Vamos à próxima imagem. Verifique que o código "biênio" não está clicado em "acumular" para "salário habitação" Vejamos na próxima imagem a função do campo "Calcular sobre o código". De acordo com as imagens anteriores o salário habitação consideraria como base para calculo o "salário", porém nesta tela verifique que o código "salário habitação" está com o campo "calcular sobre o código" preenchido, com os códigos salário e biênio. Este campo "calcular sobre o código", inibe todas as marcações em "acumular" feitas anteriormente, sendo assim o sistema irá desconsiderar o que já foi "acumulado", e irá considerar como base de calculo o salário e o biênio que estão adicionados em "calcular sobre o código". 5

6 Folha Union> Tabelas> Cadastro de FPAS FPAS = Fundo de Previdência e Assistência Social Está tabela é usada pelo sistema para emissão de guia do IR. Com base nas informações cadastradas aqui, o sistema calculará automaticamente o Imposto de renda. Os recolhimentos referentes ao FPAS serão destinados ao INSS. Código da tabela - informe o código que achar mais adequado podendo ser seqüencial ou não, pode ser usado o próprio código do FPAS no campo código da tabela. Código FPAS - informe o código do FPAS referente ao ramo de atividade da empresa. Para condomínios o código FPAS é: 566. Contribuição da Empresa Empresa (%) - Informe o percentual para cálculo de contribuição da empresa. Se não informado, o sistema não realizará o cálculo. Acidente de trabalho (%) - Informe o percentual para cálculo do acidente de trabalho. Se não informado, o sistema não realizará o cálculo. Entidades Preencha o código e percentual de acordo com a tabela do ramo de atividade. Folha Union> Tabelas> INSS O INSS - Instituto Nacional do Seguro Social é o caixa da Previdência Social, responsável pelos pagamentos das aposentadorias e demais benefícios dos trabalhadores brasileiros com exceção dos servidores públicos. As informações desta tela serão usadas para cálculo de contribuição social e salário família de cada funcionário. Esta tabela deve ser atualizada sempre que houver alteração de valores, sendo que o sistema armazenará as ultimas tabelas gravadas. O sistema tomará como base para cálculos, sempre a última tabela cadastrada. Informe o mês e ano, bem como valores das remunerações do salário família e faixas de contribuições. 6

7 Folha Union> Tabelas> IRRF IRRF - Imposto de Renda Retido na Fonte Esta tabela é usada pelo sistema para cálculo do imposto de renda a ser recolhido de cada funcionário. Esta tabela deve ser atualizada sempre que houver alteração de valores, sendo que o sistema armazenará as ultimas tabelas gravadas. O sistema tomará como base para o cálculo de Imposto de Renda, o mês e ano. Nº Maximo de Dependentes informe a quantidade máxima de dependentes a serem considerados para o desconto. Desconto por Dependente Informe o valor em Reais a ser descontado de cada dependente do funcionário para o cálculo do IR. Valor Mínimo Informe o valor mínimo para ser gerada a guia do IR. Desconto para aposentado Informe o valor em Reais a ser descontado caso o funcionário seja aposentado. Cadastre a tabela do IRRF. Folha Union> Tabelas> Sindicatos Nesta tabela serão cadastrados os sindicatos e outras informações que serão utilizadas para realizar cálculos automáticos, referentes a pagamentos de adicional por tempo de serviço, insalubridade e mensalidade sindical. Aba endereço/ contato O código informado é de livre escolha do usuário. O sistema permite o cadastro de mais de um sindicato. Lembre-se de seguir a sequencia numérica para fazer os cadastros. Informar apenas os dados básicos do sindicato como: endereço, cidade, UF entre outros solicitados. Aba Parâmetros> Aba Gratificação por tempo de serviço Gratificação por tempo de serviço equivale ao pagamento do biênio. Período informe o período, em anos, para aquisição do direito, por exemplo, biênio "2 anos. Limite indica o máximo de biênios que o funcionário irá receber após o inicio da lei. Unidade Informe o percentual ou o valor para ser feito o calculo. Tipo Escolha de acordo com o campo unidade se o valor informado se refere ao valor ou percentual. 7

8 Data Limite - Refere-se a data de inicio da lei, no caso de biênio, o dia de inicio foi em 01/10/1993. Sendo assim, se o funcionário for registrado antes dessa data, ele deverá receber os biênios que já recebia na época, ou seja, se antes do inicio da lei o funcionário recebia 4 biênios, ele continuará recebendo. Os funcionários que forem registrados após a data de inicio da lei, serão identificados pelo sistema, para que seus cálculos estejam dentro do limite de biênios permitidos. Código de movimento: No caso do "biênio" o código fixo do sistema é o 003. Gratificação por tempo de serviço pode ser utilizada para outros códigos de movimentos, caso o sindicato trabalhe com anuênio, por exemplo. Aba Parâmetros> Aba Mensalidade Sindical A mensalidade sindical é uma contribuição que o sócio sindicalizado faz, facultativamente, a partir do momento que opta em filiar-se ao sindicato representativo. Esta contribuição é normalmente feita através do desconto mensal em folha de pagamento, no valor estipulado em convenção coletiva de trabalho. Unidade Informe o percentual ou o valor para ser feito o calculo. Tipo Preencha de acordo com o campo unidade se o valor informado se refere ao valor ou percentual. Limite Informe o valor limite a ser descontado de cada funcionário, mesmo que no caso de percentual, o calculo seja a maior. Código de Movimento - Informe o código de movimento, que será considerado para o calculo. Aba Parâmetros> Aba Contribuição Assistencial A Contribuição Assistencial, conforme prevê o artigo 513 da CLT, alínea "e", poderá ser estabelecida por meio de acordo ou convenção coletiva de trabalho, com o intuito de sanear gastos do sindicato da categoria representativa. Unidade Informe o percentual ou o valor para ser feito o calculo. Tipo Preencha de acordo com o campo unidade se o valor informado se refere ao valor ou percentual. Limite Informe o valor limite a ser descontado de cada funcionário, mesmo que no caso de percentual, o calculo seja a maior. Código de Movimento - Informe o código de movimento, que será considerado para o calculo. Meses Informe os meses que deverão ser considerados para calculo do desconto da contribuição assistencial 8

9 Aba Parâmetros> Aba Contribuição Confederativa A Contribuição Confederativa, cujo objetivo é o custeio do sistema confederativo, poderá ser fixada em assembleia geral do sindicato, conforme prevê o artigo 8º inciso IV da Constituição Federal, independentemente da contribuição sindical citada acima. Unidade Informe o percentual ou o valor para ser feito o calculo. Tipo Preencha de acordo com o campo unidade se o valor informado se refere ao valor ou percentual. Limite Informe o valor limite a ser descontado de cada funcionário, mesmo que no caso de percentual, o calculo seja a maior. Código de Movimento - Informe o código de movimento, que será considerado para o calculo. Meses Informe os meses que deverão ser considerados para calculo do desconto da contribuição assistencial Aba Parâmetros> Aba Contribuição Sindical A Contribuição Sindical dos empregados, devida e obrigatória, será descontada em folha de pagamento de uma só vez no mês de março de cada ano e corresponderá à remuneração de um dia de trabalho. Código de Movimento - Informe o código de movimento, que será considerado para o calculo. E por ultimo na parte de baixo da tela preencha os campos: Adicional de Rescisão Art. 1 o O aviso prévio, de que trata o Capítulo VI do Título IV da Consolidação das Leis do Trabalho - CLT, aprovada pelo Decreto-Lei n o 5.452, de 1 o de maio de 1943, será concedido na proporção de 30 (trinta) dias aos empregados que contem até 1 (um) ano de serviço na mesma empresa. Parágrafo único. Ao aviso prévio previsto neste artigo serão acrescidos 3 (três) dias por ano de serviço prestado na mesma empresa, até o máximo de 60 (sessenta) dias, perfazendo um total de até 90 (noventa) dias. Art. 2 o Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. 9

10 Outras informações O adicional de insalubridade é um direito concedido a trabalhadores que são expostos a agentes nocivos à saúde. Folha Union> Tabelas> Planos de saúde> Empresas Caso a empresa possua plano de assistência médica para os seus funcionários, o mesmo deverá ser cadastrado nesta tabela. Código Informe código da empresa conforme sua escolha. Registro ANS Número que identifica o registro da operadora de plano de saúde junto à ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar). Os valores serão cadastrados na tela Valores de assistência médica. Folha Union> Tabelas> Planos de saúde> Valores Informe o mês ano de referência. Cadastre os valores de cada plano. Mediante estas informações, o sistema fará o desconto em folha. Este cadastro deverá ser atualizado sempre que houver alterações nos valores do plano de saúde. Folha Union> Tabelas> Cesta básica Cadastre as informações da cesta básica utilizada pela empresa. Código Informe código da cesta conforme sua escolha. Descrição - Informe o nome para identificação da cesta. Valor atual / Data de vigência / Valor anterior Informe o valor atual e sua data de vigência, posteriormente cadastre o valor anterior. Este procedimento é necessário considerando que ao fechar a folha de pagamento o sistema verificará a data de competência da folha e desta maneira utilizará o valor dentro da vigência apurada. Código para pagamento Informe o código da tabela de "códigos de movimento" que será utilizado para o lançamento do pagamento. 10

11 Folha Union> Tabelas> Feriados Os feriados serão cadastrados, e o sistema verificará essa tabela, informando-o quando um dia de pagamento, por exemplo, for um feriado. Informe um código da sua escolha e adicione a descrição da cidade. Ao informar o ano, ficará habilitado o botão "Criar feriados nacionais", ao clicá-lo, serão listados os feriados nacionais então crie os feriados municipais. Obs. O código 1 sempre deverá se referir a cidade da sua administradora, ou seja, se sua adm for em São Paulo, o código 1 deverá ser dos feriados de São Paulo, podendo os demais códigos ser aleatórios. Folha Union> Tabelas> Índices Econômicos Aqui serão cadastrados os índices a serem utilizados (IGP-M, TJ, INPC, etc.), nas atualizações do FGTS. Cadastre o índice utilizado para o reajuste e informe o Tipo: Percentual Para atualizar o FGTS o caminho é: Menu principal > Movimento> Atualização de saldo Folha Union> Tabelas> Classes de autônomos Informe o mês/ano de referencia e o número da classe que está cadastrando, sendo que poderão ser cadastradas mais de uma classe Acrescente o valor do salário base e o percentual da alíquota do INSS. As informações contidas nessa tela serão utilizadas para cálculos dos encargos. 11

12 Folha Union> Tabelas> Parâmetros Informe os parâmetros utilizados pela empresa (Administradora). Adiantamento - Informe a quantidade mínima de dias que o funcionário deverá ter trabalhado para receber o primeiro adiantamento salarial. FGTS - Informe o percentual do FGTS. Geral - Informe o código que será utilizado para lançamento de "acumulo de função", sendo que este código faz parte da tabela de "códigos de movimento", caso o código ainda não tenha sido cadastrado, ele deverá ser criado na tela de "códigos de movimento". Os dados complementares da empresa serão carregados do registro do sistema. Dados Complementares da Empresa serão informados nos arquivos remessa para SEFIP, GRFC e CAGED. 12

Treinamento Sistema Folha Union Módulo I

Treinamento Sistema Folha Union Módulo I FOLHA DE PAGAMENTO MÓDULO I - TABELAS O sistema de folha foi desenvolvido especialmente para simplificar a rotina do departamento de pessoal, dinamizando informações e otimizando rotinas. Esta apostila

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo V

Treinamento Sistema Folha Union Módulo V FOLHA DE PAGAMENTO Controle FGTS / Guias Recolhimento / Remessa para banco / Encerramento anual Folha Union> Movimento> Controle de FGTS> Importar depósitos As telas de Controle de FGTS são utilizadas

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo II

Treinamento Sistema Folha Union Módulo II Folha Union> Cadastros> Empresas Treinamento Sistema Folha Union Módulo II FOLHA DE PAGAMENTO MÓDULO II - CADASTROS Cadastre as empresas (Condomínios) ou importe os dados utilizando o código do cadastro

Leia mais

Veja abaixo como duplicar as informações da empresa modelo para as empresas.

Veja abaixo como duplicar as informações da empresa modelo para as empresas. 1 1. Duplicação das informações da empresa modelo Juntamente com a instalação da empresa modelo encaminhamos anexada a empresa modelo, que contem cadastros que podem ser utilizados nas empresas a serem

Leia mais

Treinamento Sistema Imobilis Módulo I

Treinamento Sistema Imobilis Módulo I Imobilis Módulo I CADASTROS Todas as telas de cadastro também são telas de consultas futuras, portanto sempre que alterar alguma informação clique em Gravar ou pressione F2. Teclas de atalho: Tecla F2

Leia mais

Implantação do sistema Condominium

Implantação do sistema Condominium Implantação do sistema Condominium Nesse manual iremos acompanhar o passo a passo para a implantação do sistema, portanto iremos pular algumas telas do cadastro, que deverão ser preenchidas após a implantação

Leia mais

Adiantamento: Informa o percentual de adiantamento porventura existente na empresa para os funcionários, valor será calculado sobre o salário base.

Adiantamento: Informa o percentual de adiantamento porventura existente na empresa para os funcionários, valor será calculado sobre o salário base. 20.1 Parâmetros Habilitação de Empresas 20. MANUAL DE SISTEMA DE FOLHA DE PAGAMENTO Rotina destinada a habilitar as empresas que vão utilizar o sistema, onde serão informados todos os dados necessários

Leia mais

GUIA PRÁTICO NOVO FOLHA DE PAGAMENTO

GUIA PRÁTICO NOVO FOLHA DE PAGAMENTO GUIA PRÁTICO NOVO FOLHA DE PAGAMENTO Este manual visa facilitar a integração entre o sistema Folha de Pagamento antigo e a nova versão do sistema Folha de Pagamento. O sistema foi reformulado e agora compartilha

Leia mais

Manual de Integração Contábil Folha Phoenix

Manual de Integração Contábil Folha Phoenix Manual de Integração Contábil Folha Phoenix Para iniciar a parametrização da Folha Phoenix com a finalidade da integração para o Contábil Phoenix ou Contábil de Terceiros, será necessário primeiro definir

Leia mais

Neo Solutions Manual do usuário Net Contábil. Índice

Neo Solutions Manual do usuário Net Contábil. Índice Manual Neo Fatura 2 Índice 1. Introdução... 3 2. Configurando o software para importar dados de clientes... 3 3. Importando o cadastro de clientes... 4 4. Cadastro de Bancos... 5 5. Cadastro de Conta Correntes...

Leia mais

Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro Diferença Salarial no Sistema TOTVS RM.

Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro Diferença Salarial no Sistema TOTVS RM. Este Procedimento Operacional Padrão define as etapas necessárias de como fazer o Cadastro Diferença Salarial no Sistema TOTVS RM. Índice I. Acesso ao Cadastro:... 2 II. Cálculo da diferença utilizando

Leia mais

Sistema de Folha de Pag amento SISfol

Sistema de Folha de Pag amento SISfol Sistema de Folha de Pag amento SISfol APOSTILA SISFOL CONTEÚDO DA APOSTILA CADASTRO GRUPOS E USUARIOS CADASTRO DE EMPRESA CADASTRO DE FUNCIONÁRIOS CADASTRO DE EVENTOS PROGRAMAÇÃO DE EVENTOS CADASTRO DE

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Wfolha 13 Salário

MANUAL DO SISTEMA. Wfolha 13 Salário MANUAL DO SISTEMA Wfolha 13 Salário SulProg Sistemas 1 INTRODUÇÃO Este manual foi desenvolvido a fim de facilitar e esclarecer dúvidas sobre os procedimentos referente ao 13 salário. SulProg Sistemas 2

Leia mais

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando o sistema

Leia mais

SIE - SISTEMA DE INFORMAÇÕES PARA O ENSINO CADASTRO DE FUNCIONÁRIOS

SIE - SISTEMA DE INFORMAÇÕES PARA O ENSINO CADASTRO DE FUNCIONÁRIOS SIE - SISTEMA DE INFORMAÇÕES PARA O ENSINO CADASTRO DE FUNCIONÁRIOS SANTA MARIA FATECIENS 2008 Este manual tem por finalidade apresentar as especificações detalhadas da aplicação de Cadastro de Funcionários,

Leia mais

F.A.Q. Perguntas e Respostas sobre teoria e prática do 13 Salário. SUMÁRIO

F.A.Q. Perguntas e Respostas sobre teoria e prática do 13 Salário. SUMÁRIO F.A.Q. Perguntas e Respostas sobre teoria e prática do 13 Salário. SUMÁRIO 1. O que é o 13 Salário?... 2 2. Quem faz jus ao direito do 13 Salário?... 2 3. Como o 13 pode ser divido em prestações?... 2

Leia mais

Emissão de Boletos de Locação - Sami ERP++

Emissão de Boletos de Locação - Sami ERP++ Emissão de Boletos de Locação - Sami ERP++ 1. Tabela de I.R.R.F. Acesse o módulo DIVERSOS/ CADASTROS/ TABELA DE I.R.R.F. Este programa destina-se ao cadastramento da tabela do Imposto de Renda na Fonte

Leia mais

Versão 8.2C-08. Domínio Atendimento

Versão 8.2C-08. Domínio Atendimento Versão 8.2C-08 Domínio Atendimento Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso,

Leia mais

PROPOSTA DE CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015 / 2016. São fixados os seguintes salários para admissão a partir de 1º de maio de 2014:

PROPOSTA DE CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015 / 2016. São fixados os seguintes salários para admissão a partir de 1º de maio de 2014: PROPOSTA DE CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015 / 2016 CLÁUSULA 1ª - DO PISO SALARIAL São fixados os seguintes salários para admissão a partir de 1º de maio de 2014: a) Fica afixado o piso salarial da

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS001498/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 02/08/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR039452/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.012508/2013-39 DATA DO PROTOCOLO: 01/08/2013 ACORDO COLETIVO

Leia mais

Espaço do Coordenador

Espaço do Coordenador Espaço do Coordenador Guia de utilização Versão 2.5 PARTE 6: Pedidos de pessoal 2 SUMÁRIO 8.4 PEDIDOS DE PESSOAL... 6 8.4.1 CLT... 7 8.4.2 ESTAGIÁRIO... 17 8.4.3 AUTÔNOMO... 26 8.4.4 VALE ALIMENTAÇÃO/REFEIÇÃO...

Leia mais

Integração da Digitação de Eventos

Integração da Digitação de Eventos Integração da Digitação de Eventos Índice 1. APRESENTAÇÃO... 1 1.1. Primeiro Acesso... 1 1.2. Conhecendo a Plataforma... 3 1.2.1. Seleção da Empresa... 3 1.2.2. Sair do sistema/minhas Configurações...

Leia mais

SISTEMA ADM-SOFT VERSÃO WINDOWS DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO COM CONTROLE DE CONTAS A PAGAR FOLHAMATIC SISTEMAS

SISTEMA ADM-SOFT VERSÃO WINDOWS DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO COM CONTROLE DE CONTAS A PAGAR FOLHAMATIC SISTEMAS SISTEMA ADM-SOFT VERSÃO WINDOWS DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO COM CONTROLE DE CONTAS A PAGAR FOLHAMATIC SISTEMAS Visual Adm - Soft Administrador de Escritório Contábil. Pág : 1 Sumário Menu Arquivos Empresas...

Leia mais

Versão 8.2C-07. Versão da Apostila de Novidades: 1

Versão 8.2C-07. Versão da Apostila de Novidades: 1 Versão 8.2C-07 Versão da Apostila de Novidades: 1 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda.

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Configurando o Módulo... 3 Contas... 3 Conta Caixa... 5 Aba Geral... 5 Aba Empresas... 8 Conta Banco... 9 Aba Geral... 9 Aba Conta Banco... 10 Aba Empresas... 12 Tipos de

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo II

Treinamento Sistema Condominium Módulo II CONDOMINIUM - Módulo II GERAÇÃO DE EMISSÕES RATEIO Neste módulo o aprendizado será a emissão dos boletos bancários. O sistema disponibiliza algumas maneiras para facilitar o seu dia-a-dia: Sequencia para

Leia mais

Novos termos de Rescisão

Novos termos de Rescisão PORTARIA Nº 1.057 DE 06 DE JULHO DE 2012 Altera a Portaria nº 1.621, de 14 de julho de 2010, que aprovou os modelos de Termos de Rescisão do Contrato de Trabalho e Termos de Homologação. O MINISTRO DE

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo I

Treinamento Sistema Condominium Módulo I CONDOMINIUM Módulo I CADASTROS Todas as telas de cadastro também são telas de consultas futuras, portanto sempre que alterar alguma informação clique em Gravar ou pressione F2. Teclas de atalho: Tecla

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTO DA ROTINA DA RESCISÃO COMPLEMENTAR

MANUAL DE PROCEDIMENTO DA ROTINA DA RESCISÃO COMPLEMENTAR MANUAL DE PROCEDIMENTO DA ROTINA DA RESCISÃO COMPLEMENTAR INTRODUÇÃO Trata-se de um recurso exclusivo para atender a necessidade de cálculos complementares de verbas rescisórias decorrentes de reajustes

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: BA000408/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 12/07/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR024953/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46204.006979/2011-03 DATA DO

Leia mais

Recibos à Parte. Nesta tela devem ser cadastrados os eventos que deseja emitir separadamente para o mês de referência.

Recibos à Parte. Nesta tela devem ser cadastrados os eventos que deseja emitir separadamente para o mês de referência. Recibos à Parte Seleção de Eventos para Recibo à Parte Procedimentos para que sejam selecionados eventos para impressão à parte de holerith, impressão da folha mensal, impressão da relação para crédito

Leia mais

PAUTA DE REIVINDICAÇÃO PESSOAL DA CS BRASIL DATA-BASE 01.07.2011 VIGÊNCIA 01.07.2011 A 30.06.2012

PAUTA DE REIVINDICAÇÃO PESSOAL DA CS BRASIL DATA-BASE 01.07.2011 VIGÊNCIA 01.07.2011 A 30.06.2012 PAUTA DE REIVINDICAÇÃO PESSOAL DA CS BRASIL DATA-BASE 01.07.2011 VIGÊNCIA 01.07.2011 A 30.06.2012 CLÁUSULA 1ª - VIGÊNCIA E DATA-BASE As partes fixam a vigência do presente Acordo Coletivo de Trabalho no

Leia mais

Treinamento Módulo Contas a Pagar

Treinamento Módulo Contas a Pagar Contas a Pagar Todas as telas de cadastro também são telas de consultas futuras, portanto sempre que alterar alguma informação clique em Gravar ou pressione F2. Teclas de atalho: Tecla F2 Gravar Tecla

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2007/2008

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2007/2008 CODESC Companhia de Desenvolvimento do Estado de Santa Catarina ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2007/2008 Pelo presente instrumento, de um lado a COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DO ESTADO DE SANTA CATARINA CODESC,

Leia mais

Benefício Novos valores da tabela de salários de contribuição e reajustes de benefícios

Benefício Novos valores da tabela de salários de contribuição e reajustes de benefícios Benefício Novos valores da tabela de salários de contribuição e reajustes de benefícios TEXTO NA ÍNTEGRA Em face da publicação do Decreto nº 8.618/2015 - DOU de 30.12.2015, este procedimento foi atualizado.

Leia mais

Unidade II CONTABILIDADE FINANCEIRA. Prof. Carlos Barretto

Unidade II CONTABILIDADE FINANCEIRA. Prof. Carlos Barretto Unidade II CONTABILIDADE FINANCEIRA Prof. Carlos Barretto Contabilidade financeira Na Unidade II veremos as peculiaridades da folha de pagamento de uma empresa com funcionários mensalistas No Modulo I

Leia mais

Versão 8.3A-04. Versão da Apostila de Novidades: 2

Versão 8.3A-04. Versão da Apostila de Novidades: 2 Versão 8.3A-04 Versão da Apostila de Novidades: 2 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda.

Leia mais

Instruções Folha de Pagamento Rotina 21 Instruções RAIS

Instruções Folha de Pagamento Rotina 21 Instruções RAIS Instruções Folha de Pagamento Rotina 21 Instruções RAIS Informações Iniciais (Portaria Nº 7, de 3 Janeiro de 2012) o O prazo para a entrega da declaração da RAIS inicia-se no dia 17 de janeiro de 2012

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo I

Treinamento Sistema Condominium Módulo I CONDOMINIUM Módulo I CADASTROS Todas as telas de cadastro também são telas de consultas futuras, portanto sempre que alterar alguma informação clique em Gravar ou pressione F2. Teclas de atalho: Tecla

Leia mais

DIRF 2011. Secretaria da Receita Federal do Brasil

DIRF 2011. Secretaria da Receita Federal do Brasil DIRF 2011 O que é a DIRF? É a Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte feita pela FONTE PAGADORA, destinada a informar à Secretaria da Receita Federal o valor do Imposto de Renda retido na fonte,

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2 BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2 Cordilheira Recursos Humanos CRH 2.85A As rotinas de Retiradas de Pró-labore e Autônomos tiveram diversas alterações, com o objetivo

Leia mais

Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes do Banco do Nordeste Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB

Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes do Banco do Nordeste Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB Pág. 1 Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Cobrança BNB Pág. 2 Instalação o o o o Baixar o Setup v3.5.38.exe disponível no site do BNB Executando o aplicativo aparecerá a imagem abaixo Clique

Leia mais

Introdução. Página 2. Autores: Arthur Luis Oechsler, Alexandre Borgmann. Borgmann Informática Ltda. Rua Teresópolis, 486 CEP 89030-110 - Itoupava Seca

Introdução. Página 2. Autores: Arthur Luis Oechsler, Alexandre Borgmann. Borgmann Informática Ltda. Rua Teresópolis, 486 CEP 89030-110 - Itoupava Seca Manual StipendioRH Página 2 Introdução Este guia tem por objetivo o treinamento no StipendioRH - sistema de folha de pagamento e RH da Borgmann Informática, visando o bom aproveitamento de todas as funções

Leia mais

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 MANUAL DE USO DO SISTEMA GOVERNO DIGITAL ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 2.0. SOLICITAÇÕES DE AIDF E AUTORIZAÇÃO DE EMISSÃO DE NOTA

Leia mais

Versão 2.0.9. Comissão Sobre Produtos... 2. Atualização Automática nas estações de Trabalho... 6

Versão 2.0.9. Comissão Sobre Produtos... 2. Atualização Automática nas estações de Trabalho... 6 FORMULÁRIO DE ATUALIZAÇÕES PARA PRÓXIMA VERSÃO Versão 2.0.9 Conteúdo Alterações realizadas no Software Comissão Sobre Produtos... 2 Atualização Automática nas estações de Trabalho... 6 Atualização de Valores

Leia mais

ROTEIRO BÁSICO PARA GERAR FOLHA DE PAGAMENTO

ROTEIRO BÁSICO PARA GERAR FOLHA DE PAGAMENTO ROTEIRO BÁSICO PARA GERAR FOLHA DE PAGAMENTO Nas páginas seguintes, você terá uma visão geral dos recursos disponíveis e das funções que o Persona pode automatizar. Sem entrar em detalhes, você saberá

Leia mais

MANUAL ARRECADAWEB. Versão 1.0

MANUAL ARRECADAWEB. Versão 1.0 MANUAL ARRECADAWEB Versão 1.0 Page 1 of 29 O Sistema Arrecadaweb foi desenvolvido para facilitar a Entidade no controle de suas arrecadações, e disponibiliza para os Contadores um ambiente confiável para

Leia mais

Indenização adicional a data base da categoria. Neste bip. Você Sabia? Geração do arquivo Homolognet. Edição 58 Junho de 2015

Indenização adicional a data base da categoria. Neste bip. Você Sabia? Geração do arquivo Homolognet. Edição 58 Junho de 2015 Neste bip Indenização Artigo 9º, Lei n.º 7.238/84... 1 Geração do arquivo Homolognet... 1 Escrituração Contábil Digital... 2 Você Sabia? Que no sistema rumo é possível emitir o recibo de devolução e entrega

Leia mais

Integração dos sistemas informatizados das empresas com o ambiente nacional do

Integração dos sistemas informatizados das empresas com o ambiente nacional do Índice 1.Introdução...2 1.1.eSocial...2 2.Parametrizações no Cadastro da Empresa...3 3.Parâmetros do Cadastro de Eventos...7 4.Parâmetros no Cadastro de Funcionários...9 4.1.IOB Diagnóstico esocial...9

Leia mais

Parâmetro Acessar em Fonte de atualização. Parâmetros / Salário mínimo. Atualizações / Cadastros / Plano

Parâmetro Acessar em Fonte de atualização. Parâmetros / Salário mínimo. Atualizações / Cadastros / Plano 1. Atualizar as Tabelas do Sistema No módulo de Gestão de Pessoal, clicar Atualizações / Definição de cálculo / Parâmetro e atualizar as seguintes tabelas para o mês em curso: Parâmetro Acessar em Fonte

Leia mais

CUSTO UNITÁRIO DE MÃO-DE-OBRA. Kelly Amichi

CUSTO UNITÁRIO DE MÃO-DE-OBRA. Kelly Amichi CUSTO UNITÁRIO DE MÃO-DE-OBRA Kelly Amichi O custo de mão-de-obra refere-se ao montante das despesas dos serviços prestados pelos funcionários à empresa. É o segundo maior custo no segmento de refeições

Leia mais

alterações antes da execução de qualquer cálculo no SAP. Atenção especial deve ser dada a

alterações antes da execução de qualquer cálculo no SAP. Atenção especial deve ser dada a ALTERAÇÃO NAS TABELAS DE CALCULO PARA 2014 Considerando as alterações publicadas pelos órgãos competentes em relação às alíquotas e bases de cálculo do IRRF e INSS, novo valor do salário-mínimo e cotas

Leia mais

Para os demais formatos, o relatório será gerado mas virá com configurações incorretas.

Para os demais formatos, o relatório será gerado mas virá com configurações incorretas. Balancete Orçamentário Produto : TOTVS Gestão Patrimonial - 12.1.6 Processo : Relatórios Subprocesso : Balancete Orçamentário Data publicação da : 17/06/2015 O Balancete é um relatório contábil oficial

Leia mais

ENCERRAMENTO DE EXERCÍCIO CHECKLIST

ENCERRAMENTO DE EXERCÍCIO CHECKLIST ENCERRAMENTO DE EXERCÍCIO CHECKLIST Para auxiliar nas providências que devem ser tomadas para o encerramento de exercício, foi elaborada uma série de verificações, em formato de checklist, que devem ser

Leia mais

Seminário. Direito Trabalhista e Previdenciário. Setembro 2012. Elaborado por: Valéria de Souza Telles

Seminário. Direito Trabalhista e Previdenciário. Setembro 2012. Elaborado por: Valéria de Souza Telles Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo Tel. (11) 3824-5400, 3824-5433 (teleatendimento), fax (11) 3824-5487 Email: desenvolvimento@crcsp.org.br web: www.crcsp.org.br Rua Rosa e Silva,

Leia mais

Esse produto é um produto composto e tem subprodutos

Esse produto é um produto composto e tem subprodutos Indústria - Cadastro de produtos O módulo indústria permite controlar a produção dos produtos fabricados pela empresa. É possível criar um produto final e definir as matérias-primas que fazem parte de

Leia mais

Baixa Boletos de Condomínio - Sami ERP++

Baixa Boletos de Condomínio - Sami ERP++ Baixa Boletos de Condomínio - Sami ERP++ 1. Baixa Manual de Boletos 1.1. Recebimentos Doc s - Caixa Acesse o módulo TERMINAL DE CAIXA/ CAIXA/ ABERTURA DE CAIXA/ CONDOMÍNIO/ LANÇAMENTOS AUTOMÁTICO/ RECEBIMENTOS

Leia mais

Gratificações, Adicionais, Auxílios e Outros. 13º Salário CLÁUSULA QUINTA - ANTECIPAÇÃO DO 13º SALÁRIO

Gratificações, Adicionais, Auxílios e Outros. 13º Salário CLÁUSULA QUINTA - ANTECIPAÇÃO DO 13º SALÁRIO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: CE000958/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 24/08/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR040357/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46205.016438/2011-75 DATA

Leia mais

Manual do Usuário - ProJuris Web - Biblioteca Jurídica Página 1 de 20

Manual do Usuário - ProJuris Web - Biblioteca Jurídica Página 1 de 20 As informações contidas neste documento estão sujeitas a alterações sem o prévio aviso, o que não representa um compromisso da Virtuem Informática. As pessoas, organizações ou empresas e eventos de exemplos

Leia mais

Tutorial para geração de boletos

Tutorial para geração de boletos Tutorial para geração de boletos Conteúdo 1. Criar desconto padrão... 2 2. Geração de boleto com desconto até o vencimento em porcentagem (inclusive bolsa) no momento da matrícula:... 2 3.Geração de boletos

Leia mais

Índice ...48...48. Módulo Empresa... Módulo Fiscal... ...8...8. Módulo Folha...28. Módulo Contabil... Integração Contabil...62...

Índice ...48...48. Módulo Empresa... Módulo Fiscal... ...8...8. Módulo Folha...28. Módulo Contabil... Integração Contabil...62... 1 2 Índice Módulo Empresa......4...4 Módulo Fiscal......8...8 Módulo Folha......28 Módulo Contabil......48...48 Integração Contabil......62...62 3 4 5 1. Cadastro de empresa Antes de iniciar os trabalhos

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DE SANTA CATARINA PONTO SECULLUM 4 SISTEMA DE CONTROLE DE PONTO MANUAL PARA A GERÊNCIA DE GESTÃO DE PESSOAS

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DE SANTA CATARINA PONTO SECULLUM 4 SISTEMA DE CONTROLE DE PONTO MANUAL PARA A GERÊNCIA DE GESTÃO DE PESSOAS SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DE SANTA CATARINA PONTO SECULLUM 4 SISTEMA DE CONTROLE DE PONTO MANUAL PARA A GERÊNCIA DE GESTÃO DE PESSOAS SUMÁRIO 1 ABRINDO O SISTEMA... 3 1.1 ÍCONE DO PROGRAMA NA VERSÃO

Leia mais

Índice. 1. O que é a RAIS... 2. 1.1. Quem deve declarar... 2. 1.2. Quem deve ser relacionado... 3. 1.3. Quem NÃO deve ser relacionado...

Índice. 1. O que é a RAIS... 2. 1.1. Quem deve declarar... 2. 1.2. Quem deve ser relacionado... 3. 1.3. Quem NÃO deve ser relacionado... Índice 1. O que é a RAIS... 2 1.1. Quem deve declarar... 2 1.2. Quem deve ser relacionado... 3 1.3. Quem NÃO deve ser relacionado... 5 1.4. Como informar a RAIS... 5 1.4.1. Estabelecimentos SEM vínculos

Leia mais

Auditoria Financeira

Auditoria Financeira Auditoria Financeira Processo de Uso da Auditoria Financeira CADASTRO DE EMPRESA PARÂMETROS No Gerenciador de Sistemas, em Empresas\ Cadastro de Empresas, é necessário parametrizar os dados para a Auditoria

Leia mais

Dicas de importação na RAIS. Neste bip. Você Sabia? edição 30 Fevereiro de 2013

Dicas de importação na RAIS. Neste bip. Você Sabia? edição 30 Fevereiro de 2013 Neste bip Dicas sobre RAIS... 1 Contribuição Patronal para RAIS... 2 Rumodoc - Ajuda no sistema Rumo... 2 Fechamento contábil... 2 Dispensa da entrega da DACON... 3 Dicas de importação na RAIS Já era um

Leia mais

Guia Rápido. Sistema de Cobrança - Beneficiário

Guia Rápido. Sistema de Cobrança - Beneficiário GuiaRápido SistemadeCobrança-Beneficiário GR SistemadeCobrança Beneficiário Índice 1 Introdução... 4 2 Público Alvo... 4 3 Pré-Requisitos... 4 4 Acessando o Sistema de Cobrança... 5 5 Cadastro... 6 5.1

Leia mais

Parâmetros de Utilização e Manutenção das Mensagens do Informa Online 2000. Maio 2007

Parâmetros de Utilização e Manutenção das Mensagens do Informa Online 2000. Maio 2007 e Manutenção das Mensagens do Informa Online 2000 Maio 2007 Os parâmetros de funcionamento e as mensagens exibidas pelo Informa Online 2000 são configurados utilizando-se os programas AlteraDllOnline.exe

Leia mais

Manual da Rescisão Complementar

Manual da Rescisão Complementar Manual da Rescisão Complementar Atualizado em Abril/2009 Pág 1/16 Sumário Rescisão Complementar... 2 Reajuste salarial para funcionários demitidos... 3 Novos Campos cadastro de Sindicato... 4 Recálculo

Leia mais

Módulo de Rescisão. Passaremos a explicar abaixo os campos da tela do cálculo da rescisão:

Módulo de Rescisão. Passaremos a explicar abaixo os campos da tela do cálculo da rescisão: Módulo de Rescisão Para calcular a rescisão, é necessário informar para quem se deseja calcular (Código, Divisão, Tomador), depois informar tipo de dispensa, data de aviso prévio, data de pagamento, dias

Leia mais

Para utilizar os recursos do Filiados online é necessário se identificar para isso entre com o login e a senha do seu sindicato nesta página.

Para utilizar os recursos do Filiados online é necessário se identificar para isso entre com o login e a senha do seu sindicato nesta página. Para utilizar os recursos do Filiados online é necessário se identificar para isso entre com o login e a senha do seu sindicato nesta página. Esta é a página Inicial do sistema nela estarão expostas notícias

Leia mais

NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO:

NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO: NESSE MANUAL VÃO SER SOLUCIONADAS AS SEGUINTES DÚVIDAS DE USO: PG DESPESAS COMO CADASTRAR UMA DESPESA 3 COMO PAGO UMA DESPESA 4 COMO ALTERAR OS DADOS DE UMA DESPESA 6 COMO EXLUIR UMA DESPESA 7 COMO FAÇO

Leia mais

Quando as pessoas trabalham em equipe concretizam tarefas inteiras num menor espaço de tempo e com menor esforço.

Quando as pessoas trabalham em equipe concretizam tarefas inteiras num menor espaço de tempo e com menor esforço. Quando as pessoas trabalham em equipe concretizam tarefas inteiras num menor espaço de tempo e com menor esforço. O sistema Megga Fransys trabalha em equipe com o revendedor permitindo a execução das rotinas

Leia mais

CAPÍTULO I - VIGÊNCIA E ABRANGÊNCIA CAPÍTULO II - REMUNERAÇÃO E PAGAMENTO

CAPÍTULO I - VIGÊNCIA E ABRANGÊNCIA CAPÍTULO II - REMUNERAÇÃO E PAGAMENTO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO, QUE ENTRE SI FAZEM, DE UM LADO O SINDICATO DOS CONDUTORES DE VEÍCULOS RODOVIÁRIOS E TRABALHADORES EM TRANSPORTES DE CARGAS EM GERAL E PASSAGEIROS NO MUNICÍPIO DO RIO DE

Leia mais

Neste bip. Configuração da Tributação do Simples Nacional. Você Sabia? Contabilização da diferença do FGTS. Edição 65 Janeiro de 2016

Neste bip. Configuração da Tributação do Simples Nacional. Você Sabia? Contabilização da diferença do FGTS. Edição 65 Janeiro de 2016 Neste bip Configuração da Tributação do Simples Nacional... 1 Contabilização da diferença do FGTS... 1 Importação de NF-e... 2 Relatório razão dos lançamentos da folha... 3 Inconsistências ao gerar relatórios

Leia mais

GP Gestão de Pessoal. Vale Transporte

GP Gestão de Pessoal. Vale Transporte GP Gestão de Pessoal Vale Transporte SUMÁRIO 1. Módulo Vale Transporte... 3 1.1. Tabelas... 3 1.1.1. Empresa... 3 1.2. Linha... 5 1.3. Meio Transporte... 6 1.4. Período de Vale Transporte... 6 1.5. Tarifa...

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2007/2008

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2007/2008 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2007/2008 BR 101 Km 205 Barreiros São José SC 1 Data-base - Maio/2007 BR 101 Km 205 Barreiros São José SC 2 Pelo presente instrumento, de um lado a Centrais de Abastecimento

Leia mais

Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação de Teresópolis, Guapimirim e Magé

Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação de Teresópolis, Guapimirim e Magé Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação de Teresópolis, Guapimirim e Magé Fundado em 01 de março de 1996 Entidade reconhecida no Arquivo de Entidades Sindicais do MTE sob o nº 46000-006947/96

Leia mais

SERVIÇOS REQUERIMENTO

SERVIÇOS REQUERIMENTO Certidão e Reimpressão de Documentos 1 / 17 todos os direitos reservados. ÍNDICE Introdução... 3 Acesso Restrito... 4 Cadastro... 4 Serviços Requerimento... 6 Certidão Web... 7 Certidão Simplificada...

Leia mais

Treinamento Sistema Condominium Módulo III

Treinamento Sistema Condominium Módulo III Financeiro (Lançamentos Despesas e Saldos) Nesse módulo iremos apresentar os principais recursos da área contábil do sistema. Contábil> Lançamentos Nessa tela é possível lançar as despesas dos condomínios,

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 Page 1 of 6 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RN000247/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR026524/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46217.003899/2011-49 DATA

Leia mais

Freedom Software. Sistema de Representação. Freedom Software Sistema de Representação Página 1

Freedom Software. Sistema de Representação. Freedom Software Sistema de Representação Página 1 Freedom Software Sistema de Representação Freedom Software Sistema de Representação Página 1 FREEVENDMOBILE (Sistema de Vendas Mó vel) Sumário INSTALAÇÃO:... 3 O SISTEMA... 7 MENU E BARRAS DO SISTEMA...

Leia mais

1ª PARCELA DO 13º SALÁRIO

1ª PARCELA DO 13º SALÁRIO Caros Clientes, Com a proximidade do pagamento do 13º salário, a Dexion Informática está disponibilizando um pequeno manual para facilitar a geração da folha de 13º 1ª e 2ª parcela. 1ª PARCELA DO 13º SALÁRIO

Leia mais

Menu Relatórios. Folha Pagto ( Prov / Desctos.) Emissão da Folha de Pagamento. Folha Pagto (Meio Magnético)

Menu Relatórios. Folha Pagto ( Prov / Desctos.) Emissão da Folha de Pagamento. Folha Pagto (Meio Magnético) Folha Pagto ( Prov / Desctos.) Emissão da Folha de Pagamento Esta opção é responsável pela emissão da Folha de Pagamento dos funcionários com movimentação. A impressão poderá ser configurada com separações

Leia mais

PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº 1.057 DE 06.07.2012 D.O.U.: 09.07.2012

PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº 1.057 DE 06.07.2012 D.O.U.: 09.07.2012 PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº 1.057 DE 06.07.2012 D.O.U.: 09.07.2012 Altera a Portaria nº 1.621, de 14 de julho de 2010, que aprovou os modelos de Termos de Rescisão do Contrato

Leia mais

Instalação - Primeiros Passos

Instalação - Primeiros Passos O CIAF Hotelaria, é um sistema que permite ao administrador, gerenciar completamente sua empresa que presta serviço de hospedagem como hotéis e pousadas por exemplo. Facilmente você poderá cadastrar suas

Leia mais

Gestão de Pessoas - Windows

Gestão de Pessoas - Windows P á g i n a 1 Gestão de Pessoas - Windows Módulo Administração de Pessoal (Rubi) Processo: 13º Salário Senior Sistemas S.A Rua São Paulo, 825 - Bairro Victor Konder - CEP 89012.001 - Blumenau/SC Fone:

Leia mais

SINDIOCESC Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado de SC. Data-base 1º de maio de 2016

SINDIOCESC Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado de SC. Data-base 1º de maio de 2016 COOPERATIVAS SINDIOCESC Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado de SC PAUTA DE REIVINDICAÇÕES 2016-2017 Data-base 1º de maio de 2016 Florianópolis/SC, 15 de abril de 2016 PRÉ-ACORDO: CLÁUSULA

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR028129/2013 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46261.003195/2012-11

Leia mais

SUPORTE TÉCNICO EBS. Horário de atendimento: Das 08h00min às 19h, de Segunda a Sexta-feira.

SUPORTE TÉCNICO EBS. Horário de atendimento: Das 08h00min às 19h, de Segunda a Sexta-feira. SUPORTE TÉCNICO EBS Horário de atendimento: Das 08h00min às 19h, de Segunda a Sexta-feira. Formas de atendimento: E-mail: Envie-nos suas dúvidas e/ou sugestões para suporte@sage.com.br. Suporte On-Line

Leia mais

Gestão de Pessoas - 4w

Gestão de Pessoas - 4w P á g i n a 1 Gestão de Pessoas - 4w Modulo Administração de Pessoal (Rubi) Processo: Férias P á g i n a 2 Sumário 1 Conceito... 3 1.1 Parametrizações no Sistema... 3 1.1.1 - Sindicato... 3 1.1.2 - Situações...

Leia mais

Apostila RAIS RELAÇÃO ANUAL DE INFORMAÇÕES SOCIAIS. CURSO PRÁTICO DE RAIS Relação Anual de Informações Sociais. www.departamentopessoalonline.com.

Apostila RAIS RELAÇÃO ANUAL DE INFORMAÇÕES SOCIAIS. CURSO PRÁTICO DE RAIS Relação Anual de Informações Sociais. www.departamentopessoalonline.com. RELAÇÃO ANUAL DE INFORMAÇÕES SOCIAIS Apostila RAIS 1 Prezado (a) participante É com satisfação que nós da AntoninoRH Consultoria e Treinamento Empresarial Ltda, lhe damos boas vindas a este curso. O valor

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 C O N V E N Ç Ã O C O L E T I V A D E T R A B A L H O 2014/2015 SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS DE ALIMENTAÇÃO DE RIO DO SUL E REGIÃO DO ALTO VALE DO ITAJAÍ SINTIAVI SINDICATO DAS INDÚSTRIAS

Leia mais

GUIA DE CONFIGURAÇÃO BALANÇA TOPMAX S & URANO INTEGRA

GUIA DE CONFIGURAÇÃO BALANÇA TOPMAX S & URANO INTEGRA GUIA DE CONFIGURAÇÃO BALANÇA TOPMAX S & URANO INTEGRA Abaixo seguem os passos necessários para que você possa cadastrar um Equipamento do tipo Balança Topmax S no Software Urano Integra. Passo 1: Acessar

Leia mais

MIT041 - Especificação de Processos Padrão do Módulo Folha de Pagamento - Protheus Cliente: Caern - Companhia de Água e Esgoto do Rio Grande do Norte

MIT041 - Especificação de Processos Padrão do Módulo Folha de Pagamento - Protheus Cliente: Caern - Companhia de Água e Esgoto do Rio Grande do Norte Página: 1 de 121 1. Introdução: O módulo Gestão de Pessoal faz parte do Microsiga Protheus, destinando-se ao controle e automação das atividades relacionadas à administração de pessoal, tais como a folha

Leia mais

Incidirá somente FGTS que será recolhido juntamente com a Folha de Pagamento de Novembro.

Incidirá somente FGTS que será recolhido juntamente com a Folha de Pagamento de Novembro. DÉCIMO TERCEIRO Solicitamos seguir a ordem de emissão das Folhas de Pagamentos conforme abaixo, para que acumule corretamente os arredondamentos, Nota Fiscal de Serviços, Salário Maternidade e Saldos Anteriores.

Leia mais

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br

Av. Padre Claret, 146 Conj. 503 Centro Esteio/ RS Fone/ Fax: (51) 3033-6663 www.maxce.com.br PEDIDO ARQUIVO > VENDAS > PEDIDO REALIZAÇÃO E IMPRESSÃO PEDIDOS SOLICITADOS POR CLIENTES. 1. S PRINCIPAIS: a) SAIR: Sai da tela; b) LIMPAR TELA: Limpa a tela para realizar um novo pedido; c) SALVAR: Salva

Leia mais