Caderno de Resumos UFBA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Caderno de Resumos UFBA"

Transcrição

1 Caderno de s UFBA

2 UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA - UFBA ESCOLA DE ADMINISTRAÇÃO - EAUFBA CENTRO INTERDISICPLINAR DE DESENVOLVIMENTO E GESTÃO SOCIAL - CIAGS NÚCLEO DE ESTUDOS SOBRE PODER E ORGANIZAÇÕES LOCAIS - NEPOL CADERNO DE RESUMOS XI COLÓQUIO INTERNACIONAL SOBRE PODER LOCAL Desenvolvimento e Gestão Social de Territórios Salvador, Bahia, Brasil dezembro 2009

3 UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA Reitor: Prof. Dr. Naomar Monteiro de Almeida Filho ESCOLA DE ADMINISTRAÇÃO Prof. Dr. Reginaldo Souza Santos NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO - NPGA Prof. Dr. José Antonio Gomes de Pinho CENTRO INTERDISICIPLINAR DE DESENVOLVIMENTO E GESTÃO SOCIAL - CIAGS Profª. Drª. Tânia Fischer O conteúdo dos resumos é de inteira responsabilidade dos autores. Os textos foram extraídos dos trabalhos submetidos sem que tenha havido alterações realizadas pelos organizadores desta publicação. C719 Colóquio Internacional sobre Poder Local (11.: 2009: Salvador,BA) Caderno de s [do] XI Colóquio Internacional sobre Poder Local: desenvolvimento e gestão social de territórios, Salvador, BA, 14 a 16 de dezembro de Salvador: CIAGS/UFBA, : il. Tema: Desenvolvimento e Gestão Social de Territórios. 1. Desenvolvimento Social. 2. Poder Local. 3. Gestão Social 4. Terceiro Setor. 5. Gestão Social de Territórios. I. Colóquio Internacional sobre Poder Local. II. Universidade Federal da Bahia. III. Centro Interdisciplinar de Desenvolvimento e Gestão Social. IV. Escola de Administração. CDD Ficha Catalografica - Biblioteca Especializada em Gestão Social - CIAGS/UFBA

4 XI COLÓQUIO INTERNACIONAL SOBRE PODER LOCAL Desenvolvimento e Gestão Social de Territórios COMISSÃO ORGANIZADORA Airton Cardoso Cançado (NESOL/UFT) Alexandre Carrieri (UFMG) Alexandre Faria (EBAPE/FGV-RJ) Alfredo R. L. da Silva (FUCAPE/ES) Amilcar Baiardi (UFRB) Ana Guedes (EBAPE/FGV-RJ) Ana Paula Paes de Paula (CEPEAD-UFMG) Corina Echavarría (Universidade Nacional de Córdoba Argentina) Cristina Carvalho (UFRGS) Denise Pereira (PUCMinas) Eduardo Davel (TELUQ/UQAM-Canadá) Eduardo Ibarra-Colado (Univ. do México) Eduardo Paes Machado (FFCH/UFBA) Élvia Fadul (UNIFACS e UFBA) Felipe Nascimento (PPGA/UFRGS) Fernando Tenório (EBAPE/FGV-RJ) Genauto França Filho (CIAGS/NPGA/EAUFBA) Horácio Hastenreitter (CIAGS/UFBA) Ivan Beck (CEPEAD-UFMG) Ivone Freire Costa (PROGESP/NPGA/EAUFBA) Izabel Portela (CIAGS/UFBA e Instituto IRIS) Jean-François Chanlat (Paris Dauphine) Jean-Louis Laville (França) Jeová Torres Silva Jr. (UFC) José Antonio Gomes de Pinho (CIAGS/NPGA/ EAUFBA) José Célio Andrade (CIAGS/NPGA/EAUFBA) José Francisco Salm (UDESC) José Puppim (EBAPE/FGV-RJ) Luciano Junqueira (PUC-SP) Luiz Alex Silva Saraiva (CEPEAD/UFMG e FUNCESI) Manolita Correa Lima (ESPM) Marcelo Dantas (CIAGS/NPGA/EAUFBA) Marcelo Milano (EBAPE/FGV-RJ) Marcelo Ribeiro (FZEA/USP) Márcia Palassi (UFES) Maria Ceci Misoczky (UFRGS) Maria Ester de Freitas (EAESP/FGV-SP) Maria José Tonelli (EAESP/FGV-SP) Maria Suzana Moura (CIAGS/NPGA/EAUFBA) Marta Farah (EAESP/FGV-SP) Neusa Rolita Cavedon (UFRGS) Paula Schommer (UDESC e CIAGS/UFBA) Peter Spink (EAESP/FGV-SP) Reginaldo Souza Santos (UFBA) Roberto Fachin (FDC e UFRGS) Rosimeri Carvalho (UFSC) Rosinha Carrion (UFRGS) Sandro Cabral (NPGA/EAUFBA) Sueli Goulart (UFPE) COMISSÃO EXECUTIVA Coordenação Geral Tânia Fischer Coordenação Executiva Vanessa Paternostro Melo Gestão Financeira André Luis Rocha Organização de Publicações para o evento Neubler Nilo Ribeiro da Cunha Assessoria de Comunicação Rodrigo Maurício Freire Soares Márdel Santos Secretaria e Administrativo Adriano Pimenta Manuela Ramos da Silva Renata Lara Fonseca Suraya Chagas

5 XI COLÓQUIO INTERNACIONAL SOBRE PODER LOCAL Desenvolvimento e Gestão Social de Territórios COMISSÃO CIENTÍFICA Adelaide Maria Coelho Baêta Aida Lovison Airton Cardoso Cançado Alessandra Mello Da Costa Alessandra Nogueira Alessandro Soares Da Silva Alex Andrade Alves Alexandre De Pádua Carrieri Alexandre Mendes Nicolini Alexandre Reis Rosa Alexandre Santos Alfredo Behrens Alfredo R. L. Da Silva Aline Craide Alketa Peci Allan Claudius Barbosa Amilcar Baiardi Amon Narciso De Barros Ana Angelica Trindade Ana Beatriz Nunes Da Silva Ana Carolina Fonseca Ana Guedes Ana Márcia Nunes Duarte Nascimento Ana Maria Pires Ana Paula Paes De Paula Ana Rita Silva Sacramento Anderson Felisberto Dias Andrea Leite Rodrigues André Borges Andre Mascarenhas Andréa Cardoso Ventura Aniele Marquez Antônio Augusto Pereira Prates Antonio Carlos Freddo Antônio Costa Silva Júnior Antônio Edimir Frota Fernandes Antonio Óscar Santos Góes Antonio Renildo Santana Souza Antonio Sergio Araújo Fernandes Ariadne Scalfoni Rigo Armindo Dos Santos De Sousa Teodósio Artemisa Odila Cande Monteiro Aruane Garzedin Astor Hexsel Augusto De Oliveira Monteiro Benedito Anselmo Martins De Oliveira Bernadete Baltazar Bruno Diniz Caio Motta Carla Pasa Carlos Brandão Carlos Domingues Carlos Frederico Bom Kraemer Carlos Milani Carolina Andion Carolina Castro Carolina Machado Saraiva De Albuquerque Maranhão Ceci Noronha Celso Funcia Lemme César Barreira Cesar Tureta Charbel Jabbour Cláudia Sirangelo Eccel Claúdio Roberto Santos Almeida Cláudio Tordino Clezio Saldanha Dos Santos Corina Echavarría Cristiane Pizzutti Dos Santos Cristina Carvalho Daniel Calbino Pinheiro Daniel Coronel Dany Flávio Tonelli Débora Dourado Deborah Moraes Zouain Denis Alcides Rezende Denise De Castro Pereira Denise Ribeiro Diego Luiz Teixeira Boava Diva Ester Okazaki Rowe Duarte De Souza Rosa Filho Edgilson Tavares De Araújo Edson Kubo Eduardo Davel Eduardo Loebel Eduardo Vivian Da Cunha Elcemir Paço-Cunha Elisa Yoshie Ichikawa Elizabeth Matos Ribeiro Eloise Helena Livramento Dellagnelo Eloisio Moulin De Souza Erica Marques Ernani Viana Saraiva Fabio Bittencourt Meira

6 Fábio Guedes Gomes Felipe Nascimento Felipe Zambaldi Fernanda Gabriela Fernanda Tarabal Lopes Fernando De Souza Coelho Fernando Dias Lopes Fernando Serra Francis Kanashiro Meneghetti Francisco Correia De Oliveira Franklin De Souza Lira Frederico Lustosa Gabriela Spanghero Lotta Gardenia Abbad Gelson Junquilho Genauto França Filho Geni De Sales Dornelles Geraldo Magela Gilberto Almeida Gildásio Santana Gilton Alves Aragão Gilvandro Rios Guilherme Umeda Gustavo Madeiro Da Silva Gustavo Melo Silva Hélio Arthur Reis Irigaray Heloisa Costa Heloisa Monaco Hilka Vier Machado Horacio Nelson Hastenreitter Icaro Cunha Ilan Avrichir Ingrid Winkler Irineu Dário Staub Isabel Lima Ivan Beck Kgnazaroff Izabel Portela Jader Souza-Silva Janaina Maria Bueno Jeova Torres Silva Junior Jorge Henrique Caldeira Jorge Neris Jorge Oneide Sausen José Antonio Gomes De Pinho José Célio Silveira Andrade Jose Coelho De Andrade Albino José Francisco Salm José Henrique De Faria José Puppim José Ricardo Costa Mendonça Jose Ricardo Vilella José Roberto Pereira Juliana Maia Karen Ann Câmara Bezerra Sá Lamounier Erthal Villela Letícia Dias Fantinel Lilian Soares Outtes Wanderley Lindomar Pinto Da Silva Luana Das Graças Queiroz De Farias Luciana De Holanda Luciana Faria Luciano Prates Junqueira Luis Roque Klering Luiz Alex Silva Saraiva Magnus Luiz Emmendoerfer Manolita Correia Lima Manuel Portugal Marcelo Dantas Marcelo Perin Marcelo Ribeiro Marcia Marinho Marcia Prezotti Palassi Marco Antonio Carvalho Teixeira Marco Aurélio Marques Ferreira Marcos Aurelio Dornelas Marcos Luís Procópio Marcus Vinícius Peinado Gomes Mari Elisabete Maria Ceci Misoczky Maria De Fátima Barbosa Goes Maria Elisabete Pereira Dos Santos Maria Ester De Freitas Maria Irene Stocco Betiol Maria José Tonelli Maria Luisa Mendes Teixeira Maria Priscila Kreitlon Maria Suzana De Souza Moura Maria Teresa Franco Ribeiro Maria Tereza Flores-Pereira Maria Valeria Gaspar Maria Vilma Coelho Moreria Faria Mario Aquino Alves Mário Sacomano Marta Ferreira Santos Farah Martha Barbosa Melissa Santos Bahia Miguel Accioly Moema Siqueira Mônica Macallister Naldeir Dos Santos Vieira Napoleão Dos Santos Queiroz Nelson Gomes Filho Neusa Rolita Cavedon Núbia Dos Reis Ramos Odilza Lines Almeida Ósia Alexandrina Vasconcelos Duran Passos Patricia Mendonça Paula Chies Schommer Pedro De Almeida Costa

7 Pedro F. Bendassolli Peterson Elizandro Gandolfi Rafael Alcadipani Rafael Augusto Vecchio Raimundo Leal Raquel Furtado Raquel Santos Soares Renata De Almeida Bicalho Renata Rossi Ricardo Bresler Ricardo Zagallo Camargo Roberto Fachin Rocio Castro Kustner Rodrigo Burkowski Rodrigo Gava Rogério Fae Rose Inojosa Rosimeri Carvalho Da Silva Rosinha Machado Carrion Rubenilda Sodré Dos Santos Salomão Alencar De Farias Sandro Cabral Sandro Trescastro Bergue Sérgio Góes Sérgio Hage Fialho Sidinei Oliveira Siegrid Guillaumon Silvia Viodres Simone Ghisi Feuerschütte Sonia Borges De Oliveira Sueli Chacon Sueli Goulart Sylvia Constant Vergara Takeyoshi Imasato Talita De Oliveira Trindade Tania Cordeiro Tânia Fischer Tânia Silva Teniza Silveira Valentina Schmitt Valéria Da Glória Pereira Brito Valeria Giannella Alves Valéria Maria Martins Júdice Valneda Cássia Santos Carneiro Valquíria Padilha Vanessa Paternostro Melo Duarte Vânia Aparecida Rezende De Oliveira Vera Lúcia Peixoto Mendes Vinicius Brei Virgilius De Albuquerque Walter Nique Wescley Silva Xavier

8 Apresentação Na sua décima primeira edição, o Colóquio Internacional sobre o Poder Local retoma o tema Desenvolvimento e Gestão Social de Territórios. O Colóquio é realizado desde 1986 tendo como ponto focal a análise dos poderes territorializados, em tempos e escalas espaciais variáveis, articulados por propósitos e práticas orientadas ao desenvolvimento. O desenvolvimento de territórios é eixo estruturante do evento que ocorrerá em um ano especialmente marcado por crises, revisões paradigmáticas, emergência de novos perfis de liderança e estilos de vida, por novas formas organizativas e pela centralidade atribuída aos territórios, recortadas em múltiplas escalas nacionais, regionais e locais presentes nos programas governamentais e nas novas questões que definem um novo ciclo desenvolvimentista. Vivemos um momento paradoxal em que as crises e as possibilidades disputam espaços, expõem as divergências e estimulam convergências possíveis. Retomando um ciclo desenvolvimentista que evoca o projeto nacionalista dos anos sessenta. Há um a consciência coletiva crescente dos recursos nacionais brasileiras como matrizes energéticas, de abundância de recursos naturais escassos no resto do planeta e das imensas possibilidades de gestão de um território nacional rico em sua diversidade, mas que mantém a identidade de um país que se reposiciona como liderança no cenário internacional. Os desafios da gestão social vão, progressivamente, mudando de natureza e escopo. Se os problemas estruturais do desenvolvimento estão sendo enfrentados e a assimetria social está sendo paulatinamente reduzida, outros problemas se afiguram, como as questões demográficas a mobilidade cidadã, os novos entornos territoriais decorrentes das intervenções de infra-estrutura, a gestão dos recursos naturais na perspectiva de uma gestão social sustentável e criativa. A diversidade da cultura e dos territórios brasileiros são nosso potencial e maior desafio.

9 As sessões temáticas do Colóquio refletem esta diversidade. Indicadas por Administração e Planejamento Urbano e Regional, serão discutidas nas duas áreas, Economia Mundial, Crises e Perspectivas para o Desenvolvimento Territorial e Gestão Social, Poderes Multiescalares e Interorganizações Territoriais, este momento de revisões paradigmáticas e reorganização de poderes no campo de gestão social. No tema Administração Pública e Gestão Social concentram-se o maior número de trabalhos apontando para um pragmatismo crítico, ou seja, como responder às inquietações de forma consistente, reflexiva e viável? Nos temas Valores, Consumo e Estilo de Vida, Inovação, Empreendedorismo e Tecnologias, Cotidiano, Poder e Conflito e Participação, Empoderamento os trabalhos permitem contextualizar a ação dos atores e melhor compreender as mutações da contemporaneidade. Diversas dimensões de gestão são abordadas com suas especificidades de campos temáticos: Gestão internacional; Gestão Cultural; Gestão de Segurança Pública; Gestão Socioambiental; Economia Plural e Solidária; Responsabilidade Social e Territórios que apresentam trabalhos em que as teorias e as práticas de gestão formam tessituras novas. O tema do ensino e da pesquisa em gestão social e desenvolvimento territorial nas perspectivas multi, inter e transdisciplinar tem um conjunto de trabalhos que vão da aprendizagem dos indivíduos e grupos, às análises de experiências de ensino de gestão social perspassadas por reflexões sobre campos multi/ inter/ transdisciplinares. Este tema é especialmente importante para o CIAGS, considerando que as propostas de ensino de mestrado profissional e interdisciplinar em desenvolvimento e gestão social, especialização em desenvolvimento sustentável em modelo EAD e a graduação tecnológica em gestão pública e gestão social (que é hoje o curso de maior procura da UFBA, com 34 candidatos por vaga) constituem-se em laboratórios de experimentação e inovação Pela primeira vez, houve uma chamada de temas livres que acolhem tendências e interesses emergentes. De um total de 647 trabalhos foram selecionados 250, ou seja, 39% o que significa rigor na escolha dos 100 avaliadores envolvidos. O evento compreende também oficinas com diversos temas relacionados ao desenvolvimento e gestão social de territórios. Nove mesas redondas abrem espaço para a discussão de temáticas associadas

10 ao eixo estruturante do Colóquio Desenvolvimento e Gestão Social de Territórios. Nesta décima - primeira edição, o Colóquio reconhecerá a contribuição seminal de autores referenciais baianos às causas da identidade brasileira e do desenvolvimento nacional. Serão feitos reconhecimentos à contribuição de ilustres baianos ao desenvolvimento brasileiro em diferentes disciplinas: Milton Santos, Alberto Guerreiro Ramos, Anísio Teixeira e Rômulo Almeida. A obra desses pensadores será discutida a partir de conferências distribuídas ao longo do Colóquio, dando continuidade aos estudos realizados por grupos de pesquisas do país. Além disso, toda a identidade visual do evento é inspirada na obra do arquiteto e artista Sílvio Robatto, o qual dedicou grande parte de sua obra ao registro do patrimônio e cultura baianos. A vida e obra destes baianos será discutida por antigos e novos discípulos; os que conheceram os mestres e os que são discípulos seduzidos pelo legado. Como parte do Colóquio, o Fórum Rômulo Almeida é co-organizado pelo SEBRAE e Governo do Estado da Bahia e trará para a discussão as perspectivas nacionais, regionais e locais do desenvolvimento territorial, com aportes internacionais. Encontros com artistas, designers e artesãos da Bahia e Pernambuco e mostras artesanais apresentam resultados de trabalhos artesanais do Projeto Itapagipe do CIAGS/UFBA e do Colibris, apoiado pelo SEBRAE. O XI Colóquio fará homenagens especiais a pesquisadores que apóiam a área de gestão social e participam da organização do evento há muitas edições. No ano França/Brasil, serão homenageados os professores Jean François Chanlat, da Universidade Paris Daupline; Martine Droulers (Institut Des Hautes Etudes de L Amerique Latine) e Jean Louis Laville do CNAM/França pelo apoio pessoal e institucional à pesquisa, ao ensino, ao intercâmbio científico e a difusão do conhecimento em gestão social do desenvolvimento territorial. Tomaz Villasante, da Universidal Complutense é outro pesquisador que coopera generosamente com a América Latina desde o início do CIAGS. Do Brasil destacamos dos professores que estabelecem corredores de cooperação Roberto Fachin e Peter Spink, através de ações, projetos e intercâmbios permanentes.

11 A Associação Nacional de Programas de Planejamento Urbano e Regional (ANPUR) e a Associação Nacional de Programas de Administração (ANPAD) receberão homenagem especial pelo tradicional apoio ao evento. Em dois momentos serão recordados dois professores que estarão sempre em nossa memória e representam gerações diferentes: José Roberto Gomes e Neyde Marques, chefe de Departamento de Estudos Organizacionais de EA/UFBA. O XI Colóquio Internacional sobre o Poder Local fecha o ciclo de comemorações dos 50anos da Escola de Administração, que abriga a sede do CIAGS. Na décima edição do Colóquio, lembramos que no cosmopolitismo hipermoderno, temos que integrar o possível e obter a governabilidade da perspectiva foucoultiana: como governar, entendendo governo no sentido mais amplo de ação de todos nós sobre a sociedade e dos indivíduos que têm direitos, inclusive o de governar o seu próprio destino. No décimo primeiro Colóquio, estamos abrindo espaço para o fazer criativo artesanal tanto na gestão do território, quanto nas oficinas em que designers apresentarão o trabalho de artistas populares e artesãos baianos. As imagens barrocas do patrimônio artístico e arquitetônico captadas por Sílvio Robatto na cidade do Salvador expressam a convergência entre o tradicional e o hiper-moderno, entre o sagrado e o profano, entre o saber prático e o saber teórico neste momento de construção de antigos e novos territórios. Tânia Fischer Reginaldo Souza Santos José Antonio Gomes de Pinho CIAGS/ EAUFBA/ NPGA

12 Sumário ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA E GESTÃO SOCIAL...33 A Equidade na Distribuição de Receitas Públicas: Uma Análise dos Municípios do Estado da Bahia no Período de 1998 a A Importância das Medidas Multidimensionais de Pobreza para a Administração Pública...35 A Importância da Modelagem de Governança para o Desenvolvimento da Rede Oncorio...36 A Insuficiência do Poder Local para Planejar as Pequenas e Médias Cidades...36 A Qualidade da Água em Porto Alegre e seu Significado Construído pelo Jornal Zero Hora...37 A Responsabilidade pela Oferta de Qualificação Profissional sob a Ótica de Gestores e de Empregados...38 As Limitações das Políticas de Habitação Portuguesas: Reflexões sobre duas Experiências de Construção e Reabilitação de Bairros Sociais...39 Ação Administrativa e Gerenciamento na Nova Esfera Pública...40 Ação Coletiva e Políticas de Combate ao Tráfico Nacional e Transnacional de Crianças e Adolescentes para Fins Sexuais: A Iniciativa Brasileira em Rede e o Papel do PAIR...41

13 Acessibilidade Física no Espaço Público: Atributo para o Desenvolvimento Local...42 Análise dos Impactos dos Investimentos de Recursos Públicos em Programas Sociais sobre Indicadores Sociais Brasileiros...42 Bases Teórico-Metodológicas da Administração Política...43 Capacitação, Socialização e Institucionalização do Conhecimento: Uma Análise do Processo de Aprendizagem Organizacional em Municípios...44 Capital Social como Interface: A Importância das Organizações do Terceiro Setor para o Programa de Saúde da Família no Recife...45 Complementaridade e Embeddedness entre Estado e Sociedade na Provisão da Política Nacional de Combate ao HIV/AIDS: Como manter a Sinergia em um Contexto de Descentralização?...45 Conflitos de Interesses e Poder nas Relações entre Estado, Administração Pública, Mercado e Sociedade: Um Estudo sobre Organizações Burocráticas...46 Controle Social das Ações Públicas: Sisar Ceará...47 Controle Social por meio de Ouvidorias: Uma Verificação em Municípios Baianos...46 Controle Social da Administração Pública: A Experiência do Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE-PE)...48 Cultura Organizacional e Discursos: Um Caso de Mudança em uma Organização Pública Brasileira...49

14 Desafios e Dilemas das Parcerias Tri-Setoriais: Discurso e Prática dos Atores a partir de Círculos de Ação e Reflexão...50 Descentralização Político-Administrativa: O Caso de uma Secretaria de Estado...51 Em Busca de Informações nas Câmaras Municipais: Uma Análise do Controle Social Exercido por Grupos de Acompanhamento do Legislativo...52 Fatores de Risco Associados à Modalidade de Licitação por Pregão Eletrônico: Uma Abordagem pela Teoria dos Custos de Transação...52 Gestão Descentralizada do Turismo em Minas Gerais: O Caso do Circuito Turístico Parque Nacional da Serra do Cipó...53 Gestão da Informação em Universidades Públicas Paranaenses: Perspectiva Institucional de Análise...54 Gestão Metropolitana e Coordenação Intergovernamental: A Questão na Região Metropolitana de Maringá...55 Indústrias Criativas e Desenvolvimento Local: A Primeira Década do Século XXI do Mercado Cultural e a Demanda por Redes Sociais no Brasil...56 Investigação sobre as Condições de Construção da Accountability em Portais Eletrônicos de Câmaras Municipais: Um Estudo de Caso em Santa Catarina...57 Marketing Público e Orientação para o Cliente-Cidadão: Reflexões acerca de um Tema...58 Modernização da Administração Pública Local: Audiências Públicas Eletrônicas...58

15 Mudanças na Qualificação dos Servidores Públicos em Cargos de Confiança do Estado de Minas Gerais: Ações, Tensões e Dificuldades...59 O Expediente a Dimensão Esquecida da Administração Política...60 O Mapa de Bens Públicos: Um Instrumento da Avaliação de Valores e Resultados de Projetos Sociais...61 O Olhar dos Conselheiros de Saúde sobre os Relatórios de Prestação de Contas no Município de Natal (RN)...61 O Papel dos Governos no Setor de Microfinanças: Uma Revisão da Literatura...62 O Plano Diretor Municipal e Zoneamento Ecológico-Econômico: Uma Análise frente às Demandas Sociais de uma Microrregião do Sul de Minas Gerais...63 Os Pressupostos para a Implementação do Novo Serviço Público e o Capital Social...64 Perfil das Empresas Participantes do Processo de Pregão Eletrônico em uma Instituição Pública...65 Pesquisas em Administração Pública e Análise de Discurso no Período de 1998 a Planejamento Estratégico Municipal: Avaliação Preliminar de Planos Diretores de Cidades da Zona da Mata Mineira...66 Poder Local e a Política de Ciência, Tecnologia e Inovação...67 Política Nacional de Saneamento como Forma de Promoção da Accountability...68 Práticas de Boa Governança Adotadas pelas Empresas Públicas Federais Brasileiras do Setor de Agronegócio...69

16 Prestação de Contas e o Processo Decisório no Conselho de Saúde de Natal: Uma Análise da Percepção dos Conselheiros de Saúde às Informações de Natureza Econômico-Financeira...70 Qualidade e Formação como Fatores Importantes na Reestruturação da Administração Pública Portuguesa: O Exemplo do Setor da Saúde...71 Tradicionalismo, Racionalidade e Urbanização: Estudo de Caso sobre a Nomeação de Ruas em Viçosa-MG...72 Turismo e Desenvolvimento Local: Uma Análise Crítica do Polo de Turismo Cultural de Santa Teresa/RJ...73 Uma Análise do Processo Gestionário do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA): O Caso Rio Grande do Norte...74 A Racionalidade Substantiva em um ambiente de Gestão de TI de uma Instituição Federal de Ensino Superior...75 COTIDIANO, PODER E CONFLITO...77 A Acriticidade das Metáforas como Legitimadoras Ideológicas no Contexto Epistemológico das Organizações...78 A Força do Lugar: Atores Sociais do Turismo Comunitário em Redonda Icapuí CE...79 Agricultores Familiares Assentados e Poder Público Local: Apontamentos sobre Relações Conflituosas na Zona da Mata Mineira...80 Apropriação do Saber: Reconsiderando as Práticas Comerciais de Caixeiros-Viajantes, Mascates e Tropeiros...80 A Produção Social do Reajuste Tarifário do Transporte Metropolitano de Passageiros de Porto Alegre na Crise de

17 A Racionalidade por trás das Funções Ritualísticas: Desvendando a Ilusória Irracionalidade do Mundo dos Negócios...82 Cidade e Empresa: Relações Interinstitucionais, Conflitos e Alianças...83 Conflito e Diálogo nas Práticas de Gestão Social...84 Dinâmica de Poder em Redes Interorganizacionais: Uma Análise sob a Ótica dos Conceitos de Habitus, Campo e Capital de Pierre Bourdieu...84 Macbeth no País da Governança Corporativa...85 O Espaço dos Indesejáveis e Invisíveis: A Circularidade da Representação de Estigma em um Centro Comercial de Porto Alegre...86 O Imaginário dos Mascates e Caixeiros Viajantes na Formação do Lugar, do Não-Lugar e do Entre-Lugar...87 Poder e Resistência no Terceiro Setor: As Revelações de uma Análise Foucaultiana...88 Relações Familiares e de Gênero no Poder Local: Herança Familiar e/ou Competências Individuais...89 Subvertendo o Desejo no Teatro das Organizações: Problematizações Contemporâneas sobre o Desejo e a Expansão da Vida nas Relações de Trabalho...90 Superação da Sujeição: A Experiência com a Metodologia NEPSO...91 Trabalho Gerencial e Saúde: Uma Análise de Mulheres e Homens Gerentes no Setor Industrial e de Informática da Região Metropolitana de Belo Horizonte-MG...92 Uma Possibilidade Dialógica entre o Materialismo Histórico Dialético e a Microfísica do Poder: No Contexto da Escola Pública (Moderna ou Pós-Moderna?)...93 Estratégias e Articulações da Nação Xambá na Disputa pela Autonomia Organizativa do seu Quilombo...94

18 ECONOMIA MUNDIAL...95 Acontecimentos Produzidos pela Vitivinicultura na Fronteira Gaúcha...96 Autodeterminação Local e Desenvolvimento: Um Ensaio sobre a Rearticulação Produtiva e a Promoção Econômica e Social de Territórios Distantes do Interesse Desenvolvimentista Nacional...97 Contribuições da Teoria Crítica para o Debate do Turismo como Vetor de Desenvolvimento Local...98 Economia Política da Crise do Capitalismo Central...98 Em Defesa de uma Política Nacional de Desenvolvimento Regional...99 Estimativa dos Determinantes do Rendimento do Trabalho no Setor da Carne-MT Estratégia e Coerência Regional: Concepções para Análise da Dinâmica Social em Livramento (Br) e Rivera (Uy) O Ministério da Verdade é uma Abstração? Reflexões e Relatos acerca da Cumplicidade da Mídia com o Processo de Empresarização do Mundo Pobreza e Participação: Decifra-me ou te Devoro Reestruturação Produtiva, Capitalismo Flexível e as Novas Relações de Poder nas Atuais Dinâmicas Sócio-Econômicas de Desenvolvimento dos Territórios ECONOMIA PLURAL E SOLIDÁRIA A Inserção dos Catadores no Campo da Indústria de Reciclagem: Uma Análise Comparada de Duas Experiências de Redes de Economia Solidária A Identidade pelo Avesso: A Economia Solidária no Contexto das Alternativas...106

19 A Dinâmica do Grupo Minoritário: Uma Leitura Psicossocial dos Empreendimentos da Economia Solidária Análise do Capital Social por meio do Diagnóstico Rápido Participativo e Emancipador: O Caso das Mulheres Rendeiras de Petrolina-PE Contribuições da Economia Solidária para o Desenvolvimento Regional Sustentável: O Caso da Incubadora ITECSOL da UNIJUÍ Comércio Justo como Estratégia de Internacionalização de Pequenos Negócios: Empoderamento para as Rendeiras da Arte Renascença no Nordeste Pernambucano Da Utopia Fourierista aos Princípios de Economia Solidária: Interfaces entre o Passado e o Presente De Porto Alegre a Porto Velho: Um Estudo de Caso sobre a Rede de Economia Solidária Justa Trama Economia Solidária e Políticas Públicas: Uma Aproximação Possível, mas Desejável? Economia Solidária, Poder Local e Desenvolvimento: Uma Observação Centrada nas Práticas de EES no Vale do São Francisco Gestão em Empreendimentos da Economia Solidária: O Modelo Singer de Autogestão Incubação de Cooperativas Populares: Um Estudo de Multicaso no Bico do Papagaio/TO Incubação de Empreendimento Econômicos Solidários e Perspectivas de Inserção no Mercado de Trabalho Liderança Solidária Compartilhada: Um Estudo de Casos Múltiplos no Campo da Economia Solidária Movimento dos Focolares e a Economia de Comunhão: Expressão de Economia Plural Originada da Religião...117

20 Nova Economia, Novos Valores, Velhos Hábitos: Que Futuro Podemos Imaginar para a Economia Solidária? Sobre a Vivência da Solidariedade no Território: A Cooperativa Unidos do Muquém do Município de Carvalhos, Minas Gerais The Effectiveness of Microfinance in Reducing Poverty for the Core Poor ENSINO E PESQUISA EM GESTAO SOCIAL E DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL A Abordagem Territorial Para a Economia Solidária: Um Desafio para os Processos de Gestão Social do Desenvolvimento Aportes Freireanos: Reflexões Orientadoras para a Pesquisa Educação e Igualdade Social: Falácia ou Possibilidade? Mobilidade Acadêmica Internacional e Aprendizagem de Língua Estrangeira: Os Administradores Brasileiros O Potencial de uma Virada Paradigmática: Metodologias não Convencionais na Formação do Gestor Social Os Novos Aprendizes Organizacionais: Aprendendo na Prática e em Comunidade Revisando a Experiência Transdisciplinar de Residência Social na Formação em Gestão Social e Desenvolvimento através da Perspectiva da Aprendizagem Situada e Significativa Sala em Cena: Jogos Teatrais na Formação do/a Gestor/a Social Extension du domaine de la stratégie: Plaidoyer pour un agenda de recherche critique A consolidação dos Estudos Organizacionais como matéria de ensino: campo fragmentado em múltiplos títulos e percursos nos Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu em Administração...131

21 GESTAO CULTURAL, CRIATIVIDADE E EMPREENDEDORISMO A Identitidade Artística do Empreendedor: Ações Coletivas em Contextos Temporários Artesanato: Tensão entre a Dimensão Cultural e a Econômica Gestão-Criação: Processos Indissociáveis nas Práticas de um Teatro Baiano Indústrias Criativas e Gestão Tecnológica: Uma Análise Teórica Música e Contemporaneidade: A Organização da Produção Musical Soteropolitana O Fenômeno da Empresarização e a Busca por Alternativas na Produção, Comercialização e Distribuição da Música no Brasil como Formas de Resistência Oportunidades de Negócios em Indústrias Criativas e o Empreendedorismo: Uma Visão Prospectiva na Cidade de Fortaleza O que os Críticos têm a Contribuir para a Compreensão da Trajetória do Grupo Galpão? Tradição Italiana e Modernidade no Contexto Local: A Organização da Festa da Polenta em Venda Nova do Imigrante (ES/Brasil) GESTÃO DE SEGURANCA PÚBLICA A Atuação das Unidades da Polícia Militar do Paraná no Atendimento de Ocorrências Envolvendo Eventos Críticos A Rede Nacional de Altos Estudos em Segurança Pública-RENAESP: Elementos para Orientar a Tomada de Decisão da Política Pública de Formação e Valorização Profissional...145

Caderno de Resumos UFBA

Caderno de Resumos UFBA Caderno de Resumos UFBA UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA - UFBA ESCOLA DE ADMINISTRAÇÃO - EAUFBA CENTRO INTERDISICPLINAR DE DESENVOLVIMENTO E GESTÃO SOCIAL - CIAGS NÚCLEO DE ESTUDOS SOBRE PODER E ORGANIZAÇÕES

Leia mais

Especialização em Gestão Estratégica de Projetos Sociais

Especialização em Gestão Estratégica de Projetos Sociais Especialização em Gestão Estratégica de Apresentação CAMPUS COMÉRCIO Inscrições Abertas Turma 02 --> Início Confirmado: 07/06/2013 últimas vagas até o dia: 05/07/2013 O curso de Especialização em Gestão

Leia mais

A CARTA DE BANGKOK PARA A PROMOÇÃO DA SAÚDE EM UM MUNDO GLOBALIZADO

A CARTA DE BANGKOK PARA A PROMOÇÃO DA SAÚDE EM UM MUNDO GLOBALIZADO A CARTA DE BANGKOK PARA A PROMOÇÃO DA SAÚDE EM UM MUNDO GLOBALIZADO Introdução Escopo A Carta de Bangkok identifica ações, compromissos e promessas necessários para abordar os determinantes da saúde em

Leia mais

COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA

COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA CLASSIFICAÇÕES DO SEGUNDO TESTE E DA AVALIAÇÃO CONTINUA Classificações Classificação Final Alex Santos Teixeira 13 13 Alexandre Prata da Cruz 10 11 Aleydita Barreto

Leia mais

Gestão Social: os Dilemas da Efetividade e Eficiência. Tânia Fischer Edgilson Tavares

Gestão Social: os Dilemas da Efetividade e Eficiência. Tânia Fischer Edgilson Tavares Gestão Social: os Dilemas da Efetividade e Eficiência Tânia Fischer Edgilson Tavares Salvador, outubro / 2005 A Gestão em Tempos de Riscos Gestão Social e Desenvolvimento como campo de estudos e de prática:

Leia mais

TEXTO BASE PARA UM POLÍTICA NACIONAL NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PATRIMONIAL

TEXTO BASE PARA UM POLÍTICA NACIONAL NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PATRIMONIAL TEXTO BASE PARA UM POLÍTICA NACIONAL NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PATRIMONIAL Eixos Temáticos, Diretrizes e Ações Documento final do II Encontro Nacional de Educação Patrimonial (Ouro Preto - MG, 17 a 21 de julho

Leia mais

Desenvolvimento de Pessoas na Administração Pública. Assembléia Legislativa do Estado de Säo Paulo 14 de outubro de 2008

Desenvolvimento de Pessoas na Administração Pública. Assembléia Legislativa do Estado de Säo Paulo 14 de outubro de 2008 Desenvolvimento de Pessoas na Administração Pública Assembléia Legislativa do Estado de Säo Paulo 14 de outubro de 2008 Roteiro 1. Contexto 2. Por que é preciso desenvolvimento de capacidades no setor

Leia mais

Informativo Fundos Solidários nº 13

Informativo Fundos Solidários nº 13 Informativo Fundos Solidários nº 13 Em dezembro de 2014, em Recife, Pernambuco, foi realizado o 2º seminário de Educação Popular e Economia Solidária. Na ocasião, discutiu-se sobre temas relevantes para

Leia mais

Núcleo de Pesquisa Comércio Internacional, Gestão e Sustentabilidade.

Núcleo de Pesquisa Comércio Internacional, Gestão e Sustentabilidade. Núcleo de Pesquisa Comércio Internacional, Gestão e Sustentabilidade. Composição do Núcleo de Pesquisa em Comércio Internacional, Gestão e Sustentabilidade. Linhas de Pesquisa Coordenador Prof. Dr. Sérgio

Leia mais

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS Técnico de Multimédia 10 H 7536 Alberto Filipe Cardoso Pinto 7566 Ana Isabel Lomar Antunes 7567 Andreia Carine Ferreira Quintela 7537 Bruno Manuel Martins Castro 7538 Bruno Miguel Ferreira Bogas 5859 Bruno

Leia mais

Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Tocantins decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Tocantins decreta e eu sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 1.374, DE 08 DE ABRIL DE 2003. Publicado no Diário Oficial nº 1.425. Dispõe sobre a Política Estadual de Educação Ambiental e adota outras providências. O Governador do Estado do Tocantins Faço

Leia mais

Cultura Oficina Litoral Sustentável

Cultura Oficina Litoral Sustentável Cultura Oficina Litoral Sustentável 1 ESTRUTURA DA AGENDA REGIONAL E MUNICIPAIS 1. Princípios 2. Eixos 3. Diretrizes 4. Ações 4.1 Natureza das ações (planos, projetos, avaliação) 4.2 Mapeamento de Atores

Leia mais

e construção do conhecimento em educação popular e o processo de participação em ações coletivas, tendo a cidadania como objetivo principal.

e construção do conhecimento em educação popular e o processo de participação em ações coletivas, tendo a cidadania como objetivo principal. Educação Não-Formal Todos os cidadãos estão em permanente processo de reflexão e aprendizado. Este ocorre durante toda a vida, pois a aquisição de conhecimento não acontece somente nas escolas e universidades,

Leia mais

Escola de Políticas Públicas

Escola de Políticas Públicas Escola de Políticas Públicas Política pública na prática A construção de políticas públicas tem desafios em todas as suas etapas. Para resolver essas situações do dia a dia, é necessário ter conhecimentos

Leia mais

LEI Nº 4.791 DE 2 DE ABRIL DE

LEI Nº 4.791 DE 2 DE ABRIL DE Lei nº 4791/2008 Data da Lei 02/04/2008 O Presidente da Câmara Municipal do Rio de Janeiro nos termos do art. 79, 7º, da Lei Orgânica do Município do Rio de Janeiro, de 5 de abril de 1990, não exercida

Leia mais

Sumário. Estudos organizacionais: dilemas paradigmáticos e abertura interdisciplinar 17

Sumário. Estudos organizacionais: dilemas paradigmáticos e abertura interdisciplinar 17 Sumário / Introdução Pesquisa qualitativa e o debate sobre a propriedade de pesquisar.... 1 Christiane Kleinübing Godoi, Rodrigo Bandeira-de-Mello e Anielson Barbosa da Silva PARTE I ESTUDOS ORGANIZACIONAIS

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO 1 EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO MESTRADO: A) DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS DAS LINHAS 1 e 2: Organizações e Estratégia e Empreendedorismo e Mercado

Leia mais

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Prefeitura Municipal de Cachoeiro de Itapemirim - ES PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Introdução O Programa Municipal de Educação Ambiental estabelece diretrizes, objetivos, potenciais participantes, linhas

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO CHOÇA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO - SEMED

PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DO CHOÇA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO - SEMED RELAÇÃO DE PROFESSORES PARA O CONTRATO 2014 - EDUCAÇÃO INFANTIL AO 5º ANO NOME 1. IRENE SILVA DOS SANTOS 2. ERONILDES ALVES PEREIRA 3. JOSILENE DE JESUS CHAVES 4. EDNA MARIA OLIVEIRA SAMPAIO 5. ISABEL

Leia mais

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016 13008 10 E Técnico de Instalações Elétricas Carlos Jorge Oliveira Rodrigues Escola Secundária de São Pedro do Sul 13791 10 E Técnico de Instalações Elétricas Daniel dos Santos Rodrigues Escola Secundária

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO 1 MESTRADO: EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO A) DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS DAS LINHAS 1 e 2: Estudos Organizacionais e Sociedade e Marketing e Cadeias

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO PROCESSO SELETIVO 2015 PROVA ESCRITA DE CONHECIMENTO JURÍDICO DOUTORADO

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO PROCESSO SELETIVO 2015 PROVA ESCRITA DE CONHECIMENTO JURÍDICO DOUTORADO BANCA: D-01D LINHA DE PESQUISA: DIREITOS HUMANOS E ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO: FUNDAMENTAÇÃO, PARTICIPAÇÃO E EFETIVIDADE ÁREA DE ESTUDO: DIREITO POLÍTICO SALA: 501 Carlos Athayde Valadares Viegas Ricardo

Leia mais

Redes de Pesquisa: a experiência nacional do Observatório das Metrópoles

Redes de Pesquisa: a experiência nacional do Observatório das Metrópoles Redes de Pesquisa: a experiência nacional do Observatório das Metrópoles Profª. Drª. Maria do Livramento Miranda Clementino (Coordenadora do Núcleo RMNatal - Observatório das Metrópoles - UFRN) Apresentação

Leia mais

II CURSO DE FORMAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA GESTÃO PÚBLICA DA BIODIVERSIDADE. Momento Presencial I. 16 a 24 de outubro de 2012 - ACADEBIO/Iperó/SP

II CURSO DE FORMAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA GESTÃO PÚBLICA DA BIODIVERSIDADE. Momento Presencial I. 16 a 24 de outubro de 2012 - ACADEBIO/Iperó/SP INSTITUTO CHICO MENDES DE CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE DIRETORIA DE AÇÕES SOCIOAMBIENTAIS E CONSOLIDAÇÃO TERRITORIAL EM UNIDADES DE CONSERVAÇÃO COORDENAÇÃO GERAL DE GESTÃO SOCIOAMBIENTAL COORDENAÇÃO DE

Leia mais

TRABALHOS PREMIADOS. Tema 1: Empreendedorismo, pequenas empresas e inovação

TRABALHOS PREMIADOS. Tema 1: Empreendedorismo, pequenas empresas e inovação TRABALHOS PREMIADOS Tema 1: Empreendedorismo, pequenas empresas e inovação Trabalho: ANÁLISE DA IMPLEMENTAÇÃO E OPERAÇÃO DOS NÚCLEOS DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA (NITS) NO BRASIL: ESTRUTURA, GESTÃO E RELAÇÃO

Leia mais

MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre

MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre Jorge Costelha Seabra 2 18,2 110402182 Ana Catarina Linhares

Leia mais

METODOLOGIA SEBRAE BAHIA PARA PÓLOS DE EMPREENDEDORISMO CULTURAL

METODOLOGIA SEBRAE BAHIA PARA PÓLOS DE EMPREENDEDORISMO CULTURAL Trabalho apresentado no III ENECULT Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura, realizado entre os dias 23 a 25 de maio de 2007, na Faculdade de Comunicação/UFBa, Salvador-Bahia-Brasil. METODOLOGIA

Leia mais

EMPREENDEDORISMO SOCIAL: economia solidária da teoria a prática a experiência UFRB/INCUBA e sociedade Danilo Souza de Oliveira i

EMPREENDEDORISMO SOCIAL: economia solidária da teoria a prática a experiência UFRB/INCUBA e sociedade Danilo Souza de Oliveira i EMPREENDEDORISMO SOCIAL: economia solidária da teoria a prática a experiência UFRB/INCUBA e sociedade Danilo Souza de Oliveira i INTRODUÇÃO Entre as inúmeras formas de diálogo que a UFRB (Universidade

Leia mais

Escola Secundária de S. Pedro do Sul (AESPS)

Escola Secundária de S. Pedro do Sul (AESPS) Sala B5 KFS ALEXANDRE DE ALMEIDA SILVA ALEXANDRE HENRIQUE DA ROCHA OLIVEIRA ALEXANDRE MIGUEL DE ALMEIDA PEREIRA ALEXANDRE SILVA FIGUEIREDO ANA CATARINA GOMES MOREIRA ANA CATARINA MARQUES GOMES ANA MARGARIDA

Leia mais

UIPES/ORLA Sub-Região Brasil

UIPES/ORLA Sub-Região Brasil 1 A CARTA DE BANGKOK PARA A PROMOÇÃO DA SAÚDE NO MUNDO GLOBALIZADO 1 Introdução Área de atuação. A Carta de Bangkok (CB) identifica ações, compromissos e garantias requeridos para atingir os determinantes

Leia mais

BOLETIM ELETRÔNICO DE SERVIÇOS

BOLETIM ELETRÔNICO DE SERVIÇOS BOLETIM ELETRÔNICO DE SERVIÇOS Campus Floriano Teresina (PI), 31 de outubro de 2014. PORTARIA Nº001/2014, DE 19 DE FEVEREIRO DE 2014. Designar os servidores Lázaro Miranda Carvalho, Professor do Ensino

Leia mais

MAPEAMENTO E ORGANIZAÇÃO DOS PROGRAMAS E PROJETOS DE EXTENSÃO PARA A CONSTRUÇÃO DO CATÁLOGO DE EXTENSÃO DA FURG 2009-2012

MAPEAMENTO E ORGANIZAÇÃO DOS PROGRAMAS E PROJETOS DE EXTENSÃO PARA A CONSTRUÇÃO DO CATÁLOGO DE EXTENSÃO DA FURG 2009-2012 MAPEAMENTO E ORGANIZAÇÃO DOS PROGRAMAS E PROJETOS DE EXTENSÃO PARA A CONSTRUÇÃO DO CATÁLOGO DE EXTENSÃO DA FURG 2009-2012 Simone Machado Firme FURG 1 Karine Vargas Oliveira FURG 2 Michele Fernanda Silveira

Leia mais

Capacitando, assessorando e financiando pequenos empreendimentos solidários a Obra Kolping experimenta um caminho entre empréstimos em condições

Capacitando, assessorando e financiando pequenos empreendimentos solidários a Obra Kolping experimenta um caminho entre empréstimos em condições Programa Fundo Solidário Construído para garantir inclusão socioeconômica Capacitando, assessorando e financiando pequenos empreendimentos solidários a Obra Kolping experimenta um caminho entre empréstimos

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA Executivo em Saúde Coordenação Acadêmica: Profª TANIA FURTADO EMENTA DO CURSO 1) Gestão dos Serviços em Saúde A participação dos serviços em uma Organização

Leia mais

RELAÇÃO DOS CANDIDATOS APROVADOS NA 1º ETAPA PÓS-RECURSO. Credenciamento de Consultores e Instrutores do Sebrae/ DF.

RELAÇÃO DOS CANDIDATOS APROVADOS NA 1º ETAPA PÓS-RECURSO. Credenciamento de Consultores e Instrutores do Sebrae/ DF. RELAÇÃO DOS CANDIDATOS APROVADOS NA 1º ETAPA PÓS-RECURSO. Credenciamento de es e es do Sebrae/ DF. ÀREA DE CONHECIMENTO: AGRONEGÓCIOS agronegócios Alejandro Luiz Pereira da Silva empreendimentos agropecuários

Leia mais

Mestrados Profissionais em Segurança Pública. Documento do Workshop Mestrado Profissional em Segurança Pública e Justiça Criminal

Mestrados Profissionais em Segurança Pública. Documento do Workshop Mestrado Profissional em Segurança Pública e Justiça Criminal I- Introdução Mestrados Profissionais em Segurança Pública Documento do Workshop Mestrado Profissional em Segurança Pública e Justiça Criminal Este documento relata as apresentações, debates e conclusões

Leia mais

DIRETORIA DE PLANEJAMENTO DIPLA Produtos Fortaleza 2040 Processos Gestão do Plano Fortaleza 2040 Integração de planos setoriais

DIRETORIA DE PLANEJAMENTO DIPLA Produtos Fortaleza 2040 Processos Gestão do Plano Fortaleza 2040 Integração de planos setoriais DIRETORIA DO OBSERVATÓRIO DA GOVERNANÇA DIOBS Produtos Sala Situacional Rede de Salas de Situação Processos Monitoramento Agenda Estratégica Observatório da Governança DIRETORIA DE PLANEJAMENTO DIPLA Produtos

Leia mais

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015 LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110 Ano Letivo - 2014/2015 CANDIDATOS ADMITIDOS: Nº Candidato NOME OSERVAÇÕES 1367130034 Alexandra

Leia mais

MESTRADO EM MEMÓRIA SOCIAL E BENS CULTURAIS. 1.1 Matriz Curricular Disciplinas obrigatórias

MESTRADO EM MEMÓRIA SOCIAL E BENS CULTURAIS. 1.1 Matriz Curricular Disciplinas obrigatórias MESTRADO EM MEMÓRIA SOCIAL E BENS CULTURAIS 1.1 Matriz Curricular Disciplinas obrigatórias C/H Memória Social 45 Cultura 45 Seminários de Pesquisa 45 Oficinas de Produção e Gestão Cultural 45 Orientação

Leia mais

Corrida da Saúde. Infantis A - Feminino

Corrida da Saúde. Infantis A - Feminino Corrida da Saúde Classificação geral do corta-mato, realizado no dia 23 de Dezembro de 2007, na Escola E.B. 2,3 de Valbom. Contou com a participação dos alunos do 4º ano e do 2º e 3º ciclos do Agrupamento

Leia mais

RESOLUÇÃO N.º 36, DE 04 DE ABRIL DE 2005. Dispõe sobre alterações à Resolução CONSEPE n. 57, de 14 de maio de 2001. R E S O L V E: I DA CONCEITUAÇÃO

RESOLUÇÃO N.º 36, DE 04 DE ABRIL DE 2005. Dispõe sobre alterações à Resolução CONSEPE n. 57, de 14 de maio de 2001. R E S O L V E: I DA CONCEITUAÇÃO RESOLUÇÃO N.º 36, DE 04 DE ABRIL DE 2005. Dispõe sobre alterações à Resolução CONSEPE n. 57, de 14 de maio de 2001. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO, no

Leia mais

O Projeto Casa Brasil de inclusão digital e social

O Projeto Casa Brasil de inclusão digital e social II Fórum de Informação em Saúde IV Encontro da Rede BiblioSUS O Projeto Casa Brasil de inclusão digital e social Maria de Fátima Ramos Brandão Outubro/2007 1 Apresentação O Projeto Casa Brasil Modelos

Leia mais

Palavras-chave: Escola, Educação Física, Legitimidade e cultura corporal.

Palavras-chave: Escola, Educação Física, Legitimidade e cultura corporal. A ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO PEDAGÓGICO DA EDUCAÇÃO FÍSICA NA ESCOLA MUNICIPAL RECANTO DO BOSQUE: LIMITES E POSSIBILIDADES PARA UMA INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA A PARTIR DO SUBPROJETO DA EDUCAÇÃO FÍSICA DA ESEFFEGO/UEG.

Leia mais

APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO POLITICA PPS PR Curso Haj Mussi Tema Sustentabilidade

APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO POLITICA PPS PR Curso Haj Mussi Tema Sustentabilidade APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO POLITICA PPS PR Curso Haj Mussi Tema Sustentabilidade Desenvolvido por: Neuza Maria Rodrigues Antunes neuzaantunes1@gmail.com AUMENTO DA POPULAÇÃO URBANA 85% NO BRASIL (Censo

Leia mais

CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL LISTA PROVISÓRIA DE ALUNOS SELECIONADOS

CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL LISTA PROVISÓRIA DE ALUNOS SELECIONADOS CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL Adriana da Conceição Palhares Lopes Alexandra Rodrigues Barbosa Ana Salomé Lopes Queirós Andreia Dias da Costa Bianca Patricia Gonçalves Ramos Carina Filipa Monteiro Rodrigues

Leia mais

DIRETRIZES DE FUNCIONAMENTO DO MOVIMENTO NACIONAL PELA CIDADANIA E SOLIDARIEDADE/ NÓS PODEMOS

DIRETRIZES DE FUNCIONAMENTO DO MOVIMENTO NACIONAL PELA CIDADANIA E SOLIDARIEDADE/ NÓS PODEMOS 1 DIRETRIZES DE FUNCIONAMENTO DO MOVIMENTO NACIONAL PELA CIDADANIA E SOLIDARIEDADE/ NÓS PODEMOS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES E OBJETIVO DO MOVIMENTO 2 Artigo 1º O Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade/Nós

Leia mais

Plan International e IIDAC com recursos do Fundo União Europeia

Plan International e IIDAC com recursos do Fundo União Europeia INSTITUTO INTERNACIONAL PARA O DESENVOLVIMENTO DA CIDADANIA TERMO DE REFERÊNCIA No. 012/2015 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA/JURÍDICA CONSULTOR POR PRODUTO 1. PROJETO Pontes para o Futuro 2. RECURSOS

Leia mais

Educação Ambiental Crítica: do socioambientalismo às sociedades sustentáveis

Educação Ambiental Crítica: do socioambientalismo às sociedades sustentáveis Educação Ambiental Crítica: do socioambientalismo às sociedades sustentáveis Ciclo de Cursos de Educação Ambiental Ano 4 Secretaria de Estado do Meio Ambiente Coordenadoria de Planejamento Ambiental Estratégico

Leia mais

1ª Retificação do Edital Nº 024/2015

1ª Retificação do Edital Nº 024/2015 1ª Retificação do Edital Nº 024/2015 O Diretor Geral do Câmpus Juiz de Fora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sudeste de Minas Gerais (IF Sudeste MG), no uso de suas atribuições

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DO EVENTO

PROGRAMAÇÃO DO EVENTO PROGRAMAÇÃO DO EVENTO Dia 08/08 // 09h00 12h00 PLENÁRIA Nova economia: includente, verde e responsável Nesta plenária faremos uma ampla abordagem dos temas que serão discutidos ao longo de toda a conferência.

Leia mais

ENCONTRO GAÚCHO SOBRE A NOVA CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR PÚBLICO EDIÇÃO 2013

ENCONTRO GAÚCHO SOBRE A NOVA CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR PÚBLICO EDIÇÃO 2013 ENCONTRO GAÚCHO SOBRE A NOVA CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR PÚBLICO EDIÇÃO 2013 Tendências de pesquisa acadêmica na área de Gestão Pública e Fontes de Informação para Pesquisa Foco em CASP Prof. Ariel

Leia mais

Governo do Estado do Rio Grande do Sul Secretaria da Educação Secretaria do Meio Ambiente Órgão Gestor da Política Estadual de Educação Ambiental

Governo do Estado do Rio Grande do Sul Secretaria da Educação Secretaria do Meio Ambiente Órgão Gestor da Política Estadual de Educação Ambiental Governo do Estado do Rio Grande do Sul Secretaria da Educação Secretaria do Meio Ambiente Órgão Gestor da Política Estadual de Educação Ambiental PROJETO PARA ELABORAÇÃO DO PLANO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Leia mais

Hospital Sofia Feldman

Hospital Sofia Feldman Hospital Sofia ldman Relatório de Remuneração de Médicos Referente a Mês/Ano: 07/2015 NOME DO TRABALHADOR ROBERTO SALES MARTINS VERCOSA PAULO MAX GARCIA LEITE LUCAS BARBOSA DA SILVA JOAO BATISTA MARINHO

Leia mais

Lei N X.XXX de XX de XXXXX de XXX

Lei N X.XXX de XX de XXXXX de XXX Lei N X.XXX de XX de XXXXX de XXX Dispõe sobre a Educação Ambiental, institui a Política Estadual de Educação Ambiental e dá outras providências. A GOVERNADORA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE: FAÇO SABER

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 206/2015

PROCESSO SELETIVO Nº 206/2015 PROCESSO SELETIVO Nº 206/2015 O Sesc em Minas comunica a relação nominal com as notas da prova ocorrida entre os dias 07/06/2015 à 14/06/2015 Considerando o que está previsto no subitem 5.1.3.1 do Descritivo

Leia mais

PERFIL DOS ESTADOS E DOS MUNICÍPIOS BRASILEIROS: INCLUSÃO PRODUTIVA.

PERFIL DOS ESTADOS E DOS MUNICÍPIOS BRASILEIROS: INCLUSÃO PRODUTIVA. PERFIL DOS ESTADOS E DOS MUNICÍPIOS BRASILEIROS: INCLUSÃO PRODUTIVA. FICHA TÉCNICA Coordenação de População e Indicadores Sociais: Bárbara Cobo Soares Gerente de Pesquisas e Estudos Federativos: Antônio

Leia mais

EMENTAS - MATRIZ CURRICULAR - 2016

EMENTAS - MATRIZ CURRICULAR - 2016 EMENTAS - MATRIZ CURRICULAR - 2016 901491 - EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO ADMINISTRATIVO I Estudo da administração, suas áreas e funções, o trabalho do administrador e sua atuação; a evolução da teoria organizacional

Leia mais

:: LINHAS DE AÇÃO. Apoio aos Municípios. Tecnologia e Informação em Resíduos. Promoção e Mobilização Social. Capacitação

:: LINHAS DE AÇÃO. Apoio aos Municípios. Tecnologia e Informação em Resíduos. Promoção e Mobilização Social. Capacitação :: LINHAS DE AÇÃO Apoio aos Municípios Tecnologia e Informação em Resíduos Capacitação Promoção e Mobilização Social :: PRESSUPOSTOS DA COLETA SELETIVA Gestão participativa Projeto de Governo Projeto da

Leia mais

Comunidade Solidária: parcerias contra a pobreza

Comunidade Solidária: parcerias contra a pobreza Comunidade Solidária: parcerias contra a pobreza OConselho da Comunidade Solidária foi criado em 1995 com base na constatação de que a sociedade civil contemporânea se apresenta como parceira indispensável

Leia mais

Qualificação. Horizontes. BSB, 22 de novembro. de 2005

Qualificação. Horizontes. BSB, 22 de novembro. de 2005 Qualificação Horizontes BSB, 22 de novembro de 2005 Campo Qualificação Conceito: espaço social específico com autonomia relativa onde os sujeitos sociais atuam refletindo sua ação mais geral na sociedade

Leia mais

EIXO I GESTÃO CULTURAL DEMOCRÁTICA E PARTICIPATIVA

EIXO I GESTÃO CULTURAL DEMOCRÁTICA E PARTICIPATIVA PLANO MUNICIPAL DE CULTURA DE BALNEÁRIO CAMBORIÚ Comissão de Elaboração do Plano Municipal de Cultura: Anderson Beluzzo, Celso Peixoto, Dagma Castro, Elias Alcides Luciano, Guilhermina Stuker, João Alexandre

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 045/2015

PROCESSO SELETIVO Nº 045/2015 PROCESSO SELETIVO Nº 045/2015 REDE NACIONAL DE ECONOMIA SOLIDÁRIA E FEMINISTA A GUAYÍ, Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, sediada na Rua José do Patrocínio 611, Bairro Cidade Baixa, Porto

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E ASSUNTOS ESTUDANTIS - PROEXAE PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE EXTENSÃO - PIBEX EDITAL Nº 006/2015 PROEXAE/UEMA

PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E ASSUNTOS ESTUDANTIS - PROEXAE PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE EXTENSÃO - PIBEX EDITAL Nº 006/2015 PROEXAE/UEMA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E ASSUNTOS ESTUDANTIS - PROEXAE PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE EXTENSÃO - PIBEX EDITAL Nº 006/2015 PROEXAE/UEMA A Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Estudantis da Universidade

Leia mais

Amanda Cardoso de Melo

Amanda Cardoso de Melo Aime Pinheiro Pires participou da palestra: Empreendedor De Sucesso, Amanda Cardoso de Melo Amanda Loschiavo Amoiré Santos Ribeiro Ana Carolina Pereira Pires Ana Carolina Pioto Magalhães Ana Cristina Angelo

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE ADMINISTRAÇÃO Evolução de Pensamento Administrativo I Estudo da administração, suas áreas e funções, o trabalho do administrador e sua atuação; a evolução

Leia mais

1. Apresentação. 2. Pontos Fixos de Comercialização Solidária

1. Apresentação. 2. Pontos Fixos de Comercialização Solidária Edital de Seleção de Pontos Fixos de Comercialização Solidária Candidatos para Participar da Rede Brasileira de Comercialização Solidária - Rede Comsol (Edital - Ubee/Ims N. 01/2014) 1. Apresentação A

Leia mais

O Programa de Fortalecimento Institucional para a Igualdade de Gênero e Raça, Erradicação da Pobreza e Geração de Emprego - GRPE

O Programa de Fortalecimento Institucional para a Igualdade de Gênero e Raça, Erradicação da Pobreza e Geração de Emprego - GRPE O Programa de Fortalecimento Institucional para a Igualdade de Gênero e Raça, Erradicação da Pobreza e Geração de Emprego - GRPE Marcia Vasconcelos - OIT Reunión de Especialistas Género, Probreza, Raza,

Leia mais

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Nome da Escola : Agrupamento de Escolas de Almancil, Loulé Horário n.º: 27-18 horas 2013-10-09 Grupo de Recrutamento: 420 - Geografia LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Ordenação Graduação

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA N.º

TERMO DE REFERÊNCIA N.º MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO CONTINUADA, ALFABETIZAÇÃO E DIVERSIDADE DIRETORIA DE EDUCAÇÃO INTEGRAL, DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA COORDENAÇÃO GERAL DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL TERMO DE REFERÊNCIA

Leia mais

Carta Documento: pela construção e implementação de uma Política de Educação do Campo na UNEB

Carta Documento: pela construção e implementação de uma Política de Educação do Campo na UNEB Salvador, 21 de setembro de 2015 Carta Documento: pela construção e implementação de uma Política de Educação do Campo na UNEB Nos dias 19, 20 e 21 de agosto de 2015 realizou-se no Hotel Vila Velha, em

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE ADMINISTRAÇÃO Nome da disciplina Evolução do Pensamento Administrativo I Estudo da administração, suas áreas e funções, o trabalho do administrador e sua atuação;

Leia mais

Desenvolvimento I CONFERÊNCIA ESTADUAL DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL VETORES DE DESENVOLVIMENTO

Desenvolvimento I CONFERÊNCIA ESTADUAL DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL VETORES DE DESENVOLVIMENTO Desenvolvimento I CONFERÊNCIA ESTADUAL DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL VETORES DE DESENVOLVIMENTO 1 Desenvolvimento... o desenvolvimento é uma corrida de longa distância, e nela há um elemento de solidão,

Leia mais

Núcleo de Pesquisa Comércio Internacional, Gestão e Sustentabilidade.

Núcleo de Pesquisa Comércio Internacional, Gestão e Sustentabilidade. Núcleo de Pesquisa Comércio Internacional, Gestão e Sustentabilidade. Composição do Núcleo de Pesquisa em Comércio Internacional, Gestão e Sustentabilidade. Linhas de Pesquisa Coordenador Prof. Dr. Sérgio

Leia mais

Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras

Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras 1. Introdução O Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras foi idealizado pelo Conselho Gestor da Escola,

Leia mais

Contribuir para a implantação de programas de gestão e de educação ambiental em comunidades e em instituições públicas e privadas.

Contribuir para a implantação de programas de gestão e de educação ambiental em comunidades e em instituições públicas e privadas. TÍTULO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL: ESTRATÉGIA PARA O CONHECIMENTO E A INCLUSÃO SOCIAL AUTORES: Chateaubriand, A. D.; Andrade, E. B. de; Mello, P. P. de; Roque, W. V.; Costa, R. C. da; Guimarães, E. L. e-mail:

Leia mais

PANORAMA EMPRESARIAL DO TURISMO RURAL BRASILEIRO 2010 TENDÊNCIAS E OPORTUNIDADES

PANORAMA EMPRESARIAL DO TURISMO RURAL BRASILEIRO 2010 TENDÊNCIAS E OPORTUNIDADES PANORAMA EMPRESARIAL DO TURISMO RURAL BRASILEIRO 2010 TENDÊNCIAS E OPORTUNIDADES Organizador Patrocínio Apoio PANORAMA EMPRESARIAL DO TURISMO RURAL BRASILEIRO 2010 O Turismo é uma das maiores fontes de

Leia mais

SOMOS TOD@S UFRB. Síntese da Proposta de Trabalho

SOMOS TOD@S UFRB. Síntese da Proposta de Trabalho SOMOS TOD@S UFRB Síntese da Proposta de Trabalho Chapa SOMOS TOD@S UFRB Reitor: Silvio Soglia Vice-Reitora: Georgina Gonçalves "Aquele que quer aprender a voar um dia precisa primeiro aprender a ficar

Leia mais

introdução Trecho final da Carta da Terra 1. O projeto contou com a colaboração da Rede Nossa São Paulo e Instituto de Fomento à Tecnologia do

introdução Trecho final da Carta da Terra 1. O projeto contou com a colaboração da Rede Nossa São Paulo e Instituto de Fomento à Tecnologia do sumário Introdução 9 Educação e sustentabilidade 12 Afinal, o que é sustentabilidade? 13 Práticas educativas 28 Conexões culturais e saberes populares 36 Almanaque 39 Diálogos com o território 42 Conhecimentos

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL REDA 001/2013 CANDIDATOS APROVADOS POR ORDEM DE CLASSIFICAÇÃO 678.244.125-04 806.514.025-49 668.468.

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL REDA 001/2013 CANDIDATOS APROVADOS POR ORDEM DE CLASSIFICAÇÃO 678.244.125-04 806.514.025-49 668.468. CARGO Área de Atuação Nº CPF NOME DO CANDIDATO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL REDA 001/2013 CANDIDATOS APROVADOS POR ORDEM DE CLASSIFICAÇÃO 678.244.125-04 BÁRBARA CRISTINA DOS CORREIA Nota Final

Leia mais

PÔSTER A IMPORTÂNCIA DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NO PROCESSO DE ENSINO APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO INFANTIL OS JOGOS E AS BRINCADEIRAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL

PÔSTER A IMPORTÂNCIA DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NO PROCESSO DE ENSINO APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO INFANTIL OS JOGOS E AS BRINCADEIRAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO CONTINUADA uuada XVII CONGRESSO REGIONAL DE EDUCADORES DE UBERABA E DO TRIÂNGULO MINEIRO "SISTEMA ESTRUTURADO DE ENSINO: ULTRAPASSANDO

Leia mais

Agenda Regional de Desenvolvimento Sustentável Eixo 4: Gestão Regional Integrada

Agenda Regional de Desenvolvimento Sustentável Eixo 4: Gestão Regional Integrada Agenda Regional de Desenvolvimento Sustentável Eixo 4: Gestão Regional Integrada 1 O Projeto Litoral Sustentável 1ª Fase (2011/2012): Diagnósticos municipais (13 municípios) Diagnóstico regional (Já integralmente

Leia mais

Resultados da Candidatura a Alojamento

Resultados da Candidatura a Alojamento Resultados da Candidatura a Alojamento Unidade Orgânica: Serviços de Acção Social RESIDÊNCIA: 02 - ESE ANO LECTIVO: 2015/2016 2ª Fase - Resultados Definitivos >>> EDUCAÇÃO BÁSICA 14711 Ana Catarina Mendes

Leia mais

RESULTADO PROVISÓRIO EDITAL DE SELEÇÃO INTERNA DE PROPOSTAS A SEREM SUBMETIDAS AO EDITAL PROEXT 2016

RESULTADO PROVISÓRIO EDITAL DE SELEÇÃO INTERNA DE PROPOSTAS A SEREM SUBMETIDAS AO EDITAL PROEXT 2016 EDITAL Nº 009/2015 RESULTADO PROVISÓRIO EDITAL DE SELEÇÃO INTERNA DE PROPOSTAS A SEREM SUBMETIDAS AO EDITAL T 2016 A PRÓ-REITORA DE EXTENSÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO, no uso de suas atribuições

Leia mais

RESULTADO DA ANÁLISE CURRICULAR LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA

RESULTADO DA ANÁLISE CURRICULAR LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA APRENDIZAGEM MOTORA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO RESULTADO DA ANÁLISE CURRICULAR LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA ANA PAULA ZANINI DA SILVA DESCLASSIFICADA ITEM 2.1.1 LUIZ FERNANDO MARIANO MONTEIRO 47 PONTOS

Leia mais

PROGRAMA MUNICIPAL DE VOLUNTARIADO INTERNACIONAL

PROGRAMA MUNICIPAL DE VOLUNTARIADO INTERNACIONAL PROGRAMA MUNICIPAL DE VOLUNTARIADO INTERNACIONAL SECRETARIA MUNICIPAL ADJUNTA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS SECRETARIA MUNICIPAL ADJUNTA DE RECURSOS HUMANOS O PROGRAMA O Programa Municipal de Voluntariado

Leia mais

RESULTADOS. Nome Global ( /100) PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1

RESULTADOS. Nome Global ( /100) PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1 PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1 PT1840721 ADRIANA XAVIER DA SILVA FERNANDES 38 Pré-A1 PT1840722 ALEXANDRA FILIPA AZEVEDO SANTOS 52 A1 PT1840723

Leia mais

RESPONSABILIDADE SOCIAL: a solidariedade humana para o desenvolvimento local

RESPONSABILIDADE SOCIAL: a solidariedade humana para o desenvolvimento local RESPONSABILIDADE SOCIAL: a solidariedade humana para o desenvolvimento local 1 Por: Evandro Prestes Guerreiro 1 A questão da Responsabilidade Social se tornou o ponto de partida para o estabelecimento

Leia mais

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 Universidade de Évora, 10 de março de 2015 Identidade, Competitividade, Responsabilidade Lezíria do Tejo Alto Alentejo Alentejo Central Alentejo Litoral

Leia mais

Minuta do Capítulo 10 do PDI: Relações Externas

Minuta do Capítulo 10 do PDI: Relações Externas Minuta do Capítulo 10 do PDI: Relações Externas Elaborada pela Diretoria de Extensão e pela Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação 1 1 Esta minuta será apreciada pelo Colegiado de Ensino, Pesquisa

Leia mais

Projeto de Gestão Compartilhada para o Programa TV Escola. Projeto Básico

Projeto de Gestão Compartilhada para o Programa TV Escola. Projeto Básico Secretaria de Educação a Distância Departamento de Planejamento em EAD Coordenação Geral de Planejamento de EAD Programa TV Escola Projeto de Gestão Compartilhada para o Programa TV Escola Projeto Básico

Leia mais

Este Fórum Local da Agenda 21 se propõe a escutar, mobilizar e representar a sociedade local, para construirmos em conjunto uma visão compartilhada

Este Fórum Local da Agenda 21 se propõe a escutar, mobilizar e representar a sociedade local, para construirmos em conjunto uma visão compartilhada Fórum da Agenda 21 de Guapimirim Aprender a APRENDER e a FAZER. Aprender a CONVIVER, e Aprender a SER Cidadãos Participativos, Éticos e Solidários Este Fórum Local da Agenda 21 se propõe a escutar, mobilizar

Leia mais

PROGRAMA. Brasil, Gênero e Raça. Orientações Gerais

PROGRAMA. Brasil, Gênero e Raça. Orientações Gerais PROGRAMA Brasil, Gênero e Raça Orientações Gerais Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Trabalho e Emprego Luiz Marinho Secretário-Executivo Marco Antonio de Oliveira Secretário

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE RESPONSABILIDADE SOCIAL

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE RESPONSABILIDADE SOCIAL CENTRO DE ENSINO ATENAS MARANHENSE FACULDADE ATENAS MARANHESE DIRETORIA ACADÊMICA NÚCLEO DE ASSESSORAMENTO E DE DESENVOLVIMENTO PEDAGÓGICO - NADEP PROGRAMA INSTITUCIONAL DE RESPONSABILIDADE SOCIAL SÃO

Leia mais

FÓRUM MUNDIAL DE DIREITOS HUMANOS. Data: 10 a 13 de Dezembro de 2013 Local: Brasília

FÓRUM MUNDIAL DE DIREITOS HUMANOS. Data: 10 a 13 de Dezembro de 2013 Local: Brasília FÓRUM MUNDIAL DE DIREITOS HUMANOS Data: 10 a 13 de Dezembro de 2013 Local: Brasília Nome do Evento: Fórum Mundial de Direitos Humanos Tema central: Diálogo e Respeito às Diferenças Objetivo: Promover um

Leia mais

Desenvolvimento e Mudanças na Gestão Pública

Desenvolvimento e Mudanças na Gestão Pública UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CEAD / UNIRIO PROGRAMA NACIONAL DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA PNAP CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO PÚBLICA MUNICIPAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE ORGANIZAÇÃO

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS ECONOMICOS SOLIDÁRIOS (EES) CANDIDATOS A HABILITAÇÃO AO SISTEMA NACIONAL DE COMÉRCIO JUSTO E SOLIDÁRIO - SNCJS

EDITAL DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS ECONOMICOS SOLIDÁRIOS (EES) CANDIDATOS A HABILITAÇÃO AO SISTEMA NACIONAL DE COMÉRCIO JUSTO E SOLIDÁRIO - SNCJS 1. Apresentação União Brasileira de Educação e Ensino UBEE EDITAL DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS ECONOMICOS SOLIDÁRIOS (EES) CANDIDATOS A HABILITAÇÃO AO SISTEMA NACIONAL DE COMÉRCIO JUSTO E SOLIDÁRIO -

Leia mais

APURAÇÃO DE RESULTADO ENTREVISTA. 15 - ÁREA: DIRETORIA DE EXTENSÃO Secretaria e Coordenação de Estágio. Nível Superior

APURAÇÃO DE RESULTADO ENTREVISTA. 15 - ÁREA: DIRETORIA DE EXTENSÃO Secretaria e Coordenação de Estágio. Nível Superior 15 - ÁREA: DIRETORIA DE EXTENSÃO Secretaria e Coordenação de Estágio. Nível Superior 46 Samuel Souza Evangelista 130 104 Jussara Cândida Soares Desclassificada 45 Bruno José Rupino 130 61 Fabiana Grigógio

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO MARKETING E COMUNICAÇÃO DE MODA

PÓS-GRADUAÇÃO MARKETING E COMUNICAÇÃO DE MODA PÓS-GRADUAÇÃO MARKETING E COMUNICAÇÃO DE MODA Coordenadora: Gláucia Centeno 13/04/2015 > 09/2016 400 horas Idioma: Português Aulas: Segundas e quartas das 19h30 às 22h30 PÚBLICO-ALVO Profissionais com

Leia mais

Artigo 23.º da Portaria 243/ 2012, de 10 de agosto 10.º ANO

Artigo 23.º da Portaria 243/ 2012, de 10 de agosto 10.º ANO Adriano Filipe Dias Sequeira Ana Carolina Leite da Silva 10.º ANO Ana Filipa Martins Façanha Marques Ana Laura Martins Dengucho Ana Luísa Marques Tomé Ana Sofia Tomé Vicente Andreia Cristina de Oliveira

Leia mais

Mostra de Projetos 2011. Cozinha Escola Borda Viva

Mostra de Projetos 2011. Cozinha Escola Borda Viva Mostra de Projetos 2011 Cozinha Escola Borda Viva Mostra Local de: São José dos Pinhais Categoria do projeto: I - Projetos em implantação, com resultados parciais Nome da Instituição/Empresa: Associação

Leia mais