COPA FEEVALE - 11ª EDIÇÃO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "COPA FEEVALE - 11ª EDIÇÃO - 2015"

Transcrição

1 COPA FEEVALE - 11ª EDIÇÃO OBJETIVOS - PROMOVER UMA COMPETIÇÃO COM CUSTOS BAIXOS; - PROPORCIONAR JOGOS EM AMBIENTES FAVORÁVEIS AO CRESCIMENTO TÉCNICO, TÁTICO E EMOCIONAL, UTILIZANDO O ESPORTE COMO FERRAMENTA DE ENSINO, CONTRIBUINDO NA FORMAÇÃO DE ATLETAS E CIDADÃOS. REGULAMENTO - A COMPETIÇÃO TERÁ INÍCIO NO DIA 10 DE ABRIL; - A PRIMEIRA FASE SERÁ DISPUTADA COM JOGOS SÓ DE IDA, TODOS CONTRA TODOS, CLASSIFICANDO-SE NOVE EQUIPES DE CADA CATEGORIA. - O 1º COLOCADO DE CADA CATEGORIA CLASSIFICA-SE DIRETO PARA A FASE SEMI-FINAL, NÃO PARTICIPANDO DA SEGUNDA FASE DA COMPETIÇÃO. - A SEGUNDA FASE SERÁ DISPUTADA EM FORMA DE TRÊS TRIANGULARES, COM A SEGUINTE COMPOSIÇÃO: 2º, 7º E 10º COLOCADOS EM UM DOS TRIANGULARES, OUTRO COM O 3º, 6º E 9º COLOCADOS E OUTRO COM O 4º, 5º E 8º COLOCADOS. ESTES TRIANGULARES SERÃO DISPUTADOS: SUB 11 EM SAPUCAIA (GINÁSIO KURACHIKE), O SUB 13 EM NOVO HAMBURGO (GINÁSIO CAVASOTTO) E O SUB 15 EM CAMPO BOM (GINÁSIO CEI), NO MÊS DE OUTUBRO. CLASSIFICANDO OS PRIMEIROS COLOCADOS PARA AS FASES SEMI-FINAIS, COM OS SEGUINTES CRUZAMENTOS: 1º GERAL X 3ª CAMPANHA NOS TRIANGULARES. E MELHOR CAMPANHA NOS TRIANGULARES CONTRA 2ª CAMPANHA. - AS FASES SEMIFINAIS E FINAIS SERÃO DISPUTADAS NO GINÁSIO AGOSTINHO CAVASOTTO; NESTAS FASES EM CASO DE EMPATE, TERÁ VANTAGEM A EQUIPE DE MELHOR CAMPANHA, NA 1ª FASE. - NA PRIMEIRA FASE FICA DE RESPONSABILIDADE DA EQUIPE SEDE O PAGAMENTO DA ARBITRAGEM E INFORMAR A MESMA SOBRE OS HORÁRIOS DOS JOGOS. PARA AS DEMAIS FASES O VALOR SERÁ DIVIDIDO ENTRE AS EQUIPES PARTICIPANTES, O RESPONSÁVEL PELA ARBITRAGEM É O DALVO JOGOS: R$ 280,00 - TRIANGULARES E DEMAIS FASES: R$ 55,00 POR JOGO DE CADA EQUIPE. PARA OS LOCAIS MAIS AFASTADOS SERÁ UM VALOR DE TRANSPORTE, QUE DEVERÁ SER NEGOCIADO DIRETAMENTE COM O DALVO, E PARA QUEM PRECISAR DE NOTA FISCAL TERÁ UM ACRÉSCIMO DE 25%. DAS DIVISÕES E CATEGORIAS A COMPETIÇÃO SERÁ DISPUTADA EM 3 CATEGORIAS OBRIGATÓRIAS: - SUB 15- (01 E 00) - SUB 13- (03 E 02) - SUB 11- (05 E 04) NAS CATEGORIAS SUB 11 E SUB 13 O 1º TEMPO SERÁ DIVIDIDO EM 2 MEIOS TEMPOS DE 10 MINUTOS ONDE NÃO PODERÃO SER REPETIDOS OS ATLETAS COM EXCEÇÃO DO GOLEIRO, O 2º TEMPO SERÁ LIBERADO; DESTA FORMA NESTAS CATEGORIAS OS JOGOS NÃO PODERÃO SER REALIZADOS COM NÚMERO INFERIOR A 7 ATLETAS RELACIONADOS EM SÚMULA, A EQUIPE QUE SE APRESENTAR COM NÚMERO INFERIOR PERDERÁ POR WO.

2 -NESTAS CATEGORIAS A REPOSIÇÃO DE BOLA REALIZADA PELO GOLEIRO NO TIRO DE META, DEVERÁ OBRIGATORIAMENTE TOCAR NO CHÃO ANTES DA METADE DA QUADRA, TAMBÉM NÃO SENDO PERMITIDO PICAR A BOLA NO CHÃO PARA QUE OUTRO ATLETA DE UM BALÃO. -PARA FACILITAR A SAÍDA DE BOLA A MARCAÇÃO ADVERSÁRIA DEVERÁ FICAR POSICIONADA ATRÁS DA MARCAÇÃO DO TIRO LIVRE, ATÉ O MOMENTO EM QUE A BOLA TOCAR NO CHÃO, OU ULTRAPASSE A MARCA DO TIRO LIVRE. DAS INSCRIÇÕES -PARA A INSCRIÇÃO DE ATLETAS E COMISSÃO TÉCNICA SERÁ CONFECCIONADA UMA CREDENCIAL, QUE DEVERÁ SER APRESENTADA OBRIGATORIAMENTE PARA A ARBITRAGEM ANTES DE CADA JOGO, SEM A MESMA NÃO PODERÁ PERMANECER NA QUADRA; -PARA EFETIVAR A INSCRIÇÃO DE ATLETAS E COMISSÃO TÉCNICA, DEVERÁ SER ENTREGUE PARA A COMISSÃO ORGANIZADORA UMA FICHA COM TODOS OS NOMES ACOMPANHADOS DE FOTOGRAFIA 3 X 4 RECENTE( QUE PODERÁ SER ENVIADA VIA ), MAIS OS SEGUINTES DOCUMENTOS: ATLETAS- CÓPIA DA RG, CN SOMENTE PARA A CATEGORIA SUB 11; RESPONSÁVEIS PELA EQUIPE- COPIA DO CREF; TÉCNICOS- CÓPIA DO CREF OU RG MAIS COMPROVANTE DE MATRÍCULA DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA; ATENDENTES- CÓPIA DA RG. (NÃO PODERÃO SER TÉCNICOS). - ESTA FICHA DEVERÁ ESTAR DEVIDAMENTE PREENCHIDA E SEM RASURA, DEVENDO CONSTAR OBRIGATORIAMENTE, A ASSINATURA DO RESPONSÁVEL LEGAL CREDENCIADO (PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA COM CREF), QUE SERÁ RESPONSÁVEL PELAS INFORMAÇÕES PRESTADAS. - O VALOR PARA A CONFECÇÃO DA CARTEIRINHA É DE R$ 10,00; - PARA OS ALUNOS QUE JÁ POSSUEM CREDENCIAL O VALOR DE INSCRIÇÃO É DE R$ 5,00; - EM HIPÓTESE ALGUMA UM ATLETA OU MEMBRO DA COMISSÃO TÉCNICA PODERÁ INSCREVER-SE NA TEMPORADA EM CURSO POR CLUBES DIFERENTES. DOS HORÁRIOS E DATAS DOS JOGOS - O DIA BASE PARA OS JOGOS É O SÁBADO, PORÉM PODEM SER ALTERADOS, NÃO PODENDO SER ANTES OU DEPOIS DE OUTRA RODADA JÁ PREVISTA; - A TOLERÂNCIA PARA O PRIMEIRO JOGO SERÁ DE 15 (QUINZE) MINUTOS NO MÁXIMO, A CONTAR DO HORÁRIO FIXADO NA TABELA DOS JOGOS. PARA O INÍCIO DOS JOGOS SEGUINTES, A TOLERÂNCIA SERÁ DE 5 (CINCO) MINUTOS, CONTADOS DO ENCERRAMENTO DO JOGO ANTERIOR, CONSIGNADO EM SÚMULA, CASO ULTRAPASSE O HORÁRIO PREVISTO NA TABELA DE JOGOS. DOS JOGOS - SOMENTE PODERÃO TOMAR PARTE EM JOGOS OFICIAIS OS ATLETAS E MEMBROS DE COMISSÃO TÉCNICA DEVIDAMENTE INSCRITOS. - OS OFICIAIS DE ARBITRAGEM ESTÃO OBRIGADOS A IDENTIFICAR OS ATLETAS RESERVAS E COMISSÃO TÉCNICA ANTES DO INÍCIO DO JOGO, ATRAVÉS DAS CARTEIRAS DE IDENTIDADE CIVIL - SOMENTE PODERÃO FAZER PARTE DO JOGO OS SEGUINTES ELEMENTOS: 15 (QUINZE) ATLETAS; 1 (UM) TREINADOR; 1 (UM) MASSAGISTA; 1 (UM) PREPARADOR FÍSICO; E 1

3 (UM) MÉDICO OU 1 (UM) FISIOTERAPEUTA, TODOS DEVIDAMENTE INSCRITOS E IDENTIFICADOS NA SÚMULA E COM FARDAMENTO DE SEU CLUBE. - AO ATLETA DE QUADRA QUE, EVENTUALMENTE, SUBSTITUIR O GOLEIRO, SERÁ EXIGIDO O USO DE CAMISETA DE JOGO DE COR DIFERENTE DOS ATLETAS PARTICIPANTES, COM O MESMO NÚMERO, PODENDO SER IGUAL AO DO GOLEIRO ADVERSÁRIO, NÃO SENDO PERMITIDO O USO DE COLETE NESTAS CONDIÇÕES. - SE UM CLUBE FICAR REDUZIDO A MENOS DE 3 (TRÊS) ATLETAS PERDERÁ OS PONTOS DO JOGO, MANTENDO-SE O ESCORE SE ESTIVER PERDENDO, OU MARCANDO-SE O ESCORE DE (1 X 0) NO CASO DE O CLUBE FALTOSO ESTAR VENCENDO OU EMPATANDO O JOGO. - SE OS DOIS CLUBES FICAREM REDUZIDOS A MENOS DE 3 (TRÊS) ATLETAS, O JOGO SERÁ CONSIDERADO COMO TENDO SIDO DISPUTADO NÃO MARCANDO-SE PONTOS PARA AMBOS. - OS JOGOS SERÃO DISPUTADOS EXCLUSIVAMENTE COM BOLAS APROPRIADAS PARA A CATEGORIA, CABENDO AO CLUBE MANDANTE DO JOGO A APRESENTAÇÃO DE 2 (DUAS) BOLAS EM CONDIÇÕES PARA O JOGO. - O TEMPO DE DURAÇÃO DOS JOGOS OFICIAIS SERÃO OS SEGUINTES: 20 (VINTE) MINUTOS COM O ULTIMO MINUTO DE CADA TEMPO CRONOMETRADO; COM 5 MINUTOS (CINCO) DE INTERVALO; NAS CATEGORIAS SUB 11 E SUB 13 O 1º TEMPO SERÁ DIVIDIDO EM 2 MEIOS TEMPOS DE 10 MIN. NÃO PODENDO REPETIR OS JOGADORES EXCETO O GOLEIRO. - NO CASO DE NÃO REALIZAÇÃO DE UM JOGO OFICIAL, PELO NÃO COMPARECIMENTO OU ATRASO DE UM DOS CLUBES, O MESMO NÃO TERÁ VALIDADE PARA O CUMPRIMENTO DAS SUSPENSÕES AUTOMÁTICAS OU POR PENALIDADES DA JUSTIÇA DESPORTIVA. - AS SÚMULAS SERÃO ASSINADAS PELO TREINADOR E PELO CAPITÃO, QUE SERÃO OS RESPONSÁVEIS PELAS INFORMAÇÕES PRESTADAS. - SENDO CONSTATADA QUALQUER IRREGULARIDADE NA SÚMULA APÓS O SEU RECEBIMENTO, O CLUBE TERÁ UM PRAZO ATÉ AS 18 HORAS DO PRIMEIRO DIA ÚTIL SUBSEQUENTE AO JOGO PARA FORMALIZAR SEU PEDIDO, DEVIDAMENTE JUSTIFICADO E ASSINADO PELO PRESIDENTE DO CLUBE. DOS LOCAIS DOS JOGOS E VISTORIAS - AS QUADRAS DE JOGO DEVERÃO ESTAR CERCADAS COM REDE PROTETORA, DE FORMA A EVITAR A INVASÃO DE ESPECTADORES; - AS MESMAS DEVERÃO TER VESTIÁRIOS COM CHUVEIROS E SANITÁRIOS PARA OS DOIS CLUBES E ARBITRAGEM, ILUMINAÇÃO ADEQUADA E BOA ACOMODAÇÕES PARA OS TORCEDORES; DA PONTUAÇÃO E DESEMPATE VITÓRIA - 3 (TRÊS) PONTOS GANHOS; EMPATE - 1 (UM) PONTO GANHO; DERROTA - 0 (ZERO) PONTO GANHO. - OS CRITÉRIOS DE DESEMPATE SERÃO OS SEGUINTES, QUE DEVERÃO SER APLICADOS PELA ORDEM, SUCESSIVAMENTE: 1) MAIOR NÚMERO DE VITÓRIAS; 2) MENOR NÚMERO DE CARTÕES VERMELHOS; 3) MENOR NÚMERO DE CARTÕES AMARELOS; 4) MENOR NÚMERO DE FALTAS COMETIDAS;

4 5) SORTEIO. DAS PENALIDADES -SUJEITAR-SE À AO CUMPRIMENTO DE SUSPENSÃO AUTOMÁTICA E CONSEQÜENTE IMPOSSIBILIDADE DE PARTICIPAR DO JOGO SUBSEQUENTE O ATLETA OU MEMBRO DE COMISSÃO TÉCNICA QUE RECEBER: 1 (UM) CARTÃO VERMELHO; 3 (TRÊS) CARTÕES AMARELOS. - A CONTAGEM DE CARTÕES DISCIPLINARES É FEITA DENTRO DA MESMA COMPETIÇÃO E CATEGORIA. -A CONTAGEM DE CARTÕES AMARELOS SERÁ ZERADA NO FINAL DA PRIMEIRA FASE. TENDO QUE CUMPRIR SUSPENSÃO, O ALUNO QUE RECEBER O 3º CARTÃO AMARELO NA ÚLTIMA RODADA DA PRIMEIRA FASE. NAS DEMAIS FASES NÃO SERÁ MAIS ZERADO A CONTAGEM DE CARTÕES AMARELOS; -A SUSPENSÃO AUTOMÁTICA SOMENTE SE CONCRETIZA QUANDO O ATLETA OU MEMBRO DE COMISSÃO TÉCNICA DEIXA DE PARTICIPAR EFETIVAMENTE DE UM JOGO REALIZADO. -O CLUBE QUE NÃO COMPARECER PARA A DISPUTA DE UM JOGO OFICIAL, ATÉ 15 (QUINZE) MINUTOS DO HORÁRIO FIXADO NA TABELA DE JOGOS, PERDERÁ OS PONTOS DO JOGO, MARCANDO-SE UMA VITÓRIA PELO ESCORE DE (1 X 0) PARA SEU ADVERSÁRIO. -OS ATLETAS E MEMBROS DA COMISSÃO TÉCNICA DEVERÃO SER RELACIONADOS NA SÚMULA ANTES DO INÍCIO DO JOGO, SENDO VEDADA A INCLUSÃO DE OUTROS ATLETAS APÓS O SEU INÍCIO. -SOMENTE PODERÁ PARTICIPAR DO JOGO O ATLETA QUE, CHEGANDO APÓS O INÍCIO DO JOGO, ESTIVER RELACIONADO NA SÚMULA. -É PROIBIDO O USO DE ALTO-FALANTES EM GINÁSIOS DURANTE A REALIZAÇÃO DOS JOGOS SERÁ PERMITIDO SEU USO ANTES, NO INTERVALO E APÓS O ENCERRAMENTO DOS JOGOS, DESDE QUE SEU USO NÃO SEJA DETURPADO. -FICA PROIBIDA A PRESENÇA E O USO DE QUALQUER TIPO DE INSTRUMENTO MUSICAL (PERCUSSÃO, SOPRO, BUZINAS DE QUALQUER ESPÉCIE E OUTROS ARTEFATOS QUE PERTURBEM O ANDAMENTO DO JOGO) EM GINÁSIOS ANTES, DURANTE E APÓS OS JOGOS. -A CONTAGEM DE CARTÕES, PARA FINS DE APLICAÇÃO DE SUSPENSÃO AUTOMÁTICA, É FEITA SEPARADAMENTE E POR TIPOLOGIA DE CARTÃO, SENDO QUE O CARTÃO VERMELHO APAGA O AMARELO SOMENTE QUANDO O CARTÃO VERMELHO É APLICADO POR TER RECEBIDO NA SEQÜÊNCIA DE UM SEGUNDO AMARELO NO MESMO JOGO. -SE O MESMO ATLETA EM DETERMINADO MOMENTO DA COMPETIÇÃO ACUMULAR 3 (TRÊS) CARTÕES AMARELOS E 1 (UM) VERMELHO DEVERÁ CUMPRIR A SUSPENSÃO DE 2 (DOIS) JOGOS OFICIAIS. - O CUMPRIMENTO DA SUSPENSÃO AUTOMÁTICA É DE RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA DE CADA CLUBE, INDEPENDENTE DE COMUNICAÇÃO OFICIAL, DE JULGAMENTO PELA JUSTIÇA DESPORTIVA E DE QUALQUER PROTESTO DE CLUBE INTERESSADO. O CLUBE QUE UTILIZAR ATLETA IRREGULAR EM QUALQUER JOGO OFICIAL SUJEITAR-SE-Á: A) PERDA AUTOMÁTICA DE SEIS PONTOS PELO CLUBE INFRATOR INDEPENDENTE DO RESULTADO; B) PARA EFEITO DISCIPLINAR E DE ESTATÍSTICA SERÃO COMPUTADOS TODAS AS OCORRÊNCIAS DO JOGO;

5 C) O NÚMERO DE PONTOS GANHOS PELO CLUBE INFRATOR NO JOGO SERÃO COMPUTADOS NORMALMENTE; D) O CLUBE ADVERSÁRIO NÃO SERÁ BENEFICIADO COM OS PONTOS EVENTUALMENTE PERDIDOS PELO CLUBE INFRATOR. - A IRREGULARIDADE DE PARTICIPAÇÃO DE ATLETA CONFIGURA-SE PELO NÃO CUMPRIMENTO DE SUSPENSÃO AUTOMÁTICA POR FORÇA DE CARTÕES AMARELO E VERMELHO, OU AINDA, POR PUNIÇÃO APLICADA PELA JUSTIÇA DESPORTIVA E NÃO CUMPRIDA. - MESMO O CLUBE TENDO SIDO PENALIZADO PELA INCLUSÃO DE ATLETA OU MEMBRO DE COMISSÃO TÉCNICA, SUSPENSO AUTOMATICAMENTE, NÃO FICA EXTINTA A PUNIÇÃO DE SUSPENSÃO APLICADA, SENDO APENAS CARACTERIZADO O CUMPRIMENTO DA SUSPENSÃO QUANDO O PUNIDO DEIXAR EFETIVAMENTE DE TOMAR PARTE EM UM JOGO OFICIAL. - HAVENDO INFRAÇÕES GRAVES, ANTES, DURANTE OU APÓS OS JOGOS, PRATICADOS POR ATLETAS, MEMBROS DE COMISSÃO TÉCNICA, DIRIGENTES, TORCEDORES OU PESSOA VINCULADA AO CLUBE, A JUNTA DISCIPLINAR PODERÁ SUSPENDER OS INFRATORES PREVENTIVAMENTE, ATÉ A DATA DO JULGAMENTO DOS MESMOS, OU AINDA RETIRAR O MANDO DE QUADRA DO CLUBE INFRATOR, BASEADO NO RELATÓRIO DO ÁRBITRO E/OU O DELEGADO, CONFORME O ARTIGO 35 DO CBJD. - OS ATLETAS MENORES DE 14 (QUATORZE) ANOS SÃO CONSIDERADOS DESPORTIVAMENTE IRRESPONSÁVEIS, CONFORME ARTIGO 162 DO CBJD. DA ARBITRAGEM - OS JOGOS SERÃO DIRIGIDOS POR OFICIAIS DE ARBITRAGEM VINCULADOS A AGAFUSA NÃO TENDO OS CLUBES PARTICIPANTES DIREITO A VETO. - OS JOGOS SERÃO DIRIGIDOS POR DOIS ÁRBITROS, UM ANOTADOR/CRONOMETRISTA. DA PREMIAÇÃO - 1 TROFÉU PARA 1º 2º 3º 4º COLOCADOS E EQUIPE MAIS DISCIPLINADA; -20 MEDALHAS PARA 1º 2º 3º 4º COLOCADOS (CASO ALGUMA EQUIPE QUISER MAIS DE 20 MEDALHAS DEVERÁ ENCOMENDAR E CUSTEAR AS MESMAS); - 4 ATLETAS DESTAQUE DE CADA CATEGORIA SERÃO HOMENAGEADOS COM UMA MEDALHA; (DOIS DESTAQUES DE CADA CATEGORIA SERÃO ESCOLHIDOS CONSIDERANDO AS ESCOLHAS DE DESTAQUE EM CADA JOGO. E DOIS DESTAQUES SERÃO ESCOLHIDOS PELA ATUAÇÃO NOS JOGOS SEMIFINAIS E FINAIS). DAS DISPOSIÇÕES GERAIS - AS REUNIÕES CONVOCADAS PELA ORGANIZAÇÃO SERÃO DE PRESENÇA OBRIGATÓRIA DOS CLUBES INTERESSADOS, ATRAVÉS DE SEUS PRESIDENTES OU REPRESENTANTES DEVIDAMENTE CREDENCIADOS. - A AUSÊNCIA ACARRETARÁ AO FALTOSO O ACATAMENTO DAS DECISÕES TOMADAS NA REUNIÃO. - AS DECISÕES DAS REUNIÕES PARA APROVAÇÃO DE FÓRMULA DE COMPETIÇÃO SERÃO TOMADAS POR MAIORIA DE DOIS TERÇOS DOS CLUBES PRESENTES. APÓS SUA APROVAÇÃO, O REGULAMENTO SOMENTE SERÁ MODIFICADO POR DECISÃO UNÂNIME DOS CLUBES INTERESSADOS PRESENTES. - TODO E QUALQUER PROTESTO COM RELAÇÃO A ACONTECIMENTOS DE UMA COMPETIÇÃO, SOMENTE PODERÁ SER FEITO ATÉ O TERCEIRO DIA ÚTIL IMEDIATAMENTE POSTERIOR AO DIA DO JOGO, SENDO VEDADA A UTILIZAÇÃO DA SÚMULA DA PARTIDA

6 PARA A FORMULAÇÃO DO PROTESTO, DEVENDO O MESMO SER FEITO EM SEPARADO, ASSINADO PELO PRESIDENTE DO CLUBE FILIADO OU SEU PROCURADOR, COM PODERES ESPECÍFICOS E ACOMPANHADO DE TAXA REGULAMENTAR. - OS CLUBES PARTICIPANTES NOS DIVERSOS CAMPEONATOS DO ANO EM CURSO, NO ATO DE SUA INSCRIÇÃO OU FILIAÇÃO, ADEREM A TODAS AS DETERMINAÇÕES CONTIDAS NO PRESENTE REGULAMENTO. - OS CASOS OMISSOS NESTE REGULAMENTO SERÃO RESOLVIDOS PELA ORGANIZAÇÃO, BASEANDO-SE NO REGULAMENTO DA FGFS.

LIGA PAULISTANA DE FUTEBOL AMADOR

LIGA PAULISTANA DE FUTEBOL AMADOR COPA LIGA PAULISTANA REGULAMENTO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Artigo 1º - Este Regulamento é o conjunto das disposições que regem a Copa Liga Paulistana. Artigo 2º - A Copa tem por finalidade promover

Leia mais

www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429

www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429 Organização, compromisso e qualidade em prol do esporte universitário paulista www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429 REGULAMENTO

Leia mais

O CAMPEONATO SAMBERNARDENSE DE FUTEBOL JUNIORES 2011 R E G U L A M E N T O / TEMPORADA 2011 = = = = = = = = = = = = DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

O CAMPEONATO SAMBERNARDENSE DE FUTEBOL JUNIORES 2011 R E G U L A M E N T O / TEMPORADA 2011 = = = = = = = = = = = = DISPOSIÇÕES PRELIMINARES CAMPEONATO SAMBERNARDENSE DE FUTEBOL JUNIORES 2011 R E G U L A M E N T O / TEMPORADA 2011 = = = = = = = = = = = = DISPOSIÇÕES PRELIMINARES ARTIGO 1º O CAMPEONATO SAMBERNARDENSE DE FUTEBOL JUNIORES/2011,

Leia mais

XIII Copa FUTEL de Futebol de Campo 2014 Regulamento

XIII Copa FUTEL de Futebol de Campo 2014 Regulamento XIII Copa FUTEL de Futebol de Campo Regulamento 1 CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS Art. 1º - A XIII COPA FUTEL DE FUTEBOL DE CAMPO tem por objetivo principal o congraçamento geral dos participantes e criar alternativas

Leia mais

REGULAMENTO DA FEDERAÇÃO GAÚCHA DE FUTSAL

REGULAMENTO DA FEDERAÇÃO GAÚCHA DE FUTSAL REGULAMENTO DA FEDERAÇÃO GAÚCHA DE FUTSAL SUMÁRIO CAPITULO I - DAS DIVISÕES E CATEGORIAS CAPITULO II - DAS INSCRIÇÕES CAPITULO III - DOS HORÁRIOS DOS JOGOS CAPITULO IV - DOS JOGOS CAPITULO V - DOS LOCAIS

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO BASQUETE

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO BASQUETE REGULAMENTO ESPECÍFICO DO BASQUETE 1. As competições de basquete serão realizadas de acordo com as regras internacionais da FIBA e os regulamentos e normas do Novo Desporto Universitário 2012 NDU. 2. Cada

Leia mais

Copa Rio Profissional :: 2015

Copa Rio Profissional :: 2015 Copa Rio Profissional :: 2015 REGULAMENTO DA COPA RIO DE PROFISSIONAIS 2015 Art. 1º - Poderão participar da Copa Rio de 2015 até 20 associações, a saber, ressalvadas as disposições do parágrafo único do

Leia mais

LIGA ATLÉTICA DA REGIÃO MINEIRA

LIGA ATLÉTICA DA REGIÃO MINEIRA CAMPEONATO REGIONAL DA LARM DE FUTEBOL JÚNIOR DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO Disposições Preliminares: CAPÍTULO I Art. 1º - O campeonato Regional da Liga Atlética da Região Mineira de Futebol Júnior de

Leia mais

LIGA ATLÉTICA DA REGIÃO MINEIRA

LIGA ATLÉTICA DA REGIÃO MINEIRA CAMPEONATO REGIONAL DA LARM DE FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL DA 1ª DIVISÃO DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO Disposições Preliminares: CAPÍTULO I Art. 1º - O campeonato Regional da Liga Atlética da Região Mineira

Leia mais

XX Copa PMU/ Futel de Futsal 2015 Regulamento Geral MASCULINO

XX Copa PMU/ Futel de Futsal 2015 Regulamento Geral MASCULINO XX Copa PMU/ Futel de Futsal Regulamento Geral MASCULINO UBERLÂNDIA MG 1 XX COPA PMU/ FUTEL DE FUTSAL MASCULINO CAPÍTULO I - DOS OBJETIVOS Art. 1º - A XX COPA PMU/FUTEL DE FUTSAL MASCULINO tem por objetivo

Leia mais

COPA METROPOLITANA DE FUTSAL 2015 REGULAMENTO

COPA METROPOLITANA DE FUTSAL 2015 REGULAMENTO COPA METROPOLITANA DE FUTSAL 2015 CATEGORIA: ADULTO MASCULINO - SÉRIE OURO REGULAMENTO CAPÍTULO I - DA ORGANIZAÇÃO Art. 1 - A Copa Metropolitana de Futsal - Edição 2015 - Categoria ADULTO MASCULINO SÉRIE

Leia mais

GIOCHI DELLA GIOVENTU -2014

GIOCHI DELLA GIOVENTU -2014 Av.Presidente Antonio Carlos 40-3 Andar Centro Rio De Janeiro Cep 20020-010 Rio de Janeiro Tel.021-22623697 secretaria@conibrasile.org GIOCHI DELLA GIOVENTU -2014 Dando continuidade ao trabalho desenvolvido

Leia mais

REALIZAÇÃO: NOVE DE JULHO CASA VERDE

REALIZAÇÃO: NOVE DE JULHO CASA VERDE 6ª COPA NOVE DE JULHO DE FUTEBOL AMADOR 2016 REALIZAÇÃO: NOVE DE JULHO CASA VERDE 1 REGULAMENTO DA 6ª COPA NOVE DE JULHO 2016 CAPITULO I Da PARTICIPAÇÃO Esta copa contará com a participação de 48 (quarenta

Leia mais

REGULAMENTO REALIZAÇÃO. Prefeitura Municipal de Irará PARCERIA. Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia SUDESB

REGULAMENTO REALIZAÇÃO. Prefeitura Municipal de Irará PARCERIA. Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia SUDESB REGULAMENTO REALIZAÇÃO Prefeitura Municipal de Irará PARCERIA Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia SUDESB APOIO: FEDERAÇÃO BAHIANA DE FUTEBOL FBF SETEMBRO / NOVEMBRO 2015 1 Disposições Preliminares

Leia mais

COPA RURAL DE VETERANOS (EDIÇÃO 2014 / 2015) REGULAMENTO CAPÍTULO I DAS FINALIDADES

COPA RURAL DE VETERANOS (EDIÇÃO 2014 / 2015) REGULAMENTO CAPÍTULO I DAS FINALIDADES COPA RURAL DE VETERANOS (EDIÇÃO 2014 / 2015) REGULAMENTO CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Artigo 1º A 13ª Copa Rural de Veteranos (Futebol de Campo), tem como finalidades, contribuir para a integração sócio

Leia mais

GRUPOS CAMPO (02) SHOW DE BOLA CATEGORIA SUB: 13 CATEGORIA SUB: 15

GRUPOS CAMPO (02) SHOW DE BOLA CATEGORIA SUB: 13 CATEGORIA SUB: 15 GRUPOS CAMPO (01) 1º BPM CAMPO (02) SHOW DE BOLA CATEGORIA SUB: 09 1. Associação Teotônio Segurado- 1º BPM 2. Associação Aureny III 3. Instituto Fernandes Futebol Clube 4. Escolinha FLA CAMPO (03) 606

Leia mais

FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA / IDADE - MASCULINO: CATEGORIAS / IDADE - FEMININO:

FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA / IDADE - MASCULINO: CATEGORIAS / IDADE - FEMININO: FUTEBOL DE CAMPO Todos os atletas deverão apresentar o Documento Original (conforme Art.do Regulamento Geral) É obrigatório (e indispensável) o uso de caneleiras para todos os atletas participantes das

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DAS COMPETIÇÕES

REGULAMENTO GERAL DAS COMPETIÇÕES REGULAMENTO GERAL DAS COMPETIÇÕES RGC / 2015 REGULAMENTO GERAL DAS COMPETIÇÕES (RGC) - 2015 DEPARTAMENTO TÉCNICO Capítulo I Disposições Preliminares Art. 1º - As Competições promovidas pela FEFUSPA têm

Leia mais

Todas as partidas do Torneio serão disputadas de acordo com as Leis do Jogo em vigor, conforme estipulado pelo irb.

Todas as partidas do Torneio serão disputadas de acordo com as Leis do Jogo em vigor, conforme estipulado pelo irb. REGULAMENTO - ANO 2010 Capítulo I - Disposições Gerais O Campeonato Brasileiro de Rugby da 2ª Divisão, Categoria Adulta Masculino, promovido pela Confederação Brasileira de Rugby ( CBRu ), será denominado

Leia mais

1 COPA SANTA MÔNICA DE FUTSAL INFANTIL

1 COPA SANTA MÔNICA DE FUTSAL INFANTIL REGULAMENTO 1 COPA SANTA MÔNICA DE FUTSAL INFANTIL 1- DOS OBJETIVOS: A 1 COPA SANTA MÔNICA DE FUTSAL INFANTIL tem como objetivo, a integração dos atletas de Futsal do clube, associados, e demais interessados

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE CURVELÂNDIA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA, ESPORTE E LAZER CURVELÂNDIA MT

ESTADO DE MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE CURVELÂNDIA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA, ESPORTE E LAZER CURVELÂNDIA MT Árbitros Capacitados Equipe Campeã Copa do Queijo 2012 Divulgação com abrangência Segurança e Atendimento de Primeiros Socorros Estimativa de um bom Público CURVELÂNDIA MT REGULAMENTO 1 DAS FINALIDADES

Leia mais

CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN

CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN Artigo 1º - Os Jogos Universitários tem como objetivo: * Incentivar a participação dos jovens em atividades saudáveis do ponto de vista social,

Leia mais

XI COPA PAULISTA DE FUTEBOL DE BASE

XI COPA PAULISTA DE FUTEBOL DE BASE XI COPA PAULISTA DE FUTEBOL DE BASE REGULAMENTO OFICIAL - 2015 Da Finalidade Art. 01 - A XI Copa Paulista de Futebol de Base, tem por finalidade o estimulo à prática esportiva saudável, ao caráter formativo

Leia mais

REGULAMENTO DANONE COPA DAS NAÇÕES

REGULAMENTO DANONE COPA DAS NAÇÕES REGULAMENTO DANONE COPA DAS NAÇÕES Capítulo 1 Da Finalidade Artigo 1º - A DANONE COPA DAS NAÇÕES tem como objetivo incentivar a prática esportiva no meio estudantil e comunitário e promover o intercâmbio,

Leia mais

CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO MÁSTER 2013 FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO TÉCNICO NOTA OFICIAL 001/13 REGULAMENTO

CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO MÁSTER 2013 FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO TÉCNICO NOTA OFICIAL 001/13 REGULAMENTO CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO MÁSTER 2013 FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO TÉCNICO NOTA OFICIAL 001/13 REGULAMENTO Dispõe sobre as normas a serem estabelecidas no Regulamento do Campeonato de MÁSTER

Leia mais

COPA GRANBEL DE FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA INFANTIL E JUVENIL

COPA GRANBEL DE FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA INFANTIL E JUVENIL COPA GRANBEL DE FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA INFANTIL E JUVENIL 2011 REGULAMENTO 2011 1 - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS: ARTIGO 1 A Copa Granbel de Futebol Infanto-Juvenil 2011 é uma organização da Granbel com

Leia mais

1ª / 2ª DIVISÃO, E SUB-18. REGULAMENTO E FORMA DE DISPUTA-2015

1ª / 2ª DIVISÃO, E SUB-18. REGULAMENTO E FORMA DE DISPUTA-2015 19º CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL AMADOR DE NOVO GAMA-GO DE 2015 1ª / 2ª DIVISÃO, E SUB-18. REGULAMENTO E FORMA DE DISPUTA-2015 PROMOÇÃO: PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVO GAMA - GO REALIZAÇÃO: SECRETARIA

Leia mais

REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO

REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO I - DOS LOCAIS DOS JOGOS Art. 1º - Os jogos serão realizados nos seguintes locais: Quadras 01,02 e 03 - térreo do Prédio 80 Quadras 01,02 e 03-4º andar do Prédio

Leia mais

AGAP/DF ASSOCIAÇÕES DE GARANTIA AO ATLETA PROFISSIONAL DO DISTRITO FEDERAL CNPJ: 00.497.826/0001-08

AGAP/DF ASSOCIAÇÕES DE GARANTIA AO ATLETA PROFISSIONAL DO DISTRITO FEDERAL CNPJ: 00.497.826/0001-08 Regulamento da 16º COPA AGAP DE NOVOS TALENTOS Edição 2015 Copa Agap de Futebol Novos Talentos Categoria Sub 11 Copa Agap de Futebol Novos Talentos Categoria Sub 13 CAPÍTULO I Das Disposições Preliminares

Leia mais

CAMPEONATO MUNICIPAL DE SÃO PAULO DAS MISSÕES E SESC/RS DE FUTEBOL DE SALÃO EDIÇÃO - 2015 CMD SÃO PAULO DAS MISSÕES

CAMPEONATO MUNICIPAL DE SÃO PAULO DAS MISSÕES E SESC/RS DE FUTEBOL DE SALÃO EDIÇÃO - 2015 CMD SÃO PAULO DAS MISSÕES CAMPEONATO MUNICIPAL DE SÃO PAULO DAS MISSÕES E SESC/RS DE FUTEBOL DE SALÃO EDIÇÃO - 2015 CMD SÃO PAULO DAS MISSÕES O PRINCÍPIO DO ESPORTE É A LEALDADE. VAMOS PRATICÁ-LA REGULAMENTO Esse Regulamento é

Leia mais

REGULAMENTO D0 CAMPEONATO FLUMINENSE DE RUGBY

REGULAMENTO D0 CAMPEONATO FLUMINENSE DE RUGBY REGULAMENTO D0 CAMPEONATO FLUMINENSE DE RUGBY 2012-2ª DIVISÃO 1. Disposições Gerais Todas as partidas serão disputadas de acordo com as Leis do jogo em vigor conforme estipulado pelo IRB. Se surgirem dúvidas

Leia mais

COPA CEPEUSP DE FUTEBOL 2016 REGULAMENTO

COPA CEPEUSP DE FUTEBOL 2016 REGULAMENTO CENTRO DE PRÁTICAS ESPORTIVAS DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO S. EVENTOS COPA CEPEUSP DE FUTEBOL 2016 REGULAMENTO I - DOS OBJETIVOS A COPA CEPEUSP DE FUTEBOL DE CAMPO tem como objetivo a integração dos docentes

Leia mais

PRIMEIRA DIVISÃO 2014

PRIMEIRA DIVISÃO 2014 CAMPEONATO SAMBERNARDENSE DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO ESPECIAL R E G U L A M E N T O / TEMPORADA 2014 = = = = = = = = = = = = DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Artigo 1º O CAMPEONATO SAMBERNARDENSE DE FUTEBOL

Leia mais

III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO

III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO CAPITULO I Da Denominação e Participação Art. 1º - O Campeonato de Voleibol Masculino 2015 OAB SP/CAASP, organizado

Leia mais

FUNPEEL Troféu Luiz Carlos Heidrich (LULI)

FUNPEEL Troféu Luiz Carlos Heidrich (LULI) 8 o CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTSAL MASCULINO/ FUNPEEL Troféu Luiz Carlos Heidrich (LULI) 1. DISPOSIÇÕES INICIAIS REGULAMENTO TÉCNICO 1.1. O 8º Campeonato Municipal de Futsal Masculino será promovido e

Leia mais

APOIO EVIDÊNCIA PROMOTIONS CERVEJARIA FEMSA

APOIO EVIDÊNCIA PROMOTIONS CERVEJARIA FEMSA II COPA CINQUENTÃO BOTAFOGO DE FUTEBOL AMADOR APOIO EVIDÊNCIA PROMOTIONS CERVEJARIA FEMSA Acesse o site WWW.BOTAFOGODEGUAIANASES.COM.BR REALIZAÇÃO: ACOCESP: Promoções de Eventos e Coordenação de Esporte

Leia mais

CAMPEONATO DE FUTEBOL RURAL MÁSTER CACOAL 2011.

CAMPEONATO DE FUTEBOL RURAL MÁSTER CACOAL 2011. CAMPEONATO DE FUTEBOL RURAL MÁSTER CACOAL 2011. REGULAMENTO DAS FINALIDADES ART. 1º - O CAMPEONATO RURAL DE FUTEBOL MASTER é uma competição promovida, organizada e dirigida pela AMEC através da PREFEITURA

Leia mais

COPA INCENTIVO 2012 3ª. DIVISÃO DA COMPETIÇÃO, INSCRIÇÃO DAS AGREMIAÇÕES, ATLETAS E PENALIDADES

COPA INCENTIVO 2012 3ª. DIVISÃO DA COMPETIÇÃO, INSCRIÇÃO DAS AGREMIAÇÕES, ATLETAS E PENALIDADES COPA INCENTIVO 2012 3ª. DIVISÃO DA COMPETIÇÃO, INSCRIÇÃO DAS AGREMIAÇÕES, ATLETAS E PENALIDADES Art. 1 o. - A Copa Incentivo de Futebol 2014-3 a. Divisão será regida por este Regulamento específico e único

Leia mais

COPA SUL DOS CAMPEÕES DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I. Disposições Preliminares

COPA SUL DOS CAMPEÕES DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I. Disposições Preliminares LIGA IMBITUBENSE DE FUTEBOL - LIF DEPARTAMENTO TÉCNICO COPA SUL DOS CAMPEÕES DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I Disposições Preliminares Art. 1º - A Copa Sul dos Campeões de 2015, será promovida

Leia mais

I CAMPEONATO DE FUTEBOL DOS ADVOGADOS DO MARANHÃO

I CAMPEONATO DE FUTEBOL DOS ADVOGADOS DO MARANHÃO I CAMPEONATO DE FUTEBOL DOS ADVOGADOS DO MARANHÃO REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I DA FINALIDADE O I CAMPEONATO DE FUTEBOL DOS ADVOGADOS DO MARANHÃO (SOCIETY), visa incrementar a prática de futebol de sete

Leia mais

REGULAMENTO APRESENTAÇÃO

REGULAMENTO APRESENTAÇÃO REGULAMENTO APRESENTAÇÃO O Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado do Espírito Santo SESCOOP/ES está promovendo o 1º FUTCOOP INFANTIL MASCULINO, que será realizado no mês de julho

Leia mais

CAMPEONATO DE FUTSAL MACEIÓ 200 ANOS REGULAMENTO DE FUTSAL

CAMPEONATO DE FUTSAL MACEIÓ 200 ANOS REGULAMENTO DE FUTSAL CAMPEONATO DE FUTSAL MACEIÓ 200 ANOS REGULAMENTO DE FUTSAL 1. Os jogos de Futsal serão realizados de acordo com as Regras Oficiais, salvo o estabelecido neste Regulamento. 2. Cada equipe poderá inscrever

Leia mais

COPA SUL DOS CAMPEÕES DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I. Disposições Preliminares

COPA SUL DOS CAMPEÕES DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I. Disposições Preliminares LIGA LAGUNENSE DE FUTEBOL - LLF DEPARTAMENTO TÉCNICO COPA SUL DOS CAMPEÕES DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I Disposições Preliminares Art. 1º - A Copa Sul dos Campeões de 2016, será promovida pela

Leia mais

1ºTorneio Bancário Society de Clubes Paulista REGULAMENTO 2015

1ºTorneio Bancário Society de Clubes Paulista REGULAMENTO 2015 REGULAMENTO 2015 1º Torneio Bancário Society de Clubes Paulista 2015, é uma promoção da Secretaria de Esporte do Sindicato dos Bancários, e tem por finalidade efetuar o congraçamento entre os bancários

Leia mais

* Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL

* Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL * Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL 1. DOS JOGOS: Os jogos de Futsal serão regidos pelas Regras Oficiais vigentes da Confederação Brasileira de Futsal, observadas as exceções previstas neste Regulamento

Leia mais

8 8 COPA CAPELINHA DE FUTEBOL AMADOR

8 8 COPA CAPELINHA DE FUTEBOL AMADOR 8 8 COPA CAPELINHA DE FUTEBOL AMADOR Resolve publicar as seguintes normas para disputa da COPA CAPELINHA DE FUTEBOL AMADOR 2014 INICIO DIA 09 fevereiro DE 2014 DA FORMA DE DISPUTA Art.01- a Copa capelinha

Leia mais

MUNICÍPIO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO Secretaria de Esportes SESP COPA DE FUTSAL CIDADE DE SÃO BERNARDO 2016 R E G U L A M E N T O. Da Organização e Fins

MUNICÍPIO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO Secretaria de Esportes SESP COPA DE FUTSAL CIDADE DE SÃO BERNARDO 2016 R E G U L A M E N T O. Da Organização e Fins COPA DE FUTSAL CIDADE DE SÃO BERNARDO 2016 Atualizado em 02/02/2016 R E G U L A M E N T O Da Organização e Fins Art. 1º A COPA DE FUTSAL CIDADE DE SÃO BERNARDO 2016, realizada pela Prefeitura, através

Leia mais

NORMAS DOS OFICIAIS DE ARBITRAGEM ANO 2007

NORMAS DOS OFICIAIS DE ARBITRAGEM ANO 2007 NORMAS DOS OFICIAIS DE ARBITRAGEM ANO 2007 A Associação Gaúcha de Árbitros de Futebol de Salão, nestas normas denominadas AGAFUSA, resolve expedir as presentes normas que deverão ser rigorosamente cumpridas

Leia mais

REGULAMENTO BASQUETE 2009

REGULAMENTO BASQUETE 2009 REGULAMENTO BASQUETE 2009 Organização: Fórum das Associações dos Servidores das Agências Reguladoras Patrocínio: DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO BASQUETE - 2009 Art.01 - Este regulamento é o conjunto

Leia mais

Período: 06/09 a 29/11 11 datas. Realização: Faculdade Anísio Teixeira Departamento de Esportes

Período: 06/09 a 29/11 11 datas. Realização: Faculdade Anísio Teixeira Departamento de Esportes Período: 06/09 a 29/11 11 datas Realização: Faculdade Anísio Teixeira Departamento de Esportes COORDENAÇÃO: Prof. Eurico Gaspar de Oliveira CREF 0124 - G/BA CONTATO: (75) 8307-1261 / 9165-4938 / 3223.4158

Leia mais

COPA INTERBAIRROS 2ª Edição Taça Ricardo Peixoto (ROLINHA)

COPA INTERBAIRROS 2ª Edição Taça Ricardo Peixoto (ROLINHA) COPA INTERBAIRROS 2ª Edição Taça Ricardo Peixoto (ROLINHA) REGULAMENTO CAPITULO I DISPOSICÕES PRELIMINARES Art. 1º - A Copa Interbairros de Futebol tem como finalidade despertar entre os comunitários a

Leia mais

FEDERAÇÃO PAULISTA DE RUGBY

FEDERAÇÃO PAULISTA DE RUGBY REGULAMENTO CIRCUITO PAULISTA UNIVERSITÁRIO DE RUGBY SEVENS FEMININO E COPA SP M19 Capítulo I - Disposições Gerais O Circuito Paulista Universitário de Rugby Sevens Feminino Adulto e a Copa M19 ou é um

Leia mais

Regulamento Geral da 12ª Edição dos Jogos de Integração FAI

Regulamento Geral da 12ª Edição dos Jogos de Integração FAI Regulamento Geral da 12ª Edição dos Jogos de Integração FAI Art. 1º Este Regulamento é o conjunto de disposições que regem a 12 Edição dos Jogos de Integração FAI 2015 e submete, os que com ele tenham

Leia mais

IV CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR DE FUTSAL - 2015 REGULAMENTO GERAL

IV CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR DE FUTSAL - 2015 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES Art. 1º - O IV Campeonato Brasileiro Escolar de Futsal é uma competição inter-colegial que tem por objetivo incentivar, no meio estudantil, a prática desportiva, enaltecendo

Leia mais

NOTA OFICIAL N 50/2013 ATOS DA PRESIDÊNCIA

NOTA OFICIAL N 50/2013 ATOS DA PRESIDÊNCIA NOTA OFICIAL N 50/2013 Rio de Janeiro, 19 de março de 2013. ATOS DA PRESIDÊNCIA COPA BRASIL NORTE - 2013 Tornar sem efeito a Nota Oficial nº 29/2013 por força de alteração na programação, motivada pela

Leia mais

REGULAMENTO GERAL CAMPEONATO MUNICIPAL AMADOR DE FUTEBOL DE CAMPO 2012 SÉRIES A e B TAÇA SUPER ZÉ. JOSÉ CARLOS LENZ.

REGULAMENTO GERAL CAMPEONATO MUNICIPAL AMADOR DE FUTEBOL DE CAMPO 2012 SÉRIES A e B TAÇA SUPER ZÉ. JOSÉ CARLOS LENZ. REGULAMENTO GERAL CAMPEONATO MUNICIPAL AMADOR DE FUTEBOL DE CAMPO 2012 SÉRIES A e B TAÇA SUPER ZÉ. JOSÉ CARLOS LENZ. CAMPEONATO MUNICIPAL AMADOR DE FUTEBOL DE CAMPO 2013 TÍTULO I REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO

Leia mais

II CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2014 TAÇA FIFA 2014 Troféu Álvaro Wischral Tuti

II CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2014 TAÇA FIFA 2014 Troféu Álvaro Wischral Tuti II CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2014 TAÇA FIFA 2014 Troféu Álvaro Wischral Tuti Regulamento Geral I Das Disposições Gerais Obs: A COMISSÃO É COMPOSTA pelos integrantes: Rafael Rangel,

Leia mais

2ª COPA MENAKA DE FUTSAL 2013 REGULAMENTO GERAL

2ª COPA MENAKA DE FUTSAL 2013 REGULAMENTO GERAL ALTERADO: 09/08/2013 2ª COPA MENAKA DE FUTSAL 2013 REGULAMENTO GERAL 1) DAS FINALIDADES: Artigo 1. ) O Campeonato, é realizado pela Batalha Comércio e Promoções Esportivas, e tem como principais objetivos:

Leia mais

TORNEIO ESCOLAR DE ESPORTES DE LONDRINA REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I

TORNEIO ESCOLAR DE ESPORTES DE LONDRINA REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I TORNEIO ESCOLAR DE ESPORTES DE LONDRINA REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I Atualizado em 24/02/2005 DOS OBJETIVOS Art. 1 o.- Promover o desporto educacional através de várias modalidades esportivas, dando a

Leia mais

COPA DOS CAMPEÕES UNILIGAS 2015 REGULAMENTO

COPA DOS CAMPEÕES UNILIGAS 2015 REGULAMENTO COPA DOS CAMPEÕES UNILIGAS 2015 REGULAMENTO DA DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO Art. 1º Á COPA DOS CAMPEÕES UNILIGAS 2015, será disputada pelas 7 (sete) equipes Campeãs e as 7(sete) equipes Vice Campeãs das

Leia mais

Troféu Guarulhos de futsal Municipal 2015 Menores 1º Semestre.

Troféu Guarulhos de futsal Municipal 2015 Menores 1º Semestre. Troféu Guarulhos de futsal Municipal 2015 Menores 1º Semestre. Título I Das Disposições Gerais A) Será obrigatório, de acordo com as Regras do Futsal, o uso de caneleiras para todos os atletas. B) Não

Leia mais

6º TAÇA SAÚDE REGULAMENTO

6º TAÇA SAÚDE REGULAMENTO 6º TAÇA SAÚDE REGULAMENTO I - DOS OBJETIVOS Art. 01 - A 6º TAÇA SAÚDE DE FUTSAL E VOLEIBOL - SES é um evento promovido pelos Servidores da Secretaria de Estado da Saúde SES Art. 02 - O campeonato tem por

Leia mais

3ª COPA INTER-ADVOGADOS

3ª COPA INTER-ADVOGADOS Data/ Local: Competição: Maio à Julho * início previsto para 26/maio Local: Centro Iraí Pinhais-PR www.centroirai.com.br Gustavo@centroirai.com.br DA PARTICIPAÇÃO: Artigo Primeiro: Só poderão participar

Leia mais

DA FINALIDADE: Homens só poderão substituir homens e mulheres só poderão substituir mulheres.

DA FINALIDADE: Homens só poderão substituir homens e mulheres só poderão substituir mulheres. DA FINALIDADE: Art. 1º - Os JOGOS DE VERÃO ARCO SPM 2013 MODALIDADE VOLEIBOL 4X4, tem como finalidade principal, promover o congraçamento das equipes e o aumento da adesão à prática de exercícios físicos

Leia mais

REGULAMENTO GERAL 2016. Capitulo l Das disposições preliminares

REGULAMENTO GERAL 2016. Capitulo l Das disposições preliminares Artigo 1º REGULAMENTO GERAL 2016 Capitulo l Das disposições preliminares O presente regulamento determina as diretrizes e normas para as Competições da Federação Paulista de Basquete Sobre Rodas para o

Leia mais

VII JOGOS DOS APOSENTADOS FENACEF 2016

VII JOGOS DOS APOSENTADOS FENACEF 2016 REGULAMENTO TÉCNICO DAMAS Art. 1º. O torneio de Damas do VII JOGOS FENACEF, será realizado de acordo com as regras estabelecidas pela FENACEF no Regulamento Geral do VII JOGOS FENACEF, combinado com as

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE 2016

REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE 2016 DOS PARTICIPANTES Art. 1º - Integrarão o Campeonato Estadual de Futebol da Primeira

Leia mais

TAÇA FPF TEMPORADA 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COMPETIÇÃO (REC) CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO

TAÇA FPF TEMPORADA 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COMPETIÇÃO (REC) CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO TAÇA FPF TEMPORADA 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COMPETIÇÃO (REC) CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO Art. 1º - A Taça FPF Temporada 2015, doravante denominada CAMPEONATO, é organizada pela Federação

Leia mais

Município de Santa Helena Secretaria de Educação, Cultura e Esportes Departamento de Esportes e Lazer CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL SUÍÇO - 2013.

Município de Santa Helena Secretaria de Educação, Cultura e Esportes Departamento de Esportes e Lazer CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL SUÍÇO - 2013. CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL SUÍÇO - 2013. REGULAMENTO Santa Helena, Outubro de 2013. CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL SUIÇO 2013 I DO REGULAMENTO Art. 1º - Este regulamento se destina a regulamentar

Leia mais

COPA DAS FEDERAÇÕES REGULAMENTO GERAL PARA 2014

COPA DAS FEDERAÇÕES REGULAMENTO GERAL PARA 2014 COPA DAS FEDERAÇÕES REGULAMENTO GERAL PARA 2014 1. DO CAMPEONATO Anualmente a CBT - Confederação Brasileira de Tênis promoverá a Copa das Federações, para definir o Estado Campeão Brasileiro. A Copa das

Leia mais

REGULAMENTO FUTEBOL SOCIETY

REGULAMENTO FUTEBOL SOCIETY XIII JOGOS AFFEMG Associação dos Funcionários Fiscais de Minas Gerais 1- DO LOCAL REGULAMENTO FUTEBOL SOCIETY 1.1 - Os jogos acontecerão em campos de futebol society de grama sintética ou natural, aprovados

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DOS JOGOS MULTIVIX

REGULAMENTO GERAL DOS JOGOS MULTIVIX ART. 1º - DA FINALIDADE REGULAMENTO GERAL DOS JOGOS MULTIVIX Os JOGOS MULTIVIX modalidade Beach Soccer fazem parte do CIRCUITO VIDA SAUDÁVEL MULTIVIX, torneio universitário que tem por finalidade integrar

Leia mais

VIII JOGOS DO COMÉRCIO De 03à12 de Agosto de 2012 REGULAMENTO

VIII JOGOS DO COMÉRCIO De 03à12 de Agosto de 2012 REGULAMENTO Promoção: VIII JOGOS DO COMÉRCIO De 03à12 de Agosto de 2012 PROMOÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE SORRISO SMEL SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTES E LAZER CDL CÂMARA DOS DIRIGENTES LOJISTAS DE SORRISO REGULAMENTO

Leia mais

Art. 3º - No Novo Desporto Universitário NDU serão reconhecidos os seguintes poderes:

Art. 3º - No Novo Desporto Universitário NDU serão reconhecidos os seguintes poderes: REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I DA FINALIDADE DO EVENTO Art. 1º - O Novo Desporto Universitário NDU tem por finalidade reunir as Associações Atléticas Acadêmicas fundadoras e associadas a participar de atividades

Leia mais

10ª COPA QUIOSQUE NATUREZA DE FUTEBOL SUÍÇO INTER-ACADEMIAS.

10ª COPA QUIOSQUE NATUREZA DE FUTEBOL SUÍÇO INTER-ACADEMIAS. 10ª COPA QUIOSQUE NATUREZA DE FUTEBOL SUÍÇO INTER-ACADEMIAS. REGULAMENTO OFICIAL (atualizado em 16/09) CAPÍTULO I OBJETIVOS ART. 1º - A 10ª Copa Quiosque Natureza de Futebol Suíço Inter-Academias, que

Leia mais

XXIV INTERAMIZADE. Carta Convite

XXIV INTERAMIZADE. Carta Convite XXIV INTERAMIZADE Carta Convite O Colégio São Luís tem o prazer de convidar esta conceituada instituição de ensino a participar dos XXIV Interamizade 2014, principal evento esportivo de nosso calendário.

Leia mais

CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO

CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO Art. 1º O CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A

Leia mais

R e g u l a m e n t o Q u a d r a n g u l a r d e A s c e n s o / D e s c e n s o N B B - 2 0 1 2 / 2 0 1 3 Página 1

R e g u l a m e n t o Q u a d r a n g u l a r d e A s c e n s o / D e s c e n s o N B B - 2 0 1 2 / 2 0 1 3 Página 1 R e g u l a m e n t o Q u a d r a n g u l a r d e A s c e n s o / D e s c e n s o N B B - 2 0 1 2 / 2 0 1 3 Página 1 1. Competição: Quadrangular de Ascenso e Descenso do NBB 2012/2013 2. Bases legais a.

Leia mais

REGULAMENTO DA 18ª COPA CERTEL SICREDI 30 ANOS DA ASLIVATA - 2015 CAPÍTULO I TÍTULO I DA INSTITUIÇÃO

REGULAMENTO DA 18ª COPA CERTEL SICREDI 30 ANOS DA ASLIVATA - 2015 CAPÍTULO I TÍTULO I DA INSTITUIÇÃO REGULAMENTO REGULAMENTO DA 18ª COPA CERTEL SICREDI 30 ANOS DA ASLIVATA - 2015 CAPÍTULO I TÍTULO I DA INSTITUIÇÃO Art. 1º A ASSOCIAÇÃO DE LIGAS DO VALE DO TAQUARI organizará a 18ª COPA CERTEL SICREDI 30ANOS

Leia mais

TAÇA CIDADE SÃO JOSÉ DE FUTSAL 2014 REGULAMENTO GERAL I - DA ORGANIZÇÃO E DIREÇÃO

TAÇA CIDADE SÃO JOSÉ DE FUTSAL 2014 REGULAMENTO GERAL I - DA ORGANIZÇÃO E DIREÇÃO TAÇA CIDADE SÃO JOSÉ DE FUTSAL 2014 REGULAMENTO GERAL I - DA ORGANIZÇÃO E DIREÇÃO Art. 1º - A organização da Taça Cidade São José de Futsal é de inteira responsabilidade da Prefeitura Municipal de São

Leia mais

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL SEÇÃO DO DISTRITO FEDERAL COMISSÃO DE ESPORTES DA OAB/DF COORDENAÇÃO DO CAMPEONATO CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO 2015

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL SEÇÃO DO DISTRITO FEDERAL COMISSÃO DE ESPORTES DA OAB/DF COORDENAÇÃO DO CAMPEONATO CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO 2015 ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL SEÇÃO DO DISTRITO FEDERAL COMISSÃO DE ESPORTES DA OAB/DF COORDENAÇÃO DO CAMPEONATO CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO 2015 REGULAMENTO TEMA CHAMPIONS LEAGUE CATEGORIA MASTER CAPÍTULO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHAIS ESTADO DO PARANÁ. SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA, ESPORTE E LAZER Departamento de Esporte e Lazer

PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHAIS ESTADO DO PARANÁ. SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA, ESPORTE E LAZER Departamento de Esporte e Lazer VIII COPA PINHAIS DE FUTEBOL CATEGORIA ADULTO REGULAMENTO GERAL PINHAIS 2016 0 CAPITULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 01º A VIII Copa Pinhais de Futebol Categoria Adulto é uma competição criada pela

Leia mais

Local: Praia do Porto da Barra, Salvador-BA. Dias: 25, 26 e 27 de outubro de 2013. Promotora e total responsável pelo evento: Rinha Comunicação Total.

Local: Praia do Porto da Barra, Salvador-BA. Dias: 25, 26 e 27 de outubro de 2013. Promotora e total responsável pelo evento: Rinha Comunicação Total. Circuito Open de Polo Aquático Campeonato de Polo Aquático realizado em águas abertas, com abrangência nacional e apoio da CBDA - Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos. Local: Praia do Porto da

Leia mais

REGULAMENTO da TAÇA PAULO ROBERTO TRIVELLI 2015 SELETIVA FASE ESTADUAL TITULO I DAS FINALIDADES

REGULAMENTO da TAÇA PAULO ROBERTO TRIVELLI 2015 SELETIVA FASE ESTADUAL TITULO I DAS FINALIDADES REGULAMENTO da TAÇA PAULO ROBERTO TRIVELLI 2015 SELETIVA FASE ESTADUAL TITULO I DAS FINALIDADES Artigo 1 - A TAÇA PAULO ROBERTO TRIVELLI 2015 é promovida, organizada e dirigida pela FEDERAÇÃO UNIVERSITÁRIA

Leia mais

REGULAMENTO OFICIAL VI COPA DE FUTEBOL 7 UNIGUAÇU

REGULAMENTO OFICIAL VI COPA DE FUTEBOL 7 UNIGUAÇU REGULAMENTO OFICIAL VI COPA DE FUTEBOL 7 UNIGUAÇU CAP. I: AS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES ART.1 - O torneio é uma Promoção do Colegiado do curso de Educação Física da Uniguaçu, apoiado pela Uniguaçu. ART.2

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE - 2013

REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE - 2013 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE - 2013 DOS PARTICIPANTES Art. 1º - Integrarão o Campeonato Estadual de Futebol da Primeira

Leia mais

REGULAMENTO. Art.10 - Cada equipe deverá se fazer representar por uma pessoa responsável no Congresso Técnico da Competição.

REGULAMENTO. Art.10 - Cada equipe deverá se fazer representar por uma pessoa responsável no Congresso Técnico da Competição. CAPITULO I - DA PROMOÇÃO E OBJETIVOS Art.1 - A SUPER COPA REDE AMAZÔNICA DE FUTSAL, é realizada pela Rede Amazônica de Rádio e Televisão com a finalidade de fomentar a união, o espírito esportivo e o entretenimento

Leia mais

25º CAMPEONATO INFANTIL DE FUTEBOL 2013 SESI/TV GAZETA REGULAMENTO APRESENTAÇÃO

25º CAMPEONATO INFANTIL DE FUTEBOL 2013 SESI/TV GAZETA REGULAMENTO APRESENTAÇÃO APRESENTAÇÃO O Serviço Social da Indústria - SESI-DR/AL e a TV Gazeta de Alagoas, promoverão o 25º Campeonato Infantil de Futebol, que será realizado no período de 03 de agosto a 07 de dezembro de 2013,

Leia mais

JOGOS INTER PERÍODOS SANT ANA II JOIPS 02 A 04 DE SETEMBRO DE 2015

JOGOS INTER PERÍODOS SANT ANA II JOIPS 02 A 04 DE SETEMBRO DE 2015 JOGOS INTER PERÍODOS SANT ANA II JOIPS 02 A 04 DE SETEMBRO DE 2015 II JOGOS INTER PERÍODOS SANT ANA II JOIPS REGULAMENTO GERAL DE 02 A 04 SETEMBRO 2015 2 INTRODUÇÃO O 6 Período de Licenciatura em Educação

Leia mais

As Informações serão divulgadas no site www.faculdedemental.com.br e na www.unihorizontes.br. REGULAMENTO I- FINALIDADES

As Informações serão divulgadas no site www.faculdedemental.com.br e na www.unihorizontes.br. REGULAMENTO I- FINALIDADES As Informações serão divulgadas no site www.faculdedemental.com.br e na www.unihorizontes.br. Após todos os jogos REGULAMENTO I- FINALIDADES ARTIGO 1º - O TORNEIO FUTSAL DA FACULDADE NOVOS HORIZONTES,

Leia mais

16ª Copa Farroupilha de Futebol Amador

16ª Copa Farroupilha de Futebol Amador 16ª Copa Farroupilha de Futebol Amador De Março a Julho de 2013 Organização: Prof. José Medeiros LIGA FARROUPILHA REGULAMENTO GERAL 1) Da fórmula de disputa: a) A competição contará com dezoito (18) equipes;

Leia mais

CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO

CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO Art. 1º O CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE - 2014

REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE - 2014 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE - 2014 DOS PARTICIPANTES Art. 1º - Integrarão o Campeonato Estadual de Futebol da Primeira

Leia mais

XXXVII COPA NORTE/NORDESTE DE CICLISMO 2014

XXXVII COPA NORTE/NORDESTE DE CICLISMO 2014 CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE CICLISMO XXXVII COPA NORTE/NORDESTE DE CICLISMO 2014 Art. 1º - Art. 2º - Art. 3º - REGULAMENTO OBJETIVO Com o objetivo de desenvolver e difundir o ciclismo em toda a Região Norte

Leia mais

REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS

REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º. Este regulamento é o documento composto conjunto das disposições que regem a Campeonato Brasileiro de Handebol dos Surdos 2015, nas categorias

Leia mais

CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA DIVISÃO PRINCIPAL DE 2010 REGULAMENTO ESPECÍFICO

CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA DIVISÃO PRINCIPAL DE 2010 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA DIVISÃO PRINCIPAL DE 2010 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO Art. 1º O CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE. COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE. COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER PORTARIA G. CEL 16/2016 REGULAMENTO DA 3ª COPA DE VOLEIBOL DO ESTADO DE SÃO PAULO O Coordenador de Esporte e Lazer, no uso de suas atribuições, expede a presente Portaria, que estabelece o Regulamento

Leia mais

Federação Paulista de Futebol

Federação Paulista de Futebol Federação Paulista de Futebol RUA FEDERAÇÃO PAULISTA DE FUTEBOL, 55 SÃO PAULO - SP Telefone 2189-7000 Fax 2189-7022 REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COPA PAULISTA - 2015 DA DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO Art. 1º

Leia mais

COPA AMAG/UNINCOR REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COMPETIÇÃO 1ª. COPA AMAG/UNINCOR DE FUTEBOL DE BASE SUB 17 CAPÍTULO I DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO

COPA AMAG/UNINCOR REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COMPETIÇÃO 1ª. COPA AMAG/UNINCOR DE FUTEBOL DE BASE SUB 17 CAPÍTULO I DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COMPETIÇÃO 1ª. COPA AMAG/UNINCOR DE FUTEBOL DE BASE SUB 17 CAPÍTULO I DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO Art. 1º - A 1ª. COPA AMAG/UNINCOR DE FUTEBOL DE BASE 2015 Sub-17, doravante denominado

Leia mais

REGULAMENTO GERAL CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR GINÁSTICA ARTÍSTICA - 2016

REGULAMENTO GERAL CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR GINÁSTICA ARTÍSTICA - 2016 REGULAMENTO GERAL CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR DE GINÁSTICA ARTÍSTICA - 2016 0 Sumário TÍTULO I - DA ORGANIZAÇÃO E EXECUÇÃO... 2 Seção I Organização e Execução:... 2 TÍTULO II - PERÍODO DE REALIZAÇÃO...

Leia mais