COPA RURAL DE VETERANOS (EDIÇÃO 2014 / 2015) REGULAMENTO CAPÍTULO I DAS FINALIDADES

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "COPA RURAL DE VETERANOS (EDIÇÃO 2014 / 2015) REGULAMENTO CAPÍTULO I DAS FINALIDADES"

Transcrição

1 COPA RURAL DE VETERANOS (EDIÇÃO 2014 / 2015) REGULAMENTO CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Artigo 1º A 13ª Copa Rural de Veteranos (Futebol de Campo), tem como finalidades, contribuir para a integração sócio esportiva das agremiações interioranas do Estado da Paraíba. Artigo 2º A elaboração do regulamento, tabela estatística, normas e outras definições, ficarão a cargo da organização do certame, sendo discutida com as agremiações participantes, nas reuniões que antecedem cada etapa da competição. Artigo 3º Participarão da 13ª Copa Rural de Veteranos, representantes do Brejo e outras regiões. Artigo 4º Cada equipe inscrita será obrigada a participar da 13ª Copa Rural de Veteranos, com quadro titular, no mínimo 11 (onze) atletas previamente inscritos. Artigo 5º A 13ª Copa Rural de Veteranos é uma promoção da Rádio Rural de Guarabira, com intuito de elevar cada vez mais o futebol amador da Paraíba. CAPÍTULO II DA ORGANIZAÇÃO Artigo 6º A 13ª Copa Rural de Veteranos, será disputada em dois turnos, com jogos de ida e volta, sendo que a 3ª Fase será realizada com as equipes classificadas, no sistema eliminatório. Artigo 7º Nos jogos da 3ª Fase, o 2º jogo será no campo da equipe que obtiver o maior número de pontos na primeira e segunda fase. Em caso de empate, obedecerá ao que preceitua o artigo 10º deste regulamento. Artigo 8º As equipe participantes da 13ª Copa Rural de Veteranos, serão agrupadas em chaves, com junção de equipes com campos abertos e fechados. Após a realização dos jogos da 1ª e 2ª Fase da competição, obedecendo aos critérios de desempate estabelecidos no Artigo 10º desse regulamento, serão classificadas quatro equipes de cada grupo.

2 GRUPO A GRUPO B GRUPO C Itabaiana E.C. Náutico de Araçagi Seleção de Arara Conde F. C. Grêmio de Guarabira Seleção de Caiçara Palmeiras de Cajá Alvorada de J. Távora Seleção de Sertãozinho Fluminense do Arroz Esporte Clube Juá Seleção de Pilar Seleção de P. de Fogo Seleção de Gurinhém Seleção de Piõezinhos Colombo de Bayeux Seleção de Remígio Os clubes de melhor campanha na 1ª fase e 2ª Fase jogarão até partida final com a vantagem de dois resultados iguais, na disputa dos confrontos. A 3ª fase ficará assim distribuída: 1º Colocado X 12º Colocado (G01) 2º Colocado X 11º Colocado (G02) 3º Colocado X 10º Colocado (G03) 4º Colocado X 9 º Colocado (G04) Os jogos da 4ª Fase da competição ficarão na seguinte ordem: Classificado do (G1) X Classificado do (G04) (G05) Classificado do (G2) X Classificado do (G03) (G06) Os jogos da 5ª Fase da competição ficarão na seguinte ordem: Vencedor do (G05) X Vencedor do (G06)

3 CAPÍTULO III DA CONTAGEM DE PONTOS Artigo 9º Na contagem de pontos será observado o seguinte critério: A) Por vitória (03 pontos); B) Por empate (01 ponto); C) No placar por W X O será aplicado o item A deste artigo. CAPÍTULO IV DOS DESEMPATES Artigo 10º Em caso de empate entre duas ou mais equipes no 1º turno, serão obedecidos os seguintes critérios para desempates: 1º Maior número de vitórias 2º Maior saldo de gols 3º Maior número de gols marcados 4º Menor número de gols sofridos 5º Confronto direto 6º sorteio CAPÍTULO V DOS JOGOS Artigo 11º Os jogos da 13ª Copa Rural de Veteranos serão realizados nos sábados à tarde, obedecendo ao horário das 15h30 e aos domingos às 9h00 e as 15h30. $ 1º Terá tolerância de 15 (quinze) minutos para o início de cada partida. $ 2º Terminado o prazo de tolerância de 15 (quinze) minutos previstos no $ 1º deste artigo, a equipe infratora perderá os pontos para a equipe adversária. $ 3º Excepcionalmente, por motivo de ordem superior, o horário de uma partida poderá ser marcado para as 14h30 ou às 10h15, aos sábados e domingos, respectivamente, a critério da coordenação geral do certame. $ 4º A renda das partidas realizadas nas semifinais e final ficará reservada à organização da competição, para pagamento de despesas com o estádio e transmissão; $ 5º A partir das quartas de finais os jogos deverão ser realizados em campos com muro e alambrado, caso o clube mandante não tenha um campo com essa estrutura, a partida deverá ser realizada na cidade mais próxima que cumpra tal exigência sendo necessário o aval da organização do campeonato; $ 6º A partir das semi finais, todas as partidas deverão ser realizadas em campos neutros, sendo este critério de responsabilidade da organização. Artigo 12º O horário de uma partida terá o seu início marcado através do relógio cronômetro do árbitro central.

4 Artigo 13º Os jogos da 13ª Copa Rural de Veteranos, serão arbitrados por árbitros da Federação Paraibana de Futebol (FPF), Liga Desportiva Guarabirense (LDG), bem como do quadro de árbitros da Copa Rural. Artigo 14º Na falta do árbitro indicado para a partida, a mesma ficará adiada, ficando a coordenação geral incumbida de marcar uma nova data para a sua realização, sendo escalado o mesmo árbitro sem o devido direito de receber a taxa de arbitragem como punição, salvo se houver justo motivo. Artigo 15º Os jogos terão duração de 80 (oitenta) minutos, divididos em dois tempos de 40 (quarenta) minutos, com intervalo de 10 (dez) minutos. A decisão da 13ª Copa Rural de Veteranos será realizada em duas partidas. A equipe de melhor campanha jogará por dois resultados iguais e com direito de fazer o segundo jogo em casa. A segurança ficará por conta do mandante das partidas Artigo 16º A equipe que detenha o mando de campo deverá comparecer ao campo de jogo munida de 2 (duas) bolas em condição de jogo, bem como 2 (dois) uniformes de suas cores oficiais, devidamente numerados, para no caso de haver a necessidade de trocar, motivada pela padronagem e cores com a equipe adversária, ficando a agremiação local obrigada a fazer a mudança do uniforme. Artigo 17º Serão permitidas 07 (sete) substituições para cada equipe, vedado o retorno do atleta que já foi substituído. Parágrafo único A não observância do presente artigo, implicará na perda de 03 (três) pontos da equipe infratora para o seu adversário, desde que, a irregularidade conste na súmula do jogo e a agremiação prejudicada proteste junto à Junta Disciplinar da Coordenação Geral. CAPÍTULO VI DA ANTECIPAÇÃO, ADIAMENTO OU ANULAÇÃO DA PARTIDA Artigo 18º Poderá haver antecipação, adiamento ou anulação de 01 (uma) partida devido a motivo de força maior ou de alta relevância, devidamente comprovado, sendo as equipes cientificadas mediante ofício, ou através dos programas esportivos da Rádio Rural de Guarabira, com antecedência de 24 (vinte e quatro) horas. Artigo 19º O árbitro é a única autoridade em campo que poderá suspender uma partida. Artigo 20º As partidas suspensas, nulas ou antecipadas terão novo horário, local e data designados pela coordenação deste campeonato. Artigo 21º A tabela poderá sofrer alterações, desde que o motivo atenda o disposto no artigo 20º deste regulamento que será publicado nos portais rvnoticias.come nordeste1.com.

5 CAPÍTULO VII DOS ATLETAS / PAGAMENTO DE INSCRIÇÕES Artigo 20º Somente poderão participar da 13ª Copa Rural de Veteranos, atletas regularmente inscritos por suas respectivas agremiações na junta da Coordenação Geral. Artigo 21º Cada equipe poderá inscrever 30 (trinta) atletas com idade mínima de 30 anos completos antes da primeira rodada da competição. Cada clube poderá inscrever 3 (três) jogadores com idade de 33 anos. O goleiro não requer idade mínima. Artigo 22º Só serão permitidas inscrições de atletas antes da 1ª (primeira) rodada das oitavas de finais. Artigo 23º Os diretores responsáveis por suas equipes ficarão obrigados, antes do início de cada partida, por ocasião da assinatura da súmula do jogo, a apresentação ao árbitro ou representante da coordenação do certame, seus atletas munidos das respectivas carteiras (Carteira de Atleta), devidamente vistoriadas pela organização da competição. Comprovado que o(os) atleta(s) atuou(aram) sem a referida carteira, a equipe perderá os pontos para o adversário. Artigo 24º O atleta analfabeto terá sua impressão digital produzida em sua carteira de atleta,ficando o árbitro de colocar em letra de imprensa o nome completo do referido atleta na súmula do jogo. CAPÍTULO VIII DAS INFRAÇÕES E PENALIDADES Artigo 25º Perderá 05 (cinco) pontos, se comprovado, a equipe que atuar com a documentação do atleta irregular. Para tanto, a agremiação prejudicada terá 48 (quarenta e oito) horas para protestar a infração ocorrida. Parágrafo Único A equipe que não se deslocar para cumprir uma partida previamente marcada será eliminada da competição, a não ser que o motivo seja devidamente justificado. Artigo 26º O atleta que agredir física ou moralmente o árbitro da partida, seus auxiliares, membros da Coordenação Geral ou da Junta de Justiça, poderá ser eliminado da competição. Artigo 27º O atleta que for expulso de campo e não quiser se retirar, a equipe a qual pertence será responsável por sua imediata retirada de campo. Caso contrário, independente de qualquer resultado, a partida poderá ser suspensa, adiada ou encerrada. A equipe do atleta infrator perderá os pontos para o adversário.

6 $ 1º Cumprirá suspensão automática de 01 (uma) partida o atleta que for punido com 03 (três) cartões amarelos, bem como o que for penalizado com 01 (um) cartão vermelho. $ 2º Em caso de uma nova expulsão por parte do mesmo atleta ora punido, a penalidade poderá ser diferenciada, sendo decretada pela JJD (Junta de Justiça Desportiva). Artigo 30º As equipes julgadas pela JJD, cujos pontos forem adjudicados a uma equipe que os tenha perdido em campo, o resultado será 1 X 0, não podendo recorrer a decisão da JJD. Artigo 31º O atleta que se inscrever em mais de uma equipe durante este campeonato, e atuar em alguma partida será automaticamente eliminado da competição, independente de julgamento da JJD. Artigo 32º Fica criada a JJD (Junta de Justiça Desportiva) composta de 03 (três) membros efetivos e 02 (dois) suplentes, sendo advogados especialistas em legislação esportiva, para julgamento de protesto e demais causas jurídicas do certame. PARÁGRAFO ÚNICO O valor da taxa de protesto a ser cobrado pela JJD (Junta de Justiça Desportiva) para julgar os casos ora contestados pela(s) equipe(s) participante(s) será de R$ 300,00 (Trezentos Reais). A importância cobrada servirá para pagar os honorários dos componentes da Junta. CAPÍTULO IX DOS ÁRBITROS Artigo 33º Caberá aos árbitros, obrigatoriamente, relatar todas as ocorrências registradas na partida, encaminhando a súmula e seus anexos até as 11h00 da terça feira. Artigo 34º O árbitro ou o quarteto de arbitragem devidamente indicado (os) para uma partida, deverá (ão) estar presente(s) ao local do jogo 15 (quinze) minutos antes da partida. Artigo 36º Nenhuma equipe poderá vetar o(s) árbitro(s) que tenha(m) sido indicado(s) pela Direção de Arbitragem para atuar em uma partida. Artigo 37º A taxa de arbitragem será paga pelas equipes que estarão disputando a partida, obedecendo à tabela da Direção de Arbitragem para as despesas de passagens e transporte coletivo. O valor da taxa de arbitragem para uma partida (quarteto de arbitragem), em toda competição é de R$ 300,00 (Trezentos reais), dividido em partes iguais entre as equipes que realizarão a partida. $ 1º O 4º Árbitro também terá função de Delegado de Partida e ele juntamente ao árbitro central coordenará as atividades extra campo antes e durante cada jogo.

7 CAPÍTULO X DOS PRÊMIOS Artigo 38º Ao final da 13ª Copa Rural de Veteranos serão conferidos troféus e medalhas de honra ao mérito definitivo na seguinte ordem: Campeão: R$ 2.000,00 (Dois Mil Reais) Vice campeão: R$ 1.000,00 (Hum Mil Reais) Terceiro colocado: R$ 500,00 (Quinhentos Reais) Artilheiro: R$ 200,00 (Duzentos Reais) Melhor Goleiro: R$ 200,00 (Duzentos Reais) CAPÍTULO XI DAS DISPOSIÇÕES FINAIS Artigo 39º A equipe que deixar o jogo, demonstrando abandono de campo, terá os pontos contados em favor da equipe adversária, sendo eliminada do campeonato, salvo o motivo de força maior, comprovado dentro de 48 (quarenta e oito) horas após a ocorrência. Artigo 40º Toda partida registrada com o placar por W X O, será convencionado 1 X 0 para saldo de gols. Artigo 41º A Coordenação Geral não se responsabiliza por qualquer incidente que venha a ocorrer antes, durante ou após uma partida, inclusive de ordem clínica. Artigo 42º A equipe que detenha o mando de campo será obrigada a solicitar, através de ofício a autoridade policial de sua cidade, para garantir a ordem pública no campo de jogo, exigindo na oportunidade a 2ª via do ofício, devidamente carimbado e/ou a matricula da autoridade policial como referência. Artigo 43º Por motivo de segurança não será permitido o início de nenhuma partida, sem a presença do policiamento em campo. Caso isso aconteça, o árbitro deverá relatar a ocorrência na súmula do jogo. Se comprovado que o clube local solicitou a polícia, os representantes dos clubes deverão assinar um termo de compromisso perante o árbitro do jogo. Se não houver acordo, haverá outra partida à critério da organização deste campeonato. Se comprovado que o clube local não solicitou a polícia através de ofício, perderá os pontos para o seu adversário. Artigo 44º A inversão do mando de campo, bem como, adiamento ou antecipação de jogos, mesmo sendo de comum acordo entre as equipes interessadas, somente terá validade com a homologação da organização do campeonato.

8 Artigo 45º Se registrada agressão generalizada (atleta contra atleta ou contra dirigentes, etc), devidamente constatada na súmula do jogo pelo árbitro da partida em que uma das equipes provocou tais incidentes, a mesma poderá ser eliminada do campeonato. Artigo 46º Fica obrigado o clube que detenha o mando de jogo, responsável pela marcação completa do campo, bem como colocar cordas nas laterais do campo para facilitar o trabalho do trio de arbitragem. $ 1º Se o campo não estiver marcado e/ou sem as cordas, o clube visitante deverá se recusar de jogar. A infração, depois de averiguada, deverá constar na súmula de jogo. Caso isso aconteça, a equipe local poderá os pontos para o seu adversário. Artigo 47º Este regulamento é definitivo a ser cumprido rigorosamente pelas equipes participantes, coordenação e comissão de arbitragem, que homologam, no ato da inscrição, e os casos omissos no presente regulamento serão resolvidos pela Coordenação Geral, fundamentada nos critérios estabelecidos no código brasileiro disciplinar (CBDF) e demais resoluções e leis que regem o futebol. Guarabira PB, 06 de novembro de Ronaldo Nogueira Vieira Coordenador da Competição

O CAMPEONATO SAMBERNARDENSE DE FUTEBOL JUNIORES 2011 R E G U L A M E N T O / TEMPORADA 2011 = = = = = = = = = = = = DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

O CAMPEONATO SAMBERNARDENSE DE FUTEBOL JUNIORES 2011 R E G U L A M E N T O / TEMPORADA 2011 = = = = = = = = = = = = DISPOSIÇÕES PRELIMINARES CAMPEONATO SAMBERNARDENSE DE FUTEBOL JUNIORES 2011 R E G U L A M E N T O / TEMPORADA 2011 = = = = = = = = = = = = DISPOSIÇÕES PRELIMINARES ARTIGO 1º O CAMPEONATO SAMBERNARDENSE DE FUTEBOL JUNIORES/2011,

Leia mais

CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO MÁSTER 2013 FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO TÉCNICO NOTA OFICIAL 001/13 REGULAMENTO

CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO MÁSTER 2013 FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO TÉCNICO NOTA OFICIAL 001/13 REGULAMENTO CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO MÁSTER 2013 FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO TÉCNICO NOTA OFICIAL 001/13 REGULAMENTO Dispõe sobre as normas a serem estabelecidas no Regulamento do Campeonato de MÁSTER

Leia mais

LIGA PAULISTANA DE FUTEBOL AMADOR

LIGA PAULISTANA DE FUTEBOL AMADOR COPA LIGA PAULISTANA REGULAMENTO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Artigo 1º - Este Regulamento é o conjunto das disposições que regem a Copa Liga Paulistana. Artigo 2º - A Copa tem por finalidade promover

Leia mais

REALIZAÇÃO: NOVE DE JULHO CASA VERDE

REALIZAÇÃO: NOVE DE JULHO CASA VERDE 6ª COPA NOVE DE JULHO DE FUTEBOL AMADOR 2016 REALIZAÇÃO: NOVE DE JULHO CASA VERDE 1 REGULAMENTO DA 6ª COPA NOVE DE JULHO 2016 CAPITULO I Da PARTICIPAÇÃO Esta copa contará com a participação de 48 (quarenta

Leia mais

XIII Copa FUTEL de Futebol de Campo 2014 Regulamento

XIII Copa FUTEL de Futebol de Campo 2014 Regulamento XIII Copa FUTEL de Futebol de Campo Regulamento 1 CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS Art. 1º - A XIII COPA FUTEL DE FUTEBOL DE CAMPO tem por objetivo principal o congraçamento geral dos participantes e criar alternativas

Leia mais

APOIO EVIDÊNCIA PROMOTIONS CERVEJARIA FEMSA

APOIO EVIDÊNCIA PROMOTIONS CERVEJARIA FEMSA II COPA CINQUENTÃO BOTAFOGO DE FUTEBOL AMADOR APOIO EVIDÊNCIA PROMOTIONS CERVEJARIA FEMSA Acesse o site WWW.BOTAFOGODEGUAIANASES.COM.BR REALIZAÇÃO: ACOCESP: Promoções de Eventos e Coordenação de Esporte

Leia mais

LIGA ATLÉTICA DA REGIÃO MINEIRA

LIGA ATLÉTICA DA REGIÃO MINEIRA CAMPEONATO REGIONAL DA LARM DE FUTEBOL JÚNIOR DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO Disposições Preliminares: CAPÍTULO I Art. 1º - O campeonato Regional da Liga Atlética da Região Mineira de Futebol Júnior de

Leia mais

LIGA ATLÉTICA DA REGIÃO MINEIRA

LIGA ATLÉTICA DA REGIÃO MINEIRA CAMPEONATO REGIONAL DA LARM DE FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL DA 1ª DIVISÃO DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO Disposições Preliminares: CAPÍTULO I Art. 1º - O campeonato Regional da Liga Atlética da Região Mineira

Leia mais

3ª Super Copa Serra Branca de Futebol - 2015

3ª Super Copa Serra Branca de Futebol - 2015 Regulamento Oficial da 3ª SUPER COPA SERRA BRANCA DE FUTEBOL - 2015 I - DAS FINALIDADES: Artigo 1º - A 3ª SUPER COPA SERRA BRANCA DE FUTEBOL - 2015, promovido pela Prefeitura Municipal de Serra Branca

Leia mais

1ª / 2ª DIVISÃO, E SUB-18. REGULAMENTO E FORMA DE DISPUTA-2015

1ª / 2ª DIVISÃO, E SUB-18. REGULAMENTO E FORMA DE DISPUTA-2015 19º CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL AMADOR DE NOVO GAMA-GO DE 2015 1ª / 2ª DIVISÃO, E SUB-18. REGULAMENTO E FORMA DE DISPUTA-2015 PROMOÇÃO: PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVO GAMA - GO REALIZAÇÃO: SECRETARIA

Leia mais

COPA FEEVALE - 11ª EDIÇÃO - 2015

COPA FEEVALE - 11ª EDIÇÃO - 2015 COPA FEEVALE - 11ª EDIÇÃO - 2015 OBJETIVOS - PROMOVER UMA COMPETIÇÃO COM CUSTOS BAIXOS; - PROPORCIONAR JOGOS EM AMBIENTES FAVORÁVEIS AO CRESCIMENTO TÉCNICO, TÁTICO E EMOCIONAL, UTILIZANDO O ESPORTE COMO

Leia mais

COPA SUL DOS CAMPEÕES DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I. Disposições Preliminares

COPA SUL DOS CAMPEÕES DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I. Disposições Preliminares LIGA LAGUNENSE DE FUTEBOL - LLF DEPARTAMENTO TÉCNICO COPA SUL DOS CAMPEÕES DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I Disposições Preliminares Art. 1º - A Copa Sul dos Campeões de 2016, será promovida pela

Leia mais

COPA SUL DOS CAMPEÕES DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I. Disposições Preliminares

COPA SUL DOS CAMPEÕES DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I. Disposições Preliminares LIGA IMBITUBENSE DE FUTEBOL - LIF DEPARTAMENTO TÉCNICO COPA SUL DOS CAMPEÕES DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I Disposições Preliminares Art. 1º - A Copa Sul dos Campeões de 2015, será promovida

Leia mais

8 8 COPA CAPELINHA DE FUTEBOL AMADOR

8 8 COPA CAPELINHA DE FUTEBOL AMADOR 8 8 COPA CAPELINHA DE FUTEBOL AMADOR Resolve publicar as seguintes normas para disputa da COPA CAPELINHA DE FUTEBOL AMADOR 2014 INICIO DIA 09 fevereiro DE 2014 DA FORMA DE DISPUTA Art.01- a Copa capelinha

Leia mais

I CAMPEONATO DE FUTEBOL DOS ADVOGADOS DO MARANHÃO

I CAMPEONATO DE FUTEBOL DOS ADVOGADOS DO MARANHÃO I CAMPEONATO DE FUTEBOL DOS ADVOGADOS DO MARANHÃO REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I DA FINALIDADE O I CAMPEONATO DE FUTEBOL DOS ADVOGADOS DO MARANHÃO (SOCIETY), visa incrementar a prática de futebol de sete

Leia mais

3ª COPA INTER-ADVOGADOS

3ª COPA INTER-ADVOGADOS Data/ Local: Competição: Maio à Julho * início previsto para 26/maio Local: Centro Iraí Pinhais-PR www.centroirai.com.br Gustavo@centroirai.com.br DA PARTICIPAÇÃO: Artigo Primeiro: Só poderão participar

Leia mais

COPA INCENTIVO 2012 3ª. DIVISÃO DA COMPETIÇÃO, INSCRIÇÃO DAS AGREMIAÇÕES, ATLETAS E PENALIDADES

COPA INCENTIVO 2012 3ª. DIVISÃO DA COMPETIÇÃO, INSCRIÇÃO DAS AGREMIAÇÕES, ATLETAS E PENALIDADES COPA INCENTIVO 2012 3ª. DIVISÃO DA COMPETIÇÃO, INSCRIÇÃO DAS AGREMIAÇÕES, ATLETAS E PENALIDADES Art. 1 o. - A Copa Incentivo de Futebol 2014-3 a. Divisão será regida por este Regulamento específico e único

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE CURVELÂNDIA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA, ESPORTE E LAZER CURVELÂNDIA MT

ESTADO DE MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE CURVELÂNDIA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA, ESPORTE E LAZER CURVELÂNDIA MT Árbitros Capacitados Equipe Campeã Copa do Queijo 2012 Divulgação com abrangência Segurança e Atendimento de Primeiros Socorros Estimativa de um bom Público CURVELÂNDIA MT REGULAMENTO 1 DAS FINALIDADES

Leia mais

GIOCHI DELLA GIOVENTU -2014

GIOCHI DELLA GIOVENTU -2014 Av.Presidente Antonio Carlos 40-3 Andar Centro Rio De Janeiro Cep 20020-010 Rio de Janeiro Tel.021-22623697 secretaria@conibrasile.org GIOCHI DELLA GIOVENTU -2014 Dando continuidade ao trabalho desenvolvido

Leia mais

AGAP/DF ASSOCIAÇÕES DE GARANTIA AO ATLETA PROFISSIONAL DO DISTRITO FEDERAL CNPJ: 00.497.826/0001-08

AGAP/DF ASSOCIAÇÕES DE GARANTIA AO ATLETA PROFISSIONAL DO DISTRITO FEDERAL CNPJ: 00.497.826/0001-08 Regulamento da 16º COPA AGAP DE NOVOS TALENTOS Edição 2015 Copa Agap de Futebol Novos Talentos Categoria Sub 11 Copa Agap de Futebol Novos Talentos Categoria Sub 13 CAPÍTULO I Das Disposições Preliminares

Leia mais

CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO

CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO Art. 1º O CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A

Leia mais

COPA CEPEUSP DE FUTEBOL 2016 REGULAMENTO

COPA CEPEUSP DE FUTEBOL 2016 REGULAMENTO CENTRO DE PRÁTICAS ESPORTIVAS DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO S. EVENTOS COPA CEPEUSP DE FUTEBOL 2016 REGULAMENTO I - DOS OBJETIVOS A COPA CEPEUSP DE FUTEBOL DE CAMPO tem como objetivo a integração dos docentes

Leia mais

REGULAMENTO D0 CAMPEONATO FLUMINENSE DE RUGBY

REGULAMENTO D0 CAMPEONATO FLUMINENSE DE RUGBY REGULAMENTO D0 CAMPEONATO FLUMINENSE DE RUGBY 2012-2ª DIVISÃO 1. Disposições Gerais Todas as partidas serão disputadas de acordo com as Leis do jogo em vigor conforme estipulado pelo IRB. Se surgirem dúvidas

Leia mais

XI COPA PAULISTA DE FUTEBOL DE BASE

XI COPA PAULISTA DE FUTEBOL DE BASE XI COPA PAULISTA DE FUTEBOL DE BASE REGULAMENTO OFICIAL - 2015 Da Finalidade Art. 01 - A XI Copa Paulista de Futebol de Base, tem por finalidade o estimulo à prática esportiva saudável, ao caráter formativo

Leia mais

GRUPOS CAMPO (02) SHOW DE BOLA CATEGORIA SUB: 13 CATEGORIA SUB: 15

GRUPOS CAMPO (02) SHOW DE BOLA CATEGORIA SUB: 13 CATEGORIA SUB: 15 GRUPOS CAMPO (01) 1º BPM CAMPO (02) SHOW DE BOLA CATEGORIA SUB: 09 1. Associação Teotônio Segurado- 1º BPM 2. Associação Aureny III 3. Instituto Fernandes Futebol Clube 4. Escolinha FLA CAMPO (03) 606

Leia mais

PRIMEIRA DIVISÃO 2014

PRIMEIRA DIVISÃO 2014 CAMPEONATO SAMBERNARDENSE DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO ESPECIAL R E G U L A M E N T O / TEMPORADA 2014 = = = = = = = = = = = = DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Artigo 1º O CAMPEONATO SAMBERNARDENSE DE FUTEBOL

Leia mais

II CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2014 TAÇA FIFA 2014 Troféu Álvaro Wischral Tuti

II CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2014 TAÇA FIFA 2014 Troféu Álvaro Wischral Tuti II CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2014 TAÇA FIFA 2014 Troféu Álvaro Wischral Tuti Regulamento Geral I Das Disposições Gerais Obs: A COMISSÃO É COMPOSTA pelos integrantes: Rafael Rangel,

Leia mais

COPA DOS CAMPEÕES UNILIGAS 2015 REGULAMENTO

COPA DOS CAMPEÕES UNILIGAS 2015 REGULAMENTO COPA DOS CAMPEÕES UNILIGAS 2015 REGULAMENTO DA DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO Art. 1º Á COPA DOS CAMPEÕES UNILIGAS 2015, será disputada pelas 7 (sete) equipes Campeãs e as 7(sete) equipes Vice Campeãs das

Leia mais

REGULAMENTO APRESENTAÇÃO

REGULAMENTO APRESENTAÇÃO REGULAMENTO APRESENTAÇÃO O Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado do Espírito Santo SESCOOP/ES está promovendo o 1º FUTCOOP INFANTIL MASCULINO, que será realizado no mês de julho

Leia mais

REGULAMENTO OFICIAL VI COPA DE FUTEBOL 7 UNIGUAÇU

REGULAMENTO OFICIAL VI COPA DE FUTEBOL 7 UNIGUAÇU REGULAMENTO OFICIAL VI COPA DE FUTEBOL 7 UNIGUAÇU CAP. I: AS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES ART.1 - O torneio é uma Promoção do Colegiado do curso de Educação Física da Uniguaçu, apoiado pela Uniguaçu. ART.2

Leia mais

COPA GRANBEL DE FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA INFANTIL E JUVENIL

COPA GRANBEL DE FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA INFANTIL E JUVENIL COPA GRANBEL DE FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA INFANTIL E JUVENIL 2011 REGULAMENTO 2011 1 - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS: ARTIGO 1 A Copa Granbel de Futebol Infanto-Juvenil 2011 é uma organização da Granbel com

Leia mais

REGULAMENTO REALIZAÇÃO. Prefeitura Municipal de Irará PARCERIA. Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia SUDESB

REGULAMENTO REALIZAÇÃO. Prefeitura Municipal de Irará PARCERIA. Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia SUDESB REGULAMENTO REALIZAÇÃO Prefeitura Municipal de Irará PARCERIA Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia SUDESB APOIO: FEDERAÇÃO BAHIANA DE FUTEBOL FBF SETEMBRO / NOVEMBRO 2015 1 Disposições Preliminares

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DOS JOGOS MULTIVIX

REGULAMENTO GERAL DOS JOGOS MULTIVIX ART. 1º - DA FINALIDADE REGULAMENTO GERAL DOS JOGOS MULTIVIX Os JOGOS MULTIVIX modalidade Beach Soccer fazem parte do CIRCUITO VIDA SAUDÁVEL MULTIVIX, torneio universitário que tem por finalidade integrar

Leia mais

FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA / IDADE - MASCULINO: CATEGORIAS / IDADE - FEMININO:

FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA / IDADE - MASCULINO: CATEGORIAS / IDADE - FEMININO: FUTEBOL DE CAMPO Todos os atletas deverão apresentar o Documento Original (conforme Art.do Regulamento Geral) É obrigatório (e indispensável) o uso de caneleiras para todos os atletas participantes das

Leia mais

As Informações serão divulgadas no site www.faculdedemental.com.br e na www.unihorizontes.br. REGULAMENTO I- FINALIDADES

As Informações serão divulgadas no site www.faculdedemental.com.br e na www.unihorizontes.br. REGULAMENTO I- FINALIDADES As Informações serão divulgadas no site www.faculdedemental.com.br e na www.unihorizontes.br. Após todos os jogos REGULAMENTO I- FINALIDADES ARTIGO 1º - O TORNEIO FUTSAL DA FACULDADE NOVOS HORIZONTES,

Leia mais

CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO

CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A DE 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO Art. 1º O CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA SÉRIE A

Leia mais

COPA AMAG/UNINCOR REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COMPETIÇÃO 1ª. COPA AMAG/UNINCOR DE FUTEBOL DE BASE SUB 17 CAPÍTULO I DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO

COPA AMAG/UNINCOR REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COMPETIÇÃO 1ª. COPA AMAG/UNINCOR DE FUTEBOL DE BASE SUB 17 CAPÍTULO I DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COMPETIÇÃO 1ª. COPA AMAG/UNINCOR DE FUTEBOL DE BASE SUB 17 CAPÍTULO I DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO Art. 1º - A 1ª. COPA AMAG/UNINCOR DE FUTEBOL DE BASE 2015 Sub-17, doravante denominado

Leia mais

Copa Rio Profissional :: 2015

Copa Rio Profissional :: 2015 Copa Rio Profissional :: 2015 REGULAMENTO DA COPA RIO DE PROFISSIONAIS 2015 Art. 1º - Poderão participar da Copa Rio de 2015 até 20 associações, a saber, ressalvadas as disposições do parágrafo único do

Leia mais

CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA DIVISÃO PRINCIPAL DE 2010 REGULAMENTO ESPECÍFICO

CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA DIVISÃO PRINCIPAL DE 2010 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA DIVISÃO PRINCIPAL DE 2010 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E DA PARTICIPAÇÃO Art. 1º O CAMPEONATO CATARINENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL DA

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO BASQUETE

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO BASQUETE REGULAMENTO ESPECÍFICO DO BASQUETE 1. As competições de basquete serão realizadas de acordo com as regras internacionais da FIBA e os regulamentos e normas do Novo Desporto Universitário 2012 NDU. 2. Cada

Leia mais

REGULAMENTO COPA NOVOS HORIZONTES DE FUTSAL 2014

REGULAMENTO COPA NOVOS HORIZONTES DE FUTSAL 2014 REGULAMENTO COPA NOVOS HORIZONTES DE FUTSAL 2014 I - FINALIDADES ARTIGO 1º - A COPA NOVOS HORIZONTES DE FUTSAL, na categoria masculino/adulto, tem por finalidade congregar os alunos das unidades do Santo

Leia mais

COPA INTERBAIRROS 2ª Edição Taça Ricardo Peixoto (ROLINHA)

COPA INTERBAIRROS 2ª Edição Taça Ricardo Peixoto (ROLINHA) COPA INTERBAIRROS 2ª Edição Taça Ricardo Peixoto (ROLINHA) REGULAMENTO CAPITULO I DISPOSICÕES PRELIMINARES Art. 1º - A Copa Interbairros de Futebol tem como finalidade despertar entre os comunitários a

Leia mais

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL SEÇÃO DO DISTRITO FEDERAL COMISSÃO DE ESPORTES DA OAB/DF COORDENAÇÃO DO CAMPEONATO CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO 2015

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL SEÇÃO DO DISTRITO FEDERAL COMISSÃO DE ESPORTES DA OAB/DF COORDENAÇÃO DO CAMPEONATO CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO 2015 ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL SEÇÃO DO DISTRITO FEDERAL COMISSÃO DE ESPORTES DA OAB/DF COORDENAÇÃO DO CAMPEONATO CAMPEONATO DE FUTEBOL DE CAMPO 2015 REGULAMENTO TEMA CHAMPIONS LEAGUE CATEGORIA MASTER CAPÍTULO

Leia mais

www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429

www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429 Organização, compromisso e qualidade em prol do esporte universitário paulista www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429 REGULAMENTO

Leia mais

CAMPEONATO DE FUTEBOL RURAL MÁSTER CACOAL 2011.

CAMPEONATO DE FUTEBOL RURAL MÁSTER CACOAL 2011. CAMPEONATO DE FUTEBOL RURAL MÁSTER CACOAL 2011. REGULAMENTO DAS FINALIDADES ART. 1º - O CAMPEONATO RURAL DE FUTEBOL MASTER é uma competição promovida, organizada e dirigida pela AMEC através da PREFEITURA

Leia mais

XX Copa PMU/ Futel de Futsal 2015 Regulamento Geral MASCULINO

XX Copa PMU/ Futel de Futsal 2015 Regulamento Geral MASCULINO XX Copa PMU/ Futel de Futsal Regulamento Geral MASCULINO UBERLÂNDIA MG 1 XX COPA PMU/ FUTEL DE FUTSAL MASCULINO CAPÍTULO I - DOS OBJETIVOS Art. 1º - A XX COPA PMU/FUTEL DE FUTSAL MASCULINO tem por objetivo

Leia mais

REGULAMENTO DANONE COPA DAS NAÇÕES

REGULAMENTO DANONE COPA DAS NAÇÕES REGULAMENTO DANONE COPA DAS NAÇÕES Capítulo 1 Da Finalidade Artigo 1º - A DANONE COPA DAS NAÇÕES tem como objetivo incentivar a prática esportiva no meio estudantil e comunitário e promover o intercâmbio,

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DAS COMPETIÇÕES

REGULAMENTO GERAL DAS COMPETIÇÕES REGULAMENTO GERAL DAS COMPETIÇÕES RGC / 2015 REGULAMENTO GERAL DAS COMPETIÇÕES (RGC) - 2015 DEPARTAMENTO TÉCNICO Capítulo I Disposições Preliminares Art. 1º - As Competições promovidas pela FEFUSPA têm

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE - 2013

REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE - 2013 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE - 2013 DOS PARTICIPANTES Art. 1º - Integrarão o Campeonato Estadual de Futebol da Primeira

Leia mais

CAMPEONATO MUNICIPAL DE SÃO PAULO DAS MISSÕES E SESC/RS DE FUTEBOL DE SALÃO EDIÇÃO - 2015 CMD SÃO PAULO DAS MISSÕES

CAMPEONATO MUNICIPAL DE SÃO PAULO DAS MISSÕES E SESC/RS DE FUTEBOL DE SALÃO EDIÇÃO - 2015 CMD SÃO PAULO DAS MISSÕES CAMPEONATO MUNICIPAL DE SÃO PAULO DAS MISSÕES E SESC/RS DE FUTEBOL DE SALÃO EDIÇÃO - 2015 CMD SÃO PAULO DAS MISSÕES O PRINCÍPIO DO ESPORTE É A LEALDADE. VAMOS PRATICÁ-LA REGULAMENTO Esse Regulamento é

Leia mais

1ºTorneio Bancário Society de Clubes Paulista REGULAMENTO 2015

1ºTorneio Bancário Society de Clubes Paulista REGULAMENTO 2015 REGULAMENTO 2015 1º Torneio Bancário Society de Clubes Paulista 2015, é uma promoção da Secretaria de Esporte do Sindicato dos Bancários, e tem por finalidade efetuar o congraçamento entre os bancários

Leia mais

DIRETORIA EXECUTIVA. Nota Oficial Nº 027 Regulamento geral das competições 2015

DIRETORIA EXECUTIVA. Nota Oficial Nº 027 Regulamento geral das competições 2015 DIRETORIA EXECUTIVA Nota Oficial Nº 027 Regulamento geral das competições 2015 A presidência da Liga Itabirana de Futebol Amador - LIFA, no uso das suas atribuições legais e nos termos da decisão do Conselho

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE 2016

REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE 2016 DOS PARTICIPANTES Art. 1º - Integrarão o Campeonato Estadual de Futebol da Primeira

Leia mais

TAÇA FPF TEMPORADA 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COMPETIÇÃO (REC) CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO

TAÇA FPF TEMPORADA 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COMPETIÇÃO (REC) CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO TAÇA FPF TEMPORADA 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COMPETIÇÃO (REC) CAPÍTULO I DA DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO Art. 1º - A Taça FPF Temporada 2015, doravante denominada CAMPEONATO, é organizada pela Federação

Leia mais

Local: Praia do Porto da Barra, Salvador-BA. Dias: 25, 26 e 27 de outubro de 2013. Promotora e total responsável pelo evento: Rinha Comunicação Total.

Local: Praia do Porto da Barra, Salvador-BA. Dias: 25, 26 e 27 de outubro de 2013. Promotora e total responsável pelo evento: Rinha Comunicação Total. Circuito Open de Polo Aquático Campeonato de Polo Aquático realizado em águas abertas, com abrangência nacional e apoio da CBDA - Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos. Local: Praia do Porto da

Leia mais

Período: 06/09 a 29/11 11 datas. Realização: Faculdade Anísio Teixeira Departamento de Esportes

Período: 06/09 a 29/11 11 datas. Realização: Faculdade Anísio Teixeira Departamento de Esportes Período: 06/09 a 29/11 11 datas Realização: Faculdade Anísio Teixeira Departamento de Esportes COORDENAÇÃO: Prof. Eurico Gaspar de Oliveira CREF 0124 - G/BA CONTATO: (75) 8307-1261 / 9165-4938 / 3223.4158

Leia mais

REGULAMENTO DO CAMPEONATO CARIOCA DE FUTEBOL 7. DA SÉRIE A - 2014 e 2015

REGULAMENTO DO CAMPEONATO CARIOCA DE FUTEBOL 7. DA SÉRIE A - 2014 e 2015 REGULAMENTO DO CAMPEONATO CARIOCA DE FUTEBOL 7 DA SÉRIE A - 2014 e 2015 I - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES DO PERÍODO DE REALIZAÇÃO Artigo 1º - O Campeonato Carioca 2014 - Série A, competição de organização

Leia mais

Município de Santa Helena Secretaria de Educação, Cultura e Esportes Departamento de Esportes e Lazer CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL SUÍÇO - 2013.

Município de Santa Helena Secretaria de Educação, Cultura e Esportes Departamento de Esportes e Lazer CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL SUÍÇO - 2013. CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL SUÍÇO - 2013. REGULAMENTO Santa Helena, Outubro de 2013. CAMPEONATO MUNICIPAL DE FUTEBOL SUIÇO 2013 I DO REGULAMENTO Art. 1º - Este regulamento se destina a regulamentar

Leia mais

10ª COPA QUIOSQUE NATUREZA DE FUTEBOL SUÍÇO INTER-ACADEMIAS.

10ª COPA QUIOSQUE NATUREZA DE FUTEBOL SUÍÇO INTER-ACADEMIAS. 10ª COPA QUIOSQUE NATUREZA DE FUTEBOL SUÍÇO INTER-ACADEMIAS. REGULAMENTO OFICIAL (atualizado em 16/09) CAPÍTULO I OBJETIVOS ART. 1º - A 10ª Copa Quiosque Natureza de Futebol Suíço Inter-Academias, que

Leia mais

Regulamento da. Copa UniBH de. Futsal

Regulamento da. Copa UniBH de. Futsal Regulamento da Copa UniBH de Futsal FINALIDADE O presente regulamento contêm as normas que regem na 9ª Copa UniBH de Futsal, sendo conhecedores de seu conteúdo todos os inscritos que se submetem sem ressalvas

Leia mais

1 COPA SANTA MÔNICA DE FUTSAL INFANTIL

1 COPA SANTA MÔNICA DE FUTSAL INFANTIL REGULAMENTO 1 COPA SANTA MÔNICA DE FUTSAL INFANTIL 1- DOS OBJETIVOS: A 1 COPA SANTA MÔNICA DE FUTSAL INFANTIL tem como objetivo, a integração dos atletas de Futsal do clube, associados, e demais interessados

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE - 2014

REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE - 2014 REGULAMENTO ESPECÍFICO CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL DA PRIMEIRA DIVISÃO DE PROFISSIONAIS DO RIO GRANDE DO NORTE - 2014 DOS PARTICIPANTES Art. 1º - Integrarão o Campeonato Estadual de Futebol da Primeira

Leia mais

I COPA AMAZONAS DE FUTEBOL PROFISSIONAL - 2015 REGULAMENTO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

I COPA AMAZONAS DE FUTEBOL PROFISSIONAL - 2015 REGULAMENTO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES I COPA AMAZONAS DE FUTEBOL PROFISSIONAL - 2015 REGULAMENTO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º. O presente Regulamento analisado e votado pelas Entidades de Prática Desportiva (daqui em diante,

Leia mais

TORNEIO ESCOLAR DE ESPORTES DE LONDRINA REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I

TORNEIO ESCOLAR DE ESPORTES DE LONDRINA REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I TORNEIO ESCOLAR DE ESPORTES DE LONDRINA REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I Atualizado em 24/02/2005 DOS OBJETIVOS Art. 1 o.- Promover o desporto educacional através de várias modalidades esportivas, dando a

Leia mais

III CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2015 Troféu Álvaro Wischral Tuti

III CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2015 Troféu Álvaro Wischral Tuti III CAMPEONATO DE FUTEBOL SUIÇO BEIRA RIO CLUBE DE CAMPO 2015 Troféu Álvaro Wischral Tuti Regulamento Geral I Das Disposições Gerais Obs: A COMISSÃO É COMPOSTA pelos integrantes: Rafael Rangel, Sidnei

Leia mais

Federação Gaúcha de Futebol

Federação Gaúcha de Futebol Traffic Assessoria de Comunicações Ltda. RUA FEDERAÇÃO PAULISTA DE FUTEBOL, 55 SÃO PAULO - SP Telefone 2189-7000 Fax 2189-7022 REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COPA SUB 23 DE FUTEBOL PROFISSIONAL - 2010 DA DENOMINAÇÃO

Leia mais

26º CAMPEONATO DE FUTSAL DA 13ª SUBSEÇÃO DA OAB/UBERLÂNDIA R E G U L A M E N T O

26º CAMPEONATO DE FUTSAL DA 13ª SUBSEÇÃO DA OAB/UBERLÂNDIA R E G U L A M E N T O 26º CAMPEONATO DE FUTSAL DA 13ª SUBSEÇÃO DA OAB/UBERLÂNDIA R E G U L A M E N T O CAPÍTULO I - DOS OBJETIVOS Art. 1º - O 26º CAMPEONATO DE FUTSAL promovido pela Ordem dos Advogados do Brasil 13ª Subseção

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHAIS ESTADO DO PARANÁ. SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA, ESPORTE E LAZER Departamento de Esporte e Lazer

PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHAIS ESTADO DO PARANÁ. SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA, ESPORTE E LAZER Departamento de Esporte e Lazer VIII COPA PINHAIS DE FUTEBOL CATEGORIA ADULTO REGULAMENTO GERAL PINHAIS 2016 0 CAPITULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 01º A VIII Copa Pinhais de Futebol Categoria Adulto é uma competição criada pela

Leia mais

O Presidente da Liga Araguarina de Futebol, no uso de suas atribuições, por delegação de poderes, que lhes fora conferido, pelo Estatuto da Entidade:

O Presidente da Liga Araguarina de Futebol, no uso de suas atribuições, por delegação de poderes, que lhes fora conferido, pelo Estatuto da Entidade: LIGA ARAGUARINA DE FUTEBOL DEPARTAMENTO TÉCNICO NOTA OFICIAL Nº 004/2013 - DT DISPÕE SOBRE O REGULAMENTO, DO CAMPEONATO DA 1ª DIVISÃO DE NÃO PROFISSIONAIS, DA TEMPORADA DE 2013. O Presidente da Liga Araguarina

Leia mais

CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN

CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS DOS JOGOS UNIVERSITÁRIOS EINSTEIN Artigo 1º - Os Jogos Universitários tem como objetivo: * Incentivar a participação dos jovens em atividades saudáveis do ponto de vista social,

Leia mais

TAÇA CIDADE SÃO JOSÉ DE FUTSAL 2014 REGULAMENTO GERAL I - DA ORGANIZÇÃO E DIREÇÃO

TAÇA CIDADE SÃO JOSÉ DE FUTSAL 2014 REGULAMENTO GERAL I - DA ORGANIZÇÃO E DIREÇÃO TAÇA CIDADE SÃO JOSÉ DE FUTSAL 2014 REGULAMENTO GERAL I - DA ORGANIZÇÃO E DIREÇÃO Art. 1º - A organização da Taça Cidade São José de Futsal é de inteira responsabilidade da Prefeitura Municipal de São

Leia mais

IV CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR DE FUTSAL - 2015 REGULAMENTO GERAL

IV CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR DE FUTSAL - 2015 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES Art. 1º - O IV Campeonato Brasileiro Escolar de Futsal é uma competição inter-colegial que tem por objetivo incentivar, no meio estudantil, a prática desportiva, enaltecendo

Leia mais

Federação Paulista de Futebol

Federação Paulista de Futebol Federação Paulista de Futebol RUA FEDERAÇÃO PAULISTA DE FUTEBOL, 55 SÃO PAULO - SP Telefone (11) 2189-7000 Fax 2189-7022 REGULAMENTO ESPECÍFICO DO 3º CAMPEONATO ESTADUAL DE FUTEBOL AMADOR DE SELEÇÕES DE

Leia mais

CAMPEONATO JUPIENSE DE FUTEBOL DE CAMPO AMADOR 2016

CAMPEONATO JUPIENSE DE FUTEBOL DE CAMPO AMADOR 2016 REGULAMENTO 2016 CAMPEONATO JUPIENSE DE FUTEBOL DE CAMPO AMADOR 2016 Gestão 2013/2016 Abril de 2016. REGULAMENTO GERAL E TÉCNICO CAPITULO I DISPOSIÇÕES INICIAIS Art. 1º - Este regulamento é o conjunto

Leia mais

2ª COPA MENAKA DE FUTSAL 2013 REGULAMENTO GERAL

2ª COPA MENAKA DE FUTSAL 2013 REGULAMENTO GERAL ALTERADO: 09/08/2013 2ª COPA MENAKA DE FUTSAL 2013 REGULAMENTO GERAL 1) DAS FINALIDADES: Artigo 1. ) O Campeonato, é realizado pela Batalha Comércio e Promoções Esportivas, e tem como principais objetivos:

Leia mais

REGULAMENTO COPA CUCA 2015 JOÃO CLÍMACO STOCKLER

REGULAMENTO COPA CUCA 2015 JOÃO CLÍMACO STOCKLER REGULAMENTO COPA CUCA 2015 JOÃO CLÍMACO STOCKLER I DA PROMOÇÃO E OBJETIVOS Art. 1º A COPA CUCA 2015, é uma promoção da UEMG UNIDADE PASSOS, com a organização do CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA DE PASSOS LICENCIATURA,

Leia mais

REGULAMENTO GERAL 2016. Capitulo l Das disposições preliminares

REGULAMENTO GERAL 2016. Capitulo l Das disposições preliminares Artigo 1º REGULAMENTO GERAL 2016 Capitulo l Das disposições preliminares O presente regulamento determina as diretrizes e normas para as Competições da Federação Paulista de Basquete Sobre Rodas para o

Leia mais

REGULAMENTO. Os representantes das equipes ficarão responsáveis pela disciplina de seus atletas.

REGULAMENTO. Os representantes das equipes ficarão responsáveis pela disciplina de seus atletas. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES: REGULAMENTO Artigo 1 Artigo 2 Artigo 3 Artigo 4 Artigo 5 Fica instituído pela Delegacia Sindical de Brasília o IV Campeonato de Futebol Soçaite. Este regulamento é o conjunto

Leia mais

Campeonato. Metropolitano. Escolar

Campeonato. Metropolitano. Escolar Campeonato Metropolitano Escolar 2015 Regulamento Geral ÍNDICE Capítulo I - Disposições Preliminares 3 Capítulo II - Dos Objetivos 3 Capítulo III - Da Organização e Execução 3 Capítulo IV - Do Período

Leia mais

III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO

III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO III CAMPEONATO DE VOLEIBOL MASCULINO OAB SP/CAASP 2015 RGC - REGULAMENTO GERAL DA COMPETIÇÃO CAPITULO I Da Denominação e Participação Art. 1º - O Campeonato de Voleibol Masculino 2015 OAB SP/CAASP, organizado

Leia mais

* Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL

* Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL * Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL 1. DOS JOGOS: Os jogos de Futsal serão regidos pelas Regras Oficiais vigentes da Confederação Brasileira de Futsal, observadas as exceções previstas neste Regulamento

Leia mais

REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO

REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO I - DOS LOCAIS DOS JOGOS Art. 1º - Os jogos serão realizados nos seguintes locais: Quadras 01,02 e 03 - térreo do Prédio 80 Quadras 01,02 e 03-4º andar do Prédio

Leia mais

VIII JOGOS DO COMÉRCIO De 03à12 de Agosto de 2012 REGULAMENTO

VIII JOGOS DO COMÉRCIO De 03à12 de Agosto de 2012 REGULAMENTO Promoção: VIII JOGOS DO COMÉRCIO De 03à12 de Agosto de 2012 PROMOÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE SORRISO SMEL SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTES E LAZER CDL CÂMARA DOS DIRIGENTES LOJISTAS DE SORRISO REGULAMENTO

Leia mais

COPA GOVERNO DO ESTADO DE SERGIPE 2005 RELAÇÃO DOS CLUBES PARTICIPANTES

COPA GOVERNO DO ESTADO DE SERGIPE 2005 RELAÇÃO DOS CLUBES PARTICIPANTES COPA GOVERNO DO ESTADO DE SERGIPE 2005 RELAÇÃO DOS CLUBES PARTICIPANTES 1) ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA CONFIANÇA 2) ASSOCIAÇÃO OLÍMPICA DE ITABAIANA 3) ATLÉTICO CLUBE LAGARTENSE 4) CLUB SPORTIVO SERGIPE 5) RIACHUELO

Leia mais

REGULAMENTO da TAÇA PAULO ROBERTO TRIVELLI 2015 SELETIVA FASE ESTADUAL TITULO I DAS FINALIDADES

REGULAMENTO da TAÇA PAULO ROBERTO TRIVELLI 2015 SELETIVA FASE ESTADUAL TITULO I DAS FINALIDADES REGULAMENTO da TAÇA PAULO ROBERTO TRIVELLI 2015 SELETIVA FASE ESTADUAL TITULO I DAS FINALIDADES Artigo 1 - A TAÇA PAULO ROBERTO TRIVELLI 2015 é promovida, organizada e dirigida pela FEDERAÇÃO UNIVERSITÁRIA

Leia mais

REGULAMENTO I DOS VALORES

REGULAMENTO I DOS VALORES REGULAMENTO I DOS VALORES Artigo 1º - Valores e princípios que norteiam a 6ª COPA CERTUS 2011. a) Estimular a prática do Esporte como estratégia privilegiada da Educação; b) Valorizar a Cultura Esportiva;

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO I TORNEIO DE FUTEBOL SOCIETY FACULDADE ESFA

REGULAMENTO GERAL DO I TORNEIO DE FUTEBOL SOCIETY FACULDADE ESFA REGULAMENTO GERAL DO I TORNEIO DE FUTEBOL SOCIETY FACULDADE ESFA Art. 1º O Torneio de Futebol Society tem por finalidade: A congregação dos graduandos, o fortalecimento dos laços de amizade e a camaradagem

Leia mais

REGULAMENTO GERAL CAMPEONATO MUNICIPAL AMADOR DE FUTEBOL DE CAMPO 2012 SÉRIES A e B TAÇA SUPER ZÉ. JOSÉ CARLOS LENZ.

REGULAMENTO GERAL CAMPEONATO MUNICIPAL AMADOR DE FUTEBOL DE CAMPO 2012 SÉRIES A e B TAÇA SUPER ZÉ. JOSÉ CARLOS LENZ. REGULAMENTO GERAL CAMPEONATO MUNICIPAL AMADOR DE FUTEBOL DE CAMPO 2012 SÉRIES A e B TAÇA SUPER ZÉ. JOSÉ CARLOS LENZ. CAMPEONATO MUNICIPAL AMADOR DE FUTEBOL DE CAMPO 2013 TÍTULO I REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO

Leia mais

6º TAÇA SAÚDE REGULAMENTO

6º TAÇA SAÚDE REGULAMENTO 6º TAÇA SAÚDE REGULAMENTO I - DOS OBJETIVOS Art. 01 - A 6º TAÇA SAÚDE DE FUTSAL E VOLEIBOL - SES é um evento promovido pelos Servidores da Secretaria de Estado da Saúde SES Art. 02 - O campeonato tem por

Leia mais

LIGA GONÇALENSE DE DESPORTOS BOLETIM OFICIAL Nº 18/2012 - SÃO GONÇALO, 12 DE JUNHO DE 2012 RESOLUÇÕES DA PRESIDÊNCIA

LIGA GONÇALENSE DE DESPORTOS BOLETIM OFICIAL Nº 18/2012 - SÃO GONÇALO, 12 DE JUNHO DE 2012 RESOLUÇÕES DA PRESIDÊNCIA LIGA GONÇALENSE DE DESPORTOS BOLETIM OFICIAL Nº 18/2012 - SÃO GONÇALO, 12 DE JUNHO DE 2012 RESOLUÇÕES DA PRESIDÊNCIA 1 REGULAMENTO CAMPEONATO GONÇALENSE DE FUTEBOL MIRIM CAPÍTULO - I - DA ORGANIZAÇÃO E

Leia mais

IV CAMPEONATO INTERNO DE FUTEBOL SOCIETY DA ASTRIFE 2013 REGULAMENTO GERAL

IV CAMPEONATO INTERNO DE FUTEBOL SOCIETY DA ASTRIFE 2013 REGULAMENTO GERAL IV CAMPEONATO INTERNO DE FUTEBOL SOCIETY DA ASTRIFE 2013 REGULAMENTO GERAL I. DAS FINALIDADES Artigo 1 O IV CAMPEONATO INTERNO DE FUTEBOL SOCIETY, tem por finalidade congregar todas as pessoas que trabalham

Leia mais

DA FINALIDADE: Homens só poderão substituir homens e mulheres só poderão substituir mulheres.

DA FINALIDADE: Homens só poderão substituir homens e mulheres só poderão substituir mulheres. DA FINALIDADE: Art. 1º - Os JOGOS DE VERÃO ARCO SPM 2013 MODALIDADE VOLEIBOL 4X4, tem como finalidade principal, promover o congraçamento das equipes e o aumento da adesão à prática de exercícios físicos

Leia mais

REGULAMENTO FUTEBOL SOCIETY

REGULAMENTO FUTEBOL SOCIETY XIII JOGOS AFFEMG Associação dos Funcionários Fiscais de Minas Gerais 1- DO LOCAL REGULAMENTO FUTEBOL SOCIETY 1.1 - Os jogos acontecerão em campos de futebol society de grama sintética ou natural, aprovados

Leia mais

REGULAMENTO GERAL COPA DOS CAMPEOES DE FUTSAL

REGULAMENTO GERAL COPA DOS CAMPEOES DE FUTSAL REGULAMENTO GERAL COPA DOS CAMPEOES DE FUTSAL Art. I Este Regulamento é o conjunto das disposições que regem as disputas da 6ª COPA DOS CAMPEOES DE FUTSAL a realizar-se dia 12 de Julho de 2015, no ginásio

Leia mais

Confederação Brasileira de Futebol

Confederação Brasileira de Futebol Confederação Brasileira de Futebol Diretoria de Competições Regulamento Específico da Competição Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino 2015 1 SUMÁRIO DEFINIÇÕES... 3 CAPÍTULO I - DA DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO...

Leia mais

REGULAMENTO DA 18ª COPA CERTEL SICREDI 30 ANOS DA ASLIVATA - 2015 CAPÍTULO I TÍTULO I DA INSTITUIÇÃO

REGULAMENTO DA 18ª COPA CERTEL SICREDI 30 ANOS DA ASLIVATA - 2015 CAPÍTULO I TÍTULO I DA INSTITUIÇÃO REGULAMENTO REGULAMENTO DA 18ª COPA CERTEL SICREDI 30 ANOS DA ASLIVATA - 2015 CAPÍTULO I TÍTULO I DA INSTITUIÇÃO Art. 1º A ASSOCIAÇÃO DE LIGAS DO VALE DO TAQUARI organizará a 18ª COPA CERTEL SICREDI 30ANOS

Leia mais

25º CAMPEONATO INFANTIL DE FUTEBOL 2013 SESI/TV GAZETA REGULAMENTO APRESENTAÇÃO

25º CAMPEONATO INFANTIL DE FUTEBOL 2013 SESI/TV GAZETA REGULAMENTO APRESENTAÇÃO APRESENTAÇÃO O Serviço Social da Indústria - SESI-DR/AL e a TV Gazeta de Alagoas, promoverão o 25º Campeonato Infantil de Futebol, que será realizado no período de 03 de agosto a 07 de dezembro de 2013,

Leia mais

Todas as partidas do Torneio serão disputadas de acordo com as Leis do Jogo em vigor, conforme estipulado pelo irb.

Todas as partidas do Torneio serão disputadas de acordo com as Leis do Jogo em vigor, conforme estipulado pelo irb. REGULAMENTO - ANO 2010 Capítulo I - Disposições Gerais O Campeonato Brasileiro de Rugby da 2ª Divisão, Categoria Adulta Masculino, promovido pela Confederação Brasileira de Rugby ( CBRu ), será denominado

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL Confederação Brasileira de Futebol Diretoria de Competições Regulamento Específico da Competição Campeonato Brasileiro da Série B 2015 1 SUMÁRIO DEFINIÇÕES... 2 CAPÍTULO I - DA DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO...

Leia mais

CAMPEONATO AMAZONENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL CHEVROLET DE 2014 DA SÉRIE A REGULAMENTO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

CAMPEONATO AMAZONENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL CHEVROLET DE 2014 DA SÉRIE A REGULAMENTO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES CAMPEONATO AMAZONENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL CHEVROLET DE 2014 DA SÉRIE A REGULAMENTO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º. O presente Regulamento analisado e votado pelas Entidades de Prática

Leia mais