PRIMAVERA RELATÓRIO E CONTAS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PRIMAVERA RELATÓRIO E CONTAS 2013 1"

Transcrição

1

2

3 PRIMAVERA RELATÓRIO E CONTAS 1 ÍNDICE NÚMEROS RELEVANTES DE 2/ MENSAGEM DA PRESIDÊNCIA 5/ EXPETATIVAS PARA 2014/ SOBRE A PRIMAVERA 8/ ESTRUTURA ACIONISTA/ MISSÃO E VALORES/ COMPOSIÇÃO DOS ÓRGÃOS SOCIAIS/ GOVERNAÇÃO/ COMISSÃO DE SUSTENTABILIDADE/ MERCADOS/ OFERTA DE PRODUTOS/ OFERTA DE SERVIÇOS/ ESTRATÉGIA 17/ MAPA ESTRATÉGICO -2015/ A COMPONENTE FINANCEIRA 20/ INVESTIMENTO EM I&D/ VOLUME DE NEGÓCIOS/ CUSTOS/ RESULTADOS/ INVESTIMENTO, ATIVO E ESTRUTURA DE CAPITAIS/ ROAD MAP DAS SOLUÇÕES PRIMAVERA 28/ ELEVATION/ VERSÃO 9/ MOBILIDADE/ SOLUÇÕES ESPECIALIZADAS/ RETALHO E RESTAURO/ ENTERPRISE ASSETS MANAGEMENT/ BUSINESS ANALYTICS/ O CRESCIMENTO NOS MERCADOS PRIMAVERA 32/ O MODELO DE NEGÓCIO 34/ COMPETÊNCIAS EXISTENTES/ CERTIFICAÇÕES TÉCNICAS/ ÁREAS DE COMPETÊNCIA/ GLOBAL SERVICES 36/ RECURSOS HUMANOS 38/ RESPONSABILIDADE SOCIAL 40/ PESSOAS/ AMBIENTE/ COMUNIDADE/ A MARCA PRIMAVERA 42/ PRIMAVERA PORTUGAL 44/ PRIMAVERA ANGOLA 45/ PRIMAVERA MOÇAMBIQUE 46/ PRIMAVERA ESPANHA 47/ YET YOUR ELECTRONIC TRANSACTIONS 48/ CONTAS DO EXERCÍCIO DE 50/ BALANÇO CONSOLIDADO EM 31 DE DEZEMBRO DE / DEMONSTRAÇÃO CONSOLIDADA DOS RESULTADOS POR NATUREZAS/ ANEXO AO BALANÇO E DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS CONSOLIDADOS/ 1 EMPRESAS INCLUÍDAS NA CONSOLIDAÇÃO/ 2 OUTROS INVESTIMENTOS FINANCEIROS NA CONSOLIDAÇÃO/ 3 NÚMERO MÉDIO DE COLABORADORES/ 4 DIFERENÇAS DE CONSOLIDAÇÃO/ 5 COMPROMISSOS FINANCEIROS QUE NÃO FIGUREM NO BALANÇO CONSOLIDADO/ 6 BASES DE APRESENTAÇÃO PRINCIPAIS POLÍTICAS CONTABILÍSTICAS/ 7 COTAÇÕES DE MOEDA ESTRANGEIRA/ 8 - DESPESAS DE DESENVOLVIMENTO/ 9 - MOVIMENTOS OCORRIDOS NAS RUBRICAS ATIVO INTANGÍVEL E ATIVO FIXO TANGÍVEL/ 10 DÍVIDAS A TERCEIROS COM VENCIMENTO SUPERIOR A CINCO ANOS/ 11 IMPOSTOS DIFERIDOS/ 12 REMUNERAÇÃO DOS ORGÃOS SOCIAIS/ 13 INDICAÇÃO DOS BENS EM LOCAÇÃO FINANCEIRA/ 14 INFORMAÇÕES EXIGIDAS POR DIPLOMAS LEGAIS/ 15 PARTES RELACIONADAS/ 16 INTERESSES MINORITÁRIOS/ 17 DATA BASE DAS CONTAS CONSOLIDADAS/ CERTIFICAÇÃO DAS CONTAS CONSOLIDADAS 61/ RELATÓRIO E PARECER DO FISCAL ÚNICO 63/

4 2 Números Relevantes de Volume de Negócios Contratos de Continuidade Clientes Finais 90% Taxa de Retenção de Contratos Potêncial número de empresas utilizadoras de produtos PRIMAVERA Peso das Vendas nos Principais Mercados 1.1 PORTUGAL 60% ANGOLA 26% ESPANHA 3% considera valores de vendas brutas 1.1 % apresenta valores de vendas brutas 2002

5 PRIMAVERA RELATÓRIO E CONTAS 3 EBITDA (16,1%) (21,4%) Colaboradores 246 Em a equipa cresceu em 32 novos colaboradores MOÇAMBIQUE 10% RESTO DO MUNDO 1%

6 4 David Afonso Senior Vice President Jorge Batista Co-CEO José Dionísio Co-CEO Ângela Brandão Vice President Em, o Volume de Negócios Consolidado foi de 17,9M (crescendo 16% relativamente a 2012), com os mercados internacionais a contribuírem com 40%. O negócio recorrente situou-se nos 7,2M (40% do VN ), aproximando-se dos 60% definidos para o triénio O EBITDA teve um crescimento excecional de 54%, situando-se nos 3,8M, a que corresponde uma margem de 21,4% sobre o volume de negócios. A margem EBITDA alcançada compara a PRIMAVERA com as melhores multinacionais de software, configurando-se como um prémio pela eficiência ao nível das operações e pelo aumento da venda de novas licenças. Criação da Primavera Software. Lançamento do primeiro produto: Contalib

7 PRIMAVERA RELATÓRIO E CONTAS 5 Mensagem da Presidência Estimados Acionistas, Colaboradores, Parceiros e Clientes das soluções PRIMAVERA, O ano de foi simultaneamente marcado pelo bom desempenho global da organização e pelas comemorações do vigésimo aniversário, oportunidade amplamente aproveitada para relançar a PRIMAVERA como uma empresa onde a ambição de crescer e de se tornar um player global foi reforçada. Num contexto de dificuldades provocadas pela profunda crise económica que ainda se vive em Portugal e em Espanha, a organização soube tirar partido de todas as oportunidades que se apresentaram nesses países, ao mesmo tempo que potenciava o bom momento de crescimento económico dos mercados africanos, nomeadamente em Angola, Moçambique e Cabo Verde, onde abrimos uma filial comercial. Em, o Volume de Negócios Consolidado foi de 17,9M (crescendo 16% relativamente a 2012), com os mercados internacionais a contribuírem com 40%. O negócio recorrente situou-se nos 7,2M (40% do VN ), aproximando-se dos 60% definidos para o triénio O EBITDA teve um crescimento excecional de 54%, situando-se nos 3,8M, a que corresponde uma margem de 21,4% sobre o volume de negócios. A margem EBITDA alcançada compara a PRIMAVERA com as melhores multinacionais de software, configurando-se como um prémio pela eficiência ao nível das operações e pelo aumento da venda de novas licenças. O Grupo assistiu a um reforço das estruturas em todas as geografias e setores, tendo passado dos 214 para os 246 colaboradores. O investimento em Inovação e Desenvolvimento (I&D) alcançou os 23% do Volume de Negócios, tendo sido maioritariamente dirigido para o desenvolvimento da plataforma ELEVATION (uma plataforma tecnológica que suporta a estratégia da PRIMAVERA para a Cloud); várias aplicações móveis e para o ELEVATION Business Suite (o novo ERP da PRIMAVERA nativamente Cloud). Também o desenvolvimento do PRIMAVERA Business Analytics e da versão 9 do ERP (a lançar no segundo semestre de 2014) receberam uma parte significativa desse investimento. Mais de novas organizações adotaram as nossas soluções em, tendo a satisfação de clientes aumentado 3% com o contributo dos Parceiros a ser determinante nas áreas de suporte e acompanhamento. O número total de clientes recorrentes ultrapassou os Médias e grandes organizações como Pinto & Cruz, Aicep Global Parques, Servitrade, Tecnovia e ARIES, confiaram-nos as suas operações. Coincidindo com a comemoração dos 20 anos da criação da PRIMAVERA, a gestão desafiou-se a si própria, e desafiou a organização, a focar-se em iniciativas estruturantes capazes de produzir impacto significativo no crescimento do número de clientes e do volume de negócio; na rentabilidade; na satisfação de clientes e na presença em novos mercados e setores de atividade. As decisões de aquisição de um novo edifício sede em Braga; abertura de uma filial no Dubai; adoção universal de métodos ágeis de desenvolvimento de software; aquisição de uma participação maioritária numa startup tecnológica focada em tecnologias para a Cloud (a NumbersBelieve, que tem como Diretor Geral e principal promotor o ex-administrador da PRIMAVERA, Carlos Morais); alargamento do Conselho de Administração para quatro membros (com Ângela Brandão, anteriormente Head Manager da consultoria, a assumir responsabilidades por toda a área de serviços do Grupo: consultoria, suporte e academia) e fusão das empresas do perímetro português na PRIMAVERA BSS SA irão certamente ser dinamizadores de eficiência, crescimento e afirmação nos próximos anos. Realce para a realização, em outubro, do X Dialética, o principal encontro da comunidade PRIMAVERA que reuniu mais de 150 Parceiros para dois dias de partilha de estratégias, lançamentos de novos produtos, debates sobre o estado do mercado e alinhamento da PRIMAVERA com os seus Parceiros com o intuito de continuar a crescer e a gerar valor para todos. A Administração agradece a todos os Clientes, Parceiros, Colaboradores, Acionistas e aos elementos do Conselho Estratégico o contributo que deram para o bom desempenho do Grupo em

8 6 5 MENSAGEM DA PRESIDÊNCIA 6 Expetativas para 2014 EXPETATIVAS PARA 2014 Para 2014 prevê-se uma ligeira recuperação no principal mercado da PRIMAVERA, o mercado português, com as projeções do PIB e do investimento a apontarem para crescimentos de 1,2% e de 1,8% respetivamente. Os mercados africanos, e o novo mercado dos Emiratos Árabes Unidos, têm previsões de crescimento do PIB acima dos 6%. Neste contexto, espera-se que as alterações à organização introduzidas no final de, os investimentos em I&D (cujo enfoque foi colocado no desenvolvimento de soluções Cloud e soluções móveis), e o reforço significativo das equipas permita à empresa captar as oportunidades existentes nos vários mercados, continuando a crescer de forma significativa, mas mantendo, ainda assim, grande foco na rentabilidade e na satisfação dos clientes. No 1º semestre de 2014 assistir-se-á a um dos maiores lançamentos da PRIMAVERA nos últimos anos: o lançamento da versão 9. Esta nova versão interpreta a forma disruptiva como a empresa pretende levar os benefícios da Cloud aos milhares de clientes das suas soluções tecnológicas. Resultado de um grande investimento em tecnologias nativas e híbridas para a Cloud, esta versão vai permitir aos clientes participar num ecossistema onde dezenas de milhares de empresas e um milhão de potenciais utilizadores vão poder partilhar informação, comunicar, aceder a novos serviços e produtos web e assim potenciar os seus negócios. Acredita-se que a versão 9 se distingue também por incorporar uma experiência de utilização inovadora ao nível das soluções de gestão. Naturalmente esta versão incorpora centenas de novas funcionalidades que vão ao encontro das sugestões e necessidades tecnológicas de Parceiros e Clientes de todos os mercados. Em 2014 será expetável levar também a cabo o lançamento de várias novas apps para os três ambientes: ios, Android e Windows 8; o lançamento do ELEVATION Entreprise Asset Management (uma solução de gestão de ativos e de manutenção em tecnologia Cloud e em regime de subscrição) e o lançamento de uma nova grande versão do ERP PRIMAVERA para organismos e empresas públicas (PRIMAVERA Public Sector), entre muitas outras novidades. Em junho de 2014 será inaugurada a nova sede da empresa, num investimento a rondar os 5,5M e que permitirá reunir num único espaço físico os cerca de 220 colaboradores que trabalham em Braga. A futura sede da PRIMAVERA está localizada naquele que é hoje o edifício ícone da cidade de Braga, o Edifício Dynamic, sito na Freguesia de Lamaçães. Possui oito pisos distribuídos por metros quadrados, 80 lugares de estacionamento e a sustentabilidade ambiental como uma das principais preocupações. A estrutura e revestimento em vidro constituem verdadeiras mais-valias ao nível das necessidades de iluminação interior e climatização, o que se traduz numa redução efetiva das necessidades energéticas globais do edifício. O projeto é da autoria do gabinete de arquitetos MVentura & Partners, tendo merecido a nomeação internacional para o World Architecture Festival- WAF, em 2011, em Barcelona, na categoria de Projetos de Edifícios de Serviços. A par da significativa melhoria das condições de trabalho, que se espera venha a induzir ganhos diretos e indiretos superiores /ano, a nova sede será dotada de uma galeria futurista capaz de proporcionar uma experiência única aos milhares de alunos que nos visitam anualmente. O edifício irá adicionalmente apresentar-se como o centro de uma dinâmica arrojada de marketing da marca, onde Clientes, Parceiros e sociedade em geral se irão poder rever. Em linha com uma das principais iniciativas previstas no Plano Estratégico -2015, e que passa por aumentar o peso das vendas no mercado externo para os 60%, a empresa contará com uma filial no Médio Oriente, a partir do mês de maio. Com um investimento a rondar meio milhão de euros, e localizada na cidade do Dubai, a filial da PRIMAVERA será responsável por dinamizar o mercado no Conselho de Cooperação do Golfo (GCC) sob a condução de Jorge Marques, detentor de uma longa experiência internacional e um dos quadros mais experientes da empresa. Como sempre, as metas que a organização se propõe atingir são altas e exigem do grupo de trabalho e dos seus Parceiros alinhamento, empenho e superação, estando certos de que é essa atitude que tem permitido ao ecossistema da PRIMAVERA crescer e liderar nos mercados onde atua. Jorge Batista Co-CEO José Dionísio Co-CEO Lançamento do Gesconta, Contalib Pro e Gestão Comercial

9 PRIMAVERA RELATÓRIO E CONTAS 7 A Quinta da Marinha é uma estância internacional de turismo localizada na zona nobre de Cascais, Portugal. É constituída por zonas residenciais de luxo e hotelaria, integradas num complexo com campo de golfe, hipismo, fitness e bem-estar, gastronomia e outras valências de referência a nível internacional. Quando adotámos o ERP PRIMAVERA como núcleo central de gestão observámos de imediato melhorias nos fluxos da informação. Por conseguinte, a informação de negócio passou a ser muito mais tempestiva, o que agilizou a tomada de decisão. A sistematização dos processos permitiu ainda otimizar recursos. Passámos a ter equipas mais reduzidas, mas muito mais produtivas. Diniz Gonçalves Administrador da Quinta da Marinha SGPS, S.A

10 8 8 Sobre a PRIMAVERA 8 SOBRE A PRIMAVERA 11 Estutura Acionista 11 Missão e Valores 12 Composição dos Órgãos Sociais 12 Governação 13 Comissão de Sustentabilidade 14 Mercados 15 Oferta de Produtos 16 Oferta de Serviços 16 Consultoria 16 Formação 16 Suporte Técnico 17 Estratégia 19 Mapa Estratégico A Primavera BSS disponibiliza ao mercado global soluções de gestão para Pequenas, Médias e Grandes Organizações e Administração Pública que asseguram a transversalidade e a integração da informação nas diferentes áreas empresariais, impulsionando a produtividade e a competitividade do tecido empresarial. Com 20 de existência, a marca está presente em Portugal, Espanha, Angola, Moçambique, Cabo Verde, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Quénia e mais recentemente no Dubai, sendo líder de mercado nos países lusófonos. Diariamente mais de 40 mil empresas recorrem às soluções de gestão da PRIMAVERA para otimizarem os seus processos de negócio. Lançamento do Contabilidade de Gestão

11 PRIMAVERA RELATÓRIO E CONTAS

12 10 8 SOBRE A PRIMAVERA 11 Estutura Acionista 11 Missão e Valores 12 Composição dos Órgãos Sociais 12 Governação 13 Comissão de Sustentabilidade 14 Mercados 15 Oferta de Produtos 16 Oferta de Serviços 16 Consultoria 16 Formação 16 Suporte Técnico 17 Estratégia 19 Mapa Estratégico Com sede em Braga, a PRIMAVERA assume um papel corporate no Grupo de empresas, sendo a proprietária da marca e dos produtos comercializados pelo Grupo. As suas atividades são essencialmente relacionadas com decisões de investimento no produto e mercados, políticas de comercialização, marketing e gestão, assumindo, por conseguinte, grande preponderância no rumo de todo o negócio PRIMAVERA. A PRIMAVERA tem subsidiárias em Portugal (Lisboa), Angola (Luanda), Espanha (Madrid), Moçambique (Maputo) e a partir de maio de 2014 também nos Emirados Árabes Unidos (Dubai). Fazem também parte do Grupo a PRIMAVERA Technology, empresa responsável pelas operações de desenvolvimento e manutenção do software comercializado e a YET (Your Electronic Transactions), empresa que se dedica ao desenvolvimento e comercialização de soluções de desmaterialização de transações. Em juntou-se ao Grupo PRIMAVERA a Numbersbelieve, sendo a participação da empresa nesta startup tecnológica enquadrada na sua estratégica de explorar novos conceitos e tecnologias para a Cloud. É também da responsabilidade da PRIMAVERA a comercialização de produtos e serviços relacionados com os mercados nos quais a empresa não tem subsidiária. Todo o esforço de expansão e investimento está também a cargo da sede do Grupo. A PRIMAVERA fornece ainda serviços partilhados às empresas do Grupo. A oferta passa por serviços Administrativos (Contabilidade, Faturação, Logística, Tesouraria, Controlo de Gestão, Recursos Humanos e Qualidade), serviços técnicos (Servicedesk, Desenvolvimentos Informáticos Internos e CallCenter) e serviços de Suporte Técnico ao produto. Estes serviços são prestados essencialmente às subsidiárias, mas não exclusivamente, sendo a oferta absorvida de acordo com as necessidades específicas de cada empresa. Desde a sua fundação, a empresa tem vindo continuamente a registar elevados níveis de crescimento, confirmando a visão dos seus fundadores quanto à aposta no desenvolvimento de soluções tecnologicamente avançadas que acompanhem a evolução do mercado, impulsionando novos modelos de negócio alavancados por produtos que visem a otimização da gestão empresarial. PRIMAVERA Business Software Solutions, S.A. YET PRI PT PRI AO PRI MZ TEC PRI ES Numbers Believe Lançamento do Gestão de Pessoal e Gestão Bancária Primeira participação na Inforpor

13 PRIMAVERA RELATÓRIO E CONTAS 11 ESTRUTURA ACIONISTA Não se verificaram em alterações na constituição da sociedade nem na sua estrutura societária, pelo que em 31 de dezembro os acionistas e respetivas participações eram as seguintes: Acionista Nº de Ações Capital (%) PRIMAVERA SGPS, S.A ,24 Outros ,76 TOTAL ,00 MISSÃO E VALORES Na base da excelência dos produtos e serviços oferecidos pela PRIMAVERA BSS está uma equipa de profissionais altamente qualificados, que tem alicerçado desde sempre o seu desempenho na Inovação e Qualidade e que trabalha em uníssono para a prossecução dos objetivos da empresa. Acima de tudo, a PRIMAVERA BSS é uma marca que investe na evolução permanente das suas competências e realizações, antecipando as necessidades e expectativas de clientes, empresas, mercado e universo envolvente. Movida pela vontade de se ultrapassar a si própria, na busca da excelência em todas as suas vertentes de atuação, inspira-se no futuro para inovar. O sucesso é o resultado natural da paixão com que enfrenta os desafios do presente. O espírito de equipa da PRIMAVERA BSS está traduzido na própria identidade visual da empresa. A união entre o Sol e a Borboleta pretendem transmitir os principais atributos da equipa: a Juventude, Ambição, Criatividade e Liberdade. Uma equipa cuja principal missão consiste em explorar e desenvolver novas tecnologias que proporcionem o lançamento de soluções inovadoras, e que espelhem o state of the art do Setor. Esta busca constante pela perfeição é sustentada, ainda, através de uma participação regular em programas de investigação e de uma estreita colaboração com a comunidade académica

14 12 8 SOBRE A PRIMAVERA 11 Estutura Acionista 11 Missão e Valores 12 Composição dos Órgãos Sociais 12 Governação 13 Comissão de Sustentabilidade 14 Mercados 15 Oferta de Produtos 16 Oferta de Serviços 16 Consultoria 16 Formação 16 Suporte Técnico 17 Estratégia 19 Mapa Estratégico COMPOSIÇÃO DOS ÓRGÃOS SOCIAIS Acompanhando a evolução das boas práticas do Governo das Sociedades, em 2012 a PRIMAVERA introduziu um novo modelo de governação integrado pela Assembleia Geral de acionistas, um Conselho de Administração, coadjuvado por uma Comissão de Sustentabilidade que se constitui como um órgão consultivo, e uma sociedade revisora oficial de contas. O Conselho de Administração é constituído por Jorge Batista e José Dionísio, sócios fundadores e Co-CEOs do Grupo, e David Afonso, vice-presidente sénior. No final do exercício, Ângela Brandão foi nomeada para integrar o Conselho de Administração como vice-presidente com o pelouro de Global Services & Customer Care, cargo que a mesma assumiu em abril de A presente Comissão de Sustentabilidade é constituída pelo Conselho de Administração da sociedade, os Country Managers das empresas subsidiárias e dois convidados externos, o Professor Daniel Bessa e o Professor José Azevedo Rodrigues. GOVERNAÇÃO Mesa da Assembleia-geral Armindo Augusto Gonçalves Lobo Presidente Diogo de Araújo Pinto Ribeiro Secretário Conselho de Administração Gestor das várias empresas do Grupo PRIMAVERA. Presidente do CEDT- Centro de Excelência em Desmaterialização de Transações. Administrador do CCG- Centro de Computação Gráfica, interface da Universidade do Minho. Membro do GAN (Grupo de Alto Nível da APDSI- Associação para a promoção e desenvolvimento da sociedade da informação). José Manuel Maia Dionísio Co-CEO Pelouros Corporate Strategy, Global Sales & Marketing. Fundador da empresa em Licenciado em Engenharia de Sistemas e Informática pela Universidade do Minho. Gestor das várias empresas do Grupo PRIMAVERA. Membro do Conselho da Escola de Economia e Gestão da Universidade do Minho. Membro da Direção da AIMinho Associação Industrial do Minho. Membro do Conselho Geral do Agrupamento de Escolas de Real em Braga. Jorge Manuel Barroso Batista Co-CEO David Afonso Senior Vice President Pelouros Corporate Strategy, Innovation, Financial and M&A. Fundador da empresa em Licenciado em Engenharia de Sistemas e Informática pela Universidade do Minho. Pelouros Solutions Architect & Product Development. Licenciado em Engenharia de Sistemas e Informática pela Universidade do Minho. Integrou os quadros da PRIMAVERA em Lançamento do projeto Educação XXI Entrada nos PALOP Preparação das versões para o bug do milénio

15 PRIMAVERA RELATÓRIO E CONTAS 13 Conselho de Administração Ângela Brandão Vice President * Pelouros Gestão dos Serviços Globais e Satisfação de Clientes. Licenciada em Engenharia de Sistemas e Informática pela Universidade do Minho. Integrou os quadros da PRIMAVERA em 2010, como Head Manager para unidade global de Consultoria. Jorge Manuel Barroso Batista Presidente da Comissão Co-CEO José Manuel Maia Dionísio Co-CEO David Afonso Senior Vice President Ângela Brandão Vice President Country Managers * Início de mandato como Administradora em abril de 2014 Fiscal Único Joaquim Guimarães, Manuela Malheiro e Mário Guimarães SROC N.º 148 Representada por Maria Manuela Alves Malheiro ROC N.º 916 COMISSÃO DE SUSTENTABILIDADE A Comissão de Sustentabilidade constitui-se como uma comissão especializada de consulta e apoio ao Governo Societário que tem como propósito principal garantir que as políticas e estratégias implementadas pelo Conselho de Administração se integram em conceitos de sustentabilidade emanados pelos acionistas da empresa, nomeadamente no que respeita: À sustentabilidade financeira do Negócio; À conduta ética dos seus colaboradores e Parceiros; José Carlos Gonçalves de Azevedo Portugal Country Manager Luís Miguel de S. F. Madureira Cadillon Espanha Country Manager Carlos Jorge F. A. Marques United Arab Emirates Country Manager Sérgio Manuel Gomes Lopes Angola Country Manager José Augusto da Silva Simões Moçambique Country Manager À responsabilidade social e ambiental no âmbito do ecossistema PRIMAVERA; À defesa da meritocracia e excelência enquanto pilares da valorização de colaboradores e Parceiros. Convidados Prof. Daniel Bessa Economista, Diretor Geral da COTEC Portugal Constituição Esta é composta por elementos chave do corpo diretivo da PRIMAVERA e por membros externos à organização de reconhecido mérito. Prof. José Azevedo Rodrigues Professor Associado do ISCTE-IUL e Bastonário da Ordem dos Revisores Oficiais de Contas

16 14 8 SOBRE A PRIMAVERA 11 Estutura Acionista 11 Missão e Valores 12 Composição dos Órgãos Sociais 12 Governação 13 Comissão de Sustentabilidade 14 Mercados 15 Oferta de Produtos 16 Oferta de Serviços 16 Consultoria 16 Formação 16 Suporte Técnico 17 Estratégia 19 Mapa Estratégico MERCADOS Tendo por base dados do último estudo efetuado pela Consultora IDC, empresa líder mundial na área de Market Intelligence, a PRIMAVERA viu em 2012 consolidada com sucesso a liderança em todos os seus principais mercados, detendo no final do ano quotas de mercado em Portugal na ordem dos 16,7%, Angola 40%, Moçambique 28% e em Cabo Verde 39%. Relativamente à análise de quota de mercado por setores, em Portugal a PRIMAVERA posiciona-se atualmente como líder nos setores da Construção e Serviços, para além de apresentar importantes quotas noutros setores como os Escritórios de Contabilidade (designadamente junto de empresas de maior dimensão), Distribuição, Retalho e Setor Industrial. De realçar também a importância que a PRIMAVERA tem vindo a assumir no setor HORECA (Hotelaria, Restauração e Cafés) onde detém atualmente uma quota de mercado de 6%, posicionando-se como um dos principais players. Com presença direta em Portugal, Espanha, Angola e Moçambique, Dubai e Cabo Verde e representações em São Tomé e Principe, Guiné-Bissau e Quénia, a PRIMAVERA tem vindo a afirmar-se como um Grupo empresarial multinacional, acompanhando e fidelizando cerca de empresas clientes em mais de 20 países. Quota de Mercado Global Português vs. Notoriedade 80% 60% PRIMAVERA PHC 40% SAP Microsoft SAGE Quota de Voz 20% Wintouch WinRest TI Infor TOTVS Eticadata Gestware 0% 5% 10% 15% 20% Quota de Mercado Fonte: Estudo IDC, março 2012 Lançamento da 2ª Geração Abertura da delegação de Lisboa Preparação das versões para o Euro

17 PRIMAVERA RELATÓRIO E CONTAS 15 OFERTA DE PRODUTOS A empresa apresenta uma ampla oferta de produtos, todos desenvolvidos pela PRIMAVERA Technology, empresa do Grupo responsável pela investigação e desenvolvimento de software. As soluções PRIMAVERA estão disponíveis mediante diversos modelos de acesso: On-premises - caracteriza-se pela instalação do software na infraestrutura tecnológica do próprio cliente, mediante licenciamento tradicional; Subscrição - obtenção de uma licença temporária (geralmente anual ou semestral) de utilização da solução; Cloud - acesso online a um serviço global que compreende a infraestrutura, alojamento, software e respetivas atualizações, mediante o pagamento de uma mensalidade. Ao nível do seu núcleo, o ERP, a oferta cobre a totalidade da pirâmide de mercado, pelo que se endereça a toda e qualquer organização, independentemente da sua dimensão. Para além disso, a empresa dispõem de um conjunto de produtos de âmbito setorial, oferta essa que lhe permite interpretar a estratégia que visa garantir a presença junto das PME s, em especial nos setores da Construção, Retalho, Indústria, Serviços e Administração Pública. No final de 2012 a PRIMAVERA reforçou a sua gama setorial, abordando o parque das pequenas empresas das áreas da restauração e retalho, com a disponibilização do Pssst! TM e do Tlim TM. A oferta da PRIMAVERA na Cloud apresenta-se como um serviço integrado e completo que disponibiliza, juntamente com as aplicações de software, um pacote alargado de serviços que passam pela infraestrutura, alojamento, instalação das aplicações e respetivos upgrades contínuos, base de dados, armazenamento, storage, manutenção e suporte. Subjacente ao serviço prestado está a segurança, garantida não só pelo alojamento dos dados num Data Center certificado, como pela própria política de segurança adotada pela PRIMAVERA, assente em vários sistemas de redundância. O serviço de Cloud Computing da PRIMAVERA está associado a um nível de serviço (SLA) igual ou superior a 99,5%, oferecendo ELEVATION Mobile MB Payments Public Sector Business Analytics

18 16 8 SOBRE A PRIMAVERA 11 Estutura Acionista 11 Missão e Valores 12 Composição dos Órgãos Sociais 12 Governação 13 Comissão de Sustentabilidade 14 Mercados 15 Oferta de Produtos 16 Oferta de Serviços 16 Consultoria 16 Formação 16 Suporte Técnico 17 Estratégia 19 Mapa Estratégico aos clientes garantias de subscrição de um serviço com altos níveis de acessibilidade. Ao nível da oferta, a PRIMAVERA está apostada em fazer chegar a todos os seus clientes os benefícios das soluções e serviços baseados em tecnologias Cloud, sejam elas 100% nativas e/ou híbridas. As soluções disponíveis na Cloud incluem todos os módulos do ERP, assim como os produtos verticais PRIMAVERA Manufacturing e Construction e as soluções especializadas PRIMAVERA Qpoint, Office Extensions, Fiscal Reporting e Mobile Business. Ao nível da oferta, os dois últimos anos ficaram marcados pelo lançamento do ELEVATION, um novo modelo de conceção e desenvolvimento das soluções PRIMAVERA que resultou de um longo processo de investigação e aplicação dos mais evoluídos conceitos de engenharia de software. Os produtos PRIMAVERA ELEVATION representam a tecnologia state of the art e assinalam a nova era das soluções PRIMAVERA. Esta gama de alto nível tecnológico engloba soluções disponíveis através da internet mediante subscrição, encontrando-se disponível, ao nível do ERP, o ELEVATION Business Suite. Em, esta oferta foi complementada com a solução de gestão de ativos empresariais, Enterprise Asset Management (EAM). Também a solução de Business Analytics fortaleceu a oferta da PRIMAVERA na área de Business Intelligence assim como várias aplicações móveis. Sob a égide do ELEVATION, a oferta da PRIMAVERA é também reforçada com os Cloud Services, um conjunto de serviços de valor acrescentado para as organizações, que se caraterizam pela facilidade de acesso e por serem complementares às soluções on-premises já existentes. OFERTA DE SERVIÇOS Sendo a PRIMAVERA uma organização focada no desenvolvimento de soluções ao nível do produto, o investimento estruturado e contínuo em serviços é considerado igualmente fundamental para uma postura diferenciadora face ao perfil geral das suas concorrentes. Por conseguinte, a PRIMAVERA tem vindo a investir em capital intelectual e em metodologias com o objetivo de criar uma cultura de inovação direcionada para os serviços disponibilizados ao seu mercado. Os serviços prestados constituem juntamente com o produto os alicerces da marca. Para esse reconhecimento têm contribuído as seguintes áreas: Consultoria A PRIMAVERA Consulting é a unidade de negócio especializada na conceção de soluções integradas de gestão e na implementação de estratégias de negócio inovadoras e ajustadas aos mais variados setores de atividade e em diversos contextos culturais, legais e fiscais. Constituída por uma equipa interdisciplinar, a PRIMAVERA Consulting coloca ao serviço dos clientes o seu comprovado know-how em projetos inovadores ou de maior complexidade e dimensão, nos mais variados setores de atividade e mercados. Formação A PRIMAVERA Academy é a estrutura de formação que assegura a criação e dinamização de toda a oferta formativa PRIMAVERA. O nível de competências instalado no canal de representação dos produtos PRIMAVERA constitui-se como o principal fator de diferenciação competitiva da marca PRIMAVERA, pelo que neste âmbito, a PRIMAVERA Academy possui um papel primordial ao ser responsável pela formação e certificação de todos os profissionais do canal. Suporte Técnico O PRIMAVERA Support Center é um Centro de Assistência Técnica que tem como principal objetivo apoiar as equipas técnicas e de consultoria dos Parceiros, criando as condições necessárias para a prestação de um serviço de excelência a todos os clientes PRIMAVERA. Partindo de uma estrutura consolidada e assente em metodologias de trabalho suportadas em Best Practices reconhecidas internacionalmente, nomeadamente as propostas pela framework ITIL, o Support Center garante o suporte técnico em todos os mercados onde a PRIMAVERA opera, através de um modelo que visa garantir um elevado nível de serviço, em função da prioridade dos incidentes de suporte. Enquadrando-se neste modelo de suporte, a PRIMAVERA disponibiliza também o serviço de Outsourcing de suporte (FirstLine Support) com o objetivo de permitir aos Parceiros libertarem os seus técnicos para atividades de maior valor acrescentado. Integração de VBA nos produtos PRIMAVERA Tournée de Software em Portugal

19 PRIMAVERA RELATÓRIO E CONTAS 17 ESTRATÉGIA A PRIMAVERA é hoje reconhecida pela sua capacidade de inovação e pioneirismo, tendo ao longo dos seus já 20 anos de atividade empresarial reforçado continuamente a sua cultura de excelência, dotando os seus clientes com soluções e competências técnicas inovadoras, constituindo-se como um caso ímpar no panorama europeu, marcado pela ausência de projetos com as mesmas características e dimensão. Nesta mesma linha, contribuindo para a minimização dos riscos de competitividade oriundos das novas necessidades dos mercados e das alterações tecnológicas, o total alinhamento estratégico da organização e o maior aprofundamento e operacionalização das linhas de atuação definidas no domínio da inovação de produtos, serviços e soluções, por um lado, e eficiência na resposta à exigência dos diversos mercados por outro, têm sido fatores que contribuem inequivocamente para o desenvolvimento futuro da empresa e do seu capital humano, alavancando uma ambição contínua de crescimento para novos mercados e áreas de negócio. Esta ambição do Grupo PRIMAVERA encontra-se alicerçada em três pilares: A profunda revolução tecnológica relacionada com os paradigmas da Cloud a exigir grandes investimentos em tecnologia, mas também a potenciar novos e mais amplos mercados, diferentes modelos de negócio e formas de parcerias, assim como novos métodos de relacionamento com os clientes; A experiência acumulada pelas equipas de consultoria da PRIMAVERA e dos seus principais Parceiros em projetos exigentes com clientes de grande dimensão, que foi acompanhada por significativo investimento no produto para suportar processos mais complexos, coloca-nos em posição privilegiada para estabelecer uma estratégia arrojada de acompanhamento de grandes clientes nas múltiplas geografias onde os mesmos operam; A grande visibilidade que a marca PRIMAVERA tem junto das pequenas empresas e os recentes investimentos na gama de oferta para este segmento criaram condições favoráveis para continuarmos a crescer e a reforçar a nossa liderança neste mercado. Neste contexto, foi desenhado e partilhado com os diferentes stakeholders um ambicioso Plano Estratégico de Crescimento para o triénio Para atingir as metas fixadas em termos de crescimento, eficiência e rentabilidade, foram definidas como principais linhas estratégicas as seguintes: Crescimento orgânico continuado: baseado no desenvolvimento permanente de políticas comerciais mais adaptadas à realidade dos diferentes mercados e segmentos onde atuamos. Alargamento da rede de Parceiros para cobertura mais ampla do segmento das pequenas empresas, reforço de competências para melhor atuação junto das Grandes e Médias Empresas e envolvência dos Parceiros nos novos paradigmas da Cloud; Crescimento orgânico acentuado: crescimento que resultará do reforço da oferta de produtos e serviços e de uma presença comercial mais forte junto das Grandes Empresas e Administração Pública; Entrada em novos mercados: desenvolvendo estratégias que garantam aos atuais clientes o suporte às suas estratégias de expansão geográfica e estabelecendo parcerias para a distribuição dos produtos existentes em novas geografias; Crescimento por aquisição: de empresas sedeadas em mercados maduros onde, do ponto de vista da atual presença, o crescimento orgânico seja difícil ou de empresas sedeadas em mercados maduros onde a PRIMAVERA esteja a crescer a um ritmo lento e onde uma presença mais significativa na perspetiva da dimensão seja impulsionadora de um crescimento futuro significativo; Crescimento através da criação de spin-offs. O Plano Estratégico prevê uma atuação diferenciada, e por conseguinte mais assertiva, nos segmentos das Pequenas, Médias, Grandes Empresas e Administração Pública, garantindo, dessa forma, que os melhores produtos, as melhores frameworks de trabalho e as melhores políticas comerciais e de canal se conjugam para que a PRIMAVERA seja, em 2015, uma empresa de 25M, com 60% do negócio a ser realizado em mercados internacionais e com uma rentabilidade (EBITDA) acima dos 17,5%

20 18 8 SOBRE A PRIMAVERA 11 Estutura Acionista 11 Missão e Valores 12 Composição dos Órgãos Sociais 12 Governação 13 Comissão de Sustentabilidade 14 Mercados 15 Oferta de Produtos 16 Oferta de Serviços 16 Consultoria 16 Formação 16 Suporte Técnico 17 Estratégia 19 Mapa Estratégico A inovação continuará a ser o principal motor de crescimento e diferenciação, em especial a inovação em produto, mas também a inovação nos serviços e nas políticas comerciais e de marketing. O forte investimento na construção da família de produtos ELEVATION, onde se inclui o ELEVATION Business Suite (novo ERP PRIMAVERA) baseado na framework de desenvolvimento Athena, permite interpretar de forma inovadora os desafios dos paradigmas da Cloud. Para além de constituir uma atualização natural para os clientes PRIMAVERA, o ELEVATION Business Suite coloca a médio prazo a oferta em novos patamares de sofisticação e permitirá conquistar mercados em novas geografias. O investimento em I&D deverá ascender a 14M no triénio Também iniciativas de Redução de Custo de Propriedade conjugadas com novas experiências de utilização baseadas nos conceitos de Design Thinking irão permitir ganhos significativos de competitividade e melhorar a satisfação para todos os clientes e Parceiros

Coded for People. Relatório Anual 2012 Consolidado

Coded for People. Relatório Anual 2012 Consolidado Coded for People Relatório Anual 2012 Consolidado 2 PRIMAVERA RELATÓRIO E CONTAS 2012 3 índice Números Relevantes de 2012 4/ Mensagem da Presidência 7/ expetativas para 2013/ Sobre a PRIMAVERA 10/ ESTRUTURA

Leia mais

Soluções PRIMAVERA Starter. Para empresas que vão crescer

Soluções PRIMAVERA Starter. Para empresas que vão crescer Soluções PRIMAVERA Para empresas que vão crescer 02 Soluções PRIMAVERA Soluções Para empresas que vão crescer A legislação relativa à utilização de programas informáticos de faturação certificados tem

Leia mais

Liderança Empresarial A crise como alavanca de oportunidades. AEP Março.2012

Liderança Empresarial A crise como alavanca de oportunidades. AEP Março.2012 Liderança Empresarial A crise como alavanca de oportunidades AEP Março.2012 1/ Perfil Em busca da Excelência Missão Inovar com qualidade 1/ Perfil Trabalhamos diariamente no desenvolvimento de soluções

Leia mais

Software de gestão para pequenos negócios com grande dinamismo

Software de gestão para pequenos negócios com grande dinamismo Software de gestão para pequenos negócios com grande dinamismo Nas soluções PRIMAVERA Starter tem tudo o que precisa para começar já a faturar Instalar e Usar Atualizações Automáticas Suporte Técnico Incluído

Leia mais

Segunda maior distribuidora petrolífera de Angola com gestão PRIMAVERA

Segunda maior distribuidora petrolífera de Angola com gestão PRIMAVERA Case Study Pumangol Segunda maior distribuidora petrolífera de Angola com gestão PRIMAVERA Com um projeto ambicioso que prevê a abertura de 200 postos de abastecimento de combustível em Angola até 2015,

Leia mais

NOVOS FUNDOS COMUNITÁRIOS

NOVOS FUNDOS COMUNITÁRIOS NOVOS FUNDOS COMUNITÁRIOS Sessão de Esclarecimento Associação Comercial de Braga 8 de abril de 2015 / GlobFive e Creative Zone PT2020 OBJETIVOS DO PORTUGAL 2020 Promover a Inovação empresarial (transversal);

Leia mais

SONAE REFORÇA VENDAS E INTERNACIONALIZAÇÃO

SONAE REFORÇA VENDAS E INTERNACIONALIZAÇÃO Maia, 11 de março de 2015 Reforço de posições de liderança em Portugal, internacionalização e compromisso com famílias em 2014 SONAE REFORÇA VENDAS E INTERNACIONALIZAÇÃO 1. PRINCIPAIS DESTAQUES DE 2014:

Leia mais

A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial.

A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial. POWERING BUSINESS QUEM SOMOS A ARTSOFT é uma empresa especializada no desenvolvimento e comercialização de soluções tecnológicas de apoio à gestão empresarial. Desde 1987 que desenvolvemos um trabalho

Leia mais

Proveitos Operacionais da Reditus aumentam 12% no primeiro semestre de 2011

Proveitos Operacionais da Reditus aumentam 12% no primeiro semestre de 2011 Proveitos Operacionais da Reditus aumentam 12% no primeiro semestre de 2011 Proveitos Operacionais de 55,8 milhões EBITDA de 3,1 milhões Margem EBITDA de 5,6% EBIT de 0,54 milhões Resultado Líquido negativo

Leia mais

Resultado Líquido da Reditus aumenta 57,7% no 1º semestre de 2014

Resultado Líquido da Reditus aumenta 57,7% no 1º semestre de 2014 Resultado Líquido da Reditus aumenta 57,7% no 1º semestre de 2014 Proveitos Operacionais de 60,8 milhões de euros (+ 8,1%) EBITDA de 5,6 milhões de euros (+ 11,1%) Margem EBITDA 9,2% (vs. 8,9%) Resultado

Leia mais

FERRAMENTAS? a alterar, em muitas organizações, um. instrumento tão abrangente como um orçamento

FERRAMENTAS? a alterar, em muitas organizações, um. instrumento tão abrangente como um orçamento O QUE É IMPRESCINDÍVEL NUMA SOLUÇÃO DE ORÇAMENTAÇÃO E PREVISÃO? Flexibilidade para acomodar mudanças rápidas; Usabilidade; Capacidade de integração com as aplicações a montante e a jusante; Garantir acesso

Leia mais

APROVADO POR DELIBERAÇÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DE 15 DE SETEMBRO DE 2015 REGULAMENTO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DA SONAE SGPS, SA

APROVADO POR DELIBERAÇÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DE 15 DE SETEMBRO DE 2015 REGULAMENTO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DA SONAE SGPS, SA APROVADO POR DELIBERAÇÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DE 15 DE SETEMBRO DE 2015 REGULAMENTO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DA SONAE SGPS, SA ARTIGO 1.º COMPOSIÇÃO DO CONSELHO E COMISSÕES 1. O Conselho de

Leia mais

COMUNICADO 9M 2015 COMUNICADO 9M 2015. (Contas não auditadas)

COMUNICADO 9M 2015 COMUNICADO 9M 2015. (Contas não auditadas) COMUNICADO 9M 2015 (Contas não auditadas) 30 novembro 2015 1 1. EVOLUÇÃO DOS NEGÓCIOS 1.1. ÁREA FINANCEIRA A Área Financeira do Grupo concentra as atividades financeiras, incluindo a Orey Financial e as

Leia mais

Contexto e objetivos do estudo... 3 Metodologia, definições e âmbito da análise... 4

Contexto e objetivos do estudo... 3 Metodologia, definições e âmbito da análise... 4 Índice Contexto e objetivos do estudo... 3 Metodologia, definições e âmbito da análise... 4 População alvo...4 Unidade amostral...4 Dimensão da população...4 Metodologia...4 Caracterização da amostra...4

Leia mais

XLM Innovation & Technology

XLM Innovation & Technology 01. APRESENTAÇÃO DA EMPRESA 2 01. Apresentação da empresa A XLM, sedeada em Aveiro, iniciou a sua atividade em 1995. Nesta data, a sua área de atuação cingia-se à venda, instalação e assistência técnica

Leia mais

Maio 2013 PE2020. O papel da Engenharia como fator de competitividade. Iniciativa

Maio 2013 PE2020. O papel da Engenharia como fator de competitividade. Iniciativa Maio 2013 PE2020 O papel da Engenharia como fator de competitividade Iniciativa Agenda 1. Apresentação da Proforum e do PE2020 como plataforma colaborativa relevante e integradora 2. Contributo do PE2020

Leia mais

Graphicsleader Packaging: Preparar o negócio para um mercado global

Graphicsleader Packaging: Preparar o negócio para um mercado global Graphicsleader Packaging: Preparar o negócio para um mercado global Parceiro de Graphicsleader Packaging Indústria Gráfica Produtos e Serviços Embalagem de cartão e rótulos para a indústria alimentar,

Leia mais

YET - Your Electronic Transactions. Soluções globais de transações eletrónicas

YET - Your Electronic Transactions. Soluções globais de transações eletrónicas YET - Your Electronic Transactions Soluções globais de transações eletrónicas Conhecimento e experiência na desmaterialização de processos A YET Your Electronic Transactions é uma empresa especializada

Leia mais

Com esta tecnologia Microsoft, a PHC desenvolveu toda a parte de regras de negócio, acesso a dados e manutenção do sistema.

Com esta tecnologia Microsoft, a PHC desenvolveu toda a parte de regras de negócio, acesso a dados e manutenção do sistema. Caso de Sucesso Microsoft Canal de Compras Online da PHC sustenta Aumento de 40% de Utilizadores Registados na Área de Retalho Sumário País: Portugal Industria: Software Perfil do Cliente A PHC Software

Leia mais

apresentação corporativa

apresentação corporativa apresentação corporativa 2 Índice 1. Apresentação da BBS a) A empresa b) Evolução c) Valores d) Missão e Visão 2. Áreas de Negócio a) Estrutura de Serviços b) Accounting/Tax/Reporting c) Management & Consulting

Leia mais

Fundo Caixa Crescimento. Junho de 2015

Fundo Caixa Crescimento. Junho de 2015 Fundo Caixa Crescimento Junho de 2015 O que é o Capital de Risco Modalidades O Capital de Risco constitui uma forma de financiamento de longo prazo das empresas, realizado por investidores financeiros

Leia mais

POTENCIAMOS O SEU NEGÓCIO. O NOSSO DESAFIO É O SEU SUCESSO.

POTENCIAMOS O SEU NEGÓCIO. O NOSSO DESAFIO É O SEU SUCESSO. POTENCIAMOS O SEU NEGÓCIO. O NOSSO DESAFIO É O SEU SUCESSO. INFORMAÇÃO E GESTÃO EM TEMPO REAL +NEGÓCIO+CLIENTES =MAIOR RETORNO FINANCEIRO 2 3 Estamos na vanguarda da tecnologia há mais de 17 anos. Queremos

Leia mais

Qpoint Rumo à excelência empresarial

Qpoint Rumo à excelência empresarial Qpoint Rumo à excelência empresarial primavera bss A competitividade é cada vez mais decisiva para o sucesso empresarial. A aposta na qualidade e na melhoria contínua da performance dos processos organizacionais

Leia mais

Helping your business grow faster

Helping your business grow faster Helping your business grow faster Espírito de Inovação TECNOLOGIA E INOVAÇÃO A FAVOR DAS EMPRESAS Fundada em 1995, a NOESIS é uma consultora portuguesa que fornece soluções para aumentar a competitividade,

Leia mais

SCORE INNOVATION Corporate Profile Luanda Maputo, 1 de Novembro 2012

SCORE INNOVATION Corporate Profile Luanda Maputo, 1 de Novembro 2012 New Standards for Business SCORE INNOVATION Corporate Profile Luanda Maputo, 1 de Novembro 2012 Quem Somos A SCORE INNOVATION é uma empresa que tem como objecto social a prestação de serviços em consultoria,

Leia mais

HQN 27-06-2015 PLANOS REGIONAIS DE DINAMIZAÇÃO DA ECONOMIA SOCIAL. Ponte de Lima, 27 Junho 2015. www.hqnstrategyconsulting.com

HQN 27-06-2015 PLANOS REGIONAIS DE DINAMIZAÇÃO DA ECONOMIA SOCIAL. Ponte de Lima, 27 Junho 2015. www.hqnstrategyconsulting.com PLANOS REGIONAIS DE DINAMIZAÇÃO DA ECONOMIA SOCIAL Ponte de Lima, 27 Junho 2015 www.hqnstrategyconsulting.com 1 PLANO REGIONAL DE DINAMIZAÇÃO DA ECONOMIA SOCIAL O desenvolvimento de um Plano Regional para

Leia mais

INTERVENÇÃO Dr. José Vital Morgado Administrador Executivo da AICEP ****

INTERVENÇÃO Dr. José Vital Morgado Administrador Executivo da AICEP **** INTERVENÇÃO Dr. José Vital Morgado Administrador Executivo da AICEP **** Gostaria de começar por agradecer o amável convite da CIP para participarmos nesta conferência sobre um tema determinante para o

Leia mais

Perspetivas de colaboração Portugal China, Apoios à internacionalização e o papel da AICEP

Perspetivas de colaboração Portugal China, Apoios à internacionalização e o papel da AICEP Perspetivas de colaboração Portugal China, Apoios à internacionalização e o papel da AICEP AIMINHO Braga, 24 de Outubro, 2014 1 P a g e Distintas Entidades aqui presentes, Senhores Empresários, Minhas

Leia mais

em - Corporate Reporting (1.ª Edição) Executive Master

em - Corporate Reporting (1.ª Edição) Executive Master www. indeg. iscte-iul. pt EXPERIÊNCIA DE IMERSÃO AVANÇADA NO STATE OF THE ART E NAS ALTERAÇÕES MAIS RECENTES NAS TEMÁTICAS, NORMATIVAS E MÉTODOS DE REPORTE INTEGRADO DAS ORGANIZAÇÕES VISANDO UM DESEMPENHO

Leia mais

A Portugal Ventures está á procura de projetos com as seguintes características:

A Portugal Ventures está á procura de projetos com as seguintes características: 1. O que é o Candidatura ao FIAEA? Este programa de apoio ao empreendedorismo, é uma iniciativa liderada pela SDEA e pela Portugal Ventures, que visa fortalecer o ecossistema de empreendedorismo nas áreas

Leia mais

APRESENTAÇÃO DO GRUPO INCENTEA

APRESENTAÇÃO DO GRUPO INCENTEA APRESENTAÇÃO DO GRUPO INCENTEA Quem Somos Somos um grupo de empresas de prestação de serviços profissionais nas áreas das Tecnologias de Informação, Comunicação e Gestão. Estamos presente em Portugal,

Leia mais

O sistema de informação como agente promotor de controlo operacional e produtividade nas empresas prestadoras de serviços de contabilidade

O sistema de informação como agente promotor de controlo operacional e produtividade nas empresas prestadoras de serviços de contabilidade O sistema de informação como agente promotor de controlo operacional e produtividade nas empresas prestadoras de serviços de contabilidade PRIMAVERA, Know-how comprovado no sector Síntese Introdução...

Leia mais

RESULTADOS CONSOLIDADOS A 30 DE JUNHO DE 2005 1

RESULTADOS CONSOLIDADOS A 30 DE JUNHO DE 2005 1 COMUNICADO Página 1 / 9 RESULTADOS CONSOLIDADOS A 30 DE JUNHO DE 2005 1 09 de Setembro de 2005 (Os valores apresentados neste comunicado reportam-se ao primeiro semestre de 2005, a não ser quando especificado

Leia mais

Coded by People. Relatório Anual 2010 Consolidado

Coded by People. Relatório Anual 2010 Consolidado Coded by People Relatório Anual 2010 Consolidado PRIMAVERA RELATÓRIO E CONTAS 2010 índice Números Relevantes de 2010 4/ Mensagem do Presidente 7/ Outlook 2011/ Sobre a PRIMAVERA 10/ Estrutura do Grupo/Accionistas/

Leia mais

Zeinal Bava. Nós construimos o nosso futuro. Presidente Executivo Portugal Telecom

Zeinal Bava. Nós construimos o nosso futuro. Presidente Executivo Portugal Telecom mensagem do presidente executivo Zeinal Bava Presidente Executivo Portugal Telecom Nós construimos o nosso futuro Apesar do ambiente económico desafiante em Portugal, a PT tem continuado a seguir incessantemente

Leia mais

O EBITDA no 4T13 foi de 9,6 M, o que corresponde a uma margem EBITDA de 7 %

O EBITDA no 4T13 foi de 9,6 M, o que corresponde a uma margem EBITDA de 7 % DESTAQUES página 3 O total de Proveitos Operacionais foi de 592,9 M, a registar uma subida de 15 % quando comparado com o ano anterior, a refletir um crescimento significativo no volume de negócio das

Leia mais

Gestão e tecnologia para PME s

Gestão e tecnologia para PME s www.sage.pt Gestão e tecnologia para PME s Sage Porto Sage Lisboa Sage Portugal A longa experiência que temos vindo a acumular no desenvolvimento de soluções integradas de software de gestão para as pequenas

Leia mais

Os Desafios da Fileira da Construção. As Oportunidades nos Mercados Externos

Os Desafios da Fileira da Construção. As Oportunidades nos Mercados Externos Os Desafios da Fileira da Construção As Oportunidades nos Mercados Externos Agradeço o convite que me foi dirigido para participar neste Seminário e felicito a AIP pela iniciativa e pelo tema escolhido.

Leia mais

Business analytics conquista terreno

Business analytics conquista terreno Business analytics conquista terreno Surge como uma evolução natural do business inteliigence e alimenta-se da necessidade de as empresas obterem respostas cada vez mais exactas. O business analytics acaba

Leia mais

Vantagem Garantida PHC

Vantagem Garantida PHC Vantagem Garantida PHC O Vantagem Garantida PHC é um aliado para tirar maior partido das aplicações PHC A solução que permite à empresa rentabilizar o seu investimento, obtendo software actualizado, formação

Leia mais

Ficha de informação 1 POR QUE RAZÃO NECESSITA A UE DE UM PLANO DE INVESTIMENTO?

Ficha de informação 1 POR QUE RAZÃO NECESSITA A UE DE UM PLANO DE INVESTIMENTO? Ficha de informação 1 POR QUE RAZÃO NECESSITA A UE DE UM PLANO DE INVESTIMENTO? Desde a crise económica e financeira mundial, a UE sofre de um baixo nível de investimento. São necessários esforços coletivos

Leia mais

Relatório de Gestão & Contas - Ano 2012 RELATÓRIO DE GESTÃO. Resende e Fernandes, Construção Civil, Lda.

Relatório de Gestão & Contas - Ano 2012 RELATÓRIO DE GESTÃO. Resende e Fernandes, Construção Civil, Lda. RELATÓRIO DE GESTÃO Resende e Fernandes, Construção Civil, Lda. 2012 ÍNDICE DESTAQUES... 3 MENSAGEM DO GERENTE... 4 ENQUADRAMENTO MACROECONÓMICO... 5 Economia internacional... 5 Economia Nacional... 5

Leia mais

PHC Consolidação CS. A execução da consolidação contabilística de grupos de empresas

PHC Consolidação CS. A execução da consolidação contabilística de grupos de empresas Descritivo PHC Consolidação CS PHC PHC Consolidação CS A execução da consolidação contabilística de grupos de empresas A consolidação contabilística no que respeita à integração de contas e respectivos

Leia mais

Cervejeiras líderes de mercado em Angola adotam ERP PRIMAVERA

Cervejeiras líderes de mercado em Angola adotam ERP PRIMAVERA Case Study Cuca Cervejeiras líderes de mercado em Angola adotam ERP PRIMAVERA Negócios do grupo Castel em Angola, um dos líderes mundiais no setor da produção de vinhos, cervejas e refrigerantes, são

Leia mais

MGI Internacional. Presença em mais de 80 países

MGI Internacional. Presença em mais de 80 países MGI Internacional Presença em mais de 80 países Presente em mais de 80 países e com mais de 280 escritórios em todos os Continentes, a MGI é uma das maiores associações internacionais de empresas independentes

Leia mais

PROPOSTAS DE ALGUMAS MEDIDAS CONCRETAS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL

PROPOSTAS DE ALGUMAS MEDIDAS CONCRETAS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL PROPOSTAS DE ALGUMAS MEDIDAS CONCRETAS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL 1 São muitas e variadas as soluções e medidas de apoio à competitividade empresarial. Na intervenção de abertura o Presidente da

Leia mais

APRESENTAÇÃO DA NOVA POLÍTICA DE INCENTIVOS 2014-2020 SISTEMA DE INCENTIVOS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL COMPETIR +

APRESENTAÇÃO DA NOVA POLÍTICA DE INCENTIVOS 2014-2020 SISTEMA DE INCENTIVOS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL COMPETIR + APRESENTAÇÃO DA NOVA POLÍTICA DE INCENTIVOS 2014-2020 SISTEMA DE INCENTIVOS PARA A COMPETITIVIDADE EMPRESARIAL COMPETIR + Ponta Delgada, 28 de Abril de 2014 Intervenção do Presidente do Governo Regional

Leia mais

Programas. cabo verde. Angola. portugal. s.tomé e príncipe. Fundación Universitaria San Pablo CEU

Programas. cabo verde. Angola. portugal. s.tomé e príncipe. Fundación Universitaria San Pablo CEU Programas de MESTRADO Online MBA Master in Business Administration Mestrado em Direcção de Empresas Mestrado em Direcção de Marketing e Vendas Mestrado em Direcção Financeira Mestrado em Comércio Internacional

Leia mais

Soluções em Tecnologia da Informação

Soluções em Tecnologia da Informação Soluções em Tecnologia da Informação Curitiba Paraná Salvador Bahia A DTS Sistemas é uma empresa familiar de Tecnologia da Informação, fundada em 1995, especializada no desenvolvimento de soluções empresariais.

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL 1. O GRUPO MULTIPESSOAL 1.1. Princípios Éticos 1.2. Missão, Visão e Valores 2. ÁREAS DE NEGÓCIO 2.1. Service m & Sourcing m 2.2. Msearch m 2.3. Upgrade m 2.4. Medical m 2.5.

Leia mais

SISTEMAS DEGESTÃO EMPRESARIAL

SISTEMAS DEGESTÃO EMPRESARIAL SISTEMAS DEGESTÃO EMPRESARIAL Imagine um mundo onde a sua Empresa se desenvolve facilmente, onde a cooperação entre os seus funcionários, as suas filiais e o seu ambiente de negócio é simples e em que

Leia mais

COMUNICADO RESULTADOS TRIMESTRAIS (Não auditados) 28 de Maio de 2015

COMUNICADO RESULTADOS TRIMESTRAIS (Não auditados) 28 de Maio de 2015 COMUNICADO RESULTADOS TRIMESTRAIS (Não auditados) 28 de Maio de 2015 Sociedade Comercial Orey Antunes, S.A. Sociedade Aberta Rua Carlos Alberto da Mota Pinto, nº 17 6A, 1070-313 Lisboa Portugal Capital

Leia mais

Tradicionalmente como surgem? Existem ambientes mais propícios para o nascimento de ideias/projectos inovadores?

Tradicionalmente como surgem? Existem ambientes mais propícios para o nascimento de ideias/projectos inovadores? O que é uma start-up? As empresas que criam modelos de negócio altamente escaláveis, a baixos custos e a partir de ideias inovadoras são normalmente consideradas empresas startups. Concebidas para crescerem

Leia mais

ControlVet Segurança Alimentar, SA.

ControlVet Segurança Alimentar, SA. 01. APRESENTAÇÃO DA EMPRESA 2 01. Apresentação da empresa A ControlVet Segurança Alimentar, S.A. é uma empresa de referência nacional na prestação de serviços de segurança alimentar, em franca expansão

Leia mais

PRIMAVERA BUSINESS SOFTWARE SOLUTIONS, SA

PRIMAVERA BUSINESS SOFTWARE SOLUTIONS, SA PRIMAVERA BUSINESS SOFTWARE SOLUTIONS, SA Introdução Nesta edição do Catálogo de Serviços apresentamos os vários tipos de serviços que compõe a actual oferta da Primavera na área dos serviços de consultoria.

Leia mais

SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1

SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1 SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1 PROSPERE NA NOVA ECONOMIA A SPEKTRUM SUPORTA A EXECUÇÃO DA SUA ESTRATÉGIA Para as empresas que buscam crescimento

Leia mais

CTCV. seminários. Programas de apoio no novo Quadro Portugal 2020. Seminário ISO 9001 e ISO 14001 Enquadramento e alterações nos referenciais de 2015

CTCV. seminários. Programas de apoio no novo Quadro Portugal 2020. Seminário ISO 9001 e ISO 14001 Enquadramento e alterações nos referenciais de 2015 23 10 2014 Programas de apoio no novo Quadro Portugal 2020 Seminário ISO 9001 e ISO 14001 Enquadramento e alterações nos referenciais de 2015 Victor Francisco Gestão e Promoção da Inovação 21 de outubro

Leia mais

DOSSIER DE IMPRENSA 2015

DOSSIER DE IMPRENSA 2015 DOSSIER DE IMPRENSA 2015 A Empresa A Empresa A 2VG é uma empresa tecnológica portuguesa criada em 2009, que surgiu para colmatar uma necessidade detetada no mercado das tecnologias de informação e comunicação

Leia mais

COMUNICADO 1S 2015. COMUNICADO 1S 2015 (Contas não auditadas)

COMUNICADO 1S 2015. COMUNICADO 1S 2015 (Contas não auditadas) COMUNICADO 1S 2015 (Contas não auditadas) 31 agosto 2015 1. EVOLUÇÃO DOS NEGÓCIOS 1.1. ÁREA FINANCEIRA A Área Financeira do Grupo concentra as atividades financeiras, incluindo a Orey Financial, e as suas

Leia mais

Neves & Freitas Consultores, Lda.

Neves & Freitas Consultores, Lda. A gerência: Cristian Paiva Índice 1. Introdução... 3 2. Apresentação... 4 2.2 Missão:... 4 2.3 Segmento Alvo... 4 2.4 Objectivos... 5 2.5 Parceiros... 5 2.6 Organização... 5 3. Organigrama da empresa...

Leia mais

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA APRESENTAÇÃO CORPORATIVA 2015 Quem é a 2VG? A Empresa A 2VG Soluções Informáticas SA., é uma empresa tecnológica portuguesa, fundada em 2009, que surgiu para colmatar uma necessidade detetada no mercado

Leia mais

Em Crise Profunda no Mercado Interno. Em Expansão Acelerada nos Mercados Externos

Em Crise Profunda no Mercado Interno. Em Expansão Acelerada nos Mercados Externos 2ª JORNADAS DA ESPECIALIZAÇÃO EM DIREÇÃO E GESTÃO DA CONSTRUÇÃO ENGENHARIA CIVIL OS NOVOS DESAFIOS O PAPEL DA CONSTRUÇÃO NO FUTURO Índice: Onde Estamos Europa 2020 e Crescimento da Construção em Portugal

Leia mais

Programa +Inovação +Indústria Formulário de Candidatura

Programa +Inovação +Indústria Formulário de Candidatura Programa +Inovação +Indústria Formulário de Candidatura Com o propósito de ajudar no preenchimento do formulário de candidatura online, em letra Arial, tamanho 11, a informação necessária está resumida

Leia mais

Resultados do 1º trimestre de 2015

Resultados do 1º trimestre de 2015 Resultados do 1º trimestre de 2015 Grupo Media Capital, SGPS, S.A. 11º ano de liderança Liderança em Grupo de canais Número um no digital Novos conteúdos na área da ficção e entretenimento: A Única Mulher,

Leia mais

Área Financeira. Fluidez de processos e cobertura total das exigências fiscais e legais

Área Financeira. Fluidez de processos e cobertura total das exigências fiscais e legais 18 PRIMAVERA BSS Área Financeira Fluidez de processos e cobertura total das exigências fiscais e legais 19 EXECUTIVE V8 A profundidade dedicada à área financeira permite responder a exigências de todo

Leia mais

Resultados Consolidados a 30 de Junho de 2010 Informação Privilegiada (IFRS/IAS)

Resultados Consolidados a 30 de Junho de 2010 Informação Privilegiada (IFRS/IAS) Resultados Consolidados a 30 de Junho de 2010 Informação Privilegiada (IFRS/IAS) Volume de Negócios: 122,8 M (119,9 M em 6M09) 28 de Julho de 2010 1. Indicadores Chave O volume de negócios e o EBITDA apresentados

Leia mais

BNI Banco de Negócios Internacional, S.A.

BNI Banco de Negócios Internacional, S.A. Balanço Em 31 de Dezembro de 2006 ACTIVO Notas Caixa e disponibilidades no Banco Central 5 204 460 2 547 Disponibilidades sobre instituições de crédito 6 2 847 256 35 474 Créditos sobre clientes 7 75 154

Leia mais

Identificação da empresa. Missão

Identificação da empresa. Missão Identificação da empresa SPMS - Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, EPE, pessoa coletiva de direito público de natureza empresarial, titular do número único de matrícula e de pessoa coletiva 509

Leia mais

Senhora Presidente da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, Maria da Conceição Saraiva da Silva Costa Bento Senhoras e Senhores,

Senhora Presidente da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, Maria da Conceição Saraiva da Silva Costa Bento Senhoras e Senhores, Boa tarde Senhora Presidente da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, Maria da Conceição Saraiva da Silva Costa Bento Senhoras e Senhores, Deixem-me dizer-vos que é para mim uma honra participar, na

Leia mais

Programa Futuro Connosco. Para empreendedores à procura de uma oportunidade

Programa Futuro Connosco. Para empreendedores à procura de uma oportunidade Programa Futuro Connosco Para empreendedores à procura de uma oportunidade Quer integrar uma rede de negócios de sucesso, com presença em vários mercados? Na conjuntura empresarial atual, associar-se a

Leia mais

AGENDA PARA A COMPETITIVIDADE DO COMÉRCIO, SERVIÇOS E RESTAURAÇÃO 2014-2020

AGENDA PARA A COMPETITIVIDADE DO COMÉRCIO, SERVIÇOS E RESTAURAÇÃO 2014-2020 AGENDA PARA A COMPETITIVIDADE DO COMÉRCIO, SERVIÇOS E RESTAURAÇÃO 2014-2020 18 dezembro 2014 Colocar os setores do Comércio, Serviços e Restauração virado para o exterior e a liderar a retoma económica

Leia mais

RELATÓRIO DA BALANÇA DE PAGAMENTOS E DA POSIÇÃO DE INVESTIMENTO INTERNACIONAL, 2011

RELATÓRIO DA BALANÇA DE PAGAMENTOS E DA POSIÇÃO DE INVESTIMENTO INTERNACIONAL, 2011 RELATÓRIO DA BALANÇA DE PAGAMENTOS E DA POSIÇÃO DE INVESTIMENTO INTERNACIONAL, 2011 I. BALANÇA DE PAGAMENTOS A estatística da Balança de Pagamentos regista as transacções económicas ocorridas, durante

Leia mais

Programa de trabalho da Presidência Portuguesa para o Conselho Ecofin

Programa de trabalho da Presidência Portuguesa para o Conselho Ecofin Programa de trabalho da Presidência Portuguesa para o Conselho Ecofin A Presidência Portuguesa na área dos Assuntos Económicos e Financeiros irá centrar-se na prossecução de três grandes objectivos, definidos

Leia mais

Grant Thornton & Associados SROC, Lda. Apresentação da Firma

Grant Thornton & Associados SROC, Lda. Apresentação da Firma Grant Thornton & Associados SROC, Lda. Apresentação da Firma A nossa competência e experiência e a qualidade dos nossos serviços ao seu serviço A Grant Thornton assenta a sua estratégia no desenvolvimento

Leia mais

Advocacia e TI estão entre as mais procuradas e melhor pagas

Advocacia e TI estão entre as mais procuradas e melhor pagas Guia das Funções Mais Procuradas Page Personnel 2015 Advocacia e TI estão entre as mais procuradas e melhor pagas Lisboa, 16 de Junho de 2015 - A Page Personnel, empresa de recrutamento de quadros intermédios

Leia mais

gescar md-sgq-24 MD-OI-24A REV03 13/04/15

gescar md-sgq-24 MD-OI-24A REV03 13/04/15 gescar md-sgq-24 MD-OI-24A REV03 13/04/15 Ficha Técnica CARLOS MANUEL SILVA SANTOS CONTABILIDADE, AUDITORIA E GESTÃO, LDA. MARCA REGISTADA: GESCAR SEDE: Rua Dr. David Mourão Ferreira, nº 9, Apartado 80,

Leia mais

Apoiar Business Angels é apoiar o empreendedorismo Segunda, 17 Março 2014 12:03

Apoiar Business Angels é apoiar o empreendedorismo Segunda, 17 Março 2014 12:03 Os Business Angels são, geralmente, os primeiros investidores que o empreendedor conhece e, por isso, o seu papel é crucial nas primeiras etapas da empresa. Este é um negócio de alto risco, já que muitas

Leia mais

A importância da IAA para o crescimento da economia Ambição 2020 na rota do crescimento

A importância da IAA para o crescimento da economia Ambição 2020 na rota do crescimento A importância da IAA para o crescimento da economia Ambição 2020 na rota do crescimento Nuno Netto nnetto@deloitte.pt 28 de Outubro 2014 Agenda 2014. Para informações, contacte Deloitte Consultores, S.A.

Leia mais

Agradeço muito o convite que me foi endereçado para encerrar este XI Congresso da Ordem dos Revisores Oficias de Contas.

Agradeço muito o convite que me foi endereçado para encerrar este XI Congresso da Ordem dos Revisores Oficias de Contas. Senhor Bastonário da Ordem dos Revisores Oficiais de Contas, Dr. José Azevedo Rodrigues; Senhor Vice-Presidente do Conselho Diretivo da Ordem dos Revisores Oficiais de Contas e Presidente da Comissão Organizadora

Leia mais

RESUMO FUNCIONALIDADES

RESUMO FUNCIONALIDADES RESUMO FUNCIONALIDADES DO Nota Introdutória Características Preços PRESTAÇÃO DE CONTAS INFORMAÇÃO FISCAL ANÁLISE FINANCEIRA AF AVAN- ÇADA Elaboração Dem. Financeiras Relatório de gestão e ata da AG Apuramento

Leia mais

Uma marca da Leadership Business Consulting

Uma marca da Leadership Business Consulting Uma marca da Leadership Business Consulting 1 Sequence e Business Process Management O Sequence é a plataforma líder em ibpm & Workflow. É um software de BPM simples e intuitivo, com programação por meio

Leia mais

PHC Consolidacão. Execute de uma forma simples e eficaz a consolidação contabilística de grupos de empresas

PHC Consolidacão. Execute de uma forma simples e eficaz a consolidação contabilística de grupos de empresas PHCConsolidacão DESCRITIVO O módulo PHC Consolidação foi desenhado para executar a consolidacão contabilística, no que diz respeito à integração de contas e respectivos ajustamentos de consolidação. PHC

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO 2012

RELATÓRIO DE GESTÃO 2012 RELATÓRIO DE GESTÃO 2012 NATURTEJO EMPRESA DE TURISMO - EIM MARÇO, CASTELO BRANCO 2013 Nos termos legais e estatutários, vimos submeter a apreciação da assembleia Geral o Relatório de Gestão, as contas,

Leia mais

PHC Consolidação CS. Execute de uma forma simples e eficaz a consolidação contabilística de grupos de empresas

PHC Consolidação CS. Execute de uma forma simples e eficaz a consolidação contabilística de grupos de empresas PHC Consolidacão CS DESCRITIVO O módulo PHC Consolidação CS foi desenhado para executar a consolidação contabilística, no que diz respeito à integração de contas e respectivos ajustamentos de consolidação.

Leia mais

Reunião Pública. Gilsomar Maia Diretor de Finanças Corporativas

Reunião Pública. Gilsomar Maia Diretor de Finanças Corporativas Reunião Pública Gilsomar Maia Diretor de Finanças Corporativas Receita Bruta (R$ Milhões) e Margem EBITDA (%) ¹ Visão Geral da Companhia - Trajetória História Fundação Fortalecimento DNA Liderança 1.557

Leia mais

SERVIÇOS FINANCEIROS PROFISSIONAIS. www.svc.pt www.areaeconomica.net

SERVIÇOS FINANCEIROS PROFISSIONAIS. www.svc.pt www.areaeconomica.net SERVIÇOS FINANCEIROS PROFISSIONAIS www.svc.pt www.areaeconomica.net DEPARTAMENTOS E DIVISÕES Contabilidade e Fiscalidade [Accounting/Tax/Reporting] Oferecemos um serviço diferenciado no âmbito da execução

Leia mais

Grupo Reditus reforça crescimento em 2008

Grupo Reditus reforça crescimento em 2008 Grupo Reditus reforça crescimento em 2008 Nota Prévia Os resultados reportados oficialmente reflectem a integração do Grupo Tecnidata a 1 de Outubro de 2008, em seguimento da assinatura do contrato de

Leia mais

Profico Projetos, Fiscalização e Consultoria, Lda.

Profico Projetos, Fiscalização e Consultoria, Lda. Profico Projetos, Fiscalização e Consultoria, Lda. Rua Alfredo da Silva, 11B 1300-040 Lisboa Tlf. +351 213 619 380 Fax. +351 213 619 399 profico@profico.pt www.profico.pt INDICE 1. DESCRIÇÃO GERAL DA PROFICO...

Leia mais

IDC Portugal aumenta produtividade e reduz custos operacionais com Microsoft Dynamics CRM em modelo hosted

IDC Portugal aumenta produtividade e reduz custos operacionais com Microsoft Dynamics CRM em modelo hosted Microsoft Dynamics CRM Online Customer Solution Case Study IDC Portugal IDC Portugal aumenta produtividade e reduz custos operacionais com Microsoft Dynamics CRM em modelo hosted Sumário País Portugal

Leia mais

Procifisc Engenharia e Consultadoria, Lda.

Procifisc Engenharia e Consultadoria, Lda. 01. APRESENTAÇÃO DA EMPRESA 2 01. Apresentação da empresa, com sede em Castelo Branco, é uma empresa criada em 2007 que atua nos domínios da engenharia civil e da arquitetura. Atualmente, é uma empresa

Leia mais

Premier. Quando os últimos são os Primeiros

Premier. Quando os últimos são os Primeiros Premier Quando os últimos são os Primeiros Fundada em 1997 Especializada no desenvolvimento de soluções informáticas de apoio à Gestão e consultoria em Tecnologias de Informação. C3im tem como principais

Leia mais

O futuro da área de finanças Uma visão a ser compartilhada. CFO Program

O futuro da área de finanças Uma visão a ser compartilhada. CFO Program O futuro da área de finanças Uma visão a ser compartilhada CFO Program O futuro da área de finanças Temos o orgulho de compartilhar com vocês nossa visão de como será a área de finanças no futuro. Esta

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO ADMINISTRATIVA E FINANCEIRA

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO ADMINISTRATIVA E FINANCEIRA ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO ADMINISTRATIVA E FINANCEIRA ABERTURA A People & Skills foi criada para responder às necessidades de um mercado cada vez mais apostado em desenvolver e consolidar competências que

Leia mais

Apoios às empresas no Norte 2020. Eunice Silva Valença 30.06.2015

Apoios às empresas no Norte 2020. Eunice Silva Valença 30.06.2015 Apoios às empresas no Norte 2020 Eunice Silva Valença 30.06.2015 SISTEMAS DE INCENTIVOS ÀS EMPRESAS INOVAÇÃO EMPRESARIAL EMPREENDEDORISMO QUALIFICAÇÃO DE PME INTERNACIONALIZAÇÃO DE PME I&D Produção de

Leia mais

Competitividade e Inovação

Competitividade e Inovação Competitividade e Inovação Evento SIAP 8 de Outubro de 2010 Um mundo em profunda mudança Vivemos um momento de transformação global que não podemos ignorar. Nos últimos anos crise nos mercados financeiros,

Leia mais

Enquadramento Page 1. Objectivo. Estrutura do documento. Observações. Limitações

Enquadramento Page 1. Objectivo. Estrutura do documento. Observações. Limitações Objectivo No âmbito do processo de adopção plena das Normas Internacionais de Contabilidade e de Relato Financeiro ("IAS/IFRS") e de modo a apoiar as instituições financeiras bancárias ("instituições")

Leia mais

Programa de Desenvolvimento Rural do Continente para 2014-2020

Programa de Desenvolvimento Rural do Continente para 2014-2020 Programa de Desenvolvimento Rural do Continente para 2014-2020 Medida 3 - VALORIZAÇÃO DA PRODUÇÃO AGRÍCOLA Ação 3.3 INVESTIMENTO NA TRANSFORMAÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DE PRODUTOS AGRÍCOLAS Enquadramento Regulamentar

Leia mais

CIMPOR Cimentos de Portugal, SGPS, S. A. Rua Alexandre Herculano, 35 1250-009 LISBOA PORTUGAL Tel. (+351) 21 311 8100 Fax. (+351) 21 356 1381

CIMPOR Cimentos de Portugal, SGPS, S. A. Rua Alexandre Herculano, 35 1250-009 LISBOA PORTUGAL Tel. (+351) 21 311 8100 Fax. (+351) 21 356 1381 CIMPOR Cimentos de Portugal, SGPS, S. A. Rua Alexandre Herculano, 35 1250-009 LISBOA PORTUGAL Tel. (+351) 21 311 8100 Fax. (+351) 21 356 1381 Sociedade Aberta Número único de Pessoa Colectiva e Cons. Reg.

Leia mais

PROPOSTA. Ponto 5 da ordem de trabalhos da assembleia geral de acionistas da Galp Energia, SGPS, S.A., Sociedade Aberta, de 7 de maio de 2012

PROPOSTA. Ponto 5 da ordem de trabalhos da assembleia geral de acionistas da Galp Energia, SGPS, S.A., Sociedade Aberta, de 7 de maio de 2012 PROPOSTA Ponto 5 da ordem de trabalhos da assembleia geral de acionistas da Galp Energia, SGPS, S.A., Sociedade Aberta, de 7 de maio de 2012 POLÍTICA DE REMUNERAÇÕES 2012 Introdução A Comissão de Remunerações

Leia mais