Anexo 1. Materiais Didácticos Fase de Diagnóstico. Documento 1 Teste de compreensão oral de texto (COT)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Anexo 1. Materiais Didácticos Fase de Diagnóstico. Documento 1 Teste de compreensão oral de texto (COT)"

Transcrição

1 Anexo 1 Materiais Didácticos Fase de Diagnóstico Documento 1 Teste de compreensão oral de texto (COT) Transcrição do estímulo oral do teste de COT (quatro ano e sexto ano) Experiências em Animais Por causa da investigação científica, milhares de animais, como ratinhos, coelhos, cães ou macacos, passam toda a sua vida como cobaias, presos em laboratórios, a sofrer e à espera de morrer. Embora eu não saiba se os alunos desta turma já pensaram sobre as experiências que se fazem em animais, este assunto é muito divulgado, principalmente por associações de defesa dos animais. Para se ter a certeza de que os medicamentos que são dados aos seres humanos não fazem mal às pessoas que os tomam e são, de facto, eficazes na cura das doenças, as indústrias que fabricam os produtos químicos que servem para fazer medicamentos experimentam esses produtos primeiro em animais. Muitos cientistas têm provocado doenças em animais saudáveis para depois experimentar os efeitos dos produtos químicos de que são feitos os medicamentos na cura desses bichos. Embora tenham nascido saudáveis, esses animais acabam muitas vezes por morrer com doenças provocadas pelos homens. A descoberta das vacinas é um dos vários casos de experimentação em animais na história da Medicina. Muitas das vacinas que foram testadas primeiro em animais tornaram possível a sobrevivência humana em condições adversas várias, como durante epidemias de raiva, cólera, difteria... As vacinas são medicamentos que garantem a vida de seres humanos, embora a sua descoberta tivesse custado a vida de outros seres vivos. A investigação em Medicina tem sido fundamental para a sobrevivência da humanidade, enquanto que a investigação nas indústrias de cosméticos responde a necessidades menos importantes. A testagem de produtos químicos em animais também é praticada nas indústrias que fabricam perfumes, sabonetes e outros produtos de higiene e beleza. Alguns dos testes mais comuns no fabrico destes produtos são o teste da irritação dos olhos, que é feito com a aplicação de pingos nos olhos de coelhos, provocando muitas vezes feridas e dores, e o teste da irritação da pele, que serve para i

2 ver o que é que acontece à pele por baixo do pêlo dos animais, quando são aplicados certos produtos. Hoje em dia, algumas empresas de produtos de higiene e beleza já não usam experiências em animais para fabricar os seus produtos. As associações de defesa dos animais costumam informar os consumidores acerca das marcas de produtos de higiene e beleza que não usam experiências em animais, para que nós possamos escolher só os que não são feitos com o sofrimento de seres vivos. Mas, mesmo que nós deixemos de comprar os produtos de higiene e beleza experimentados em animais, as experiências em animais para encontrar a cura de doenças vão continuar a existir. Os estudos para descobrir operações cirúrgicas e outras formas de curar doenças graves nos homens têm sido feitos por alguns médicos que usam animais para experimentar as suas descobertas, antes de o fazerem em seres humanos. Alguns médicos e cientistas defendem que o sofrimento dos animais é necessário para descobrir a cura de doenças, apesar de outros especialistas acharem que isso não é verdade. Alguns especialistas que são contra as experiências em animais dizem que estas experiências não são úteis porque o corpo humano e o corpo dos animais não funcionam totalmente da mesma maneira. Exemplo disso foram as primeiras experiências com a digitalina. Se bem que a digitalina faça baixar a tensão arterial de seres humanos, esta substância, que se usa actualmente no tratamento de doenças do coração, fez subir a tensão arterial de cães usados como cobaias. Embora estejamos longe de resolver o problema dos animais, o assunto preocupa cada vez mais pessoas. Enquanto a opinião pública se mostra dividida, o poder político tem controlado os tipos de experiências e as regras da manutenção dos animais em cativeiro. Em Maio deste ano, a União Europeia aconselhou as indústrias de medicamentos a usar novos métodos para fazer experiências com alguns produtos, em vez de usar coelhos. Os políticos da União Europeia consideram que é preciso usar animais para experimentar os novos medicamentos, embora se deva reduzir cada vez mais estas experiências. Ainda que o poder político tenha começado a intervir neste assunto, as soluções não são satisfatórias. Milhares de animais continuam sem o direito a uma vida com dignidade. Muitos defensores dos direitos dos animais acreditam que, mesmo se os animais soubessem falar sobre o seu sofrimento, os homens não os teriam ouvido! De facto, para muitas pessoas, este problema não tem solução. Umas acham que o sofrimento dos animais é necessário para o progresso e para o bem-estar humano, outras pensam que nada justifica o sofrimento de um ser vivo. ii

3 Questionário do teste de COT (quarto ano e sexto ano) QUESTIONÁRIO DE COMPREENSÃO ORAL (4º ano e 6º ano) Antes de começares, segue as seguintes instruções: 1 Faz uma leitura rápida de todo o enunciado do questionário; 2 Ouve uma primeira vez a gravação completa, com muita atenção, sem te preocupares em responder; 3 Quando ouvires a gravação pela segunda vez, deves assinalar a tua resposta nesta folha, sempre que houver uma pausa, que terá cerca de 15 segundos; 4 Assinala com uma cruz o quadrado que se encontra à frente da frase que tem um significado equivalente ao da frase que ouviste no texto, antes da pausa; 5 No final, vais ter oportunidade de completar as tuas respostas, com a audição da gravação pela terceira e última vez. Como eu não sei se os alunos desta turma já pensaram sobre algumas experiências que se fazem em animais, este assunto é muito divulgado, principalmente por associações de defesa dos animais. Apesar de eu não saber se os alunos desta turma já pensaram sobre algumas experiências que se fazem em animais, este assunto é muito divulgado, principalmente por associações de defesa dos animais. Mesmo tendo nascido saudáveis, esses animais acabam muitas vezes por morrer com doenças provocadas pelos homens. Já que tinham nascido saudáveis, esses animais acabam muitas vezes por morrer com doenças provocadas pelos homens. As vacinas são medicamentos que garantem a vida de seres humanos. Apesar disso, a sua descoberta custou a vida de outros seres vivos. As vacinas são medicamentos que garantem a vida de seres humanos. Nesse sentido, a sua descoberta custou a vida de outros seres vivos. A investigação em Medicina tem sido fundamental para a sobrevivência da humanidade, ao mesmo tempo que a investigação nas indústrias de cosméticos responde a necessidades menos importantes. A investigação em Medicina tem sido fundamental para a sobrevivência da humanidade, ao passo que a investigação nas indústrias de cosméticos responde a necessidades menos importantes. Continua no verso da folha, s.f.f. iii

4 Mas, no momento em que nós deixarmos de comprar os produtos de higiene e beleza experimentados em animais, as experiências em animais para encontrar a cura de doenças vão continuar a existir. Mas, mesmo se nós deixarmos de comprar os produtos de higiene e beleza experimentados em animais, as experiências em animais para encontrar a cura de doenças vão continuar a existir. Alguns médicos e cientistas defendem que o sofrimento dos animais é necessário para descobrir a cura de doenças, não obstante outros especialistas acharem que isso não é verdade. Alguns médicos e cientistas defendem que o sofrimento dos animais é necessário para descobrir a cura de doenças, na condição de outros especialistas acharem que isso não é verdade. Ainda que faça baixar a tensão arterial de seres humanos, esta substância, que se usa actualmente no tratamento de doenças do coração, fez subir a tensão arterial de cães usados como cobaias. Logo que faça baixar a tensão arterial de seres humanos, esta substância, que se usa actualmente no tratamento de doenças do coração, faz subir a tensão arterial de cães usados como cobaias. Apesar de estarmos longe de resolver o problema dos animais, o assunto preocupa cada vez mais pessoas. Por estarmos longe de resolver o problema dos animais, o assunto preocupa cada vez mais pessoas. A opinião pública mostra-se dividida, ao passo que o poder político tem controlado os tipos de experiências e as regras de manutenção dos animais em cativeiro. No momento em que opinião pública se mostra dividida, o poder político tem controlado os tipos de experiências e as regras de manutenção dos animais em cativeiro. Continua na página seguinte, s.f.f. iv

5 Os políticos da União Europeia consideram que é preciso usar animais para experimentar os novos medicamentos. Além disso, deve-se reduzir cada vez mais estas experiências. Os políticos da União Europeia consideram que é preciso usar animais para experimentar os novos medicamentos. Contudo, deve-se reduzir cada vez mais estas experiências. Como o poder político começou a intervir neste assunto, as soluções não são satisfatórias. Embora o poder político tenha começado a intervir neste assunto, as soluções não são satisfatórias. Muitos defensores dos direitos dos animais acreditam que, ainda que os animais soubessem falar sobre o seu sofrimento, os homens não os teriam ouvido! Muitos defensores dos direitos dos animais acreditam que, se os animais soubessem falar sobre o seu sofrimento, os homens não os teriam ouvido! Umas acham que o sofrimento dos animais é necessário para o progresso e para o bem-estar humano e outras pensam que nada justifica o sofrimento de um ser vivo. Umas acham que o sofrimento dos animais é necessário para o progresso e para o bem-estar humano, ao passo que outras pensam que nada justifica o sofrimento de um ser vivo. Nome do aluno Nº de código v

6 Transcrição do estímulo oral do teste de COT (nono ano e grupo de controlo) Experiências em Animais Em nome da investigação científica, milhares de animais, como ratinhos, coelhos, cães ou macacos, são sujeitos a uma vida de cobaias de laboratório, da qual não esperam outra recompensa senão o sofrimento e a morte. Embora eu não saiba se os alunos desta turma já pensaram sobre as experiências que se fazem em animais, este assunto é muito divulgado, principalmente por associações de defesa dos animais. Com o fim de garantir que os medicamentos que são aplicados aos seres humanos não têm efeitos nocivos e são, de facto, eficazes na cura de doenças, tem sido prática na indústria farmacêutica a testagem de produtos químicos em animais. Em muitos animais saudáveis, têm sido provocadas artificialmente doenças para se testar a eficácia dos produtos químicos de que são feitos os medicamentos. Embora tenham nascido saudáveis, os animais acabam muitas vezes por morrer com doenças, como o cancro, provocadas pelos homens. A descoberta das vacinas é um dos vários casos de experimentação em animais na história da Medicina. Muitas das vacinas que foram testadas primeiro em animais tornaram possível a sobrevivência humana em condições adversas várias, como durante epidemias de raiva, cólera, difteria... As vacinas são medicamentos que garantem a vida de seres humanos, embora a sua descoberta tivesse custado a vida de outros seres vivos. A investigação em Medicina tem sido fundamental para a sobrevivência da humanidade, enquanto que a investigação nas indústrias de cosméticos responde a necessidades menos importantes. A testagem de produtos químicos em animais também é praticada nas indústrias que fabricam cosméticos, perfumes, sabonetes e outros produtos associados à qualidade da vida humana moderna. Alguns dos testes mais comuns são o teste draize, para a irritação nos olhos, que é feito através da aplicação de pingos nos olhos de coelhos, causando muitas vezes ulcerações dolorosas; o teste de irritação dermal, que serve para verificar os efeitos de certas substâncias na pele tosada de animais, e o teste da dose letal, que consiste em obrigar os animais a ingerir substâncias, em doses controladas, até se conhecer qual é a dose que provoca a morte. Actualmente, muitas empresas de produtos de higiene e beleza já não praticam a testagem em animais, recorrendo a formas alternativas de verificação da segurança dos seus produtos ou utilizando ingredientes já testados. As associações de defesa dos animais divulgam listas de marcas comerciais que não testam os seus produtos em animais para que nós possamos comprar só os que não são fabricados com o sofrimento de seres vivos. Ainda assim, e mesmo que todos os consumidores deixem de comprar os produtos de indústrias que usam cobaias animais, as experiências em animais para o progresso da medicina vão continuar. A vivissecação é uma prática com centenas de anos na história da Ciência. Consiste na dissecação de seres vivos para se estudarem patologias e encontrar a cura de doenças, através vi

7 de práticas cirúrgicas. Alguns médicos e cientistas defendem que a descoberta da cura para várias doenças se deve à vivissecação, apesar de outros especialistas apresentarem argumentos para considerar tal prática pouco legítima. Por exemplo, as primeiras experiências de vivissecação com a digitalina mostraram que esta substância fazia subir a tensão arterial. Se bem que esta substância em cães faça subir a tensão arterial, provoca o efeito contrário em seres humanos, sendo hoje um dos principais componentes dos medicamentos de prevenção deste problema! Embora estejamos longe de resolver o problema dos animais, o assunto preocupa cada vez mais pessoas. Enquanto a opinião pública se mostra dividida, o poder político tem controlado os tipos de experiências e as regras da manutenção dos animais em cativeiro. Em Maio deste ano, o comissário europeu para a Investigação, Philippe Busquin, apresentou à União Europeia seis novos métodos para testes a medicamentos, alternativos às experiências em animais. Estes métodos foram desenvolvidos no âmbito do V Programa Quadro de Investigação da UE, que reúne equipas de peritos universitários e da indústria. Os novos métodos consistem na utilização de células sanguíneas do ser humano como biossensores, em vez de coelhos, e já são utilizados por mais de duzentos laboratórios por todo o mundo. Estes recursos poderão salvar, em média, duzentos mil coelhos por ano. Na opinião do comissário europeu, infelizmente, a utilização de animais para testar medicamentos é necessária para salvaguardar a saúde humana, embora possamos reduzir, substituir e aperfeiçoar os testes em animais. Ainda que o poder político tenha começado a intervir neste assunto, as soluções não são satisfatórias. Milhares de animais continuam sem o direito a uma vida com dignidade. Muitos defensores dos direitos dos animais acreditam que, mesmo se os animais soubessem falar sobre o seu sofrimento, os homens não os teriam ouvido! Para muitas pessoas, este problema não tem solução. Umas acham que o sofrimento dos animais é necessário para o progresso e para o bem-estar humano, outras pensam que nada justifica o sofrimento de um ser vivo. vii

8 Questionário do teste de COT (nono ano e grupo de controlo) QUESTIONÁRIO DE COMPREENSÃO ORAL (9º ano) Antes de começares, segue as seguintes instruções: 1 Faz uma leitura rápida de todo o enunciado do questionário; 2 Ouve uma primeira vez a gravação completa, com muita atenção, sem te preocupares em responder; 3 Quando ouvires a gravação pela segunda vez, deves assinalar a tua resposta nesta folha, sempre que houver uma pausa, que terá cerca de 15 segundos; 4 Assinala com uma cruz o quadrado que se encontra à frente da frase que tem um significado equivalente ao da frase que ouviste no texto, antes da pausa; 5 No final, vais ter oportunidade de completar as tuas respostas, com a audição da gravação pela terceira e última vez. Como eu não sei se os alunos desta turma já pensaram sobre algumas experiências que se fazem em animais, este assunto é muito divulgado, principalmente por associações de defesa dos animais. Apesar de eu não saber se os alunos desta turma já pensaram sobre algumas experiências que se fazem em animais, este assunto é muito divulgado, principalmente por associações de defesa dos animais. Mesmo tendo nascido saudáveis, os animais acabam muitas vezes por morrer com doenças, como o cancro, provocadas pelos homens. Já que tinham nascido saudáveis, os animais acabam muitas vezes por morrer com doenças, como o cancro, provocadas pelos homens. As vacinas são medicamentos que garantem a vida de seres humanos. Apesar disso, a sua descoberta custou a vida de outros seres vivos. As vacinas são medicamentos que garantem a vida de seres humanos. Nesse sentido, a sua descoberta custou a vida de outros seres vivos. A investigação em Medicina tem sido fundamental para a sobrevivência da humanidade, ao mesmo tempo que a investigação nas indústrias de cosméticos responde a necessidades menos importantes. A investigação em Medicina tem sido fundamental para a sobrevivência da humanidade, ao passo que a investigação nas indústrias de cosméticos responde a necessidades menos importantes. Continua no verso da folha, s.f.f. viii

9 Ainda assim, e no momento em que todos os consumidores deixarem de comprar os produtos de indústrias que usam cobaias animais, as experiências em animais para o progresso da medicina vão continuar. Ainda assim, e mesmo se todos os consumidores deixarem de comprar os produtos de indústrias que usam cobaias animais, as experiências em animais para o progresso da medicina vão continuar. Alguns médicos e cientistas defendem que a descoberta da cura para várias doenças se deve à vivissecação, não obstante outros especialistas apresentarem argumentos para considerar tal prática pouco legítima. Alguns médicos e cientistas defendem que a descoberta da cura para várias doenças se deve à vivissecação, na condição de outros especialistas apresentarem argumentos para considerar tal prática pouco legítima. Ainda que esta substância em cães faça subir a tensão arterial, provoca o efeito contrário em seres humanos, sendo hoje um dos principais componentes dos medicamentos de prevenção deste problema! Logo que esta substância em cães faça subir a tensão arterial, provoca o efeito contrário em seres humanos, sendo hoje um dos principais componentes dos medicamentos de prevenção deste problema! Apesar de estarmos longe de resolver o problema dos animais, o assunto preocupa cada vez mais pessoas. Por estarmos longe de resolver o problema dos animais, o assunto preocupa cada vez mais pessoas. A opinião pública mostra-se dividida, ao passo que o poder político tem controlado os tipos de experiências e as regras de manutenção dos animais em cativeiro. No momento em que opinião pública se mostra dividida, o poder político tem controlado os tipos de experiências e as regras de manutenção dos animais em cativeiro. Continua na página seguinte, s.f.f. ix

10 Na opinião do comissário europeu, infelizmente, a utilização de animais para testar medicamentos é necessária para salvaguardar a saúde humana. Além disso, podemos reduzir, substituir e aperfeiçoar os testes em animais. Na opinião do comissário europeu, infelizmente, a utilização de animais para testar medicamentos é necessária para salvaguardar a saúde humana. Contudo, podemos reduzir, substituir e aperfeiçoar os testes em animais. Como o poder político começou a intervir neste assunto, as soluções não são satisfatórias. Embora o poder político tenha começado a intervir neste assunto, as soluções não são satisfatórias. Muitos defensores dos direitos dos animais acreditam que, ainda que os animais soubessem falar sobre o seu sofrimento, os homens não os teriam ouvido! Muitos defensores dos direitos dos animais acreditam que, se os animais soubessem falar sobre o seu sofrimento, os homens não os teriam ouvido! Umas acham que o sofrimento dos animais é necessário para o progresso e para o bem-estar humano e outras pensam que nada justifica o sofrimento de um ser vivo. Umas acham que o sofrimento dos animais é necessário para o progresso e para o bem-estar humano, ao passo que outras pensam que nada justifica o sofrimento de um ser vivo. Nome do aluno Nº de código x

11 Documento 2 Teste de Produção de Texto (PT) Experiências em animais Como sabes, antes de nos serem vendidos, vários produtos de higiene e beleza são experimentados em animais, causando-lhes doenças e até a morte. As experiências em animais também servem para fabricar medicamentos, essenciais para o bem-estar dos homens. O sofrimento provocado nos animais é um assunto complicado e nem todas as pessoas partilham da mesma opinião, como podes ler a seguir... Eu acho que nunca se deve fazer mal aos animais, porque eles são seres vivos! Na minha opinião, as experiências em animais são importantes para o trabalho dos cientistas. Sem as experiências, não havia vacinas. Não concordo com experiências que provoquem sofrimento em animais, mas acho importante a descoberta da cura de doenças. Eu cá penso que não faz mal se os bichos sofrem. O que é importante é podermos comprar perfumes da moda! Escreve um texto em que defendas a tua opinião sobre este assunto: Antes de começares a escrever, organiza as tuas ideias; Não te esqueças de fazer uma introdução, apresentando aos teus leitores o assunto que vais tratar; Apresenta bons argumentos para defenderes o teu ponto de vista; No final do texto, tenta mostrar que tu é que tens razão; Escreve pelo menos 20 linhas. xi

12 (título do teu texto) Nome do aluno Nº de código xii

13 Documento 3 Teste de Produção Induzida de Frases (PIF) Teste de produção induzida de frases (quarto ano e sexto ano) Construção de Frases (4º ano e 6º ano) A. Constrói quatro frases, usando em cada uma as palavras que aparecem nos rectângulos. Segue o exemplo. Exemplo: embora Embora esteja a chover, vou para a praia. apesar de ainda que mesmo se mesmo que Nome do aluno Nº de código xiii

14 B. De acordo com o exemplo, une as frases que estão nos rectângulos, construindo uma só frase que comece pela palavra indicada em cada linha. Faz as alterações que forem necessárias à forma das palavras. Exemplo: Os super-heróis praticam boas acções. + Algumas pessoas não gostam de heróis. Embora os super-heróis pratiquem boas acções, algumas pessoas não gostam de heróis. 1. Vocês não acreditam. + Fadas e bruxas habitam a floresta. Embora 2. O Pedro estava com muita febre. + O pai levou o Pedro ao futebol. Apesar de 3. A cozinheira cozinha com muito açúcar. + O arroz-doce é sempre amargo. Ainda que 4. A tartaruga anda depressa. + As tartarugas nunca ganham as corridas. Mesmo se 5. A madrasta envenena a Branca de Neve. + As bruxas nunca são as mais belas. Mesmo que 6. O lobo usa a camisa de noite da avó. + O Capuchinho Vermelho descobre o lobo. Se bem que xiv

15 C. Repete o mesmo exercício. Repara que agora as palavras indicadas aparecem no meio das frases. Exemplo: Algumas pessoas não gostam de heróis. + Os super-heróis praticam boas acções. Algumas pessoas não gostam de heróis, embora os super-heróis pratiquem boas acções. 1. Fadas e bruxas habitam a floresta. + Vocês não acreditam. embora 2. O pai levou o Pedro ao futebol. + O Pedro estava com muita febre. apesar de 3. O arroz-doce é sempre amargo. + A cozinheira cozinha com muito açúcar. ainda que 4. As tartarugas nunca ganham as corridas. + A tartaruga anda depressa. mesmo se 5. As bruxas nunca são as mais belas. + A madrasta envenena a Branca de Neve. mesmo que 6. O Capuchinho Vermelho descobre o lobo. + O lobo usa a camisa de noite da avó. se bem que xv

16 Teste de produção induzida de frases (nono ano) Construção de Frases (9º ano) A. Constrói quatro frases, usando em cada uma as palavras que aparecem nos rectângulos. Segue o exemplo. Exemplo: embora Embora esteja a chover, vou para a praia. apesar de ainda que mesmo se mesmo que Nome do aluno Nº de código xvi

17 B. De acordo com o exemplo, une as frases que estão nos rectângulos, construindo uma só frase que comece pela palavra indicada em cada linha. Faz as alterações que forem necessárias à forma das palavras. Exemplo: Os super-heróis praticam boas acções. + Algumas pessoas não gostam de heróis. Embora os super-heróis pratiquem boas acções, algumas pessoas não gostam de heróis. 1. Vocês não acreditam. + Fadas e bruxas habitam a floresta. Embora 2. O Pedro estava com muita febre. + O pai levou o Pedro ao futebol. Apesar de 3. A cozinheira cozinha com muito açúcar. + O arroz-doce é sempre amargo. Ainda que 4. A tartaruga anda depressa. + As tartarugas nunca ganham as corridas. Mesmo se 5. A madrasta envenena a Branca de Neve. + As bruxas nunca são as mais belas. Mesmo que 6. O lobo usa a camisa de noite da avó. + O Capuchinho Vermelho descobre o lobo. Se bem que xvii

18 C. Repete o mesmo exercício. Repara que agora as palavras indicadas aparecem no meio das frases. Exemplo: Algumas pessoas não gostam de heróis. + Os super-heróis praticam boas acções. Algumas pessoas não gostam de heróis, embora os super-heróis pratiquem boas acções. 1. Fadas e bruxas habitam a floresta. + Vocês não acreditam. embora 2. O pai levou o Pedro ao futebol. + O Pedro estava com muita febre. apesar de 3. O arroz-doce é sempre amargo. + A cozinheira cozinha com muito açúcar. ainda que 4. As tartarugas nunca ganham as corridas. + A tartaruga anda depressa. mesmo se 5. As bruxas nunca são as mais belas. + A madrasta envenena a Branca de Neve. mesmo que 6. O Capuchinho Vermelho descobre o lobo. + O lobo usa a camisa de noite da avó. se bem que xviii

19 D. Rescreve as frases apresentadas, começando-as pela palavra indicada no início da linha e mantendo o seu significado. Faz as transformações necessárias, modificando formas verbais e/ou eliminando palavras. 1. Adoro todos os livros do Harry Potter, só que gosto mais de A Câmara dos Segredos. Embora 2. Não gosto de livros de aventuras, no entanto adorei todos os livros do Harry Potter. Ainda que 3. Não acredito no que me estás a dizer, mas continuo a ter confiança em ti. Apesar de 4. Se não puder comprar bilhetes neste cinema, mesmo assim vou ver o filme. Mesmo que 5. Se tivesse corrido para a estação, mesmo assim teria perdido o comboio. Mesmo se 6. A equipa de futebol joga muito bem, porém nunca ganha o campeonato. Se bem que xix

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BA) 70 minutos Prova de certificação de nível de proficiência linguística no âmbito do Quadro de Referência para o Ensino Português no Estrangeiro,

Leia mais

PORTUGUÊS 3 o BIMESTRE

PORTUGUÊS 3 o BIMESTRE AVALIAÇÃO DE CONTEÚDO DO GRUPO VII Unidade Portugal Série: 4 o ano (3 a série) Período: MANHÃ Data: 24/8/2011 PORTUGUÊS 3 o BIMESTRE Nome: Turma: Valor da prova: 3,0 Nota: Eixo temático Consciência e cidadania

Leia mais

Faculdade de Ciências Sociais e Humanas Universidade Nova de Lisboa

Faculdade de Ciências Sociais e Humanas Universidade Nova de Lisboa Este questionário contém perguntas sobre as tuas experiências e tipo de aprendizagem na disciplina de Ciências Naturais. Não há respostas correctas nem erradas, apenas as que correspondem à forma como

Leia mais

Caderno 1. Língua Portuguesa. Teste Intermédio de Língua Portuguesa. Caderno 1. Teste Intermédio. 2.º Ano de Escolaridade

Caderno 1. Língua Portuguesa. Teste Intermédio de Língua Portuguesa. Caderno 1. Teste Intermédio. 2.º Ano de Escolaridade Teste Intermédio de Língua Portuguesa Caderno 1 Teste Intermédio Língua Portuguesa 2.º Ano de Escolaridade Duração do Teste: 45 min (Caderno 1) + 30 min (pausa) + 45 min (Caderno 2) 31.05.2012 Nome do

Leia mais

Tudo tem um tempo. Uma hora para nascer e uma hora para morrer.

Tudo tem um tempo. Uma hora para nascer e uma hora para morrer. CAPITULO 3 Ele não é o Homem que eu pensei que era. Ele é como é. Não se julga um Homem pela sua aparência.. Tudo tem um tempo. Uma hora para nascer e uma hora para morrer. Eu costumava saber como encontrar

Leia mais

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BS) 70 minutos

Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BS) 70 minutos Ensino Português no Estrangeiro Nível A2 Prova B (13A2BS) 70 minutos Prova de certificação de nível de proficiência linguística no âmbito do Quadro de Referência para o Ensino Português no Estrangeiro,

Leia mais

Conhece os teus Direitos. A caminho da tua Casa de Acolhimento. Guia de Acolhimento para Jovens dos 12 aos 18 anos

Conhece os teus Direitos. A caminho da tua Casa de Acolhimento. Guia de Acolhimento para Jovens dos 12 aos 18 anos Conhece os teus Direitos A caminho da tua Casa de Acolhimento Guia de Acolhimento para Jovens dos 12 aos 18 anos Dados Pessoais Nome: Apelido: Morada: Localidade: Código Postal - Telefone: Telemóvel: E

Leia mais

10 segredos para falar inglês

10 segredos para falar inglês 10 segredos para falar inglês ÍNDICE PREFÁCIO 1. APENAS COMECE 2. ESQUEÇA O TEMPO 3. UM POUCO TODO DIA 4. NÃO PRECISA AMAR 5. NÃO EXISTE MÁGICA 6. TODO MUNDO COMEÇA DO ZERO 7. VIVA A LÍNGUA 8. NÃO TRADUZA

Leia mais

Sal, Pimenta, Alho e Noz Moscada.

Sal, Pimenta, Alho e Noz Moscada. Sal, Pimenta, Alho e Noz Moscada. Cláudia Barral (A sala é bastante comum, apenas um detalhe a difere de outras salas de apartamentos que se costuma ver ordinariamente: a presença de uma câmera de vídeo

Leia mais

O Conselho da Europa é uma organização internacional com 47 países membros. O seu trabalho afecta a vida de 150 milhões de crianças e jovens.

O Conselho da Europa é uma organização internacional com 47 países membros. O seu trabalho afecta a vida de 150 milhões de crianças e jovens. Os Serviços de Saúde Amigos das Crianças Crianças e Jovens: digam-nos o que pensam! O Conselho da Europa é uma organização internacional com 47 países membros. O seu trabalho afecta a vida de 150 milhões

Leia mais

Nº34B 28º Domingo do Tempo Comum-11.10.2015 Partilhar o que temos

Nº34B 28º Domingo do Tempo Comum-11.10.2015 Partilhar o que temos Nº34B 28º Domingo do Tempo Comum-11.10.2015 Partilhar o que temos Ouvimos hoje, no Evangelho, Jesus dizer É mais fácil passar um camelo por um buraco de uma agulha, que um rico entrar no Reino dos Céus.

Leia mais

A PREENCHER PELO ALUNO

A PREENCHER PELO ALUNO Prova Final do 1.º e do 2.º Ciclos do Ensino Básico PLNM (A2) Prova 43 63/2.ª Fase/2015 Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho A PREENCHER PELO ALUNO Nome completo Documento de identificação Assinatura

Leia mais

SIMULADO/AVALIAÇÃO CICLO DE ALFABETIZAÇÃO 3º ANO CADERNO DO ALUNO PRIMEIRO SEMESTRE 2012

SIMULADO/AVALIAÇÃO CICLO DE ALFABETIZAÇÃO 3º ANO CADERNO DO ALUNO PRIMEIRO SEMESTRE 2012 Escola Estadual Professor Manoel Machado Povoado da Serra Verde Virgínia MG CEP 37465-000 SIMULADO/AVALIAÇÃO CICLO DE ALFABETIZAÇÃO 3º ANO CADERNO DO ALUNO PRIMEIRO SEMESTRE 2012 ESCOLA: NOME: DATA DE

Leia mais

TempoLivre. Deixem brincar as crianças. Entrevista com a pedagoga Maria José Araújo. www.inatel.pt. N.º 235 Março 2012 Mensal 2,00

TempoLivre. Deixem brincar as crianças. Entrevista com a pedagoga Maria José Araújo. www.inatel.pt. N.º 235 Março 2012 Mensal 2,00 N.º 235 Março 2012 Mensal 2,00 TempoLivre www.inatel.pt Entrevista com a pedagoga Maria José Araújo Deixem brincar as crianças Destacável Viagens Primavera Verão 2012 Entrevista Maria José Araújo Pedagoga

Leia mais

Areias 19 de Janeiro de 2005. Querida Mãezita

Areias 19 de Janeiro de 2005. Querida Mãezita Areias 19 de Janeiro de 2005 Querida Mãezita Escrevo-te esta carta para te dizer o quanto gosto de ti. Sem ti, eu não teria nascido, sem ti eu não seria ninguém. Mãe, adoro- -te. Tu és muito importante

Leia mais

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS GEÓRGIA BALARDIN

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS GEÓRGIA BALARDIN CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS GEÓRGIA BALARDIN (depoimento) 2014 CEME-ESEF-UFRGS FICHA TÉCNICA Projeto: Garimpando

Leia mais

A Tua Frase Poderosa. Coaches Com Clientes: Carisma. Joana Areias e José Fonseca WWW.COACHESCOMCLIENTES.COM

A Tua Frase Poderosa. Coaches Com Clientes: Carisma. Joana Areias e José Fonseca WWW.COACHESCOMCLIENTES.COM A Tua Frase Poderosa Coaches Com Clientes: Carisma Joana Areias e José Fonseca WWW.COACHESCOMCLIENTES.COM Introdução Neste pequeno texto pretendo partilhar contigo onde os coaches falham ao apresentarem-se

Leia mais

Como criar um Utilizador no Windows

Como criar um Utilizador no Windows 2013-05-08 11:00:17 Olá, como estás? Hoje vamos falar de um assunto que te vai ajudar a organizar o teu computador, assim como o dos teus pais, se o utilizares para as tuas aventuras informáticas. Muitas

Leia mais

A classificação do teste deve respeitar integralmente os critérios gerais e os critérios específicos a seguir apresentados.

A classificação do teste deve respeitar integralmente os critérios gerais e os critérios específicos a seguir apresentados. Teste Intermédio de Língua Portuguesa Teste Intermédio Língua Portuguesa Duração do Teste: 45 min (Caderno 1) + 30 min (pausa) + 45 min (Caderno 2) 31.05.2012 2.º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 6/2001,

Leia mais

SOBRE ESTE LIVRO > SIGAM AS PISTAS...

SOBRE ESTE LIVRO > SIGAM AS PISTAS... As pistas e propostas de trabalho que se seguem são apenas isso mesmo: propostas e pistas, pontos de partida, sugestões, pontapés de saída... Não são lições nem fichas de trabalho, não procuram respostas

Leia mais

Centro Educacional Souza Amorim Jardim Escola Gente Sabida Sistema de Ensino PH Vila da Penha. Ensino Fundamental

Centro Educacional Souza Amorim Jardim Escola Gente Sabida Sistema de Ensino PH Vila da Penha. Ensino Fundamental Centro Educacional Souza Amorim Jardim Escola Gente Sabida Sistema de Ensino PH Vila da Penha Ensino Fundamental Turma: PROJETO INTERPRETA AÇÂO (INTERPRETAÇÃO) Nome do (a) Aluno (a): Professor (a): DISCIPLINA:

Leia mais

Eu sei o que quero! Eu compro o que quero!

Eu sei o que quero! Eu compro o que quero! Eu sei o que quero! Eu compro o que quero! As pessoas com dificuldades de aprendizagem têm o poder para escolher os seus serviços de apoio. Este folheto está escrito em linguagem fácil. O que é um consumidor?

Leia mais

Colégio SOTER - Caderno de Atividades - 6º Ano - Língua Portuguesa - 2º Bimestre

Colégio SOTER - Caderno de Atividades - 6º Ano - Língua Portuguesa - 2º Bimestre O CASO DA CALÇADA DO JASMIM UM CRIME? Terça-feira, seis de Maio. São catorze horas. A D. Odete não é vista no seu bairro desde hoje de manhã. As janelas da sua casa estão abertas, mas o correio de hoje

Leia mais

SCRIPTS para CONVIDAR

SCRIPTS para CONVIDAR SCRIPTS para CONVIDAR (só para TELEFONE ou CARA-a-CARA) Não usar o facebook ou email para convidar. Não funciona! Facebook e email são bons somente para re-ativar/ativar relacionamentos e obter o n.º telefone.

Leia mais

COLÉGIO SHALOM Ensino Fundamental 9º Ano Profº: Clécio Oliveira Língua 65 Portuguesa Aluno (a):. No.

COLÉGIO SHALOM Ensino Fundamental 9º Ano Profº: Clécio Oliveira Língua 65 Portuguesa Aluno (a):. No. COLÉGIO SHALOM Ensino Fundamental 9º Ano Profº: Clécio Oliveira Língua 65 Portuguesa Aluno (a):. No. Trabalho Avaliativo Valor: 30 % Nota: Minhas Férias Eu, minha mãe, meu pai, minha irmã (Su) e meu cachorro

Leia mais

OBSERVATÓRIO DE TRAJETOS DOS ESTUDANTES DO ENSINO SECUNDÁRIO (OTES) QUESTIONÁRIO À SAÍDA DO ENSINO SECUNDÁRIO

OBSERVATÓRIO DE TRAJETOS DOS ESTUDANTES DO ENSINO SECUNDÁRIO (OTES) QUESTIONÁRIO À SAÍDA DO ENSINO SECUNDÁRIO OBSERVATÓRIO DE TRAJETOS DOS ESTUDANTES DO ENSINO SECUNDÁRIO (OTES) QUESTIONÁRIO À SAÍDA DO ENSINO SECUNDÁRIO Olá, Agradecemos a tua colaboração na resposta a este questionário. O questionário é confidencial,

Leia mais

ESTUDO 1 - ESTE É JESUS

ESTUDO 1 - ESTE É JESUS 11. Já vimos que Jesus Cristo desceu do céu, habitou entre nós, sofreu, morreu, ressuscitou e foi para a presença de Deus. Leia João 17:13 e responda: Onde está Jesus Cristo agora? Lembremo-nos que: Jesus

Leia mais

1.000 Receitas e Dicas Para Facilitar a Sua Vida

1.000 Receitas e Dicas Para Facilitar a Sua Vida 1.000 Receitas e Dicas Para Facilitar a Sua Vida O Que Determina o Sucesso de Uma Dieta? Você vê o bolo acima e pensa: Nunca poderei comer um doce se estiver de dieta. Esse é o principal fator que levam

Leia mais

NÃO SE ENCONTRA O QUE SE PROCURA

NÃO SE ENCONTRA O QUE SE PROCURA NÃO SE ENCONTRA O QUE SE PROCURA Do Autor: ficção Não te deixarei morrer, David Crockett (Contos e Crónicas), 2001 Equador (Romance), 2003 Premio Grinzane Cavour Narrativa Straniera (Itália) Rio das Flores

Leia mais

1º Domingo de Julho Conexão Kids -05/07/2015

1º Domingo de Julho Conexão Kids -05/07/2015 1º Domingo de Julho Conexão Kids -05/07/2015 Sinalizar o Amor de Deus através da obediência e do respeito! Objetivo: Mostrar a importância de respeitar as regras e obedecer aos pais e responsáveis. Reforçar

Leia mais

O guia do elevator speech

O guia do elevator speech O guia do elevator speech por João Alexandre - Sexta-feira, Novembro 21, 2014 http://joaoalexandre.com/blog/guia-do-elevator-speech/ O guia do elevator speech para venderes a tua ideia num ápice O elevator

Leia mais

6 Estimular a Criatividade

6 Estimular a Criatividade OZARFAXINARS N.2 DEZEMBRO 2005 121 6 Estimular a Criatividade Como aspecto menos valorizado pela Escola, a criatividade pode estimular novas formas de o jovem se relacionar com o mundo, desenvolvendo atitudes

Leia mais

5 o ano Ensino Fundamental Data: / / Atividades Extraclasse Complementares de Língua Portuguesa Nome: SER FILHO É PADECER NO PURGATÓRIO

5 o ano Ensino Fundamental Data: / / Atividades Extraclasse Complementares de Língua Portuguesa Nome: SER FILHO É PADECER NO PURGATÓRIO 5 o ano Ensino Fundamental Data: / / Atividades Extraclasse Complementares de Língua Portuguesa Nome: Leia este texto com atenção: SER FILHO É PADECER NO PURGATÓRIO 1 Psssiu, psssiu. Eu? virou-se Juvenal

Leia mais

indivíduo se chamava Darwin e que ele foi odiado por seculares e comunistas. Os primeiros porque contrariava a teoria da criação divina, os segundos

indivíduo se chamava Darwin e que ele foi odiado por seculares e comunistas. Os primeiros porque contrariava a teoria da criação divina, os segundos O Burro e a Raposa Havia um tempo em que os animais falavam, mas numa língua que os humanos não entendiam. Dizem que ainda falam e que os homens ainda não aprenderam o bichonês. Se não os entendemos, a

Leia mais

A.C. Ilustrações jordana germano

A.C. Ilustrações jordana germano A.C. Ilustrações jordana germano 2013, O autor 2013, Instituto Elo Projeto gráfico, capa, ilustração e diagramação: Jordana Germano C736 Quero-porque-quero!! Autor: Alexandre Compart. Belo Horizonte: Instituto

Leia mais

Prova Final/Prova de Exame Nacional de Português Língua Não Materna (A2)

Prova Final/Prova de Exame Nacional de Português Língua Não Materna (A2) PROVA FINAL DO 2.º E do 3.º CICLO DO ENSINO BÁSICO E EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO PLNM (A2) Prova 63 93/2.ª Chamada/2012 PLNM (A2) Prova 739/2.ª Fase/2012 Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de janeiro,

Leia mais

Como Funciona e o Que Você Precisa Saber Para Entender o Fator da Perda de Peso? Capítulo 9: Mantendo Um Corpo Livre De Celulite Para o Resto Da Vida

Como Funciona e o Que Você Precisa Saber Para Entender o Fator da Perda de Peso? Capítulo 9: Mantendo Um Corpo Livre De Celulite Para o Resto Da Vida Aviso Legal Qualquer aplicação das recomendações apresentadas neste livro está a critério e único risco (do leitor). Qualquer pessoa com problemas médicos de qualquer natureza deve buscar e consultar um

Leia mais

Projeto. Pedagógico ÁGUIA SONHADORA

Projeto. Pedagógico ÁGUIA SONHADORA Projeto Pedagógico ÁGUIA SONHADORA 1 Projeto Pedagógico Por Beatriz Tavares de Souza* Apresentação O livro narra a história de uma águia inquieta para alçar o primeiro voo; ainda criança, sai pela floresta

Leia mais

Chantilly, 17 de outubro de 2020.

Chantilly, 17 de outubro de 2020. Chantilly, 17 de outubro de 2020. Capítulo 1. Há algo de errado acontecendo nos arredores dessa pequena cidade francesa. Avilly foi completamente afetada. É estranho descrever a situação, pois não encontro

Leia mais

Manifeste Seus Sonhos

Manifeste Seus Sonhos Manifeste Seus Sonhos Índice Introdução... 2 Isso Funciona?... 3 A Força do Pensamento Positivo... 4 A Lei da Atração... 7 Elimine a Negatividade... 11 Afirmações... 13 Manifeste Seus Sonhos Pág. 1 Introdução

Leia mais

EXPOSIÇÕES. PROGRAMAÇÃO GERAL Público Geral Setembro 2012 NOVAS EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS

EXPOSIÇÕES. PROGRAMAÇÃO GERAL Público Geral Setembro 2012 NOVAS EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS PROGRAMAÇÃO GERAL Público Geral Setembro 2012 EXPOSIÇÕES Exposições Permanentes Exposições Temporárias Vencer a Distância - Cinco Séculos de Comunicações em Portugal História dos Correios e Telecomunicações

Leia mais

Destralhar sem dramas

Destralhar sem dramas Destralhar sem dramas Mafalda Santos Zenida Olá! Sou a Mafalda, do blogue It's (not) so simple! Em primeiro lugar, obrigada pelo teu interesse no meu blogue e neste pequeno guia prático de como destralhar

Leia mais

Afonso levantou-se de um salto, correu para a casa de banho, abriu a tampa da sanita e vomitou mais uma vez. Posso ajudar? perguntou a Maria,

Afonso levantou-se de um salto, correu para a casa de banho, abriu a tampa da sanita e vomitou mais uma vez. Posso ajudar? perguntou a Maria, O Afonso levantou-se de um salto, correu para a casa de banho, abriu a tampa da sanita e vomitou mais uma vez. Posso ajudar? perguntou a Maria, preocupada, pois nunca tinha visto o primo assim tão mal

Leia mais

Programa de Português Nível A2 Ensino Português no Estrangeiro. Camões, Instituto da Cooperação e da Língua, IP

Programa de Português Nível A2 Ensino Português no Estrangeiro. Camões, Instituto da Cooperação e da Língua, IP Português A2 Programa de Português Nível A2 Ensino Português no Estrangeiro Camões, Instituto da Cooperação e da Língua, IP Direção de Serviços de Língua e Cultura Composição Gráfica: Centro Virtual Camões

Leia mais

ANEXOS 3º CICLO O OUTRO EM MIRA

ANEXOS 3º CICLO O OUTRO EM MIRA ANEXOS 3º CICLO O OUTRO O VALOR DE MAIS UM Anexo 01 Um pássaro perguntou a uma pomba quanto pesava um floco de neve. A pomba respondeu: Nada. Mesmo nada. Foi então que o pássaro contou esta história à

Leia mais

Toca a trocar as histórias de encantar

Toca a trocar as histórias de encantar Toca a trocar as histórias de encantar Autora: Teresa Adão Ilustrações: Manuela Câmara GUIÃO de LEITURA ORIENTADA Nome Ano Turma Antes de ler: Nome da obra Autor(a) Ilustração Editora Assim começa a história

Leia mais

Como Passar em Química Geral*

Como Passar em Química Geral* 1 Como Passar em Química Geral* por Dra. Brenna E. Lorenz Division of Natural Sciences University of Guam * traduzido livremente por: Eder João Lenardão; acesse o original em : http://www.heptune.com/passchem.html

Leia mais

1) Observe a fala do peru, no último quadrinho. a) Quantos verbos foram empregados nessa fala? Dois. b) Logo, quantas orações há nesse período? Duas.

1) Observe a fala do peru, no último quadrinho. a) Quantos verbos foram empregados nessa fala? Dois. b) Logo, quantas orações há nesse período? Duas. Pág. 41 1 e 2 1) Observe a fala do peru, no último quadrinho. a) Quantos verbos foram empregados nessa fala? Dois. b) Logo, quantas orações há nesse período? Duas. c) Delimite as orações. Foi o presente

Leia mais

Anexo A - A UTILIZAÇÃO DAS TIC PELOS ALUNOS (Questionário)

Anexo A - A UTILIZAÇÃO DAS TIC PELOS ALUNOS (Questionário) ANEXOS Anexo A - A UTILIZAÇÃO DAS TIC PELOS ALUNOS (Questionário) 153 A UTILIZAÇÃO DAS TIC PELOS ALUNOS (ESCOLA E.B. 2,3 DE SOURE 7.º Ano de Escolaridade) QUESTIONÁRIO A tua colaboração no preenchimento

Leia mais

Navegar NA NET SEM PROBLEMAS

Navegar NA NET SEM PROBLEMAS r Navegar NA NET a SEM PROBLEMAS rr r rrr r rr r REDES SOCIAIS Atualmente a Internet faz parte das nossas vidas e todos utilizamos ou conhecemos alguém que utiliza uma ou várias Redes Sociais, que são

Leia mais

O LIVRO SOLIDÁRIO. Texto: Letícia Soares Ilustração: Hildegardis Bunda Turma 9º A

O LIVRO SOLIDÁRIO. Texto: Letícia Soares Ilustração: Hildegardis Bunda Turma 9º A O LIVRO SOLIDÁRIO Texto: Letícia Soares Ilustração: Hildegardis Bunda Turma 9º A 1 Era uma vez um rapaz que se chamava Mau-Duar, que vivia com os pais numa aldeia isolada no Distrito de Viqueque, que fica

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA 7 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª SHEILA RODRIGUES PROF.ª SHIRLEY VASCONCELOS

LÍNGUA PORTUGUESA 7 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª SHEILA RODRIGUES PROF.ª SHIRLEY VASCONCELOS LÍNGUA PORTUGUESA 7 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª SHEILA RODRIGUES PROF.ª SHIRLEY VASCONCELOS CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade III Trabalho- A trajetória humana, suas produções e manifestações. 2 CONTEÚDOS

Leia mais

Unidade II Cultura: a pluralidade na expressão humana Aula 18.1 Conteúdo: Tempos verbais.

Unidade II Cultura: a pluralidade na expressão humana Aula 18.1 Conteúdo: Tempos verbais. 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Unidade II Cultura: a pluralidade na expressão humana Aula 18.1 Conteúdo: Tempos verbais. 3 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO

Leia mais

Como escrever para o seu. Site. e usar seu conhecimento como forma de conquistar e reter clientes. Blog do Advogado Moderno - PROMAD

Como escrever para o seu. Site. e usar seu conhecimento como forma de conquistar e reter clientes. Blog do Advogado Moderno - PROMAD o seu Site e usar seu conhecimento como forma de conquistar e reter clientes. Conteúdo Introdução Escrever bem é um misto entre arte e ciência Seus conhecimentos geram mais clientes Dicas práticas Faça

Leia mais

MANUAL DO JOVEM DEPUTADO

MANUAL DO JOVEM DEPUTADO MANUAL DO JOVEM DEPUTADO Edição 2014-2015 Este manual procura expor, de forma simplificada, as regras do programa Parlamento dos Jovens que estão detalhadas no Regimento. Se tiveres dúvidas ou quiseres

Leia mais

Quem é que tem os dentes mais afiados no império dos animais?

Quem é que tem os dentes mais afiados no império dos animais? Learning by Ear Aprender de Ouvido Conhecimento Geral 8 episódio Quem é que tem os dentes mais afiados no império dos animais? Texto: Leona Frommelt Redacção: Maja Dreyer Tradução: Maria Kremer ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos)

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos) I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. Hoje. domingo e o tempo. bom. Por isso nós. todos fora de casa.. a passear à beira-mar.. agradável passar um pouco de tempo

Leia mais

A ABDUZIDA. CELIORHEIS Página 1

A ABDUZIDA. CELIORHEIS Página 1 CELIORHEIS Página 1 A Abduzida um romance que pretende trazer algumas mensagens Mensagens estas que estarão ora explícitas ora implícitas, dependendo da ótica do leitor e do contexto em que ela se apresentar.

Leia mais

20 perguntas para descobrir como APRENDER MELHOR

20 perguntas para descobrir como APRENDER MELHOR 20 perguntas para descobrir como APRENDER MELHOR Resultados Processo de aprendizagem SENTIDOS (principal) Gosto de informações que eu posso verificar. Não há nada melhor para mim do que aprender junto

Leia mais

Vinho Novo Viver de Verdade

Vinho Novo Viver de Verdade Vinho Novo Viver de Verdade 1 - FILHOS DE DEUS - BR-LR5-11-00023 LUIZ CARLOS CARDOSO QUERO SUBIR AO MONTE DO SENHOR QUERO PERMANECER NO SANTO LUGAR QUERO LEVAR A ARCA DA ADORAÇÃO QUERO HABITAR NA CASA

Leia mais

Palavras do autor. Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura.

Palavras do autor. Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura. Palavras do autor Escrever para jovens é uma grande alegria e, por que não dizer, uma gostosa aventura. Durante três anos, tornei-me um leitor voraz de histórias juvenis da literatura nacional, mergulhei

Leia mais

CONQUISTAR A PROCRASTINAÇÃO

CONQUISTAR A PROCRASTINAÇÃO CONQUISTAR A PROCRASTINAÇÃO O que é a procrastinação? Sei que devia trabalhar, mas parece que nunca consigo começar! Que chatice! Quem me dera não ter de fazer este relatório idiota! Só mais um joguinho

Leia mais

1- Nem sempre os alunos da tua turma se portam bem na aula de Ciências da Natureza. Porque razão isso acontece?

1- Nem sempre os alunos da tua turma se portam bem na aula de Ciências da Natureza. Porque razão isso acontece? 1.7.2. Regra de reconhecimento e de realização Questionários aos alunos do 2º Ciclo do Ensino Básico (2001) QUESTIONÁRIO AOS ALUNOS Escola Ano Turma Sexo F M Data / / Este questionário tem por objectivo

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Mediunidade (Consciência, Desenvolvimento e Educação) Palestrante: Vania de Sá Earp Rio de Janeiro 16/06/2000 Organizadores da palestra:

Leia mais

20 perguntas para descobrir como APRENDER MELHOR

20 perguntas para descobrir como APRENDER MELHOR 20 perguntas para descobrir como APRENDER MELHOR Resultados Processo de aprendizagem EXPLORAÇÃO Busco entender como as coisas funcionam e descobrir as relações entre as mesmas. Essa busca por conexões

Leia mais

Santos Anjos, intercedam por nós e ajudai-nos a acolher em nosso coração a vontade de Deus.

Santos Anjos, intercedam por nós e ajudai-nos a acolher em nosso coração a vontade de Deus. Novena - final 4º DIA Com os anjos do Senhor Oração de fé contando com os Anjos do Senhor: Pai Bom e misericordioso, Vós que em muitas ocasiões vos valeis dos Santos Anjos para dar-nos a conhecer vossa

Leia mais

Entrevista 1.02 - Brenda

Entrevista 1.02 - Brenda Entrevista 1.02 - Brenda (Bloco A - Legitimação da entrevista onde se clarificam os objectivos do estudo, se contextualiza a realização do estudo e participação dos sujeitos e se obtém o seu consentimento)

Leia mais

Historinhas para ler durante a audiência dos pais. Pio Giovani Dresch

Historinhas para ler durante a audiência dos pais. Pio Giovani Dresch Historinhas para ler durante a audiência dos pais Pio Giovani Dresch Historinhas para ler durante a audiência dos pais Pio Giovani Dresch Ilustrações: Santiago Arte: www.espartadesign.com.br Contatos

Leia mais

Língua Portuguesa. Prova a de Aferição de. 1.º Ciclo do Ensino Básico. Prova de Aferição de Língua Portuguesa 1.º Ciclo do Ensino Básico

Língua Portuguesa. Prova a de Aferição de. 1.º Ciclo do Ensino Básico. Prova de Aferição de Língua Portuguesa 1.º Ciclo do Ensino Básico Prova de Aferição de Língua Portuguesa 1.º Ciclo do Ensino Básico A preencher pelo aluno 2007 Nome: A preencher pela U.A. N.º convencional do aluno: N.º convencional da escola: N.º convencional do aluno:

Leia mais

Inglesar.com.br Aprender Inglês Sem Estudar Gramática

Inglesar.com.br Aprender Inglês Sem Estudar Gramática 1 Sumário Introdução...04 O segredo Revelado...04 Outra maneira de estudar Inglês...05 Parte 1...06 Parte 2...07 Parte 3...08 Por que NÃO estudar Gramática...09 Aprender Gramática Aprender Inglês...09

Leia mais

3º Bimestre Preciosidades da vida AULA: 113 Conteúdos:

3º Bimestre Preciosidades da vida AULA: 113 Conteúdos: CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I 3º Bimestre Preciosidades da vida AULA: 113 Conteúdos: Tempo verbal: presente. Propriedade comutativa da multiplicação.

Leia mais

A Bíblia realmente afirma que Jesus

A Bíblia realmente afirma que Jesus 1 de 7 29/06/2015 11:32 esbocandoideias.com A Bíblia realmente afirma que Jesus Cristo é Deus? Presbítero André Sanchez Postado por em: #VocêPergunta Muitas pessoas se confundem a respeito de quem é Jesus

Leia mais

Índice. I. Vamos começar por estudar a bússola Página 7. II. E agora... vamos estudar ao ímanes Página 9

Índice. I. Vamos começar por estudar a bússola Página 7. II. E agora... vamos estudar ao ímanes Página 9 Índice Uma aventura no misterioso Mundo Magnético... página 3 Regras de segurança página 5 Um guia com Um pouco de Ciência pelo meio... página 6 I. Vamos começar por estudar a bússola Página 7 II. E agora...

Leia mais

Museu e Memória: os objectos contam a sua história Os objectos que encontras nos museus contam diversas histórias, sobre quem os fez, onde foram

Museu e Memória: os objectos contam a sua história Os objectos que encontras nos museus contam diversas histórias, sobre quem os fez, onde foram 4 Museu e Memória: os objectos contam a sua história Os objectos que encontras nos museus contam diversas histórias, sobre quem os fez, onde foram feitos e quando foram feitos. Queres saber algumas das

Leia mais

TUTORIAL Noções básicas de PowerPoint 2007

TUTORIAL Noções básicas de PowerPoint 2007 TUTORIAL Noções básicas de PowerPoint 2007 Elaborado por: Miguel Marques (Professor TIC) Introdução As apresentações em PowerPoint servem para apoiar uma apresentação oral dos teus trabalhos. Neste tutorial

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA INTERATIVIDADE FINAL DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES AULA. AULA: 23.1 Conteúdo: Texto dissertativo-argumentativo

LÍNGUA PORTUGUESA INTERATIVIDADE FINAL DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES AULA. AULA: 23.1 Conteúdo: Texto dissertativo-argumentativo : 23.1 Conteúdo: Texto dissertativo-argumentativo Habilidades: Perceber como se organizam os parágrafos de um texto dissertativo-argumentativo. Texto dissertativo O texto dissertativo é um tipo de texto

Leia mais

ALENCASTRO E PATRICIA CD: NOSSO ENCONTRO. 1 - Nosso encontro - Sérgio Lopes. 2- Família - Twila Paris Versão: Aline Barros e Ronaldo Barros

ALENCASTRO E PATRICIA CD: NOSSO ENCONTRO. 1 - Nosso encontro - Sérgio Lopes. 2- Família - Twila Paris Versão: Aline Barros e Ronaldo Barros ALENCASTRO E PATRICIA CD: NOSSO ENCONTRO 1 - Nosso encontro - Sérgio Lopes Me traz em tuas mãos o teu amor Eu trago em minhas mãos o meu amor E faz do teu abraço o meu abrigo Meu coração te ama e chama

Leia mais

Unidade Portugal. Ribeirão Preto, de de 2011. AVALIAÇÃO DO CONTEÚDO DO GRUPO V 2 o BIMESTRE. Um sapato em cada pé

Unidade Portugal. Ribeirão Preto, de de 2011. AVALIAÇÃO DO CONTEÚDO DO GRUPO V 2 o BIMESTRE. Um sapato em cada pé Unidade Portugal Ribeirão Preto, de de 2011. Nome: 3 o ano (2ª série) AVALIAÇÃO DO CONTEÚDO DO GRUPO V 2 o BIMESTRE Eixo temático Ações de cidadania Disciplina/Valor Português 4,0 Matemática 4,0 Hist./Geog.

Leia mais

GUIA PARA ESCREVER MELHOR. Saiba que erros evitar para ter um bom desempenho na prova de redação

GUIA PARA ESCREVER MELHOR. Saiba que erros evitar para ter um bom desempenho na prova de redação GUIA PARA ESCREVER MELHOR Saiba que erros evitar para ter um bom desempenho na prova de redação Í N D I C E Capítulo 1 Não exagere nos adjetivos Capítulo 2 Evite o queísmo Capítulo 3 Não seja intrometido(a)

Leia mais

5 Passos para vender mais com o Instagram

5 Passos para vender mais com o Instagram 5 Passos para vender mais com o Instagram Guia para iniciantes melhorarem suas estratégias ÍNDICE 1. Introdução 2. O Comportamento das pessoas na internet 3. Passo 1: Tenha um objetivo 4. Passo 2: Defina

Leia mais

O rei Davi e o seu palácio

O rei Davi e o seu palácio O rei Davi e o seu palácio 2 Sm 11:1-5 Estes versículos registram um terrível e assustador período na vida do rei Davi que poderia ter sido evitado, se o mesmo não escolhesse desprezar suas responsabilidades

Leia mais

Superando Seus Limites

Superando Seus Limites Superando Seus Limites Como Explorar seu Potencial para ter mais Resultados Minicurso Parte VI A fonte do sucesso ou fracasso: Valores e Crenças (continuação) Página 2 de 16 PARTE 5.2 Crenças e regras!

Leia mais

Dia do Publicitário 1. Desirée Jéssica dos SANTOS 2 Fábio Augusto da SILVA 3 Renata Aparecida FRIGERI 4 Faculdade Pitágoras, Londrina, PR

Dia do Publicitário 1. Desirée Jéssica dos SANTOS 2 Fábio Augusto da SILVA 3 Renata Aparecida FRIGERI 4 Faculdade Pitágoras, Londrina, PR Dia do Publicitário 1 Desirée Jéssica dos SANTOS 2 Fábio Augusto da SILVA 3 Renata Aparecida FRIGERI 4 Faculdade Pitágoras, Londrina, PR RESUMO Este paper tem como objetivo homenagear e valorizar o Profissional

Leia mais

Prefeitura Municipal de Venda Nova do Imigrante

Prefeitura Municipal de Venda Nova do Imigrante INTRODUÇÃO II - DO OBJETO E DESCRIÇÃO DOS PRODUTOS III - DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA IV - DAS CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO V - DO RECEBIMENTO DA DOCUMENTAÇÃO E DA PROPOST VI - ABERTURA DOS ENVELOPES VII - DA DOCUMENTAÇÃO

Leia mais

CAMINHOS. Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves

CAMINHOS. Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves CAMINHOS Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves Posso pensar nos meus planos Pros dias e anos que, enfim, Tenho que, neste mundo, Minha vida envolver Mas plenas paz não posso alcançar.

Leia mais

Caderno 1. 45 minutos. Prova de Aferição de Língua Portuguesa. 1.º Ciclo do Ensino Básico. prova de aferição do ensino básico.

Caderno 1. 45 minutos. Prova de Aferição de Língua Portuguesa. 1.º Ciclo do Ensino Básico. prova de aferição do ensino básico. prova de aferição do ensino básico 2011 A preencher pelo aluno Rubrica do Professor Aplicador Nome A preencher pelo agrupamento Número convencional do Aluno Número convencional do Aluno A preencher pela

Leia mais

Pão ázimo. Há uma diferença entre o dia de sábado de senhores, e o que representa uma santa convocação.

Pão ázimo. Há uma diferença entre o dia de sábado de senhores, e o que representa uma santa convocação. Pão ázimo Neste último e-mail que você me enviou, eu tenho certeza que você está tentando me explicar. Quando disseste, "Páscoa em si é um Sabbath, veja abaixo, é para ser comido com pão ÁZIMO e ervas

Leia mais

APOSTILA DE LÓGICA. # Proposições Logicamente Equivalentes. # Equivalências Básicas

APOSTILA DE LÓGICA. # Proposições Logicamente Equivalentes. # Equivalências Básicas INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CÂMPUS APODI Sítio Lagoa do Clementino, nº 999, RN 233, Km 2, Apodi/RN, 59700-971. Fone (084) 4005.0765 E-mail: gabin.ap@ifrn.edu.br

Leia mais

SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO

SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO ORIENTAÇÃO ESCOLAR E VOCACIONAL A conclusão do 9.º ano de escolaridade, reveste-se de muitas dúvidas e incertezas, nomeadamente na escolha de uma área de estudos ou num

Leia mais

OS MEMBROS DA MINHA FAMÍLIA

OS MEMBROS DA MINHA FAMÍLIA NOME OS MEMBROS DA MINHA FAMÍLIA ESTABELEÇO RELAÇÕES DE PARENTESCO : avós, pais, irmãos, tios, sobrinhos Quem pertence à nossa família? Observa as seguintes imagens. Como podes observar, nas imagens estão

Leia mais

É a pior forma de despotismo: Eu não te faço mal, mas, se quisesse, fazia

É a pior forma de despotismo: Eu não te faço mal, mas, se quisesse, fazia Entrevista a Carlos Amaral Dias É a pior forma de despotismo: Eu não te faço mal, mas, se quisesse, fazia Andreia Sanches 04/05/2014 O politicamente correcto implica pensar que a praxe é uma coisa horrível.

Leia mais

Juniores aluno 7. Querido aluno,

Juniores aluno 7. Querido aluno, Querido aluno, Por acaso você já se perguntou algumas destas questões: Por que lemos a Bíblia? Suas histórias são mesmo verdadeiras? Quem criou o mundo? E o homem? Quem é o Espírito Santo? Por que precisamos

Leia mais

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ

PROJETO PROFISSÕES. Entrevista com DJ Entrevista com DJ Meu nome é Raul Aguilera, minha profissão é disc-jóquei, ou DJ, como é mais conhecida. Quando comecei a tocar, em festinhas da escola e em casa, essas festas eram chamadas de "brincadeiras

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADE

RELATÓRIO DE ATIVIDADE RELATÓRIO DE ATIVIDADE A IMPORTÂNCIA DE CADA ALIMENTO Coordenador da atividade: Thaís Canto Cury Integrantes da equipe: Manha: Bianca Domingues, Fernando Peixoto e Juliana Ravelli Tarde: Thaís Cury, Thalita

Leia mais

Mudando a pergunta para entender o problema que está por trás do pedido do cliente

Mudando a pergunta para entender o problema que está por trás do pedido do cliente Mudando a pergunta para entender o problema que está por trás do pedido do cliente Fernando Del Vecchio Outubro 01, 2009 Tradução para português: Raquel Costa Pinto Esclarecimento: O presente diálogo é

Leia mais

MORAL: UMA BOA AÇÃO GANHA A OUTRA.

MORAL: UMA BOA AÇÃO GANHA A OUTRA. O LEÃO E O RATINHO UM LEÃO, CANSADO DE TANTO CAÇAR, DORMIA ESPICHADO DEBAIXO DA SOMBRA DE UMA BOA ÁRVORE. VIERAM UNS RATINHOS PASSEAR POR CIMA DELE E ELE ACORDOU. TODOS CONSEGUIRAM FUGIR, MENOS UM, QUE

Leia mais

Três Marias Teatro. Noite (Peça Curta) Autor: Harold Pinter

Três Marias Teatro. Noite (Peça Curta) Autor: Harold Pinter Distribuição digital, não-comercial. 1 Três Marias Teatro Noite (Peça Curta) Autor: Harold Pinter O uso comercial desta obra está sujeito a direitos autorais. Verifique com os detentores dos direitos da

Leia mais

O acesso a uma plataforma online "recheada" de propostas de atividades meticulosamente concebidas é uma outra das mais-valias deste projeto.

O acesso a uma plataforma online recheada de propostas de atividades meticulosamente concebidas é uma outra das mais-valias deste projeto. CARTAS Caros colegas, um professor não é apenas aquele que ensina, mas também o que se deixa aprender. E ainda há tanto para aprender... Com o NPP e metas curriculares, urge adquirirmos ferramentas para

Leia mais

Entrevista A2. 2. Que idade tinhas quando começaste a pertencer a esta associação? R.: 13, 14 anos.

Entrevista A2. 2. Que idade tinhas quando começaste a pertencer a esta associação? R.: 13, 14 anos. Entrevista A2 1. Onde iniciaste o teu percurso na vida associativa? R.: Em Viana, convidaram-me para fazer parte do grupo de teatro, faltava uma pessoa para integrar o elenco. Mas em que associação? Na

Leia mais