Coordenadora de Mobilidade Outgoing Prof. Cristina Firmino (Gab. 64, ESGHT - Faro

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Coordenadora de Mobilidade Outgoing Prof. Cristina Firmino (Gab. 64, ESGHT - Faro -cfirmino@ualg.pt)"

Transcrição

1 Informação sobre o Programa Erasmus Coordenadora de Mobilidade Outgoing Prof. Cristina Firmino (Gab. 64, ESGHT - Faro

2 Acrónimo do nome oficial em língua Inglesa: European Region Action Scheme for the Mobility of University Students Desiderius Erasmus Humanista e Filósofo Pai do Renascimento da Aprendizagem Criado em 1987, desde então, mais de 2,2 milhões de estudantes já participaram no Programa. Objetivos do Programa: Criação de um espaço Europeu de Ensino Superior Reforçar o contributo do ensino superior e do ensino profissional avançado para o processo de inovação

3 Princípios: A mobilidade tem a duração um semestre ou um ano letivo. A mobilidade de estudos realiza-se no segundo ou terceiro ano do curso, sendo que a candidatura é feita no ano letivo anterior. Os alunos do primeiro ano podem candidatar-se mas apenas condicionalmente. Terão, no final do ano letivo, que demonstrar que já concluíram os 60 ECTS necessários. A escolha da Universidade está condicionada à existência de um acordo bilateral entre as duas instituições. O estudante deve previamente estabelecer com a coordenação do Programa um acordo de estudos. Será enviada da Universidade estrangeira uma transcrição das notas obtidas. Terá o reconhecimento dos seus estudos. O estudante paga as suas propinas na universidade de origem e está isento do seu pagamento na universidade de acolhimento.

4 O Processo de Candidatura Uma Candidatura ao Programa Erasmus tem que conter : -formulário de candidatura (para a Coordenação do Programa na ESGHT e ficha de candidatura (para o Gabinete de Mobilidade) documentos disponíveis na intranet, na zona Mobilidade/Erasmus e mostrados no slide seguinte. - histórico académico (notas do(s) ano(s) anterior(es) e primeiro semestre do presente ano) pode ser uma impressão da página dos Serviços Académicos virtuais) - carta de motivação - cópia do BI/cartão de cidadão + NIF + NIB O processo COMPLETO deverá ser entregue sem falta até ao dia 28 de fevereiro de 2013 à coordenadora de mobilidade outgoing da ESGHT, Prof. Cristina Firmino, ou no Secretariado de cursos.

5

6 Que universidade escolher?

7 Os estudantes deverão consultar a lista de acordos bilaterais entre a UAlg e outras universidades europeias (disponíveis na intranet na zona Mobilidade/Erasmus) Os alunos de Gestão, Marketing e Assessoria de Administração deverão consultar as páginas web das Universidades com acordo para 04. Estudos Comerciais. Os alunos de Turismo, Informação Turística e Gestão Hoteleira deverão consultar as páginas web das Universidades com acordo para 04.4 Turismo.

8 Alemanha: 04. Estudos Comerciais: Technische Universität Dortmund, Dortmund Hochschule für Technik und Wirtschaft, Dresden 04.4 Turismo: Hochschule Heilbronn, Heilbronn

9 Áustria 04. Estudos Comerciais Fachhochschulstudiengänge Burgenland MBH, Eisenstadt 04.4 Turismo International College of Tourism and Management ITM, Semmering

10 O4.4 Turismo University College Zealand Dinamarca 04. Estudos Comerciais Sydansk Universitet, Odense

11 Espanha: 04. Estudos Comerciais: Universidad del Pais Vasco, Bilbao Universidad de Deusto, Bilbao Universidad de Cádiz, Cádiz Universidad de Huelva, Huelva Universidad de Jaén, Jaén Universidad Rey Juan Carlos, Madrid Universidad Politécnica de Cartagena, Cartagena Universitat de les Illes Balears, Palma da Mallorca Universidade de Vigo, Orense 04.4 Turismo: Universitat Autonoma de Barcelona, Barcelona Universidad de Cádiz, Cádiz Universidad de Córdoba, Córdoba Universidad de Granada, Granada Universidad de Jaén, Jaén Universidad Complutense de Madrid, Madrid Universidad Politécnica de Cartagena, Cartagena Universidade de Vigo, Orense

12 Finlândia 04.4 Turismo Haaga Helia University of Applied Sciences, Helsinki

13 França 04. Estudos Comerciais Université de Provence, Aix-en-Provence 04.4 Turismo Université de Savoie, Chambery

14 Grécia 04.4 Turismo A.T.E.I. of Thessaloniki, Thessaloniki

15 Holanda 04.4 Turismo NHTV Breda University of Applied Sciences, Breda

16 Itália 04. Estudos Comerciais Universitá de Bologna, Bolonha

17 04. Estudos Comerciais: Polónia Bronislaw Markiewicz State School in Jarloslaw, Jaroslaw Opole University of Technology, Opole Akademia Ekonomicza w Poznaniu, Poznan Poznanska Wyzsza Szkola Biznesu, Poznan University of Szczecin, Szczecin Panstwowa Wyzsza Szkola Zawodowa im. Witelona 04.4 Turismo: Bronislaw Markiewicz State School in Jarloslaw, Jaroslaw Podhalanska Panstwowa Wyzsza Szkola Zawodowa, Nowy Targ Warsaw University of Life Sciences, Varsóvia

18 04.4 Turismo: Reino Unido Bournemouth University, Bournemouth University of Greenwich, Londres

19 República Checa 04. Estudos Comerciais: Tomas Bata University, Zlín

20 04. Estudos Comerciais: Roménia: Aurel Vlaicu University from Arad Roménia Universitatea AL.I.Cuza, Iasi, Roménia

21 Suécia: 04.4 Turismo: Hogskolan Dalarna, Falun - Suécia Hogskolan I Kalmar, Kalmar Suécia

22 Turquia: 04.4 Turismo: Akdeniz Universitesi, Antalya Mugla University, Mugla

23 Após o término do prazo de candidaturas (28 de fevereiro de 2013!!) a coordenação do programa fará a seriação dos candidatos. Será feita uma média das notas dos candidatos. (Atenção que vale como 0 uma disciplina a que já tenha estado inscrito mas não tenha aprovado!) Essa seriação será utilizada de imediato para colocar os candidatos nas vagas disponíveis (e mais tarde, pelo Gabinete de Mobilidade para a atribuição das bolsas). Convém utilizarem todas as opções disponíveis no formulário de candidatura (6 opções, por ordem de preferência). Os candidatos serão informados da seriação e atribuição das vagas no prazo de apenas alguns dias após o término das candidaturas. Deverão informar de imediato a coordenação do programa se aceitam ou não a vaga que vos foi atribuída.

24 Cerca de 3/4 meses antes da partida, o aluno deverá começar a tratar do seu processo como aluno Erasmus. O aluno deverá pesquisar no site da instituição anfitriã qual é o prazo para as candidaturas enquanto aluno Erasmus. O aluno deverá pesquisar no site da Universidade estrangeira o curso que vai frequentar e que disciplinas poder fazer que sejam mais próximas das disciplinas que iria fazer na ESGHT.

25 O estudante Erasmus precisa de 30 créditos (um semestre) / 60 créditos ( um ano letivo), ou o número de créditos a que se inscrever na ESGHT, independentemente do número de disciplinas aprovadas. O aluno decide, em conjunto com a coordenação do programa, quais as opções mais pertinentes de entre as cadeiras disponíveis na instituição anfitriã. A seleção das cadeiras é devidamente registada num Acordo de Estudos (Learning Agreement) detalhado que será assinado pelo aluno e pelos coordenadores de ambas as instituições.

26 O Learning Agreement Acordo de Estudos

27 O aluno Erasmus tem que estar devidamente matriculado nas cadeiras definidas no plano de estudo do curso da ESGHT referente ao período de estudos que vai fazer no estrangeiro. Antes de partir, o aluno tem que dirigir-se ao Gabinete de Mobilidade, em Gambelas, e não pode partir, nem receber bolsa, sem tratar de toda a documentação necessária. Também antes de partir, o aluno deverá deixar a algum colega ou familiar uma procuração dando poderes para poderem ser tratados quaisquer assuntos relacionados com os Serviços Académicos da Universidade do Algarve (modelo em anexo), tal como fotocópia do BI ou Cartão de Cidadão.

28 Durante a primeira semana de aulas no estrangeiro, o aluno deve confirmar a viabilidade das suas opções. Caso necessite de fazer alguma alteração, deve comunicá-la rapidamente, com a devida justificação, à coordenação dos dois países e, se tiver parecer positivo, então proceder ao preenchimento do documento Alterações ao Acordo de Estudos, que fica anexado ao Acordo de Estudos. O aluno não deverá regressar sem solicitar na Universidade anfitriã um certificado de estadia. Uma vez acabado o período de estudos, e depois de a ESGHT receber a informação oficial sobre as notas obtidas, será formulado um plano de equivalências.

29 A equivalência ao plano de estudos completo não é garantida se: a) o aluno não tiver plano de estudos; b) o aluno não tiver obtido aproveitamento às disciplinas acordadas no Acordo de Estudos (mas pode ser concedida equivalência a parte das disciplinas, ou seja dependente do número de ECTS); c) o aluno mudar as disciplinas acordadas (no Acordo de Estudos) sem parecer positivo da Coordenação do Programa: d) se o aluno não permanecer na instituição anfitriã durante a totalidade do período de estudos. Se alguma destas situações acontecer, é possível que tenha que fazer exames em Portugal, ou poderá mesmo ficar com as disciplinas em atraso. nota: não é garantida a equivalência às disciplinas de Direito Fiscal e Contabilidade Analítica do curso de Gestão.

30

31

32

Sessão de Esclarecimento sobre o Programa Erasmus 2015-16

Sessão de Esclarecimento sobre o Programa Erasmus 2015-16 Sessão de Esclarecimento sobre o Programa Erasmus 015-16 Coordenadora de Mobilidade Outgoing Profª Cristina Firmino (Gab. 64, ESGHT - Faro -cfirmino@ualg.pt) Acrónimo do nome oficial em língua Inglesa:

Leia mais

Guia do Estudante Erasmus - Período de Estudos

Guia do Estudante Erasmus - Período de Estudos ESTE ANO VOU CONHECER NOVAS PESSOAS ESTE ANO VOU ALARGAR CONHECIMENTOS ESTE ANO VOU FALAR OUTRA LÍNGUA ESTE ANO VOU ADQUIRIR NOVAS COMPETÊNCIAS ESTE ANO VOU VIAJAR ESTE ANO VOU SER ERASMUS Guia do Estudante

Leia mais

GUIA do ESTUDANTE ERASMUS+ 2015-2016

GUIA do ESTUDANTE ERASMUS+ 2015-2016 GUIA do ESTUDANTE ERASMUS+ 2015-2016 Esclarecimentos de dúvidas/informações adicionais: Carolina Peralta/Isabel Silva Gabinete de Relações Internacionais - GRI Rua de Santa Marta, 47, 1º Piso sala 112-1169-023

Leia mais

Programa Erasmus+ Sessão de Apresentação

Programa Erasmus+ Sessão de Apresentação Sessão de Apresentação Pedro Cabral pcabral@novaims.unl.pt Ana Sousa erasmus@novaims.unl.pt 26 de março 2015 Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação Universidade Nova de Lisboa Sessão

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM Dr. José Timóteo Montalvão Machado. Programa ERASMUS+ Acção-chave 1 Mobilidade para aprendizagem

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM Dr. José Timóteo Montalvão Machado. Programa ERASMUS+ Acção-chave 1 Mobilidade para aprendizagem ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM Dr. José Timóteo Montalvão Machado Programa ERASMUS+ Acção-chave 1 Mobilidade para aprendizagem GUIA DE CANDIDATURA PARA MOBILIDADE DE ESTUDANTES PARA ESTÁGIOS ERASMUS+ (SMP)

Leia mais

Mobilidade de Estudantes Sessão de Esclarecimento 2015/2016 janeiro 2015 Núcleo de Relações Internacionais do ISEL

Mobilidade de Estudantes Sessão de Esclarecimento 2015/2016 janeiro 2015 Núcleo de Relações Internacionais do ISEL Changing lives. Opening minds. Mobilidade de Estudantes Sessão de Esclarecimento 2015/2016 janeiro 2015 Núcleo de Relações Internacionais do ISEL ERASMUS + Uma porta aberta para a Europa : O novo programa

Leia mais

INSTITUTO CIÊNCIAS DA SAÚDE DA UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA

INSTITUTO CIÊNCIAS DA SAÚDE DA UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA INSTITUTO CIÊNCIAS DA SAÚDE DA UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Mobilidade Internacional para Estudos REGULAMENTO CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º (Objeto) O presente regulamento rege a mobilidade

Leia mais

ESCOLA DAS ARTES PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO

ESCOLA DAS ARTES PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO ESCOLA DAS ARTES PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º (Objeto) O presente regulamento rege a mobilidade internacional para estágio dos estudantes de Licenciatura

Leia mais

Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa

Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa MOBILIDADE INTERNACIONAL PARA ESTUDOS REGULAMENTO CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º (Objeto) O presente regulamento rege a mobilidade internacional

Leia mais

FACULDADE DE EDUCAÇÃO E PSICOLOGIA

FACULDADE DE EDUCAÇÃO E PSICOLOGIA FACULDADE DE EDUCAÇÃO E PSICOLOGIA MOBILIDADE INTERNACIONAL PARA ESTUDOS REGULAMENTO CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º (Objeto) O presente regulamento rege a mobilidade internacional para estudos

Leia mais

GUIA DE CANDIDATURA ESTÁGIO ERASMUS - ERASMUS PLACEMENTS (SMP)

GUIA DE CANDIDATURA ESTÁGIO ERASMUS - ERASMUS PLACEMENTS (SMP) GUIA DE CANDIDATURA ESTÁGIO ERASMUS - ERASMUS PLACEMENTS (SMP) INFORMAÇÃO GERAL 1. O que é um estágio Erasmus? O Estágio Erasmus é uma parte da sua formação académica (curricular ou extracurricular) efectuada

Leia mais

PROGRAMAS DE MOBILIDADE INTERNACIONAL

PROGRAMAS DE MOBILIDADE INTERNACIONAL PROGRAMAS DE MOBILIDADE INTERNACIONAL 1) Se eu pretender realizar mobilidade apenas no 2º semestre do próximo ano académico, quando é que devo apresentar a candidatura? 2) Quando é que devo efectuar o

Leia mais

Programa ERASMUS. Mobilidade de Estudantes para Estudos - (Students Mobility for Study -SMS) GUIA ERASMUS PERGUNTAS E RESPOSTAS PRÉ-CANDIDATURA

Programa ERASMUS. Mobilidade de Estudantes para Estudos - (Students Mobility for Study -SMS) GUIA ERASMUS PERGUNTAS E RESPOSTAS PRÉ-CANDIDATURA Programa ERASMUS Mobilidade de Estudantes para Estudos - (Students Mobility for Study -SMS) GUIA ERASMUS PERGUNTAS E RESPOSTAS PRÉ-CANDIDATURA 1. Quem se pode candidatar à mobilidade Erasmus para estudos?

Leia mais

da Universidade Católica Portuguesa

da Universidade Católica Portuguesa Escola do Porto da Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa MOBILIDADE INTERNACIONAL PARA ESTUDOS REGULAMENTO Aprovado no Conselho Científico de 2 de julho de 2014 CAPÍTULO I Disposições

Leia mais

GPRI GABINETE DE PROGRAMAS E RELAÇÕES INTERNACIONAIS

GPRI GABINETE DE PROGRAMAS E RELAÇÕES INTERNACIONAIS GPRI GABINETE DE PROGRAMAS E RELAÇÕES INTERNACIONAIS GUIA DE CANDIDATURA PARA ENSINO E ESTÁGIOS ERASMUS+ Conteúdos I Mobilidade Erasmus+ ENSINO II Candidatura à Mobilidade de Ensino ERASMUS + III Outras

Leia mais

GUIA DE CANDIDATURA PARA. ESTÁGIOS ERASMUS - ERASMUS PLACEMENTS (SMp)

GUIA DE CANDIDATURA PARA. ESTÁGIOS ERASMUS - ERASMUS PLACEMENTS (SMp) GUIA DE CANDIDATURA PARA ESTÁGIOS ERASMUS - ERASMUS PLACEMENTS (SMp) INTRODUÇÃO 1. O que é um estágio Erasmus? O Estágio Erasmus é uma parte da sua formação académica (curricular ou extra-curricular) efectuada

Leia mais

Universidade de Coimbra Faculdade de Medicina Relações Internacionais 2014-2015

Universidade de Coimbra Faculdade de Medicina Relações Internacionais 2014-2015 Universidade de Coimbra Faculdade de Medicina 2014-2015 1. Programas de Mobilidade: - ERASMUS+ (SMS e SMP) - Almeida Garrett (a nível nacional e durante 1 semestre) - Brasil (só 6º Ano) - Outras mobilidades

Leia mais

da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO

da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO Escola do Porto da Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º (Objeto) O presente regulamento rege a mobilidade

Leia mais

Sessão Esclarecimento ERASMUS

Sessão Esclarecimento ERASMUS Sessão Esclarecimento ERASMUS 2014/2015 07/03/2014 O Erasmus Estudos (SMS) - podem fazer disciplinas e o trabalho/projeto para a tese; O Erasmus Estágio (SMP) - não podem fazer disciplinas, mas podem fazer

Leia mais

INSTITUTO POLITÉCNICO DE PORTALEGRE PROGRAMA SECTORIAL ERASMUS REGULAMENTO DE MOBILIDADE

INSTITUTO POLITÉCNICO DE PORTALEGRE PROGRAMA SECTORIAL ERASMUS REGULAMENTO DE MOBILIDADE INSTITUTO POLITÉCNICO DE PORTALEGRE PROGRAMA SECTORIAL ERASMUS REGULAMENTO DE MOBILIDADE 1. Introdução O presente documento visa regulamentar as condições a que deve obedecer a mobilidade de estudantes,

Leia mais

E R A S M U S Guia do Estudante ERASMUS. Faculdade de Farmácia Universidade de Lisboa. Guia do Estudante

E R A S M U S Guia do Estudante ERASMUS. Faculdade de Farmácia Universidade de Lisboa. Guia do Estudante ERASMUS Faculdade de Farmácia Universidade de Lisboa Guia do Estudante Normas Gerais A mobilidade de estudantes, uma das acções mais frequentes do Programa, inclui duas vertentes de actividade: realização

Leia mais

Instituto Politécnico de Santarém. Escola Superior de Gestão MANUAL DO ESTUDANTE SÓCRATES/ERASMUS

Instituto Politécnico de Santarém. Escola Superior de Gestão MANUAL DO ESTUDANTE SÓCRATES/ERASMUS Instituto Politécnico de Santarém Escola Superior de Gestão MANUAL DO ESTUDANTE SÓCRATES/ERASMUS Conselho Directivo INDICE 1. Introdução 2. Programa Sócrates/Erasmus 2.1 Enquadramento Geral 2.2 Quem pode

Leia mais

Mobilidade Estudantil:

Mobilidade Estudantil: Mobilidade Estudantil: 1. Programa Erasmus: Alunos de Economia, Finanças, Gestão e MAEG 2. Protocolo Brasil e China: Alunos de Economia, Finanças, Gestão e MAEG 2 Protocolo Brasil e China As regras a aplicar

Leia mais

Programa ERASMUS. Mobilidade de Estudantes para Estudos - (Students Mobility for Study -SMS) GUIA ERASMUS PERGUNTAS E RESPOSTAS PRÉ-CANDIDATURA

Programa ERASMUS. Mobilidade de Estudantes para Estudos - (Students Mobility for Study -SMS) GUIA ERASMUS PERGUNTAS E RESPOSTAS PRÉ-CANDIDATURA Programa ERASMUS Mobilidade de Estudantes para Estudos - (Students Mobility for Study -SMS) GUIA ERASMUS PERGUNTAS E RESPOSTAS PRÉ-CANDIDATURA 1. Quem se pode candidatar à mobilidade Erasmus para estudos?

Leia mais

Programa ERASMUS. Mobilidade de Estudantes para Estudos - (Students Mobility for Study -SMS) GUIA ERASMUS PERGUNTAS E RESPOSTAS

Programa ERASMUS. Mobilidade de Estudantes para Estudos - (Students Mobility for Study -SMS) GUIA ERASMUS PERGUNTAS E RESPOSTAS Programa ERASMUS Mobilidade de Estudantes para Estudos - (Students Mobility for Study -SMS) GUIA ERASMUS PERGUNTAS E RESPOSTAS FORMALIZAÇÃO DA CANDIDATURA 1. Quais são os prazos para formalizar a candidatura?

Leia mais

Programa ERASMUS+ Regulamento UBI

Programa ERASMUS+ Regulamento UBI Programa ERASMUS+ Regulamento UBI 1. Critérios de elegibilidade dos estudantes ERASMUS+ O (a) estudante deverá preencher todos os requisitos enunciados nas Normas para a Gestão das Subvenções Erasmus 2014/2015,

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR Departamento de Psicopedagogia e Orientação Vocacional ACESSO AO ENSINO SUPERIOR Serviços de Psicologia e Orientação Escola Secundária Francisco Rodrigues Lobo A psicóloga: Paula Jerónimo (paula.jeronimo@colegio-j-barros.com)

Leia mais

Regulamento Erasmus 2011/2012

Regulamento Erasmus 2011/2012 1. Preâmbulo O Programa Erasmus tem como objetivo geral apoiar a criação de um Espaço Europeu de Ensino Superior e reforçar o contributo do ensino superior para, entre outros, o processo de inovação a

Leia mais

GUIA DE CANDIDATURA PARA A ACTIVIDADE DE MOBILIDADE DE ESTUDANTES PARA REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL ERASMUS - ERASMUS PLACEMENTS (SMp)

GUIA DE CANDIDATURA PARA A ACTIVIDADE DE MOBILIDADE DE ESTUDANTES PARA REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL ERASMUS - ERASMUS PLACEMENTS (SMp) GUIA DE CANDIDATURA PARA A ACTIVIDADE DE MOBILIDADE DE ESTUDANTES PARA REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL ERASMUS - ERASMUS PLACEMENTS (SMp) I INFORMAÇÃO GERAL LLP/ERASMUS Placements A Universidade de

Leia mais

REGULAMENTO ACADÉMICO. VI. Mobilidade internacional REG-001/V00

REGULAMENTO ACADÉMICO. VI. Mobilidade internacional REG-001/V00 Mobilidade de Estudos 1. Objeto O presente Regulamento define as regras de Mobilidade de Estudantes ao abrigo dos Programas Garcilaso (Laureate International Universities) e de Aprendizagem ao Longo da

Leia mais

FAQ S ESTUDOS ERASMUS

FAQ S ESTUDOS ERASMUS FAQ S ESTUDOS ERASMUS 1. Quem se pode candidatar? Podem-se candidatar ao programa Erasmus todos os estudantes cidadãos, ou com estatuto de residente permanente de um dos 27 países da União Europeia, e

Leia mais

E R A S M U S + ERASMUS+ Faculdade de Farmácia Universidade de Lisboa. Apresentação

E R A S M U S + ERASMUS+ Faculdade de Farmácia Universidade de Lisboa. Apresentação ERASMUS+ Faculdade de Farmácia Universidade de Lisboa Apresentação ERASMUS+ - Ensino Superior O Erasmus+ é o novo programa da UE dedicado à educação, formação, juventude e desporto. O programa tem início

Leia mais

GABINETE DO REITOR COORDENAÇÃO DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS

GABINETE DO REITOR COORDENAÇÃO DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS GABINETE DO REITOR COORDENAÇÃO DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS PROGRAMA DE GRADUAÇÃO / DOUTORADO SANDUÍCHE / PÓS-DOUTORADO / PESSOAL ACADEMICO E ADMINISTRATIVO PROGRAMA ERASMUS MUNDUS EBW+ Edital de Seleção

Leia mais

Bergen Arkitekt Skole Noruega http://www.bas.org Esta Universidade recomenda aos alunos candidatos o domínio de inglês - nível B1

Bergen Arkitekt Skole Noruega http://www.bas.org Esta Universidade recomenda aos alunos candidatos o domínio de inglês - nível B1 MESTRADO INTEGRADO EM ARQUITETURA. Aalto University Finlândia http://architecture.aalto.fi/en Esta Universidade recomenda aos alunos candidatos o domínio de inglês - nível B2/C1 Bergen Arkitekt Skole Noruega

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR DE SAÚDE DO ALTO AVE Regulamento de Mobilidade Internacional

INSTITUTO SUPERIOR DE SAÚDE DO ALTO AVE Regulamento de Mobilidade Internacional INSTITUTO SUPERIOR DE SAÚDE DO ALTO AVE Regulamento de Mobilidade Internacional Programa ERASMUS - Outgoing Artigo 1º Objecto O presente Regulamento rege a mobilidade de estudantes, docentes e colaboradores

Leia mais

Áustria, Dinamarca, Finlândia, França, Irlanda, Itália, Liechtenstein, Noruega, Suécia, Reino Unido

Áustria, Dinamarca, Finlândia, França, Irlanda, Itália, Liechtenstein, Noruega, Suécia, Reino Unido PROGRAMA ERASMUS+ AÇÃO 1 MOBILIDADE INDIVIDUAL PARA FINS DE APRENDIZAGEM ENSINO SUPERIOR 2015 TABELA DE BOLSAS DE MOBILIDADE ESTUDANTES PARA ESTUDOS E ESTÁGIOS TABELA 1 De Portugal Continental para: Valor

Leia mais

Bergen Arkitekt Skole Noruega http://www.bas.org Esta Universidade recomenda aos alunos candidatos o domínio de inglês - nível B1

Bergen Arkitekt Skole Noruega http://www.bas.org Esta Universidade recomenda aos alunos candidatos o domínio de inglês - nível B1 MESTRADO INTEGRADO EM ARQUITETURA. Aalto University Finlândia http://architecture.aalto.fi/en Esta Universidade recomenda aos alunos candidatos o domínio de inglês - nível B2/C1 Bergen Arkitekt Skole Noruega

Leia mais

EDITAL 001/2014 CONVÊNIO DE APOIO AO PROGRAMA DE BOLSAS IBERO-AMERICANAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO SANTANDER UNIVERSIDADES

EDITAL 001/2014 CONVÊNIO DE APOIO AO PROGRAMA DE BOLSAS IBERO-AMERICANAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO SANTANDER UNIVERSIDADES EDITAL 001/2014 CONVÊNIO DE APOIO AO PROGRAMA DE BOLSAS IBERO-AMERICANAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO SANTANDER UNIVERSIDADES A Reitora da Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (), objetivando

Leia mais

normas de carácter geral programa ERASMUS na vertente estudos

normas de carácter geral programa ERASMUS na vertente estudos programa ERASMUS+ 2016 2017 FACULDADE DE BELAS-ARTES UNIVERSIDADE DE LISBOA guia informativo do programa erasmus estudos o que é o programa ERASMUS +? O programa ERASMUS+, com início em Janeiro de 2014,

Leia mais

UNIVERSIDAD CATÓLICA DE CÓRDOBA (http://www.ucc.edu.ar/portalnuevo/interna_ucc.php?sec=11&pag=326)

UNIVERSIDAD CATÓLICA DE CÓRDOBA (http://www.ucc.edu.ar/portalnuevo/interna_ucc.php?sec=11&pag=326) ALEMANHA HOCHSCHULE FÜR MUSIK KARLSRUHE (http://www.hfm-karlsruhe.de/) ARGENTINA UNIVERSIDAD CATÓLICA DE CÓRDOBA (http://www.ucc.edu.ar/portalnuevo/interna_ucc.php?sec=11&pag=326) Data para envio da documentação:

Leia mais

FAQ's - Preparação da mobilidade e questões logísticas do intercâmbio

FAQ's - Preparação da mobilidade e questões logísticas do intercâmbio FAQ's - Preparação da mobilidade e questões logísticas do intercâmbio 1. Devo matricular-me na UAc mesmo indo para o estrangeiro? 2. Tenho de pagar propinas na UAc? 3. Tenho que pagar propinas na Universidade

Leia mais

Edital interno de Seleção do Programa SANTANDER IBERO-AMERICANAS PARA JOVENS PROFESSORES E PESQUISADORES EDITAL DE SELEÇÃO 07 2012

Edital interno de Seleção do Programa SANTANDER IBERO-AMERICANAS PARA JOVENS PROFESSORES E PESQUISADORES EDITAL DE SELEÇÃO 07 2012 Edital interno de Seleção do Programa SANTANDER IBERO-AMERICANAS PARA JOVENS PROFESSORES E PESQUISADORES EDITAL DE SELEÇÃO 07 2012 O Diretor de Relações Internacionais da Universidade Federal de Minas

Leia mais

Regulamento do Gabinete Erasmus da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa

Regulamento do Gabinete Erasmus da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa Regulamento do Gabinete Erasmus da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º (Objecto) O presente regulamento estabelece a orgânica do Gabinete Erasmus, bem

Leia mais

Edital interno de Seleção do Programa SANTANDER IBERO-AMERICANAS PARA JOVENS PROFESSORES E PESQUISADORES EDITAL DE SELEÇÃO 08 2013

Edital interno de Seleção do Programa SANTANDER IBERO-AMERICANAS PARA JOVENS PROFESSORES E PESQUISADORES EDITAL DE SELEÇÃO 08 2013 Edital interno de Seleção do Programa SANTANDER IBERO-AMERICANAS PARA JOVENS PROFESSORES E PESQUISADORES EDITAL DE SELEÇÃO 08 2013 O Diretor de Relações Internacionais da Universidade Federal de Minas

Leia mais

PROGRAMAS DE MOBILIDADE - GUIA DO ALUNO

PROGRAMAS DE MOBILIDADE - GUIA DO ALUNO PROGRAMAS DE MOBILIDADE - GUIA DO ALUNO 1. ENTIDADES COORDENADORAS Coordenador de Mobilidade do Mestrado em: Engenharia Biológica (https://fenix.tecnico.ulisboa.pt/cursos/mebiol/programas-de-mobilidade

Leia mais

wertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopas Guia Prático de Mobilidade dos dfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjkl

wertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwerty uiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopas Guia Prático de Mobilidade dos dfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjkl qwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwert yuiopasdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopa sdfghjklçzxcvbnmqwertyuiopasdfghj klçzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklçzxc vbnmqwertyuiopasdfghjklçzxcvbnmq Gabinete de Relações Exteriores wertyuiopasdfghjklçzxcvbnmqwerty

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 2015 ÍNDICE 1. Quem pode candidatar-se 3 2. Como candidatar-se 3 3. Opções de candidatura 5 4. Exames/Provas de ingresso 6 5. Pré-requisitos 7 6. Contingentes especiais 8 7. Preferências regionais 13 8. Preferências

Leia mais

PROGRAMA Erasmus + ANO LECTIVO 2015/2016 CANDIDATURAS PARA AS AÇÕES TRABALHO DE INICIAÇÃO À INVESTIGAÇÃO WORK PLACEMENT PRÁTICA HOSPITALAR

PROGRAMA Erasmus + ANO LECTIVO 2015/2016 CANDIDATURAS PARA AS AÇÕES TRABALHO DE INICIAÇÃO À INVESTIGAÇÃO WORK PLACEMENT PRÁTICA HOSPITALAR PROGRAMA Erasmus + ANO LECTIVO 2015/2016 CANDIDATURAS PARA AS AÇÕES TRABALHO DE INICIAÇÃO À INVESTIGAÇÃO WORK PLACEMENT PRÁTICA HOSPITALAR Avisam-se os interessados de que no período de 19 de Janeiro a

Leia mais

Programa Erasmus Regras de mobilidade para alunos da ECT

Programa Erasmus Regras de mobilidade para alunos da ECT Programa Erasmus Regras de mobilidade para alunos da ECT Introdução O Programa Erasmus é uma iniciativa da União Europeia que fornece meios para a realização de períodos de mobilidade académica em instituições

Leia mais

PROGRAMA DE MOBILIDADE INTERNACIONAL (PMI) Programa de Intercâmbio Internacional para a GRADUAÇÃO da UFPE Edital de Seleção 01/2015

PROGRAMA DE MOBILIDADE INTERNACIONAL (PMI) Programa de Intercâmbio Internacional para a GRADUAÇÃO da UFPE Edital de Seleção 01/2015 (PMI) Programa de Intercâmbio Internacional para a GRADUAÇÃO da UFPE Edital de Seleção 01/2015 A Diretora de Relações Internacionais da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Professora Doutora Maria

Leia mais

Regulamento Geral de Mobilidade Internacional de Estudantes da Universidade Fernando Pessoa 2015-2016

Regulamento Geral de Mobilidade Internacional de Estudantes da Universidade Fernando Pessoa 2015-2016 Regulamento Geral de Mobilidade Internacional de Estudantes da Universidade Fernando Pessoa 2015-2016 1. Mobilidade Internacional de Estudantes Os alunos da Universidade Fernando Pessoa (UFP) que cumpram

Leia mais

PROGRAMA SÓCRATES / ACÇÃO ERASMUS Gabinete de Relações Internacionais e Apoio a Projectos Europeus REGULAMENTO. Preâmbulo

PROGRAMA SÓCRATES / ACÇÃO ERASMUS Gabinete de Relações Internacionais e Apoio a Projectos Europeus REGULAMENTO. Preâmbulo PROGRAMA SÓCRATES / ACÇÃO ERASMUS Gabinete de Relações Internacionais e Apoio a Projectos Europeus REGULAMENTO Preâmbulo O Programa de Mobilidade de Estudantes SÓCRATES / ERASMUS é uma iniciativa da União

Leia mais

NOTA: Para o preenchimento dos formulários em linha, é necessário que Javascript e cookies estejam activados (Internet Explorer e Firefox)

NOTA: Para o preenchimento dos formulários em linha, é necessário que Javascript e cookies estejam activados (Internet Explorer e Firefox) 2012/13 Universidade de Coimbra Mobilidade de Estudantes OUTRAS MOBILIDADES Guia de Inscrição online Guia prático do processo de inscrição online em programas de mobilidade para estudantes da Universidade

Leia mais

Regulamento de mobilidade internacional do programa Erasmus no ISAVE

Regulamento de mobilidade internacional do programa Erasmus no ISAVE Regulamento de mobilidade internacional do programa Erasmus no ISAVE Artigo 1º Objecto O presente Regulamento rege a mobilidade de estudantes, docentes e funcionários ao abrigo do Programa Erasmus no ISAVE

Leia mais

VAGAS A CONCURSO ESTUDANTES ERASMUS OUTGOING

VAGAS A CONCURSO ESTUDANTES ERASMUS OUTGOING Página 1 de 7 ANO ACADÉMICO: 2015/2016 ESTABELECIMENTO DE ENSINO: INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS DA SAÚDE NORTE NÚMERO TOTAL DE VAGAS A CONCURSO: SMS () 62 SMP (ESTÁGIO) ESTÁGIO CURRICULAR 2 0 CURSO: MESTRADO

Leia mais

OUTGOING SAÍDA EM 2014.2 UNIVERISIDAES COM RESTRIÇÃO DE VAGAS OU CONDIÇÕES ESPECIAIS DE INSCRIÇÃO

OUTGOING SAÍDA EM 2014.2 UNIVERISIDAES COM RESTRIÇÃO DE VAGAS OU CONDIÇÕES ESPECIAIS DE INSCRIÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS CAMPUS UNIVERSITÁRIO REITOR JOÃO DAVID FERREIRA LIMA - TRINDADE CEP: 88040-900 - FLORIANÓPOLIS - SC

Leia mais

OUTGOING 2015 UNIVERISIDAES COM RESTRIÇÕES DE VAGAS OU CONDIÇÕES ESPECIAIS DE INSCRIÇÃO

OUTGOING 2015 UNIVERISIDAES COM RESTRIÇÕES DE VAGAS OU CONDIÇÕES ESPECIAIS DE INSCRIÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS AVENIDA DESEMBARGADOR VITOR LIMA, N.º 222 TRINDADE CEP: 88.040-400 - FLORIANÓPOLIS

Leia mais

RESULTADOS DO INQUÉRITO AOS ESTUDANTES ERASMUS OUTGOING

RESULTADOS DO INQUÉRITO AOS ESTUDANTES ERASMUS OUTGOING Aplicado em outubro/novembro de 04 Universo de estudantes Erasmus Outgoing: 5 Total de respondentes: 9. Taxa de resposta Estudantes Erasmus Outgoing 40% 60% Responderam Não responderam Gráfico nº - Frequência

Leia mais

O ensino da ETIC é orientado para a prática e integra projetos reais no contexto da formação.

O ensino da ETIC é orientado para a prática e integra projetos reais no contexto da formação. PORQUÊ A ETIC? QUE TIPO DE CURSOS ENCONTRO NA ETIC? QUAIS AS ÁREAS DE ENSINO E OS RESPETIVOS CURSOS HND - HIGHER NATIONAL DIPLOMA (2 ANOS)? QUAIS AS ÁREAS DE ENSINO E RESPETIVOS CURSOS ANUAIS (1 ANO)?

Leia mais

Passo a passo para o Apply do EBW+

Passo a passo para o Apply do EBW+ Passo a passo para o Apply do EBW+ 1 Passo: Acesse o site do Euro-Brazilian Windows +: http://ebwplus.up.pt/ 2º Passo: Altere o idioma para facilitar o entendimento das informações. 3º Passo: Após alterar

Leia mais

INTERCÂMBIO DE ALUNOS E APROVEITAMENTO ESCOLAR EM MOBILIDADE NA LICENCIATURA EM ENGENHARIA MECÂNICA DA FEUP. Carlos A.

INTERCÂMBIO DE ALUNOS E APROVEITAMENTO ESCOLAR EM MOBILIDADE NA LICENCIATURA EM ENGENHARIA MECÂNICA DA FEUP. Carlos A. INTERCÂMBIO DE ALUNOS E APROVEITAMENTO ESCOLAR EM MOBILIDADE NA LICENCIATURA EM ENGENHARIA MECÂNICA DA FEUP Carlos A. Conceição António DEMEGI - Departamento de Engenharia Mecânica e Gestão Industrial

Leia mais

EDITAL VRERI nº 101/2015 PROGRAMA DE INTERCÂMBIO DE ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO SANTANDER BOLSAS FÓRMULA

EDITAL VRERI nº 101/2015 PROGRAMA DE INTERCÂMBIO DE ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO SANTANDER BOLSAS FÓRMULA EDITAL VRERI nº 101/2015 PROGRAMA DE INTERCÂMBIO DE ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO SANTANDER BOLSAS FÓRMULA OBJETIVO O Programa FÓRMULA tem como objetivo propiciar experiência de estudo, em renomadas universidades

Leia mais

EDITAL MESTRADO EM COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL ÁREA DE ESPECIALIZAÇÃO EM CIDADANIA, CONFIANÇA E RESPONSABILIDADE SOCIAL

EDITAL MESTRADO EM COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL ÁREA DE ESPECIALIZAÇÃO EM CIDADANIA, CONFIANÇA E RESPONSABILIDADE SOCIAL EDITAL MESTRADO EM COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL ÁREA DE ESPECIALIZAÇÃO EM CIDADANIA, CONFIANÇA E RESPONSABILIDADE SOCIAL (Edição 2012-2014) Nos termos do Decreto-Lei nº 42/2005, de 22 de Fevereiro, do Decreto-Lei

Leia mais

REGULAMENTO Regulamento do programa de Aprendizagem ao Longo da Vida (LLP) ERASMUS Mobilidade de Alunos Missão de Estudos e Estágios

REGULAMENTO Regulamento do programa de Aprendizagem ao Longo da Vida (LLP) ERASMUS Mobilidade de Alunos Missão de Estudos e Estágios RG- 10-01 Data: 2010-01-06 INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA ESAC Escola Superior Agrária de Coimbra ESEC Escola Superior de Educação de Coimbra ESTeSC Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Coimbra

Leia mais

REGULAMENTO DE PROGRAMAS DE MOBILIDADE E INTERCÂMBIO DE ESTUDANTES OUTGOING INCOMING

REGULAMENTO DE PROGRAMAS DE MOBILIDADE E INTERCÂMBIO DE ESTUDANTES OUTGOING INCOMING 1 CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo 1.º Objecto O presente regulamento estabelece o regime aplicável aos programas de intercâmbio, mobilidade de estudantes e cooperação internacional nos quais o IPAM

Leia mais

EDITAL. MESTRADO EM COMÉRCIO ELECTRÓNICO (3ª Edição 2012/2014)

EDITAL. MESTRADO EM COMÉRCIO ELECTRÓNICO (3ª Edição 2012/2014) EDITAL MESTRADO EM COMÉRCIO ELECTRÓNICO (3ª Edição 2012/2014) Nos termos do Decreto-Lei nº 42/2005, de 22 de Fevereiro, do Decreto-Lei nº 74/200, de 24 de Março, com as alterações que lhes foram introduzidas

Leia mais

O REITOR DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE ANÁPOLIS UniEVANGÉLICA, no uso de suas atribuições, torna público o

O REITOR DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE ANÁPOLIS UniEVANGÉLICA, no uso de suas atribuições, torna público o CENTRO UNIVERSITÁRIO DE ANÁPOLIS REITORIA EDITAL Nº. 30, DE 26 DE AGOSTO DE 2015. SELEÇÃO PARA PROGRAMA DE BOLSAS ERASMUS MUNDUS PROJETO EURO BRAZILIAN WINDOWS (EBW +). O REITOR DO CENTRO UNIVERSITÁRIO

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO DE BOLSAS SANTANDER TOTTA/ UNIVERSIDADE DE COIMBRA 2015

REGULAMENTO DO CONCURSO DE BOLSAS SANTANDER TOTTA/ UNIVERSIDADE DE COIMBRA 2015 REGULAMENTO DO CONCURSO DE BOLSAS SANTANDER TOTTA/ UNIVERSIDADE DE COIMBRA 2015 Este concurso visa reforçar a cooperação existente entre a Universidade de Coimbra (UC) e as instituições suas parceiras,

Leia mais

MESTRADO EM DIREITO E ECONOMIA DO MAR A GOVERNAÇÃO DO MAR * 2015/2016

MESTRADO EM DIREITO E ECONOMIA DO MAR A GOVERNAÇÃO DO MAR * 2015/2016 MESTRADO EM DIREITO E ECONOMIA DO MAR A GOVERNAÇÃO DO MAR * 2015/2016 VAGAS o 15 vagas para a candidatura na 1.ª fase o 15 vagas para a candidatura na 2.ª fase Na 1.ª fase aceitam-se candidaturas condicionadas

Leia mais

EDITAL CONCURSO DE ACESSO AO CURSO TÉCNICO SUPERIOR PROFISSIONAL. Ano letivo de 2015/2016

EDITAL CONCURSO DE ACESSO AO CURSO TÉCNICO SUPERIOR PROFISSIONAL. Ano letivo de 2015/2016 EDITAL CONCURSO DE ACESSO AO CURSO TÉCNICO SUPERIOR PROFISSIONAL Ano letivo de 2015/2016 João Baptista da Costa Carvalho, Presidente do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA), torna público a

Leia mais

Changing lives. Opening minds.

Changing lives. Opening minds. Escola Superior de Comunicação Social : Changing lives. Opening minds. Perguntas Frequentes Fevereiro, 2014 1 Programa Erasmus+ Apresentação Erasmus+: o novo programa da União Europeia para a educação,

Leia mais

PRÉ-CANDIDATURAS E SELEÇÃO DOS CANDIDATOS... 2 CANDIDATURAS... 5 PREPARAÇÃO DA MOBILIDADE... 8 DURANTE O PERIODO DE MOBILIDADE...

PRÉ-CANDIDATURAS E SELEÇÃO DOS CANDIDATOS... 2 CANDIDATURAS... 5 PREPARAÇÃO DA MOBILIDADE... 8 DURANTE O PERIODO DE MOBILIDADE... Índice PRÉ-CANDIDATURAS E SELEÇÃO DOS CANDIDATOS... 2 CANDIDATURAS... 5 PREPARAÇÃO DA MOBILIDADE... 8 DURANTE O PERIODO DE MOBILIDADE... 12 Gabinete de Mobilidade ICBAS - 2013 Página 1 PRÉ-CANDIDATURAS

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL UNISC ASSESSORIA PARA ASSUNTOS INTERNACIONAIS E INTERINSTITUCIONAIS AAII

UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL UNISC ASSESSORIA PARA ASSUNTOS INTERNACIONAIS E INTERINSTITUCIONAIS AAII UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL UNISC ASSESSORIA PARA ASSUNTOS INTERNACIONAIS E INTERINSTITUCIONAIS AAII EDITAL DE ABERTURA DE VAGAS PARA INTERCÂMBIO NO EXTERIOR NO SEMESTRE 2016/1 A Assessoria para

Leia mais

UNIVERSIDADE Concordia University College of Alberta Universidad del Quindío

UNIVERSIDADE Concordia University College of Alberta Universidad del Quindío UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL UNISC ASSESSORIA PARA ASSUNTOS INTERNACIONAIS E INTERINSTITUCIONAIS EDITAL DE ABERTURA DE VAGAS PARA INTERCÂMBIO NO EXTERIOR NO SEMESTRE 2013/2 A Assessoria para Assuntos

Leia mais

Escola Superior Artística do Porto

Escola Superior Artística do Porto Escola Superior Artística do Porto REGULAMENTO Mobilidade de Estudos Erasmus+ de Alunos com base no Erasmus+ Programme Guide promovido pela Comissão Europeia A vigorar no ano letivo 2014/2015 e anos letivos

Leia mais

Os Cursos de Especialização Tecnológica Em Portugal Nuno Mangas

Os Cursos de Especialização Tecnológica Em Portugal Nuno Mangas Os Cursos de Especialização Tecnológica Em Portugal Nuno Mangas Fórum novo millenium Nuno Mangas Covilhã, 22 Setembro 2011 Índice 1 Contextualização 2 Os CET em Portugal 3 Considerações Finais 2 Contextualização

Leia mais

Instituto Ciências da Saúde. da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO

Instituto Ciências da Saúde. da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO Instituto Ciências da Saúde da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO 1 CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º (Objeto) O presente regulamento rege a mobilidade internacional

Leia mais

INTERCÂMBIO ACADÊMICO INTERNACIONAL

INTERCÂMBIO ACADÊMICO INTERNACIONAL EQUIPE Coordenação do Intercâmbio Internacional FAU UFRJ: Prof. Mônica Santos Salgado Coordenação Administrativa: Sra. Eliane Magalhães Monitores: Ludmila Duarte e Thiago Torres contato: intercambio@fau.ufrj.br

Leia mais

REGULAMENTO DO MESTRADO EM DESPORTO

REGULAMENTO DO MESTRADO EM DESPORTO Instituto Politécnico de Santarém Escola Superior de Desporto de Rio Maior REGULAMENTO DO MESTRADO EM DESPORTO O presente regulamento decorre do Regulamento dos Segundos Ciclos de Estudos do Instituto

Leia mais

EDITAL. 3. Para concretizar a candidatura deverá enviar os seguintes documentos para o e-mail: gpgrad@iscap.ipp.pt

EDITAL. 3. Para concretizar a candidatura deverá enviar os seguintes documentos para o e-mail: gpgrad@iscap.ipp.pt EDITAL Olímpio de Jesus Pereira Sousa Castilho, Presidente do Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Instituto Politécnico do Porto, faz saber que: 1. Está aberto o concurso para admissão

Leia mais

CURSO DE MESTRADO na especialidade de ENSINO DO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO E DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS NATURAIS NO 2.º CICLO DO ENSINO BÁSICO EDITAL

CURSO DE MESTRADO na especialidade de ENSINO DO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO E DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS NATURAIS NO 2.º CICLO DO ENSINO BÁSICO EDITAL CURSO DE MESTRADO na especialidade de ENSINO DO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO E DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS NATURAIS NO 2.º CICLO DO ENSINO BÁSICO EDITAL Apresentação O Mestrado em Ensino do 1.º Ciclo do Ensino

Leia mais

Instituto Politécnico de Beja. Regulamento do Programa Leonardo da Vinci (Mobilidade) 2012/2013. Get a Placement in Europe (GaPE)

Instituto Politécnico de Beja. Regulamento do Programa Leonardo da Vinci (Mobilidade) 2012/2013. Get a Placement in Europe (GaPE) Instituto Politécnico de Beja Regulamento do Programa Leonardo da Vinci (Mobilidade) 01/013 Get a Placement in Europe (GaPE) Enquadramento O projeto Get a Placement in Europe (GaPE) tem como principal

Leia mais

Escola Superior de Educação. : Changing lives. Opening minds.

Escola Superior de Educação. : Changing lives. Opening minds. Escola Superior de Educação : Changing lives. Opening minds. Perguntas Frequentes Dezembro de 2015 1 Programa Erasmus+ Apresentação Erasmus+: o novo programa da União Europeia para a educação, a formação,

Leia mais

Regulamento dos Programas de Mobilidade

Regulamento dos Programas de Mobilidade Regulamento dos Programas de Mobilidade (Aprovado em Conselho Pedagógico de 20.11.14 e homologado pelo Director da FMUC em 24.11.14) Preâmbulo 1. A Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (FMUC)

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS COORDENADORIA DE ASSUNTOS INTERNACIONAIS EDITAL CAI 04/2012

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS COORDENADORIA DE ASSUNTOS INTERNACIONAIS EDITAL CAI 04/2012 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS COORDENADORIA DE ASSUNTOS INTERNACIONAIS EDITAL CAI 04/2012 VAGAS PARA INTERCÂMBIO NO ÂMBITO DO PROGRAMA DE BOLSAS IBERO-AMERICANAS PARA ESTUDANTES

Leia mais

EDITAL MESTRADO EM INFORMÁTICA APLICADA. (Edição 2015-2017)

EDITAL MESTRADO EM INFORMÁTICA APLICADA. (Edição 2015-2017) EDITAL MESTRADO EM INFORMÁTICA APLICADA (Edição 2015-2017) Nos termos do Decreto-Lei nº 42/2005, de 22 de Fevereiro, do Decreto-Lei nº 74/2006, de 24 de Março, com as alterações que lhes foram introduzidas

Leia mais

REGULAMENTO ACADÉMICO. VIII. Bolsas de Estudo REG-001/V00

REGULAMENTO ACADÉMICO. VIII. Bolsas de Estudo REG-001/V00 Artigo 1º Bolsas Erasmus + 1. Objeto 1.1. As bolsas de estudo Erasmus + são atribuídas pela Agência Nacional PROALV diretamente à Universidade Europeia. Posteriormente, a Universidade Europeia distribui

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MOBILIDADE BOLSA IBERO-AMÉRICA. ESTUDANTES DE LICENCIATURA E MESTRADO SANTANDER UNIVERSIDADES CONVOCATÓRIA 2015

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MOBILIDADE BOLSA IBERO-AMÉRICA. ESTUDANTES DE LICENCIATURA E MESTRADO SANTANDER UNIVERSIDADES CONVOCATÓRIA 2015 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MOBILIDADE BOLSA IBERO-AMÉRICA. ESTUDANTES DE LICENCIATURA E MESTRADO SANTANDER UNIVERSIDADES CONVOCATÓRIA 2015 O Programa Bolsas Ibero-américa. Estudantes de Licenciatura e

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MOBILIDADE BOLSAS SANTANDER LUSO-BRASILEIRAS CONVOCATÓRIA 2015

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MOBILIDADE BOLSAS SANTANDER LUSO-BRASILEIRAS CONVOCATÓRIA 2015 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MOBILIDADE BOLSAS SANTANDER LUSO-BRASILEIRAS CONVOCATÓRIA 2015 É do interesse das Instituições de Ensino Superior promover a excelência do ensino, propiciando aos seus estudantes

Leia mais

Diretrizes do Programa de Intercâmbio Internacional

Diretrizes do Programa de Intercâmbio Internacional Diretrizes do Programa de Intercâmbio Internacional SUMÁRIO Introdução... 2 Graduação... 3 Pós-Graduação... 5 1 Introdução A FGV Direito Rio mantém convênios com diversas universidades renomadas no exterior.

Leia mais

Programa de Graduação Internacional em Dupla Titulação GCUB/UC Edital GCUB nº. 002/2010

Programa de Graduação Internacional em Dupla Titulação GCUB/UC Edital GCUB nº. 002/2010 1 Programa de Graduação Internacional em Dupla Titulação GCUB/UC Edital GCUB nº. 002/2010 A Associação Grupo Coimbra de Dirigentes de Universidades Brasileiras (GCUB), formalmente constituída em 27 de

Leia mais

GUIA DO ESTUDANTE EM MOBILIDADE NO ESTRANGEIRO PERÍODO DE ESTUDOS ERASMUS

GUIA DO ESTUDANTE EM MOBILIDADE NO ESTRANGEIRO PERÍODO DE ESTUDOS ERASMUS GUIA DO ESTUDANTE EM MOBILIDADE NO ESTRANGEIRO PERÍODO DE ESTUDOS ERASMUS Gabinete de Mobilidade, Estágios e Inserção Profissional Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa 2 Calendarização até à

Leia mais

EDITAL. Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa do Instituto Politécnico de Lisboa Mestrado em Medicina Nuclear 2.

EDITAL. Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa do Instituto Politécnico de Lisboa Mestrado em Medicina Nuclear 2. EDITAL Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa do Instituto Politécnico de Lisboa Mestrado em Medicina Nuclear 2.ª Edição A Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa (ESTeSL) do Instituto

Leia mais

REGULAMENTO Mobilidade Macau

REGULAMENTO Mobilidade Macau Face à parceria estabelecida entre a Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril (ESHTE) e o Instituto de Formação Turística em Macau (IFT Macau) no âmbito da qual são facultadas possibilidades de

Leia mais

Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica. Sines Tecnopolo. Pós-Graduação. MBA em Negócios Internacionais

Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica. Sines Tecnopolo. Pós-Graduação. MBA em Negócios Internacionais Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica Sines Tecnopolo Pós-Graduação MBA em Negócios Internacionais Edital 1ª Edição 2012-2013 1 Enquadramento O MBA em Negócios Internacionais é

Leia mais

RELAÇÕES INTERNACIONAIS PROGRAMA LLP/ERAMUS REDE PRÓPRIA

RELAÇÕES INTERNACIONAIS PROGRAMA LLP/ERAMUS REDE PRÓPRIA INTRODUÇÃO O Programa ERASMUS é um programa de acção da Comunidade Europeia para a cooperação no domínio da educação, adoptado em 14 de Março de 1995. O objectivo global do programa é ajudar a melhorar

Leia mais

Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa do Instituto Politécnico de Lisboa Curso de Pós-Graduação em Qualidade na Saúde 3.

Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa do Instituto Politécnico de Lisboa Curso de Pós-Graduação em Qualidade na Saúde 3. Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa do Instituto Politécnico de Lisboa Curso de Pós-Graduação em Qualidade na Saúde 3.ª Edição 2014/2015 EDITAL A Escola Superior de Tecnologia da Saúde de

Leia mais