Anexo I. Projeto: Infraestrutura de sistema integrado IP de Dados, Voz e Imagens para Parque Aquático da Cidade da Criança

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Anexo I. Projeto: Infraestrutura de sistema integrado IP de Dados, Voz e Imagens para Parque Aquático da Cidade da Criança"

Transcrição

1 Anexo I Projeto: Infraestrutura de sistema integrado IP de Dados, Voz e Imagens para Parque Aquático da Cidade da Criança Cabeamento Óptico Cabeamento de telecomunicações na área de implantação do Parque Cidade da Criança interligando os prédios: Data Center; Parque Aquático, Pav. Térreo Bloco B; Praça de Alimentação; Farol.

2 Cabos de Fibra óptica para uso externo subterrâneo, protegido contra roedores 12FO Monomodo [Single Mode], terminações das pontas dos cabos em DIO, dentro do e racks com conectores SC. Construção de complementação da tubulações para cabeamento de telecomunicações onde não houver tubulações ou existam tubulações obstruídas. Infraestrutura de Telecom / Cabeamento Estruturado Prédio do Data Center Sala do Data Center: Instalação de um rack aberto tipo torre para uso interno, padrão 19 44U, Patch Panels, DIO s e Ativos de rede, mais reserva de 30% para expansão futura. Instalação de um organizador de cabos horizontais para cada switch e um para cada patch panel instalado. cabos UTP Cat.5e sendo 1 ponto para telefone IP e um ponto para lógica. A terminação dos cabos deverão ser feitas em Keystones na área de trabalho e Patch Panel no Mini rack. conector RJ45 macho e em Patch Panel no mini rack. para computadores, Vermelho para telefonia IP. Verde para Access Points e Amarelo para Identificação e Certificação conforme requerimentos da TIA-568-C e ISO 11801:2002 de todos os cabos como enlace permanente de cabeamento estruturado. Fornecimento de 2 Cordões ópticos monomodo com conectores LC/SC de 2,5m para conectar o DIO com o ativo de rede. Instalação de switch gerenciável, de 24 portas 10/100/1000PoE + 2 SFP. Instalação de 2 Módulo Mini-GBIC Gigabit p/ fibra Monomodo para slots SFP dos Switchies destinado as conexões entre os prédios. 1pt Sala Cofre Data Center. 2pt Sala TI. 3pt Sala Segurança Prédio Portaria do Parque Aquático Bloco-A Conveniência Instalação de um minirack para uso residencial, padrão 12 x 13Us para sobrepor em parede, quantidade de Patch Panels conforme quantidade de pontos de cabeamento estruturado. Instalação de um organizador de cabos horizontais para cada switch e um para cada patch panel instalado. cabos deverão ser feitas em Keystones na área de trabalho e Patch Panel no rack.

3 conector RJ45 macho e em Patch Panel no rack. para computadores, Vermelho para telefonia IP, Verde para Access Points e Amarelo para Identificação e Certificação conforme requerimentos da norma TIA-568-C e ISO 11801:2002 de todos os cabos como enlace permanente de cabeamento estruturado. 1pt Interligação com o rack do Bloco B. 5pt Áreas de trabalho Prédio Portaria do Parque Aquático Bloco-B Administração Instalação de um mini rack para uso interno, padrão 19 /10U x 12 /6U, 60x60cm de parede com Patch Panels conforme quantidade de pontos do prédio, DIO e Ativos de rede, mais reserva de 30% para expansão futura. Instalação de um organizador de cabos horizontais para cada switch e um para cada patch panel instalado. cabos deverão ser feitas em Keystones na área de trabalho e Patch Panel no Mini rack. conector RJ45 macho e em Patch Panel no mini rack. para computadores, Vermelho para telefonia IP. Verde para Access Points e Amarelo para Identificação e Certificação conforme requerimentos da TIA-568-C e ISO 11801:2002 de todos os cabos como enlace permanente de cabeamento estruturado. Fornecimento de 2 Cordões ópticos monomodo com conectores LC/SC de 2,5m para conectar o DIO com o ativo de rede. Instalação de 2 Módulo Mini-GBIC Gigabit p/ fibra Monomodo para slots SFP dos Switchies destinado as conexões entre os prédios. 10pt Áreas de trabalho. 1pt Tomada para relógio de ponto. 1pt Access Point. Bilheteria A Instalação de um minirack para uso residencial, padrão 12 x 13Us para sobrepor em parede, quantidade de Patch Panels conforme quantidade de pontos de cabeamento estruturado. Instalação de um organizador de cabos horizontais para cada switch e um para cada patch panel instalado.

4 cabos deverão ser feitas em Keystones na área de trabalho e Patch Panel no rack. conector RJ45 macho e em Patch Panel no rack. para computadores, Vermelho para telefonia IP, Verde para Access Points e Amarelo para Identificação e Certificação conforme requerimentos da norma TIA-568-C e ISO 11801:2002 de todos os cabos como enlace permanente de cabeamento estruturado. 1pt Interligação com o rack do Bloco B. 4pt Áreas de trabalho 1pt Camera IP 2pt Catracas IP Bilheteria B Instalação de um minirack para uso residencial, padrão 12 x 13Us para sobrepor em parede, quantidade de Patch Panels conforme quantidade de pontos de cabeamento estruturado. Instalação de um organizador de cabos horizontais para cada switch e um para cada patch panel instalado. cabos deverão ser feitas em Keystones na área de trabalho e Patch Panel no rack. conector RJ45 macho e em Patch Panel no rack. para computadores, Vermelho para telefonia IP, Verde para Access Points e Amarelo para Identificação e Certificação conforme requerimentos da norma TIA-568-C e ISO 11801:2002 de todos os cabos como enlace permanente de cabeamento estruturado. 1pt Interligação com o rack do Bloco B. 4pt Áreas de trabalho 1pt Camera IP 2pt Catracas IP Vestiários Instalação de tubulação em ferro galvanizado ¾ para Camera IP partindo do rack no Bloco B até o teto da entrada do vestiário. Para pontos de equipamentos IP s de uso específico proprietário como relógio de ponto, catracas e demais equipamentos IP s serão lançados 1 cabo UTP cat.5e com terminação em conector RJ45 macho e em Patch Panel no rack.

5 para computadores, Vermelho para telefonia IP, Verde para Access Points e Amarelo para Identificação e Certificação conforme requerimentos da norma TIA-568-C e ISO 11801:2002 de todos os cabos como enlace permanente de cabeamento estruturado. 1 Ponto para Camera IP Praça de Alimentação do Parque Aquático Instalação de um rack pedestal para uso externo, padrão 19 x 19U s x 570mm, na parede externa da área traseira das lanchonetes, ao lado da caixa de passagem de piso onde centralizam a passagem dos cabos de Telecom. Instalação de Patch Panels, DIO e Ativos de rede, mais reserva de 30% para expansão futura. Instalação de um organizador de cabos horizontais para cada switch e um para cada patch panel instalado. cabos deverão ser feitas em Keystones na área de trabalho e Patch Panel no Mini rack. conector RJ45 macho e em Patch Panel no mini rack. para computadores, Vermelho para telefonia IP. Verde para Access Points e Amarelo para Identificação e Certificação conforme requerimentos da TIA-568-C e ISO 11801:2002 de todos os cabos como enlace permanente de cabeamento estruturado. Fornecimento de 2 Cordões ópticos monomodo com conectores LC/SC de 2,5m para conectar o DIO com o ativo de rede. Instalação de 2 Módulo Mini-GBIC Gigabit p/ fibra Monomodo para slots SFP dos Switchies destinado as conexões entre os prédios. 20pt Área de trabalho 2pt Cameras IP 2pt Access Points Farol Instalação de um minirack para uso interno, padrão 19 x 470mm profundidade de parede com a quantidade U s conforme a quantidade de Patch Panels, DIO e Ativos de rede, mais reserva de 30% para expansão futura. Instalação de um organizador de cabos horizontais para cada switch e um para cada patch panel instalado. cabos deverão ser feitas em Keystones na área de trabalho e Patch Panel no Mini rack.

6 conector RJ45 macho e em Patch Panel no mini rack. para computadores, Vermelho para telefonia IP. Verde para Access Points e Amarelo para Identificação e Certificação conforme requerimentos da TIA-568-C e ISO 11801:2002 de todos os cabos como enlace permanente de cabeamento estruturado. Fornecimento de 2 Cordões ópticos monomodo com conectores LC/SC de 2,5m para conectar o DIO com o ativo de rede. Instalação de 2 Módulo Mini-GBIC Gigabit p/ fibra Monomodo para slots SFP dos Switchies destinado as conexões entre os prédios. 1pt Área de trabalho 4pt Câmeras IP Infraestrutura Elétrica para Telecom Para cada rack instalado deverá ser provido um circuito elétrico independente de forma que seja instalado no quadro de proteção e distribuição elétrica, um disjuntor específico para o rack, além de aterramento e dispositivos de proteção contra surtos elétricos (DPS) para todas as fases e neutro do quadro. O circuito de Terra deverá estar interligado a malha de terra do prédio, e caso não exista terra, deverá ser feito uma malha de 9m de comprimento enterrada à 50cm de profundidade, sendo dividida em 3 partes e encravado 1 haste cooperweld a cada ponto. As hastes e cordoalhas deverão ser interligadas por sistema de compressão hidráulica de 12ton ou solda exotérmica. Havendo para-ráios, o mesmo deverá ser interligado por cordoalha a malha de aterramento. Ativos de rede Switchies Para a solução apresentada, deverá ser instalados switchies gerenciáveis via WEB com portas RJ-45 10/100/1000 com pelo menos 56.0Gbps de clock no Backplane, preparados para IPv 4, IPv 6 dual stack, Firmware Upgradable e PoE (Power over Ethernet) para alimentação elétrica de Telefones e Cameras IP, além de pelo menos 2 slots SFP para módulos conversores de mídia tipo mini G-BIC para interconexão entre prédios. Access Points Para implantação de rede de dados wireless (sem fio) deverá ser instalados Access Points de 300Mbps padrão b/g/n com capacidade de aplicação de padrões de segurança tipo WEP/WPA/WPA2, que possibilita criação de até 4 VLAN s. O equipamento deverá ser alimentado por PoE 802.3af partindo do switch mais próximo.

7 Sistema de CFTV IP Circuito Fechado de TV Central de Gravação Digital Criação de VM (Máquina Virtual) no servidor de forma a permitir a instalação de software de gerenciamento e gravação de imagens digitais. Utilização compartilhada do servidor físico de aplicativos e banco de dados para gravação da imagens das cameras. Instalação de workstation c/ 2 monitores de LCD de 22 para monitoramento de video em tempo real e busca de gravações de eventos. Configuração de VLAN nos switchies para rota específica de video segurança. Cameras IP HD Instalação de cameras conforme necessidade do ambiente. Camera Dome IP 8Mega Pixel HD 360º 1. Estrutura metálica da tenda extremo oeste = acesso às bilheterias, conveniência e parte externa Entrada de visitantes. 2. Estrutura metálica da tenda extremo leste = entrada de visitantes, panorâmica do Parque Aquático. 3. Teto da entrada dos vestiários = identificação e monitoramento da entrada/saída dos vestiários. 4. Teto centralizado da parte oeste da praça de alimentação = monitoramento panorâmico 5. Teto centralizado da parte leste da praça de alimentação = monitoramento panorâmico 6. Farol lado sul = monitoramento panorâmico 7. Farol lado norte = monitoramento panorâmico Camera Box IP 5Mega Pixel Day/Night JPG2000 c/ lente 1. Farol lado leste = monitoramento da torre do toboágua. 2. Lateral leste da Praça de Alimentação = Final do toboágua. Infraestrutura de Data Center Sistemas de segurança patrimonial Instalação de refletores halógenos de 500W com sensores de presença para os 4 lados do prédio do Data Center. Instalação de central de alarme monitorável com sensores de infravermelho ativo no lado externo do prédio fechando as janelas e portas. Instalação de sensores de presença, nas salas de acesso à sala Cofre. Instalação de sensores térmico, termovelocimétrico e de fumaça para sala cofre. Instalação de sinalizadores audio-visuais para alerta de invasão. Instalação de porta-corta-fogo na sala cofre e instalação de Fechadura Eletromagnética para a porta-corta-fogo com leitor biométrico para controle de acesso. Fechamento em alvenaria de janela da sala cofre. Sistemas refrigeração do Data Center Instalação de 2 condicionadores de ar tipo Split BTU s ligados em quadro de automação para funcionamento revesado e ou em fail-over (caso de quebra de um dos equipamentos).

8 Sistemas de Proteção Elétrica Para-ráios e Aterramento Instalação malha de aterramento, com encravamento de hastes copperweld a cada 5m ao redor do prédio, interligação em caixa de equalização de equipotencial. Instalação de gaiola de Faraday sobre o prédio do Data Center, interligação com o aterramento. Equipamentos de T.I. Servidor HP DL380 ou equivalente, com capacidade de discos compatível com a necessidade da solução. Licenças de Software Windows Server 2008 STD Single Open Comercial Edition 1Licença Anti-virus Kaspersky Business Space Security pacote corporativo Servidor/Workstation 30 Licenças 1 Ano Estrutura de Dados Software Base Serviços de Instalação de plataforma virtualizada em CentOS/Debian Linux para servidores. Configurações de Array em Raid 1 para sistema operacional e aplicativos e Raid 5 para dados em nível de hardware. Criação de VM s para: Firewall de uso Administrativo/Gerenciador de redes Firewall de uso público (WiFi Zone) Software ERP / Gerenciador de WiFi Zone Banco de dados do ERP Software do NVR (gravador de video em rede) Banco de dados de imagens das cameras IP Serviços on site para acompanhamento de implantação de ERP do parque. Gerenciamento de rede para integração de sistemas de assistência remota. Instalação de anti-vírus e criação de restrições conforme usuários. Integração do sistema de telefonia IP na rede em VLAN separada. Contrato de Manutenção local e remota 24x7 durante 12 meses para problemas que não envolvem mau uso e/ou falta de capacidade técnica. Telefonia IP Telefones IP Fornecimento e configurações de 22 (vinte e dois) aparelhos IP s de mesa baseado em protocolo SIP 2.0, CODEC G.711 (A-law e u-law), G.726, G729A e G722 com 2 portas LAN, com LCD e alimentação PoE para distribuir nos escritórios administrativos, Data Center e Bilheterias. Fornecimento e configurações de 5 (cinco) aparelhos IP s de parede baseado em protocolo SIP 2.0, CODEC G.711 (A-law e u-law), G.726, G729A e G722 com 2 portas LAN, sem LCD e alimentação PoE para pontos onde serão instalados em áreas de serviço (na parede).

9 Fornecimento e configurações 2 (dois) ATA s (Adaptadores de Telefones Analógicos) baseado em protocolo SIP 2.0, CODEC G.711 (A-law e u-law), G.726, G729A e G722 com 1 porta LAN, 2 portas FXS para uso de Cartões de Crédito, Fax ou equipamentos similares. Instalação e configuração de 1 (um) Gateway no escritório da GEPRON em Araçatuba, para uso sobre link de internet existente, interligando o PABX IP do Parque Cidade da Criança. *Requisitos mínimos para utilização: Internet de 2Mbps com garantia de banda de pelo menos 50% e taxas de Upload e Download UDP em 300kbps, síncrono. **PABX IP virtual ou fornecido pela operadora de telefonia. WiFi Zone Gerenciador de WiFi Zone Para acesso livre de internet em Hotspots, deverá ser instalado um gerenciador de senha de acesso, mediante a cadastro. O interessado em utilizar o WiFi Zone deverá cadastrar-se na bilheteria, de forma a conseguir uma senha de acesso (gratuíto ou pago) por um prazo prédeterminado. O banco de dados dos usuários são guardados de forma a manter identificação e controle do acesso à internet, responsabilizando civil e penalmente o uso ilícito da rede. Restrição de acessos para sites de conteúdo pornográficos e ou impróprios poderão ser aplicados junto ao Firewall. Serviços de torrents e outros que ocupam demasiadamente banda de internet podem ser bloqueados conforme critério da administração. A área de cobertura do WiFi Zone, é limitada à um raio de 10 (dez) metros de cada Access Point. Internet Serviço de Internet Será fornecido através de um link corporativo de acesso à internet com velocidade de 4Mbps síncrono e com franquia ilimitada para uso administrativo. Para uso WiFi Zone, deverá ser fornecido um link SMB (pequena e média empresa) de 20Mbps assíncrono com franquia de 100GB/mês. Serviço de Telefonia IP Será fornecido através do link IP, telefonia fixa com oito números PSTN (telefonia fixa) para o parque de forma DDR com tarifação segundo tabela vigente. Cronograma de Execução do Projeto O Cronograma está descrito no Anexo 2.

ANEXO I. Memorial Descritivo. Projeto: Infraestrutura de sistema integrado IP de Dados, Voz e Imagens para Parque Aquático da Cidade da Criança

ANEXO I. Memorial Descritivo. Projeto: Infraestrutura de sistema integrado IP de Dados, Voz e Imagens para Parque Aquático da Cidade da Criança ANEXO I Memorial Descritivo Projeto: Infraestrutura de sistema integrado IP de Dados, Voz e Imagens para Parque Aquático da Cidade da Criança Cabeamento Óptico Cabeamento de telecomunicações na área de

Leia mais

APOSTILA DE REDES DE COMPUTADORES RESUMO 1º BIMESTRE - 2º SEMESTRE

APOSTILA DE REDES DE COMPUTADORES RESUMO 1º BIMESTRE - 2º SEMESTRE APOSTILA DE REDES DE COMPUTADORES RESUMO 1º BIMESTRE - 2º SEMESTRE 1 1. CABEAMENTO ESTRUTURADO Cabeamento estruturado é a disciplina que estuda a disposição organizada e padronizada de conectores e meios

Leia mais

PROJETO LÓGICO DA REDE LOCAL DE COMPUTADORES DA REITORIA

PROJETO LÓGICO DA REDE LOCAL DE COMPUTADORES DA REITORIA PROJETO LÓGICO DA REDE LOCAL DE COMPUTADORES DA REITORIA COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA (COTEC) JUNHO/2011 Rua do Rouxinol, N 115 / Salvador Bahia CEP: 41.720-052 Telefone: (71) 3186-0001. Email: cotec@ifbaiano.edu.br

Leia mais

BACK BONE DE FIBRA ÓPTICA

BACK BONE DE FIBRA ÓPTICA MEMORIAL TÉCNICO DESCRITIVO RUA JOÃO POLITI, 1589 ITAJUBÁ MG BACK BONE DE FIBRA ÓPTICA Responsável Técnico: Airton Leandro Seidel 1 INDICE GERAL DO MEMORIAL DESCRITIVO 1. OBJETIVO DO PROJETO 03 2. ESCOPO

Leia mais

Soluções completas de segurança em vídeo IP

Soluções completas de segurança em vídeo IP Soluções completas de segurança em vídeo IP Soluções completas de segurança em vídeo IP www.indigovision.com IndigoVision Visão geral A solução empresarial de segurança IP IndigoVision garante o monitoramento

Leia mais

PROJETO DE REDE LOCAL E BACKBONE

PROJETO DE REDE LOCAL E BACKBONE São Paulo, 21 de maio de 2010 PROJETO DE REDE LOCAL E BACKBONE 1 Informações e recomendações importantes O projeto foi solicitado pela Unidade para a implantação de rede local para o prédio MAC- IBIRAPUERA

Leia mais

Serviços Prestados Infovia Brasília

Serviços Prestados Infovia Brasília Serviços Prestados Infovia Brasília Vanildo Pereira de Figueiredo Brasília, outubro de 2009 Agenda I. INFOVIA Serviços de Voz Softphone e Asterisk INFOVIA MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO INFOVIA MINISTÉRIO

Leia mais

PADRÃO DE INFRAESTRUTURA DE TECNOLOGIA PARA PRESTADORES DA UNIMED RIO VERDE

PADRÃO DE INFRAESTRUTURA DE TECNOLOGIA PARA PRESTADORES DA UNIMED RIO VERDE PADRÃO DE INFRAESTRUTURA DE TECNOLOGIA PARA PRESTADORES DA UNIMED RIO VERDE Versão 1.0 Data: 09/12/2013 Desenvolvido por: - TI Unimed Rio Verde 1 ÍNDICE 1. Objetivo... 4 2. Requsitos de Infraestrutura

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO FÓRUM TÉCNICO CONSULTIVO TELEFONIA IP Carlos José Rosa Coletti AI Reitoria Lazaro Geraldo Calestini Rio Claro Tatiana Pinheiro de Brito IA São Paulo Valmir Dotta FCLAr - CSTI Walter Matheos Junior IFT

Leia mais

InfraEstrutura de Redes

InfraEstrutura de Redes Faculdade Anhanguera de São Caetano do Sul InfraEstrutura de Redes Curso: Tecnologia em Redes de Computadores Prof:Eduardo M. de Araujo Site-http://www.professoreduardoaraujo.com Cabeamento Estruturado

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS PROJETO INTEGRADOR GERENCIA DE REDES DE COMPUTADORES 4º PERÍODO Gestão da Tecnologia da Informação Alunos: Erik de Oliveira, Douglas Ferreira, Raphael Beghelli, João

Leia mais

Graduação Tecnológica em Redes de Computadores. Infraestrutura de Redes de Computadores

Graduação Tecnológica em Redes de Computadores. Infraestrutura de Redes de Computadores Graduação Tecnológica em Redes de Computadores Infraestrutura de Redes de Computadores Euber Chaia Cotta e Silva euberchaia@yahoo.com.br Graduação Tecnológica em Redes de Computadores Administração Euber

Leia mais

Documentação Técnica Empresa SA. PR049_10

Documentação Técnica Empresa SA. PR049_10 AS BUILT Documentação Técnica Documentação Técnica serviço de cabeamento lógico, realizado na Empresa SA. Serviço realizado após aprovação da proposta PR049_10, sendo todo projeto acompanhado pelo Sr.

Leia mais

UTP ( PAR TRANÇADO SEM PROTEÇÃO)

UTP ( PAR TRANÇADO SEM PROTEÇÃO) Par Trançado UTP ( PAR TRANÇADO SEM PROTEÇÃO) O cabo UTP é composto por pares de fios, sendo que cada par é isolado um do outro e todos são trançados juntos dentro de uma cobertura externa, que não possui

Leia mais

CABEAMENTO ESTRUTURADO NORMAS AMERICANAS EIA/TIA

CABEAMENTO ESTRUTURADO NORMAS AMERICANAS EIA/TIA CABEAMENTO ESTRUTURADO NORMAS AMERICANAS EIA/TIA NORMAS AMERICANAS EIA/TIA EIA/TIA 568-B: Commercial Building Telecomunications Cabling Standard Essa norma de 2001 é a revisão da norma EIA/TIA 568-A de

Leia mais

Switch de Acesso Fast Ethernet Modelo de Referência - Cisco SRW224G4

Switch de Acesso Fast Ethernet Modelo de Referência - Cisco SRW224G4 Switch de Acesso Fast Ethernet Modelo de Referência - Cisco SRW224G4 Switch Fast Ethernet com as seguintes configurações mínimas: capacidade de operação em camada 2 do modelo OSI; 24 (vinte e quatro) portas

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES TEXTOS DE REFORÇO Michel da Rocha Fragoso 2010 2 Saudações Olá, meus caros alunos. Esta é uma série de textos de reforço de minha autoria sobre o nosso próximo módulo a ser estudado

Leia mais

Faculdade Escritor Osman da Costa Lins

Faculdade Escritor Osman da Costa Lins Faculdade Escritor Osman da Costa Lins Sistemas de Informação Projeto Redes de Computadores Professor: Hugo Souza 6º Período Alunos: Gleybson Farias Valmir Santos Sumário Sumário Introdução... 3 Lista

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS

CATÁLOGO DE PRODUTOS CATÁLOGO DE PRODUTOS 2015 Apresentação A PONTO DA REDE iniciou suas atividades em setembro de 1997, com sede em Salvador-Bahia, onde dispomos de um grande estoque para pronta entrega. Atuamos nos mercados

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

APRENDIZAGEM INDUSTRIAL. UNIDADE 3 Técnicas de cabeamento

APRENDIZAGEM INDUSTRIAL. UNIDADE 3 Técnicas de cabeamento APRENDIZAGEM INDUSTRIAL UNIDADE 3 Técnicas de cabeamento O cabeamento horizontal Compreende os segmentos de cabos que são lançados horizontalmente entre as áreas de trabalho e as salas de telecomunicações

Leia mais

Infraestrutura de Redes

Infraestrutura de Redes Infraestrutura de Redes Apresentação 01: Conceitos de Cabeamento Estruturado Prof. João Paulo Just - http://just.pro.br 1 Conceitos de Cabeamento Porque? Anteriormente: serviços como sistemas de alarmes,

Leia mais

Buscamos sempre a solução mais eficaz, de acordo com o avanço tecnológico dos sistemas de Telecomunicações e Tecnologia da Informação.

Buscamos sempre a solução mais eficaz, de acordo com o avanço tecnológico dos sistemas de Telecomunicações e Tecnologia da Informação. A T7 Solutions Informática e Telecomunicações atua como prestadora de serviços de Infraestrutura de TI e Telecom, com foco no desenvolvimento e implementação de soluções de Infraestrutura, Dados e Voz.

Leia mais

Composição. Estrutura Fisica Redes Sistemas Operacionais Topologias de redes

Composição. Estrutura Fisica Redes Sistemas Operacionais Topologias de redes Composição Estrutura Fisica Redes Sistemas Operacionais Topologias de redes Aterramento Fio de boa qualidade A fiação deve ser com aterramento neutro (fio Terra) trabalhando em tomadas tripolares Fio negativo,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇAO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ESTUDO TÉCNICO PRELIMINAR DA CONTRATAÇÃO 1. DESCRIÇÃO DA SOLUÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Aquisição de equipamentos para infraestrutura de redes de todo o IFRO 2. DEFINIÇÃO E ESPECIFICAÇÃO DE REQUISITOS

Leia mais

Portfólio 2014. Serviços e Produtos. Soluções em TI. As melhores marcas do mercado, juntando o melhor custo beneficial para nossos clientes

Portfólio 2014. Serviços e Produtos. Soluções em TI. As melhores marcas do mercado, juntando o melhor custo beneficial para nossos clientes Serviços e Produtos Área de Atuação A 8bytes atua na área de Tecnologia da Informação oferecendo soluções corporativas e eficazes para empresas de pequeno, médio e grande porte. Somos uma empresa atuante

Leia mais

CARDOZO, FELIPE BLANCO, THAIS COSTA RELATÓRIO FINAL DE PROJETO PROJETO INTERDISCIPLINAR

CARDOZO, FELIPE BLANCO, THAIS COSTA RELATÓRIO FINAL DE PROJETO PROJETO INTERDISCIPLINAR Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial E.E.P. Senac Pelotas Centro Histórico Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego Curso Técnico em Informática ALÉCIO CARDOZO, FELIPE BLANCO, THAIS

Leia mais

Centro Federal de Educação Tecnológica CEFET/BA

Centro Federal de Educação Tecnológica CEFET/BA Centro Federal de Educação Tecnológica CEFET/BA Disciplina: Redes de Computadores Prof.: Rafael Freitas Reale Aluno: Data / / Prova Final de Redes Teoria Base 1) Qual o tipo de ligação e a topologia respectivamente

Leia mais

Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para

Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para Magistério Superior Especialista em Docência para Educação

Leia mais

Cabeamento Estruturado

Cabeamento Estruturado Cabeamento Estruturado Infra-estrutura de cabeamento metálico ou óptico, capaz de atender a diversas aplicações proporcionando flexibilidade de layout, facilidade de gerenciamento, administração e manutenção

Leia mais

SOLUÇÕES COMPLETAS SOLUÇÕES COMPLETAS. em produtos e serviços de segurança eletrônica e telecomunicações

SOLUÇÕES COMPLETAS SOLUÇÕES COMPLETAS. em produtos e serviços de segurança eletrônica e telecomunicações SOLUÇÕES COMPLETAS em produtos e serviços de segurança eletrônica e telecomunicações SOLUÇÕES COMPLETAS em produtos e serviços de segurança eletrônica e telecomunicações CFTV IP CABEAMENTO ESTRUTURADO

Leia mais

GERSON PORCIÚNCULA SIQUEIRA

GERSON PORCIÚNCULA SIQUEIRA Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial Faculdade de Tecnologia Senac Pelotas Curso Superior de Tecnologia em Redes de Computadores GERSON PORCIÚNCULA SIQUEIRA Applied Science IOWA STATE UNIVERSITY,

Leia mais

LISTA DE PRODUTOS ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: SETEMBRO DE 2008

LISTA DE PRODUTOS ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: SETEMBRO DE 2008 LISTA DE PRODUTOS DE PRODUTOS LISTA ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: SETEMBRO DE 2008 Ativos / Wireless ADSL Modem; Conversores de Mídia; Firewall; Hub s; KVM (2 / 4 / 8 e 16 Portas); Modem Externo; Placas de Rede

Leia mais

PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br

PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br Curso Tecnológico de Redes de Computadores Disciplina: Infraestrutura de Redes de Computadores - 1º período Professor: José Maurício S. Pinheiro AULA 01 Conceitos

Leia mais

Estado de Santa Catarina Prefeitura de São Cristóvão do Sul

Estado de Santa Catarina Prefeitura de São Cristóvão do Sul 1 ANEXO VII QUADRO DE QUANTITATIVOS E ESPECIFICAÇÕES DOS ITENS Item Produto Quantidade 1 Aparelhos IP, com 2 canais Sip, visor e teclas avançadas, 2 70 portas LAN 10/100 2 Servidor com HD 500G 4 GB memória

Leia mais

PROJETO DE REDE LOCAL E BACKBONE

PROJETO DE REDE LOCAL E BACKBONE São Paulo, 29 de julho de 2010 PROJETO DE REDE LOCAL E BACKBONE 1. Informações e recomendações importantes O projeto foi solicitado pela Unidade para a implantação de rede local para o prédio GETS, sendo

Leia mais

Catálogo de. Produtos LABORATÓRIO ÓPTICO FERRAMENTARIA / METALURGIA PRODUTOS INJETADOS MARCAS DISTRIBUÍDAS B5NX-CNC

Catálogo de. Produtos LABORATÓRIO ÓPTICO FERRAMENTARIA / METALURGIA PRODUTOS INJETADOS MARCAS DISTRIBUÍDAS B5NX-CNC FIBRAS ÓPTICAS E ACESSÓRIOS LABORATÓRIO ÓPTICO FERRAMENTARIA / METALURGIA B5NX-CNC PRODUTOS INJETADOS Catálogo de MARCAS DISTRIBUÍDAS Produtos R A Division of Cisco Systems, Inc. RACKS E ACESSÓRIOS Linha

Leia mais

Informações para implantação de equipamentos IP Intelbras

Informações para implantação de equipamentos IP Intelbras Informações para implantação de equipamentos IP Intelbras Descrição do pré-projeto - Configuração Quantos ramais analógicos contempla o projeto?. Quantos ramais digitais contempla o projeto?. Quantos ramais

Leia mais

Equipamentos de Rede

Equipamentos de Rede Equipamentos de Rede Professor Carlos Gouvêa SENAIPR - Pinhais 2 Introdução Objetivos Finalidade dos equipamentos Equipamentos e descrição Nomenclatura de desenho técnico para redes Exercício de orientação

Leia mais

Parte II: Projeto Executivo de Implantação

Parte II: Projeto Executivo de Implantação Data: 17/04/2009 V 2.0 PROJETO EXECUTIVO INTELIG CLUSTER CENU Parte II: Projeto Executivo de Implantação IMPLANTAÇÃO DE CLUSTER PARA ATENDIMENTO À REDE INTELIG COM SOLUÇÃO MOTOROLA/CANOPY Cluster SPO CENU

Leia mais

Infra-estrutura tecnológica

Infra-estrutura tecnológica Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação ATTI Supervisão de Infra-estrutura Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo Infra-estrutura tecnológica Rede Lógica

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. implantação e conectividade da rede de dados da EBSERH. 3 Módulo e cabo stack para switch de borda 12

TERMO DE REFERÊNCIA. implantação e conectividade da rede de dados da EBSERH. 3 Módulo e cabo stack para switch de borda 12 TERMO DE REFERÊNCIA I DEFINIÇÃO DO OBJETO O presente Projeto Básico tem por objeto a aquisição de equipamentos para implantação e conectividade da rede de dados da EBSERH. ITEM DESCRIÇÃO QUANTIDADE 1 Switch

Leia mais

COMUNICADO PREGÃO Nº 027/2007

COMUNICADO PREGÃO Nº 027/2007 COMUNICADO PREGÃO Nº 027/2007 OBJETO: Fornecimento, instalação, testes, certificação e assistência técnica, durante o período de garantia, de infra-estruturas físicas internas de ótico e metálico, para

Leia mais

Cabeamento Estruturado. Definição. Definição. Prof. Leandro Pykosz Leandro@sulbbs.com.br Redes de Computadores - UDESC

Cabeamento Estruturado. Definição. Definição. Prof. Leandro Pykosz Leandro@sulbbs.com.br Redes de Computadores - UDESC Cabeamento Estruturado Prof. Leandro Pykosz Leandro@sulbbs.com.br Redes de Computadores - UDESC Definição Entende-se por rede interna estruturada aquela que é projetada de modo a prover uma infra-estrutura

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana. Termo de Homologação do Pregão Eletrônico Nº 00034/2015 (SRP)

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana. Termo de Homologação do Pregão Eletrônico Nº 00034/2015 (SRP) 05/10/2015 COMPRASNET O SITE DE COMPRAS DO GOVERNO Pregão Eletrônico MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração LatinoAmericana Termo de Homologação do Pregão Eletrônico Nº 00034/2015 (SRP)

Leia mais

Controllan Telecomunicações, Segurança Eletrônica e Elétrica. PORTIFÓLIO DE SERVIÇOS

Controllan Telecomunicações, Segurança Eletrônica e Elétrica. PORTIFÓLIO DE SERVIÇOS PORTIFÓLIO DE SERVIÇOS A Controllan comercializa produtos e serviços voltados à tecnologia integrada em Telecom, Segurança Eletrônica e Elétrica. Utilizamos a tecnologia compatível às necessidades do cliente,

Leia mais

Anexo III: Solução de Rede Local - LAN (Local Area Network)

Anexo III: Solução de Rede Local - LAN (Local Area Network) Anexo III: Solução de Rede Local - LAN (Local Area Network) 1. Objeto: 1.1. Contratação de uma Solução de rede de comunicação local (LAN) para interligar diferentes localidades físicas e os segmentos de

Leia mais

Exercícios de Redes de Computadores Assuntos abordados: Conceitos gerais Topologias Modelo de referência OSI Modelo TCP/IP Cabeamento 1.

Exercícios de Redes de Computadores Assuntos abordados: Conceitos gerais Topologias Modelo de referência OSI Modelo TCP/IP Cabeamento 1. Exercícios de Redes de Computadores Assuntos abordados: Conceitos gerais Topologias Modelo de referência OSI Modelo TCP/IP Cabeamento 1. (CODATA 2013) Em relação à classificação da forma de utilização

Leia mais

Guia do Comprador p/ Telefones IP. Compare os recursos dos principais telefones IP do mercado

Guia do Comprador p/ Telefones IP. Compare os recursos dos principais telefones IP do mercado Guia do Comprador p/ Telefones IP Compare os recursos dos principais telefones IP do mercado Equipe ShopVoIP 2012-1 Guia do Comprador p/ Telefones IP A ShopVoIP tem como propósito ajudar os clientes a

Leia mais

Aula 4a - Sistemas de Cabeamento

Aula 4a - Sistemas de Cabeamento Aula 4a - Sistemas de Cabeamento Prof. José Maurício S. Pinheiro 2010 1 Sistemas de Cabeamento Uma rede de computadores é um conjunto de recursos inter-relacionados e interligados com o objetivo de formar

Leia mais

Apresentação Institucional:

Apresentação Institucional: Apresentação Institucional: 1. Quem Somos 2. Matriz de Soluções 3. Topologia de Soluções 4. Experiências 5. Imagens de Projetos 6. Parceiros e Clientes 1. Quem Somos: A Brumon é uma Integradora de TI focada

Leia mais

Fundada em 2010 a partir de uma fusão entre duas

Fundada em 2010 a partir de uma fusão entre duas Confiabilidade, Segurança e Agilidade Desde 1994. LINHA DE PRODUTOS SMC EDGE-CORE Fundada em 2010 a partir de uma fusão entre duas grandes marcas, a SMC Edge-Core atende tanto ao mercado SOHO (Small Office

Leia mais

Solução Acesso Internet Áreas Remotas

Solução Acesso Internet Áreas Remotas Solução Acesso Internet Áreas Remotas Página 1 ÍNDICE GERAL ÍNDICE GERAL... 1 1. ESCOPO... 2 2. SOLUÇÃO... 2 2.1 Descrição Geral... 2 2.2 Desenho da Solução... 4 2.3 Produtos... 5 2.3.1 Parte 1: rádios

Leia mais

ARENA DE SALVADOR PROJETO BÁSICO DE TELECOMUNICAÇÕES MEMORIAL DESCRITIVO

ARENA DE SALVADOR PROJETO BÁSICO DE TELECOMUNICAÇÕES MEMORIAL DESCRITIVO ARENA DE SALVADOR PROJETO BÁSICO DE TELECOMUNICAÇÕES MEMORIAL DESCRITIVO Resp. Técnico: Carlos A. N. Viani MD-1944/02-TI-001 Rev. 1 PROJETO DE COMUNICAÇÃO DE DADOS E TI O objetivo deste documento é apresentar

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES LAN e WAN: Topologias e Equipamentos

REDES DE COMPUTADORES LAN e WAN: Topologias e Equipamentos Administração de Empresas 2º Período Informática Aplicada REDES DE COMPUTADORES LAN e WAN: Topologias e Equipamentos Prof. Sérgio Rodrigues 1 INTRODUÇÃO Introdução Este trabalho tem como objetivos: definir

Leia mais

SG 800 SF 800 SG 2620 R SF 1600. Informática Portifólio Redes 2008. Soluções completas em informática e redes www.intelbras.com.br

SG 800 SF 800 SG 2620 R SF 1600. Informática Portifólio Redes 2008. Soluções completas em informática e redes www.intelbras.com.br SF 800 SG 800 Switch 8 portas Fast Ethernet 10/100 Mbps Viabiliza a construção de redes e o compartilhamento de acesso à Internet Integra dispositivos como computadores, impressoras, ATAs, telefones VoIP,

Leia mais

Audiência Pública. Diretorias de Ensino da Rede Pública Estadual de Educação de São Paulo e demais órgãos vinculados

Audiência Pública. Diretorias de Ensino da Rede Pública Estadual de Educação de São Paulo e demais órgãos vinculados Audiência Pública Aquisição de firewall, switch, licença de antivírus de estação, sistema de gerenciamento centralizado e serviços de instalação, configuração, manutenção e suporte técnico, objetivando

Leia mais

Meios de Transmissão. Conceito. Importância. É a conexão física entre as estações da rede. Influência diretamente no custo das interfaces com a rede.

Meios de Transmissão. Conceito. Importância. É a conexão física entre as estações da rede. Influência diretamente no custo das interfaces com a rede. Meios de Transmissão Conceito Importância É a conexão física entre as estações da rede. Influência diretamente no custo das interfaces com a rede. Meios de Transmissão Qualquer meio físico capaz de transportar

Leia mais

Plano de Reestruturaça o CEU-II

Plano de Reestruturaça o CEU-II Plano de Reestruturaça o CEU-II Sumário Sumário... 1 Objetivos... 1 Objetivos específicos... 1 Instalação de infraestrutura para rede lógica... 1 Descritivo da solução... 2 Limitações... 2 Orçamento...

Leia mais

"TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS "TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS I - OBJETO 1.1. Contratação de empresa especializada em serviços de Infraestrutura com manutenção corretiva, manutenção preventiva, instalações, desinstalações,

Leia mais

LOTE 01 VALOR UNITÁRIO VALOR TOTAL ITEM DESCRIÇÃO RESUMIDA UNIDADE QUANTIDADE

LOTE 01 VALOR UNITÁRIO VALOR TOTAL ITEM DESCRIÇÃO RESUMIDA UNIDADE QUANTIDADE LOTE 01 ITEM DESCRIÇÃO RESUMIDA UNIDADE QUANTIDADE 1.1 Ponto de rede CAT.5E utilizando ponto de consolidação. Os equipamentos e materiais incluem, cabo UTP 4 pares, tomada RJ45 fêmea (obedecendo padrões

Leia mais

ANEXO I RELAÇÃO DOS ITENS DA LICITAÇÃO

ANEXO I RELAÇÃO DOS ITENS DA LICITAÇÃO Folha: 1/6 1 2,000 UN MÓDULO BATERIAS PARA NOBREAK 3000VA --- 5.590,0000 11.180,0000 ------------------------------------ Descrição --------- Módulo fechado de baterias estacionárias, que comporte no mínimo

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS

CATÁLOGO DE PRODUTOS CATÁLOGO DE PRODUTOS 2014 Apresentação A PONTO DA REDE iniciou suas atividades em setembro de 1997, com sede em Salvador-Bahia, onde dispomos de um grande estoque para pronta entrega. Atuamos nos mercados

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

OKTOR APRESENTAÇÃO DOS PRODUTOS OKTOR

OKTOR APRESENTAÇÃO DOS PRODUTOS OKTOR OKTOR APRESENTAÇÃO DOS PRODUTOS OKTOR fevereiro/2011 ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 3 2 QUEM SOMOS?... 4 3 PRODUTOS... 5 3.1 SMS... 6 3.2 VOZ... 8 3.3 INFRAESTRUTURA... 12 3.4 CONSULTORIA... 14 4 SUPORTE... 14

Leia mais

GUIA DE MELHORES PRATICAS NA AREA DE TI

GUIA DE MELHORES PRATICAS NA AREA DE TI GUIA DE MELHORES PRATICAS NA AREA DE TI Ambiente Windows Small Business Rev 10501 DATA : 5 / 07/ 2007 Pag : 1 de7 1) Servidores a) Hardware o Servidor Alocado em Rack Fechado em ambiente reservado e refrigerado

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO 1. CABEAMENTO VERTICAL 1.1 INTRODUÇÃO

MEMORIAL DESCRITIVO 1. CABEAMENTO VERTICAL 1.1 INTRODUÇÃO MEMORIAL DESCRITIVO 1. CABEAMENTO VERTICAL 1.1 INTRODUÇÃO O cabeamento vertical, ou cabeamento de backbone integra todas as conexões entre o backbone do centro administrativo e os racks departamentais,

Leia mais

Bancada de CFTV - XI 102 -

Bancada de CFTV - XI 102 - T e c n o l o g i a Bancada de CFTV - XI 102 - Os melhores e mais modernos MÓDULOS DIDÁTICOS para um ensino tecnológico de qualidade. Bancada de CFTV - XI 102 - INTRODUÇÃO As instalações prediais nos novos

Leia mais

LGW4000 Labcom Media Gateway. Labcom Media Gateway Apresentação Geral 10/11/2011

LGW4000 Labcom Media Gateway. Labcom Media Gateway Apresentação Geral 10/11/2011 LGW4000 Labcom Media Gateway Labcom Media Gateway Apresentação Geral 10/11/2011 LGW4000 Labcom Media Gateway LGW4000 é um Media Gateway desenvolvido pela Labcom Sistemas que permite a integração entre

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana. Ata de Formação do Cadastro de Reserva

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana. Ata de Formação do Cadastro de Reserva 05/10/2015 COMPRASNET O SITE DE COMPRAS DO GOVERNO Pregão Eletrônico MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração LatinoAmericana Ata de Formação do Cadastro de de abertura: 16/09/2015 09:02

Leia mais

Disciplina: Cabeamento de Redes Profª Érica Barcelos

Disciplina: Cabeamento de Redes Profª Érica Barcelos Disciplina: Cabeamento de Redes Profª Érica Barcelos CAPÍTULO 4 4. CABEAMENTO ESTRUTURADO- PARTE II Cada nível do subsistema estudado no capítulo anterior foi regulamentado por normas que visam padronizar

Leia mais

Técnico de Manutenção e Suporte em Informática Cabeamento Estruturado Unidade 8 Norma NBR 14565

Técnico de Manutenção e Suporte em Informática Cabeamento Estruturado Unidade 8 Norma NBR 14565 Técnico de Manutenção e Suporte em Informática Cabeamento Estruturado Unidade 8 Norma NBR 14565 Prof. Leandro Cavalcanti de Almeida leandro.almeida@ifpb.edu.br @leandrocalmeida ...rede interna estruturada

Leia mais

OBJETIVOS 1 INFORMAÇÕES ADICIONAIS 1 DISPOSIÇÃO ORGANIZACIONAL 2 PLANTA A 5 PLANTA B 6 DISTRIBUIÇÃO E CONFIGURAÇÃO DOS RACKS 7

OBJETIVOS 1 INFORMAÇÕES ADICIONAIS 1 DISPOSIÇÃO ORGANIZACIONAL 2 PLANTA A 5 PLANTA B 6 DISTRIBUIÇÃO E CONFIGURAÇÃO DOS RACKS 7 ÍNDICES OBJETIVOS 1 JUSTIFICATIVAS 1 INFORMAÇÕES ADICIONAIS 1 SEGURANÇA - INTERNET 1 SISTEMA OPERACIONAL 2 PROTOCOLO TCP/IP 2 INTRANET 2 DISPOSIÇÃO ORGANIZACIONAL 2 ESTAÇÕES 2 MICROS 3 IMPRESSORAS 3 PLANTA

Leia mais

Guia de instalação. SG 2404 PoE

Guia de instalação. SG 2404 PoE Guia de instalação SG 2404 PoE Switch Gerenciável Modelo SG 2404 PoE Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. O SG 2404 PoE é um switch de 24 portas PoE Gigabit

Leia mais

ATAS DE REGISTRO DE PREÇO ESTADUAIS

ATAS DE REGISTRO DE PREÇO ESTADUAIS ATAS DE REGISTRO DE PREÇO ESTADUAIS ATA ESTADUAL Tribunal de Justiça de MG SWITCH CHASSI, MÓDULOS e TRANSCEIVERS Validade: 23 / 05 /2013 Pregão: 026/2012 SWITCHES CHASSI - 7 itens - Validade: 23 / 05 /

Leia mais

Capítulo 1: Introdução às redes de computadores

Capítulo 1: Introdução às redes de computadores ÍNDICE Capítulo 1: Introdução às redes de computadores Redes domésticas... 3 Redes corporativas... 5 Servidor... 5 Cliente... 7 Estação de trabalho... 8 As pequenas redes... 10 Redes ponto-a-ponto x redes

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana. Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00034/2015 (SRP)

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana. Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00034/2015 (SRP) Pregão Eletrônico MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00034/2015 (SRP) Às 10:47 horas do dia 25 de setembro de 2015,

Leia mais

índice 02 CONDIÇÕES BÁSICAS Prezado cliente, REDE DE ACESSO PARA INSTALAÇÃO DOS EQUIPAMENTOS ACOMODAÇÕES DE EQUIPAMENTOS CABOS E CONEXÕES

índice 02 CONDIÇÕES BÁSICAS Prezado cliente, REDE DE ACESSO PARA INSTALAÇÃO DOS EQUIPAMENTOS ACOMODAÇÕES DE EQUIPAMENTOS CABOS E CONEXÕES Prezado cliente, índice Bem-vindo à GVT. Agora sua empresa conta com soluções inovadoras de voz, dados e Internet com o melhor custo-benefício. Para garantir a qualidade dos serviços e aproveitar todos

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Prof. Esp. Fabiano Taguchi http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@gmail.com COMUTAÇÃO CIRCUITOS PACOTES É necessário estabelecer um caminho dedicado entre a origem e o

Leia mais

Conceito de Rede e seus Elementos. Prof. Marciano dos Santos Dionizio

Conceito de Rede e seus Elementos. Prof. Marciano dos Santos Dionizio Conceito de Rede e seus Elementos Prof. Marciano dos Santos Dionizio Conceito de Rede e seus Elementos O conceito de rede segundo Tanenbaum é: um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações

Leia mais

Anexo V: Solução de Pontos de rede local

Anexo V: Solução de Pontos de rede local Anexo V: Solução de Pontos de rede local 1. Objetivo: 1.1. Contratação de solução de Pontos de Rede de telecomunicação para conexão de diversos tipos de equipamentos eletrônicos como computadores, impressoras,

Leia mais

Introdução aos sistemas de cabeamento estruturado

Introdução aos sistemas de cabeamento estruturado Introdução aos sistemas de cabeamento estruturado Prof. José Maurício S. Pinheiro 2010 1 Histórico No início da década de 80 os sistemas Mainframe dominavam o mercado. Surgem os conceitos de "Networking"

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETO A presente licitação tem como objeto a contratação de empresa, especializada e devidamente autorizada pela ANATEL - Agência Nacional de Telecomunicações, prestadora

Leia mais

((TITULO))ATA DA CONSULTA PÚBLICA N.º 03/2009 (PERGUNTAS) AQUISIÇÃO DE SWITCH DE DISTRIBUIÇÃO DE 192 PORTAS

((TITULO))ATA DA CONSULTA PÚBLICA N.º 03/2009 (PERGUNTAS) AQUISIÇÃO DE SWITCH DE DISTRIBUIÇÃO DE 192 PORTAS ((TITULO))ATA DA CONSULTA PÚBLICA N.º 03/2009 (PERGUNTAS) AQUISIÇÃO DE SWITCH DE DISTRIBUIÇÃO DE 192 PORTAS ((TEXTO)) Aos 15 (quinze) dias do mês de junho de dois mil e nove, às 14:00 hs, na sede da Empresa

Leia mais

APRENDIZAGEM INDUSTRIAL. UNIDADE 6 Cabeamento Residencial

APRENDIZAGEM INDUSTRIAL. UNIDADE 6 Cabeamento Residencial APRENDIZAGEM INDUSTRIAL UNIDADE 6 Cabeamento Residencial Cabeamento residencial Sistema que integra os serviços de telecomunicações em uma residência: Rede local de computadores, acesso à internet, controle

Leia mais

Tiago Pasa 14-06-2015 Projeto Rede Wireless Indoor Thielen Health Center

Tiago Pasa 14-06-2015 Projeto Rede Wireless Indoor Thielen Health Center Tiago Pasa 14-06-2015 Projeto Rede Wireless Indoor Thielen Health Center Este prédio possui quatro pavimentos, sendo que o primeiro é o subsolo com apenas duas salas, o segundo e o terceiro possuem salas

Leia mais

Infra-Estrutura de Redes

Infra-Estrutura de Redes Faculdade Anhanguera de São Caetano do Sul Infra-Estrutura de Redes Curso: Tecnologia em Redes de Computadores Prof:Eduardo M. de Araujo Site-http://www.professoreduardoaraujo.com Ementa 1 Apresentação

Leia mais

ANEXO TR QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL

ANEXO TR QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL ANEXO TR QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL REQUISITOS MÍNIMOS DE QUALIFICAÇÃO TÉCNICA DOS PROFISSIONAIS QUE DEVERÃO COMPOR AS EQUIPES TÉCNICAS PREVISTAS NESSA CONTRATAÇÃO PARA AMBOS OS LOTES. QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL

Leia mais

NORMA ANSI/EIA/TIA 568 - B. Projeto Físico de Rede

NORMA ANSI/EIA/TIA 568 - B. Projeto Físico de Rede NORMA ANSI/EIA/TIA 568 - B O PADRÃO BASEIA-SE NOS SEIS PRINCIPAIS COMPONENTES DE UM SISTEMA DE CABEAMENTO ESTRUTURADO, QUE SÃO: 1 FACILIDADE DE ENTRADA (Entrance Facility) : É COMPOSTA POR HARDWARE DE

Leia mais

CONCEITOS BÁSICOS DE REDES E FIREWALL

CONCEITOS BÁSICOS DE REDES E FIREWALL Secretaria Municipal de Educação SME Coordenadoria de Tecnologia da Informação e Comunicação CTIC Núcleo de Tecnologia Municipal NTM CONCEITOS BÁSICOS DE REDES E FIREWALL Amauri Soares de Brito Mário Ângelo

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

22/02/2014. Cabeamento estruturado garante: Organização; Flexibilidade; Desempenho; Escalabilidade; Simplificação do uso; Simplificação da manutenção.

22/02/2014. Cabeamento estruturado garante: Organização; Flexibilidade; Desempenho; Escalabilidade; Simplificação do uso; Simplificação da manutenção. Consiste de um conjunto de produtos de conectividade, empregados de acordo com regras específicas de engenharia; Tais produtos garantem conectividade máxima para os dispositivos existentes e preparam a

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO DE PESSOAS E QUALIDADE DE VIDA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO DE PESSOAS E QUALIDADE DE VIDA ESCOPO PRÉ-PROJETO Para implantação do Sistema de Segurança Eletrônica para o Laboratório de Engenharia Biomédica da UFPE 1. APRESENTAÇÃO 1.1. Este documento tem por finalidade servir de orientação para

Leia mais

Laudo de Viabilidade Técnica e Econômica para Rede Wireless do CDT

Laudo de Viabilidade Técnica e Econômica para Rede Wireless do CDT Laudo de Viabilidade Técnica e Econômica para Rede Wireless do CDT 1. Pré Requisitos Com base no que foi proposta, a rede wireless do Bloco K da Colina deve atender aos seguintes requisitos: Padrão IEEE

Leia mais

Depois, seguem as respostas, com meus comentários. A ênfase na avaliação serão os assuntos lecionados nas três primeiras apresentações.

Depois, seguem as respostas, com meus comentários. A ênfase na avaliação serão os assuntos lecionados nas três primeiras apresentações. Home Expert Redes e Novas Tecnologias Instrutor: Julio Cohen Simulado da Avaliação Final, 4 o módulo novembro de 2011 Caros(as) amigos(as), Elaborei vinte questões que mostram qual será a linha utilizada

Leia mais

Infraestrutura de Redes Locais. Edmilson Carneiro Moreira

Infraestrutura de Redes Locais. Edmilson Carneiro Moreira Infraestrutura de Redes Locais Edmilson Carneiro Moreira Sumário Introdução Histórico Cabeamento Estruturado Conceitos Categorias e Classes de desempenho ANSI/TIA-568-C Referências [1] Paulo Sérgio Cabeamento

Leia mais

Nexcode Systems, todos os direitos reservados. Documento versão 15.1.1 1

Nexcode Systems, todos os direitos reservados. Documento versão 15.1.1 1 Nexcode Systems, todos os direitos reservados. Documento versão 15.1.1 1 1 - INTRODUÇÃO NEXCODE CONTROLS, também conhecido como NEXCON, é um conjunto de soluções de software desenvolvidas pela Nexcode

Leia mais

REFORMA EDIFICAÇÃO PRINCIPAL INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE CÂMPUS AVANÇADO IBIRAMA IBIRAMA/SC

REFORMA EDIFICAÇÃO PRINCIPAL INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE CÂMPUS AVANÇADO IBIRAMA IBIRAMA/SC REFORMA EDIFICAÇÃO PRINCIPAL INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE CÂMPUS AVANÇADO IBIRAMA IBIRAMA/SC MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO DE CABEAMENTO ESTRUTURADO ÍNDICE 1 Informativos gerais 2 Especificações e Tabelas

Leia mais

Há dez anos trazendo as melhores soluções em tecnologia para sua empresa. 2014 v.1

Há dez anos trazendo as melhores soluções em tecnologia para sua empresa. 2014 v.1 Há dez anos trazendo as melhores soluções em tecnologia para sua empresa. 2014 v.1 Produtos DrayTek 2014 v.1 Broadband Router Antenas Access Point Wireless USB Adapter ADSL 2/2+ Router Multi WAN Security

Leia mais