CURRÍCULO PROFISSIONAL. 1. Funções anteriormente exercidas:

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CURRÍCULO PROFISSIONAL. 1. Funções anteriormente exercidas:"

Transcrição

1 CURRÍCULO PROFISSIONAL Nome: João António Valente Torrão Data de nascimento: 24 de Maio de 1952 Local de nascimento: Pedrógão -Penamacor Categoria actual: Juiz Conselheiro da Secção de Contencioso Tributário do Supremo Tribunal Administrativo. 1. Funções anteriormente exercidas: A) Fora da Magistratura: -Professor monitor do CPTV nos anos lectivos de 1972/73 a 1975/76. -Professor do Liceu da Amadora no ano lectivo de 1976/ Advogado estagiário (Candidato à Advocacia) desde até Agosto de 1977, data em que desisti por ter ingressado na Magistratura do M P em 19 de Agosto desse ano. B) Na Magistratura do M P e Judicial: - Delegado do Procurador da República-estagiário na comarca de Lisboa em 1977/78 e, posteriormente (antes da nomeação como Delegado efectivo), na Comarca de Sabugal. -Delegado do Procurador da República nas Comarcas de Povoação (Açores) e Fundão de 1978 a Juiz de Direito Estagiário na Comarca de Oeiras no ano de Juiz de Direito nas Comarcas de Povoação e Vila Franca do Campo (Açores) desde inícios de 1983 a Setembro de Juiz de Direito do 1º Juízo do Tribunal do Trabalho de Lisboa, desde Outubro de 1985 a Julho de C) Nos Tribunais Administrativos e Fiscais: - Juiz de Direito do 9 Juízo do Tribunal Tributário de 1 a Instância de Lisboa de Julho de 1989 a Novembro de Juiz de Direito do 1 Juízo do Tribunal Fiscal Aduaneiro de Lisboa, desde Novembro de 1991 a Abril de 1994 (tendo também

2 acumulado as mesmas funções com as de Juiz do 2 Juízo durante alguns meses, facto do conhecimento do CSTAF). - Juiz do Tribunal Tributário de 2 a Instância, desde Novembro de 1995 e, após a extinção deste, Juiz da Secção de Contencioso Tributário do Tribunal Central Administrativo até Fevereiro de 2004, com posterior transferência para o Tribunal Central Administrativo Norte, estando actualmente a exercer funções no Tribunal Central Administrativo Sul. D) Em comissão de serviço nos Tribunais de Macau: Juiz de Direito nos Tribunais de Macau, em comissão de serviço, devidamente autorizada pelo CSTAF e que obteve várias renovações. Durante o período de funções em Macau - desde Abril de 1994 a de o signatário desempenhou as seguintes funções: a) Juiz de Direito dos Tribunais de 1ª Instância de Macau. b) Presidente de Tribunal Colectivo a partir de e até final da comissão de serviço em c) Magistrado formador de auditores judiciais por deliberação do Conselho Judiciário de Macau. d) Magistrado formador de magistrados judiciais nomeado pelo Conselho Judiciário de Macau sob proposta do Centro de Formação de Magistrados.. e) Magistrado formador de magistrados judiciais nomeado pelo Governador de Macau sob proposta do Conselho Pedagógico do Centro de Formação de Magistrados de Macau. f) Formador no 6 Curso de formação para Investigadores de 2 a Classe realizado na escola da Polícia Judiciária de Macau, tendo leccionado a matéria de Introdução ao Direito Penal, de acordo com o Programa g) Formador no 3 Curso de Aperfeiçoamento Policial para Subchefes da PMF realizado na Escola da Polícia Judiciária de Macau, tendo leccionado a matéria Direito Penal, de acordo com o programa junto e do qual resultou um dos trabalhos adiante referidos. j) Formador no 3 Curso de Formação para Inspector de 2 a classe, do 2 Curso de Formação para Inspector Estagiário da PMF realizado na

3 Escola da Polícia Judiciária de Macau, tendo leccionado a matéria Direito Constitucional, de acordo com o programa junto e do qual resultou um dos trabalhos adiante referidos. 2. Cursos e seminários frequentados: Durante os vários anos de actividade profissional e procurando a sua valorização, o signatário frequentou, entre muitos outros dos quais não possui certificado de frequência, os seguintes cursos ou seminários: a) Ilícito de mera Ordenação Social. b) Curso de Introdução ao Direito Humanitário. c) Curso de Direito Comunitário. d) Seminário Direito Comunitário. e) Seminário Organização Judiciária. f) Curso Corrupção e Fraudes Antieconómicas ) g) Seminário 'A Tutela dos Interesses Difusos e o Acesso ao Direito e à Justiça. h) Seminário 'Direito Processual Civil'. i) Curso Jornadas Luso -Espanholas -As reformas do Código Penal. j) Curso Cessação do Contrato de Trabalho por Motivos Respeitantes à Empresa l) Curso de Técnicas de Atendimento e de Comunicação. m) Curso de Informática para Dirigentes n) Frequência do Curso 'Windows e Word 2000'. 3. Classificações de serviço: a) Bom com distinção, obtida no Tribunal de Trabalho de Lisboa e atribuída pelo Conselho Superior da Magistratura. b) Bom com distinção obtida no Tribunal de Trabalho de Lisboa e atribuída pelo Conselho Superior da Magistratura c) Muito Bom, obtida pelo serviço prestado no 9 Juízo do Tribunal Tributário de 1 a Instância de Lisboa, atribuída pelo CSTAF.. d) Muito Bom, obtida pelo serviço prestado no Tribunal Fiscal Aduaneiro de Lisboa.. e) Muito Bom, obtida pelo serviço prestado em Macau e atribuída pelo Conselho Judiciário de Macau.

4 4. Outras funções públicas desempenhadas: - Membro do Conselho Superior dos Tribunais Administrativos e Fiscais desde Novembro de 1992 a Abril de 1994, eleito conforme declaração publicada no DR, n 244, II Série de Presidente dos Tribunais de 1ª Instância de Macau. - Membro do Conselho Superior de Advocacia ao abrigo do disposto no art 5 c) do Decreto Lei n 31/91/M, de 6.5, por ter sido eleito para tais funções pelos Juízes de Macau, nos anos de 1995/ Presidente do Tribunal Central Administrativo Norte, desde Fevereiro de 2004 a Fevereiro de Outras funções públicas desempenhadas com relevância para o cargo a preencher: a) Presidente da comissão que efectuou uma sindicância ao Laboratório de Geociências dos Açores, sindicância essa destinada a apurar, nomeadamente, a violação das normas sobre contabilidade pública então vigentes. b) Em Macau, e na qualidade de substituto dos Juízes do Tribunal de Contas, o signatário proferiu alguns despachos em processos daquele Tribunal (não se apresenta qualquer documento, em virtude de, na altura, não pensar que este facto pudesse vir a ser-me de alguma utilidade; juntase apenas cópia do Decreto-Lei nº 18/92-M, de 2 de Março (v. artº 7º) - c) Ainda em Macau, e como acima se referiu, o signatário desempenhou as funções de Presidente dos Tribunais de 1ª Instância, representando o Tribunal e exercendo as demais atribuições administrativas previstas na lei. 6. Graduações obtidas em concurso anteriores: a) 2º lugar no concurso para juiz dos Tribunais Tributários de 1ª Instância. b) 4º lugar no concurso para juiz do Tribunal Tributário de 2ª Instância.

5 c) 11º lugar no concurso para Juiz da 1ª Secção do Supremo Tribunal Administrativo, aberto por Aviso publicado no DR, 2ª Série, de d) 3º lugar no concurso para Juiz da secção do Contencioso Tributário do Supremo Tribunal Administrativo, aberto por Aviso publicado no DR, 2ª Série, de 21 de Outubro de e) O signatário foi também concorrente ao lugar de juiz do Tribunal de Contas tendo sido classificado em 1º lugar (mas, em virtude de ser mais novo que outro candidato classificado com a mesma pontuação passou a 2º lugar). Não exerceu funções neste Tribunal por opção sua, em virtude de ter preferido a colocação no Supremo tribunal Administrativo. 7. Classificação académica final: Apto (em 1974 e 1975, época pós 25 de Abril, na Faculdade de Direito de Lisboa não houve notação numérica final, mas apenas apto). ) 8. Trabalhos jurídicos publicados a) Código Aduaneiro Comunitário - Anotado e Comentado - Almedina, b) Código de Procedimento e de Processo Tributário - Anotado e Comentado - Almedina, c) Código do Imposto sobre o Valor Acrescentado -Anotado e Comentado -Almedina d) Código dos Impostos Especiais de Consumo e Respectivo Regime Sancionatório - Anotado e Comentado - Edimarta e) Legislação Aduaneira (com notas) - Edimarta f) Legislação Fiscal sobre Automóveis - Anotada e Comentada - Edimarta g) Da impugnação judicial do acto tributário Edimarta, 2006 h) O Processo de execução fiscal Edimarta, 2006

6 i) O Recurso de Revista no CPC e no CPTA - Edimarta 2008 j) O Tribunal de Contas - Edimarta Trabalhos jurídicos não publicados escritos para uso dos formandos da Polícia Judiciária de Macau conforme acima referido: a) Código Penal de Macau (Parte Especial) - Breves Notas b) Algumas Notas sobre o Direito Constitucional de Macau 8. Trabalhos (acórdãos relatados) pelo signatário: Dezenas ou centenas de acórdãos, relatados pelo signatário, e que seria fastidioso indicar, muitos dos quais se encontram publicados no site da DGSI

CURRICULUM VITAE. Membro do Júri da provas orais da Ordem dos Advogados, desde Junho de 2013

CURRICULUM VITAE. Membro do Júri da provas orais da Ordem dos Advogados, desde Junho de 2013 CURRICULUM VITAE IDENTIFICAÇÃO Nome: Célia Maria Estalagem Caritas Nome profissional: Célia Caritas e-mail: celiacaritas.ecpr@gmail.com e celia.caritas-14842l@advogados.oa.pt Membro do Júri da provas orais

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Dados Pessoais: Habilitações académicas: Dados Profissionais: Outras Funções Profissionais:

CURRICULUM VITAE. Dados Pessoais: Habilitações académicas: Dados Profissionais: Outras Funções Profissionais: CURRICULUM VITAE Dados Pessoais: - António de Sousa Marinho e Pinto, (também usa assinar António Marinho e Pinto ou apenas António Marinho), divorciado, nascido a 10 de Setembro de 1950, na freguesia de

Leia mais

NOVOS RUMOS PARA A JUSTIÇA ADMINISTRATIVA BALANÇO DA 1.ª REAJA

NOVOS RUMOS PARA A JUSTIÇA ADMINISTRATIVA BALANÇO DA 1.ª REAJA NOVOS RUMOS PARA A JUSTIÇA ADMINISTRATIVA BALANÇO DA 1.ª REAJA COMISSÃO ORGANIZADORA DA 1.ª REAJA SUMÁRIO: Introdução. Propostas apresentadas na 1.ª REAJA: I Organização Judiciária; II Processo administrativo;

Leia mais

Curriculum vitae. BI n.º 10074967, emitido em Lisboa, em 4/6/2007. Contribuinte n.º 220625140, do 11º bairro Fiscal de Lisboa

Curriculum vitae. BI n.º 10074967, emitido em Lisboa, em 4/6/2007. Contribuinte n.º 220625140, do 11º bairro Fiscal de Lisboa Curriculum vitae Dados pessoais Ana Gouveia e Freitas Martins Nascida em Lisboa a 10 de Abril de 1973 BI n.º 10074967, emitido em Lisboa, em 4/6/2007 Contribuinte n.º 220625140, do 11º bairro Fiscal de

Leia mais

DERROGAÇÃO DE SIGILO BANCÁRIO

DERROGAÇÃO DE SIGILO BANCÁRIO Delegação de Viana do Castelo Direcção de Finanças de Viana do Castelo DERROGAÇÃO DE SIGILO BANCÁRIO CONFERÊNCIA jesuinoamartins@gmail.com 04.06.2015 Atribuições da AT No conjunto das actividades desenvolvida

Leia mais

DADOS PESSOAIS: Licenciado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra. Média de 16 valores. EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL:

DADOS PESSOAIS: Licenciado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra. Média de 16 valores. EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL: DADOS PESSOAIS: Nome: João Jorge Gil Rodrigues Cardoso de Almeida Nacionalidade: Portuguesa Nascimento: 23 de Julho de 1976 Estado civil: Casado Residência: Rua da Serra n.º39 A, Vila Verde. 3090-653 Figueira

Leia mais

Instituto Superior de Contabilidade e Administração de Coimbra

Instituto Superior de Contabilidade e Administração de Coimbra Artigo 1.º Âmbito O presente Regulamento fixa as normas gerais relativas a matrículas e inscrições nos cursos do Instituto Superior de Contabilidade e Administração de Coimbra. Artigo 2.º Definições De

Leia mais

CURRICULUM VITAE 1. DADOS PESSOAIS

CURRICULUM VITAE 1. DADOS PESSOAIS 1 CURRICULUM VITAE 1. DADOS PESSOAIS Nome: Maria José Bravo Escritório: Rua Paiva Coelho, n.º 28-1º Esq., 2840-520 Seixal Telefone: 21 221 75 81 Fax: 21 222 84 54 Telemóvel: 91 458 88 48 / 96 304 08 67

Leia mais

CURRICULUM VITAE RUI CARLOS GONÇALVES PINT0. 1. Identificação 2. Competências académicas 3. Situação profissional actual 4. Experiência profissional

CURRICULUM VITAE RUI CARLOS GONÇALVES PINT0. 1. Identificação 2. Competências académicas 3. Situação profissional actual 4. Experiência profissional CURRICULUM VITAE RUI CARLOS GONÇALVES PINT0 1. Identificação 2. Competências académicas 3. Situação profissional actual 4. Experiência profissional 4.1. Ensino 4.2. Formação 4.3. Consultoria 4.4. Comunicações

Leia mais

Reinscrição em novo Curso de Estágio

Reinscrição em novo Curso de Estágio Reinscrição em novo Curso de Estágio 1) Requerimento de reinscrição de Advogado Estagiário (anexo A); 2) Certidão narrativa do Registo de Nascimento (no caso de haver novos averbamentos); 3) Certificado

Leia mais

A Nova Organização Judiciária

A Nova Organização Judiciária A Nova Organização Judiciária Lei n.º 62/2013, de 26/8 (LOSJ) Decreto-lei n.º 49/2014, de 27/3 (ROFTJ) PAULO PIMENTA Conselho Distrital do Porto da Ordem dos Advogados 15 de Julho de 2014 1 Lei n.º 3/99,

Leia mais

Acórdão do Supremo Tribunal Administrativo

Acórdão do Supremo Tribunal Administrativo Acórdãos STA Processo: 0831/11 Data do Acordão: 16-11-2011 Tribunal: 2 SECÇÃO Relator: PEDRO DELGADO Descritores: Acórdão do Supremo Tribunal Administrativo GRADUAÇÃO DE CRÉDITOS IRS IRC HIPOTECA PRIVILÉGIO

Leia mais

LEI N.º 10/91 ESTATUTO DOS MAGISTRADOS CAPÍTULO I ESTATUTO. Artigo l.º

LEI N.º 10/91 ESTATUTO DOS MAGISTRADOS CAPÍTULO I ESTATUTO. Artigo l.º LEI N.º 10/91 A Assembleia Nacional no uso das atribuições que lhe são conferidas ao abrigo da alínea d) do artigo 87º. Da Constituição, aprova a seguinte Lei: ESTATUTO DOS MAGISTRADOS CAPÍTULO I ESTATUTO

Leia mais

47768 Diário da República, 2.ª série N.º 233 6 de Dezembro de 2011

47768 Diário da República, 2.ª série N.º 233 6 de Dezembro de 2011 47768 Diário da República, 2.ª série N.º 233 6 de Dezembro de 2011 Artigo 17.º Elementos que constam obrigatoriamente dos diplomas e cartas de curso Dos diplomas e cartas de curso constarão os seguintes

Leia mais

Diário da República, 2.ª série N.º 89 7 de Maio de 2010

Diário da República, 2.ª série N.º 89 7 de Maio de 2010 Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril Diário da República, 2.ª série N.º 89 7 de Maio de 2010 Regulamento n.º 416/2010 Regulamento das provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Alexandra Ludomila Ribeiro Fernandes Leitão. Dados pessoais. Habilitações literárias

CURRICULUM VITAE. Alexandra Ludomila Ribeiro Fernandes Leitão. Dados pessoais. Habilitações literárias CURRICULUM VITAE Alexandra Ludomila Ribeiro Fernandes Leitão Dados pessoais Data de Nascimento: 8 de Abril de 1973 Local de Nascimento: Lisboa Nacionalidade: Portuguesa Estado Civil: Casada Habilitações

Leia mais

Concurso público para a prestação de serviços de iluminação, som e palco para a Feira do Livro a realizar entre 20 e 29 de Maio de 2011

Concurso público para a prestação de serviços de iluminação, som e palco para a Feira do Livro a realizar entre 20 e 29 de Maio de 2011 Concurso público para a prestação de serviços de iluminação, som e palco para a Feira do Livro a realizar entre 20 e 29 de Maio de 2011 Programa de concurso CMF Abril de 2011 Programa de concurso Pág.

Leia mais

Fórum Jurídico. Junho 2013 Direito do Trabalho INSTITUTO DO CONHECIMENTO AB. www.abreuadvogados.com 1/5

Fórum Jurídico. Junho 2013 Direito do Trabalho INSTITUTO DO CONHECIMENTO AB. www.abreuadvogados.com 1/5 Junho 2013 Direito do Trabalho A Livraria Almedina e o Instituto do Conhecimento da Abreu Advogados celebraram em 2012 um protocolo de colaboração para as áreas editorial e de formação. Esta cooperação

Leia mais

AUTORIZAÇÃO Nº ICP - 008/TVC

AUTORIZAÇÃO Nº ICP - 008/TVC AUTORIZAÇÃO Nº ICP - 008/TVC Por despacho do Secretário de Estado da Habitação de 12 de Maio de 1994, proferido nos termos do nº 2 do artigo 4º do Decreto-Lei nº 292/91, de 13 de Agosto, foi autorizada

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE COIMBRA EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO DE ACESSO MESTRADO EM ENGENHARIA E GESTÃO INDUSTRIAL.

INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE COIMBRA EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO DE ACESSO MESTRADO EM ENGENHARIA E GESTÃO INDUSTRIAL. INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE COIMBRA EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO DE ACESSO MESTRADO EM ENGENHARIA E GESTÃO INDUSTRIAL Edição 2015-2017 Nos termos do Decreto -Lei n.º 42/2005, de pelo 22 de Fevereiro,

Leia mais

SUSPENSÃO DO PROCESSO NO DIREITO PENAL TRIBUTÁRIO PORTUGUÊS

SUSPENSÃO DO PROCESSO NO DIREITO PENAL TRIBUTÁRIO PORTUGUÊS SUSPENSÃO DO PROCESSO NO DIREITO PENAL TRIBUTÁRIO PORTUGUÊS No Processo Penal Português está plasmado o princípio da suficiência daquele, o qual, nos termos do disposto no artigo 7.º, n.º 1, CPP, prevê

Leia mais

PROPOSTA ALTERNATIVA

PROPOSTA ALTERNATIVA PROJECTO DECRETO LEI SOBRE O EXERCÍCIO DA COORDENAÇÃO EM MATÉRIA DE SEGURANÇA E SAÚDE NA ACTIVIDADE DE, PREVISTA NO DECRETO LEI N.º 273/2003, DE 29 DE OUTUBRO, BEM COMO O RECONHECIMENTO DOS RESPECTIVOS

Leia mais

Apostila Exclusiva Direitos Autorais Reservados www.thaisnunes.com.br 1

Apostila Exclusiva Direitos Autorais Reservados www.thaisnunes.com.br 1 Direito - Técnico do TRF 4ª Região É possível estudar buscando materiais e aulas para cada uma das matérias do programa do concurso de Técnico do TRF 4ª Região. Basta disciplina e organização. Sugestão

Leia mais

ALTERAÇÕES AO REGIME DO DESEMPREGO (comparação artigo a artigo) Redacção anterior Nova redação DL 64/2012 Artigo 9.º

ALTERAÇÕES AO REGIME DO DESEMPREGO (comparação artigo a artigo) Redacção anterior Nova redação DL 64/2012 Artigo 9.º ALTERAÇÕES AO REGIME DO DESEMPREGO (comparação artigo a artigo) Artigo 9.º Artigo 9.º Desemprego involuntário Desemprego involuntário 1 - O desemprego considera-se involuntário sempre que a cessação do

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO DISTRITO FEDERAL DOAÇÃO DE LIVROS

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO DISTRITO FEDERAL DOAÇÃO DE LIVROS MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO DISTRITO FEDERAL DOAÇÃO DE LIVROS Conforme dispõe a Instrução Normativa MPF/SG/SA nº 001/1993, os bens classificados como IRRECUPERÁVEIS poderão

Leia mais

JORNAL OFICIAL. Suplemento. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Quarta-feira, 22 de janeiro de 2014. Série. Número 15

JORNAL OFICIAL. Suplemento. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Quarta-feira, 22 de janeiro de 2014. Série. Número 15 REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA JORNAL OFICIAL Quarta-feira, 22 de janeiro de 2014 Série Suplemento Sumário SECRETARIA REGIONAL DO PLANO E FINANÇAS Aviso n.º 13/2014 Celebra o contrato de trabalho por tempo

Leia mais

DECRETO N.º 41/IX. Artigo 1.º Objecto

DECRETO N.º 41/IX. Artigo 1.º Objecto DECRETO N.º 41/IX CRIA UM NOVO INSTRUMENTO DE GESTÃO DESTINADO A CONFERIR AOS CONSELHOS SUPERIORES E AO MINISTÉRIO DA JUSTIÇA COMPETÊNCIA PARA ADOPTAR MEDIDAS EXCEPCIONAIS DESTINADAS A SUPERAR SITUAÇÕES

Leia mais

Supremo Tribunal Administrativo:

Supremo Tribunal Administrativo: Acórdãos STA Processo: 01241/09 Data do Acordão: 24-03-2010 Acórdão do Supremo Tribunal Administrativo Tribunal: Relator: Descritores: Sumário: 2 SECÇÃO DULCE NETO IRS MAIS VALIAS REINVESTIMENTO EMPRÉSTIMO

Leia mais

CURRICULUM VITAE INFORMAÇÃO PESSOAL. NOME - Diogo Nuno de Gouveia Torres Feio FORMAÇÃO ACADÉMICA

CURRICULUM VITAE INFORMAÇÃO PESSOAL. NOME - Diogo Nuno de Gouveia Torres Feio FORMAÇÃO ACADÉMICA CURRICULUM VITAE INFORMAÇÃO PESSOAL NOME - Diogo Nuno de Gouveia Torres Feio FORMAÇÃO ACADÉMICA 1998 - Mestrado em Ciências Jurídico-Políticas, pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, com

Leia mais

EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS EM NÍVEL SUPERIOR DO CURSO DE DIREITO

EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS EM NÍVEL SUPERIOR DO CURSO DE DIREITO EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS EM NÍVEL SUPERIOR DO CURSO DE DIREITO A Comissão de Seleção de Estágio torna público o Processo Seletivo para o preenchimento de 5 (cinco) vagas para

Leia mais

Regulamentos REGULAMENTO DE PROPINAS DA UPORTO

Regulamentos REGULAMENTO DE PROPINAS DA UPORTO Regulamentos REGULAMENTO DE PROPINAS DA UPORTO Aprovado pelo Conselho Geral da UPorto em 26 de Fevereiro de 2010 Alterado pelo Conselho Geral da UPorto em 18 de Março de 2011 Ao abrigo da Lei n.º 37/2003,

Leia mais

ADITIVO AO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N 001/2007

ADITIVO AO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N 001/2007 ADITIVO AO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N 001/2007 O Presidente da Fundação de Apoio à Universidade Federal de São João del-rei FAUF e o Prefeito Municipal de Ibirité, Antonio Pinheiro Júnior, faz saber

Leia mais

Programa de Formação para Profissionais

Programa de Formação para Profissionais Programa de Formação para Profissionais 1 O ACESSO À INFORMAÇÃO DE SAÚDE DIREITOS, PROCEDIMENTOS E GARANTIAS Sérgio Pratas smpratas@gmail.com Maio e Junho 2015 2 Programa: 1. O acesso à informação de saúde

Leia mais

Diário da República, 1.ª série N.º 133 13 de Julho de 2009 4449. (CNC), anexo ao presente decreto -lei e que dele faz parte integrante. Artigo 2.

Diário da República, 1.ª série N.º 133 13 de Julho de 2009 4449. (CNC), anexo ao presente decreto -lei e que dele faz parte integrante. Artigo 2. Diário da República, 1.ª série N.º 133 13 de Julho de 2009 4449 Decreto-Lei n.º 160/2009 de 13 de Julho Com a aprovação de um novo Sistema de Normalização Contabilística, inspirado nas normas internacionais

Leia mais

JUSTIÇA MILITAR. ORGANIZAÇÃO E COMPETÊNCIA

JUSTIÇA MILITAR. ORGANIZAÇÃO E COMPETÊNCIA JUSTIÇA MILITAR. ORGANIZAÇÃO E COMPETÊNCIA CONFORMAÇÃO CONSTITUCIONAL Constituição Federal (OBS: o Decreto 4.346/02 exige o cumprimento do contraditório na apuração das infrações disciplinares) Art. 92.

Leia mais

GESTÃO - INFORMAÇÃO - ORGANIZAÇÃO. Grande Lisboa Noroeste

GESTÃO - INFORMAÇÃO - ORGANIZAÇÃO. Grande Lisboa Noroeste GESTÃO - INFORMAÇÃO - ORGANIZAÇÃO Grande Lisboa Noroeste Lisboa, 3 de Abril de 2012 AGENDA 1. Modelo de Gestão 2. Grande Lisboa Noroeste Uma experiência 3. Secretarias Judiciais - desenho organizacional

Leia mais

Licenciatura 2014-2015

Licenciatura 2014-2015 Licenciatura 2014-2015 DIREITO FISCAL PROFS. DOUTORES ANA PAULA DOURADO PAULA ROSADO PEREIRA GUSTAVO LOPES COURINHA MESTRE NUNO GARCIA Programa 1. Enquadramento geral Objecto da disciplina de Direito Fiscal.

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Salomão Taumaturgo Marques

CURRICULUM VITAE. Salomão Taumaturgo Marques CURRICULUM VITAE Salomão Taumaturgo Marques Informações Pessoais Nome: Salomão Taumaturgo Marques E- mail: staumaturgo@tlaadvogados.com.br Advogado Inscrito na OAB Seccional do Distrito Federal sob o nº

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL PENAL PORTUGUÊS

DIREITO PROCESSUAL PENAL PORTUGUÊS Germano Marques da Silva Professor da Faculdade de Direito Universidade Católica Portuguesa DIREITO PROCESSUAL PENAL PORTUGUÊS VOL. I Universidade Católica Editora Lisboa, 2013 PREFÁCIO Este livro deveria

Leia mais

PROPOSTA DE LEI N.º 155/X. Exposição de Motivos

PROPOSTA DE LEI N.º 155/X. Exposição de Motivos PROPOSTA DE LEI N.º 155/X Exposição de Motivos O novo Estatuto dos Tribunais Administrativos e Fiscais e o Código de Processo nos Tribunais Administrativos, que procederam à reforma do contencioso administrativo,

Leia mais

PROPOSTA DE LEI N.º 60/IX

PROPOSTA DE LEI N.º 60/IX PROPOSTA DE LEI N.º 60/IX AUTORIZA O GOVERNO A CRIAR REGRAS ESPECÍFICAS SOBRE O ACESSO À PROFISSÃO DE MOTORISTA DE TÁXI, ATRAVÉS DA CONCESSÃO DE UMA AUTORIZAÇÃO EXCEPCIONAL QUE VIGORARÁ POR UM PERÍODO

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA A SELEÇÃO PÚBLICA DO PROGRAMA DE ESTÁGIO DA PROCURADORIA GERAL DO ESTADO

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA A SELEÇÃO PÚBLICA DO PROGRAMA DE ESTÁGIO DA PROCURADORIA GERAL DO ESTADO ESTADO DE PERNAMBUCO PROCURADORIA GERAL DO ESTADO EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA A SELEÇÃO PÚBLICA DO PROGRAMA DE ESTÁGIO DA PROCURADORIA GERAL DO ESTADO O PROCURADOR GERAL DO ESTADO, no uso das

Leia mais

CÓDIGOS TRIBUTÁRIOS EDIÇÃO DE BOLSO

CÓDIGOS TRIBUTÁRIOS EDIÇÃO DE BOLSO CÓDIGOS TRIBUTÁRIOS EDIÇÃO DE BOLSO (5.ª Edição) Actualização N.º 5 Códigos Tributários Edição de Bolso 2 TÍTULO: AUTORES: CÓDIGOS TRIBUTÁRIOS EDIÇÃO DE BOLSO Actualização N.º 5 BDJUR EDITOR: EDIÇÕES ALMEDINA,

Leia mais

LEI ELEITORAL do PARLAMENTO EUROPEU. Lei nº 14/87, de 29 de abril

LEI ELEITORAL do PARLAMENTO EUROPEU. Lei nº 14/87, de 29 de abril LEI ELEITORAL do PARLAMENTO EUROPEU Lei nº 14/87, de 29 de abril Com as alterações introduzidas pelos seguintes diplomas legais: Declaração de Retificação de 7 maio 1987, Lei nº 4/94, de 9 de março, e

Leia mais

EDITAL Nº 002/2014 PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS EM NÍVEL SUPERIOR DO CURSO DE DIREITO

EDITAL Nº 002/2014 PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS EM NÍVEL SUPERIOR DO CURSO DE DIREITO EDITAL Nº 002/2014 PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS EM NÍVEL SUPERIOR DO CURSO DE DIREITO A Comissão de Seleção de Estágio torna público o Processo Seletivo para formação de cadastro de reserva para Estagiários

Leia mais

*B08023049E* Data: 07-03-2008

*B08023049E* Data: 07-03-2008 *B08023049E* C I R C U L A R Nº B08023049E Data: 07-03-2008 Serviço de Origem: DIRECÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSUNTOS JURÍDICOS E CONTENCIOSO ENVIADA PARA: Inspecção Geral da Educação Direcções Gerais Direcções

Leia mais

ACORDO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E OS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA RELATIVO À ASSISTÊNCIA MÚTUA ENTRE OS RESPECTIVOS SERVIÇOS ADUANEIROS.

ACORDO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E OS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA RELATIVO À ASSISTÊNCIA MÚTUA ENTRE OS RESPECTIVOS SERVIÇOS ADUANEIROS. Decreto n.º 25/95 Acordo entre a República Portuguesa e os Estados Unidos da América Relativo à Assistência Mútua entre os Respectivos Serviços Aduaneiros Nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo 200.º

Leia mais

SINDICATO DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA. Decreto-Lei n.º 343/99, de 26 de Agosto

SINDICATO DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA. Decreto-Lei n.º 343/99, de 26 de Agosto SINDICATO DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA Decreto-Lei n.º 343/99, de 26 de Agosto Alterações: - DL n.º 175/2000, de 09 de Agosto - DL n.º 96/2002, de 12 de Abril - DL n.º 169/2003, de 01 de Agosto - Lei n.º 42/2005,

Leia mais

5760 Diário da República, 1.ª série N.º 168 31 de Agosto de 2009

5760 Diário da República, 1.ª série N.º 168 31 de Agosto de 2009 5760 Diário da República, 1.ª série N.º 168 31 de Agosto de 2009 Decreto-Lei n.º 207/2009 de 31 de Agosto Com a revisão dos estatutos das carreiras docente do ensino universitário, de investigação, e docente

Leia mais

FÓRUM DOS PRESIDENTES DOS SUPREMOS TRIBUNAIS DE JUSTIÇA DOS PAÍSES E TERRITÓRIOS DE LÍNGUA PORTUGUESA ANGOLA

FÓRUM DOS PRESIDENTES DOS SUPREMOS TRIBUNAIS DE JUSTIÇA DOS PAÍSES E TERRITÓRIOS DE LÍNGUA PORTUGUESA ANGOLA ANGOLA Memorandum Sobre a Estrutura e Funcionamento do Sistema Judicial de Angola O Sistema Judicial da República de Angola, como não podia deixar de ser, pode buscar a sua informação no Texto da Constituição

Leia mais

INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA EDITAL DE ABERTURA DE ACESSO A CURSOS DE MESTRADOS DO INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE COIMBRA.

INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA EDITAL DE ABERTURA DE ACESSO A CURSOS DE MESTRADOS DO INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE COIMBRA. INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA EDITAL DE ABERTURA DE ACESSO A CURSOS DE MESTRADOS DO INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE COIMBRA Edição 2014-2016 Nos termos do Decreto -Lei n.º 42/2005, de pelo 22 de

Leia mais

MINISTÉRIO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES AVISO

MINISTÉRIO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES AVISO MINISTÉRIO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES AVISO Concurso interno de acesso geral para a categoria de especialista de informática de grau 2, nível 1 da carreira de especialista de informática,

Leia mais

Nos termos da alínea a) do n.º 1 do artigo 201.º da Constituição, o Governo decreta o seguinte: CAPÍTULO I Campo de aplicação

Nos termos da alínea a) do n.º 1 do artigo 201.º da Constituição, o Governo decreta o seguinte: CAPÍTULO I Campo de aplicação A leitura deste documento, que transcreve o conteúdo do Decreto-Lei n.º 14/90, de 8 de Janeiro, não substitui a consulta da sua publicação em Diário da República. Decreto-Lei n.º 14/90 de 8 de Janeiro

Leia mais

- 400 Apostilas específicas e genéricas. - 30.000 Testes e exercícios. - 1.000 Provas de concursos anteriores.

- 400 Apostilas específicas e genéricas. - 30.000 Testes e exercícios. - 1.000 Provas de concursos anteriores. Página 1 de 5 Atualizado em 15/12/09 Correios Correios: saíram editais para 6.565 vagas em todo o país. 2º e 3º graus Concurso Correios Foram publicados os Editais para o concurso Correios 2009-2010. O

Leia mais

SEMINÁRIO - O PODER JUDICIÁRIO E O NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL ENUNCIADOS APROVADOS

SEMINÁRIO - O PODER JUDICIÁRIO E O NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL ENUNCIADOS APROVADOS 1) Entende-se por fundamento referido no art. 10 do CPC/2015 o substrato fático que orienta o pedido, e não o enquadramento jurídico atribuído pelas partes. 2) Não ofende a regra do contraditório do art.

Leia mais

Instituto Politécnico de Lisboa Escola Superior de Música de Lisboa MESTRADO EM ENSINO DA MÚSICA REGULAMENTO SECÇÃO I DA ORGANIZAÇÃO E GESTÃO DO CURSO

Instituto Politécnico de Lisboa Escola Superior de Música de Lisboa MESTRADO EM ENSINO DA MÚSICA REGULAMENTO SECÇÃO I DA ORGANIZAÇÃO E GESTÃO DO CURSO Instituto Politécnico de Lisboa Escola Superior de Música de Lisboa MESTRADO EM ENSINO DA MÚSICA REGULAMENTO SECÇÃO I DA ORGANIZAÇÃO E GESTÃO DO CURSO Artigo 1º Objecto 1 O presente regulamento aplica-se

Leia mais

Lei Orgânica da Provedoria de Justiça

Lei Orgânica da Provedoria de Justiça Lei Orgânica da Provedoria de Justiça Decreto-Lei n.º 279/93, de 11 de Agosto (alterado pelo Decreto Lei N.º15/98, de 29 de Janeiro) (alterado pelo Decreto-Lei n.º 195/2001, de 27 de Junho) (alterado pelo

Leia mais

CURRICULUM VITAE de Joaquim Pedro Formigal Cardoso da Costa (Dezembro de 2011)

CURRICULUM VITAE de Joaquim Pedro Formigal Cardoso da Costa (Dezembro de 2011) CURRICULUM VITAE de Joaquim Pedro Formigal Cardoso da Costa (Dezembro de 2011) 0. Dados pessoais - Nasceu em 17 de Janeiro de 1965, em Coimbra, na freguesia da Sé Nova, concelho e distrito de Coimbra;

Leia mais

PARECER Nº, DE 2012. RELATOR: Senador RENAN CALHEIROS

PARECER Nº, DE 2012. RELATOR: Senador RENAN CALHEIROS PARECER Nº, DE 2012 Da COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO, JUSTIÇA E CIDADANIA, sobre a Mensagem Presidencial nº 82, de 2012 (nº 403, 10 de setembro de 2012, na origem), que submete à aprovação do Senado Federal

Leia mais

LICENÇA Nº ICP 01/2001-SP

LICENÇA Nº ICP 01/2001-SP LICENÇA Nº ICP 01/2001-SP O Conselho de Administração do Instituto das Comunicações de Portugal (ICP), em reunião efectuada em 1 de Outubro de 2001, deliberou, ao abrigo da alínea j) do nº 1 e do nº 2,

Leia mais

Estatuto Orgânico do Ministério da Administração Pública, Emprego e Segurança Social

Estatuto Orgânico do Ministério da Administração Pública, Emprego e Segurança Social Estatuto Orgânico do Ministério da Administração Pública, Emprego e Segurança Social Ter, 02 de Junho de 2009 18:38 Administrador REPÚBLICA DE ANGOLA Conselho de Ministros Decreto-lei nº 8 /07 de 4 de

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA NACIONAL MARINHA

MINISTÉRIO DA DEFESA NACIONAL MARINHA MINISTÉRIO DA DEFESA NACIONAL MARINHA CONCURSO PARA ADMISSÃO DE VOLUNTÁRIOS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO NOS QUADROS PERMANENTES NA CATEGORIA DE PRAÇAS DA CLASSE DE MÚSICOS NORMAS DO CONCURSO Marinha Sistema

Leia mais

Associaram-se à iniciativa 34 entidades, desde organizações não governamentais, institutos públicos, tribunais e associações de cidadãos.

Associaram-se à iniciativa 34 entidades, desde organizações não governamentais, institutos públicos, tribunais e associações de cidadãos. 12.1. Semana Advogar pela Cidadania No seguimento do Dia da Consulta Jurídica Gratuita, realizado a 18 de Maio de 2006, o Conselho Distrital de Lisboa organizou a Semana ADVOGAR pela Cidadania que decorreu

Leia mais

DIRETIVA n.º 3/2014. Novo Regime Jurídico do Processo de Inventário. A intervenção do Ministério Público

DIRETIVA n.º 3/2014. Novo Regime Jurídico do Processo de Inventário. A intervenção do Ministério Público DIRETIVA n.º 3/2014 Novo Regime Jurídico do Processo de Inventário. A intervenção do Ministério Público A entrada em vigor do Regime Jurídico do Processo de Inventário, aprovado pela Lei n.º 23/2013, de

Leia mais

Cria a Procuradoria Geral do Estado e dá outras providências

Cria a Procuradoria Geral do Estado e dá outras providências LEI DELEGADA Nº 39 DE 28 DE NOVEBRO DE 1969 D.O Nº 236 DE 15 DE DEZEMBRO DE 1969 Cria a Procuradoria Geral do Estado e dá outras providências O Governador do Estado do Maranhão, no uso de suas atribuições

Leia mais

S. R. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA DIREÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR AVISO

S. R. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA DIREÇÃO-GERAL DO ENSINO SUPERIOR AVISO AVISO Considerando o valor da variação do índice médio de preços no consumidor no continente relativo ao ano anterior, excluindo a habitação, publicado pelo Instituto Nacional de Estatística; Ao abrigo

Leia mais

DIREITO FINANCEIRO E FISCAL ANO LECTIVO 2005/2006 PROGRAMA

DIREITO FINANCEIRO E FISCAL ANO LECTIVO 2005/2006 PROGRAMA DIREITO FINANCEIRO E FISCAL ANO LECTIVO 2005/2006 PROGRAMA Introdução I. Aspectos gerais 1. As Finanças Públicas. Questões de ordem geral 2. Fixação de terminologia (Direito Financeiro, Economia Pública,

Leia mais

Aviso de abertura do concurso de recrutamento e selecção de juízes de paz

Aviso de abertura do concurso de recrutamento e selecção de juízes de paz Aviso de abertura do concurso de recrutamento e selecção de juízes de paz Nos termos do n.º 1 do artigo 24.º da Lei n.º 78/2001, de 13 de Julho e da Portaria n.º575/2007 que aprova o regulamento do concurso

Leia mais

POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DIRECÇÃO NACIONAL DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS. Concurso N.º 7/2007

POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DIRECÇÃO NACIONAL DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS. Concurso N.º 7/2007 MINISTÉRIO DA ADMINISTRAÇÃO INTERNA POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DIRECÇÃO NACIONAL DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS CONCURSO INTERNO DE ACESSO PARA O POSTO DE AGENTE PRINCIPAL DO QUADRO DO PESSOAL COM

Leia mais

Heloisa Tripoli Goulart Piccinini Auditora Substituta de Conselheiro

Heloisa Tripoli Goulart Piccinini Auditora Substituta de Conselheiro Heloisa Tripoli Goulart Piccinini Auditora Substituta de Conselheiro Natural de Caçapava do Sul, RS, é Conselheira-Substituta do Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Sul desde 10-09-93, em virtude

Leia mais

melhoria e inovação da contratação colectiva; dignificação e melhoria das condições de trabalho.

melhoria e inovação da contratação colectiva; dignificação e melhoria das condições de trabalho. REGULAMENTO O Prémio Manuel Lopes foi instituído 1 pelo Ministério do Trabalho e da Solidariedade no sentido de homenagear Manuel Lopes considerando a sua dedicação à implementação da contratação colectiva

Leia mais

Regulamento Geral de Avaliação da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa

Regulamento Geral de Avaliação da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa Regulamento Geral de Avaliação da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa PREÂMBULO O actual Regulamento Geral de Avaliação (RGA) foi formulado, no essencial, em 2009 e reformulado em 2010. Teve

Leia mais

Portaria n.º 2-A/2004 de 5 de Janeiro

Portaria n.º 2-A/2004 de 5 de Janeiro Portaria n.º 2-A/2004 de 5 de Janeiro Define os quadros dos novos tribunais administrativos e fiscais A presente portaria visa dotar de meios humanos a nova rede de tribunais da jurisdição administrativa

Leia mais

DECRETO Nº 38.125 DE 29 DE NOVEMBRO DE 2013. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais e,

DECRETO Nº 38.125 DE 29 DE NOVEMBRO DE 2013. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais e, DECRETO Nº 38.125 DE 29 DE NOVEMBRO DE 2013 Cria a Empresa Pública de Saúde do Rio de Janeiro S/A RIOSAÚDE e aprova seu Estatuto. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais

Leia mais

Referência E) - 1 Posto de Trabalho para a carreira e categoria de Técnico Superior (Planeamento Regional e Urbano); Referência F) - 1 Posto de

Referência E) - 1 Posto de Trabalho para a carreira e categoria de Técnico Superior (Planeamento Regional e Urbano); Referência F) - 1 Posto de A V I S O Procedimento concursal comum para constituição de relação jurídica de emprego público por tempo determinado contrato de trabalho em funções públicas por tempo determinado para ocupação de seis

Leia mais

EX.MO SR. DR. JUIZ DE DIREITO DO TRIBUNAL ADMINISTRATIVO E FISCAL DE PONTA DELGADA ACÇÃO ADMINISTRATIVA ESPECIAL. contra

EX.MO SR. DR. JUIZ DE DIREITO DO TRIBUNAL ADMINISTRATIVO E FISCAL DE PONTA DELGADA ACÇÃO ADMINISTRATIVA ESPECIAL. contra EX.MO SR. DR. JUIZ DE DIREITO DO TRIBUNAL ADMINISTRATIVO E FISCAL DE PONTA DELGADA SINDICATO DEMOCRÁTICO DOS PROFESSORES DOS AÇORES, Pessoa Colectiva n.º 512029261, com sede na Rua Arcanjo Lar, n.º 7,

Leia mais

Margarida Pires da Fonseca Correia, Maria Margarida Saraiva Pires da Fonseca Frade

Margarida Pires da Fonseca Correia, Maria Margarida Saraiva Pires da Fonseca Frade C U R R I C U L U M V I T A E INFORMAÇÃO PESSOAL Nome Profissional Nome Completo Morada Telefone Correio electrónico Margarida Pires da Fonseca Correia, Maria Margarida Saraiva Pires da Fonseca Frade Nacionalidade

Leia mais

ACORDO DE PRINCÍPIOS PARA A REVISÃO DO ESTATUTO DA CARREIRA DOCENTE E DO MODELO DE AVALIAÇÃO DOS PROFESSORES DOS ENSINOS BÁSICO E SECUNDÁRIO

ACORDO DE PRINCÍPIOS PARA A REVISÃO DO ESTATUTO DA CARREIRA DOCENTE E DO MODELO DE AVALIAÇÃO DOS PROFESSORES DOS ENSINOS BÁSICO E SECUNDÁRIO ACORDO DE PRINCÍPIOS PARA A REVISÃO DO ESTATUTO DA CARREIRA DOCENTE E DO MODELO DE AVALIAÇÃO DOS PROFESSORES DOS ENSINOS BÁSICO E SECUNDÁRIO E DOS EDUCADORES DE INFÂNCIA Considerando a vontade comum do

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.Br

BuscaLegis.ccj.ufsc.Br BuscaLegis.ccj.ufsc.Br Quinto constitucional Antonio Pessoa Cardoso* Quinto constitucional é o mecanismo que confere vinte por cento dos assentos existentes nos tribunais aos advogados e promotores; portanto,

Leia mais

Prestação de Serviços Capítulo I. Disposições Gerais. Cláusula 1ª (Objecto)

Prestação de Serviços Capítulo I. Disposições Gerais. Cláusula 1ª (Objecto) Prestação de Serviços Capítulo I Disposições Gerais Cláusula 1ª (Objecto) O presente Caderno de Encargos compreende as cláusulas que têm por objecto principal a Prestação de Serviços de Fiscal Único. Cláusula

Leia mais

STJ00096265 JOÃO MIGUEL GALHARDO COELHO. Advogado USO E PORTE DE ARMA. Legislação e Jurisprudência sobre Armas e Munições

STJ00096265 JOÃO MIGUEL GALHARDO COELHO. Advogado USO E PORTE DE ARMA. Legislação e Jurisprudência sobre Armas e Munições STJ00096265 JOÃO MIGUEL GALHARDO COELHO Advogado USO E PORTE DE ARMA Legislação e Jurisprudência sobre Armas e Munições 2. a Edição Actualizada e Aumentada \f1x ÀLMEDINA USO E PORTE DE ARMA - 2." Edição

Leia mais

Conselho da Justiça Federal

Conselho da Justiça Federal RESOLUÇÃO Nº 058, DE 25 DE MAIO DE 2009 Estabelece diretrizes para membros do Poder Judiciário e integrantes da Polícia Federal no que concerne ao tratamento de processos e procedimentos de investigação

Leia mais

REPÚBLICA DEMOCRÁTICA DE TIMOR-LESTE PARLAMENTO NACIONAL. LEI N. 4 /2005 de 7 de Julho Lei do Investimento Nacional

REPÚBLICA DEMOCRÁTICA DE TIMOR-LESTE PARLAMENTO NACIONAL. LEI N. 4 /2005 de 7 de Julho Lei do Investimento Nacional REPÚBLICA DEMOCRÁTICA DE TIMOR-LESTE PARLAMENTO NACIONAL LEI N. 4 /2005 de 7 de Julho Lei do Investimento Nacional Cabe ao Estado estabelecer as políticas necessárias para melhorar o desenvolvimento económico

Leia mais

Processo de arbitragem. Sentença

Processo de arbitragem. Sentença Processo de arbitragem Demandante: A Demandada: B Árbitro único: Jorge Morais Carvalho Sentença I Processo 1. O processo correu os seus termos em conformidade com o Regulamento do Centro Nacional de Informação

Leia mais

Diário da República, 1.ª série N.º 41 1 de Março de 2010 575. Artigo 25.º. Artigo 20.º

Diário da República, 1.ª série N.º 41 1 de Março de 2010 575. Artigo 25.º. Artigo 20.º Diário da República, 1.ª série N.º 41 1 de Março de 2010 575 Artigo 20.º Oferta formativa e monitorização 1 A oferta formativa destinada aos activos desempregados é assegurada através de cursos de educação

Leia mais

Audit Medel Portugal. Questionário. Magistratura Judicial: 1- Os juízes são independentes?

Audit Medel Portugal. Questionário. Magistratura Judicial: 1- Os juízes são independentes? Audit Medel Portugal Tendo em vista adoptar procedimentos de trabalho que viabilizem a obtenção, no tempo disponível e necessariamente limitado em que vai decorrer a visita dos auditores internacionais,

Leia mais

PROJECTO DE REGULAMENTO PARA VENDA DE FRACÇÕES MUNICIPAIS HABITACIONAIS DEVOLUTAS A JOVENS, ATRAVÉS DE CONCURSO POR SORTEIO

PROJECTO DE REGULAMENTO PARA VENDA DE FRACÇÕES MUNICIPAIS HABITACIONAIS DEVOLUTAS A JOVENS, ATRAVÉS DE CONCURSO POR SORTEIO PROJECTO DE REGULAMENTO PARA VENDA DE FRACÇÕES MUNICIPAIS HABITACIONAIS DEVOLUTAS A JOVENS, ATRAVÉS DE CONCURSO POR SORTEIO Preâmbulo Com o presente Regulamento pretende-se criar condições para o acesso

Leia mais

Publique-se no Diário da Republica, O Presidente da Câmara AVISO N.º 11/2011

Publique-se no Diário da Republica, O Presidente da Câmara AVISO N.º 11/2011 Publique-se no Diário da Republica, O Presidente da Câmara AVISO N.º 11/2011 PROCEDIMENTO CONCURSAL COMUM PARA CONTRATACÃO EM REGIME DE CONTRATO DE TRABALHO EM FUNCÕES PÚBLICAS POR TEMPO DETERMINAVEL/TERMO

Leia mais

Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas. Regulamento n.º 75/2006.

Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas. Regulamento n.º 75/2006. Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas Regulamento n.º 75/2006. (DIÁRIO DA REPÚBLICA II SÉRIE N.º 107 2 de Junho de 2006) Regulamento das provas especialmente adequadas a avaliar a capacidade

Leia mais

OTOC - Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas

OTOC - Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas Normas Interpretativas No âmbito dos poderes que estatutáriamente lhe são conferidos, a Direcção da Câmara dos Técnicos Oficiais de Contas, tendo em consideração as questões colocadas pelos órgãos da Câmara

Leia mais

O NOVO CÓDIGO DO PROCESSO CIVIL

O NOVO CÓDIGO DO PROCESSO CIVIL Nº 52 Setembro de 2013 Direcção: Pedro Costa Azevedo Colaboração: Rui Ferreira d Apresentação Sara Félix No início deste mês, entrou em vigor o novo Código do Processo Civil, diploma estrutural da vida

Leia mais

CAROLINA TUPINAMBÁ. FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS FGV Curso de Pós-Graduação lato sensu em Direito Empresarial do Trabalho concluído em Agosto/2005;

CAROLINA TUPINAMBÁ. FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS FGV Curso de Pós-Graduação lato sensu em Direito Empresarial do Trabalho concluído em Agosto/2005; CAROLINA TUPINAMBÁ FORMAÇÃO ACADÊMICA UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UERJ Curso de Direito concluído em Julho/2003; UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UERJ Curso de Pós-Graduação lato sensu

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Entre: EDP Inovação, S.A., com sede na Praça Marquês de Pombal, nº 12, em Lisboa, pessoa colectiva e matrícula na Conservatória do Registo Comercial de Lisboa número 507

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES CURSO FORMATION DES FORMATEURS ÉCOLE NATIONALE DE LA MAGISTRATURE

RELATÓRIO DE ATIVIDADES CURSO FORMATION DES FORMATEURS ÉCOLE NATIONALE DE LA MAGISTRATURE 00 PODER JUDICIÁRIO FEDERAL TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO 10ª REGIÃO Diretoria do Foro Trabalhista de Brasília RELATÓRIO DE ATIVIDADES CURSO FORMATION DES FORMATEURS ÉCOLE NATIONALE DE LA MAGISTRATURE

Leia mais

DOCUMENTO METODOLÓGICO

DOCUMENTO METODOLÓGICO DOCUMENTO METODOLÓGICO Operação Estatística Estatísticas do pessoal ao serviço nos Tribunais Código: 471 Versão: 1.0 Abril de 2010 1 INTRODUÇÃO A operação estatística Pessoal ao serviço nos Tribunais tem

Leia mais

SEGUROGARANTIA NAMODALIDADEJUDICIAL FUNDAMENTOS, RECEPTIVIDADE PELOPODER JUDICIÁRIOE NOVASPERSPECTIVAS

SEGUROGARANTIA NAMODALIDADEJUDICIAL FUNDAMENTOS, RECEPTIVIDADE PELOPODER JUDICIÁRIOE NOVASPERSPECTIVAS SEGUROGARANTIA NAMODALIDADEJUDICIAL FUNDAMENTOS, RECEPTIVIDADE PELOPODER JUDICIÁRIOE NOVASPERSPECTIVAS Gladimir Adriani Poletto Poletto & Possamai Sociedade de Advogados SUMÁRIO: I. INTRODUÇÃO II. ESTRUTURA

Leia mais

NEWSLETTER I FISCAL. NEWSLETTER FISCAL I Setembro, 2014. I Legislação Nacional 2. II Instruções Administrativas 3. III Jurisprudência Europeia 4

NEWSLETTER I FISCAL. NEWSLETTER FISCAL I Setembro, 2014. I Legislação Nacional 2. II Instruções Administrativas 3. III Jurisprudência Europeia 4 NEWSLETTER I FISCAL NEWSLETTER FISCAL I Setembro, 2014 I Legislação Nacional 2 II Instruções Administrativas 3 III Jurisprudência Europeia 4 IV Jurisprudência Nacional 5 V Outras informações 6 NEWSLETTER

Leia mais

3 Anos de AD de pelo menos normal 2004 2001 2002 2003 2005 2002 2003 2004 2006 2003 2004 2005

3 Anos de AD de pelo menos normal 2004 2001 2002 2003 2005 2002 2003 2004 2006 2003 2004 2005 ASSUNTO: RECURSOS HUMANOS Concursos de promoção relativos aos anos de 2004, 2005 e 2006 Técnico Superior Assessor Por deliberação do Conselho Diretivo, de 25 de maio de 2015, foi autorizada a abertura

Leia mais

ACORDO DE PRINCÍPIOS PARA A REVISÃO DO ESTATUTO DA CARREIRA DOCENTE E DO MODELO DE AVALIAÇÃO DOS PROFESSORES DOS ENSINOS BÁSICO E SECUNDÁRIO

ACORDO DE PRINCÍPIOS PARA A REVISÃO DO ESTATUTO DA CARREIRA DOCENTE E DO MODELO DE AVALIAÇÃO DOS PROFESSORES DOS ENSINOS BÁSICO E SECUNDÁRIO ACORDO DE PRINCÍPIOS PARA A REVISÃO DO ESTATUTO DA CARREIRA DOCENTE E DO MODELO DE AVALIAÇÃO DOS PROFESSORES DOS ENSINOS BÁSICO E SECUNDÁRIO E DOS EDUCADORES DE INFÂNCIA Considerando as orientações políticas

Leia mais

Regulamento das Condições Especiais de Acesso e Ingresso no Ensino Superior para Maiores de 23 Anos. CAPÍTULO II. Artigo 4.º

Regulamento das Condições Especiais de Acesso e Ingresso no Ensino Superior para Maiores de 23 Anos. CAPÍTULO II. Artigo 4.º ESCOLA SUPERIOR DE EDUCADORES DE INFÂNCIA MARIA ULRICH Regulamento n.º 110/2006 (DIÁRIO DA REPÚBLICA II SÉRIE N.º 119 22 de Junho de 2006) Regulamento das Condições Especiais de Acesso e Ingresso no Ensino

Leia mais