REALIZAÇÃO APOIO ORGANIZAÇÃO VISITA TÉCNICA A PORTUGAL E ESPANHA

Save this PDF as:
Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REALIZAÇÃO APOIO ORGANIZAÇÃO VISITA TÉCNICA A PORTUGAL E ESPANHA"

Transcrição

1 VISITA TÉCNICA A PORTUGAL E ESPANHA

2 OBJETIVOS DA VISITA Complementar a capacitação dos profissionais que frequentam os nosso cursos de sistema solares fotovoltaicos, promovendo o contacto com profissionais da área nos seus ambientes de trabalho, e ainda através do conhecimento dos equipamentos, técnicas, métodos de calculo apresentados. PÚBLICO ALVO Frequentadores dos nosso cursos de Sistemas Fotovoltaicos PROGRAMA PROPOSTO Sexta Feira - Dia 06 Março 22:45h - Saída Fortaleza Voo TAP - TP0034 Sábado - Dia 07 Março 8:50h- Chegada e receção em Lisboa. Visita a Cascais e outro pontos de Lisboa e viagem para Moura Domingo - Dia 08 Março 9:30h - Visita turística em torno do Lago de Alqueva, Com inicio em Moura, Passando pela Aldeia Ribeirinha da Estrela, subida a Monsaraz, aldeia património UNESCO, Reguengos (visita às caves do vinho alentejano), Amieira, Alqueva, com paragem no paredão da Central Hidrelétrica de Alqueva, e regresso Moura.

3 Segunda feira - Dia 09 Março 9:00h - Apresentação da visita e entrega de documentação de apoio à visita no auditório da Escola Profissional de Moura 10:30h - Visita a várias microgerações no município de Moura (Sistema fixo, Seguidor de um eixo e Seguidor de 2 eixos) Esta visita será acompanhada pelos responsáveis pela execução e pelos proprietários, sendo possível perceber e colocar questões relativas ao processo de montagem, principais dificuldades e soluções implementadas. Serão visitados vários tipos de soluções (sistemas fixos e seguidores solares), assim como questões na óptica do cliente (faturação média, viabilidade das infraestruturas, etc) 14:30h - Visita a Central Fotovoltaica de Amareleja Visita aquela que já foi a maior central fotovoltaica do Mundo, com 46,78MWp de potencia instalada, ocupando uma área de 250 Hectares de terreno. A visita será dividida em duas partes. Uma primeira parte acompanhada pela responsável de comunicação da Central, fazendo uma apresentação à mesma, e uma segunda parte, composta pela entrada no espaço, acompanhados pelo Engenheiro responsável da Manutenção que nos acompanhará por todo o processo de produção (Seguidores, Postos de Inversão/Transformação e Sub estação de controlo) até à entrega na rede publica. Aqui será possível colocar todo o tipo de questões relacionadas com a construção da referida central, manutenção e rentabilidade.

4 Terça feira - Dia 10 Março 9:30h - Visita à Logica EM A Lógica EM SA é hoje proprietária de um laboratório equipado com tecnológica de topo capaz de executar a verificação completa das normas IEC aplicáveis à industria de PV, paralelamente fornece consultoria qualificada em todos os domínios das tecnologias do solar fotovoltaico. Os serviços disponíveis incluem suporte para a indústria, nas áreas de controle de qualidade e desenvolvimento de produto, validação de tecnologia, com a verificação em ambiente de laboratório de módulos de especificações técnicas de diferentes fontes, a observação integral de testes PV módulos de certificação, ou inspeção in situ de energia fotovoltaica usinas em operação, utilizando técnicas avançadas de observação. Será possível visitar as suas infraestruturas e verificar que tipo de ensaios são realizados no módulos solares fotovoltaicos para que os mesmos sejam certificados, e colocar todo o tipo de questões relativamente aos mesmo. Visitaremos ainda outros processos em estudo e desenvolvimento nas áreas das energias renováveis. 15:00h - Visita à MSF - Moura Fabrica Solar A MSF trata-se de uma fabrica de módulos solares fotovoltaicos localizada no parque industrial e tecnológico de Moura. Nesta visita acompanhada pelo responsável de produção, os visitantes passarão por todas as fases de produção dos módulos solares fotovoltaicos, desde a célula, até ao produto final. Junto a cada posto de trabalho terão a oportunidade de colocar todas as questões relativas a cada tarefa.

5 Quarta feira - Dia 11 Março 8:00h - Saída para Sevilha para visita a Central Solar Térmica Solúcar da ABENGOA SOLAR Trata-se do maior complexo solar da Europa com a potencia de 183MW de potencia instalada, ocupando uma area superior a 1000 hectares e é formada pelas plataformas solares térmicas (Torres solares) PS10, PS20, e fotovoltiacos Solnovas PV e Casaquemadaa PV.

6 Quinta feira - Dia 12 Março 9:00h - Saída para Évora e visita à central Solar Fotovoltaica com células de alto rendimento Glintt Solar A estrutura fotovoltaica de 4.ª geração, com painéis solares e que começou a funcionar em abril, tem 1,26 megawatts (MW) de capacidade instalada, para uma produção anual estimada de dois gigawatts/hora (Gwh) de energia. 11:00h - Visita a projetos de investigação na Universidade de Évora Visita a Plataforma para ensaio de concentradores de grande dimensão, com seguimento do sol a dois eixos e a Plataforma de sais fundidos para ensaio de campos de coletores com armazenamento ( até > 580ºC), bem como os dois BIPV-Building Integrated PV, com baterias de iões de lítio e com bateria de fluxo (Vanadium Redox) de 30 e 60kWhr respetivamente. 15:00h - Visita a sistemas de Minigeração fotovoltaica distribuída pertencentes à MARTIFER SOLAR no distrito de Évora. Sistemas\ de Minigeração distribuída 20:00h - Chegada a Lisboa

7 Sexta feira - Dia 13 Março Dia Livre em Lisboa Sábado - Dia 14 Março Regresso a Fortaleza 16:25h - Saída Lisboa Voo TAP - TP :05h - Chegada a Fortaleza

8 PREÇOS: VIAGEM FORTALEZA - LISBOA - FORTALEZA: Valores por pessoa : Valor por pessoa US$ 1069,00 + taxas US$ 61,00 Ao cambio de hoje R$ 2.845,99 Taxas de embarque por pessoa R$ 154,62 Forma de pagamento: entrada R$ 511,17 saldo em 05 x R$ 497,89 nos cartões; Valor do seguro de viagem por pessoa: Cobertura Euro = U$ 63= R$ 175,77 Cobertura Euro =U$ 65= R$ 181,35 Forma de pagamento do seguro em até 06 x nos cartões; Observações Importantes: * Nada reservado, somente cotado. Valores sujeitos a alteração sem prévio aviso por parte dos fornecedores. * Orçamentos e reservas não garantem câmbio. Deverá ser cobrado o câmbio do dia da Compra. * Somente pagamento garante valores. O câmbio é alterado todos os dias em torno das 11:30h. * Favor conferir se todos os dados, como datas, nomes e serviços contratados estão devidamente corretos. * Após o pagamento não nos responsabilizamos por eventuais alterações na reserva e por possíveis taxas que possam ocorrer. CONTACTO: FORTAL BEACH TURISMO - Lenira Carvalho - (085) / / (85) / (85) VISITA TECNICA EM PORTUGAL E ESPANHA: Valor por pessoa : R$ 2950,00 NOTA: Todas as despesas relativas a refeições, deslocações, alojamento e documentação entregue incluídas no valor proposto. Em algumas das visitas dependendo do numero de inscritos, poderão existir ligeiras alterações ao programa proposto. GRUPOS MINIMOS DE 24 PESSOAS. CONTACTO: ESSENCIAL EVENTO - Marlene Liberato CLARO:(85) / OI: / TIM:

minigeração # SINERGIAE Engineering for life...

minigeração # SINERGIAE Engineering for life... minigeração # SINERGIAE Engineering for life... O grupo SINERGIAE 2 í ndice O Grupo SINERGIAE... 3 O Que é a Minigeração... 4 Público Alvo... 5 Vantagens & Condições... 6 As nossas soluções... 7 Como fazer...

Leia mais

Energia Solar Fotovoltaica: Oportunidades e Desafios

Energia Solar Fotovoltaica: Oportunidades e Desafios Energia Solar Fotovoltaica: Oportunidades e Desafios Prof. Dr. Luciano Schuch Schuch.prof@gmail.com Sumário Potencial energético Previsões Sistemas fotovoltaicos Cenário Nacional Legislação ANEEL Projeto

Leia mais

Enercoutim investe 18 milhões na plataforma de demonstração de energia solar em Martim Longo

Enercoutim investe 18 milhões na plataforma de demonstração de energia solar em Martim Longo Enercoutim investe 18 milhões na plataforma de demonstração de energia solar em Martim Longo Por Elisabete Rodrigues 17 de Maio de 2013 09:05 Comentar A plataforma de demonstração de energia solar que

Leia mais

Seja dono. da sua ENERGIA

Seja dono. da sua ENERGIA Seja dono AV Afonso Vaz De melo 677 Sala 301 CEP: 30.640-070 Belo Horizonte (MG) Tel. +55 31 3689-7452 info@solarfast.it www.solarfast.it da sua ENERGIA Energia solar Fontes renováveis, economia de energia,

Leia mais

Perspectivas da Energia Solar e o Apoio do BNDES ao Setor

Perspectivas da Energia Solar e o Apoio do BNDES ao Setor Perspectivas da Energia Solar e o Apoio do BNDES ao Setor Seminário de Micro e Minigeração Distribuída ANEEL - Abril de 2014 - Potencial da Energia Solar Fonte: SOLARWORLD 2 Perspectivas da Energia Solar

Leia mais

Essa energia pode então ser injectada e vendida na sua totalidade à rede a uma tarifa bonificada.

Essa energia pode então ser injectada e vendida na sua totalidade à rede a uma tarifa bonificada. O que é a geração fotovoltaica? A microgeração fotovoltaica é a produção, pelo próprio consumidor, de energia elétrica através da captação da radiação solar por um conjunto de painéis solares fotovoltaicos.

Leia mais

Índice: Objetivo Geral... 3. Objetivos Específicos... 3. Destinatários... 3. Duração Total... 3. Pré-requisitos... 3. Perfil de Saída...

Índice: Objetivo Geral... 3. Objetivos Específicos... 3. Destinatários... 3. Duração Total... 3. Pré-requisitos... 3. Perfil de Saída... Índice: Objetivo Geral... 3 Objetivos Específicos... 3 Destinatários... 3 Duração Total... 3 Pré-requisitos... 3 Perfil de Saída... 4 Estrutura modular e respetiva carga horária... 4 Metodologia... 4 Condições

Leia mais

Energia Solar. Aquecimento Solar e Geração Fotovoltaica

Energia Solar. Aquecimento Solar e Geração Fotovoltaica Energia Solar Aquecimento Solar e Geração Fotovoltaica Profa. Elizabeth Marques Duarte Pereira Centro Universitário UNA Belo Horizonte, 04/06/2014 Parcerias: CEMIG/Eletrobras/FAPEMIG/ Embaixada Britânica

Leia mais

Perguntas e Respostas sobre a aplicação da Resolução Normativa nº 482/2012

Perguntas e Respostas sobre a aplicação da Resolução Normativa nº 482/2012 Perguntas e Respostas sobre a aplicação da Resolução Normativa nº 482/2012 Este documento é apenas explicativo e não tem força normativa. 1 O que é o Sistema de Compensação de Energia Elétrica?...1 2 Quanto

Leia mais

A minigeração fotovoltaica é a produção, pelo próprio consumidor, de energia elétrica através da captação da radiação solar por um conjunto de

A minigeração fotovoltaica é a produção, pelo próprio consumidor, de energia elétrica através da captação da radiação solar por um conjunto de A minigeração fotovoltaica é a produção, pelo próprio consumidor, de energia elétrica através da captação da radiação solar por um conjunto de painéis solares fotovoltaicos. Essa energia pode então ser

Leia mais

Proposta especialmente elaborada para:

Proposta especialmente elaborada para: Proposta especialmente elaborada para: 1 O V Encontro Empresarial de Negócios na Língua Portuguesa é uma iniciativa do Conselho das Câmaras Portuguesas de Comércio no Brasil e terá como objectivo desenvolver

Leia mais

Manual do Integrador. Programa de Formação

Manual do Integrador. Programa de Formação Manual do Integrador Programa de Formação Introdução As oportunidades de iniciação de frentes de negócios na indústria fotovoltaica brasileira são diversas e estão abertas a todos aqueles que desejam começar

Leia mais

Experiência das Empresas que Projetam & Instalam Micro e Minigeração Distribuída

Experiência das Empresas que Projetam & Instalam Micro e Minigeração Distribuída Experiência das Empresas que Projetam & Instalam Micro e Minigeração Distribuída Melhores Práticas de Engenharia, Design & Instalação de Sistemas Fotovoltaicos Conectados à Rede (SFCR) dentro da RN ANEEL

Leia mais

- Projeto & Concepção - Solicitação de Acesso - Venda de Equipamentos - Instalação - Conexão com Distribuidora. Campinas

- Projeto & Concepção - Solicitação de Acesso - Venda de Equipamentos - Instalação - Conexão com Distribuidora. Campinas A Blue Sol Energia Solar visa disseminar a tecnologia fotovoltaica e o conhecimento sobre os temas no Brasil promovendo, portanto, uma fonte limpa, renovável e inesgotável de energia, alinhada com a crescente

Leia mais

CPFL ENERGIAS RENOVÁVEIS S.A. CONTRIBUIÇÃO AO PROCESSO DE. CONSULTA PÚBLICA n o 007/2013

CPFL ENERGIAS RENOVÁVEIS S.A. CONTRIBUIÇÃO AO PROCESSO DE. CONSULTA PÚBLICA n o 007/2013 CPFL ENERGIAS RENOVÁVEIS S.A. CONTRIBUIÇÃO AO PROCESSO DE CONSULTA PÚBLICA n o 007/2013 OBTER SUBSÍDIOS PARA ESTABELECER CONDIÇÕES E PROCEDIMENTOS PARA EMISSÃO DE OUTORGAS DE AUTORIZAÇÃO PARA IMPLANTAÇÃO

Leia mais

TÉCNICO(A) INSTALADOR DE SISTEMAS SOLARES FOTOVOLTAICOS

TÉCNICO(A) INSTALADOR DE SISTEMAS SOLARES FOTOVOLTAICOS TÉCNICO(A) INSTALADOR DE SISTEMAS SOLARES FOTOVOLTAICOS QUADRO RESUMO FORMAÇÃO UFCD Duração (H) Sistemas solares fotovoltaicos 4587 50 Módulos solares fotovoltaicos 4588 50 Projeto de sistema solar fotovoltaico

Leia mais

Grupo OPDE recebe a visita de uma delegação do Governo e empresários da Tailândia

Grupo OPDE recebe a visita de uma delegação do Governo e empresários da Tailândia Grupo OPDE recebe a visita de uma delegação do Governo e empresários da Tailândia Um grupo de 25 representantes governamentais e da indústria energética da Tailândia visitaram a instalação solar fotovoltaica

Leia mais

Pretendemos por este meio dar a conhecer as áreas de intervenção da nossa empresa, na expectativa do vosso interesse.

Pretendemos por este meio dar a conhecer as áreas de intervenção da nossa empresa, na expectativa do vosso interesse. Energia sem limites Lic. n.º 38549 Amorlux Projectos e Instalações Eléctricas, Lda. Amorlux, Projectos e Instalações Eléctricas, Lda, fundada em 1994, é uma empresa Portuguesa com ampla e reconhecida experiência

Leia mais

Sistemas Solar Fotovoltaicos (Projectista)

Sistemas Solar Fotovoltaicos (Projectista) Sistemas Solar Fotovoltaicos (Projectista) DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª e 4ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das 9h00 às 13h00 e das

Leia mais

Regulamento do projeto "50 Telhados"

Regulamento do projeto 50 Telhados Regulamento do projeto "50 Telhados" Iniciativa Fevereiro de 2014 Sumário 1. Contextualização... 3 2. Missão do projeto 50 Telhados... 3 3. Objetivo... 3 3.1. Pequenas cidades... 3 4. Benefícios para empresas/clientes/cidades

Leia mais

TUDO SOBRE ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA

TUDO SOBRE ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA TUDO SOBRE ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA O QUE É, COMO FUNCIONA, SISTEMA DE CRÉDITOS, RESPONSABILIDADE E DEVERES, INVESTIMENTO MÉDIO, MANUTENÇÃO E TEMPO DE RETORNO 1. INTRODUÇÃO Por Mário Camacho (Diretor

Leia mais

Latitude: 41 49 8.34 N Longitude: 6 44 55.03 W

Latitude: 41 49 8.34 N Longitude: 6 44 55.03 W Latitude: 41 49 8.34 N Longitude: 6 44 55.03 W ENQUADRAMENTO INSTITUCIONAL DO PCT-TMAD PARQUE DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA TMAD COM DOIS POLOS (Brigantia-EcoPark em Bragança e Regia-Douro Park em Vila Real).

Leia mais

Calendário de Concursos

Calendário de Concursos Calendário de Concursos Resumo dos Principais Programas Investigação e Desenvolvimento Tecnológico Inovação Empresarial Qualificação e Internacionalização PME s Promoção da Eficiência Energética e da Utilização

Leia mais

O GoKorfball nasceu de uma conversa entre amigos que procuravam dinamizar o corfebol português e juntar competição e diversão no mesmo evento.

O GoKorfball nasceu de uma conversa entre amigos que procuravam dinamizar o corfebol português e juntar competição e diversão no mesmo evento. Conceito O GoKorfball nasceu de uma conversa entre amigos que procuravam dinamizar o corfebol português e juntar competição e diversão no mesmo evento. Da conversa passou-se à acção e o GoKorfball é hoje

Leia mais

Especialmente criado para: Soluções criativas para empresas vencedoras

Especialmente criado para: Soluções criativas para empresas vencedoras Especialmente criado para: Soluções criativas para empresas vencedoras Alentejo 08 a 10 de Abril 2016 Itinerário 1º Dia 08 de Abril (Sex.) LISBOA / TRÓIA / CASTRO VERDE Em hora e local a combinar, partida

Leia mais

Chegou Kwara. para o Brasil brilhar cada vez mais

Chegou Kwara. para o Brasil brilhar cada vez mais Chegou Kwara. para o Brasil brilhar cada vez mais Chegou Kwara, uma nova geração em energia. Uma empresa de eficiência energética que presta serviços especializados de manutenção em plantas de geração

Leia mais

5º Workshop Técnico 2007 C3P NASA. Energias Renováveis: Factor de Desenvolvimento

5º Workshop Técnico 2007 C3P NASA. Energias Renováveis: Factor de Desenvolvimento 5º Workshop Técnico 2007 C3P NASA Peniche, 7 de Novembro de 2007 Energias Renováveis: Factor de Desenvolvimento O Sol pode ser um recurso? Moura e Amareleja: 2.200 KWh/m2 Soma da irradiação anual global,

Leia mais

Regulamento do projeto "50 Telhados"

Regulamento do projeto 50 Telhados Regulamento do projeto "50 Telhados" Iniciativa Novembro de 2013 Sumário 1. Contextualização... 3 2. Missão do projeto 50 Telhados... 3 3. Objetivo... 3 4. Benefícios para empresas/clientes/cidades participantes...

Leia mais

SIMA. Sistema Integrado de Monitorização, Controlo e Alarme

SIMA. Sistema Integrado de Monitorização, Controlo e Alarme SIMA Sistema Integrado de Monitorização, Controlo e Alarme Sistema Integrado de Monitorização Controlo e Alarme Plataforma aberta e modular de monitorização e controlo de equipamentos e plataformas de

Leia mais

Viagem Técnica SIVE Siveways California 21 de abril a 2 de maio 2012

Viagem Técnica SIVE Siveways California 21 de abril a 2 de maio 2012 Após 10 anos a SIVE volta à Califórnia, para verificar o progresso e conhecer as novas áreas produtivas que estão a surgir na fileira internacional. Para atender tanto quanto possível a todas as necessidades,

Leia mais

Usados de Confiança. Garantidamente. Serviço Mobilidade. Das Welt Auto. 24 horas

Usados de Confiança. Garantidamente. Serviço Mobilidade. Das Welt Auto. 24 horas Usados de Confiança. Garantidamente. Serviço Mobilidade Das Welt Auto 24 horas Serviço Mobilidade Das Welt Auto 24 horas * Nos termos da lei nº 67/98, de 26.10, a base de dados com todos os clientes desta

Leia mais

CERTIFICADO DE GARANTIA

CERTIFICADO DE GARANTIA CERTIFICADO DE GARANTIA A BALDAN IMPLEMENTOS AGRÍCOLAS S/A, garante o funcionamento normal do implemento ao revendedor por um período de 6 (seis) meses contados a partir da data de entrega na nota fiscal

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES. 1.1. Crianças até 12 anos: Sempre que acompanhadas por um adulto - usufruirão do serviço gratuitamente.

TERMOS E CONDIÇÕES. 1.1. Crianças até 12 anos: Sempre que acompanhadas por um adulto - usufruirão do serviço gratuitamente. TERMOS E CONDIÇÕES Processo de Venda Todos os pedidos deste serviço são efectuados online. Os pedidos de assistência deverão ser efetuados com um mínimo de 72h de antecedência e máximo de 60 dias. Terá

Leia mais

Inserção da Geração Solar na Matriz Elétrica Brasileira. Palestrante: Eng. Marcelo Vinicius

Inserção da Geração Solar na Matriz Elétrica Brasileira. Palestrante: Eng. Marcelo Vinicius Inserção da Geração Solar na Matriz Elétrica Brasileira Palestrante: Eng. Marcelo Vinicius Temas a serem abordados: 1. Matriz de energia elétrica 2. Distintas tecnologias 3. Combustível solar 4. Motivação

Leia mais

A VISÃO do ENERGYIN Motivos da sua criação & Objectivos

A VISÃO do ENERGYIN Motivos da sua criação & Objectivos Pólo da Competitividade e Tecnologia da Energia (PCTE) O papel do PCTE na energia solar em Portugal 8 e 9 de Fevereiro de 2010 António Mano - EDP Antonio.ermidamano@edp.pt A VISÃO do ENERGYIN Motivos da

Leia mais

Proposta de Minigeração para as instalações da EDP Distribuição em Setúbal. Lisboa, 22 de Março de 2013

Proposta de Minigeração para as instalações da EDP Distribuição em Setúbal. Lisboa, 22 de Março de 2013 Proposta de Minigeração para as instalações da EDP Distribuição em Setúbal Lisboa, 22 de Março de 2013 A EDP Distribuição apresenta potencial para a aposta na Minigeração solar fotovoltaica Oportunidade

Leia mais

A ENERGIA QUE FAZ SENTIDO RGIA AMBIENTE TECNOLOGIA INOVAÇÃO FUTU VA ÇÃO FUTURO RESPONSABILIDADE RESPEITO ABILIDADE RESPEITO FUTURO ENERGIA AMBIE

A ENERGIA QUE FAZ SENTIDO RGIA AMBIENTE TECNOLOGIA INOVAÇÃO FUTU VA ÇÃO FUTURO RESPONSABILIDADE RESPEITO ABILIDADE RESPEITO FUTURO ENERGIA AMBIE A ENERGIA QUE FAZ SENTIDO RGIA AMBIENTE TECNOLOGIA INOVAÇÃO FUTU VA ÇÃO FUTURO RESPONSABILIDADE RESPEITO ABILIDADE RESPEITO FUTURO ENERGIA AMBIE A Energia Que Faz Sentido QUEM SOMOS Somos uma Empresa vocacionada

Leia mais

QUEM SOMOS MISSÃO VISÃO

QUEM SOMOS MISSÃO VISÃO QUEM SOMOS A TOP BAHIA ASSESSORIA MUNICIPAL é uma empresa baiana que atua no mercado com profissionais capacitados, prestando um serviço de excelência, fornecendo aos nossos clientes soluções completas

Leia mais

CUIDADOS BÁSICOS NA ESCOLHA E USO DE ELEVADORES DE OBRAS. Engº. Gilberto Mian

CUIDADOS BÁSICOS NA ESCOLHA E USO DE ELEVADORES DE OBRAS. Engº. Gilberto Mian CUIDADOS BÁSICOS NA ESCOLHA E USO DE ELEVADORES DE OBRAS Engº. Gilberto Mian SOBRE A METAX A Metax é especializada em Engenharia de Acesso, fornecendo soluções para acesso e elevação de carga, atuando

Leia mais

Convênio... 3. Apresentação... 3 ISCTE / INDEG... 3. Coordenador... 5. Docentes... 5. Valores... 6

Convênio... 3. Apresentação... 3 ISCTE / INDEG... 3. Coordenador... 5. Docentes... 5. Valores... 6 MBA Executivo Internacional MBA EXECUTIVO MÓDULO INTERNACIONAL 06 a 13 de Outubro de 2012 Coordenação Acadêmica: Prof. Dr. Marcus Vinícius Rodrigues Convênio..................... 3 Apresentação....................

Leia mais

Como faço para ter eletricidade solar em minha casa?

Como faço para ter eletricidade solar em minha casa? Como faço para ter eletricidade solar em minha casa? Guia de microgeradores fotovoltaicos EXPEDIENTE ÍNDICE Projeto Editorial e Conteúdo Revisão Textual Paula Scheidt Revisão técnica Giovanni Secco Projeto

Leia mais

Learning Journey. Design excelência no setor madeira e móvel. Salone Internazionale del Mobile LEARNING JOURNEY. Milão abril 2013.

Learning Journey. Design excelência no setor madeira e móvel. Salone Internazionale del Mobile LEARNING JOURNEY. Milão abril 2013. Learning Journey Technological Centre for the wood- furniture LEARNING JOURNEY Design excelência no setor madeira e móvel Made In Italy Salone Internazionale del Mobile Milão abril 2013 Centro de tecnologia

Leia mais

MÊS DA ENERGIA - AÇORES

MÊS DA ENERGIA - AÇORES MÊS DA ENERGIA - AÇORES SEMINÁRIO Eficiência Energética Credenciação de Técnicos no âmbito do SCE Fernando Brito Ponta Delgada 6 de Maio de 2008 1 1 COMISSÃO TRIPARTIDA CTAQAI DIRECÇÃO GERAL DE ENERGIA

Leia mais

Curso de Especialização em Gestão de Recursos Humanos - Nova Lei Geral do Trabalho- Angola- Novo Regime Jurídico da Lei nº 7/15 de 15 de Junho

Curso de Especialização em Gestão de Recursos Humanos - Nova Lei Geral do Trabalho- Angola- Novo Regime Jurídico da Lei nº 7/15 de 15 de Junho Curso de Especialização em Gestão de Recursos Humanos - Nova Lei Geral do Trabalho- Angola- Novo Regime Jurídico da Lei nº 7/15 de 15 de Junho Índice Designação do Curso... 2 Duração Total... 2 Destinatários...

Leia mais

Q&A. 1. O que é um Power Cloud. 2. O que é um Cloud. 3. O que a Power Share. 4. Quanto custa uma Power Share. 5. Por que comprar uma Power Share?

Q&A. 1. O que é um Power Cloud. 2. O que é um Cloud. 3. O que a Power Share. 4. Quanto custa uma Power Share. 5. Por que comprar uma Power Share? 1. O que é um Power Cloud O Power Cloud uma reunião de centrais de energia renovável construída pela WOR(l)D NRG em vários países. O conceito de Cloud deriva do fato que cada central (Cloud) é coligada

Leia mais

1. Definições 2. Faturamento e tributação 3. Procedimentos de Acesso 4. Itens de projeto 5. Inversores 6. Medição 7.

1. Definições 2. Faturamento e tributação 3. Procedimentos de Acesso 4. Itens de projeto 5. Inversores 6. Medição 7. 1. Definições 2. Faturamento e tributação 3. Procedimentos de Acesso 4. Itens de projeto 5. Inversores 6. Medição 7. Situação atual Microgeração distribuída: Central geradora com potência instalada de

Leia mais

PROGRAMA SÁBADO 3 DE JULHO DOMINGO 4 DE JULHO SEGUNDA-FEIRA 5 DE JULHO

PROGRAMA SÁBADO 3 DE JULHO DOMINGO 4 DE JULHO SEGUNDA-FEIRA 5 DE JULHO PORTUGAL PROGRAMA SÁBADO 3 DE JULHO» Saída de Campinas no voo inaugurau da TAP Portugal para Lisboa» Recolha no Aeroporto em Bus Climatizado e transfer para Hotel em Sintra» Tarde (livre): Sintra - Passeio

Leia mais

CONDIÇÕES PARTICIPAÇÃO DOS ARQUITETOS NA FEIRA CONCRETA

CONDIÇÕES PARTICIPAÇÃO DOS ARQUITETOS NA FEIRA CONCRETA CONDIÇÕES PARTICIPAÇÃO DOS ARQUITETOS NA FEIRA CONCRETA 1. Objetivo O evento This is Concreta é uma Feira de Construção, Reabilitação, Arquitetura, Design e muito mais que, na edição deste ano decorrerá

Leia mais

Sistema de Etiquetagem Energética de Produtos Janelas. Versão 1.0 Janeiro de 2014

Sistema de Etiquetagem Energética de Produtos Janelas. Versão 1.0 Janeiro de 2014 Sistema de Etiquetagem Energética de Produtos Janelas Versão 1.0 Janeiro de 2014 Índice 1. Sistema de Etiquetagem Energética de Produtos (SEEP) 2. SEEP Janelas 3. Janelas Eficientes 4. Apoio ao consumidor

Leia mais

Energia Solar, Qualidade Suíça no Brasil

Energia Solar, Qualidade Suíça no Brasil Energia Solar, Qualidade Suíça no Brasil Eficiência da menor a maior Geradora de Energia Solar A TRITEC chegou ao Brasil. Há mais de 27 anos prestando serviços de auto - sustentabilidade usando energia

Leia mais

Apresentação CEI. Perspectivas no mercado de energia fotovoltaica

Apresentação CEI. Perspectivas no mercado de energia fotovoltaica Apresentação CEI Perspectivas no mercado de energia fotovoltaica A CEI é produtora independente de energia em MG, com 9 usinas em operação, 15 empreendimentos hidrelétricos em desenvolvimento (130MW) e

Leia mais

Produza a sua própria energia

Produza a sua própria energia Produza a sua própria energia CONTEÚDO ENERGIAFRICA QUEM SOMOS A NOSSA MISSÃO SERVIÇOS AS NOSSAS SOLUÇÕES SOLARES PROJECTO MODULO VIDA PORTEFÓLIO MAIS ENERGIA RENOVÁVEL, MAIS VIDA PARA O PLANETA www.energiafrica.com

Leia mais

SERVIÇO DA MERCAL CONSULTING GROUP PARA VENDA OU ASSOCIAÇÃO ( JOINT VENTURE OU MERGER ) DA SUA EMPRESA

SERVIÇO DA MERCAL CONSULTING GROUP PARA VENDA OU ASSOCIAÇÃO ( JOINT VENTURE OU MERGER ) DA SUA EMPRESA SERVIÇO DA MERCAL CONSULTING GROUP PARA VENDA OU ASSOCIAÇÃO ( JOINT VENTURE OU MERGER ) DA SUA EMPRESA O primeiro requisito para venda de uma empresa, total ou parcialmente, é apresentá-la de forma atraente,

Leia mais

21 a 23. novembro 2012. 13h00 20h30 São Paulo - Brasil www.itechfair.com.br

21 a 23. novembro 2012. 13h00 20h30 São Paulo - Brasil www.itechfair.com.br 21 a 23 novembro 2012 13h00 20h30 São Paulo - Brasil www.itechfair.com.br O Grupo Cipa Fiera Milano O Grupo A organização da itech - Feira Internacional de Tecnologia da Informação, é do Grupo Cipa Fiera

Leia mais

estatísticas rápidas dezembro 2013

estatísticas rápidas dezembro 2013 estatísticas rápidas dezembro 213 Nº 16 Índice A. Resumo B. As energias renováveis na produção de eletricidade 1. Energia e potência por fonte de energia 2. Energia e potência por distrito 3. Comparação

Leia mais

LISBOA DOIS PROGRAMAS DE FIM DE ANO 2015-2016 PORTUGAL. Um fim de ano diferente e divertido

LISBOA DOIS PROGRAMAS DE FIM DE ANO 2015-2016 PORTUGAL. Um fim de ano diferente e divertido LISBOA Um fim de ano diferente e divertido 26 DEZ SALVADOR / LISBOA Saída em avião especialmente fretado HI-FLY refeições a bordo. JANTAR FIM DE ANO COM BEBIDAS E MUSICA INCLUÍDO 27 DEZ LISBOA Chegada

Leia mais

Perguntas e Respostas sobre a aplicação da Resolução Normativa nº 482/2012

Perguntas e Respostas sobre a aplicação da Resolução Normativa nº 482/2012 Perguntas e Respostas sobre a aplicação da Resolução Normativa nº 482/2012 Este documento tem caráter apenas orientativo e não tem força normativa. 1 O que é o Sistema de Compensação de Energia Elétrica?...

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA OLIVAIS EM FÉRIAS ANO 2015

REGULAMENTO DO PROGRAMA OLIVAIS EM FÉRIAS ANO 2015 REGULAMENTO DO PROGRAMA OLIVAIS EM FÉRIAS ANO 2015 Contactos da Junta de Freguesia Morada: Rua General Silva Freire, Lote C 1849-029 Lisboa Telefone: 21 854 06 90 Fax: 21 852 06 87 / 21 248 79 25 E-mail:

Leia mais

PORTUGAL EMOTIONS CASA DA CALDEIRA

PORTUGAL EMOTIONS CASA DA CALDEIRA TURISMO REGIÃO CENTRO 2014 PORTUGAL EMOTIONS CASA DA CALDEIRA Enoturismo Sabores da Rolha ROTEIRO TURÍSTICO Z. CENTRO Sabores da Rolha propõe uma visita a uma região rica em diversidade cultural e paisagística

Leia mais

BancoEstado ganha eficiência de dados e mais rapidez no desenvolvimento de sistemas com CA ERwin

BancoEstado ganha eficiência de dados e mais rapidez no desenvolvimento de sistemas com CA ERwin CUSTOMER SUCCESS STORY BancoEstado ganha eficiência de dados e mais rapidez no desenvolvimento de sistemas com CA ERwin PERFIL DO CLIENTE Setor: Serviços Financeiros Organização: BancoEstado de Chile Funcionários:

Leia mais

Relativamente ao tipo de inversor utilizado, estes sistemas, Figura 1, podem ser classificados em quatro grupos:

Relativamente ao tipo de inversor utilizado, estes sistemas, Figura 1, podem ser classificados em quatro grupos: Artigo Técnico: Análise de configurações de Sistemas Híbridos Fotovoltaicos. O progressivo aumento da factura de electricidade e dos combustíveis colocou novamente na actualidade o uso de Sistemas Fotovoltaicos

Leia mais

CONCEITOS INICIAIS PARA DIMENSIONAMENTO SISTEMA FOTOVOLTAICO EM RESIDÊNCIAS

CONCEITOS INICIAIS PARA DIMENSIONAMENTO SISTEMA FOTOVOLTAICO EM RESIDÊNCIAS CONCEITOS INICIAIS PARA DIMENSIONAMENTO SISTEMA FOTOVOLTAICO EM RESIDÊNCIAS Introdução a Engenharia Professores: Márcio Zamboti Fortes e Vitor Hugo Ferreira (UFF) Bruno Henriques Dias e Flávio Gomes (UFJF)

Leia mais

CONVITE PARA EXPRESSÕES DE INTERESSE PARA PROJETOS POLARES EM TODAS AS ÁREAS CIENTÍFICAS 2015-2016

CONVITE PARA EXPRESSÕES DE INTERESSE PARA PROJETOS POLARES EM TODAS AS ÁREAS CIENTÍFICAS 2015-2016 CONVITE PARA EXPRESSÕES DE INTERESSE PARA PROJETOS POLARES EM TODAS AS ÁREAS CIENTÍFICAS 2015-2016 1. Enquadramento A Comissão de Coordenação do Programa Polar Português (PROPOLAR), que gere a Campanha

Leia mais

JUNTOS MUDAMOS A SAÚDE PARA MELHOR NOVA ESTRATÉGIA COMERCIAL MADEIRA

JUNTOS MUDAMOS A SAÚDE PARA MELHOR NOVA ESTRATÉGIA COMERCIAL MADEIRA compromisso serviço JUNTOS MUDAMOS A SAÚDE PARA MELHOR NOVA ESTRATÉGIA COMERCIAL MADEIRA 2016 S DE 2016 PARA UMA SAÚDE MAIS PRÓXIMA Melhorar a saúde na Madeira é uma motivação que nos faz evoluir todos

Leia mais

EXPOREXEL - 21/05/2015

EXPOREXEL - 21/05/2015 EXPOREXEL - 21/05/2015 Eficiência Energética Autoconsumo Rexel / SMA Rexel Nuno Romão SMA Alexandre Cruz Eficiência Energética - Autoconsumo 1. O que é o Autoconsumo? 2. Enquadramento Legislativo 3. Diagrama

Leia mais

A formação terá lugar em Faro e em Portimão e está organizada em quatro módulos autónomos, nos quais os profissionais ainda podem inscrever-se:

A formação terá lugar em Faro e em Portimão e está organizada em quatro módulos autónomos, nos quais os profissionais ainda podem inscrever-se: A Região de Turismo do Algarve (RTA) vai organizar, no âmbito do projeto UMAYYAD, um programa de formação em Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) destinado a entidades e empresas do setor turístico

Leia mais

Programa Olivais em Férias

Programa Olivais em Férias Capítulo 90 Programa Olivais em Férias Ano 2015 MR.003.01.Vers.1.0.a Página 1 de 8 Conteúdo 1. Introdução... 3 2. Planeamento e Organização... 3 3. Inscrição... 3 3.1. Valor a pagar... 3 3.2. Fichas de

Leia mais

FUNDO DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

FUNDO DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA FUNDO DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA Aviso 10 Edifício Eficiente 2015 LNEC - LABORATÓRIO NACIONAL DE ENGENHARIA CIVIL DIREÇÃO EXECUTIVA DO PNAEE LISBOA, 29/06/2015 O que é? Fundo de Eficiência Energética (FEE):

Leia mais

Manual Técnico PROPOSTA COMERCIAL CONSULTORIA TÉCNICA

Manual Técnico PROPOSTA COMERCIAL CONSULTORIA TÉCNICA Manual Técnico PROPOSTA COMERCIAL CONSULTORIA TÉCNICA À xxxx Aos cuidados Sr. xxxxxx São Paulo, 23 de Março de 2011 2 1 INTRODUÇÃO O CESVI BRASIL através da prestação de serviços de consultoria tem como

Leia mais

Segunda-feira. Sessão de Abertura e Jantar de Boas- Vindas oferecido pela Prefeitura da cidade de Búzios.

Segunda-feira. Sessão de Abertura e Jantar de Boas- Vindas oferecido pela Prefeitura da cidade de Búzios. www.apavtnet.pt PROGRAMA DO CONGRESSO 01DEZ 02DEZ 03DEZ 04DEZ 05DEZ Sábado Chegada dos Congressistas à cidade de acolhimento do Congresso. Transfer para os hotéis. Entrega da pasta de Congressista no Welcome

Leia mais

VIAGENS À NEVE GRUPO - PAS DE LA CASA GRANDVALIRA ANDORRA

VIAGENS À NEVE GRUPO - PAS DE LA CASA GRANDVALIRA ANDORRA Proposta de preços GRUPOS 2015 Data: quarta-feira, 10 de Dezembro de 2014 VIAGENS À NEVE GRUPO - PAS DE LA CASA GRANDVALIRA ANDORRA Referência / Cliente: AE ICBAS Estância: Pas de la Casa Grandvalira Andorra

Leia mais

Educação na Espanha. Seminário Internacional. e gieeducacional.com.br T: 19 4141.1515. contato@efigieeducacional.com.br. Chegada BRA 18/10 19/10

Educação na Espanha. Seminário Internacional. e gieeducacional.com.br T: 19 4141.1515. contato@efigieeducacional.com.br. Chegada BRA 18/10 19/10 Barcelona e Madri Espanha Seminário Internacional Saída BRA Chegada ESP 11/10 12/10 Saída ESP Chegada BRA 18/10 19/10 Público alvo Alunos de graduação e pós-graduação nas áreas da educação, professores,

Leia mais

Design de Sistemas Fotovoltaicos. Apresentação do Curso

Design de Sistemas Fotovoltaicos. Apresentação do Curso Design de Sistemas Fotovoltaicos Apresentação do Curso Sobre a Blue Sol A Blue Sol Energia Solar foi criada em 2008 com a finalidade de se especializar em soluções em energia solar e distribuição de produtos

Leia mais

Programa de Incentivos aos Leilões de Energia e à Geração Distribuída do Governo de Pernambuco João Bosco de Almeida

Programa de Incentivos aos Leilões de Energia e à Geração Distribuída do Governo de Pernambuco João Bosco de Almeida Programa de Incentivos aos Leilões de Energia e à Geração Distribuída do Governo de Pernambuco João Bosco de Almeida Secretário de Infraestrutura Energia Renovável em Pernambuco Desenvolvimento Técnico,

Leia mais

Mercado de energia elétrica: condições atuais de atendimento à carga e tendências para 2015. Manoel Arlindo Zaroni Torres

Mercado de energia elétrica: condições atuais de atendimento à carga e tendências para 2015. Manoel Arlindo Zaroni Torres Mercado de energia elétrica: condições atuais de atendimento à carga e tendências para 2015 Manoel Arlindo Zaroni Torres São Paulo, 1 de outubro de 2014 Aviso importante Este material pode incluir declarações

Leia mais

Plano de curso Tecnologia em Plataforma Aérea

Plano de curso Tecnologia em Plataforma Aérea PLANO DE CURSO MSOBRFDPTA08 PAG1 Plano de curso Tecnologia em Plataforma Aérea Justificativa do Curso A plataforma aérea de trabalho se tornou um dos equipamentos mais comuns em obras e sites de trabalho

Leia mais

Política de Mobilidade Urbana da Prefeitura de Fortaleza. www.fortaleza.ce.gov.br

Política de Mobilidade Urbana da Prefeitura de Fortaleza. www.fortaleza.ce.gov.br Política de Mobilidade Urbana da Prefeitura de Fortaleza FROTA DE TRANSPORTE COLETIVO DE FORTALEZA HOJE: 1.748 ônibus 320 vans 4.392 táxis 2.209 mototáxis 699 transportes escolares. Estabilidade da tarifa

Leia mais

SOLAR EXPO CAPTAÇÃO SOLAR NA ORDEM DO DIA

SOLAR EXPO CAPTAÇÃO SOLAR NA ORDEM DO DIA EXPO SOLAR Feira Internacional de Tecnologia Solar CAPTAÇÃO SOLAR NA ORDEM DO DIA Pesquisas indicam que em 20 anos o mundo vai consumir 50% mais energia do que é consumido atualmente. O mesmo percentual

Leia mais

Mini-MBA de Especialização em Auditoria Contabilística, Financeira e Fiscal

Mini-MBA de Especialização em Auditoria Contabilística, Financeira e Fiscal Mini-MBA de Especialização em Auditoria Contabilística, Financeira e Fiscal Índice Duração Total...2 Destinatários...2 Perfil de saída...2 Pré-Requisitos...2 Objetivo Geral...2 Objetivos Específicos...3

Leia mais

26 e 27 SET 2013 EXPONOR

26 e 27 SET 2013 EXPONOR 26 e 27 SET 2013 EXPONOR O NOSSO FÓRUM E EXPOSIÇÃO SUSTENTA-SE EM TRÊS PILARES: O NOSSO FÓRUM E EXPOSIÇÃO SUSTENTA-SE EM TRÊS PILARES: O NOSSO FÓRUM E EXPOSIÇÃO SUSTENTA-SE EM TRÊS PILARES: Uma marca.

Leia mais

ROADSHOW BR-PORTO ALEGRE(BS15) Informação geral. Condições de participação. Tiago Caravana - Vinhos do Alentejo

ROADSHOW BR-PORTO ALEGRE(BS15) Informação geral. Condições de participação. Tiago Caravana - Vinhos do Alentejo Tiago Caravana - Vinhos do Alentejo De: ViniPortugal Enviado: quinta-feira, 2 de Abril de 2015 15:16 Para: tiagocaravana@vinhosdoalentejo.pt Assunto: ViniPortugal - Evento

Leia mais

CENTRAL SOLAR FOTOVOLTAICA DE AMARELEJA REFERÊNCIA MUNDIAL NO DESENVOLVIMENTO DAS ENERGIAS RENOVÁVEIS

CENTRAL SOLAR FOTOVOLTAICA DE AMARELEJA REFERÊNCIA MUNDIAL NO DESENVOLVIMENTO DAS ENERGIAS RENOVÁVEIS CENTRAL SOLAR FOTOVOLTAICA DE AMARELEJA REFERÊNCIA MUNDIAL NO DESENVOLVIMENTO DAS ENERGIAS RENOVÁVEIS A MAIOR CENTRAL FOTOVOLTAICA DO MUNDO COM SEGUIDORES SOLARES AMARELEJA ENTRADA PRINCIPAL A central

Leia mais

TOUREG, 21 de Setembro de 2010. O Modelo sesco. A combinação de eficiência energética e energias renováveis. Check-List e CASOS PRÀTICOS no TURISMO

TOUREG, 21 de Setembro de 2010. O Modelo sesco. A combinação de eficiência energética e energias renováveis. Check-List e CASOS PRÀTICOS no TURISMO TOUREG, 21 de Setembro de 2010 O Modelo sesco - A combinação de eficiência energética e energias renováveis Check-List e CASOS PRÀTICOS no TURISMO CHECK LIST - HOTELARIA - Tem uma factura de energia (electricidade+gás+diesel)

Leia mais

Apresentação de Resultados 1T15

Apresentação de Resultados 1T15 Apresentação de Resultados 1T15 1 Destaques do Período Início da operação comercial de quatro parques do LEN A-3 2011 Início da operação comercial: 04 de março de 2015 Os outros 5 parques serão conectados

Leia mais

VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação. Perguntas e Respostas Emissão: 24/09/2007

VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação. Perguntas e Respostas Emissão: 24/09/2007 VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação Pregão Conjunto nº 27/2007 Processo n 11554/2007 Perguntas e Respostas Emissão: 24/09/2007 ITEM QUE ALTERA O EDITAL: Pergunta n o 1: Entendemos que, pelo fato do protocolo

Leia mais

COMPETE 2020 PORTUGAL 2020

COMPETE 2020 PORTUGAL 2020 COMPETE 2020 PORTUGAL 2020 2 INOVAÇÃO PRODUTIVA Trata-se de uma linha de apoio ao investimento nas empresas, aplicável a PME e Não PME. Quais os principais objetivos desta linha: Apoiar a produção de novos

Leia mais

Procuramos empreendedores com as seguintes características:

Procuramos empreendedores com as seguintes características: SOBRE A ALPARGATAS Quem nunca usou um Bamba? Ou uma calça US Top, um tênis Rainha, uma sandália Havaianas, ou jogou com uma bola Topper? A Alpargatas e suas marcas estiveram e estarão sempre presentes

Leia mais

JUNTOS MUDAMOS A SAÚDE PARA MELHOR NOVA ESTRATÉGIA COMERCIAL

JUNTOS MUDAMOS A SAÚDE PARA MELHOR NOVA ESTRATÉGIA COMERCIAL compromisso serviço JUNTOS MUDAMOS A SAÚDE PARA MELHOR NOVA ESTRATÉGIA COMERCIAL 2016 NOVIDADES DE 2016 PARA UMA SAÚDE MAIS PRÓXIMA Ter um papel cada vez mais ativo na saúde em Portugal é uma motivação

Leia mais

Mais que um workshop, uma verdadeira experiência fotográfica.

Mais que um workshop, uma verdadeira experiência fotográfica. Programa Workshop Mais que um workshop, uma verdadeira experiência fotográfica. Sexta 20 de Fevereiro 21h30 Boas-vindas Sábado 21 de Fevereiro 9h - 11h30 Sessão teórica 12h - 13h Almoço pic-nic 13h - Ocaso

Leia mais

magazine business HOTELS & TRAVEL Distributions

magazine business HOTELS & TRAVEL Distributions magazine HOTELS & TRAVEL Distributions 2 magazine O QUE FAZEMOS WHAT WE DO Somos uma empresa jovem e dinâmica com larga experiência na componente comercial através da execução de funções de gestão, em

Leia mais

PROJETO BÁSICO GRAMADOTUR

PROJETO BÁSICO GRAMADOTUR PROJETO BÁSICO GRAMADOTUR 1 Projeto Básico da Contratação de Serviços: 1.1 O presente Projeto Básico consiste na descrição para contratação de empresa para realização de administração de estacionamento

Leia mais

Passaporte para o Empreendedorismo

Passaporte para o Empreendedorismo Passaporte para o Empreendedorismo Enquadramento O Passaporte para o Empreendedorismo, em consonância com o «Impulso Jovem», visa através de um conjunto de medidas específicas articuladas entre si, apoiar

Leia mais

O PAPEL DA GERAÇÃO DISTRIBUÍDA NO BRASIL E NA CIDADE DE SÃO PAULO (Energia solar fotovoltaica)

O PAPEL DA GERAÇÃO DISTRIBUÍDA NO BRASIL E NA CIDADE DE SÃO PAULO (Energia solar fotovoltaica) UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO INSTITUTO DE ENERGIA E AMBIENTE LABORATÓRIO DE SISTEMAS FOTOVOLTAICOS Crise do setor, perspectivas de crescimento da demanda: O PAPEL DA GERAÇÃO DISTRIBUÍDA NO BRASIL E NA CIDADE

Leia mais

Missão Empresarial BATIMAT 2013

Missão Empresarial BATIMAT 2013 Missão Empresarial BATIMAT 2013 Paris/França De 01 a 10 de novembro de 2013 A Missão Empresarial destinada ao Salão Internacional da Construção BATIMAT 2013, esta sendo realizada pela FIESP, por meio do

Leia mais

Dell Infrastructure Consulting Services

Dell Infrastructure Consulting Services Proposta de Serviços Profissionais Implementação do Dell OpenManage 1. Apresentação da proposta Esta proposta foi elaborada pela Dell com o objetivo de fornecer os serviços profissionais de implementação

Leia mais

75% 15 a 18 de Maio 2015 Praça da Independência - Maputo Moçambique Pavilhão de Portugal

75% 15 a 18 de Maio 2015 Praça da Independência - Maputo Moçambique Pavilhão de Portugal aposta no Sistema Educativo Formação e Criação de Novas Infra-Estruturas UMA OPORTUNIDADE PARA O SEU SECTOR CO-FINANCIADO 75% 1ª PARTICIPAÇÃO PORTUGUESA DA FILEIRA DA EDUCAÇÃO AIP - Feiras, Congressos

Leia mais

Turismo Sustentável no Espaço Rural Experiências de sucesso em Portugal e na Europa LPN Castro Verde

Turismo Sustentável no Espaço Rural Experiências de sucesso em Portugal e na Europa LPN Castro Verde DARK SKY ALQUEVA STARLIGHT TOURISM DESTINATION Turismo Sustentável no Espaço Rural Experiências de sucesso em Portugal e na Europa LPN Castro Verde Apolónia Rodrigues Genuineland 6 de Março de 2013 DESAFIOS

Leia mais

SISTEMA DA QUALIDADE. Garantia da Qualidade Controle de Qualidade Rastreabilidade Não conformidade

SISTEMA DA QUALIDADE. Garantia da Qualidade Controle de Qualidade Rastreabilidade Não conformidade SISTEMA DA QUALIDADE Garantia da Qualidade Controle de Qualidade Rastreabilidade Não conformidade GARANTIA DA QUALIDADE Definição: Portaria 348/1997 RDC 48/2013 Todas as ações sistemáticas necessárias

Leia mais

17 a 24 JANEIRO DE 2016 SECTOR TICE DO SECTOR TICE A Missão Empresarial ao Vietname, tem por objetivo possibilitar às empresas portuguesas do Sector TICE, o estabelecimento de contactos com empresas locais,

Leia mais

MICROGERAÇÃO E MINIGERAÇÃO DISTRIBUIDA

MICROGERAÇÃO E MINIGERAÇÃO DISTRIBUIDA MICROGERAÇÃO E MINIGERAÇÃO DISTRIBUIDA Versão: 01 Data: 12/01/2013 SUMÁRIO 1. Objetivo 03 2. Normas e Regulamentos Complementares 03 3. Definições 04 3.1. Acesso 04 3.2 Acordo Operativo 04 3.3. Condições

Leia mais