Direitos exclusivos para a língua portuguesa Copyright 2018 by Editora Guanabara Koogan Ltda. Uma editora integrante do GEN Grupo Editorial Nacional

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Direitos exclusivos para a língua portuguesa Copyright 2018 by Editora Guanabara Koogan Ltda. Uma editora integrante do GEN Grupo Editorial Nacional"

Transcrição

1

2 A Trilha de Aprendizagem pode ser usada como apoio aos livros, Volumes,, Exame Físico e Técnicas de Imagem e Pezzi Anatomia Clínica Baseada em Problemas e às videoaulas da Sala de de Anatomia. Direitos exclusivos para a língua portuguesa Copyright 08 by Editora Guanabara Koogan Ltda. Uma editora integrante do GEN Grupo Editorial Nacional Reservados todos os direitos. É proibida a duplicação ou reprodução deste volume, no todo ou em parte, sob quaisquer formas ou por quaisquer meios (eletrônico, mecânico, gravação, fotocópia, distribuição na internet ou outros), sem permissão expressa da editora. Travessa do Ouvidor, Rio de Janeiro, RJ CEP Tels.: / Fax: Capa e Editoração Eletrônica: Camila Simas Imagens de capa: filo istockphoto.com Sidekick istockphoto.com

3 TOP #GENTOP AULA Conhecer as normas gerais de orientação anatômica: planos de secção e termos de orientação Estudar os ossos do crânio divisão da cavidade craniana (estudo das fossas cranianas) Sala de de Anatomia Videoaula 0 Viscerocrânio (ossos do crânio) Volumes 7 a 9 (Vol. ) 9 a (Vol. ) Planos de corte e termos de orientação Ossos do crânio e fossas (Vol. ) Traumatismo cranioencefálico (Vol. ) Fratura da calvária 0 (Vol. ) Fratura da base do crânio 5 a 8 Planos de corte 87 a 89 Ossos do crânio e fossas 80 Traumatismo cranioencefálico Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor 4 e 5 Ossos da face Planos de corte e termos de orientação 9 e 94 Ossos do crânio 48 a 5 Traumatismo cranioencefálico

4 TOP #GENTOP Estudar os ossos da face AULA Sala de de Anatomia Videoaula 0 Viscerocrânio (ossos do crânio) Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor Volumes 9 (Vol. ) Fraturas de Le Fort 9 e 94 Ossos do crânio e da face 55 e 56 Fraturas da face 8 Fraturas de Le Fort 8 Fratura da calvária Coluna vertebral

5 TOP #GENTOP AULA Estudar a coluna vertebral (composição regional da coluna e suas curvaturas), a morfologia geral e regional da vértebra, o canal vertebral e os forames intervertebrais Sala de de Anatomia Videoaula Volumes 67 a 75 Coluna vertebral e vértebras (Vol. ) 68 (Vol. ) Escoliose 80 e 8 (Vol. ) Articulação costovertebral 89 (Vol. ) Fratura da vértebra 76 e 77 Vértebras 79 a 8 Ossos da coluna vertebral Articulação e movimentos do tórax 46 e 45 Coluna e vértebras 466 e 467 Curvaturas normais da coluna 476 e 478 Curvaturas anormais da coluna Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor 89 a 9 Ossos do tórax Coluna e suas curvaturas, alterações das curvaturas 9 a 95 Rx e RM da coluna 96 a 99 Morfologia das vértebras, canal vertebral e forames intervertebrais

6 TOP #GENTOP Estudar os ossos do tórax AULA 4 Sala de de Anatomia Videoaula Ossos do tórax Volumes 6 a 66 (Vol. ) Ossos do tórax 64 (Vol. ) Fratura da costela em RCP 77 e 78 (Vol. ) Esterno e punção do esterno 7 a 76 Ossos do tórax 76 e 78 Esterno 8 a 85 Fratura da costela e biopsia do esterno Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor e Ossos do tórax Ossos do cíngulo e dos membros superiores

7 TOP #GENTOP AULA 5 Conhecer os ossos do cíngulo e dos membros superiores Sala de de Anatomia Videoaula Ossos do cíngulo e parte livre do membro superior Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor Volumes 60 a 69 (Vol. ) Ossos do cíngulo e dos membros superiores Ombro, clavícula, úmero e escápula 65 (Vol. ) Aplicação Clínica (AC): fraturas do úmero 6 AC: Rx de ombro 8 AC: Rx de cotovelo 6 a 65 AC: fratura da clavícula 668 a 678 Ossos do cíngulo e dos membros superiores 68 a 70 AC: fratura da parte distal do rádio 70 a 7 AC: fratura do osso escafoide 678 a 68 Fraturas do cíngulo e dos membros superiores Ossos do cíngulo e dos membros inferiores

8 TOP #GENTOP AULA 6 Conhecer os ossos do cíngulo e dos membros inferiores Sala de de Anatomia Sala de de Anatomia Videoaula Ossos do cíngulo e parte livre do membro inferior Questões para autoavaliação Sistema locomotor Volumes 96 a (Vol. ) 49 (Vol. ) Ossos do cíngulo e dos membros inferiores Aplicação Clínica (AC): fraturas do cíngulo e dos membros inferiores 508 a 5 5 a 57 Ossos do cíngulo e dos membros inferiores AC: fraturas do cíngulo e dos membros inferiores 4 Figura dos ossos da pelve, do quadril e da parte proximal do fêmur 4 Rx de quadril 44 Figura com vista anterior do joelho 45 Rx de joelho 46 Imagem dos ossos do pé e do tornozelo 47 Rx de tornozelo 57 Rx de tíbia 75 e 76 AC: fraturas do quadril Divisão geral das articulações

9 TOP #GENTOP AULA 7 Conhecer a divisão geral das articulações e os principais componentes morfológicos dos subtipos Volumes 6 a 8 (Vol. ) 9 (Vol. ) 0 (Vol. ) Articulações Estruturas acessórias Aplicação Clínica (AC): artrose Amplitude de movimento das articulações 5 a 8 Articulações 8 a 9 Artrite Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor Articulações da cabeça e da coluna vertebral

10 TOP #GENTOP AULA 8 Conhecer as articulações da cabeça e da coluna vertebral Sala de de Anatomia Videoaula 6 Músculos da cabeça e do pescoço Volumes 8 (Vol. ) 7 (Vol. ) e 9, 40 a 4, 45 (Vol. ) 40 a 4 (Vol. ) 4 (Vol. ) Movimento da articulação temporomandibular (ATM) Figura de articulação, inclusive ATM Figuras de ATM Figuras de ATM Aplicação Clínica (AC): artrose de ATM 44 (Vol. ) Figuras dos movimentos da ATM 46 (Vol. ) AC: Rx de ATM 84 a 87 (Vol. ) Articulação do crânio com a coluna vertebral 87 (Vol. ) AC: hérnia de disco Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor 96 a 99 5 a 54 Articulações das partes cervical, torácica, lombar e sacral da coluna vertebral AC: traumatismo da parte cervical da coluna vertebral Articulações do cíngulo e dos membros superiores 907, 9 e 9 ATM 909 e 90 Figuras de ATM 9 Músculos que atuam na ATM

11 TOP #GENTOP AULA 9 Conhecer as articulações do cíngulo e dos membros superiores Sala de de Anatomia Videoaula 7 Músculos do cíngulo e do braço Volumes 8 (Vol. ) 7 (Vol. ) 60 (Vol. ) 6 (Vol. ) 70 a 7 (Vol. ) 7 (Vol. ) 74 e 75 (Vol. ) 76 a 8 (Vol. ) Articulações sinoviais, inclusive a do ombro Estruturas acessórias, inclusive a do ombro Figura com as articulações do ombro e dos membros superiores Figura.8 A e B (articulação do ombro) Articulações do cíngulo e dos membros superiores Aplicação Clínica (AC): luxação do ombro Articulações do cíngulo Articulações dos membros superiores 8 (Vol. ) Figura.8 (articulações do cíngulo) 8 (Vol. ) Figura.40 (articulações dos membros superiores) 84 (Vol. ) Figura.4 (Rx de mão) 85 (Vol. ) AC: luxação do ombro Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor 4 5 a 40 Figura 6. (articulações do cíngulo e dos membros superiores) Tabela 6.6 (valores normais da amplitude de movimento do ombro) Articulações dos membros superiores Articulações do cíngulo e dos membros inferiores 767 a 794 Articulações do cíngulo 796 a 807 Articulações dos membros superiores 809 AC: luxação do ombro

12 TOP #GENTOP AULA 0 Conhecer as articulações do cíngulo e dos membros inferiores Sala de de Anatomia Videoaula 9 Volumes 96 (Vol. ) a 8 (Vol. ) Figura 4. (ossos e articulações dos membros inferiores) Articulações e ligamentos da pelve 0 (Vol. ) Articulação do joelho e (Vol. ) (Vol. ) 4 a 7 (Vol. ) 8 e 9 (Vol. ) 0 (Vol. ) (Vol. ) Ligamentos do joelho Articulação do joelho com bolsas sinoviais Ligamentos da articulação do joelho Meniscos Aplicação Clínica (AC): lesões dos meniscos Amplitude de movimento da articulação do joelho (Vol. ) AC: Figura 4.65 (artroscopia) 4 (Vol. ) Associações articulares dos ossos da perna 5 (Vol. ) Articulações talocrural e tibiofibular 6 e 7 (Vol. ) 8 e 9 (Vol. ) Articulações talocrural e talocalcaneonavicular Articulações do pé 4 (Vol. ) Arco longitudinal do pé 4 (Vol. ) Músculos dos membros inferiores Amplitude dos movimentos das articulações dos pés 6 a 67 Articulações do cíngulo 69 a Articulação do joelho e estruturas associadas Figura 5.9 (movimentos da articulação do joelho) 68 a 640 Bolsas em torno do joelho 640 a 64 Articulação tibiofibular 64 a 644 Articulação talocrural 644 a 646 Articulações do pé 646 e 650 Ligamentos do pé 647 Articulações do pé (ver quadro) Figura 5.00 (movimentos das articulações do antepé) Figura 5.0 (ligamentos plantares) 650 a 65 Arcos do pé 65 e 65 Anatomia de superfície das articulações dos membros inferiores 655 e 656 AC: luxação de quadril 660 e 66 AC: entorse de tornozelo

13 Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor 40 a 47 Articulações do cíngulo e dos membros inferiores 76 a 78 AC: lesões meniscais 85 a 88 AC: entorse de tornozelo Divisão geral do sistema muscular

14 TOP #GENTOP AULA Conhecer a divisão geral do sistema muscular, as características específicas dos músculos esqueléticos e noções de sindesmologia Volumes com o plano de aula desenvolvido especialmente para a disciplina. 0 e (Vol. ) Denominação dos movimentos (Vol. ) (Vol. ) Músculos de movimento e suporte Figuras.0 e. (origem e ponto de movimento dos músculos) Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor (Vol. ) 4 (Vol. ) Figura. A (estrutura das zonas de inserção dos tendões) Tipos de músculos Aplicação Clínica (AC): tensão muscular Músculos da cabeça 5 (Vol. ) Figura.4 (força dos músculos e tendões) e Figura.5 (braço de força e trabalho muscular) 9 a 5 Músculos 5 e 6 6 AC: disfunção e distensão dos músculos Boxe Pontos-chave (músculos esqueléticos)

15 TOP #GENTOP AULA Conhecer os músculos da cabeça (mímica e mastigação) Sala de de Anatomia Videoaula 6 Volumes (Vol. ) 50 a 55 (Vol. ) 5 (Vol. ) Aplicação Clínica (AC): paralisia facial Músculos da face e da mastigação AC: paralisia do músculo orbicular da boca 57 (Vol. ) AC: paralisia facial 87 a Músculos da cabeça e do pescoço Músculos da face e do couro cabeludo Figura 7.8 (disposição e ações do músculo orbicular do olho) 854 e 855 AC: paralisia dos músculos faciais 856 AC: lesões do nervo facial 068 AC: paralisia de Bell Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor 4 a 7 AC: AVC isquêmico Músculos do pescoço

16 TOP #GENTOP AULA Conhecer os músculos do pescoço: laterais, supra e infra-hióideos Sala de de Anatomia Videoaula 6 Músculos da cabeça e do pescoço Volumes 4 e 5 (Vol. ) 0 e 0 (Vol. ) 04 e 05 (Vol. ) 06 (Vol. ) 5 (Vol. ) Regiões da cabeça e do pescoço Regiões anteriores e laterais do pescoço Músculos do pescoço Aplicação Clínica (AC): traqueostomia Músculos escalenos AC: síndrome do desfiladeiro torácico 456 Síndrome do desfiladeiro torácico 978 a 98 Músculos laterais do pescoço a Figura 8.0 (músculos laterais do pescoço) Músculos da região cervical anterior Anatomia de superfície do pescoço AC: torcicolo congênito e torcicolo espasmódico 000 Quadro das regiões cervicais 000 e e 00 Músculos pré-vertebrais, inclusive escaleno Figura 8.4 (dissecção da raiz do pescoço) Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor 0 e Músculos do pescoço Músculos do cíngulo e dos membros superiores

17 TOP #GENTOP AULA 4 Conhecer os músculos do cíngulo e dos membros superiores Sala de de Anatomia Videoaula s 7 e 8 Volumes (Vol. ) (Vol. ) (Vol. ) Músculos de movimento e suporte Figura.0 (músculo braquial, inserção e origem) Aplicação Clínica (AC): dedo em gatilho 4 (Vol. ) Figura. (tipos de músculos) 5 (Vol. ) 75 (Vol. ) 86 (Vol. ) 87 (Vol. ) 88 (Vol. ) 89 (Vol. ) Figura.5 (braço de força e trabalho muscular - cotovelo) Figura. (músculos do manguito rotador) Figura.46 (músculos do ombro e dos membros superiores) Figura.47 (músculos do ombro e dos membros superiores) Figura.48 (músculos dos membros superiores) Figuras.49 e.50 (músculos do manguito) 90 (Vol. ) Figura.5 (músculos do cíngulo) 9 (Vol. ) 9 (Vol. ) 9 (Vol. ) 94 (Vol. ) 95 (Vol. ) 96 a (Vol. ) Músculos do cíngulo e do braço Músculos do antebraço e das mãos Figura.5 C e D (músculos do cíngulo) Figura.5 A a C (músculos do ombro) Figura.5 D a F (músculos do ombro) Figuras.5 e.54 (músculos do ombro e do cíngulo) Figura.55 (músculos do cíngulo e do ombro) Músculos dos membros superiores 699 a 704 Músculos do cíngulo 707 AC: lesão do manguito rotador 76 a 7 74 a 76 Músculos dos membros superiores Anatomia de superfície dos membros superiores 79 a 74 Músculos do antebraço e da mão 759 e Anatomia de superfície do antebraço AC: epicondilite lateral AC: dedo em martelo Quadro sobre pontos-chave do antebraço 766 a 774 Músculos da mão 775 Figura 6.8 (tendões dos músculos flexores dos dedos da mão)

18 Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor a 5 Músculos do cíngulo 66 a 68 AC: ruptura do manguito rotador Músculos do cíngulo e dos membros inferiores

19 TOP #GENTOP AULA 5 Conhecer os músculos do cíngulo e dos membros inferiores Sala de de Anatomia Videoaula 9 57 a e e 558 Marcha e músculos dos membros inferiores Aplicação Clínica (AC): contusões de quadril e coxa AC: distensão da virilha AC: lesão do músculo adutor longo Boxe Pontos-chave (compartimento anterior e medial da coxa) 558 a 568 Região femoral posterior 57 a 576 Anatomia de superfície da região femoral posterior 577 AC: lesão dos músculos isquiotibiais 579 Boxe Pontos-chave (região femoral posterior) 579 a 588 Fossa poplítea e perna 590 a 59 Compartimento lateral da perna 59 a 597 Compartimento posterior da perna 598 a 600 Anatomia de superfície da perna 600 e a 6 Pé AC: síndrome de estresse tibial medial AC: fabela no músculo gastrocnêmio AC: distensão do músculo gastrocnêmio Boxe Pontos-chave (fossa poplítea e perna) 67 a 69 Anatomia de superfície do pé 69 Músculos dos membros inferiores AC: contusão do músculo extensor curto dos dedos Volumes (Vol. ) 4 (Vol. ) 50 a 79 (Vol. ) 57 (Vol. ) Figura.9 (músculos de movimento e suporte) Figura. (tipos de músculos) AC: Boxe Correlações clínicas Músculos do cíngulo e dos membros inferiores AC: distonia Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor Tabela 6.4 (grupos de músculos e inervação) Figura 6.0 (marcha de Trendelenburg) Tabela 6. (compartimentos dos membros inferiores) Músculos do tórax e do dorso

20 TOP #GENTOP AULA 6 Conhecer os músculos do tórax e do dorso Sala de de Anatomia Videoaula 5 86 a 9 Músculos da parede torácica 97 Volumes 58 (Vol. ) 8 (Vol. ) 9 (Vol. ) Figuras (anatomia de superfície do dorso) Aplicação Clínica (AC): doença de Bechterew com restrição dos movimentos da parede torácica Figuras.65 e.66 (TC da região lombar da coluna vertebral) 94 (Vol. ) Músculos superficiais do dorso 95 e 96 (Vol. ) 97 (Vol. ) 98 e 99 (Vol. ) 00 e 0 (Vol. ) 0 a 09 (Vol. ) Boxe Pontos-chave (músculos e neurovasculatura da parede torácica) 478 a 487 Músculos do dorso e Músculos do dorso Músculos do tórax Anatomia de superfície dos músculos do dorso Distensões, entorses e espasmos do dorso Boxe Pontos-chave (músculos do dorso) Músculos profundos do dorso Figura.7 (esquema de orientação dos grupos musculares) Músculos profundos do dorso Músculos do dorso e suboccipitais Músculos das paredes torácica e abdominal 0 (Vol. ) Movimentos do tronco Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor 8 Tabela. (músculos da respiração) 9 Figura.9 (avaliação da expansão torácica) 0 Músculos do dorso Figura 5.8 (músculos extrínsecos do dorso) Figura 5.9 (músculos da camada intermediária do dorso) Figura 5.0 (músculos profundos do dorso) Diafragma e músculos do abdome

21 TOP #GENTOP AULA 7 Conhecer o diafragma e os músculos do abdome Sala de de Anatomia Videoaula 5 84 a 9 Parede anterolateral do abdome 97 Aplicação Clínica (AC): protuberância do abdome e hérnias abdominais 98 e 99 AC: incisões cirúrgicas abdominais 99 AC: hérnia incisional 00 e 0 0 a 06 e a 08 Diafragma Boxe Pontos-chave (fáscia, músculos e neurovasculatura da parede anterolateral do abdome) Face interna da parede anterolateral do abdome e canal inguinal Quadro B. (características das hérnias inguinais) Boxe Pontos-chave (face interna da parede do abdome e região inguinal) 08 a Parede posterior do abdome 5 AC: soluços 5 e 6 AC: ruptura do diafragma 6 9 Músculos do tórax AC: hérnia diafragmática congênita Boxe Pontos-chave (diafragma e parede posterior do abdome) Figura.0 (TC de abdome) Figura.0 (RM de abdome) Volumes (Vol. ) 07 e 08 (Vol. ) 09 (Vol. ) (Vol. ) (Vol. ) Figura.9 (músculos de movimento e suporte) Músculos do abdome AC: hérnias cicatriciais na parede abdominal Músculos do abdome, bainha dos músculos retos do abdome TC de abdome AC: hérnias umbilicais (Vol. ) Fáscia da parede abdominal 4 (Vol. ) 5 a 7 (Vol. ) Diafragma e parede abdominal posterior Diafragma 6 (Vol. ) AC: hérnias diafragmáticas

22 Sala de de Anatomia Questões para autoavaliação Sistema locomotor 88 Figura. (anatomia normal do abdome) 0 a 05 AC: hérnia inguinal Neuroanatomia

23 TOP #GENTOP AULA 8 Conhecer a organização geral do sistema nervoso (neuroanatomia) e suas divisões embriológica, anatômica e fisiológica Estudar a composição e disposição das substâncias branca e cinzenta 46 a 55 SNC 56 Volumes 60 a 66 (Vol. ) Desenvolvimento do SNC e do encéfalo 65 (Vol. ) Substância cinzenta 67 (Vol. ) Malformações 70 (Vol. ) Organização do SN 7 (Vol. ) 7 a 76 (Vol. ) Relações de orientação e posição do SNC Telencéfalo 77 (Vol. ) Diencéfalo 78 (Vol. ) Mesencéfalo e tronco encefálico 79 (Vol. ) 80 (Vol. ) Boxe Pontos-chave (partes central e periférica do SN) 870 a 877 Encéfalo e ventrículos 880 Boxe Pontos-chave (encéfalo) Distribuição das substâncias branca e cinzenta Tratos de associação e comissurais do encéfalo 8 (Vol. ) Tratos de projeção Sala de de Anatomia Exercícios Organização e divisão interativos morfofuncional do sistema nervoso 96 a 0 Medula espinal e nervos 9 a a 4 Medula espinal Cérebro (telencéfalo), nervos cranianos, tronco encefálico, sistema sensitivo Aplicação Clínica (AC): doenças desmielinizantes

24 TOP #GENTOP AULA 9 Conhecer a medula espinal: esqueletopia, H medular e funículos, formação do nervo espinal e dos plexos Estudar as vias ascendentes e descendentes da medula Volumes 47 (Vol. ) 9 a 94 (Vol. ) Comparação dos nervos cranianos e espinais Segmentos da medula espinal 95 (Vol. ) Medula espinal e nervos espinais 96 (Vol. ) Plexos nervosos 97 (Vol. ) Citoarquitetura funcional da medula espinal 98 (Vol. ) Tratos da medula espinal 40 (Vol. ) Arquitetura funcional da medula espinal 40 (Vol. ) Correlações clínicas 407 (Vol. ) Via piramidal 409 (Vol. ) Via extrapiramidal 40 (Vol. ) 4 (Vol. ) 4 a 44 (Vol. ) Via motora comum e unidade motora Visão geral e hierarquia do comando motor Organização do sistema somatossensitivo 46 (Vol. ) Correlações clínicas 48 (Vol. ) Sistemas nociceptivos 40 (Vol. ) 4 e 4 (Vol. ) Organização comparativa dos sistemas nervosos somático e autônomo (medula espinal e SNP) Sistema nervoso autônomo Sala de de Anatomia Exercícios Medula espinal, gânglios da interativos raiz dorsal, nervos espinais e vias ascendentes 96 a 0 0 a 05 Medula espinal, esqueletopia, nervos Sistema circulatório da medula espinal 07 e 08 Radiculopatia 08 a 0 Mielopatia compressiva traumática após fratura de vértebra Tronco encefálico e cerebelo 47 a 55 Medula, nervos espinais 56 Boxe Pontos-chave (partes central e periférica do SN) 56 a 65 Nervos espinais 49 a 500 Medula espinal 50 Transecção da medula espinal

25 TOP #GENTOP AULA 0 Conhecer o tronco encefálico e o cerebelo: organização, principais núcleos e vias Volumes 6 a 66 (Vol. ) 66 (Vol. ) Desenvolvimento do cerebelo Desenvolvimento do tronco encefálico 67 (Vol. ) Malformações do cerebelo 7 (Vol. ) 77, 85, 86, 07 a 09, 6, 4 a 44, 4, 4, 45, 46, 4, 47 a 440 (Vol. ) 78, 79, 0, 05, 0, 0, 7, 40 e 4 (Vol. ) 8, 0, 08, 4, 8,, 5, 9, 47, 49, 50, 57 a 60, 68, 7, 7, 75 a 8, 84, 86, 88, 89, 95, 409, 47 a 4, 4, 44, 47, 40 e 49 (Vol. ) Relações de orientação e de posição no SNC - cerebelo e tronco encefálico Cerebelo Cerebelo e tronco encefálico Tronco encefálico 49 Aplicação Clínica (AC): diminuição da vascularização do tronco encefálico 870 a 87 Tronco encefálico e cerebelo 880 Boxe Pontos-chave 047 a 065 Nervos cranianos; com exceção de NC I e II, os núcleos dos NC se localizam no tronco encefálico Sala de de Anatomia Exercícios interativos Tronco encefálico e nervos cranianos Cerebelo citoarquitetura e conexões

26 a 0 Diencéfalo e telencéfalo Tabela 7. (sinais/sintomas iniciais comuns) Crânio, couro cabeludo, meninges, cérebro e correlação clínica Tronco encefálico e nervos cranianos 07 a 0 Cerebelo e coordenação

27 TOP #GENTOP AULA Conhecer o diencéfalo e o telencéfalo Volumes 870 e Diencéfalo e telencéfalo Boxe Pontos-chave 6 a 66 (Vol. ) 7 (Vol. ) 7, 77 a 79, 8, 98, 0, 06, 07,, 9, a 4 e 44 (Vol. ) 7 a 76, 08, 09, 7, 8, 9, 6 e 47 (Vol. ) 90, 9, 9, 04, 09, 6 e 0 (Vol. ) e 48 (Vol. ) 5 (Vol. ) 9 (Vol. ) 4 e 46 (Vol. ) Desenvolvimento do diencéfalo e do telencéfalo Relações de posição e orientação no SNC Diencéfalo e telencéfalo Telencéfalo Glândula pineal e diencéfalo Aplicação Clínica (AC): dor talâmica Glândula pineal em relação ao mesencéfalo Glândula pineal em relação ao tronco encefálico Glândula pineal e encéfalo Sala de de Anatomia Exercícios Telencéfalo e vias interativos descendentes Estruturas diencefálicas 9 a 96 Diencéfalo e telencéfalo 05 a 07 Diencéfalo Nervos cranianos

28 TOP #GENTOP Conhecer os nervos cranianos AULA Volumes 6 (Vol. ) Desenvolvimento do encéfalo 70 (Vol. ) Organização do SN 7 (Vol. ) 78 (Vol. ) 79 e 8 (Vol. ) 5 (Vol. ) 6, 8, 9, 45 a 9 (Vol. ) Relação de orientação e de posição no SN Pontos de saída dos NCs no tronco encefálico NCs e substâncias branca e cinzenta Aplicação Clínica (AC): hematoma epidural NCs 67 (Vol. ) AC: neuralgia do trigêmeo 80 (Vol. ) AC: neuralgia do vago 4 (Vol. ) Sistema parassimpático e NCs III, VII e X 04 a 065 Resumo dos NCs Quadro 9.6 (resumo das lesões dos NCs) AC: neuralgia do trigêmeo AC: paralisia de Bell Sala de de Anatomia Exercícios interativos Tronco encefálico e nervos cranianos 97 a 0 NCs 00 Figura 7.9 (lesão de NC) 7 a AC: hemorragia intracraniana 4 a 6 AC: abscesso cerebral 46 a 48 AC: glioblastoma multiforme 48 a 5 AC: TCE Plexos braquial e lombossacral

29 TOP #GENTOP AULA Conhecer os plexos braquial e lombossacral, sua formação e distribuição Volumes 4 (Vol. ) Figura.44 (organização do SN) 44 (Vol. ) 6 e 65 (Vol. ) 6 (Vol. ) Figura.46 (esquema do plexo braquial) Boxe Correlações clínicas (plexo braquial) Figura.4 A e B (plexos cervical braquial e lombar) 55 (Vol. ) Lesão do plexo braquial 4 (Vol. ) Plexo braquial 5 (Vol. ) Lesão do plexo braquial 6 (Vol. ) Nn. cutâneos do MSD 8 (Vol. ) Nn. do plexo braquial 9 (Vol. ) 0 a 4 (Vol. ) 6 (Vol. ) 6, 64 e 66 (Vol. ) US do plexo braquial durante bloqueio com anestésico Plexo braquial Fossa axilar com Nn. do plexo braquial Fossa axilar com plexo braquial 6 (Vol. ) Plexo lombossacral 80 a 88 (Vol. ) Plexo lombossacral 89 (Vol. ) Lesões dos Nn. do plexo sacral 90 (Vol. ), 5 e 8 (Vol. ) 4, 44, 45, 49 e 5 (Vol. ) 70 (Vol. ) 86 (Vol. ) 96 (Vol. ) N. tibial N. fibular comum Plexo lombar Plexo braquial Plexo braquial e plexo lombossacral Conexão do NC XI com o plexo braquial Plexo braquial e plexo lombossacral 74 a 7 Plexo braquial 7 e 74 Variações do plexo braquial 74 e 75 Lesões do plexo braquial 75 Bloqueio do plexo braquial 75 e 76 Boxe Pontos-chave 5 55 a 58 Plexo sacral Figura mostrando plexos cervical, braquial, lombar e sacral 59 e 60 Boxe Pontos-chave Plexo lombar 47 Ciatalgia 06 a 08 AC: radiculopatia 5 a 0 Plexos braquial e lombossacral Meninges, ventrículos e liquor

30 TOP #GENTOP AULA 4 Conhecer as meninges, os ventrículos e o liquor 48 a 4 (Vol. ) Volumes 50 (Vol. ) RM do encéfalo mostrando ventrículo lateral esquerdo 70 (Vol. ) AC: meningite 59 (Vol. ) AC: meningioma 67 e 69 (Vol. ) 8 a 85 (Vol. ) 86 e 87 (Vol. ) AC: malformações meníngeas Meninges e ventrículos Ventrículos cerebrais 88 (Vol. ) AC: meningiomas 89 a 9 (Vol. ) Ventrículos cerebrais 94 (Vol. ) AC: Bloqueio da drenagem de LCS 94 (Vol. ) TC de crânio mostrando dilatação dos ventrículos Fundo de olho, meninges e LCS 0 (Vol. ) Ventrículos cerebrais 400 (Vol. ) Meninges da medula espinal 6 a 65 e 67 (Vol. ) Desenvolvimento do encéfalo e dos ventrículos 77 (Vol. ) Terceiro ventrículo 04 (Vol. ) Ventrículos cerebrais (Vol. ) Ventrículo lateral com hipocampo 6 (Vol. ) Figura.95 (ventrículo lateral e núcleos da base e tálamo) Figura.96 (ventrículo lateral, núcleos da base e tálamo) 9 (Vol. ) Ventrículo e diencéfalo 9 e 40 (Vol. ) 49 (Vol. ) 45 a 47 (Vol. ) Ventrículo e tronco encefálico Ventrículo e desenvolvimento do diencéfalo RM de ventrículos 4 a 440 (Vol. ) Encéfalo e ventrículos Ventrículos laterais 494 a 497 Meninges 858 a 866 Meninges cranianas 869 Leptomeningite 870 Boxe Pontos-Chave 87 e 87 Sistema ventricular do cérebro 87 e 874 Líquido cerebrospinal 879 Hidrocefalia Extravasamento de LCS 880 Boxe Pontos-Chave Sala de de Anatomia Exercícios Envoltórios, cavidades e interativos vascularização do sistema nervoso

31 94 Figura 7. (meninges) 7 a 9 AC: Meningite Vascularização da SNC

32 TOP #GENTOP AULA 5 Conhecer a vascularização do SNC Volumes 95 a 98 (Vol. ) 99 e 00 (Vol. ) 00, 0, 0, 05, 08, 408 a 40 (Vol. ) 0 a 0 (Vol. ) 05 a 6 (Vol. ) 08 (Vol. ) e (Vol. ) Artérias internas da cabeça Círculo arterial do cérebro Aplicação Clínica (AC): AVC (AVE) Artérias do encéfalo e cerebelo AC: hemorragias intracranianas Artérias e o homúnculo de Penfield Veias do encéfalo (Vol. ) Artérias e veias do encéfalo 4 (Vol. ) Veias profundas 874 a 877 Irrigação arterial do encéfalo 875 Drenagem venosa do encéfalo Figura 7.9 (artérias, veias, seios venosos da dura-máter) Figura 7. (seios venosos da dura-máter) Figura 7. (venografia dos seios venosos da dura-máter) Figura 7. (sistema vertebral venoso profundo) AC: traumatismos cranianos e hemorragia intracraniana AC: anastomoses das artérias cerebrais e embolia cerebral AC: variações do círculo arterial do cérebro AC: AVC AC: infarto cerebral AC: ataques isquêmicos transitórios Boxe Pontos-chave Sala de de Anatomia Exercícios Envoltórios, cavidades e interativos vascularização do sistema nervoso 0 a Artérias e veias do encéfalo Fundoscopia 4 a 7 AVC isquêmico 7 a Hemorragia intracraniana Principais vias ascendentes

33 TOP #GENTOP AULA 6 Conhecer as principais vias ascendentes vias do funículo posterior e vias espinotalâmicas Volumes 0 (Vol. ) 9 a 98 (Vol. ) Aplicação Clínica (AC): síndrome de Wallenberg Medula espinal 9 (Vol. ) AC: dor referida 405 (Vol. ) 4 e 44 (Vol. ) 46 (Vol. ) AC: lesão raquimedular, síndrome de Brown-Séquard Fascículo anterolateral AC: lesão do funículo posterior AC: síndrome de Brown-Séquard 48 (Vol. ) Dor, trato espinotalâmico lateral 46 a 55 Sistema nervoso e medula espinal 56 a 65 Medula espinal 96 a 0 Vias descendentes I Medula espinal e vias ascendentes

34 TOP #GENTOP AULA 7 Conhecer as vias descendentes I: vias piramidais e extrapiramidais Volumes 8 (Vol. ) 6 e 409 (Vol. ) 5 e 406 (Vol. ) Fibras de projeção e tratos corticospinal, corticopontino e corticonuclear Sistema extrapiramidal Aplicação Cínica (AC): lesão do trato piramidal 6 (Vol. ) Trato corticospinal - mesencéfalo 8 (Vol. ) 97 (Vol. ) 98 (Vol. ) Trato corticospinal - ponte e corticospinal - bulbo Medula espinal, trato corticospinal Boxe: sistemas aferente e eferente da substância branca da medula espinal - piramidal e extrapiramidal 406 (Vol. ) Trato piramidal e núcleos da base 407, 4 e 40 (Vol. ) 408 e 40 (Vol. ) Trato piramidal Sistemas piramidal e extrapiramidal 40 (Vol. ) AC: lesões Sala de de Anatomia Exercícios interativos Telencéfalo e vias descendentes 96 a 0 Medula, trato corticospinal 0 a 05 Trato corticospinal 05 Figura 7. (Babinski) 06 Tabela 7.8 (achados clínicos no exame neurológico) 4 a 7 AC: AVC isquêmico 7 a AC: hemorragia intracraniana Anatomia topográfica seccional e radiológica da cabeça e do pescoço

35 TOP #GENTOP AULAS 8 e 9 Conhecer a anatomia topográfica seccional e radiológica da cabeça e do pescoço 65 a 70 Técnicas de imagem 8 e 949 Rx - crânio 84 TC - cabeça de criança 864 Venografia dos seios da dura-máter 869 TC - encéfalo 87 RM - encéfalo 876 Arteriografia da carótida 878 RM - hidrocefalia 88 RM - órbita, olho 909 TC - ATM 95 Rx - seios paranasais 95 TC - seios paranasais 954 RM - desvio de septo nasal 97 Rx - pescoço 998 US com Doppler colorido - oclusão da artéria carótida 006 TC e RM - relações da tireoide 0 e 09 RM - cabeça e pescoço 04 RM - laringe Volumes 48 (Vol. ) Cintigrafia de tireoide 49 (Vol. ) TC - seios paranasais 50 (Vol. ) RM - encéfalo 46 (Vol. ) TC - ATM 75 (Vol. ) Rx - seios paranasais 77 (Vol. ) TC - seios paranasais 59 e 94 (Vol. ) 96 e 97 (Vol. ) 45 a 47 (Vol. ) TC - crânio ARM - artérias do encéfalo RM - encéfalo Sala de de Anatomia Exercícios interativos Avanços em neuroimagem

36 7 a 7 Exames de imagem 9 Tabela.6 (resumo de exames de imagem) 94 Rx - crânio 96 TC - crânio 0 e 09 RM - crânio 6 TC - base de crânio 8 Rx - crânio e seios paranasais 9 RM - orofaringe Exames de imagem - linfonodos 7 TC - infarto agudo cerebral 0 TC - hemorragia intracerebral TC - hemorragia subaracnóidea Angiografia - aneurisma na artéria comunicante anterior 4 RM - esclerose múltipla 6 RM - abscesso piogênico cerebral 4 Rx - pescoço 46 RM - adenoma hipofisário 47 RM - glioblastoma multiforme 50 TC - fratura de crânio 5 TC - lesão cerebral por contragolpe 54 Rx e TC - fratura de CV TC e RM - lesão de pescoço 56 TC - fratura do assoalho da órbita 58 Cintigrafia de tireoide Anatomia topográfica seccional e radiológica dos membros superiores e inferiores

37 TOP #GENTOP AULAS 0 e Conhecer a anatomia topográfica seccional e radiológica dos membros superiores e inferiores 50 5 Rx - ossos do quadril - não ossificado Rx - fratura de quadril RM - fratura do colo do fêmur 5 Rx - fratura do fêmur 54 Rx e RM - fratura dos membros inferiores 56 Rx - fratura dos metatarsais e 64 RM - coxa Rx - pé e fratura do osso sesamoide Rx - joelho RM - patela bipartida 584 RM - perna 59 Arteriografia poplítea 60 Rx - fabela do M. gastrocnêmio 69 Rx - esporão de calcâneo 68 RM - quadril 60 Rx - joelho 6 Artrografia - joelho 66 RM - joelho 64 Rx - art. talocrural 64 RM - tornozelo 646 Rx - pé 655 Rx - prótese de quadril 660 Rx - prótese de joelho 674 Rx - mão 707 Rx - úmero 7 Arteriografia - membros superiores 77 RM - braço 740 Rx - antebraço pronado 777 Arteriografia - mão 785 RM - punho 79 Rx - ombro 79 RM - ombro 796 Rx - cotovelo 800 Rx - art. radiulnar 80 Volumes Rx - mão e punho RM - punho 808 Rx - clavícula (fratura e luxação) 8 Rx - luxação do cotovelo 8 e 8 Rx - fratura e luxação do rádio 50 (Vol. ) RM - joelho 8 (Vol. ) Rx - ombro e úmero 8 (Vol. ) Rx - cotovelo 84 (Vol. ) Rx - mão 85 (Vol. ) Rx - luxação do ombro 44 (Vol. ) Rx - pelve masculina 45 (Vol. ) Rx - quadril e cabeça do fêmur 46 (Vol. ) Rx - joelho 47 (Vol. ) RM - joelho 48 (Vol. ) Rx - tornozelo 49 (Vol. ) Rx - fratura do tornozelo

38 6 Rx e RM - articulação do ombro 8 Rx - cotovelo e antebraço 40 Rx - mão 4 Rx - quadril esquerdo (nesta imagem a linha de Shenton é a vermelha C e a linha iliofemoral é a vermelha B) 45 Rx - joelho 47 Rx - tornozelo 49 Rx - pé 54 Rx - mão, quadril e joelho (osteoartrite) 57 Rx e RM - tíbia (osteomielite) 58 Rx - úmero (osteoporose) 6 Rx - mão e pé (alterações erosivas) 6 Rx - hálux (osteomielite e infecção do espaço articular em diabético) 65 Rx - fratura da clavícula esquerda 68 Artrografia - ruptura do manguito rotador 70 Rx - fratura do rádio 7 Rx - fratura do escafoide 74 Rx - quadril (fratura por estresse) 76 Rx - fêmur (fratura cominutiva) 78 e 8 RM - joelho 8 US - veia femoral comum

Direitos exclusivos para a língua portuguesa Copyright 2018 by Editora Guanabara Koogan Ltda. Uma editora integrante do GEN Grupo Editorial Nacional

Direitos exclusivos para a língua portuguesa Copyright 2018 by Editora Guanabara Koogan Ltda. Uma editora integrante do GEN Grupo Editorial Nacional A Trilha de Aprendizagem pode ser usada como apoio aos livros,,, Exame Físico e Técnicas de Imagem e Pezzi Anatomia Clínica Baseada em Problemas e às videoaulas da. Direitos exclusivos para a língua portuguesa

Leia mais

Direitos exclusivos para a língua portuguesa Copyright 2018 by Editora Guanabara Koogan Ltda. Uma editora integrante do GEN Grupo Editorial Nacional

Direitos exclusivos para a língua portuguesa Copyright 2018 by Editora Guanabara Koogan Ltda. Uma editora integrante do GEN Grupo Editorial Nacional A Trilha de Aprendizagem pode ser usada como apoio aos livros,,, Exame Físico e Técnicas de Imagem e e às videoaulas da. Direitos exclusivos para a língua portuguesa Copyright 018 by Editora Guanabara

Leia mais

Anatomia Geral. http://d-nb.info/1058614592. 1 Filogênese e Ontogênese Humanas. 5 Músculos. 6 Vasos. 2 Visão Geral do Corpo Humano

Anatomia Geral. http://d-nb.info/1058614592. 1 Filogênese e Ontogênese Humanas. 5 Músculos. 6 Vasos. 2 Visão Geral do Corpo Humano Anatomia Geral 1 Filogênese e Ontogênese Humanas 1.1 Filogênese Humana 2 1.2 Ontogênese Humana: Visão Geral, Fecundação e Estágios Iniciais do Desenvolvimento 4 1.3 Gastrulação, Neurulação e Formação dos

Leia mais

Introdução. 1 Tórax. 2 Abdome. 3 Pelve e Períneo. 4 Dorso. 5 Membro Inferior. 6 Membro Superior. 7 Cabeça. 8 Pescoço. 9 Nervos Cranianos

Introdução. 1 Tórax. 2 Abdome. 3 Pelve e Períneo. 4 Dorso. 5 Membro Inferior. 6 Membro Superior. 7 Cabeça. 8 Pescoço. 9 Nervos Cranianos Introdução 1 Tórax 2 Abdome 3 Pelve e Períneo 4 Dorso 5 Membro Inferior 6 Membro Superior 7 Cabeça 8 Pescoço 9 Nervos Cranianos Sumário Introdução à Anatomia Orientada para a Clínica, 1 MÉTODOS PARA O

Leia mais

Sumário. 2 Cabeça e Pescoço Anatomia Geral VII. 2.1 Crânio Aparelho Mastigatório e Músculos da Cabeça 53.

Sumário. 2 Cabeça e Pescoço Anatomia Geral VII. 2.1 Crânio Aparelho Mastigatório e Músculos da Cabeça 53. VII Sumário 1 Anatomia Geral 2 Cabeça e Pescoço 19 Posição dos Órgãos Internos, Pontos de Palpação e Linhas Regionais 2 Planos de Secção e Termos de Direção do Corpo 4 Osteologia 6 Esqueleto do Corpo Humano

Leia mais

Sumário. Anatomia Geral

Sumário. Anatomia Geral Anatomia Geral 1 Filogênese e Ontogênese Humanas 1.1 Filogênese Humana................................. 2 1.2 Ontogênese Humana: Visão Geral, Fecundação e Estágios Iniciais do Desenvolvimento.................................

Leia mais

NEUROANATOMIA ANATOMIA DA MEDULA ESPINAL. Profa. Dra. Luiza da Silva Lopes

NEUROANATOMIA ANATOMIA DA MEDULA ESPINAL. Profa. Dra. Luiza da Silva Lopes NEUROANATOMIA ANATOMIA DA MEDULA ESPINAL Profa. Dra. Luiza da Silva Lopes Neuroanatomia O sistema nervoso central apresenta uma complexidade estrutural e funcional que torna muito difícil seu estudo e

Leia mais

Sumário. Cabeça e Pescoço

Sumário. Cabeça e Pescoço Cabeça e Pescoço 1 Visão Geral 1.1 Regiões e Acidentes Ósseos.......................... 2 1.2 Cabeça e Pescoço em Conjunto e Fáscias do Pescoço.... 4 1.3 Anatomia Clínica....................................

Leia mais

Controla funções orgânicas e é responsável pela interação do animal com o meio ambiente.

Controla funções orgânicas e é responsável pela interação do animal com o meio ambiente. Sistema Nervoso Controla funções orgânicas e é responsável pela interação do animal com o meio ambiente. Muitas funções dependem da vontade e muitas são inconscientes. Divisão Sistema Nervoso Central constituído

Leia mais

Cabeça, Pescoço e Neuroanatomia PROMETHEUS. Atlas de Anatomia

Cabeça, Pescoço e Neuroanatomia PROMETHEUS. Atlas de Anatomia Cabeça, Pescoço e Neuroanatomia PROMETHEUS Atlas de Anatomia Sumário Cabeça e Pescoço 1 Visão Geral 1.1 Regiões e Acidentes Ósseos Palpáveis...2 1.2 Cabeça e Pescoço em Conjunto e Fáscias do Pescoço...4

Leia mais

Plano de Aula Medula espinal Diagnóstico topográfico

Plano de Aula Medula espinal Diagnóstico topográfico Plano de Aula Medula espinal Diagnóstico topográfico Prof. Dr. José Carlos B. Galego 1-Introdução: A medula espinal estende-se da base do crânio até o nível da segunda vértebra lombar, por onde cursam

Leia mais

2ª VIA EXAME - RM/TC 120,00 2ª VIA EXAME - USG/DO 20,00 BIOPSIA PERCUTANEA ORIENTADA POR TC 2.500,00 BIOPSIA PERCUTANEA ORIENTADA POR US 420,00

2ª VIA EXAME - RM/TC 120,00 2ª VIA EXAME - USG/DO 20,00 BIOPSIA PERCUTANEA ORIENTADA POR TC 2.500,00 BIOPSIA PERCUTANEA ORIENTADA POR US 420,00 Procedimento VALOR 2ª VIA EXAME - RM/TC 120,00 2ª VIA EXAME - USG/DO 20,00 BIOPSIA PERCUTANEA ORIENTADA POR TC 2.500,00 BIOPSIA PERCUTANEA ORIENTADA POR US 420,00 CONTRASTE 70,00 DENSITOMETRIA - COLUNA

Leia mais

Tabelas de Exames RESSONÂNCIA.

Tabelas de Exames RESSONÂNCIA. RESSONÂNCIA 41101014 RM - Crânio (encéfalo) 41101022 RM - Sela túrcica (hipófise) 41101030 RM - Base do crânio 41101057 Perfusão cerebral por RM 41101065 Espectroscopia por RM 41101073 RM - Órbita bilateral

Leia mais

ENFERMAGEM ANATOMIA. SISTEMA NERVOSO Aula 2. Profª. Tatiane da Silva Campos

ENFERMAGEM ANATOMIA. SISTEMA NERVOSO Aula 2. Profª. Tatiane da Silva Campos ENFERMAGEM ANATOMIA SISTEMA NERVOSO Aula 2 Profª. Tatiane da Silva Campos O liquor forma-se a partir do sangue, nos plexos corioides localizados nos ventrículos. O plexo corioide é uma estrutura vascular,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA PAULISTA DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE MORFOLOGIA E GENÉTICA. Calendário º semestre Curso: MEDICINA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA PAULISTA DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE MORFOLOGIA E GENÉTICA. Calendário º semestre Curso: MEDICINA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA PAULISTA DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE MORFOLOGIA E GENÉTICA Calendário - 2017 1º semestre Curso: MEDICINA Unidade Curricular: AS BASES MORFOLÓGICAS DA MEDICINA Disciplinas

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA PAULISTA DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE MORFOLOGIA E GENÉTICA. Calendário

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA PAULISTA DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE MORFOLOGIA E GENÉTICA. Calendário UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA PAULISTA DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE MORFOLOGIA E GENÉTICA Calendário - 2014 1º e 2º semestres Curso: MEDICINA Unidade Curricular: AS BASES MORFOLÓGICAS DA MEDICINA

Leia mais

Cabeça e Pescoço. 4 Sistemática dos Elementos Vasculonervosos. 1 Visão Geral. 2 Ossos, Ligamentos e Articulações

Cabeça e Pescoço.  4 Sistemática dos Elementos Vasculonervosos. 1 Visão Geral. 2 Ossos, Ligamentos e Articulações Cabeça e Pescoço 1 Visão Geral 1.1 Regiões e Acidentes Ósseos 2 1.2 Cabeça e Pescoço em Conjunto e Fáscias do Pescoço 4 1.3 Anatomia Clínica 6 1.4 Embriologia da Face 8 1.5 Embriologia do Pescoço 10 2

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA PAULISTA DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE MORFOLOGIA E GENÉTICA. Calendário

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA PAULISTA DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE MORFOLOGIA E GENÉTICA. Calendário UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA PAULISTA DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE MORFOLOGIA E GENÉTICA Calendário - 2016 1º e 2º semestres Curso: MEDICINA Unidade Curricular: AS BASES MORFOLÓGICAS DA MEDICINA

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA PAULISTA DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE MORFOLOGIA E GENÉTICA. Calendário º semestre Curso: MEDICINA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA PAULISTA DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE MORFOLOGIA E GENÉTICA. Calendário º semestre Curso: MEDICINA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA PAULISTA DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE MORFOLOGIA E GENÉTICA Calendário - 2017 1º semestre Curso: MEDICINA Unidade Curricular: AS BASES MORFOLÓGICAS DA MEDICINA Disciplinas

Leia mais

PLANO DE ENSINO. Anatomia humana de estruturas reunidas em um mesmo território anatômico e suas representações em exames de imagem normais.

PLANO DE ENSINO. Anatomia humana de estruturas reunidas em um mesmo território anatômico e suas representações em exames de imagem normais. NOME: ANATOMIA TOPOGRÁFICA E IMAGEM Código: IMA002 Carga horária: 120 HORAS-AULA (30 HORAS TEÓRICAS E 90 HORAS PRÁTICAS) Créditos: 08 Período do curso: 4 PERÍODO Pré-requisitos: FIB040 EMENTA PLANO DE

Leia mais

Vascularização do Sistema Nervoso Central

Vascularização do Sistema Nervoso Central FACULDADE DE MEDICINA/UFC-SOBRAL MÓDULO SISTEMA NERVOSO NEUROANATOMIA FUNCIONAL Vascularização do Sistema Nervoso Central Prof. Gerardo Cristino Aula disponível em: www.gerardocristino.com.br Objetivos

Leia mais

TABELA DE PREÇOS DESCRIÇÃO PARTICULAR PART. C/ DESCONTO SINDSPAR OBSERVAÇÃO DENSITOMETRIA ÓSSEA, CARDIOLÓGICOS E NEUROLÓGICOS

TABELA DE PREÇOS DESCRIÇÃO PARTICULAR PART. C/ DESCONTO SINDSPAR OBSERVAÇÃO DENSITOMETRIA ÓSSEA, CARDIOLÓGICOS E NEUROLÓGICOS TABELA DE PREÇOS DESCRIÇÃO PARTICULAR PART. C/ DESCONTO SINDSPAR OBSERVAÇÃO DENSITOMETRIA ÓSSEA, CARDIOLÓGICOS E NEUROLÓGICOS ECODOPPLERCARDIOGRAMA TRANSTORÁCICO R$ 250,00 R$ 220,00 R$ 180,00 ELETROCARDIOGRAMA

Leia mais

ANATOMIA MACROSCÓPICA DA MEDULA ESPINHAL

ANATOMIA MACROSCÓPICA DA MEDULA ESPINHAL ANATOMIA MACROSCÓPICA DA MEDULA ESPINHAL I. Generalidades A Medula Espinhal (ME) e seus nervos associados têm imensa importância funcional. Essas estruturas atuam para: Receber fibras aferentes, oriunda

Leia mais

EMENTA E CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Credenciada pela Portaria Ministerial n o 4065 de 31/12/02

EMENTA E CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Credenciada pela Portaria Ministerial n o 4065 de 31/12/02 CURSO: EDUCAÇÃO FÍSICA SÉRIE: 2º Semestre DISCIPLINA: ANATOMIA TURNO: Noturno CARGA HORÁRIA SEMANAL: 3,0 horas/aula CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 horas PROFESSOR JOSÉ MUSSE COSTA LIMA JEREISSATI EMENTA A

Leia mais

Sistema Nervoso Periférico

Sistema Nervoso Periférico Sistema Nervoso Periférico Divisão anatômica do SN Cérebro SNC Encéfalo Cerebelo Tronco encefálico Mesencéfalo Ponte Medula espinal Bulbo SNP Nervos Gânglios Cranianos Espinais Terminações nervosas Consideração

Leia mais

OSSOS DO MEMBRO INFERIOR

OSSOS DO MEMBRO INFERIOR OSSOS DO MEMBRO INFERIOR ARTICULAÇÕES DO MEMBRO INFERIOR Articulação SacroiIíaca: Ligamento sacrotuberal Lig. sacroespinal Lig. Sacroilíacos post. e ant. Lig. Sacroilíacos interósseos Articulação

Leia mais

TABELA DE CÓDIGO DE PROCEDIMENTOS. Central de Atendimento: solicite agendamento através do site:

TABELA DE CÓDIGO DE PROCEDIMENTOS. Central de Atendimento: solicite agendamento através do site: TABELA DE CÓDIGO DE PROCEDIMENTOS Central de Atendimento: 41 3362-3111 solicite agendamento através do site: Código Descrição 30602181 Punção ou biópsia percutânea de agulha fina - por nódulo (máximo de

Leia mais

S00-T98 CAPÍTULO XIX : Lesões, envenenamentos e algumas outras consequências de causas externas S00.0 Traumatismo superficial do couro cabeludo S00.1 Contusão da pálpebra e da região periocular S00.2 Outros

Leia mais

Estrutura e Função dos Nervos Periféricos

Estrutura e Função dos Nervos Periféricos FACULDADE DE MEDICINA/UFC-SOBRAL MÓDULO SISTEMA NERVOSO NEUROANATOMIA FUNCIONAL Estrutura e Função dos Nervos Periféricos Prof. Gerardo Cristino Aula disponível em: www.gerardocristino.com.br Objetivos

Leia mais

Procedimento x CID Principal

Procedimento x CID Principal Ministério da Saúde - MS Secretaria de Atenção à Saúde Tabela de Procedimentos, Medicamentos, Órteses, Próteses e Materiais Especiais do SUS Procedimento x CID Principal 03.01.07.010-5 ATENDIMENTO/ACOMPANHAMENTO

Leia mais

Estrutura e Função do Telencéfalo

Estrutura e Função do Telencéfalo FACULDADE DE MEDICINA/UFC-SOBRAL MÓDULO SISTEMA NERVOSO NEUROANATOMIA FUNCIONAL Estrutura e Função do Telencéfalo Prof. Gerardo Cristino Aula disponível em: www.gerardocristino.com.br Objetivos de Aprendizagem

Leia mais

Tabelas de Exames RESSONÂNCIA.

Tabelas de Exames RESSONÂNCIA. RESSONÂNCIA 41101014 RM - Crânio (encéfalo) 41101022 RM - Sela túrcica (hipófise) 41101030 RM - Base do crânio 41101049 Estudo funcional (mapeamento cortical por RM) 41101057 Perfusão cerebral por RM 41101065

Leia mais

SISTEMA NERVOSO PARTE II

SISTEMA NERVOSO PARTE II SISTEMA NERVOSO PARTE II 2014 Meninges è Dura-Máter è Aracnóide Máter è Pia Máter Paquimeninge ] Leptomeninge Aracnóide máter Aracnóide máter Meninges Aracnóide máter Meninges è Espaços Epidural (canal

Leia mais

MODELO ANATÓMICO ACADEMIA DAS CIÊNCIAS DE LISBOA. Maria Alexandre Bettencourt Pires (MD; PhD) Lisboa -2015

MODELO ANATÓMICO ACADEMIA DAS CIÊNCIAS DE LISBOA. Maria Alexandre Bettencourt Pires (MD; PhD) Lisboa -2015 MODELO ANATÓMICO ACADEMIA DAS CIÊNCIAS DE LISBOA Auzoux, Paris- 1853 José António nio Esperança a Pina (MD; PhD) Maria Alexandre Bettencourt Pires (MD; PhD) Lisboa -2015 1. ANATOMIA HUMANA DA LOCOMOÇÃO

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul ESCOLA DE CIÊNCIAS

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul ESCOLA DE CIÊNCIAS ESCOLA DE CIÊNCIAS 1 DADOS DO IDENTIFICAÇÃO PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO 1.1 FACULDADE BIOCIÊNCIAS PLANO DE DISCIPLINA 1. DEPARTAMENTO CIÊNCIAS MORFOFISIOLÓGICAS

Leia mais

Anatomia Humana. A- Anatomia Geral e do Aparelho Locomotor. B- Anatomia do Aparelho Cardiorespiratório

Anatomia Humana. A- Anatomia Geral e do Aparelho Locomotor. B- Anatomia do Aparelho Cardiorespiratório Anatomia Humana A- Anatomia Geral e do Aparelho Locomotor B- Anatomia do Aparelho Cardiorespiratório C- Anatomia dos Sistemas Endócrino e Digestório D- Anatomia do Aparelho Genitourinário E- Anatomia do

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA PLANO DE ENSINO

CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA PLANO DE ENSINO CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA PLANO DE ENSINO COMPONENTE CURRICULAR CARGA HORÁRIA PERÍODO: Anatomia I Teórica Prática Total 2º 72h 72h 144h PROFESSOR RESPONSÁVEL: Jair Araujo Junior EMENTA: Vida, seres

Leia mais

ERGONOMIA AULA 2 RICARDO LUIZ PACE JUNIOR

ERGONOMIA AULA 2 RICARDO LUIZ PACE JUNIOR ERGONOMIA AULA 2 RICARDO LUIZ PACE JUNIOR Noções Básicas de Anatomia e Fisiologia Identificação das Limitações do Organismo Humano Sabendo-se que a Ergonomia tem por objetivo adequar o trabalho às características

Leia mais

MÚSCULO ORIGEM INSERÇÃO INERVAÇÃO 1 SUPRA-ESPINHAL FOSSA SUPRA-ESPINHAL TUBÉRCULO > DO ÚMERO 2 INFRA-ESPINHAL SUPERFÍCIE INFERIOR DA ESPINHA

MÚSCULO ORIGEM INSERÇÃO INERVAÇÃO 1 SUPRA-ESPINHAL FOSSA SUPRA-ESPINHAL TUBÉRCULO > DO ÚMERO 2 INFRA-ESPINHAL SUPERFÍCIE INFERIOR DA ESPINHA 6MOD205 LOCOMOÇÃO E PREENSÃO MÚSCULOS DO MEMBRO SUPERIOR OMBRO MANGUITO ROTADOR 1 SUPRA-ESPINHAL FOSSA SUPRA-ESPINHAL TUBÉRCULO > DO 2 INFRA-ESPINHAL SUPERFÍCIE INFERIOR DA ESPINHA TUBÉRCULO > DO 3 SUBESCAPULAR

Leia mais

BIOLOGIA. Identidade do Seres Vivos. Sistema Nervoso Humano Parte 1. Prof. ª Daniele Duó

BIOLOGIA. Identidade do Seres Vivos. Sistema Nervoso Humano Parte 1. Prof. ª Daniele Duó BIOLOGIA Identidade do Seres Vivos Parte 1 Prof. ª Daniele Duó O sistema nervoso é o mais complexo e diferenciado do organismo, sendo o primeiro a se diferenciar embriologicamente e o último a completar

Leia mais

Subdivide-se em: Sistema Nervoso Central (SNC) Encéfalo e medula espinal. Sistema Nervoso Periférico (SNP) Nervos e gânglios

Subdivide-se em: Sistema Nervoso Central (SNC) Encéfalo e medula espinal. Sistema Nervoso Periférico (SNP) Nervos e gânglios O sistema nervoso é responsável pelo ajustamento do organismo ao ambiente. Sua função é perceber e identificar as condições ambientais externas, bem como as condições reinantes dentro do próprio corpo

Leia mais

Esqueleto Apendicular e Axial, e articulação do joelho. Marina Roizenblatt 75 Monitora de Anatomia

Esqueleto Apendicular e Axial, e articulação do joelho. Marina Roizenblatt 75 Monitora de Anatomia Esqueleto Apendicular e Axial, e articulação do joelho Marina Roizenblatt 75 Monitora de Anatomia Coluna Vertebral Canal Vertebral Forames intervertebrais Características de uma vértebra típica Corpo vertebral

Leia mais

PSICOLOGIA. Sistema Nervoso

PSICOLOGIA. Sistema Nervoso CENTRO UNIVERSITÁRIO DINÂMICA DAS CATARATAS PSICOLOGIA Neuroanatomia Sistema Nervoso Foz do Iguaçu, outubro de 2017 É um conjunto de órgãos responsáveis pela coordenação e integração dos demais sistemas

Leia mais

ENFERMAGEM ANATOMIA. SISTEMA NERVOSO Aula 1. Profª. Tatiane da Silva Campos

ENFERMAGEM ANATOMIA. SISTEMA NERVOSO Aula 1. Profª. Tatiane da Silva Campos ENFERMAGEM ANATOMIA SISTEMA NERVOSO Aula 1 Profª. Tatiane da Silva Campos Sistema nervoso (SN) controla e coordena todos os processos vitais que se desenvolvem involuntariamente nos órgãos internos (atividade

Leia mais

TRONCO ENCEFÁLICO 25/05/2010

TRONCO ENCEFÁLICO 25/05/2010 TRONCO ENCEFÁLICO Localização: entre diencéfalo e medula, ventralmente ao cerebelo Constituição: Substância cinzenta (núcleos) Substância branca (tratos, fascículos e lemniscos) Formação reticular Divisão:

Leia mais

18/03/2018. Avaliação Ortopédica MEMBROS INFERIORES. Hugo Leonardo Miranda Coelho Ortopedista Médico do Trabalho Perito Médico

18/03/2018. Avaliação Ortopédica MEMBROS INFERIORES. Hugo Leonardo Miranda Coelho Ortopedista Médico do Trabalho Perito Médico Avaliação Ortopédica MEMBROS INFERIORES Hugo Leonardo Miranda Coelho Ortopedista Médico do Trabalho Perito Médico 1 Quadril Diagnósticos a considerar: Coxartrose Impacto femoroacetabular Osteonecrose da

Leia mais

ENFERMAGEM ANATOMIA. SISTEMA MUSCULO ESQUELÉTICO Aula 5. Profª. Tatiane da Silva Campos

ENFERMAGEM ANATOMIA. SISTEMA MUSCULO ESQUELÉTICO Aula 5. Profª. Tatiane da Silva Campos ENFERMAGEM ANATOMIA SISTEMA MUSCULO ESQUELÉTICO Aula 5 Profª. Tatiane da Silva Campos Músculos da cabeça e do pescoço responsáveis pelos traços do rosto e pela mímica, atuam na movimentação da cabeça e

Leia mais

CINESIOLOGIA. Músculos vs Movimentos. Prof. Msd. Ricardo L. Pace Jr.

CINESIOLOGIA. Músculos vs Movimentos. Prof. Msd. Ricardo L. Pace Jr. CINESIOLOGIA Músculos vs Movimentos Prof. Msd. Ricardo L. Pace Jr. CINESIOLOGIA FASAR 2015 Prof. Msd. Ricardo L. Pace Jr. 1 COMPLEXO SUPERIOR TRAPÉZIO: PORÇÃO SUPERIOR (PARTE DESCENDENTE) Na Cervical:

Leia mais

Organização e Estrutura Geral do Sistema Nervoso

Organização e Estrutura Geral do Sistema Nervoso Curso de Pós-graduação - IPUB Neurociências Aplicadas Ciclo Básico Núcleo Comum Disciplina de Neuroanatomia Prof: Alfred Sholl Organização e Estrutura Geral do Sistema Nervoso 08/04/2010 Ementa: Conceitos

Leia mais

UNINOVE Nome da Disciplina Ano Turma

UNINOVE Nome da Disciplina Ano Turma UNINOVE Nome da Disciplina Ano Turma Medicina Bases Morfológicas da Medicina I 2013-2 2 Semestre Docentes Alex, Andrea, Karine, Renato, Richard e Suely Dias 2º, 3º Manhã 4º, 6º Tarde Data Horário Assunto

Leia mais

MEDULA ESPINAL. Profa. Dra. Tatiane Rondini MEDULA ESPINAL

MEDULA ESPINAL. Profa. Dra. Tatiane Rondini MEDULA ESPINAL Profa. Dra. Tatiane Rondini Medula significa miolo. Estrutura cilíndrica de tecido nervoso, ligeiramente achatada no sentido ântero-posterior. Dilatada em duas regiões (intumescências cervical e lombar)

Leia mais

Nervos Cranianos 24/04/2018

Nervos Cranianos 24/04/2018 Nervos Cranianos M.Sc. Coordenadora da Pós-graduação em Fonoaudiologia Hospitalar UVA Os nervos cranianos são os nervos que são ligados ao encéfalo. A maior parte deles são ligados ao tronco encefálico,

Leia mais

MÚSCULOS DO OMBRO. Músculos do Ombro

MÚSCULOS DO OMBRO. Músculos do Ombro MÚSCULOS DO OMBRO Músculos do Ombro Deltóide Supra-espinhal Infra-espinhal Redondo Menor Redondo Maior Subescapular DELTÓIDE Ombro Inserção Proximal: 1/3 lateral da borda anterior da clavícula, acrômio

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE Departamento de Morfologia PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE Departamento de Morfologia PLANO DE ENSINO PLANO DE ENSINO CAMPUS: Campus de Maruípe CURSO: Fisioterapia (20) HABILITAÇÃO: Bacharelado DEPARTAMENTO RESPONSÁVEL: Morfologia IDENTIFICAÇÃO CÓDIGO DISCIPLINA OU ESTÁGIO PERIODIZAÇÃO IDEAL MOR12642 Anatomia

Leia mais

Introdução ao Estudo da Anatomia Humana. Prof. Dr.Thiago Cabral

Introdução ao Estudo da Anatomia Humana. Prof. Dr.Thiago Cabral Introdução ao Estudo da Anatomia Humana Conceito de Anatomia É a ciência que estuda, macro e microscopicamente, a constituição dos seres organizados. Especializações da anatomia Citologia (Biologia celular)

Leia mais

RIOT 2019/20. Presidente SBOT-CE: Dr. Atualpa Junior Vice-presidente SBOT-CE: Dr. Leonardo Drumond

RIOT 2019/20. Presidente SBOT-CE: Dr. Atualpa Junior Vice-presidente SBOT-CE: Dr. Leonardo Drumond Coordenador RIOT 2019: Dr. Jonatas Brito CRONOGRAMA RESPONSÁVEL Março Ciência básica Abril 28/mar 19:00-19:30 INTRODUÇÃO RIOT 2017 Dr. Jonatas 19:30-20:30 Biologia óssea e dos tecidos moles 20:45-21:30

Leia mais

ALTERAÇÕES DAS CURVAS DA COLUNA VERTEBRAL

ALTERAÇÕES DAS CURVAS DA COLUNA VERTEBRAL PROBLEMAS POSTURAIS * Profª Érica Verderi ALTERAÇÕES DAS CURVAS DA COLUNA VERTEBRAL Hipercifose É aumento da curvatura da região dorsal, ou seja, é o aumento da convexidade posterior no plano sagital,

Leia mais

Instituto de Ciências Biológicas / Departamento de Anatomia (32)

Instituto de Ciências Biológicas / Departamento de Anatomia (32) Instituto de Ciências Biológicas / Departamento de Anatomia depto.anatomia@ufjf.edu.br (32) 2102-3205 PROGRAMA DE DISCIPLINA DISCIPLINA: ANATOMIA APLICADA A MEDICINA II CÓDIGO: ANA002/ANA502 CARGA HORÁRIA:

Leia mais

João Manoel Chapon Cordeiro 1996

João Manoel Chapon Cordeiro 1996 SISTEMA NERVOSO O sistema nervoso é o mais complexo e diferenciado do organismo, sendo o primeiro a se diferenciar embriologicamente e o último a completar o seu desenvolvimento João Manoel Chapon Cordeiro

Leia mais

Noções Básicas de Neuroanatomia

Noções Básicas de Neuroanatomia Noções Básicas de Neuroanatomia OBJETIVO: Apresentar o Sistema Nervoso (SN) e suas possíveis divisões didáticas. O SN é um todo. Sua divisão em partes tem um significado exclusivamente didático, pois várias

Leia mais

PLANO DE ENSINO DISCIPLINA: NEUROANATOMIA. PROFESSOR: André L H Pantoja CARGA HORÁRIA: EMENTA 2. OBJETIVO(S)

PLANO DE ENSINO DISCIPLINA: NEUROANATOMIA. PROFESSOR: André L H Pantoja CARGA HORÁRIA: EMENTA 2. OBJETIVO(S) PLANO DE ENSINO SEMESTRE: 2011.1 CURSO: Fisioterapia TA2M DISCIPLINA: NEUROANATOMIA PROFESSOR: André L H Pantoja CARGA HORÁRIA: 60 1. EMENTA Estudo anatômico do Sistema Nervoso Central e Periférico com

Leia mais

Anatomia Radiológica para Aplicação na Física Médica

Anatomia Radiológica para Aplicação na Física Médica Anatomia Radiológica para Aplicação na Física Médica Rafael Carvalho Silva Subcoordenador de Ensino e Pesquisa LCR/UERJ MSc Engenharia Nuclear Aplicada COPPE/UFRJ Área Controle de Qualidade em Radiodiagnóstico

Leia mais

Sistema Nervoso. Aula Programada Biologia. Tema: Sistema Nervoso

Sistema Nervoso. Aula Programada Biologia. Tema: Sistema Nervoso Aula Programada Biologia Tema: Sistema Nervoso 1) Introdução O sistema nervoso é responsável pelo ajustamento do organismo ao ambiente. Sua função é perceber e identificar as condições ambientais externas,

Leia mais

Irritabilidade. Condutibilidade. Contratilidade

Irritabilidade. Condutibilidade. Contratilidade Irritabilidade Condutibilidade Contratilidade Ameba - Todas as propriedades sem especialização Esponjas - Celulas mais internas: contração - Células superficiais: irritabilidade e condutibilidade Metazoários:

Leia mais

ROTEIRO DE ESTUDO Membro inferior

ROTEIRO DE ESTUDO Membro inferior ROTEIRO DE ESTUDO Membro inferior NERVOS Os nervos que inervam o membro inferior originam-se do plexo lombar, situado no abdome, e do plexo sacral, situado na pelve. Plexo Lombar: Plexo Sacral: Nervos

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA PLANO DE ENSINO

CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA PLANO DE ENSINO CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA PLANO DE ENSINO COMPONENTE CURRICULAR CARGA HORÁRIA PERÍODO: Anatomia I Teórica Prática Total 1º 72 72 144 PROFESSOR RESPONSÁVEL: Jair Araujo Junior EMENTA: Vida, seres vivos,

Leia mais

ENFERMAGEM ANATOMIA. SISTEMA MÚSCULO ESQUELÉTICO Aula 4. Profª. Tatiane da Silva Campos

ENFERMAGEM ANATOMIA. SISTEMA MÚSCULO ESQUELÉTICO Aula 4. Profª. Tatiane da Silva Campos ENFERMAGEM ANATOMIA SISTEMA MÚSCULO ESQUELÉTICO Aula 4 Profª. Tatiane da Silva Campos Ossos do pé mantêm-se unidos por meio de fortes ligamentos que lhe permitem sustentar o peso corporal e funcionar como

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA PLANO DE ENSINO

CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA PLANO DE ENSINO CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA PLANO DE ENSINO COMPONENTE CURRICULAR CARGA HORÁRIA PERÍODO: Anatomia I Total 1º Teórica Prática Sessão Tutorial 72 72 3 147 PROFESSOR RESPONSÁVEL: Jair Araújo Junior EMENTA:

Leia mais

COMISSÃO DE SISTEMATIZAÇÃO DA REFORMA CURRICULAR

COMISSÃO DE SISTEMATIZAÇÃO DA REFORMA CURRICULAR REESTRUTURAÇÃO DAS ATIVIDADES DO CURSO MÉDICO CARACTERIZAÇÃO DAS DISCIPLINAS E ESTÁGIOS DA NOVA MATRIZ CURRICULAR CÓDIGO DA DISCIPLINA ATUAL: MOF015 NOME ATUAL: Anatomia Médica B NOVO NOME: Anatomia Topográfica

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA DISCIPLINA: ANATOMIA APLICADA A MEDICINA II. CARGA HORÁRIA: 04h (02h Teórica/02h Prática)

PROGRAMA DE DISCIPLINA DISCIPLINA: ANATOMIA APLICADA A MEDICINA II. CARGA HORÁRIA: 04h (02h Teórica/02h Prática) FACULDADE DE MEDICINA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA Av. Eugênio do Nascimento s/nº Bairro: Dom Bosco Juiz de Fora - CEP: 36038-330 TEL (32) 2102-3841 FAX (32)2102-3840 e-mail: secretaria.medicina@ufjf.edu.br

Leia mais

NOÇÕES DO SISTEMA ESQUELÉTICO OU

NOÇÕES DO SISTEMA ESQUELÉTICO OU NOÇÕES DO SISTEMA ESQUELÉTICO OU SISTEMA LOCOMOTOR OBJETIVOS Identificar as estruturas e funções dos ossos do sistema locomotor; Analisar a importância deste sistema para processo de movimentação e locomoção;

Leia mais

Introdução à Anatomia

Introdução à Anatomia ESTRUTURA ANIMAL 1 Introdução à Anatomia : É o fundamento de todas as outras ciências médicas. Função: Fornecer noções preciosas para as aplicações na prática médico-cirúrgica Anatomia vem do grego; Significa

Leia mais

Anatomia Humana SISTEMA NERVOSO. Profª Kátia Nóbrega Rocha

Anatomia Humana SISTEMA NERVOSO. Profª Kátia Nóbrega Rocha Anatomia Humana SISTEMA NERVOSO Profª Kátia Nóbrega Rocha O sistema nervoso de todos os animais funciona para detectar variações dos ambientes externo e interno e produzir as respostas adequadas nos músculos,

Leia mais

CÉLULAS NERVOSAS NEURÔNIO. O tecido nervoso é constituído de dois tipos de células: neurônio e neuróglia (células da glia)

CÉLULAS NERVOSAS NEURÔNIO. O tecido nervoso é constituído de dois tipos de células: neurônio e neuróglia (células da glia) CÉLULAS NERVOSAS O tecido nervoso é constituído de dois tipos de células: neurônio e neuróglia (células da glia) NEURÔNIO Corpo celular local onde estão presentes o núcleo, o citoplasma e estão fixados

Leia mais

Músculo Origem Inserção Inervação Ação

Músculo Origem Inserção Inervação Ação Músculos Toracoapendiculares Anteriores Músculo Origem Inserção Inervação Ação Peitoral Maior Porção clavicular: Face anterior da metade anterior da clavícula; Porção esternocostal: face anterior do esterno

Leia mais

REGULAÇÃO E COORDENAÇÃO

REGULAÇÃO E COORDENAÇÃO SISTEMA NERVOSO REGULAÇÃO E COORDENAÇÃO Sistema nervoso x Sistema hormonal Interpretar estímulos e gerar respostas Percepção das variações do meio (interno e externo) Homeostase = equilíbrio Tecido nervoso

Leia mais

Sistema nervoso central (SNC) Sistema nervoso periférico (SNP) Neurônio

Sistema nervoso central (SNC) Sistema nervoso periférico (SNP) Neurônio Introdução ao Estudo Sistema Nervoso nos Animais Domésticos Sistema nervoso central (SNC) Medula espinhal Sistema nervoso periférico (SNP) Nervos Gânglios associados Profa. Rosane Silva encéfalo Medula

Leia mais

ENFERMAGEM ANATOMIA. SISTEMA CARDIOVASCULAR Aula 3. Profª. Tatiane da Silva Campos

ENFERMAGEM ANATOMIA. SISTEMA CARDIOVASCULAR Aula 3. Profª. Tatiane da Silva Campos ENFERMAGEM ANATOMIA SISTEMA CARDIOVASCULAR Aula 3 Profª. Tatiane da Silva Campos Artérias Como as artérias participam ativamente da circulação sanguínea, suas paredes devem possuir certa flexibilidade

Leia mais

ROTEIRO DE ESTUDOS SISTEMA ÓSSEO. Prof a. Ana Carolina Athayde R. Braz

ROTEIRO DE ESTUDOS SISTEMA ÓSSEO. Prof a. Ana Carolina Athayde R. Braz ROTEIRO DE ESTUDOS SISTEMA ÓSSEO Prof a. Ana Carolina Athayde R. Braz ESQUELETO AXIAL 1) CABEÇA: a) Identificar e localizar os ossos da cabeça: - Crânio (8): Ossos pares ou bilaterais: Parietais e Temporais

Leia mais

ASPECTOS BIOMECÂNICOS APLICADOS AO TREINAMENTO DE FORÇA. Professor Marcio Gomes

ASPECTOS BIOMECÂNICOS APLICADOS AO TREINAMENTO DE FORÇA. Professor Marcio Gomes ASPECTOS BIOMECÂNICOS APLICADOS AO TREINAMENTO DE FORÇA ANATOMIA HUMANA O conhecimento da Anatomia é de fundamental importância na hora de prescrever o exercício... Ossos e músculos; Tipos de articulações;

Leia mais

Fisiologia Animal. Sistema Nervoso. Professor: Fernando Stuchi

Fisiologia Animal. Sistema Nervoso. Professor: Fernando Stuchi Fisiologia Animal Sistema Nervoso Professor: Fernando Stuchi Sistema Nervoso Exclusivo dos animais, vale-se de mensagens elétricas que caminham pelos nervos mais rapidamente que os hormônios pelo sangue.

Leia mais

ANATOMIA. SISTEMA MÚSCULO ESQUELÉTICO Aula 3. Profª. Tatianeda Silva Campos

ANATOMIA. SISTEMA MÚSCULO ESQUELÉTICO Aula 3. Profª. Tatianeda Silva Campos ANATOMIA SISTEMA MÚSCULO ESQUELÉTICO Aula 3 Profª. Tatianeda Silva Campos Ossos da coluna vertebral coluna vertebral = eixo do esqueleto e sustentação do corpo. É formada pela superposição de 33 vértebras:

Leia mais

Sistema Nervoso Periférico Ciências Morfofuncionais II

Sistema Nervoso Periférico Ciências Morfofuncionais II Sistema Nervoso Periférico Ciências Morfofuncionais II http://www.auladeanatomia.com/neurologia/nervoscranianos.htm Aspectos da Morfológicos do SNP Divisão do SNP: - Nervos - Gânglios Cranianos Espinhais

Leia mais

Músculos da Cabeça e Pescoço

Músculos da Cabeça e Pescoço UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Instituto de Ciências Biomédicas Departamento de Anatomia Músculos da Cabeça e Pescoço Profa. Elen H. Miyabara elenm@usp.br Músculos da Cabeça e do Pescoço - Movimentam a cabeça

Leia mais

OSTEOLOGIA. Osteon osso Logus estudo

OSTEOLOGIA. Osteon osso Logus estudo OSTEOLOGIA Osteon osso Logus estudo Osso Estruturas rígidas e esbranquiçadas que participam da formação do esqueleto Esqueleto Conjunto de ossos e tecido cartilaginoso unidos entre si que dão conformação

Leia mais

Músculos do Quadril e Coxa. Profa. Dra. Cecília H A Gouveia Departamento de Anatomia, ICB, USP

Músculos do Quadril e Coxa. Profa. Dra. Cecília H A Gouveia Departamento de Anatomia, ICB, USP Músculos do Quadril e Coxa Profa. Dra. Cecília H A Gouveia Departamento de Anatomia, ICB, USP Movimentos da Articulação do Quadril (ou Coxa) -Flexão e Extensão -Adução e Abdução -Rotação Medial e Rotação

Leia mais

NEUROANATOMIA. Vascularização do Sistema Nervoso Central. Profa. Dra. Luiza da Silva Lopes

NEUROANATOMIA. Vascularização do Sistema Nervoso Central. Profa. Dra. Luiza da Silva Lopes NEUROANATOMIA Vascularização do Sistema Nervoso Central Profa. Dra. Luiza da Silva Lopes Vascularização Somente o encéfalo é responsável pelo consumo de 15% do débito cardíaco (sangue arterial). Além disso,

Leia mais

28/03/2018 MIOLOGIA. Prof. Maurício Mandalozzo Ruppel. GENERALIDADES Propriedades. Contratilidade Elasticidade

28/03/2018 MIOLOGIA. Prof. Maurício Mandalozzo Ruppel. GENERALIDADES Propriedades. Contratilidade Elasticidade MIOLOGIA Prof. Maurício Mandalozzo Ruppel 1 GENERALIDADES Propriedades Contratilidade Elasticidade 2 1 3 4 2 5 Classificação das fibras musculares Fibras estriadas esqueléticas Fibras estriadas cardíacas

Leia mais

COMPLEXO SUPERIOR CINTURA ESCAPULAR

COMPLEXO SUPERIOR CINTURA ESCAPULAR CINESIOLOGIA FASAR 2015 Prof. Msd. Ricardo L. Pace Jr. 1 COMPLEXO SUPERIOR CINTURA ESCAPULAR ELEVAÇÃO: TRAPÉZIO PORÇÃO SUPERIOR (PARTE DESCENDENTE), ELEVADOR (LEVANTADOR) DA ESCÁPULA, ROMBÓIDES. DEPRESSÃO:

Leia mais

Anatomia Humana Módulo 02 Conceitos Gerais do Sistema Osteomioarticular

Anatomia Humana Módulo 02 Conceitos Gerais do Sistema Osteomioarticular Anatomia Humana 1 Profª Fabíola Claudia Henrique da Costa Parte 01 Osteologia Partedaanatomiaque estuda o esqueleto, o qual é constituído por ossos e cartilagens. 1 Axial Ossos da cabeça, pescoço e tronco

Leia mais

PROTOCOLO DE ACESSO ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA HCFAMEMA

PROTOCOLO DE ACESSO ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA HCFAMEMA PROTOCOLO DE ACESSO ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA HCFAMEMA 2018 PROTOCOLO DE ACESSO: ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA HCFAMEMA Elaboração: Dr. Eduardo M. Jacob Dr. Tarcisio Adilson Ribeiro Machado Aprovação: Dr.

Leia mais

MEDULA ESPINHAL FUNÇÃO. Prof. João M. Bernardes. A medula desempenha duas funções principais:

MEDULA ESPINHAL FUNÇÃO. Prof. João M. Bernardes. A medula desempenha duas funções principais: MEDULA ESPINHAL Prof. João M. Bernardes FUNÇÃO A medula desempenha duas funções principais: Conduz os impulsos nervosos do encéfalo para a periferia e vice-versa; Processa informações sensitivas de forma

Leia mais

Vascularização arterial da cabeça e pescoço. Instituto de Ciências Biomédicas da USP Departamento de Anatomia Profa. Dra. Gabriela Placoná Diniz

Vascularização arterial da cabeça e pescoço. Instituto de Ciências Biomédicas da USP Departamento de Anatomia Profa. Dra. Gabriela Placoná Diniz Vascularização arterial da cabeça e pescoço Instituto de Ciências Biomédicas da USP Departamento de Anatomia Profa. Dra. Gabriela Placoná Diniz Importância da anatomia da vascularização arterial e drenagem

Leia mais

Cabeça. Ossos e Músculos 24/02/2016. Ossos da Cabeça Palpação. Músculos da Cabeça Palpação. Músculos da Cabeça Palpação ANATOMIA PALPATÓRIA

Cabeça. Ossos e Músculos 24/02/2016. Ossos da Cabeça Palpação. Músculos da Cabeça Palpação. Músculos da Cabeça Palpação ANATOMIA PALPATÓRIA Ossos da Cabeça ANATOMIA PALPATÓRIA Marcelo Marques Soares Prof. Didi Jonas Wecker Douglas Lenz Cabeça MÚSCULOS DA CABEÇA Músculos da Cabeça Ossos e Músculos MÚSCULOS DA CABEÇA Músculos da Cabeça 1 ATM

Leia mais

PLANO DE TRABALHO: DISCIPLINA - ANATOMIA RADIOLÓGICA EM TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA

PLANO DE TRABALHO: DISCIPLINA - ANATOMIA RADIOLÓGICA EM TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA PLANO DE TRABALHO: DISCIPLINA - ANATOMIA RADIOLÓGICA EM TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA E RESSONÂNCIA MAGNÉTICA PROFESSORES: Giovanni A. P. de Oliveira Júlio Guerra Domingues Pedro Augusto L. Tito 1. EMENTA:

Leia mais

Parede abdominal Ântero-lateral. Anatomia Aplicada a Medicina IV Prof. Sérvulo Luiz Borges

Parede abdominal Ântero-lateral. Anatomia Aplicada a Medicina IV Prof. Sérvulo Luiz Borges Parede abdominal Ântero-lateral Anatomia Aplicada a Medicina IV Prof. Sérvulo Luiz Borges Abdome A parte do tronco entre o tórax e a pelve, possui paredes musculotendíneas, exceto posteriormente onde a

Leia mais

ANATOMIA HUMANA. Faculdade Anísio Teixeira Prof. João Ronaldo Tavares de Vasconcellos Neto

ANATOMIA HUMANA. Faculdade Anísio Teixeira Prof. João Ronaldo Tavares de Vasconcellos Neto ANATOMIA HUMANA Faculdade Anísio Teixeira Prof. João Ronaldo Tavares de Vasconcellos Neto Do ponto de vista funcional pode-se dividir o sistema nervoso em SN somático e SN visceral. Sistema Nervoso somático

Leia mais

Sistema Nervoso. Contratilidade - Resposta a um estímulo - encurtamento da célula

Sistema Nervoso. Contratilidade - Resposta a um estímulo - encurtamento da célula Sistema Nervoso Sistema Nervoso ou Sistema Neural Conjunto de órgãos neurais que corresponde a um sistema telefônico computadorizado. (DI DIO, 2002) Sistema integrador por excelência das atividades do

Leia mais

Músculos da face Não estão fixados pela parte óssea nas duas extremidades

Músculos da face Não estão fixados pela parte óssea nas duas extremidades Músculos da face Não estão fixados pela parte óssea nas duas extremidades Uma fixação é no esqueleto e outra na parte mais profunda da Pele Podem movimentar a pele do couro cabeludo e da face modificando

Leia mais