PROJETO BASE DE MÁQUINAS EXEMPLO DA APLICAÇÃO DO MICROSOFT SQLSERVER EDIÇÃO COMPACTA (CE)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROJETO BASE DE MÁQUINAS EXEMPLO DA APLICAÇÃO DO MICROSOFT SQLSERVER EDIÇÃO COMPACTA (CE)"

Transcrição

1 PROJETO BASE DE MÁQUINAS EXEMPLO DA APLICAÇÃO DO MICROSOFT SQLSERVER EDIÇÃO COMPACTA (CE) OBJETIVO: CRIAR UMA BASE CONTENDO DADOS SOBRE MÁQUINAS-FERRAMENTA, TAIS COMO: TIPO, MARCA (FABRICANTE);SECNC;VALORDAHORAMÁQUINAEANODE FABRICAÇÃO E UM MECANISMO(BASEADO EM SQL) PARA A REALIZAÇÃO DE PESQUISAS NESSA TABELA. INTERFACES: O SISTEMA DEVE PROVER UMA INTERFACE DE MANUTENÇÃO PARA QUE UM USUÁRIO EXPERIENTE (SUPERVISOR) EDITE OS DADOS REFERENTES ÀS MÁQUINAS E O MECANISMO DE BUSCA. UMA SEGUNDA INTERFACE DEVE SER CRIADA PARA QUE O USUÁRIO FINAL ESCOLHA AS PESQUISAS DE SEU INTERESSE DENTRO DE UMA LISTA PREVIAMENTE DEFINIDA.

2 INÍCIO ABRA O MS VISUAL BASIC 2010 EXPRESS. CRIE UM PROJETO NOVO COM O NOME DE Dbase_MAQ NO ESTILO WINDOWS FORM APPLICATION UM FORMULÁRIO (Form1) SERÁ CARREGADO AUTOMATICAMENTE. MUDE SEU NOME PARA Tela_abertura E SUA PROPRIEDADE Text PARA CADASTRO DE MÁQUINAS-FERRAMENTA. INICIE A MONTAGEM DO LEIAUTE DE ACORDO COM PROCEDIEMENTO DESCRITO A SEGUIR.

3 INGREDIENTES # um controle do tipo SPLITCONTAINER com dois painéis. #uma figura p/ ilustração dentro do painel esquerdo. Para inserir a figura edite a propriedade BackgroundImage e selecione a figura pretendida a partir de seu local de armazenagem, que pode ser a própria pasta do projeto. Altere a propriedade BackgroundImageLayout para Stretched, para que a figura se ajuste ao tamanho do painel. #um controle tipo Button inserido dentro do lado esquerdo do SPLIT. Altere a cor desse controle, caso necessário, pela edição da propriedade Backcolor. Mude também a sua propriedade Dock para Botton para que ele possa ficar amarrado na parte inferior do painel esquerdo. Mude sua propriedade Text para ENCERRA. Esse controle receberá o código para finalização do aplicativo. #um TABCONTROL com duas abas instalado no painel direito do SPLIT. 1ª aba: CONSULTA; 2ª aba: MANUTENÇÃO. Para incluir e editar as abas utilize a propriedade Tabpages. Na aba CONSULTA inclua um Button com sua propriedade Text alterada para EXECUTA. Será nesse controle que o código para realização da pesquisa, veja adiante, será incluído. # outro TABCONTROL, com quatro abas, instalado na aba MANUTENÇÃO. A 1ª aba será nomeada TIPO_MAQ, a 2ª FABR_MAQ, a 3ª DADOS_MAQ e a 4ª PRP_PESQUISA. Inclua também nessa aba um Button. Mude sua propriedade Text para ATUALIZA. Esse controle receberá o código para atualização das tabelas.

4 Todos os controles mencionados anteriormente devem ser arrastados do Toolbox para o formulário ou sobre o controle correspondente. A Figura 1 contém uma imagem do leiaute proposto, contendo o SPLITCONTAINER e o TABCONTROL com as abas PESQUISA e MANUTENÇÃO. A aba PESQUISA está ativada e sobre ela podem ser vistos um controle do tipo DATAGRIDVIEW (DGV) e o botão EXECUTA. O DGV será utilizado como interface com o usuário final, propiciando ao mesmo a seleção da pesquisa a ser realizada e entrada de seus parâmetros, quando necessários. O resultado final será apresentado na coluna RESULTADOS. Após arrastar o DGV para a aba CONSULTA, selecione sua propriedade Column e adicione as colunas PESQUISA ; PERGUNTA ; PARAMETRO e RESULTADOS. Para a coluna PESQUISA, altere sua propriedade ColumnType para DataGridViewCheckBoxColumn e para DataGridViewComboBoxColumn na coluna PERGUNTA. Altere também a propriedade ReadOnly para True nas duas últimas colunas. A coluna PERGUNTA propiciará ao usuário a escolha de uma pergunta previamente cadastrada na base, mas não a sua edição.

5 Figura 1 Vista do leiaute do projeto em tempo de execução

6 BASE MAQUINAS.sdf& TABELAS # Serão criadas 4 tabelas, tal como ilustrado o quadro abaixo: Quadro 1 dados p/ montagem das tabelas Nome da Tabela Descrição Campos Nome Tipo Length Allow nulls Unique Primary key NOME_MAQ Contém os nomes (tipos) de máquinas nome nvarchar 100 no no Yes FABR_MAQ Contém nome de alguns fabricantes fabricante nvarchar 100 no no Yes DADOS_MAQ Dados das máquinas PESQ_MAQ Parametros p/ pesquisa na base N. serie int 4 no no Yes Tipo nvarchar 100 no no No Fabricante nvarchar 100 no no No cnc bit 1 no no No Vlr_hora float 8 no no No Ano_fabr int 4 no no No N. pesq int 4 no no Yes Pergunta nvarchar 100 no no No parametro bit 1 no no No Txt_sql nvarchar 100 no no No

7 # As tabelas serão criadas utilizando o Microsoft SQL server compact 3.5 database for local data, pois trata-se de uma utilização simples do conceito de bases relacionais e o projeto em questão será bem pequeno. UTILIZANDO O SQL SERVER COMPACT 3.5 DATABASE [5 PASSOS PARA CRIAÇÃO DA BASE DE DADOS MAQUINAS] Selecione o menu Project e depois AddNewItem.... Em seguida selecione Local Database, e altere o nome da base para MAQUINAS.sdf e depois pressione o botão ADD, tal como indicado na Figura 2. Uma nova janela será apresentada, veja Figura 3. Selecione a opção Dataset e pressione o botão Next. Na janela seguinte aparecerá a mensagem Chooseyourdatabase objects. Mantenha o nome MAQUINASDataSet para o DataSetque será criado e pressione o botão Finish para criá-lo vazio, tal como mostrado na Figura 4.

8 No canto superior da tela do IDE será possível visualizar o Database Explorer. Esse recurso é similar ao Windows explorere por meio de um TreeView possibilita o gerenciamento da base MAQUINAS.sdf recém criada. Inicialmente, a pasta Tables estará vazia. Selecionando a mesma e a opção CreateTable, será possível cadastrar as quatro tabelas, tal como definido no Quadro 1. Os nomes dos campos devem ser digitados em ColumnName. Para todos esses campos, a propriedade AllowNulls deve ser marcada como No. O tipo de cada campo também deve ser informado, tal como apresentado no Quadro 1. Deve ser dada atenção especial aos campos definidos como primarykey. Os campos definidos como Bit devem ter a propriedade Default Value definida como False, veja exemplo na figura 5. Após a criação das quatro tabelas você pode fechar o Database Explorer, pois ele não será mais necessário.

9 Figura 2 Adicionando uma LocalDabase ao projeto

10 Figura 3 Selecionando um Dataset como modelo de base de dados

11 Figura 4 Definindo o nome do Dataset

12 Figura 5 Definindo os campos da tabela

13 LIGANDO AS TABELAS CRIADAS AOS RESPECTIVOS CONTROLES DATAGRIDVIEW [ROTEIRO] A ligação dos controles do tipo DATAGRIDVIEW às tabelas em tempo de projeto é uma alternativa simples e rápida para a visualização e manutenção dos dados. Selecione o menu DATA e pressione Show Data Source. Ele deverá aparecer no canto esquerdo do IDE (Integrated Development Environment Editor Vb). Selecione o MaquinasDataset e com o o botão direito do mouse a opção Configure Data Source with Wizard.... Responda à pergunta Which Database Objects do you want in your dataset?. Marque Tables no Treeview apresentado, tal como pode ser visto na Figura 6, e depois pressione Finish. Reabrindo o Data source você verá que as quatro tabelas foram incorporadas ao MaquinasDataset. Ainda no Data Source, arraste a tabela NOME_MAQ para dentro do formulário, soltando-a na aba TIPO_MAQ. Um controle do tipo DataGridView (DGV) será criado automaticamente e deverá conter apenas uma coluna intitulada NOME. No rodapé do formulário deverá aparecer um controle do tipo BindingSource, nomeado NOMEMAQBindingSource. Será por meio dele que o seu programa fará a conexão entre o DGV e o MAQUINASDataSet. Um controle do tipo TableAdapter também aparecerá no mesmo espaço com o nome de NOME_MAQTableAdapter e será utilizado para fazer a ligação entre o MAQUINASDataSet e a base de dados MAQUINAS.sdf. Repita o procedimento anterior para as demais tabelas, arrastando-as para suas abas correspondentes. Ao final deste processo as ligações dos controles DataGridView s às tabelas devem gerar os relacionamentos e objetos, tal como mostrado no Quadro 2. Observe que ao arrastar a primeira tabela ( NOME_MAQ ) será criado automaticamente, além do DGV, um controle denominado BindingNavigator, veja Figura 7. Como o próprio nome já diz, ele serve para facilitar a navegação pelas tabelas. Caso queira, você poderá removê-lo, pois ele não terá utilizado neste projeto.

14 Figura 6 Ligando as tabelas ao objeto MAQUINASDataSet

15 Figura 7 Criação do DGV ligado à tabela NOME_MAQ e do BindingNavigator

16 Quadro 2 Nome dos objetos criados para a ligação dos DGV s à base MAQUINAS. Planilha Tabela Conjuntode dados DataGridView3 NOME_MAQ Fonte p/ ligação NomeMaqBindingSource Adaptador Nome_maqTableAdapter DataGridView4 FABR_MAQ NomeMaqBindingSource FABR_MAQTableAdapter DataGridView4 DADOS_MAQ MaquinasDataSet DadosMaqBindingSource DADOS_MAQTableAdapter DataGridView2 PESQ_MAQ PESQMAQBindingSource PESQ_MAQTableAdapter Inicialmente, as propriedades Copy to Output da base MAQUINAS.sdf e do gerador de dados MAQUINASDataSet devem ser alteradas para Copy if newer. Isto é necessário para evitar a superposição da base de dados existente na pasta do projeto (editada em tempo de projeto) sobre aquela criada em tempo de execução (pasta BIN). Veja mais detalhes sobre isto no link: Essas propriedades podem ser alteradas após a seleção do objeto correspondente no Solution Explorer, tal como mostrado no canto superior direito da Figura 7.

17 LIGANDO COLUNAS DOS CONTROLES DATAGRIDVIEWA UM DETERMINADO CAMPO DE TABELA [ROTEIRO] Algumas colunas, por exemplo: PERGUNTA (na aba CONSULTAS) e TIPO e FABRICANTE da aba DADOS_MAQ devem ser ligadas (binding) diretamente aos campos de suas respectivas tabelas na base MAQUINAS.sdf. Essa ligação é feita de forma similar à ligação das tabelas, da seguinte maneira: Selecione o DataGridView1 na aba CONSULTAS e depois a propriedade Columns. Pressione o campo indicado por Collections para visualizar a tela com as propriedades de suas colunas. Selecione a coluna PERGUNTA e altere sua propriedade Columntype para DataGridViewComboBoxColumn. Em seguida selecione a propriedade Datasource e, com o auxilio do Data Source Configuration Wizard e de modo similar ao que foi feito para a ligação das tabelas, selecione o campo PERGUNTA da tabela PESQ_MAQ, tal como mostradanafigura8.finalizeaoperaçãoeretorneàtela EditColumn,queaindadeveestarabertoemudeas propriedades DisplayMember e ValueMember para PERGUNTA. Altere, também para PERGUNTA a propriedade DataPropertyName. Repita esses passos para as colunas TIPO e FABRICANTE do controle DataGridView5 e ligue-as, respectivamente, às colunas NOME da tabela NOME_MAQ e FABRICANTE da tabela FABR_MAQ. Ao final deste processo as ligações dos controles DataGridView s às tabelas devem gerar os relacionamentos e objetos, tal como mostrado no Quadro 3.

18 Figura 8 Criação do MAQUINADataSet1 para a ligação da coluna PERGUNTA ao campo de mesmo nome na tabela PESQ_MAQ

19 Quadro 3 Nome dos objetos criados para a ligação das colunas dos DGV s aos campos das tabelas. Coluna Planilha Conjuntode dados Fonte p/ ligação Adaptador PERGUNTA DataGridView1 MaquinasDataSet1 PESQMAQBindingSource PESQ_MAQTableAdapter1 TIPO DADOS_MAQDat agridview MaquinasDataSet2 NOMEMAQBindingSource NOME_MAQTableAdapter1 FABRICANTE MaquinasDataSet3 FABRMAQBindingSource FABR_MAQTableAdapter1

20 PROGRAMANDO A BOTEIRA Neste momento todas as atividades relacionadas ao leiaute, criação da base de dados e a ligação das tabelas foram concluídas. Se estiver curioso aperte a tecla F5 e você terá uma visão de como o projeto será apresentado ao usuário. Navegue pelas abas e observe que os campos criados nas quatro tabelas estarão visíveis nos controles DataGrid. Caso esteja insatisfeito como o leiaute, encerre o executável pressionado o X no canto superior do formulário e reposicione os controles da maneira que achar apropriada. A próxima etapa está relacionada com as atividades de programação. Agora vamos programar alguns controles para que respondam aos eventos disparados pelo usuário durante a execução do aplicativo. Para iniciar a digitação do código, dê um duplo click no formulário. Outras alternativas a isso são: pressionar o botão direito do mouse e selecionar viewcode ou teclar F7. Observe que esta tela possui, além da classe Tela_abertura o evento Load que foi gerado automaticamente após ligação das tabelas aos DGV s. Role a barra vertical (slider) até o topo da tela e digite os comandos imports necessários a inclusão das classes referentes ao uso do SqlServerCE, tal como mostrado na Figura 8. Observe que esses comandos devem ser digitados antes da classe Tela_abertura. Declare as variáveis conx e CNFSTR, necessárias à abertura da conexão com a base MAQUINAS. Essas variáveis serão de uso geral para todos os eventos relacionados ao formulário, portanto elas devem ser criadas antes de qualquer evento, talcomomostradonafigura9.

21 Dê um duplo click no botão ENCERRA e digite o código necessário para o encerramento do aplicativo. Isto é uma alternativa ao uso do X no canto superior direito da tela principal. Dê um duplo click no botão (Button) ATUALIZA que se encontra na aba MANUTENÇÃO. Uma tela com o espaço para a inserção do código referente ao evento CLICK aparecerá. Digite o comando para a atualização das tabelas, tal como mostrado no Figura 9. Dê um duplo click sobre o DGV que se encontra na aba DADOS_MAQ. Um Dê um duplo click sobre o DGV que se encontra na aba DADOS_MAQ. Um evento denominado DADOS_MAQDataGridView_CellContentClick deverá aparecer, mas ele não será utilizado. Ao invés disso selecione, da lista que aparece no canto superior direito da tela de códigos, o evento CellEndEdit e digite o código necessário à atualização automática da coluna n_serie, tal como mostradona Figura 9. Istonãoéalgofundamental,mas facilita a vida do usuário, pois o número de série será utilizado aqui apenas para ilustrar a manipulação das tabelas. Repita o procedimento para o DGV da aba PESQ_MAQ, digitando o código mostrado na Figura 10 para o seu evento CellEndEdit.

22 Dê um duplo click sobre o DGVque se encontra na aba CONSULTA. Abra o evento CellEndEdit e digite o código, ver Figura 11, para o controle das células referentes à coluna PARAMETRO. Inicialmente essa coluna foi criada apenas para leitura ( ReadOnly = True ), porém nos casos onde a pergunta deva ser completada com um paramento, a célula correspondente deve ser habilitada para digitação. Dê um duplo click nobotão (Button) EXECUTA que se encontra na aba CONSULTA. Digite o programa necessário à execução das pesquisas, tal como mostrado na Figura 12. Essa rotina (sub) utiliza um conjunto de classes System.Data.SqlServerCe Namespace já inclusa no projeto. Dentre as classes utilizadas aqui estão: o SqlCeCommand e o SqlCeDataReader. Para o primeiro será criado um objeto denominado command e para o segundo o Rd. O command propiciará o estabelecimento de uma conexão com a base MAQUINAS e o envio da pergunta. O segundo permite o processamento da resposta. Observe que a primeira pergunta enviada a base é armazenada na variável SQLCNST e serve para recuperar, da tabela PESQ_MAQ, sua versão no formato SQL. A pergunta,jánoformatosql,éarmazenadanavariável query eéreenviadaàbasepara a obtenção do resultado desejado. Por último, dê um duplo click no botão (Button) ENCERRA que se encontra sobre o splitcontainer e adicione, ao evento Button7_Click o código End. Isto será suficiente para encerrar o aplicativo.

23 Figura 9 Tela para digitação do código

24 Figura 10 Digitação dos códigos para os eventos EndEdit dos DGV

25 Figura 11 Código para o evento EndEdit do DGV CONSULTA referente ao controle da digitação de um parâmetro para pesquisa.

26 Figura 12 Código para execução da pesquisa na base.

27 RODANDO O PROGRAMA, PREENCHENDO AS TABELAS E REALIZANDO AS CONSULTAS Após digitação de todo o código, você pode fechar o Database Explorer e executar o programa. Para isto, tecle o F5 ou selecione o menu Debug e depois Start Debugging. Preencha, nesta ordem, as tabelas TIPO_MAQ e FAB_MAQ. Feche o programa e depois execute-o novamente e preencha, nesta ordem, as tabelas DADOS_MAQ e PESQ_MAQ. Isto é necessário, pois o código criado carrega o tableadapter apenas no evento Load do aplicativo. Não obstante, isto pode ser alterado facilmente. Execute as pesquisas que achar conveniente. Não se esqueça de incluir o nome do parâmetro para aquelas perguntas onde ele é obrigatório. Utilize os quadros a seguir para o preenchimento das tabelas. Exceto para a tabela PESQ_MAQ, os demais dados podem ser alterados.

28 Tabela XX lista de máquinas e lista de fabricantes Máquinas Fabricantes Torno Horizontal Torno Vertical Centro de Usinagem Fresadora Universal Retificadora Plana Retificadora Cilíndrica Mandriladora Furadeira Radial Serra Horizontal Brochadeira Romi Mello Franho Zema Ergomat Kone Mazak Okuma Deckel Maho Ferdimat

29 N. Serie Tabela XX Exemplos p/ cadastro das máquinas Tipo Fabricante CNC Valor hora (R$) Ano_fabricação 1 Torno Horizontal Romi não Torno Horizontal mazak Sim Torno Horizontal Romi Sim Torno Vertical Romi Não Centro de Usinagem Okuma Sim Centro de Usinagem Romi Sim Fresadora Universal Kone Não Retificadora Plana Mello Não Retificadora Cilíndrica Zema Sim Furadeira Radial Kone Não

30 Tabela XX lista de perguntas e formato SQL N. Pesq Pergunta Parametro Txt_SQL 1 Quantas máquinas? False SELECT COUNT (*) FROM DADOS_MAQ 2 Quantas máquinas CnC False SELECT COUNT(tipo) FROM DADOS_MAQ WHERE cnc = 'TRUE' 3 Quantas máquinas SELECT COUNT(tipo) FROM DADOS_MAQ WHERE False convencionais CNC = 'FALSE' 4 Quantidade de: True SELECT COUNT(n_serie) FROM DADOS_MAQ WHERE TIPO = 5 Maquinas do fabricante: True SELECT COUNT(n_serie) FROM DADOS_MAQ WHERE FABRICANTE = 6 Maquina mais antiga False 7 Maquina mais nova False SELECT tipo FROM DADOS_MAQ WHERE (ano_fab IN (SELECT MIN(ano_fab) FROM DADOS_MAQ AS DADOS_MAQ_1)) SELECT tipo FROM DADOS_MAQ WHERE (ano_fab IN (SELECT MAX(ano_fab) FROM DADOS_MAQ AS DADOS_MAQ_1)) 8 Idade média das máquinas False SELECT AVG(ANO_FAB) FROM DADOS_MAQ 9 Hora máquina mais cara? False SELECT tipo FROM DADOS_MAQ WHERE (VALOR_HOR IN (SELECT MAX(VALOR_HOR) FROM DADOS_MAQ AS DADOS_MAQ_1))

Gabarito - Programação C# com Visual Studio - Intermediário - 05/08/2013 AULA 01. 1 Perguntas e Respostas

Gabarito - Programação C# com Visual Studio - Intermediário - 05/08/2013 AULA 01. 1 Perguntas e Respostas Gabarito - Programação C# com Visual Studio - Intermediário - 05/08/2013 1 Perguntas e s AULA 01 1- A ferramenta responsável pelo auto incremento chama- se Identity. (Sim) 2- A ferramenta responsável pelo

Leia mais

Criação de uma base de dados em MS SQL Server e acesso com VB 6. Professor Sérgio Furgeri

Criação de uma base de dados em MS SQL Server e acesso com VB 6. Professor Sérgio Furgeri OBJETIVOS DA AULA: Criação de uma base de dados em MS SQL Server e acesso com VB 6. Fazer uma breve introdução a respeito do MS SQL Server 7.0; Criar uma pequena base de dados no MS SQL Server 7.0; Elaborar

Leia mais

Tarefa Orientada 5 Aplic. Manutenção de Facturas de Clientes

Tarefa Orientada 5 Aplic. Manutenção de Facturas de Clientes Tarefa Orientada 5 Aplic. Manutenção de Facturas de Clientes Objectivos: Aplicação Manutenção de Facturas de Clientes Utilização de uma fonte de dados. Formulários Master/Detail. Adicionar consultas a

Leia mais

Tarefa Orientada 2 Aplic. Manutenção de Produtos - DataGridView

Tarefa Orientada 2 Aplic. Manutenção de Produtos - DataGridView Tarefa Orientada 2 Aplic. Manutenção de Produtos - DataGridView Objectivos: Criação de fonte de dados (Data Source) a partir de base de dados. Utilização de um controlo DataGridView para visualizar dados.

Leia mais

Criando uma aplicação Web em C# usando o NHibernate

Criando uma aplicação Web em C# usando o NHibernate Criando uma aplicação Web em C# usando o NHibernate Apresento neste artigo como criar uma aplicação web totalmente orientada a objetos usando o framework NHibernate e a linguagem C#. Nossa meta é construir

Leia mais

Veja abaixo um exemplo de como os dados são mostrados quando usamos o

Veja abaixo um exemplo de como os dados são mostrados quando usamos o Objeto DataGridView O controle DataGridView é um dos objetos utilizados para exibir dados de tabelas de um banco de dados. Ele está disponível na guia de objetos Data na janela de objetos do vb.net. Será

Leia mais

Microsoft Visual Studio Express 2012 for Windows Desktop

Microsoft Visual Studio Express 2012 for Windows Desktop Microsoft Visual Studio Express 2012 for Windows Desktop Apresentação da ferramenta Professor: Danilo Giacobo Página pessoal: www.danilogiacobo.eti.br E-mail: danilogiacobo@gmail.com 1 Introdução Visual

Leia mais

TUTORIAL 01. Conteúdo. Figura 1. Figura 2

TUTORIAL 01. Conteúdo. Figura 1. Figura 2 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE Campus João Câmara Avenida Antônio Severiano da Câmara / BR 406, Km 101, s/n Zona Rural. Bairro Amarelão João Câmara/RN - CEP:

Leia mais

Trabalhando com conexão ao banco de dados MySQL no Lazarus. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011

Trabalhando com conexão ao banco de dados MySQL no Lazarus. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Trabalhando com conexão ao banco de dados MySQL no Lazarus Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Edição 4 O Componente Trabalhando com conexão ao banco de dados MySQL no Lazarus Ano: 03/2011

Leia mais

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09 ÍNDICE Sobre o SabeTelemarketing 03 Ícones comuns à várias telas de gerenciamento Contato Verificar registros 09 Telas de cadastro e consultas 03 Menu Atalho Nova pessoa Incluir um novo cliente 06 Novo

Leia mais

Aula Extra Conexão ODBC para aplicações Delphi 7 que usam SQL Server 2005

Aula Extra Conexão ODBC para aplicações Delphi 7 que usam SQL Server 2005 Nome Número: Série Aula Extra Conexão ODBC para aplicações Delphi 7 que usam SQL Server 2005 Proposta do projeto: Competências: Compreender a orientação a objetos e arquitetura cliente-servidor, aplicando-as

Leia mais

Listando itens em ComboBox e gravando os dados no Banco de Dados MySQL.

Listando itens em ComboBox e gravando os dados no Banco de Dados MySQL. Listando itens em ComboBox e gravando os dados no Banco de Dados MySQL. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2012 Edição 7 Listando e Gravando Listando itens em ComboBox e gravando os dados no

Leia mais

Delphi 7 Aula 01 Área do Triângulo

Delphi 7 Aula 01 Área do Triângulo Delphi 7 Aula 01 Área do Triângulo Prof. Gilbert Azevedo da Silva I. Objetivos Conhecer o Ambiente Integrado de Desenvolvimento (IDE) do Delphi 7, Desenvolver a primeira aplicação no Delphi 7, Aprender

Leia mais

ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 4

ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 4 Mic crosoft Excel 201 0 ÍNDICE ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 4 Interface... 4 Guias de Planilha... 5 Movimentação na planilha... 6 Entrada de textos e números... 7 Congelando painéis... 8 Comentários nas Células...

Leia mais

Programação de Computadores I. Conhecendo a IDE Code::Blocks

Programação de Computadores I. Conhecendo a IDE Code::Blocks Code::Blocks Conhecendo a IDE Programação de Computadores I Professor: Edwar Saliba Júnior Conhecendo a IDE Code::Blocks Apresentação: 1) Abra a IDE (Integrated Development Environment), ou seja, o Ambiente

Leia mais

Microsoft Office Excel

Microsoft Office Excel 1 Microsoft Office Excel Introdução ao Excel Um dos programas mais úteis em um escritório é, sem dúvida, o Microsoft Excel. Ele é uma planilha eletrônica que permite tabelar dados, organizar formulários,

Leia mais

Criação Visual de Consultas. Curso: Técnico em Informática (Integrado) Disciplina: Banco de Dados Prof. Abrahão Lopes abrahao.lopes@ifrn.edu.

Criação Visual de Consultas. Curso: Técnico em Informática (Integrado) Disciplina: Banco de Dados Prof. Abrahão Lopes abrahao.lopes@ifrn.edu. Criação Visual de Consultas Curso: Técnico em Informática (Integrado) Disciplina: Banco de Dados Prof. Abrahão Lopes abrahao.lopes@ifrn.edu.br Introdução A complexidade dos sistemas informatizados atuais

Leia mais

SUMÁRIO. Cursos STE SUMÁRIO... 1

SUMÁRIO. Cursos STE SUMÁRIO... 1 SUMÁRIO SUMÁRIO... 1 STEGEM - INTERFACE... 2 1 Introdução... 2 2 A interface... 2 2.1 Painel de Navegação... 3 2.2 Barra de Menus em forma de Ribbon... 4 2.3 Painel de Trabalho... 5 2.4 Barra de Status...

Leia mais

Criando Banco de Dados, Tabelas e Campos através do HeidiSQL. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011

Criando Banco de Dados, Tabelas e Campos através do HeidiSQL. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Criando Banco de Dados, Tabelas e Campos através do HeidiSQL Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Edição 2 Pedreiros da Informação Criando Banco de Dados, Tabelas e Campos através do HeidiSQL

Leia mais

Modo Estrutura é o ambiente de definição e estruturação dos campos, tipos de dados, descrição e propriedades do campo.

Modo Estrutura é o ambiente de definição e estruturação dos campos, tipos de dados, descrição e propriedades do campo. Unidade 02 A- Iniciando o Trabalho com o ACCESS: Criar e Salvar um Banco de Dados Acessar o ACCESS Criar e Salvar o Banco de Dados Locadora Encerrar o Banco de Dados e o Access Criando um Banco de Dados

Leia mais

Manual Simulador de Loja

Manual Simulador de Loja Manual Simulador de Loja Índice Início Menu Loja Modelo Loja Modelo Menu Criar Minha Loja Criar Minha Loja Abrir Projeto Salvo Teste Seu Conhecimento 0 04 05 08 09 8 9 0 Início 5 4 Figura 00. Tela inicial.

Leia mais

Manual de Instalação e Configuração do SQL Express

Manual de Instalação e Configuração do SQL Express Manual de Instalação e Configuração do SQL Express Data alteração: 19/07/11 Pré Requisitos: Acesse o seguinte endereço e faça o download gratuito do SQL SRVER EXPRESS, conforme a sua plataforma x32 ou

Leia mais

NOTA: Neste tutorial foi utilizado o Visual Studio 2010 para criar o Projeto Web no qual iremos aplicar os temas e os skins.

NOTA: Neste tutorial foi utilizado o Visual Studio 2010 para criar o Projeto Web no qual iremos aplicar os temas e os skins. TUTORIAL 01 USANDO THEMES E SKINS EM UMA APLICAÇÃO ASP.NET ETAPA 1: Criando um novo Web Site usando o Visual Studio 2010 NOTA: Neste tutorial foi utilizado o Visual Studio 2010 para criar o Projeto Web

Leia mais

Manual Email marketing v.240215

Manual Email marketing v.240215 1º Passo Acessar a página www.marketing.vardigital.com.br e fazer login com os seguintes dados: Usuário: email@dominio Senha: var@emkt 2º Passo A página seguinte é o painel geral de administração, sendo

Leia mais

Inserindo Dados no Banco de Dados Paradox.

Inserindo Dados no Banco de Dados Paradox. Inserindo Dados no Banco de Dados Paradox. - Construção do Banco de Dados: Para podermos inserir algo em um banco precisaremos de um Banco de Dados, para isto iremos montar um utilizando o Programa Database

Leia mais

Instalando o Lazarus e outros sistemas de suporte. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011

Instalando o Lazarus e outros sistemas de suporte. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Instalando o Lazarus e outros sistemas de suporte Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Edição 1 Levante e ande - Instalando o Lazarus e outros sistemas de suporte. Ano: 02/2011 Nesta Edição

Leia mais

INSTALAÇÃO DO SISTEMA CONTROLGÁS

INSTALAÇÃO DO SISTEMA CONTROLGÁS INSTALAÇÃO DO SISTEMA CONTROLGÁS 1) Clique duas vezes no arquivo ControlGasSetup.exe. Será exibida a tela de boas vindas do instalador: 2) Clique em avançar e aparecerá a tela a seguir: Manual de Instalação

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO. Plataforma Windows. Relatório Técnico Versão 0.1 (201305032030) Leandro Gomes da Silva, Tiago França Melo de Lima

GUIA DE INSTALAÇÃO. Plataforma Windows. Relatório Técnico Versão 0.1 (201305032030) Leandro Gomes da Silva, Tiago França Melo de Lima Laboratório de Engenharia e Desenvolvimento de Sistemas LEDS/UFOP Universidade Federal de Ouro Preto UFOP GUIA DE INSTALAÇÃO Plataforma Windows Relatório Técnico Versão 0.1 (201305032030) Leandro Gomes

Leia mais

MySQL Query Browser. Professor Victor Sotero SGD

MySQL Query Browser. Professor Victor Sotero SGD MySQL Query Browser Professor Victor Sotero SGD 1 DEFINIÇÃO O MySQL Query Browser é uma ferramenta gráfica fornecida pela MySQL AB para criar, executar e otimizar solicitações SQL em um ambiente gráfico.

Leia mais

Revisando sintaxes SQL e criando programa de pesquisa. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011

Revisando sintaxes SQL e criando programa de pesquisa. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Revisando sintaxes SQL e criando programa de pesquisa. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Edição 5 SELECT * FROM Minha_memoria Revisando Sintaxes SQL e Criando programa de Pesquisa Ano:

Leia mais

Unidade 1: O Painel de Controle do Excel *

Unidade 1: O Painel de Controle do Excel * Unidade 1: O Painel de Controle do Excel * material do 2010* 1.0 Introdução O Excel nos ajuda a compreender melhor os dados graças à sua organização em células (organizadas em linhas e colunas) e ao uso

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SĀO PAULO Centro de Informática de Sāo Carlos

UNIVERSIDADE DE SĀO PAULO Centro de Informática de Sāo Carlos UNIVERSIDADE DE SĀO PAULO Centro de Informática de Sāo Carlos Compartilhamento de arquivos O compartilhamento de arquivos no Webmail do Campus só é possível através do compartilhamento de pastas do porta-arquivos.

Leia mais

PostgreSQL & PostGIS: Instalação do Banco de Dados Espacial no Windows 7

PostgreSQL & PostGIS: Instalação do Banco de Dados Espacial no Windows 7 PostgreSQL & PostGIS: Instalação do Banco de Dados Espacial no Windows 7 PostgreSQL & PostGIS: Instalação do Banco de Dados Espacial no Windows 7 Sobre o PostGIS PostGIS é um Add-on (complemento, extensão)

Leia mais

Com criar relatório no Report Services do Microsoft SQL Server 2008 R2 integrado com o

Com criar relatório no Report Services do Microsoft SQL Server 2008 R2 integrado com o Com criar relatório no Report Services do Microsoft SQL Server 2008 R2 integrado com o SisMoura Objetivo Configurar o Reporting Services Como criar relatórios Como publicar relatórios Como acessar os relatórios

Leia mais

Apostilas OBJETIVA Escrevente Técnico Judiciário TJ Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo - Concurso Público 2015. Índice

Apostilas OBJETIVA Escrevente Técnico Judiciário TJ Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo - Concurso Público 2015. Índice Índice Caderno 2 PG. MS-Excel 2010: estrutura básica das planilhas, conceitos de células, linhas, colunas, pastas e gráficos, elaboração de tabelas e gráficos, uso de fórmulas, funções e macros, impressão,

Leia mais

Conhecendo o Visual FoxPro 8.0 Parte 1

Conhecendo o Visual FoxPro 8.0 Parte 1 AULA Conhecendo o Visual FoxPro 8.0 Parte 1 Em qualquer profissão é importante que se conheça bem as ferramentas que serão usadas para executar o trabalho proposto. No desenvolvimento de software não é

Leia mais

Universidade Federal do Rio de Janeiro NCE/PGTIAE. Tutorial SweetHome3D

Universidade Federal do Rio de Janeiro NCE/PGTIAE. Tutorial SweetHome3D Universidade Federal do Rio de Janeiro NCE/PGTIAE Tutorial SweetHome3D Trabalho apresentado ao Prof. Carlo na Disciplina de Software Livre no curso Pós Graduação em Tecnologia da Informação Aplicada a

Leia mais

Introdução ao X3. Exercício 1: Criando um registro de Contato

Introdução ao X3. Exercício 1: Criando um registro de Contato Introdução ao X3 Exercício 1: Criando um registro de Contato Inicie por adicionar um novo registro de Contato. Navegue para a tabela de Contato clicando na aba de Contato no alto da página. Existem duas

Leia mais

MVREP- Manual do Gerador de Relatórios. ÍNDICE

MVREP- Manual do Gerador de Relatórios. ÍNDICE ÍNDICE ÍNDICE... 1 CAPÍTULO 01 PREPARAÇÃO DO AMBIENTE... 2 1.1 IMPORTAÇÃO DO DICIONÁRIO DE DADOS... 2 CAPÍTULO 02 CADASTRO E CONFIGURAÇÃO DE RELATÓRIOS... 4 2.1 CADASTRO DE RELATÓRIOS... 4 2.2 SELEÇÃO

Leia mais

Iniciando o MySQL Query Brower

Iniciando o MySQL Query Brower MySQL Query Brower O MySQL Query Browser é uma ferramenta gráfica fornecida pela MySQL AB para criar, executar e otimizar solicitações SQL em um ambiente gráfico. Assim como o MySQL Administrator foi criado

Leia mais

BASE 2.0. Conhecendo BrOffice.org Base 2.0 Básico

BASE 2.0. Conhecendo BrOffice.org Base 2.0 Básico BASE 2.0 1 Autor: Alessandro da Silva Almeida alessandroalmeida.teledata@ancine.gov.br Elaborado em : Final Janeiro de 2006. Licença: O manual segue os termos e condições da Licença Creative Attribution-NonCommercial-ShareAlike

Leia mais

DIRETRIZES DE USO DA MATRIZ DE SISTEMATIZAÇÃO DE INFORMAÇÕES

DIRETRIZES DE USO DA MATRIZ DE SISTEMATIZAÇÃO DE INFORMAÇÕES Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Departamento de Estruturação, Articulação e Ordenamento Turístico Coordenação Geral de Regionalização PROGRAMA DE REGIONALIZAÇÃO DO TURISMO Roteiros do Brasil

Leia mais

Manual de utilização GDS Touch PAINEL TOUCH-SCREEN CONTROLE RESIDENCIAL INTERATIVO. Versão: 1.0 Direitos reservados.

Manual de utilização GDS Touch PAINEL TOUCH-SCREEN CONTROLE RESIDENCIAL INTERATIVO. Versão: 1.0 Direitos reservados. Bem Vindo GDS TOUCH Manual de utilização GDS Touch PAINEL TOUCH-SCREEN CONTROLE RESIDENCIAL INTERATIVO O GDS Touch é um painel wireless touchscreen de controle residencial, com design totalmente 3D, interativo

Leia mais

2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO

2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO INDICE 1. INTRODUÇÃO 2. INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO 2.1. COMPARTILHANDO O DIRETÓRIO DO APLICATIVO 3. INTERFACE DO APLICATIVO 3.1. ÁREA DO MENU 3.1.2. APLICANDO A CHAVE DE LICENÇA AO APLICATIVO 3.1.3 EFETUANDO

Leia mais

3.16 MANUAL DE INSTALAÇÃO E SUPORTE

3.16 MANUAL DE INSTALAÇÃO E SUPORTE 3.16 MANUAL DE INSTALAÇÃO E SUPORTE PASSWORD INTERATIVA SISTEMAS LTDA. - www.pwi.com.br - pwi@pwi.com.br R. Prof. Carlos Reis, 39 - São Paulo SP 05424-020 Tel: - 2127-7676 - Fax: 11-3097-0042 1 Índice

Leia mais

Microsoft Visual Studio 2010 C# Volume II

Microsoft Visual Studio 2010 C# Volume II Microsoft Visual Studio 2010 C# Volume II Apostila desenvolvida pelos Professores Ricardo Santos de Jesus e Rovilson de Freitas, para as Disciplinas de Desenvolvimento de Software I e II, nas Etecs de

Leia mais

Software Ativo. Operação

Software Ativo. Operação Software Ativo Operação Página deixada intencionalmente em branco PROTEO MANUAL OPERAÇÃO SUMÁRIO 1 - INSTALAÇÃO DO SOFTWARE ATIVO... 5 2 CRIANDO PROJETO UVS/ TMS PROTEO... 10 2.1 - Estrutura do Projeto...

Leia mais

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Neste capítulo nós iremos examinar as características da interface do gerenciador de arquivos Konqueror. Através dele realizaremos as principais operações com arquivos

Leia mais

Disciplina: INF1005 - Programação I. 1 a aula prática Introdução ao ambiente do Microsoft Visual Studio 2010

Disciplina: INF1005 - Programação I. 1 a aula prática Introdução ao ambiente do Microsoft Visual Studio 2010 1 a aula prática Introdução ao ambiente do Microsoft Visual Studio 2010 1. Execute o MS-Visual Studio 2010. Experimente o caminho: Start All Programs Microsoft Visual Studio 2010 Microsoft Visual Studio

Leia mais

TUTORIAL DO ACCESS PASSO A PASSO. I. Criar um Novo Banco de Dados. Passos: 1. Abrir o Access 2. Clicar em Criar um novo arquivo

TUTORIAL DO ACCESS PASSO A PASSO. I. Criar um Novo Banco de Dados. Passos: 1. Abrir o Access 2. Clicar em Criar um novo arquivo TUTORIAL DO ACCESS PASSO A PASSO I. Criar um Novo Banco de Dados Passos: 1. Abrir o Access 2. Clicar em Criar um novo arquivo 3. Clicar em Banco de Dados em Branco 4. Escrever um nome na caixa de diálogo

Leia mais

Faça Fácil Proficy Historian - Armazenamento de Alarmes e Eventos

Faça Fácil Proficy Historian - Armazenamento de Alarmes e Eventos Faça Fácil Proficy Historian - Armazenamento de Alarmes e Eventos Objetivos: Armazenar Alarmes e eventos do ifix no Proficy Historian Pré-Requisitos: Conhecer os princípios básicos de configuração do Proficy

Leia mais

GERADOR DE RELATÓRIOS WINREPORT VERSÃO 2.0. Conteúdo

GERADOR DE RELATÓRIOS WINREPORT VERSÃO 2.0. Conteúdo GERADOR DE RELATÓRIOS WINREPORT VERSÃO 2.0 Este manual foi desenvolvido com o objetivo de documentar as principais funcionalidades do Gerador de Relatórios WinReport versão 2.0. Conteúdo 1. Tela Principal...

Leia mais

A barra de menu a direita possibilita efetuar login/logout do sistema e também voltar para a página principal.

A barra de menu a direita possibilita efetuar login/logout do sistema e também voltar para a página principal. MANUAL DO SISCOOP Sumário 1 Menu de Navegação... 3 2 Gerenciar País... 5 3- Gerenciamento de Registro... 8 3.1 Adicionar um registro... 8 3.2 Editar um registro... 10 3.3 Excluir um registro... 11 3.4

Leia mais

BrOffice.org Base. Prof. João Alberto Fabro UTFPR Curitiba

BrOffice.org Base. Prof. João Alberto Fabro UTFPR Curitiba Prof. João Alberto Fabro UTFPR Curitiba (Baseado no documento livre Introdução ao BrOffice.org Base, de Noelson Alves Duarte, Revisado em 18 de março de 2006) Formatos: Diversos, inclusive bases de dados

Leia mais

Passo a Passo - Como Migrar do Emissor de NF-E Versão 2.0 para a Versão 3.10

Passo a Passo - Como Migrar do Emissor de NF-E Versão 2.0 para a Versão 3.10 Passo a Passo - Como Migrar do Emissor de NF-E Versão 2.0 para a Versão 3.10 Prezado Contribuinte, sugerimos manter o emissor para NF-e leiaute versão 2.0 instalado para fins de consulta dos documentos

Leia mais

Front-End Uso da Linguagem Turbo Delphi para Acesso ao Banco de Dados Mysql

Front-End Uso da Linguagem Turbo Delphi para Acesso ao Banco de Dados Mysql Universidade Federal de Mato Grosso-UFMT Sistemas de Informação Laboratório de Programação Visual Prof. Clóvis Júnior Front-End Uso da Linguagem Turbo Delphi para Acesso ao Banco de Dados Mysql Estrutura

Leia mais

PROGRAMANDO EM C# ORIENTADO A OBJETOS

PROGRAMANDO EM C# ORIENTADO A OBJETOS PROGRAMANDO EM C# ORIENTADO A OBJETOS AGENDA MÓDULO 4 IDE Visual Studio e edições Exemplos IDE - INTEGRATED DEVELOPMENT ENVIRONMENT IDE, Ambiente de Desenvolvimento Integrado. Uma IDE é uma ferramenta

Leia mais

Manual de utilização do Zimbra

Manual de utilização do Zimbra Manual de utilização do Zimbra Compatível com os principais navegadores web ( Firefox, Chrome e Internet Explorer ) o Zimbra Webmail é uma suíte completa de ferramentas para gerir e-mails, calendário,

Leia mais

Iniciar o Data Adapter Configuration Wizard. Toolbox Data Duplo clique em OleDbDataAdapter. Botão next na caixa de diálogo

Iniciar o Data Adapter Configuration Wizard. Toolbox Data Duplo clique em OleDbDataAdapter. Botão next na caixa de diálogo Iniciar o Data Adapter Configuration Wizard Toolbox Data Duplo clique em OleDbDataAdapter Botão next na caixa de diálogo Se carregar em Cancel, o wizard é cancelado e podemos depois definir as propriedades

Leia mais

1. Introdução... 5. 2. Instalação do Módulo Gerenciador de Acessos SinaGAS... 6. 3. Tipos de Autenticação... 8. 3.1. Autenticação Sinacor...

1. Introdução... 5. 2. Instalação do Módulo Gerenciador de Acessos SinaGAS... 6. 3. Tipos de Autenticação... 8. 3.1. Autenticação Sinacor... Índice 1. Introdução... 5 2. Instalação do Módulo Gerenciador de Acessos SinaGAS... 6 3. Tipos de Autenticação... 8 3.1. Autenticação Sinacor... 8 3.2. Autenticação AD... 11 4. Fluxo Operacional... 14

Leia mais

O Primeiro Programa em Visual Studio.net

O Primeiro Programa em Visual Studio.net O Primeiro Programa em Visual Studio.net Já examinamos o primeiro programa escrito em C que servirá de ponto de partida para todos os demais exemplos e exercícios do curso. Agora, aprenderemos como utilizar

Leia mais

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE ❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE a) Checagem de Estoque - Verifique o estoque dos produtos desejados. b) Listar produtos com a quantia de estoque mínimo atingido: ESTOQUE / RELATÓRIO / ALERTA DE COMPRA

Leia mais

Impressão de Relatórios com Data Report Professor Sérgio Furgeri. A figura seguinte ilustra a geração de um relatório a partir de uma tabela de...

Impressão de Relatórios com Data Report Professor Sérgio Furgeri. A figura seguinte ilustra a geração de um relatório a partir de uma tabela de... OBJETIVOS DA AULA: Demonstrar a utilização da ferramenta Data Report do Visual Basic para a geração de relatórios. Apresentar os procedimentos para a criação de um relatório simples a partir dos dados

Leia mais

Noções de. Microsoft SQL Server. Microsoft SQL Server

Noções de. Microsoft SQL Server. Microsoft SQL Server Noções de 1 Considerações Iniciais Basicamente existem dois tipos de usuários do SQL Server: Implementadores Administradores 2 1 Implementadores Utilizam o SQL Server para criar e alterar base de dados

Leia mais

EXERCÍCIO 5: TRABALHANDO COM DESENHOS CAD

EXERCÍCIO 5: TRABALHANDO COM DESENHOS CAD EXERCÍCIO 5: TRABALHANDO COM DESENHOS CAD O ArcMap permite que se trabalhe com arquivos de formato CAD. Antes se realizar qualquer operação de edição sobre este arquivo, é importante converter a extensão

Leia mais

Aula 05 - Elementos e Organização de janelas

Aula 05 - Elementos e Organização de janelas Aula 05 - Elementos e Organização de janelas Sumário Os elementos de uma Janela Menu de Controle Título da Janela Guias Barras de Rolagem Botões de Acesso Rápido Barra de Status Movendo e Dimensionando

Leia mais

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDA- SA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDA- SA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDA- SA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida nem transmitida

Leia mais

Instalação e Operação dos Aplicativos Serie 5000/6000

Instalação e Operação dos Aplicativos Serie 5000/6000 Instalação e Operação dos Aplicativos Serie 5000/6000 Requisitos mínimos de Hardware: Pentium 3 de 500 mhz ou Celeron de 700 mhz ou superior 128 MB de RAM 100 MB livres no disco rígido Requisitos de Software:

Leia mais

1) Como acessar a aplicação

1) Como acessar a aplicação Guia de Uso V1.0.0 1) Como acessar a aplicação 2 1 2 3 3 4 Ao clicar em Banco de Necessidades, será aberta uma nova guia do navegador com o formulário mostrado abaixo, o qual possui dois botões : Consulta

Leia mais

Laboratório 1 SQL Server Integration Services

Laboratório 1 SQL Server Integration Services Laboratório 1 SQL Server Integration Services Cenário: Você deseja construir um processo que irá realizar relatório sobre vendas. O relatório é um sumario das vendas anuais, mas poderia ser aplicado para

Leia mais

AVISO. Treinamento GVcollege Módulo Ficha Complementar

AVISO. Treinamento GVcollege Módulo Ficha Complementar AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida nem transmitida

Leia mais

Banco de Dados Oracle 10g

Banco de Dados Oracle 10g 2010 Banco de Dados II Líder: George Petz... 19 Bruno Aparecido Pereira... 07 Gustavo da Silva Oliveira... 24 Luis Felipe Martins Alarcon... 32 Rubens Gondek... 41 Professor: Gilberto Braga de Oliveira

Leia mais

Conceitos básicos do Painel

Conceitos básicos do Painel Básico Wordpress Conceitos básicos do Painel Logando no Painel de Controle Para acessar o painel de controle do Wordpress do seu servidor siga o exemplo abaixo: http://www.seusite.com.br/wp-admin Entrando

Leia mais

ASP.NET 2.0 - Gerando relatórios com o ReportViewer

ASP.NET 2.0 - Gerando relatórios com o ReportViewer 1 de 5 26/8/2010 18:07 ASP.NET 2.0 - Gerando relatórios com o ReportViewer Este artigo vai mostrar como você pode gerar relatórios em suas páginas ASP.NET 2.0 usando o add-in ReportViewer para o Visual

Leia mais

ETEC DR. EMÍLIO HENRNANDEZ AGUILAR PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES II PROFESSOR RAFAEL BARRETO

ETEC DR. EMÍLIO HENRNANDEZ AGUILAR PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES II PROFESSOR RAFAEL BARRETO ETEC DR. EMÍLIO HENRNANDEZ AGUILAR PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES II PROFESSOR RAFAEL BARRETO DELPHI CRIANDO UMA AUTENTICAÇÃO DE USUÁRIO UTILIZANDO O COMPONENTE QUERY A autenticação de usuários serve para

Leia mais

ETEC DR. EMÍLIO HENRNANDEZ AGUILAR PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES I PROFESSOR RAFAEL BARRETO

ETEC DR. EMÍLIO HENRNANDEZ AGUILAR PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES I PROFESSOR RAFAEL BARRETO ETEC DR. EMÍLIO HENRNANDEZ AGUILAR PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES I PROFESSOR RAFAEL BARRETO DELPHI - UTILIZANDO OPENDIALOG PARA ARMAZENAR IMAGENS EM BANCO DE DADOS Criaremos uma solução simples para criar

Leia mais

Minicurso de C# por François Dantas Oliveira. Agosto de 2009

Minicurso de C# por François Dantas Oliveira. Agosto de 2009 Minicurso de C# por François Dantas Oliveira Agosto de 2009 Conteúdo SQL Server Express INSERT UPDATE DELETE SELECT Visual C# 2008 Express Edition Conhecendo a IDE O que é programação orientada a eventos

Leia mais

manual Versão 0.3 Português do Brasil (Brazilian Portuguese) FunTester 0.7c

manual Versão 0.3 Português do Brasil (Brazilian Portuguese) FunTester 0.7c manual Versão 0.3 Português do Brasil (Brazilian Portuguese) FunTester 0.7c Versões deste documento 0.3 Melhoria da Introdução; Descritos detalhes sobre Instalação e Extensões de Arquivos; Descritos tópicos

Leia mais

WecDB - 1 - WecDB Consulta Web Facilitada ao Banco de Dados

WecDB - 1 - WecDB Consulta Web Facilitada ao Banco de Dados WecDB - 1 - WecDB Consulta Web Facilitada ao Banco de Dados WecDB (Web Easy Consultation Database) é uma ferramenta para criação e disponibilização de consultas à Bancos de Dados na Internet. É composto

Leia mais

1- ASP.NET - HTML Server Controls

1- ASP.NET - HTML Server Controls 1- ASP.NET - HTML Server Controls Os controles de servidor - Server Controls - HTML são tags HTML padrão, com exceção de possuirem o atributo : runat="server". Vejamos um código que ilustra isto: O atributo

Leia mais

Microsoft Excel 2010

Microsoft Excel 2010 Microsoft Excel 2010 Feito por Gustavo Stor com base na apostila desenvolvida por Marcos Paulo Furlan para o capacitação promovido pelo PET. 1 2 O Excel é uma das melhores planilhas existentes no mercado.

Leia mais

BrOffice Impress Módulo 06 ÍNDICE

BrOffice Impress Módulo 06 ÍNDICE ÍNDICE VÍDEO 1 Trabalhando com o BrOffice.org Impress VÍDEO 2 Conhecendo o BrOffice.org Impress VÍDEO 3 Criando uma nova apresentação VÍDEO 4 Estrutura de tópicos VÍDEO 5 Layout VÍDEO 6 Trabalhando com

Leia mais

Banco de Dados BrOffice Base

Banco de Dados BrOffice Base Banco de Dados BrOffice Base Autor: Alessandro da Silva Almeida Disponível em: www.apostilando.com 27/02/2011 CURSO TÉCNICO EM SERVIÇO PÚBLICO Apostila de Informática Aplicada - Unidade VI Índice Apresentação...

Leia mais

ETEC DR. EMÍLIO HENRNANDEZ AGUILAR PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES II PROFESSOR RAFAEL BARRETO DELPHI FORMULÁRIO COM ABAS E BUSCAS DE REGISTROS

ETEC DR. EMÍLIO HENRNANDEZ AGUILAR PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES II PROFESSOR RAFAEL BARRETO DELPHI FORMULÁRIO COM ABAS E BUSCAS DE REGISTROS ETEC DR. EMÍLIO HENRNANDEZ AGUILAR PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES II PROFESSOR RAFAEL BARRETO DELPHI FORMULÁRIO COM ABAS E BUSCAS DE REGISTROS FORMULÁRIOS COM ABAS Trabalhar com abas (ou guias) é um recurso

Leia mais

Microsoft Analysis Service

Microsoft Analysis Service Microsoft Analysis Service Neste capítulo você verá: BI Development Studio Analysis Services e Cubos Microsoft Analysis Services é um conjunto de serviços que são usados para gerenciar os dados que são

Leia mais

BI Citsmart Fornece orientações necessárias para instalação, configuração e utilização do BI Citsmart.

BI Citsmart Fornece orientações necessárias para instalação, configuração e utilização do BI Citsmart. 16/08/2013 BI Citsmart Fornece orientações necessárias para instalação, configuração e utilização do BI Citsmart. Versão 1.0 19/12/2014 Visão Resumida Data Criação 19/12/2014 Versão Documento 1.0 Projeto

Leia mais

Manual de. Navegação

Manual de. Navegação Manual de Navegação Sumário Iniciando a instalação --------------------------------------- 03 Funcionamento em Rede -------------------------------------- 10 Instruções para Desinstalação ------------------------------

Leia mais

CONSULTAS AO SQL SERVER 2005 ATRAVÉS DOS OBJETOS VISICONX

CONSULTAS AO SQL SERVER 2005 ATRAVÉS DOS OBJETOS VISICONX CONSULTAS AO SQL SERVER 2005 ATRAVÉS DOS OBJETOS VISICONX Dando continuidade ao tema do nosso último faça-fácil (Boletim Aquarius Automação Industrial Ed.9), nessa edição falaremos sobre os controles VisiconX

Leia mais

CONHECENDO O VISUAL STUDIO.NET

CONHECENDO O VISUAL STUDIO.NET CONHECENDO O VISUAL STUDIO.NET Nesta matéria estaremos apresentando a IDE (Integrated Development Environment) do Visual Studio.NET. A Microsoft incluiu nesta versão da ferramenta de desenvolvimento todos

Leia mais

Ferramentas de Apoio para Documentação do Produto Sistema de Gestão da Qualidade

Ferramentas de Apoio para Documentação do Produto Sistema de Gestão da Qualidade Página 1 de 48 Sumário 1. DOCUMENTAR... 2 1.1. APRESENTAÇÃO GERAL DA FERRAMENTA HELP & MANUAL... 2 1.2. CONFIGURAÇÕES ESSENCIAIS DO DOCUMENTO... 3 1.2.1. INSERIR ÂNCORAS NO DOCUMENTO... 4 1.2.2. INSERIR

Leia mais

Excel VBA - Parte IV:Inserindo um formulário e seus comandos

Excel VBA - Parte IV:Inserindo um formulário e seus comandos Page 1 of 9 Excel VBA - Parte IV:Inserindo um formulário e seus comandos desenvolvendo VBA através de um exemplo prático Nesta parte do artigo vamos ver como inserir formulários e seus componentes. Conteúdo

Leia mais

A Estação da Evolução

A Estação da Evolução Microsoft Excel 2010, o que é isto? Micorsoft Excel é um programa do tipo planilha eletrônica. As planilhas eletrônicas são utilizadas pelas empresas pra a construção e controle onde a função principal

Leia mais

Instalação, configuração e manual

Instalação, configuração e manual Cardápio Moura Instalação, configuração e manual Conteúdo Instalação... 4 Requisitos mínimos... 4 Windows 8... 5 Instalação do IIS no Windows 8... 5 Configuração do IIS no WINDOWS 8... 15 Windows 7...

Leia mais

Introdução Microsoft PowerPoint 2013 apresentações Office PowerPoint 2013 Microsoft PowerPoint 2013 textos planilhas Excel Word

Introdução Microsoft PowerPoint 2013 apresentações Office PowerPoint 2013 Microsoft PowerPoint 2013 textos planilhas Excel Word PowerPoint 2013 Sumário Introdução... 1 Iniciando o PowerPoint 2013... 2 Criando Nova Apresentação... 10 Inserindo Novo Slide... 13 Formatando Slides... 15 Inserindo Imagem e Clip-art... 16 Inserindo Formas...

Leia mais

CRIAÇÃO DE RELATÓRIOS EM DELPHI

CRIAÇÃO DE RELATÓRIOS EM DELPHI PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADORES II PROFESSOR RAFAEL BARRETO CRIAÇÃO DE RELATÓRIOS EM DELPHI Relatórios são tão importantes quanto as consultas, com a vantagem de poder imprimir os valores armazenados nos Bancos

Leia mais

Clique no botão novo

Clique no botão novo Tutorial para uso do programa Edilim Criado pela profª Carina Turk de Almeida Correa 1- Abra o programa Edilim. Clique no botão novo, como mostrado abaixo: Clique no botão novo 2- Todos os arquivos a serem

Leia mais

Faculdade de Ciências Médicas FCM Unicamp Núcleo de Tecnologia de Informação NTI

Faculdade de Ciências Médicas FCM Unicamp Núcleo de Tecnologia de Informação NTI Manual do usuário Desenvolvendo páginas em Drupal Faculdade de Ciências Médicas FCM Unicamp Núcleo de Tecnologia de Informação NTI Conteúdo Primeiro Passo... 3 1.1 Login... 3 1.2 Recuperando a Senha...

Leia mais

Manual de Instalação de SQL Server (2005, 2008, 2012).

Manual de Instalação de SQL Server (2005, 2008, 2012). Manual de Instalação de SQL Server (2005, 2008, 2012). Instalação do SQL 2005. - Primeiro baixo o instalador do SQL nesse link: http://www.microsoft.com/pt-br/download/details.aspx?id=184 - Execute o arquivo

Leia mais

Informática Básica para o PIBID

Informática Básica para o PIBID Universidade Federal Rural do Semi Árido Programa Institucional de Iniciação à Docência Informática Básica para o PIBID Prof. Dr. Sílvio Fernandes Roteiro O Tamanho e Resolução de imagens O Compactação

Leia mais