DEGRÉMONT NEWSLETTER TRIMESTRE EDITOrial. Sumário ANO III - VIII ED. JULHO PETROBRAS - RLAM (Bahia - Brasil)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DEGRÉMONT NEWSLETTER TRIMESTRE 2013. EDITOrial. Sumário ANO III - VIII ED. JULHO 2013. PETROBRAS - RLAM (Bahia - Brasil)"

Transcrição

1 3 TRIMESTRE 2013 NEWSLETTER DEGRÉMONT AMÉRICA LATINA ORGANIZAÇÃO SAPHIR treinamento de equipamentos Novos projetos keppel FELS Vuelta obligado Cases de sucesso OMOBILE Encerramento suape - sem acidentes operação da ete panamá é iniciada tecnologias pulsatube AQUAZUR V sustentabilidade Plataforma de eficiência energética Eventos Encontro nacional de cultura (mx) Brincando na degrémont 2013 DIFERENCIAL DEGRÉMONT ferramentas 3D Ações SOCIAis clube DO doador ONG AQUABAR NA FLORESTA DA TIJUCA Contato Sumário ANO III - VIII ED. JULHO 2013 PREMIAÇÕES E CERTIFICADOS 2013 GLOBAL WATER SUMMIT RENOVAÇÃO ESR EDITOrial Prezados colaboradores, clientes, sócios e fornecedores, PETROBRAS - RLAM (Bahia - Brasil) O aumento da demanda de projetos nas especialidades de tratamento de águas e efluentes nos mercados de nossa atuação, não diferentemente da maioria dos segmentos, depende da economia do país e do montante de investimentos no setor público, refletindo diretamente e impulsionando o setor privado. No Brasil particularmente, com a economia sob controle e os anúncios do governo brasileiro em investimentos para modernização de infraestrutura, grandes projetos que eram esperados para o ano de 2012, e que ficaram somente na expectativa. Mesmo a Petrobras, carro chefe da engenharia brasileira, nos seus últimos planos de gestão e negócios, divulgou a postergação de vários projetos na área do downstream (refino). Com isso, a maior concentração de seus investimentos foi direcionada para o upstream (exploração, perfuração e produção), especialmente na área do pré-sal. Com este cenário, o Departamento Comercial da Degrémont Brasil, além de reforçar a atuação permanente nos diversos segmentos públicos e privados, retomou as suas atividades no mercado de óleo e gás upstream offshore e valendo-se da experiência em projetos de dessalinização de água do mar e a sinergia entre as empresas do grupo, obteve recentemente a conquista do primeiro contrato para fornecimento de sistemas de remoção de sulfatos para água de injeção em poços de petróleo, no projeto das FPSOs Replicantes para a Bacia de Santos. Temos a certeza de que este primeiro projeto, mais do que uma conquista, é uma grande motivação para continuarmos cada vez mais, trabalhando em conjunto e de forma integrada com outras empresas do grupo na direção do sucesso e do aprendizado contínuo. Boa leitura a todos Comprometidos Juntos pela Água, Fonte de Vida Sylvio Andraus Jr. Diretor Comercial- Degrémont Brasil 1

2 ORGANIZAÇÃO O SAPHIR ESTA CHEGANDO AO BRASIL O Grupo Degrémont está implementando seu sistema de gestão integral de negócios, SAPHIR (ferramenta de informática baseada no sistema SAP) em suas filiais no mundo. Esta ferramenta é mundialmente reconhecida por sua performance e confiabilidade. A implantação teve início com a Degrémont Ibéria em outubro de 2010, depois continuou em 2012 na sede e nas diversas filiais da França, e em Janeiro deste ano na China. Paralelamente, o Projeto SAPHIR inclui uma versão para empresas de pequeno porte e/ou filiais, chamada SAPHIR ONE. Esta já foi instalada nas sucursais da Degrémont França e nas filiais da Degrémont Technologies (Infilco Degrémont Inc. nos Estados Unidos, Anderson Water System no Canadá, Degrémont Technologies na Suíça, Ozonia na América do Norte etc.). Hoje, quase 60% das atividades da Degrémont são gerenciadas com o SAPHIR. Construído a partir do processo OMEGA, o SAPhir é uma importante ferramenta para uniformizar os métodos de trabalho de todos os negócios dentro do Grupo Degrémont. O processo compartilhado das informações permite uma execução mais eficiente dos processos, otimizando nosso desempenho, e por consequência o serviço ao Cliente. A Degrémont conta com uma equipe de 7 pessoas dedicadas ao projeto, os Local Key Users, cada um representa uma parte dos negócios da Degrémont no Brasil: Construção, Equipamentos e Serviços e as funções de suporte (Compras, Logística e Administração e Finanças). No Brasil, o projeto teve início no final de Março com 2 semanas de treinamento na ferramenta, em Paris. Continuou com 2 meses de trabalho conjuntamente com os membros franceses do Projeto, para identificar as diferenças entre o que propõe o sistema SAPHIR já instalado em outros países e as necessidades do Brasil, com foco nas especificações de seus negócios principalmente pela sua intensa atividade no mercado industrial. As etapas seguintes consistem no desenvolvimento de soluções e em uma fase de testes em Julho e Agosto, antes de preparar a migração dos dados do sistema atual (Sun System) ao SAPHIR e, por fim, o arranque do sistema, Go-Live. TREINAMENTO DE EQUIPAMENTOS Ocorreu no dia 07 de maio o treinamento de Equipamentos e Serviços. Este treinamento foi promovido pela Diretoria de Equipamentos e foi desenvolvido em conjunto pelas áreas de E&S, Direção Técnica e Recursos Humanos, com foco para as equipes comerciais, engenharia e gestão de contratos da região Sul- -americana. O treinamento foi um importante evento de divulgação das principais tecnologias da Degrémont não só para a área comercial, mas para praticamente todas as outras áreas da empresa que puderam conhecer e ter uma visão ampla dos produtos e soluções disponíveis. - Vitor Collette - Gerente Comercial Degrémont Brasil. 2

3 NOVOS PROJETOS KEPPEL FELS Em 2011, a Petrobras anunciou seu plano de investimento em implementações de novas plataformas (FPSO) na área do pré-sal na Bahia de Santos. Surgiu então a oportunidade e o desafio para Degrémont voltar a atuar neste mercado no Brasil. A empresa não atuava em Upstream Offshore no país há mais de 20 anos e, nesta época suas referências eram de outros tipos de sistema de tratamento de água e em proporções menores. Os maiores desafios foram demonstrar para a Petrobras que além de sua comprovada qualidade e capacidade de realização em Onshore Downstream (tendo várias referências em refinarias da Petrobras), a Degrémont também possui expertise e experiência dentro do grupo, com a OIS (Ondeo Industrial Solution) e assim pôde ser aprovada na vendor list como fornecedores de sistemas marítimos para novas plataformas. O trabalho integrado e bem coordenado entre a Degrémont Brasil e a OIS, onde as duas companhias se complementaram, foi crucial para vencer o desafio. O contrato EPS assinado em fevereiro de 2013 com a Keppel Fels - PETROBRAS FPSOs Replicantes P66 & P69 (idênticos) - conta com: Pré-tratamento por Coarse filtration 80 micra (Filtros automáticos com telas tipo wedge wire ) + Fine filtration 5 micra (com cartuchos); Skids de injeção de químicos (Biocida, Scale inhibitor a Chlorine Scavenger ); SRU (sulphate removal unit), membranas de nanofiltração (Hydranautics); Produção de água desulfatada = m³/dia; RO (osmose reversa) produção de m³/dia; Sistema de limpeza CIP ( cleaning in place ) das membranas. O resultado deste trabalho é o reconhecimento da Degrémont como um forte player neste mercado retomando um espaço que um dia ja ocupou. VUELTA OBLIGADO Degrémont assina contrato com Termoelétrica Vuelta de Obligado (CVOSA) - Endesa/Sadesa - de US$ ,00, em Timbúes - Santa Fé, Argentina para o fornecimento de Sistema de Clarificação e Filtração de água de rio com capacidade de 3x130m³/h e um Sistema de Troca Iônica com capacidade de 2x254m³/h. O contrato é em regime EP com montagem e terá duração de 13 meses. 3

4 CASES DE SUCESSO INDUSTRIA ALIMENTICIA & BEBIDAS Degrémont OMobile SOLUÇÕES MÓVEIS ADAPTAÇÃO DA PRODUÇÃO DE ÁGUA DESMINERALIZADA PARA ATENDER VARIAÇÕES DE DEMANDA A Degrémont Omobile possui soluções móveis capazes de atender o cliente nas variações de produção de água desmineralizada, características do setor alimentício. Tomás FRADE, Gerente de negócios - DEGRÉMONT OMobile BRASIL Neste case study o cliente necessitava de uma solução móvel flexível e confiável, que permitisse atender o aumento na demanda de produção de água desmineralizada durante o período de safra. Graças a solução OMobile, o cliente consegue garantir a produção do site durante o período de safra e ainda otimizar os custos operacionais em 30% durante a época de baixa temporada de produção. Necessidades do Cliente Devido à variação nos requisitos de água desmineralizada durante a época de alta e de baixa produção, o uso de uma unidade móvel de desmineralização de água traz uma solução temporária e flexível permitindo redução dos custos operacionais, riscos e impactos ao meio ambiente. Por estas razões, o cliente solicitou à DEGRÉMONT OMobile uma solução móvel de produção de água desmineralizada para a época de baixa produção. Solução DEGRÉMONT OMobile A solução proposta consistiu num sistema móvel totalmente automatizado com capacidade de produção na vazão e qualidades requeridas. A OMobile instalou uma unidade de microfiltração e uma unidade de Osmose Reversa Flexosmo, incluído um serviço de supervisão de maneira a permitir a melhor operação das unidades e assim garantir a vazão e qualidade necessárias. A tecnologia de osmose reversa permite a produção de água desmineralizada com o uso de baixas quantidades de produtos químicos reduzindo assim significativamente os impactos no meio ambiente. 4

5 Benefícios Possibilidade de redução dos custos operacionais durante a época de produção baixa. A solução apresentada pela DEGRÉMONT OMobile permitiu ao cliente reduzir seus custos operacionais em 30%, através da utilização de unidades moveis de produção de água. Possibilidade de redução dos riscos e impactos ambientais O rejeita proveniente das correntes de regeneração de ácido sulfúrico da planta permanente geram poluição, odor e perigo de gases de enxofre nas águas armazenadas. Graças à quantidade muito limitada de produtos químicos necessários para a tecnologia de osmose reversa, o cliente OMobile pode reduzir o seu impacto e de risco para o ambiente. Outras Aplicações Produção de água desmineralizada devido a variações na qualidade de água bruta (ex. regime de seca); Tratamento de água para quaisquer restrições ambientais; Produção de água desmineralizada devido à necessidade de aumento na capacidade de produção. Os clientes que escolherem os serviços da DEGRÉMONT OMobile, terão soluções garantidas e estudadas à medida de suas necessidades e o desenvolvimento de soluções flexíveis e confiáveis que permitem um fornecimento de água industrial e tratamento de efluentes seguro a um custo acessível. ENCERRAMENTO SUAPE - SEM ACIDENTES Em dezembro de 2012 a Degrémont concluiu o projeto Suape com horas de trabalho (entre funcionários Degrémont e subcontratados) e sem nenhum acidente com afastamento. Este foi um projeto de grande porte, que consumiu quase 3 anos de trabalho de nossos colaboradores e consistiu no fornecimento da Estação de Tratamento de Águas para a Petroquímica Suape em Pernambuco. Agradecemos a todos os funcionários Degrémont que desde o início se empenharam por tornar esse projeto um exemplo a ser seguido no que se refere a preservação da saúde e a garantia da segurança de nossos trabalhadores. 5

6 CASES DE SUCESSO operação da ete panamá é iniciada A linha de água da Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) da Cidade de Panamá foi entregue ao Cliente, Ministério da Saúde, em 12 de maio com cerca de 4 meses de antecedência em relação à data contratual e, em seguida, se iniciou o período de Operação e Manutenção que vai durar quatro anos. O contrato Design, Build and Operate (DBO) dessa Planta foi assinado em 2009 pelo Consórcio formado pela Degrémont e a construtora civil brasileira Odebrecht. Esta planta, com capacidade de produção de 238 mil m3/dia, tratará as águas residuais da Cidade de Panamá enquanto o biogás de digestão dos lodos permitirá a produção de eletricidade, cobrindo 18% das necessidades energéticas da ETAR. Esta planta é a primeira no país e uma das maiores da América Central. DIFERENCIAL DEGRÉMONT FERRAMENTAS 3D Os grandes projetos industriais são atualmente desenvolvidos com ajuda de ferramentas 3D, denominadas assim por criarem uma maquete digital do projeto. Esta maquete não é simplesmente uma imagem tridimensional, por trás da mesma há uma série de informações de equipamentos, materiais de tubulação, instrumentos e de elétrica que compõem o banco de dados. Estas ferramentas possuem vantagens tais como: possibilitar a noção espacial da instalação antes de sua construção; permitir realizar visualizações virtuais de forma a antecipar problemas de acesso, ergonômicos e manuseio, entre outros; permitem identificar interferências e corrigi- -las antes de sua execução. É possível, também, personalizar a lista de materiais de forma a contemplar a codificação dos materiais adotada pelas empresas. Possuem, ainda, a vantagem de se comunicarem com ferramentas desenvolvidas para a elaboração dos diagramas de engenharia (P&ID), onde são inseridas as informações de processo (AVEVA 6 DIAGRAMS ou SMARTPLANT P&ID), e instrumentos (AVEVA INSTRUMEN- TATION OU SMARTPLANT INSTRU- MENTATION). Com esta integração, as informações são compartilhadas fornecendo inteligência à maquete com geração de desenhos em 2D AutoCad, P&ID, listas de materiais, listas de instrumentos, dados para data sheets etc. Além dos projetistas, surge o profissional chamado de administrador da ferramenta, cuja responsabilidade a configuração do ambiente, perfis de acesso para as diferentes disciplinas (mecânica, tubulação, elétrica, civil etc.), bem como a criação do banco de dados e configuração dos templates e extração de plantas, isométricos e listas de materiais. O projeto, representado pela maquete, tem início com a configuração do ambiente como um todo e criação da massa de dados, prossegue com o modelamento de estruturas civis, equipamentos mecânicos e elétricos, tubulação e instrumentos e ao longo do desenvolvimento são ex- traídos documentos tais como: plantas, isométricos, listas de materiais; finalizando com a entrega da maquete revisada. Atualmente a DEGRÉMONT possui profissionais capacitados para trabalhar com as duas ferramentas mais populares no meio industrial para o desenvolvimento de projetos em três dimensões (3D): AVEVA PDMS e SMARTMARINE 3D. Como exemplo, podem-se citar os projetos ELDORA- DO, REPLAN, RLAM, executados no AVEVA PDMS; e no SMARTMARINE 3D para o desenvolvimento do projeto das plataformas P66/P69 da KEPPEL/ PETROBRAS.

7 AÇÕES SOCIAIS CLUBE DO DOADOR No dia 10 de maio de 2013 os colaboradores da Degrémont do projeto Vale organizaram uma ação de doação de sangue em prol a ajudar um colega de trabalho. Nove solidários colegas se reuniram e realizaram as doações no Criobanco do Hospital Santa Rita em Vitória(ES) (www.criobanco.com.br). O Criobanco atualmente atende 3 hospitais na Grande Vitória, sendo eles: Hospital Santa Rita de Cássia, Hospital Metropolitano e Maternidade Santa Úrsula. São aproximadamente 10 mil transfusões em 2 mil pacientes atendidos anualmente, sendo metade deles pelo SUS. O Criobanco possui uma página no facebook: O Clube do Doador, uma rede de pessoas que têm o objetivo comum de ajudar a salvar vidas através da doação de sangue. Os integrantes participam da rede social na internet, onde podem relacionar-se com outros doadores e ficam por dentro das necessidades atuais de doação de sangue de acordo com o estoque do Criobanco. Lá, também, podem dar seu depoimento ou relatar suas experiências familiares sobre suas doações de sangue. A Degrémont parabeniza os colaboradores do Projeto Vale pela ação e solidariedade. ONG AQUABAR NA FLORESTA DA TIJUCA A GDF SUEZ apóia o trabalho da ONG Aquabar a desenvolver o turismo sustentável na comunidade do Vale encantado, Floresta da Tijuca, no Rio de Janeiro e solicitou a apoio da Aquassistance (ONG diretamente ligada e formada por voluntários - com destaque aos colaboradores do grupo Suez Environnement - que tem como principal objetivo facilitar o acesso a água, ao saneamento e à coleta de lixo). O funcionário da Degrémont Brasil, Thomas Patoureaux, que faz parte do grupo de voluntários da Aquassistance participou do projeto juntamente ao secretário geral Jean Claude e ao voluntário Jean Marie, engenheiro e geólogo aposentado da Safege. Ficamos hospedados na comunidade do Vale Encantado por uma semana, era no coração da floresta da Tijuca bem perto da cidade, com vistas impressionantes do Rio. Nos encontramos com as associações de moradores das comunidades do Alto da Boa Vista (Tijuaçu, Mata Machado, Agrícola e Fazenda) e visitamos o local com eles para entender a situação atual da água e do saneamento. Fizemos trilhas nos morros da mata até as nascentes de água já utilizadas pelos moradores para encontrar outras fontes alternativas para toda a comunidade e realizamos análises bacteriológicas e físico-químicas para avaliar a potabilidade da água. Tem muita água disponível, mas nem sempre de boa qualidade e poderá ocorrer racionamento nas comunidades. É visível o número de gatos feitos pelos moradores - pequenos tubos/canos descendo do morro para abastecer individualmente cada uma das casas - ao invés de uma solução coletiva que poderia ser implementada corretamente. - Thomas Patoureaux - Executivo de Contas, Degrémont Brasil. 7

8 TECNOLOGIAS PULSATUBE Pulsator + Sedimentação Lamelar Os módulos lamelares (conjunto de tubos paralelos e inclinados) instalados entre o manto de lodo e as canaletas de coleta de água clarificada, preservam a coesão do manto de lodo mesmo com o aumento da velocidade ascensional. A vazão através dos módulos é laminar. Câmara de vácuo; Tubulação perfurada para distribuição de água bruta; Defletor; Nível superior do manto de lodo; Módulos lamelares; Saída da água clarificada; Descarte de lodo. VANTAGENS DO PULSATUBE Distribuição homogênea de água bruta sobre a superfície do tanque, o que é difícil de se obter com outros tipos de clarificadores; Preservação da estrutura dos flocos; Fácil manutenção: não existem equipamentos mecânicos submersos no interior da estrutura; Projeto mais compacto: duas vezes a velocidade ascensional para somente metade de área; Sustentável; Simples de operar; Consumo mínimo de energia (~5kwh/m³); Dosagem muito baixa ou nula de polímero; Redução de perda de água. Quando se leva em conta as economias em obras civis, o PULSATUBE, com seu layout mais compacto, é ainda mais econômico que o Pulsator. Algumas de nossas Referências: Replan, Paulinia - Brasil (Capacidade: 3x1.200m³/h) Suzano, Mucuri - Brasil (Capacidade: 3x2.100m³/h) UPM - Uruguay (Capacidade: m³/h) Lago Chenchin, Taiwan - China (capacidade: m³/d) Boudaou, Algiers - Algéria (Capacidade: m³/d) Selangor - Malasia (Capacidade: m³/d) Rennes Villejean - França (Capacidade: m³/d) Avranches - França (Capacidade: m³/d) 8

9 AQUAZUR V Projetado para plantas de água potável, o Aquazur V é um filtro de areia de fluxo descendente. Ele retém partículas suspensas na água bruta graças a uma espessa camada de areia. A homogeneidade da areia aumenta o tempo de funcionamento do filtro, enquanto a espessura da areia permite a filtração em alta velocidade e o alto nível de água (1,20 m) previne a desgaseificação. ECONOMIA DE ÁGUA DE LAVAGEM O processo exclusivo de lavagem do Aquazur V combina: Retrolavagem com água limpa; Limpeza simultânea com arraste de ar; Lavagem cruzada com água não-filtrada. Sua inigualável eficiência é convertida em significativas economias de água de lavagem. OPERAÇÃO DURANTE A FILTRAÇÃO A água não-filtrada, distribuída para o filtro da comporta de entrada, alimenta a camada de areia pela parte superior e atravessa toda a camada, na qual ficam retidos os sólidos em suspensão. A água filtrada é coletada uniformemente pelos bicos fixados no fundo falso do filtro. A câmara abaixo deste piso está conectada à saída do filtro, normalmente por meio de um controlador. A partir desta câmara, a água filtrada será encaminhada para os estágios seguintes de tratamento. Durante a filtração, o filtro é gradualmente obstruído pelas impurezas. Quando o nível pré-definido de obstrução é atingido, a lavagem do filtro é realizada. A duração da lavagem varia de 10 a 12 minutos, com perdas de água da ordem 4 a 5 m³/m² de área de filtro, dos quais apenas 2 m³/m² são de água filtrada. Canal de água filtrada, água de lavagem e distribuição de ar. Água não filtrada e lavagem cruzada. Entrada de água não filtrada. Válvula de saída de água de lavagem. Leito Filtrante. VANTAGENS DO AQUAZUR V Piso e bicos. Saída de água filtrada. Entrada de ar de lavagem. Manta de ar. Água de lavagem. Filtro de alta taxa de aplicação; Contralavagem eficiente e econômica; Controle de nível; Controle de operação sob medida. 9

10 SUSTENTABILIDADE PLATAFORMA DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA O controle do consumo de energia e a preservação dos recursos hídricos são desafios para as áreas municipais e industriais. A Eficiência Energética no Tratamento de Água é uma atividade inovadora, que consiste em encontrar e implementar novas soluções que contribuam para preservar os recursos de energia e promover o seu uso de maneira inteligente. Para enfrentar o aumento do custo de energia, a diminuição de fontes de energia fósseis e para atender às mudanças regulatórias, a Degrémont tem desenvolvido uma série de soluções eficientes de energia que abrangem todos os processos de tratamento de água. Soluções de Eficiência Energética para Água Potável, Dessalinização, Tratamento de efluentes e Tratamento de Lodo. Para entender melhor o funcionamento da plataforma, foi criada uma visualização 3D, muito interativa que conta com um design agradável e user friendly. A plataforma institucional apresenta o programa de eficiência energética da Degrémont e é complementada por outras três plataformas demonstrando a produção de água potável, dessalinização por osmose reversa e tratamento de águas residuais. Desde o projeto até a operação, estes processos utilizam um mix de soluções técnicas e métodos inovadores de melhoria, para reduzir o consumo de energia de cada tipo de instalação e dos seus equipamentos. Também estão disponíveis informações mais detalhadas, vídeos e apresentações, filmes das referências chave (como SWRO Barcelona), folhetos e brochuras sobre os produtos Degrémont (principalmente Inovações como Greenbass e Thermilys) e vários cases de sucesso onde a implementação de conceitos de Eficiência Energética permite que as plantas sejam auto suficientes energeticamente (ou quase), como por exemplo a planta AS SAMRA - planta de efluentes (~4 m³/s.) que produz 95% da energia que consome. Graças a este módulo inovador, todos podem conhecer a gama de soluções disponíveis para ajudar a melhorar a eficiência energética de estações de tratamento de água. Para acessar a plataforma clique no link a seguir ou, utilize o leitor de QR Code em seu celular: A seguir, como exemplo, uma parte da plataforma sobre tratamento de efluentes: Máquinas de geração de ar (compressores) são os maiores consumidores de energia. Além dos custos de manutenção, o gasto com energia para bombeamento representa 15% do total de custo de operação. O tratamento de odores contabiliza 10% de todo o consumo de energia. microturbinas hidráulicas convertem a energia potencial da água em eletricidade, com mais de 70% de eficiência. Em média, construções absorvem 43% do total de consumo de energia 10

11 EVENTOS BRINCANDO NA DEGRÉMONT 2013 No dia 28 de Junho de 2013, aconteceu no escritório de São Paulo, o terceiro Brincando na Degrémont. Este evento acontece anualmente e é destinado aos filhos de nossos colaboradores, com o objetivo de mostrar o ambiente de trabalho de seus pais e participar de atividades educativas de uma forma lúdica, divertida e diferenciada. escritório e tiveram a oportunida- A terceira edição do evento proporcionou muita animação na Degrémont. de de conhecer o local de trabalho de seus pais. O evento reuniu 18 crianças com idade entre 04 e 12 anos em um dia de muita alegria e diversão! Neste ano a programação contou com atrações como: Maquiagem Artística, Escultura em Balão, Oficina de Reciclagem, Oficina de Animalucos e Show H2O, preparadas por uma renomeada empresa de eventos recreativos. Além disso, as crianças fizeram um tour ao O X Encuentro Nacional del Cultura del Agua reuniu em Chihuahua (México) no final de abril, os principais órgãos de saneamento e água potável do país. O propósito do evento que se dividiu entre exposições e conferências, foi a sensibilização a questões de economia de água e reutilização para a preservação dos recursos hídricos. Convidada devido ao seu compromisso com a conservação do ciclo da água, a Degrémont participou ativamente no evento. O Doutor Angel Canales apresentou o case de sucesso da planta de Ciudad Juárez (Chihuahua), onde se pode monitorar e controlar as emissões de odores graças a inovação Azurair Scan. A Degrémont estava tam- No stand o Diretor geral da Degrémont México, Francisco Beltran, recebeu visitantes ilustres como César Duarte, David Korenfeld e Raúl Javalera. bém presente na exposição com um stand, que recebeu a visita de César Duarte, Governador do Estado de Chihuahua, David Korenfeld, Diretor da Comisión Nacional del Agua e Raúl Javalera, Diretor da Junta Central de Agua y Saneamiento del Estado de Chihuahua. 11

12 PREMIAÇÕES E CERTIFICADOS PRÊMIO GLOBAL WATER SUMMIT A edição de 2013 do Global Water Summit, organizada conjuntamente pela Global Water Intelligence e pela International Dessalination Association (IDA), foi sitiada em Sevilha e teve como enfoque conecting with success (Conectando-se com sucesso). O evento foi realizado no dia 22 de abril para premiar empresas que tiveram o maior comprometimento no setor da água em 2013, principais projetos na área de tratamento de água, os acordos, os projetos, as tecnologias e as pes- RENOVAÇÃO ESR soas que fizeram a diferença. De cinco candidatos indicados neste ano, a planta da Degrémont em Melbourne ganhou o primeiro lugar na categoria Planta de dessalinização do ano. A Degrémont foi premiada, vencendo em segundo lugar na categoria Empresa de dessalinização do ano e a United Water também com a mesma colocação na categoria Negócio de água do ano. Estes resultados testemunham o excelente desempenho do grupo no tratamento de água em todo o mundo e a capacidade de inovar e desenvolver novos produtos e serviços. Este é um sucesso coletivo que tem sido conquistado com a ajuda de todos os clientes e parceiros que compartilham do mesmo compromisso. Pelo segundo ano consecutivo a Degrémont recebeu o certificado ESR - EMPRESA SOCIALMENTE RESPONSABLE (empresa socialmente responsável). Isto é mais que um certificado, é a reafirmação de que a Degrémont é uma organização comprometida e com uma gestão de negócios socialmente responsável buscando um México mais justo e solidário. Através do uso sustentável dos recursos e do meio ambiente, a empresa fortalece os vínculos com a comunidade e seu desenvolvimento, além de garantir uma qualidade de vida aos colaboradores. Contato Degrémont Tratamento de Águas Ltda. Av. do Café, Torre A 7º Andar São Paulo, BR Tel: Fax: Talcahuano, 718-6º piso C 1013APP - Buenos Aires, ARG Tel: Fax: Alonso de Córdova, 5151 oficina Santiago, CL Tel: Av. Paseo de la Reforma 350 Piso 15 Col. Juárez Cidade do México- MEXICO Tel: FAX : Colaborações nesta edição Edição e Diagramação Geral - Priscila Dias Conteúdo - Priscila Dias, Alexandre Minehira, Sylvio Andraus, Pablo Reali, Arnaud Sauniere, Delphine Durantel, Mauro Rial, Cassio Reigado, Vera Greco, Gabriel Mancinelli, Camille Richard, Priscila Matsumoto, Luana Martins, Tomas Frade, Maria Campos, Maria Andrade, Luis Timoteo, Luana Souza e Thomas Patoureaux. 12 facebook.com/degremontsudamerica twitter.com/degremontlatam

DEGRÉMONT AMÉRICA LATINA

DEGRÉMONT AMÉRICA LATINA 3 TRIMESTRE 2014 NEWSLETTER DEGRÉMONT AMÉRICA LATINA CONTATO SUMÁRIO ANO IIII - X ED. AGOSTO 2014 EVENTOS FENASAN & RIO OIL & GAS ORGANIZAÇÃO O NOVO COMERCIAL DEGRÉMONT BRASIL CERTIFICAÇÕES DESTAQUE PRESERVAÇÃO

Leia mais

NEWSLETTER DEGRÉMONT LATAM

NEWSLETTER DEGRÉMONT LATAM NEWSLETTER DEGRÉMONT LATAM Nº 11 JANEIRO 2015 EDITORIAL Mauro Rial Diretor AdministrativoFinanceiro Degrémont Latam Prezados clientes, colaboradores, sócios e fornecedores, Aproveito a oportunidade para

Leia mais

Pulsapak. Planta Compacta de Tratamento de Água Potável

Pulsapak. Planta Compacta de Tratamento de Água Potável Pulsapak Planta Compacta de Tratamento de Água Potável Pulsapak Planta Compacta de Tratamento de Água Potável Cidade de Plantagenet, Ontário. Vazão: 70 m3/h (308 US GPM). O Pulsapak, uma planta compacta

Leia mais

ULTRAVIOLETA DESINFECÇÃO DE ÁGUA E EFLUENTES COM RAIOS. Sistema de decantação. Fenasan 2013. tratamento de água e efluentes

ULTRAVIOLETA DESINFECÇÃO DE ÁGUA E EFLUENTES COM RAIOS. Sistema de decantação. Fenasan 2013. tratamento de água e efluentes revista especializada em tratamento de DESINFECÇÃO DE ÁGUA E EFLUENTES COM RAIOS ULTRAVIOLETA Sistema de decantação Ação dos decantadores em tratamento de água Fenasan 2013 9 772236 261064 junho/julho-2013

Leia mais

SISTEMAS DE FILTRAÇÃO

SISTEMAS DE FILTRAÇÃO SISTEMAS DE FILTRAÇÃO CONCEITO DE FILTRAÇÃO Filtração é o processo de remoção de partículas sólidas de um meio líquido que passa através de um meio poroso. Desta forma, os materiais sólidos presentes no

Leia mais

Sumário. p.3. 1 I SUEZ environnement. p.8. 2 I SUEZ environnement, pronta a revolução dos recursos. p.14

Sumário. p.3. 1 I SUEZ environnement. p.8. 2 I SUEZ environnement, pronta a revolução dos recursos. p.14 Apresentação corporativa Março de 2015 Sumário 1 I SUEZ environnement Pontos chaves e figuras 2 I SUEZ environnement, pronta a revolução dos recursos Estamos prestes a começar a revolução dos recursos

Leia mais

Reed Exhibitions Alcantara Machado & Reed Expositions France

Reed Exhibitions Alcantara Machado & Reed Expositions France Reed Exhibitions Alcantara Machado & Reed Expositions France Estrutura do grupo Reed Elsevier REED EXHIBITIONS Alcance Global 500 eventos por ano 43 países 43 setores da economia 7 milhões de visitantes

Leia mais

Melhorias na Estação de Tratamento de Água e Esgoto para combate ao stress hídrico

Melhorias na Estação de Tratamento de Água e Esgoto para combate ao stress hídrico Melhorias na Estação de Tratamento de Água e Esgoto para combate ao stress hídrico Sr. Sylvio Andraus Vice- Presidente SINDESAM Agosto/2015 Índice ABIMAQ / SINDESAM Exemplos de Melhoria em Plantas de Água

Leia mais

Gestão total da água. Sistemas de tratamento de água e de águas residuais para navios e plataformas marítimas

Gestão total da água. Sistemas de tratamento de água e de águas residuais para navios e plataformas marítimas Gestão total da água Sistemas de tratamento de água e de águas residuais para navios e plataformas marítimas Tecnologias da água Fabricado na Alemanha Longa Experiência A RWO Marine Water Technology é

Leia mais

Gestão de Água. Soluções de processo orientadas para usinas metalúrgicas e siderúrgicas. Metals Technologies

Gestão de Água. Soluções de processo orientadas para usinas metalúrgicas e siderúrgicas. Metals Technologies Gestão de Água Soluções de processo orientadas para usinas metalúrgicas e siderúrgicas Metals Technologies Gestão de Água Eficiência econômica e ecológica O desafio: As exigências de proteção ambiental

Leia mais

Depuração das aguas residuais provenientes da plantas de tratamento das superficies. Gianfranco Verona

Depuração das aguas residuais provenientes da plantas de tratamento das superficies. Gianfranco Verona Depuração das aguas residuais provenientes da plantas de tratamento das superficies Gianfranco Verona DESCARTE ZERO NUMA CABINE DE PINTURA SKIMMERFLOT Para o tratamento e a reutilização de águas provenientes

Leia mais

Todos Vivemos a Jusante. We All Live Downstream...

Todos Vivemos a Jusante. We All Live Downstream... Todos Vivemos a Jusante. We All Live Downstream... Tratamento terciário para produção de água de reuso. Sistema modular de ultra-filtração, em containers, com membranas cerâmicas de carbeto de silício.

Leia mais

Willis Latin American Energy Conference

Willis Latin American Energy Conference Willis Latin American Energy Conference Planejamento Financeiro e Gestão de Riscos outubro 2012 Cátia Diniz Gerente Setorial de Seguros Internacionais Estas apresentações podem conter previsões acerca

Leia mais

Práticas e Processos Inovadores em Tratamento de Água e Efluentes, Reuso e Aproveitamento Energético de Lodo e Resíduos Urbanos.

Práticas e Processos Inovadores em Tratamento de Água e Efluentes, Reuso e Aproveitamento Energético de Lodo e Resíduos Urbanos. Práticas e Processos Inovadores em Tratamento de Água e Efluentes, Reuso e Aproveitamento Energético de Lodo e Resíduos Urbanos Junho /2013 Índice ABIMAQ / SINDESAM Desafios Futuros e Tecnologia Futuro

Leia mais

Gerador de nitrogênio. Sistemas de geração de gases, membranas e PSA

Gerador de nitrogênio. Sistemas de geração de gases, membranas e PSA Gerador de nitrogênio Sistemas de geração de gases, membranas e PSA Aplicações de nitrogênio Comidas e bebidas O nitrogênio é um gás ideal para armazenar (fumigação) e transportar alimentos e bebidas.

Leia mais

Tratamento de Água para Abastecimento

Tratamento de Água para Abastecimento Tratamento de Água para Abastecimento Prof. Dr. Jean Carlo Alanis Usos da água As águas são usadas ou consumidas pelo homem de várias maneiras. As águas são classificadas em dois grupos: - consuntivo;

Leia mais

Instalação Fixa. Sistema UV DURON

Instalação Fixa. Sistema UV DURON Instalação Fixa Sistema UV DURON Mais ecológico, mais eficiente... Simplesmente melhor Novas luzes sobre nossas ideias originais A WEDECO é conhecida há quase 40 anos por fornecer soluções eficientes de

Leia mais

Unindo forças por um mesmo objetivo

Unindo forças por um mesmo objetivo Unindo forças por um mesmo objetivo Seguindo o conceito do programa em fomentar iniciativas de coleta e reciclagem, a parceria vai ampliar a atuação do Programa de Reciclagem do Óleo de Fritura (PROL),

Leia mais

UM SISTEMA DE TRATAMENTO DE EFLUENTES DE BAIXO CUSTO

UM SISTEMA DE TRATAMENTO DE EFLUENTES DE BAIXO CUSTO UM SISTEMA DE TRATAMENTO DE EFLUENTES DE BAIXO CUSTO Resumo Até alguns anos atrás, os sistemas anaeróbicos de tratamento de efluentes eram considerados como "caixas pretas", cheios de segredos e truques,

Leia mais

REFERÊNCIAS DE PROJETOS DE RECICLAGEM...8

REFERÊNCIAS DE PROJETOS DE RECICLAGEM...8 Índice EP ENGENHARIA DO PROCESSO...4 NOSSA ESTRUTURA DE PROJETOS E ADMINISTRATIVA...5 ESTRUTURA LABORATORIAL - EP ANALÍTICA...6 LABORATÓRIOS DE ANÁLISES AMBIENTAIS...7 REFERÊNCIAS DE PROJETOS DE RECICLAGEM...8

Leia mais

Iniciativas de Produção Mais Limpa na Indústria de Petróleo e Gás. Daniela Machado Zampollo Lucia de Toledo Camara Neder

Iniciativas de Produção Mais Limpa na Indústria de Petróleo e Gás. Daniela Machado Zampollo Lucia de Toledo Camara Neder Iniciativas de Produção Mais Limpa na Indústria de Petróleo e Gás Daniela Machado Zampollo Lucia de Toledo Camara Neder Sumário A Empresa - Petrobras A Exploração e Produção de Óleo e Gás Gestão Ambiental

Leia mais

JUNTOS COMPROMETIDOS PELA ÁGUA, FONTE DE VIDA

JUNTOS COMPROMETIDOS PELA ÁGUA, FONTE DE VIDA JUNTOS COMPROMETIDOS PELA ÁGUA, FONTE DE VIDA JUNTOS COMPROMETIDOS PELA ÁGUA, FONTE DE VIDA FONTE DE SOLUÇÕES FONTE DE ÊXITO ESPECIALISTAS EM TRATAMENTO DE ÁGUAS 70 ANOS DE EXPERIÊNCIA A Degrémont concebe,

Leia mais

P 10.108.1/09.14. Componentes, Sistemas e assistência para a indústria de papel e celulose.

P 10.108.1/09.14. Componentes, Sistemas e assistência para a indústria de papel e celulose. Componentes, Sistemas e assistência para a indústria de papel e celulose. Problemas com o fluido podem causar elevados custos. Envelhecimento do óleo Água em óleo Nos lhe ajudaremos em achar a solução.

Leia mais

A empresa. A estrutura. A flutrol

A empresa. A estrutura. A flutrol A flutrol A empresa A Flutrol é uma empresa 100% Brasileira e totalmente voltada a produção de soluções avançadas em controle de fluidos. É fabricante de equipamentos para geração de pressão hidráulica

Leia mais

Amboretto Skids. Soluções e manuseio de fluidos para indústria de óleo, gás, papel e água

Amboretto Skids. Soluções e manuseio de fluidos para indústria de óleo, gás, papel e água Soluções e manuseio de fluidos para indústria de óleo, gás, celulose e água 1 Disponível para Locação, Leasing e Cartão Amboretto Skids Soluções e manuseio de fluidos para indústria de óleo, gás, papel

Leia mais

ASTRO 25 SOLUÇÃO DE SISTEMAS TRONCALIZADOS DIGITAIS BASEADOS EM IP VOZ E DADOS INTEGRADOS

ASTRO 25 SOLUÇÃO DE SISTEMAS TRONCALIZADOS DIGITAIS BASEADOS EM IP VOZ E DADOS INTEGRADOS ASTRO 25 SOLUÇÃO DE SISTEMAS TRONCALIZADOS DIGITAIS BASEADOS EM IP VOZ E DADOS INTEGRADOS LÍDER DE MERCADO EM SOLUÇÕES PARA COMUNICAÇÕES A Motorola exerce a liderança em soluções digitais de próxima geração

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE QUÍMICA - IV REGIÃO (SP)

CONSELHO REGIONAL DE QUÍMICA - IV REGIÃO (SP) CONSELHO REGIONAL DE QUÍMICA - IV REGIÃO (SP) Princípios de reúso de água na indústria Ministrante: Química Industrial Ana Elisa S. Caravetti Gerente de projetos especiais da Kurita do Brasil Contatos:

Leia mais

Motores para geração de energia

Motores para geração de energia Motores para geração de energia SCANIA MOTORES PARA GERAÇÃO DE ENERGIA Motores para gerar energia e excelentes resultados. As demandas por segurança, confiabilidade e eficiência na geração de energia crescem

Leia mais

Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014

Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014 1 Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014 O Conselho de Administração aprovou o Plano de Negócios 2010-2014, com investimentos totais de US$ 224 bilhões, representando a média de US$ 44,8 bilhões

Leia mais

Projeto de Conservação e Reuso de Água ELECTROLUX

Projeto de Conservação e Reuso de Água ELECTROLUX Projeto de Conservação e Reuso de Água ELECTROLUX São Carlos, 31 de Janeiro de 2011. PROJETO REUSO DE ÁGUA - ELECTROLUX 1. IDENTIFICAÇÃO DA EMPRESA Razão Social: Electrolux do Brasil S/A Unidade: São Carlos

Leia mais

ESTAÇÃO DE PRODUÇÃO DE ÁGUA DE REÚSO EPAR CAPIVARI II SANASA - CAMPINAS 5º ENCONTRO NACIONAL DE ÁGUAS ABIMAQ SÃO PAULO - SP 14 DE AGOSTO DE 2014

ESTAÇÃO DE PRODUÇÃO DE ÁGUA DE REÚSO EPAR CAPIVARI II SANASA - CAMPINAS 5º ENCONTRO NACIONAL DE ÁGUAS ABIMAQ SÃO PAULO - SP 14 DE AGOSTO DE 2014 ESTAÇÃO DE PRODUÇÃO DE ÁGUA DE REÚSO EPAR CAPIVARI II SANASA - CAMPINAS 5º ENCONTRO NACIONAL DE ÁGUAS ABIMAQ SÃO PAULO - SP 14 DE AGOSTO DE 2014 Objetivos principais do tratamento de esgoto Necessidade...A

Leia mais

1986 2000 2013 VALORES

1986 2000 2013 VALORES HISTÓRIA Motivado pelo espírito empreendedor e acreditando num futuro de oportunidades, em 1986 o fundador da JDF deu início a suas atividades como uma pequena oficina de manutenção de máquinas. No início

Leia mais

1. Informações Institucionais

1. Informações Institucionais 1. Informações Institucionais Nossa Empresa Líder mundial em eventos de negócios e consumo, a Reed Exhibitions atua na criação de contatos, conteúdo e comunidades com o poder de transformar negócios Números

Leia mais

Solução de Marcação e Gravação para Indústria de ÓLEO & GÁS

Solução de Marcação e Gravação para Indústria de ÓLEO & GÁS Solução de Marcação e Gravação para Indústria de ÓLEO & GÁS FABRICAÇÃO INSTALAÇÃO MANUTENÇÃO Áreas de Atuação MARCAR - RASTREAR - IDENTIFICAR Através das marcas: Gravograph, Technifor e Propen, a Gravotech

Leia mais

Tratamento Descentralizado de Efluentes HUBER BioMem

Tratamento Descentralizado de Efluentes HUBER BioMem WASTE WATER Solutions Tratamento Descentralizado de Efluentes HUBER BioMem Solução HUBER para Tratamento Decentralizado de Efluentes Unidades móveis e fixas Uma variedade de opções de reutilização de efluentes

Leia mais

Alimentação de Caldeiras

Alimentação de Caldeiras Tratamento Sustentável para a água de Alimentação de Caldeiras Siemens Ltda Water Technologies 27 outubro 2011 Nossas raízes nasceram na USFilter Page 2 11/2011 Marcelo Batista Nossas raízes nasceram na

Leia mais

Opersan Resíduos Industriais Sociedade Ltda. 3º Prêmio FIESP de Conservação e Reuso de Água

Opersan Resíduos Industriais Sociedade Ltda. 3º Prêmio FIESP de Conservação e Reuso de Água Opersan Resíduos Industriais Sociedade Ltda. 3º Prêmio FIESP de Conservação e Reuso de Água Projeto de Reuso de Água Eng. Juliano Saltorato Fevereiro 2008 1) Identificação da Empresa: Endereço completo

Leia mais

Diretrizes de Sustentabilidade Carelink

Diretrizes de Sustentabilidade Carelink 1 Para a, o que é sustentabilidade? É a forma mais eficaz para alcançarmos resultados consistentes, buscando soluções integradas que envolvam aspectos sociais, tecnológicos, econômicos e ambientais, de

Leia mais

Rexroth 4EE Rexroth para Eficiência Energética

Rexroth 4EE Rexroth para Eficiência Energética Rexroth 4EE Rexroth para Eficiência Energética Procurando reduzir gastos com energia? Por que não aumentar a produtividade ao mesmo tempo? Reduzir os custos operacionais usando a energia com eficiência

Leia mais

8ª Feira da Metalmecânica, Energia e Automação MEC SHOW 2015. Operações da Petrobras no ES: Oportunidades para o Mercado Local

8ª Feira da Metalmecânica, Energia e Automação MEC SHOW 2015. Operações da Petrobras no ES: Oportunidades para o Mercado Local 8ª Feira da Metalmecânica, Energia e Automação MEC SHOW 2015 Operações da Petrobras no ES: Oportunidades para o Mercado Local José Luiz Marcusso Vitória, 28 de Julho de 2015 PRINCIPAIS PROJETOS DE PRODUÇÃO

Leia mais

GE Power & Water Water & Process Technologies. Soluções para água municipal e águas residuais

GE Power & Water Water & Process Technologies. Soluções para água municipal e águas residuais GE Power & Water Water & Process Technologies Soluções para água municipal e águas residuais Há mais de um século, a GE vem oferecendo soluções sustentáveis para ajudar seus clientes em todo o mundo a

Leia mais

People. Passion. Performance.

People. Passion. Performance. People. Passion. Performance. Apresentando Chicago Pneumatic É simples assim. Você tem trabalho a fazer e clientes a atender. A CP está aqui para ajudá-lo a realizar seu trabalho, sem compromisso. Nosso

Leia mais

Sumário. Atendimento e Qualidade em Manuseio, Transporte e Controle de Fluidos. www.amboretto.com.br. Quem Somos?...4. Política de Qualidade...

Sumário. Atendimento e Qualidade em Manuseio, Transporte e Controle de Fluidos. www.amboretto.com.br. Quem Somos?...4. Política de Qualidade... Atendimento e Qualidade em Manuseio, Transporte e Controle de Fluidos. Sumário Quem Somos?...4 Política de Qualidade...5 Amboretto Bombas...6 Amboretto Corporation...8 Centro de Engenharia e Projetos...

Leia mais

Gerenciamento de águas de chuvas e residuais

Gerenciamento de águas de chuvas e residuais Gerenciamento de águas de chuvas e residuais provenientes de hangares, pátios, oficinas e pistas de aeroportos Gerenciamento de águas de medir controlar Análise das necessidades, plane jamento e desenvolvimento

Leia mais

ÍNDICE. Sumário. Apoios. Media Partners. Dados Gerais. Conferência. Expositores. Visitantes. Campanha de Marketing. Mídia Espontânea.

ÍNDICE. Sumário. Apoios. Media Partners. Dados Gerais. Conferência. Expositores. Visitantes. Campanha de Marketing. Mídia Espontânea. ÍNDICE Sumário Apoios Media Partners Dados Gerais Conferência Expositores Visitantes Campanha de Marketing Mídia Espontânea Imagens 2 Sumário O Evento A 7ª Edição da BRASIL OFFSHORE - Feira e Conferência

Leia mais

Operação Unitária de Centrifugação

Operação Unitária de Centrifugação UFPR Setor de Ciências da Saúde Curso de Farmácia Disciplina de Física Industrial Operação Unitária de Centrifugação Prof. Dr. Marco André Cardoso Centrifugação Operação unitária com a principal finalidade

Leia mais

Migração de sistemas antigos. Avançando para um futuro competitivo

Migração de sistemas antigos. Avançando para um futuro competitivo Migração de sistemas antigos Avançando para um futuro competitivo A automação e controle é um dos mais importantes investimentos para garantir o sucesso da manufatura de qualquer indústria. Porém, por

Leia mais

A Indústria de Óleo e Gás

A Indústria de Óleo e Gás A Indústria de Óleo e Gás Mauricio Barbarulo O&G Industry Consultant 26/Maio/2015 Rev 5058-CO900D Copyright 2013 Rockwell Automation, Inc. All Rights Reserved. A Rockwell Automation no Mundo Vendas Anuais

Leia mais

TRATAMENTO DE CHORUME

TRATAMENTO DE CHORUME TRATAMENTO DE CHORUME Com tecnologias de alta performance e custos compatíveis com o mercado brasileiro 6 de Agosto, 2014 Sede do CREA, Rio de Janeiro, Brasil O QUE É CHORUME? Lixiviação de água durante

Leia mais

GE Power & Water Water & Process Technologies. Soluções em água e processamento para o Indústria de Refinaria

GE Power & Water Water & Process Technologies. Soluções em água e processamento para o Indústria de Refinaria GE Power & Water Water & Process Technologies Soluções em água e processamento para o Indústria de Refinaria Maximização dos processos de refino e de produção de combustível Durante mais de 100 anos, a

Leia mais

Innovation in Building Chemicals

Innovation in Building Chemicals Innovation in Building Chemicals MC-Bauchemie Soluções inovadoras em produtos químicos para construção A MC-Bauchemie Brasil, subsidiária do grupo multinacional alemão MC-Bauchemie, possui mais de 50 anos

Leia mais

Hytera Mobilfunk GmbH Soluções de comunição móvel profissionais sob medida

Hytera Mobilfunk GmbH Soluções de comunição móvel profissionais sob medida Hytera Mobilfunk GmbH Soluções de comunição móvel profissionais sob medida www.hytera.de Comprovado mundialmente Sistemas de telefonia móvel Hytera Mobilfunk GmbH oferecem a mais alta flexibilidade e confiança

Leia mais

Confira abaixo alguns dos equipamentos e soluções que a Xylem irá apresentar durante a Fenasan:

Confira abaixo alguns dos equipamentos e soluções que a Xylem irá apresentar durante a Fenasan: Xylem confirma presença na 24ª FENASAN Empresa levará para o evento suas principais soluções para o mercado de tratamento e transporte de água e efluentes A Xylem detentora das marcas Flygt, Godwin, Sanitaire,

Leia mais

6As áreas de abastecimento representam uma possível fonte de poluição ao meio

6As áreas de abastecimento representam uma possível fonte de poluição ao meio ÁREA DE ABASTECIMENTO E ARMAZENAMENTO DE COMBUSTÍVEL 6As áreas de abastecimento representam uma possível fonte de poluição ao meio ambiente e seu manuseio e armazenagem também apresentam considerável grau

Leia mais

SISTEMA DE TRATAMENTO DE ÁGUA DE FULIGEM

SISTEMA DE TRATAMENTO DE ÁGUA DE FULIGEM SISTEMA DE TRATAMENTO DE ÁGUA DE FULIGEM Para atender às regulamentações ambientais de hoje, os gases emitidos por caldeiras que utilizam bagaço de cana e outros tipos de biomassa similares devem, obrigatoriamente,

Leia mais

Regulamento do Prêmio Petrobras SMES - IV Edição

Regulamento do Prêmio Petrobras SMES - IV Edição Regulamento do Prêmio Petrobras SMES - IV Edição A atitude sustentável faz a diferença! 1. Apresentação Ser sustentável é agir a favor da vida, da dignidade humana, da sobrevivência de todos os seres vivos,

Leia mais

PORTFÓLIO DE SERVIÇOS SOLUÇÕES EM AUTOMAÇÃO, VAZÃO E NÍVEL

PORTFÓLIO DE SERVIÇOS SOLUÇÕES EM AUTOMAÇÃO, VAZÃO E NÍVEL PORTFÓLIO DE SERVIÇOS SOLUÇÕES EM AUTOMAÇÃO, VAZÃO E NÍVEL Com experiência consolidada em quase três décadas de atividades no mercado brasileiro, a Hirsa oferece soluções de alta tecnologia e serviços

Leia mais

Desenvolvimento de Fornecedores para o Setor Petróleo e Gás

Desenvolvimento de Fornecedores para o Setor Petróleo e Gás Desenvolvimento de Fornecedores para o Setor Petróleo e Gás Santos Offshore Alfredo Renault Santos, 10 de abril de 2014. Sumário I PERSPECTIVAS E INVESTIMENTOS DO SETOR II A CADEIA DE FORNECEDORES III

Leia mais

Veolia Water Technologies Brasil Fermentec - Engenharia de Processos e Novas Tecnologias

Veolia Water Technologies Brasil Fermentec - Engenharia de Processos e Novas Tecnologias FERMENTAÇÃO COM ALTO TEOR ALCOÓLICO, BIODIGESTÃO E CONCENTRAÇÃO DE VINHAÇA: SOLUÇÃO INTEGRADA PARA A USINA SUSTENTÁVEL E GERAÇÃO DE ENERGIA Veolia Water Technologies Brasil Fermentec - Engenharia de Processos

Leia mais

Sem mágica. Apenas a natureza.

Sem mágica. Apenas a natureza. Cleanit LC para tratamento de água potável Sem mágica. Apenas a natureza. A forma verde de Remoção de cromo (VI) Remoção de arsênio Remoção de fluoreto 2 Tecnologia simples, acessível, flexível e 100%

Leia mais

ETAPAS DE UM TRATAMENTO DE EFLUENTE

ETAPAS DE UM TRATAMENTO DE EFLUENTE ETAPAS DE UM TRATAMENTO DE EFLUENTE O funcionamento de uma Estação de Tratamento de Efluente (ETE) compreende basicamente as seguintes etapas: pré-tratamento (gradeamento e desarenação), tratamento primário

Leia mais

Abaixo pode ver como funciona a maior das 197 ETAs de São Paulo, a de Guaraú, que fica na zona norte da capital e abastece 8,1 milhões de pessoas!

Abaixo pode ver como funciona a maior das 197 ETAs de São Paulo, a de Guaraú, que fica na zona norte da capital e abastece 8,1 milhões de pessoas! A água captada de rios ou represas vem com folhas, peixes, lodo e muitas bactérias. Para chegar às casas limpa e sem cheiro, ela passa cerca de três horas dentro de uma estação de tratamento (ETA), o que

Leia mais

Suzano: atualização e mais qualidade de informações com SAP Business Suite powered by HANA

Suzano: atualização e mais qualidade de informações com SAP Business Suite powered by HANA Suzano: atualização e mais qualidade de informações com SAP Business Suite powered by HANA Geral Executiva Nome da Suzano Papel e Celulose Indústria Papel e celulose Produtos e Serviços Celulose de eucalipto,

Leia mais

MERCADO DE TRATAMENTO DE EFLUENTES INDUSTRIAIS NO BRASIL

MERCADO DE TRATAMENTO DE EFLUENTES INDUSTRIAIS NO BRASIL MERCADO DE TRATAMENTO DE EFLUENTES INDUSTRIAIS NO BRASIL Palavras-chave: Efluentes industriais, tecnologia ambiental, controle de poluição. 1 Introdução O mercado de tecnologias ambientais no Brasil, principalmente

Leia mais

Terceiro nível Quarto nível Quinto nível

Terceiro nível Quarto nível Quinto nível SEMINÁRIO JURÍDICO-FISCAL E WORKSHOP TÉCNICO DA 4 a RODADA DE LICITAÇÕES DA ANP CAPACIDADE Clique para editar NACIONAL os estilos do texto DA mestre CADEIA Segundo DE nível SUPRIMENTO PARA PETRÓLEO E GÁS

Leia mais

Produtos e soluções para estações de bombeamento Maior desempenho, eficiência e confiabilidade da instalação

Produtos e soluções para estações de bombeamento Maior desempenho, eficiência e confiabilidade da instalação Produtos e soluções para estações de bombeamento Maior desempenho, eficiência e confiabilidade da instalação Transportando água para qualquer lugar Um desafio global Quase vinte por cento da energia mundial

Leia mais

ETAPAS DE UM TRATAMENTO DE EFLUENTE

ETAPAS DE UM TRATAMENTO DE EFLUENTE ETAPAS DE UM TRATAMENTO DE EFLUENTE Estação de Tratamento de Efluente (ETE) compreende basicamente as seguintes etapas: Pré-tratamento (gradeamento e desarenação), Tratamento primário (floculação e sedimentação),

Leia mais

CRISE HÍDRICA PLANO DE CONTINGÊNCIA EM SERVIÇOS DE SAÚDE

CRISE HÍDRICA PLANO DE CONTINGÊNCIA EM SERVIÇOS DE SAÚDE CRISE HÍDRICA PLANO DE CONTINGÊNCIA EM SERVIÇOS DE SAÚDE 14/03/2014 Jonas Age Saide Schwartzman Eng. Ambiental Instituições Afiliadas SPDM SPDM Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina OSS

Leia mais

Atlas Copco Brasil Ltda. Soluções em Ar Comprimido Medicinal

Atlas Copco Brasil Ltda. Soluções em Ar Comprimido Medicinal Atlas Copco Brasil Ltda Soluções em Ar Comprimido Medicinal Soluções Globais para Produtividade Sustentável Possuímos uma ampla gama de produtos e serviços para o setor medicinal, tais como: Sistemas completos

Leia mais

Implantação da Refinaria Premium II: desafios e oportunidades

Implantação da Refinaria Premium II: desafios e oportunidades Implantação da Refinaria Premium II: desafios e oportunidades RAIMUNDO LUTIF Gerente Estruturação Negócio Fortaleza Ceará Fortaleza, 13 / setembro/ 2011. 1 AVISO Estas apresentações podem conter previsões

Leia mais

Futuro é já! Universalização só virá com vontade política e enfrentando corporações estatais

Futuro é já! Universalização só virá com vontade política e enfrentando corporações estatais TRATAMENTO E REÚSO: GRANDES EMPRESAS FORNECEM SOLUÇÕES SOB MEDIDA Ano 3 nº 16 Maio/Junho de 2010 R$ 10,00 Ano 2 nº 16 Maio/Junho de 2010 R$ 10,00 Água - Gestão e Sustentabilidade Ranking Balanço de 81

Leia mais

Schaeffler Global Technology Network. Juntos Movemos o Mundo

Schaeffler Global Technology Network. Juntos Movemos o Mundo Schaeffler Global Technology Network Juntos Movemos o Mundo Trabalhando juntos para transformar desafios em oportunidades A globalização abre ilimitadas oportunidades para as empresas, ao mesmo tempo

Leia mais

Odebrecht Mobilidade: mais investimentos em transporte público

Odebrecht Mobilidade: mais investimentos em transporte público nº 345 novembro 2014 Odebrecht Mobilidade: mais investimentos em transporte público Odebrecht 70 anos: histórico e perspectivas em Óleo e Gás Foz Saneatins passa a se chamar Odebrecht Ambiental Saneatins

Leia mais

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento PNQS Inovação da Gestão em Saneamento - IGS

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento PNQS Inovação da Gestão em Saneamento - IGS Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento PNQS Inovação da Gestão em Saneamento - IGS Gestão de Manutenção em Estações de Tratamento de Esgoto Utilização de Novas Tecnologias 2013 1 OC Estrutura Organizacional

Leia mais

COMISSÃO DE INTEGRAÇÃO ENERGÉTICA REGIONAL COMITÊ NACIONAL BRASILEIRO. SOLUÇÕES INTEGRADAS EM ÁGUA E ENERGIA ELÉTRICA Tema 3: Eficiência Energética

COMISSÃO DE INTEGRAÇÃO ENERGÉTICA REGIONAL COMITÊ NACIONAL BRASILEIRO. SOLUÇÕES INTEGRADAS EM ÁGUA E ENERGIA ELÉTRICA Tema 3: Eficiência Energética COMISSÃO DE INTEGRAÇÃO ENERGÉTICA REGIONAL COMITÊ NACIONAL BRASILEIRO V CIERTEC - SEMINÁRIO INTERNACIONAL SOBRE GESTÃO DE PERDAS, EFICIENTIZAÇÃO ENERGÉTICA E PROTEÇÃO DA RECEITA NO SETOR ELÉTRICO Área

Leia mais

RELATÓRIO DE MISSÃO INTERNACIONAL À ALEMANHA

RELATÓRIO DE MISSÃO INTERNACIONAL À ALEMANHA RELATÓRIO DE MISSÃO INTERNACIONAL À ALEMANHA Participantes: Dr. Roberto Simões, presidente do CDN (Conselho Deliberativo Nacional) e Dr. Carlos Alberto dos Santos, Diretor Técnico do Sebrae Nacional. Objetivo:

Leia mais

Inteligência Tecnológica na Petrobras

Inteligência Tecnológica na Petrobras Inteligência Tecnológica na Petrobras Maio/2012 CENPES/GTEC/EST Informações Institucionais Sistema Tecnológico Petrobras Processos de Gestão da Tecnologia Monitoração e Prospecção Tecnológica Informações

Leia mais

DESIGN E TECNOLOGIA ITALIANA PARA IMPULSIONAR O SEU ESTALEIRO

DESIGN E TECNOLOGIA ITALIANA PARA IMPULSIONAR O SEU ESTALEIRO DESIGN E TECNOLOGIA ITALIANA PARA IMPULSIONAR O SEU ESTALEIRO MAIS DE 40 ANOS DE EXPERIÊNCIA SEMPRE BUSCAMOS NOVOS CAMINHOS NOSSOS PRODUTOS E SERVIÇOS Buscamos constantemente novas formas e soluções, utilizando

Leia mais

I. INTRODUÇÃO III. MATERIAL E MÉTODOS. A. Amostras Utilizadas no Processo de Conversão a Baixa Temperatura

I. INTRODUÇÃO III. MATERIAL E MÉTODOS. A. Amostras Utilizadas no Processo de Conversão a Baixa Temperatura Geração de Energia Elétrica a partir de Combustível Inovador Proveniente da Conversão a Baixa Temperatura de Biomassas e Resíduos e Análise de Desempenho em Motores R.G. Pereira 1 ; G. A. Romeiro 2 ; R.

Leia mais

Miracema-Nuodex: SAP Business All-in-One proporciona maior visibilidade de negócios para a companhia

Miracema-Nuodex: SAP Business All-in-One proporciona maior visibilidade de negócios para a companhia Picture Credit Customer Name, City, State/Country. Used with permission. Miracema-Nuodex: SAP Business All-in-One proporciona maior visibilidade de negócios para a companhia Geral Executiva Nome da Miracema-Nuodex

Leia mais

Uso Sustentável e Conservação de Água na Indústria de Bebidas AmBev Filial Jaguariúna

Uso Sustentável e Conservação de Água na Indústria de Bebidas AmBev Filial Jaguariúna Uso Sustentável e Conservação de Água na Indústria de Bebidas AmBev Filial Jaguariúna Miguel Borduque (1) Geólogo - cgmbo@ambev.com.br (12) 3954-3343 Fax + 55 (019) 3954 3286 Marcio Roberto Maran (2) Gerente

Leia mais

Tecnologias em tratamentos de água, esgoto e lodos como forças motivadoras para acelerar a universalização do Saneamento no Brasil

Tecnologias em tratamentos de água, esgoto e lodos como forças motivadoras para acelerar a universalização do Saneamento no Brasil Tecnologias em tratamentos de água, esgoto e lodos como forças motivadoras para acelerar a universalização do Saneamento no Brasil Palestrante: Valdir Folgosi Dez/2010 Índice Abimaq / Sindesam Tecnologias

Leia mais

OPORTUNIDADES DE NEGÓCIO OUTUBRO

OPORTUNIDADES DE NEGÓCIO OUTUBRO OPORTUNIDADES DE NEGÓCIO OUTUBRO Envie-nos um e-mail para EEN-Portugal@aip.pt a solicitar informação detalhada, indicando o código de Referência Nacional. Referência DE-2015-305 CZ-2015-306 Retalhista

Leia mais

Encadeamento Produtivo entre Grandes e Pequenas Empresas. Recife, 19 de outubro de 2012

Encadeamento Produtivo entre Grandes e Pequenas Empresas. Recife, 19 de outubro de 2012 Encadeamento Produtivo entre Grandes e Pequenas Empresas Recife, 19 de outubro de 2012 Programa Vínculos Pernambuco (PVPE) Objetivo Geral Contribuir para geração de vínculos de negócios sustentáveis entre

Leia mais

A Pall é líder mundial em tecnologias de purificação de fluidos para o setor de geração de energia.

A Pall é líder mundial em tecnologias de purificação de fluidos para o setor de geração de energia. A Pall é líder mundial em tecnologias de purificação de fluidos para o setor de geração de energia. A avançada ciência de filtração e separação e a alta qualidade de fabricação da Pall são aplicadas em

Leia mais

- Projeto & Concepção - Solicitação de Acesso - Venda de Equipamentos - Instalação - Conexão com Distribuidora. Campinas

- Projeto & Concepção - Solicitação de Acesso - Venda de Equipamentos - Instalação - Conexão com Distribuidora. Campinas A Blue Sol Energia Solar visa disseminar a tecnologia fotovoltaica e o conhecimento sobre os temas no Brasil promovendo, portanto, uma fonte limpa, renovável e inesgotável de energia, alinhada com a crescente

Leia mais

REUSO DE ÁGUA A PARTIR DE EFLUENTE TRATADO TÉCNICAS E INOVAÇÕES

REUSO DE ÁGUA A PARTIR DE EFLUENTE TRATADO TÉCNICAS E INOVAÇÕES REUSO DE ÁGUA A PARTIR DE EFLUENTE TRATADO TÉCNICAS E INOVAÇÕES OBTER ÁGUA DE REUSO DE BOA QUALIDADE COMEÇA POR UM SISTEMA TRATAMENTO DE ESGOTOS DE ALTA PERFORMANCE TRATAMENTO PRIMÁRIO: CONSISTE NA SEPARAÇÃO

Leia mais

Reunião Pública com Analistas e Investidores 2011. Relações com Investidores

Reunião Pública com Analistas e Investidores 2011. Relações com Investidores Reunião Pública com Analistas e Investidores 2011 Relações com Investidores A Tenaris Sobre a Tenaris Líder global na produção de tubos de aço e serviços para a indústria energética, automotiva e aplicações

Leia mais

*Silvia Benedetti Edna Regina Amante Luis Fernando Wentz Brum Luis Carlos de Oliveira Jr. São Paulo 2009

*Silvia Benedetti Edna Regina Amante Luis Fernando Wentz Brum Luis Carlos de Oliveira Jr. São Paulo 2009 Universidade Federal de Santa Catarina Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Alimentos REAPROVEITAMENTO DE ÁGUA DE PROCESSO E RESÍDUOS DE INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS *Silvia Benedetti Edna Regina Amante

Leia mais

REUSO PLANEJADO DA ÁGUA: UMA QUESTÃO DE INTELIGÊNCIA...

REUSO PLANEJADO DA ÁGUA: UMA QUESTÃO DE INTELIGÊNCIA... REUSO ÁGUA: INTELIGÊNCIA... PLANEJADO DA UMA QUESTÃO DE CONSUMO DE ÁGUA doméstico Indústria Agricultura 18,60% 8,00% 22,40% 22,00% 59,00% 70,00% Brasil Mundo Consumo mundial = 3.240 km 3 / ano Consumo

Leia mais

Reunião Técnica Plano de Segurança da Água. 23 de novembro de 2010 - OPAS

Reunião Técnica Plano de Segurança da Água. 23 de novembro de 2010 - OPAS Reunião Técnica Plano de Segurança da Água 23 de novembro de 2010 - OPAS Introdução Qualidade da água e saneamento inadequados provocam 1,8 milhão de mortes infantis a cada ano no mundo (OMS, 2004), o

Leia mais

Sistema para Gerenciamento de

Sistema para Gerenciamento de Sistema para Gerenciamento de Dosagem Getinge 2 Sistema para Gerenciamento de Dosagem Getinge Sistema para Gerenciamento de Dosagem Getinge (CMS) UM PROCESSO APRIMORADO, UMA SOLUÇÃO ÚNICA A Getinge pode

Leia mais

Banco de Boas Práticas Ambientais: Cases de. Antônio Malard FEAM 09/06/2015

Banco de Boas Práticas Ambientais: Cases de. Antônio Malard FEAM 09/06/2015 Banco de Boas Práticas Ambientais: Cases de Reuso de Água Antônio Malard FEAM 09/06/2015 Sumário Legislações de Reuso; Consumo de Água na Indústria; Experiências de Sucesso: Banco de Boas Práticas Ambientais;

Leia mais

Princípio de Funcionamento dos Filtros do Ar

Princípio de Funcionamento dos Filtros do Ar MÓDULO 3 Sistema de Alimentação do Ar Após passar por um filtro do ar que é responsável pela eliminação das impurezas contidas no ar ambiente, o ar é aspirado pelo motor através de seus êmbolos. Figura

Leia mais

Padrões de Lançamento de Efluentes na Resolução CONAMA 357/05. A questão do Boro na Água Produzida de Petróleo

Padrões de Lançamento de Efluentes na Resolução CONAMA 357/05. A questão do Boro na Água Produzida de Petróleo Padrões de Lançamento de Efluentes na Resolução CONAMA 357/05 A questão do Boro na Água Produzida de Petróleo Arcabouço Legal Federal: As resoluções CONAMA 357/05 e 397/08 Água Produzida de Petróleo O

Leia mais

UNIDADE OFFSHORE TECHINT - UOT TECNOLOGIA COM CONTEÚDO LOCAL COMPETITIVO

UNIDADE OFFSHORE TECHINT - UOT TECNOLOGIA COM CONTEÚDO LOCAL COMPETITIVO UNIDADE OFFSHORE TECHINT - UOT TECNOLOGIA COM CONTEÚDO LOCAL COMPETITIVO 1 2 _ 22.000 COLABORADORES _ 70.000 KM DE DUTOS (18 DOS QUAIS CRUZAM A CORDILHEIRA DOS ANDES) _ 450 PLANTAS DE PROCESSAMENTO DE

Leia mais

Dossiê de Apresentação PLAORC

Dossiê de Apresentação PLAORC 2010 Dossiê de Apresentação PLAORC Portfolio de Serviços de Planejamento e Orçamento PLAORC Consultoria e Planejamento +55 (0XX24) 33407664 plaorc@plaorc.com.br PLAORC Serviço de Consultoria e Planejamento

Leia mais

A Empresa. utilizados em seus equipamentos.

A Empresa. utilizados em seus equipamentos. Grupos Geradores A Empresa Desde sua fundação em 1940, a Heimer tem se dedicado com sucesso à fabricação de Grupos Geradores de Energia, Grupos de Solda, Quadros de Comando, Motobombas e Alternadores.

Leia mais

Projeto e Engenharia de Aplicação

Projeto e Engenharia de Aplicação Introdução A IMPSA é uma empresa de mais de um século de existência dedicada a fornecer soluções integradas para a geração de energia elétrica a partir de recursos renováveis, como também a fabricação

Leia mais