O Futuro da Aposentadoria A importância da família

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O Futuro da Aposentadoria A importância da família"

Transcrição

1 O Futuro da Aposentadoria A importância da família

2 Relatório Global Índice Introdução do autor 4 A pesquisa 5 Conclusões básicas 6 Parte Um: 9 Como a vida familiar influencia a atitudes em relação à aposentadoria uma época de felicidade ou de solidão Parte Dois: 13 Responsabilidade financeira entre os sexos diferença de gênero no modo como as famílias planejam suas finanças Parte Três: 22 Planejamento financeiro familiar lacunas na rede de segurança financeira da família Parte Quatro: 30 Atitudes diante do risco a necessidade de mudar os apetites de risco da família O que as famílias podem fazer para 37 se preparar melhor para o futuro 2 O Futuro da Aposentadoria

3 3 O Futuro da Aposentadoria

4 Introdução do Autor Muitas necessidades financeiras são determinadas por eventos essenciais da vida - como casar-se e ter filhos e, como a família é parte central desses eventos, é importante considerá-la na construção de um quadro das necessidades financeiras de longo prazo de um indivíduo. Ao planejar a aposentadoria, as pessoas não estarão simplesmente visando gerar uma renda de aposentadoria que suporte seus estilos de vida; também precisarão considerar as necessidades de seus esposos. Outras responsabilidades financeiras podem surgir mais tarde na vida como ajudar os filhos a financiar sua mensalidade de universidade ou primeira casa, ou auxiliar pais idosos com o custo de cuidados de longo prazo. Os consultores financeiros quase sempre pedem às pessoas que pensem sobre sua renda com base na família, refletindo o fato de que muitas famílias têm pelo menos duas fontes de renda e podem contar com mais de uma renda para manter o estilo de vida da família e seus hábitos de poupar. Os cenários abaixo ilustram alguns dos modos pelos quais as pessoas geralmente não percebem como as necessidades financeiras mais amplas da família podem ter impacto sobre seu planejamento financeiro pessoal: Se os homens casados preferem comprar anuidades individuais ao entrarem na aposentadoria, estas políticas apenas garantirão renda até sua própria morte, arriscando colocar suas viúvas em situação difícil mais tarde. A evidência no Reino Unido sugere que algumas mulheres chegam à pobreza em idade avançada principalmente por causa da escolha que seu esposo fez do produto de anuidade quando se aposentaram. Se as famílias não conseguirem proteger sua renda, especialmente quando há filhos dependentes, há o perigo de se exporem a eventos imprevistos como doença grave do provedor da família. Este cenário pode significar famílias tendo que fazer retiradas da poupança para aposentadoria anos antes de alcançarem a idade de se aposentar Os pais que não têm um seguro para a saúde de seus filhos expõem a família inteira a riscos financeiros adicionais, já que o problema de saúde de um filho pode impedir que o provedor da família possa ir trabalhar, o que não apenas reduzirá a renda da família mas também a sua capacidade de poupar no longo prazo Os pais que não tomam atitudes no sentido de planejar sua situação fiscal podem minar sua aspiração de deixar uma herança a seus filhos e netos, expondo seu imóvel a obrigações fiscais desnecessárias sobre a herança. As conclusões da Parte 3 apresentam a ampla dificuldade de assumir até o planejamento mais básico da herança, como escrever um testamento Fazer com que as famílias criem uma ampla rede de segurança abrangendo poupança, investimentos e proteção, com orientação financeira profissional e planejamento fiscal, deve ser um aspecto fundamental de como planejarmos para o futuro. Mark Twigg Diretor, Cicero Consulting 4 O Futuro da Aposentadoria

5 A Pesquisa O programa O Futuro da Aposentadoria do HSBC é um importante estudo independente sobre as tendências globais em aposentadoria. Fornece opiniões fundamentadas sobre assuntos essenciais ligados ao envelhecimento das populações e aumento da expectativa de vida ao redor do mundo. Desde que o programa O Futuro da Aposentadoria iniciou em 2005, mais de pessoas já foram pesquisadas ao redor do mundo. Este relatório, A importância da família, é um relatório complementar ao relatório principal de 2011, o Poder do planejamento, o sexto da série O Futuro da Aposentadoria series. Ambos destacam conclusões de uma pesquisa com mais de pessoas em 17 países: Argentina Canadá França Índia México Arábia Saudita Coreia do Sul Emirados Árabes Unidos Estados Unidos Brasil China Hong Kong Malásia Polônia Cingapura Taiwan Reino Unido O relatório pesquisou lançadores de tendências financeiras em idade produtiva (principalmente entre 30 e 60 anos de idade) que tendem a ter estudado mais em média, moram em áreas urbanas e tem maior acesso à internet. Os que vivem em economias emergentes tendem a compartilhar as mesmas atitudes e comportamentos que os que vivem no mundo desenvolvido, inclusive atitudes em relação ao planejamento da aposentadoria. A pesquisa foi feita online em dezembro de 2010 e alguns dados foram coletados tanto de famílias como de indivíduos. Neste relatório, olhamos para importantes diferenças no modo como as pessoas planejam a aposentadoria, dentro de diferentes tipos de famílias. Em especial, examinamos a lacuna de gênero entre homens e mulheres no modo como planejam sua aposentadoria e como esta lacuna pode ser influenciada pela chegada de filhos e as diferenças nos padrões de trabalho. Uma conclusão primordial é que a unidade familiar permanece central ao redor do mundo quanto a como, e se, as pessoas estão assumindo o planejamento financeiro par a aposentadoria. O relatório é divido em quatro seções. A Parte 1 analisa como as diferentes estruturas familiares, padrões de trabalho e diferenças de gênero influenciam as atitudes em relação à aposentadoria e as aspirações das pessoas para sua vida mais tarde. A Parte 2 registra como a responsabilidade por assuntos financeiros está dividida nas famílias, e a necessidade das mulheres se envolverem mais na tomada de decisão compartilhada. A Parte 3 tem o foco na rede de segurança da família e demonstra como muitas famílias estão deixando de planejar adequadamente para as eventualidades. A Parte 4 considera os apetites de risco dos respondentes e revela em geral altos níveis de aversão a risco de investimento, especialmente entre mulheres. 5 O Futuro da Aposentadoria

6 Conclusões Os filhos tornam as aposentadorias felizes No mundo todo, a vida em família tem um papel central na experiência feliz da aposentadoria. Homens com esposas e filhos são os que mais tendem (38%) a ver a aposentadoria como uma época de felicidade, ao passo que apenas 27% das mulheres solteiras sem filhos pensam assim. Por outro lado, quase 1 em cada 4 (22%) mulheres solteiras sem filhos associam a aposentadoria a estar sozinhas o grupo com maior probabilidade de pensar assim Esta forte relação entre pai e filho é mais pronunciada entre mulheres co-habitantes, 64% das quais querem morar próximo a seus filhos e netos, e 60% das quais querem deixar patrimônio a seus filhos quando morrerem Contudo, o impacto dos filhos nas aspirações de aposentadoria não é sentido universalmente ao redor do mundo. Enquanto as pessoas na Ásia são muito mais positivas na sua visão da aposentadoria em comparação aos respondentes do Ocidente, a presença de filhos não é a fonte do otimismo Números equivalentes de pais e não-pais em países asiáticos associam a aposentadoria à felicidade, em comparação à Europa e América do Norte, onde os pais têm uma visão mais positiva da aposentadoria, tendendo mais a associá-la à felicidade e menos à solidão Os respondentes na Europa e América do Norte são também os que menos tendem a querer passar sua vida de aposentados com seus filhos adultos. Apenas 3% dos americanos aspiram a isso. Em países como a China e a Índia, amplas minorias de respondentes (25% e 32% respectivamente) gostariam de passar sua vida de aposentados com seus filhos ou outros membros da família Para nossa surpresa, ainda que muitas culturas associem o envelhecer à sabedoria, apenas 25% dos respondentes ao redor do mundo geralmente associam sabedoria a aposentadoria. Contudo, os pais tendem mais a achar isso (35%) 6 O Futuro da Aposentadoria

7 Os homens assumem a dianteira nas decisões financeiras da família Graves lacunas nos planos financeiros familiares 65% dos homens disseram que tomam todas ou a maior parte das decisões da casa sem nenhuma opinião dos demais, comparados a apenas 53% das mulheres que disseram ser a única pessoa a tomar decisões Esta grande lacuna de gênero na tomada de decisão financeira é aparente em todas as faixas etárias. Quando se trata de poupar para a aposentadoria, os homens tendem mais a exercer a responsabilidade solitária na tomada de decisões. As mulheres precisam se envolver mais com suas aposentadorias, compartilhando o planejamento de longo prazo, para que não percam A única área onde as mulheres tendem a tomar decisões individuais na casa é o orçamento. Mesmo aqui, a lacuna de gênero desaparece entre os que estão em seus trinta anos de idade, e homens mais jovens têm mais interesse neste aspecto do planejamento financeiro do que homens mais velhos Significativamente, as mulheres tendem muito mais a parar de trabalhar em tempo integral quando têm filhos (47%), comparada a apenas 1 em cada 6 (15%) homens. O início da paternidade reduz o papel das mulheres no local de trabalho, e também reduz seu papel nas decisões financeiras na casa. Ao considerarmos a tomada de decisão financeira, a maior lacuna de gênero é entre homens e mulheres que têm filhos Existe uma grande lacuna de gênero no planejamento financeiro: apenas 44% das mulheres declararam que tinham um plano financeiro vigente para seu futuro ou da sua família, comparadas a 54% dos homens As pessoas casadas planejam mais com antecedência e vivem uma lacuna menor de gênero ao se considerar quem exerce a responsabilidade financeira 55% das mulheres casadas e 62% dos homens casados fizeram um plano financeiro Entre os 50% de nossa pesquisa que têm planos financeiros, há grandes lacunas na provisão financeira da casa; alguns deixam de agir nas necessidades financeiras geradas por eventos da vida e desencadeadores É preocupante ver que a aceitação do seguro de vida não é muito maior entre os que têm filhos: 34% dos que têm filhos tinham seguro de vida, comparados aos 30% dos que não tem. 37% dos que estão na faixa dos 50 anos e disseram que já tem um plano financeiro não tinham poupança para aposentadoria como parte de seus planos Apesar das necessidades financeiras mudarem ao longo da vida, 60% dos respondentes nunca buscaram consultoria financeira profissional, apoiando-se exclusivamente em seu próprio conhecimento ou no de amigos ou familiares 7 O Futuro da Aposentadoria

8 Pouca compreensão do risco do investimento A maioria das famílias tem uma atitude predominantemente avessa a riscos, e tendem mais a renunciar aos benefícios de investimento de longo prazo em favor da segurança do curto prazo. Esta visão é especialmente proeminente entre mulheres dos países ocidentais 44% das famílias fazem uso dos depósitos em dinheiro para financiar a aposentadoria, comparados a apenas 22% que fazem uso de fundos mútuos e investimentos. Isso sugere uma discrepância no modo como as famílias alocam seu patrimônio entre produtos financeiros de curto prazo e necessidade financeiras de longo prazo Esta discrepância pode ser explicada em parte pela crise financeira global, que abalou a confiança em investimentos de longo prazo. Ente os que acreditam que estarão piores que seus pais na aposentadoria, 38% disseram que isso se devia à crise global, que reduziu o valor de seus investimentos e poupança Ainda assim, apenas 13% dos homens e 18% das mulheres pensava que investir em ações e participações era extremamente arriscado. É animador constatar que a maioria de nossos respondentes reconhece que não planejar nada financeiramente com antecedência também é extremamente arriscado: 18% dos homens e 25% das mulheres acreditam que não ter um fundo de aposentadoria é extremamente arriscado O que as famílias podem fazer A partir das conclusões da pesquisa, há quatro ações que as famílias podem adotar para melhorar seu bem estar financeiro futuro: 1. Compartilhe a tomada de decisões. É importante que o planejamento financeiro familiar seja compartilhado e que se considere a unidade da família e as necessidades financeiras em potencial dos esposos, filhos e demais parentes dependentes. 2. Revise planos financeiros à luz dos grandes eventos da vida. O planejamento financeiro não pode ser estático. Eventos familiares como nascimentos, mortes e casamentos agem como disparadores do início ou da revisão dos esquemas financeiros da família. 3. Verifique o sentido de suas decisões com um consultor financeiro profissional. Mesmo quando os planos existem, podem conter lacunas. Buscar orientação profissional pode ajudar a identificar e preencher lacunas que venham a surgir. 4. Adote uma abordagem equilibrada da gestão do risco de investimento. As famílias devem equilibrar a necessidade de proteger seus investimentos no curto e médio prazos com a necessidade de gerar renda de aposentadoria no longo prazo 8 O Futuro da Aposentadoria

9 Parte Um Como a vida em família influencia as atitudes em relação à aposentadoria Uma época de felicidade ou de solidão 9 O Futuro da Aposentadoria

10 Nesta seção, procuramos explorar as percepções de diferentes grupos demográficos e observar como suas atitudes variam segundo diferentes tipos de família e estado civil. Pedimos às pessoas que escolhessem entre uma gama de fatores que associavam à aposentadoria. Estes fatores abrangiam associações positivas como liberdade, felicidade e sabedoria, e associações negativas como solidão, saúde frágil e dificuldade financeira. Descobrimos que é uma combinação de trabalho e vida familiar que ajuda a explicar as associações positivas ou negativas com a aposentadoria. O impacto dos padrões de trabalho As pessoas em empregos de período integral têm uma visão mais positiva da aposentadoria. Não surpreende que sejam menos preocupadas com dificuldade financeira na terceira idade, já que têm níveis de renda mais altos. Trabalhadores de meio-período, contudo, recebem apenas 79% da média de salário dos trabalhadores em período integral e esperam ficar ainda mais atrás, com ganhos esperados de apenas 69% dos trabalhadores em período integral no momento em que atingirem a idade de se aposentar. Isto significa que, para os que trabalham meio-período, a capacidade de sustentar um hábito de poupança em seu próprio direito fica restrita. Dada a concentração de mulheres em trabalho de meio-período, isto ajuda a explicar a razão de continuarem a acumular níveis mais baixos de poupança e experimentar menos acesso aos ativos de pensão privada. Quando olhamos para os grupos que esperam que a aposentadoria lhes traga felicidade, os resultados confirmam amplamente que os que estão mais seguros em seu trabalho e vida familiar tendem mais a ver a aposentadoria como uma experiência feliz: Homens em empregos de período integral (38%) e homens casados com filhos (também 38%) estão entre os que tendem mais a associar a terceira idade à felicidade É surpreendente que o grupo que ficou no topo com 42% tenha sido o das viúvas com filhos. Ainda que este grupo tenha experimentado o trauma da perda de um esposo, seus filhos representam um fator importante que os ajuda a se manterem positivos sobre a aposentadoria. Ao contrário, apenas 27% das viúvas sem filhos pensam que a aposentadoria lhe trará felicidade A importância dos filhos Ser feliz na aposentadoria, portanto, não é apenas ter dinheiro suficiente para viver. A vida familiar e, em especial, a presença dos filhos também faz uma clara diferença na noção de bem estar e se estão ou não ansiosos pela terceira idade. Olhando para as conclusões globais como um todo, os que não têm filhos tendem mais a fazer associações negativas com a aposentadoria, como a solidão. Praticamente 1 em cada 4 (22%) mulheres solteiras sem filhos associaram aposentadoria à solidão. Este número subiu para mais de um terço (35%) das viúvas sem filhos Estes números se comparam ao 1 em cada 6 (17%) homens casados com filhos e 1 em cada 7 (14%) homens co-habitantes com filhos No entanto, este impacto positivo da paternidade não é universal. Tende a ser encontrado mais entre os respondentes em países onde os aposentados tendem a ser mais economicamente dependentes de seus filhos, como a Europa, América do Norte e do Sul. Por exemplo, apenas um pequeno número de pessoas nessas regiões (3% deles no Reino Unido e nos EUA) desejava viver com seus filhos ou outros membros da família quando atingissem a aposentadoria 10 O Futuro da Aposentadoria

11 Este quadro contrasta agudamente com o Oriente Médio e a Ásia, onde a unidade da família tem um papel forte na provisão de uma rede de segurança na idade avançada. Por exemplo: Um terço (32%) dos indianos acham que irão viver com parentes durante a terceira idade (10 vezes mais que nos EUA e no Reino Unido) 85% acharam que o sistema de família conjunta (onde filhos, pais e avós vivem todos sob o mesmo teto) permanecerá muito importante na sociedade indiana Contudo, viver com a família estendida na aposentadoria (possivelmente por ser sustentado na dependência e necessidade financeira e não por escolha) não faz uma pessoa mais feliz. Em países como a China e a Índia que, na verdade, estão muito bem classificadas em termos de associações positivas com a aposentadoria, descobrimos que os pais não tendiam mais que os que não tinham filhos a associar aposentadoria a felicidade. Na realidade, em alguns países, eram os que não tinham filhos que tendiam a ansiar por uma aposentadoria feliz. Na Índia, os pais tendem mais a associar aposentadoria com dificuldade financeira do que os sem filhos. Então, enquanto as pessoas nesses países costumam ser muito positivas quanto à sua perspectiva de aposentadoria, a paternidade não é a fonte deste otimismo. A importância do estado civil O estado civil também tem um papel importante na visão das pessoas sobre a aposentadoria. Os casados geralmente tendem mais a ver a aposentadoria de modo positivo do que os co-habitantes ou solteiros. Os co-habitantes tendem visivelmente menos a ver a aposentadoria de forma positiva. Estar casado traz um senso maior de segurança financeira de longo prazo. Por exemplo: 44% das mães co-habitantes estavam especialmente preocupadas com o potencial de dificuldade financeira na aposentadoria, comparadas a 34% das mães casadas 29% dos casados com filhos esperam estar levemente ou muito pior que seus próprios pais na aposentadoria. Este número aumenta para 45% de co-habitantes que têm filhos Mantendo os laços familiares na aposentadoria 60% de todos os respondentes disseram que ter uma família e amigos amorosos ao seu redor era extremamente importante na aposentadoria. Como já vimos, em países como a Índia, isso se estende a grande minorias que desejam morar com seus filhos quando atingirem a terceira idade. Entre os vários tipos diferentes de famílias, descobrimos ser mais importante para mulheres do que para homens, confirmando que a importância do papel da mulher como dona de casa continua, mesmo numa época em que mais mulheres estejam entrando no mundo do emprego remunerado. 11 O Futuro da Aposentadoria

12 Figura 1: Felicidade, solidão, casamento e aposentadoria P. Quais dos elementos a seguir você associaria à aposentadoria? Felicidade Solidão % Solteiros Casados Co-habit. Base: Todos os respondentes, várias respostas possíveis. A importância da família e do gênero na formação da visão das pessoas sobre aposentadoria é revelada de outros modos e, novamente, diferenças fundamentais de gênero ficam aparentes. As mulheres tendem muito mais que os homens a dizer que morar perto de seus filhos e netos é uma prioridade para elas. Também tendem mais a querer deixar patrimônio a seus filhos. Em ambos os casos, isto é especialmente verdade sobre mulheres co-habitantes. Tabela 1: As mães aspiram mais a moram perto de seus filhos e lhes deixar patrimônio P. As pessoas têm prioridades pessoais diferentes na vida. Qual a importância dos elementos a seguir para você? R. Muito importante para mim. Casados Co-habit Casados Co-habit Casados Co-habit Morar perto de meus filhos ou netos Deixaro patrimônio aos meus filhos quando eu morrer Base: Respondentes que afirmaram ser Muito importante para mim Estas aspirações de família formatam o modo como as pessoas esquematizam suas vidas na aposentadoria, onde escolhem morar, como escolhem gastar seu patrimônio acumulado e se escolhem deixar o patrimônio à geração mais nova. 12 O Futuro da Aposentadoria

13 Parte Dois Responsabilidade financeira entre os sexos Diferenças de gênero no modo como as famílias planejam suas finanças 13 O Futuro da Aposentadoria

14 Nesta seção, analisamos as diferenças entre homens e mulheres e como assumem o planejamento financeiro, e examinamos se há diferenças sobre quem exerce a responsabilidade financeira em casa. Pode ser interessante assumir a dianteira na pesquisa ou na ação, mas as decisões devem ser discutidas e tomadas conjuntamente e com base em informação. Contudo, no momento, muitas pessoas especialmente homens afirmam exercer responsabilidade individual pelas decisões financeiras da família. É claro que homens e mulheres se comportam de modo diferente, e os homens são mais pró-ativos na gestão da maioria das áreas das finanças familiares. Contudo, há algumas diferenças geográficas importantes. Os países do Leste Asiático como a China, Taiwan e Coreia apresentam a maior igualdade entre os gêneros no planejamento da aposentadoria. Figura 2: A tomada de decisão sobre a aposentadoria varia muito segundo o gênero ao redor do mundo P. Quem em sal casa tende mais a assumir a responsabilidade pela tomada de decisões sobre poupança e aposentadoria? R. Tendo a assumir responsabilidade individual meu esposo/parceiro deixa tudo comigo. 60 Homens Mulheres % UK USA Canada France Poland Argentina South Korea Mexico Singapore Taiwan Global Brazil Hong Kong Malaysia China UAE Saudi Arabia India Base: Todos os respondentes são casados, co-habit. ou casados novamente. Ao serem perguntadas sobre quem estava envolvido no preparo ou revisão dos planos financeiros, as mulheres afirmaram se sentir incluídas nas tomadas de decisão conjuntas da família sobre as finanças, ao passo que os homens afirmaram tomas as decisões financeiras importantes sozinhos. É uma visão interessante sobre as percepções de como as decisões financeiras são tomadas, e levanta perguntas sobre o grau de envolvimento das mulheres. Na Figura 3, mais homens do que mulheres dizem que tomam a maioria das decisões financeiras na família. 14 O Futuro da Aposentadoria

15 Figura 3: Os homens tendem mais a agir sozinhos na tomada de decisões financeiras P. Quando se trata de decisões sobre assuntos financeiros, como você se descreveria? Homens Mulheres % Tomo todas ou a maioria das decisões financeiras na minha família Participo conjuntamente das decisões financeiras com outras pessoas na minha família Base: Todos os respondentes casados, co-habitantes ou casados novamente. 65% dos homens disseram tomar todas ou a maioria das decisões financeiras da casa sem nenhuma opinião dos demais, e apenas 53% das mulheres disseram tomar as decisões sozinhas. 15 O Futuro da Aposentadoria

16 Observando os tipos de decisões financeiras a serem tomadas, os homens dizem exercer maior responsabilidade individual do que as mulheres sobre quase todas as decisões tomadas na casa. As maiores lacunas na responsabilidade financeira estão nas áreas onde a divisão tradicional de gênero é maior. Por exemplo: 47% dos homens afirma assumir sozinhos a responsabilidade por pagar pelo carro da família, comparados a apenas 19% das mulheres uma lacuna de gênero de 28%. As mulheres tendem mais a colocar o foco na gestão do orçamento doméstico: 37% das mulheres assumem a responsabilidade individual, comparadas a 34% dos homens. Esta era a única área no planejamento financeiro onde as mulheres disseram tender mais a assumir a responsabilidade individual. Figura 4: Os homens tomam a dianteira na tomada de decisão em relação à maioria dos aspectos do planejamento financeiro P. Quem em sua casa tende a assumir a responsabilidade pelas decisões sobre poupança para aposentadoria? R: Eu tendo mais a assumir a responsabilidade individual meu esposo/parceiro deixa tudo comigo. Pagar pelo carro da família/manutenção Reembolso da hipoteca/custo do aluguel Poupar em outros investimentos de longo prazo Poupar para os filhos Homens Mulheres Poupar para a aposentadoria Pagar seguro saúde ou de vida Fazer poupança de curto prazo Reembolso de contas de cartão de crédito ou empréstimo bancário Despesas médicas pessoais Gestão do orçamento doméstico % Base: Os respondentes casados ou co-habitantes. No entanto, algumas dessas diferenças de gênero são maiores entre mulheres na faixa dos cinqüenta anos que cresceram numa época em que as divisões de gênero dentro da família e no local de trabalho eram mais difundidas. Entre homens a mulheres mais jovens, diferentes padrões de comportamento financeiro e responsabilidades surgiram por exemplo, enquanto é comum que mulheres mais velhas façam a gestão do orçamento doméstico, vemos agora que homens na faixa dos trinta anos estão tão envolvidos quanto as mulheres da mesma faixa etária (ver Figura 5). 16 O Futuro da Aposentadoria

17 Figura 5: Diminuição da lacuna de gênero no cuidado com o orçamento doméstico, à medida que homens mais jovens compartilham a responsabilidade P. Quem em sua família tende mais a assumir a responsabilidade individual pela tomada de decisões sobre a gestão do orçamento doméstico? R. Tendo a assumir mais a responsabilidade individual meu esposo/companheiro deixa tudo comigo Homens Mulheres % anos de idade anos de idade anos de idade Base: Todos os respondentes casados, co-habitantes ou casados novamente. 17 O Futuro da Aposentadoria

18 Contudo, nas áreas onde os homens têm tido tradicionalmente um papel financeiro mais importante na família fundamentalmente na área de poupança para a aposentadoria não vemos um estreitamento da lacuna de gênero. Mesmo entre os que estão na faixa de trinta anos de idade, descobrimos que os homens (38%) apreciam tomar a dianteira em relação às mulheres (24%) quando se trata de tomar decisões individuais sobre poupança para aposentadoria. Figura 6: A lacuna entre os gêneros em relação à poupança continua, deixando as mulheres potencialmente expostas à dificuldade financeira mais tarde na vida. P. Quem em sua família tende mais a assumir a responsabilidade individual pela tomada de decisões sobre poupança para a aposentadoria? Q. Tendo mais a assumir a responsabilidade individual meu esposo/companheiro deixa tudo comigo Homens 35 Mulheres % anos de idade anos de idade anos de idade Base: Todos os respondentes casados, co-habitantes ou casados novamente. Isso mostra que a divisão de gênero continua, na qual as mulheres ainda são as mais preocupadas com a gestão das decisões de curto prazo, que podem ter impacto sobre a prosperidade na aposentadoria. Fatores externos como as tendências de empregamento contribuem dessa forma: Praticamente metade (47%) das mulheres casadas pararam de trabalhar AM algum momento para ter filhos. Isso se compara a 1 em cada 6 (15%) homens As mulheres tendem mais (53%) a citar a insegurança no trabalho como razão para não ansiarem pela aposentadoria Mulheres que trabalham meio período (61%) são as que tendem mais a ver o bom planejamento financeiro como extremamente importante para se conquistar uma boa aposentadoria, mais que qualquer outro grupo de trabalhadores Mulheres que trabalham meio período estão entre os que mais tendem (30%) a achar que não darão conta das finanças quando se aposentarem 18 O Futuro da Aposentadoria

19 O impacto de vida de trabalho sobre a tomada de decisão financeira em casa Os padrões de empregamento fazem uma enorme diferença sobre quem toma as decisões financeiras em casa. O principal provedor da família quase sempre se vê tomando as decisões financeiras mais importantes. Mesmo numa época de igualdade maior entre os gêneros, isto ainda tem implicações significativas para as mulheres, já que cerca de 65% de trabalhadores de tempo integral são homens e 63% de trabalhadores de meio período são mulheres: Trabalhadores de período integral tendem menos a compartilhar decisões financeiras em casa do que trabalhadores de meio período 66% dos trabalhadores de período integral dizem tomar as decisões sobre finanças domésticas por conta própria. Isto cai para 51% entre os trabalhadores de meio período e apenas 47% entre as mulheres que trabalham meio período O fato das mulheres tenderem mais a empregos de meio período reflete a crescente opção de mulheres em muitos países de contrabalançar o emprego remunerado com os cuidados com os filhos. Quando as mulheres se tornam mães, exercem menos influência individual sobre a tomada de decisão financeira. Equilibrar vida profissional e pessoal tem um impacto negativo sobre o potencial de ganho das mulheres, mas este impacto não é visto da mesma maneira pelos homens que trabalham e têm famílias. 66% dos homens em empregos de período integral exercem a responsabilidade individual pela tomada de decisão financeira. O quadro para homens com filhos é exatamente o mesmo (66%), refletindo o fato de que a maioria dos homens permanece em empregos e período integral após a paternidade 59% das mulheres trabalhando em período integral afirmam exercer responsabilidade individual pela tomada de decisão financeira, mas este número cai para apenas 43% entre as mulheres com filhos, que tendem mais a optar por meio período ou deixar o mercado de trabalho completamente À medida que os padrões de trabalho evoluem para acomodar o nascimento dos filhos, as mulheres se veem nem funções menos significativas como provedoras da casa se tornam também menos envolvidas na tomada de decisão financeira. Ao se tornarem pais, os casais devem procurar tomar conjuntamente as decisões sobre planejamento financeiro, uma vez que toda e qualquer decisão terá um impacto sobre o bem estar financeiro de ambos os indivíduos mais tarde na vida, independentemente de quem esteja ganhando a renda da família. 19 O Futuro da Aposentadoria

20 Diferença de gênero no modo como as pessoas tomam decisões financeiras As conclusões da pesquisa nos EUA mostram uma preferência pela atitude do faça-você-mesmo quanto ao planejamento financeiro entre adultos. Contudo, nossa conclusões sugerem que esta abordagem auto-dirigida é mais comum entre homens quando estão considerando produtos financeiros como poupança, investimentos e seguro: Os homens se sentem mais capazes de adotar uma abordagem do tipo faça-você-mesmo para o planejamento financeiro, e ficam mais confortáveis baseando-se em websites ou em seus próprios instintos. Fazem seus próprios cálculos (46% contra 42% para as mulheres) e tendem mais a pesquisar na internet (36% contra 32% para as mulheres) As mulheres tendem mais a buscar orientação de outra pessoa seja um membro da família, um amigo ou um consultor. 51% das mulheres disseram que conversam com família e amigos, comparadas a 42% dos homens O fato dos homens se apoiarem mais na internet para ajudá-los a tomar decisões financeiras reflete o uso geralmente mais intenso da internet entre os homens. Também reflete o fato de que os homens se sentem mais sofisticados financeiramente ao tomar decisões sem a consulta a especialistas. Enquanto apenas um quarto dos homens (26%) descreveu como básico o seu nível de experiência na gestão das finanças, o quadro para as mulheres foi um terço (32%). Os homens tendem 50% a mais que as mulheres a classificar seu conhecimento financeiro como de especialista. As mulheres podem estar perdendo a oportunidade de usar a internet para aperfeiçoar seu conhecimento financeiro. Evidências das pesquisas nos EUA mostram como a mídia digital pode promover novas habilidades. Por exemplo, mais da metade dos adultos nos EUA agora busca informações sobre sua saúde na internet. Nossa própria pesquisa mostra como em meio à Geração X (entre 30 e 40 anos de idade) a internet está ajudando a promover um compromisso financeiro maior. Isso é especialmente verdadeiro nos mercados emergentes da Ásia. 20 O Futuro da Aposentadoria

21 Figura 7: Os homens se sentem financeiramente mais sofisticados que as mulheres P. Como você descreveria seu nível de experiência com a gestão de suas finanças? Homens 20 Mulheres % Básico Moderado Especialista Desinteressado Base: Todos os respondentes. Figura 8: Os homens tomam a dianteira no planejamento financeiro baseado na internet P. Ao considerar produtos financeiros como poupança, investimentos e seguro, quais das seguintes atividades o ajudam a tomar decisões? Fazer meus próprios cálculos financeiros Falar com família e amigos Pesquisa online de websites oficiais Ler artigos na mídia Buscar um consultor financeiro profissional Buscar orientação do meu banco Pesquisa informa online (como fóruns de discussão, salas de bate papo, boletins informativos e blogs) Buscar orientação de um advogado tributarista Responde a materiais de propaganda (inclusive TV, rádio, jornal, revistas, etc.) Buscar orientação de um contador Outro Homens Mulheres Base: Todos os respondentes % 21 O Futuro da Aposentadoria

22 Parte Três Planejamento financeiro doméstico Lacunas na rede de segurança financeira da família 22 O Futuro da Aposentadoria

23 Conseguir fazer a gestão da renda familiar e construir ativos financeiros de longo prazo, protegendo-se contra riscos financeiros ao longo da vida, será fundamental ao bem estar de todos os cidadãos no século 21. Nesta seção, olhamos para os planos financeiros das famílias e quais necessidades tendem a ser as menos atendidas. Começamos investigando o perfil de quem afirma ter um plano financeiro vigente. Apenas 50% dos respondentes dizem ter um plano financeiro vigente para seu futuro ou de sua família. Mesmo aqui, vemos uma lacuna de gênero: 54% dos homens têm um plano financeiro comparados a apenas 44% das mulheres Os casados planejam com antecedência em números muito maiores, e experimentam poucas lacunas de gênero quando consideramos quem exerce responsabilidade financeira 55% das mulheres casadas e 62% dos homens casados têm um plano financeiro Mais apoio é necessário, seja de programas de governo para melhorar a educação financeira,seja através de acesso melhor a orientação profissional para incentivar as mulheres, inclusive as mães que trabalham, para que tenham uma planejamento financeiro. Por exemplo, numa iniciativa inovadora no Reino Unido, parteiras foram inscritas pelo órgão regulador de serviços financeiros para divulgar informações de planejamento financeiro destinadas aos novos pais. v Isto pode ser amplamente explicado pelos padrões de emprego, em que as mães que trabalham tendem a fazê-lo em meio período (e que tendem menos a ter um plano) comparadas aos pais que trabalham e que tendem mais a trabalhar em empregos de período integral 23 O Futuro da Aposentadoria

24 Figura 9: Os homens tendem mais que as mulheres a ter um planejamento financeiro P. Você tem um plano financeiro para o seu futuro e o de sua família? Homens Mulheres Sim Não Sim Não Base: Todos os respondentes. Figura 10: Os homens tendem mais que as mulheres a fazer um planejamento financeiro após o início da paternidade P. Você tem um plano financeiro para o seu futuro e o de sua família? Homens casados com filhos Mulheres casadas com filhos Sim Não Sim Não Base: Todos os respondentes. 24 O Futuro da Aposentadoria

25 Figura 11: O planejamento financeiro também é afetado pelos padrões de empregamento P. Você tem um plano financeiro para o seu futuro e o de sua família? Período integral Meio período 44% 56% 58% 42% Sim Não Sim Não Base: Todos os respondentes. 25 O Futuro da Aposentadoria

26 Além dessas variações nas responsabilidades financeiras, também há lacunas significativas nos conteúdos dos planos financeiros domésticos. A figura 12 ilustra esquematicamente como os indivíduos acumulam patrimônio durante suas vidas adultas. Após começar a trabalhar no início da vida adulta, a renda e o patrimônio de uma pessoa crescerão bem até os seus cinqüenta anos de idade e possivelmente além, dependendo de quando se aposentarem e começarem a fazer retiradas da poupança e dos investimentos. A forma exata da curva variará nos países e nas famílias, dependendo de uma gama de fatores como os padrões no emprego e na propriedade da casa, vida familiar, tendências de aposentadoria e expectativa de vida. Figura 12: As lacunas nos planos financeiros domésticos Paternidade 73% dos pais não têm seguro de vida Pico de ativo 60% de quem tem entre 50 e 59 anos não estão economizando para a aposentadoria Meia aposentadoria Apenas 15% de quem tem entre 50 e 59 anos estão fazendo planejamento fiscal Vida de casados/co-habitantes Apenas 21% de quem tem entre 40 e 49 anos estão protegendo seus ativos Aposentadoria plena 69% dos pais não fizeram um testamento Início do trabalho Três quartos (77%) de quem tem entre 30 e 39 não têm poupança de curto prazo Poupança Consumo Pré-aposentadoria Consumo Consumo Pós-aposentadoria Consumo Trabalho Aposentadoria A figura 12 mostra respostas de 50% dos pesquisados que afirmaram ter um plano financeiro para seu futuro e o de suas famílias. Mas, apesar desses planos, podemos ver como ao longo da vida adulta há lacunas significativas no planejamento financeiro que as pessoas estão adotando. Quase metade (47%) dos que têm planos financeiros não está poupando para a aposentadoria e este índice permanece alto até mesmo entre os que estão em idade de pré-aposentadoria imediata (37% de 50 a 59 anos de idade). 26 O Futuro da Aposentadoria

27 Figura 13: Apenas metade dos planos financeiros tem poupança de aposentadoria e seguro de vida, mesmo entre os que estão quase se aposentando. P. Quais dos elementos a seguir seu planejamento de aposentadoria inclui? 70 Poupança de aposentadoria 63 Seguro de vida % anos de idade anos de idade anos de idade Base: Todos os respondentes com um plano financeiro, várias respostas possíveis. Além da lacuna na poupança para aposentadoria, há outras lacunas nos planos financeiros domésticos que podem ter impacto sobre seu bem estar econômico. Outra conclusão fundamental é a presença de uma grande lacuna de proteção, evidente em todos os 17 países pesquisados (ver Figura 14). O fato de que números altos de famílias não estão poupando no curto prazo nem adotando a proteção de um seguro de vida (ver Figura 12) está expondo muito as famílias a imprevistos. Todas as pessoas em idade produtiva com filhos dependentes têm uma necessidade genuína de proteção através do seguro. O seguro de vida está amplamente disponível na maioria dos mercados, mas deixar de fazê-lo poderia resultar no esposo sobrevivente ter que gastar as economias antes de atingir a idade para se aposentar. Desta perspectiva, proteger os ativos financeiros a família durante a vida produtiva dos pais deve ser visto como uma parte importante do planejamento da aposentadoria. 27 O Futuro da Aposentadoria

28 Figura 14: O déficit de proteção por seguro de vida entre os pais P. Quais dos seguintes tipos de produtos de seguro você e seu parceiro têm atualmente? Q. Cobertura individual de seguro de vida % UK USA Canada France Poland Argentina South Korea Mexico Singapore Taiwan Global Brazil Hong Kong Malaysia China UAE Saudi Arabia India Base: Todos os países com seguro de vida individual. Muitas famílias negligenciam a lacuna da proteção, e um grande número de pais com filhos dependentes deixa de incluir a proteção em seus planos financeiros. Menos da metade dos pais tinha seguro individual em 14 dos 17 países pesquisados. Apenas a Índia, Coreia do Sul e Taiwan ficaram acima dos 50% de famílias com um seguro de vida. Os riscos de não se ter seguro são pouco compreendidos pelos pais. Apenas 55% dos pais com planos financeiros têm algum tipo de seguro de vida contido. Isto se compara a 52% dos que não tinham filhos. Foi surpreendente constatar que não havia praticamente nenhuma diferença na penetração do seguro de vida em famílias com ou sem filhos. Conforme mostra a Figura 15, cerca de 1 em cada 5 (22%) pessoas com filhos considerou o fato de não ter seguro de vida como extremamente arriscado. É aproximadamente a mesma proporção (21%) que entre pessoas sem filhos. Um número insuficiente de pais reconhece os crescentes riscos financeiros que enfrentam. 28 O Futuro da Aposentadoria

29 Figura 15: O risco de não agir P. Como você classificaria as atividades a seguir segundo o risco? Classificação: extremamente arriscada A. Não ter seguro de vida % Média Sem filhos Com filhos Com 1 filho Com 2 filhos Com 3 filhos Base: Todos os respondentes. 29 O Futuro da Aposentadoria

30 Parte Quatro Atitudes diante do risco A necessidade de mudar os apetites de risco da família 30 O Futuro da Aposentadoria

31 Investir em longo prazo envolve trocar risco por recompensa. Nesta seção, compartilhamos nossas conclusões sobre atitudes diante do risco financeiro, inclusive como os riscos do investimento financeiro são entendidos e quais diferenças de gênero existem e podem prejudicar as mulheres. Os homens e as mulheres apresentam atitudes muito diferentes quando se trata de fazer um investimento de longo prazo. Apenas um em cada quatro homens (25%) se considera um investidor conservador, mas isto sobre para dois quintos (39%) de mulheres. A China é o único país na pesquisa onde as mulheres têm um apetite de risco maior do que os homens: em todos os demais países, as mulheres parecem ser mais avessas a risco. Esta lacuna é maior na França onde quase dois terços (59%) de mulheres comparadas a dois quintos (40%) de homens disseram ser avessas a risco e que portanto aceitariam ter retornos de investimento menores para não perder nada do seu investimento. Também há uma divisão entre o Oriente e o Ocidente, com números maiores de famílias com aversão a risco em mercados desenvolvidos como a França, o Canadá, os EUA e o Reino Unidos. Uma razão pela qual as famílias em mercados emergentes como a China e a Índia tem uma tolerância maior a risco podem estar ligada à inflação: como têm que negociar com níveis mais altos de inflação (geralmente ao redor de 6-8% ao ano), precisam buscar retornos maiores para poder proteger o valor real da poupança e investimentos. vi 31 O Futuro da Aposentadoria

32 Figura 16: As mulheres tendem mais a sacrificar os retornos para proteger seu investimento P. Quando se trata de investir, quais dos elementos a seguir descrevem melhor sua tolerância a risco? Q. Conservador. Não quero perder dinheiro, e percebo que não terei um grande retorno. Homens Mulheres % UK USA Canada France Poland Argentina South Korea Mexico Singapore Taiwan Global Brazil Hong Kong Malaysia China UAE Saudi Arabia India Base: Todos os respondentes. No mundo todo, 31% dos respondentes se consideram conservadores e sua abordagem cautelosa pode estar limitando o potencial de crescimento da poupança no longo prazo. Isto pode ser visto quando observamos como as pessoas estão poupando atualmente para sua aposentadoria. As contas de poupança em dinheiro provaram ser a forma mais popular de ativos de aposentadoria, ainda que outros investimentos tenham gerado melhores retornos de longo prazo 44% das pessoas dizem que estão usando as contas de poupança para ajudar a financiar sua aposentadoria Apenas 22% disseram que estavam usando fundos mútuos e investimentos Outros 11% estavam usando esquemas de ações e participações Esta preferência por opções mais seguras de investimento era esperada, dadas as condições predominantes no mercado de investimentos desde a crise financeira de 2007: 38% dos que acreditam que estarão em pior situação que a geração de seus pais o disseram por que a crise financeira global reduziu o valor de seus investimentos e poupança. 32 O Futuro da Aposentadoria

33 Abordar as percepções de risco das pessoas é importante por uma série de razões: Geralmente, o conceito de risco é pouco compreendido por exemplo, voar de avião é visto como tão arriscado quanto atravessar uma estrada, ainda que muito mais pessoas sejam feridas ou mortas (por quilômetro viajado) nas estradas todo ano. O modo como as pessoas conceituam os riscos ao seu redor reflete medos irracionais em vez de experiência real. Quando pedimos às pessoas que classificassem várias atividades (financeiras ou não) numa escala de risco de 1 a 10 desde coisas como poupar e investir no longo prazo, até dirigir sem usar o cinto de segurança estas atividades pareceram ser as mais arriscadas em relação àquelas geralmente sujeitas às campanhas de conscientização do público como beber x dirigir, fumar ou dirigir sem usar o cinto de segurança. As mulheres consistentemente classificaram todas as atividades como mais arriscadas do que os homens. Então, não apenas as mulheres tendem menos a aceitar risco (ver Figura 16), mas também tendem a ver todas as atividade como sendo mais arriscadas, o que em parte explica porque as mulheres são menos pró-ativas em assumir a responsabilidade pela gestão das finanças de longo prazo. Isto se reflete nas opções de poupança e investimentos das mulheres que tendem a investir mais em poupança a dinheiro do que os homens. Enquanto mais homens que mulheres dizem poupar par a aposentadoria em fundos mútuos e investimentos (24% dos homens comparados a 18% das mulheres), descobrimos que mais mulheres do que homens (44% das mulheres comparadas a 43% dos homens) dizem poupar para a aposentadoria através de contas de poupança a dinheiro. 33 O Futuro da Aposentadoria

34 Mudar os apetites de risco da família envolve educação financeira e finanças comportamentais O sucesso das campanhas de conscientização do público está incentivando as famílias a evitar certos riscos (como dirigir sem o cinto de segurança) está claro. Ainda que os riscos associados às numerosas campanhas de segurança nas estradas não fossem amplamente aceitos pelos motoristas no início, padrões comportamentais mudaram com o tempo dado o investimento considerável nas campanhas de comunicação. Isto também pode se aplicar aos esforços para incentivar as pessoas a fazer investimentos de longo prazo. Incentivar as famílias a aceitarem um grau maior de risco no investimento de longo prazo é o maior desafio. Parte deste desafio pode ser abordada através de uma educação financeira melhor, que ajude a todos a compreender melhor o risco e a recompensa. Elevar o nível de sofisticação e educação financeira tem sido amplamente reconhecido como um grande objetivo de política pública em muitos países. vii Baixos níveis de educação financeira levam a conseqüências negativas para os indivíduos (como a poupança insuficiente ou opções inapropriadas de produtos) bem como à economia como um todo (como mercados financeiros menos eficientes). viii Os esforços para educar melhor as pessoas deveriam, portanto, ter um papel mais importante na transmissão do patrimônio com o tempo. Contudo, estas iniciativas frequentemente não alcançam a importância da vida familiar no auxílio à compreensão dos assuntos financeiros. Uma pesquisa conduzida no EUA em 2010 revelou que quanto se trata de aprender sobre finanças pessoais, o lar é a fonte mais citado para educação financeira pessoal: 41% dos adultos dizem que aprenderam a maior parte de suas finanças pessoais com os pais ou em casa. Apenas 6% citou a escola. ix Este processo de aprendizado com base no lar pode ser aperfeiçoado através de consultoria financeira profissional e ferramentas de planejamento financeiro. Também precisamos considerar aspectos comportamentais como um acadêmico comentou, a psicologia, não o conhecimento, pode ser o principal motor do que as pessoas realmente fazem. x Como mostram nossas conclusões, entre os que não têm um plano financeiro vigente, apenas 23% identificaram a falta de consciência financeira como a razão para isso. Há mais razões psicológicas embutidas para as pessoas não pouparem para a aposentadoria. A criação de esquemas de inscrição automática em países como a Nova Zelândia e os EUA é um novo caminho para superar essas barreiras. 34 O Futuro da Aposentadoria

35 Enquanto o risco de investir no longo prazo pode ser uma preocupação importante para algumas famílias, e em especial às mulheres, também está claro que muitas pessoas estão preocupadas com o risco de não agir. Enquanto 15% de todos os respondentes achavam que investir em ações e participações era extremamente arriscado, 21% achavam que não ter um fundo privado de aposentadoria era extremamente arriscado. O medo de não agir é maior nas mulheres. Enquanto um em cada 6 (18%) dos homens achava que não ter um fundo de aposentadoria era extremamente arriscado, o quadro era de uma a cada quatro mulheres (25%). Respostas similares foram dadas ao se perguntar sobre não ter seguro de vida ou seguro de viagem. Tabela 2: O risco maior de não agir P. Como você classificaria as atividades a seguir quanto ao risco? Classificação. Extremamente arriscadas Homens % Mulheres % Todos % Investir em ações Não ter um fundo privado de aposentadoria Sair em férias sem seguro de viagem Não ter seguro de vida Base: Todos os respondentes. Aproveitar o medo de não agir de modo positivo, oferecendo consultoria financeira ou soluções e através de campanhas de comunicação seria uma contribuição valorosa ao aumento das provisões financeiras da família. 35 O Futuro da Aposentadoria

O Futuro da Aposentadoria Escolhas para o amanhã. Relatório do Brasil

O Futuro da Aposentadoria Escolhas para o amanhã. Relatório do Brasil O Futuro da Aposentadoria Escolhas para o amanhã Relatório do Brasil A pesquisa O Futuro da Aposentadoria é uma pesquisa independente de referência mundial sobre tendências globais de aposentadoria realizada

Leia mais

Investimento para Mulheres

Investimento para Mulheres Investimento para Mulheres Sophia Mind A Sophia Mind Pesquisa e Inteligência de Mercado é a empresa do grupo de comunicação feminina Bolsa de Mulher voltada para pesquisa e inteligência de mercado. Cem

Leia mais

Como esta nova geração está mudando o setor de finanças. Brasil Julho de 2015

Como esta nova geração está mudando o setor de finanças. Brasil Julho de 2015 Conquistando Millennials: Como esta nova geração está mudando o setor de finanças Brasil Julho de 2015 1 Metodologia PESQUISA GLOBAL AMOSTRA GLOBAL CRITÉRIOS RESULTADOS DO BRASIL Pesquisa online de 20

Leia mais

Resultados da Pesquisa global de opinião dos investidores 2012

Resultados da Pesquisa global de opinião dos investidores 2012 Resultados da Pesquisa global de opinião dos investidores 2012 A economia global é complexa e dinâmica, e isso pode gerar otimismo e ansiedade nos investidores. A pesquisa global de opinião dos investidores

Leia mais

Saúde e produtividade: um olhar sobre o cenário brasileiro. Cesar Lopes Líder de Saúde e Benefícios em Grupo, Towers Watson

Saúde e produtividade: um olhar sobre o cenário brasileiro. Cesar Lopes Líder de Saúde e Benefícios em Grupo, Towers Watson Saúde e produtividade: o valor de uma força de trabalho saudável para o sucesso nos negócios Saúde e produtividade: um olhar sobre o cenário brasileiro Cesar Lopes Líder de Saúde e Benefícios em Grupo,

Leia mais

O Valor da Educação. Trampolim para o Sucesso. Relatório do Brasil

O Valor da Educação. Trampolim para o Sucesso. Relatório do Brasil O Valor da Educação Trampolim para o Sucesso Relatório do Brasil Conteúdo Prefácio do HSBC Principais conclusões Sumário executivo Parte 1: O papel da educação Parte 2: Preparação para uma educação de

Leia mais

O Futuro da Aposentadoria. Uma nova realidade. Relatório Brasil

O Futuro da Aposentadoria. Uma nova realidade. Relatório Brasil O Futuro da Aposentadoria Uma nova realidade Relatório Brasil Sumário Prefácio 3 4 5 6 9 12 17 Prefácio por HSBC Introdução Principais conclusões Parte Um: Obtendo a aposentadoria que você deseja y Esperanças

Leia mais

Orçamento Use o Dinheiro com Sabedoria

Orçamento Use o Dinheiro com Sabedoria Orçamento Use o Dinheiro com Sabedoria Use o Dinheiro com Sabedoria Serasa Experian e Educação Financeira O Programa Serasa Experian de Educação Financeira Sonhos Reais é uma iniciativa que alia o conhecimento

Leia mais

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 2: Como Poupar

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 2: Como Poupar Educação Financeira Crédito Consignado Módulo 2: Como Poupar Objetivo Dar dicas importantes para que nossos clientes consigam ter uma poupança e vivam com mais segurança e tranquilidade O conteúdo deste

Leia mais

Tema: O que, como, quando e quanto compra é o que precisamos entender. tomada de decisão do jovem na hora da compra.

Tema: O que, como, quando e quanto compra é o que precisamos entender. tomada de decisão do jovem na hora da compra. Radar Jovem 2015 Tema: Já sabemos que o jovem é um dos consumidores que mais possui poder aquisitivo do país*. O que, como, quando e quanto compra é o que precisamos entender agora. Nesse estudo iremos

Leia mais

Perfil de investimentos

Perfil de investimentos Perfil de investimentos O Fundo de Pensão OABPrev-SP é uma entidade comprometida com a satisfação dos participantes, respeitando seus direitos e sempre buscando soluções que atendam aos seus interesses.

Leia mais

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey Executivos em todos os níveis consideram que a sustentabilidade tem um papel comercial importante. Porém, quando se trata

Leia mais

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 3: Gerenciamento de dívidas

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 3: Gerenciamento de dívidas Educação Financeira Crédito Consignado Módulo 3: Gerenciamento de dívidas Objetivo Auxiliar no gerenciamento de dívidas e de como quitá-las, conscientizando as pessoas da importância em diminui-las e de

Leia mais

Recupere a saúde financeira e. garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015

Recupere a saúde financeira e. garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015 Recupere a saúde financeira e garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015 Objetivo geral Disseminar conhecimento financeiro e previdenciário dentro e fora da SP-PREVCOM buscando contribuir

Leia mais

BANRIDICAS FINANCEIRAS. A sua cartilha sobre Educação Financeira

BANRIDICAS FINANCEIRAS. A sua cartilha sobre Educação Financeira BANRIDICAS FINANCEIRAS A sua cartilha sobre Educação Financeira Planejando seu orçamento Traçar planos e colocar tudo na ponta do lápis - não é tarefa fácil, mas também não é impossível. O planejamento

Leia mais

CARTILHA EDUCAÇÃO FINANCEIRA

CARTILHA EDUCAÇÃO FINANCEIRA CARTILHA EDUCAÇÃO FINANCEIRA ÍNDICE PLANEJANDO SEU ORÇAMENTO Página 2 CRÉDITO Página 12 CRÉDITO RESPONSÁVEL Página 16 A EDUCAÇÃO FINANCEIRA E SEUS FILHOS Página 18 PLANEJANDO SEU ORÇAMENTO O planejamento

Leia mais

O QUE É PRECISO PARA SER UM GRANDE LÍDER

O QUE É PRECISO PARA SER UM GRANDE LÍDER LIDERANÇA O QUE É PRECISO PARA SER UM GRANDE LÍDER Roselinde Torres foco na pessoa 6 Por Roselinde Torres O que é preciso para ser um grande líder hoje? Muitos de nós temos a imagem de um líder como um

Leia mais

Planejamento Financeiro

Planejamento Financeiro Maio 2009 ... O Brasil é onde mais pessoas se preocupam com o futuro e onde menos se faz poupança Pesquisa realizada em 12 países, pelo Principal Financial Group (03/2004) ... Famílias se endividam mais

Leia mais

COMO INVESTIR PARA GANHAR DINHEIRO

COMO INVESTIR PARA GANHAR DINHEIRO COMO INVESTIR PARA GANHAR DINHEIRO Por que ler este livro? Você já escutou histórias de pessoas que ganharam muito dinheiro investindo, seja em imóveis ou na Bolsa de Valores? Após ter escutado todas essas

Leia mais

DO PLANO DE CONTRIBUIÇÃO DEFINIDA

DO PLANO DE CONTRIBUIÇÃO DEFINIDA GUIA PARA A ESCOLHA DO PERFIL DE INVESTIMENTO DO PLANO DE CONTRIBUIÇÃO DEFINIDA Caro Participante: Preparamos para você um guia contendo conceitos básicos sobre investimentos, feito para ajudá-lo a escolher

Leia mais

Família e dinheiro. Quer saber mais sobre como usar melhor o seu dinheiro? Todos juntos ganham mais

Família e dinheiro. Quer saber mais sobre como usar melhor o seu dinheiro? Todos juntos ganham mais 1016327-7 - set/2012 Quer saber mais sobre como usar melhor o seu dinheiro? No site www.itau.com.br/usoconsciente, você encontra vídeos, testes e informações para uma gestão financeira eficiente. Acesse

Leia mais

Guia do uso consciente do crédito. O crédito está aí para melhorar sua vida, é só se planejar que ele não vai faltar.

Guia do uso consciente do crédito. O crédito está aí para melhorar sua vida, é só se planejar que ele não vai faltar. Guia do uso consciente do crédito O crédito está aí para melhorar sua vida, é só se planejar que ele não vai faltar. Afinal, o que é crédito? O crédito é o meio que permite a compra de mercadorias, serviços

Leia mais

TOTAL DE RESPONDENTES: 698 entrevistados. DATA DE REALIZAÇÃO: 30 de maio e 01 de junho, nas ruas do centro do Rio de Janeiro.

TOTAL DE RESPONDENTES: 698 entrevistados. DATA DE REALIZAÇÃO: 30 de maio e 01 de junho, nas ruas do centro do Rio de Janeiro. Enquete Um estudo feito por matemáticos da Universidade de Vermont, nos Estados Unidos, mostrou que o dia preferido pelas pessoas é o domingo. Os pesquisadores analisaram 2,4 milhões de mensagens pela

Leia mais

Mensagem do Administrador

Mensagem do Administrador Educação Financeira Índice 1. Mensagem do administrador... 01 2. O Cartão de crédito... 02 3. Conhecendo sua fatura... 03 4. Até quanto gastar com seu cartão... 07 5. Educação financeira... 08 6. Dicas

Leia mais

W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R

W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R 8 PASSOS PARA INVESTIR EM AÇÕES SEM SER UM ESPECIALISTA W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R Aviso Importante O autor não tem nenhum vínculo com as pessoas, instituições financeiras e produtos, citados,

Leia mais

Termos e Condições para opção pelos Novos Perfis de Investimentos

Termos e Condições para opção pelos Novos Perfis de Investimentos Termos e Condições para opção pelos Novos Perfis de Investimentos Conforme aprovado pelo Conselho Deliberativo em reunião realizada em 4 de abril de 2011 a São Bernardo implementará em 1º de julho de 2011

Leia mais

Assunto Investimentos femininos

Assunto Investimentos femininos Assunto Investimentos femininos SOPHIA MIND A Sophia Mind Pesquisa e Inteligência de Mercado é a empresa do grupo de comunicação feminina Bolsa de Mulher voltada para pesquisa e inteligência de mercado.

Leia mais

Gestão de Finanças Pessoais Nome do Palestrante

Gestão de Finanças Pessoais Nome do Palestrante Gestão de Finanças Pessoais Nome do Palestrante Como nos relacionamos com o dinheiro? O que é dinheiro? Como nos relacionamos com o dinheiro? O que o dinheiro significa para você? Sonhos Sonhos não se

Leia mais

Apresentação dos convidados e do moderador. Como vai a vida. O que está acontecendo de bom e de ruim.

Apresentação dos convidados e do moderador. Como vai a vida. O que está acontecendo de bom e de ruim. PESQUISA SEGUROS ROTEIRO 1. Abertura da reunião Apresentação dos convidados e do moderador 2. Aquecimento Como vai a vida. O que está acontecendo de bom e de ruim. Está dando para viver? 3. Valores (espontâneo)

Leia mais

Como Eu Começo meu A3?

Como Eu Começo meu A3? Como Eu Começo meu A3? David Verble O pensamento A3 é um pensamento lento. Você está tendo problemas para começar seu A3? Quando ministro treinamentos sobre o pensamento, criação e uso do A3, este assunto

Leia mais

Nos próximos. 30 minutos. 1 Objetivos 2 Metodologia 3 Perfil do Consumidor 4 Processo de Decisão 5 Conclusões

Nos próximos. 30 minutos. 1 Objetivos 2 Metodologia 3 Perfil do Consumidor 4 Processo de Decisão 5 Conclusões Nos próximos 30 minutos 1 Objetivos 2 Metodologia 3 Perfil do Consumidor 4 Processo de Decisão 5 Conclusões Objetivos do estudo Buscando melhor entender a demanda e relevância da internet no processo de

Leia mais

1. Você escolhe a pessoa errada porque você espera que ela mude após o casamento.

1. Você escolhe a pessoa errada porque você espera que ela mude após o casamento. 10 Maneiras de se Casar com a Pessoa Errada O amor cego não é uma forma de escolher um parceiro. Veja algumas ferramentas práticas para manter os seus olhos bem abertos. por Rabino Dov Heller, Mestre em

Leia mais

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA Indicadores CNI RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA Previdência 20 Maioria dos brasileiros apoia mudanças na previdência Sete em cada dez brasileiros reconhecem que o sistema previdenciário brasileiro apresenta

Leia mais

é de queda do juro real. Paulatinamente, vamos passar a algo parecido com o que outros países gastam.

é de queda do juro real. Paulatinamente, vamos passar a algo parecido com o que outros países gastam. Conjuntura Econômica Brasileira Palestrante: José Márcio Camargo Professor e Doutor em Economia Presidente de Mesa: José Antonio Teixeira presidente da FENEP Tentarei dividir minha palestra em duas partes:

Leia mais

APÊNDICE. Planejando a mudança. O kit correto

APÊNDICE. Planejando a mudança. O kit correto APÊNDICE Planejando a mudança No capítulo 11, trabalhamos o estabelecimento de um objetivo claro para a mudança. Agora, você está repleto de ideias e intenções, além de uma série de estratégias de mudança

Leia mais

Sonhos. Sonhos não costumam ser autorrealizáveis. É necessário agir

Sonhos. Sonhos não costumam ser autorrealizáveis. É necessário agir Sonhos Sonhos não costumam ser autorrealizáveis É necessário agir Como transformar sonhos em projetos? 1) Saiba aonde você quer chegar 2) Internalize a visão de futuro trazida pela realização do projeto

Leia mais

PESQUISA DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA SPC BRASIL. Janeiro 2014

PESQUISA DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA SPC BRASIL. Janeiro 2014 PESQUISA DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA SPC BRASIL Janeiro 2014 PESQUISA DO SPC BRASIL REVELA QUE 81% DOS BRASILEIROS SABEM POUCO OU NADA SOBRE SUAS FINANÇAS PESSOAIS Os brasileiros ainda estão muito distantes

Leia mais

O CONSUMIDOR MOBILE. Uma visão global

O CONSUMIDOR MOBILE. Uma visão global O CONSUMIDOR MOBILE Uma visão global A PRÓXIMA POTÊNCIA EM MÍDIA Quando a primeira chamada foi realizada por um telefone móvel em 1973, o protótipo utilizado tinha bateria com duração de 30 minutos e levava

Leia mais

2. REDUZINDO A VULNERABILIDADE AO HIV

2. REDUZINDO A VULNERABILIDADE AO HIV 2. REDUZINDO A VULNERABILIDADE AO HIV 2.1 A Avaliação de risco e possibilidades de mudança de comportamento A vulnerabilidade ao HIV depende do estilo de vida, género e das condições socioeconómicas. Isso

Leia mais

A Lição de Lynch. O mago dos investimentos conta como ganhar nas bolsas depois de Buffet e Soros

A Lição de Lynch. O mago dos investimentos conta como ganhar nas bolsas depois de Buffet e Soros A Lição de Lynch O mago dos investimentos conta como ganhar nas bolsas depois de Buffet e Soros Por Laura Somoggi, de Marblehead (EUA) É muito provável que o nome Peter Lynch não lhe seja familiar. Ele

Leia mais

Estudo de Caso. Cliente: Rafael Marques. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses

Estudo de Caso. Cliente: Rafael Marques. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses Estudo de Caso Cliente: Rafael Marques Duração do processo: 12 meses Coach: Rodrigo Santiago Minha idéia inicial de coaching era a de uma pessoa que me ajudaria a me organizar e me trazer idéias novas,

Leia mais

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 1: Orçamento

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 1: Orçamento Educação Financeira Crédito Consignado Módulo 1: Orçamento Objetivo Conscientizar nossos clientes sobre a importância da organização financeira e do planejamento orçamentário como alicerce de conforto,

Leia mais

RESULTADOS DA AVALIAÇÃO DE IMPACTO DO PROJETO PILOTO DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA NAS ESCOLAS*

RESULTADOS DA AVALIAÇÃO DE IMPACTO DO PROJETO PILOTO DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA NAS ESCOLAS* RESULTADOS DA AVALIAÇÃO DE IMPACTO DO PROJETO PILOTO DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA NAS ESCOLAS* * Release elaborado pela BM&FBOVESPA baseado nos dados informados pelo Banco Mundial para o 2º Workshop de Divulgação

Leia mais

Pesquisa sobre o Perfil dos Empreendedores e das Empresas Sul Mineiras

Pesquisa sobre o Perfil dos Empreendedores e das Empresas Sul Mineiras Pesquisa sobre o Perfil dos Empreendedores e das Empresas Sul Mineiras 2012 2 Sumário Apresentação... 3 A Pesquisa Perfil dos Empreendedores Sul Mineiros Sexo. 4 Estado Civil.. 5 Faixa Etária.. 6 Perfil

Leia mais

Quase 10% dos brasileiros têm mais de 70 anos. Segundo o IBGE, em 40 anos o número de idosos deverá superar o de jovens

Quase 10% dos brasileiros têm mais de 70 anos. Segundo o IBGE, em 40 anos o número de idosos deverá superar o de jovens Um país de idosos Quase 10% dos brasileiros têm mais de 70 anos. Segundo o IBGE, em 40 anos o número de idosos deverá superar o de jovens A expectativa de vida do brasileiro aumentou mais de 20 anos em

Leia mais

CARTA DE OTTAWA. PRIMEIRA CONFERÊNCIA INTERNACIONAL SOBRE PROMOÇÃO DA SAÚDE Ottawa, novembro de 1986

CARTA DE OTTAWA. PRIMEIRA CONFERÊNCIA INTERNACIONAL SOBRE PROMOÇÃO DA SAÚDE Ottawa, novembro de 1986 CARTA DE OTTAWA PRIMEIRA CONFERÊNCIA INTERNACIONAL SOBRE PROMOÇÃO DA SAÚDE Ottawa, novembro de 1986 A Primeira Conferência Internacional sobre Promoção da Saúde, realizada em Ottawa, Canadá, em novembro

Leia mais

A nova classe média vai às compras

A nova classe média vai às compras A nova classe média vai às compras 18 KPMG Business Magazine Cenário é positivo para o varejo, mas empresas precisam entender o perfil do novo consumidor Nos últimos anos o mercado consumidor brasileiro

Leia mais

O QUE ESTÁ NA MENTE DOS. investidores?

O QUE ESTÁ NA MENTE DOS. investidores? O QUE ESTÁ NA MENTE DOS investidores? PESQUISA INVESTOR PULSE BRASIL 2014 O QUE ESTÁ NA MENTE DOS investidores? P E S S O A S E M 2 0 M E R C A D O S Na BlackRock, estamos muito interessados no que os

Leia mais

44% 56% 67.896 respostas no Brasil. 111.432 respostas na América Latina. 0,5% Margem de erro. Metodologia e Perfil. homens.

44% 56% 67.896 respostas no Brasil. 111.432 respostas na América Latina. 0,5% Margem de erro. Metodologia e Perfil. homens. Brasil A pesquisa em 2015 Metodologia e Perfil 111.432 respostas na América Latina 44% homens 67.896 respostas no Brasil 0,5% Margem de erro 56% mulheres * A pesquisa no Uruguai ainda está em fase de coleta

Leia mais

Nosso Planeta Mobile: Brasil

Nosso Planeta Mobile: Brasil Nosso Planeta Mobile: Brasil Como entender o usuário de celular Maio de 2012 1 Resumo executivo Os smartphones se tornaram indispensáveis para nosso cotidiano. A difusão dos smartphones atinge 14% da população,

Leia mais

Manual de. Educação Financeira. Dicas para planejar e poupar seu dinheiro. Cecreb MANUAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA

Manual de. Educação Financeira. Dicas para planejar e poupar seu dinheiro. Cecreb MANUAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA Manual de Educação Financeira MANUAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA Dicas para planejar e poupar seu dinheiro 1 A filosofia da Manual de Educação Financeira 2 Um dos princípios básicos das Cooperativas de Crédito

Leia mais

PERFIS DE INVESTIMENTOS

PERFIS DE INVESTIMENTOS PERFIS DE INVESTIMENTOS MARCÃO, RITA! - SENTEM AQUI! ESTE É O CARLOS, NOSSO NOVO COLEGA BEMVINDO! TUDO BEM? ESTOU FALANDO PRO CARLOS DA IMPORTÂNCIA DE UMA APOSENTADORIA PROGRAMADA. É CARLOS, VOCÊ ESTÁ

Leia mais

O único tipo de conta-corrente desejável 94 Pesquise uma conta-corrente melhor 95 Pague suas contas pela internet 95 Atualize seus depósitos e saques

O único tipo de conta-corrente desejável 94 Pesquise uma conta-corrente melhor 95 Pague suas contas pela internet 95 Atualize seus depósitos e saques Sumário Agradecimentos 15 Prefácio por Gustavo Cerbasi 19 1 Só para mulheres 23 2 Imagine o que é possível 29 QUADRO: Sua própria vida rica: um exercício 39 3 Nem vergonha, nem culpa 43 A história de Suze

Leia mais

Nosso Planeta Mobile: Brasil

Nosso Planeta Mobile: Brasil Nosso Planeta Mobile: Brasil Como entender o usuário de celular Maio de 2013 1 Resumo executivo Os smartphones se tornaram indispensáveis para nosso cotidiano. A difusão dos smartphones atinge 26 % da

Leia mais

Como vai a vida no Brasil?

Como vai a vida no Brasil? Como vai a vida no Brasil? Junho de 2014 A Iniciativa para uma Vida Melhor da OCDE, lançada em 2011, analisa os quesitos mais importantes para determinar a qualidade de vida das pessoas. A iniciativa

Leia mais

Revista EXAME: As 10 armadilhas da Previdência Complementar

Revista EXAME: As 10 armadilhas da Previdência Complementar Revista EXAME: As 10 armadilhas da Previdência Complementar Os fundos de previdência privada, sejam fechados ou abertos, têm características próprias e vantagens tributárias em relação aos investimentos

Leia mais

REALIZAÇÃO: PARCERIA:

REALIZAÇÃO: PARCERIA: REALIZAÇÃO: PARCERIA: A partir de agora você descobrirá a importância do planejamento financeiro pessoal e familiar, aprenderá a lidar melhor com o seu dinheiro, controlar suas despesas e tomar decisões

Leia mais

Análise de Mercado. Análise da Indústria/Setor. Descrição do Segmento de Mercado. Artigos de PN Como fazer Análise de Mercado. josedornelas.com.

Análise de Mercado. Análise da Indústria/Setor. Descrição do Segmento de Mercado. Artigos de PN Como fazer Análise de Mercado. josedornelas.com. Artigos de PN Como fazer Análise de Mercado Análise de Mercado A análise de mercado é um dos componentes do plano de negócios que está relacionado ao marketing da organização. Ela apresenta o entendimento

Leia mais

W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R

W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R 8 DICAS ESSENCIAIS PARA ESCOLHER SUA CORRETORA W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R Aviso Importante O autor não tem nenhum vínculo com as pessoas, instituições financeiras e produtos, citados, utilizando-os

Leia mais

11 Segredos para a Construção de Riqueza Capítulo II

11 Segredos para a Construção de Riqueza Capítulo II Capítulo II Mark Ford 11 Segredos para a Construção de Riqueza Capítulo Dois Como uma nota de $10 me deixou mais rico do que todos os meus amigos Das centenas de estratégias de construção de riqueza que

Leia mais

Superando Seus Limites

Superando Seus Limites Superando Seus Limites Como Explorar seu Potencial para ter mais Resultados Minicurso Parte VI A fonte do sucesso ou fracasso: Valores e Crenças (continuação) Página 2 de 16 PARTE 5.2 Crenças e regras!

Leia mais

I. A empresa de pesquisa de executivos deve lhe fornecer uma avaliação precisa e cândida das suas capacidades para realizar sua pesquisa.

I. A empresa de pesquisa de executivos deve lhe fornecer uma avaliação precisa e cândida das suas capacidades para realizar sua pesquisa. DIREITO DOS CLIENTES O que esperar de sua empresa de Executive Search Uma pesquisa de executivos envolve um processo complexo que requer um investimento substancial do seu tempo e recursos. Quando você

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL Relatório Analítico PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL PESQUISA SOBRE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA CONTRA A MULHER DATASENADO SECS PESQUISA SOBRE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA CONTRA A MULHER Há dois anos, o DataSenado

Leia mais

Tema do Case Projeto Educação Financeira online e Consumo Consciente - Icatu Seguros e FGV

Tema do Case Projeto Educação Financeira online e Consumo Consciente - Icatu Seguros e FGV Tema do Case Projeto Educação Financeira online e Consumo Consciente - Icatu Seguros e FGV Autores e Coautores Aura Rebelo e Maria Angélica Ferreira Rodrigues Resumo do Case Icatu Seguros e FGV Online

Leia mais

LinkedIn - Tendências globais em recrutamento para 2013 1

LinkedIn - Tendências globais em recrutamento para 2013 1 LinkedIn - Tendências globais em recrutamento para 2013 Visão Brasil As cinco principais tendências em atração de talentos que você precisa saber 2013 LinkedIn Corporation. Todos os direitos reservados.

Leia mais

Auditoria Interna do Futuro: Você está Preparado? Oswaldo Basile, CIA, CCSA. Presidente IIA Brasil

Auditoria Interna do Futuro: Você está Preparado? Oswaldo Basile, CIA, CCSA. Presidente IIA Brasil Auditoria Interna do Futuro: Você está Preparado? Oswaldo Basile, CIA, CCSA. Presidente IIA Brasil O futuro é (deveria ser) o sucesso Como estar preparado? O que você NÃO verá nesta apresentação Voltar

Leia mais

04 Os números da empresa

04 Os números da empresa 04 Os números da empresa Além de conhecer o mercado e situar-se nele, o empreendedor tem de saber com clareza o que ocorre com os números de sua empresa. Neste capítulo conheça os principais conceitos,

Leia mais

Como cultivar leads do Comitê de TI

Como cultivar leads do Comitê de TI BRASIL Como cultivar leads do Comitê de TI O marketing está ajudando ou atrapalhando? Confiança + Credibilidade devem ser CONQUISTADAS O profissional de marketing moderno conhece a importância de cultivar

Leia mais

Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011

Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011 Janeiro 2011 Exclusivamente para empresas de médio porte Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011 Relatório para o Brasil Panorama global: Pesquisa com 2.112 líderes do mercado de

Leia mais

5 Considerações finais

5 Considerações finais 5 Considerações finais 5.1. Conclusões A presente dissertação teve o objetivo principal de investigar a visão dos alunos que se formam em Administração sobre RSC e o seu ensino. Para alcançar esse objetivo,

Leia mais

Planejamento Financeiro Feminino

Planejamento Financeiro Feminino Planejamento Financeiro Feminino Sophia Mind A Sophia Mind Pesquisa e Inteligência de Mercado é a empresa do grupo de comunicação feminina Bolsa de Mulher voltada para pesquisa e inteligência de mercado.

Leia mais

O bê-á-bá das finanças

O bê-á-bá das finanças 14/10/2014 às 05h00 O bê-á-bá das finanças Por Luciana Seabra De São Paulo Annamaria Lusardi: "É bom lembrar que o analfabetismo financeiro é regressivo. É um imposto sobre o pobre" A decepção das pessoas

Leia mais

Previdência Privada no Mercado Brasileiro. Nobody s Unpredictable

Previdência Privada no Mercado Brasileiro. Nobody s Unpredictable Previdência Privada no Mercado Brasileiro Nobody s Unpredictable Objetivos e Características 2 Objetivos e metodologia Metodologia Quantitativa, por meio de pesquisa amostral com questionário estruturado

Leia mais

51% das mulheres brasileiras declaram que estão vivendo melhor do que há um ano

51% das mulheres brasileiras declaram que estão vivendo melhor do que há um ano 51% das mulheres brasileiras declaram que estão vivendo melhor do que há um ano 51% das mulheres brasileiras declaram que estão vivendo melhor do que há um ano Levantamento do IBOPE Media feito em todo

Leia mais

O valor da educação Um aprendizado para a vida. Relatório do Brasil

O valor da educação Um aprendizado para a vida. Relatório do Brasil O valor da educação Um aprendizado para a vida Relatório do Brasil A pesquisa O valor da educação é uma pesquisa do consumidor independente sobre tendências globais de educação realizada para o HSBC. O

Leia mais

Otimizada para Crescimento:

Otimizada para Crescimento: Quinta Pesquisa Anual de Mudança na Cadeia de Suprimentos RESUMO REGIONAL: AMÉRICA LATINA Otimizada para Crescimento: Executivos de alta tecnologia se adaptam para se adequar às demandas mundiais INTRODUÇÃO

Leia mais

Pesquisa Virtualização e Evolução para a Nuvem RESULTADOS BRASIL

Pesquisa Virtualização e Evolução para a Nuvem RESULTADOS BRASIL 2011 Pesquisa Virtualização e Evolução para a Nuvem RESULTADOS BRASIL ÍNDICE Evolução de TI... 4 Metodologia... 6 Foco... 8 Conclusão 1: As diferenças entre expectativas e realidade revelam a evolução

Leia mais

FILOSOFIA BUDISTA APLICADA A EMPRESA:

FILOSOFIA BUDISTA APLICADA A EMPRESA: FILOSOFIA BUDISTA APLICADA A EMPRESA: CRESCENDO PESSOAL E PROFISSIONALMENTE. 08 a 11 de outubro de 2014 08 a 11 de outubro de 2014 Onde você estiver que haja LUZ. Ana Rique A responsabilidade por um ambiente

Leia mais

MERCADO DE AÇÕES MULHERES

MERCADO DE AÇÕES MULHERES MULHERES NA BOLSA 32 REVISTA RI Março 2011 Está ficando para trás o tempo em que a Bolsa de Valores era um reduto identificado com o gênero masculino. Hoje esse espaço também já é ocupado pelas mulheres

Leia mais

ENTENDENDO OS CONCEITOS DE RISCO E RETORNO

ENTENDENDO OS CONCEITOS DE RISCO E RETORNO ENTENDENDO OS CONCEITOS DE RISCO E RETORNO! O Que é Risco?! Quais as origens do Risco?! As preferências com relação ao Risco! O Que é retorno sobre o investimento? Autores: Francisco Cavalcante(f_c_a@uol.com.br)!

Leia mais

Família. Escola. Trabalho e vida econômica. Vida Comunitária e Religião

Família. Escola. Trabalho e vida econômica. Vida Comunitária e Religião Família Qual era a profissão dos seus pais? Como eles conciliavam trabalho e família? Como era a vida de vocês: muito apertada, mais ou menos, ou viviam com folga? Fale mais sobre isso. Seus pais estudaram

Leia mais

Enquete DÉCIMO TERCEIRO

Enquete DÉCIMO TERCEIRO Enquete DÉCIMO TERCEIRO Uma prática comum entre as empresas do Brasil está no pagamento do décimo terceiro salário. Algumas cumprem, exatamente, o que está previsto na legislação. Outras, mais inovadoras,

Leia mais

69% dos pais afirmam conversar com os filhos sobre dinheiro, mostra pesquisa do SPC Brasil

69% dos pais afirmam conversar com os filhos sobre dinheiro, mostra pesquisa do SPC Brasil 69% dos pais afirmam conversar com os filhos sobre dinheiro, mostra pesquisa do SPC Brasil Para educador financeiro do Serviço de Proteção ao Crédito, um dos desafios é mostrar aos filhos pequenos que

Leia mais

Use bem o seu dinheiro

Use bem o seu dinheiro 1016323-6 - abr/2012 Quer saber mais sobre como usar melhor o seu dinheiro? No site www.itau.com.br/usoconsciente, você encontra vídeos, testes e informações para uma gestão financeira eficiente. Acesse

Leia mais

A Psicologia de Vendas: Por Que as Pessoas Compram

A Psicologia de Vendas: Por Que as Pessoas Compram A Psicologia de Vendas: Por Que as Pessoas Compram Esquema de Palestra I. Por Que As Pessoas Compram A Abordagem da Caixa Preta A. Caixa preta os processos mentais internos que atravessamos ao tomar uma

Leia mais

Resultados apurados na "Pesquisa da Swiss Re com consumidores brasileiros"

Resultados apurados na Pesquisa da Swiss Re com consumidores brasileiros Resultados apurados na "Pesquisa da Swiss Re com consumidores brasileiros" Belo Horizonte, Brasil, 23 de setembro de 2014 Rolf Steiner, Consultor Senior de Vida & Saúde da Swiss Re A lacuna de proteção

Leia mais

O papel da gerência em um ambiente de manufatura lean. Gary Convis, Presidente, Toyota Motor Manufacturing de Kentucky

O papel da gerência em um ambiente de manufatura lean. Gary Convis, Presidente, Toyota Motor Manufacturing de Kentucky O papel da gerência em um ambiente de manufatura lean Gary Convis, Presidente, Toyota Motor Manufacturing de Kentucky Tradução: Diogo Kosaka Gostaria de compartilhar minha experiência pessoal como engenheiro

Leia mais

Escolha o seu e comece a construir o futuro que você quer ter

Escolha o seu e comece a construir o futuro que você quer ter Escolha o seu e comece a construir o futuro que você quer ter Valia Fix, Valia Mix 20, Valia Mix 35 e Valia Ativo Mix 40 Quatro perfis de investimento. Um futuro cheio de escolhas. Para que seu plano de

Leia mais

Educação Financeira e Orçamento Doméstico

Educação Financeira e Orçamento Doméstico Objetivo de hoje... Sensibilizar os participantes da importância do planejamento e controle financeiro para educação financeira e melhores praticas do orçamento doméstico. Dinheiro pode proporcionar coisas

Leia mais

Cinco principais qualidades dos melhores professores de Escolas de Negócios

Cinco principais qualidades dos melhores professores de Escolas de Negócios Cinco principais qualidades dos melhores professores de Escolas de Negócios Autor: Dominique Turpin Presidente do IMD - International Institute for Management Development www.imd.org Lausanne, Suíça Tradução:

Leia mais

www.quorumbrasil.com

www.quorumbrasil.com www.quorumbrasil.com Sondagem Mensal -Comportamento Terceira Idade- Outubro 2012 vs Outubro, 2014 250 entrevistas com aposentados entre 60 e 80 anos, 50% homens/ 50% mulheres, residentes na cidade de São

Leia mais

estão em evidência hoje?

estão em evidência hoje? estão em evidência hoje? delas. Muito antes de entender quem eram e como pensavam as mulheres, percebemos que era fundamental identificar as diferenças comportamentais entre homens e mulheres. Afinal,

Leia mais

MACROECONOMIA II PROFESSOR JOSE LUIS OREIRO PRIMEIRA LISTA DE EXERCÍCIOS

MACROECONOMIA II PROFESSOR JOSE LUIS OREIRO PRIMEIRA LISTA DE EXERCÍCIOS MACROECONOMIA II PROFESSOR JOSE LUIS OREIRO PRIMEIRA LISTA DE EXERCÍCIOS 1 Questão: Considere uma economia na qual os indivíduos vivem por dois períodos. A população é constante e igual a N. Nessa economia

Leia mais

Identificação do projeto

Identificação do projeto Seção 1 Identificação do projeto ESTUDO BÍBLICO Respondendo a uma necessidade Leia Neemias 1 Neemias era um judeu exilado em uma terra alheia. Alguns dos judeus haviam regressado para Judá depois que os

Leia mais

Introdução à participação infantil

Introdução à participação infantil Seção 1 Introdução à participação 1.1 Uma visão bíblica da criança Em muitas culturas, as crianças são subestimadas. No entanto, Deus valoriza as crianças tanto quanto os adultos. Todos os seres humanos

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE A PATERNIDADE GERALMENTE FEITAS POR PAIS

PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE A PATERNIDADE GERALMENTE FEITAS POR PAIS PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE A PATERNIDADE GERALMENTE FEITAS POR PAIS P. O QUE É A PATERNIDADE? R. Paternidade significa ser um pai. A determinação da paternidade significa que uma pessoa foi determinada

Leia mais

Construção de Escolhas

Construção de Escolhas Programa: Pré- Aposentadoria Construção de Escolhas Realização Marisa de Oliveira Martinez Psicóloga Secretaria da Administração Tel.: 15-32382107 Mmartinez@sorocaba.sp.gov.br Questões: 1-Sei quanto tempo

Leia mais

3 Dicas Poderosas Para Investir Em Ações. "A única maneira de fazer um grande trabalho é. amar o que você faz." Steve Jobs. Por Viva e Aprenda 2

3 Dicas Poderosas Para Investir Em Ações. A única maneira de fazer um grande trabalho é. amar o que você faz. Steve Jobs. Por Viva e Aprenda 2 "A única maneira de fazer um grande trabalho é amar o que você faz." Steve Jobs Por Viva e Aprenda 2 Por Viva e Aprenda Declaração De Ganhos Com O Uso De Nossos Produtos A empresa O Segredo Das Ações"

Leia mais

2ª SEMANA NACIONAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA MARÇO

2ª SEMANA NACIONAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA MARÇO Design & Saúde Financeira para maiores de 50 anos Vera Damazio Laboratório Design Memória Emoção :) labmemo (: O que Design tem a ver com Saúde Financeira para maiores de 50 anos? E o que faz um Laboratório

Leia mais

Com inflação e juros em alta, hora de fazer 'ajuste fiscal' em casa

Com inflação e juros em alta, hora de fazer 'ajuste fiscal' em casa Veículo: O Globo Data: 07/09/15 Com inflação e juros em alta, hora de fazer 'ajuste fiscal' em casa Em tempos de desaceleração da economia e inflação e juros em alta, a cada mês as famílias se deparam

Leia mais