O Papel dos Bancos Públicos na Promoção do Desenvolvimento Sustentável

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O Papel dos Bancos Públicos na Promoção do Desenvolvimento Sustentável"

Transcrição

1 O Papel dos Bancos Públicos na Promoção do Desenvolvimento Sustentável 10 de maio 2006 Rio de Janeiro

2 O que é uma externalidade?

3 Ar limpo Photos Externalidades Rio limpo Algumas externalidades Clima do planeta estável Areia limpa Patrimônio histórico O que é importante para você?

4 Ar limpo Photos Externalidades Rio limpo Externalidades ganham preços Clima do planeta estável $$$ Areia limpa Patrimônio histórico

5 Estes custos vão subir Custo da água Custo do tratamento da água Custo da disposição do lixo (ex: taxa do lixo em SP) Custo de limpar um terreno contaminado Custo de reduzir a poluição do ar Multas ambientais de qualquer natureza Custo de indenizações para funcionários e clientes Número de indenizações para funcionários e clientes Prejuizo causado por uma campanha de uma ONG contra você Custo de emitir CO 2

6 Riscos Iníciopara de tour a instituição du monde financeira Risco de crédito: inadimplência Garantias: ativos depreciados ou zerados Risco de reputação Risco como acionista: depreciação de títulos da empresa

7 Dois tipos de risco socioambiental: Início de tour du monde - Financeiro -Imagem e

8 Principal lição Início de tour du monde (no Banco Real) Após analisar mais de empresas. Alta co-relação entre: problemas ambientais e problemas financeiros

9 Uma parceria única Entre o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) e mais de 160 instituções financeiras em 47 países. Missão Identificar e promover melhores práticas na área de finanças sustentáveis em escala internacional para todos os tipos de operações financeiras.

10 Áreas de atuação (*) = Grupos de Trabalho TEMAS AMBIENTAIS Mudanças Climáticas (*) Biodiversidade Água FERRAMENTAS E PRÁTICAS Reporting (*) Treinamento ATIVIDADES FINANCEIRAS Fundos (Asset management) (*) Análise de Riscos Seguros (*) GRUPOS REGIONAIS Cinco regiões (*)

11 Grupos Regionais África Coordenação: Banking Council of South Africa, África do Sul América Latina ABN AMRO Real, Brasil Asia EPA Victoria (Australia), Development Bank of Japan e Japan Bank for International Cooperation (Japão) EUA e Canadá Canadian Imperial Bank of Commerce, Canadá Europa Oriental European Bank for Reconstruction and Develoment (EBRD), UE

12 Como Participar? Para ser membro da UNEP FI Aderir à Declaração do PNUMA sobre o setor financeiro e o desenvolviemento sustentável Participar ativamente dos programas de trabalho Cumprir com os requisitos de um membro

13 GRUPO REGIONAL PARA AMÉRICA LATINA (LATIN AMERICAN TASK FORCE -- LATF)

14 LATF Presidência Chair: ABN AMRO Real, Brasil Vice Chair: INCAE Business School, Costa Rica Composição 13 Instituições Financeiras 5 Membros Associados

15 Membros MERCOSUL Argentina ABN AMRO NV Brasil ABN AMRO Banco Real BNDES Rabobank International Brasil Unibanco AMÉRICA CENTRAL El Salvador Banco Cuscatlán REGIÃO ANDINA Corporación Andina de Fomento Colômbia Fundación Social Suleasing Internacional Ecuador Banco Solidario Peru BBVA Banco Continental ESPANHA BBVA Grupo Santander

16 Actividades Objetivo Promover a sustentabilidade no setor financeiro na América Latina Método: informacao e bastante treinamento! Investigacion: Estado del Arte regional y nacional Workshops desde 2005: Colômbia, Argentina, Peru, Brasil, El Salvador, Ecuador Treinamento via internet

17 Logros y Proyección O que conseguimos em Conscentização (geralmente o primeiro workshop do tipo naquele país) Rede de profissionais e instituições Troca de experiências Onde queremos chegar Consolidar / expandir a rede para fortalecer o grupo Maior enfoque em temas específicas (ex.: biodiversidade, água) Aprofundar o conceito da sustentabilidade naqueles países onde a discussão já começou

18 En Contexto De Concientización & Herramientas... Información Capacitación Lineamientos Políticas ambientales Reporting ambiental a Mainstreaming Seguir difundiendo Consolidar la implementación Incorporar practicas ambientales a todos los niveles y áreas

19 Participar Oportunidades Aprendizagem Apoio Projeção internacional Requisitos Demonstrar compromisso com o tema Disponibilidade para interação entre membros Participar ativamente nos programa de trabajo Compromisso com UNEP FI

20 La Declaración del PNUMA Sobre Finanzas y Desarrollo Sostenible consideramos que el desarrollo sostenible depende de una interacción positiva entre desarrollo económico y social, y protección del medio ambiente, equilibrándose así los intereses de la presente y de las futuras generaciones. Consideramos asimismo que el desarrollo sostenible es responsabilidad colectiva de gobiernos, empresas y personas. Nos comprometemos a trabajar en cooperación con esos sectores, dentro del marco de los mecanismos del mercado, hacia unas metas ambientales comunes.

21 Políticas Mundiais Contato: Política Careen Abb Financiamentos Socioambientais (Brasil) (escritório da LATF fica na Cidade do México)

Riscos Ambientais e Sociais para Analistas de Crédito

Riscos Ambientais e Sociais para Analistas de Crédito Riscos Ambientais e Sociais para Analistas de Crédito Maria Silvia Chicarino Consultora, Risco Socioambiental Banco Santander - Brasil O que é um ambientalista? Por que estudar meio ambiente? Meio ambiente

Leia mais

Sistemas de Boas Práticas Internacionais

Sistemas de Boas Práticas Internacionais Sistemas de Boas Práticas Internacionais por Christopher Wells Superintendente Risco Socioambiental Santander Brasil Brasília, 21 de agosto, 2014 O que é uma externalidade? 2 Rio limpo Ar limpo Algumas

Leia mais

Risco Socioambiental. por Christopher Wells. Superintendente Risco Socioambiental

Risco Socioambiental. por Christopher Wells. Superintendente Risco Socioambiental Risco Socioambiental por Christopher Wells Superintendente Risco Socioambiental MARÇO 2013 Risco Socioambiental Conceitos Básicos Equator Principles Crédito Corporativo Aceitação de Clientes O que é uma

Leia mais

Risco Socioambiental. por Christopher Wells. Superintendente Risco Socioambiental

Risco Socioambiental. por Christopher Wells. Superintendente Risco Socioambiental Risco Socioambiental por Christopher Wells Superintendente Risco Socioambiental MARÇO DE 2012 Risco Socioambiental Conceitos Básicos Equator Principles Crédito Corporativo Aceitação de Clientes O que é

Leia mais

Os Princípios do Equador e a Sustentabilidade no Mercado Financeiro. IFC, BOVESPA & FGV Nov, 2006

Os Princípios do Equador e a Sustentabilidade no Mercado Financeiro. IFC, BOVESPA & FGV Nov, 2006 Os Princípios do Equador e a Sustentabilidade no Mercado Financeiro IFC, BOVESPA & FGV Nov, 2006 Febraban Perfil Fundada em 1967 Principal entidade representativa do setor bancário brasileiro 114 associados

Leia mais

aprovado no Foro de Ministros de Meio Ambiente (2004-2006) para 2005-2007.

aprovado no Foro de Ministros de Meio Ambiente (2004-2006) para 2005-2007. PROGRAMA LATINO-AMERICANO E CARIBENHO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL ACORDOS PARA A IMPLEMENTAÇÃO DA ESTRATÉGIA DO PLACEA: 2005-2007 1 (DOCUMENTO EM VERSÃO PRELIMINAR) Introdução: Os especialistas em Gestão Pública

Leia mais

INTRODUÇÃO A AÇÃO LOCAL PELA PROTEÇÃO DO CLIMA 19 ANOS DO ICLEI CONTEÚDO

INTRODUÇÃO A AÇÃO LOCAL PELA PROTEÇÃO DO CLIMA 19 ANOS DO ICLEI CONTEÚDO INTRODUÇÃO A AÇÃO LOCAL PELA PROTEÇÃO DO CLIMA 19 ANOS DO ICLEI Laura Valente S. de Macedo Diretora Regional, ICLEI Governos Locais pela Sustentabilidade laura.valente@iclei.org www.iclei.org/lacs/portugues

Leia mais

Os Princípios do Equador e o Desempenho Socioambiental do Setor Financeiro

Os Princípios do Equador e o Desempenho Socioambiental do Setor Financeiro Avaliação do desempenho socioambiental de projetos com foco nos Princípios do Equador e Parâmetros de Desempenho do IFC Os Princípios do Equador e o Desempenho Socioambiental do Setor Financeiro São Paulo,

Leia mais

Programa EC ACP MEAs Componente MDL Facilitando o acesso ao Mercado Global de Carbono

Programa EC ACP MEAs Componente MDL Facilitando o acesso ao Mercado Global de Carbono Programa EC ACP MEAs Componente MDL Facilitando o acesso ao Mercado Global de Carbono Pedro Filipe Paralta Carqueija, pfpc@risoe.dtu.dk UNEP Risoe Centre, Energy & Carbon Finance República de Angola, 9-10

Leia mais

CONHECENDO O CHILE ATRAVÉS DE SEU SETOR SERVIÇOS. www.prochile.gob.cl

CONHECENDO O CHILE ATRAVÉS DE SEU SETOR SERVIÇOS. www.prochile.gob.cl CONHECENDO O CHILE ATRAVÉS DE SEU SETOR SERVIÇOS www.prochile.gob.cl O Chile surpreende pela sua variada geografia. Suas montanhas, vales, desertos, florestas e milhares de quilômetros de costa, o beneficiam

Leia mais

Soluções para a prospecção de clientes, gestão dos riscos de crédito e apoio à internacionalização das empresas

Soluções para a prospecção de clientes, gestão dos riscos de crédito e apoio à internacionalização das empresas Soluções para a prospecção de clientes, gestão dos riscos de crédito e apoio à internacionalização das empresas RAFAEL GARCIA DIRETOR COMERCIAL CESCEBRASIL QUEM SOMOS A CESCEBRASIL é uma empresa especializada

Leia mais

Eficiência energética nas políticas nacionais das maiores economias mundiais

Eficiência energética nas políticas nacionais das maiores economias mundiais Agenda 1 2 3 4 5 Panorama sobre eficiência energética Eficiência energética nas políticas nacionais das maiores economias mundiais Políticas brasileiras de eficiência energética Eficiência energética na

Leia mais

ANEXO V MERCOSUR/RECYT/COMISIÒN DE APOYO AL DESARROLLO CIENTÍFICO Y TECNOLÓGICO/ACTA Nº 1/03

ANEXO V MERCOSUR/RECYT/COMISIÒN DE APOYO AL DESARROLLO CIENTÍFICO Y TECNOLÓGICO/ACTA Nº 1/03 ANEXO V MERCOSUR/RECYT/COMISIÒN DE APOYO AL DESARROLLO CIENTÍFICO Y TECNOLÓGICO/ACTA Nº 1/03 RECyT Propuesta Argentina Encuentro MERCOSUR de incubadoras de Empresas Objetivo: Identificar mecanismos de

Leia mais

Estratégia e inovação. Gestão de Risco. Meio Ambiente, saúde e segurança

Estratégia e inovação. Gestão de Risco. Meio Ambiente, saúde e segurança Favor indicar o departamento no qual opera: 16% 5% Relações externas, Comunicação N=19 79% Estratégia e inovação Gestão de Risco Outros Meio Ambiente, saúde e segurança Outros: Desenvolvimento Sustentável

Leia mais

27/09/2011. Integração Econômica da América do Sul: Perspectiva Empresarial

27/09/2011. Integração Econômica da América do Sul: Perspectiva Empresarial 27/09/2011 Integração Econômica da América do Sul: Perspectiva Empresarial Estrutura da apresentação Perspectiva empresarial Doing Business 2011 Investimentos Estrangeiros e Comércio Exterior Complementaridade

Leia mais

COMPETITIVIDADE e SUSTENTABILIDADE. Inovação nas cadeias produtivas

COMPETITIVIDADE e SUSTENTABILIDADE. Inovação nas cadeias produtivas COMPETITIVIDADE e SUSTENTABILIDADE Inovação nas cadeias produtivas INOVAÇÃO TECNOLÓGICA NA ESTRATÉGIA COMPETITIVA missão A missão da Anpei é: Estimular a Inovação Tecnológica nas Empresas. A associação

Leia mais

ABN AMRO REAL. The Equator Principles and Sustainability in the Financial Sector: Transforming Markets in Latin America. Cris Ronza November 10, 2006

ABN AMRO REAL. The Equator Principles and Sustainability in the Financial Sector: Transforming Markets in Latin America. Cris Ronza November 10, 2006 ABN AMRO REAL The Equator Principles and Sustainability in the Financial Sector: Transforming Markets in Latin America Cris Ronza November 10, 2006 Os Princípios do Equador no ABN AMRO Real O que é, quando

Leia mais

Pactos e Compromissos Estratégica e Prática

Pactos e Compromissos Estratégica e Prática Pactos e Compromissos Estratégica e Prática Clarissa Lins F U N D A Ç Ã O B R A S I L E I R A P A R A O D E S E N V O L V I M E N T O S U S T E N T Á V E L Contexto Principais Iniciativas Voluntárias Protocolo

Leia mais

Gestão de Informação e Intercâmbio de Conhecimento O papel da Biblioteca Virtual em Saúde e Redes Associadas

Gestão de Informação e Intercâmbio de Conhecimento O papel da Biblioteca Virtual em Saúde e Redes Associadas II Seminário sobre tecnologia, gestão da informação e conhecimento em saúde pública Brasília, 08-10 junho, 2010 Gestão de Informação e Intercâmbio de Conhecimento O papel da Biblioteca Virtual em Saúde

Leia mais

A POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO PRODUTIVO DO GOVERNO FEDERAL E A MACROMETA DE

A POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO PRODUTIVO DO GOVERNO FEDERAL E A MACROMETA DE A POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO PRODUTIVO DO GOVERNO FEDERAL E A MACROMETA DE AUMENTAR O INVESTIMENTO PRIVADO EM P&D ------------------------------------------------------- 3 1. O QUE É A PDP? ----------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

I Fórum Sustentabilidade da Cadeia do Cacau

I Fórum Sustentabilidade da Cadeia do Cacau I Fórum Sustentabilidade da Cadeia do Cacau Produção e Mercado de Cacau com Responsabilidade Socioambiental: Criação de Capacidades em Boas Práticas e Certificação na Cadeia do Cacau do Brasil. Missão:

Leia mais

Aula 9.1 Conteúdo: Tentativas de união na América Latina; Criação do Mercosul. FORTALECENDO SABERES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES

Aula 9.1 Conteúdo: Tentativas de união na América Latina; Criação do Mercosul. FORTALECENDO SABERES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Aula 9.1 Conteúdo: Tentativas de união na América Latina; Criação do Mercosul. 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Habilidade:

Leia mais

SEMANA FIESP CIESP DE MEIO AMBIENTE. A Política de Desenvolvimento Produtivo e a Produção Sustentável. São Paulo, 04 de junho de 2008

SEMANA FIESP CIESP DE MEIO AMBIENTE. A Política de Desenvolvimento Produtivo e a Produção Sustentável. São Paulo, 04 de junho de 2008 SEMANA FIESP CIESP DE MEIO AMBIENTE A Política de Desenvolvimento Produtivo e a Produção Sustentável São Paulo, 04 de junho de 2008 SUSTENTABILIDADE X DEMANDAS DO CRESCIMENTO ECONÔMICO 2 Matriz Energética

Leia mais

BEI: A MAIOR INSTITUIÇÃO FINANCEIRA INTERNACIONAL

BEI: A MAIOR INSTITUIÇÃO FINANCEIRA INTERNACIONAL FINANCIAMENTOS DO BEI FORA DA EUROPA: PERSPETIVAS PARA AS EMPRESAS PORTUGUESAS Francisco de Paula Coelho Diretor para América Latina e Ásia Lisboa, 23 de Novembro de 2012 27/11/2012 1 BEI: A MAIOR INSTITUIÇÃO

Leia mais

Programa de Parceira Brasil-OIT para a Promoção da Cooperação Sul-Sul VI Reunião Anual Programa de Cooperação Sul-Sul Brasil-OIT

Programa de Parceira Brasil-OIT para a Promoção da Cooperação Sul-Sul VI Reunião Anual Programa de Cooperação Sul-Sul Brasil-OIT VI Reunião Anual Programa de Cooperação Sul-Sul Brasil-OIT Brasília, 16 de maio de 2012 Março/2009: definição do marco jurídico e institucional do Programa de Parceria: Ajuste Complementar assinado pelo

Leia mais

Anuário Estatístico de Turismo - 2012

Anuário Estatístico de Turismo - 2012 Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Ministério do Turismo Anuário Estatístico de Turismo - 2012 Volume 39 Ano base 2011 Sumário I Turismo receptivo 1. Chegadas de turistas ao Brasil - 2010-2011

Leia mais

SEMINÁRIO Exportar para o México

SEMINÁRIO Exportar para o México SEMINÁRIO Exportar para o México Gonçalo Gaspar Diretor Direção Internacional de Negócio da CGD Porto, 26 de Setembro de 2012 1 Índice México: relacionamento comercial com Portugal Grupo CGD: Presença

Leia mais

das Portugal, 19/05/2009

das Portugal, 19/05/2009 O Mecanismo Mundial da Convenção das Nações Unidas de Combate à Desertificação Portugal, 19/05/2009 CONTEUDO 1. Introdução à UNCCD e ao Mecanismo Mundial (MM) 2. Apoio do MM à mobilização de recursos no

Leia mais

Thiago Botelho Azeredo. 28 de Outubro de 2010

Thiago Botelho Azeredo. 28 de Outubro de 2010 Thiago Botelho Azeredo 28 de Outubro de 2010 Introdução O Programa de Líderes em Saúde Intercacional (PLSI) Estratégia de formação de recursos humanos na região das Américas Objetivos contribuir apara

Leia mais

FIT FOR A NEW ERA ECONOMIA DAS LÍNGUAS PORTUGUESA E ESPANHOLA LÍNGUA, COMÉRCIO EXTERNO E INVESTIMENTO ESTRANGEIRO PERSPECTIVAS EMPRESARIAIS

FIT FOR A NEW ERA ECONOMIA DAS LÍNGUAS PORTUGUESA E ESPANHOLA LÍNGUA, COMÉRCIO EXTERNO E INVESTIMENTO ESTRANGEIRO PERSPECTIVAS EMPRESARIAIS LÍNGUA, COMÉRCIO EXTERNO E Paternoster Square Londres ECONOMIA DAS LÍNGUAS PORTUGUESA E ESPANHOLA INVESTIMENTO ESTRANGEIRO PERSPECTIVAS EMPRESARIAIS Francisco Cary 19 de Maio de 2011 O Mercado dos Países

Leia mais

LUIZ ROS Banco Interamericano de Desenvolvimento

LUIZ ROS Banco Interamericano de Desenvolvimento LUIZ ROS Banco Interamericano de Desenvolvimento A BASE DA PIRÂMIDE É DIFERENTE MUNDIALMENTE POR REGIÃO, POR SETOR MAS SEMPRE UM MERCADO ENORME UMA GRANDE OPORTUNIDADE Na América Latina há cerca de 400

Leia mais

Montevidéu, 22 de abril de 2010. En Montevideo, a 22 de abril de 2010

Montevidéu, 22 de abril de 2010. En Montevideo, a 22 de abril de 2010 MEMORANDO DE ENTENDIMENTO ENTRE GOVERNOS E ASSOCIAÇÕES DE GOVERNOS REGIONAIS DA REDE DE GOVERNOS REGIONAIS PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL (nrg4sd) ONDE SE ESTABELECE UM PROGRAMA DE COOPERAÇÃO MULTILATERAL

Leia mais

APRESENTAÇÃO DA SÉRIE ENCONTROS E CONFERÊNCIAS

APRESENTAÇÃO DA SÉRIE ENCONTROS E CONFERÊNCIAS APRESENTAÇÃO DA SÉRIE ENCONTROS E CONFERÊNCIAS Esta série apresenta encontros, conferências e reuniões entre países da América Hispânica. Atualmente compõe-se de três dossiês: Cumbre de los Pueblos de

Leia mais

Termo de Referência nº 2014.0918.00040-2. 1. Antecedentes

Termo de Referência nº 2014.0918.00040-2. 1. Antecedentes Termo de Referência nº 2014.0918.00040-2 Ref: Contratação de consultoria pessoa física para realização de um plano de sustentabilidade financeira para o Jardim Botânico do Rio de Janeiro, no âmbito da

Leia mais

WP WGFA 2/06 Add. 1 Rev. 1

WP WGFA 2/06 Add. 1 Rev. 1 International Coffee Organization Organización Internacional del Café Organização Internacional do Café Organisation Internationale du Café WP WGFA 2/06 Add. 1 Rev. 1 10 janeiro 2007 Original: inglês P

Leia mais

Liderança Feminina. Que tipo de clima as altas executivas geram em suas equipes? Setembro/2009

Liderança Feminina. Que tipo de clima as altas executivas geram em suas equipes? Setembro/2009 Liderança Feminina Que tipo de clima as altas executivas geram em suas equipes? Setembro/2009 Sobre o Hay Group Hay Group é uma consultoria global em gestão que trabalha com líderes para transformar estratégias

Leia mais

Fortalecendo a reputação por meio da performance sustentável. Paulo Marinho Itaú Unibanco Comunicação Corporativa

Fortalecendo a reputação por meio da performance sustentável. Paulo Marinho Itaú Unibanco Comunicação Corporativa Fortalecendo a reputação por meio da performance sustentável Paulo Marinho Itaú Unibanco Comunicação Corporativa Você tem uma boa reputação? Você tem uma boa reputação? E sua empresa? Para um banco tão

Leia mais

Tratados internacionais sobre o meio ambiente

Tratados internacionais sobre o meio ambiente Tratados internacionais sobre o meio ambiente Conferência de Estocolmo 1972 Preservação ambiental X Crescimento econômico Desencadeou outras conferências e tratados Criou o Programa das Nações Unidas para

Leia mais

THE UNITED NATIONS WORLD WATER ASSESSMENT PROGRAMME

THE UNITED NATIONS WORLD WATER ASSESSMENT PROGRAMME THE UNITED NATIONS WORLD WATER ASSESSMENT PROGRAMME Encarando os desafios JUNTOS PARA UM MUNDO SUSTENTÁVEL Angela R. C. Ortigara UN WWAP UNESCO Foz do Iguaçu, 18 de Março de 2016 Família UNESCO para a

Leia mais

Instrumentos Internacionais contra a Corrupção e o Crime Organizado Transnacional. Convenção contra o Crime Organizado Transnacional

Instrumentos Internacionais contra a Corrupção e o Crime Organizado Transnacional. Convenção contra o Crime Organizado Transnacional A Cooperação Internacional e o Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas Brasília, maio / 2012 Instrumentos Internacionais contra a Corrupção e o Crime Organizado Transnacional Convenção contra o Crime Organizado

Leia mais

Anuário Estatístico de Turismo - 2013

Anuário Estatístico de Turismo - 2013 Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Ministério do Turismo Anuário Estatístico de Turismo - 2013 Volume 40 Ano base 2012 Guia de leitura Guia de leitura O Guia de Leitura tem o propósito de orientar

Leia mais

Linhas de Financiamento com Candidaturas abertas - Abril 2012 Regiões / Data países

Linhas de Financiamento com Candidaturas abertas - Abril 2012 Regiões / Data países Linhas de Financiamento com Candidaturas abertas - Abril 2012 Regiões / Links Financiador Tema Questões chave Data Montantes países importantes Notas 1 Gates Advocacy Melhorar o apoio da opinião pública

Leia mais

QUEM SOMOS VISÃO MISSÃO HISTÓRICO BRIEF INSTITUCIONAL 2013

QUEM SOMOS VISÃO MISSÃO HISTÓRICO BRIEF INSTITUCIONAL 2013 BRIEF INSTITUCIONAL 2013 QUEM SOMOS TETO é uma organização presente na América Latina e no Caribe, que busca superar a situação de pobreza em que vivem milhões de pessoas nos assentamentos precários, através

Leia mais

Avaliação Ambiental Estratégica em Instituições Financeiras Multilaterais

Avaliação Ambiental Estratégica em Instituições Financeiras Multilaterais Avaliação Ambiental Estratégica em Instituições Financeiras Multilaterais Garo Batmanian Banco Mundial Seminário Latino Americano de Avaliação Ambiental Estratégica Brasília, 28 de agosto de 2006 Estratégia

Leia mais

Integração produtiva e cooperação industrial: LEONARDO SANTANA

Integração produtiva e cooperação industrial: LEONARDO SANTANA Integração produtiva e cooperação industrial: a experiência da ABDI LEONARDO SANTANA Montevidéu, 15 de julho de 2009 Roteiro da Apresentação 1. Política de Desenvolvimento Produtivo PDP 2. Integração Produtiva

Leia mais

Taller sobre remesas, educación financiera y microemprendimiento en Goíanía, Brasil, 26 y 27 de Noviembre 2014.

Taller sobre remesas, educación financiera y microemprendimiento en Goíanía, Brasil, 26 y 27 de Noviembre 2014. Fortalecimiento del diálogo y de la cooperación entre la Unión Europea (UE) y América Latina y el Caribe (ALC) para el establecimiento de modelos de gestión sobre migración y políticas de desarrollo www.migracion-ue-alc.eu

Leia mais

Clique para editar o texto mestre

Clique para editar o texto mestre 8/25/2014 1 Segundo nível Servicios Climáticos en el Sector de la Salud Terceiro nível 8/25/2014 Carlos Corvalan OPS/OMS 2 OPS/OMS trabaja para afrontar las repercusiones del cambio climático en la salud

Leia mais

Copersucar completa 50 anos de liderança em açúcar e etanol com planos para aumentar ainda mais sua atuação global

Copersucar completa 50 anos de liderança em açúcar e etanol com planos para aumentar ainda mais sua atuação global Copersucar completa 50 anos de liderança em açúcar e etanol com planos para aumentar ainda mais sua atuação global Exportações de açúcar da empresa devem aumentar 86% na safra 2009/2010 A Copersucar completa

Leia mais

FUNDAÇÃO CONSELHO ESPANHA BRASIL

FUNDAÇÃO CONSELHO ESPANHA BRASIL FUNDAÇÃO CONSELHO ESPANHA BRASIL UN SELLO DE CALIDAD EN LAS RELACIONES BILATERALES FUNDAÇÃO CONSELHO ESPANHA BRASIL UM SELO DE QUALIDADE NAS RELAÇÕES BILATERAIS FUNDAÇÃO CONSELHO ESPANHA BRASIL diseño

Leia mais

O indicador do clima econômico piorou na América Latina e o Brasil registrou o indicador mais baixo desde janeiro de 1999

O indicador do clima econômico piorou na América Latina e o Brasil registrou o indicador mais baixo desde janeiro de 1999 14 de maio de 2014 Indicador IFO/FGV de Clima Econômico da América Latina¹ O indicador do clima econômico piorou na América Latina e o Brasil registrou o indicador mais baixo desde janeiro de 1999 O indicador

Leia mais

Sustentabilidade como diferencial competitivo na gestão de fornecedores

Sustentabilidade como diferencial competitivo na gestão de fornecedores Sustentabilidade como diferencial competitivo na gestão de fornecedores Webinar DNV O Impacto da Gestão da Cadeia de Fornecedores na Sustentabilidade das Organizações 04/09/2013 Associação civil, sem fins

Leia mais

BENEFÍCIOS DA PARTICIPAÇÃO NO ACORDO INTERNATIONAL DO CAFÉ DE 2007

BENEFÍCIOS DA PARTICIPAÇÃO NO ACORDO INTERNATIONAL DO CAFÉ DE 2007 BENEFÍCIOS DA PARTICIPAÇÃO NO ACORDO INTERNATIONAL DO CAFÉ DE 2007 O Acordo Internacional do Café (AIC) de 2007 é um instrumento chave para a cooperação internacional em matéria de café, e participar dele

Leia mais

EXPANSÃO E COLAPSO DO CAPITALISMO

EXPANSÃO E COLAPSO DO CAPITALISMO EXPANSÃO E COLAPSO DO CAPITALISMO 2ªRevolução Industrial HOLDING TRUSTE CARTEL Empresas financeiras que controlam complexos industriais a partir da posse de suas ações. Formação de grandes conglomerados

Leia mais

Workshop Financiamento às Infraestruturas, à Agricultura e Agro-indústria. Luanda, 26.05.2014

Workshop Financiamento às Infraestruturas, à Agricultura e Agro-indústria. Luanda, 26.05.2014 Workshop Financiamento às Infraestruturas, à Agricultura e Agro-indústria Luanda, 26.05.2014 Agenda 1. Cenário Internacional 2. Formas de apoio 3. Estratégia de atuação na África Depto. de Suporte a Operações

Leia mais

5 Objetivos Principais

5 Objetivos Principais A Rainforest Business School Escola de Negócios Sustentáveis de Floresta Tropical Instituto de Estudos Avançados Universidade de São Paulo (USP) Programa de Pesquisa Amazônia em Transformação (AmazonIEA)

Leia mais

Rumo a um Mundo Verde, Limpo e Resiliente para Todos

Rumo a um Mundo Verde, Limpo e Resiliente para Todos 80483 Rumo a um Mundo Verde, Limpo e Resiliente para Todos Estratégia Ambiental do Grupo do Banco Mundial 2012 2022 THE WORLD BANK ii Rumo a um Mundo Verde, Limpo e Resiliente para Todos Resumo Executivo

Leia mais

Palestra: A gestão comunitária do saneamento rural na América Latina e Caribe (ALC)

Palestra: A gestão comunitária do saneamento rural na América Latina e Caribe (ALC) IV SEMINÁRIO DE ENGENHARIA DE SAÚDE PÚBLICA Desenvolvimento Sustentável, Demandas Contemporâneas e Responsabilidade Socioambiental 18 a 22 de março de 2013, Belo Horizonte - MG Fundação Nacional de Saúde

Leia mais

Capital de Risco para projetos de Energia

Capital de Risco para projetos de Energia Workshop Internacional sobre Geração de Eletricidade com Gás de Lixo em São Paulo Capital de Risco para projetos de Energia São Paulo, 25 de junho de 2001 1 Fontes de recursos para Projetos e Empresas

Leia mais

Desafíos de la Gestión Pública para el Desarrollo en América Latina y el Caribe

Desafíos de la Gestión Pública para el Desarrollo en América Latina y el Caribe Desafíos de la Gestión Pública para el Desarrollo en América Latina y el Caribe Fortaleciendo la evaluación y planificación de programas y políticas: Colaboración entre pares y redes Márcia P Joppert Agência

Leia mais

SciDev.Net na América Latina: Notícias de ciência, tecnologia e desenvolvimento via Internet

SciDev.Net na América Latina: Notícias de ciência, tecnologia e desenvolvimento via Internet SciDev.Net na América Latina: Notícias de ciência, tecnologia e desenvolvimento via Internet Luisa Massarani Museu da Vida/Casa de Oswaldo Cruz/Fiocruz Brasil Introdução É sabido que uma parcela importante

Leia mais

50º CONSELHO DIRETOR 62 a SESSÃO DO COMITÊ REGIONAL

50º CONSELHO DIRETOR 62 a SESSÃO DO COMITÊ REGIONAL ORGANIZAÇÃO PAN-AMERICANA DA SAÚDE ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE 50º CONSELHO DIRETOR 62 a SESSÃO DO COMITÊ REGIONAL Washington, D.C., EUA, 27 de setembro a 1º de outubro de 2010 Tema 4.17 da agenda CD50/26

Leia mais

AULA 9. Ação pelo Ambiente

AULA 9. Ação pelo Ambiente AULA 9 Ação pelo Ambiente Roberto e o seu grupo do meio ambiente estão se preparando para a Grande Reunião que irá tratar dos problemas ambientais do planeta. Ele pede ajuda à Sofia para bolar um plano

Leia mais

Assim é a Telefónica. Distribuição do EBITDA por países em 2001

Assim é a Telefónica. Distribuição do EBITDA por países em 2001 Assim é a Telefónica A aquisição da Lycos, aliada ao fato de a nova empresa Terra Lycos operar em 43 países, permitiu, por um lado, uma maior penetração nos Estados Unidos e no Canadá. Por outro lado,

Leia mais

Distance to frontier

Distance to frontier Boletim Informativo do Doing Business 2013: América Latina e Caribe Das 50 economias que desde 2005 mais tiveram melhorias regulamentares para facilitar a prática de fazer negócios para empresas locais,

Leia mais

Panorama da Educação Superior na América Latina e Caribe:

Panorama da Educação Superior na América Latina e Caribe: Panorama da Educação Superior na América Latina e Caribe: a importância da expansão quantitativa e qualitativa da pesquisa e da pós-graduação ANA LÚCIA GAZZOLA OUTUBRO 2008 Cenáriosda da Educação Superior

Leia mais

1. Metodologias de gestão ambiental com enfoque em prevenção da. 3. Metodologia de produção mais limpa desenvolvida pela UNIDO/UNEP

1. Metodologias de gestão ambiental com enfoque em prevenção da. 3. Metodologia de produção mais limpa desenvolvida pela UNIDO/UNEP 3 - Metodologias 1. Metodologias de gestão ambiental com enfoque em prevenção da poluição e minimização de resíduos 2. Histórico de produção mais limpa no Brasil 3. Metodologia de produção mais limpa desenvolvida

Leia mais

A Ministra do Meio Ambiente do Brasil, Senadora Marina Silva, apresentou a agenda para consideração dos participantes, tendo sido aprovada.

A Ministra do Meio Ambiente do Brasil, Senadora Marina Silva, apresentou a agenda para consideração dos participantes, tendo sido aprovada. II Reunião de Ministros de Meio Ambiente do MERCOSUL 8 de novembro de 2004, Brasília, Brasil Ata da Reunião nº 02/04 Realizou-se na cidade de Brasília, República Federativa do Brasil, no dia 8 de novembro

Leia mais

SOLUÇOES HÍDRICAS MUNDIAIS

SOLUÇOES HÍDRICAS MUNDIAIS SOLUÇOES HÍDRICAS MUNDIAIS 6 º Foro Mundial da Água Março de 2012, Marselha O FORO MUNDIAL DA AGUA O maior evento mundial relacionado com água Objetivos: Reunir todas as partes interessadas para debater

Leia mais

O valor da natureza para o desenvolvimento local: uma oportunidade econômica real a ser aproveitada

O valor da natureza para o desenvolvimento local: uma oportunidade econômica real a ser aproveitada O valor da natureza para o desenvolvimento local: uma oportunidade econômica real a ser aproveitada Simpósio Internacional para Formuladores de Políticas Públicas Sediado pela Cidade de Curitiba Curitiba,

Leia mais

Apresentação da Companhia. Setembro de 2010

Apresentação da Companhia. Setembro de 2010 Apresentação da Companhia Setembro de 2010 Comprovada capacidade de execução Visão geral da Inpar Empreendimentos por segmento (1) Modelo de negócios integrado (incorporação, construção e venda) Comercial

Leia mais

PANORAMA DO MERCADO Asiático

PANORAMA DO MERCADO Asiático Boletim PANORAMA DO MERCADO Asiático Edição nº 1 Julho/2015 Coordenação Geral de Mercados Americanos/Asiático - CGMA Diretoria de Mercados Internacionais - DMINT Apresentação A série Boletim Panorama dos

Leia mais

V CNEG Congresso Nacional de Excelência em Gestão Julho/ 2009

V CNEG Congresso Nacional de Excelência em Gestão Julho/ 2009 Produção mais Limpa (P+L) e Sustentabilidade: a Visão da Eng Flávio de Miranda Ribeiro Gerente da Divisão de Produção mais Limpa e Qualidade Laboratorial Julho - 2009 Flávio Ribeiro- Agosto/ 2008 Contexto

Leia mais

CE150/INF/6 (Port.) Anexo A - 2 - A. DETERMINANTES SOCIAIS DA SAÚDE. Introdução

CE150/INF/6 (Port.) Anexo A - 2 - A. DETERMINANTES SOCIAIS DA SAÚDE. Introdução Anexo A - 2 - A. DETERMINANTES SOCIAIS DA SAÚDE Introdução 1. A Assembleia Mundial da Saúde, mediante a Resolução WHA62.14 (2009), Reduzir as desigualdades de saúde mediante ações sobre os determinantes

Leia mais

COMUNICACION " B " 5640 I 18/07/94

COMUNICACION  B  5640 I 18/07/94 BANCO CENTRAL DE LA REPUBLICA ARGENTINA COMUNICACION " B " 5640 I 18/07/94 A LAS ENTIDADES FINANCIERAS: Ref.: Circular COPEX-1 Cap. III, punto 1.3. Convenios de Pagos y Creditos Reciprocos de la ALADI

Leia mais

Criar eventos de excelência Assessoria e orientação estratégica Soluções criativas Transferência de conhecimento

Criar eventos de excelência Assessoria e orientação estratégica Soluções criativas Transferência de conhecimento Your global partner Quem Somos A NewEvents, constituída por profissionais com elevado Know-how, é uma empresa pioneira e especializada na organização, formação e consultoria internacional em Gestão e Marketing

Leia mais

Relatório Geral. Abril - 2015

Relatório Geral. Abril - 2015 Relatório Geral Abril - 015 PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO SETORIAL DE HPPC Objetivo Promover o desenvolvimento das empresas do setor de HPPC de forma sustentável, por meio da gestão e difusão de conhecimento,

Leia mais

Como a tecnologia pode contribuir para a missão de Educação Financeira Responsabilidade Social Corporativa Visa Inc.

Como a tecnologia pode contribuir para a missão de Educação Financeira Responsabilidade Social Corporativa Visa Inc. Como a tecnologia pode contribuir para a missão de Educação Financeira Responsabilidade Social Corporativa Visa Inc. Sabrina Sciama Relações Corporativas Brasil Quem somos Visa é uma empresa global de

Leia mais

HORIZONTE 2020. Aberto para o mundo! O Programa da União Europeia para Pesquisa e Inovação. Dr. Piero Venturi Comissão Europeia DG Pesquisa e Inovação

HORIZONTE 2020. Aberto para o mundo! O Programa da União Europeia para Pesquisa e Inovação. Dr. Piero Venturi Comissão Europeia DG Pesquisa e Inovação HORIZONTE 2020 O Programa da União Europeia para Pesquisa e Inovação Aberto para o mundo! Dr. Piero Venturi Comissão Europeia DG Pesquisa e Inovação A União Europeia 500 milhões de pessoas - 28 países

Leia mais

Tercera Reunión de Expertos de Gobierno sobre Consumo y Producción Sustentables de America Latina y el Caribe

Tercera Reunión de Expertos de Gobierno sobre Consumo y Producción Sustentables de America Latina y el Caribe Tercera Reunión de Expertos de Gobierno sobre Consumo y Producción Sustentables de America Latina y el Caribe Managua, Nicaragua, 3 5 de agosto de 2005 Ministério do Meio ambiente Agosto/2005 helio.lobo@mma.gov.br

Leia mais

Estudo dos países da América Latina e América Central

Estudo dos países da América Latina e América Central Empresa têxtil E M P R E S A T Ê X T I L Estudo dos países da América Latina e América Central Produtos considerados: 6003.33.00/6006.31.00/6006.21.00/6006.22.00/6006.23.00/6006.42.00 1. Exportações brasileiras

Leia mais

MAPEO SOBRE TENDENCIAS DE LA PRIVATIZACIÓN DE LA EDUCACIÓN EN AMÉRICA LATINA

MAPEO SOBRE TENDENCIAS DE LA PRIVATIZACIÓN DE LA EDUCACIÓN EN AMÉRICA LATINA MAPEO SOBRE TENDENCIAS DE LA PRIVATIZACIÓN DE LA EDUCACIÓN EN AMÉRICA LATINA CLADE Aspectos destacados Theresa Adrião Teise Garcia Apoio Open Society MARCO CONCEITUAL Educação pública: la educación pública

Leia mais

Financiamento para SUSTENTABILIDADE

Financiamento para SUSTENTABILIDADE Financiamento para SUSTENTABILIDADE POSICIONAMENTO DO SANTANDER Gerar RESULTADOS para o negócio e para todos, com práticas de gestão e soluções financeiras transformadoras que perenizem o meio ambiente

Leia mais

Plano Andino-amazônico de Comunicação e Educação Ambiental PANACEA 1

Plano Andino-amazônico de Comunicação e Educação Ambiental PANACEA 1 Plano Andino-amazônico de Comunicação e Educação Ambiental PANACEA 1 Lima, outubro de 2005 1 O CONAM e o Ministério da Educação, em nome das instituições do Peru, agradecem ao Programa de Desenvolvimento

Leia mais

Consultor: Gilberto Sarfati

Consultor: Gilberto Sarfati Projeto Cenários de Empreendedorismo Internacional Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento e Secretaria de Assuntos Estratégicos do Governo Federal Consultor: Gilberto Sarfati Levantamento do

Leia mais

Agenda Internacional 2009

Agenda Internacional 2009 Agenda Internacional 2009 CNI: estratégia institucional Visão Estratégica Mapa Estratégico Uma visão sobre o futuro do país e da indústria (2007-2015) Identifica prioridades estratégicas Participação de

Leia mais

Organizações internacionais Regionais

Organizações internacionais Regionais Organizações internacionais Regionais Percurso 4 Geografia 9ºANO Profª Bruna Andrade e Elaine Camargo Os países fazem uniões a partir de interesses comuns. Esses interesses devem trazer benefícios aos

Leia mais

O BID E A AGRICULTURA NA ALC - Financiando oportunidades para o desenvolvimento do setor cafeeiro

O BID E A AGRICULTURA NA ALC - Financiando oportunidades para o desenvolvimento do setor cafeeiro O BID E A AGRICULTURA NA ALC - Financiando oportunidades para o desenvolvimento do setor cafeeiro 4.º Fórum Consultivo da Organização Internacional do Café (OIC) Londres, Reino Unido, 23 de setembro de

Leia mais

XXVI REUNIÃO DE ALTAS AUTORIDADES EM DIREITOS HUMANOS (RAADH)

XXVI REUNIÃO DE ALTAS AUTORIDADES EM DIREITOS HUMANOS (RAADH) MERCOSUL/RAADH/ATA N 01/15 XXVI REUNIÃO DE ALTAS AUTORIDADES EM DIREITOS HUMANOS (RAADH) Realizou-se na cidade de Brasília, República Federativa do Brasil, no dia 6 de julho de 2015, sob a Presidência

Leia mais

17ª TRANSPOSUL FEIRA E CONGRESSO DE TRANSPORTE E LOGÍSTICA

17ª TRANSPOSUL FEIRA E CONGRESSO DE TRANSPORTE E LOGÍSTICA 17ª TRANSPOSUL FEIRA E CONGRESSO DE TRANSPORTE E LOGÍSTICA PALESTRA FALTA DE COMPETITIVIDADE DO BRASIL FRENTE AO MERCADO EXTERNO JOSÉ AUGUSTO DE CASTRO Porto Alegre, 24 de JUNHO de 2015 2 - TEORIAS No

Leia mais

O Cluster Financeiro

O Cluster Financeiro O Cluster Financeiro Um sector financeiro promotor do crescimento Manuel Lima Bolsa de Valores de Cabo Verde 15 de Maio de 2013 WS 2.4 O Cluster Financeiro Índice Breves notas O que assinalam os números

Leia mais

Patrocínios: Governos Nacionais e Locais, empresas, organismos de cooperação internacional, universidades, doações.

Patrocínios: Governos Nacionais e Locais, empresas, organismos de cooperação internacional, universidades, doações. Criando ferramentas para a garantia ao direito à convivência familiar e comunitária. Documento Preparatório do Seminário Relaf 2013 Fortalecendo os Avanços. Criando ferramentas para a Garantia do Direito

Leia mais

Fotografia das Nações Unidas/Larry Barns GLOBAL IMPACT RESPONSABILIDADE CORPORATIVA NA METLIFE

Fotografia das Nações Unidas/Larry Barns GLOBAL IMPACT RESPONSABILIDADE CORPORATIVA NA METLIFE Fotografia das Nações Unidas/Larry Barns GLOBAL IMPACT RESPONSABILIDADE CORPORATIVA NA METLIFE A responsabilidade corporativa tem início ao gerenciarmos os negócios de maneira que minimize riscos, preserve

Leia mais

Aula 1.1 Conteúdo: Como regionalizar o espaço mundial? O que são continentes? FORTALECENDO SABERES APRENDER A APRENDER CONTEÚDO E HABILIDADES

Aula 1.1 Conteúdo: Como regionalizar o espaço mundial? O que são continentes? FORTALECENDO SABERES APRENDER A APRENDER CONTEÚDO E HABILIDADES CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA A Aula 1.1 Conteúdo: Como regionalizar o espaço mundial? O que são continentes? 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA A

Leia mais

AVALIAÇÃO DO POTENCIAL DOS EMPREGOS VERDES. Alcir Vilela Junior

AVALIAÇÃO DO POTENCIAL DOS EMPREGOS VERDES. Alcir Vilela Junior AVALIAÇÃO DO POTENCIAL DOS EMPREGOS VERDES Alcir Vilela Junior ROTEIRO DA CONVERSA Nossa perspectiva ao abordar o tema Como se configura este mercado O perfil profissional e o design instrucional Os resultados

Leia mais

Ecoclubes. Juventude no Presente. Defesa do Ambiente. Associação dos Amigos do Mindelo para a. VIII Encontro Regional de Educação Ambiental

Ecoclubes. Juventude no Presente. Defesa do Ambiente. Associação dos Amigos do Mindelo para a. VIII Encontro Regional de Educação Ambiental Ecoclubes Associação dos Amigos do Mindelo para a Defesa do Ambiente VIII Encontro Regional de Educação Ambiental Furnas, S. Miguel, Açores 2006 Juventude no Presente A Visão Procura-se jovem com um profundo

Leia mais

Financiamento de Longo Prazo no Brasil e o BNDES: Perspectiva Histórica. Anne Hanley Renato Leite Marcondes Julio Manoel Pires

Financiamento de Longo Prazo no Brasil e o BNDES: Perspectiva Histórica. Anne Hanley Renato Leite Marcondes Julio Manoel Pires Financiamento de Longo Prazo no Brasil e o BNDES: Perspectiva Histórica Anne Hanley Renato Leite Marcondes Julio Manoel Pires 1 -Banco de desenvolvimento no contexto internacional Origens no século XIX

Leia mais

Fórum Social Mundial Memória FSM memoriafsm.org

Fórum Social Mundial Memória FSM memoriafsm.org Este documento faz parte do Repositório Institucional do Fórum Social Mundial Memória FSM memoriafsm.org Detalhamento sobre as estratégias de captação de recursos Estratégias Detalhamento Recurso estimado

Leia mais

Os objetivos principais do programa

Os objetivos principais do programa O que é o GELP? O GELP é uma parceria de líderes e consultores de organizações de ordem mundial. Todos colaborando em uma comunidade global, com equipes de líderes educacionais importantes, que estão seriamente

Leia mais

Estágios profissionais são bons para ganhar experiência

Estágios profissionais são bons para ganhar experiência 79% dos universitários portugueses garantem Estágios profissionais são bons para ganhar experiência A rede Universia e o portal de empregos www.trabalhando.com realizaram em nove países um questionário

Leia mais

Plastivida lança campanha de reciclagem na Brasilplast 2007

Plastivida lança campanha de reciclagem na Brasilplast 2007 Plastivida lança campanha de reciclagem na Brasilplast 2007 O objetivo é promover o conceito de reciclagem e ampliar cada vez mais a atividade no Brasil, que hoje já recicla cerca de 520 mil toneladas

Leia mais