Competence Skill Knowledge He/She is able to collect data from customers. Ele / Ela é capaz de coletar dados de clientes.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Competence Skill Knowledge He/She is able to collect data from customers. Ele / Ela é capaz de coletar dados de clientes."

Transcrição

1 Automation and process engineer Engenheiro de automação e processo Professional activities/tasks Collecting data for planning A coleta de dados para o planejamento Collecting data from customers Coleta de dados de clientes He/She is able to collect data from customers. coletar dados de clientes. He/She is able to use the customers data for planning. usar os dados dos clientes para o planejamento. Knowledge data sources Fontes de dados de Knowledge planning Planejamento Carry out rough planning. Realizar o planejamento áspero. He/She is able to carry out rough planning. realizar o planejamento áspero. He/She is able to work directly at the customers branch. trabalhar diretamente na filial clientes. Knowledge rough planning. Planejamento áspera. Giving information on costs Dando informações sobre os custos He/She is able give information on costs.. Ele / Ela é capaz dar informações sobre os custos.. He/She is able to give information on public sponsorship and support activities. dar informações sobre o patrocínio público e atividades de suporte. Knowledge cost management Gestão de custos Conhecimento Knowlegde public sponsorship Knowlegde patrocínio público

2 Planning of systems components Planejamento de componentes de sistemas Working with technical documents Trabalhar com documentos técnicos He / She can produce and read technical documentation. Ele / Ela pode produzir e ler a documentação técnica. He / She can produce and read technical drawings, diagrams and manuals. Ele / Ela pode produzir e ler desenhos técnicos, diagramas e manuais. Knowledge technical plans, drawings, diagrams and manuals Planos de s técnicos, desenhos, diagramas e manuais Constructing Construção de He/She can construct Ele / Ela pode construir He/She can plan Ele / Ela pode planejar He/She can dimensionise Ele / Ela pode dimensionise Knowledge electronic components eletrônico Constructing devices of renewable energy Construção de He/She can construct devices for renewable energy Ele / Ela pode construir He/She can plan renewable energy Ele / Ela pode planejar para as energias renováveis He/She can dimensionise devices for renewable energy Ele / Ela pode dimensionise Knowledge electronic components for devices for renewable energy eletrônicos

3 Assembling of plants Montagem de plantas Assemble electrotechnical components Montar componentes electrotécnicos assemble electrical components and assemblies montar os componentes elétricos e montagens He / she able to use materials and auxiliary materials. Ele / ela capaz de utilizar materiais e materiais auxiliares. He is able to use and operate the machinery and equipment, as well as contemporary work practices in the areas of installation, machinery and control technology. Ele é capaz de usar e operar as máquinas e equipamentos, bem como as práticas de trabalho contemporâneas nas áreas de tecnologia de máquinas, instalação e controle. Knowledge installation Instalação de Knowledge Energy Technology Tecnologia de Energia Knowledge machinery and equipment Máquinas e equipamentos de Knowledge control technology Tecnologia de controle de Building automation systems Automação de sistemas de construção assemble automation systems automação assemble Process Control Systems controle de processo Knowledge Automation Systems Automação Sistemas de Conhecimento Knowledge Process Control Systems Sistemas de Controle de Processos

4 Building automation systems in the area of Construção de sistemas de automação na área de assemble automation systems in the area of automação na área de assemble Process Control Systems in the area of controle de processo na área de energias renováveis Knowledge Automation Systems in the area of Conhecimento Sistemas de Automação na área de Knowledge Process Control Systems in the area of renewable energies Sistemas de Controle de Processo na área de Taking plants into operation Tomando plantas em operação Take electrical components into operation Tome componentes elétricos em operação take electrical components into operation levar componentes elétricos em operação take electrical assemblies into operation levar montagens elétricas em operação Knowledge electrical components elétricos Knowledge electrical assemblies Assembléias elétricos Taking automation and process control systems into operation Tomando sistemas de automação e controle de processos em operação

5 He / She able to take automation and process control systems into operation. Ele / Ela capaz de tomar sistemas de automação e controle de processos em operação. He / she is able to calibrate sensors and to capture, transmit, to process and visualize measurements Ele / ela é capaz de calibrar sensores e para capturar, transmitir, processar e visualizar as medidas Knowledge process control systems sistemas de controle de processo Knowledge sensor systems Sensor de sistemas de Taking automation and process control systems for devices of renewable energy into operation Tomando sistemas de automação e controle de processo energia renovável em operação He / She able to take automation and process control systems in the area of renewable energy into operation. Ele / Ela capaz de tomar sistemas de automação e controle de processos na área de energias renováveis em operação. He / she is able to calibrate sensors and to capture, transmit, to process and visualize measurements in the area of renewable energy Ele / ela é capaz de calibrar sensores e para capturar, transmitir, processar e visualizar as medidas na área de Knowledge process control systems in the area of renewable energy sistemas de controle de processos na área de Knowledge sensor systems in the area of renewable energy sistemas de sensores na área de

Automation and mechatronics technician Automação e mecatrônica técnico. Professional activities/tasks

Automation and mechatronics technician Automação e mecatrônica técnico. Professional activities/tasks Automation and mechatronics technician Automação e mecatrônica técnico Professional activities/tasks To cooperate in the mechatronic systems design and in their integration for the management of the production

Leia mais

Information technology specialist (systems integration) Especialista em tecnologia da informação (integração de sistemas)

Information technology specialist (systems integration) Especialista em tecnologia da informação (integração de sistemas) Information technology specialist (systems integration) Especialista em tecnologia da informação (integração de sistemas) Professional activities/tasks Design and produce complex ICT systems by integrating

Leia mais

Protective circuitry, protective measures, building mains feed, lighting and intercom systems

Protective circuitry, protective measures, building mains feed, lighting and intercom systems Tecnologia de instalações electrónicas Training systems / trainers for electrical wiring/building management systems: Protective circuitry, protective measures, building mains feed, lighting and intercom

Leia mais

Painel 4 A importância da interclusterização no desenvolvimento da economia do mar - A perspetiva do Pólo da Energia -

Painel 4 A importância da interclusterização no desenvolvimento da economia do mar - A perspetiva do Pólo da Energia - Painel 4 A importância da interclusterização no desenvolvimento da economia do mar - A perspetiva do Pólo da Energia - 6ª EXPO ENERGIA 8 Novembro 2011 Painel Mercados emergentes nas energias renováveis:

Leia mais

FLUXO DE ENGENHARIA. Prof. Ricardo Yogui. BIM: Novas Tecnologias e Metodologias na Engenharia 2º Semestre de 2013. MIPS - 2012 Direito Autoral

FLUXO DE ENGENHARIA. Prof. Ricardo Yogui. BIM: Novas Tecnologias e Metodologias na Engenharia 2º Semestre de 2013. MIPS - 2012 Direito Autoral 2º Semestre de 2013 FLUXO DE ENGENHARIA EVTE Projeto Básico Projeto Executivo Construção & Montagem Comissionamento Operação Prof. Ricardo Yogui 2º Semestre de 2013 Consideração Inicial O objetivo desta

Leia mais

O Processo de Comissionamento. Certificação LEED. Leonilton Tomaz Cleto - Yawatz Engenharia Porto Alegre RS 10/11/2010

O Processo de Comissionamento. Certificação LEED. Leonilton Tomaz Cleto - Yawatz Engenharia Porto Alegre RS 10/11/2010 O Processo de Comissionamento dentro do Programa de Certificação LEED Leonilton Tomaz Cleto - Yawatz Engenharia Porto Alegre RS 10/11/2010 O Conceito de Sustentabilidade O conceito de sustentabilidade

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO Instituto Federal de Educação, Ciencia e Tecnologia do Acre Código da UASG: 158156 Pregão Eletrônico Nº 1/2013 Objeto:

Leia mais

Be able to communicate in Italian language and English and to do basic calculations Ser capaz de comunicar em língua italiana e

Be able to communicate in Italian language and English and to do basic calculations Ser capaz de comunicar em língua italiana e Higher Technician for Mechanics and Mechatronics Técnico Superior de Mecânica Professional activities/tasks Teachings of general area Ensinamentos de área geral General teachings Geral ensinamentos Be

Leia mais

PLANTA DIDÁTICA COMANDADA VIA SUPERVISÓRIO

PLANTA DIDÁTICA COMANDADA VIA SUPERVISÓRIO PLANTA DIDÁTICA COMANDADA VIA SUPERVISÓRIO Aline Lima Silva¹; Danilo Menezes de Abreu²; Jailson da silva Machado³; Alexandre Teles 4 (orientador) ¹Faculdade de Engenharia de Resende. Resende - RJ alinel-silva@hotmail.com

Leia mais

GIS technology for distribution networks Tecnologia GIS para redes de distribuição Ricardo Pinheiro

GIS technology for distribution networks Tecnologia GIS para redes de distribuição Ricardo Pinheiro GIS technology for distribution networks Tecnologia GIS para redes de distribuição Ricardo Pinheiro Gerenciamento de dados de rede de distribuição de energia com tecnologia GIS Ricardo Tiago Pinheiro Executivo

Leia mais

Sistemas de Automação Residencial aliados ao uso de Energias Renováveis. Automation Systems Residential allies the use of Renewable Energy

Sistemas de Automação Residencial aliados ao uso de Energias Renováveis. Automation Systems Residential allies the use of Renewable Energy Sistemas de Automação Residencial aliados ao uso de Energias Renováveis Resumo A intensa utilização de energias não renováveis e derivados do petróleo e a preocupação com o meio ambiente estão levando

Leia mais

ABM - 44º Seminário de Aciaria Internacional. Fatores Críticos de Engenharia e Projeto na Indústria Siderúrgica PLANEJAR PARA EXECUTAR

ABM - 44º Seminário de Aciaria Internacional. Fatores Críticos de Engenharia e Projeto na Indústria Siderúrgica PLANEJAR PARA EXECUTAR ABM - 44º Seminário de Aciaria Internacional Fatores Críticos de Engenharia e Projeto na Indústria Siderúrgica PLANEJAR PARA EXECUTAR GERDAU NO MUNDO Fonte: RELATÓRIO ANUAL 2012 GERDAU NO BRASIL Produção

Leia mais

INSCRIÇÃO Bolsas de Estudo MEXT (Monbukagakusho)

INSCRIÇÃO Bolsas de Estudo MEXT (Monbukagakusho) INSCRIÇÃO Bolsas de Estudo MEXT (Monbukagakusho) ESCOLA TÉCNICA 2014 Atenção!! - Este Consulado recebe inscrição somente dos candidatos residentes nos Estados de Rio de Janeiro, Minas Gerais (exceto Triângulo

Leia mais

CONSULTORIA E ACOMPANHAMENTO PATRIMÓNIO HISTÓRICO E CONTEMPORÂNEO

CONSULTORIA E ACOMPANHAMENTO PATRIMÓNIO HISTÓRICO E CONTEMPORÂNEO CONSULTORIA E ACOMPANHAMENTO PATRIMÓNIO HISTÓRICO E CONTEMPORÂNEO O QUE OFERECEMOS! COMO FUNCIONA! CONTACTOS CONSULTORIA E ACOMPANHAMENTO PATRIMÓNIO HISTÓRICO E CONTEMPORÂNEO ÍNDICE CONTACTOS O QUE OFERECEMOS!

Leia mais

INSCRIÇÃO Bolsas de Estudo MEXT (Monbukagakusho)

INSCRIÇÃO Bolsas de Estudo MEXT (Monbukagakusho) INSCRIÇÃO Bolsas de Estudo MEXT (Monbukagakusho) ESCOLA TÉCNICA 2015 Atenção!! - Este Consulado recebe inscrição somente dos candidatos residentes nos Estados de Rio de Janeiro, Minas Gerais (exceto Triângulo

Leia mais

Revisão do Mapeamento de Processos em Levantamentos Topográficos de Áreas Patrimoniais. Antônio Diego Oliveira de Almeida Ivanildo Barbosa

Revisão do Mapeamento de Processos em Levantamentos Topográficos de Áreas Patrimoniais. Antônio Diego Oliveira de Almeida Ivanildo Barbosa Revisão do Mapeamento de Processos em Levantamentos Topográficos de Áreas Patrimoniais Antônio Diego Oliveira de Almeida Ivanildo Barbosa Instituto Militar de Engenharia - IME CEP 22290-270 - Rio de Janeiro

Leia mais

SCHOOLS LOOKING FOR STUDENTS FOR ERASMUS PLACEMENTS

SCHOOLS LOOKING FOR STUDENTS FOR ERASMUS PLACEMENTS SCHOOLS LOOKING FOR STUDENTS FOR ERASMUS PLACEMENTS 2015 /16 ESTÁGIOS ERASMUS EM ESCOLAS * ERASMUS PLACEMENTS IN SCHOOLS * [POR FAVOR, PREENCHA O FORMULÁRIO NA (NUMA DAS) LÍNGUA(S) DE TRABALHO DO ESTÁGIO:

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação I

Administração de Sistemas de Informação I Administração de Sistemas de Informação I Prof. Farinha Aula 04 Conceito Sistema de Informação é uma série de elementos ou componentes inter-relacionados que coletam (entrada), manipulam e armazenam (processo),

Leia mais

CRONOGRAMA DE APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS CR3+2015 11.11.15

CRONOGRAMA DE APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS CR3+2015 11.11.15 Horários 13h30 às 15h30 11.11.15 13h30 às 15h30 SESSÃO 1: APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS Sala 1 Painel Estratégias e Horários Sala 2 - Painel Políticas Públicas e Práticas Sustentáveis P1 Consumo e Produção

Leia mais

IEP Presentation. Main working domains. IEP Presentation. Testing laboratories. Testing laboratories

IEP Presentation. Main working domains. IEP Presentation. Testing laboratories. Testing laboratories CIMi2010 - Metrology and Industry International Conference Porto, 17 19 March 2010 A Internet ao serviço da Metrologia: um espaço na Web de partilha de informações relacionadas com a Ciência da Medição

Leia mais

T11 - Manufatura Inteligente Integrando sistemas para o aumento da Produtividade

T11 - Manufatura Inteligente Integrando sistemas para o aumento da Produtividade T11 - Manufatura Inteligente Integrando sistemas para o aumento da Produtividade PUBLIC PUBLIC - 5058-CO900H Desafios Tradicionais de Manufatura Dados de chão de fábrica tipicamente usados somente para

Leia mais

Motor PTC Kit. Kit PTC del Motor. Kit PTC do Motor SSW-07 / SSW-08

Motor PTC Kit. Kit PTC del Motor. Kit PTC do Motor SSW-07 / SSW-08 Motors Automation Energy Transmission & Distribution Coatings Motor PTC Kit Kit PTC del Motor Kit PTC do Motor SSW-07 / SSW-08 Installation, Configuration and Operation Guide Guía de Instalación, Configuración

Leia mais

CONTROLE DE PROCESSOS NO ENSINO DE ELETRÔNICA MODELAGEM E SIMULAÇÃO

CONTROLE DE PROCESSOS NO ENSINO DE ELETRÔNICA MODELAGEM E SIMULAÇÃO CONTROLE DE PROCESSOS NO ENSINO DE ELETRÔNICA MODELAGEM E SIMULAÇÃO Larissa Moura Andrade lma.encaut@gmail.com Samuel Fernandes e Silva samuca.encaut@gmail.com Marlon José do Carmo marloncarmo@ieee.org

Leia mais

USO DO GEOPROCESSAMENTO COMO FERRAMENTA DE AUXÍLIO PARA O GERENCIAMENTO DAS ATIVIDADES DE TELECOMUNICAÇÕES

USO DO GEOPROCESSAMENTO COMO FERRAMENTA DE AUXÍLIO PARA O GERENCIAMENTO DAS ATIVIDADES DE TELECOMUNICAÇÕES USO DO GEOPROCESSAMENTO COMO FERRAMENTA DE AUXÍLIO PARA O GERENCIAMENTO DAS ATIVIDADES DE TELECOMUNICAÇÕES OLIVEIRA, K. A. S. D. 1 ; LEITE, M. L. DE O. 2 ; MENEZES, A. R. 3 ; MEDEIROS, S. L. 4 RESUMO:

Leia mais

and the Municipality of SERTÃ

and the Municipality of SERTÃ RETS Launch Conference 3rd February 2010 Casa da Cultura da Sertã SERTÃ, Portugal Renewable Energies and the Municipality of SERTÃ, Mayor The participation of Sertã in RETS is the continuation of its journey

Leia mais

ANA SOFIA MARQUES CORREIA ANA SOFIA MARQUES CORREIA Translator since 2007 Tradutora desde 2007 PERSONAL INFORMATION INFORMAÇÃO PESSOAL...

ANA SOFIA MARQUES CORREIA ANA SOFIA MARQUES CORREIA Translator since 2007 Tradutora desde 2007 PERSONAL INFORMATION INFORMAÇÃO PESSOAL... Contents Índice PERSONAL INFORMATION INFORMAÇÃO PESSOAL... 1 ACADEMIC EDUCATION FORMAÇÃO ACADÉMICA... 1 SOFTWARE TOOLS (PC) FERRAMENTAS DE SOFTWARE (PC)... 2 SERVICES SERVIÇOS... 2 TRANSLATION EXPERIENCE

Leia mais

ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações

ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações Raquel Silva 02 Outubro 2014 ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 PUBLICAÇÃO DIS: - Draft International Standard

Leia mais

SENSORES E ATUADORES: PLANO DE DISCIPLINA

SENSORES E ATUADORES: PLANO DE DISCIPLINA SENSORES E ATUADORES: PLANO DE DISCIPLINA Cynthia Thamires da Silva cynthiathamires@usp.br João Francisco Justo Filho jjusto@lme.usp.br Bruno Martin de Alcântara Dias alcantara.dias@usp.br Armando Antônio

Leia mais

Guia de Instalação Rápida TEG-448WS H/W: B2.0R

Guia de Instalação Rápida TEG-448WS H/W: B2.0R Guia de Instalação Rápida TEG-448WS H/W: B2.0R Table Índice of Contents Português... 1 1. Antes de Iniciar... 1 2. Instalação do Hardware... 2 3. Utilitário de Gerenciamento Web... 3 Troubleshooting...

Leia mais

Construção, Território e Ambiente. Construction, Planning and Environment. Semestre do plano de estudos 2

Construção, Território e Ambiente. Construction, Planning and Environment. Semestre do plano de estudos 2 Nome UC Construção, Território e Ambiente CU Name Código UC 11 Curso LEC Semestre do plano de estudos 2 Área científica Engenharia Civil Duração Semestral Horas de trabalho 95 ECTS 3.5 Horas de contacto

Leia mais

Using Big Data to build decision support tools in

Using Big Data to build decision support tools in Using Big Data to build decision support tools in Agriculture Laboratory of Architecture Karen Langona and Computer Networks OSDC PIRE 2013 Edinburgh Workshop Climate and Agricultural Planning Agriculture

Leia mais

Guia de Instalação Rápida TBW-101UB TBW-102UB

Guia de Instalação Rápida TBW-101UB TBW-102UB Guia de Instalação Rápida TBW-101UB TBW-102UB Índice Português... 1. Antes de Iniciar... 2. Como instalar... 3. Usando o Adaptador Bluetooth... 1 1 2 4 Troubleshooting... 5 (Version 05.30.2006) 1. Antes

Leia mais

Build your equipment in Brazil. Construa seu equipamento no Brasil Contruye tu equipo en Brasil

Build your equipment in Brazil. Construa seu equipamento no Brasil Contruye tu equipo en Brasil Build your equipment in Brazil Construa seu equipamento no Brasil Contruye tu equipo en Brasil DESIGN CLIENT Rossil through the fields of Engineering, Machining, Boiler, finishing and painting, makes available

Leia mais

Aplicações do AutoCAD Plant 3D em Energias Renováveis

Aplicações do AutoCAD Plant 3D em Energias Renováveis Aplicações do AutoCAD Plant 3D em Energias Renováveis Diogenes Paranhos Andritz Hydro Inepar do Brasil S.A. Glycon Barros / Breno Miranda / Phillip Morais - Fluenge Engenharia de Fluídos Benefícios práticos

Leia mais

Mauro de Mesquita Spinola, Prof. Dr. mauro.spinola@usp.br Escola Politécnica da USP Departamento de Engenharia de Produção

Mauro de Mesquita Spinola, Prof. Dr. mauro.spinola@usp.br Escola Politécnica da USP Departamento de Engenharia de Produção Mauro de Mesquita Spinola, Prof. Dr. mauro.spinola@usp.br Escola Politécnica da USP Departamento de Engenharia de Produção [Palestra realizada na 60ª reunião do SPIN-SP, comemorativa dos seus 15 anos]

Leia mais

Versão 1. Nome do aluno: N.º: Turma: Atenção! Não vires esta página até receberes a indicação para o fazeres.

Versão 1. Nome do aluno: N.º: Turma: Atenção! Não vires esta página até receberes a indicação para o fazeres. Teste Intermédio de Inglês Parte III Compreensão do oral Versão 1 Teste Intermédio Inglês Versão 1 Duração do Teste: 15 minutos 22.02.2013 9.º Ano de Escolaridade Escola: Nome do aluno: N.º: Turma: Classificação

Leia mais

Manual de Docência. Faculdade de Ciências da Saúde. Disciplina: Métodos e Técnicas de Comunicação Parte Prática

Manual de Docência. Faculdade de Ciências da Saúde. Disciplina: Métodos e Técnicas de Comunicação Parte Prática Disciplina: Métodos e Técnicas de Comunicação Parte Prática Curso: Ciências da Reabilitação & Ciências Farmacêuticas Ano: 1º Docente: Luís Borges Gouveia http://www.ufp.pt/~lmbg lmbg@ufp.pt 2002/2003 Universidade

Leia mais

MONITORAMENTO TECNOLÓGICO: UM ESTUDO SOBRE AS PATENTES DEPOSITADAS NO BRASIL ENTRE 2006 E 2008

MONITORAMENTO TECNOLÓGICO: UM ESTUDO SOBRE AS PATENTES DEPOSITADAS NO BRASIL ENTRE 2006 E 2008 MONITORAMENTO TECNOLÓGICO: UM ESTUDO SOBRE AS PATENTES DEPOSITADAS NO BRASIL ENTRE 2006 E 2008 Leonardo Batista Paiva Leonardo C Ribeiro; Isabel Loureiro. Objetivo O objetivo é avaliar a participação relativa

Leia mais

USO DE KITS DEMONSTRATIVOS PARA A ATRAÇÃO E RETENÇÃO DE ALUNOS DO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA

USO DE KITS DEMONSTRATIVOS PARA A ATRAÇÃO E RETENÇÃO DE ALUNOS DO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA USO DE KITS DEMONSTRATIVOS PARA A ATRAÇÃO E RETENÇÃO DE ALUNOS DO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA Roberto S. Macena¹;Jessiedna A. de Sá²;Edmar C. Gurjão³ Universidade Federal de Campina Grande Departamento

Leia mais

CMDB no ITIL v3. Miguel Mira da Silva. mms@ist.utl.pt 919.671.425

CMDB no ITIL v3. Miguel Mira da Silva. mms@ist.utl.pt 919.671.425 CMDB no ITIL v3 Miguel Mira da Silva mms@ist.utl.pt 919.671.425 1 CMDB v2 Configuration Management IT components and the services provided with them are known as CI (Configuration Items) Hardware, software,

Leia mais

QUALIDADE DE ENERGIA DA GERAÇÃO DISTRIBUÍDA COM SISTEMAS FOTOVOLTAICOS CONECTADOS A REDE NA USP: Avaliação dos parâmetros de suprimento

QUALIDADE DE ENERGIA DA GERAÇÃO DISTRIBUÍDA COM SISTEMAS FOTOVOLTAICOS CONECTADOS A REDE NA USP: Avaliação dos parâmetros de suprimento QUALIDADE DE ENERGIA DA GERAÇÃO DISTRIBUÍDA COM SISTEMAS FOTOVOLTAICOS CONECTADOS A REDE NA USP: Avaliação dos parâmetros de suprimento Wilson Negrão Macêdo Programa Interunidade de Pós-graduação em Energia

Leia mais

COLETA DE LIXO TECNOLÓGICO

COLETA DE LIXO TECNOLÓGICO COLETA DE LIXO TECNOLÓGICO SANTOS, A. B. RESUMO O uso das novas tecnologias vem alterando significativamente o cenário das nossas empresas, indústrias, prestação de serviços de diversas áreas, como estamos

Leia mais

engenharia inteligente em soluções integradas CERTIFICADO/CERTIFIED

engenharia inteligente em soluções integradas CERTIFICADO/CERTIFIED www.device.com.br engenharia inteligente em soluções integradas CERTIFICADO/CERTIFIED CONHEÇA A DEVICE Em um momento de grandes realizações e amplo crescimento, a Device Automation é uma empresa com sólida

Leia mais

Integrated Network Operations Support System ISO 9001 Certified A Plataforma Integradora Integrated Platform O INOSS V2 é uma poderosa plataforma de operação e gestão centralizada de redes e serviços de

Leia mais

7º Programa Quadro Tema ENERGIA Os próximos concursos: tópicos e destaques

7º Programa Quadro Tema ENERGIA Os próximos concursos: tópicos e destaques 7º Programa Quadro Tema ENERGIA Os próximos concursos: tópicos e destaques Helder Gonçalves Delegado Nacional tema Energia TÓPICOS DO TEMA ENERGIA WP 2012 ACTIVITY ENERGY 1; Hydrogen and Fuel Cells ACTIVITY

Leia mais

Page 1. Gestão da Mudança. Tópicos. Evolução das Organizações. As organizações COM FUTURO Network. As 5 Disciplinas (Peter M.

Page 1. Gestão da Mudança. Tópicos. Evolução das Organizações. As organizações COM FUTURO Network. As 5 Disciplinas (Peter M. Tópicos A evolução das organizações A Learning Organization as 5 disciplinas Mudança organizacional Reengenharia dos Processos de Negócio e Sistemas de Informação José Cruz Filipe JCFilipe 1 JCFilipe 2

Leia mais

Projeto Aranha. Diego Guérios Meyer. Fabrizio Cantoni. Fernando Ferreira Akel

Projeto Aranha. Diego Guérios Meyer. Fabrizio Cantoni. Fernando Ferreira Akel Projeto Aranha Diego Guérios Meyer Fabrizio Cantoni Fernando Ferreira Akel Abstract Interdisciplinar work presented on the disciplines : Physics III,Advanced Programming Technics, Electric Circuits I and

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO Raphael Martins Chabar Otimização da operação sob incerteza de usinas termelétricas com contratos de combustível com cláusulas de take-or-pay Dissertação

Leia mais

Resumo. Abstract. 1. Introdução. Doutor, Professor UFRN 2 Engenheiro de Computação, Pesquisador UFRN. Doutora, Professora UFRN

Resumo. Abstract. 1. Introdução. Doutor, Professor UFRN 2 Engenheiro de Computação, Pesquisador UFRN. Doutora, Professora UFRN IBP1654_06 SIMULAÇÃO DE UMA DEBUTANIZADORA REAL UTILIZANDO UM SOFTWARE COMERCIAL André L. Maitelli 1, Wallace A. Rocha 2,Vanja M. F. Bezerra 3, Márcia M. L. Duarte 4 Copyright 2006, Instituto Brasileiro

Leia mais

AUTOMAÇÃO DE SUBESTAÇÕES INDUSTRIAIS

AUTOMAÇÃO DE SUBESTAÇÕES INDUSTRIAIS doi: 10.4322/tmm.00303008 AUTOMAÇÃO DE SUBESTAÇÕES INDUSTRIAIS Allan de Oliveira Souto 1 Marcos de Oliveira Fonseca 2 Resumo Este trabalho se refere ao projeto de modernização de uma subestação principal

Leia mais

NCE/10/00391 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos

NCE/10/00391 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/10/00391 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos NCE/10/00391 Decisão de apresentação de pronúncia - Novo ciclo de estudos Decisão de Apresentação de Pronúncia ao Relatório da

Leia mais

Como obter respostas relevantes e precisas através do conteúdo de ebooks.

Como obter respostas relevantes e precisas através do conteúdo de ebooks. Como obter respostas relevantes e precisas através do conteúdo de ebooks. Agenda ebook e a Bioenergia mundo da engenharia A importância dos livros no Elsevier Biofuel - ebooks e a bioenergia Crescimento

Leia mais

AVALIAÇÃO DO MÓDULO DA ACELERAÇÃO DA GRAVIDADE LOCAL COM ARDUINO

AVALIAÇÃO DO MÓDULO DA ACELERAÇÃO DA GRAVIDADE LOCAL COM ARDUINO AVALIAÇÃO DO MÓDULO DA ACELERAÇÃO DA GRAVIDADE LOCAL COM ARDUINO Judismar Tadeu Guaitolini Junior¹, Gabryel Silva Ramos², Samir Lacerda da Silva³ ¹Instituto Federal do Espírito Santo Campus Vitória, jguaitolini@ifes.edu.br

Leia mais

COMISSIONAMENTO VIRTUAL

COMISSIONAMENTO VIRTUAL COMISSIONAMENTO VIRTUAL Tales Gustavo Vieira tales@ita.br Diego Vedolin diego.vedolin@siemens.com Instituto Tecnológico de Aeronáutica ITA Centro de Competência em Manufatura CCM Siemens Instituto Tecnológico

Leia mais

Transformação de um Modelo de Empresa em Requisitos de Software

Transformação de um Modelo de Empresa em Requisitos de Software Transformação de um Modelo de Empresa em Requisitos de Software Fábio Levy Siqueira 1 and Paulo Sérgio Muniz Silva 2 1 Programa de Educação Continuada da Poli-USP, São Paulo, Brazil 2 Escola Politécnica

Leia mais

IT Governance e ISO/IEC 20000. Susana Velez

IT Governance e ISO/IEC 20000. Susana Velez IT Governance e ISO/IEC 20000 Susana Velez Desafios de TI Manter TI disponível Entregar valor aos clientes Gerir os custos de TI Gerir a complexidade Alinhar TI com o negócio Garantir conformidade com

Leia mais

MONITORAMENTO RESIDENCIAL UTILIZANDO O ZABBIX E O PADRÃO IEEE 802.15.4 RESIDENTIAL MONITORING USING ZABBIX AND IEEE 802.15.

MONITORAMENTO RESIDENCIAL UTILIZANDO O ZABBIX E O PADRÃO IEEE 802.15.4 RESIDENTIAL MONITORING USING ZABBIX AND IEEE 802.15. MONITORAMENTO RESIDENCIAL UTILIZANDO O ZABBIX E O PADRÃO IEEE 802.15.4 W. ROMEIRO * e F. COSTA Instituto Federal de Ciências e Tecnologias do Rio Grande do Norte wr.romeiro@gmail.com * Artigo submetido

Leia mais

Preparatory consultation about the incoming orders/new collection Consulta preparatória sobre as ordens de entrada / nova coleção

Preparatory consultation about the incoming orders/new collection Consulta preparatória sobre as ordens de entrada / nova coleção Fashion designer Costureiro Professional activities/tasks Developing the Desenvolvimento da coleção Units/Sub-units Planning and organizing one's own work Planejamento e organização o próprio trabalho

Leia mais

Quem é a GLOBAL GEOMÁTICA Divisão Offshore? O que a GLOBAL GEOMÁTICA Divisão Offshore faz?

Quem é a GLOBAL GEOMÁTICA Divisão Offshore? O que a GLOBAL GEOMÁTICA Divisão Offshore faz? Quem é a GLOBAL GEOMÁTICA Divisão Offshore? Empresa de Engenharia com serviços especializados, produto da larga experiência de nossos profissionais em trabalhos de EVTEAs, Projetos Conceituais, Projetos

Leia mais

Portefólio. Portfolio. energias renováveis. climatização. Gás. air conditioning. Gas

Portefólio. Portfolio. energias renováveis. climatização. Gás. air conditioning. Gas Portefólio Portfolio Gás Gas climatização air conditioning energias renováveis RENEWABLE ENERGIES Empresa company A SolGás foi fundada em 1979, por José Fernando Pinheiro Ribeiro em Marco de Canaveses,

Leia mais

Exacta ISSN: 1678-5428 exacta@uninove.br Universidade Nove de Julho Brasil

Exacta ISSN: 1678-5428 exacta@uninove.br Universidade Nove de Julho Brasil Exacta ISSN: 1678-5428 exacta@uninove.br Universidade Nove de Julho Brasil Ribeiro da Cruz Filho, Osvaldo; Linhares Qualharini, Eduardo Automação de sistema hidráulico em edificações verticalizadas e seus

Leia mais

Energy Intelligence Gerenciamento de Energia Integrado a Automação.

Energy Intelligence Gerenciamento de Energia Integrado a Automação. Energy Intelligence Gerenciamento de Energia Integrado a Automação. CELSO COSTA Gerente de Produtos (21) 99276-3451 celsocosta@ladder.com.br EDUARDO SILVA Engenheiro de Produtos (21) 99307-6664 eduardosilva@ladder.com.br

Leia mais

SISTEMA DE APOIO A DECISÃO UTILIZANDO REALIDADE VIRTUAL E AUMENTADA

SISTEMA DE APOIO A DECISÃO UTILIZANDO REALIDADE VIRTUAL E AUMENTADA SISTEMA DE APOIO A DECISÃO UTILIZANDO REALIDADE VIRTUAL E AUMENTADA Kenedy Lopes Nogueira. Edgard Lamounier, Gerson F. Lima klnogueira@hotmail.com, elamounier@gmail.com Universidade Federal de Uberlândia

Leia mais

CURSO/ COURSE: Engenharia Electrotécnica e de Computadores/ Electrical and Computer Engineering

CURSO/ COURSE: Engenharia Electrotécnica e de Computadores/ Electrical and Computer Engineering 1 CURSO/ COURSE: TIPO DE CURSO/ COURSE TYPE: Ciclo de Estudos Integrado (Mestrado Integrado)/ Integrated Study Cycle (Integrated Master) DURAÇÃO/ DURATION: 10 semestres/ 10 semesters 300 ECTS PLANO DE

Leia mais

FactoryTalk AssetCentre Introdução e Demonstração

FactoryTalk AssetCentre Introdução e Demonstração FactoryTalk AssetCentre Introdução e Demonstração PUBLIC INFORMATION Extending the Integrated Architecture Operator Maintenance Control Engineer Executive Plant Manager Software Product Overview AssetCentre

Leia mais

CUSTOS DO ABATIMENTO DE EMISSÕES AÉREAS NA GERAÇÃO TERMELÉTRICA A CARVÃO MINERAL

CUSTOS DO ABATIMENTO DE EMISSÕES AÉREAS NA GERAÇÃO TERMELÉTRICA A CARVÃO MINERAL CUSTOS DO ABATIMENTO DE EMISSÕES AÉREAS NA GERAÇÃO TERMELÉTRICA A CARVÃO MINERAL ANA PAULA ANDERSON 1 e GILNEI CARVALHO OCÁCIA 2 1- SUMESA Sulina de Metais S/A 2- ULBRA/CANOAS Departamento de Engenharia

Leia mais

Semana de Atividades Científicas 2012 Associação Educacional Dom Bosco Faculdade de Engenharia de Resende Engenharia Elétrica Eletrônica

Semana de Atividades Científicas 2012 Associação Educacional Dom Bosco Faculdade de Engenharia de Resende Engenharia Elétrica Eletrônica Semana de Atividades Científicas 2012 Associação Educacional Dom Bosco Faculdade de Engenharia de Resende Engenharia Elétrica Eletrônica PLANTA DIDÁTICA DE INSTRUMENTAÇÃO PARA PROCESSAMENTO DE ÁGUA GELADA

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação I

Administração de Sistemas de Informação I Administração de Sistemas de Informação I Prof. M.Sc. Anderson Pazin Aula 01 Sistema Sistema é um conjunto de elementos dinamicamente relacionados formando uma atividade para atingir um objetivo sobre

Leia mais

Foreign Trade Promotion for German Small and Medium-Sized Enterprises (SMEs) in Brazil

Foreign Trade Promotion for German Small and Medium-Sized Enterprises (SMEs) in Brazil Foreign Trade Promotion for German (SMEs) in Brazil Vice-President of Marketing and Sales, German-Brazilian Chamber of Industry and Commerce Blumenau, November 20, 2007 Worldwide German Chambers Network

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS Curricular Unit Plan ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS CURSO Licenciatura em Engenharia Informática U.C. GESTÃO DE PROJECTOS INFORMÁTICOS Horas presenciais / Ano 56 Ano Lectivo 2010

Leia mais

Ações de Promoção da Saúde na Autogestão de Saúde Suplementar

Ações de Promoção da Saúde na Autogestão de Saúde Suplementar UNIVERSIDADE DE BRASILIA - UNB FACULDADE DE CIÊNCIAS DA SAÚDE NÚCLEO DE ESTUDOS EM EDUCAÇÃO E PROMOÇÃO DA SAÚDE NESPROM CENTRO DE ESTUDOS AVANÇADOS MULTIDISCIPINAR - CEAM CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO

Leia mais

Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE

Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE IV EXPOEPI International Perspectives on Air Quality: Risk Management Principles for Oficina de Trabalho: Os Desafios e Perspectivas da Vigilância Ambiental

Leia mais

Software product lines. Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco

Software product lines. Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Software product lines Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Software product lines basic concepts Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Um produto www.usm.maine.edu

Leia mais

Gestão da Informação

Gestão da Informação Gestão da Informação Aplicações de suporte à Gestão da Informação na empresa Luis Borges Gouveia, lmbg@ufp.pt Aveiro, Fevereiro de 2001 Sistemas de informação para empresas Manutenção e exploração de sistemas

Leia mais

A Importância da Certificação em Cloud Computing

A Importância da Certificação em Cloud Computing Marcelo Sávio Arquiteto de TI IBM Brasil A Importância da Certificação em Cloud Computing 1 100 Anos IBM: 100 Anos (1911-2011) E a demanda por TI só cresce... Exabytes 1,800 1,600 1,400 1,200 1,000 800

Leia mais

PC 7 - GESTÃO DO CONHECIMENTO, COMUNICAÇÃO E CAPACITAÇÃO. Natália Martins Alexandre Caetano Marta Martins Wagner Arbex

PC 7 - GESTÃO DO CONHECIMENTO, COMUNICAÇÃO E CAPACITAÇÃO. Natália Martins Alexandre Caetano Marta Martins Wagner Arbex PC 7 - GESTÃO DO CONHECIMENTO, COMUNICAÇÃO E CAPACITAÇÃO Natália Martins Alexandre Caetano Marta Martins Wagner Arbex MOTIVAÇÃO A GESTÃO DO CONHECIMENTO (GC) É UM ASPECTO FUNDAMENTAL E ESTRATÉGIO PARA

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE TRÊS FERRAMENTAS DIDÁTICAS PARA AUXILIAR O ENSINO DE AUTOMAÇÃO EM CURSOS TÉCNICOS E SUPERIORES

DESENVOLVIMENTO DE TRÊS FERRAMENTAS DIDÁTICAS PARA AUXILIAR O ENSINO DE AUTOMAÇÃO EM CURSOS TÉCNICOS E SUPERIORES DESENVOLVIMENTO DE TRÊS FERRAMENTAS DIDÁTICAS PARA AUXILIAR O ENSINO DE AUTOMAÇÃO EM CURSOS TÉCNICOS E SUPERIORES Josimar R. N. josimarnolasco@yahoo.com.br Lindolpho O. de Araujo Júnior lindolpho@leopoldina.cefetmg.br

Leia mais

Novas tecnologias de armazenamento de energia

Novas tecnologias de armazenamento de energia Novas tecnologias de armazenamento de energia New technologies for energy storage Alberto Jorge Bernardo www.efacec.com Porquê? Why? Aumento da penetração de renováveis (RES) Increase of renewables penetration

Leia mais

Developing customer relationship through marketing campaigns Desenvolvendo o relacionamento com o cliente através de campanhas de marketing Marco

Developing customer relationship through marketing campaigns Desenvolvendo o relacionamento com o cliente através de campanhas de marketing Marco Developing customer relationship through marketing campaigns Desenvolvendo o relacionamento com o cliente através de campanhas de marketing Marco Antonio Donatelli Desenvolvendo relacionamento com clientes

Leia mais

Plano de aula: ferramenta pedagógica da prática docente

Plano de aula: ferramenta pedagógica da prática docente Plano de aula: ferramenta pedagógica da prática docente MANOEL CIPRIANO OLIVEIRA Mestre em Educação, graduado e especialista em Direito e graduando em Filosofia pela Universidade Federal de Uberlândia/MG.

Leia mais

CAPÍTULO 4 INOVAÇÃO ABERTA

CAPÍTULO 4 INOVAÇÃO ABERTA CAPÍTULO 4 INOVAÇÃO ABERTA GESTÃO DA INOVAÇÃO: UMA MUDANÇA DE PERSPECTIVA A Empresa From end to end versus Inovar e Explorar Colaborando DEFINIÇÕES DE INOVAÇÃO ABERTA Open innovation is a paradigm that

Leia mais

Energy Intelligence. Tiago Fonseca Gerente de Produtos Controles Industriais, Sensores e Segurança PUBLIC

Energy Intelligence. Tiago Fonseca Gerente de Produtos Controles Industriais, Sensores e Segurança PUBLIC Energy Intelligence Tiago Fonseca Gerente de Produtos Controles Industriais, Sensores e Segurança PUBLIC PUBLIC - 5058-CO900H PUBLIC 2 Motivadores de uma Produção Sustentável Add this flow to next slide

Leia mais

PLANEJAMENTO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO É INSTRUMENTO DE GESTÃO EFICIENTE

PLANEJAMENTO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO É INSTRUMENTO DE GESTÃO EFICIENTE PLANEJAMENTO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO É INSTRUMENTO DE GESTÃO EFICIENTE PLANNING STRATEGIC PLANNING AS INSTRUMENT OF EFFICIENT MANAGEMENT GERENCIAR UMA INSTITUIÇÃO SIGNIFICA PENSAR O PRESENTE PARA PLANEJAR

Leia mais

IV PETROBRAS DAY A certificação de Competências Pessoais para instalações Elétricas, de Instrumentação e de Automação para Atmosferas Explosivas

IV PETROBRAS DAY A certificação de Competências Pessoais para instalações Elétricas, de Instrumentação e de Automação para Atmosferas Explosivas IV PETROBRAS DAY A certificação de Competências Pessoais para instalações Elétricas, de Instrumentação e de Automação para Atmosferas Explosivas O necessário ponto de vista do usuário do ciclo total de

Leia mais

Contato Consultoria Planejamento. Implantação. Manutenção & Pós-Venda. Reciclagem de módulos

Contato Consultoria Planejamento. Implantação. Manutenção & Pós-Venda. Reciclagem de módulos Contato Consultoria Planejamento Implantação Manutenção & Pós-Venda Reciclagem de módulos T. +55 (71) 3431 7820 C. +55 (71) 8171 0830 info@energyteambrasil.com www.energyteambrasil.com A equipe da ENERGY

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: ETEC Paulino Botelho Código: 91 Município: São Carlos-SP Eixo Tecnológico: Controles e Processos Industriais Habilitação Profissional: Técnico em

Leia mais

AMBIENTES INTELIGENTES: GESTÃO DE RECURSOS SMART ENVIRONMENTS: RESOURCE MANAGEMENT

AMBIENTES INTELIGENTES: GESTÃO DE RECURSOS SMART ENVIRONMENTS: RESOURCE MANAGEMENT Eixo Temático: Inovação e Sustentabilidade RESUMO AMBIENTES INTELIGENTES: GESTÃO DE RECURSOS SMART ENVIRONMENTS: RESOURCE MANAGEMENT Bruno Baldez Correa e Felipe de Souza Alencar Machado O seguinte trabalho

Leia mais

Company Presentation COMPANY

Company Presentation COMPANY COMPANY ATRIA is a integrator of systems of Automation enclosing the most diverse segments of market. We count on the excellency technique and more than 15 years experience of our team in the Industrial

Leia mais

ELABORAÇÃO DE UM PROGRAMA DE AUTO-ESTUDO PARA O SOFTWARE CATIA. Jeferson Cadete Dias 1 IC Luís Gonzaga Trabasso 2 PQ

ELABORAÇÃO DE UM PROGRAMA DE AUTO-ESTUDO PARA O SOFTWARE CATIA. Jeferson Cadete Dias 1 IC Luís Gonzaga Trabasso 2 PQ ELABORAÇÃO DE UM PROGRAMA DE AUTO-ESTUDO PARA O SOFTWARE CATIA Jeferson Cadete Dias 1 IC Luís Gonzaga Trabasso 2 PQ 1 3º ano de Engenharia Mecânica-Aeronáutica, Instituto Tecnológico de Aeronáutica, CTA

Leia mais

Intelligrid A visão de Futuro do Sistema Elétrico

Intelligrid A visão de Futuro do Sistema Elétrico Intelligrid A visão de Futuro do Sistema Elétrico Petronio Spyer Prates Co-located with: Intelligrid Architecture Architecture for the Intelligent Electricity Grid of the Future Visão do Sistema de Potência

Leia mais

ÍNDICE DE SALÁRIOS MENSAIS

ÍNDICE DE SALÁRIOS MENSAIS ÍNDICE DE SALÁRIOS MENSAIS Por Setor para a Região de São Paulo Fonte: O Estado de S. Paulo (06 de Janeiro, 2002) SALÁRIO (média em R$) ADMINISTRAÇÃO 1. Administração Geral/ Serviços Advogado Júnior R$

Leia mais

CARLA ALEXANDRA SEVES DE ANDRADE CANOTILHO

CARLA ALEXANDRA SEVES DE ANDRADE CANOTILHO Escola Superior de Tecnologia e Gestão Instituto Politécnico da Guarda R E L AT Ó R I O D E AT I V I D A D E P R O F I S S I O N A L N A J. V A R G A S - G A B I N E T E T É C N I C O D E G E S T Ã O E

Leia mais

CREPÚSCULO DOS ÍDOLOS. Jarbas Jácome

CREPÚSCULO DOS ÍDOLOS. Jarbas Jácome CREPÚSCULO DOS ÍDOLOS Jarbas Jácome Mesmo o mais corajoso de nós raras vezes tem a coragem para o que realmente sabe... O que justifica o ser humano é sua realidade ela o justificará eternamente. Pois

Leia mais

TIA/EIA TSB72, Centralized Optical Fiber Cabling (Cabeamento Centralizado de Fibra Óptica).

TIA/EIA TSB72, Centralized Optical Fiber Cabling (Cabeamento Centralizado de Fibra Óptica). NORMAS DO SETOR Atualização de Normas Nos últimos tempos estamos vendo uma rápida atualização de normas quando falamos de cabeamento estruturado. A maioria das pessoas que estão vivem o dia-a-dia com estas

Leia mais

Guia de Instalação Rápida TU-S9 H/W: V1

Guia de Instalação Rápida TU-S9 H/W: V1 Guia de Instalação Rápida TU-S9 H/W: V1 Table Índice of Contents Português... 1. Antes de Iniciar... 2. Como Instalar... 1 1 2 Troubleshooting... 7 Version 02.19.2009 1. Antes de Iniciar Conteúdo da Embalagem

Leia mais

TENDÊNCIAS TECNOLÓGICAS MUNDIAIS EM TELECOMUNICAÇÕES

TENDÊNCIAS TECNOLÓGICAS MUNDIAIS EM TELECOMUNICAÇÕES Tendências tecnológicas mundiais em telecomuncações 7 TENDÊNCIAS TECNOLÓGICAS MUNDIAIS EM TELECOMUNICAÇÕES 1 INVESTIMENTOS EM P&D NO BRASIL E NO MUNDO O setor de tecnologia da informação e comunicação

Leia mais

Fatores de Impacto para alguns Periódicos Base JCR-2003 /ISI 1

Fatores de Impacto para alguns Periódicos Base JCR-2003 /ISI 1 Fatores de Impacto para alguns Periódicos Base JCR-2003 /ISI 1 O Journal Citation Reports (JCR) publica anualmente o índice conhecido por fator de impacto de um periódico para medir a freqüência com que

Leia mais

DIFUSÃO DO CONHECIMENTO A PARTIR DA COLETA DE DADOS DO SISTEMA MES EM UMA FÁBRICA DE ELETROELETRÔNICOS

DIFUSÃO DO CONHECIMENTO A PARTIR DA COLETA DE DADOS DO SISTEMA MES EM UMA FÁBRICA DE ELETROELETRÔNICOS 2, 3 e 4 de Julho de 2009 ISSN 1984-9354 DIFUSÃO DO CONHECIMENTO A PARTIR DA COLETA DE DADOS DO SISTEMA MES EM UMA FÁBRICA DE ELETROELETRÔNICOS Eduardo Hidenori Enari Universidade de Taubaté Alexsander

Leia mais

Sistemas de Informação na Organização

Sistemas de Informação na Organização Sistemas de Informação na Organização Tipos de Sistemas de Informação TPS, KMS, MIS, DSS, ESS Perspectiva funcional dos SI Exemplos Perspectiva dos processos de negócio CRM SCM ERP Sistemas de Informação

Leia mais

PROJETO PIMS DO PÁTIO DE MINÉRIOS UMA PODEROSA FERRAMENTA DE APOIO À MANUTENÇÃO RESUMO

PROJETO PIMS DO PÁTIO DE MINÉRIOS UMA PODEROSA FERRAMENTA DE APOIO À MANUTENÇÃO RESUMO PROJETO PIMS DO PÁTIO DE MINÉRIOS UMA PODEROSA FERRAMENTA DE APOIO À MANUTENÇÃO Riberte Dias de Souza riberte.souza@arcelormittal.com ArcelorMittal Tubarão Edílson Jose Machado Correia edilson.correia@arcelormittal.com

Leia mais