GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS"

Transcrição

1 GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS 2011/2012

2 Institucional A Nexans, líder mundial na fabricação de cabos, possui presença industrial em 40 países e atividade comercial em todo o mundo, contando com colaboradores. Como líder mundial na indústria de cabos, oferecemos uma ampla variedade de cabos, sistemas e serviços de cabeamento para aumentar a produtividade industrial, melhorar o desempenho dos negócios, aumentar a segurança, enriquecer a qualidade de vida e garantir uma confiabilidade de rede de longo prazo. O Grupo tem uma importante presença nos mercados de infraestrutura, indústria, construção civil e redes locais de transmissão de dados. A Nexans atua em diversos segmentos de mercado como energia, transporte, redes de telecomunicações, construção naval, óleo e gás, automotivo, eletrônico, aeronáutico, cabos de uso móvel e automação, oferecendo uma ampla linha de cabos e sistemas de cabeamento. No Brasil desde 2000, a Nexans se constituiu como sucessora da Alcatel Cabos e em 2003 adquiriu a empresa Furukawa Cabos de Energia. Em setembro de 2008, o Grupo Nexans adquiriu o segmento de cabos do Grupo Madeco, maior fabricante sulamericano em cabos presente em países como Chile (Madeco), Colômbia (Cedsa), Peru (Indeco), Argentina (Indelqui) e Brasil (Ficap). Unidades Industriais no Brasil As unidades industriais da Nexans estão localizadas nos estados de São Paulo (Americana) e Rio de Janeiro (Rio de Janeiro). O número de mão de obra empregado e o volume de impostos gerados por seus negócios permitem influenciar positivamente no desenvolvimento sócio econômico dessas regiões. A automatização e o controle eletrônico dos processos permitem alcançar um alto nível de qualidade e competitividade absolutamente imprescindíveis para o mercado atual. Com base nas tecnologias de fabricação, os cabos e sistemas de cabeamento fornecidos pela Nexans cumprem todos os requisitos de qualidade e confiabilidade exigidos por nossos clientes no Brasil e no mundo. Produção Fios Esmaltados; Cabos de baixa tensão; Cabos de comando e controle; Cabos de alumínio nus e isolados. Americana Área Construída: m² Área Total: m² 436 colaboradores Rio de Janeiro Área Construída: m² Área Total: m² 408 colaboradores Produção Cabos de baixa, média e alta tensão; Cabos navais não halogenados; Cabos de instrumentação; Cabos telefônicos metálicos; Cabos submarinos; Cabos especiais; Cabos LAN. NCS

3 Qualidade e Compromisso com Nossos Clientes Para a Nexans, qualidade total é uma integração entre todas as partes de seu processo operacional. Suas fábricas possuem certificações ISO 9001 e ISO 14001, e seus produtos possuem certificados de qualidade: ISO, ETL, UL, DELTA, FCC, CSA, Anatel, RoHS e ABNT. Para garantir a qualidade e confiabilidade de seus produtos, todo material produzido é monitorado e testado. O critério de controle de qualidade é rigoroso superando todos os requisitos técnicos das normas existentes. Como resultado, os produtos não somente atendem como excedem todos os parâmetros técnicos exigidos pelas normas nacionais e internacionais. O processo de fabricação da Nexans facilita a incorporação de novas tecnologias em tempo real, monitorando esta evolução em cada fase do processo de fabricação de seus cabos, provendo aos clientes a melhor relação custo/benefício de cada produto com desempenho excepcional. O papel de liderança da Nexans nos grupos de normatizações internacionais e organizações industriais, obriga a ter um compromisso total de qualidade para suportar normas e tecnologias emergentes. A Nexans possui o compromisso de oferecer para os consumidores a mais completa linha de cabos e sistemas de cabeamento para redes locais com a mais alta qualidade existente. Seus produtos com performances superiores, assim como suas garantias, oferecem aos usuários serviços com valores agregados e amplos benefícios. NCS

4 Responsabilidade pelo Produto e Meio Ambiente A Nexans está comprometida em minimizar o impacto ao meio ambiente por suas atividades e produtos, desenvolvendo soluções de cabeamento que contribuam para a preservação ambiental e a economia de energia. O Grupo está empenhado em garantir a segurança dos instaladores, operadores e usuários de: infraestruturas, edifícios, meios de transporte, equipamentos e máquinas equipadas com seus cabos e sistemas de cabeamento. Proteção do Meio Ambiente Independente de onde podemos operar, estamos trabalhando para reduzir o impacto das nossas atividades no meio ambiente através de medidas de prevenção de acidentes e riscos, controlando e diminuindo nosso consumo, tratando e reciclando nossos resíduos industrais e diminuindo a periculosidade dos componentes. Nossa Unidade Industrial do Rio de Janeiro possui certifição ISO 14001:2004 (Gestão Ambiental) e ISO 9001:2008 (Gestão de Qualidade) ambas auditadas pela empresa certificadora DQS. Responsabilidade pelo Produto A confiança de nossos clientes está baseada primeiramente na qualidade e na segurança dos nossos produtos. Trabalhamos próximo aos nossos clientes para desenvolver soluções de cabeamento que economizem energia e facilitem a produção e o transporte de energia. Lutamos para satisfazer nossos clientes ao máximo proporcionando informação precisa sobre a composição de nossos produtos e seus impactos ambientais através do ciclo de vida. Proporcionamos fontes para manuseio e reciclagem em geral. Diretiva RoHS A Diretiva Européia RoHS restringe a utilização de determinadas substâncias nocivas no processo de fabricação dos produtos, estimula a reutilização da matéria prima e determina uma gestão adequada, contribuindo assim para a proteção da saúde humana e do meio ambiente. A Nexans vem adotando este modelo há anos como padrão para sua linha de produtos de cabeamento estruturado. NCS

5 Gerenciamento e monitoramento de redes inteligentes? Você tem que conhecer: *Monitoramento do Ambiente e Controle de Acesso Pode sua infraestrutura de cobre e óptica suportar futuros upgrades? As Soluções Nexans LANmark para cobre oferecem custo efetivo, ampla largura de banda de cabeamento excedendo 40 Gigabits por segundo (Gbps). As soluções LANmark para fibra óptica (OF) são desenvolvidas para alta densidade de fibra, modularidade, alcance de longas distâncias, confiabilidade e desempenho para suportar total evolução do servidor blade 10G. A sua infraestrutura está concebida para funcionar em espaços reduzidos e em altas densidades? As Soluções Nexans LANmark OF proporcionam às indústrias maior densidade de sistemas de aplicação patching, especialmente destinadas à múltipla maximização SAN/NAS switches em espaços confinados. Os patch panels para cobre LANmark têm opções que podem aumentar em até 50% a densidade dos patching. mark-of A sua infraestrutura óptica suportará futuras migrações para velocidades de 40 a 100G? Os Sistemas Nexans LANmark OF incluem módulos MPO de conectorização paralela provendo fáceis caminhos de migração para estas altas velocidades. Monitorização Integrada e Controle de Soluções - gerencie seu data center com LANsense. Pode seu sistema medir em tempo real variações de energia? As ferramentas Nexans LANsense monitoram e registram o consumo de energia individual do servidor / equipamentos provendo alertas de gerenciamento. Pode seu sistema detectar mudanças em tempo real de temperatura, umidade, ventilação? Os sistemas de monitoramento ambiental detectam e reportam mudanças de calor e umidade em pontos selecionados fornecendo relatórios e análise de tendência através do LANsense. Está seu sistema totalmente protegido e seguro contra violações e acessos não autorizados? A experiência em segurança e produtos da Nexans incluem gerenciamento de acesso a servidores, racks dos equipamentos, e até mesmo as portas de entrada dos data centers. Violações podem ser capturadas através de protocolo IP, video câmeras e reportadas como um alerta para o adminstrador da rede através do LANsense. Pode o seu sistema prover mapeamento em tempo real e preparar ordens de serviço para mudanças, incrementos, MACs e upgrades de sistema quando for necessário? LANsense fornece gerenciamento inteligente de infraestrutura, que automaticamente gerencia muitas atividades da rede em tempo real. LANsense assegura conexões seguras, com precisão e documentadas de toda a conectividade da rede. Portas ativas e passivas, dispositivos de monitoramento, alertas de segurança, e gerenciamento são todos possíveis com LANsense, incluindo a preparação e documentação das ordens de serviço. Este software pode formar a base do sistema de banco de dados de Pode seu sistema medir mudanças em tempo real de demandas de energia, como (acréscimo / decréscimo) no uso do servidor blade? A plataforma de gerenciamento Nexans LANsense combina informação sobre as conexões de rede física e camadas de conexão provendo um caminho completo entre core, edge e dispositivos finais. Instantaneamente, o software atualiza o gerenciamento do banco de dados detectando mudanças, conexões ou desconexões gerenciamento de configurações (CMDB). não autorizadas. Ele também estabelece uma rastreabilidade NCS confiável para atender requerimentos legais.

6 mark-of EMAC EMAC (Environmental Monitoring and Access Control), conjunto de ferramentas usadas para: Monitorar e controlar a energia nos servidores e ativos. Medir a temperatura e a umidade dentro dos servidores e ativos. Detectar, controlar e monitorar as portas abertas/fechadas. LANsense Solução de Gerenciamento de Infraestrutura que reduz o custo operacional através de melhorias no processo. Oferece visibilidade da camada física da rede, detectando, localizando e alertando automaticamente um evento na rede. Opera em conjunto com ferramentas de administração já instaladas na rede. Aumenta a eficiência operacional até a camada física. Interage com a camada física através da criação de um Sistema de Gerenciamento Inteligente. NCS

7 NCS Índice Linha 7A Cabo Categoria 7A F/FTP Conector LANmark 7A - GG Patch Cord Blindado LANmark 7A Linha 6A Cabo Categoria 6A F/UTP Conector LANmark 6A Patch Cord LANmark 6A Linha Cat.6 LANmark pares Patch Panel Carregado - 24 ou 48 portas Keystone Jack Patch Panel Descarregado para Keystine Jack Conector Cat.6 Keystone Essential não blindado Patch Panel Descarregado para Snap-In LANmark-6 Snap-In Conector Keystone Clips Patch Cord - Uniboot LANmark Zone - distribuition boxes Bloco de Conexão 110 IDC e acessórios - 64 e 128 pares Linha 5e LANmark Categoria 5e UTP - 4 pares Patch Panel - 24 portas Keystone Jack Patch Cord - 4 pares Cabo Horizontal Blindado - 4 pares Cabo Horizontal Blindado - Indoor/Outdoor LANmark-5 Snap-In Connector Patch Cord Cat.5e Blindado Backbone - 25 pares Blocos 110 IDC e acessórios para 110 IDC Cat.5e Linha Acessórios Voice Panel - Cat 3 50 pares Conectividade IDC e Acessórios Miscelâneas Espelhos e Acessórios para Conectores Snap-In - Padrão Brasil ou US Espelhos e Acessórios para Conectores Snap-In - Padrão Europeu Espelhos e Acessórios para Conectores Snap-In - Padrão Inglaterra Hardwares e Acessórios de Montagem Compatíveis com outros Fabricantes Caixas de Superfície Espelho 4x Rack Torre Rack Fechado Rack Data Center - 42U de Alta Densidade Guia Traseiro de Cabos - 1U/ Organizador de Cabos Guias de Cabo e Tampas de fechamento para Rack Linha EMAC Linha Óptica Cabos para Redes Externas Cabos para Redes Internas Cabos para Redes Externas/Internas Dio`s de Alta Densidade - até 96 conectores LC em 1U Dio`s e Módulos MPO (Plug&Play) - até 96 conectores LC em 1U Caixa Dio Descarregada - 24 fibras, 48 fibras e 72 fibras Kit Dio 19-1U, 2U e 3U Adaptador Óptico Pigtail Óptico Dio Completo de 24 portas (exemplo) Conector Óptico Extensões e Cordões Ópticos Terminador Óptico Linha Industrial LANmark Cat.7 S/FTP Cabo Industrial - bobinas com 500m LANmark Cat.6 SF/UTP Cabo Industrial LSZH+PE - bobinas com 500m Caixa LANmark IP 65/67 Industrial Patch Cord LANmark Cat.6 Industrial Tomada Industrial LANmark e Módulo Industrial LANmark Caixa Modular Industrial iconnect Cabos de Fibra Óptica LANmark Industriais Ferramentas e Maleta Óptica Definições e Classificação dos Cabos LAN quanto à retardância à chama Programa de Garantias Nexans

8 Aplicação Cabo Categoria 7A - F/FTP 1000 MHz Os cabos Categoria 7A F/FTP Nexans são de alto nível com resposta 1000 MHz de acordo com os requerimentos da norma ISO/IEC , o cabo blindado é a melhor escolha para suportar todas as aplicações classe Fa tais como ethernet, fast ethernet, gigabit ethernet, 10 gigabit ethernet, ATM ISS, ATM 622 e ATM Os cabos Cat 7A F/FTP são apropriados para voz, dados, CatV e outras aplicações compartilhadas em instalações até 1000 MHz. Características Gerais Cumpre com a última versão da norma para a Categoria 7A. Performance garantida para 1000 MHz. Blindagem fita metálica individual por par e blindagem total para o melhor desempenho EMC. Apropriado para CatV e compartilhamento de aplicações no cabo. Suporta Gigabit Ehternet, 10 Gigabit Ethernet e 40 Gigabit Ethernet. Cumpre com a diretiva RoHs EC 2002/95/EC. Apresentado na versão LSZH (cor laranja). Compatível com a norma IEC /NFC C2 Responde até 12 W em termos de POE (IEEE 802-3AF) Atende à norma EM 50175:2007 Performance Os cabos Categoria 7A da Nexans estão de acordo com os requerimentos das normas EN e ISO IEC Edição Usados com conectividade Cat 7A com link classs Fa atendem os requerimentos descritivos na norma ISO edição 2 (2002). Características 4 pares blindados individualmente com fita (ALU/PET) e com blindagem total também em fita. Com design compacto para o mínimo volume no gerenciamento em dutos e canaletas. Encapsulamento LSZH laranja. Projetado para facíl e rápida instalação. Cabo sólido 23 AWG. Cumpre com a diretiva RoHs EC 2002/95/EC Também disponível em S/FTP e nas versões 1200 MHz (sob consulta). Certificado EC Verified de conformidade com a ISO/IEC (2002) e IEC (2009). Linha Cat 7A

9 Características Características Construtivas Cor da Capa Tipo de Capa Tipo de Cabo Laranja LSZH F/FTP Características Dimensionais Diâmetro Sobre Isolação Número de Pares Diâmetro Nominal Externo Peso Aproximado Seção de Corte do Condutor 1.45 mm mm 57 kg/km 23 Características Elétricas Capacitância Mútua Resistência DC Máxima do Condutor a 20 o C Impedância Característica 45 nf/km 80 Ohm/km 100 Ohm Características de Transmissão Velocidade de Propagação Atraso de Propagação Máxima a 100 MHz 80.0% ns/100m Características de Operação Faixa de Temperatura de Operação Comprimento Faixa de Temperatura Ambiente de Instalação Flamabilidade Tipo de Embalagem Categoria Função do Componente o C 1000 m o C IEC Bobina Cat. 7A Cabo Valores Elétricos Cat 7A 1000 MHz Valores Especificados a 20 o C Frequencia (MHz) Atenuação NEXT PS NEXT EL FEXT PS EL FEXT Perda de Retorno Std Std Std Std Std Std Linha Cat 7A

10 Conector LANmark 7A - GG45 Ele é um conector blindado compatível com a linha RJ45 especificado para responder a frequência até 1000 MHz. Especialmente projetado para suportar altas frequências requeridas para aplicações 40 gigabit ethernet. Compatível com cabo e Patch Cord LANmark 7A este conector tem o dobro da largura de banda e 50% do crosstalk comparado a Cat 6A e provê excelente capacidade de transmissão até 50 Gbps (4 vezes o Cat 6A). Ele usa 12 contatos: 8 contatos para transmissão 1000 MHz (modo GG) e 4 contatos adicionais para assegurar a compatibilidade RJ45. Graças à blindagem 360 o C e uma tampa traseira, o conector permite excelente engate minimizando o efeito de atenuação e assegurando imunidade de alien crosstalk e outras interferências externas. Este conector encaixa-se perfeitamente em hardwares projeados para a família de conectores SNAP-IN e pode ser usado em todas as posições de 4 conectores para par trançado em canais de cabeamento (PP, CC, CP, TO). Características Gerais Compatível com conexão RJ45 com interface GG45 exclusiva da Nexans. Capaz de suportar aplicações futuras 40 gigabit ethernet. Capaz de prover shannon capacity de 50 Gbps até 100 metros. Em conformidade com full class Fa channel (ISO adendo 1) Complexa blindagem para imunidade alien crosstalk Conector 2 em 1 usando 12 contatos para rodar em 2 modelos separados de transmissão Compatível com todos os Patch Panels e Espelhos da família SNAP-IN. Totalmente compatível com a norma IEC que define o conector Categoria 7A, para ser usado na formação de um Canal Class FA como está especificado na norma ISO / IEC 11801: 2002/A1:2008 Atende à diretiva RoHS Aplicações 10Base-T Ethernet 100Base-TX Fast Ethernet 1000Base-TX Gigabit Ethernet 10GBase-T 10 Gigabit Ethernet IEEE Mbit ATM 1.2 Gbit ATM CatV até 862 MHz Aplicações classe EA e futuras na Categoria Cat 6A Aplicações classe F e futuras na Categoria Cat 7 Aplicações classe FA e futuras na Categoria Cat 7A Performance Este conector SNAP-IN é o primeiro compatível com RJ45 que responde perfeitamente aos rígidos requisitos da Categoria 7A até 1000 MHz. Ele foi desenvolvido para otimização de perda por inserção, perda de retorno, next/fext, power sum next/fext e em especial alien crosstalk. Quando for usado em conjunto com cabos e Patch Cords LANmark 7A, o canal 4 conexões responde aos requisitos class FA como definido na norma ISO/IEC adendo 1. Possui certificado emitido por laboratório de 3ª parte para canal de 4 conexões Instalação Ele usa um organizador de fios desenvolvido pela Nexans que torna a terminação e instalação rápida e fácil. Com a ferramenta patenteada Nexans EASY TERMINATION TOOL para GG45 a terminação é a prova de erro e muito confiável. A versão para cabo flexível está disponível para permitir o uso de cabo flexível em cross connects e pontos de consolidação. 10 Linha Cat 7A

11 Referências Código Altura (mm) Largura (mm) Profundidade (mm) N Conector LANmark 7A GG45 12C SNAP-IN Cat 7A 1000 MHz blindado N Conector LANmark 7A GG45 12C SNAP-IN Cat 7A 1000 MHz blindado para cabo flexível Performance Elétrica Dados típicos para o pior caso de configuração canal 4 conexões Atenuação Atenuação NEXT pp ACR-F RL Frequência por Engate PSANEXT PSAFEXT (in db) (in db) (in db) (in db) (in db) (in db) (MHz) Máx. Típica Mín. Típica Mín. Típica Mín. Típica Mín. Típica Mín. Típica Mín. Típica Nota: Todos os valores são especificados a 20 o C Rápida terminação com exclusivo organizador de fios. Código de cores: T568A/B. Proteção 360º EMC. Aceita condutor sólido de 22 a 24 AWG. Versão para cabo flexível para uso em pontos de consolidação. Formato SNAP-IN compativel com toda a linha de hardware da Nexans, sendo os mais usados os patch panels descarregado para Snap-In (página 26), Zone Distribution Boxes (pagina 31), Espelhos e acessórios (páginas 53, 54 e 55). Duas possibilidades de terminar o fio terra: na carcaça ou na tampa traseira. Pode ser convertido para o formato keystone usando um adaptador adicional. Garantia Este conector está coberto pela garantia como descrito no termos e condições gerais de vendas. Quando instalado em conjunto com outros componentes LANmark 7A, uma garantia de 25 anos de canal, pode ser obtida cobrindo toda a linha Cat 7A/classe FA. Linha Cat 7A 11

12 Patch Cord Blindado LANmark 7A Patch Cords com GG45 8C permitem que um link permanente seja usado no modo 1000 MHz. A parte saliente ativa a chave dentro do conector 2 em 1 e termina com um contato RJ45 para o terra. Com o uso do contato na extremidade da interface de transmissão do RJ45, ótimos desempenhos de NEXT e RETURN LOSS são alcançados. Os Patch Cords LANmark 7A maximizam a performance do canal e excedem os requisitos da ISO para 4 conexões. Eles melhoram o Data Throughput até 1000 MHz e permitem a inclusão de um ponto adicional ou ponto de consolidação para máxima flexibilidade e aplicações futuras de acordo com a ISO Altas velocidades Blindados 2 x GG4 8C - 4 pares Características Gerais Patch Cord com alta largura de banda para aplicações de 40 Gigabit. Roda no conector GG45 2 em 1 em alta velocidade (GG - Modo). Ambas extremidades usam contatos de plug de 8 contatos até 1000 MHz de acordo com IEC Permite canais completos 4 conectores class FA. Compatível com os requisitos de alta densidade para Data Centers. Possui certificado emitido por laboratório de 3ª parte para canal de 4 conexões. Instalação 2 em 1 do plug RJ45 (somente usando diferentes posições de contato). Fechamento próprio, alta conformidade GG45 (IEC ) com conectores blindados. Saliências no plug evitam erros durante o uso do Patch Cord com os conectores fêmeas RJ45. Capa externa retardante à chama na classe Low Smoke Halogen Free. Cor laranja, sendo que outras cores são disponíveis sob encomenda. Comprimentos disponíveis: 1, 2, 3 e 5 metros, sendo outros comprimentos sob consulta. Garantia Conexões em conformidade com a vida útil de sistemas de cabeamento. Compatível com IEC Compatível com classe F e classe FA da norma (ISO 11801:2008). 12 Linha Cat 7A

13 Características Características Construtivas Cor Blindagem Capa Externa Características Dimensionais Diâmetro Nominal Externo Características Elétricas Impedância Característica Características em Uso Comprimento Durabilidade Mecânica Retardo do Fogo Categoria Faixa Laranja S-FTP LSZH-FR 6.35 mm 100 Ohm 2 mm 750 IEC Part 1 Cat. 7A LANmark 7A Desempenho Elétrico LANmark 7A Dados típicos para o pior caso de configuração canal 4 conexões Frequência Atenuação NEXT pp ACR-F RL Atenuação por Engate PSANEXT (in db) (in db) (in db) (in db) (in db) (in db) PSAFEXT (MHz) Máx. Típica Mín. Típica Mín. Típica Mín. Típica Mín. Típica Mín. Típica Mín. Típica Nota: Todos os valores são especificados a 20 o C Referências Código Cor N101.23AEOB LANmark 7A Patch Cord CG45 Cat. 7A blindado LSZH 2 M laranja N101.23AFOB LANmark 7A Patch Cord CG45 Cat. 7A blindado LSZH 3 M laranja N101.23AHOB LANmark 7A Patch Cord CG45 Cat. 7A blindado LSZH 5 M laranja N101.23AOOB LANmark 7A Patch Cord CG45 Cat. 7A blindado LSZH 10 M laranja N101.23AROB LANmark 7A Patch Cord CG45 Cat. 7A blindado LSZH 20 M laranja Linha Cat 7A 13

14 Aplicação Cabo Categoria 6A - F/UTP Os cabos Categoria 6A da Nexans são de alto nível com resposta 500 MHz de acordo com os requerimentos da norma ISO /IEC 11801:2002 e TIA/EIA 568 B 2-1 para a família F/UTP. Ele é a melhor escolha para suportar as aplicações classe EA tais como, ethernet, fast ethernet, gigabit ethernet, 10 gigabit ethernet... Os cabos Cat 6A F/UTP são apropriados para instalações para voz e dados até a frequência de 500 MHz. 500 MHz Características Gerais Cumpre com a versão 10G da norma Cat 6A. Performance garantida para 500 MHz. Tecnologia central de isolação para manutenção da geometria e desempenho. Blindagem metálica simples para garantir a performance EMC. Cumpre com a diretiva RoHs EC 2002/95/EC. Disponível nas construções simples e dupla. Apresentado na versão cinza IEC /NFC C2 LSZH Responde até 12 W em termos de POE (IEEE 802-3AF). Performance Os cabos Categoria 6A da Nexans estão de acordo com os requerimentos das normas ISO/IEC Usados com conectividade Cat 6A com link EA como descrito na norma ISO Edição 2 (2002) e TIA/EIA B2-1. Possui certificado de componente emitido por laboratório de 3ª parte. Compatível com as normas ISO/IEC 2nd edition : 2002 e IEC 61156:5 edition , ISO/IEC amendment 2:2010, Category 6 A, EN 50173:2007, EIA/TIA-568-C.2, Category 6A Características Blindagem geral com fita (ALU/PET) Tecnologia central de isolação para a manutenção da geometria e desempenho Com design compacto para o mínimo volume no gerenciamento em dutos e canaletas Apresentado na versão cinza (laranja opcional sob encomenda) Concebido para agilizar e facilitar as instalações Cabo sólido 23 AWG Cumpre com a diretiva RoHs EC 2002/95/EC Certificado EC Verified de conformidade com a ISO/IEC (2002) e IEC (2009) 14 Linha Cat 6A

15 Características Características Construtivas Cor da Capa Tipo de Capa Tipo de Cabo Cinza LSZH F/UTP Características Dimensionais Diâmetro Sobre Isolação Peso Aproximado Seção de Corte do Condutor Diâmetro Externo 1.18 mm 52 kg/km 23 Características Elétricas Capacitância Mútua Resistência DC Máxima do Condutor a 20 o C Impedância Característica 56 nf/km 80 Ohm/km 100 Ohm Características de Transmissão Velocidade de Propagação Atraso de Propagação Máxima a 100 MHz 65.0% ns/100m Características de Operação Faixa de Temperatura de Operação Faixa de Temperatura Ambiente de Instalação Flamabilidade Categoria o C o C IEC Cat. 6A Valores Elétricos Cat 6A F/UTP Valores Especificados a 20 o C Frequencia (MHz) Atenuação NEXT PS NEXT EL FEXT PS EL FEXT Perda de Retorno Std Std Std Std Std Std Nota: Valores especificados a 20 o C Consulte outras cores Linha Cat 6A 15

16 Conector LANmark 6A Aplicação Ele é um conector blindado compatível com a linha RJ45 especificado para responder a frequência até 500 MHz. Especialmente projetado para suportar altas frequências requeridas para aplicações 10 gigabit ethernet, e também compátivel com aplicações em baixas frequências para interface RJ45. Ele usa uma capa traseira com blindagem 360º e excelente engate minimizando o efeito de atenuação e assegurando imunidade de Alien Crosstalk e outras interferências externas. Os canais de cabeamento com este conector não tem de ser verificado em termos de Alien Crosstalk, e este parâmetro é atendido pelo design em 10 G. Isto reduz significativamente o custo para rede 10 Giga. Características Gerais Alta largura de banda do RJ45 para suportar 10 gigabit ethernet. Em conformidade total às normas de cabeamento TIA e ISO para Categoria 6A. Suporta as configurações necessárias de canal referentes à Data Center para Categoria 6A. Completa blindagem para imunidade Alien Crosstalk. Compatível com todos os Patch Panels e espelhos da família SNAP-IN. Aplicações 10Base-T Ethernet 100Base-TX Fast Ethernet 1000Base-TX Gigabit Ethernet 10GBase-T 10 Gigabit Ethernet IEEE Mbit ATM 1.2 Gbit ATM Aplicações class EA atuais e futuras na Categoria 6A. Performance Este conector tem performance elétrica até 500 MHz, especialmente em termos de NEXT/FEXT, power Sum NEXT/FEXT, perda de retorno e todos os parâmetros para blindagem. Cumpre com alta performance para canais Cat 6A assim como canais configurados para Data Centers com até 3 pontos de conexão em 12 metros. Possui certificações emitidas por laboratório de 3ª parte para canal de 3 e de 4 conexões. Compatível com a norma ISO/IEC 2nd edition : 2002, ISO/IEC amendment 2:2010, Category 6 A, ISO/IEC amendment 1:2008, class EA, EIA/TIA-568-C.2, Category 6 A, TR Instalação Ele usa um organizador de cabo Nexans e é muito fácil de instalar e rápido de fazer a terminação. Usa uma ferramenta para conectorização chamada COMFORT nesta série SNAP-IN (sendo reutilizável). A versão para cabo flexível está disponível para permitir o uso de cabo flexível em Cross Connects e pontos de consolidação. Este conector encaixa-se perfeitamente em todos os hardwares projetados para a família de conectores SNAP-IN e pode ser usado em todas as posições de 4 conectores para dar trançado em canais de cabeamento (PP, CC, CP, TO). Rápida terminação com exclusivo organizador de fios. Código de cores: T568A/B. Proteção 360º EMC. Reutilizável com a ferramenta universal COMFORT. Aceita condutor sólido de 22 a 24 AWG. Versão para cabo flexível para uso em pontos de consolidação. Formato SNAP-IN compativel com toda a linha de Garantia hardware da Nexans, sendo os mais usados os patch panels descarregado para Snap-In (página 26), Zone Distribution Boxes (pagina 31), Espelhos e acessórios (páginas 53, 54 e 55). Duas possibilidades de terminar o fio terra: na carcaça ou na tampa traseira. Pode ser convertido para o formato keystone usando um adaptador adicional. Quando instalado em combinação com outros componentes da linha LANmark 6A, uma garantia de 25 anos de canal pode ser obtida cobrindo toda a linha Cat 6A/classe EA (10 Gbase T). 16 Linha Cat 6A

17 Performance Elétrica para 4 conexões - Part 1 Todos os valores são baseados no pior caso de configuração 4 conexões de acordo com ISO 11801:2008 AM1. Valores mínimos e máximos representam a performance garantida do canal. Frequência Atenuação NEXT PSNEXT ACR-F (in db) (in db) (in db) (in db) (MHz) Máx. Típica Std Mín. Típica Std Mín. Típica Std Típica 1 < Valores padrões baseados na norma ISO 11801:2002/A1:2008 Classe EA Performance Elétrica para 4 conexões - Part 2 Todos os valores são baseados no pior caso de configuração 4 conexões de acordo com ISO 11801:2008 AM1. Valores mínimos e máximos representam a performance garantida do canal. PS SCR-F PS ANEXT PS AACR-F RL Frequência (in db) (in db) (in db) (in db) (MHz) Std Típica Std Mín. Típica Std Mín. Típica Std Mín. Típica Valores padrões baseados na norma ISO 11801:2002/A1:2008 Classe EA Referências Código N42066AB N42067AB Conector SNAP-IN Cat 6A 500 MHz blindado - família LANmark 6A Conector SNAP-IN Cat 6A 500 MHz blindado - família LANmark 6A na versão para cabo flexível Linha Cat 6A 17

18 Patch Cord Cat 6A Aplicação Estes Patch Cords são desenvolvidos para cumprir e exceder os requisitos da EIA/TIA 568B 2-10 e permite alcançar alta performance para canais Cat 6A. Usado com outros componentes da família LANmark 6A, atende as configurações de link e canal com até 3 pontos de conexão dentro de 10 metros. Características Gerais Patch Cord RJ45 de alta velocidade para rodar 10 Gbase T. Faixa de frequência até 500 MHz. Cumpre os requisitos da Categoria 6A como definido na TIA 568B Completa blindagem para imunidade Alien Crosstalk. Tecnologia Nexans para Cabo Flexível U/FTP. Instalação Os cordões são concebidos para completa imunidade ALien Crosstalk como definido na IEEE e não são necessárias regras de instalação especiais para ANEXT e AFEXT. Os comprimentos padrão são: 1, 2, 3, e 5 metros, sendo outros disponíveis sob consulta. 10 metros é o comprimento padrão para Patch Cord sem terminação, sendo outros comprimentos disponíveis sob consulta. Laranja e cinza são a cor padrão para o cover, sendo outras cores disponíveis sob consulta. Aliviador de tensão externo. Performance Possui certificações emitidas por laboratório de 3ª parte para canal de 3 e de 4 conexões. Compatível com a norma ISO/IEC 2nd edition : 2002, ISO/IEC amendment 2:2010, Category 6 A, ISO/IEC amendment 1:2008, class EA, EIA/TIA-568-C.2, Category 6 A, TR Garantia Quando instalado em combinação com outros componentes da linha LANmark 6A, uma garantia de 25 anos de canal pode ser obtida cobrindo toda a linha Cat 6A/classe EA (10 Gbase T). Referências Código Comp. (metros) Cor Blindagem N101.D2GHOB Patch Cord Cat 6A com bandagem 5 laranja sim N101.22GEFB Patch Cord Cat 6A RJ MHz LSZH cinza 2 cinza sim N101.22GFFB Patch Cord Cat 6A RJ MHz LSZH cinza 3 cinza sim N101.22GHEB Patch Cord Cat 6A RJ MHz LSZH cinza 5 cinza sim N101.22GEOB Patch Cord Cat 6A RJ MHz LSZH laranja 2 laranja sim N101.22GFOB Patch Cord Cat 6A RJ MHz LSZH laranja 3 laranja sim N101.22GHOB Patch Cord Cat 6A RJ MHz LSZH laranja 5 laranja sim N101.25GOFB Patch Cord Cat 6A RJ MHz LSZH laranja sem terminação 10 cinza sim N101.25GOOB Patch Cord Cat 6A RJ MHz LSZH cinza sem terminação - - Consulte outras cores e comprimentos 18 Linha Cat 6A

19 Performance Elétrica para 4 conexões - Part 1 Todos os valores são baseados no pior caso de configuração 4 conexões de acordo com ISO 11801:2008 AM1. Valores mínimos e máximos representam a performance garantida do canal. Frequência Atenuação NEXT PSNEXT ACR-F (in db) (in db) (in db) (in db) (MHz) Máx. Típica Std Mín. Típica Std Mín. Típica Std Típica 1 < Valores padrões baseados na norma ISO 11801:2002/A1:2008 Classe EA Performance Elétrica para 4 conexões - Part 2 Todos os valores são baseados no pior caso de configuração 4 conexões de acordo com ISO 11801:2008 AM1. Valores mínimos e máximos representam a performance garantida do canal. PS SCR-F PS ANEXT PS AACR-F RL Frequência (in db) (in db) (in db) (in db) (MHz) Std Típica Std Mín. Típica Std Mín. Típica Std Mín. Típica Valores padrões baseados na norma ISO 11801:2002/A1:2008 Classe EA Linha Cat 6A 19

20 LANmark 1000 Categoria - pares A série de cabos LANmark 1000 é caracterizada pelo alto desempenho em power sum crosstalk, os quais introduzem novos parâmetros de desempenho que atendam as necessidades de operação full duplex por meio de quatro pares. Estas características elétricas incluem: PS-NEXT, PS-ACR, ELFEXT, PS-ELFEXT, RL e LCL/TCL/EL TCTL (balanceamento dos pares). O LANmark 1000 é o primeiro cabo que estabelece requisitos técnicos para o equilíbrio dos pares o qual é um parâmetro crítico de desempenho, ele é uma indicação da qualidade e consistência da fabricação e afeta todos os outros parâmetros elétricos. A impedância é medida conforme os rigorosos requisitos de frequência de varredura existentes na norma ISO/IEC Aplicação Transmissão de dados em alta velocidade, incluindo: Ethernet 100 Base TX, 1000 Base T, 1000 Base TX, ATM 155 Mb/s, ATM 622 Mb/s, FDDI/CDDI 100Mb/s, 100 Base VG, etc. Condutor de Cobre nu Crossfiller Construção Gerais O cabo é composto por condutores de cobre nu recozido de 0,56mm (24 AWG) de diâmetro nominal, isolados com polietileno sólido. Os condutores são torcidos em pares e reunidos formando o núcleo de 4 pares com um separador interno, denominado crossfiller, que mantém os pares equidistantes melhorando os requisitos elétricos para transmissão em alta velocidade. Sobre o núcleo, é aplicada por extrusão uma capa de PVC retardante à chama. Disponível também em LSZH (Low Smoke Zero Halogen). Capa em PVC ou LSZH NEXANS UTP CAT 6 Isolamento em Polietileno Características Gerais Construção padrão em PVC e disponível também em LSZH; Diâmetro externo reduzido, circular e de fácil instalação; Superam os requisitos da norma TIA/EIA-568-B.2-1, para Categoria 6, sendo especificados e testados em frequência de até 1000MHz. Especificação Internacional ISO/IEC Americana TIA/EIA-568-B.2-1 Vantagens Capacidade de atender e superar a geração de aplicações que utiliza operação full duplex (gigabit); Adição dos requisitos de equilíbrio dos pares, melhora o desempenho geral reduzindo as taxas de erro; Gravação sequencial de 0 a 305m. Fator dinâmico de curvatura 4 (xd) Temperatura de instalação (mín.. máx) o C Temperatura de operação (mín.. máx) o C 0 Linha Cat 6

GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS

GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS 2011/2012 Institucional A Nexans, líder mundial na fabricação de cabos, possui presença industrial em 40 países e atividade comercial em todo o mundo, contando

Leia mais

GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS

GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS 2013 Institucional A Nexans, líder mundial na fabricação de cabos, possui presença industrial em 40 países e atividade comercial em todo o mundo, contando com

Leia mais

GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS

GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS INSTITUCIONAL A Nexans, líder mundial na fabricação de cabos, possui presença industrial em 39 países e atividade comercial em todo o mundo, contando com 22.400

Leia mais

GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS

GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS GUIA DE PRODUTOS NEXANS CABLING SOLUTIONS Institucional A Nexans, líder mundial na fabricação de cabos, possui presença industrial em 39 países e atividade comercial em todo o mundo, contando com 22.700

Leia mais

CABO GIGALAN AUGMENTED CAT. 6A F/UTP 23AWGX4P

CABO GIGALAN AUGMENTED CAT. 6A F/UTP 23AWGX4P CABO GIGALAN AUGMENTED CAT. 6A F/UTP 23AWGX4P Tipo do Produto Cabos LAN Família do Produto Construção GigaLan Augmented RoHS Compliant Categoria 6A F/UTP (blindado) PVC - CM, CMR Características Gerais

Leia mais

FAST-LAN ETHERNET INDUSTRIAL CAT.6 F/UTP 23AWGx4P

FAST-LAN ETHERNET INDUSTRIAL CAT.6 F/UTP 23AWGx4P FAST-LAN ETHERNET INDUSTRIAL CAT.6 F/UTP 23AWGx4P Tipo do Produto Cabos LAN Família do Produto FASTLAN Construção Categoria 6 F/UTP (blindado) PVC/TPU - CM/CMX Características Gerais Descritivo Ambiente

Leia mais

CABO GIGALAN AUGMENTED 23AWG x 4 P CAT. 6 F/UTP

CABO GIGALAN AUGMENTED 23AWG x 4 P CAT. 6 F/UTP CABO GIGALAN AUGMENTED 23AWG x 4 P CAT. 6 F/UTP Tipo do Produto Cabos LAN Família do Produto Construção GigaLan Augmented RoHS Compliant Categoria 6A F/UTP (blindado) PVC - CM, CMR Características Gerais

Leia mais

DECA 10. Página Visão HellermannTyton sobre 10G Deca10 Categoria 6A 14

DECA 10. Página Visão HellermannTyton sobre 10G Deca10 Categoria 6A 14 Página Visão HellermannTyton sobre 10G Deca10 Categoria 6A 14 Ferramenta de Inserção sem Impacto 15 Conector Categoria 6A 16 Patch Panel Descarregado 24 portas Deca10 17 Cabo 4 pares trançados F/FTP 17

Leia mais

ECO HD. Bloco 110 e Organizadores Bloco 110 Categoria 5e 35 Bloco 110 Categoria 6 36 Organizadores de cabos 38

ECO HD. Bloco 110 e Organizadores Bloco 110 Categoria 5e 35 Bloco 110 Categoria 6 36 Organizadores de cabos 38 Página Patch Panel Patch Panel cat. 6 32 P. Modular 48 portas em 1UR cat.6 32 Patch Panel Modular descar. 24 portas 33 Voice Panel 1UR 50 Portas 34 Bloco 110 e Organizadores Bloco 110 Categoria 5e 35 Bloco

Leia mais

FICHA TÉCNICA PATCH PANEL 24 PORTAS C5e RoHS

FICHA TÉCNICA PATCH PANEL 24 PORTAS C5e RoHS FICHA TÉCNICA PATCH PANEL 24 PORTAS C5e RoHS 1- Aplicação: Este produto aplica-se a sistemas de cabeamento estruturado, para tráfego de voz, dados e imagens, do tipo 10BASE-T, 100BASE-Tx, 155M ATM, 4/16MB

Leia mais

TEKA ELECTRONICS 81 UTP

TEKA ELECTRONICS 81 UTP 81 UTP CABO U/UTP CAT 5e Cabo com performances até os 100MHz (ANSI/TIA/EIA-568-C2), frequentemente utilizado para redes de voz e dados (100Mbit/s e Gigabit Ethernet). Pares em CCA sólido: 0,51mm (24AWG)

Leia mais

PAINEL DE ACESSO FRONTAL CATEGORIA 5 ENHANCED

PAINEL DE ACESSO FRONTAL CATEGORIA 5 ENHANCED PAINEL DE ACESSO FRONTAL CATEGORIA 5 ENHANCED Aplicações imagens, segundo requisitos da norma ANSI/TIA/EIA-568A, uso interno, para cabeamento horizontal ou secundário, em salas de telecomunicações (cross-connect)

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA Departamento de Compras e Licitações - DCL Campus Universitário Trindade Florianópolis SC CEP 88.040-900 CNPJ/MF n 83.899.526/0001-82 Telefone

Leia mais

CABLING CABOS CONECTORES PATCH PANEL 19 ACESSÓRIOS

CABLING CABOS CONECTORES PATCH PANEL 19 ACESSÓRIOS CABLING CABOS 04 CONECTORES 05 PATCH PANEL 19 06 ACESSÓRIOS 07 02 CABLING CABLAGENS DE COBRE O EIA/TIA 568, de 1991, foi o primeiro padrão americano para os sistemas de cableamento estruturado. Em 1995,

Leia mais

Aumentar Diminuir Procura Tela Cheia Imprimir

Aumentar Diminuir Procura Tela Cheia Imprimir ADAPTER CABLE M8v CATEGORIA 5 ENHANCED Sistemas de Cabeamento Estruturado para tráfego de voz, dados e imagens, segundo requisitos da norma ANSI/TIA/EIA-568A, incluindo o adendo 5 (Categoria 5e), para

Leia mais

MULTILAN CAT. 5E UTP 24 AWG 4PARES - CM

MULTILAN CAT. 5E UTP 24 AWG 4PARES - CM MULTILAN CAT. 5E UTP 24 AWG 4PARES - CM Características Gerais Descritivo: - Modelo TK 1002B - Condutor de cobre nu, coberto por polietileno. - Os condutores são trançados em pares, 04 pares 24 AWG. -

Leia mais

GIGALAN CAT. 6 U/UTP 23AWGx4P - RoHS

GIGALAN CAT. 6 U/UTP 23AWGx4P - RoHS GIGALAN CAT. 6 U/UTP 23AWGx4P - RoHS Tipo do Produto Cabos LAN Família do Produto Construção GigaLan RoHS Compliant Categoria 6 U/UTP (não blindado) PVC (CM/CMR) Características Gerais Descritivo Ambiente

Leia mais

Legrand Cabling System LCS 2 cat. 6A

Legrand Cabling System LCS 2 cat. 6A Legrand Cabling System LCS 2 cat. 6A patch panel, blocos de conectores, patch cords e tomadas RJ45 335 73 335 76 Conector cat. 6a FTP blindado 517 82 327 78 6602 09 6602 13 765 99 Patch panels de montagem

Leia mais

GIGALAN CAT. 6 U/UTP 23AWGx4P - RoHS

GIGALAN CAT. 6 U/UTP 23AWGx4P - RoHS GIGALAN CAT. 6 U/UTP 23AWGx4P - RoHS Tipo do Produto Cabos LAN Família do Produto Construção GigaLan RoHS Compliant Categoria 6 U/UTP (não blindado) PVC (CM/CMR) Características Gerais Descritivo Ambiente

Leia mais

Cabo SOHOPLUS U/UTP CAT 5e 24 AWGX4P CMX

Cabo SOHOPLUS U/UTP CAT 5e 24 AWGX4P CMX Cabo SOHOPLUS U/UTP CAT 5e 24 AWGX4P CMX Tipo do Produto Cabos LAN Família do Produto Construção SOHOPLUS RoHS Compliant Categoria 5e U/UTP (não blindado) PVC - CMX Jm Características Gerais Descritivo

Leia mais

Cabling. Cabling. Cabling. Cabos HDCS 54 Keystone 62 Patch Cord 66 Patch Panel 72 Faceplate HDCS 80 Ferramentas e acessórios 84

Cabling. Cabling. Cabling. Cabos HDCS 54 Keystone 62 Patch Cord 66 Patch Panel 72 Faceplate HDCS 80 Ferramentas e acessórios 84 Cabos HDCS 54 Keystone 62 Patch Cord 66 Patch Panel 72 Faceplate HDCS 80 Ferramentas e acessórios 84 Cabeamento Estruturado Cabos Montados Conectores DIO Racks FTTx Acessórios Conteúdo Geral A família

Leia mais

Categoria 6 Aumentada: Standards Update. Dr. Paulo S. Marin, Eng. Cabling Specialist Engineer paulo_marin@paulomarinconsultoria.eng.

Categoria 6 Aumentada: Standards Update. Dr. Paulo S. Marin, Eng. Cabling Specialist Engineer paulo_marin@paulomarinconsultoria.eng. Categoria 6 Aumentada: Standards Update Dr. Paulo S. Marin, Eng. Cabling Specialist Engineer paulo_marin@paulomarinconsultoria.eng.br 1 Resumo A nova norma, em desenvolvimento, ANSI/TIA/EIA-568-B.2-10

Leia mais

GIGALAN STD CAT.6 U/UTP 24AWG X 4P

GIGALAN STD CAT.6 U/UTP 24AWG X 4P GIGALAN STD CAT.6 U/UTP 24AWG X 4P Tipo do Produto Cabos LAN Família do Produto Construção GigaLan RoHS Compliant Categoria 6 U/UTP (não blindado) CM,CMR Características Gerais Descritivo Ambiente de Instalação

Leia mais

Conexão RJ45 LCS² KeyStone Cat. 5e / Cat. 6

Conexão RJ45 LCS² KeyStone Cat. 5e / Cat. 6 Conexão RJ45 LCS² KeyStone Cat. 5e / Cat. Referências : 33 / 33 / 338 / 33 ÍNDICE.. 3. 3. 3. 3.3 3.4 4. 5.. 7. 7. 8. 9. 0. Características Apresentação Características Técnicas Características do Material

Leia mais

Catálogo de. Produtos LABORATÓRIO ÓPTICO FERRAMENTARIA / METALURGIA PRODUTOS INJETADOS MARCAS DISTRIBUÍDAS B5NX-CNC

Catálogo de. Produtos LABORATÓRIO ÓPTICO FERRAMENTARIA / METALURGIA PRODUTOS INJETADOS MARCAS DISTRIBUÍDAS B5NX-CNC FIBRAS ÓPTICAS E ACESSÓRIOS LABORATÓRIO ÓPTICO FERRAMENTARIA / METALURGIA B5NX-CNC PRODUTOS INJETADOS Catálogo de MARCAS DISTRIBUÍDAS Produtos R A Division of Cisco Systems, Inc. RACKS E ACESSÓRIOS Linha

Leia mais

Gigaband - Cat6. Conectores RJ45 Tipo Keystone Jacks Conector GigaBand Categoria 6 21. Patch Panel P. Modular 24 ou 48 portas GigaBand Cat.

Gigaband - Cat6. Conectores RJ45 Tipo Keystone Jacks Conector GigaBand Categoria 6 21. Patch Panel P. Modular 24 ou 48 portas GigaBand Cat. Gigaband - at6 Página abos para Redes an abo AN U/UTP Gigaband - ategoria 6 20 onectores RJ45 Tipo Keystone Jacks onector GigaBand ategoria 6 21 Patch Panel P. Modular 24 ou 48 portas GigaBand at. 6 22

Leia mais

Anexo 3 - MEMORIAL DESCRITIVO DA AMPLIAÇÃO DO ALMOXARIFADO - TI ET 07-02-203

Anexo 3 - MEMORIAL DESCRITIVO DA AMPLIAÇÃO DO ALMOXARIFADO - TI ET 07-02-203 Anexo 3 - MEMORIAL DESCRITIVO DA AMPLIAÇÃO DO ALMOXARIFADO - TI ET 07-02-203 1 REDE ESTRUTURADA DE TELECOMUNICAÇÕES Introdução O sistema de Telecomunicações constará alimentação dos pontos de comunicação

Leia mais

InfraEstrutura de Redes

InfraEstrutura de Redes Faculdade Anhanguera de São Caetano do Sul InfraEstrutura de Redes Curso: Tecnologia em Redes de Computadores Prof:Eduardo M. de Araujo Site-http://www.professoreduardoaraujo.com Cabeamento Estruturado

Leia mais

Cabeamento Blindado MÁRCIO MATOSO DE CASTRO

Cabeamento Blindado MÁRCIO MATOSO DE CASTRO Cabeamento Blindado MÁRCIO MATOSO DE CASTRO AGENDA CONCEITOS CARACTERÍSTICAS DE UMA REDE BLINDADA CABOS BLINDADOS FURUKAWA PARÂMETROS ELÉTRICOS ESPECIAIS NOVA GERAÇÃO DE CABOS CONCEITOS A EMI é um problema

Leia mais

FICHA TÉCNICA JACK RJ-45 C5e

FICHA TÉCNICA JACK RJ-45 C5e FICHA TÉCNICA JACK RJ-45 C5e 1- Aplicação: Este produto aplica-se a sistemas de cabeamento estruturado, para tráfego de voz, dados e imagens, em conformidade com os requisitos estabelecidos na Norma ANSI/TIA/EIA-568B.2

Leia mais

CABEAMENTO ESTRUTURADO NORMAS AMERICANAS EIA/TIA

CABEAMENTO ESTRUTURADO NORMAS AMERICANAS EIA/TIA CABEAMENTO ESTRUTURADO NORMAS AMERICANAS EIA/TIA NORMAS AMERICANAS EIA/TIA EIA/TIA 568-B: Commercial Building Telecomunications Cabling Standard Essa norma de 2001 é a revisão da norma EIA/TIA 568-A de

Leia mais

Megaband - Cat 5e. Conectores RJ45 Tipo Keystone Jacks Conector MegaBand categoria 5e 27. Patch Panel P. Modular 24 ou 48 portas GigaBand cat.

Megaband - Cat 5e. Conectores RJ45 Tipo Keystone Jacks Conector MegaBand categoria 5e 27. Patch Panel P. Modular 24 ou 48 portas GigaBand cat. Megaband - at 5e Página abos para Redes an abo AN UTP at 5e 26 onectores RJ45 Tipo Keystone Jacks onector MegaBand categoria 5e 27 Patch Panel P. Modular 24 ou 48 portas GigaBand cat.5e 28 Patch ord Patch

Leia mais

Cabeamento estruturado para ambientes industriais

Cabeamento estruturado para ambientes industriais Cabeamento estruturado para ambientes industriais Linha de produtos MultiLan / GigaLan Conhecendo os produtos... Conhecendo os ambientes... Ferrovias Armazéns... Frigoríficos Mineradoras... Terminais portuários

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ANEXO III PROJETO BÁSICO DE INSTALAÇÃO DE CABEAMENTO PARA REDE LOCAL DE MICROCOMPUTADORES 1.Objetivo Este projeto tem por objetivo descrever a instalação de cabeamento de rede lógica no edifício-sede da

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA SISTEMA DE CABEAMENTO ESTRUTURADO 1. PATCH CORDS / LINE CORDS / CORDÕES (CATEGORIA 5)

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA SISTEMA DE CABEAMENTO ESTRUTURADO 1. PATCH CORDS / LINE CORDS / CORDÕES (CATEGORIA 5) ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA SISTEMA DE CABEAMENTO ESTRUTURADO 1. PATCH CORDS / LINE CORDS / CORDÕES (CATEGORIA 5) Os patch cords, line cords ou cordões têm como função a interligação entre o equipamento do usuário

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO PARA INSTALAÇÃO DE CABEAMENTO DE REDE LÓGICA

MEMORIAL DESCRITIVO PARA INSTALAÇÃO DE CABEAMENTO DE REDE LÓGICA MEMORIAL DESCRITIVO PARA INSTALAÇÃO DE CABEAMENTO DE REDE LÓGICA 1. ESCOPO DO DOCUMENTO Este documento apresenta o memorial descritivo relativo ao projeto de Cabeamento lógico no Centro Municipal de Saúde

Leia mais

Cabeamento Metálico: Tudo o que você precisa saber Parte 1

Cabeamento Metálico: Tudo o que você precisa saber Parte 1 Cabeamento Metálico: Tudo o que você precisa saber Parte 1 Conteúdo CABOS METÁLICOS SÓLIDO COMPONENTES DE UMA REDE CABOS ELETRÔNICOS INTERCONEXÃO E CROSS-CONNECT CABOS METÁLICOS E ACESSÓRIOS PONTO DE CONSOLIDAÇÃO

Leia mais

Uma das maiores companhias do sector a nível mundial.

Uma das maiores companhias do sector a nível mundial. Uma das maiores companhias do sector a nível mundial. A General Cable é uma companhia líder no fabrico de cabos a nível mundial. A companhia conta com modernas instalações de produção na América do Norte,

Leia mais

Noções de Cabeamento Estruturado Metálico

Noções de Cabeamento Estruturado Metálico Noções de Cabeamento Estruturado Metálico Roteiro Parâmetros elétricos Cuidados com cabos metálicos Normas 568 / 606 Elementos do cabeamento estruturado Cabeamento Embora pareça uma questão simples, um

Leia mais

Disciplina: Cabeamento de Redes Profª Érica Barcelos

Disciplina: Cabeamento de Redes Profª Érica Barcelos Disciplina: Cabeamento de Redes Profª Érica Barcelos CAPÍTULO 4 4. CABEAMENTO ESTRUTURADO- PARTE II Cada nível do subsistema estudado no capítulo anterior foi regulamentado por normas que visam padronizar

Leia mais

Prefeitura Municipal de Patos de Minas Secretaria Municipal de Administração.

Prefeitura Municipal de Patos de Minas Secretaria Municipal de Administração. PREGÃO nº 132/2008 ANEXO I Proposta de Preços Processo: 7926/2008 Razão Social do Licitante: CNPJ: Insc Estadual: Endereço: Cidade: Estado: Telefone : Fax : e-mail : INFORMACÕES PARA PAGAMENTOS (quando

Leia mais

REDE ESTRUTURADA DE TELECOMUNICAÇÕES - TEL

REDE ESTRUTURADA DE TELECOMUNICAÇÕES - TEL REDE ESTRUTURADA DE TELECOMUNICAÇÕES - TEL SISTEMA DE RACK FECHADO 44U E ACESSÓRIOS Rack Fechado 44 U Padrão 19 Rack modelo gabinete com altura máxima de 44U; Estrutura básica em perfis de alumínio estrudado;

Leia mais

RapidNet. Categoria 6 CM/UTP RapidNet 6 Vias 46

RapidNet. Categoria 6 CM/UTP RapidNet 6 Vias 46 RapidNet Página Soluções de Cabos de Cobre e Fibra RapidNet a melhor solução para Data Centers 44 Aplicação 44 Benefícios 44 Disponibilidade do Produto em Cobre 45 Disponibilidade do Produto em FO 45 Categoria

Leia mais

APOSTILA DE REDES DE COMPUTADORES RESUMO 1º BIMESTRE - 2º SEMESTRE

APOSTILA DE REDES DE COMPUTADORES RESUMO 1º BIMESTRE - 2º SEMESTRE APOSTILA DE REDES DE COMPUTADORES RESUMO 1º BIMESTRE - 2º SEMESTRE 1 1. CABEAMENTO ESTRUTURADO Cabeamento estruturado é a disciplina que estuda a disposição organizada e padronizada de conectores e meios

Leia mais

UNSINCROTEL (9274) ELETRÔNICA E TELECOMUNICAÇÕES LTDA 0 261,1800 1

UNSINCROTEL (9274) ELETRÔNICA E TELECOMUNICAÇÕES LTDA 0 261,1800 1 Objeto da Compra: de Preços: PREÇOS 40/2015 Nº: 40/2015 Página: 1/8 1Pacote propagante de vinculação níquel de 100 elétrica de chama, ouro, Conectores com para possuir as veias RJ45 proteção vias Especificação

Leia mais

CONECTIVIDADE COBRE /FIBRA ÓPTICA

CONECTIVIDADE COBRE /FIBRA ÓPTICA CONECTIVIDADE COBRE /FIBRA ÓPTICA 1 Garantia Vitalícia Os sistemas de conectividade 4Lan compostos por cabos, conectores, patch panels e patchcords cumprem com as normas indicadas e te m uma garantia vitalícia,

Leia mais

Cabo Óptico Pré Conectorizado Fanout

Cabo Óptico Pré Conectorizado Fanout Cabo Óptico Pré Conectorizado Fanout Tipo do Produto Cabo Óptico Pré-Conectorizado Descrição Cabo Óptico de construção tipo " tight buffer" (indoor ou indoor/outdoor) ou cordão multifibra (somente indoor)

Leia mais

diagrama de ligações, relatórios emitidos pelo Analisador de Cabos

diagrama de ligações, relatórios emitidos pelo Analisador de Cabos ESPECIFICAÇÔES TÉCNICAS 1 CABEAMENTO HORIZONTAL Instalação da rede para padrão T568B constituída de 466 (quatrocentos e sessenta e seis) pontos, devidamente identificados, conforme localização definida

Leia mais

Especificação Técnica Sistema de Cabeamento Estruturado

Especificação Técnica Sistema de Cabeamento Estruturado Especificação Técnica Sistema de Cabeamento Estruturado Patch Cord Tipo RJ-45 - RJ45 - CATEGORIA 5 Modelo: D8AU Patch Cord com comprimento aproximado de xx metros, com conectores modulares de 8 posições

Leia mais

DTN WEBEX NOVOS PRODUTOS

DTN WEBEX NOVOS PRODUTOS DTN WEBEX NOVOS PRODUTOS Conectividade 6A Linha de Bandejas Ópticas HDX Linha de Racks ITMAX Linha de Racks Fechados Acessórios de Organização Produtos de alta densidade FTP UTP Descarregado Azul/Branco/Bege

Leia mais

Cabeamento Estruturado

Cabeamento Estruturado Cabeamento Estruturado Cabeamento Estruturado 01 - Visão geral das Redes Ethernet 02 - Conceitos de cabeamento estruturado 03 - O cabling e as normas EIA/TIA 04 - Infraestrutura para o cabeamento 05 -

Leia mais

TESTES E CERTIFICAÇÃO

TESTES E CERTIFICAÇÃO PROFESSOR NORBERTO - CABEAMENTO ESTRUTURADO TESTES E CERTIFICAÇÃO Para garantir a qualidade das instalações e a performance desejada é necessário que tenha-se certeza que a obra foi realizada dentro das

Leia mais

Meios de transmissão. Professor Leonardo Larback

Meios de transmissão. Professor Leonardo Larback Meios de transmissão Professor Leonardo Larback Meios de transmissão Na comunicação de dados são usados muitos tipos diferentes de meios de transmissão. A escolha correta dos meios de transmissão no projeto

Leia mais

TESTE DO SISTEMA OBJETIVO DA SEÇÃO

TESTE DO SISTEMA OBJETIVO DA SEÇÃO OBJETIVO DA SEÇÃO I. Lembrar-se dos requisitos de equipamentos de testes para cabos de pares trançados balanceados e fibras ópticas e seu uso adequado. II. Lembrar-se dos requisitos de testes de enlace

Leia mais

TELLNET - (11) 4133-3333 Fabio Leite (11) 9 8257-3355 Emilio Scalise Filho

TELLNET - (11) 4133-3333 Fabio Leite (11) 9 8257-3355 Emilio Scalise Filho TELLNET - (11) 4133-3333 Fabio Leite (11) 9 8257-3355 Emilio Scalise Filho Controle de Versão Versão Data Mudanças 1.oo 2011 Criação 4.00 2012 Inclusão do FTTx 5.00 2013 Unificação de desenhos de problemas

Leia mais

APRENDIZAGEM INDUSTRIAL. UNIDADE 10 Testes e certificação

APRENDIZAGEM INDUSTRIAL. UNIDADE 10 Testes e certificação APRENDIZAGEM INDUSTRIAL UNIDADE 10 Testes e certificação Configuração de teste de campo para cabos de par trançado de 100 ohms Teste de Canal: Inclui os 90m do cabeamento horizontal, o patch cord do equipamento

Leia mais

Planejamento de Redes e Cabeamento Estruturado

Planejamento de Redes e Cabeamento Estruturado Planejamento de Redes e Cabeamento Estruturado Projeto e Instalação Prof. Deivson de Freitas Introdução Nenhuma área de tecnologia cresceu tanto como a de redes locais (LANs) A velocidade passou de alguns

Leia mais

CORDÃO ÓPTICO MONOFIBRA OU DUPLEX

CORDÃO ÓPTICO MONOFIBRA OU DUPLEX CORDÃO ÓPTICO MONOFIBRA OU DUPLEX Tipo do Produto Cordão Óptico Família do Produto TeraLan Descrição Cordão Óptico é o cabo óptico monofibra ou duplex com conector óptico nas duas extremidades Aplicação

Leia mais

CATEGORIA 8 NOVA SOLUÇÃO PARA REDES ETHERNET 40Gbps. Renato Flávio Cruz Gerente Técnico - Cabos

CATEGORIA 8 NOVA SOLUÇÃO PARA REDES ETHERNET 40Gbps. Renato Flávio Cruz Gerente Técnico - Cabos CATEGORIA 8 NOVA SOLUÇÃO PARA REDES ETHERNET 40Gbps Renato Flávio Cruz Gerente Técnico - Cabos Agenda Redes atuais para 40 Gbit/s Ethernet Next Generation Cabling: 40GBASE-T Category 8 - Cabos e Conectores

Leia mais

Catálogo de Produtos. Marca de primeira categoria para cabeamento metálico e óptico

Catálogo de Produtos. Marca de primeira categoria para cabeamento metálico e óptico Catálogo de Produtos Marca de primeira categoria para cabeamento metálico e óptico NOSSA HISTÓRIA O GRUPO PREFORMED Tudo começou em 1947, quando a PLP - PREFORMED LINE PRODUCTS foi fundada em Cleveland,

Leia mais

LEGRAND CABLING SYSTEM 2. 2ª Edição PERFORMANCE DA SALA DE TELECOMUNICAÇÕES À ÁREA DE TRABALHO

LEGRAND CABLING SYSTEM 2. 2ª Edição PERFORMANCE DA SALA DE TELECOMUNICAÇÕES À ÁREA DE TRABALHO 2ª Edição LEGRAND CABLING SYSTEM 2 PERFORMANCE DA SALA DE TELECOMUNICAÇÕES À ÁREA DE TRABALHO LEGRAND CABLING SYSTEM 2 LCS 2 Soluções da sala técnica à estação de trabalho Veja pág. 02 a 15 LCS 2 cobre

Leia mais

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito - Cabos Metálicos de Cobre (Norma ANSI/TIA-568-C.2) www.labcisco.com.br ::: shbbrito@labcisco.com.br Prof. Samuel Henrique Bucke Brito Meio de Transmissão Meio de transmissão é o caminho físico (enlace)

Leia mais

-568B.3 Padronização de componentes de fibra ótica cabeamento estruturado

-568B.3 Padronização de componentes de fibra ótica cabeamento estruturado - Norma EIA/TIA 568A e 568B Padrões T 568A e T 568B -568B.1 Requisitos gerais - EIA/TIA 568B (julho/2001) -568B.2 Cabeamento de par trançado de 100 ohms -568B.3 Padronização de componentes de fibra ótica

Leia mais

Infraestrutura de Redes Locais. Edmilson Carneiro Moreira

Infraestrutura de Redes Locais. Edmilson Carneiro Moreira Infraestrutura de Redes Locais Edmilson Carneiro Moreira Sumário Introdução Histórico Cabeamento Estruturado Conceitos Categorias e Classes de desempenho ANSI/TIA-568-C Referências [1] Paulo Sérgio Cabeamento

Leia mais

Cabeamento Estruturado

Cabeamento Estruturado Cabeamento Estruturado Infra-estrutura de cabeamento metálico ou óptico, capaz de atender a diversas aplicações proporcionando flexibilidade de layout, facilidade de gerenciamento, administração e manutenção

Leia mais

FLEXIBILIDADE CAIXA DE PISO DA INFRA ESTRUTURA NA ESTAÇÃO DE TRABALHO PISO ELEVADO, CONTRAPISO, MONOLÍTICO. acabamento diferenciado instalação rápida

FLEXIBILIDADE CAIXA DE PISO DA INFRA ESTRUTURA NA ESTAÇÃO DE TRABALHO PISO ELEVADO, CONTRAPISO, MONOLÍTICO. acabamento diferenciado instalação rápida CAIXA DE PISO FLEXIBILIDADE DA INFRA ESTRUTURA NA ESTAÇÃO DE TRABALHO PISO ELEVADO, CONTRAPISO, MONOLÍTICO acabamento diferenciado instalação rápida ii LEGRAND SOLUÇÕES INTEGRADAS Comprometida com a melhoria

Leia mais

Catálogo de Produtos. Marca de primeira categoria para cabeamento metálico

Catálogo de Produtos. Marca de primeira categoria para cabeamento metálico Catálogo de Prs Marca de primeira categoria para cabeamento metálico NSA HISTÓRIA Tudo começou em 1947, quando a PLP - PREFORMED LINE PRODUCTS foi fundada em Cleveland, Ohio, EUA. Atuando nos segmentos

Leia mais

Especificação técnica. Conector rj45 macho e fêmea para rede de dados e voz

Especificação técnica. Conector rj45 macho e fêmea para rede de dados e voz DO - DIRETORIA DE OPERAÇÃO GRP - GERÊNCIA REGIONAL DE PAULO AFONSO SPTL- SERVIÇO DE TELECOMUNICAÇÕES DE PAULO AFONSO Especificação técnica Conector rj45 macho e fêmea para rede de dados e voz ET-SPTL-006-novembro/2013

Leia mais

09/08/2015 DISCIPLINA: TECNOLOGIA DE REDES DE COMPUTADORES. Tecnologia em Jogos Digitais. Mídias (meios) de transmissão

09/08/2015 DISCIPLINA: TECNOLOGIA DE REDES DE COMPUTADORES. Tecnologia em Jogos Digitais. Mídias (meios) de transmissão Tecnologia em Jogos Digitais Mídias (meios) de transmissão DISCIPLINA: TECNOLOGIA DE REDES DE COMPUTADORES Mídias físicas: composta pelo cabeamento e outros elementos componentes utilizados na montagem

Leia mais

ANSI/TIA/EIA 568 B...

ANSI/TIA/EIA 568 B... Memorial Descritivo Projeto elétrico e Cabeamento Estruturado CAT 5e TRE TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL Campo Grande Mato Grosso do Sul 1 ÍNDICE 1 Objetivo... 3 2 Dados Gerais... 3 3 Infra-estrutura... 4

Leia mais

Nome : Empresa : Cargo : Endereço : Telefone : FAX: E-mail : Site :

Nome : Empresa : Cargo : Endereço : Telefone : FAX: E-mail : Site : Nome : Empresa : Cargo : Endereço : Cidade: CEP: Telefone : FAX: E-mail : Site : Assinatura Local e Data IMPORTANTE: Preencher os dados completos e em letra legível pois, em caso de aprovação, as informações

Leia mais

AMP NETCONNECT Linha E Series Cat 5e

AMP NETCONNECT Linha E Series Cat 5e CommScope, líder mundial em conectividade de cobre e fibra oferece seus produtos da linha E Series como a solução ideal para suas necessidades de infraestrutura, para uma transmissão de dados segura e

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO E DE ESPECIFICAÇÕES

MEMORIAL DESCRITIVO E DE ESPECIFICAÇÕES MEMORIAL DESCRITIVO E DE ESPECIFICAÇÕES SISTEMA DE CABEAMENTO ESTRUTURADO OBRA: ESCOLA DE ENSINO PROFISSIONALIZANTE PROJETO PADRÃO PROPRIETÁRIO: MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO - MEC FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO

Leia mais

ITMAX SOLUÇÃO DATA CENTER

ITMAX SOLUÇÃO DATA CENTER ITMAX SOLUÇÃO DATA CENTER DATA CENTER A Furukawa apresenta a solução ITMAX para Data Center, com produtos especialmente desenvolvidos para atender este mercado que requer componentes de alta performance.

Leia mais

MAXI PATCH CORDS Patch Cords, Conector e Capa C2

MAXI PATCH CORDS Patch Cords, Conector e Capa C2 INTRODUÇÃO À EMPRESA Perfil da Empresa A1-A2 Qualidade Garantida A3-A4 Capacidade de Produção A5-A6 RoHS Concordância & Solução em cabeamento estruturado A7-A8 MAXI CABOS LAN Informações para pedido B2

Leia mais

SOLUÇÕES DE ALTA PERFORMANCE PARA INFRA-ESTRUTURA DE REDE

SOLUÇÕES DE ALTA PERFORMANCE PARA INFRA-ESTRUTURA DE REDE SOLUÇÕES DE ALTA PERFORMANCE PARA INFRA-ESTRUTURA DE REDE Pioneirismo e Liderança no Mercado Brasileiro A Furukawa faz parte de um sólido grupo empresarial japonês formado pela Furukawa Electric Co. e

Leia mais

Como Testar Conforme a TIA/EIA-568-B.2-10

Como Testar Conforme a TIA/EIA-568-B.2-10 Como Testar Conforme a TIA/EIA-568-B.2-10 O que todo instalador precisa saber sobre a nova norma para Categoria 6 Aumentada de cabeamento. A Associação da Indústria das Telecomunicações aprovou uma nova

Leia mais

Infraestrutura de Redes

Infraestrutura de Redes Infraestrutura de Redes Apresentação 01: Conceitos de Cabeamento Estruturado Prof. João Paulo Just - http://just.pro.br 1 Conceitos de Cabeamento Porque? Anteriormente: serviços como sistemas de alarmes,

Leia mais

QUANDO TRATAMOS SOBRE MEIOS DE TRANSMISSÃO, DEVEMOS ENFATIZAR A EXISTÊNCIA DE DOIS TIPOS DESSES MEIOS, SENDO:

QUANDO TRATAMOS SOBRE MEIOS DE TRANSMISSÃO, DEVEMOS ENFATIZAR A EXISTÊNCIA DE DOIS TIPOS DESSES MEIOS, SENDO: CABEAMENTO DE REDE QUANDO TRATAMOS SOBRE MEIOS DE TRANSMISSÃO, DEVEMOS ENFATIZAR A EXISTÊNCIA DE DOIS TIPOS DESSES MEIOS, SENDO: MEIO FÍSICO: CABOS COAXIAIS, FIBRA ÓPTICA, PAR TRANÇADO MEIO NÃO-FÍSICO:

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Prefeitura Municipal de Venâncio Aires

Estado do Rio Grande do Sul Prefeitura Municipal de Venâncio Aires MEMORIAL DESCRITIVO REESTRUTURAÇÃO E CABEAMENTO ESTRUTURADO E ELÉTRICO 1. APRESENTAÇÃO O presente memorial descritivo refere-se ao projeto de reforma das instalações de Telecomunicações, Cabeamento Estruturado

Leia mais

22/02/2014. Cabeamento estruturado garante: Organização; Flexibilidade; Desempenho; Escalabilidade; Simplificação do uso; Simplificação da manutenção.

22/02/2014. Cabeamento estruturado garante: Organização; Flexibilidade; Desempenho; Escalabilidade; Simplificação do uso; Simplificação da manutenção. Consiste de um conjunto de produtos de conectividade, empregados de acordo com regras específicas de engenharia; Tais produtos garantem conectividade máxima para os dispositivos existentes e preparam a

Leia mais

ABNT NBR 14.565 Cabeamento Estruturado Cabeamento Estruturado para Edifícios Comerciais e Data Centers Parte 2/2

ABNT NBR 14.565 Cabeamento Estruturado Cabeamento Estruturado para Edifícios Comerciais e Data Centers Parte 2/2 ABNT NBR 14.565 Cabeamento Estruturado Cabeamento Estruturado para Edifícios Comerciais e Data Centers Parte 2/2 ALUNO: REDES DE COMP. TURMA: RDN2 DATA: 12/11/2013 Av. Vitória, 950 Forte São João 29017-950

Leia mais

APRENDIZAGEM INDUSTRIAL. UNIDADE 3 Técnicas de cabeamento

APRENDIZAGEM INDUSTRIAL. UNIDADE 3 Técnicas de cabeamento APRENDIZAGEM INDUSTRIAL UNIDADE 3 Técnicas de cabeamento O cabeamento horizontal Compreende os segmentos de cabos que são lançados horizontalmente entre as áreas de trabalho e as salas de telecomunicações

Leia mais

Newell TM - Catálogo Cablagem Estruturada Fibra Óptica e Cobre

Newell TM - Catálogo Cablagem Estruturada Fibra Óptica e Cobre Newell TM - Catálogo Cablagem Estruturada Fibra Óptica e Cobre SOLUÇÃO DE CONECTIVIDADE Introdução pag 2 Acessórios de FO pag 3 FIBRA ÓPTICA LC pag 4 SC pag 5 ST pag 6 FC pag 7 DATASHEETS Cat 5E pag 8

Leia mais

PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br

PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br Curso Tecnológico de Redes de Computadores Disciplina: Infraestrutura de Redes de Computadores - 1º período Professor: José Maurício S. Pinheiro AULA 01 Conceitos

Leia mais

UTP Unshielded Twisted Pair - UTP ou Par Trançado sem Blindagem: é o mais usado atualmente tanto em redes domésticas quanto em grandes redes

UTP Unshielded Twisted Pair - UTP ou Par Trançado sem Blindagem: é o mais usado atualmente tanto em redes domésticas quanto em grandes redes Definição Cabeamento para uso integrado em comunicações de voz, dados e imagem preparado de maneira a atender diversos layouts de instalações, por um longo período de tempo, sem exigir modificações físicas

Leia mais

NOMES DOS AUTORES JEAN PIERRE AIRES DA SILVA RELATÓRIO FINAL DE PROJETO CABO UTP

NOMES DOS AUTORES JEAN PIERRE AIRES DA SILVA RELATÓRIO FINAL DE PROJETO CABO UTP Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial E.E.P. Senac Pelotas Centro Histórico Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego Curso Técnico em Informática NOMES DOS AUTORES JEAN PIERRE AIRES

Leia mais

EXTENSÃO ÓPTICA CONECTORIZADA

EXTENSÃO ÓPTICA CONECTORIZADA EXTENSÃO ÓPTICA CONECTORIZADA Tipo do Produto Extensão Óptica Família do Produto Descrição TeraLan A Extensão Óptica Conectorizada é composta, (1) normalmente, por dois itens principais : Extensão Óptica:

Leia mais

Redes de computadores. Cabeamento Estruturado

Redes de computadores. Cabeamento Estruturado Redes de computadores Cabeamento Estruturado Cabeamento Não-estruturado Dutos super-lotados Cabos dobrados Dificuldade de Manutenção Foto: Rodrigo Cabelo CABEAMENTO NÃO-ESTRUTURADO Mais exemplos... Outros

Leia mais

EIA/TIA 569-B infra-estrutura caminhos e espaços

EIA/TIA 569-B infra-estrutura caminhos e espaços ANSI EIA/TIA 569-B EIA/TIA 569-B infra-estrutura caminhos e espaços Conforme a EIA/TIA 569A a infra-estrutura é dividida nos seguintes subsistemas: Área de Trabalho; Percursos horizontais; Sala ou armário

Leia mais

Cabo Óptico Pré-Conectorizado LC/SC

Cabo Óptico Pré-Conectorizado LC/SC Cabo Óptico Pré-Conectorizado LC/SC Tipo do Produto Descrição Cabo Óptico Pré-Conectorizado Cabo óptico de construção tipo tight buffer (indoor ou indoor/outdoor) pré-conectorizado em fábrica com conectores

Leia mais

LISTA DE PRODUTOS ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: SETEMBRO DE 2008

LISTA DE PRODUTOS ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: SETEMBRO DE 2008 LISTA DE PRODUTOS DE PRODUTOS LISTA ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: SETEMBRO DE 2008 Ativos / Wireless ADSL Modem; Conversores de Mídia; Firewall; Hub s; KVM (2 / 4 / 8 e 16 Portas); Modem Externo; Placas de Rede

Leia mais

INTRODUÇÃO. Para permitir que os diversos fabricantes sejam capazes de produzir equipamentos e componentes que possam interagir.

INTRODUÇÃO. Para permitir que os diversos fabricantes sejam capazes de produzir equipamentos e componentes que possam interagir. INTRODUÇÃO Cabeamento para Voz e Dados Os novos cabeamentos para telecomunicações oferecem muito mais qualidade, flexibilidade, valor e função para as necessidades presentes e futuras. Hoje, a sobrevivência

Leia mais

Módulo 4 Testes de Cabos

Módulo 4 Testes de Cabos CCNA 1 Conceitos Básicos de Redes Módulo 4 Testes de Cabos Fundamentos para o Teste de Cabos em Frequência Ondas Uma onda é energia que se propaga de um lugar para outro. Pode ser definida como um distúrbio

Leia mais

Cabeamento Estruturado. Definição. Definição. Prof. Leandro Pykosz Leandro@sulbbs.com.br Redes de Computadores - UDESC

Cabeamento Estruturado. Definição. Definição. Prof. Leandro Pykosz Leandro@sulbbs.com.br Redes de Computadores - UDESC Cabeamento Estruturado Prof. Leandro Pykosz Leandro@sulbbs.com.br Redes de Computadores - UDESC Definição Entende-se por rede interna estruturada aquela que é projetada de modo a prover uma infra-estrutura

Leia mais

EIA/TIA 606 Administração do Cabeamento Estruturado

EIA/TIA 606 Administração do Cabeamento Estruturado EIA/TIA 606 Administração Estruturado Administração Estruturado As áreas da infra-estrutura a serem administradas compreendem: Terminações para meios de telecomunicações localizados nas Work Areas; Telecommunication

Leia mais

FACULDADE DE INFORMÁTICA SALTO 2012. Projetos de Redes II. Tecnologia em Redes de Computadores

FACULDADE DE INFORMÁTICA SALTO 2012. Projetos de Redes II. Tecnologia em Redes de Computadores FACULDADE DE INFORMÁTICA SALTO 2012 Projetos de Redes II Tecnologia em Redes de Computadores Dias e horários Segundas-feiras 19:00 às 22:30 horas Valor das Avaliações PO1 Prova Oficial 1 PO1 (matéria somente

Leia mais

NORMA ANSI/EIA/TIA 568 - B. Projeto Físico de Rede

NORMA ANSI/EIA/TIA 568 - B. Projeto Físico de Rede NORMA ANSI/EIA/TIA 568 - B O PADRÃO BASEIA-SE NOS SEIS PRINCIPAIS COMPONENTES DE UM SISTEMA DE CABEAMENTO ESTRUTURADO, QUE SÃO: 1 FACILIDADE DE ENTRADA (Entrance Facility) : É COMPOSTA POR HARDWARE DE

Leia mais

LEGRAND CABLING SYSTEM 2. 4ª Edição PERFORMANCE DA SALA DE TELECOMUNICAÇÕES À ÁREA DE TRABALHO

LEGRAND CABLING SYSTEM 2. 4ª Edição PERFORMANCE DA SALA DE TELECOMUNICAÇÕES À ÁREA DE TRABALHO 4ª Edição LEGRAND CABLING SYSTEM 2 PERFORMANCE DA SALA DE TELECOMUNICAÇÕES À ÁREA DE TRABALHO LEGRAND CABLING SYSTEM 2 LCS 2 Soluções da sala técnica à estação de trabalho Veja pág. 02 a 15 LCS 2 cobre

Leia mais

FIBRA ÓTICA CABOS CORDÃO ÓTICO SIMPLEX OU DUPLEX GAVETAS DE DISTRIBUIÇÃO FIBRA ÓTICA TORPEDOS E CAIXAS PARA JUNTAS ADAPTADORES CONVERSORES DE MEIOS

FIBRA ÓTICA CABOS CORDÃO ÓTICO SIMPLEX OU DUPLEX GAVETAS DE DISTRIBUIÇÃO FIBRA ÓTICA TORPEDOS E CAIXAS PARA JUNTAS ADAPTADORES CONVERSORES DE MEIOS FIBRA ÓTICA CABOS CORDÃO ÓTICO SIMPLEX OU DUPLEX GAVETAS DE DISTRIBUIÇÃO FIBRA ÓTICA TORPEDOS E CAIXAS PARA JUNTAS ADAPTADORES CONVERSORES DE MEIOS 04 05 0 07 08 09 02 FIBRA ÓTICA TECNOLOGIA ÓTICA Com

Leia mais