Grupo de Pesquisa: Cidadania Empresarial

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Grupo de Pesquisa: Cidadania Empresarial"

Transcrição

1 Grupo de Pesquisa: Cidadania Empresarial Projeto de Pesquisa: A Sustentabilidade Ambiental e Energética no Paraná Agrícola: uma questão de cidadania, ética e responsabilidade social empresarial Professor Responsável: Profa. Dra. Viviane Séllos Componentes: Mestrando: Cláudio de Fraga Graduandas: Rosélia Furmann, Isadora de Biasio e Bruna de Lacerda Carvalho Membro da Comunidade: Lília Coelho de Sousa Santos Objetivo Geral: Encontrar na busca da efetivação da Constituição de 1988 as regras implícitas sobre a responsabilidade social do setor privado, promovendo a efetividade das disposições constitucionais na tutela do meio ambiente e da sustentabilidade. Resultados Esperados 2011: Pretendemos investigar, dentre outros aspectos que se mostrem relevantes à pesquisa e à contribuição social desta a preocupação da empresa em cumprir um papel social e ser reconhecida por isto cresceu nos últimos cinco anos e apresenta perspectivas de avanço. (Para isto verificaremos qual o percentual das empresas visitadas que possui trabalho de responsabilidade social na área ambientalista) e como os movimentos ativistas conhecidos na área da sustentabilidade sócio-ambiental são vistos pelos entrevistados. Inicio: 08/2011 Conclusão prevista: 12/2012 Projeto Completo: (abaixo)

2 Grupo de Pesquisa: Cidadania Empresarial Projeto de Pesquisa: A Sustentabilidade Ambiental e Energética no Paraná Agrícola: uma questão de cidadania, ética e responsabilidade social empresarial I. Autor Nome do professor: Viviane Séllos Titulação com a instituição e ano: Doutora, PUC/SP, 2005 Telefone e , II Área de concentração Direito empresarial III Linha de pesquisa Atividade empresarial e Constituição: inclusão e sustentabilidade IV Resumo Nosso trabalho será realizado com acadêmicos de direito orientados para a iniciação científica, mestrandos do Programa em Direito Empresarial e Cidadania do UniCuritiba, professores da casa e membros da comunidade, visando análise do nível de conscientização e comprometimento da classe empresária local sobre a relevância jurídica da tutela do meio ambiente em face aos desafios energéticos e produção de alimentos. Isto, partindo da vertente de que o desenvolvimento sustentável se coloca imperativamente como desafio comum a ser vencido, acompanhando a crescente complexidade das relações sociais, comerciais, econômicas e políticas e buscando propor um imperativo regulatório no direito que enfrente diretamente a questão. O cerne da problemática a ser enfrentada, no entanto, é correspondente ao fato de que a despeito do fato de os bens da natureza serem finitos, a humanidade se apoderou

3 sobre os valores da natureza, e tem com isso, causado prejuízos a si própria, acarretando crescente degradação da qualidade de vida, em especial nos grandes centros urbanos e ameaçando sua própria existência. Partindo dessa premissa, a partir da realização de entrevistas com executivos e gestores dos setores público e privado, nas áreas de energia e da agroindústria paranaenses, buscaremos constatar se a preocupação da empresa em cumprir um papel social e ser reconhecida por isto cresceu nos últimos cinco anos e apresenta perspectivas de avanço; qual o percentual dentre os entrevistados que concordam que são necessárias políticas públicas ambientalistas, que a questão ambiental deve ser priorizada, percebendo que este é um problema global; e como a sociedade empresária pode contribuir para uma sociedade ecologicamente consciente. Finalmente proporemos a implementação de políticas públicas para a realização de parceria entre os setores público e privado e elaboraremos anteprojetos de legislações ambientalistas focadas nos resultados da pesquisa de campo e nos indicadores sociais levantados. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO 1 OBJETO 1.1 Tema A fixação de marcos regulatórios sobre a responsabilidade social empresarial e a sustentabilidade sócio-ambiental, energética e agrícola no estado do Paraná. 1.2 Tema delimitado A temática delimita-se sob a ótica dos direitos à preservação do desenvolvimento sustentável, da dignidade e das condições de vida humana, nas ações empresariais agrícolas e energéticas cunhadas de responsabilidade social, visando a produção de alimentos, o lucro, o fortalecimento do estado, a produção de energia e as parcerias público-privadas no estado

4 do Paraná, pautados pelos valores, princípios e preceitos do Direito Constitucional, visando a promoção da cidadania, o desenvolvimento social e regional. 1.3 Formulação do problema Como possibilitar, no estado do Paraná, a eficácia plena das disposições constitucionais concernentes à vida, à dignidade humana e à sustentabilidade dos recursos ambientais em face ao desenvolvimento econômico, tecnológico, industrial, o crescimento populacional, a demanda energética, alimentícia e empregatícia? 2 OBJETIVOS 2.1 Objetivo Geral Investigar (na busca da efetivação da Constituição de 1988) as regras implícitas sobre a responsabilidade social do setor privado, promovendo a efetividade das disposições constitucionais na tutela do meio ambiente e da sustentabilidade. 2.2 Objetivos Específicos Delimitar o conceito de sustentabilidade sócio-ambiental; Analisar a natureza jurídica da função social da empresa; Pesquisar os meios de controle popular da exploração dos recursos ambientais inerentes às atividades agrícola e energética; Verificar as normas nacionais e estrangeiras que disciplinam as políticas públicas pró sustentabilidade sócio-ambiental, em especial nos setores agrícola e energético; Investigar o papel do Estado na regulação da relação jurídica entre os setores agrícola e energético. 3 JUSTIFICATIVA

5 Nosso propósito se justifica pelo fato de visarmos tecer análise do nível de conscientização e comprometimento da população paranaense e em especial de suas classes gestora, empresária e acadêmica sobre a relevância jurídica da tutela dos bens que sustentam a vida, o bem-estar e a dignidade da espécie humana. Culturas rurais, assim como industriais e governamentais tem papel fundamental na preservação dos recursos naturais e seu uso consciente, partindo da vertente de que o desenvolvimento sustentável se coloca imperativamente como desafio comum a ser vencido, acompanhando a crescente complexidade das relações sociais, comerciais, econômicas e políticas, consistindo-se em ato de cidadania. Com isto, buscaremos propor um imperativo regulatório no direito que enfrente diretamente a questão. 4 METODOLOGIA (material e métodos) O material a ser utilizado será a legislação, a doutrina, a jurisprudência e projetos de lei, além do coletado em entrevistas. A coleta dos dados será obtida por meio de pesquisa empírica com trabalho de campo realizado por acadêmicos de direito mediante orientação. A análise dos respectivos dados será efetivada com o suporte dos métodos dedutivo e indutivo de forma alternada durante cada fase da pesquisa, no ambiente empresarial e industrial no estado do Paraná. A pesquisa teórica será realizada através da análise da legislação a partir das regras hermenêuticas, estudo da doutrina, da jurisprudência, dos cases e dos dados empíricos colhidos através de pesquisa de campo visando demonstrar a evolução do tema. Para o desenvolvimento do trabalho de pesquisa seguir-se-á o método de abordagem dedutivo, eis que a partir da classificação dos direitos fundamentais dos trabalhadores e do conceito e classificação do poder de direção do empregador, far-se-á, por primeiro, investigação dos conceitos de discriminação, estigma e preconceito. Em seguida, procurar-se-á analisar as normas internacionais, sobretudo aquelas oriundas da OIT.

6 5 RESULTADOS ESPERADOS Alcançados os objetivos parciais e finais perseguidos, esperamos expor os resultados da pesquisa em eventos e sob a forma de artigos científicos individuais ou em co-autoria (sempre sob a orientação da coordenadora do grupo), para a publicação em periódicos qualizados pelo CNPq. 6 NOVAS VAGAS DISPONIBILIZADAS PARA GRADUANDOS, MESTRANDOS E MESTRES Disponibilizam-se vagas para graduandos do Curso de Direito do UNICURITIBA, Mestrandos e Mestres pelo Programa em Direito Empresarial e Cidadania, ou por Programas Conveniados, além de egressos e membros da comunidade envolvidos com a temática. Os candidatos deverão apresentar junto ao Núcleo de Pesquisa do UniCuritiba, o Currículo Lattes atualizado e histórico escolar ou diploma. Necessários conhecimentos (leitura) em um dos seguintes idiomas: inglês, espanhol, francês ou italiano. 7 CRONOGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DA PESQUISA O desenvolvimento da pesquisa dar-se-á em 18 (dezoito) meses (de agosto de 2011 a dezembro de 2012), conforme o cronograma abaixo. ATIVIDADES PERÍODO DE EECUÇÃO Meses do ano ago set out nov dez Jan/ Fev/ Mar Ab/ Mai Jun/ Jul/A go set out nov dez Apresentação do projeto Seleção dos integrantes Início da Pesquisa Encontros com a orientadora reuniões do Grupo de estudo

7 Levantamento de dados Leituras básicas e fichamentos Redação da primeira parte de cada artigo, em co-autoria e sob a supervisão da orientadora Redação da segunda parte do artigo Redação da terceira parte do artigo Entrega da primeira versão completa do artigo para revisão pelos mestrandos do grupo Repasse dos textos revistos pelos mestrandos para as correções e complementações do orientador Aprimoramento dos textos pelos orientandos Entrega da versão final dos artigos para a revisão final da orientadora Entrega da versão definitiva dos artigos científicos e do relatório de pesquisa à Coordenação do Núcleo de Pesquisa e encaminhamento das publicações 7 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS ABREU, José. O negócio jurídico e sua teoria geral. São Paulo: Saraiva, ADEODATO, João Maurício. Ética e retórica. São Paulo: Saraiva, AGUIAR, Dias. Da Responsabilidade Civil. 2ª ed., Rio de Janeiro: Forense, AGUILAR, Francis J. A ética nas empresas. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 1996.

8 AGUILLAR, Fernando Herren. Controle social de serviços públicos. São Paulo: Max Limonad, AKEL, Hamilton Elliot. O Poder Judicial e a Criação da Norma Individual. São Paulo: Saraiva, ALEY, Robert. Teoria da argumentação jurídica. São Paulo: Landy, ALEY, Robert. Teoría de los derechos fundamentales. Madrid: Centro de Estudios Constitucionales, ALVES, Alaôr Caffé et alli. O que é filosofia do direito?. Barueri: Manole, ASHLEY, Patrícia A. Do consumo responsável para a produção responsável: Redirecionamento a perspectiva de mudança para a responsabilidade social empresarial Projeto de Doutorado, Disponível em WWW. URL: Acesso em: 28 junho, BONAVIDES, Paulo. Teoria do estado. 5.ed., rev. e ampl. São Paulo: Malheiros, BOWEN, Howard R. Responsabilidades sociais do Homem de Negócios. Rio de Janeiro: Editora Civilização Brasileira, CANOTILHO, José Joaquim Gomes. Direito Constitucional e Teoria da Constituição. 7 a edição. Coimbra: Almedina, CASTRO, Carlos Roberto Siqueira. A Constituição aberta e os direitos fundamentais: ensaios sobre o constitucionalismo pós-moderno e comunitário. 1.ed., 2.tir. Rio de Janeiro: Forense, CEVOLI, Marida. Bell: o advento pós-industrial. In DE MASI, Domenico. A sociedade pósindustrial. São Paulo; Editora SENAC, CHIAVENATO, Julio José. Desenvolvimento Sustentável para todos. Ecologia em debate. São Paulo: Moderna, p. 87,1997. COHEN, David. A empresa do novo milênio: Empresa e sociedade. Revista Exame. v DE MASI, Domenico. A sociedade pós-industrial. São Paulo; Editora SENAC, 1999.

9 DRUCKER, Peter F. Uma Era de Descontinuidade - Orientações para uma Sociedade em Mudança. Rio de janeiro: Zahar, DUPAS.G. A lógica da economia global e a exclusão social. Revista Estudos Avançados. São Paulo, v.12, n.34, p , set./out FERREIRA FILHO, Manoel Gonçalves. A democracia possível. 4.ed. São Paulo: Saraiva, Aspectos do direito constitucional contemporâneo. São Paulo : Saraiva, Constituição e governabilidade: ensaio sobre a (in) governabilidade brasileira. São Paulo : Saraiva, Estado de direito e Constituição. 2.ed., rev. e ampl. São Paulo : Saraiva, FIESP-CIESP, Núcleo de Ação Social. Responsabilidade social empresarial: panorama e perspectivas na indústria paulista. São Paulo: NAS Núcleo de Ação Social, novembro de FUNDAÇÃO ABRINQ. Missão, objetivos, áreas estratégicas, áreas de atuação e projetos desenvolvidos. [online] Disponível na internet via WWW. URL: Acesso em: julho de GRAJEW, Oded. O que é responsabilidade social. In Mercado Global. São Paulo. Ano 27, n. 07, junho/2000. GRAU, Eros Roberto. O direito posto e o direito pressuposto. 2.ed. São Paulo: Malheiros, GUIMARÃES, Heloísa Werneck Mendes. Responsabilidade social da empresa: uma visão histórica de sua problemática. Revista de Administração de Empresas. Rio de Janeiro, v. 24, n. 4, p , out./dez

10 HABERMAS, J. Pensamento pós-metafísico: estudos filosóficos, Trad. de F. B. Siebeneichler. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, HENDERSON, Hezel. Além da globalização: modelando uma economia global sustentável. Tradução de Maria José Scarpa, São Paulo: Editora Cultrix, INSTITUTO ETHOS. Missão. [online] Disponível na internet via www. URL:http://www.ethos.org.br. Acesso: em outubro de IOSCHPE, Evelyn B. As Empresas aderem de forma crescente à programas de cidadania empresarial. Jornal Valor Econômico, São Paulo, n 71, p.e2, 09,agosto KELSEN, Hans. A democracia. 2.ed. São Paulo: Martins Fontes, KOOGAN/HOUAISS. Enciclopédia e dicionário ilustrado. 4.ed. Rio de Janeiro: Delta, KUHN, Thomas. A estrutura das revoluções científicas. São Paulo: Perspectiva, KÜNG, Hans. Uma ética global para a política e a economia mundiais. Petrópolis: Vozes, LAFER, Celso. A reconstrução dos direitos humanos: um diálogo com o pensamento de Hannah Arendt. São Paulo: Companhia das Letras, LAMA, Dalai. Uma Ética para o Novo Milênio. Rio de Janeiro: Editora Sextante, LAMEIRA, Vadir de Jesus. Governança corporativa. Rio de Janeiro: Editora Forense Universitária, LANDIM, L.; SCALON. M.C. Doações e trabalho voluntário no Brasil: uma pesquisa. Rio de Janeiro: 7Letras, LARENZ, Karl. Base del negocio juridico y cumplimento de los contratos. Madrid: Editorial Revista de Derecho Privado, traduccion de Carlos Fernandez, Derecho Civil (Parte General), trad. em espanhol e notas de Miguel Izquierdo e Mácias _ Picavea (3 a ed., de 1975), Ed. Revista de Derecho Privado, LASSALLE, Ferdinand. A essência da constituição. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2001.

11 LAURETTI, L. Relatório anual: o que uma sociedade por ações deve informar aos investidores. São Paulo: Saraiva, LAVINAS, Lena; SORJ, Bila; LINHARES, Leila; JORGE, Angela. Trabalho a Domicílio: Novas Formas de Contratação Pág.17; 27; 43; 59. LAVOR, Francisco Osani de. "Perspectivas das relações individuais e coletivas de trabalho na sociedade globalizada." Suplemento Trabalhista LTr, 1998, n. 02. LEAL, Ricardo P. C.; FERREIRA, Vicente A. de C.; SILVA, André L. C. Governança corporativa no Brasil e no mundo. Rio de Janeiro: E-papers, LISBOA, Armando de Melo. Empresa Cidadã: nova metamorfose do capital? Caderno Outros Valores, Florianópolis. Nº 1. Editora Cidade Futura, LOCKE, John. Segundo tratado sobre o governo civil: ensaio sobre a origem, os limites e os fins verdadeiros do governo civil. Carta sobre a tolerância. (Coleção clássicos do pensamento político), Tradução de Magda Lopes e Marisa Lobo da Costa. Petrópolis: Vozes, LUHMANN, Niklas. Observaciones de la modernidad. Espanha: Paidós Ibérica, Sociedad y sistema: la ambición de la teoría. Espanha: Paidós Ibérica, Sociologia do direito. Rio de Janeiro: Edições Tempo Brasileiro, O amor como paixão. Lisboa: DIFEL, LYRA FILHO, Roberto. O que é direito? São Paulo: Brasiliense, Expressão Mais Simples do Direito Penal. Rio de Janeiro: Ed. Rio/Sociedade Cultural Ltda, MAGALHÃES, Iliana Maria Michel. Responsabilidade social das empresas e ação política dos indivíduos e da sociedade. Revista de Administração de Empresas. Rio de Janeiro, v. 24, n. 4, p , out./dez MELO NETO. Francisco Paulo; FROES, César. Responsabilidade social e cidadania empresarial: a administração do terceiro setor. Rio de Janeiro: Editora Quilataram, MIRANDA, Jorge. Manual de direito constitucional. 4. ed. Coimbra : Coimbra, v.

12 MORAES, Fernando Gomes. Responsabilidade pessoal. Empresa & Comunidade. Jornal Valor Econômico. Caderno, E2 11/10/2000. OLIVEIRA NETO, Waldemar de. Responsabilidade Social no Brasil e no Mundo. Mercado Global. São Paulo. Ano 27 n.º 107 p junho OLIVEIRA, José Arimatéa de. Responsabilidade social em pequenas e médias empresas. Revista de Administração de Empresas, Rio de Janeiro, v.24, n. 4, p , out./dez PARENTE, Juracy. Responsabilidade social no varejo: conceitos, estratégias e casos no Brasil/ Juracy Parente (coordenador), São Paulo: Saraiva, RANCIC, Bill. O Aprendiz. (trad. Dinah de Abreu Perroni). São Paulo: Ed. Landscape RAO, Vicente. Ato Jurídico. 2 a ed., Max Limonad, O Direito e a Vida dos Direitos. 3 ª ed., São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, RATTNER. H. Liderança para uma sociedade sustentável. São Paulo: Nobel, RAWLS, John. Justiça e democracia. São Paulo: Martins Fontes, RAYMOND, Aron. A sociedade industrial. In FORACCHI, Marialice Mencarini, Martins, José de Souza. Sociologia e sociedade (leituras de introdução à sociologia). Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos Editora S.A., REAL, Alberto Ramón. Los métodos de interpretación constitucional. Revista de Direito Público, v , REALE, Miguel. Fundamentos do Direito, São Paulo: RT, Aplicações da Constituição de Rio de Janeiro: Editora Forense, Filosofia do Direito. Ed. Saraiva, Fontes e Modelos do Direito: para um novo paradigma hermenêutico. São Paulo: Saraiva, Lições Preliminares de Direito, São Paulo: Ed. Saraiva, O Direito Como Experiência. São Paulo: Saraiva, 1999.

13 . O direito como experiência: introdução à epistemologia jurídica. 2 ed., São Paulo: Saraiva, Teoria do Estado e do direito. São Paulo: Saraiva, Teoria Tridimensional do Direito. 5 ed., São Paulo: Ed. Saraiva RECHTMAN, Marcos; FONTES FILHO, Joaquim Rubens; GAMINO, Fernando. Governança corporativa aplicada ao contexto empresarial brasileiro. Rio de Janeiro: Papel Virtual Editora, REGIS, Maria Lúcia. A coragem de viver. Petrópolis : Vozes, REIS, Ernesto José Pereira dos. Previdência Privada Aberta. in Curso de Direito Previdenciário, homenagem a Moacyr Velloso Cardoso de Oliveira ( coordenação de Wagner Balera). 4 ª ed., São Paulo: LTr Editora, REISEWITZ, Lucia. Direito Ambiental e Patrimônio Cultural: direito à preservação da memória, ação e identidade do povo brasileiro. São Paulo : Juarez de Oliveira ROUSSEAU, Jean-Jacques. Do contrato social: e discurso sobre a economia política. São Paulo: Hemus, SANTOS, Milton. Por uma outra globalização: do pensamento único à consciência universal. 3ª Ed. Rio de Janeiro: Record, SIGELMANN e FERNANDES. A medida da Responsabilidade Social Responsabilidade social.arquivo Brasileiro de Psicologia: Rio de janeiro Out/dez p SOUZA, Herbert de e RODRIGUES, Carla. Ética e Cidadania. São Paulo, Moderna, SROUR, Robert Henry. Ética Empresarial. Rio de Janeiro: Campus, TOFFLER, Alvin. A terceira onda. 18. ed., Trad. de João Távora, Rio de Janeiro: Record, VATTIMO, Gianni. A sociedade transparente. Biblioteca de filosofia contemporânea. Tradução de Carlos Aboim de Brito. Lisboa: Edições 70, VIEIRA, Liszt. Cidadania e Globalização. Rio de Janeiro: Editora Record, 1999.

14 VISENTINI, José William. Brasil Sociedade e Espaço. São Paulo: Editora Ática,1999. VITERBO, E.J. Sistema integrado de gestão ambiental. São Paulo: Aquariana, WALD, Arnold. em O Papel do Estado no Limiar do Século I, in Ives Gandra da SILVA MARTINS (coordenador), Desafios do Século I. São Paulo: Pioneira: Academia Internacional de Direito e Economia Obrigações e Contratos. 14 ª ed., São Paulo: Revista dos Tribunais, , MARTINS, Ives Gandra da Silva e PRADO, Ney. O Direito Brasileiro e os Desafios da Economia Globalizada. Rio de Janeiro: América Jurídica, WALLERSTEIN, Immanuel. El sistema mundial. México: Siglo I editores, 1984, vol. I e II. WANDERLEY, Maria de N. B. Globalização e desenvolvimento sustentável. São Paulo: Pólis, WARAT, Luis Alberto. O Ofício do Mediador. Vol. 1. Florianópolis: Habitus Editora, WEBER, Max. Ciência e Política: duas vocações. São Paulo: Cultrix, s/d. WEFFORT, Francisco. Os clássicos da política. vols. 1 e 2. São Paulo: Ática, Qual democracia? São Paulo: Companhia das Letras, WERNECK, Cláudia. Sociedade Inclusiva quem cabe no seu todos?. Rio de Janeiro: WVA, WILHEIM, Ana M. (superv.); CORULLÓN, Mónica B. G. (coord.). Voluntários: programa de estímulo ao trabalho voluntário no Brasil. São Paulo: Fundação Abrinq pelos Direitos da Criança, WOLFE, Christopher. La transformacion de la intepretacion constitucional. Espanha: Civitas, AVIER, Maria Amélia Vampré. O outro lado do arco-íris. São Paulo : Diniz, ZACHARIAS, Oceano J. SA 8000/NBR Responsabilidade social. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2004.

15 ZAFFARONI, Eugenio Raul. Manual de Direito Penal Brasileiro. Revista dos Tribunais, 1997 ZIPPELIUS, Reinhold. Teoria geral do Estado. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, ZÜLZKE, Maria Lúcia. Abrindo a empresa para o consumidor. Rio de Janeiro: Qualitymark, ZYMLER, Benjamin. Política e direito. Curitiba: Juruá, 2002.

UNICURITIBA CENTRO UNIVERSITÁRIO CURITIBA PROGRAMA stricto sensu DE MESTRADO EM DIREITO. Ética, direitos fundamentais e responsabilidade social

UNICURITIBA CENTRO UNIVERSITÁRIO CURITIBA PROGRAMA stricto sensu DE MESTRADO EM DIREITO. Ética, direitos fundamentais e responsabilidade social UNICURITIBA CENTRO UNIVERSITÁRIO CURITIBA PROGRAMA stricto sensu DE MESTRADO EM DIREITO Ética, direitos fundamentais e responsabilidade social CURITIBA PR 2010-2011 Título do Projeto de Pesquisa: Ética,

Leia mais

Direito Penal Econômico

Direito Penal Econômico CENTRO UNIVERSITÁRIO CURITIBA PROGRAMA DE MESTRADO EM DIREITO FÁBIO ANDRÉ GUARAGNI Direito Penal Econômico Projeto de Pesquisa Científica que vem sendo desenvolvido em Grupo, no Programa de Mestrado em

Leia mais

Faculdade de Administração Milton Campos Reconhecida pelo Ministério da Educação. MBA em Propriedade Intelectual e Tecnologia

Faculdade de Administração Milton Campos Reconhecida pelo Ministério da Educação. MBA em Propriedade Intelectual e Tecnologia Faculdade de Administração Milton Campos Reconhecida pelo Ministério da Educação MBA em Propriedade Intelectual e Tecnologia Tópicos Especiais Carga Horária: 32 h/a 1- Ementa Estado moderno e Constitucionalismo.

Leia mais

DIREITO CIVIL TEORIA GERAL DO DIREITO CIVIL 12

DIREITO CIVIL TEORIA GERAL DO DIREITO CIVIL 12 DIREITO CIVIL TEORIA GERAL DO DIREITO CIVIL 12 12.1. Pessoa jurídica: atribuição de personalidade a um ente que se torna sujeito de direitos e obrigações. 12.2. Principais pessoas jurídicas: associações

Leia mais

2. OBJETIVO GERAL Discutir os pressupostos, os conceitos e técnicas fundamentais para a produção e aplicação do conhecimento jurídico.

2. OBJETIVO GERAL Discutir os pressupostos, os conceitos e técnicas fundamentais para a produção e aplicação do conhecimento jurídico. DISCIPLINA: Introdução ao Estudo do Direito CH total: 72h SEMESTRE DE ESTUDO: 1 Semestre TURNO: Matutino / Noturno CÓDIGO: DIR101 1. EMENTA: Epistemologia jurídica. Norma Jurídica. Ordenamento Jurídico.

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SERRA DOS ÓRGÃOS CENTRO UNIVERSITÁRIO SERRA DOS ÓRGÃOS CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS CURSO DE DIREITO

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SERRA DOS ÓRGÃOS CENTRO UNIVERSITÁRIO SERRA DOS ÓRGÃOS CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS CURSO DE DIREITO FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SERRA DOS ÓRGÃOS CENTRO UNIVERSITÁRIO SERRA DOS ÓRGÃOS CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS CURSO DE DIREITO PLANO DE CURSO 1. Identificação Disciplina: Filosofia Geral e do Direito

Leia mais

ABELHA, Marcelo. Ação civil pública e meio ambiente. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2003.

ABELHA, Marcelo. Ação civil pública e meio ambiente. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2003. Ementa: Bem jurídico ambiental e aspectos do Meio Ambiente. Meio ambiente e legislação; Fundamentos constitucionais da proteção do ambiente; Política Nacional do Meio Ambiente; Sistema Nacional do Meio

Leia mais

DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕES 1

DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕES 1 DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕES 1 1.1. Sucessão. Compreensão do vocábulo. O direito das sucessões: em sentido amplo, a sucessão para o direito compreende a substituição do titular de um direito; uma

Leia mais

CH Total: 36h SEMESTRE DE ESTUDO: Eletiva TURNO: Matutino / Noturno CÓDIGO: DIR 168

CH Total: 36h SEMESTRE DE ESTUDO: Eletiva TURNO: Matutino / Noturno CÓDIGO: DIR 168 DISCIPLINA: Direitos Humanos CH Total: 36h SEMESTRE DE ESTUDO: Eletiva TURNO: Matutino / Noturno CÓDIGO: DIR 168 1. EMENTA: Origem e evolução histórica dos Direitos Humanos. Dignidade humana e os Direitos

Leia mais

Ementa aulas dia 28.04.2015 e 05.05.2015 ACADEMIA BRASILEIRA DE DIREITO CONSTITUCIONAL PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO CONSTITUCIONAL

Ementa aulas dia 28.04.2015 e 05.05.2015 ACADEMIA BRASILEIRA DE DIREITO CONSTITUCIONAL PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO CONSTITUCIONAL Ementa aulas dia 28.04.2015 e 05.05.2015 ACADEMIA BRASILEIRA DE DIREITO CONSTITUCIONAL PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO CONSTITUCIONAL Tema: Contratos Regulados Professor: Gabriel Schulman (gabriel@schulman.com.br)

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CURITIBA PROGRAMA DE MESTRADO EM DIREITO EDUARDO MILLÉO BARACAT

CENTRO UNIVERSITÁRIO CURITIBA PROGRAMA DE MESTRADO EM DIREITO EDUARDO MILLÉO BARACAT CENTRO UNIVERSITÁRIO CURITIBA PROGRAMA DE MESTRADO EM DIREITO EDUARDO MILLÉO BARACAT ATIVIDADE EMPRESARIAL DE RISCO E REPARAÇÃO DO DANO TRABALHISTA Projeto de Pesquisa Científica a ser desenvolvido em

Leia mais

FICHA DE DISCIPLINA CH TOTAL TEÓRICA: OBJETIVOS EMENTA

FICHA DE DISCIPLINA CH TOTAL TEÓRICA: OBJETIVOS EMENTA UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE CIÊNCIAS INTEGRADAS DO PONTAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO FICHA DE DISCIPLINA DISCIPLINA: Gestão Social CÓDIGO: GAP038 UNIDADE ACADÊMICA: FACIP PERÍODO/SÉRIE:

Leia mais

PLANO DE ENSINO EMENTA

PLANO DE ENSINO EMENTA Faculdade de Direito Milton Campos Disciplina: Introdução ao Direito I Curso: Direito Carga Horária: 64 Departamento: Direito Privado Área: Direito Civil PLANO DE ENSINO EMENTA Acepções, enfoques teóricos

Leia mais

DEFINIÇÃO. Significa perdão de uma divida RENÚNCIA AO DIREITO DE RECEBER

DEFINIÇÃO. Significa perdão de uma divida RENÚNCIA AO DIREITO DE RECEBER ANISTIA FISCAL DEFINIÇÃO Significa perdão de uma divida RENÚNCIA AO DIREITO DE RECEBER A CONCESSÃO É UMA OPÇÃO POLÍTICA DO GOVERNANTE QUEM RENUNCIA? UNIÃO ESTADO MUNICIPIO AMPARO LEGAL É CONCEDIDA ATRAVÉS

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO

Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO 1) IDENTIFICAÇÃO DA DISCIPLINA Disciplina LEGISLAÇÃO PARA ENGENHARIA

Leia mais

500 MAIORES EMPRESAS DO MUNDO

500 MAIORES EMPRESAS DO MUNDO 500 MAIORES EMPRESAS DO MUNDO Das 500 maiores corporações do mundo em valor, 48% são americanas, 30% são européias e 10% são japonesas. Não há sequer uma latino-americana ou africana na lista, e apenas

Leia mais

2. FUNDAMENTOS DO DIREITO E DO ESTADO CONTEMPORÂNEOS

2. FUNDAMENTOS DO DIREITO E DO ESTADO CONTEMPORÂNEOS 2. FUNDAMENTOS DO DIREITO E DO ESTADO CONTEMPORÂNEOS I DISCIPLINA Fundamentos do Direito e do Estado Contemporâneos II - PROFESSOR Francisco Cardozo Oliveira III - CARGA HORÁRIA/PERÍODO 30 horas aulas

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais Código da Disciplina: 2656 Vigência: 1 / 2004 Disciplina: FILOSOFIA DO DIREITO Código do Curso: 17 Curso: Direito Unidade: NÚCLEO UNIV BH Turno: MANHÃ Período: 9 Créditos: 4 Carga Horária TOTAL 60 TEÓRICA

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana Autorizada pela Portaria Ministerial nº 552 de 22 de março de 2001 e publicada no Diário Oficial da União de 26 de março de 2001. Endereço: Rua Juracy Magalhães,

Leia mais

AMAZÔNIA: PATRIMÔNIO DOS BRASILEIROS. RETIFICAÇÃO AO EDITAL Nº. 003/2015

AMAZÔNIA: PATRIMÔNIO DOS BRASILEIROS. RETIFICAÇÃO AO EDITAL Nº. 003/2015 RETIFICAÇÃO AO EDITAL Nº. 003/2015 No Edital nº. 003/2015, publicado no Diário Oficial do Estado nº. 2459 de 05/02/15, em Anexo IV Temas para prova didática, à fls. 11-13: 1. No anexo IV Temas para prova

Leia mais

BIBLIOTECA - UNIDADE LONDRINA RELAÇÃO DE OBRAS

BIBLIOTECA - UNIDADE LONDRINA RELAÇÃO DE OBRAS BIBLIOTECA - UNIDADE LONDRINA RELAÇÃO DE OBRAS DIREITO ADMINISTRATIVO TÍTULO: CURSO DE DIREITO ADMINISTRATIVO 25ª/2ª TIRAGEM AUTOR: CELSO ANTÔNIO BANDEIRA DE MELLO ANO: 2008 TÍTULO: DIREITO ADMINISTRATIVO

Leia mais

13 QUEIROZ, P. Direito penal: introdução crítica. São Paulo: Saraiva, 2001. 14. Direito penal: parte geral. 2 ed. São Paulo: Saraiva, 2005. p.

13 QUEIROZ, P. Direito penal: introdução crítica. São Paulo: Saraiva, 2001. 14. Direito penal: parte geral. 2 ed. São Paulo: Saraiva, 2005. p. 6 Referências bibliográficas 1 FALCONI, R. Lineamentos de direito penal. 2. ed. São Paulo: Cone, 1997. p. 23-43. 2 MACHADO, H. B. Estudos de direito penal tributário. 1. ed. São Paulo: Atlas, 2002. 3 MACHADO,

Leia mais

COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO Autorizado pela Portaria nº 378 de 27/05/15-DOU de 28/05/15 Componente Curricular: Direito Econômico PLANO DE CURSO

COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO Autorizado pela Portaria nº 378 de 27/05/15-DOU de 28/05/15 Componente Curricular: Direito Econômico PLANO DE CURSO COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO Autorizado pela Portaria nº 378 de 27/05/15-DOU de 28/05/15 Componente Curricular: Direito Econômico Código: DIR - 567 Pré-requisito: ------- Período Letivo: 2015.2 Professor:

Leia mais

UNICURITIBA CENTRO UNIVERSITÁRIO CURITIBA PROGRAMA stricto sensu DE MESTRADO EM DIREITO

UNICURITIBA CENTRO UNIVERSITÁRIO CURITIBA PROGRAMA stricto sensu DE MESTRADO EM DIREITO UNICURITIBA CENTRO UNIVERSITÁRIO CURITIBA PROGRAMA stricto sensu DE MESTRADO EM DIREITO TUTELA DOS DIREITOS DE PERSONALIDADE NA ATIVIDADE EMPRESARIAL: OS EFEITOS LIMITADORES NA CONSTITUIÇÃO DA PROVA JUDICIÁRIA

Leia mais

Ementas das disciplinas do 3º período

Ementas das disciplinas do 3º período 1 Disciplina: Direito Empresarial I (Teoria Geral) C/H: 080 H/A Teoria Geral. O Direito Comercial. Evolução Histórica. Fontes. Atividade empresarial. Regime Jurídico da livre iniciativa. Registro de empresa.

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE DIREITO TRIBUTÁRIO

INSTITUTO BRASILEIRO DE DIREITO TRIBUTÁRIO INSTITUTO BRASILEIRO DE DIREITO TRIBUTÁRIO Av. Brig. Luiz Antonio, 290 7º conjs. 71/72 01318-902 São Paulo SP Fone/fax: 3105-8206 Expediente das 13 às 18h E-mail: ibdt@ibdt.com.br DIREITO TRIBUTÁRIO Curso

Leia mais

Serviço Social EDITAL Nº 016 / 2015 - PRORROGAÇÃO FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE ENSINO SUPERIOR DE BRAGANÇA PAULISTA

Serviço Social EDITAL Nº 016 / 2015 - PRORROGAÇÃO FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE ENSINO SUPERIOR DE BRAGANÇA PAULISTA Serviço Social EDITAL Nº 016 / 2015 - PRORROGAÇÃO FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE ENSINO SUPERIOR DE BRAGANÇA PAULISTA O Diretor Presidente da Fundação Municipal de Ensino Superior de Bragança Paulista, Adilson

Leia mais

Grupo de Pesquisa: Atividade empresarial de risco e reparação do dano trabalhista

Grupo de Pesquisa: Atividade empresarial de risco e reparação do dano trabalhista Grupo de Pesquisa: Atividade empresarial de risco e reparação do dano trabalhista Projeto de Pesquisa: Controle do Empregado pelo Empregador: discriminação e tutela do trabalhador com HIV/AIDS Professor

Leia mais

DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕES 24

DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕES 24 DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕES 24 24.1. Partilha. Conceito. Início do procedimento: a partilha ocorre quando já se conhece o montante hereditário, dividindo-se os bens entre os herdeiros e legatários

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO

Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO 1) IDENTIFICAÇÃO DA DISCIPLINA Disciplina POLÍTICAS SOCIAIS E DIREITO

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO DE CAMPOS Reconhecida pelo Decreto Federal Nº 55.754, de 12 de fevereiro de 1965

FACULDADE DE DIREITO DE CAMPOS Reconhecida pelo Decreto Federal Nº 55.754, de 12 de fevereiro de 1965 DISCIPLINA: Direito Internacional dos Direitos Humanos PROFESSOR: Dr. Antonio Celso Alves Pereira EMENTA: Formação, autonomia e consolidação do Direito Internacional dos Direitos Humanos. A Carta Internacional

Leia mais

Grupo de Pesquisa: Analise Econômica do Direito. Projeto de Pesquisa: Analise Econômica do Direito

Grupo de Pesquisa: Analise Econômica do Direito. Projeto de Pesquisa: Analise Econômica do Direito Grupo de Pesquisa: Analise Econômica do Direito Projeto de Pesquisa: Analise Econômica do Direito Professor Responsável: Prof. Dr. Fabio Leandro Tokars Objetivo Geral: Demonstrar que através da análise

Leia mais

Renovação de Reconhecimento CEE/GP 266/06 de 13 de julho de 2006 - D.O.E. 14/07/2006 Autarquia Municipal DEPARTAMENTO DE DIREITO DO ESTADO 2015

Renovação de Reconhecimento CEE/GP 266/06 de 13 de julho de 2006 - D.O.E. 14/07/2006 Autarquia Municipal DEPARTAMENTO DE DIREITO DO ESTADO 2015 DE DIREITO DO ESTADO 2015 EMENTA O Direito Constitucional é a referência axiológica para a aplicação de todos os ramos do Direito. Nesse sentido, este curso de Prática Jurídica Constitucional possibilita

Leia mais

Sugiro a seguinte ordem:

Sugiro a seguinte ordem: BIBLIOGRAFIAS Para concursos jurídicos em geral, a primeira providência do candidato é conhecer o Direito constitucional e Teoria geral do direito. Para isso é importante ler o texto constitucional integralmente,

Leia mais

Ementa - DV432 Ter, 25 de Novembro de 2008 15:35 - Última atualização Qua, 13 de Maio de 2009 19:12

Ementa - DV432 Ter, 25 de Novembro de 2008 15:35 - Última atualização Qua, 13 de Maio de 2009 19:12 DV432 - INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO Código: DV432 Carga horária: 90 Créditos: 06 Ajuste curricular - Resolução n.º 96/00- CEPE - Currículo Pleno - Curso bacharelado em Direito Ementa: As disciplinas

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EMENTA E CONTEÚDO PROGRAMÁTICO. EMENTA (Síntese do Conteúdo) OBJETIVOS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EMENTA E CONTEÚDO PROGRAMÁTICO. EMENTA (Síntese do Conteúdo) OBJETIVOS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EMENTA E CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Código: EASD026 Pág/Pág: 01/05 CURSO DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MODALIDADE A DISTÂNCIA

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE JOÃO PESSOA UNIPÊ CURSO DE DIREITO COORDENADORIA DE PESQUISA EDITAL

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE JOÃO PESSOA UNIPÊ CURSO DE DIREITO COORDENADORIA DE PESQUISA EDITAL CENTRO UNIVERSITÁRIO DE JOÃO PESSOA UNIPÊ CURSO DE DIREITO COORDENADORIA DE PESQUISA EDITAL PROCESSO SELETIVO 2013.2 PARA INGRESSO DE DISCENTES NOS GRUPOS DE PESQUISA EM DIREITO A Coordenadora de Pesquisa

Leia mais

Ementas das disciplinas do 4º período. DISICIPLINA: DIREITO EMPRESARIAL II (SOC. EMPRESARIAIS) C/H: 80h/a

Ementas das disciplinas do 4º período. DISICIPLINA: DIREITO EMPRESARIAL II (SOC. EMPRESARIAIS) C/H: 80h/a 1 DISICIPLINA: DIREITO EMPRESARIAL II (SOC. EMPRESARIAIS) C/H: 80h/a Teoria geral do direito societário. Sociedade empresária. Constituição das sociedades contratuais. Sociedades contratuais menores. Sociedade

Leia mais

DIREITO CIVIL PARTE 3 INTRODUÇÃO AO DIREITO CIVIL

DIREITO CIVIL PARTE 3 INTRODUÇÃO AO DIREITO CIVIL DIREITO CIVIL PARTE 3 INTRODUÇÃO AO DIREITO CIVIL 3. DIREITO ROMANO Importância histórica fundamental. 3.1. Importância: compreensão como direito universal; base da forma de intuição da metodologia e do

Leia mais

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA NÚCLEO DE CIÊNCIAS SOCIAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA NÚCLEO DE CIÊNCIAS SOCIAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA NÚCLEO DE CIÊNCIAS SOCIAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS DISCIPLINA: DIREITO AMBIENTAL I CÓDIGO: CARGA HORÁRIA: 80 h.a. N.º DE CRÉDITOS: 04 PRÉ-REQUISITO:

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO MILTON CAMPOS Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Regime Jurídico dos Recursos Minerais

FACULDADE DE DIREITO MILTON CAMPOS Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Regime Jurídico dos Recursos Minerais FACULDADE DE DIREITO MILTON CAMPOS Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Regime Jurídico dos Recursos Minerais Tópicos em Direito Constitucional Carga Horária: 28 h/a 1 - Ementa Poder Constituinte e a Constituição

Leia mais

Cód. Disciplina Período Créditos Carga Horária. E-06 10º 04 Semanal Mensal 04 60

Cód. Disciplina Período Créditos Carga Horária. E-06 10º 04 Semanal Mensal 04 60 e Cód. Disciplina Período Créditos Carga Horária E-06 10º 04 Semanal Mensal 04 60 Nome da Disciplina DIREITOS HUMANOS Curso DIREITO D- 30 DIREITO CONSTITUCIONAL III (MATRIZ 2008/01) D- 32 DIREITO CONSTITUCIONAL

Leia mais

DAS CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES

DAS CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES EDITAL DO GRUPO DE ESTUDOS E PESQUISA SOBRE A LEGISLAÇÃO AMBIENTAL DO MUNICÍPIO DE FORTALEZA CAPÍTULO I DAS CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES Art. 1º. O presente edital disciplina as atribuições e funcionamento

Leia mais

2. OBJETIVO GERAL Estudo e compreensão dos Direitos Fundamentais a partir de uma Teoria Geral da efetividade dos Direitos Humanos.

2. OBJETIVO GERAL Estudo e compreensão dos Direitos Fundamentais a partir de uma Teoria Geral da efetividade dos Direitos Humanos. DISCIPLINA: Direitos Fundamentais CH Total: 72h SEMESTRE DE ESTUDO: 3º Semestre TURNO: Matutino / Noturno CÓDIGO: DIR117 1. EMENTA: Teoria dos Direitos Fundamentais. Conceito de Direitos Fundamentais.

Leia mais

Liberdade de Iniciativa, Dignidade da Pessoa Humana e Proteção ao Meio Ambiente Empresarial: inclusão, sustentabilidade, função social e efetividade

Liberdade de Iniciativa, Dignidade da Pessoa Humana e Proteção ao Meio Ambiente Empresarial: inclusão, sustentabilidade, função social e efetividade CENTRO UNIVERSITÁRIO CURITIBA PROGRAMA DE MESTRADO EM DIREITO CARLYLE POPP Liberdade de Iniciativa, Dignidade da Pessoa Humana e Proteção ao Meio Ambiente Empresarial: inclusão, sustentabilidade, função

Leia mais

Faculdades IESGO Direção Acadêmica Coordenação do Curso de Direito

Faculdades IESGO Direção Acadêmica Coordenação do Curso de Direito Instituto de Ensino Superior de Goiás Faculdades IESGO Direção Acadêmica Coordenação do Curso de Direito PLANO DE ENSINO 1. IDENTIFICAÇÃO: CURSO: Direito TURMA: 1º Semestre DISCIPLINA: Antropologia e Sociologia

Leia mais

Conciliação judicial individual e coletiva e formas extrajudiciais de solução dos conflitos trabalhistas Mundo do trabalho Mundo do trabalho

Conciliação judicial individual e coletiva e formas extrajudiciais de solução dos conflitos trabalhistas Mundo do trabalho Mundo do trabalho BIBLIOGRAFIA PEREIRA, José Luciano de Castilho. Formação de magistrados: o Brasil e a Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados do Trabalho. In: PIMENTA, Adriana Campos de Souza Freire;

Leia mais

Inscrições até dia 08 de setembro de 2015, na Secretaria do Núcleo de Pesquisa da FDSM.

Inscrições até dia 08 de setembro de 2015, na Secretaria do Núcleo de Pesquisa da FDSM. 23/06/2015 Página 1 de 7 FACULDADE DE DIREITO DO SUL DE MINAS COORDENADORIA CIENTÍFICA E DE PÓS-GRADUAÇÃO NÚCLEO DE PESQUISA EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSA-ESTÍMULO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FDSM - PIBIC/FDSM

Leia mais

DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕSES 13

DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕSES 13 DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕSES 13 13.1. Interação do conceito: o legado é uma deixa testamentária dentro do acervo transmitido pelo autor da herança; o legado deve ser instituído por testamento,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMUNICAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMUNICAÇÃO EMENTA: Novas tendências na produção, distribuição e consumo da comunicação com vertentes no jornalismo diante nova reconfiguração capitalista em um cenário neoliberal. AVALIAÇÃO: A avalição será feita

Leia mais

JOÃO MAURÍCIO ADEODATO Doutor em filosofia e teoria geral do direito pela USP. Pós-doutorado em filosofia do direito, na Alemanha.

JOÃO MAURÍCIO ADEODATO Doutor em filosofia e teoria geral do direito pela USP. Pós-doutorado em filosofia do direito, na Alemanha. JOÃO MAURÍCIO ADEODATO Doutor em filosofia e teoria geral do direito pela USP. Pós-doutorado em filosofia do direito, na Alemanha. ÉTICA e RETÓRICA Para Uma Teoria da Dogmática Jurídica Editora Saraiva

Leia mais

COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO Autorizado pela Portaria nº 378 de 27/05/15-DOU de 28/05/15 Componente Curricular: Direito Tributário I PLANO DE CURSO

COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO Autorizado pela Portaria nº 378 de 27/05/15-DOU de 28/05/15 Componente Curricular: Direito Tributário I PLANO DE CURSO COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO Autorizado pela Portaria nº 378 de 27/05/15-DOU de 28/05/15 Componente Curricular: Direito Tributário I Código: DIR -563 Pré-requisito: ------ Período Letivo: 2015.2 Professor:

Leia mais

7 Referências Bibliográficas

7 Referências Bibliográficas 7 Referências Bibliográficas ALEXY, Robert. El concepto y la validez del derecho. Barcelona: Gedisa, 1997. ALEXY, Robert. Teoria de los derechos fundamentales. Tradução de Ernesto Garzón Valdés. Madrid:

Leia mais

BALERA, Wagner, Noções preliminares de direito previdenciário, São Paulo: Quartier Latin, 2004.

BALERA, Wagner, Noções preliminares de direito previdenciário, São Paulo: Quartier Latin, 2004. BIBLIOGRAFIA CCP - MÓDULO III - DIREITO PREVIDENCIÁRIO: CARLOS ALBERTO PEREIRA DE CASTRO PRINCÍPIOS DA SEGURIDADE SOCIAL NA ORDEM JURÍDICA VIGENTE BALERA, Wagner, Noções preliminares de direito previdenciário,

Leia mais

DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕES 23

DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕES 23 DIREITO CIVIL DIREITO DAS SUCESSÕES 23 23.1. Conceito. Fundamento: conforme a dicção do art. 2.002, os herdeiros que receberam doações do ascendente comum, estão obrigados a conferir seus valores, para

Leia mais

ÉTICA EMPRESARIAL e RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA: CONCEITUAÇÃO, ANÁLISES E APLICAÇÕES.

ÉTICA EMPRESARIAL e RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA: CONCEITUAÇÃO, ANÁLISES E APLICAÇÕES. ÉTICA EMPRESARIAL e RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA: CONCEITUAÇÃO, ANÁLISES E APLICAÇÕES. 1ª etapa: Aprofundamento teórico: é a fase da revisão de literatura. Nela os pesquisadores (alunos e docentes)

Leia mais

COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO Reconhecimento renovado pela portaria MEC nº 608 de 19.11.13, DOU de 20.11.13 PLANO DE CURSO

COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO Reconhecimento renovado pela portaria MEC nº 608 de 19.11.13, DOU de 20.11.13 PLANO DE CURSO COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO Reconhecimento renovado pela portaria MEC nº 608 de 19.11.13, DOU de 20.11.13 Componente Curricular: Direito Tributário I Código: DIR -569 Pré-requisito: ------ Período Letivo:

Leia mais

Proponente e coordenador do projeto: Professor Dr. Gustavo Silveira Siqueira Português Espanhol Italiano Inglês

Proponente e coordenador do projeto: Professor Dr. Gustavo Silveira Siqueira Português Espanhol Italiano Inglês Proponente e coordenador do projeto: Professor Dr. Gustavo Silveira Siqueira Pesquisador e Professor Adjunto IV nos cursos de graduação e pós-graduação da Faculdade de Direito da Universidade do Estado

Leia mais

DIREITO FUNDAMENTAL NÃO-CUMULATIVIDADE NOS TRIBUTOS SOBRE CONSUMO. Túlio Marcantônio Ramos Filho, Paulo Caliendo Velloso da Silveira.

DIREITO FUNDAMENTAL NÃO-CUMULATIVIDADE NOS TRIBUTOS SOBRE CONSUMO. Túlio Marcantônio Ramos Filho, Paulo Caliendo Velloso da Silveira. DIREITO FUNDAMENTAL NÃO-CUMULATIVIDADE NOS TRIBUTOS SOBRE CONSUMO Túlio Marcantônio Ramos Filho, Paulo Caliendo Velloso da Silveira. Mestrando em Direito, Faculdade de Direito, PUC/RS. Introdução Trata-se

Leia mais

Faculdade de Administração Milton Campos Reconhecida pelo Ministério da Educação. MBA em Propriedade Intelectual e Tecnologia

Faculdade de Administração Milton Campos Reconhecida pelo Ministério da Educação. MBA em Propriedade Intelectual e Tecnologia Faculdade de Administração Milton Campos Reconhecida pelo Ministério da Educação MBA em Propriedade Intelectual e Tecnologia Direito autoral e software Carga Horária: 64 h/a 1- Ementa Direito autoral:

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO DE CAMPOS Reconhecida pelo Decreto Federal Nº 55.754, de 12 de fevereiro de 1965

FACULDADE DE DIREITO DE CAMPOS Reconhecida pelo Decreto Federal Nº 55.754, de 12 de fevereiro de 1965 DISCIPLINA: Teoria da Constituição PROFESSORA: Dra. Lílian Márcia Balmant Emerique EMENTA: Teoria constitucional. Teoria do Poder Constituinte. Mutação constitucional. Eficácia e aplicabilidade das normas

Leia mais

Faculdades IESGO Direção Acadêmica Coordenação do Curso de Direito

Faculdades IESGO Direção Acadêmica Coordenação do Curso de Direito Instituto de Ensino Superior de Goiás Faculdades IESGO Direção Acadêmica Coordenação do Curso de Direito PLANO DE ENSINO 1. IDENTIFICAÇÃO: CURSO: Direito TURMA: 1º Semestre/Noturno DISCIPLINA: Ciência

Leia mais

LICENCIAMENTO AMBIENTAL: ATUAÇÃO PREVENTIVA DO ESTADO À LUZ DA CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL

LICENCIAMENTO AMBIENTAL: ATUAÇÃO PREVENTIVA DO ESTADO À LUZ DA CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 377 V Mostra de Pesquisa da Pós-Graduação PUCRS LICENCIAMENTO AMBIENTAL: ATUAÇÃO PREVENTIVA DO ESTADO À LUZ DA CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL Auro de Quadros Machado, Carlos Alberto Molinaro

Leia mais

I Curso de Doutoramento em Direito. Ramo de Direito Público. Direito Constitucional. Prof. Doutor Nuno Piçarra Prof. Doutor Raul Araújo

I Curso de Doutoramento em Direito. Ramo de Direito Público. Direito Constitucional. Prof. Doutor Nuno Piçarra Prof. Doutor Raul Araújo I Curso de Doutoramento em Direito Ramo de Direito Público Direito Constitucional Tema geral: A Justiça Constitucional e os seus Modelos Prof. Doutor Nuno Piçarra Prof. Doutor Raul Araújo A) Programa:

Leia mais

Análise de conflitos entre Direitos Humanos de primeira dimensão: A dignidade da pessoa humana e multiculturalismo

Análise de conflitos entre Direitos Humanos de primeira dimensão: A dignidade da pessoa humana e multiculturalismo 1 Análise de conflitos entre Direitos Humanos de primeira dimensão: A dignidade da pessoa humana e multiculturalismo Aluno: RAFAEL ATANAZIO Orientadora: DANIELA BUCCI UNIVERSIDADE MUNICIPAL DE SÃO CAETANO

Leia mais

A ARTE DE EDUCAR FRENTE AOS DI REITOS FUNDAM ENTAIS

A ARTE DE EDUCAR FRENTE AOS DI REITOS FUNDAM ENTAIS A ARTE DE EDUCAR FRENTE AOS DI REITOS FUNDAM ENTAIS ELIANE FLAUZINO 1 FAPI FACULDADES DE PINHAIS PINHAIS-PR DOURIVALDO TEIXEIRA DE ARAÚJO 2 FAPI FACULDADES DE PINHAIS PINHAIS-PR Área: Direito Eixo: Salud

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO PROCESSO SELETIVO 2015 PROVA ESCRITA DE CONHECIMENTO JURÍDICO DOUTORADO

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO PROCESSO SELETIVO 2015 PROVA ESCRITA DE CONHECIMENTO JURÍDICO DOUTORADO BANCA: D-01D LINHA DE PESQUISA: DIREITOS HUMANOS E ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO: FUNDAMENTAÇÃO, PARTICIPAÇÃO E EFETIVIDADE ÁREA DE ESTUDO: DIREITO POLÍTICO SALA: 501 Carlos Athayde Valadares Viegas Ricardo

Leia mais

EDITAL 02/2012 Programa de Mestrado Acadêmico em Direito Curso recomendado pela CAPES

EDITAL 02/2012 Programa de Mestrado Acadêmico em Direito Curso recomendado pela CAPES EDITAL 02/2012 Programa de Mestrado Acadêmico em Direito Curso recomendado pela CAPES SELEÇÃO DE CANDIDATOS AO MESTRADO EM DIREITO Área de Concentração: Concretização dos Direitos Sociais, Difusos e Coletivos

Leia mais

Universidade de Cruz Alta UNICRUZ Centro de Ciências Agrárias, Exatas e da Terra Curso de Ciência da Computação PLANO DE ENSINO

Universidade de Cruz Alta UNICRUZ Centro de Ciências Agrárias, Exatas e da Terra Curso de Ciência da Computação PLANO DE ENSINO Universidade de Cruz Alta UNICRUZ Centro de Ciências Agrárias, Exatas e da Terra Curso de Ciência da Computação PLANO DE ENSINO Curso: Ciência da Computação Disciplina: Direito Aplicado à Informática Período:

Leia mais

COMUNICADO. Fonte de Consulta. BARROSO, Luís Roberto. Curso de direito constitucional contemporâneo. 2ª edição. São Paulo: Saraiva, 2010.

COMUNICADO. Fonte de Consulta. BARROSO, Luís Roberto. Curso de direito constitucional contemporâneo. 2ª edição. São Paulo: Saraiva, 2010. ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESPÍRITO SANTO CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR E DE NÍVEL MÉDIO COMUNICADO A MESA DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

Leia mais

Os sistemas global e americano de proteção dos direitos humanos parte I. A Declaração Universal dos Direitos Humanos

Os sistemas global e americano de proteção dos direitos humanos parte I. A Declaração Universal dos Direitos Humanos Os sistemas global e americano de proteção dos direitos humanos parte I Camila Bressanelli* A Declaração Universal dos Direitos Humanos Antes mesmo da análise dos sistemas global e americano de proteção

Leia mais

E D I T A L Nº 030/2015

E D I T A L Nº 030/2015 E D I T A L Nº 030/2015 EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO PARA ALUNO REGULAR DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU DA FDV (DOUTORADO E MESTRADO) 2016/1 A Faculdade de Direito de Vitória - FDV,

Leia mais

O INIMIGO ESTRANGEIRO: A DIRETIVA DO RETORNO À LUZ DOS FUNDAMENTOS DA INTERNACIONALIZAÇÃO DOS DIREITOS HUMANOS

O INIMIGO ESTRANGEIRO: A DIRETIVA DO RETORNO À LUZ DOS FUNDAMENTOS DA INTERNACIONALIZAÇÃO DOS DIREITOS HUMANOS 206 IV Mostra de Pesquisa da Pós-Graduação PUCRS O INIMIGO ESTRANGEIRO: A DIRETIVA DO RETORNO À LUZ DOS FUNDAMENTOS DA INTERNACIONALIZAÇÃO DOS DIREITOS HUMANOS ISIS HOCHMANN DE FREITAS, Prof. Dr. Luciano

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO UFMA PÓS GRADUAÇÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS MESTRADO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO UFMA PÓS GRADUAÇÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS MESTRADO UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO UFMA PÓS GRADUAÇÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS MESTRADO Claudia Archer Tema da Pesquisa: A BUROCRACIA E A TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO NO BRASIL, A PARTIR DE 2003:

Leia mais

DIVISÃO DE ASSUNTOS ACADÊMICOS Secretaria Geral de Cursos PROGRAMA DE DISCIPLINA

DIVISÃO DE ASSUNTOS ACADÊMICOS Secretaria Geral de Cursos PROGRAMA DE DISCIPLINA DIVISÃO DE ASSUNTOS ACADÊMICOS Secretaria Geral de Cursos PROGRAMA DE DISCIPLINA DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS CÓDIGO: CIS151 DISCIPLINA: DIREITO FINANCEIRO E TRIBUTÁRIO I CARGA HORÁRIA: 60h

Leia mais

QUARTO SEMESTRE UNIDADE CURRICULAR: ADMINISTRAÇÃO DE CONDOMINIO

QUARTO SEMESTRE UNIDADE CURRICULAR: ADMINISTRAÇÃO DE CONDOMINIO QUARTO SEMESTRE UNIDADE CURRICULAR: ADMINISTRAÇÃO DE CONDOMINIO Ementa: Novos rumos da administração condominial. Sistema de administração condominial por administradora. Condomínio no terceiro milênio.

Leia mais

1. RESUMO. na Constituição Federal, portanto, a análise do tema deve ser estudada à luz

1. RESUMO. na Constituição Federal, portanto, a análise do tema deve ser estudada à luz 1. RESUMO Os direitos fundamentais trabalhistas estão inseridos na Constituição Federal, portanto, a análise do tema deve ser estudada à luz do Direito do Trabalho e dos princípios que orientam o Direito

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana Autorizada pela Portaria Ministerial nº 552 de 22 de março de 2001 e publicada no Diário Oficial da União de 26 de março de 2001. Endereço: Rua Juracy Magalhães,

Leia mais

Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação.

Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação. Este Plano de Curso poderá sofrer alterações a critério do professor e/ou da Coordenação. PLANO DE CURSO 2014/02 DISCIPLINA: DIREITOS E GARANTIAS CONSTITUCIONAIS PROFESSOR: DAURY CESAR FABRIZ TURMA: OFERTA

Leia mais

Direitos laborais inespecíficos dos trabalhadores

Direitos laborais inespecíficos dos trabalhadores 1 Direitos laborais inespecíficos dos trabalhadores Renato Rua de Almeida (*) O Direito do Trabalho distinguiu-se do Direito Civil, porque, enquanto o Direito Civil regulou de forma igual e recíproca os

Leia mais

AMIGOS DO PROJECTO. Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego

AMIGOS DO PROJECTO. Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego AMIGOS DO PROJECTO O projecto Ler Mais e Escrever Melhor nasceu a 17 de Julho de 2008. Encontra-se numa fase de vida a infância que

Leia mais

O Poder Legislativo e a Imprensa: estudo crítico da cobertura das Comissões Permanentes da Câmara dos Deputados pela imprensa escrita.

O Poder Legislativo e a Imprensa: estudo crítico da cobertura das Comissões Permanentes da Câmara dos Deputados pela imprensa escrita. Câmara dos Deputados Centro de Formação e Treinamento CEFOR Programa de Pós-Graduação Nara Lucia de Lima O Poder Legislativo e a Imprensa: estudo crítico da cobertura das Comissões Permanentes da Câmara

Leia mais

aelousada.net AE Lousada Ministério da Educação e Ciência Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2014

aelousada.net AE Lousada Ministério da Educação e Ciência Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2014 ALBERTINO CLÁUDIO DE BESSA VIEIRA Colocado em 3138 Instituto Politécnico do Porto - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Felgueiras ALBERTO RAFAEL SILVA PEIXOTO Colocado em 3064 Instituto Politécnico

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana Autorizada pela Portaria Ministerial nº 552 de 22 de março de 2001 e publicada no Diário Oficial da União de 26 de março de 2001. Endereço: Rua Juracy Magalhães,

Leia mais

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Recursos Humanos 2012-2 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Recursos Humanos 2012-2 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais. Especial Online ISSN 1982-1816 www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.html DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO Recursos Humanos 2012-2 DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO A PARTICIPAÇÃO FEMININA NA GESTÃO

Leia mais

Faculdade de Direito de Alta Floresta (FADAF) Edinaldo Rosa e Silva DESCRIMINALIZAÇÃO DA POSSE DE DROGAS PARA CONSUMO PESSOAL ÁREA CRIMINAL

Faculdade de Direito de Alta Floresta (FADAF) Edinaldo Rosa e Silva DESCRIMINALIZAÇÃO DA POSSE DE DROGAS PARA CONSUMO PESSOAL ÁREA CRIMINAL 0 Faculdade de Direito de Alta Floresta (FADAF) Edinaldo Rosa e Silva DESCRIMINALIZAÇÃO DA POSSE DE DROGAS PARA CONSUMO PESSOAL ÁREA CRIMINAL Alta Floresta-MT 2011 1 Edinaldo Rosa e Silva DESCRIMINALIZAÇÃO

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular (FUC) Unidade Curricular: DIREITO CONSTITUCIONAL

Ficha de Unidade Curricular (FUC) Unidade Curricular: DIREITO CONSTITUCIONAL INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA INSTITUTO SUPERIOR DE CONTABILIDADE E ADMINISTRAÇÃO DE COIMBRA Parecer do Conselho Técnico-Científico / / Parecer do Conselho Pedagógico / / Ficha de Unidade Curricular

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO PÓS GRADUAÇÃO LATO SENSU DIREITO E RELAÇÕES DO TRABALHO

FACULDADE DE DIREITO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO PÓS GRADUAÇÃO LATO SENSU DIREITO E RELAÇÕES DO TRABALHO Módulo: Meio Ambiente do Trabalho Professor: Raimundo Simão de Melo (Doutor em Direito das Relações Sociais pela PUC/SP) Carga Horária: 40 horas Ementa: A questão ambiental no âmbito das relações de trabalho.

Leia mais

I PROGRAMA DE MESTRADO EM DIREITO

I PROGRAMA DE MESTRADO EM DIREITO I PROGRAMA DE MESTRADO EM DIREITO Áreas de Direito Ambiental Direito Internacional Temas indicados para Referências sugeridas para Temas indicados para Referências sugeridas para 1) Regime Jurídico Internacional

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2015 PMVS

CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2015 PMVS CONCURSO PÚBLICO Nº 001/20 PMVS RETIFICAÇÃO Nº 001/20 PMVS A Prefeitura Municipal de Varre-Sai(RJ) e a G-Strategic Gestão, Assessoria, Serviços e Logística tornam pública a RETIFICAÇÃO ao Edital 001/20

Leia mais

Marilene Talarico Martins Rodrigues

Marilene Talarico Martins Rodrigues Marilene Talarico Martins Rodrigues Formação Acadêmica Pós-Graduação na PUC - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (créditos concluídos), nas áreas de concentração em (a) Direito Constitucional

Leia mais

CENTRO DE CIÊNCIAS DA ADMINISTRAÇÃO E SÓCIOECONÔMICAS - ESAG

CENTRO DE CIÊNCIAS DA ADMINISTRAÇÃO E SÓCIOECONÔMICAS - ESAG CENTRO DE CIÊNCIAS DA ADMINISTRAÇÃO E SÓCIOECONÔMICAS - ESAG Área de Conhecimento Administração Pública: Fundamentos/Prope dêutica Ementa/Bibliografia Ementa: Cultura política, classes sociais e questões

Leia mais

COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA

COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA CLASSIFICAÇÕES DO SEGUNDO TESTE E DA AVALIAÇÃO CONTINUA Classificações Classificação Final Alex Santos Teixeira 13 13 Alexandre Prata da Cruz 10 11 Aleydita Barreto

Leia mais

INESUL / FAEC FACULDADE EDUCACIONAL DE COLOMBO. Programa de Responsabilidade Social

INESUL / FAEC FACULDADE EDUCACIONAL DE COLOMBO. Programa de Responsabilidade Social INESUL / FAEC FACULDADE EDUCACIONAL DE COLOMBO Programa de Responsabilidade Social APRESENTAÇÃO 2 O equilíbrio de uma sociedade em última instância, é formada pelo tripé: governo, família e empresa. Esperar

Leia mais

Faculdades IESGO Direção Acadêmica Coordenação do Curso de Direito

Faculdades IESGO Direção Acadêmica Coordenação do Curso de Direito 1 Instituto de Ensino Superior de Goiás Faculdades IESGO Direção Acadêmica Coordenação do Curso de Direito PLANO DE ENSINO 1. IDENTIFICAÇÃO: CURSO: DIREITO TURMA: 9º SEMESTRE/NOTURNO DISCIPLINA: Monografia

Leia mais

FLEXIBILIZAÇÕES TRABALHISTAS EM TEMPOS DE CRISES EMPRESARIAIS: A MEDIDA PROVISÓRIA Nº 680, DE 06 DE JULHO DE 2015 (PROGRAMA DE PROTEÇÃO AO EMPREGO)

FLEXIBILIZAÇÕES TRABALHISTAS EM TEMPOS DE CRISES EMPRESARIAIS: A MEDIDA PROVISÓRIA Nº 680, DE 06 DE JULHO DE 2015 (PROGRAMA DE PROTEÇÃO AO EMPREGO) FLEXIBILIZAÇÕES TRABALHISTAS EM TEMPOS DE CRISES EMPRESARIAIS: A MEDIDA PROVISÓRIA Nº 680, DE 06 DE JULHO DE 2015 (PROGRAMA DE PROTEÇÃO AO EMPREGO) Roberto Carneiro Filho 1 As relações de trabalho no Brasil,

Leia mais

UNIVERSIDADE DO CONTESTADO UnC INSTITUTO DE EMPREENDEDORES MANUAL DO MINI EMPRESÁRIO

UNIVERSIDADE DO CONTESTADO UnC INSTITUTO DE EMPREENDEDORES MANUAL DO MINI EMPRESÁRIO UNIVERSIDADE DO CONTESTADO UnC INSTITUTO DE EMPREENDEDORES MANUAL DO MINI EMPRESÁRIO 2015 1 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO ----------------------------------------------------------------------------- 00 2. COMPREENSÃO

Leia mais

PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL E INTERDISCIPLINAR PRESTAÇÃO JURISDICIONAL E DIREITOS HUMANOS CALENDÁRIO 2014/2015 TURMA 2

PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL E INTERDISCIPLINAR PRESTAÇÃO JURISDICIONAL E DIREITOS HUMANOS CALENDÁRIO 2014/2015 TURMA 2 PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL E INTERDISCIPLINAR PRESTAÇÃO JURISDICIONAL E DIREITOS HUMANOS CALENDÁRIO 2014/2015 TURMA 2 1º Semestre do curso 2014 Fevereiro 50h 5 Matrícula Abertura oficial do curso

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL FARROUPILHA REITORIA ANEXO I. PROJETO DE

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL FARROUPILHA REITORIA ANEXO I. PROJETO DE MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL FARROUPILHA REITORIA ANEXO I. PROJETO DE 1. IDENTIFICAÇÃO 1.1 Título do Projeto: Ciclo de formação política: os clássicos na sala de aula 1.2 Câmpus de Origem:

Leia mais