Plano Anual de Atividades

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Plano Anual de Atividades"

Transcrição

1 Plano Anual de Atividades ANO LECTIVO 2012/2013

2 ÍNDICE INTRODUÇÃO ATIVIDADES DAS TURMAS ATIVIDADES DAS TURMAS DE 3ºCICLO... 5 TURMA 7º A... 6 TURMA 7ºB TURMA 8ºA TURMA 8ºB TURMA 9ºA TURMA 9ºB ATIVIDADES DAS TURMAS DE SECUNDÁRIO TURMA 10º A TURMA 10ºB TURMA 10ºC TURMA 10ºD TURMA 10ºE EDUCAÇÃO FÍSICA TURMA 11ºA TURMA 11ºB TURMA 11ºC TURMA 11ºD TURMA 11ºE TURMA 12ºA TURMA 12º B TURMA 12ºC ATIVIDADES DAS TURMAS DE ENSINO PROFISSIONAL E CURSOS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO TURMA 9.º CEFJA TURMA 10.º F TURMA 10.º G TURMA 10º H TURMA 11.º F / 11.º G TURMA 11.º H / 11.º I TURMA 12.º D / 12.º F TURMA 12.º E TURMA 12º CEF GA ATIVIDADES DAS TURMAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO DE ADULTOS ATIVIDADES DOS DEPARTAMENTOS CURRICULARES Departamento de Matemática e Ciências Experimentais Grupo Atividades Gerais Grupo Atividades Gerais Grupo 290 EMRC Atividades gerais Grupo Atividades gerais Grupo Atividades Gerais ATIVIDADES DE OUTRAS ESTRUTURAS E SERVIÇOS Biblioteca r / Centro de Recursos Atividades do alunos com CEI Serviço de Psicologia e Orientação Projeto de Educação para a Saúde PES OUTRAS ATIVIDADES DOS ÓRGÃOS DE ADMINISTRAÇÃO E GESTÃO E DAS ESTRUTURAS DE ORIENTAÇÃO EDUCATIVA Órgão de Gestão Conselho Pedagógico Departamentos Curriculares Grupos Disciplinares Coordenação de Ano Direção de Turma Ano Letivo 2012/2013 Página 2 de 153

3 Introdução «Planos anual e plurianual de atividades documentos de planeamento, que definem, em função do projeto educativo, os objetivos, as formas de organização e de programação das atividades e que procedem à identificação dos recursos necessários à sua execução». (alínea c, ponto 1, art. 9º do Decreto- Lei nº , de 2 de julho) Neste sentido, o Plano Anual de Atividades tem como documento de referência o Projeto Educativo de 2012 / 2015, onde estão definidas prioridades que incluem objetivos, estratégias, metas e indicadores: PRIORIDADE A - Promover o sucesso e reduzir o abandono escolar; PRIORIDADE B - Fomentar uma cultura participativa na escola; PRIORIDADE C - Fomentar a ligação à comunidade; PRIORIDADE D - Fomentar práticas de formação contínua; PRIORIDADE E - Promover uma cultura interna de autoavaliação. Este Plano Anual de Atividades pretende concretizar as prioridades estabelecidas no Projeto Educativo, fazendo eco dos pressupostos que lhe estão subjacentes. Assim, no respeito pela coerência, pretende não só ser um instrumento do planeamento e operacionalização do trabalho letivo e não letivo a desenvolver, mas também o reflexo do dinamismo, da missão formativa e proficiência da escola. Pretende divulgar e dar continuidade às atividades e ao trabalho de desenvolvimento curricular assente em Projetos Curriculares de Turma, a desenvolver ao longo do ano, de uma forma calendarizada e articulando as várias disciplinas. Após a recolha dos dados relativos às atividades e projetos a realizar por todas as turmas, procedeu-se à sua organização de modo a facilitar a consulta. Ano Letivo 2012/2013 Página 3 de 153

4 1. Atividades das Turmas Ano Letivo 2012/2013 Página 4 de 153

5 1.1. Atividades das Turmas de 3ºciclo Ano Letivo 2012/2013 Página 5 de 153

6 OBJETIVOS ATIVIDADES DATA/HORA LOCAL DESTINATÁRIOS DINAMIZADORES PRIORIDADES PEE TURMA 7º A EMRC - Celebrar o Natal. -Fomentar o espírito de solidariedade, entreajuda, equipa e respeito pelas tradições e todos os princípios que norteiam a vida humana. Celebração do Natal: Campanha de solidariedade. Atividade de Natal novembro/ dezembro 5 a 9 de dezembro Secundária Comunidade Educativa Alunos de EMRC Professora de EMRC - Celebrar o Natal. -Fomentar o espírito de solidariedade, entreajuda, equipa e respeito pelas tradições e todos os princípios que norteiam a vida humana. Encontro Inter s. 21 de fevereiro 2º Período CNEMA Santarém Alunos de EMRC do 7ºAno de escolaridade SDEIE Dinamizadores Fomentar o intercâmbio das escolas da Diocese de Santarém (zona norte), sob a temática EMRC- Eu acredito. -Valorizar as tradições reconhecendo os significados das festas e feriados religiosos e civis que retratam a nossa cultura e as nossas gentes. - Reconhecer o sentido cristão da Páscoa. Comemoração da Páscoa Semana da disciplina de EMRC. 26 a 31 de maio Secundária Comunidade Educativa Professora de EMRC Secretariado Diocesano para o Ensino da Igreja nas s - Divulgar / valorizar a disciplina de EMRC. Ano Letivo 2012/2013 Página 6 de 153

7 Matemática Traduzir e interpretar situações em linguagem Matemática. Aplicar os conhecimentos adquiridos a situações práticas. Desenvolver o raciocínio e o pensamento científico. Estimular e motivar os alunos para a Matemática. Traduzir e interpretar situações em linguagem Matemática. Aplicar os conhecimentos adquiridos a situações práticas. Desenvolver o raciocínio e o pensamento científico. Fomentar o gosto pela aprendizagem. Contribuir para a aquisição, consolidação e ampliação de conhecimentos, nomeadamente no que se refere à destreza de cálculo. Reforçar a componente lúdica no processo de ensinoaprendizagem. Promover o convívio entre alunos, professores e restante comunidade escolar. Fomentar o gosto pela aprendizagem. Contribuir para a aquisição, consolidação e ampliação de conhecimentos, nomeadamente no que se refere à destreza de cálculo. Reforçar a componente lúdica no processo de ensinoaprendizagem. XXXI Olimpíadas Portuguesas de Matemática Canguru Matemático sem Fronteiras VII Campeonato Internacional SuperTmatik Cálculo Mental III Campeonato Nacional SuperTmatik -Quiz Matemática 1ª eliminatória 7 de novembro 2ª eliminatória 9 de janeiro Data a definir Ao longo do ano letivo, sendo que as primeiras eliminatórias decorrerão nos primeiros dois períodos. Alunos do 3º ciclo e do ensino secundário Alunos do 3º ciclo Professores Matemática Professores Matemática, de Turma. de de Diretores A, B Ano Letivo 2012/2013 Página 7 de 153

8 Promover o convívio entre alunos, professores e restante comunidade escolar. Dar consecução aos objetivos definidos pelo GAVE para os Testes Intermédios Promover a interdisciplinaridade no Departamento Promover o gosto pela ciência. Mostrar a importância da Matemática na compreensão e na resolução de problemas, nomeadamente na medição do tempo, na astronomia e na navegação em alto mar. Oferta Complementar PES Promover a educação para a Saúde, no âmbito da Educação Sexual. Espanhol. Participação no Projeto do GAVE Testes Intermédios Peddy-paper (regulamento e organização de todas as disciplinas/docentes do departamento). Exposição Medir o Tempo, Medir o Mundo, Medir o Mar Atividades no âmbito do PES a definir e a calendarizar posteriormente. Datas e hora definidas pelo GAVE 21 e 22 de fevereiro Semana de 18 a 22 de fevereiro 2º Período Sala de aula Alunos dos vários anos de escolaridade onde os testes são aplicáveis Comunidade r Alunos do 3º ciclo e do ensino secundário Alunos 7º ano Professores Matemática Docentes dos Grupos Disciplinares do Departamento Coordenadora para a Saúde Professores de Matemática Professora Lourenço de Sónia A - Promover a divulgação de tradições natalícias espanholas - Promover ações culturais com atividades de caráter lúdico. - Dinamizar a comunidade escolar. Dia de Reis 4/01/2013 Visita a várias salas de aula Comunidade Educativa - Alunos do 7ºA - Professora de Espanhol A, B Inglês - Desenvolver o gosto pela língua inglesa. - adquirir conhecimentos no âmbito da cultura inglesa/americana. - manter vivos costumes e Comemoração do Halloween 31 de outubro Sala de aula Alunos da turma Professor da turma A, B Ano Letivo 2012/2013 Página 8 de 153

9 tradições. - estimular a participação ativa dos alunos na sala de aula. - cooperar com os outros; - ativar de uma forma lúdica conhecimentos linguísticos e culturais pré-existentes. - dinamizar o espaço escolar. Português Desenvolver o gosto pela dramaturgia portuguesa. Distinguir a especificidade do texto dramático e do texto de teatro. Aprofundar o conhecimento de obras e autores que podem constituir objeto de leitura autónoma ou em contexto de sala de aula. Proporcionar a aprendizagem dos conteúdos programáticos e o desenvolvimento de competências no âmbito das disciplinas envolvidas. Cooperar com os outros, revelando sentido de responsabilidade. - Ida ao Teatro D. Maria II para assistir ao espetáculo O Segredo da Arca de Trancoso. Dia 15 de fevereiro Lisboa Alunos do 7º A e do 7ºB, cujo comportamento evolua de forma positiva, justificando a confiança dos professores envolvidos. -Professora Paula Henriques -Professora Paula Patrício -Professor de História José Fonseca -Professora Teresa Quitério A Desenvolver o gosto pela dramaturgia portuguesa Distinguir a especificidade do texto dramático e do texto de teatro Aprofundar o conhecimento de obras e autores que podem constituir objeto de leitura autónoma ou em - Ida ao Teatro D. Maria II para assistir ao espetáculo O Segredo da Arca de Trancoso. - Visita guiada ao Núcleo Arqueológico da Rua dos Correeiros (Fundação Millennium BCP) Dia 15 de fevereiro Partida às 8:20h; regresso às 18h Lisboa Alunos do 7º A e do 7ºB, cujo comportamento evolua de forma positiva, justificando a confiança dos professores envolvidos. -Professora Henriques -Professora Patrício -Professora Carrasqueira Paula Paula Carla PRIORIDADE A Promover o sucesso e reduzir o abandono escolar Promover a realização de atividades que contribuam para a aprendizagem dos Ano Letivo 2012/2013 Página 9 de 153

10 contexto de sala de aula. Proporcionar a aprendizagem dos conteúdos programáticos e o desenvolvimento de competências no âmbito das disciplinas envolvidas. Cooperar com os outros, revelando sentido de responsabilidade. Estimular o gosto pelo passado e estabelecer relações com o presente. Identificar fases da evolução histórica e momentos de ruptura. Desenvolver o espírito de investigação: recolha de dados/ documentos, análise, crítica, entre outros. Possibilitar o acesso e a fruição de bens culturais. - Professora José Fonseca -Professora Quitério Teresa alunos. Melhorar os resultados escolares dos alunos. Ano Letivo 2012/2013 Página 10 de 153

11 OBJETIVOS ATIVIDADES DATA/HORA LOCAL DESTINATÁRIOS DINAMIZADORES PRIORIDADES PEE Desenvolver o gosto pela dramaturgia portuguesa Distinguir a especificidade do texto dramático e do texto de teatro Aprofundar o conhecimento de obras e autores que podem constituir objeto de leitura autónoma ou em contexto de sala de aula. Proporcionar a aprendizagem dos conteúdos programáticos e o desenvolvimento de competências no âmbito das disciplinas envolvidas. Cooperar com os outros, revelando sentido de responsabilidade. Estimular o gosto pelo passado e estabelecer relações com o presente. Identificar fases da evolução histórica e momentos de ruptura. Desenvolver o espírito de investigação: recolha de dados/ documentos, análise, crítica, entre outros. Possibilitar o acesso e a fruição de bens culturais. - Promover a divulgação de tradições natalícias espanholas - Promover ações culturais com atividades de caráter lúdico. - Dinamizar a comunidade escolar. - Ida ao Teatro D. Maria II para assistir ao espetáculo O Segredo da Arca de Trancoso. - Visita guiada ao Núcleo Arqueológico da Rua dos Correeiros (Fundação Millennium BCP) 15 de fevereiro de 2013 Partida às 8:20h; regresso previsto para as 18:00h TURMA 7ºB Lisboa Dia de Reis 4/01/2013 Visita a várias salas de aula Alunos do 7ºA e do 7ºB, cujo comportamento evolua de forma positiva, justificando a confiança dos professores envolvidos. Comunidade Educativa - Professora Paula Henriques (Português) - Professora Carla Carrasqueira (História) - Professora Paula Patrício (Português) - Professora José Fonseca (História) - Alunos do 7ºB - Professora Teresa Ribeiro (Espanhol) A Promover o sucesso e reduzir o abandono escolar -Promover a realização de atividades que contribuam para a aprendizagem dos alunos. -Melhorar os resultados escolares dos alunos. A - Promover o sucesso e reduzir o abandono escolar; B - Fomentar uma cultura participativa na escola. Ano Letivo 2012/2013 Página 11 de 153

12 Promover a educação para a Saúde, no âmbito da Educação Sexual. Traduzir e interpretar situações em linguagem Matemática. Aplicar os conhecimentos adquiridos a situações práticas. Desenvolver o raciocínio e o pensamento científico. Estimular e motivar os alunos para a Matemática. Traduzir e interpretar situações em linguagem Matemática. Aplicar os conhecimentos adquiridos a situações práticas. Desenvolver o raciocínio e o pensamento científico. Fomentar o gosto pela aprendizagem. Contribuir para a aquisição, consolidação e ampliação de conhecimentos, nomeadamente no que se refere à destreza de cálculo. Reforçar a componente lúdica no processo de ensinoaprendizagem. Promover o convívio entre alunos, professores e restante comunidade escolar. Fomentar o gosto pela aprendizagem. Contribuir para a aquisição, consolidação e ampliação de conhecimentos, nomeadamente no que se refere à destreza de cálculo. Reforçar a componente lúdica no processo de ensinoaprendizagem. Promover o convívio entre alunos, professores e restante Atividades no âmbito do PES. 2º Período Sala de aula Alunos do 7º ano Professora Sónia Lourenço (Oferta Complementar) XXXI Olimpíadas Portuguesas de Matemática Canguru Matemático sem Fronteiras VII Campeonato Internacional SuperTmatik Cálculo Mental III Campeonato Nacional SuperTmatik -Quiz Matemática 1ª eliminatória 7 /11/ 2012; 2ª eliminatória 9 /01/ 2013 Alunos do 3º ciclo e do ensino secundário Data a definir Alunos do 3º ciclo e do ensino secundário Ao longo do ano letivo, sendo que as primeiras eliminatórias decorrerão nos primeiros dois períodos. Ao longo do ano letivo, sendo que as primeiras eliminatórias decorrerão nos primeiros dois períodos. Professores de Matemática Professores de Matemática Alunos do 3º ciclo Professores de Matemática, Diretores de Turma. Alunos do 3º ciclo Professores de Matemática, Diretores de Turma. A A, B A, B A, B A, B Ano Letivo 2012/2013 Página 12 de 153

13 comunidade escolar. Promover a interdisciplinaridade no Departamento Peddy-paper (regulamento e organização de todas as disciplinas/docentes do departamento). 21 e 22 de Fevereiro de 2013 Comunidade r Docentes dos Grupos Disciplinares do Departamento; Coordenadora para a Saúde. A, B Promover o gosto pela ciência. Mostrar a importância da Matemática na compreensão e na resolução de problemas, nomeadamente na medição do tempo, na astronomia e na navegação em alto mar. Exposição Medir o Tempo, Medir o Mundo, Medir o Mar Semana de 18 a 22 de Fevereiro Alunos do 3º ciclo e do ensino secundário Professores de Matemática A, B Dinamização de atividades desportivas Corta Mato Concelhio 12 dezembro Complexo desportivo da DESMOR Aberto à participação de todos os alunos. Grupo de Educação Física. Curso Profissional Téc. Ap. à Gestão Desportiva. A, B, C Dinamização de atividades desportivas Torneio de Badmínton. 13 dezembro Polidesportivo Aberto à participação de todos os alunos. Grupo de Educação Física. Curso Profissional Téc. Ap. à Gestão Desportiva. A, B Dinamização de atividades desportivas Fase escola do Torneio Compal Basket. 23 janeiro Polidesportivo Aberto à participação de todos os alunos. Grupo de Educação Física. Curso Profissional Téc. Ap. à Gestão Desportiva. A, B Dinamização de atividades desportivas Mega Quilometro, Mega sprint, Mega Salto Concelhio 30 janeiro Estádio Municipal. Aberto à participação de todos os alunos. Grupo de Educação Física. Curso Profissional Téc. Ap. à Gestão Desportiva. A, B, C Dinamização de atividades desportivas Torneio de Voleibol 13 março Polidesportivo Aberto à participação de todos os alunos. Grupo de Educação Física. Curso Profissional Téc. Ap. à Gestão Desportiva. A, B Proporcionar vivências na área das Atividades de Ar Livre e Exploração da Natureza. Sensibilizar os alunos para a necessidade de preservar o património ecológico. Passeio de BTT 15 maio Mata do Cidral Aberto à participação de todos os alunos. Grupo de Educação Física. A, B, C Ano Letivo 2012/2013 Página 13 de 153

14 Proporcionar vivências na área das Atividades de Ar Livre e Exploração da Natureza. Sensibilizar os alunos para a necessidade de preservar o património ecológico. Iniciação ao Surf 7 junho Peniche Aberto à participação de todos os alunos. Grupo de Educação Física. A, B, C - Celebrar o Natal. -Fomentar o espírito de solidariedade, entreajuda, equipa e respeito pelas tradições e todos os princípios que norteiam a vida humana. - Celebrar o Natal. -Fomentar o espírito de solidariedade, entreajuda, equipa e respeito pelas tradições e todos os princípios que norteiam a vida humana. -Fomentar o intercâmbio das escolas da Diocese de Santarém (zona norte), sob a temática EMRC- Eu acredito. -Valorizar as tradições reconhecendo os significados das festas e feriados religiosos e civis que retratam a nossa cultura e as nossas gentes. - Reconhecer o sentido cristão da Páscoa - Divulgar / valorizar a disciplina de EMRC. Desenvolver o gosto pela dramaturgia portuguesa Distinguir a especificidade do texto dramático e do texto de teatro Celebração do Natal: Campanha de solidariedade. Atividade de Natal novembro/ dezembro 5 a 9 de dezembro Secundária. Secundária. Encontro Inter s. 21 de Fevereiro CNEMA - Santarém Comemoração da Páscoa 2º Período Secundária. Semana da disciplina de EMRC. - Ida ao Teatro D. Maria II para assistir ao espetáculo O 26 a 31 de maio Dia 15 de fevereiro Partida às Secundária Lisboa Comunidade Educativa. Professor de EMRC. Alunos de EMRC Professor de EMRC. Alunos de EMRC do 7ºAno de escolaridade Comunidade Educativa Toda a comunidade educativa. Alunos do 7º A e do 7ºB, cujo SDEIE Dinamizadores Professor de EMRC. Secretariado Diocesano para o Ensino da Igreja nas s -Professora Paula Henriques PRIORIDADE A Promover o sucesso e reduzir o abandono escolar Promover a Ano Letivo 2012/2013 Página 14 de 153

15 Aprofundar o conhecimento de obras e autores que podem constituir objeto de leitura autónoma ou em contexto de sala de aula. Proporcionar a aprendizagem dos conteúdos programáticos e o desenvolvimento de competências no âmbito das disciplinas envolvidas. Cooperar com os outros, revelando sentido de responsabilidade. Estimular o gosto pelo passado e estabelecer relações com o presente. Identificar fases da evolução histórica e momentos de ruptura. Desenvolver o espírito de investigação: recolha de dados/ documentos, análise, crítica, entre outros. Possibilitar o acesso e a fruição de bens culturais. Segredo da Arca de Trancoso. - Visita guiada ao Núcleo Arqueológico da Rua dos Correeiros (Fundação Millennium BCP) 8:20h; regresso às 18h comportamento evolua de forma positiva, justificando a confiança dos professores envolvidos. -Professora Paula Patrício -Professora Carla Carrasqueira - Professora José Fonseca -Professora Teresa Quitério realização de atividades que contribuam para a aprendizagem dos alunos. Melhorar os resultados escolares dos alunos. Nota: As atividades dinamizadas pelo grupo de Educação Física são abertas a todos os alunos da escola e de participação facultativa. Ano Letivo 2012/2013 Página 15 de 153

16 OBJETIVOS ATIVIDADES DATA/HORA LOCAL DESTINATÁRIOS DINAMIZADORES - Desenvolver o gosto pela língua inglesa; TURMA 8ºA PRIORIDADES PEE - adquirir conhecimentos no âmbito da cultura inglesa/americana; - manter vivos costumes e tradições; - estimular a participação ativa dos alunos na sala de aula; - cooperar com os outros; - ativar de uma forma lúdica conhecimentos linguísticos e culturais pré-existentes; - dinamizar o espaço escolar. -Compreender a organização funcional da cidade em função do preço do solo. -Reconhecer a importância das Atividades terciárias na diferenciação da cidade. Promoção de hábitos de vida mais saudáveis. Reconhecer a responsabilidade individual de implementação de hábitos promotores da Comemoração do Halloween 31 de outubro Sala de aula Alunos da turma Professor da turma Saída de Campo Celebração / destaque do dia mundial da saúde. - execução de trabalhos alusivos ao dia; - divulgação à comunidade; - palestras; 2º período (aula de Geografia de 90 minutos) Rio Maior 3º Período Secundária Todos os alunos da turma Comunidade escolar Alunos 8º ano Professora de Geografia Carla Loureiro Sónia Lourenço Ano Letivo 2012/2013 Página 16 de 153

17 saúde. Promover a autonomia, autoestima e sentido de responsabilidade. - visionamento de filmes/animações; - debates e tomadas de decisão. Desenvolver capacidade intervenção participação comunidade. a de e na Partilhar com a comunidade o resultado de trabalhos de pesquisa. Promover a educação para a Saúde, no âmbito da Educação Sexual. Atividades no âmbito do PES a definir e a calendarizar posteriormente. 3º Período Sala de aula Alunos 8º ano Professora Sónia Lourenço A - Celebrar o Natal. -Fomentar o espírito de solidariedade, entreajuda, equipa e respeito pelas tradições e todos os princípios que norteiam a vida humana. Celebração do Natal: Campanha de solidariedade. novembro/ dezembro Secundária. Comunidade Educativa. Professor de EMRC. - Celebrar o Natal. -Fomentar o espírito de solidariedade, entreajuda, equipa e respeito pelas tradições e todos os princípios que norteiam a vida humana. Atividade de Natal 5 a 9 de dezembro Secundária. Alunos de EMRC Professor de EMRC. Ano Letivo 2012/2013 Página 17 de 153

18 -Valorizar as tradições reconhecendo os significados das festas e feriados religiosos e civis que retratam a nossa cultura e as nossas gentes. - Reconhecer o sentido cristão da Páscoa Comemoração da Páscoa 2º Período Secundária. Comunidade Educativa Professor de EMRC. - Divulgar / valorizar a disciplina de EMRC. Semana da disciplina de EMRC. 26 a 31 de maio Secundária Toda a comunidade educativa. Secretariado Diocesano para o Ensino da Igreja nas s - Valorizar o convívio entre alunos. -Respeitar a Natureza criada, por Deus, para o bem-estar do Ser Humano. Acampamento 3º Período A determinar 8º ano de escolaridade Professor de EMRC -Fotografar elementos característicos da arquitetura de Rio Maior; -Desenvolver competências de socialização e estética. Saída de Campo Fotografia-Um novo olhar 1º Período Rio Maior Alunos do 8ºAno- A+B Fátima Serra - Desenvolver a criatividade; -Incentivar o gosto por participar em atividades individuais e coletivas. Participação em Concursos Temáticos 2º e 3º Período Alunos do 8ºAno- A+B Fátima Serra - Conhecer o Património Histórico; - Compreender Visita de Estudo a Leiria/Património Histórico e Museu de Imagem e Movimento 2ºPeríodo Entre 8 a 12 de Leiria Alunos do 8ºAno- A+B Fátima Serra Ano Letivo 2012/2013 Página 18 de 153

19 diferentes linguagens da expressão humana; - Conhecer formas de comunicação através dos tempos; abril - Proporcionar a articulação entre competências. - Contactar com as origens do património Rio Maiorense; - Valorizar o passado histórico da Comunidade; Visita de Estudo à Casa Senhorial D. Miguel e ao núcleo arqueológico de Rio Maior 3º Período Rio Maior Alunos do 8ºAno- A+B Fátima Serra - Conhecer outras formas de cultura. - Mostrar à comunidade os trabalhos desenvolvidos; - Saber organizar uma exposição temática. Exposição de trabalhos 3º Período Comunidade escolar Fátima Serra Traduzir e interpretar situações em linguagem Matemática. Aplicar os conhecimentos adquiridos a situações práticas. XXXI Olimpíadas Portuguesas de Matemática 1ª eliminatória 7 de Novembro 2ª eliminatória 9 de Janeiro Alunos do 3º ciclo e do ensino secundário Professores de Matemática A, B Desenvolver o raciocínio e o Ano Letivo 2012/2013 Página 19 de 153

20 pensamento científico. Estimular e motivar os alunos para a Matemática. Traduzir e interpretar situações em linguagem Matemática. Canguru Matemático sem Fronteiras Data a definir Alunos do 3º ciclo e do ensino secundário Professores de Matemática A, B Aplicar os conhecimentos adquiridos a situações práticas. Desenvolver o raciocínio e o pensamento científico. Fomentar o gosto pela aprendizagem. Contribuir para a aquisição, consolidação e ampliação de conhecimentos, nomeadamente no que se refere à destreza de cálculo. Reforçar a componente lúdica no processo de ensino-aprendizagem. VII Campeonato Internacional SuperTmatik Cálculo Mental Ao longo do ano letivo, sendo que as primeiras eliminatórias decorrerão nos primeiros dois períodos. Alunos do 3º ciclo Professores de Matemática, Diretores de Turma. A, B Promover o convívio entre alunos, professores e restante comunidade escolar. Ano Letivo 2012/2013 Página 20 de 153

21 Fomentar o gosto pela aprendizagem. Contribuir para a aquisição, consolidação e ampliação de conhecimentos, nomeadamente no que se refere à destreza de cálculo. Reforçar a componente lúdica no processo de ensino-aprendizagem. III Campeonato Nacional SuperTmatik - Quiz Matemática Ao longo do ano letivo, sendo que as primeiras eliminatórias decorrerão nos primeiros dois períodos. Alunos do 3º ciclo Professores de Matemática, Diretores de Turma. A, B Promover o convívio entre alunos, professores e restante comunidade escolar. Ano Letivo 2012/2013 Página 21 de 153

22 OBJETIVOS ATIVIDADES DATA/HORA LOCAL DESTINATÁRIOS DINAMIZADORES TURMA 8ºB PRIORIDADES PEE Traduzir e interpretar situações em linguagem Matemática. Aplicar os conhecimentos adquiridos a situações práticas. XXXI Olimpíadas Portuguesas de Matemática 1ª eliminatória 7 de Novembro 2ª eliminatória 9 de Janeiro Alunos do 3º ciclo e do ensino secundário Professores de Matemática A, B Desenvolver o raciocínio e o pensamento científico. Estimular e motivar os alunos para a Matemática. Traduzir e interpretar situações em linguagem Matemática. Canguru Matemático sem Fronteiras Data a definir Alunos do 3º ciclo e do ensino secundário Professores de Matemática A, B Aplicar os conhecimentos adquiridos a situações práticas. Desenvolver o raciocínio e o pensamento científico. Fomentar o gosto pela aprendizagem. Contribuir para a VII Campeonato Internacional SuperTmatik Cálculo Mental Ao longo do ano letivo, sendo que as primeiras eliminatórias decorrerão nos Alunos do 3º ciclo Professores de Matemática, Diretores de Turma. A, B Ano Letivo 2012/2013 Página 22 de 153

23 aquisição, consolidação e ampliação de conhecimentos, nomeadamente no que se refere à destreza de cálculo. primeiros dois períodos. Reforçar a componente lúdica no processo de ensino-aprendizagem. Promover o convívio entre alunos, professores e restante comunidade escolar. Fomentar o gosto pela aprendizagem. Contribuir para a aquisição, consolidação e ampliação de conhecimentos, nomeadamente no que se refere à destreza de cálculo. Reforçar a componente lúdica no processo de ensino-aprendizagem. III Campeonato Nacional SuperTmatik - Quiz Matemática Ao longo do ano letivo, sendo que as primeiras eliminatórias decorrerão nos primeiros dois períodos. Alunos do 3º ciclo Professores de Matemática, Diretores de Turma. A, B Promover o convívio entre alunos, professores e restante comunidade escolar. Dar consecução aos. Participação no Projeto do GAVE Testes Intermédios Datas e hora definidas pelo GAVE Alunos dos vários anos de escolaridade onde os testes são Professores de Matemática Ano Letivo 2012/2013 Página 23 de 153

24 objetivos definidos pelo GAVE para os Testes Intermédios aplicáveis A, B Promover a Docentes dos Grupos interdisciplinaridade no Departamento Peddy-paper (regulamento e organização de todas as disciplinas/docentes do departamento). 21 e 22 de Fevereiro Comunidade r Disciplinares do Departamento Coordenadora para a A, B Saúde Promover o gosto pela ciência. A, B Mostrar a importância da Matemática na compreensão e na resolução de problemas, nomeadamente na medição do tempo, na astronomia e na navegação em alto mar. Exposição Medir o Tempo, Medir o Mundo, Medir o Mar Semana de 18 a 22 de Fevereiro Alunos do 3º ciclo e do ensino secundário Professores de Matemática -Compreender a organização funcional da cidade em função do preço do solo. -Reconhecer a importância das atividades terciárias na diferenciação da cidade. - Celebrar o Natal. Saída de Campo 2º período (aula de Geografia de 90 minutos) Rio Maior Todos os alunos Professora de Geografia -Fomentar o espírito de solidariedade, Celebração do Natal: novembro/ Secundária. Comunidade Educativa. Professor de EMRC. Ano Letivo 2012/2013 Página 24 de 153

25 entreajuda, equipa e respeito pelas tradições e todos os princípios que norteiam a vida humana. Campanha de solidariedade. dezembro - Celebrar o Natal. -Fomentar o espírito de solidariedade, entreajuda, equipa e respeito pelas tradições e todos os princípios que norteiam a vida humana. Atividade de Natal 5 a 9 de dezembro Secundária. Alunos de EMRC Professor de EMRC. -Valorizar as tradições reconhecendo os significados das festas e feriados religiosos e civis que retratam a nossa cultura e as nossas gentes. - Reconhecer o sentido cristão da Páscoa Comemoração da Páscoa 2º Período Secundária. Comunidade Educativa Professor de EMRC. - Divulgar / valorizar a disciplina de EMRC. Semana da disciplina de EMRC. 26 a 31 de maio Secundária Toda a comunidade educativa. Secretariado Diocesano para o Ensino da Igreja nas s - Valorizar o convívio entre alunos. -Respeitar a Natureza criada, por Deus, para o bem-estar do Ser Humano. Acampamento 3º Período A determinar 8º ano de escolaridade Professor de EMRC -Fotografar elementos característicos da Saída de Campo 1º Período Rio Maior Alunos do 8ºAno- Ano Letivo 2012/2013 Página 25 de 153

26 arquitetura de Rio Maior; Fotografia-Um novo olhar A+B Fátima Serra -Desenvolver competências de socialização e estética. - Desenvolver a criatividade; -Incentivar o gosto por participar em atividades individuais e coletivas. Participação em Concursos Temáticos 2º e 3º Período Alunos do 8ºAno- A+B Fátima Serra - Conhecer o Património Histórico; - Compreender diferentes linguagens da expressão humana; - Conhecer formas de comunicação através dos tempos; Visita de Estudo a Leiria/Património Histórico e Museu de Imagem e Movimento 2ºPeríodo Entre 8 a 12 de abril Leiria Alunos do 8ºAno- A+B Fátima Serra - Proporcionar a articulação entre competências. - Contactar com as origens do património Rio Maiorense; - Valorizar o passado histórico da Comunidade; Visita de Estudo à Casa Senhorial D. Miguel e ao núcleo arqueológico de Rio Maior 3º Período Rio Maior Alunos do 8ºAno- A+B Fátima Serra - Conhecer outras formas de cultura. Ano Letivo 2012/2013 Página 26 de 153

Plano Anual de Atividades 2014-2015 Departamento de Ciências Humanas

Plano Anual de Atividades 2014-2015 Departamento de Ciências Humanas Visita de estudo Geografia Conhecer o funcionamento de uma unidade industrial; Reconhecer a importância da atividade industrial na economia. Geografia e Alunos do 9º Ano Unidade Industrial 2ºPeríodo Visita

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014/2015 3º Período

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014/2015 3º Período PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014/2015 3º Período ATIVIDADE OBJETIVO INTERDISCIPLI- NA-RIDADE LIGAÇÃO AO PROJETO EDUCATIVO DINAMIZADORES E ACOMPANHANTES PÚBLICO-ALVO (Referir turma) CALENDARIZAÇÃ O CUSTOS

Leia mais

Gestor de Atividades e Recursos Educativos

Gestor de Atividades e Recursos Educativos 21/01/ Imprimir atividade Gestor de Atividades e Recursos Educativos Agrupamento de Escolas de Data Atividade Público Alvo Início Término Préescolar Titulo, Tipologia, Proponente, Escola Desafios da Matemática

Leia mais

Projeto Curricular do 1.º Ciclo

Projeto Curricular do 1.º Ciclo Projeto Curricular do 1.º Ciclo Tema Felizes os que constroem a vida na verdade e no bem. INTRODUÇÃO Este ano letivo 2014/2015 ficou definido como tema geral Felizes os que constroem a vida na verdade

Leia mais

INED PROJETO EDUCATIVO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO MAIA

INED PROJETO EDUCATIVO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO MAIA INED INSTITUTO DE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO PROJETO EDUCATIVO MAIA PROJETO EDUCATIVO I. Apresentação do INED O Instituto de Educação e Desenvolvimento (INED) é uma escola secundária a funcionar desde

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÃO JOÃO DO ESTORIL

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÃO JOÃO DO ESTORIL AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÃO JOÃO DO ESTORIL Escola Secundária de DEPARTAMENTO: 1º CICLO - ATIVIDADES COMUNS ao longo do ano ATIVIDADES 15 Minutos de Leitura Crescer a Ler Levar a Ler CMC 15 de Leitura

Leia mais

Agrupamento de Escolas nº4 de Évora - 135562 Escola Sede: Escola Secundária André de Gouveia. Plano de Ação dos Projetos e Clubes

Agrupamento de Escolas nº4 de Évora - 135562 Escola Sede: Escola Secundária André de Gouveia. Plano de Ação dos Projetos e Clubes Consciencializar toda a Comunidade Escolar para a Preservação do Meio Envolvente; Sensibilizar a comunidade para a poupança de recursos, promovendo a reutilização e a reciclagem. Valorizar a Educação para

Leia mais

À DESCOBERTA DE UMA NOVA

À DESCOBERTA DE UMA NOVA ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DE VELAS À DESCOBERTA DE UMA NOVA NOVA ILHA INTERCÂMBIO 5º C DAS VELAS/ 5ºC DE VILA FRANCA DO CAMPO Introdução Uma vez que o arquipélago dos Açores é composto por nove ilhas,

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS SOPHIA DE MELLO BREYNER - Código 151427 PLANO PLURIANUAL DE ATIVIDADES DO PRÉ-ESCOLAR E 1.º, 2.º E 3.

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS SOPHIA DE MELLO BREYNER - Código 151427 PLANO PLURIANUAL DE ATIVIDADES DO PRÉ-ESCOLAR E 1.º, 2.º E 3. PLANO PLURIANUAL DE ATIVIDADES DO PRÉ-ESCOLAR E 1.º, 2.º E 3.º CICLOS AGRUPAMENTO DE ESCOLAS SOPHIA DE MELLO BREYNER 2013/2017 O Projeto Plurianual de Atividades do Agrupamento de Escolas Sophia de Mello

Leia mais

INTRODUÇÃO. Projecto Curricular de Turma SALA DO ATL

INTRODUÇÃO. Projecto Curricular de Turma SALA DO ATL INTRODUÇÃO A Educação não formal distingue-se, nas últimas décadas da Educação formal ou ensino tradicional, uma vez que confere outro tipo de reconhecimento, organização, qualificação e estrutura. A Educação

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MONTIJO ANO LECTIVO 2014/2015 ESCOLA BÁSICA LIBERDADE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MONTIJO ANO LECTIVO 2014/2015 ESCOLA BÁSICA LIBERDADE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MONTIJO ANO LECTIVO 2014/2015 ESCOLA BÁSICA LIBERDADE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES Sector da Escola: Pré-Escolar / 1º Ciclo Actividades (em articulação com as prioridades do Projecto

Leia mais

Como Católica, radica toda a sua missão e visão na mensagem de Jesus Cristo que. ilumina o Ser e o Saber humano.

Como Católica, radica toda a sua missão e visão na mensagem de Jesus Cristo que. ilumina o Ser e o Saber humano. O Colégio de Santa Clara é uma Escola Católica Franciscana Hospitaleira. Como Escola, é para a pessoa e da pessoa. Como Católica, radica toda a sua missão e visão na mensagem de Jesus Cristo que ilumina

Leia mais

Escola Profissional de Pedagogia Social (EPPS)

Escola Profissional de Pedagogia Social (EPPS) Escola Profissional de Pedagogia Social (EPPS) Relatório de Actividades do ano letivo 2014/15 A Escola Profissional de Pedagogia Social (EPPS), tutelada pela API e apoiada pelo Ministério da Educação,

Leia mais

Agenda 2014/2015 2º Período Agrupamento de Escolas de Azeitão

Agenda 2014/2015 2º Período Agrupamento de Escolas de Azeitão Agenda 2014/2015 2º Período Agrupamento de Escolas de Azeitão Coordenação de ciclo Caso seja detetada alguma incorreção, ou atividade em falta, contactar os professores Sandra Caseiro (1º ciclo), Paulo

Leia mais

Calendarização Atividade Objetivos Responsáveis Destinatários 1º PERÍODO

Calendarização Atividade Objetivos Responsáveis Destinatários 1º PERÍODO 1 Calendarização Atividade Objetivos Responsáveis Destinatários 1º PERÍODO Setembro Acolhimento das crianças - Integração e adaptação das crianças ao Centro Infantil Setembro Reunião de Pais e Encarregados

Leia mais

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES (3ª ACTUALIZAÇÃO)

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES (3ª ACTUALIZAÇÃO) AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PÚBLICAS DO CONCELHO DE PROENÇA-A-NOVA (3ª ACTUALIZAÇÃO) (3ª Actualização JULHO/2008) 1 Mês: Abril/2008 ANULAR (Estava na 1ª versão sem data) ANULAR (estava na 2ª versão para o 3º

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2012/2013

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2012/2013 PLANO ANUAL DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2012/2013 1 Índice I. Introdução... 3 II. Desenvolvimento das Atividades... 4 1. Atividades a desenvolver no espaço da comunidade escolar... 4 2. Visitas de estudo...

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ALCABIDECHE ESCOLA BÁSICA 2,3 DE ALCABIDECHE Sede

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ALCABIDECHE ESCOLA BÁSICA 2,3 DE ALCABIDECHE Sede AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ALCABIDECHE ESCOLA BÁSICA 2,3 DE ALCABIDECHE Sede 1. Identificação DEPARTAMENTO: Pré-Escolar PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES - PROPOSTA DE ACTIVIDADES ANO LECTIVO - 2010 / 2011 Coordenador(a):

Leia mais

PROJETO DE INTERVENÇÃO

PROJETO DE INTERVENÇÃO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE AMARES CANDIDATURA A DIRETOR PROJETO DE INTERVENÇÃO (2013-2017) Pedro Paulo da Costa Cerqueira Amares, maio de 2013 As organizações, tal como os organismos vivos, têm os seus

Leia mais

A INFLUÊNCIA DOS PROJETOS NO DOMÍNIO DOS RESULTADOS: O PONTO DE VISTA DOS COORDENADORES

A INFLUÊNCIA DOS PROJETOS NO DOMÍNIO DOS RESULTADOS: O PONTO DE VISTA DOS COORDENADORES AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE CABECEIRAS DE BASTO A INFLUÊNCIA DOS PROJETOS NO DOMÍNIO DOS RESULTADOS: O PONTO DE VISTA DOS COORDENADORES A EQUIPA DE AUTOAVALIAÇÃO: Albino Barroso Manuel Miranda Paula Morais

Leia mais

PROJETO EDUCATIVO Ano letivo 2012 2013

PROJETO EDUCATIVO Ano letivo 2012 2013 PROJETO EDUCATIVO Ano letivo 2012 2013 É pela vivência diária que cada um de nós aprende a conhecer-se e a respeitar-se, conhecendo e respeitando os outros, intervindo, transformando e tentando melhorar

Leia mais

Actividades Organizadores Destinatários Recursos Previsão de Custos Calendarização

Actividades Organizadores Destinatários Recursos Previsão de Custos Calendarização 1º período Estrutura Educativa: Conselho de Turma. Ensino Básico 7ºAno 7ºA Promover a educação para a cidadania nomeadamente na vertente da educação para a saúde/educação sexual Incluir no PAA actividades

Leia mais

PLANO EDUCATIVO MUNICIPAL

PLANO EDUCATIVO MUNICIPAL MUNICÍPIO DE VOUZELA PLANO EDUCATIVO MUNICIPAL 2014/2015 Designação da Formação Toxicodependências Programa de Respostas Integradas As Crianças Marcam a Diferença! Natação 1º Ciclo Prolongamento de Horário

Leia mais

EXT X ER E NAT A O T O DA A L U L UZ U PLAN A O O AN A UA U L A DE D E AC A TI T VI V D I AD A E D S E 2009/2010 1

EXT X ER E NAT A O T O DA A L U L UZ U PLAN A O O AN A UA U L A DE D E AC A TI T VI V D I AD A E D S E 2009/2010 1 EXTERNATO DA LUZ PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES 2009/2010 1 Director Fr. Filipe Carreira do Rosário Vice Director e Director Fr. Manuel Pereira Gonçalves Vice Director e Coordenador dos 2º e 3º Ciclos Fr.

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES. 1º Período

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES. 1º Período PLANO ANUAL DE Inglês Semana Aberta do Desporto Escolar Semana da Esgrima: aula de esgrima a todas as turmas do 3º ciclo. Hallowe'en desportivas. Aumentar o número de praticantes nos vários grupos-equipa.

Leia mais

Agrupamento de Escolas da Moita. Plano de Melhoria. P r o v i s ó r i o P p P r o. Ano letivo 2013-14

Agrupamento de Escolas da Moita. Plano de Melhoria. P r o v i s ó r i o P p P r o. Ano letivo 2013-14 Agrupamento de Escolas da Moita Plano de Melhoria P r o v i s ó r i o P p P r o Ano letivo 2013-14 Moita, 22 de abril de 2015 A COMISSÃO DE AUTOAVALIAÇÃO o Célia Romão o Hélder Fernandes o Ana Bela Rodrigues

Leia mais

PLANO DE ATIVIDADES Escola de Santa Clara 2014, Bragança. Escola de Santa Clara Bragança 2014/2015 1

PLANO DE ATIVIDADES Escola de Santa Clara 2014, Bragança. Escola de Santa Clara Bragança 2014/2015 1 PLANO DE ATIVIDADES Escola de Santa Clara 2014, Bragança Escola de Santa Clara Bragança 2014/2015 1 ÍNDICE 0 INTRODUÇÃO Âmbito do Plano de Atividades 1 ATIVIDADES DO 1º CICLO Calendarização De onde venho?

Leia mais

Externato Cantinho Escolar. Plano Anual de Atividades

Externato Cantinho Escolar. Plano Anual de Atividades Externato Cantinho Escolar Plano Anual de Atividades Ano letivo 2014 / 2015 Pré-escolar e 1º Ciclo Ação Local Objetivos Atividades Materiais Recursos Humanos Receção dos Fomentar a integração da criança

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA MARIA AMÁLIA VAZ DE CARVALHO PLANO DE MELHORIA

ESCOLA SECUNDÁRIA MARIA AMÁLIA VAZ DE CARVALHO PLANO DE MELHORIA ESCOLA SECUNDÁRIA MARIA AMÁLIA VAZ DE CARVALHO PLANO DE MELHORIA 2012-2015 PLANO DE MELHORIA (2012-2015) 1. CONTEXTUALIZAÇÃO DO PROCESSO Decorreu em finais de 2011 o novo processo de Avaliação Externa

Leia mais

Projeto Educativo 02 02-V R 01-P D O M

Projeto Educativo 02 02-V R 01-P D O M Projeto Educativo Colégio do Sagrado Coração de Maria - Lisboa Projeto Educativo V02 i ÍNDICE I. CARACTERIZAÇÃO FÍSICA...1 1. O meio envolvente...1 2. O Colégio...2 3. Organização Estrutural...2 3.1. Órgãos

Leia mais

SETEMBRO EXTERNATO DO PARQUE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013/2014. Data Ações a desenvolver Turmas envolvidas. Local

SETEMBRO EXTERNATO DO PARQUE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013/2014. Data Ações a desenvolver Turmas envolvidas. Local SETEMBRO Ao longo Oração da manhã Pré-escolar e 1º do ano ciclo 12 set. Receção aos alunos: Convívio de alunos, pais/ee, prof./educ. e vigilantes no campo de jogos Desejo das boas vindas pela direção e

Leia mais

PLANO DE ATIVIDADES 2014 2015 GRUPO: 600 Dolores Fonseca

PLANO DE ATIVIDADES 2014 2015 GRUPO: 600 Dolores Fonseca PLANO DE ATIVIDADES 2014 2015 GRUPO: 600 Dolores Fonseca ATIVIDADE Visita de Estudo ao Museu do Azulejo CALENDARIZAÇÃO Sensibilizar os alunos para o campo das artes 7 de outubro 2014 Alunos do 12ºA Maria

Leia mais

ATIVIDADES. Porto Maria de Fátima R. Melo Alunos do 6.ºA,6.º B, 6.ºC, 6.º D Transportes/Electrico de estudoigreja de S.

ATIVIDADES. Porto Maria de Fátima R. Melo Alunos do 6.ºA,6.º B, 6.ºC, 6.º D Transportes/Electrico de estudoigreja de S. Planificação do ano letivo de 2013-2014 DEPARTAMENTO DE CIENCIAS SOCIAIS E HUMANAS 1.º Per Concurso Rosa dos Ventos Bilioteca Escolar EBI/JI da Correlhã Cristina Sousa Alunos do 7.º ano de escolaridade

Leia mais

COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA JARDIM DE INFÂNCIA Nº1 PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2014/2015 PROJETO: CHUVA DE CORES

COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA JARDIM DE INFÂNCIA Nº1 PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2014/2015 PROJETO: CHUVA DE CORES COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA JARDIM DE INFÂNCIA Nº1 PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES ANO LETIVO 2014/2015 PROJETO: CHUVA DE CORES INTRODUÇÃO «Será a emergência do sentido e conteúdo curricular

Leia mais

Unidos com o mundo. Equipa pedagógica da Santa Casa da Misericórdia de Aveiro 2013/2014

Unidos com o mundo. Equipa pedagógica da Santa Casa da Misericórdia de Aveiro 2013/2014 Unidos com o mundo Equipa pedagógica da Santa Casa da Misericórdia de Aveiro 2013/2014 Introdução O Plano Anual de Atividade é um documento orientador de uma dinâmica comum a todas as salas da Pré, que

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Cascais Plano Anual de Atividades 2014/2015 ANEXO 1 DEPARTAMENTO DO PRÉ-ESCOLAR E 1.º CICLO

Agrupamento de Escolas de Cascais Plano Anual de Atividades 2014/2015 ANEXO 1 DEPARTAMENTO DO PRÉ-ESCOLAR E 1.º CICLO ANEO 1 DEPARTAMENTO DO PRÉ-ESCOLAR E 1.º CICLO 0 1º Período A CAF (Componente de Apoio à Família 2 primeiras semanas de setembro e interrupção do Natal) será acionada de acordo com resposta dos Encarregados

Leia mais

Ação de Formação OFERTAS CURRICULARES DIVERSIFICADAS: UMA NOVA REALIDADE ESCOLAR PARA TODOS OS DOCENTES

Ação de Formação OFERTAS CURRICULARES DIVERSIFICADAS: UMA NOVA REALIDADE ESCOLAR PARA TODOS OS DOCENTES Ação de Formação OFERTAS CURRICULARES DIVERSIFICADAS: UMA NOVA REALIDADE ESCOLAR PARA TODOS OS DOCENTES Programa para a disciplina de oferta complementar do AER (ensino básico): Educação para a Cidadania

Leia mais

PROJETO CURRICULAR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS FREI JOÃO DE VILA DO CONDE

PROJETO CURRICULAR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS FREI JOÃO DE VILA DO CONDE PROJETO CURRICULAR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS FREI JOÃO DE VILA DO CONDE ÍNDICE 1. Introdução 2. O Agrupamento 2.1 População Escolar (número de alunos por estabelecimento de ensino) 2.2 Recursos Humanos

Leia mais

Projeto Educativo do Agrupamento de Escolas do Bonfim 2014/2017. Projeto Educativo do Agrupamento de Escolas do Bonfim. Portalegre

Projeto Educativo do Agrupamento de Escolas do Bonfim 2014/2017. Projeto Educativo do Agrupamento de Escolas do Bonfim. Portalegre Projeto Educativo do Agrupamento de Escolas do Bonfim Portalegre 2014/2017 1 Índice 1. Caracterização do agrupamento 2 1.1. Caracterização do concelho 2 1.2. Composição do agrupamento 3 2. Missão/visão

Leia mais

Pré-Projeto de Educação Ambiental

Pré-Projeto de Educação Ambiental Pré-Projeto de Educação Ambiental Vamos Descobrir e Valorizar o Alvão Ano 2014/15 Centro de Informação e Interpretação Lugar do Barrio 4880-164 Mondim de Basto Telefone: 255 381 2009 ou 255 389 250 1 Descobrir

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Gondomar

Agrupamento de Escolas de Gondomar Agrupamento de Escolas de Gondomar 1.Nota Prévia O projeto de intervenção pedagógica Aprender a Crescer visa contribuir para a atenuação das dificuldades na leitura e compreensão de textos, fatores determinantes

Leia mais

PLANO DE AÇÃO ESTRATÉGICA

PLANO DE AÇÃO ESTRATÉGICA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO FUNDÃO + ESCOLA + PESSOA PLANO DE AÇÃO ESTRATÉGICA 2013-2017 Agrupamento de Escolas do Fundão Página 1 Perante o diagnóstico realizado, o Agrupamento assume um conjunto de prioridades

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2013/2014 ÍNDICE I INTRODUÇÃO... 1 II CALENDÁRIO ESCOLAR... 2 III ÁREAS DE INTERVENÇÃO... 3 1 PLANEAMENTO E ORGANIZAÇÃO ESCOLAR... 3 1.1- PREPARAÇÃO DO ANO ESCOLAR... 3 1.2 ABERTURA

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3º CICLO HENRIQUE MEDINA PROJETO PROMOÇÃO E EDUCAÇÃO PARA A SAÚDE

ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3º CICLO HENRIQUE MEDINA PROJETO PROMOÇÃO E EDUCAÇÃO PARA A SAÚDE ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3º CICLO HENRIQUE MEDINA PROJETO PROMOÇÃO E EDUCAÇÃO PARA A SAÚDE Ano letivo 2014/2015 1. Enquadramento Entre os objetivos prioritários da atual política educativa encontram-se os

Leia mais

DGEstE Direção de Serviços da Região Centro

DGEstE Direção de Serviços da Região Centro DGEstE Direção de Serviços da Região Centro Bibliotecas Escolares - Plano Anual de Atividades (PAA) Ano letivo 2014/2015 Este PAA encontra-se estruturado em 4 domínios (seguindo as orientações da RBE)

Leia mais

PLANIFICAÇÃO DE ATIVIDADES 2013 / 2014 AO LONGO DO ANO LETIVO (SEM DATA CONCRETA)

PLANIFICAÇÃO DE ATIVIDADES 2013 / 2014 AO LONGO DO ANO LETIVO (SEM DATA CONCRETA) AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VIEIRA DE ARAÚJO ESCOLA EB/S VIEIRA DE ARAÚJO VIEIRA DO MINHO PLANIFICAÇÃO DE ATIVIDADES 2013 / 2014 AO LONGO DO ANO LETIVO (SEM DATA CONCRETA) ATIVIDADES / ESTRATÉGIAS (por ordem

Leia mais

Capítulo III Atividades Extracurriculares

Capítulo III Atividades Extracurriculares Capítulo III Atividades Extracurriculares III.1. Resumo das Atividades Em todos os anos letivos é desenvolvido, na Escola, um Plano Anual de Atividades. Nele vigoram várias propostas que o Conselho Executivo,

Leia mais

2. FEIRAS E EXPOSIÇÕES

2. FEIRAS E EXPOSIÇÕES 2. FEIRAS E EXPOSIÇÕES ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3º CICLO D. MANUEL I- BEJA ATIVIDADES (memória descritiva sucinta) ARTICULAÇÃO ENTRE AS DISCIPLINAS E/OU ÁREAS CURRICULARES NÃO DISCIPLINARES RESPONSÁVEIS /

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES CAF/AAAF 2015/2016

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES CAF/AAAF 2015/2016 MULTICULTURALIDADE CULTURAS DO MUNDO NO PARQUE DAS NAÇÕES PLANO ANUAL DE ATIVIDADES CAF/AAAF 2015/2016 Junta de Freguesia Parque das Nações Sede: Alameda dos Oceanos, nº 83 1990-212 Lisboa Telf.: +351

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES (proposta de atividades) Bibliotecas do Agrupamento 2014/2015

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES (proposta de atividades) Bibliotecas do Agrupamento 2014/2015 Metas do Projecto Educativo: PLANO ANUAL DE ATIVIDADES (proposta de atividades) Bibliotecas do 2014/2015 1- A Indisciplina. 2 A Desmotivação dos Alunos Face à Escola e o Insucesso. 3 O Envolvimento dos

Leia mais

Intervenientes e modo de participação. -Visita á Agro Basto; -Andar nos carrosséis. -Comunidade Educativa; -visita de estudo;

Intervenientes e modo de participação. -Visita á Agro Basto; -Andar nos carrosséis. -Comunidade Educativa; -visita de estudo; Visitas de Estudo Visita à Feira de S. Miguel 27 de setembro -Conhecer e valorizar as tradições da Comunidade. -J.I. de Leiradas a Cidadania. -JI Leiradas Intervenientes e modo de -Visita á Agro Basto;

Leia mais

Plano Anual de Atividades

Plano Anual de Atividades Plano Anual de Atividades 1º Período setembro novembro 10 Receção aos alunos Toda a Comunidade Escolar Todos Departamentos 10 Início do ano letivo Comemoração do início do Outono visita à Quinta da Eira

Leia mais

DATA TEMA OBJETIVOS ATIVIDADES RECURSOS

DATA TEMA OBJETIVOS ATIVIDADES RECURSOS PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014/2015 (Resposta Social de Creche) DATA TEMA OBJETIVOS ATIVIDADES RECURSOS Setembro Integração/adaptação das Crianças Reunião de Pais 24/09/2014 Outono - Promover a integração

Leia mais

Plano Anual de Atividades

Plano Anual de Atividades Plano Anual de Atividades A Casinha Brincalhona, Creche Lda Urb. Pisolar, LT 31, Alto do Pacheco 8500 Portimão www.acasinhabrincalhona.com Educadora Ângela Soares Educadora Rita Almeida 2015/2016 Plano

Leia mais

Departamento de Psicologia e de Educação Especial

Departamento de Psicologia e de Educação Especial Departamento de Psicologia e de Educação Especial 1- Avaliação e acompanhamento psicológico Avaliação e acompanhamento psicológico e psicopedagógico individual (promoção da autoestima e comportamentos

Leia mais

Sala: 4 anos (2) Educadora: Luísa Almeida

Sala: 4 anos (2) Educadora: Luísa Almeida Sala: 4 anos (2) Educadora: Luísa Almeida SETEMBRO Regresso à escola/adaptação Facilitar a adaptação/readaptação ao jardim de infância Negociar e elaborar a lista de regras de convivência Diálogo sobre

Leia mais

PROGRAMA ECO-ESCOLAS

PROGRAMA ECO-ESCOLAS PROGRAMA ECO-ESCOLAS Programa de Educação Ambiental e/ou Educação para o Desenvolvimento Sustentável PLANO DE AÇÃO 2014/2015 O Eco-Escolas é um Programa internacional, coordenado em Portugal pela Associação

Leia mais

Plano Anual de Atividades CRECHE/JARDIM DE INFÂNCIA/CATL 2013-2014

Plano Anual de Atividades CRECHE/JARDIM DE INFÂNCIA/CATL 2013-2014 Fundação Centro Social de S. Pedro de, FCSR Plano Anual de Atividades CRECHE/JARDIM DE INFÂNCIA/CATL 2013-2014 Atividade Objetivos Recursos Calendarização Local Receção e acolhimento das crianças que vão

Leia mais

Operacionalização da Missão Educativa

Operacionalização da Missão Educativa Operacionalização da Missão Educativa Pilares Educativos Opções educativas, Projetos e atividades Tempo e Educativa O aluno centro do processo educativo Intercâmbio com escola de S. Tomé e Príncipe 6º

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014-2015

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014-2015 PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014-2015 1 PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014-2015 INTRODUÇÃO... 3 OBJETIVOS ESSENCIAIS do PAA... 3 PROPOSTAS DE ATIVIDADES DOS CLUBES E EQUIPAS... 6 PROPOSTAS DE ATIVIDADES DOS

Leia mais

Curso de Formação Complementar. Apresentação

Curso de Formação Complementar. Apresentação Curso de Formação Complementar I Apresentação O curso de Formação Complementar destina-se a jovens titulares de cursos de Tipo 2, Tipo 3 ou outros cursos de qualificação inicial de nível 2, que pretendam

Leia mais

1. Apresentação. 2. Características Principais do Colégio Heliântia

1. Apresentação. 2. Características Principais do Colégio Heliântia I. O COLÉGIO HELIÂNTIA 1. Apresentação O Colégio Heliântia é um projeto de ensino privado que desenvolve a estratégia de Escola Total. Este conceito pretende a construção de um projeto educativo coeso

Leia mais

Relatório do Plano Anual de Atividades - 1º Período -

Relatório do Plano Anual de Atividades - 1º Período - AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE EIXO 2014-2015 Relatório do Plano Anual de Atividades - 1º Período - Índice 1 Introdução... 3 2 Cumprimento das atividades propostas... 4 3 Proponentes e destinatários das atividades...

Leia mais

DEPARTAMENTO DO 1º CICLO ANO LETIVO 2012-2013. Critérios de avaliação

DEPARTAMENTO DO 1º CICLO ANO LETIVO 2012-2013. Critérios de avaliação DEPARTAMENTO DO 1º CICLO ANO LETIVO 2012-2013 Critérios de avaliação 0 MATRIZ CURRICULAR DO 1º CICLO COMPONENTES DO CURRÍCULO Áreas curriculares disciplinares de frequência obrigatória: Língua Portuguesa;

Leia mais

Departamento: Ciências 2

Departamento: Ciências 2 Setembro Outubro Novembro Dezembro Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS 2 Ano Letivo: 2013/14 PLANIFICAÇÃO DAS ATIVIDADES A CONSTAR DO PLANO ANUAL DE ATIVIDADES Departamento:

Leia mais

Anexo A1 RESULATADOS ESCOLARES ANO LECTIVO 2011/2012

Anexo A1 RESULATADOS ESCOLARES ANO LECTIVO 2011/2012 Anexo A1 RESULATADOS ESCOLARES ANO LECTIVO 2011/2012 ÍNDICE 1. RESULTADOS ESCOLARES 1.1 Taxa de sucesso global 1.2 Taxa de alunos sobreviventes 1.3 Taxa de sucesso / ciclo de ensino 2. APROVEITAMENTO MÉDIO

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR ANO LETIVO 2014/2015 O NOSSO PROJETO CRESCER COM ARTE

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR ANO LETIVO 2014/2015 O NOSSO PROJETO CRESCER COM ARTE PLANO ANUAL DE ATIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR ANO LETIVO 2014/2015 O NOSSO PROJETO CRESCER COM ARTE CALENDARIZAÇÃO ATIVIDADES OBJETIVOS RECURSOS 1 3 de setembro 14h -16h 3 de setembro 19h Acolhimento

Leia mais

Plano de Acção. Rede Social 2011/2012

Plano de Acção. Rede Social 2011/2012 Plano de Acção - Rede Social Plano de Acção Rede Social Conselho Local da Acção Social de Figueira de Castelo Plano de Acção Rede Social Acções a desenvolver Objectivos Resultados esperados Calendarização

Leia mais

A EDUCAÇAO PARA A CIDADANIA NOS CURRÍCULOS Ana Roque, Isabel Carvalho, Rosa Afonso, Teresa Fonseca DGIDC

A EDUCAÇAO PARA A CIDADANIA NOS CURRÍCULOS Ana Roque, Isabel Carvalho, Rosa Afonso, Teresa Fonseca DGIDC A EDUCAÇAO PARA A CIDADANIA NOS CURRÍCULOS Ana Roque, Isabel Carvalho, Rosa Afonso, Teresa Fonseca DGIDC 1 Antecedentes das questões de cidadania na política educativa e nos currículos escolares Os valores

Leia mais

Projeto Linguístico de Francês. Visita de Estudo Cultural

Projeto Linguístico de Francês. Visita de Estudo Cultural Projeto Linguístico de Francês Ano lectivo 2011-12 Visita de Estudo Cultural 1- PORQUÊ ESTUDAR FRANCÊS? A língua francesa é importante para o estudo e pesquisa em várias áreas do conhecimento, incluindo

Leia mais

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES ANO LECTIVO 2011/2012 e 2012/2013

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES ANO LECTIVO 2011/2012 e 2012/2013 PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES ANO LECTIVO 2011/2012 e 2012/2013 Metas * 4 Promover estilos e hábitos de vida saudáveis;. 4 -Promover estilos e hábitos de vida saudáveis. Dinamizadores /Interveniente s - Professores

Leia mais

PLANO PLURIANUAL DE ATIVIDADES

PLANO PLURIANUAL DE ATIVIDADES PLANO PLURIANUAL DE ATIVIDADES Agrupamento de Escolas Elias Garcia 2013/2016 1 PLANO PLURIANUAL DE ATIVIDADES 2013/2016 O Plano Plurianual de Atividades (PPA) constitui um dos documentos de autonomia,

Leia mais

COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA PRÉ-ESCOLAR PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES PROJETO: CHUVA DE CORES

COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA PRÉ-ESCOLAR PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES PROJETO: CHUVA DE CORES COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA PRÉ-ESCOLAR PROJETO EDUCATIVO / PLANO DE ATIVIDADES PROJETO: CHUVA DE CORES INTRODUÇÃO «Será a emergência do sentido e conteúdo curricular que permitirá distinguir e recriar

Leia mais

VISEU PRIMEIRO, VISEU EDUCA

VISEU PRIMEIRO, VISEU EDUCA Setembro 2014 VISEU PRIMEIRO, VISEU EDUCA O lançamento de um programa pedagógico e de desenvolvimento educativo de crianças e jovens, partilhado por todos os agentes do sistema escolar e educativo local,

Leia mais

DEPARTAMENTO MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS PLANIFICAÇÃO DE ATIVIDADES 201342015 GRUPO 230 - MATEMÁTICA E CIÊNCIAS NATURAIS

DEPARTAMENTO MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS PLANIFICAÇÃO DE ATIVIDADES 201342015 GRUPO 230 - MATEMÁTICA E CIÊNCIAS NATURAIS AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VIEIRA DE ARAÚJO ESCOLA EB/S VIEIRA DE ARAÚJO VIEIRA DO MINHO DEPARTAMENTO MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS PLANIFICAÇÃO DE ATIVIDADES 201342015 GRUPO 230 - MATEMÁTICA E CIÊNCIAS

Leia mais

Plano Anual de Atividades - Ano letivo 2015/2016 -

Plano Anual de Atividades - Ano letivo 2015/2016 - Plano Anual de Atividades - Ano letivo 2015/2016 - Projeto Curricular de Escola: Ser Saudável Primeiro Período CRECHE/PRÉ-ESCOLAR Início: 02 de setembro 1.º, 2.º, 3.º CICLO e Secundário Início: 11 de setembro

Leia mais

Comunidade Educativa de Aldeia dos Chãos, Relvas Verdes e Cruz de João Mendes. Professores e Alunos do 1º e 2º ano, da EBFAV

Comunidade Educativa de Aldeia dos Chãos, Relvas Verdes e Cruz de João Mendes. Professores e Alunos do 1º e 2º ano, da EBFAV 018 Comemoração de datas festivas - São Martinho, Natal, Carnaval, Dia do Pai e da Mãe, Dia da Criança 019 Comemoração de datas festivas São Martinho, Natal, Carnaval, Dia do Pai e da Mãe. 020 Receção

Leia mais

Plano Anual de Atividades 2013/ 2014. - Receção e entrega de lembranças às. - Proporcionar momentos de alegria e Educadoras (S.A.

Plano Anual de Atividades 2013/ 2014. - Receção e entrega de lembranças às. - Proporcionar momentos de alegria e Educadoras (S.A. Data em que se realiza Setor/ Departamento Atividades Objetivos Específicos Responsáveis 2 de setembro - Receção e entrega de lembranças às - Fomentar a adaptação das crianças e Ajudantes crianças; na

Leia mais

AGENDA DE NOVEMBRO E DEZEMBRO DE 2014

AGENDA DE NOVEMBRO E DEZEMBRO DE 2014 AGENDA DE NOVEMBRO E DEZEMBRO DE 2014 O Agrupamento de Escolas N.º2 de Abrantes tem como um dos seus objetivos a plena integração na comunidade de que faz parte. Surge assim como natural a divulgação das

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA MANUEL TEIXEIRA GOMES

ESCOLA SECUNDÁRIA MANUEL TEIXEIRA GOMES Inovação e Qualidade Plano de Ação Estratégico - 2012/2013 ESCOLA SECUNDÁRIA MANUEL TEIXEIRA GOMES PROJECTO DE INTERVENÇÃO PLANO DE ACÇÃO ESTRATÉGICO 2012/2013 Escola de Oportunidades e de Futuro Telmo

Leia mais

ERASMUS+ (KA1) - AÇÃO-CHAVE 1

ERASMUS+ (KA1) - AÇÃO-CHAVE 1 ERASMUS+ (KA1) - AÇÃO-CHAVE 1 mobilidade para a aprendizagem - uma ponte para o futuro - 1. o que é o Erasmus+? ação-chave 1 mobilidade individual para fins de aprendizagem ação-chave 2 cooperação para

Leia mais

Setembro: 01 - Início do ano escolar - Início do ano letivo. Outubro:

Setembro: 01 - Início do ano escolar - Início do ano letivo. Outubro: CALENDARIZAÇÃO ATIVIDADES OBJETIVOS RECURSOS HUMANOS Setembro: 01 - Início do ano escolar - Início do ano letivo Preparar o ano letivo Criar uma relação de empatia entre as crianças e os adultos da sala

Leia mais

PLANO CURRICULAR DO ENSINO SECUNDÁRIO. Princípios orientadores

PLANO CURRICULAR DO ENSINO SECUNDÁRIO. Princípios orientadores PLANO CURRICULAR DO ENSINO SECUNDÁRIO Princípios orientadores O Ensino Secundário no Colégio Pedro Arrupe orienta-se de forma coerente para o desenvolvimento integral do aluno, promovendo um crescimento

Leia mais

RESPONSÁVEL (Articulações)

RESPONSÁVEL (Articulações) 1 Direção Regional de ducação do Norte AGRUPAMNTO D SCOLAS D MARCO D CANAVSS (150745) PLANO ANUAL D ATIVIDADS (PAA) 2012-2013 BIBLIOTCA / CR PAA 3 Grupo DATA ATIVIDADS Colaboração com os docentes na concretização

Leia mais

Plano Anual de Atividades

Plano Anual de Atividades Associação de Pais e Encarregados de Educação da Escola Básica n.º1 de Gondomar APEBN1 Plano Anual de Atividades 2012/2013 Nota Introdutória A Associação de Pais tem por objeto, o exercício do direito

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES EXTERNATO DA LUZ - LISBOA PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2014/2015 0 Direção Pedagógica (Preside à Direção) Fr. José Silvestre dos Ramos Silva Representante da Entidade Tutelar - Fr. José Silvestre dos Ramos

Leia mais

Escola Secundária Dr. Joaquim de Carvalho, Figueira da Foz

Escola Secundária Dr. Joaquim de Carvalho, Figueira da Foz PLANO ANUAL DE TRABALHO 05/06 8ºAno Código 070 Educação para a Cidadania Ano Letivo: 05 / 06 Plano Anual Competências a desenvolver Conteúdos Temas/Domínios Objetivos Atividades / Materiais 3 Períodos

Leia mais

Plano Anual de Atividades

Plano Anual de Atividades Plano Anual de Atividades Objetivos Atividades Responsáveis Datas Recursos Avaliaçõe s Promover o convívio entre os elementos da comunidade educativa Proporcionar momentos de alegria e partilha Recepção

Leia mais

AEC ALE LIGAÇÃO DA ESCOLA COM O MEIO. Orientações Pedagógicas. 1.º Ciclo do Ensino Básico

AEC ALE LIGAÇÃO DA ESCOLA COM O MEIO. Orientações Pedagógicas. 1.º Ciclo do Ensino Básico ATIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR ANO LETIVO 2014/2015 AEC ALE LIGAÇÃO DA ESCOLA COM O MEIO Orientações Pedagógicas 1.º Ciclo do Ensino Básico 1. Introdução A atividade de enriquecimento curricular,

Leia mais

Plano Anual de Atividades

Plano Anual de Atividades Plano Anual de Atividades Jardim de Infância 1º Ciclo 2º Ciclo 3º Ciclo Ensino Secundário Ano Letivo 2014/2015 Era uma vez Portugal Jardim de Infância / Externato Frei Luís de Sousa Almada Era uma vez

Leia mais

Relatório do Plano de Atividades

Relatório do Plano de Atividades Relatório do Plano de Atividades 1º Período 2013/2014 Agrupamento de Escolas de Celeirós Índice NOTA INTRODUTÓRIA... 2 1. Taxa de concretização das atividades... 2 2. Contextualização das atividades...

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Samora Correia 2011/2012

Agrupamento de Escolas de Samora Correia 2011/2012 Plano Anual de Actividades Jardins de Infância Organização do Ambiente Educativo e espaços comuns. (de 4 a 09-09-2011) Cada educadora prepara a sua sala Organizar o Ambiente Educativo educadoras. Observação

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA ANTÓNIO INÁCIO DA CRUZ PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2011 2012

ESCOLA SECUNDÁRIA ANTÓNIO INÁCIO DA CRUZ PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2011 2012 ESCOLA SECUNDÁRIA ANTÓNIO INÁCIO DA CRUZ PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2011 2012 APROVADO EM CONSELHO GERAL NOVEMBRO.2011 O Plano Plurianual de Atividades 2010-2013 que se constituiu como Plano Plurianual

Leia mais

Avaliação do Projecto Curricular

Avaliação do Projecto Curricular Documento de Reflexão Avaliação do Projecto Curricular 2º Trimestre Ano Lectivo 2006/2007 Actividade Docente desenvolvida Actividade não lectiva Com base na proposta pedagógica apresentada no Projecto

Leia mais

PROGRAMA DE AÇÃO 2015. Respostas sociais: O GAS-SVP define, para 2015, como objectivos gerais:

PROGRAMA DE AÇÃO 2015. Respostas sociais: O GAS-SVP define, para 2015, como objectivos gerais: PROGRAMA AÇÃO 2015 O GAS-SVP define, para 2015, como objectivos gerais: - Preservar a identidade da Instituição, de modo especial no que respeita a sua preferencial ação junto das pessoas, famílias e grupos

Leia mais

PLANO PLURIANUAL DE ATIVIDADES

PLANO PLURIANUAL DE ATIVIDADES O Plano Plurianual de Atividades é um documento de planeamento que define, em função do Projeto Educativo, os objetivos, as formas de organização e de programação das atividades e que procede à identificação

Leia mais

Critérios de Avaliação

Critérios de Avaliação Critérios de Avaliação Ano letivo 2013/2014 Critérios de Avaliação 2013/2014 Introdução As principais orientações normativas relativas à avaliação na educação pré-escolar estão consagradas no Despacho

Leia mais

2-Educação para o desenvolvimento sustentável e para o consumo CURRÍCULO OFERTA COMPLEMENTAR -8º ANO DE ESCOLARIDADE

2-Educação para o desenvolvimento sustentável e para o consumo CURRÍCULO OFERTA COMPLEMENTAR -8º ANO DE ESCOLARIDADE Página 1 de 5 TEMÁTICAS: 1- Educação para a sexualidade 2-Educação para o desenvolvimento sustentável e para o consumo CURRÍCULO OFERTA COMPLEMENTAR -8º ANO DE ESCOLARIDADE EDUCAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias

Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias Projeto Pedagógico e de Animação Do Estremoz Férias Índice 1. Objetivos gerais:... 4 2. Objetivos específicos:... 5 3. Estratégias Educativas e Pedagógicas... 6 4. Atividades Sócio-Educativas... 7 5. Propostas

Leia mais

Proposta Pedagógica. Buscando atender às necessidades da comunidade local, o Colégio La Salle Brasília oferece educação infantil, fundamental e médio.

Proposta Pedagógica. Buscando atender às necessidades da comunidade local, o Colégio La Salle Brasília oferece educação infantil, fundamental e médio. Proposta Pedagógica Visão: Ser um centro de excelência em Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio que busca alcançar a utopia que tem de pessoa e sociedade, segundo os critérios do evangelho, vivenciando

Leia mais