PROJETO ESPECIAL SÃO PAULO, 18 DE DEZEMBRO DE É hora de agir!

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROJETO ESPECIAL SÃO PAULO, 18 DE DEZEMBRO DE 2015. É hora de agir!"

Transcrição

1 PROJETO ESPECIAL SÃO PAULO, 18 DE DEZEMBRO DE 2015 É hora de agir! o que fazer para combater o mosquito dengue, zika e chikungunya: entenda as doenças

2 anosde luta contra o aedes... e ele parece mais forte do que nunca: agora transmite três doenças um mosquito, três doenças entenda a diferença entre dengue, chikungunya e zika A expansão urbana rápida e desordenada, aliada a fatores como as condições climáticas e o saneamento básico ineficaz, tem ocasionado diversos surtos de dengue no Brasil desde a década de Em mais de 30 anos de luta contra a proliferação do mosquito, infelizmente, o Aedes aegypti segue vencendo a guerra. No primeiro semestre deste ano, o Brasil atingiu a marca de 367 pessoas por 100 mil habitantes infectadas pelo vírus da dengue. O limiar da epidemia, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), é de 300 por 100 mil. Só isso já seria o suficiente para alertar os órgãos públicos e a população. Com o surto de microcefalia em bebês associado ao vírus zika, também transmitido pelo mesmo mosquito, a situação ficou ainda mais preocupante. Os dados são alarmantes. Os casos de microcefalia condição que faz com que os bebês nasçam com circunferência da cabeça menor que 32 centímetros, ocasionando sequelas e até a morte já passam de em 14 estados do País, principalmente no Nordeste. Até 14 de novembro, 1,5 milhão de casos de dengue foram confirmados, um aumento de 176% em comparação ao mesmo período do ano passado, quando foram registrados 555,4 mil casos. A região Sudeste apresenta 63,6% do total de casos ( ), seguida das regiões Nordeste ( ), Centro-Oeste ( ), Sul (51.784) e Norte (30.143). O número de mortes aumentou 79% passando de 453 mortes, em 2014, para 811, em Também foram registrados casos suspeitos de chikungunya outra doença transmitida pelo mosa dengue tem companhia a origem das três doenças que estão tirando o sono dos brasileiros quito, sendo confirmados. Confira, neste caderno, por que o combate ao Aedes é uma luta de todos e saiba como você também pode e deve participar. dengue O nome dengue quer dizer câimbra súbita causada por espíritos maus e foi usado pela primeira vez em 1827, durante um surto da doença no Caribe. Mas, desde o final do século 18, já eram registradas epidemias com descrição semelhante à da dengue na América do Norte e na Ásia. Acredita-se que o mosquito Aedes aegypti, que também é vetor do vírus da febre amarela urbana, tenha chegado ao Brasil no período colonial. Os primeiros casos de dengue no País remontam a Devido às fortes dores musculares e nas articulações, por aqui a doença recebeu o nome popular de febre quebra-ossos. Durante muito tempo, o combate aos focos do mosquito no Brasil esteve relacionado somente à luta contra a febre amarela que, diferentemente da dengue, possui vacina eficaz. brasil 1,5 milhão de casos de dengue casos confirmados de chikungunya casos de microcefalia são paulo casos por 100 mil habitantes chikungunya Os primeiros casos no Brasil apareceram em setembro do ano passado, no Amapá. Antes disso, já haviam sido detectados casos de pessoas que contraíram a virose fora do País. A origem do nomes é africana e significa aqueles que se dobram, em referência à postura dos doentes: eles andam curvados por sentirem dores fortes nas articulações. zika O vírus foi documentado pela primeira vez em Uganda, na África, em um macaco usado em pesquisas sobre a febre amarela. O animal contraiu a doença na Floresta de Zika, por isso o nome. Em 1948, o vírus foi identificado em mosquitos Aedes africanos capturados na mesma floresta. A relação entre zika e microcefalia foi confirmada pela primeira vez no Brasil em novembro deste ano, após a constatação de um número muito elevado de casos em regiões que também tinham sido acometidas por casos de zika. Alguns estados do Nordeste também têm registrado um aumento incomum nos casos da síndrome de Guillain-Barré doença rara que afeta o sistema nervoso e que pode provocar fraqueza muscular e paralisia de braços, pernas, face e musculatura respiratória. Em 85% dos casos, há recuperação total da força muscular e sensibilidade. O Ministério da Saúde está investigando, mas até o momento não confirma a correlação com o zika. Dengue, zika e chikungunya são três infecções transmitidas pelos mesmos vetores: os mosquitos Aedes aegypti e o Aedes albopictus (considerado o segundo vetor das doenças e menos comum, presente principalmente em áreas rurais). Após ser picada por um mosquito infectado, a pessoa começa a apresentar os sintomas dentro de quatro a dez dias é o chamado período de incubação. As três doenças possuem sintomas parecidos, mas algumas caraterísticas podem ajudar a diferenciá-las (veja no quadro). Não existe tratamento específico para as infecções por esses vírus. A orientação do Ministério da Saúde é que, na presença de qualquer sintoma, o paciente procure a unidade de saúde mais próxima. Além disso, deve fazer repouso e ingerir bastante líquido durante os dias de manifestação dos sintomas. Alguns medicamen- tos, como ácido acetilsalicílico e outros anti-inflamatórios, podem aumentar complicações hemorrágicas, principalmente em caso de dengue. Por isso, ao apresentar os sintomas, a pessoa nunca deve se automedicar. É preciso fazer teste? Durante epidemias, situação em que se encontra o Brasil atualmente, nem todos os casos suspeitos são confirmados por exame laboratorial. A maior parte dos casos são confirmados por critério clínico, ou seja, o médico faz o diagnóstico a partir dos sintomas. Para o diagnóstico de dengue e chikungunya, já há testes de sangue que detectam os anticorpos que o organismo produz para combater as doenças. Já no caso da zika, por enquanto, o que está disponível tanto na rede pública quanto na rede privada é o chamado teste molecular, de alta complexidade e alto custo e, por isso mesmo, solicitado apenas em casos considerados mais graves. atenção para os sintomas febre, coceira, manchas avermelhadas, dor no corpo todo, na cabeça ou atrás dos olhos. se sentir algum desses sintomas, beba bastante água e procure uma unidade de saúde. se, mesmo depois do atendimento, continuar com dor forte na barriga e vômito, volte imediatamente à unidade de saúde. pode ser a forma grave das doenças. sintomas dengue zika chikungunya febre machas na pele dor nos músculos dor nas articulações edema (inchaço) das articulações conjuntivite dor de cabeça coceira acima de 38ºc, de 4 a 7 dias a partir do 4º dia (30%-50% dos casos) sem febre ou subfebril de até 38ºc, de 1 a 2 dias no 1º e 2º dias (90%-100% dos casos) febre alta, maior que 38ºc, de 2 a 3 dias de 2 a 5 dias (50% dos casos) frequente menos frequente menos frequente menos frequente e leve raro raro frequente e leve menos frequente, de leve a frequente, de leve intensidade presente em 50%- 90% dos casos de a frequente, de a frequente, de moderado a intenso presente em 30% dos casos leve ::: Este encarte é parte integrante do jornal DIARIO DE S.PAULO e não pode ser vendido separadamente. Todo seu conteúdo editorial é de total responsabilidade da Conteúdo Jornalismo - CNPJ / Encarte da edição do jornal de 18/12/2015. Produção Gráfica: Equipe de Operações Comerciais do jornal Diário de S.Paulo. Distribuição autorizada pelo artigo 26, 2 da Lei /2007. fadiga vômito diarreia Fonte: Ministério da Saúde

3 4 5

4 6 7 cara a cara com o inimigo saiba como reconhecer o mosquito aedes aegypti o que É boato e o que É verdade o alvo o aedes aegypti tem características bem particulares mede menos de 1 centímetro. tem cor café ou preta, com listras brancas no corpo e nas pernas. costuma picar principalmente nas primeiras horas da manhã e à tarde. voa baixo e, por isso, pica com mais frequência a região dos pés e tornozelos. a picada é quase indolor, pois sua saliva possui uma substância anestésica. foge do sol forte, mas pode picar na sombra, mesmo nos horários mais quentes do dia. a fêmea deposita seus ovos em diferentes locais e tipos de depósitos, o que propicia a dispersão dos focos do mosquito. vacina contra a dengue O Instituto Butantan, de São Paulo, já recebeu autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para iniciar a última fase de testes da vacina contra os quatro subtipos da dengue. A dose será aplicada em cerca de 17 mil pessoas. Esta fase deverá durar entre um semestre e um ano e meio, e só então as doses poderão ser produzidas em larga escala. O Hospital das Clínicas e a Santa Casa de São Paulo farão o recrutamento das pessoas que participarão do estudo. A eficácia da vacina pode chegar a 80% dos casos, mas não protege contra os vírus da zika vírus ou da chikungunya. mosquito mutante o mosquito aedes aegypti pode matar. por isso ele não pode nascer. este é o tema da campanha do ministério da saúde para este ano. o mosquito que transmite três doenças graves dengue, chikungunya e zika precisa ser combatido. mas ele não é um adversário fácil. segundo uma pesquisa recente do instituto butantan, unidade ligada à secretaria de estado da saúde de são paulo e um dos maiores centros de pesquisa biomédicas do mundo, o mosquito possui patrimônio genético muito variável, o que permite que se adapte facilmente a novos ambientes e temperaturas. entre outras coisas, o estudo demonstrou que o mosquito sofre até mesmo alterações no tamanho e no formato da asa em cada estação do ano, o que indica sua rápida variação evolutiva. o primo indesejado considerado vetor secundário do vírus da dengue, o aedes albopictus apresenta características morfológicas semelhantes e a mesma capacidade de proliferação do aedes aegypti. no entanto, ele é mais comumente encontrado em zonas rurais e, diferentemente do aedes aegypti, não tem preferência por sangue humano, alimentando-se também do sangue de outros animais, como cachorros, gatos e bois. a olho nu, é muito comum confundir as duas espécies, pois as duas têm patas rajadas. no entanto, um olhar mais atento ao tórax e à coloração dos mosquitos pode diferenciá-los. o aedes aegypti tem várias linhas no tórax, ao passo que o aedes albopictus apresenta uma única linha longitudinal. além disso, o aedes albopictus tem coloração mais escura. um jogo para matar aedes A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo criou o aplicativo SP x Dengue, que ajuda a população de forma simples e prática. Além de informações sobre o combate ao Aedes aegypti e sobre as doenças que ele transmite, o aplicativo conta com um jogo interativo cuja meta é exterminar o mosquito. O download gratuito para celular e tablet com sistema ios ou Android. informação É fundamental para a sociedade conseguir vencer o aedes, mas há muita boataria rolando nas redes sociais o aedes aegypti pode transmitir mais de uma doença ao mesmo tempo. Segundo estudos conduzidos pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), é possível que um mosquito transmita dengue e chikungunya ao mesmo tempo a um paciente. Ainda não há estudos, porém, que avaliem a possibilidade de o zika ser transmitido simultaneamente. o repelente deve ser usado de duas em duas horas. Muita atenção: esse tipo de produto deve ser usado de acordo com a recomendação contida em sua embalagem. Em excesso, os repelentes podem causar intoxicação. o mosquito da dengue não chega a andares altos. Quem mora em prédios altos deve ter a mesma preocupação de quem mora em casa. Os mosquitos podem chegar a andares altos pelo elevador ou até mesmo voando. não é possível tratar a dengue. Ainda não existe um antiviral específico contra o vírus da dengue, mas existe tratamento. Em caso de suspeita, a primeira atitude é procurar o serviço de saúde. O paciente deve ingerir muito líquido e fazer repouso, e não deve tomar nenhum remédio sem consultar o médico. usar repelente é garantido contra picadas. Quem não é alérgico pode usar o repelente que, assim como alho e complexo B, confunde o mosquito. Porém, mesmo com o repelente, não se está livre das picadas. as picadas só acontecem nas pernas. O mosquito prefere a região das pernas, mas, se elas estiverem cobertas, ele vai picar o braço ou qualquer outra área exposta do corpo. para matar os ovos do mosquito, basta secar os reservatórios de água. Os ovos do Aedes aegypti chegam a sobreviver 450 dias em ambiente seco. Por isso, além de retirar a água dos recipientes, é preciso lavá-los com sabão e bucha. comer alho e tomar vitaminas do complexo b ajuda a evitar a picada. Essas substâncias alteram o odor do suor, confundindo o mosquito, mas isso não é suficiente para evitar a picada. a preocupação com água parada deve existir apenas no verão e na época das chuvas. O mosquito se reproduz o ano todo. Além disso, os ovos conseguem sobreviver por mais de um ano em ambiente seco. ar-condicionado e ventilador combatem o mosquito. Com a temperatura e a umidade mais baixas, a capacidade do mosquito de encontrar sua vítima é inibida. Porém, o ar- -condicionado e o ventilador não matam o mosquito, que voltará assim que a temperatura subir novamente. misturar água sanitária na água ajuda a eliminar as larvas. A água sanitária é capaz de inibir a evolução das larvas do mosquito da dengue. A dose recomendada é: um copo (200mL) de água sanitária para cada 20 litros de água. Mas atenção: isso não garante a eliminação de todas as larvas. o vírus zika pode ser transmitido pelo leite materno. Especialistas indicam que é um risco em potencial, mas ainda faltam evidências científicas que o comprovem. A amamentação só deve ser interrompida por orientação médica. quem tem dengue pela segunda vez necessariamente desenvolve o tipo hemorrágico. O risco de desenvolver dengue hemorrágica é maior depois que já se teve a doença, mas nem sempre isso acontece. Inclusive, pessoas que nunca apresentaram os sintomas de dengue também podem desenvolver dengue hemorrágica. não é o vírus zika que causa microcefalia, mas sim a vacina contra rubéola. O Ministério da Saúde já confirmou a relação entre o vírus zika e o surto de microcefalia na região Nordeste. O Instituto Evandro Chagas, órgão do Ministério em Belém (PA), encaminhou o resultado de exames realizados em um bebê, nascido no Ceará, com microcefalia e outras malformações congênitas. Em amostras de sangue e tecidos, foi identificada a presença do vírus zika. fazer o teste não é fundamental. O diagnóstico preciso é importante, sim, mas do ponto de vista epidemiológico. Do ponto de vista clínico, o importante não é identificar de qual doença se trata, mas saber identificar os sinais de gravidade. No caso da zika, cujo teste ainda é muito dispendioso, os diagnósticos vêm sendo feitos principalmente a partir dos sintomas. chikungunya é a que mais debilita A cada dez pessoas picadas e infectadas com dengue, apenas duas desenvolvem os sintomas e ficam prostradas sem poder sair de casa. No caso da chikungunya, a cada dez pessoas picadas e infectadas, nove têm sintomas que debilitam. Segundo o Ministério da Saúde, os sintomas da zika se manifestam em apenas 18% dos casos de infecção. o zika provoca doenças neurológicas em crianças e idosos. A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) informou em nota que, até o momento, não há qualquer comprovação científica que ligue ocorrências de problemas neurológicos em crianças e idosos ao vírus zika. A nota foi divulgada nas redes sociais para desmentir mensagens que circulam em grupos de WhatsApp. quem está com dengue não pode tomar aspirina. Nenhum remédio à base de ácido acetilsalicílico, como Aspirina e AS, pode ser tomado em caso de suspeita de dengue. Esse composto pode favorecer o aparecimento de manifestações hemorrágicas. É possível pegar dengue mais de uma vez. Existem quatro sorotipos de vírus da dengue. Se uma mesma pessoa for picada por um mosquito que transmita o vírus de um tipo diferente do que ela já teve, poderá desenvolver a doença novamente, com risco até de uma forma mais grave. o vírus zika pode ser transmitido pelo sêmen. Até hoje, foram raros os casos documentados indicando que o zika pode ser transmitido pelo sexo. O vírus tem características biológicas parecidas com a dengue e com a febre amarela e, para essas doenças, transmissão sexual não tem relevância como alerta para saúde pública.

5 8 lição de casa para combater o aedes aegypti, É preciso eliminar a água parada ações Preencha os pratos de vasos de plantas com areia. Lave as laterais e as bordas dos vasos e dos pratos de planta com bucha, para remover possíveis ovos do mosquito. Nas plantas que acumulam água, como bromélias e espadas de São Jorge, ponha água só na terra. Vasos de plantas aquáticas também devem ser limpos com bucha e sabão, uma vez por semana. Uma vez por semana, retire a água da bandeja externa da geladeira e lave-a com escova e sabão. Bandejas de ar-condicionado limpas impedem o acúmulo de água. Bandejas de geladeira também podem se tornar criadouros para o mosquito, por isso é importante limpá-las. Ao menos uma vez por semana, lave com bucha e sabão os potes de água de animais domésticos, como cães e gatos. para eliminar a dengue, a chikungunya e a zika é preciso eliminar o mosquito aedes aegypti, cuja reprodução ocorre em qualquer lugar onde haja água parada, desde pratos de plantas até buracos em árvores. ou seja: é dificílimo combater o mosquito. a única saída efetiva é a sociedade se mobilizar e adotar medidas simples no dia a dia, cada um dentro da sua própria casa. Não deixe ralos entupidos. Pelo menos uma vez por semana, lave todos os ralos com sabão. Ralos limpos e com aplicação de tela evitam o surgimento de criadouros. Jogue tampinhas, garrafas, latinhas e embalagens plásticas no lixo; para guardar as recicláveis, seque bem e deixe fora da chuva. Guarde latas, baldes, potes e outros recipientes com a boca para baixo. Mantenha caixas d água fechadas, com tampas sem rachaduras ou cobertas com tela tipo mosquiteiro. Uma vez ao ano, no mínimo, lave as caixas d água com escova e sabão. cuidados adicionais há ainda medidas que não eliminam o mosquito, mas evitam a picada. confira: espirais ou vaporizadores elétricos devem ser usados. mosquiteiros devem ser usados principalmente nas casas com crianças, cobrindo as camas e outras áreas de repouso, tanto durante o dia quanto à noite. repelentes podem ser aplicados no corpo atenção para os que podem ser usados por crianças e idosos. telas usadas em portas e janelas são eficazes contra a entrada de mosquitos. Feche os ralos que não estiverem sendo usados. Não deixe acumular água embaixo de torneiras de bebedouros e filtros de água. Piscinas devem ser tratadas com cloro ou cobertas. Mantenha lagos, cascatas e espelhos d água sempre limpos. Uma boa ideia é criar neles peixes que se alimentem de larvas. Pneus devem ser furados ou guardados, secos, em locais cobertos. Deixe lonas, aquários, bacias e brinquedos protegidos da chuva. Entulhos ou sobras de obras devem ser cobertos, destinados ao lixo ou Operação Cata-Bagulho. Lixo acumulado também pode juntar água parada. Se a coleta não está sendo feita devidamente, procure o órgão responsável. Nunca jogue lixo em terrenos baldios. Não acumule materiais descartáveis. Se forem destinados à reciclagem, guarde-os em lugar coberto. Limpe as calhas com frequência, retirando folhas, galhos e tudo o que possa impedir a água de correr. Faça a manutenção das calhas, desamassando-as ou trocando-as sempre que necessário. o combate deve ser feito uma vez por semana a recomendação da fundação oswaldo cruz (fiocruz) é que os cuidados de limpeza sejam feitos uma vez por semana. isso porque o ciclo de vida do mosquito (do ovo até a fase adulta) leva cerca de sete a dez dias. o ovo do aedes aegypti é bem escuro e menor que um grão de areia, por isso é difícil enxergá-lo. ele é depositado pela fêmea do mosquito nas paredes dos criadouros, perto da superfície da água. a partir dos ovos, nascem as larvas, que vivem na água. por seu tamanho (algo como a cabeça de uma agulha de costura), dificilmente se vê onde estão. mas se a verificação e eliminação dos criadouros for realizada uma vez por semana, é possível interromper o ciclo e evitar o nascimento de novos mosquitos.

TODOS CONTRA O A PREVENÇÃO É A MELHOR SOLUÇÃO

TODOS CONTRA O A PREVENÇÃO É A MELHOR SOLUÇÃO TODOS CONTRA O MOSQUITO A PREVENÇÃO É A MELHOR SOLUÇÃO Sobre o Aedes aegypti O mosquito Aedes aegypti é o transmissor da Dengue, Chikungunya e e a infecção acontece após a pessoa receber uma picada do

Leia mais

Inimigo N 1 AGORA E TODO MUNDO CONTRA O MOSQUITO

Inimigo N 1 AGORA E TODO MUNDO CONTRA O MOSQUITO Inimigo N 1 o AGORA E TODO MUNDO CONTRA O MOSQUITO O mosquito esta muito mais perigoso A Bahia está em alerta com a epidemia de três doenças: Dengue, Chikungunya e Zika. Elas são transmitidas pela picada

Leia mais

Para impedir a propagação da dengue, você deve primeiramente impedir a reprodução de seu transmissor, o mosquito Aedes aegypti.

Para impedir a propagação da dengue, você deve primeiramente impedir a reprodução de seu transmissor, o mosquito Aedes aegypti. Cartilha de Dengue Para impedir a propagação da dengue, você deve primeiramente impedir a reprodução de seu transmissor, o mosquito Aedes aegypti. Conhecendo o ciclo biológico do mosquito O Aedes aegypti

Leia mais

Apresentação Mobilização no combate à dengue

Apresentação Mobilização no combate à dengue Apresentação Mobilização no combate à dengue Atualmente, a dengue é considerada um dos principais problemas de saúde pública do mundo. Com a temporada de chuvas, os riscos de surtos da doença ficam ainda

Leia mais

Apresentação. O que é Dengue Clássica?

Apresentação. O que é Dengue Clássica? Apresentação É no verão que acontecem as maiores epidemias de dengue devido ao alto volume de chuva. O Santa Casa Saúde, por meio do Programa Saúde Segura, está de olho no mosquito aedes aegypti e na sua

Leia mais

Somos os superexterminadores da dengue. missão é combater... ... e eliminar o mosquito. dessa doença. Junte-se ao batalhão de operações

Somos os superexterminadores da dengue. missão é combater... ... e eliminar o mosquito. dessa doença. Junte-se ao batalhão de operações 1 Somos os superexterminadores da dengue. Nossa missão é combater...... e eliminar o mosquito transmissor dessa doença. Junte-se ao batalhão de operações MATA-MOSQUITO. Saiba mais sobre a dengue e torne-se

Leia mais

PREFEITURA DE FLORIANÓPOLIS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE CENTRO DE CONTROLE DE ZOONOSES DENGUE

PREFEITURA DE FLORIANÓPOLIS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE CENTRO DE CONTROLE DE ZOONOSES DENGUE DENGUE O que é? A dengue é uma doença febril aguda, causada por vírus, transmitido pelo mosquito Aedes aegypti (Brasil e Américas) e Aedes albopictus (Ásia). Tem caráter epidêmico, ou seja, atinge um grande

Leia mais

Prevenção e controlo do mosquito. Aedes aegypti

Prevenção e controlo do mosquito. Aedes aegypti Prevenção e controlo do mosquito Aedes aegypti Aedes aegypti É um mosquito fácil de reconhecer por ser riscado de branco e preto. 2 Distribuição geográfica O mosquito terá tido origem no continente africano.

Leia mais

É MUITO GRAVE! COMBATER O MOSQUITO É DEVER DE TODOS!

É MUITO GRAVE! COMBATER O MOSQUITO É DEVER DE TODOS! Filiado a: Dengue, Chikungunya e Zika Vírus É MUITO GRAVE! COMBATER O MOSQUITO É DEVER DE TODOS! AEDES AEGYPTI Aedes Aegypti e Aedes Albopictus são as duas espécies de mosquito que podem transmitir Dengue,

Leia mais

Esta informação reflete o que era conhecido em abril de 2016. Veja o website da Hesperian em http://en.hesperian.org/hhg/zika para atualização.

Esta informação reflete o que era conhecido em abril de 2016. Veja o website da Hesperian em http://en.hesperian.org/hhg/zika para atualização. Esta informação reflete o que era conhecido em abril de 2016. Veja o website da Hesperian em http://en.hesperian.org/hhg/zika para atualização. O Vírus Zika O vírus Zika é transmitido por mosquitos de

Leia mais

Período de incubação nos seres humanos, varia de 3 a 15 dias, mais comum de 5 a 6 dias, isto significa que o paciente vai sentir os sintomas depois

Período de incubação nos seres humanos, varia de 3 a 15 dias, mais comum de 5 a 6 dias, isto significa que o paciente vai sentir os sintomas depois DENGUE DENGUE : DOENÇA QUE MATA DENGUE FORMAS CLÍNICAS DA DENGUE Assintomática Oligossintomática Dengue clássica Dengue grave Febre hemorrágica Dengue com Complicações transmissão Dengue é transmitida

Leia mais

Boa tarde! Sou Dr. Jose Verissimo Junior Assistente Clínico da Clínica Jorge Jaber

Boa tarde! Sou Dr. Jose Verissimo Junior Assistente Clínico da Clínica Jorge Jaber Boa tarde! Sou Dr. Jose Verissimo Junior Assistente Clínico da Clínica Jorge Jaber Sugiro começarmos desligando os celulares AEDES AEGYPTI DENGUE - nome de origem espanhola que significa manha- que caracteriza

Leia mais

DENGUE. PROIBIDO RETORNAR. XXXXXX

DENGUE. PROIBIDO RETORNAR. XXXXXX DENGUE. PROIBIDO RETORNAR. XXXXXX Elimine água empoçada nos pratos de plantas e pneus velhos. Não deixe latas vazias, garrafas, potes plásticos, tampinhas, lixo e entulho expostos à chuva. Com o esforço

Leia mais

FEBRE AMARELA: Informações Úteis

FEBRE AMARELA: Informações Úteis FEBRE AMARELA: Informações Úteis Quando aparecem os sintomas? Os sintomas da febre amarela, em geral, aparecem entre o terceiro e o sexto dia após a picada do mosquito. Quais os sintomas? Os sintomas são:

Leia mais

NÚCLEO DE TECNOLOGIA MUNICIPAL DE MARECHAL CANDIDO RONDON. Curso: Introdução à Educação Digital. Cursista: Kátia Janaína Frichs cotica

NÚCLEO DE TECNOLOGIA MUNICIPAL DE MARECHAL CANDIDO RONDON. Curso: Introdução à Educação Digital. Cursista: Kátia Janaína Frichs cotica NÚCLEO DE TECNOLOGIA MUNICIPAL DE MARECHAL CANDIDO RONDON Curso: Introdução à Educação Digital Cursista: Kátia Janaína Frichs cotica Fique de na Dengue! ATENÇÃO: A dengue é uma doença muito dolorosa, deixa

Leia mais

Plano de Ação do Agente Comunitário de Saúde para combate ao Aedes aegypti

Plano de Ação do Agente Comunitário de Saúde para combate ao Aedes aegypti SECRETÁRIA ESTADUAL DE SAÚDE DO RIO GRANDE DO SUL UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL Plano de Ação do Agente Comunitário de Saúde para combate ao Aedes aegypti Porto Alegre - RS 2016 SECRETÁRIA

Leia mais

DIVISÃO DE VIGILÂNCIA AMBIENTAL EM SAÚDE PROGRAMA ESTADUAL DE CONTROLE DA DENGUE

DIVISÃO DE VIGILÂNCIA AMBIENTAL EM SAÚDE PROGRAMA ESTADUAL DE CONTROLE DA DENGUE DIVISÃO DE VIGILÂNCIA AMBIENTAL EM SAÚDE PROGRAMA ESTADUAL DE CONTROLE DA DENGUE Área de dispersão do vetor Aedes aegypti Originário da África tropical e introduzido nas Américas durante a colonização

Leia mais

DENGUE e DENGUE HEMORRÁGICO

DENGUE e DENGUE HEMORRÁGICO DENGUE e DENGUE HEMORRÁGICO Prof. Dr. Rivaldo Venâncio da Cunha Dourados, 08 de fevereiro de 2007 O que é o dengue? O dengue é uma doença infecciosa causada por um vírus; Este vírus pode ser de quatro

Leia mais

Perguntas e Respostas sobre Chikungunya CARACTERÍSTICAS

Perguntas e Respostas sobre Chikungunya CARACTERÍSTICAS Perguntas e Respostas sobre Chikungunya CARACTERÍSTICAS O que é Chikungunya? É uma doença infecciosa febril, causada pelo vírus Chikungunya (CHIKV), que pode ser transmitida pelos mosquitos Aedes aegypti

Leia mais

SUMÁRIO. Informação: a maior aliada na prevenção...4. Cuidados para grávidas e mulheres em idade fértil...5

SUMÁRIO. Informação: a maior aliada na prevenção...4. Cuidados para grávidas e mulheres em idade fértil...5 2 SUMÁRIO Informação: a maior aliada na prevenção...4 Cuidados para grávidas e mulheres em idade fértil...5 Uso de repelentes como medida preventiva e cuidados para toda a população...9 Tipos de repelente...13

Leia mais

Dengue uma grande ameaça. Mudanças climáticas, chuvas e lixo fazem doença avançar.

Dengue uma grande ameaça. Mudanças climáticas, chuvas e lixo fazem doença avançar. Dengue uma grande ameaça. Mudanças climáticas, chuvas e lixo fazem doença avançar. O verão chega para agravar o pesadelo da dengue. As mortes pela doença aumentaram na estação passada e vem preocupando

Leia mais

MITOS X VERDADES SOBRE A DENGUE

MITOS X VERDADES SOBRE A DENGUE Uma boa alimentação garante imunidade à doença? Mito. Não há algum alimento específico contra a dengue. Porém, uma alimentação incluindo frutas e vegetais, torna o organismo da pessoa mais saudável e o

Leia mais

É uma doença infecciosa febril, causada pelo vírus Chikungunya (CHIKV), transmitido pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus.

É uma doença infecciosa febril, causada pelo vírus Chikungunya (CHIKV), transmitido pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus. Chikungunya O QUE É O que é Chikungunya? É uma doença infecciosa febril, causada pelo vírus Chikungunya (CHIKV), transmitido pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus. O que significa o nome? Significa

Leia mais

Se o mosquito da dengue pode matar, ele não pode nascer.

Se o mosquito da dengue pode matar, ele não pode nascer. Dezembro/2015 Se o mosquito da dengue pode matar, ele não pode nascer. Você sabia que o mosquito da dengue demora, em média, 7 dias para nascer? Além disso, ele está mais forte e também transmite duas

Leia mais

NOTA TECNICA SAÚDE-N. 26-2015. Título: CNM alerta municípios em áreas de risco do mosquito Aedes aegypti

NOTA TECNICA SAÚDE-N. 26-2015. Título: CNM alerta municípios em áreas de risco do mosquito Aedes aegypti NOTA TECNICA SAÚDE-N. 26-2015 Brasília, 01 de dezembro de 2015. Área: Área Técnica em Saúde Título: CNM alerta municípios em áreas de risco do mosquito Aedes aegypti Fonte: Dab/MS/SAS/CNS 1. Em comunicado

Leia mais

Plano de Contingência Contra a Dengue, Febre Chikungunya e Zika Vírus

Plano de Contingência Contra a Dengue, Febre Chikungunya e Zika Vírus 2016 Plano de Contingência Contra a Dengue, Febre Chikungunya e Zika Vírus Sumário 1 DENGUE... 2 2 FEBRE CHIKUNGUNYA... 4 3 ZIKA VÍRUS... 4 4 RESUMO SINTOMÁTICO... 5 5 MÉTODOS PREVENTIVOS... 6 6 ANEXO

Leia mais

INFORME SEMANAL DE DENGUE, ZIKA E CHIKUNGUNYA

INFORME SEMANAL DE DENGUE, ZIKA E CHIKUNGUNYA INFORME SEMANAL DE DENGUE, ZIKA E CHIKUNGUNYA Perguntas e respostas sobre a FEBRE CHIKUNGUNYA O que é Chikungunya? É uma doença infecciosa febril, causada pelo vírus Chikungunya (CHIKV), que pode ser transmitida

Leia mais

PROJETO DENGUE: VAMOS ACABAR COM ISSO-DIGA SIM A SAÚDE!

PROJETO DENGUE: VAMOS ACABAR COM ISSO-DIGA SIM A SAÚDE! 1 PROJETO DENGUE: VAMOS ACABAR COM ISSO-DIGA SIM A SAÚDE! JUSTIFICATIVA: O ano de 2015 começa com aumento dos casos de dengue, em relação a 2010. Tendo em vista a epidemia que assola muitas cidades do

Leia mais

SMSA divulga resultado do LIRAa de Outubro de 2015

SMSA divulga resultado do LIRAa de Outubro de 2015 SMSA divulga resultado do LIRAa de Outubro de 2015 O Levantamento do Índice Rápido do Aedes aegypti LIRAa, de outubro de 2015, demonstra que 0,6% dos imóveis pesquisados em Belo Horizonte conta com a presença

Leia mais

LOPPIANO ENGENHARIA LTDA. Rua dos Andradas, 107 - Centro 13300-170 - Itu SP Fone: (11) 4022-7415 DENGUE

LOPPIANO ENGENHARIA LTDA. Rua dos Andradas, 107 - Centro 13300-170 - Itu SP Fone: (11) 4022-7415 DENGUE DENGUE A palavra dengue tem origem espanhola e quer dizer "melindre", "manha". O nome faz referência ao estado de moleza e prostração em que fica a pessoa contaminada pelo arbovírus (abreviatura do inglês

Leia mais

Porto Alegre, 19 de agosto de 2015

Porto Alegre, 19 de agosto de 2015 Biologia e ecologia do mosquito vetor da dengue Porto Alegre, 19 de agosto de 2015 Biologia do vetor Aedes aegypti macho Aedes aegypti Aedes albopictus Mosquitos do gênero Aedes. Característica Aedes aegypti

Leia mais

Escola Municipal de Jacurutu PROJETO: DENGUE:

Escola Municipal de Jacurutu PROJETO: DENGUE: Escola Municipal de Jacurutu PROJETO: DENGUE: JUSTIFICATIVA: O ano de 2013 começa com aumento dos casos de dengue, em relação a 2012. Tendo em vista a epidemia que assola a cidade de salinas/municípios

Leia mais

Índice 3. Introdução 4. O que é Aedes aegypti? 5. Como o mosquito chegou até nós 6. Casos de dengue em Campinas 7. O que é o Chikungunya? 8.

Índice 3. Introdução 4. O que é Aedes aegypti? 5. Como o mosquito chegou até nós 6. Casos de dengue em Campinas 7. O que é o Chikungunya? 8. Índice 3. Introdução 4. O que é Aedes aegypti? 5. Como o mosquito chegou até nós 6. Casos de dengue em Campinas 7. O que é o Chikungunya? 8. O que é e como surgiu o zika vírus 9. Sintomas 10. Diferença

Leia mais

TODOS CONTRA A DENGUE

TODOS CONTRA A DENGUE TODOS CONTRA A DENGUE A dengue é uma doença infecciosa causada por um vírus da família Flaviridae e transmitida ao homem principalmente pelo mosquito Aedes aegypti. Essa doença afeta milhões de pessoas

Leia mais

Agora é guerra! Todos contra a dengue.

Agora é guerra! Todos contra a dengue. Agora é guerra! Todos contra a dengue. Sinal de alerta A dengue mata. Neste ano, em Minas Gerais, a doença já matou quase quatro vezes mais que no ano passado. 768 Municípios 20 Municípios Críticos 65

Leia mais

Aprenda a combater o mosquito e a identificar os sinais e sintomas PASSATEMPOS. l ACHEI l CAÇA-PALAVRA l DOMINOX. l JOGO DOS ERROS E OUTROS JOGOS

Aprenda a combater o mosquito e a identificar os sinais e sintomas PASSATEMPOS. l ACHEI l CAÇA-PALAVRA l DOMINOX. l JOGO DOS ERROS E OUTROS JOGOS a Dengue PASSATEMPOS Aprenda a combater o mosquito e a identificar os sinais e sintomas l ACHEI l CAÇA-PALAVRA l DOMINOX l JOGO DOS ERROS E OUTROS JOGOS Quando se trata da dengue, é preciso ficar atento

Leia mais

Paulo Skaf Presidente

Paulo Skaf Presidente Dengue, Chikungunya e Zika Vírus são doenças graves, que podem atingir qualquer pessoa. Mas, com cuidados simples, podemos evitá-las, preservando a saúde dos trabalhadores da indústria e seus familiares.

Leia mais

TODOS CONTRA A DENGUE

TODOS CONTRA A DENGUE Como se transmite? MOSQUITO SAUDÁVEL PESSOA INFECTADA MOSQUITO INFECTADO PESSOAS SAUDÁVEIS MAIS PESSOAS INFECTADAS A dengue é uma doença infecciosa causada por um vírus da família Flaviridae e transmitida

Leia mais

FAÇA A SUA PARTE. Um mosquito não é mais forte que um país inteiro!

FAÇA A SUA PARTE. Um mosquito não é mais forte que um país inteiro! FAÇA A SUA PARTE Um mosquito não é mais forte que um país inteiro! DENGUE O que é? A dengue é uma doença viral transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. No Brasil, foi identificada pela primeira vez em

Leia mais

Levantamento sobre a incidência de dengue e seu controle no município de. Centro de Ciências Biológicas e da Saúde CCBS

Levantamento sobre a incidência de dengue e seu controle no município de. Centro de Ciências Biológicas e da Saúde CCBS TÍTULO: LEVANTAMENTO SOBRE A INCIDÊNCIA DE DENGUE E SEU CONTROLE NO MUNICÍPIO DE CAMPINA GRANDE PB.AUTORES: Orientador: Prof. Dr. Teobaldo Gonzaga R. Pereira, Annelise Mota de Alencar Mat. 20112043 Tel.

Leia mais

O mosquito da dengue pode matar. E é ainda mais perigoso para gestantes. Proteja-se.

O mosquito da dengue pode matar. E é ainda mais perigoso para gestantes. Proteja-se. O mosquito da dengue pode matar. E é ainda mais perigoso para gestantes. Proteja-se. 2015 2 Mobilização contra a microcefalia O governo federal está mobilizado para enfrentar o aumento de casos de microcefalia

Leia mais

Mobilização contra a microcefalia

Mobilização contra a microcefalia Mobilização contra a microcefalia O governo federal está mobilizado para enfrentar o aumento de casos de microcefalia no país. Até novembro de 2015, mais de mil bebês nasceram com suspeita deste grave

Leia mais

Campanha contra Aedes aegypti

Campanha contra Aedes aegypti Campanha contra Aedes aegypti CONTRIBUIÇÕES DA DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA OBSERVAR locais ou objetos que podem ser criadouros do mosquito Aedes aegypti REALIZAR ações para evitar criadouros

Leia mais

Colorir. Vamos Cantar. Querido Amiguinho! Preste atenção! Pinte os espaços pontilhados e descubra o transmissor da dengue!

Colorir. Vamos Cantar. Querido Amiguinho! Preste atenção! Pinte os espaços pontilhados e descubra o transmissor da dengue! Olá, Querido Amiguinho! É com imensa alegria que preparamos esta revista para que você possa aprender mais sobre a Dengue e, assim, ajudar Limeira a combater esta doença. Colorir Pinte os espaços pontilhados

Leia mais

PROJETO DENGUE Colégio Santa Clara contra a dengue, apague esse mau

PROJETO DENGUE Colégio Santa Clara contra a dengue, apague esse mau COLÉGIO SANTA CLARA Pré-escola Autorizado por Portaria DRECAP-2 de 29/05/84 Ensino Fundamental Autorizado por Portaria DRECAP-2 de 13/02/85 Ensino Médio Autorizado por Portaria Diretoria de Ensino Região

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA PREFEITURA E DOS VIZINHOS NO COMBATE À DENGUE!

A IMPORTÂNCIA DA PREFEITURA E DOS VIZINHOS NO COMBATE À DENGUE! A IMPORTÂNCIA DA PREFEITURA E DOS VIZINHOS NO COMBATE À DENGUE! O mosquito da Dengue se prolifera em "em silêncio". Gosta de "sombra e água limpa". O melhor jeito de combatê-lo é eliminando os criadouros

Leia mais

Esta doença afeta mais de 100 milhões de pessoas por ano no mundo, e no Brasil é uma das que têm maior impacto na saúde pública.

Esta doença afeta mais de 100 milhões de pessoas por ano no mundo, e no Brasil é uma das que têm maior impacto na saúde pública. Introdução O Mosquito (Aedes aegypti) Ciclo Biológico do Mosquito Hábitos do vetor Formas de eliminação física e química do vetor Ações realizadas pela Prefeitura através da FMSRC (CCZ) e de outras Notificações

Leia mais

SENADO FEDERAL. Ciro com você, Por um Piauí sem Dengue Aprenda a combater a dengue. Senador Ciro Nogueira

SENADO FEDERAL. Ciro com você, Por um Piauí sem Dengue Aprenda a combater a dengue. Senador Ciro Nogueira SENADO FEDERAL Ciro com você, Por um Piauí sem Dengue Aprenda a combater a dengue Senador Ciro Nogueira 2011 Amigo e Amiga, A dengue é uma doença grave e tem atingido muitas pessoas no Brasil, principalmente

Leia mais

REDAÇÃO Um país doente: dengue, zica e Chikungunya

REDAÇÃO Um país doente: dengue, zica e Chikungunya REDAÇÃO Um país doente: dengue, zica e Chikungunya INSTRUÇÃO A partir da leitura dos textos motivadores seguintes e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo

Leia mais

Ministério da Saúde esclarece as principais dúvidas sobre a doença e apresenta recomendações para viajantes internacionais.

Ministério da Saúde esclarece as principais dúvidas sobre a doença e apresenta recomendações para viajantes internacionais. Ministério da Saúde esclarece as principais dúvidas sobre a doença e apresenta recomendações para viajantes internacionais. Fonte: Agência Fiocruz 1. Há casos de influenza A (H1N1) no Brasil? Não. Até

Leia mais

NOTA TÉCNICA MICROCEFALIA RELACIONADA AO ZIKA VIRUS

NOTA TÉCNICA MICROCEFALIA RELACIONADA AO ZIKA VIRUS NOTA TÉCNICA MICROCEFALIA RELACIONADA AO ZIKA VIRUS MICROCEFALIA A microcefalia é uma malformação congênita em que o cérebro não se desenvolve de maneira adequada. É caracterizada por um perímetro cefálico

Leia mais

Influenza A (H1N1): Perguntas e Respostas

Influenza A (H1N1): Perguntas e Respostas Influenza A (H1N1): Perguntas e Respostas Para entender a influenza: perguntas e respostas A comunicação tem espaço fundamental na luta contra qualquer doença. Um exemplo é o caso do enfrentamento da influenza

Leia mais

Secretaria de Estado da Saúde

Secretaria de Estado da Saúde Aedes aegypti ovos larvas pupas Inseto adulto Aedes aegypti É o mosquito que transmite Dengue Leva em média 7 dias de ovo a adulto; Tem hábitos diurnos; Vive dentro ou próximo de habitações humanas; A

Leia mais

Prevenção e conscientização é a solução. Ciências e Biologia

Prevenção e conscientização é a solução. Ciências e Biologia Prevenção e conscientização é a solução Ciências e Biologia Dengue Transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença viral que se espalha rapidamente no mundo. A palavra dengue tem origem

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Secretaria da Saúde do Estado da Bahia Superintendência de Vigilância e Proteção da Saúde

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Secretaria da Saúde do Estado da Bahia Superintendência de Vigilância e Proteção da Saúde GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Secretaria da Saúde do Estado da Bahia Superintendência de Vigilância e Proteção da Saúde NOTA TÉCNICA Nº 03/2015 DIVEP/LACEN/SUVISA/SESAB Assunto: Casos de ZIKA Vírus e de Doença

Leia mais

Material Complementar. Tema: Discutindo a Dengue

Material Complementar. Tema: Discutindo a Dengue Material Complementar Tema: Discutindo a Dengue Setor de Educação de Jovens e Adultos Objetivos: o Compreender o ciclo evolutivo da Dengue. o Reconhecer diferentes formas de desenvolvimento dos organismos.

Leia mais

Somos a Patrulha da dengue. Recebemos a missão de combater e eliminar o mosquito transmissor dessa doença. Junte-se a nossa equipe de operações

Somos a Patrulha da dengue. Recebemos a missão de combater e eliminar o mosquito transmissor dessa doença. Junte-se a nossa equipe de operações Educação, para ter excelência e qualidade, não pode ficar limitada ao ensino em sala de aula. Precisamos sair, olhar, captar, sentir e absorver o que acontece no mundo, buscando e expressando necessidades

Leia mais

[175] a. CONSIDERAÇÕES GERAIS DE AVALIAÇÃO. Parte III P R O T O C O L O S D E D O E N Ç A S I N F E C C I O S A S

[175] a. CONSIDERAÇÕES GERAIS DE AVALIAÇÃO. Parte III P R O T O C O L O S D E D O E N Ç A S I N F E C C I O S A S [175] Geralmente ocorre leucocitose com neutrofilia. A urina contém bile, proteína hemácias e cilindros. Ocorre elevação de CK que não é comum em pacientes com hepatite. Oligúria é comum e pode ocorrer

Leia mais

O Mosquito Aedes aegypti

O Mosquito Aedes aegypti O Mosquito Aedes aegypti MOSQUITO A origem do Aedes aegypti, inseto transmissor da doença ao homem, é africana. Na verdade, quem contamina é a fêmea, pois o macho apenas se alimenta de carboidratos extraídos

Leia mais

Informe sobre a gripe causada pelo novo vírus Influenza A/H1N1

Informe sobre a gripe causada pelo novo vírus Influenza A/H1N1 Informe sobre a gripe causada pelo novo vírus Influenza A/H1N1 DOCUMENTO PARA O PÚBLICO EM GERAL Coordenação: Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) Associação Médica Brasileira (AMB) Apoio e participação:

Leia mais

15APOSTILA PERCEPÇÃO DE RISCOS E DENGUE

15APOSTILA PERCEPÇÃO DE RISCOS E DENGUE 15APOSTILA PERCEPÇÃO DE RISCOS E DENGUE Caros Colegas, Apresentamos a XV apostila das nossas Olimpíadas da Segurança, cujos temas, são a Percepção de Risco e a Dengue. A Percepção de Risco faz parte do

Leia mais

Gripe Proteja-se! Faça Chuva ou faça Sol, vacine-se a partir de Outubro e até ao final do Inverno. Consulte o seu médico

Gripe Proteja-se! Faça Chuva ou faça Sol, vacine-se a partir de Outubro e até ao final do Inverno. Consulte o seu médico Gripe Proteja-se! Faça Chuva ou faça Sol, vacine-se a partir de Outubro e até ao final do Inverno. Consulte o seu médico Gripe Perguntas Frequentes Perguntas frequentes sobre a gripe sazonal O que é a

Leia mais

Moradores denunciam demora no combate à dengue no ABC

Moradores denunciam demora no combate à dengue no ABC 1 de 5 Moradores denunciam demora no combate à dengue no ABC Maria Teresa Orlandi Apesar do risco iminente de uma epidemia de dengue chegar à região, as prefeituras têm demorado para detectar e extirpar

Leia mais

Criança feliz, feliz a cantar Sabe que a saúde deve cuidar Não deixa jogadas latas, garrafas, Não quer ver mosquito lhe infectar.

Criança feliz, feliz a cantar Sabe que a saúde deve cuidar Não deixa jogadas latas, garrafas, Não quer ver mosquito lhe infectar. Jardim III - cartaz CRIANÇA FELIZ FELIZ, FELIZ A CANTAR SABE QUE A DEVE CUIDAR. NÂO DEIXA JOGADAS, NÃO QUER VER LHE INFECTAR. Criança feliz, feliz a cantar Sabe que a saúde deve cuidar Não deixa jogadas

Leia mais

Inseticidas aliados contra a dengue

Inseticidas aliados contra a dengue Inseticidas aliados contra a dengue Alguns dos produtos testados deixaram a desejar na eliminação de baratas e moscas. A boa notícia é que todos eles tiveram ótimo desempenho contra o mosquito Aedes aegypti.

Leia mais

Guia de perguntas e respostas a respeito do vírus Zika

Guia de perguntas e respostas a respeito do vírus Zika Guia de perguntas e respostas a respeito do vírus Zika - O que é o vírus Zika? O vírus Zika é um arbovírus (grande família de vírus), transmitido pela picada do mesmo vetor da dengue e da chikungunya,

Leia mais

VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA DA DENGUE, CHIKUNGUNYA E ZIKA

VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA DA DENGUE, CHIKUNGUNYA E ZIKA Prefeitura Municipal de PORTO ALEGRE Secretaria Municipal de Saúde Coordenadoria Geral de Vigilância em Saúde / CGVS Equipe de Vigilância das Doenças Transmissíveis VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA DA DENGUE,

Leia mais

Taxa de incidência da dengue, Brasil e regiões, 1998-2001

Taxa de incidência da dengue, Brasil e regiões, 1998-2001 1 reintrodução da dengue no Brasil em 1986 pelo Estado do Rio de Janeiro um sério problema de Saúde Pública, com 8 epidemias associadas aos sorotipos 1, 2 e 3 taxas de incidência: novo aumento a partir

Leia mais

CARTILHA ELETRÔNICA INFLUENZA A (H1N1) INFORMAÇÃO E PREVENÇÃO PARA AS ESCOLAS

CARTILHA ELETRÔNICA INFLUENZA A (H1N1) INFORMAÇÃO E PREVENÇÃO PARA AS ESCOLAS CARTILHA ELETRÔNICA INFLUENZA A (H1N1) INFORMAÇÃO E PREVENÇÃO PARA AS ESCOLAS ORIENTAÇÃO AOS PEDAGOGOS Todas as informações constantes nesta cartilha devem ser levadas ao conhecimento de todos os alunos,

Leia mais

Cartilha. Doenças e Complicações. de Verão. Queimaduras solares. Desconforto. Micoses. Coceira. Desidratação. Fungos. Infecções. Ardência. Manchas.

Cartilha. Doenças e Complicações. de Verão. Queimaduras solares. Desconforto. Micoses. Coceira. Desidratação. Fungos. Infecções. Ardência. Manchas. Cartilha Doenças e Complicações de Verão Queimaduras solares. Desconforto. Micoses. Coceira. Desidratação. Fungos. Infecções. Ardência. Manchas. Devido às condições climáticas, diversas são as doenças

Leia mais

CONFIRA DICAS PARA ENFRENTAR O ALTO ÍNDICE ULTRAVIOLETA

CONFIRA DICAS PARA ENFRENTAR O ALTO ÍNDICE ULTRAVIOLETA PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE Edifício Durval Silva, QD. 103 Sul, Rua SO-07, LT. 03, Centro CEP 77.016-010 Telefone: (63) 3218-5210 / E-mail: cievspalmas@gmail.com VIGILÂNCIA

Leia mais

Polo EAD de Nova Friburgo

Polo EAD de Nova Friburgo Polo EAD de Nova Friburgo CEDERJ UAB Aplicações da Biotecnologia no combate a dengue No sábado 14 de maio, a equipe da disciplina Tópicos em Biotecnologia, do curso de Licenciatura em Ciências Biológicas,

Leia mais

Doenças transmitidas pelo Aedes Aegypti

Doenças transmitidas pelo Aedes Aegypti Doenças transmitidas pelo Aedes Aegypti Dengue O que é a Dengue? A dengue é uma doença viral transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. No Brasil, foi identificada pela primeira vez em 1986. Estima-se que

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE. vírus ZIKA. Informações ao Público

MINISTÉRIO DA SAÚDE. vírus ZIKA. Informações ao Público MINISTÉRIO DA SAÚDE vírus ZIKA Informações ao Público Brasília DF 2016 PÚBLICO EM GERAL Prevenção/Proteção Se o mosquito pode matar, ele não pode nascer. Mantenha-se vigilante quanto à limpeza da sua casa,

Leia mais

VACINE-SE A PARTIR DE 1 DE OUTUBRO CONSULTE O SEU MÉDICO

VACINE-SE A PARTIR DE 1 DE OUTUBRO CONSULTE O SEU MÉDICO VACINE-SE A PARTIR DE 1 DE OUTUBRO CONSULTE O SEU MÉDICO Perguntas frequentes sobre a gripe sazonal O que é a gripe? É uma doença infecciosa aguda das vias respiratórias, causada pelo vírus da gripe. Em

Leia mais

Vigilância em Saúde Ambiental

Vigilância em Saúde Ambiental Vigilância em Saúde Ambiental Informações em Saúde ROEDORES (Rodentia): - Gestão inadequada dos resíduos; - Maus hábitos de higiene; - Descuidos com o armazenamento de alimentos; - Facilidade de acesso

Leia mais

PROVA FORMAÇÃO DE AGENTE DE COMBATE A ENDEMIAS Prefeitura Municipal de Ouro Preto 1- Assinale a alternativa que define o que é epidemiologia.

PROVA FORMAÇÃO DE AGENTE DE COMBATE A ENDEMIAS Prefeitura Municipal de Ouro Preto 1- Assinale a alternativa que define o que é epidemiologia. 1- Assinale a alternativa que define o que é epidemiologia. a) Estudo de saúde da população humana e o inter relacionamento com a saúde animal; b) Estudo de saúde em grupos de pacientes hospitalizados;

Leia mais

Cartilha de Mobilização Social nas Organizações

Cartilha de Mobilização Social nas Organizações Cartilha de Mobilização Social nas Organizações Contatos: GT FAD/SESAB: Elisabeth França (71) 3115-4217 Akemi Chastinet (71) 3116-0029 João Emanuel Araujo (71) 3116-0024 Agnaldo Orrico (71) 3116-0024 Zilda

Leia mais

Passos para se proteger do Ébola enquanto aguarda por assistência Documento para a Guiné-Bissau

Passos para se proteger do Ébola enquanto aguarda por assistência Documento para a Guiné-Bissau Passos para se proteger do Ébola enquanto aguarda por assistência Documento para a Guiné-Bissau 1 Lembre-se de três coisas Não tocar Isole a pessoa doente Ligue para a linha de apoio 2 Se pensa que alguém

Leia mais

Ocorrências de casos humanos de influenza suína no México e EUA Informe do dia 26.04.09, às 13h

Ocorrências de casos humanos de influenza suína no México e EUA Informe do dia 26.04.09, às 13h Ministério da Saúde Gabinete Permanente de Emergências em Saúde Pública ALERTA DE EMERGÊNCIA DE SAÚDE PÚBLICA DE IMPORTÂNCIA INTERNACIONAL Ocorrências de casos humanos de influenza suína no México e EUA

Leia mais

1. O que é leptospirose? É uma doença infecciosa causada por uma bactéria chamada Leptospira presente na urina do rato.

1. O que é leptospirose? É uma doença infecciosa causada por uma bactéria chamada Leptospira presente na urina do rato. LEPTOSPIROSE - O que saber e o que fazer 1. O que é leptospirose? É uma doença infecciosa causada por uma bactéria chamada Leptospira presente na urina do rato. 2. Como se pega a leptospirose? Em situações

Leia mais

Mosquito da dengue invade bairros nobres da cidade e infestação chega a 20%

Mosquito da dengue invade bairros nobres da cidade e infestação chega a 20% Mosquito da dengue invade bairros nobres da cidade e infestação chega a 20% Volta e meia, o mosquito da dengue dá provas de que pode aparecer em qualquer lugar. E é qualquer mesmo. Na capital baiana, alguns

Leia mais

Muitas pessoas não sabem diferir um Aedes aegypti de outros insetos, como o pernilongo, outros mosquitos, etc.

Muitas pessoas não sabem diferir um Aedes aegypti de outros insetos, como o pernilongo, outros mosquitos, etc. O Aedes aegypti é o mosquito transmissor da Dengue. Mede menos de 1 centímetro, tem uma cor preta e possui listras brancas ao longo do corpo e das pernas e costuma picar nas primeiras horas do dia e nas

Leia mais

Informações aos Pais sobre a Gripe nas Creches

Informações aos Pais sobre a Gripe nas Creches The Commonwealth of Massachusetts Executive Office of Health and Human Services Department of Public Health Informações aos Pais sobre a Gripe nas Creches 18 de setembro, 2009 A gripe H1N1 (suína) voltará

Leia mais

1.2 RECOMENDAÇÕES PARA O CONTROLE MECÂNICO E ALTERNATIVO (PRODUTOS CASEIROS) E CONCEITO DE RECIPIENTE EXISTENTE ESPECIFICADO PARA CADA TIPO.

1.2 RECOMENDAÇÕES PARA O CONTROLE MECÂNICO E ALTERNATIVO (PRODUTOS CASEIROS) E CONCEITO DE RECIPIENTE EXISTENTE ESPECIFICADO PARA CADA TIPO. 1.2 RECOMENDAÇÕES PARA O CONTROLE MECÂNICO E ALTERNATIVO (PRODUTOS CASEIROS) E CONCEITO DE RECIPIENTE EXISTENTE ESPECIFICADO PARA CADA TIPO. Recipiente existente: Considera-se recipiente existente, todo

Leia mais

Sintetizando: É errado dizer que o dengue 2 é o hemorrágico. Só há relação de causa e efeito em alguns casos, quando a pessoa já teve Dengue I.

Sintetizando: É errado dizer que o dengue 2 é o hemorrágico. Só há relação de causa e efeito em alguns casos, quando a pessoa já teve Dengue I. 1-Dengue clássico O nome Dengue Clássico se refere à infecção provocada, na pessoa, por qualquer um dos quatro tipos de dengue. Já o dengue hemorrágico é uma síndrome - ou seja, um estado mórbido caracterizado

Leia mais

Diretoria de Vigilância Epidemiológica FEBRE DO CHIKUNGUNYA NOTA TÉCNICA 01/2014

Diretoria de Vigilância Epidemiológica FEBRE DO CHIKUNGUNYA NOTA TÉCNICA 01/2014 FEBRE DO CHIKUNGUNYA NOTA TÉCNICA 01/2014 Assunto: Informações e procedimentos para a vigilância da Febre do Chikungunya na Bahia. I. A Febre do Chikungunya é uma doença causada por um vírus do gênero

Leia mais

ESSE MATERIAL FOI CRIADO E DESENVOLVIDO POR

ESSE MATERIAL FOI CRIADO E DESENVOLVIDO POR ESSE MATERIAL FOI CRIADO E DESENVOLVIDO POR Consultoria especializada Denise Sztajnbok (FCM/UERJ) Marcos Lago (FCM/UERJ) Isabel Rey Madeira (FCM/UERJ) Alunas de Iniciação Científica Jr. Carolina Carvalho

Leia mais

Gincana Estudantil Unidos contra a Dengue

Gincana Estudantil Unidos contra a Dengue Gincana Estudantil Unidos contra a Dengue CAPITULO l - DA FINALIDADE Art. 1. A única forma de enfrentar a dengue é combater o seu vetor, o mosquito Aedes aegypti. A finalidade da Gincana Estudantil Unidos

Leia mais

www.cpsol.com.br TEMA 003 CONHEÇA E PREVINA AS DOENÇAS DO INVERNO

www.cpsol.com.br TEMA 003 CONHEÇA E PREVINA AS DOENÇAS DO INVERNO TEMA 003 CONHEÇA E PREVINA AS DOENÇAS DO INVERNO 1/8 O inverno chegou e junto com ele maiores problemas com as doenças respiratórias entre outras Isso não ocorre por acaso já que pé nesta estação onde

Leia mais

Ser humano e saúde / vida e ambiente. Voltadas para procedimentos e atitudes. Voltadas para os conteúdos

Ser humano e saúde / vida e ambiente. Voltadas para procedimentos e atitudes. Voltadas para os conteúdos Atividade de Aprendizagem 10 Dengue: aqui não! Eixo(s) temático(s) Ser humano e saúde / vida e ambiente Tema Água e vida / reprodução e ocupação de novos ambientes / saúde individual e coletiva Conteúdos

Leia mais

L E P T O S P I R O S E

L E P T O S P I R O S E L E P T O S P I R O S E Elaborado por: Francisco Pinheiro Moura Médico Veterinário E-mail: bergson.moura@saude.ce.gov.br bergson.moura@live.com Definição Leptospirose é uma doença infecciosa que causa

Leia mais

ZIKA VÍRUS INFORMAÇÕES SOBRE A DOENÇA

ZIKA VÍRUS INFORMAÇÕES SOBRE A DOENÇA ZIKA VÍRUS INFORMAÇÕES SOBRE A DOENÇA E INVESTIGAÇÃO DE SÍNDROME EXANTEMÁTICA NO NORDESTE Wanderson Kleber de Oliveira Coordenação Geral de Vigilância e Resposta às Emergências de Saúde Pública Departamento

Leia mais

E. E. DR. JOÃO PONCE DE ARRUDA DENGUE: RESPONSABILIDADE DE TODOS RIBAS DO RIO PARDO/MS

E. E. DR. JOÃO PONCE DE ARRUDA DENGUE: RESPONSABILIDADE DE TODOS RIBAS DO RIO PARDO/MS E. E. DR. JOÃO PONCE DE ARRUDA DENGUE: RESPONSABILIDADE DE TODOS RIBAS DO RIO PARDO/MS MAIO/2015 E. E. DR. JOÃO PONCE DE ARRUDA E.E. DR. João Ponce de Arruda Rua: Conceição do Rio Pardo, Nº: 1997 Centro.

Leia mais

Podem ser portadores e formar uma rede de transmissão. Não, porque contêm químicos e está clorada.

Podem ser portadores e formar uma rede de transmissão. Não, porque contêm químicos e está clorada. Influenza A H1N1 /GRIPE SUÍNA PERGUNTAS E RESPOSTAS: PERGUNTA 1. Quanto tempo o vírus da gripe suína permanece vivo numa maçaneta ou superfície lisa? 2. O álcool em gel é útil para limpar as mãos? 3. Qual

Leia mais