PIBID DE FÍSICA MODALIDADE EAD- FUNCIONAMENTO, DESAFIOS E PERSPECTIVAS Patricia Martins Guarda Regina Lelis de Sousa

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PIBID DE FÍSICA MODALIDADE EAD- FUNCIONAMENTO, DESAFIOS E PERSPECTIVAS Patricia Martins Guarda Regina Lelis de Sousa"

Transcrição

1 PIBID DE FÍSICA MODALIDADE EAD- FUNCIONAMENTO, DESAFIOS E PERSPECTIVAS Patricia Martins Guarda Regina Lelis de Sousa Resumo Este trabalho consiste no relato de experiência de coordenadores de área do Programa Institucional de Iniciação à Docencia (PIBID), vinculado ao Curso de Licenciatura em Física ministrado na modalidade Educação à Distância (EAD) na Universidade Federal do Tocantins (UFT). O projeto institucional contempla 11 diferentes áreas do conhecimento, distribuídos em 6 campi da universidade. Há 23 subprojetos PIBID na instituição, e deste total apenas 3 estão vinculados aos cursos EAD. O subprojeto PIBID Física/EAD está em fase inicial e atualmente conta com 22 bolsistas de iniciação à docência e 4 supervisores distribuídos em 4 polos do curso, que distam respectivamente 234, 506 e 612 km de Palmas, a capital do estado e onde tem-se um dos polos. Os supervisores e bolsistas PIBID estão atuando em 4 escolas púbicas de educação, situadas nos municípios onde se localizam estes polos. Dentre as ações previstas neste subprojeto, está a qualificação do licenciando e integração ensino superior- educação básica e ainda a elaboração de material didático de caráter experimental envolvendo materiais de uso cotidiano e voltada à realidade de cada localidade. Nestes primeiros meses de trabalho, foram realizados alguns encontros presenciais semanais entre pibidianos e seus supervisores no ambiente escolar de cada polo, mas a maioria dos encontros entre coordenadores de área, alunos e supervisores deu-se de forma EAD, com utilização de meios virtuais e com discussões e atividades através da plataforma Moodle. A inserção dos licenciandos no ambiente escolar e no cotidiano da escola iniciou-se com um processo de conhecimento da escola, seu PPP (Projeto Político Pedagógico) e da realidade da comunidade escolar. Atualmente, os estudante estão coletando dados sobre o perfil dos professores e estudantes para apresentarem um panorama da educação em Física nestas escolas situadas em pontos diferentes do Estado e com realidades muito diferentes. Este perfil será obtido a partir de dados coletados com questionários, assim como a partir de relatos das experiências dos pibidianos. Apesar da metodologia utilizada nesta nova forma de trabalho ainda estar em construção, o projeto esta alcançando suas metas e cumprindo seus objetivos.

2 2 INTRODUÇÃO O Programa Institucional de Iniciação a Docência (PIBID) foi criado em 2008 pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), Diretoria de Educação Básica Presencial (DEB), visando o aperfeiçoamento e a valorização da formação dos professores. O PIBID na Universidade Federal do Tocantins (UFT) existe desde 2010 segundo Edital nº02/2009 da CAPES, o projeto institucional do Edital nº 61/2013 em vigência conta com 23 subprojetos, distribuídos em 11 áreas do conhecimento. Destes 23 subprojetos 20 são de cursos presenciais e 3 em cursos a distâncias (1 de Física Polo UAB (Universidade Aberta do Brasil) Palmas, 01 de Química Polo UAB Gurupi e 01 de Química Polo UAB Porto Nacional). A UFT é uma universidade multi campi e estes projetos estão presentes em 6 campi desta instituição, estando assim distribuídos os cursos presenciais : Palmas (Pedagogia e Teatro), Araguaína (Biologia, Física, Geografia, Letras Português, História, Matemática, Química), Tocantinópolis (Ciências Sociais e Pedagogia), Porto Nacional (Biologia, História, Letras Português), Arraias (Interdisciplinar, Matemática, Pedagogia) e Miracema (Pedagogia) segundo dados da Instituição. Ao todo são 366 bolsas de iniciação a docência com 54 supervisores, 34 coordenadores de área, 02 coordenadores de gestão de Processos educacionais e 01 coordenador institucional. O PIBID de física modalidade de Educação à distância (EAD), foi criado em março de 2014 e conta hoje com 22 bolsistas de iniciação à docência, 04 de supervisores e 02 coordenadores de área e atua em 4 escolas Estaduais de Ensino Médio. O Art 1º do Decreto Nº5.622, de 19/12/05, caracteriza a EAD como modalidade educacional na qual a mediação didático-pedagógica nos processos de ensino e aprendizagem ocorre com a utilização de meios e tecnologias de informação e comunicação, com estudantes e professores desenvolvendo atividades educativas em lugares ou tempos diversos (BRASIL, 2005) Para Carvalho (2013) a EAD e o PIBID tem o mesmo objetivo que é de desenvolver novos métodos de ensino, e estes métodos devem contribuir para o enriquecimento do processo ensino-aprendizagem da formação docente. O subprojeto do PIBID Física /EAD da UFT Edital nº061/2013 tem como principais objetivos a qualificação do licenciando e integração ensino superior-educação

3 3 básica e ainda a elaboração de material didático de caráter experimental envolvendo materiais de uso cotidiano e voltada a realidade de cada escola onde atua. Embora no texto institucional os objetivos do projeto sejam os apresentados e descritos acima, acredita-se que o trabalho tenha também a função do PIBID apresentado por Carvalho (2013), onde: O PIBID tem o objetivo de incentivar a formação de professores e a incersão dos licenciando nas escolas públicas, a fim de que estes tenham contato com a prática escolar desde o início do curso, desenvolvendo atividades didáticopedagógicas sob orientação de um Coordenador de área [...] Logo o Programa é a possibilidade de encontro do aluno com a prática docente. (CARVALHO, 2013, p. 4) Pimenta (1997) também definiu bem outro objetivo do PIBID, entendido como muito importante no nosso projeto, quando ressalta este programa como forma de melhorar a qualidades das ações de formação docente, ao relacionar teoria e prática durante toda a formação acadêmica, não se restringindo ao final do curso. O autor ainda ressalta e experiência do PIBID como uma experiência da prática indispensável no processo de formação do aluno futuro professor alem de possibilitar a aproximação da escola com a Universidades que contribuiu para a melhoria da qualidade do ensino. O projeto esta presente em 04 escolas que estão localizadas em 04 municípios diferentes do estado do Tocantins sendo eles: Palmas, Gurupi, Ananás e Araguatins, onde também estão localizados os 04 polos do curso a distância. Os municípios de atuação do PIBID ficam distantes de Palmas, a capital do estado do Tocantins, localizada na região central, e que é um dos Polos do curso, o município de Gurupi fica a 234 Km de Palmas ao sul do Estado, o de Ananas 506 km e o de Araguatins ao 612km de Palmas, ambos ao norte do Estado. Em cada uma das escolas temos um professor supervisor e temos também em cada uma delas 5 alunos bolsistas, totalizando 20 alunos, já que dois desistiram do projeto e estas vagas estão para serem preenchidas. As escolas de atuação do PIBID de Física/ EAD são: Centro de Ensino Médio Castro Alves, Palmas, TO Centro de Ensino Médio Bom Jesus, Gurupi, TO Centro de Ensino Médio Cabo Aparecido Araujo Paz, Ananás, TO Centro de Ensino Médio Antonina Milhomem, Araguatins, TO

4 4 O projeto é coordenado por duas professoras, uma lotada no campus de Palmas da UFT, onde se encontra um dos 4 polos do curso de Física /EAD e que fica responsável mais diretamente pelos alunos, supervisores e escolas de Palmas e de Gurupi a 234 km da coordenação. A outra coordenadora esta lotada com campus da UFT em Araguaína a 400km da capital ao Norte e que não possui polo Física/EAD, esta coordenadora trabalha mais diretamente com alunos, supervisores e escolas de Ananás e Araguatins, que distam desta coordenação 131 e 246 Km respectivamente. A distância geográfica é um fator limitante do trabalho porém não chega a ser prejudicial. A dinâmica das atividades ocorre principalmente via ambientes virtuais (webconfereâncias, , moodle, fórum de discussões) e a reuniões presenciais ocorrem bimestralmente. Os alunos bolsistas se reúnem nas escolas 8 horas semanais com os supervisores e nos ambientes virtuais 4 horas semanais com os coordenadores. Segundo Almeida (2001) na forma EAD o ensinar consiste em organizar situações de aprendizagem, faz-se necessário planejar e propor atividades que identifiquem as representações do pensamento do aluno é necessário que o professor atue como mediador e orientador, fornecendo informações relevantes e incentivando a busca por fontes distintas de informações, provocando reflexões sobre processos, produtos, propiciando a interaprendizagem e a aprendizagem significativa do aluno. Em Garcia (2003) e Reali (2010), podemos verificar que os alunos EAD se apropriam de forma diferente do conhecimento em comparação com o aluno presencial, e tanto para os alunos e supervisores, quanto para os coordenadores do projeto, essa tem sido uma prática desafiadora. Essas novas experiências formativas estão ainda em fase de construção e aperfeiçoamento no nosso PIBID Física/ EAD. Entendemos o projeto PIBID Física/EAD como Almeida (2001), como um ambiente onde: Aprender é planejar; desenvolver ações; receber, selecionar e enviar informações; estabelecer conexões; refletir sobre o processo em desenvolvimento em conjunto com pares; desenvolver a interaprendizagem, a competência de resolver problemas em grupo e a automonia em relação à busca, ao fazer e compreender. (ALMEIDA 2001, p.2) A inserção do PIBID Física EAD/UFT nos municípios de Ananás e Araguatins com seus polos, onde não há a presença física da UFT e cursos presenciais de física a nível de graduação representa um grande avanço político e pedagógico que possibilita auxiliar escolas, professores e alunos de Ensino Médio no processo de construção do

5 5 conhecimento. Essa parceria antes impossível agora com o PIBID serve como alento para essas escolas carentes não somente de infraestrutura quanto de projetos visando a melhoria da qualidade do processo ensino aprendizagem. Para Marques (2004) o ensino a distância tem se tornado uma maneira importante de promoção de oportunidades para as pessoas, em função da facilidade que dispõe de romper barreiras como a distância e o acesso difícil e ainda facilita que cada aluno faça o seu horário de acordo com o tempo que dispõe, o que para o curso de Física EAD da UFT é importante pois o perfil do aluno é de pessoas que já estão no mercado de trabalho e algumas até já trabalham na área da educação. Nonato (2012) também acredita que essa modalidade de educação, possui imensa relevância social pois permite acesso ao sistema a aqueles que vem sido excluídos do processo educacional superior público, por morarem longe da Universidade ou que estão impossibilitados de frequentarem cursos presenciais por falta de horários para aulas tradicionais, já que na modalidade de ensino EAD o aluno decide seu próprio ritmo de estudo. Porém nesta modalidade nem tudo é tão bom, pois é necessário que o aluno tenha autonomia para isso, pois a mesma flexibilidade pode ser uma vantagem ou desvantagem para aquele aluno que não tem hábito de estudo independente e disciplina. As escolas onde atuam o PIBID Física EAD/UFT alem de possuírem grandes diferenças por estarem situadas em regiões com diferente desenvolvimento econômico e social, ainda apresentam diferenças de infraestrutura e seus alunos possuem diferenças culturais grande, em função dos fatores acima apresentados. Em função dessas diferenças estas 04 escolas necessitam de um olhar diferenciado para cada uma e ações bem distintas e únicas. O projeto PIBID Física EAD/UFT tem diversas ações e atividades que já foram cumpridas conforme o cronograma do projeto e outras que ainda serão realizadas. Dentre as atividades propostas no projeto que já foram realizadas estão : Atividade 1-Estudo do Programa PIBID e subprojeto PIBID Física EAD/UFT Atividade 2- Inserção dos licenciandos no ambiente escolar que foi realizada em 4 etapas com observações e conversas informais. Etapa 1- Estudo do Projeto Político Pedagógico da escola, onde cada aluno realizou um estudo detalhado do projeto da escola onde atua, assim como o

6 6 projeto das outras escolas envolvidas, através desta troca de saberes pode-se destacar as semelhanças entre os projetos e diferenças. Etapa 2- Mapeamento das atividades e dinâmica escolar com conhecimento de outros projetos inseridos nas escolas, seus problemas e sucessos. Etapa 3- Levantamento da infraestrutura física e pessoal para melhor entendimento da realidade disponível para o trabalho. Etapa 4- Pesquisa sobre a metodologia utilizada pelos atuais professores da disciplina de física. Atividade 3- Elaboração de um questionário para coleta dados sobre o perfil dos professores e estudantes para apresentarem um panorama da educação em Física nestas escolas situadas em pontos diferentes do Estado e com realidades muito diferentes. Este perfil será obtido a partir de dados coletados com questionários, assim como a partir de relatos das experiências dos pibidianos. Atividade 4- Aplicação do questionário a todos os alunos do ensino médio destas escolas. As atividades mencionadas acima proporcionaram ao aluno bolsita um maior conhecimento da realidade da escola, proporcionando uma melhor reflexão sobre o universo escolar e sua prática de ensino. E ainda possibilitaram conforme Carvalho, 2012 proporcionar ao aluno PIBID o contato direto com a realidade presente em sala de aula e o conhecimento da profissão. Além destas atividades nesta primeira fase do projeto, esta sendo aplicado um questionário aos alunos envolvidos no projeto desses 4 escolas, que são em torno de 3000, quanto aos professores que atuam com a disciplina de física que são aproximadamente 25, para posteriormente serem traçadas estratégias de ensino individualizadas, não apenas respeitando e levando muito em consideração as diferenças entre as escolas envolvidas no projeto, quanto também as diferenças por séries e turmas. Essas estratégias levarão em conta os dados coletados na pesquisa que incluem também aspectos, econômicos, sociais, culturais e ambientais de cada aluno e visarão dar apoio pedagógico, fortalecer a atividades compartilhada, o compromisso com a ética, meio ambiente e cidadania, tentarão inovar as práticas de ensino, relacionar teoria e prática, traçar experiências e possibilitar uma maior interdisciplinaridade, todas estas estratégias objetivando melhoria da qualidades da escola, maior aprendizado do aluno,

7 7 uma formação continuada dos professores que atuam nestas escolas e principalmente a qualidades do futuro professor de física e atual bolsista PIBID. As primeiras etapas do projeto foram cumpridas e após análise dos dados dos questionários, serão elaboradas para cada escola de forma individualizada as estratégias para a melhoria da aprendizagem podendo estas estratégia serem monitorias, atividade teórico- práticas com materiais de baixo custo usados no cotidiano destes alunos, kits experimentais, jogos didáticos, além de feira de ciências, sessões de filmes e visitas técnicas a universidade quando possível. CONSIDERAÇÕES FINAIS Os cursos na modalidade EAD em muitos casos sofre um pouco de pré conceito quando comparados aos cursos presenciais, assim como o PIBID EAD, para Nonato, 2012 embora seja uma modalidade com desenvolvimento e aceitação recente, vem crescendo e ganhando credibilidade no nosso meio, possibilitando atingir mais alunos e se firmando como forma efetiva de educação. Para Alves (2003): [...] pensar a Educação à Distancia no contexto atual exige, de nós educadores, uma reflexão mais ampla, que englobe o repensar dos próprios conceitos de educação e tecnologia, de forma integrada, no sentido de se criar propostas pedagógicas que incorporem as potencialidade que as novas tecnologia, em especial as de suporte digital, trazem para o processo coletivo de construção do conhecimento.(alves, 2003 p. 6) Embora o subprojeto do PIBID Física EAD ainda se encontre em processo de construção das suas ações, este tem se mostrado muito promissor, tanto pela participação dos bolsistas em suas atividades presenciais nas escolas, quanto pela participação destes nos ambientes virtuais. A distância entre a escola, bolsista e coordenação que se apresentava como um dificuldade inicial podendo atrapalhar as atividades, se mostrou não ser problema tão grande para o funcionamento e organização das atividades pois o compartilhamento de experiências esta ocorrendo internamente entre os 4 grupos das diferentes escolas, assim como entre esses diferentes grupos e também com as coordenações. As metas estão sendo alcançadas e o cronograma de atividades cumprido. As parcerias escolas e UFT estão sendo muito bem executada e pode ainda ser mais fortalecido o que nos traz certeza de sucesso do trabalho e melhoria da qualidade

8 8 de ensino tanto dos bolsista graduandos e supervisores assim como dos alunos do Ensino Médio. A troca de saberes esta ocorrendo em ambas as vias do processo educador e educando, o que torna embora com pouco tempo de atuação o subprojeto PIBID Física EAD/UFT de extrema relevância. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS ALMEIDA, M. B. B (2001) Educação à distancia no Brasil: diretrizes políticas, fundamentos e práticas. Disponível em: cecemca.rc.unesp.br/cecemca/ead/artigos/artigosbethalmeida. RIBIE.pdf. Acesso em: 20 nov ALVES, L; NOVA, C. Educação à Distância: Limites e Possibilidades, In:Educação à distância: Uma nova concepção de aprendizado e interatividade. São Paulo: Futura, 2003, p CARVALHO, A. D.; SOUSA, J. S; ANDRADE, M.M. O Pibid na formação inicial dos licenciandos de biologia da educação a distancia: construindo saberes da docência. In. Anais do XXI Encontro de pesquisa em educação do Norte e Nordeste. Pernambuco: EPENN, COORDENAÇÃO de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior CAPES. Educação Básica. PIBID. Disponível em: <http.//www.capes.gov.br/educaçãobasica/capespibid>. Acesso em 23 set GARCIA, M. C. Aprender a ensiñar para la sociedad Del conocimento. Educational Policy Analysis. Archives, vol 10 nº 35, MARQUES, C. da Folha on Line. A Educação à distância em instituições de Ensino Superior. Disponível em: www1.folha.uol.br/.../educaçãoadistanciavantagensedesvantagens. Acesso: 19 de Nov NONATO, H. P.; PINTO, E. N. (2012) Educação à distância. Vantagens e Desvantagens. Disponível em: Acesso em 17 nov 2014

9 9 PIMENTA, S. G. O estágio na formação de professores: unidade teórica e prática. 3ª Ed. São Paulo: Cortez, PROJETO.SUBPROJETO/ Palmas. Física Licenciatura, modalidade EAD. Edital nº061/2013, CAPES/DEB. REALI, A. M. M. R; TANCREDI, R. <. S. P; MIZUKAMI, M. G. N. Programa de mentoria on line para professors iniciante: Fases de um Processo. Caderno de Pesquisas (Fundação Carlos Chagas. Impresso). v. 40, p , UNIVERSIDADE Federal do Tocantins. Programas Institucionais. PIBID. Disponível em: <http://www.site.uft.edu.br/graduação/palmas/pibid.htmt>. Acesso em:07 maio 2014.

PERFIL DAS ESCOLAS TRABALHADAS NO PIBID DE FÍSICA/EAD NA UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS Regina Lélis de Sousa

PERFIL DAS ESCOLAS TRABALHADAS NO PIBID DE FÍSICA/EAD NA UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS Regina Lélis de Sousa PERFIL DAS ESCOLAS TRABALHADAS NO PIBID DE FÍSICA/EAD NA UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS Regina Lélis de Sousa Curso de Licenciatura em Física da Universidade Federal do Tocantins rlsousa@uft.edu.br

Leia mais

PIBID - Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência

PIBID - Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência O Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência PIBID é um programa de incentivo e valorização do magistério e de aprimoramento do processo de formação de docentes para a educação básica, vinculado

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II Edital Pibid n /2012 CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II EDITAL Nº 001/2011/CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

ENSINO DIGITAL E INOVAÇÃO: PANORAMA EAD FURG POSSIBILIDADES E DESAFIOS

ENSINO DIGITAL E INOVAÇÃO: PANORAMA EAD FURG POSSIBILIDADES E DESAFIOS ENSINO DIGITAL E INOVAÇÃO: PANORAMA EAD FURG POSSIBILIDADES E DESAFIOS Profa. Dra. Ivete Martins Pinto Secretária Geral de Educação a Distância Coordenadora UAB/FURG Presidente da Associação Universidade

Leia mais

USO DE TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO PARA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA REDE PÚBLICA: A EXPERIÊNCIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS.

USO DE TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO PARA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA REDE PÚBLICA: A EXPERIÊNCIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS. USO DE TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO PARA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA REDE PÚBLICA: A EXPERIÊNCIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS. Elaine Jesus Alves UFT elainealves@uft.edu.br Introdução

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II Edital Pibid n /2012 CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

EDITAL PIBID-FUNEC SELEÇÃO DE PROFESSORES SUPERVISORES PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID

EDITAL PIBID-FUNEC SELEÇÃO DE PROFESSORES SUPERVISORES PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID EDITAL PIBID-FUNEC SELEÇÃO DE PROFESSORES SUPERVISORES PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID A FUNEC Fundação Municipal de Educação e Cultura de Santa Fé do Sul, através

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID DETALHAMENTO DO SUBPROJETO 1. Unidade: 2. Área do Subprojeto: Dourados 3. Curso(s) envolvido(s) na proposta: Interdisciplinar Obs.: Para

Leia mais

Orientador (Universidade) Licenciando (Formação inicial) Supervisor (Escola Pública, Formação continuada

Orientador (Universidade) Licenciando (Formação inicial) Supervisor (Escola Pública, Formação continuada POLÍTICAS PUBLICAS PARA A FORMAÇÃO DE PROFESSORES NO BRASIL: os programa PIBID e PRODOCÊNCIA MARIA ISABEL MONTANDON MUS/UnB Programas da CAPES-DEB (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior

Leia mais

1 Centro Educacional Municipal São José 1 Colégio Estadual de Valença 1

1 Centro Educacional Municipal São José 1 Colégio Estadual de Valença 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO MEC COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR-CAPES INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAHIA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL

Leia mais

NÚCLEO DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA E ENSINO DE FÍSICA E AS NOVAS TECNOLOGIAS NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES

NÚCLEO DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA E ENSINO DE FÍSICA E AS NOVAS TECNOLOGIAS NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES NÚCLEO DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA E ENSINO DE FÍSICA E AS NOVAS TECNOLOGIAS NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES Edson Crisostomo dos Santos Universidade Estadual de Montes Claros - UNIMONTES edsoncrisostomo@yahoo.es

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID DETALHAMENTO DO SUBPROJETO 1. Unidade: 2. Área do Subprojeto: Dourados 3. Curso(s) envolvido(s) na proposta: Letras - Inglês Obs.: Para proposta

Leia mais

EDITAL PIBID-FUNEC - Nº 001/2015 SELEÇÃO DE PROFESSORES SUPERVISORES PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID

EDITAL PIBID-FUNEC - Nº 001/2015 SELEÇÃO DE PROFESSORES SUPERVISORES PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID EDITAL PIBID-FUNEC - Nº 001/2015 SELEÇÃO DE PROFESSORES SUPERVISORES PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID A FUNEC Fundação Municipal de Educação e Cultura de Santa Fé do

Leia mais

FUNDAÇÃO CARMELITANA MÁRIO PALMÉRIO FACIHUS FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS Educação de qualidade ao seu alcance SUBPROJETO: PEDAGOGIA

FUNDAÇÃO CARMELITANA MÁRIO PALMÉRIO FACIHUS FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS Educação de qualidade ao seu alcance SUBPROJETO: PEDAGOGIA SUBPROJETO: PEDAGOGIA Alfabetizar letrando com as tecnologias INTRODUÇÃO A escola necessita formar seu aluno a aprender a ler o mundo, ter autonomia para buscar seu conhecimento, incentivá-lo a ser autor

Leia mais

Centro Acadêmico Paulo Freire - CAPed Maceió - Alagoas - Brasil ISSN: 1981-3031

Centro Acadêmico Paulo Freire - CAPed Maceió - Alagoas - Brasil ISSN: 1981-3031 OS SENTIDOS DO PIBID PARA A FORMAÇÃO DOCENTE PARA LICENCIANDOS DOS CURSOS DE LETRAS/PORTUGUÊS E CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DO IFAL/POLO MACEIÓ APROXIMAÇÕES INICIAIS Leonara Evangelista de Figueiroa Leonara100@gmail.com

Leia mais

Termo de Referência para contratação de consultor na modalidade Produto

Termo de Referência para contratação de consultor na modalidade Produto TÍTULO DO PROJETO: Fortalecimento da capacidade institucional com vistas a melhoria dos processos de monitoramento e avaliação dos programas de fomento voltados para a Educação Básica e para o Ensino Superior

Leia mais

RELATO DO PROJETO OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO. GT 06 Formação de professores de Matemática: práticas, saberes e desenvolvimento profissional

RELATO DO PROJETO OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO. GT 06 Formação de professores de Matemática: práticas, saberes e desenvolvimento profissional RELATO DO PROJETO OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO GT 06 Formação de professores de Matemática: práticas, saberes e desenvolvimento profissional Maria Madalena Dullius, madalena@univates.br Daniela Cristina Schossler,

Leia mais

Fundação Carmelitana Mário Palmério - FUCAMP Faculdade de Ciências Humanas e Sociais - FACIHUS Educação de qualidade ao seu alcance

Fundação Carmelitana Mário Palmério - FUCAMP Faculdade de Ciências Humanas e Sociais - FACIHUS Educação de qualidade ao seu alcance SUBPROJETO DE LETRAS PORTUGUÊS/ESPANHOL O ensino da língua espanhola no contexto da escola pública INTRODUÇÃO Este plano procura articular-se de forma integrada com o plano de trabalho institucional, que

Leia mais

CONSELHO UNIVERSITÁRIO

CONSELHO UNIVERSITÁRIO P R O P O S T A D E P A R E C E R CONSELHO UNIVERSITÁRIO PROCESS0 Nº: 007/2014 ASSUNTO: Proposta de texto Construção de Políticas e Práticas de Educação a Distância a ser incluído no Plano de Desenvolvimento

Leia mais

ANAIS DA 66ª REUNIÃO ANUAL DA SBPC - RIO BRANCO, AC - JULHO/2014

ANAIS DA 66ª REUNIÃO ANUAL DA SBPC - RIO BRANCO, AC - JULHO/2014 1 ANAIS DA 66ª REUNIÃO ANUAL DA SBPC - RIO BRANCO, AC - JULHO/2014 O Pibid: ações de formação de professores que impactam a escola e a universidade Maurivan Güntzel Ramos mgramos@pucrs.br O presente texto

Leia mais

como tutor, com a finalidade de estimular o processo de aprendizagem dos estudantes da

como tutor, com a finalidade de estimular o processo de aprendizagem dos estudantes da PROJETO FEIRA DE ITABAIANA: RELATOS DE UMA ATIVIDADE E SUAS CONTRIBUIÇÕES PARA A FORMAÇÃO DO FUTURO PROFESSOR Crislaine Barreto de Gois (UFS) 1 Antônio Carlos Pinto Oliveira (UFS) Sérgio Matos Santos (UFS)

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II EDITAL Nº 001/2011/CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

A Prática Educativa na EAD

A Prática Educativa na EAD A Prática Educativa na EAD A Prática Educativa na EAD Experiências na tutoria em EAD Disciplina de Informática Educativa do curso de Pedagogia da Ufal nos pólos de Xingó, Viçosa e São José da Laje (2002-2004).

Leia mais

SERVIÇO SOCIAL MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO. 2º Semestre de 2012

SERVIÇO SOCIAL MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO. 2º Semestre de 2012 SERVIÇO SOCIAL MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO 2º Semestre de 2012 COORDENAÇÃO GERAL Diretor Geral Prof. Adalberto Miranda Distassi Coordenadoria Geral de Estágios Prof. Ricardo Constante Martins Coordenador

Leia mais

RELATÓRIO DE TRABALHO DOCENTE SETEMBRO DE 2012 EREM LUIZ DELGADO

RELATÓRIO DE TRABALHO DOCENTE SETEMBRO DE 2012 EREM LUIZ DELGADO UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PERNAMBUCO PIBID PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA JOÃO PAULO M. DE SOUZA MÔNICA SANTOS RELATÓRIO DE TRABALHO DOCENTE SETEMBRO DE 2012 EREM LUIZ DELGADO RECIFE

Leia mais

EDITAL 02/2013 - PIBID-CAPES-UNISAL PARA SELEÇÃO DE LICENCIANDOS DE HISTÓRIA E PSICOLOGIA

EDITAL 02/2013 - PIBID-CAPES-UNISAL PARA SELEÇÃO DE LICENCIANDOS DE HISTÓRIA E PSICOLOGIA EDITAL 02/2013 - PIBID-CAPES-UNISAL PARA SELEÇÃO DE LICENCIANDOS DE HISTÓRIA E PSICOLOGIA O UNISAL Centro Universitário Salesiano de São Paulo no uso de suas atribuições, por meio da Pró-Reitoria Acadêmica,

Leia mais

10º Congreso Argentino y 5º Latinoamericano de Educación Física y Ciencias

10º Congreso Argentino y 5º Latinoamericano de Educación Física y Ciencias 10º Congreso Argentino y 5º Latinoamericano de Educación Física y Ciencias 1 Programa Institucional de Bolsa a Iniciação a Docência do Curso de Educação Física Licenciatura da Universidade Federal de Santa

Leia mais

PESQUISA AÇÃO: ACOMPANHANDO OS IMPACTOS DO PIBID NA FORMAÇÃO DOCENTE

PESQUISA AÇÃO: ACOMPANHANDO OS IMPACTOS DO PIBID NA FORMAÇÃO DOCENTE PESQUISA AÇÃO: ACOMPANHANDO OS IMPACTOS DO PIBID NA FORMAÇÃO DOCENTE Rafaela Souza SANTOS, Valquiria Rodrigues do NASCIMENTO, Dayane Graciele dos SANTOS, Tamíris Divina Clemente URATA, Simara Maria Tavares

Leia mais

A INICIAÇÃO À DOCÊNCIA NA VIDA ACADÊMICA E NO AUXÍLIO DE EDUCANDOS DA ESCOLA PÚBLICA

A INICIAÇÃO À DOCÊNCIA NA VIDA ACADÊMICA E NO AUXÍLIO DE EDUCANDOS DA ESCOLA PÚBLICA A INICIAÇÃO À DOCÊNCIA NA VIDA ACADÊMICA E NO AUXÍLIO DE EDUCANDOS DA ESCOLA PÚBLICA Kellyn Brenda Chriezanoski Carneiro 1 Rejane Klein 2 Resumo: O presente trabalho tem como objetivo apresentar um breve

Leia mais

Mostra de Projetos 2011. A Universidade e a Comunidade de Mãos Dadas

Mostra de Projetos 2011. A Universidade e a Comunidade de Mãos Dadas Mostra de Projetos 2011 A Universidade e a Comunidade de Mãos Dadas Mostra Local de: Arapongas. Categoria do projeto: Projetos em implantação, com resultados parciais. Nome da Instituição/Empresa: (campo

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE FURG PIBID 2014 SUBPROJETO: Interdisciplinar Coordenador de área: Profª. Dra. Elaine Corrêa Pereira

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE FURG PIBID 2014 SUBPROJETO: Interdisciplinar Coordenador de área: Profª. Dra. Elaine Corrêa Pereira UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE FURG PIBID 2014 SUBPROJETO: Interdisciplinar Coordenador de área: Profª. Dra. Elaine Corrêa Pereira Projeto de trabalho Toda criança tem um repertório de conhecimentos

Leia mais

EDITAL Nº 02/2014 PIBID/COPEFOR/ PROGRAD/UFPR SELEÇÃO DE SUPERVISORES DO PIBID

EDITAL Nº 02/2014 PIBID/COPEFOR/ PROGRAD/UFPR SELEÇÃO DE SUPERVISORES DO PIBID MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ PRO-REITORIA DE GRADUAÇÃO E EDUCAÇÃO PROFISSIONAL Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência PIBID/UFPR EDITAL Nº 02/2014 PIBID/COPEFOR/

Leia mais

BOLSISTAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA

BOLSISTAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRO-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II EDITAL Nº 001/2011/CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA. Programas e ações da Capes

FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA. Programas e ações da Capes FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA Programas e ações da Capes CAPES - atribuições (Lei 11.502/2007) No âmbito da educação superior Subsidiar o Ministério da Educação na formulação de políticas

Leia mais

A PRÁTICA DE MONITORIA PARA PROFESSORES EM FORMAÇÃO INICIAL DE LÍNGUA INGLESA DO PIBID

A PRÁTICA DE MONITORIA PARA PROFESSORES EM FORMAÇÃO INICIAL DE LÍNGUA INGLESA DO PIBID A PRÁTICA DE MONITORIA PARA PROFESSORES EM FORMAÇÃO INICIAL DE LÍNGUA INGLESA DO PIBID Victor Silva de ARAÚJO Universidade Estadual da Paraiba sr.victorsa@gmail.com INTRODUÇÃO A monitoria é uma modalidade

Leia mais

AS CONTRIBUIÇÕES DO CENTRO DE APOIO POPULAR ESTUDANTIL DO TOCANTINS PARA A SOCIEDADE PORTUENSE

AS CONTRIBUIÇÕES DO CENTRO DE APOIO POPULAR ESTUDANTIL DO TOCANTINS PARA A SOCIEDADE PORTUENSE AS CONTRIBUIÇÕES DO CENTRO DE APOIO POPULAR ESTUDANTIL DO TOCANTINS PARA A SOCIEDADE PORTUENSE Cleudimar Pereira Dias Benvinda Barros Dourado (Orientadora) O Centro de Apoio Popular Estudantil do Tocantins

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR 1. Como são os cursos ofertados pela plataforma freire e quais os benefícios para os professores que forem selecionados? O professor sem formação poderá estudar nos

Leia mais

NÚCLEO DE APOIO DIDÁTICO E METODOLÓGICO (NADIME)

NÚCLEO DE APOIO DIDÁTICO E METODOLÓGICO (NADIME) NÚCLEO DE APOIO DIDÁTICO E METODOLÓGICO (NADIME) Palmas 2010 1. Apresentação O Núcleo de Apoio Didático e Metodológico NADIME é o órgão da Faculdade Católica do Tocantins responsável pela efetivação da

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ CÂMPUS TELÊMACO BORBA REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA Telêmaco Borba,

Leia mais

DIREITOS HUMANOS, JUVENTUDE E SEGURANÇA HUMANA

DIREITOS HUMANOS, JUVENTUDE E SEGURANÇA HUMANA DIREITOS HUMANOS, JUVENTUDE E SEGURANÇA HUMANA FARIAS, Maria Lígia Malta ¹ SOUSA, Valéria Nicolau de ² TANNUSS, Rebecka Wanderley ³ Núcleo De Cidadania e Direitos Humanos/ PROEXT RESUMO O Projeto de Extensão

Leia mais

EDITAL N 03/2014 SELEÇÃO DE BOLSISTAS SUPERVISORES DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/CAPES/FAPE

EDITAL N 03/2014 SELEÇÃO DE BOLSISTAS SUPERVISORES DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/CAPES/FAPE EDITAL N 03/2014 SELEÇÃO DE BOLSISTAS SUPERVISORES DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/CAPES/FAPE A Direção da Faculdade de Presidente Epitácio, conjuntamente com a Coordenação

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID DETALHAMENTO DO SUBPROJETO 1. Unidade: 2. Área do Subprojeto: Maracaju 3. Curso(s) envolvido(s) na proposta: Pedagogia Obs.: Para proposta

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II Edital Pibid n /2012 CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

PROGRAMA Disciplina: Estágio Supervisionado I OBJETIVOS

PROGRAMA Disciplina: Estágio Supervisionado I OBJETIVOS UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO UPE CAMPUS PETROLINA PROGRAMA Disciplina: Estágio Supervisionado I Código da Disciplina: Obrigatória: Sim Eletiva: Não Carga Horária Semestral: 90 Número de Créditos: 03 Pré-requisito:

Leia mais

ESTRATÉGIAS NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS NA PERSPECTIVA DAS NOVAS TECNOLOGIAS

ESTRATÉGIAS NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS NA PERSPECTIVA DAS NOVAS TECNOLOGIAS 1 ESTRATÉGIAS NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS NA PERSPECTIVA DAS NOVAS TECNOLOGIAS INTRODUÇÃO Marilda Coelho da Silva marildagabriela@yahoo.com.br Mestrado Profissional Formação de Professores UEPB As

Leia mais

SELEÇÃO DE LICENCIANDOS

SELEÇÃO DE LICENCIANDOS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência- PIBID TERMO ADITIVO EDITAL Nº 01/2014 P ROACAD/PIBID/2014 SELEÇÃO DE LICENCIANDOS A

Leia mais

Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência-PIBID/UEPB Edital 002/2014

Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência-PIBID/UEPB Edital 002/2014 Pró-Reitoria de Graduação - PROGRAD Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência-PIBID/UEPB Edital 002/2014 Seleção de Bolsistas de Iniciação à Docência A Universidade Estadual da Paraíba UEPB,

Leia mais

Envelhecimento e Saúde da Pessoa Idosa, a mediação pedagógica na educação a distância no acompanhamento virtual dos tutores

Envelhecimento e Saúde da Pessoa Idosa, a mediação pedagógica na educação a distância no acompanhamento virtual dos tutores Envelhecimento e Saúde da Pessoa Idosa, a mediação pedagógica na educação a distância no acompanhamento virtual dos tutores Caracterização do problema: No ano de 2006, o Ministério da Saúde e as Secretarias

Leia mais

Educação a Distância: uma alternativa para a UFBA? Introdução

Educação a Distância: uma alternativa para a UFBA? Introdução Educação a Distância: uma alternativa para a UFBA? Nicia Cristina Rocha Riccio nicia@ufba.br Introdução Com o advento das tecnologias de informação e comunicação (TICs) a Educação a Distância (EAD) ganha

Leia mais

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA EM SAÚDE MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO PÓS-GRADUAÇÃO

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA EM SAÚDE MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO PÓS-GRADUAÇÃO FORMAÇÃO PEDAGÓGICA EM SAÚDE MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO PÓS-GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO GERAL Diretor Geral Prof. Adalberto Miranda Distassi Coordenador Geral de Estágio: Prof. Ricardo Constante Martins

Leia mais

REFLEXÕES SOBRE A PRÁTICA DE ENSINO EM UM CURSO DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA A DISTÂNCIA

REFLEXÕES SOBRE A PRÁTICA DE ENSINO EM UM CURSO DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA A DISTÂNCIA REFLEXÕES SOBRE A PRÁTICA DE ENSINO EM UM CURSO DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA A DISTÂNCIA Telma Aparecida de Souza Gracias Faculdade de Tecnologia Universidade Estadual de Campinas/UNICAMP telmag@ft.unicamp.br

Leia mais

Por Talamira Taita Rodrigues Brito

Por Talamira Taita Rodrigues Brito Programas acadêmicos e o ensino de graduação: estratégias para o fortalecimento da formação - Panorama da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia UESB Por Talamira Taita Rodrigues Brito Localização

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID ESPANHOL

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID ESPANHOL PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID ESPANHOL A língua espanhola na Educação Básica A implantação da língua espanhola por meio da lei federal 11.161, que diz respeito à sua oferta

Leia mais

A importância da Educação à Distância para o desenvolvimento Profissional no ensino superior

A importância da Educação à Distância para o desenvolvimento Profissional no ensino superior A importância da Educação à Distância para o desenvolvimento Profissional no ensino superior Janaína Batista da Silva Larissa Horrara de Almeida Leonardo Lopes Liliana Oliveira Palhares da Silva Luciana

Leia mais

FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA: UMA PROPOSTA UTILIZANDO TECNOLOGIAS

FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA: UMA PROPOSTA UTILIZANDO TECNOLOGIAS I Mostra de Iniciação Científica I MIC 23 e 24 de setembro de 2011 Instituto Federal Catarinense Campus Concórdia Concórdia SC INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE CAMPUS CONCÓRDIA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES

Leia mais

RELATÓRIO DE TRABALHO DOCENTE NOVEMBRO DE 2012 EREM ANÍBAL FERNANDES

RELATÓRIO DE TRABALHO DOCENTE NOVEMBRO DE 2012 EREM ANÍBAL FERNANDES UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PERNAMBUCO PIBID PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA FRANCISCO DE ASSIS DO NASCIMENTO RITA DE CÁSSIA GUEDES LIMA RELATÓRIO DE TRABALHO DOCENTE NOVEMBRO DE 2012

Leia mais

PROJETO TREZE HORAS: Uma Proposta Para o Ensino Médio Integrado ao Ensino Técnico

PROJETO TREZE HORAS: Uma Proposta Para o Ensino Médio Integrado ao Ensino Técnico PROJETO TREZE HORAS: Uma Proposta Para o Ensino Médio Integrado ao Ensino Técnico Vanessa Lopes da Silva 1 Leandro Marcon Frigo 2 Resumo A partir do problema dicotômico vivenciado pelo Ensino Técnico Integrado,

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/UNIFEI

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/UNIFEI PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/UNIFEI PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA CRITÉRIOS E NORMAS A Coordenadora Institucional do Programa Institucional de

Leia mais

REFLEXÕES SOBRE A FORMAÇÃO DE PROFESSORES TUTORES PARA O ENSINO DE TEATRO À DISTÂNCIA

REFLEXÕES SOBRE A FORMAÇÃO DE PROFESSORES TUTORES PARA O ENSINO DE TEATRO À DISTÂNCIA REFLEXÕES SOBRE A FORMAÇÃO DE PROFESSORES TUTORES PARA O ENSINO DE TEATRO À DISTÂNCIA Luzirene do Rego Leite, Kalina Lígia de Almeida Borba Universidade de Brasília luzirene@gmail.com; kalinaborba@gmail.com

Leia mais

Educação a distância: desafios e descobertas

Educação a distância: desafios e descobertas Educação a distância: desafios e descobertas Educação a distância: Desafios e descobertas Conteudista: Equipe Multidisciplinar Campus Virtual Cruzeiro do Sul Você na EAD Educação a distância: desafios

Leia mais

PALAVRAS-CHAVE: Rendimento escolar, fracasso escolar, prática educativa.

PALAVRAS-CHAVE: Rendimento escolar, fracasso escolar, prática educativa. 1 RENDIMENTO ESCOLAR: ACOMPANHAMENTO PEDAGÓGICO PARA ESTIMULOS À APRENDIZAGEM NO ENSINO DE FÍSICA E MATEMÁTICA. Lidiane Prestes Auad 1 Professora Orientadora: Sonia Regina Silva Duarte 2 Resumo O estudo

Leia mais

PIBID: DESCOBRINDO METODOLOGIAS DE ENSINO E RECURSOS DIDÁTICOS QUE PODEM FACILITAR O ENSINO DA MATEMÁTICA

PIBID: DESCOBRINDO METODOLOGIAS DE ENSINO E RECURSOS DIDÁTICOS QUE PODEM FACILITAR O ENSINO DA MATEMÁTICA PIBID: DESCOBRINDO METODOLOGIAS DE ENSINO E RECURSOS DIDÁTICOS QUE PODEM FACILITAR O ENSINO DA MATEMÁTICA Naiane Novaes Nogueira 1 Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia UESB n_n_nai@hotmail.com José

Leia mais

Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência PIBID ANEXO I Detalhamento do PROJETO INSTITUCIONAL TO 10.742.006.0001-98

Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência PIBID ANEXO I Detalhamento do PROJETO INSTITUCIONAL TO 10.742.006.0001-98 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB EDITAL Nº 02/2009 CAPES/DEB Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à

Leia mais

CONTRIBUIÇÕES DO PROGRAMA PIBID PARA O ESTÁGIO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

CONTRIBUIÇÕES DO PROGRAMA PIBID PARA O ESTÁGIO NA EDUCAÇÃO INFANTIL 1 CONTRIBUIÇÕES DO PROGRAMA PIBID PARA O ESTÁGIO NA EDUCAÇÃO INFANTIL Zenith Vila Nova de Oliveira UFT/ Campus de Tocantinópolis Bolsista/Pibid/Curso de Pedagogia zenithvn@hotmail.com Maria Divina Fernandes

Leia mais

Utilização do jogo didático Bingo Periódico no processo de ensinoaprendizagem de Química na Escola Estadual Professor Gerson Lopes de Apodi-RN.

Utilização do jogo didático Bingo Periódico no processo de ensinoaprendizagem de Química na Escola Estadual Professor Gerson Lopes de Apodi-RN. Utilização do jogo didático Bingo Periódico no processo de ensinoaprendizagem de Química na Escola Estadual Professor Gerson Lopes de Apodi-RN. Gustavo Daniel S. Souza (IC)1, Alidna Mosana S. de Oliveira

Leia mais

PROJETO 7. 1. Identificação do projeto

PROJETO 7. 1. Identificação do projeto PROJETO 7 1. Identificação do projeto Título:Cinema, vídeo e tridimensionalidade: o AVA-AV na integração do ensino presencial e a distância. Responsável:Dra. Ana Zeferina Ferreira Maio Vínculo institucional:professora

Leia mais

Pibid 2013 Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência

Pibid 2013 Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência Proposta Edital nº. 61/2013 Número da proposta 128395 ID Projeto - UFU Instituição de Ensino Superior Nome UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA/UFU Código INEP 17 CNPJ 25.648.387/0001-18 Categoria administrativa

Leia mais

EDITAL Nº 077/ 2014 EDITAL DE CHAMADA PARA SELEÇÃO DE ALUNOS PARA CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE PRODUÇÃO DE MATERIAIS DIDÁTICOS EJA NA DIVERSIDADE

EDITAL Nº 077/ 2014 EDITAL DE CHAMADA PARA SELEÇÃO DE ALUNOS PARA CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE PRODUÇÃO DE MATERIAIS DIDÁTICOS EJA NA DIVERSIDADE EDITAL Nº 077/ 2014 EDITAL DE CHAMADA PARA SELEÇÃO DE ALUNOS PARA CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE PRODUÇÃO DE MATERIAIS DIDÁTICOS EJA NA DIVERSIDADE A Universidade Federal do Paraná (UFPR), por meio do, da

Leia mais

A EXTENSÃO EM MATEMÁTICA: UMA PRÁTICA DESENVOLVIDA NA COMUNIDADE ESCOLAR. GT 05 Educação Matemática: tecnologias informáticas e educação à distância

A EXTENSÃO EM MATEMÁTICA: UMA PRÁTICA DESENVOLVIDA NA COMUNIDADE ESCOLAR. GT 05 Educação Matemática: tecnologias informáticas e educação à distância A EXTENSÃO EM MATEMÁTICA: UMA PRÁTICA DESENVOLVIDA NA COMUNIDADE ESCOLAR GT 05 Educação Matemática: tecnologias informáticas e educação à distância Nilce Fátima Scheffer - URI-Campus de Erechim/RS - snilce@uri.com.br

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II EDITAL Nº 001/2011/CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

DIFICULDADES DE LEITURA E ESCRITA: REFLEXÕES A PARTIR DA EXPERIÊNCIA DO PIBID

DIFICULDADES DE LEITURA E ESCRITA: REFLEXÕES A PARTIR DA EXPERIÊNCIA DO PIBID DIFICULDADES DE LEITURA E ESCRITA: REFLEXÕES A PARTIR DA EXPERIÊNCIA DO PIBID BARROS, Raquel Pirangi. SANTOS, Ana Maria Felipe. SOUZA, Edilene Marinho de. MATA, Luana da Mata.. VALE, Elisabete Carlos do.

Leia mais

GUIA DE IMPLEMENTAÇÃO DO CURRICULO ANO 2 - APROFUNDAMENTO

GUIA DE IMPLEMENTAÇÃO DO CURRICULO ANO 2 - APROFUNDAMENTO ESTRUTURA GERAL DOS ROTEIROS DE ESTUDOS QUINZENAL Os roteiros de estudos, cujo foco está destacado nas palavras chaves, estão organizados em três momentos distintos: 1º MOMENTO - FUNDAMENTOS TEÓRICOS -

Leia mais

PIBID/IFAL SELEÇÃO DE BOLSISTAS DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA CADASTRO DE RESERVA 2012.2

PIBID/IFAL SELEÇÃO DE BOLSISTAS DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA CADASTRO DE RESERVA 2012.2 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIO/ CAPES INSTITUTO FEDERAL DE ALAGOAS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Reitoria Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Reitoria Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional Edital 001/2015 SELEÇÃO DE PROFESSORES SUPERVISORES PIBID Matemática, Câmpus Curitiba A coordenação da área Matemática do projeto PIBID-UTFPR, do Curso de Licenciatura em Matemática da, Câmpus Curitiba,

Leia mais

Palavras-Chave: PIBID, Formação Inicial de Professores, Ensino de Informática.

Palavras-Chave: PIBID, Formação Inicial de Professores, Ensino de Informática. DESAFIOS DO ENSINO DA INFORMÁTICA NAS ESCOLAS PÚBLICAS: CONTRIBUIÇÕES DO PIBID NA FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES RESUMO Jéssyca Edly Messias Ribeiro (IFRN) jeh_edly@hotmail.com Jefferson Hernane da Silva

Leia mais

AS EXPERIÊNCIAS DO PIBID-FÍSICA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL, CAMPUS BENTO GONÇALVES (IFRS)

AS EXPERIÊNCIAS DO PIBID-FÍSICA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL, CAMPUS BENTO GONÇALVES (IFRS) AS EXPERIÊNCIAS DO PIBID-FÍSICA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL, CAMPUS BENTO GONÇALVES (IFRS) Camila Paese [camilapaese@gmail.com] Fernanda Endrizzi [fernandaendrizzi@hotmail.com]

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES Silva.A.A.S. Acadêmica do curso de Pedagogia (UVA), Bolsista do PIBID. Resumo: O trabalho

Leia mais

A Interdisciplinaridade como Metodologia de Ensino INTRODUÇÃO

A Interdisciplinaridade como Metodologia de Ensino INTRODUÇÃO A Interdisciplinaridade como Metodologia de Ensino O bom professor é o que consegue, enquanto fala trazer o aluno até a intimidade do movimento de seu pensamento. Paulo Freire INTRODUÇÃO A importância

Leia mais

DESENHO PEDAGÓGICO PARA A EDUCAÇÃO MULTIPROFISSIONAL NO CURSO A DISTÂNCIA DE ESPECIALIZAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA DA UNA-SUS/UNIFESP

DESENHO PEDAGÓGICO PARA A EDUCAÇÃO MULTIPROFISSIONAL NO CURSO A DISTÂNCIA DE ESPECIALIZAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA DA UNA-SUS/UNIFESP DESENHO PEDAGÓGICO PARA A EDUCAÇÃO MULTIPROFISSIONAL NO CURSO A DISTÂNCIA DE ESPECIALIZAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA DA UNA-SUS/UNIFESP São Paulo - SP - maio 2011 Rita Maria Lino Tarcia, Universidade Federal

Leia mais

COORDENADORA: Profa. Herica Maria Castro dos Santos Paixão. Mestre em Letras (Literatura, Artes e Cultura Regional)

COORDENADORA: Profa. Herica Maria Castro dos Santos Paixão. Mestre em Letras (Literatura, Artes e Cultura Regional) COORDENADORA: Profa. Herica Maria Castro dos Santos Paixão Mestre em Letras (Literatura, Artes e Cultura Regional) Universidade Federal de Roraima UFRR Brasil Especialista em Alfabetização (Prática Reflexiva

Leia mais

JOGOS MATEMÁTICOS NO ENSINO MÉDIO UMA EXPERIÊNCIA NO PIBID/CAPES/IFCE

JOGOS MATEMÁTICOS NO ENSINO MÉDIO UMA EXPERIÊNCIA NO PIBID/CAPES/IFCE JOGOS MATEMÁTICOS NO ENSINO MÉDIO UMA EXPERIÊNCIA NO PIBID/CAPES/IFCE Myrlene Oliveira Nascimento myrlene.oliveira@yahoo.com.br Janaína Marques e Melo janaina_gauss@yahoo.com.br Luiza Santos Pontello lpontello@yahoo.com.br

Leia mais

ATIVIDADES EXPERIMENTAIS PARA O ESTUDO DA ASTRONOMIA: CONSTRUINDO O SISTEMA SOLAR REDUZIDO

ATIVIDADES EXPERIMENTAIS PARA O ESTUDO DA ASTRONOMIA: CONSTRUINDO O SISTEMA SOLAR REDUZIDO ATIVIDADES EXPERIMENTAIS PARA O ESTUDO DA ASTRONOMIA: CONSTRUINDO O SISTEMA SOLAR REDUZIDO José da Silva de Lima¹; José Rodolfo Neves da Silva²; Renally Gonçalves da Silva³; Alessandro Frederico da Silveira

Leia mais

Curso de Especialização em Saúde da Família

Curso de Especialização em Saúde da Família MÓDULO: FAMILIARIZAÇÃO TECNOLÓGICA COM EAD UNIDADE 03 DOCÊNCIA E TUTORIA NA EAD Prof. Msc Rômulo Martins 2.1 Introdução A Educação a Distância, por meio dos inúmeros recursos didáticos e tecnológicos,

Leia mais

OLIMPÍADAS DE CIÊNCIAS EXATAS: UMA EXPERIÊNCIA COM ALUNOS DO ENSINO PÚBLICO E PRIVADO

OLIMPÍADAS DE CIÊNCIAS EXATAS: UMA EXPERIÊNCIA COM ALUNOS DO ENSINO PÚBLICO E PRIVADO ISSN 2177-9139 OLIMPÍADAS DE CIÊNCIAS EXATAS: UMA EXPERIÊNCIA COM ALUNOS DO ENSINO PÚBLICO E PRIVADO André Martins Alvarenga - andrealvarenga@unipampa.edu.br Andressa Sanches Teixeira - andressaexatas2013@gmail.com

Leia mais

ANEXO II EDITAL Nº 80/2013/PIBID/UFG PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

ANEXO II EDITAL Nº 80/2013/PIBID/UFG PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID ANEXO II EDITAL Nº 80/2013/PIBID/UFG PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID FORMULÁRIO DE DETALHAMENTO DO SUBPROJETO POR ÁREA DE CONHECIMENTO 1. Nome da Instituição: UNIVERSIDADE

Leia mais

O USO DO TANGRAM COMO QUEBRA-CABEÇA PARA UMA APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA SOBRE MULTIPLICAÇÃO DE POLINÔMIOS

O USO DO TANGRAM COMO QUEBRA-CABEÇA PARA UMA APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA SOBRE MULTIPLICAÇÃO DE POLINÔMIOS ISSN 2177-9139 O USO DO TANGRAM COMO QUEBRA-CABEÇA PARA UMA APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA SOBRE MULTIPLICAÇÃO DE POLINÔMIOS Morgana Fernandes da Silva 1 morganaf60@gmail.com Faculdades Integradas de Taquara,

Leia mais

SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL: SENSIBILIZANDO ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL

SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL: SENSIBILIZANDO ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL: SENSIBILIZANDO ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL Paloma Rodrigues Cunha¹, Larissa Costa Pereira¹, Luã Carvalho Resplandes², Renata Fonseca Bezerra³, Francisco Cleiton da Rocha 4

Leia mais

Palavras-chave: Escola Pública; Ensino de Geografia; Recursos didáticos. Eixo-temático: Metodologias de ensino e estágios supervisionados.

Palavras-chave: Escola Pública; Ensino de Geografia; Recursos didáticos. Eixo-temático: Metodologias de ensino e estágios supervisionados. O USO DE RECURSOS DIDÁTICOS NO ENSINO DE GEOGRAFIA PRATICADO NO COLÉGIO ESTADUAL PRESIDENTE KENNEDY DA CIDADE DE MARINGÁ, PARANÁ RESUMO Thays Zigante Furlan 1 Leonardo Dirceu de Azambuja 2 Diante das diversas

Leia mais

CURSO REDES DE COMPUTADORES ALANA CAMILA ARICLÉCIO DOMINGOS EUDES JUNIOR HILDERLENE GOMES

CURSO REDES DE COMPUTADORES ALANA CAMILA ARICLÉCIO DOMINGOS EUDES JUNIOR HILDERLENE GOMES 1 CURSO REDES DE COMPUTADORES ALANA CAMILA ARICLÉCIO DOMINGOS EUDES JUNIOR HILDERLENE GOMES CANINDÉ 2013 2 ALANA CAMILA ARICLÉCIO DOMINGOS EUDES JUNIOR HILDERLENE GOMES Trabalho realizado como requisito

Leia mais

PIBID INVESTINDO NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA. GT 01 Educação Matemática no Ensino Fundamental: Anos Iniciais e Anos Finais

PIBID INVESTINDO NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA. GT 01 Educação Matemática no Ensino Fundamental: Anos Iniciais e Anos Finais PIBID INVESTINDO NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA GT 01 Educação Matemática no Ensino Fundamental: Anos Iniciais e Anos Finais Felipe Hepp; URI-FW; felipehepp@hotmail.com Rosane Fontana Garlet;

Leia mais

COMUNICAÇÕES ORAIS. DATAS: 21 e 22/06/2001 HORÁRIO: 14h às 17h 30min LOCAL: salas do prédio 17, conj. III UNIFRA

COMUNICAÇÕES ORAIS. DATAS: 21 e 22/06/2001 HORÁRIO: 14h às 17h 30min LOCAL: salas do prédio 17, conj. III UNIFRA DATAS: 21 e 22/06/2001 HORÁRIO: 14h às 17h 30min LOCAL: salas do prédio 17, conj. III UNIFRA OBSERVAÇÕES: O tempo para apresentação dos trabalhos será de 20 minutos e 5 minutos de discussões. Serão disponibilizados

Leia mais

MAPEAMENTO E ORGANIZAÇÃO DOS PROGRAMAS E PROJETOS DE EXTENSÃO PARA A CONSTRUÇÃO DO CATÁLOGO DE EXTENSÃO DA FURG 2009-2012

MAPEAMENTO E ORGANIZAÇÃO DOS PROGRAMAS E PROJETOS DE EXTENSÃO PARA A CONSTRUÇÃO DO CATÁLOGO DE EXTENSÃO DA FURG 2009-2012 MAPEAMENTO E ORGANIZAÇÃO DOS PROGRAMAS E PROJETOS DE EXTENSÃO PARA A CONSTRUÇÃO DO CATÁLOGO DE EXTENSÃO DA FURG 2009-2012 Simone Machado Firme FURG 1 Karine Vargas Oliveira FURG 2 Michele Fernanda Silveira

Leia mais

A inserção de jogos e tecnologias no ensino da matemática

A inserção de jogos e tecnologias no ensino da matemática A inserção de jogos e tecnologias no ensino da matemática Michel da Silva Machado e-mail: michel_nick25@hotmail.com Isaque Rodrigues e-mail: isaque.max@hotmail.com Márcia Marinho do Nascimento Mello e-mail:

Leia mais

O ENSINO DE ESPANHOL COMO LE COM OS RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS NA PLATAFORMA MOODLE*

O ENSINO DE ESPANHOL COMO LE COM OS RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS NA PLATAFORMA MOODLE* 1 O ENSINO DE ESPANHOL COMO LE COM OS RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS NA PLATAFORMA MOODLE* Resumo Este trabalho se propõe a analisar o curso de extensão universitária CESB (Curso de Espanhol Básico) para

Leia mais

Palavras-chaves: Jogos matemáticos; Ensino e aprendizagem.

Palavras-chaves: Jogos matemáticos; Ensino e aprendizagem. Emanuella Filgueira Pereira Universidade Federal do Recôncavo da Bahia O JOGO NO ENSINO E APRENDIZAGEM DE MATEMÁTICA Resumo O presente artigo apresenta resultados parciais de uma pesquisa mais ampla que

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO

CURSO DE GRADUAÇÃO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO DE GRADUAÇÃO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO GUARUJÁ 2013 REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE PEDAGOGIA CAPÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO Artigo 1º - O Estágio

Leia mais

Geocassia de Fátima Souza (UERN) Marta Jussara Frutuoso da Silva (UERN)

Geocassia de Fátima Souza (UERN) Marta Jussara Frutuoso da Silva (UERN) AS CONTRIBUIÇÕES DO PIBID-ESPANHOL PARA A FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DE LÍNGUA ESPANHOLA: UMA EXPERIÊNCIA EM DUAS ESCOLAS DA CIDADE DE PAU DOS FERROS-RN Geocassia de Fátima Souza (UERN) Marta Jussara

Leia mais